Você está na página 1de 30

As Literacias do Século XXI

Biblioteca escolar: partilhar saberes, melhorar a qualidade


A informação no século XXI

http://goo.gl/Bm9p4
Obter informação da Internet é como beber de uma boca de incêndio.
A informação no século XXI

“A Tecnologia dá-nos muito gozo, mas podemos afogar-nos na nossa


tecnologia. O nevoeiro informacional pode afastar o conhecimento.”

Daniel J. Burstin
(Escritor e ensaísta. Antigo bibliotecário do Congresso Americano)
Da informação ao conhecimento

[Hugh MacLeod (gapingvoid.com)]


Literacia da Informação : historial do conceito

Primeira referência indireta à literacia da informação:

1974 – Zurkowsky refere como “information literates” as pessoas treinadas


na aplicação de recursos de informação ao seu trabalho.

1976 – Burchinal já fala num conjunto de competências exigidas para que


alguém possa ser considerado letrado em informação.
Literacia da Informação : historial do conceito

1983 – Horton refere a literacia da informação como o conjunto das


possibilidades que a tecnologia oferece no acesso e obtenção da
informação.

A partir de meados da década de 80, o conceito começa a surgir associado


ao ensino, à aprendizagem e às bibliotecas escolares.
Literacia da Informação : historial do conceito

*ALA (1989)
As pessoas letradas em informação são
“…aquelas que aprenderam a aprender. Sabem como aprender porque
sabem como o conhecimento está organizado, como encontrar a
informação e como usá-la de forma a que os outros aprendam com elas.
São pessoas preparadas para aprender ao longo da vida, porque conseguem
encontrar a informação necessária para qualquer tarefa ou decisão que lhes
surja.”

*American Library Association


Literacia da Informação : historial do conceito

* ASLA (1994)

“ A literacia da informação é mais do que a literacia do impresso, a literacia

dos computadores e a literacia dos media. Significa saber quando a

informação é necessária, onde encontrá-la, como avaliá-la e usá-la na vida

diária.”

* Australian School Library Association


Literacia da Informação : historial do conceito

Loertscher (1996)

“ Um estudante letrado em informação é um leitor ávido, um pensador

crítico, um aprendente interessado, um investigador organizado, um

comunicador eficaz, um utilizador responsável da informação e um

utilizador hábil das ferramentas tecnológicas.”


Literacia da Informação : historial do conceito

McKenzie (2000)
A literacia da informação envolve:

“∙ Explorar – requer competências de navegação assim como capacidade de


obter, analisar e selecionar dados relevantes;

∙ Interpretar – transformar dados e informação em conhecimento,


discernimento e compreensão;

∙ Criar novas ideias – desenvolvimento de novas ideias em vez de repetir as


ideias dos outros.”
Literacia da Informação : historial do conceito

Taylor (2006)

A literacia da informação é “a capacidade de reconhecer uma necessidade,


e depois de aceder, encontrar, avaliar, usar e comunicar a informação.”
Literacia da Informação : historial do conceito

UNESCO(2005)
“ A Literacia da Informação (…) é um direito humano básico num mundo
digital e promove a inclusão social de todas as nações.”

UNESCO (2005), Beacons of the Information Society


The Alexandria Proclamation on Information Literacy and Lifelong Learning
Literacia da Informação : historial do conceito

* IFLA(2006)“…o conhecimento e as capacidades necessárias para


identificar corretamente a informação necessária para realizar uma
tarefa específica ou resolver um problema, para procurar informação
eficientemente, organizá-la ou reorganizá-la, interpretá-la e organizá-la,
uma vez encontrada e recuperada (por ex. descarregada), avaliar o rigor e
a fiabilidade da informação, reconhecer eticamente as fontes das quais
ela foi obtida, se necessário comunicar e apresentar aos outros os
resultados da análise e interpretação feita, e depois utilizá-la para realizar
ações e conseguir resultados.”
* International Federation of Library Associations
Literacia da Informação : historial do conceito

*IFLA/UNESCO (2012)
“LIM [Literacia da Informação e dos Media] é definida como uma
combinação de conhecimento, atitudes, capacidades e práticas requeridas
para aceder, analisar, avaliar, usar, produzir e comunicar informação e
conhecimento de forma criativa, legal e ética, no respeito pelos direitos
humanos (…). As competências em LIM vão, assim, para além das TIC e
abarcam a aprendizagem, o pensamento crítico e as capacidades
interpretativas dentro e para além dos limites profissionais, educacionais e
sociais. A LIM inclui todos os tipos de media (orais, impressos, analógicos e
digitais) e todas as formas e formatos de recursos. “
(Declaração de Moscovo – 2012)
Literacia da Informação : Declarações Internacionais

Praga (2003) - The Prague declaration “towards an information literate society”

Alexandria (2005) - The Alexandria proclamation on information literacy and

lifelong learning

Toledo (2006) - The Toledo declaration on information literacy

Lima (2009) - Declaration of Lima

FEZ (2011) - Fez declaration on media and information literacy

Havana (2012) - Quinze ações de literacia da informação

Moscovo (2012) - The Moscow Declaration on Media and Information Literacy


Literacia da Informação e dos Media: em Portugal

Braga (2011) - Literacia dos media - Declaração de Braga


Literacia da Informação Vs Literacia Informática

Literacia informática não significa Literacia da informação.


*Estudo (jan. 2008)
A geração Google (nascidos após 1993) pode possuir altos índices de
literacia computacional, mas não tem um bom nível de literacia da
informação.

* Estudo coordenado pela British Library e pelo Joint Unformation Systems Comittee (JISC)
Literacia da Informação Vs Literacia Informática

O estudo aponta como principais problemas os seguintes aspetos:

∙Não desenvolvem boas técnicas de pesquisa para encontrar informação de


qualidade.
∙ Encontram informação na Internet com grande rapidez, mas não sabem
avaliar a qualidade da informação encontrada.
∙ Não compreendem o que é de facto a Internet: uma grande rede de
conteúdos desiguais.
Literacia da Informação : definição de standars

LI : Standards
∙ Questiona, pensa de forma crítica e adquire conhecimento.

∙ Retira conclusões, toma decisões fundamentadas, aplica o conhecimento a


novas situações e cria novo conhecimento.

∙ Partilha o conhecimento e participa de forma ética e produtiva como


membro da sociedade democrática.

∙ Promove a sua formação pessoal e cultural.


AASL (2007). Standars for the 21st Learner
Literacia da Informação: definição de standars
NECESSIDADE
∙IFLA
Decidir
Guidelines on Information Literacy for Lifelong Learning
Acesso Avaliação Uso
NECESSIDADE AVALIAÇÃO USO DA INFORMAÇÃO
∙ Decidir ∙ Analisar ∙ Aplicar
∙ Expressar ∙ Generalizar ∙ Aprender
∙ Iniciar ∙ Avaliar ∙ Usar

LOCALIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO COMUNICAÇÃO


∙ Pesquisar ∙ Categorizar ∙ Uso ético
∙ Selecionar ∙ Estruturar ∙ Reconhecer
∙ Recuperar ∙ Organizar ∙ Modelos de estilo

http://www.ifla.org/files/assets/information-literacy/publications/ifla-guidelines-en.pdf
Literacia da Informação: definição de standars

AASL: Standards para o século XXI (2007)

Investigar, pensar Tirar conclusões, tomar


1
criticamente e adquirir decisões informadas, aplicar o
2
conhecimento conhecimento a novas
situações e criar novo
conhecimento.
Partilhar conhecimento e
participar, ética e Procurar o crescimento
3 4
produtivamente, como pessoal e estético.
membros da sociedade
democrática.

http://www.ala.org/aasl/sites/ala.org.aasl/files/content/guidelinesandstandards/learningstandards/AASL_Learning_Standards_2007.pdf
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Literacia da leitura
Pensamento crítico
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Transliteracia
“Capacidade de ler, escrever e interagir através de uma diversidade de
plataformas, ferramentas e meios de comunicação, desde os signos e a
oralidade, passando pela escrita, pela imprensa, televisão, rádio e cinema,
até às redes sociais digitais.
…porque oferece uma análise mais ampla da leitura, da escrita e da
interação através de várias plataformas, ferramentas, media e culturas, a
transliteracia não substitui, mas antes contém a “literacia dos media” e
também a “literacia digital”.
Thomas, S. et al
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Transliteracia

“Transliteracia é a capacidade de comunicar sentido entre media.

[…] A transliteracia ajuda-nos a promover a literacia atravessando barreiras

tecnológicas.

Wilkinson, L.
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Literacia dos Media


Compreender e usar os mass media de forma assertiva ou não assertiva, com
uma compreensão informada e crítica acerca dos media, das técnicas que
usam e dos seus efeitos. É também a capacidade de ler, analisar, avaliar e
produzir comunicação numa variedade de formatos mediáticos (por exemplo :
televisão, imprensa, rádio, computadores etc.) . Outro entendimento do termo
é a capacidade de descodificar, analisar avaliar e produzir comunicação em

vários formatos.
Sonia Livingstone
(London School of Economics and Political Science)
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Literacia dos Media


Recomendação da Comissão Europeia de 20 de agosto de 2009:

A literacia mediática inclui todos os meios de comunicação social. O objetivo


da literacia mediática é aumentar os conhecimentos das pessoas acerca das
muitas formas de mensagens media que encontram no seu dia-a-dia.
Mensagens media são os programas, filmes, imagens, textos, sons e sítios web
que chegam até nós através de diferentes formas de comunicação.

Partnership for 21st century skills (2002).Framework for 21st century learning. Disponível em
http://www.p21.org/storage/documents/1.__p21_framework_2-pager.pdf [Acedido em 27/04/2014
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Literacia da Informação e dos Media


IFLA/Unesco (2012)

“ LIM [Literacia da Informação e dos Media] é definida como uma combinação

de conhecimento, atitudes, capacidades e práticas requeridas para aceder,

analisar, avaliar, usar, produzir e comunicar informação e conhecimento de

forma criativa, legal e ética, no respeito pelos direitos humanos (…) “


Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Literacia da Informação e dos Media


IFLA/Unesco (2012)

“As competências em LIM vão assim para além das TIC e abarcam a

aprendizagem, o pensamento crítico e as capacidades interpretativas dentro

e para além dos limites profissionais, educacionais e sociais. A LIM inclui

todos os tipos de media (orais, impressos, analógicos e digitais) e todas as

formas e formatos de recursos.”

(Declaração de Moscovo–2012)
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga
MULTILITERACIAS
Literacia da Informação e dos Media

In, UNESCO (2011), Media and Information curriculum for teachers (p. 19)
Literacias do século XXI – Um conceito que se alarga -
MULTILITERACIAS

Literacia da Informação e Transliteracia

“…a greater part of growing up takes place outside the traditional


learning environments.”

IFLA/UNESCO
(Declaração de Moscovo)