Você está na página 1de 472

“A donzela de ferro não pode ser enfrentada,

...

Bem, em qualquer lugar,

Onde quer que você esteja,

A donzela de ferro vai te pegar” !

1 Sobre o autor

Fontes de referência

2 Singles

Coletâneas

Instrumentais

“Belas Artes”

3 Curiosidades

4 Biografias

5 Iron Maiden 1980-2015

6 História
Como surgiu este e-book

Depois de curtir a banda por 30 anos, tive um estalo: “o que eles dizem, afinal?”

Lógico que o inglês básico eu domino!

Algo tipo, ah...

...“Rã-tu-de-réus, Rã-fori-or-laife”...

Então decidi criar um arquivo com as letras traduzidas,


pôr no celular e consultar,
enquanto ouço as músicas.

Vieram novas idéias, informações interessantes e, pra completar,


o lançamento do “The Book of Souls”.

Todas as resenhas dos CD‟s vieram do Whiplash.net,


e a grande maioria dos comentários explicativos sobre as músicas,
do internauta Ricardo Heavyrick (ver fontes no final).

Algumas coisas eu alterei ou eliminei, outras expandi,


mas no geral gostei das informações, e deixei como estava.

Algumas traduções precisam ser aprimoradas,


Afinal, Mr. Google Translate é onipresente
Mas não onisciente!

Obrigado, pessoal!

Para quem adora o som do Iron Maiden


(e quer ter certeza de que os caras não estão falando de rãs!),
sugiro curtir um álbum de cada vez.

Como nos velhos tempos!

As portas da “donzela” estão abertas, entre, coloque os fones e espere.

Aumente o volume do som (um pouquinho).

Sentindo o começo de alguma coisa?

As portas se fecham...

Contagem regressiva.

...Agora vai começar pra valer!


6
História
Iron Maiden, a “donzela de ferro”

Vamos situar esse grupo musical londrino, cujo primeiro LP foi lançado em 1980.

A Inglaterra, que assistira no início da década de 1970 à exuberância do rock progressivo


(Yes, Genesis, Queen) e ao despontar do rock “pesado” (Deep Purple, Led Zeppelin, Black
Sabbath), testemunhou, a partir dos idos de 1975, a crueza do movimento punk, cujos
representantes principais na Grã-Bretanha, os Sex Pistols, compuseram o hino anti-sistema
“Anarchy in the U.K.”.

Na virada da década de 70/80, esgotadas muitas das possibilidades daqueles grupos e


estilos, delineou-se o que viria a se chamar de “New Wave of British Heavy Metal”, cujo principal
representante seria o Iron Maiden. Os dois primeiros discos da banda, Iron Maiden (1980) e Killers
(1981) expõem o grupo ainda em busca de uma definição de estilo, que nessa altura abraça
influências tanto do rock progressivo quanto do punk.

Com a chegada do vocalista Bruce Dickinson, em 1982, o Iron Maiden começa a construir
uma imagem finalmente compatível com os ecos medievais que seu nome sugere, e a consolidar
seu estilo musical. Curiosamente, Dickinson fora aluno de História no Queen Mary and Westfield
College, da Universidade de Londres e, embora ele não seja o principal compositor da banda,
pode-se acreditar firmemente que seu ingresso tenha exercido forte influência nas escolhas
temáticas das canções.

O termo “Iron Maiden” (Donzela de Ferro) refere-se a um instrumento de tortura e execução,


utilizado pelo Antigo Regime, que consistia em um sarcófago cujas portas continham, em seu
interior, espetos pontiagudos. Uma vez que a vítima estivesse posicionada no interior do aparelho,
suas portas eram cerradas, trespassando-lhe o corpo – mas não em pontos letais. Assim, o
indivíduo agonizava muitas horas, às vezes dias, sofrendo dores lancinantes, até que viesse,
finalmente, a expirar.

Segundo a Wikipedia Encyclopaedia, na verdade houve apenas um Iron Maiden, em


Nuremberg, na Alemanha, e a primeira pessoa executada teria sido um forjador de moedas, em 14
de agosto de 1515. Esse tipo de inspiração mórbida é um dos componentes mais comuns do
gênero heavy metal, e pode ser detectada nas canções dos grupos que inauguraram o movimento,
como o nova-iorquino KISS (segundo algumas igrejas protestantes, abreviatura de Knights in
Satan‟s Service, “Cavaleiros a Serviço de Satã”), o australiano AC/DC (uma gíria para “bissexual”),
e os ingleses do Black Sabbath.

De fato, há vários denominadores comuns entre esses representantes do gênero, como a


presença de vocais estridentes, a morbidez dos temas, as guitarras distorcidas e, na esfera visual,
os cabelos revoltos e a indumentária confeccionada em couro e ferro – uma carapaça que guarda
talvez um parentesco com as armaduras medievais.

Chama a atenção, contudo, o fato de o Iron Maiden abordar em suas letras não apenas os
temas-cliché comuns ao gênero, como o binômio “mulheres-bebedeiras” ou o suposto culto ao
diabo (veja-se o LP The Number of the Beast, de 1982), mas por tratar de temas históricos em
suas canções.

Com efeito, as músicas com esse viés figuram de modo tão constante em sua discografia,
que é mesmo possível traçar-se uma “linha histórica”, abrangendo desde a pré-história até a
Segunda Guerra Mundial, passando por várias épocas e sublinhando os feitos tanto dos grandes
vultos da História, como os de personagens anônimos, que ganham voz através das canções.
Temos mesmo a impressão de haver certa intenção em se “fazer justiça” para com as
vítimas da história, em letras – em primeira pessoa, diga-se de passagem – como a de “Hallowed
Be Thy Name”, em que um condenado se encaminha para o cadafalso; a de “Aces High”, o relato
de um piloto da R.A.F., na Segunda Guerra Mundial; ou a de “The Trooper”, em que um
combatente da cavalaria inglesa desafia o inimigo russo para a batalha e nos detalha a própria
morte.

Embora surpresos, num primeiro momento, com a proliferação de temas históricos nas
canções do Iron Maiden, logo percebemos que, no fundo, há certos elementos que contribuem
para essa convergência.

No plano estético, por exemplo, a instrumentação do heavy metal contém um inegável


componente épico, grandiloquente, e esse suporte musical constitui um terreno fértil para as
alusões históricas, principalmente para aquelas relativas aos conflitos bélicos, em todas as suas
configurações (das lutas corpo-a-corpo às batalhas aéreas).

Estamos falando não somente das letras vociferadas, das guitarras distorcidas ou da bateria
e do contrabaixo pulsantes, que elevam os níveis de adrenalina – isso sem mencionar o volume
invariavelmente alto em que se costuma ouvir esse estilo de música –, mas também de alguns
elementos estritamente musicais, que de alguma forma, combinam perfeitamente com os temas
tratados nas canções. Alguns deles, seriam, por exemplo, os acordes quase sempre em modo
menor (que sugerem sentimentos negativos, como tristeza ou melancolia – ou mesmo morbidez), o
andamento acelerado em que as canções são executadas ou a longa duração das faixas,
apropriada para os extensos relatos históricos.

Tendo apresentado algumas das características gerais do heavy metal, contextualizando-o


historicamente, e o modo como o Iron Maiden se diferencia dos demais grupos pelos temas
retratados em suas canções, debrucemo-nos, agora, de modo sucinto, sobre aquelas que
compõem a “linha histórica” a que nos referimos.

Diversas canções do Iron Maiden envolvem temas históricos. “Powerslave” (sobre a


escravidão no Egito Antigo), “Genghis Khan” (sobre o guerreiro mongol), “Invadiers” (acerca das
invasões dos nórdicos às Ilhas Britânicas), “The Duellists” (que relata um duelo entre cavaleiros na
Idade Média) e “The Trooper” (inspirada no poema “The Charge of the Light Brigade”, de
Tennyson, sobre a Batalha de Balaclava, durante a Guerra da Criméia, 1854-1856), ... a lista é
longa!

Vejamos cinco canções, ilustrativas de diferentes períodos históricos: “Quest for Fire”,
“Alexander the Great”, “Hallowed Be Thy Name”, “Run to the Hills” e “Aces High”.

Quest for Fire

Esta canção, composta para o álbum Piece of Mind, de 1983 (um trocadilho com “paz de
espírito”), trata da busca pelo fogo pelas tribos pré-históricas, e de como essa fonte de calor e luz
foi o pivô de sangrentas batalhas. O cenário descrito é inóspito; logo, o tema-chave da canção é
apresentado: o caráter heróico do homem é exaltado. Perceberemos essa preocupação nas
demais canções ora analisadas.

O baixista Steve Harris, responsável pela maioria das composições do grupo, autor da
canção, revela a ignorância dessas tribos pré-históricas quanto à técnica de se esfregar gravetos e
pedras a fim de se obter a chama. Assim, essas tribos nômades, em vez de produzirem o próprio
fogo, percorriam longas distâncias para conquistar, por meio da luta mais primitiva, essa fonte de
calor e luz, fechando-se, assim, o “ciclo de ferozes batalhas” a que alude a letra.
Alexander the Great

Saltemos para o ano de 334aC, quando Alexandre Magno torna-se soberano da Macedônia.
O caráter épico do tema está em perfeita consonância com o estilo grandioso do arranjo e com a
duração da faixa (8‟34‟)‟, com direito até a uma introdução “falada” por seu pai, o Rei Felipe II.

Novamente, o heroísmo sobressai como valor inerente ao homem, elevando-o, neste caso, à
condição de semi-deus. É o que se apreende pelo refrão: “Alexander the Great / His name struck
fear into hearts of men / Alexander the Great / Became a legend „mongst mortal men”.

A letra em si é menos poética (um caráter surpreendentemente constante nas canções do


Iron Maiden) que didática. Ao cotejarmos a biografia de Alexandre Magno com a letra da canção,
temos a nítida impressão de que ela foi organizada de modo a descrever, passo a passo, os
episódios de sua vida e suas principais conquistas.

Após a introdução, em que Felipe II aconselha o filho a buscar “um reino maior para si”,
tece-se toda a biografia de Alexandre, a começar pela localização geográfica da Macedônia e pelo
seu nascimento. A partir daí, conta-se que Alexandre tornou-se rei aos dezenove anos; que
prometeu conquistar toda a Ásia Menor; e que derrotou os exércitos persas de Dario em 334aC.

A letra registra ainda a fundação de Alexandria; a batalha contra Dario às margens do Tigre,
quando, tomando Persépolis, pilhou os tesouros da capital persa; o episódio em que parte com sua
espada o nó górdio; e, finalmente, fala de sua morte na Babilônia, causada por uma febre.

Hallowed Be Thy Name

“Santificado Seja o Vosso Nome”, título da canção, evoca uma aura religiosa que logo se
confirma: trata-se da execução de um criminoso, provavelmente de um herege, pela Inquisição. A
letra, escrita em primeira pessoa, carrega um tom confessional; é como se estivéssemos junto ao
condenado, que nos fala de seus sentimentos à medida que as horas que o separam de seu fim
transcorrem.

A introdução é cantada lentamente, sublinhada por uma escala descendente tocada na


guitarra e marcada pelo badalar de um sino que anuncia mais uma execução.

O tom lamurioso e resignado dessa primeira passagem é bruscamente interrompido pela


entrada dos instrumentos – um recurso recorrente no heavy metal – e o eu lírico agora entoa seu
lamento uma oitava acima do tom original, utilizando uma impostação agressiva. Após alguns
versos em que se percebe um eu lírico temeroso e ao mesmo tempo revoltado, a letra nos revela
um inesperado desfecho: ao contrário do que acontece nas canções desse gênero, em que se
alude à morte de um ponto de vista niilista, o tema subjacente de “Hallowed Be Thy Name” é a
crença na imortalidade da alma.

Run to the Hills

A política de ocupação territorial norte-americana (entre 1791, ano de criação do Estado de


Vermont, e 1853, quando se realizou a Convenção de Gadsden) resultou no extermínio de milhares
de ameríndios. É esse o tema de “Run to the Hills”, que traz duas ópticas distintas: a do homem
branco e a dos “peles vermelhas”.

Novamente, a tônica recai no heroísmo, neste caso, dos índios, que resistiram bravamente
ao ataque (contra o pseudo-heroísmo do colonizador). É disto que trata a primeira parte da letra.

Em oposição a essa visão, dá-se voz ao europeu, que também considera seus feitos
“heróicos”, ao atravessarem “nuvens de poeira” em “regiões áridas e remotas. Naturalmente, ao
expor a posição arrogante do invasor, que trata os nativos pejorativamente como “peles vermelhas”
(redskins), habitantes de “buracos” (holes), bem como ao revelar feitos não tão heróicos assim
(como as punhaladas pelas costas, os estupros, a escravização dos prisioneiros e as negociações
esquivas), o autor da canção parece querer fazer justiça para com os verdadeiros heróis desse
episódio.

No entanto, o refrão, que arremata a canção, evidencia quais foram, afinal, os vencedores
dessa disputa, sublinhando sua atitude de empáfia para com o inimigo subjugado: “Run to the hills /
Run for your lives”.

Aces High

A jornada do Iron Maiden através da História chega, finalmente, ao século XX. Na introdução
de “Aces High”, ouvimos a voz de Winston Churchill exortando os ingleses para a batalha, em seu
discurso de 18 de junho de 1940: “We should never surrender!”.

A canção descreve, em ritmo frenético (incluindo-se aí guitarras que simulam, com o sistema
de trêmolo, os “mergulhos” das aeronaves), uma das muitas batalhas travadas entre a Royal Air
Force britânica e a Luftwaffe de Adolf Hitler. A letra retrata a movimentação dos pilotos, desde o
momento em que ouvem a sirene de alerta de ataque aéreo e correm direção às aeronaves (no
jargão aeronáutico-militar, “scrambling”), passando por toda a sequência de ações tomadas pelos
combatentes (“Jump in the cockpit”; “Start up the engines”; “Remove all the wheelblocks”;
“Gathering speed as we head down the runway”), a fim de que estejam no ar o mais rapidamente
possível.

As piruetas executadas pelas aeronaves, descritas por meio de verbos no gerúndio (“Flying,
rolling, turning, diving, going in again”) e a situação inescapável de voar – ou morrer – dão a tônica
do refrão. A letra chega ao requinte de nomear os principais aviões envolvidos nesses embates –
os Spitfires ingleses contra os ME-109 alemães (na verdade, uma versão modificada dos célebres
BF-109).

Ao descreverem a batalha aérea propriamente dita, os ingleses do Iron Maiden deixam


transparecer certo favoritismo em versos como “Bandits at 8 o‟clock move in behind us”,
qualificando seus inimigos como “bandidos” que atacam “por trás”, enquanto que os britânicos
atacam frontalmente: “Ascending and turning out Spitfires to face them / Heading straight for them I
press my guns”.

Conclusão

O Iron Maiden desconstrói o estereótipo segundo o qual o heavy metal é um gênero


cujas letras versam sobre assuntos demoníacos ou mundanos. Ao invés disso, buscam na história
e na literatura inspiração para suas canções, ao perceberem, de modo inteligente e artístico, que
os temas históricos, em especial os relatos de guerra, encontram na instrumentação agressiva do
heavy metal uma roupagem sonora adequada.

(texto http://www.ahistoria.com.br/banda-musica-iron-maiden/)
Heavy Metal, o “som pesado”

Uma das principais críticas sobre música heavy metal é que ele torna seus ouvintes,
especialmente os jovens, mais violentos. Um estudo feito pela Universidade de Loyola descobriu
que esse fato não é verdadeiro, e que não há nenhuma relação direta entre a violência dos jovens
com o heavy metal. Na verdade, conclui-se que os participantes que ouviam heavy metal eram
menos violentos do que aqueles do grupo que não ouvia. A razão não é clara, mas uma hipótese é
que o indivíduo que ouve música violenta realiza uma espécie de catarse interna e torna-se
adverso a ela, tornando-se assim menos violento.

Todos os tipos de música possuem um efeito sobre o humor. Foram feitos testes com o
heavy metal para ver se a música evoca emoções positivas ou negativas em seus ouvintes. Um
estudo realizado por Shaleen L. Coss, do departamento de psicologia da Universidade de Loyola,
descobriu que os participantes que ouviam o heavy metal com letras violentas eram menos
propensos a sentir depressão do que aqueles que ouviam músicas não-violentas.

Constatou-se que há uma ligação entre o quanto um adolescente ouve heavy metal e a
formação de sua personalidade machista. Os fãs do heavy metal são muito mais propensos a
terem uma personalidade que almeja constantes sensações e emoções da vida. Esses indivíduos
geralmente são extrovertidos sexualmente, embora possam não ser sociáveis. Há também
algumas evidências que mostrem que os fãs de heavy metal são mais propensos a arriscarem sua
vida, de acordo com o livro “Media Violence and Children” .

Adolescentes com níveis mais elevados de inteligência são naturalmente atraídos pelo
heavy metal, especificamente porque alivia a pressão e o estresse. Há também um grande senso
de comunidade e de solidariedade entre os fãs do heavy metal, algo que as pessoas inteligentes
preferem. Ouvir heavy metal é visto pela maioria dos adolescentes como uma forma de liberar sua
raiva interna, e realmente pode ajudar os adolescentes a relaxar, deixando-os mais focados e
melhorando seu desempenho acadêmico.

Pesquisa feita com "mentes brilhantes" do Reino Unido mostrou que jazz e música erudita
não agradam os "geninhos".

Londres, 21 mar 2007. A música "heavy metal" é a preferida pelas crianças superdotadas do
Reino Unido, que encontram neste som visceral uma forma de catarse, segundo uma enquete feita
entre estudantes da Academia Nacional para Jovens de Talento.

Grupos de rock pesado como Slayer e Slipknot são os favoritos entre os maiores intelectos
do país, que parecem gostar também das letras com mensagens políticas e de forte carga
emocional. Uma pesquisa feita entre estudantes da academia, à qual têm acesso apenas 5% dos
jovens com mentes brilhantes do país, revela a predileção destes pela "brutalidade visceral" do
"heavy metal". Mais de um terço dos entrevistados incluiu o "heavy metal" entre seus estilos
favoritos.

Os responsáveis pela pesquisa reconheceram sua surpresa ao ver que os estilos menos
populares, entre os superdotados, eram os que tradicionalmente são associados às mentes mais
privilegiadas, como jazz e música clássica. O responsável pela pesquisa, Stuart Cadwallader, da
universidade de Warwick, disse que os resultados obtidos mostram que estes jovens encontram no
"heavy metal" uma espécie de "catarse", de forma particular os que, apesar da inteligência
superior, têm baixa auto-estima.

Esse tipo de música agressiva serve também para que canalizem suas frustrações e
insatisfação, disse Cadwallader, em conferência realizada na British Psychological Society, na
cidade inglesa de York. De acordo com Cadwallader, "as pressões associadas à condição de
superdotado talvez possam ser esquecidas, temporariamente, com a ajuda desta música".

O gosto musical de uma pessoa pode dar pistas sobre a maneira como ela pensa e vice-
versa, segundo pesquisadores da Universidade de Cambridge, na Inglaterra.

Para investigar essa questão, pesquisadores recrutaram 4 mil participantes, que foram
submetidos a diferentes testes. Primeiramente, eles foram solicitados a preencher questionários
com afirmações desenhadas para investigar se eram mais "empáticos" ou "sistemáticos".

Os participantes responderam, por exemplo, se tinham interesse por design e construção de


motores de carro, e se eram bons em prever o sentimento das pessoas. Depois, foram submetidos
a 50 trechos curtos de músicas, de 26 estilos diferentes, e tiveram que dar notas de 1 a 10 para
cada trecho.

Pessoas com alto índice de empatia tiveram maior inclinação a gêneros como R&B (rythm
and blues), soft rock e folk. Por outro lado, quem se aproximou mais do perfil "sistemático" teve
tendência a gostar da música de bandas de heavy metal e de jazz contemporâneo.

Participantes com altos índices de empatia se aproximaram de músicas como a versão de


Jeff Buckley para “Hallelujah”, de Leonard Cohen, e “Come Away with Me”, de Norah Jones.

Quem foi identificado como "sistemático" teve maior conexão com músicas como Enter
Sandman, do Metallica (ou qualquer música do IRON MAIDEN, diria eu, sistematicamente!)

Este livro é dedicado

A todos, sistemáticos ou não,

Iromaníacos e “ Good Blood Headbanguer’s ”!

Agosto / 2015
David Michael Murray
(Londres, 23/12/1956)
guitarra (1976–1977, 1978–)

Janick Robert Gers


(Hartlepool, Inglaterra, 27/01/1957)
guitarra (1990–) Paul “Di‟Anno “ Andrews
(Chingford, 17/05/1958)
Vocal (1981-1982)

Paul Bruce Dickinson


(Nottinghamshire, 07/08/1958)
vocal (1981–1993, 1999–)

Stephen Percy "Steve" Harris


(Leytonstone, 12/03/1956)
baixo e vocal de apoio (1975–)

Michael Henry McBrain


(Londres, 05/06/1952)
bateria (1982–)

Adrian Frederik "H" Smit


(Londres, 27/02/1957)
guitarra e vocal de apoio (1980–1990, 1999–)
5
1980-2015
ÁLBUNS DE ESTÚDIO

2015

2010 2006 2003 2000 1998

1995 1992 1990 1988 1986

1984 1983 1982 1981 1980


1980
1. Prowler Steve Harris 3:55
2. Remember Tomorrow Harris, Paul Di'Anno 5:27
3. Running Free Harris, Di'Anno 3:17
4. Phantom of the Opera Harris 7:20
5. Transylvania Harris 4:05
6. Strange World Harris 5:45
7. Charlotte the Harlot Dave Murray 4:12
8. Iron Maiden Harris 3:35

O som do Iron Maiden nesse seu primeiro registro oficial, apesar de meio “cru” comparado
aos discos vindouros, era agressivo e cheio de energia. Percebia-se toda a garra, disposição e
dedicação que era colocado em cada acorde de cada música. Nesses 35 anos desde que “Iron
Maiden” foi lançado, foi raro ver um álbum tão puro e verdadeiro como esse.

O disco abre com um clássico esquecido pela Donzela de Ferro, a música “Prowler”. Com
riffs bem simples, o segredo dessa música está no refrão que obriga a cantar junto. Logo em
seguida, mais outro clássico, “Sanctuary” que possui um riff bem simples também e tem aquela
pegada punk que só mesmo o vocalista Paul Di‟Anno trazia ao Maiden.

Aliás, nenhum vocalista jamais cantou as músicas desse álbum como Paul Di‟Anno. Ele não
tem a mesma técnica e a mesma potência de Bruce, mas Di‟Anno compensava tudo com seu
“feeling” inconfundível e sua agressividade, por isso ninguém nunca conseguiu superá-lo cantando
esses clássicos, e é isso que vemos na ótima “Running Free”, outro hino da banda.

Embora a maioria das músicas desse disco ser bem simples, rápidas e curtas, o Iron Maiden
conseguiu compor dois clássicos muito bem elaborados e até mais complexos, apontando os
rumos futuros que a Donzela seguiria, e estes são “Remember Tomorrow”, que é cheia de
mudanças de andamento e tem um clima meio sombrio e, finalmente, um dos maiores hinos da
banda, “Phantom of the Opera”, que em cada acorde, cada riff e cada mudança de andamento,
revelam que Steve Harris é um mestre na arte de compor e tocar baixo.

Seguindo com a melhor música instrumental da história do Metal, a inesquecível


“Transylvania”, o Iron Maiden abre caminho para a contagiante “Charlotte The Harlot”, mas o
melhor estava por vir. Dave Murray e Dennis Stratton começam a executar um dos riffs mais
famosos e assustadores do Heavy Metal, e quando entra a avassaladora bateria de Clive Burr, a
pancadaria começa e surge um dos maiores clássicos de todos os tempos, “Iron Maiden”. Tudo
nessa música é perfeito, desde o simples solo de baixo no meio da música, ao seu poderosíssimo
refrão. Encerramento perfeito de um disco perfeito.

Definitivamente, foi uma estréia perfeita e fundamental para a construção dessa verdadeira
entidade da música pesada, e que, com certeza, sobreviverá para sempre no coração dos fãs e de
cada geração que se torna seguidora da Donzela de Ferro.

“Iron Maiden” é um disco imortal! [1]

(1/8) Prowler (3:55) Vagabundo

Walking through the city, looking oh so pretty Andando pela cidade, parecendo oh tão bonita
I've just got to find my way Apenas tenho de achar meu caminho
See the ladies flashing Veja garotas brilhando
All there legs and lashes Todas aquelas pernas e cílios
I've just got to find my way Apenas tenho de achar meu caminho
Well you see me crawling through the bushes Bem, você me vê rastejando entre arbustos
With it open wide com eles abertos,
What you seeing girl? O que está vendo, garota?
Can't you believe that feeling, Você não pode acreditar no que sente,
can't you believe it não pode acreditar
Can't you believe your eyes? Não pode acreditar em seus olhos?
It's the real thing girl É a garota da beleza

Got me feeling myself and reeling around Me pego sentindo a mim mesmo e cambaleando
Got me talking but feel like walking around Me pego falando mas me sinto caminhando à esmo
Got me feeling myself and reeling a Me pego sentindo a mim mesmo e cambaleando
Got me talking but nothing's with me Me pego falando mas nada a ver comigo
Got me feeling myself and reeling around Me pego sentindo a mim mesmo e cambaleando

(2/8) Remember Tomorrow (5:27) Lembre-se Amanhã

Unchain the colours before my eyes, Liberte as cores perante meus olhos
Yesterday's sorrows, tomorrow's white lies. Dores de ontem, mentirinhas de amanhã
Scan the horizon, the clouds take me higher, Esquadrinhe o horizonte, as nuvens me elevam
I shall return from out of fire. Eu devo retornar do fogo

Tears for rememberance, Lágrimas pela lembrança


and tears for joy, e lágrimas pela alegria
Tears for somebody Lágrimas para alguém
and this lonely boy. e para este garoto solitário
Out in the madness, the all seeing eye, Lá fora na loucura, o olho que tudo vê
Flickers above us, to light up the sky. Paira sobre nós para iluminar o céu

Unchain the colours before my eyes, Liberte as cores diante de meus olhos
Yesterday's sorrows, tomorrow's white lies. Dores de ontem, mentirinhas de amanhã
Scan the horizon, the clouds take me higher, Esquadrinhe o horizonte, as nuvens me elevam
I shall return from out of fire Eu devo retornar do fogo

(3/8) Running Free (3:17) Correndo Livre

Just sixteen, a pickup truck Apenas 16 anos, uma pick-up


Out of money, out of luck Sem dinheiro,sem sorte
I've got nowhere to call my own Não tenho lugar pra chamar de meu
Hit the gas, and here I go Pé na tábua, e lá vou eu

I'm running free yeah, I'm running free Estou correndo livre, yeah, estou correndo livre
I'm running free yeah, Oh I'm running free Estou correndo livre, yeah, estou correndo livre

Spent the night in an L. A. jail Passei a noite em uma cadeia de Los Angeles
And listened to the sirens wail E ouvi o soar das sirenes
They ain't got a thing on me Eles não têm nada comigo
I'm running wild, I'm running free Estou correndo demais, Estou correndo livre

Puller here at the Bottle Top Entro aqui no Bottle Top


Whiskey, dancing, disco hop Uísque, dança, disco
Now all the boys are after me Agora todos os garotos vão me seguir
And that's the way it's gonna be Mas é como tem de ser
(4/8) Phantom Of The Opera (7:20) Fantasma da Ópera

I've been looking so long for you Estive procurando por você há tanto tempo Agora
now you won't get away from my grasp. não vai mais conseguir sair de minhas garras.
You've been living so long in hiding in hiding Você tem vivido há tanto tempo, escondida
behind that false mask. por trás dessa máscara falsa.
And you know and I know E você e eu sabemos
that you aint got long now to last. que isso não vai durar pra sempre.
Your looks and your feelings are just Sua aparência e seus sentimentos é tudo
the remains of your past. o que restou do seu passado.

You're standing in the wings, Você está substituindo as asas,


there you wait for the curtain to fall. enquanto espera a cortina cair.
Knowing the terror Conhecendo o terror
and holding you have on us all. e possuindo você e a todos nós.
Yeah, I know that you're gonna scratch me, Sim, sei que vai me arranhar,
maim me and maul. aleijar e dilacerar.
You know I'm helpless Você sabe que estou necessitado
from your mesmerising cat call. do seu hipnótico ronronar.

Keep your distance, walk away, Mantenha sua distância, se afaste,


don't take his bait. não caia no engodo dele.
Don't you stray, don't fade away. Não se perca, nem desapareça.
Watch your step, Cuide-se,
he's out to get you, come what may. ele saiu pra te pegar, é o que quer.
Don't you stray, from the narrow way. Não se perca, do caminho estreito.

I'm running and hiding Estou correndo e me escondendo


in my dreams you're always there. em meu sonho vou estar sempre lá.
You're the Phantom of the Opera, Você é o Fantasma da Ópera,
you're the devil, you're just out to scare. você é o diabo que está ai para apavorar.
You damaged my mind Você prejudicou minha mente
and my soul it just floats through the air. e minha alma flutua pelo ar.
Haunt me, you taunt me, Assombre-me, zombe de mim,
you torture me back at your lair em sua toca você me tortura

(6/8) Strange World (5:45) Mundo Estranho

The only place where you can dream O único lugar onde você pode sonhar,
Living here is not what it seems Vivendo aqui não é o que parece
Ship of white light in the sky Navio de luz branca no céu,
Nobody there to reason why Ninguém lá para dizer por quê

Here I am, I'm not really there Aqui estou, não estou realmente ali,
Smiling faces ever so rare Faces sorridentes cada vez mais raras
A let's walk in deepest space Um convite para passear no espaço profundo,
Living here just isn't the place Viver aqui simplesmente não é o lugar
Stalks of light come from the ground Postes de luz saem do chão

When I cry there isn't a sound Quando choro não existe som
All my feelings cannot be held Não posso segurar todos os meus sentimentos,
I'm happy in my new strange world Estou feliz em meu novo estranho mundo
Shades of green grasses twine Sombras de cordões de gramas se retorcem,
Girls drinking plasma wine Garotas bebendo vinho de plasma
A look at love, a dream unfolds Um olhar ao amor, um sonho se revela,
Living here, you'll never grow old Vivendo aqui, você nunca vai envelhecer

Don't you hear me call? Você não me ouve chamar?

(7/8) Charlotte The Harlot (4:12) Charlotte a Prostituta

Giving a swish with your arse in the air, don't you Zunindo o seu traseiro no ar, você não
know what they're saying? sabe o que eles estão dizendo?
Charlotte you're so refined when you take all the Charlotte você é tão refinada quando toma todo o
love thatthey're giving. amor que eles dão

Sticking with every man that you find, don't you know Metendo com cada homem que encontra, não sabe
what they're after? o que eles são depois?
Charlotte you've got your legs in the air, don't you Charlotte, você tem suas pernas no ar, não ouve
hear all thelaughter? todas as risadas?

Charlotte the Harlot show me your legs, Charlotte a Prostituta mostre-me suas pernas
Charlotte the Harlot take me to bed. Charlotte a Prostituta me leve para a cama
Charlotte the Harlot let me see blood, Charlotte a Prostituta me deixe ver sangue
Charlotte the Harlot let me see love. Charlotte a Prostituta me deixe ver amor

Taking so many men to your room, Levando tantos homens para seu quarto,
don't you feel no remorse? você não sente remorso?
You charge them a "fiver", Você pede a eles 5 xelins,
It's only for starters. isso só pra as preliminares
And ten for the main course. E dez para o principal
And you've got no feelings, E você não tem sentimentos,
they died long ago. eles morreram há muito tempo
Don't you care who you let in? Você não se importa com quem deixa entrar?
And don't you know you're breaking the law E não sabe que fere a lei
with the serviceyou're giving? com o serviço que você presta?

There was a time when Houve uma vez em que


you left me standing there, você me deixou ali esperando
Picking up pieces of love off the floor. Pegando pedaços de amor no chão
Well Charlotte you left me alone in there, Bom, Charlotte, você me deixou sozinho ali
To make your ends Para fazer do seu fim
as a bloody whore. uma prostituição sangrenta

Well Charlotte you told me Bom, Charlotte, você me disse


you love me true, que me amava de verdade
Picking up pieces of love yesterday. Pegando pedaços de amor ontem
Well Charlotte you're draws are Bem, Charlotte, seus desenhos são
off color too desbotados também
'Cause you're making love all day. Pois você faz amor o dia inteiro.

Giving a swish with your arse in the air, Zunindo o seu traseiro no ar,
don't you know what they're saying? você não sabe o que eles estão dizendo?
Charlotte you're so refined when you take all the Charlotte você é tão refinada quando toma todo o
love thatthey're giving. amor que eles dão
Sticking with every man that you find, Metendo com cada homem que encontra,
don't you know what they're after? não sabe o que eles são depois?
Charlotte you've got your legs in the air, Charlotte, você tem suas pernas no ar,
don't you hear all thelaughter? não ouve todas as risadas?

(8/8) Iron Maiden (3:35) Donzela De Ferro

Won't you come into my room, Você não quer vir ao meu quarto,
I wanna show you all my wares. Eu quero te mostrar meus equipamentos
I just want to see your blood, Eu só quero ver seu sangue,
I just want to stand and stare. Eu só quero que você pare de pé
See the blood begin to flow Veja o sangue começar a jorrar
As it falls upon the floor. Enquanto cai no chão
Iron Maiden can't be fought A donzela de ferro não pode ser enfrentada,
Iron Maiden can't be sought. A donzela de ferro não pode ser vista

Oh Well, wherever, Bem, em qualquer lugar,


Wherever you are, Onde quer que você esteja
Iron Maiden's gonna get you, A donzela de ferro vai te pegar,
No matter how far. Não importa quão longe
See the blood flow watching it shed Veja o sangue jorrar ver ele se espalhar
Up above my head. Sobre minha cabeça
Iron Maiden wants you for dead. A donzela de ferro quer você morto

Won't you come into my room, Você não quer vir ao meu quarto,
I wanna show you all my wares. Eu quero te mostrar meus equipamentos
I just want to see your blood, Eu só quero ver seu sangue,
I just want to stand and stare. Eu só quero que você pare de pé
See the blood begin to flow Veja o sangue começar a jorrar
As it falls upon the floor. Enquanto cai no chão
Iron Maiden can't be faught, A donzela de ferro não pode ser enfrentada,
Iron Maiden can't be sought. A donzela de ferro não pode ser vista

Oh Well, wherever, Bem, em qualquer lugar,


Wherever you are, Onde quer que você esteja
Iron Maiden's gonna get you, A donzela de ferro vai te pegar,
No matter how far. Não importa quão longe
See the blood flow watching it shed Veja o sangue jorrar ver ele se espalhar
Up above my head. Sobre minha cabeça
Iron Maiden wants you for dead. A donzela de ferro quer você morto

Won't you come into my room, Você não quer vir ao meu quarto,
I wanna show you all my wares. Eu quero te mostrar meus equipamentos
I just want to see your blood, Eu só quero ver seu sangue,
I just want to stand and stare. Eu só quero que você pare de pé
See the blood begin to flow Veja o sangue começar a jorrar
As it falls upon the floor. Enquanto cai no chão
Iron Maiden can't be fought, A donzela de ferro não pode ser enfrentada,
Iron Maiden can't be sought. A donzela de ferro não pode ser vista

Oh Well, wherever, Bem, em qualquer lugar,


Wherever you are, Onde quer que você esteja
Iron Maiden's gonna get you, A donzela de ferro vai te pegar,
No matter how far. Não importa quão longe
See the blood flow watching it shed Veja o sangue jorrar ver ele se espalhar
Up above my head. Sobre minha cabeça
Iron Maiden wants you for dead A donzela de ferro quer você morto

PROWLER: algo como "perambulador" ou alguém que se esgueira atrás de algo. Na música,
temos um cara observando e desejando mulheres, tipo o taradão da moita!

REMEMBER TOMORROW: Di'Anno escreveu em homenagem ao avô, é tudo que se sabe.


Analisando a letra pode-se imaginar que o avô dele foi piloto, inclusive algumas fontes sugerem
que ele foi piloto da Força Aérea Real (Royal Air Force) na Segunda Guerra Mundial.
A RAF surgiu em 1918 e foi muito proeminente na II Guerra Mundial. É a segunda maior
atualmente na OTAN, ficando atrás apenas da USAF (Força Aérea dos EUA). A RAF responde às
ordens do ministro britânico da defesa.

RUNNING FREE: segundo Paul Di'Anno, uma espécie de autobiografia de quando era jovem.

PHANTOM OF THE OPERA: título do romance escrito pelo francês Gaston Leroux em 1910 (Le
Fantôme de l'Opéra), obra adaptada para o cinema e teatro várias vezes e atualmente o musical
mais visto no mundo, com adaptação de Sir Andrew Lloyd Weber, superando Cats, dele mesmo.

TRANSYLVANIA: região romena conhecida graças a Vlad III, Príncipe (Voivoda) da Valáquia, ou
mais popularmente como Vlad, o Empalador, ou Drácula. Ele foi príncipe de 1456 até 1462 (época
do apogeu do império Otomano) 1448 e 1476.
Vlad era um cavaleiro cristão e enfrentou os turcos e seu próprio irmão Radu. Ele utilizava
de métodos cruéis contra inimigos, principalmente o empalhamento. O irlandês Bram Stoker (1847
-1912) após estudar folclore europeu e histórias de vampiros, lançou em maio de 1896 sua
magnum opus, Drácula.

STRANGE WORLD: parece falar de drogas, do seu mundo perfeito e diferente, que está aqui mas
não está, enfim... estranho. Porém, quando se vê que a letra foi escrita por Harris, a tese cai por
terra, ele é muito certinho!

SANCTUARY: parece alguém que cometeu um crime e precisa de refúgio em um santuário. Entre
os séculos XIV e XVII um criminoso que se refugiasse em um santuário não podia ser preso,
segundo a lei inglesa.

CHARLOTTE THE HARLOT: é a primeira parte da "The Charlotte Saga", as outras músicas dessa
saga são 22 Acacia Avenue (The Number of the Beast), Hooks on You (No Prayer for the Dying) e
From Here to Eternity (Fear of the Dark). Charlotte é uma prostituta de East End, Londres. East
End fica à leste do Muro (Medieval) de Londres e ao Norte do rio Tâmisa. Foi uma das áreas que
mais sofreram com os bombardeios na segunda Guerra Mundial. Antes disso a área já era uma
das mais pobres do Reino Unido (e ainda é), onde se concentravam os imigrantes e as pessoas
que viviam nas favelas do centro, que tiveram que sair devido as construções das docas e de um
terminal ferroviário.

IRON MAIDEN: como a ministra britânica Margaret Thatcher era chamada. Também um
instrumento medieval de tortura, com lanças dentro e na porta, conforme a porta vai fechando...
bem, dá para imaginar o que acontece? Não, não dá! As lanças não atingem órgãos vitais, a
pessoa morre de asfixia ou hemorragia um tempo depois. É também aquela musica que os caras
vão tocar para sempre, por que representa perfeitamente a banda: eles fazem o público sangrar de
alegria!

Depois deste álbum o guitarrista Dennis Stratton deixa a banda e é substituído por Adrian
Smith. (texto de: Ricardo Heavyrick, [2])
1981
1. The Ides of March Steve Harris 1:46
2. Wrathchild Harris 2:55
3. Murders in the Rue… Harris 4:19
4. Another Life Harris 3:24
5. Genghis Khan Harris 3:09
6. Innocent Exile Harris 3:54
7. Killers Harris, Paul Di'Anno 5:02
8. Prodigal Son Harris 6:13
9. Purgatory Harris 3:20
10. Twilight Zone Harris, Dave Murray 2:34
11. Drifter Harris 4:51

Killers é o segundo álbum de estúdio do Iron Maiden, lançado em janeiro de 1981. Foi o
primeiro a contar com o guitarrista Adrian Smith e o último com o vocalista Paul Di'Anno, demitido
depois de problemas com suas performances nos palcos, devido a abuso de álcool e uso de
cocaína.

A abertura fica a cargo de "Ides of the March", a instrumental mais marcante da história do
IRON MAIDEN. Uma música incrível que demonstra toda a desenvoltura que a banda apresentaria
no restante do álbum.

"Wrathchild" dispensa maiores apresentações, trata-se de um dos maiores clássicos da


banda. Apesar de ser uma música direta, tem momentos interessantes, especialmente no som
inconfundível de baixo do mestre Steve Harris. Hoje, mais de 35 anos após sua gravação, esta é
uma das poucas faixas do disco que sobreviveu a prova do tempo e continua sendo presença
constante nos shows do MAIDEN.

Mas o nível não baixa. "Murders in the Rue Morge", faixa baseada no livro de mesmo nome
de Edgar Allan Poe, é agressiva e de um feeling absurdo. A velocidade é a principal característica
dessa música e a cozinha formada por Harris e Burr é impecável.

Na sequência aparece "Another Life", outra cheia de feeling e com uma interpretação
matadora de Di'Anno. Lá por 1 minuto e 45 segundos de música temos um dos melhores riffs do
álbum. Steve Harris não deixa a peteca cair por nenhum segundo, dando um bom plano de fundo
para os solos e guitarras dobradas.

"Genghis Khan" é outra instrumental matadora, onde o destaque fica para Clive Burr, que
apesar de simples mostra desenvoltura. Da metade em diante, a música toma uma nova
roupagem, tornando-se bastante melódica e com um solo absolutamente bem colocado.

Em "Innocent Exile" temos o melhor momento de Di'Anno no álbum, uma interpretação


maliciosa e cheia de carisma. A dupla de guitarristas se mostra entrosada e afiada a cada nova
música. A música é mais cadenciada, mas é impossível ficar apático diante de tamanha técnica e
feeling.

"Killers" é outro clássico do disco. O baixo de Harris dita o ritmo da música, galopante e
intensa. Smith e Murray chegam ao ápice nesta música, o entrosamento imediato dos dois é
espantoso. Mas novamente Di'Anno se destaca, tudo bem que Dickinson o superaria com sobras
em técnica, carisma e personalidade, porém, Di'Anno criou algo impressionante junto com o
MAIDEN, demonstrando ser um excelente vocalista tanto neste quanto no álbum de estréia da
donzela. Sua voz é algo inconfundível e deu uma magia especial aos dois primeiros álbuns da
banda.
A semi-balada "Prodigial Son" é uma bela canção. O vocal rouco de Di'Anno encaixa-se
perfeitamente com um baixo melodioso e muito bem colocado. Com bases simples, a música
mostra-se eficiente e com solos muito harmoniosos. Mais um ponto alto do disco.

Com o pé no acelerador, "Purgatory" mantém o disco num nível excelente. Impossível não
cantar o refrão junto (Please, take me away, so far away...). Clive Burr é novamente simples, mas
preciso e conveniente, dando à música o ritmo necessário para os solos acelerados de Murray.

"Twilight Zone" tem uma veia mais Hard Rock, com riffs interessantes, mas é bem curta,
direta e sem muito a se destacar.

O álbum fecha com "Drifter". O baixo de Harris é impressionante, de uma técnica e feeling
absurdamente louváveis. Os solos são impecáveis e emocionantes, avance até 1 minuto e 25
segundos de música para entender. Enfim, um encerramento a altura de um disco excelente.

O IRON MAIDEN começava a ganhar o mundo. A produção mais apurada de Killers eleva a
banda à outro patamar. Poucas músicas deste álbum seriam aproveitadas para as apresentações
da banda mais adiante, mas sua qualidade é inegável e muitos consideram os dois álbuns com
Di'Anno no vocal a melhor fase do MAIDEN. Não sou desta opinião, mas aprecio muito essa fase
da banda e considero algumas músicas daqui de extremo bom gosto. [1]

(2/11) Wrathchild (2:55) Filho do Ódio

I was born into a scene Eu nasci em uma cena


Of angriness and greed De gargalhadas e fome
Of dominance and persecution. De dominação e perseguição

My mother was a queen Minha mãe era uma rainha


My dad I've never seen Meu pai eu nunca vi
I was never meant to be. Eu não era pra ter nascido

Now I spend my time E agora gasto meu tempo


Looking all around Procurando por todo lado
For a man that's nowhere Por um homem que não tem onde
To be found, Ser encontrado
Until I find him, Até que eu o ache
I'm never gonna stop searching Nunca irei parar de procurar
I'm going to find my man Eu irei achar meu homem
Gonna travel round. Vou viajar por aí

Cos I'm a wrathchild, Porque sou um filho do ódio


Well I'm a wrathchild, Bem, eu sou um filho do ódio
Yeh I'm a wrathchild. Sim, eu sou um filho do ódio

I'm coming to get you Estou chegando para te pegar


Oh, yeah yeah. Oh, yeah yeah

Some say it shouldn't matter Diga que não se importa


Ain't nothing gonna alter Nada vai alterar
The course of my destination. O curso do meu destino

But I know I've gotta find E sei que devo encontrar


Some seriaus peace of mind Alguma paz de espírito
Or I know I'll just go crazy. Ou eu sei que vou enlouquecer

Now I spend my time E agora gasto meu tempo


Looking all around Procurando por todo lado
For a man that's nowhere Por um homem que não tem onde
To be found, Ser encontrado
Until I find him, Até que eu o ache
I'm never gonna stop searching Nunca irei parar de procurar
I'm going to find my man Eu irei achar meu homem
Gonna travel round. Vou viajar por aí

Cos I'm a wrathchild, Porque sou um filho do ódio


Well I'm a wrathchild, Bem, eu sou um filho do ódio
Yeh I'm a wrathchild. Sim, eu sou um filho do ódio

I'm coming to get you Eu vim para buscar você


Oh, yeah yeah Oh, yeah yeah

(3/11) Murders in the Assassinatos Na


Rue Morgue (4:19) Rua Morgue

I remember it as plain as day Eu lembro isso tão claro quanto o dia


Although it happened in the dark of the night Embora tenha ocorrido na escuridão da noite
I was strolling throught the streets of Paris Eu estava passeando pelas ruas de Paris
And it was cold it was starting to rain E estava frio, começando a chover
And then I heard a piercing scream E então eu ouvi um grito lancinante
And I rushed to the scene of the crime e eu corri para a cena do crime
But all I found was butchered remains Mas tudo que achei foram restos despedaçados
Of two girls laying side by side de duas garotas deitadas lado a lado

Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue


Someone call the Gendarmes Alguém chame a polícia
Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue
Flee before the killers go free Corra antes que os assassinos sejam soltos

There's some people coming down the street Havia algumas pessoas descendo a rua
At last someone's heard my call Ao menos alguém ouviu meu chamado
I can't understand why they're pointing at me Não entendo porque apontavam para mim
I never done nothing at all Eu nunca fiz nada

Well I must have got some blood on my hands Eu tenho um pouco de sangue nas mãos
Because everybody's shouting at me Porque todos estão gritando comigo
I can't speak French so I couldn't explain Não falo francês então não pude explicar
And like a fool I started running away E, como um bobo, saí correndo

Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue


Someone call the Gendarmes Alguém chame a polícia
Murder in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue
Am I ever going to be free Vou ser livre algum dia?

And now I've gotta get away E agora tenho que fugir
from the arms of the law Dos braços da lei
All France is looking for me Toda França está procurando por mim
I've gotta find my way across the border for sure Tenho que atravessar a fronteira
Down the South to Italy No sul para a Itália

Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue


Running from the Gendarme Alguém chame a polícia
Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue
I'm never going home Nunca voltarei para casa

Well I made it to the border at last Finalmente cheguei na fronteira


But I can't erase the scene Mas não consigo apagar a cena
from my mind de minha cabeça
Any time somebody stares at me Sempre que alguém olha para mim
Well I just started running blind Eu fecho os olhos e começo a correr

Well I'm running throught Bem, estou correndo


the shadows tonight pelas sombras esta noite
Away from the staring eyes Longe dos olhos dos outros
Any day they'll be looking for me Qualquer dia eles vão estar procurando por mim
Cause I know that I show the signs of... Porque eu sei que vou mostrar os sinais de...

Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue


Running from the Gendarmes Fugindo da polícia
Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue
Runnin' from the arms of the law Fugindo dos braços da lei

Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue


Running from the Gendarmes Fugindo da polícia
Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue
Am I ever gonna be free Vou ser livre algum dia?

It took so long and I'm getting so tired Demorou tanto e estou ficando cansado
I'm running out of places to hide Não tenho mais onde me esconder
Should I return to the scene of the crime Devo voltar à cena do crime
Where the two young victims died? Onde as duas jovem garotas morreram?

If I could go to somebody to help Se eu pudesse pedir ajuda a alguém


It would get me out of trouble for sure Não teria mais problemas
But I know that it's on my mind Mas eu sei que isso está na minha cabeça
That my doctor said Porque meu médico disse
I've done it before que eu já fiz isso antes

Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue


They're never gonna find me Eles nunca vão me achar
Murders in the Rue Morgue Assassinatos na Rua Morgue
I'm never going home Nunca voltando para casa

(4/11) Another Life (3:24) Outra Vida

As I lay here lying on my bed Enquanto fico aqui deitado em minha cama
sweet voices come into my head. doces vozes vêm em minha cabeça
what it is I wanna know. O que é isso? Eu quero saber.

Please won' t you tell me it's got to go Por favor não me diga que tem que ir
There' s a feeling that' s inside me Há um sentimento que está dentro de mim
telling me to get away me dizendo para ir embora
but I' m so tired of living Mas estou tão cansado de viver
I might as well end today eu devo terminar algum dia

(6/11) Innocent Exile (3:54) Exílio Sem Culpa

My life is so empty Minha vida é tão vazia


Nothing to live for Nada por que viver
My mind is all confusion Minha cabeça é só confusão
'Cos I defied the law Porque eu desafiei a lei

When you weren't there to help me Quando você não estava lá para me ajudar
I lost my mind and ran Eu perdi minha cabeça e corri
I never had no trouble Eu nunca tive problema
Before this all began Antes de tudo isso começar

My life is so empty Minha vida é tão vazia


Nothing to live for Nada por que viver
My mind is all confusion Minha cabeça é só confusão
'Cos I defied the law Porque eu desafiei a lei

When you weren't there to help me Quando você não estava lá para me ajudar
I lost my mind and ran Eu perdi minha cabeça e corri
I never had no trouble Eu nunca tive problema
Before this all began Antes de tudo isso começar

I'm running away Eu estou fugindo


Nowhere to go Nenhum lugar para ir
I'm lost and tired Estou perdido e cansado
And I just don't know E simplesmente não sei

They say I killed a woman Dizem que matei uma mulher


They know it isn't true Sabem que não é verdade
They're just trying to frame me Eles apenas tentam me incriminar
And all because of you E tudo por sua causa
Lord, I'm running Deus, estou fugindo

(7/11) Killers (5:02) Assassinos

You walk through the subway, Você anda pelo subterrâneo


His eyes burn Os olhos dele queimam
a hole in your back. um buraco nas suas costas
A footstep behind you, Um passo atrás de você
He lunges prepared for attack Ele investe preparando para atacar.

Scream for mercy, Grite por misericórdia


He laughs as he's watching you bleed. Ele ri enquanto te vê sangrar
Killer behind you, Assassino atrás de você
His blood lust defies Sua sede de sangue desafia
all his needs todas as suas necessidades

My innocent victims Minhas vítimas inocentes


Are slaughtered with wrath and despise, São massacradas com ira e despeito,
The mocking religion of hatred A religião de ódio
That burns in the night Que queima na noite.
I have no-one, Eu não tenho ninguém,
I'm bound to destroy Estou fadado a destruir
All this greed. Todo esse sofrimento.
A voice inside me, Uma voz dentro de mim,
Compelling to satisfy me Força a me satisfazer.

I can see, Eu percebo,


What a knife's meant to be. Eu percebo o que a vida significa,
You'll never know, Você nunca saberá,
How I came to foresee. Como cheguei a prever
My faith in believing is stronger Minha fé em acreditar é mais forte
Than lifelines and ties, que os laços da vida e gravatas
With the glimmer of metal Com o lampejo do metal
My moment is ready to strike. Minha hora é chegada.

The death call arises, Surge o chamado da morte,


A scream breaks the still of the night. Um grito quebra o silêncio da noite.
Another tomorrow Outro amanhã
Remember to walk in the light. Lembre-se de andar pela luz.

I have found you, Eu te encontrei,


And now there is no place to run. E agora não há para onde correr,
Excitement shakes me, Excitação me agita,
Oh God help me what have I done. Oh, Deus me ajude, o que eu fiz?
Yeah I've done it again! É, eu fiz de novo!

He walks through the subway Você anda pelo subterrâneo


My eyes burn a hole through your back. Os olhos dele queimam um buraco nas suas costas
A footstep behind you Um passo atrás de você
He lunges prepared for attack. Ele investe preparando para atacar.

Scream for mercy, Grite por misericórdia


He laughs as he's watching you bleed. Ele ri enquanto te vê sangrar
Killer behind you, Assassino atrás de você
My blood lust defies Minha sede de sangue desafia
all my needs todas as minhas necessidades
Look out I'm coming for you! Cuidado, que eu vou atrás de você!

(8/11) Prodigal Son (6:13) Filho pródigo

Listen to me, Lamia Me ouça, Lamia


Listen to what I've got to say Ouça o que eu tenho a dizer
I've got these feelings Tenho esses sentimentos
And they won't go away E eles não desaparecerão
I've got these fears inside Tenho esses medos aqui dentro
That'll bring me to my knees Que me porão de joelhos

Oh, help me Lamia Oh, me ajude, Lamia


Or I'm not sure Ou não tenho certeza
I'll die, oh, please Eu irei morrer, oh, por favor
I feel unsettled, now I know that I've done wrong Eu me sinto inseguro, agora eu sei que errei
I've messed around with mystic things Eu brinquei com coisas místicas
And magic for far too long E mágica, por muito tempo
I feel I'm being paid with Eu sinto que tenho sido pago com
this nightmare inside me este pesadelo dentro de mim

The devil's got a hold on my soul O demônio tem domínio sobre minha alma
And he just won't let me be E ele simplesmente não me deixa
I'm on my knees, oh, help me, please Estou de joelhos, oh, me ajude, por favor
Oh, Lamia, please, try to help me Oh, Lamia, por favor, tente me ajudar

The devil's got a hold on my soul O demônio tem domínio sobre minha alma
And he won't let me be E ele não me deixará em paz
Lamia I've got this curse, Lamia, eu trago esta maldição,
I'm turning to bad estou me tornando mau
The devil's got a hold on my soul O demônio domina minha alma
And it's driving me mad E isto me deixa louco

(9/11) Purgatory (3:20) Purgatório

Thinking of an age old dream, Pensando em um velho sonho da velhice,


Places I have never seen. lugares que nunca vi
Fantasies lived times before, Fantasias vividas em tempos passados
I split my brain, melt through the floor. Eu despedaço meu cérebro, se espalha pelo chão

Over clouds my mind will fly, Sobre nuvens minha mente irá voar
Forever now I can't think why, para sempre, agora não entendo porque
My body tries to leave my soul, Meu corpo tenta abandonar minha alma
Is it me? I just don't know. Ou sou eu? Eu não sei

Memories rising from the past, Memórias renascendo do passado,


The future shadows overcast. a sombra do futuro nublado
Something's clutching at my head, Alguma coisa aperta minha cabeça,
Through the darkness I'll be led. pelas trevas serei guiado

Oh another time, another place, Outro tempo, outro lugar


Oh well another smile on another face. Outro sorriso em outra face
When you see me floating up beside you, Quando você me olhar flutuando ao seu lado
You get the feeling that all my love's Você sentirá que todo meu amor
inside of you. está dentro de você

Please take me away, Por favor me leve,


Take me away, Me leve,
So far away. Para longe

(10/11) Twilight Zone (2:34) Zona do Crepúsculo

She lays in bed at night Ela repousa na cama de noite


and that is when I make my call. e é quando eu faço meu chamado
But when she stares at me, Mas quando ela me encara,
she can't see nothing at all, ela não pode ver nada realmente
Because you see Porque, você sabe
I can't take no shape or form. eu não posso ter contornos ou aparência
It's been three long years since I've been gone. Faz três longos anos desde que eu desapareci
I can't get used to purgatory Não posso me acostumar ao purgatório
you know it really makes me cry, você sabe que isso me faz chorar
I'll never know the reason why I had to go. Eu nunca saberei por qual razão eu tive que ir

I'm crying, Estou chorando


Deep inside me, Bem dentro de mim
Can't you see me? Você não pode me ver?
Can't you see me? Você não pode me ver?

I'm looking forward Eu estou ansioso


to her spirit coming over to me. para que o espírito dela venha até mim
I feel so tempted to bring her over to see, Eu me sinto tentado a pegá-la e ver como é
Just what it's like to be hanging on the other side. Como deve ser estar preso no outro lado
I feel so lonely, Eu me sinto tão só,
it's a long time since I died. faz tanto tempo desde que morri

I try to show her that she's never gonna be alone, Eu tento mostrá-la que ela nunca estará sozinha
Because my spirit is imprisoned Porque meu espírito está aprisionado
in the Twilight Zone. na zona do crepúsculo

I'm crying, Estou chorando


Deep inside me, Bem dentro de mim
Can't you hear me? Você não pode me ver?
Can't you see me? Você não pode me ver?

(11/11) Drifter (4:51) Flutuador

Look out now baby won't you take me away, Olhe agora, baby, você não vai me levar embora?
Sitting here I think it's gonna be a new day. Sentando aqui penso que será um novo dia

Gonna get my song 'til I can't go on, Vou pegar minha música até não poder mais
Gonna keep on roaming gotta sing my song. Vou continuar vagando vou cantar minha música

What you feeling when you hold me tight, O que você sente quando me abraça apertado?
Gonna cuddle up to you tonight. Vou aconchegar em voce hoje à noite,
Gonna get you feeling so secure. vou te fazer sentir tão segura
Listen child, don't you see there's a cure. Ouça, criança, não vê que existe uma cura?
Anywhere got to get you away, Em qualquer lugar, te levar para longe
Feels so good, think it's gonna be a new day. É tão bom, acho que vai ser um novo dia.

Gonna get my song 'til I cant go on, Vou pegar minha música até não poder mais
Gonna keep on roaming gotta sing my song. Vou continuar vagando vou cantar minha música

What you feeling when you hold me tight, O que você sente quando me abraça apertado?
I wanna cuddle up to you tonight. Vamos nos acariciar hoje à noite,
Gonna get you feeling so secure. vou te fazer sentir tão segura
Listen child, don't you see there's a cure. Ouça, criança, não vê que existe uma cura?
Anywhere got to get you away, Algum lugar onde você ache seu caminho.
Feels so good, think it's gonna be a new day. É tão bom, acho que vai ser um novo dia.

Gonna get my song 'til I cant go on, Vou pegar minha música até não poder mais
Gonna keep on roaming gotta sing my song. Vou continuar vagando vou cantar minha música
Gonna sing my song yeah, Vou cantar minha canção yeah,
And it won't take long. E não vai demorar muito.
Gonna sing my song yeah, Vou cantar minha canção yeah,
Won't you sing along. Você não vai cantar junto?
I wan't you to sing it, Eu quero que você cante,
sing it, sing it, sing it along. Cante, cante, cante, cante bastante.

THE IDES OF MARCH: apesar de ser uma música instrumental, Ides of March (Idos de Março)
era uma expressão usada pelo antigo império romano para referir o 15° dia de cada mês, muito
provavelmente usado para marcar a lua cheia. A palavra ides vem do latim “Idus”que quer dizer
metade (usada para datas e calendários). Os Idos de Março também ficaram conhecidos por terem
sido festejados e dedicados à Marte, o deus romano da guerra. No calendário romano então, os
“Idos de Março” correspondia ao dia 15, data em que Julio Cesar foi traído e assassinado pelos
senadores romanos, em 44 AC (de acordo com Plutarco, foram 23 facadas e 60 foram os
conspiradores liderados por Brutus e Cássio).
"Beware of Ides of March" (Cuidado com os Idos de Março), é o que um vidente teria dito a
Julio Cesar, dias antes de sua morte. Claro, nas palavras de Shakespeare! (em A Tragédia de
Julio Cesar, 1599)

WRATHCHILD: pode ser interpretada como a história do filho de uma prostituta procurando pelo
seu pai. Uma nova expressão para son of a bitch! A criança está com raiva e procurando por todo
lugar. Quem não estaria?!

MURDERS IN THE RUE MORGUE: nome de um conto de Edgard Allan Poe, escritor
estadunidense nascido em Boston (1809-1849), um dos precursores da ficção científica moderna.
Este conto fala sobre assassinatos de mulheres na rua Morgue, uma rua fictícia (pelo menos
não achei no google mapas!). O investigador Durpin é quem desvenda estes crimes.

ANOTHER LIFE e INNOCENT EXILE: parecem seguir a história da música anterior. Na primeira,
uma voz pede para morrer, e na outra o personagem foge por ser acusado de um crime que não
cometeu.

GENGHIS KHAN: não fala de nada (talvez por ser instrumental!), porém tem muita história. O Cã
dos Clãs, Temujin (1162-1227), foi o maior conquistador de terras da história. Morreu dizendo não
ter atingido seu verdadeiro objetivo: faltou tempo suficiente para conquistar todo o mundo!

KILLERS: fala sobre as sensações de um serial killer sedento por sangue.

PRODIGAL SON: tem uma conotação cristã e de mitologia Grega. Na música, o personagem fala
para Lâmia que cometeu muitos erros, foi possuído por Lu (vulgo capeta) e estava tornando-se
mau. Na bíblia, em Lucas 15 11:32, há a Parábola do Filho Pródigo, que é parecido com o que está
na letra: um filho que tinha tudo, gasta com bebidas, mulheres e Texas Hold'em e volta arrependido
para a casa do pai.

Lâmia por sua vez, era filha de Posêidon e rainha da Líbia. Estava tudo bem na vida dela,
até ela conhecer Zeus (o Deus safadão). Como de costume, Zeus a "persuadiu" e eles tiveram
muitos filhos. Um belo dia, Hera descobriu o novo casinho do maridão, matou as crianças de
Lâmia, fez com que os olhos dela jamais se fechassem, algumas versões dizem que Hera a
transformou em um monstro. Lâmia ficou louca e começou a devorar crianças. Zeus, penalizado,
deu a ela a habilidade de tirar os próprios olhos para que ela sofresse menos com o que teria que
ver.

PURGATORY: é um remake de uma música que o Maiden já tinha. O purgatório, segundo a lenda
cristã, não é bem um lugar, mas uma condição temporária de sofrimento pós-morte para alcançar a
salvação.

TWILIGHT ZONE: tem relação com as demais quando ele diz que quer sair do purgatório, que ele,
morto, chama por ela e espera que ela morra logo, pois ele está tão só... Eta amor doentio, meu! O
termo técnico pra isso não seria encosto?!

DRIFTER: encerra este grande álbum, com um toque de esperança nos novos dias e novas
aventuras. Ufa, ainda bem!

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


1982
1. Invaders 3:22
2. Children of the Damned 4:33
3. The Prisoner Harris, Smith 6:00
4. 22 Acacia Avenue Harris, Smith 6:34
5. The Number of the Beast 4:49
6. Run to the Hills 3:50
7. Gangland Smith, Clive Burr 3:47
8. Total Eclipse Harris, Murray, Burr 4:28
9. Hallowed Be Thy Name 7:10

The Number of the Beast é o terceiro álbum de estúdio da banda. Foi lançado em março de
1982 pela EMI e Capitol Records. The Number of the Beast marcou a estreia do novo vocalista
Bruce Dickinson, que entrou para o lugar de Paul Di'Anno, e o último álbum com o baterista Clive
Burr.

Recebeu um considerável sucesso comercial e critico, um marco da banda, visto tornar-se o


seu primeiro álbum a alcançar a posição #1 nas vendas. Contém algumas das mais famosas
canções do grupo, como "The Number of the Beast" e "Run to the Hills", com a segunda a ser o
primeiro single da banda a entrar no Top 10 no Reino Unido.

Particularmente nos Estados Unidos, o álbum criou grande controvérsia por utilizar temáticas
religiosas em algumas das composições e na arte da capa, o que acabou por trazer uma espécie
de publicidade gratuita para a banda, alavancando ainda mais o seu sucesso.

Elevou o IRON MAIDEN ao patamar de mega-banda e tornou-se um verdadeiro marco para


a história da música pesada em geral. Daqui saíram alguns dos maiores clássicos da banda, como
"Run to the Hills", "Hallowed be thy Name" e a própria "The Number of the Beast".

Já na primeira faixa, "Invaders", a banda mostra à que veio. O entrosamento das guitarras
de Adrian Smitth e Dave Murray é monstruoso, Clive Burr se mostrava cada vez mais preciso e
agressivo, Steve Harris já se tornava um dos maiores baixistas do Heavy Metal, com sua técnica
apurada, velocidade e feeling estonteantes, e Bruce Dickinson mostra que definitivamente vinha
para ficar, sua interpretação e personalidade davam vida as letras de Harris, e sua técnica vocal
deu mais liberdade criativa aos demais músicos. A letra fala sobre uma batalha entre Vikings e
Saxões, na qual os Vikings saíram vitoriosos.

Na semi-balada "Children of the Damned", Dickinson é o destaque, seu alcance vocal é


impressionante. A forma que a música vai crescendo e se tornando poderosa é sua principal
característica. Uma letra forte contrasta com uma canção cheia de melodias, tanto nas guitarras
quanto no baixo.

"The Prisioner", é um verdadeiro petardo. Direta e com um refrão grudento cantado com o
apoio dos backing vocals, ela pega o ouvinte de surpresa com sua levada mais Hard, sem muitas
frescuras. O baixo de Harris novamente impressiona com sua versatilidade. Sua letra é baseada na
série de mesmo nome, inclusive tendo sua introdução tirada de um diálogo da mesma.

"22 Acacia Avenue" é a mais pesada do álbum e a melhor (na minha opinião), figurando
facilmente entre as melhores da banda. O riff inicial é empolgante, e o solo melancólico de Adrian
Smith está entre os melhores da história da banda. A letra também é marcante e fala novamente
sobre a prostituta Charlotte, já citada na música "Charlotte the Harlot", do primeiro disco. Uma
música empolgante do inicio ao fim, onde todos os músicos se destacam individual e
coletivamente.
"The Number of the Beast" é uma das músicas mais importantes da história da banda.
Apesar de uma letra não tão interessante, ela causou polêmica na época. Por causa do álbum e
desta música, a banda foi acusada de incitar o culto ao demônio, quando tudo não passava de
diversão para os músicos, que aproveitavam o marketing gerado pelas críticas de forma a
venderem ainda mais cópias do álbum. A introdução narrada por Barry Clayton é um dos pontos
altos nos shows da banda, e o riff inicial também é um dos mais conhecidos do Heavy Metal.

"Run to the Hills", o maior 'hit' do álbum e presença confirmada em todos os shows da
banda, especialmente no 'bis'. A famosa levada de bateria e riffs que introduzem a música chamam
a atenção já de cara, o refrão é daqueles que não saem da cabeça, mas o ritmo galopante imposto
por Harris e Burr ao restante da música é que a tornam incrivelmente empolgante. A letra fala
sobre a invasão da América do Norte pelos europeus e a morte dos índios que lá habitavam.

"Gangland" é a que menos se destaca, pois soa um pouco forçada, mas possui um refrão
interessante e melhora com o decorrer da música. Essa faixa poderia ter sido facilmente
substituída por Total Eclipse, que ficou deixada como lado B de um Single, como sobra de estúdio.
"Total Eclipse" é uma música bastante cadenciada, mas não menos empolgante o restante do
álbum. A música dá uma acelerada em certo momento, mas Dickinson a torna realmente
interessante com sua interpretação por volta de 3 minutos e 5 segundos de execução.

O desfecho se dá com a épica "Hallowed be thy Name", outro grande clássico onde Harris
pela primeira vez apresenta um estilo que adotaria, muitas outras vezes, em álbuns mais recentes
da banda: introdução lenta seguida de uma música bombástica. Porém, nesta primeira experiência
neste estilo, tudo se encaixa na medida certa, tornando-a uma das músicas preferidas dos fãs. A
letra é magnífica, demonstrando mais este talento incrível da dupla Harris e Dickinson, e conta a
história de um homem prestes a ser mandado para a forca.

Enfim, um dos álbuns mais completos e importantes da história do MAIDEN e da música


pesada em geral. Obrigatório na discografia de qualquer fã de Heavy Metal. [1]

(1/9) Invaders (3:22) Invasores

Longboats have been sighted Galeras foram avistadas


the evidence of war has begun A evidência de uma guerra se iniciou
Many Nordic fighting men Muitos guerreiros nórdicos
their swords and shields all gleam in the sun Suas espadas e escudos brilham ao sol
Call to arms defend yourselves Corram às armas, defendam-se
get ready to stand and fight for your lives Preparem-se para resistir e lutar por suas vidas
Judgement day has come around O dia do julgamento chegou
so be prepared don't run stand your ground Entao prepare-se, não corra, defenda sua terra

They're coming in from the sea Eles estão vindo do mar


They've come the enemy Eles estão vindo, o inimigo
Beneath the blazing sun Sob o sol brilhante
The battle has to be won A batalha tem de ser vencida
Invaders... Pillaging Invasores... pilhando
Invaders... Looting Invasores... saqueando

Set ablaze the camp fires Coloquem fogo nos campos


alert the other men from inland Alertem os outros homens do interior
Warning must be given O aviso deve ser dado
there's not enough men for a stand Não existem homens suficientes para resistir
The Vikings are too many Os vikings são muitos
too powerful to take on our own Muito poderosos para sozinhos os enfrentarmos
We must have reinforcements Nós temos de ter reforços
we cannot fight this battle alone Nós não podemos lutar esta batalha sozinhos

They're coming over the hill Eles estão vindo das colinas
They've come to attack Eles estão vindo para atacar
They're coming in for the kill Eles estão vindo para a matança
There's no turning back Não há como voltar
Invaders... Fighting Invasores... lutando
Invaders... Marauding Invasores... saqueando

Axes grind and maces clash Machados trituram e maças se chocam


as wounded fighters fall to the ground Enquanto guerreiros feridos caem ao chão
Severed limbs and fatal woundings Membros decepados e cadáveres
bloody corpses Cadáveres sangrentos
lay all around fatalmente por todos os lados
The smell of death and burning flesh O cheiro de morte e carne queimada
The battle weary fight to the end A batalha caminha para o fim
The Saxons have been overpowered Os saxões foram derrotados
victims of the mighty Norsemen Pelos poderosos homens do norte

You'd better scatter and run Melhor se separarem e correrem


The battle's lost and not won A batalha foi perdida e não vencida
You'd better get away Vocês devem fugir
To fight another day Para lutar um outro dia
Invaders... Raping Invasores... estuprando
Invaders... Plundering Invasores... saqueando

(2/9) Children Of The Damned (4:33) Filhos da condenação

He's walking like a small child Ele está andando como uma pequena criança
But watch his eyes burn you away Mas veja os olhos dele queimarem você
Black holes in his golden stare Buracos negros em seu olhar dourado
God knows he wants to go home Deus sabe que ele quer ir para casa
Children of The Damned Filhos da condenação
… ...

He's walking like a dead man Ele está andando como um homem morto
If he had lived Se ele tivesse vivido
he would have crucified us all teria crucificado a todos nós
Now he's standing on the last step Agora ele está parado no último degrau
He thought oblivion, well it beckons to us all Ele esquece de tudo e acena a nós todos
Children of The Damned Filhos da condenação
… ...

Now it's burning his hands, he's turning to laugh Agora que queima sua mão, ele se vira para rir
Smiles as the flames sear his flesh Sorri enquanto a chama consome sua carne
Melting his face, screaming in pain Derretendo sua face que grita de dor
Peeling the skin from his eyes Arrancando a pele de seus olhos
Watch him die according to plan Veja-o morrer de acordo com o plano
He's dust on the ground, what did we learn Ele é poeira no chão, o que nós aprendemos?

You're Children of The Damned Vocês são filhos da condenação


Your back's against the wall Suas costas estão contra a parede
You turn into the light Vocês vieram para a luz
You're burning in the night Vocês estão queimando na noite
You're Children of The Damned Vocês são filhos da condenação
Like candles watch them burn Como velas veja-os queimarem
Burning in the light Queimando na luz
You'll burn again tonight Vocês irão queimar novamente hoje à noite
You're Children of The Damned Vocês são filhos da condenação

(3/9) The Prisoner (6:00) O Prisioneiro

We want information, Queremos informação,


information, information informação, informação
Who are you? Quem é você?
The new number two. O novo número dois.
Who´s number one? Quem é o número um?
You are number six. Você é o número seis.
I´m not a number ya. Eu não sou um número.
I´m a free man! Eu sou um homem livre!
Hahahahaha! Hahahahaha!

I'm on the run, I'll kill to eat, Correndo, matar para comer
Starving now, feeling dead on my feet. Você está faminto, morto embora de pé
Going all the way, I'm nature's beast. Se tornando um animal
Do what i want, I do as i please. Faça o que quero e como peço

Run, you've gotta fight, to breathe, it's tough. Corra, lute, respirar é difícil
Now you see me, now you don't. Agora você me vê, agora não
Break the walls, I'm coming out. Quebre as paredes, eu estou saindo

I'm not a prisoner, I'm a free man, Eu não sou um prisioneiro, sou um homem livre
And my blood is my own now. E meu sangue me pertence agora
Don't care where the past was, Não importa onde estava o passado
I know where I'm going...out. Eu sei para onde estou indo... para fora

If you kill me, it's self defence. Se você me matar é defesa própria
If I kill you, then I call it vengeance. Se eu te matar eu chamo isso de vingança
Spit in your eye, I will defy. Cuspo no seu olho, eu desafio
You'll be afraid Você vai estar com medo
when I call out your name. quando eu chamar o seu nome

Run, you've gotta fight, to breathe, it's tough. Corra, lute, respirar é difícil.
Now you see me, now you don't. Agora você me vê, agora não
Break the walls, I'm coming out. Quebre as paredes, eu estou saindo

I'm not a prisoner, I'm a free man, Eu não sou um prisioneiro, sou um homem livre
And my blood is my own now. E meu sangue me pertence agora
Don't care where the past was, Não importa onde estava o passado
I know where I'm going. Eu sei para onde estou indo.

I'm not a number, I'm a free man, Eu não sou um número,


I'll live my life how i want to. eu sou um homem livre
You'd better scratch me Eu vou viver minha vida como eu quiser
from your black book, Você deve me riscar do seu livro preto
'Cause I'll run rings around you. Porque eu vou andar em círculos a sua volta

(4/9) 22 Acacia Avenue (6:34) Avenida Acacia, 22

If you're feeling down Se você está se sentindo por baixo


depressed and lonely deprimido e sozinho
I know a place where we can go Eu conheço um lugar aonde podemos ir
22 acacia avenue Avenida Acacia 22
meet a lady that I know encontrar uma dama que conheço
So if you're looking for Então se você está em busca
a good time de um bom momento
And you're prepared to pay the price E você está preparado para pagar o preço
Fifteen quid is all she asks for Quinze libras é tudo que ela pede em troca
Everybody's got their vice Todo mundo tem seu vício

If you're waiting for a long time Se você está esperando por um longo tempo
for the rest to do their piece os outros acabarem
You can tell her that you know me Você pode dizer a ela que você me conhece
and you might even get it free e talvez você leve de graça
So any time you're down the east end Então toda vez que estiver no lado oeste
don't you hesitate to go não hesite em ir
You can take my honest word for it Você tem minha palavra de honra
she'll teach you more than you can know ela vai te ensinar mais do que você pode saber

Charlotte can't you get out Charlotte você não pode se afastar
from all this madness de toda essa loucura?
Can't you see it only brings you sadness Não consegue ver que isto só te traz tristeza?
When you entertain your men Quando você distrai seu homens
don't know the risk of getting disease não sente o risco de pegar doenças?

Some day when you're reaching Algum dia quando você chegar
the age of forty a idade de 40 anos
I bet you'll regret the days Aposto que você vai lamentar os dias
when you were laying Quando estava mentindo
Nobody then will want to know Então ninguém mais vai querer saber
You won't have any beautiful wares Você não terá mais coisas bonitas
to show any more para mostrar nunca mais

22, the avenue that's the place where we all go 22, a avenida que é o lugar onde todos vamos
You will find it's warm inside the red Você vai achar aconchegante lá dentro as luzes
Lights burning bright tonight vermelhas brilhando à noite

Charlotte isn't it time you stopped Charlotte, não é hora de você parar
this mad life com essa vida louca
Don't you ever think about the bad times Você nunca pensa nos tempos ruins?
Why do you have to live this way Porque você tem de viver desta forma?
Do you enjoy your lay or is it the pay Você gosta de sua vida ou é pelo dinheiro?

Sometimes when your strolling Algumas vezes quando você passeia


down the avenue Avenida abaixo
The way you walk it make men Seu jeito de andar faz os homens
think of having you pensarem em tê-la
When you're walking down the street Quando você está andando pelas ruas
Everybody stops and turns to stare at you Todos param e se voltam para observar você
22, the avenue that's the place where we all go 22, a avenida que é o lugar onde todos vamos
You will find it's warm inside the red Você vai achar aconchegante lá dentro as luzes
Lights burning bright tonight vermelhas brilhando à noite

Beat her mistreat her Bata nela, maltrate-a,


do anything that you please faça qualquer coisa que quiser
Bite her excite her Morda ela, excite-a,
make her get down on her knees faça-a ficar de joelhos
Abuse her misuse her Abuse dela, use-a,
she can take all that you've got ela pode te dar tudo o que você quiser
Caress her molest her Acaricie-a, moleste-a,
she always does what you want ela sempre faz o que você quer

You're running away Você está fugindo,


don't you know what you're doing não percebe o que esta fazendo?
Can't you see it'll lead you to ruin Não consegue ver que isto levará você à ruína?
Charlotte you've taken your life Charlotte você teve a sua vida
and you've thrown it away e a desperdiçou

You believe that because what you're earning Você acredita nisso porque é o que tem ouvido
Your life's good don't you know Sua vida é boa, não sabe
that you're hurting que está machucando
All the people that love you Todas as pessoas que te amam,
don't cast them aside não os deixe de lado
All the men that are constantly Todos os homens que estão constantemente
drooling gracejando
It's no life for you Não é vida para você,
stop all that screwing pare com toda essa maluquice
You're packing your bags Você faz suas malas
and you're coming with me e você vem comigo

(5/9) The Number Of The Beast (4:49) O Número da Besta

"Woe to you, oh, earth and sea "Ai de vós, oh, terra e mar
For the devil sends the beast with wrath Pois o demônio envia a besta com ódio
Because he knows the time is short Porque ele sabe que o tempo é curto
Let him who hath understanding reckon Deixe aquele que compreende reconhecer
The number of the beast O número da besta
for it is a human number porque é um número humano
Its number is six hundred and sixty six" Seu número é seiscentos e sessenta e seis"

I left alone, my mind was blank Saí sozinho, minha mente estava vazia
I needed time to think to Precisava de tempo para pensar e para
Get the memories from my mind Tirar as memórias de minha mente

What did I see, can I believe O que eu vi, posso acreditar?


That what I saw that night was real Que aquilo que vi naquela noite era real
And not just fantasy E não apenas fantasia

Just what I saw, in my old dreams O que eu vi, nos meus sonhos antigos
Were they reflections of my warped mind Eram reflexos da minha mente distorcida
Staring back at me Olhando para mim
'Cause in my dreams, it's always there Porque nos meus sonhos, está sempre lá
The evil face that twists my mind and brings A face do mal que retorce minha mente e
Me to despair Me leva ao desespero

The night was black, A noite estava negra,


was no use holding back não dava para se esconder
'Cause I just had to see, Porque eu tinha que ver,
was someone watching me alguém me observando
In the mist, Na névoa,
dark figures move and twist formas escuras se moviam e se retorciam
Was all this for real, or just some kind of hell Tudo isso era real, ou só algum tipo de inferno?
666, the number of the beast 666, o número da besta
Hell and fire was spawned to be released Inferno e fogo nasceram para serem liberados

Torches blazed Tochas queimadas


and sacred chants were praised e cânticos sagrados foram louvados
As they start to cry Como eles começam a chorar,
Hands held to the sky Mãos erguidas ao céu
In the night, Noite adentro,
the fires are burning bright os fogos queimam brilhantemente
The ritual has begun, O ritual começou,
satan's work is done o trabalho do satanás estava feito
666, the number of the beast 666, o número da besta
Sacrifice is going on tonight Sacrifício está ocorrendo esta noite

This can't go on, I must inform the law Isto não pode continuar, devo informar a lei
Can this still be real or just some crazy dream Pode ainda ser real ou apenas um sonho louco?
But I feel drawn towards Mas me sinto atraído
the chanting hordes pelas hordas que cantam o mal
They seem to mesmerize Elas parecem hipnotizar
Can't avoid their eyes Não posso evitar seus olhos
666, the number of the beast 666, o número da besta
666, the one for you and me 666, o único pra você e pra mim

I'm coming back, I will return Estou voltando, vou retornar


And I'll possess your body Possuirei seu corpo
and I'll make you burn e o farei queimar
I have the fire, I have the force Eu tenho fogo, tenho o poder
I have the power Eu tenho o poder
to make my evil take it's course para fazer o meu mal seguir adiante

(6/9) Run To The Hills (3:50) Corram Para As Colinas

White man came across the sea O homem branco veio pelo mar
He brought us pain and misery Nos trouxe dor e miséria
He killed our tribes, he killed our creed Matou nossas tribos, matou nossas crenças
He took our game Levaram nossa caça
for his own need para sua própria necessidade

We fought him hard, we fought him well Nós lutamos duramente, nós lutamos bem
Out on the plains, we gave him hell Nas planícies, demos-lhe o inferno
But many came, too much for Cree Mas muitos vieram, demais para Cree
Oh, will we ever be set free? Oh, será que algum dia estaremos livres?
Riding through dustclouds Cavalgando por nuvens de poeira
and barren wastes e desertos áridos
Galloping hard on the plains Galopando bravamente pelas planícies
Chasing the redskins Perseguindo os peles-vermelhas
back to their holes de volta em seus buracos
Fighting them at their own game Combatendo-os em sua próprio jogo
Murder for freedom, Assassine pela liberdade,
a stab in the back uma apunhalada nas costas
Women and children and cowards attack Mulheres, crianças e covardes atacam

Run to the hills, run for your lives Corram para as colinas, corram por suas vidas
Run to the hills, run for your lives Corram para as colinas, corram por suas vidas

Soldier blue in the barren wastes Soldado azul nos desertos áridos
Hunting and killing for game Caçando e matando por diversão
Raping the women Estuprando as mulheres
and wasting the men e arruinando os homens
The only good Indians are tame Os únicos índios bons estão domados
Selling them whisky and taking their gold Vendendo uísque e levando o seu ouro
Enslaving the young Escravizando os mais jovens
and destroying the old e matando os velhos

Run to the hills, run for your lives Corram para as colinas, corram por suas vidas
… ...

(7/9) Gangland (3:47) Gangland

Shadows may hide you but also Sombras podem esconder, mas também
may be your grave. podem ser sua sepultura.
You're running today Você está correndo hoje
maybe tomorrow you'll be saved. talvez amanhã você seja salvo.
You pray for daylight to save you Você reza para que a luz do dia te salve
for a while. por algum tempo.
You wonder if your children will face Você se pergunta se seus filhos
the killer's smile. verão o sorriso do assassino.

Dead men - tell no tales, Homens mortos - não contam histórias


In Gangland - murder's up for sale. Em Gangland - assassinatos a venda
Dead men - tell no tales, Homens mortos - não contam histórias
In Gangland – Em Gangland –
where the jailbirds die. onde passaros engaiolados morrem

Face at the window leers into your own. Olhe para a janela e veja dentro de ti
But it's only your reflection, Mas é apenas seu reflexo,
still you tremble in your bones. mesmo que você tenha tremido.
How long can you hide? Quanto tempo você pode se esconder?
How long 'til they come? Quanto tempo até eles chegarem?
A rat in a trap Um rato em uma armadilha
but you've got to survive. mas você tem de sobreviver

Once you were glad Uma vez você estava feliz


to be free for a while. por estar livre algum tempo
The air tasted good O ar cheirava bem
and the world was your friend. e o mundo era seu amigo
Then came the day when Depois veio o dia em que
the hard times began. os tempos ruins começaram
Now you're alone Agora você está só
but alive for how long? mas vivo por quanto tempo?

A knife at your throat, another body on the pile. Uma faca em sua garganta, outro corpo na pilha
A contract to keep Um contrato para manter
and it's service with a smile. e é feito com um sorriso
Murder for vengeance Assassinato por vingança
or murder for gain. ou assassinato por lucro
Death on the streets or a blacked out jail. Morte nas ruas ou uma cela escura

Dead men - tell no tales, Homens mortos - não contam histórias


In Gangland - murder's up for sale. Em Gangland - assassinatos a venda
Dead men - tell no tales, Homens mortos - não contam histórias
In Gangland – Em Gangland –
where the jailbirds die. onde passaros engaiolados morrem

In Gangland you tell no tales Em Gangland você não conta mentiras

(8/9) Total Eclipse (4:28) Eclipse Total

Cold as steel Fria como aço


the darkness waits it's hour will come. a escuridão espera, sua hora vai chegar
A cry of fear Um grito de medo
from our children worshipping the sun. dos escolhidos que adoram o sol
Mother nature's black revenge on those A negra vingança da Mãe Natureza Direcionada
who waste her life. para quem disperdiça a vida dela
War babies in the garden of Eden, Bebês de guerra no Jardim do Eden
Shall turn our ashes to ice. Irão transformar nossas cinzas em gelo.

Sunrise has gone freezing up the fires. O sol não nasceu, congelando todos os fogos
Sunrise has gone numbing our desires. O sol não nasceu, paralisando todos os desejos

Around the world the people stop, Ao redor do mundo as pessoas param
With terror stricken eyes. com o terror nos olhos
A shadow cast upon them all, Uma sombra ao redor de todos
To crush them like a fly. para apanhá-los como moscas
In the icy rain and whiplashed seas, Na chuva de gelo e mares agitados
There's nowhere left to run. não existe lugar para correr
The hammer blows of winter fall Uma martelante queda do inverno acontece como
like a hurricane. um furacão

Around the world the nations wait, Ao redor do mundo as nações esperam
For some wise word from their leading light. Por algumas palavras sábias da liderança
You know it isn't only madmen Você sabe que não são apenas loucos
who listen to fools. que ouvem os idiotas
Is this the end, the millions cried, Será o fim? Milhões gritaram
Clutching their riche Agarrando-se às suas riquezas
as they died. enquanto morriam.
Those who survive Os que sobreviverem
must weather the storm. devem vencer a tempestade

Gone are the days when man Acabados estão os dias em que os homens
looked down. olhavam para baixo
They've taken away his sacred crown. Eles retiraram a coroa sagrada
To be set free, it took so long. Para serem livres, isso demorou tanto
It's not journeys' end, it's just begun. Não é o fim da jornada, é apenas o início.

(9/9) Hallowed Be Thy Name (7:10) Santificado Seja Vosso Nome

I'm waiting in my cold cell, Aguardo em minha fria cela,


when the bell begins to chime quando o sino começa a soar
Reflecting on my past life Reflito sobre minha vida passada
and it doesn't have much time e já não há mais tanto tempo
'Cause at 5 o'clock Pois às 5 em ponto
they take me to the gallows pole eles me levarão para a forca
The sands of time As areias do tempo
for me are running low para mim estão se esgotando

When the priest comes to read me the last rites Quando o padre vem me ler os ritos finais
I take a look through the bars Eu dou uma olhada através das grades
at the last sights numa última visão
Of a world that has gone very wrong for me De um mundo que deu muito errado para mim

Can it be that there's some sort of error Será que pode ter havido algum tipo de erro?
Hard to stop the surmounting terror É difícil controlar o terror que me vence
Is it really the end, not some crazy dream? Será realmente o fim, e não um sonho louco?

Somebody please tell me that I'm dreaming Alguém por favor me diga que estou sonhando
It's not so easy to stop from screaming Não é tão fácil parar de gritar
But words escape me when I try to speak Mas palavras me escapam quando tento falar
Tears flow but why am I crying Lágrimas rolam, mas porque estou chorando?
After all I'm not afraid of dying Afinal eu não tenho medo de morrer
Don't I believe that there never is an end Não acredito eu que nunca há um fim?

As the guards march me out to the courtyard Enquanto os guardas me conduzem ao pátio
Somebody cries from a cell Alguém grita de uma cela
"god be with you" "Deus esteja com você"
If there's a god then Se existe um Deus,
why has he let me go? porque ele me deixa morrer?

As I walk À medida que ando


all my life drifts before me minha vida passa diante de mim
Though the end is near I'm still not sorry Apesar do fim estar próximo não me arrependo
Catch my soul, it's willing to fly away Segure minha alma, pois ela está prestes a voar

Mark my words Escreva minhas palavras


please believe my soul lives on acredite, minha alma ainda vive
Please don't worry now that I have gone Não se preocupe agora que eu me fui
I've gone beyond to see the truth Pois fui ao além para ver a verdade

When you know Quando você souber


that your time is close at hand que sua hora está chegando
Maybe then you'll begin to understand Talvez então você comece a entender
Life down here Que a vida aqui embaixo
is just a strange illusion é apenas uma estranha ilusão
Hallowed be thy name Santificado seja o vosso nome

Este é um dos melhores álbuns de heavy metal do planeta (diria da Via Láctea e
adjacências!) de todos os tempos. Uma pequena mudança na banda acontece. Pequena mesmo, o
inglesinho de 1,68m, Paul Bruce Dickinson entra no lugar de Paul Di'Anno. E a história da música
passa a existir como AB/DB!

INVADERS: fala sobre a invasão dos Vikings na Inglaterra. Os Vikings são uma antiga civilização
nórdica, da escandinávia (Suécia, Noruega e Dinamarca). Além de colonizadores e comerciantes,
eram também conquistadores e engajaram-se na conquista dos demais territórios europeus como a
França, Bretanha e ilhas do Atlântico Norte, tendo seu apogeu nos séculos VIII e IX.

Os ataques dos Vikings, principalmente os dinamarqueses, contra os ingleses, começaram


por volta do ano de 793. Tomaram vários reinos ingleses, ficaram por ali e passaram a
comercializar. A área inglesa sob domínio dinamarquês era chamada de Danelaw, onde as leis
dinamarquesas prevaleciam.

Depois disso foi aquela velha bagunça de povo conquistando povo: os ingleses recuperaram
o território, depois perderam de novo para os dinamarqueses que depois perderam para os
normandos (que eram vikings franceses por assim dizer).

CHILDREN OF THE DAMNED: é resultado de duas obras televisivas vistas por Harris, “Village of
the Damned” e “Children of the Damned”, filme de ficção científca lançado em 1964 pelo diretor
Anton Leader, que tratam de crianças com poderes psíquicos.
Dizem também que Bruce Dickinson afirmou, em seu antigo programa na Radio 6 BBC, ser
esta música inspirada pela faixa “Children of the Sea”, do Black Sabbath na fase Ronnie James
Dio.

THE PRISONER: baseada em uma série de TV dos anos 60, estrelada por Patrick McGoohan.
Na série, o agente abandona o serviço secreto britânico e é preso quando chega em casa.
Ele é levado para “The Village” onde os nomes são trocados por números. Ele é o número 6. Na
medida que o sujeito avança na hierarquia, seu número diminui até o 1, que manda no lugar.

A intro da música "We want information, information, information Who are you? The new
number two. Who´s number one? You are number six. I´m not a number ya. I´m a free man!
Hahahahaha!" faz parte do segundo capítulo do seriado, The Chimes Of Big Ben.

22 ACACIA AVENUE: segue com a saga da prostituta Chartlotte, que começou lá no primeiro
álbum. Acacia Avenue dá nome para mais de 60 ruas no Reino Unido. A Acacia Road mais
próxima onde Steve Harris nasceu, Leytonstone, fica em Hornchurch.

THE NUMBER OF THE BEAST: para entender a motivação que levaria o Iron Maiden a escrever
uma música mencionando um ritual satânico sem muito rodeio, precisamos voltar um pouco no
tempo. Os anos 70 foram os anos do rock progressivo. Era o ápice do eruditismo no rock. Bandas
como Pink Floyd e Jethro Tull incorporavam temas e instrumentos eruditos em suas músicas
conceituais. Paralelamente, o Hard Rock e o Heavy Metal estavam consolidados na imagem de
Bandas como o Led Zeppelin e o Deep Purple.

Não é incomum na arte que um novo estilo seja radicalmente oposto ao anterior, isso
também ocorre no rock. Na metade dos anos 70 nascia o Punk Rock, um estilo agressivo
caracterizado pela radicalização política e a filosofia do “faça você mesmo”. Porém, quando o punk
começou a se firmar no cenário inglês, o heavy metal ameaçava ser deixado de lado, mas a
resposta veio à altura, nascia o New Wave of British Heavy Metal.
O NWOBHM trazia de volta alguns elementos do heavy metal que já eram praticado nos
anos 70, mas incrementava com tempos mais rápidos e som mais pesado, e mesmo alguns
elementos do punk. Era um estilo jovem, condizente com aquele momento de transição tanto
musical quanto político. Foi o NWOBHM que possibilitou estilos de metal mais extremos como o
thrash metal e o death metal.

Inserido no NWOBHM, o Iron Maiden se diferenciava das outras bandas de sua época.
Enquanto as outras bandas cantavam sobre política, sexo e drogas, a banda de Steve Harris
estava cantando sobre história (Genghis Khan) e literatura (Phantom of the Opera), ainda que, no
começo da banda, fosse possível perceber as influencias de sua época. No single Sanctuary
vemos o Eddie assassinando a então primeira-ministra Margaret Thatcher.

Outro fator importante a ressaltar é que, nos anos 80, o histórico da religião contra o rock era
bem recheado. A igreja se posicionava contra este estilo de música desde a época dos Beatles, e
nada melhor para incentivar alguém do que proibí-lo. Citações e críticas a elementos religiosos
cresceram no rock de forma vertiginosa após John Lennon dizer que era mais famoso que Jesus.
As críticas vão desde o “no religion too” da musica “Imagine”, do próprio Lennon, até bandas
declaradamente satânicas de black metal. Mas é importante saber separar as coisas, algumas
vezes os elementos religiosos não são utilizados como crítica, apenas como elementos de terror.

Nada melhor que o sobrenatural para criar um ambiente de horror na arte. Ninguém
estranhou a explicação para os primeiros filmes de George A. Romero para os zumbis. A lógica era
simples, o inferno estava lotado, os mortos não tinham outro lugar para andar que não fosse a
própria terra!

O terror como gênero artístico ajudou a fundar o Heavy Metal. O Black Sabbath com suas
letras sombrias, fazendo referencias a rituais pagãos, moldaram muito do que seria a estética do
Metal. Mesmo quando não relacionados com religião, os temas como morte, violência, ocultismo
são marcantes no gênero até hoje. A donzela de ferro teve como um de seus principais méritos não
se deixar levar pela onda minimalista de sua época, mas produzir músicas contestadoras de
formas variadas, com um pouco do eruditismo dos anos 70 em suas composições.

Aparentemente, (entenda: “eu li na Wikipédia que...”) uma das inspirações de Steve Harris
na composição de The Number of the Beast é um poema escrito no fim do século XVIII chamado
Tam o' Shanter, do escritor escocês Robert Burns (1759 - 1796).

O poema, escrito em escocês misturado com inglês, fala de uma visão de Tam o'Shanter
voltando para casa depois de muito tempo em um pub, deparou com bruxas fazendo um ritual
sombrio, então foi perseguido e morto por uma delas.

A semelhança mais marcante com a música do Iron Maiden é o fato de ser um poema
narrativo, ou seja, um poema com enredo, um conceito que é muito utilizado no heavy metal até
hoje. Talvez os críticos religiosos não tenham percebido que nem sempre as músicas querem
convencer o ouvinte de algo. Quem ouve metal sabe que é normal uma música apenas contar uma
boa história, porém, se analisamos uma obra de forma parcial, com uma leitura direcionada,
encontraremos mensagens satânicas até na música dos Bananas de Pijamas!

A introdução contém duas passagens da bíblia, Apocalipse 12:12 e 13:18, narrada por Barry
Clayton, um locutor da rádio Capital 95.8, que ainda funciona e tem o slogan: “the uk's no.1 hit
music station”.

Não sabemos o que pode ter passado exatamente na cabeça de Steve Harris quando ele
compôs um dos principais clássicos do rock. Talvez até possa ter sido inspiração do Cão Sarnento
Chupador de Manga (vulgo “Lú”), mas olhar para esta pérola sonora com tal preconceito, pode
privar uma experiência musical única.

RUN TO THE HILLS: a música fala das guerras que os colonos americanos travaram com os
nativos dos EUA. É interessante como a letra é informativa e ao mesmo tempo sonora. Não é fácil
narrar eventos históricos sem dar uma de professor, mas isso Steve Harris consegue fazer muito
bem. Até dá pra imaginar as cenas dos cruéis soldados queimando vilas e matando Índios.

Antes dos Ingleses chegarem, a América do Norte era dividida por várias tribos, em geral,
caçadoras e coletoras. Diferentemente das civilizações da América central e dos Andes, eles não
tinham escrita nem grandes cidades, mas eram povos complexos, com rituais e mitos
diversificados, além de diversas formas de organização social. A base, entretanto, segue a lógica
tribal do poder aos mais velhos, divisão do trabalho entre homens e mulheres e muitos rituais de
passagem.

Ouvimos falar que a facilidade dos espanhóis em destruir toda a civilização ameríndia veio
da diferença cultural das duas civilizações, e isso teria causado a errada impressão que os
espanhóis eram deuses. Apesar de realmente haver profecias de alguns povos sobre deuses
vindos do mar e, em alguns lugares (como no Havaí), realmente os brancos terem sido tratados
como representações de divindades, só isso é muito pouco para justificar o fim de uma civilização
tão numerosa. O fator principal da vitória dos europeus deve-se, além da superioridade militar, à
determinação em conquistar a América a qualquer custo. Os espanhóis foram tão cruéis em suas
ações e tão mesquinhos em suas estratégias e traições, que um povo mais espiritual como os
nativos da América não estavam preparados para enfrentar. A forma como eles tratavam os
escravos e destruíam as vilas deixaram perplexos o povo que viveu tanto tempo isolado.

Voltando para a música, ela mostra o lado norte-americano da conquista e exprime muito
bem o horror que nós brancos podemos causar quando achamos necessário. Apesar de os
americanos terem sido famosos em sua luta pela liberdade e pela democracia, eles não mediram
esforços para tomar as terras indígenas e praticar um genocídio no processo. O pensamento de
tomar à força o que interessa não é exclusividade dos americanos. Até o fim da segunda guerra
mundial, ainda se acreditava que o europeu colonizador estava levando civilização aos nativos.

GANGLAND: parece falar sobre um ex-gangster apavorado pelo seu passado. Falando em gangs,
nos EUA existem dados que tratam apenas dos perfis dos gangsters, que constam no National
Gang Center, subordinado a BJA (Bureau of Justice Assistence).

TOTAL ECLIPSE: descreve um eclipse total, onde todos ficam aterrados de medo diante da
escuridão total.

HALLOWED BE THY NAME: por fim, esperando em sua cela, sem muito tempo para pensar na
vida passada, pois às 5 horas o levarão para a forca, os sinos começam a tocar. As areias do
tempo vão acabando, devagar... E assim termina a narração de um pré- enforcamento!

Após este álbum o baterista Clive Burr deu lugar a Nicko Mcbrain. A banda faz mais sucesso
ainda e parte para a maratona de álbuns e tours pelo mundo. Mas é só o começo do sucesso da
Donzela!

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


1983
1. Where Eagles Dare Harris 6:10
2. Revelations Dickinson 6:48
3. Flight of Icarus Dickinson, Smith 3:51
4. Die With Your Boots On Dickinson, Smith, Harris 5:28
5. The Trooper Harris 4:15
6. Still Life Murray, Harris 4:53
7. Quest for Fire Harris 3:41
8. Sun and Steel Dickinson, Smith 3:26
9. To Tame a Land Harris 7:27

Piece of Mind é o quarto álbum de estúdio do Iron Maiden, lançado em 16 de maio de 1983.
Ele marca a entrada do baterista Nicko McBrain na banda. O álbum mantém o estilo pesado de
The Number of The Beast, mas com um pouco mais de técnica, e suas letras começam a definir
melhor o perfil de músicas mais trabalhadas e com mais conceito, falando de guerras e temas de
filmes e livros (o que já acontecia desde os primeiros álbuns, mas em escala menos significativa).

Dois singles foram lançados, "Flight of Icarus" e "The Trooper", com a segunda se tornando
uma das canções mais conhecidas da banda. Piece of mind significa pedaço da mente (daí a capa
ser Eddie pós-lobotomia), e é um trocadilho com a expressão inglesa "peace of mind" que significa
"paz de espírito".

Deste álbum saíram tantos clássicos quanto de seu antecessor. Trata-se de um disco muito
mais técnico que os anteriores, com músicas mais longas e trabalhadas. As melodias são
marcantes, mas o peso é constante. Costumo dizer que este é o trabalho que define a sonoridade
do IRON MAIDEN, servindo de base para tudo que eles fariam dali pra frente

A sequência inicial das músicas é uma das mais interessantes da história do Heavy Metal,
contando com cinco verdadeiros hinos da música pesada: "Where Eagles Dare", "Revelations",
"Flight of the Icarus", "Die With Your Boots On" e "The Trooper".

"Where eagles dare" inicia o desfile de clássicos e já de cara Nicko McBrain mostra por que
foi escolhido para substituir Burr. Sua técnica, mais apurada que a do ex-baterista, e seu
entrosamento imediato com Steve Harris, permite a banda dar mais peso e variedade às músicas.
Esta é uma das faixas mais pesadas da história da banda e relata um ataque a uma base nazista
no alto de uma montanha, durante a Segunda Guerra Mundial.

Na sequência, a cadenciada mas não menos pesada "Revelations", mantém o nível elevado
do disco. As melodias e riffs marcantes envolvem a música num clima soturno, mas o destaque fica
por conta de Bruce Dickinson, que apresenta nesta música a sua melhor interpretação na carreira
da Donzela, sendo também sua primeira composição para a banda. Impossível não imaginá-lo
cantando-a, a plenos pulmões, com sua postura e carisma já característicos.

Quando você ouve "Flight of the Icarus", pode perceber como uma banda competente
transforma uma música comercial em uma canção fantástica e envolvente. Apesar do andamento e
arranjos simples, esta é uma das faixas mais conhecidas da banda. O refrão demora a sair da
cabeça. A letra também é clássica e fala sobre o personagem mitológico Ícaro e seu desejo de voar
até tocar o sol ("Fly, on your way, like an eagle. Fly as high as the Sun On your way, like an eagle.
Fly, touch the Sun").

"Die with your boots on" tem um dos riffs mais legais do álbum e é uma música mais rápida,
com influências do Classic Rock. A música mantém o ritmo empolgante do disco especialmente
nas levadas empolgantes de Steve Harris, que imprime um feeling inacreditável à música.
"The Trooper" é o maior clássico do disco e presença confirmada nos shows da banda.
Nesta música a banda chega ao ápice do seu entrosamento. As guitarras dobradas dão o tom da
música, seu ritmo galopante imprimido pela harmonia perfeita entre baixo e bateria e refrão forte
tornam-na uma das mais empolgantes do álbum. A capa do 'single' tornou-se conhecida
mundialmente, sendo estampada de capas de cadernos a camisas.

Apesar das cinco faixas já citadas serem clássicos absolutos, a sequência final mantém a
qualidade indiscutível do álbum. "Still Life" inicia com uma brincadeira com as mensagens
invertidas que eram encontradas quando rodados os discos ao contrário, muito comuns na época e
acusadas de serem utilizadas para fazer apologia ao satanismo. A música em si é mais leve que as
demais, mas não menos empolgante. Alguns toques progressivos podem ser notados
especialmente em seu inicio. O refrão também é divertido, com Dickinson utilizando efeitos que
alteram sua voz.

"Quest for Fire" é considerada por muitos a música menos interessante de "Piece of Mind",
mas... seu ritmo lembra uma marcha, e a interpretação de Dickinson é novamente soberba, e as
guitarras de Smith e Murray são impecavelmente precisas.

Com o pé no acelerador, "Sun and Stell" é a mais rápida do disco e seu refrão é o melhor de
todo o álbum. A esta altura você já se pega perguntando como uma banda consegue colocar tantos
refrões grudentos e empolgantes em um mesmo disco.

Por fim, "To Tame a Land" define, assim como "Hallowed be thy Name" do "The Number of
the Beast", uma tradição que a banda adotaria em quase todos os seus discos: encerrá-los com
uma música épica e cheia de variações. Em toda sua extensão podemos notar melodias marcantes
e riffs fortes, mas novamente Burce Dickinson é o destaque. A letra baseada no livro 'A Duna' de
Frank Herbert é interpretada com maestria pelo vocalista, e a parte instrumental imprime o clima
exato para a canção. Apesar de tanta qualidade, a música nunca foi utilizada ao vivo pela banda.

Mais um clássico na história de uma das mais importantes bandas do Heavy Metal, que
possuí uma qualidade tão linear que fica difícil destacar uma ou outra canção. O disco é constante,
sem momentos ruins. Aprecie sem moderação! [1]

(1/9) Where Eagles Dare (6:10) Onde As Águias Ousam

It's snowing outside, the rumbling sound Está nevando lá fora, o som retumbante
of engines roar in the night de motores rugindo na noite
The mission is near A missão está próxima,
the confident men os homens companheiros
are waiting to drop from the sky esperam para pular do céu

The Blizzard goes on, but still they must fly A nevasca continua mas eles precisam voar
No one should go where eagles dare Ninguém pode ir aonde as águias ousam voar
Bavarian Alps that lay all around Os alpes da Bavaria que se estendem em volta
They seem to stare from below parecem olhar lá de baixo
The enemy lines a long time passed As linhas inimigas, após muito tempo
Are lying deep in the snow estão enterradas fundo na neve

Into the night they fall through the sky Na noite eles caem atravessando o céu
No one should fly where eagles dare Ninguém pode voar onde as águias ousam voar
Their closing in, Eles estão se aproximando,
the fortress is near a fortaleza está próxima
It's standing high in the sky está esperando lá no alto do céu
The cable car's the only way in O bonde de cabo é a única forma de entrar
it's real impossible to climb é realmente impossível subir

They make their way, but maybe too late Eles abrem caminho mas talvez muito tarde
They've got to try and save the day Eles tem de tentar ganhar o dia

The panicking cries, the roaring of guns Os gritos de pânico, o rugir das armas
Are echoing all around the valley estão ecoando por todo o vale
The mission complete, they make to scape A missão completa, eles tentam escapar
Away from the Eagles Nest do ninho da águia

They dared to go where no one would try Eles ousaram ir aonde ninguém tentaria
They chose to fly Eles escolheram voar
where eagles dare onde as águias ousam

(6/9) Revelations (6:48) Revelações

"O God of Earth and Altar, "Ó, Deus da terra e do Altar,


Bow down and hear our cry, Curve-se e escute nosso lamento.
Our earthly rulers falter, Nossos governantes terrenos vacilam.
Our people drift and die, Nosso povo definha e morre.
The walls of gold entomb us, As paredes em ouro nos sepultam,
The swords of scorn divide, As espadas do escárnio dividem,
Take not thy thunder from us, Não tomai de nós vosso trovão,
But take away our pride." Mas levai nosso orgulho."
(Gilbert K. Chesterton)

Just a babe in a black abyss, Apenas uma criança em um abismo negro


No reason for a place like this. Não há razão para um lugar como esse
The walls are cold As paredes são frias
and souls cry out in pain. e as almas gritam de dor
An easy way for the blind to go, Um caminho fácil para o cego seguir
A clever path Um caminho certo
for the fools who know. aos tolos que conhecem
The Secret of the Hangman o Segredo do Enforcado
the smile on his lips. o sorriso em seus lábios
The light of the Blind - you'll see, A luz do homem cego - você verá
The venom that tears my spine, O veneno que rasga minha espinha
The Eyes of the Nile Os Olhos do Nilo
are opening - you'll see. estão se abrindo - você verá

She came to me with a serpents kiss, Ela veio até mim com um beijo traiçoeiro
As the Eye of the Sun Enquanto o "Olho de Rá"
rose on her lips. surgiu em seus lábios
Moonlight catches silver tears I cry. O luar apanha as minhas lágrimas prateadas
So we lay in a black embrace, Então nos entregamos a um abraço de luto
And the Seed is sown in a holy place, E a semente é plantada em um lugar santo
And I watched and I waited Fiquei observando e esperei
for the dawn. pelo amanhecer

The light of the Blind - you'll see, A luz do homem cego - você verá
The venom that tears my spine, O veneno que rasga minha espinha
The Eyes of the Nile Os Olhos do Nilo
are opening - you'll see. estão se abrindo - você verá

Bind us all together, Nos mantenha todos juntos


Ablaze with Hope and Free. Nos anime com liberdade e esperança
No storm or heavy weather, Nenhuma tempestade ou tempo ruim
Will rock the boat you'll see. Irá balançar o barco - você verá
The time has come to close your eyes, Chegou a hora de fechar os seus olhos
And still the wind and rain. E abrandar o vento e a chuva
For the one who will be King, Para aquele que será o rei
Is the watcher in the Ring. Que observa tudo ao seu redor
It is You. É você.

(3/9) Flight Of Icarus (3:51) Vôo de Icaro

As the sun breaks, above the ground, Enquanto o sol surge, sobre o chão
An old man stands on the hill, Um velho está na montanha
As the ground warms, A medida que o chão se aquece,
to the first rays of light aos primeiros raios de luz
A birdsong shatters the still. O canto de um passaro quebra a monotonia

His eyes are ablazed, Seus olhos estão inflamados


See the madman in his gaze. Veja o louco com seu olhar

Fly, on your way, like an eagle, Voe, pelo seu caminho, como uma águia
Fly as high as the sun, Voe tão alto como o sol
On your way, like an eagle, No seu caminho, como uma águia
Fly touch the sun. Voe, e toque o sol

Now the crowd breaks Agora a multidão se abre


and a young boy appears e um jovem garoto aparece
Looks the old man in the eye Olha o velho nos olhos
As he spreads his wings Enquanto ele abre suas asas
and shouts at the crowd e grita para a multidão
In the name of God my father I fly. Em nome de Deus, meu pai, eu voo

His eyes seem so glazed Seus olhos parecem tão vidrados


As he flies on the wings of a dream, Enquanto ele voa nas asas de um sonho
Now he knows his father betrayed Agora ele sabe que seu pai traiu
Now his wings turn to ashes Agora suas asas tornam-se cinzas,
to ashes his grave. cinzas, sua sepultura

Fly, on your way, like an eagle, Voe, pelo seu caminho, como uma águia
Fly as high as the sun, Voe tão alto como o sol
On your way, like an eagle, No seu caminho, como uma águia
Fly touch the sun. Voe, e toque o sol

(4/9) Die With Your Boots On (5:28) Morra Lutando

Yeah! Another prophet of disaster É! Mais um profeta de desastres


Who says the ship is lost que diz que o barco afundou
Another prophet of disaster Mais um profeta de desastres
Leaving you to count the cost deixando você com a conta do prejuízo
Taunting us with visions Nos provocando com visões
Afflicting us with fear Nos afligindo com o medo
Predicting war for millions Prevendo guerra entre milhões
In the hope that one appears Na esperança que alguma aconteça

No point asking when it is Não importa quando será


No point asking who's to go Não importa quem terá de ir
No point asking what's the game Não importa que jogo é este
No point asking who's to blame Não importa quem é o culpado
'cos if you're gonna die, Porque se for pra você morrer
if you're gonna die se for pra você morrer
'cos if you're gonna die, Porque se for pra você morrer
if you're gonna die se for pra você morrer

If you're gonna die, Se for pra você morrer,


die with your boots on morra lutando
If you're gonna try, Se for pra você se arriscar,
just stick around pelo menos resista
Gonna cry, just move along Você vai chorar, mas apenas avance
If you're gonna die, you're gonna die Se for pra você morrer, você vai morrer

In 13, the Beast is rising Século 13, a Besta ressurge


The Frenchman did surmise Aquele francês previu
Through earthquakes and starvation que em meio a terremotos e fome
The warlord will arise O senhor da guerra irá se levantar
Terror, Death, Destruction Terror, morte, e destruição
Pour from the Eastern Sands Emanam das areias do deserto do Oriente
But the truth of all predictions Mas a verdade sobre todas estas previsões
Is always in your hands está sempre em suas mãos

No point asking when it is Não importa quando será


No point asking who's to go Não importa quem terá de ir
No point asking what's the game Não importa que jogo é este
No point asking who's to blame Não importa quem é o culpado
'cos if you're gonna die, Porque se for pra você morrer
if you're gonna die se for pra você morrer
'cos if you're gonna die, Porque se for pra você morrer
if you're gonna die se for pra você morrer

If you're gonna die, Se for pra você morrer,


die with your boots on morra lutando
If you're gonna try, Se for pra você se arriscar,
just stick around pelo menos resista
Gonna cry, just move along Você vai chorar, mas apenas avance
If you're gonna die, you're gonna die Se for pra você morrer, você vai morrer

They died with their boots on, Eles morreram lutando,


yes, they died... sim, eles morreram...
The day they die with their boots on No dia que eles morrerem em combate
WE DIE! Nós morremos!
… ...
No point asking when it is Não importa quando será
No point asking who's to go Não importa quem terá de ir
No point asking what's the game Não importa que jogo é este
No point asking who's to blame Não importa quem é o culpado
'cos if you're gonna die, Porque se for pra você morrer
if you're gonna die se for pra você morrer
'cos if you're gonna die, Porque se for pra você morrer
if you're gonna die se for pra você morrer

If you're gonna die, Se for pra você morrer,


die with your boots on morra lutando
If you're gonna try Se for pra você se arriscar
just stick around se arrisque e pelo menos resista
Gonna cry, just move along Você vai chorar, mas apenas avance
If you're gonna die, Se for pra você morrer,
you're gonna die você vai morrer

(5/9) The Trooper (4:15) O soldado

You'll take my life, Você tomará a minha vida,


but I'll take yours too mas eu tomarei a sua também
You'll fire your musket, Você irá disparar seu mosquete,
but I'll run you through mas eu irei trespassa-lo
So when you're waiting Então quando você estiver
for the next attack esperando pelo próximo ataque
You'd better stand, there's no turning back Melhor ficar firme, não existe maneira de voltar

The bugle sounds and the charge begins A corneta soa e a carga começa
But on this battlefield no one wins Mas neste campo de batalha ninguém vence
The smell of acrid smoke and horses breath O cheiro de fumaça acre e hálito dos cavalos
As I plunge on into certain death Enquanto eu mergulho para a morte certa

Ooh, ooh, ooh, ooh, ooh Ooh, ooh, ooh, ooh, ooh

The horse he sweats, with fear, O cavalo sua, com medo,


we break to run nós disparamos a correr
The mighty roar of the russian guns O troar poderoso das armas russas
And as we race E enquanto corremos
towards the human wall de encontro à parede humana
The screams of pain Os gritos de dor
as my comrades fall dos meus camaradas que caem

We hurdle bodies that lay on the ground Nós saltamos sobre corpos que jazem no chão
And the russians fire another round E os russos disparam mais uma salva
We get so near yet so far away Nós chegamos tão perto mas ainda tão longe
We won't live to fight another day Nós não viveremos para lutar outro dia

Ooh, ooh, ooh, ooh, ooh Ooh, ooh, ooh, ooh, ooh

We get so close, near enough to fight Nós chegamos tão perto, suficiente para lutar
When a russian gets me in his sights Quando um russo me pega em sua mira
He pulls the trigger, and I feel the blow Ele puxa o gatilho e eu sinto a pancada
A burst of rounds take my horse below Um disparo pega meu cavalo por debaixo

And as I lay there gazing at the sky E enquanto eu jazo contemplando o céu
My body's numb and my throat is dry Meu corpo anestesiado e minha garganta seca
And as I lay forgotten and alone E enquanto eu jazo esquecido e sozinho
Without a tear I draw my parting groan Sem uma lágrima exalo meu gemido de partida
Ooh, ooh, ooh, ooh, ooh Ooh, ooh, ooh, ooh, ooh

(6/9) Still Life (4:53) Ainda Vivo

Take a look in the pool Dê uma olhada dentro da piscina


and what do you see e diga o que você vê
In the dark depths there faces Nas profundezas escuras existem faces
beckoning me acenando para mim
Can't you see them it's plain for all to see Você não pode vê-las, esse é o plano
They were there oh I know Mas elas estão lá, oh eu sei,
you don't believe me. você não acredita em mim

Oh... I've never felt so strange Eu nunca me senti tão estranho


But... I'm not going insane. Mas ... Eu não ficarei maluco

I've no doubt that you think Eu não tenho dúvida que você pensa
I'm off my head que enlouqueci
You don't say Você não fala
but it's in your eyes instead mas está escrito dentro de seus olhos
Hours I spend out just gazing Horas que eu passo apenas olhando
into that pool dentro daquela piscina
Something draws me there Algo me atrai para lá,
I don't know what to do. eu não sei o que fazer

Oh... they drain my strength away Eles drenam minha força


Oh... they're asking me to stay. Eles me pedem para ficar

Nightmares... spirits calling me Pesadelos... espíritos me chamando


Nightmares... they won't leave me be. Pesadelos... eles não me deixam em paz

All my life's blood is slowly draining away Todo sangue de vida é lentamente drenado
And I feel that I'm weaker every day E eu sinto que estou mais fraco a cada dia
Somehow I know De alguma forma eu sei
I haven't long to go que dentro de pouco tempo
Joining them at the bottom of the pool. Irei me juntar a eles no fundo da piscina

Now... I feel they are so near Agora eu sinto que eles estão tão próximo
I… begin to see them clear Eu começo a vê-los com nitidez

Nightmares... coming all the time Pesadelos... vindo o tempo inteiro


Nightmares... Will give me peace of mind. Pesadelos... me trarão pedaço da mente

Now it's clear and I know what I have to do Agora está claro e eu sei o que tenho que fazer
I must take you down there Eu devo te levar lá para baixo
to look at them too para olha-los também
Hand in hand then we'll jump De mãos dadas então nós iremos pular
right into the pool dentro da lagoa
Can't you see Você não consegue ver
not just me they want you too. não apenas eu, eles querem você também

Oh... we'll drown together Oh nós iremos afundar juntos


It... will be forever. Será para sempre

Nightmares... forever calling me Pesadelos... sempre me chamando


Nightmares... Now we rest in peace Pesadelos... agora descansamos em paz

(7/9) Quest For Fire (3:41) Busca Por Fogo

In a time when dinosaurs walked the earth No tempo que os dinossauros andavam pela terra
When the land was swamp and caves were home Quando a terra era pântano e cavernas eram lares
In an age when prize possession was fire Em uma época em que a maior riqueza era fogo
To search for landscapes men would roam A procura por paisagens homens iriam vagar

Then the tribes they came to steal their fire Depois as tribos vieram para roubar o fogo
And the wolves they howled into the night E os lobos uivaram na noite
As they fought a vicious angry battle Enquanto lutavam uma perigosa e raivosa batalha
To save the power of warmth and light Para salvar o poder do calor e da luz

Drawn by quest for fire Levados pela busca pelo fogo


They searched all through the land Eles procuraram por toda a terra
Drawn by quest for fire Levados pela busca pelo fogo
Discovery of man Descoberta de homens

And they thought that when the embers died away E eles pensavam que quando as brasas apagavam
That the flame of life had burnt and died A chama da vida havia queimado e morrido
Didn't know the sparks that made the fire Não sabiam que as faíscas faziam o fogo
Were made by rubbing stick and stone Foram geradas atritando madeira e pedra

So they ploughed through the forest Então eles procuraram através de florestas
and swamps of danger e pântanos perigosos
And they fought the cannibal tribes and beasts E eles lutaram com as tribos canibais e feras
In the search to find another fire Na procura por encontrar outro fogo
To regain the power of light and heat Para ganhar novamente o poder da luz e calor

Drawn by quest for fire Levados pela busca pelo fogo


They searched across the land Eles procuraram por toda a terra
Drawn by quest for fire Levados pela busca pelo fogo
Discovery of man Descoberta de homens
… ...

(8/9) Sun And Steel (3:26) Sol e Aço

You killed your first man at 13 Você matou seu primeiro homem aos 13anos
Killer instinct, Animal supreme Instinto assassino, animal supremo
By 16 you had learned to fight Aos 16 anos você aprendeu a lutar
The way of the warrior, you took it as your right O caminho do guerreiro, você leva ao seu caminho

Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço


Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel A vida é como uma roda
Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço
Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel A vida é como uma roda

Through earth and water, fire and wind Por entre terra e água,fogo e vento
You came at last - nothing was the end Você chegou afinal - nada é o fim
Make a cut by fire and stone Fez o corte de fogo e pedra
Take you and your blade Pegaram você e a sua lâmina
and break you both in two e partiram ambos em dois
Break you both in two Partiram ambos em dois

Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço


Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel A vida é como uma roda
Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço
Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel - rolling on and on A vida é como uma roda, rolando e rolando

Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço


Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel A vida é como uma roda
Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço
Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel A vida é como uma roda
Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço
Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel A vida é como uma roda
Sunlight, falling on your steel Luz do sol, caindo no seu aço
Death in life is your ideal Morte em vida é o seu ideal
Life is like a wheel - and it`s rolling still A vida é como uma roda - e continua rolando

(9/9) To Tame A Land (7:27) Domar a Terra

He is the king of all the land Ele é o rei de toda a terra


In the Kingdom of the sands No reino das areias
Of a time tomorrow De um tempo, amanhã
He rules the sandworms and the Fremen Ele governa os vermes de areia e os fremem
In a land amongst the stars Em uma terra entre as estrelas
Of an age tomorrow De uma época, amanhã
He is destined to be a King Ele está destinado a ser um rei
He rules over every thing Ele reina sobre tudo
In the land called planet Dune Em uma terra chamada planeta Duna
Body water is your life A água de seu corpo é sua vida
And without it you would die E sem ela você iria morrer
In the deserted planet Dune No deserto, o planeta Duna

Without a stillsuit you would fry Sem uma roupa de proteção você fritaria
On the sands so hot and dry Nas areias tão quentes e secas
In a world called Arakis Em um mundo chamado Arakis
It is a land that's rich in spice É uma terra que é rica em tempero
The sandriders and the 'mice' Os cavaleiros da areia e os ratos
That they call the 'Muad'Dib' Que eles chamam o "Muad'Dib"
He is the Kwizatz Haderach Ele é o Kwizatz Haderach
He is born of Caladan Ele nasceu de Caladan
And will take the Gorn Jabbar E irá tomar o Gorn Jabbar
He has the power to foresee Ele tem o poder de prever
Or to look into the past Ou de ver dentro do passado
He's the ruler of the stars Ele é o comandante das estrelas

The time will come for him to lay claim his crown A hora chegará para ele para reclamar a sua coroa
And then the foe, yes they'll be cut down E então os inimigos, sim, serão eliminados
You'll see, he'll be the best that there's been Você verá, ele será o melhor que já houve
Messiah supreme, true leader of men Messias supremo, lider de verdade de homens
And when the time for judgement's at hand E quando a hora do julgamento estiver à mão
Don't fret he's strong and he'll make a stand Não reclame que ele é forte, e ele suportará
'Gainst evil the fire that spreads through the land Contra o mal e fogo que se espalha pela terra
He has the power to make it all end Ele tem o poder para fazer tudo terminar

WHERE EAGLES DARE: durante o inverno de 1943-44 na Segunda Guerra Mundial, um avião
militar cae antes de chegar ao seu destino final, Creta. O único sobrevivente é o general de brigada
americano George Carnaby, que acaba sendo capturado por militares alemães e levado para uma
fortaleza quase impenetrável nos Alpes do sul da Baviera, chamada Schloss Adler (Castelo da
Águia, em alemão). Temendo que o general fosse torturado e obrigado a entregar os planos do Dia
D, uma equipe do maior comando da Grã-Bretanha é designada para resgatá-lo.

O filme homônimo de 1968, dirigido por Brian G. Hutton, é estrelado por ninguém menos que
Clint Eastwood.

THE TROOPER: a música é inspirada no poema da autoria de Lord Tennyson, intitulado “The
Charge of The Light Brigade”. O poema trata da Batalha de Balaclava, ocorrida durante a Guerra
da Criméia, em 1854. Trata-se basicamente de uma narrativa da batalha sob o ponto de vista de
um cavaleiro britânico, que, sem esperanças, avança contra as linhas russas.

A corajosa cavalaria britânica avançou sobre os inimigos sem titubear, mas foi dizimada
pelos russos, munidos de armamento pesado, sofrendo grandes perdas em pouquíssimo tempo.
Lord Cardigan, que sobreviveu ao ataque, passou a ser considerado um herói nacional na Grã-
Bretanha. Por ser considerado um ato heroico, apesar de mal planejado, a reputação da cavalaria
britânica melhorou notavelmente com este ataque. A lentidão das comunicações marítimas fez com
que as notícias do desastre não chegassem ao conhecimento do público britânico senão três
semanas depois.

Esta história é pouco conhecida em outros países, mas ao povo britânico é tão popular e
importante quanto é a guerra da secessão para os americanos, tanto que, em todas as execuções
da música pelo IRON MAIDEN, a bandeira britânica é hasteada com orgulho e paixão.

A música foi escrita pelo baixista da banda e principal compositor, Steve Harris, e é
geralmente interpretada pelo vocalista Bruce Dickinson, vestindo uma farda do exército britânico e
segurando uma bandeira do Reino Unido.

STILL LIFE: é sobre um cara que se sente atraido por um lago, olha faces no lago, tem pesadelos
sobre isso e enfim salta e leva sua desafortunada namorada com ele. É inspirada pelo romance de
Ramsey Campbell, "The Inhabitant of The Lake."

QUEST FOR FIRE: foi inspirada pelo filme de mesmo nome.

SUN AND STEEL: fala sobre Miyamoto Musashi, um legendário espadachim japonês. A letra faz
referências ao livro de Musashi's, "A Book Of Five Rings." A primeira luta de Musashi foi com a
idade de 13 anos, quando ele (destreinado) supostamene derrotou seu oponente, um guerreiro
samurai, matando-o com uma vara.
Aos 16 anos teve sua segunda luta, e matou este oponente também. O verso "Through
Earth and Water, Fire and Wind, you came at last, Nothing was the end" é uma referência ao "Book
Of Five Rings." Musashi também escreveu seu livro em 5 seções (livros): Earth, Water, Fire, Wind e
Void (vazio). "You make your cut by Fire and Stones, take you and your blade, break you both in
two".

O "corte de fogo e pedra" é um movimento que Musashi descreve no livro, capaz realmente
de partir em dois o oponente e sua lâmina. Também, de acordo com o livro "Kenjutsu: The
Japanese Art of Swordsmanship", de Charles Daniel, Musashi morreu de causas naturais aos 61
anos. No filme "American Samurai" o nome de Musashi é citado pelo vilão do filme como um
mestre que matou mais de 60 inimigos em um único combate antes de se considerar um guerreiro
perfeito.

TO TAME A LAND: baseada na novela "Duna", de Frank Herbert. A canção aparentemente deveria
se intitular "Dune" e Steve pretendia usar uma citação falada do livro como introdução. Por questão
de cortesia eles pediram permissão ao agente de Frank Herbert, e a resposta veio do próprio
Herbert: "Não, porque Frank Herbert não gosta de bandas de rock, particularmente bandas de
heavy rock e, especialmente, bandas como o Iron Maiden."

Mesmo informado de que a banda achava que seria uma boa divulgação do livro "Duna" e
tudo mais, Frank Herbert disse que se o Iron Maiden continuasse com isso, seriam processados.

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


1984
1. Aces High Steve Harris 4:30
2. 2 Minutes to Midnight Adrian Smith / Dickinson 6:02
3. Losfer Words (Big' Orra) Harris 4:13
4. Flash of the Blade Dickinson 4:06
5. The Duellists Harris 6:08
6. Back in the Village Smith / Dickinson 5:03
7. Powerslave Dickinson 6:50
8. Rime of the Ancient Mariner Harris 13:35

Recheado de clássicos, o quinto álbum do IRON MAIDEN possui músicas mais diretas que
seu antecessor, mas não menos complexas, e o entrosamento dos músicos beira a perfeição, pela
primeira vez repetindo a formação em mais de um disco. A capa também é um destaque, sendo
considerada umas das mais belas da história do Heavy Metal. A arte, mais uma vez criada por
Derek Riggs, retrata uma temática relativa ao antigo Egito, tema abordado na faixa título.

"Aces High" tem a missão de abrir o disco e não decepciona, considerada a melhor faixa de
abertura em discos do Maiden. Trata-se de uma música impactante que ficou encarregada de abrir
os shows da turnê "World Slavery Tour" após a famosa intro Churchill's Speech. Com sua levada
bem característica da banda, com riffs fortes, solos impecáveis e o baixo cavalgado de Harris,
"Aces High" mostra a linha pesada que a banda adotaria no restante do álbum. A letra relata
batalhas aéreas durante a "Segunda Guerra Mundial".

Na sequência temos o maior clássico do disco, "2 Minutes to Midnight". Com seu riff
matador, a canção mostra um típico Heavy Metal tradicional muito bem executado. Impossível
destacar algum aspecto dessa música, pois ela é perfeita num todo. Da simplicidade de suas
levadas ao refrão bombástico, para ser cantado em uníssono nos shows da banda. A temática
desta faixa retrata a ameaça de uma guerra nuclear na época. Se pudesse descrever essa música
em uma palavra seria feeling.

"Losfer Words (Big' Orra)" é uma faixa instrumental que mostra exatamente o padrão
utilizado na composição do disco. Levadas características, baixo galopante, solos extremamente
bem colocados e melodiosos, riffs certeiros e uma bateria precisa e muito bem entrosada com o
baixo.

A parte menos famosa do disco (que conta com três faixas), mas não menos qualificada,
inicia com "Flash of the Blade", uma faixa bastante diferente do que se costuma ouvir da Donzela,
mas isso não quer dizer que seja ruim, pelo contrário, seus riffs são empolgantes e a interpretação
do Bruce Dickinson, especialmente no refrão, é incrível.

"The Dueslist" mantém o ritmo empolgante, mostrando a capacidade da banda conciliar riffs
e melodias marcantes sem perder o peso. O entrosamento da banda torna-se escancarado nessa
música. Avance até 1 minuto e 50 segundos de música e veja sobre o que estou falando.

"Back in the Village" dá sequência ao tema adotado na faixa "The Prisioner", do álbum "The
Number of the Beast". Uma música bastante rápida e novamente com riffs diferentes da
característica da banda, que mostra a capacidade técnica de Steve Harris. O músico toca numa
velocidade tão absurda que é quase impossível imaginar que comande as cordas apenas com os
dedos. Mais uma vez a banda dá uma aula de Heavy Metal.

Reservadas para o final do disco estão duas músicas que, na minha opinião, são as duas
melhores canções da banda. Parece que a banda pegou peso, feeling, inteligência, jogou num
liquidificador e dali saiu a canção "Powerslave". A faixa título possuí os melhores riffs do disco e o
melhor solo da carreira da banda, onde guitarra e baixo interagem de uma forma tão
impressionante que me emociono toda vez que escuto. Quer entender o que estou falando?
Avance até 2 minutos e 55 segundos de música. Indescritível! A letra carrega a temática da arte de
capa do disco e retrata os últimos momentos de vida de um faraó e as reflexões que ele faz sobre
a vida e a morte.

Por fim, a outra melhor e também a mais longa (até agora, pois em 2015 “Empire of the
Clouds” ganha!) canção da história da banda. "Rime of the Ancient Mariner" é uma música de 13
minutos e 35 segundos que não se torna cansativa em nenhum momento, com todas as suas
variações e mudanças de ritmo. Uma música épica, pesada e com uma letra incrível, baseada no
poema homônimo de Samuel Taylor Coleridge. A bateria e o baixo são tão bem entrosados que
fica difícil acreditar que Harris e McBrain tocavam juntos há pouco mais de 2 anos. As partes
narradas da canção criam um clima verdadeiramente macabro, deixando-a ainda mais
interessante. No final a música ganha velocidade e os solos são muito bem colocados. Muitos
consideram essa faixa cansativa, mas com certeza essas pessoas não deram a devida atenção
aos detalhes da música, a atenção que ela de fato merece ao ser ouvida: a de uma orquestra!

Para muitos fãs este é considerado um dos, senão O melhor álbum do IRON MAIDEN, mas
o que é inegável é seu peso e qualidade, independente de opiniões pessoais. Após esse disco a
banda saiu na maior turnê da banda até então, a "World Slavery Tour", que resultou na primeira
vinda da banda ao Brasil e no clássico álbum ao vivo "Live After Death".

Curta "Powerslave" e torne-se um escravo do poder da banda! [1]

(1/8) Aces High (4:30) Ases às Alturas

"We shall go on to the end "Nós devemos ir até o fim


We shall fight in France Nós devemos lutar na França
We shall fightover the seas and oceans. Nós devemos lutar sobre os mares e oceanos
we shall fight with growing confidence Nós devemos lutar com confiança
and growing strength in the air. e força crescentes no ar
We shall defend our island Nós devemos defender nossa ilha
whatever the cost may be não importa o quanto custe
we shall fight on beaches, Nós devemos lutar nas praias,
we shall fight on the landing grounds nós devemos lutar nos campos de pouso
we shall fight in the fields and in the streets Nós devemos lutar nos campos e nas ruas
we shall fight on the hills. Nós devemos lutar nas colinas
We shall never surrender." Nós nunca devemos nos render."
(Churchill speech) (discurso de Churchill)

There goes the siren that warns of the air raid Lá vai a sirene que avisa do ataque aéreo
Then comes the sound of the guns sending flak Depois vem o som das armas antiaéreas
Out for the scramble, we've got to get airborne Fora do combate, nós temos de decolar
Got to get up for the coming attack Temos de nos preparar para a chegada do ataque

Jump in the cockpit and start up the engines Pule na cabine e ligue os motores
Remove all the wheelblocks, Remova todas as travas das rodas,
there's no time to waste não há tempo a perder
Gathering speed as we head Ganhando velocidade enquanto avançamos
down the runway pela pista
Got to get airborne before it's too late Temos de decolar antes que seja tarde demais

Running, scrambling, flying Correndo, lutando para voar, voando


Rolling, turning, diving Balançando, girando, mergulhando
Going in again Indo de novo
Running, scrambling, flying Correndo, lutando para voar, voando
Rolling, turning, diving Balançando, girando, mergulhando

Run Corra
Live to fly, fly to live, do or die Viva para voar, voe para viver, faça ou morra
Won't you Você não irá
Run, live to fly, fly to live Corra, viva para voar, voe para viver
Aces high Ases às alturas

Move in to fire at the mainstream of bombers Mova-se para atirar na formação de bombardeiros
Let off a sharp burst and then turn away Solte uma rajada certeira e depois faça a retirada
Roll over, spin round to come in behind them Gire, rode em volta para chegar por detrás deles
Move to their blindsides and firing again Mova para seus pontos cegos e atire novamente

Bandits at 8 o'clock are moving behind us Inimigos às 8 horas estão se movendo atrás de nós
Ten ME-109's out of the sun Dez ME-109 fora do sol
Ascending and turning, Subindo e girando
our spitfires to face them nossos Spitifires para enfrentá-los
Heading straight for them I press down my guns Indo em direção a eles eu disparo minhas armas

Rolling, turning, diving Balançando, girando, mergulhando


Rolling, turning, diving Balançando, girando, mergulhando
Going in again Indo de novo
Rolling, turning, diving Balançando, girando, mergulhando
Rolling, turning, diving Balançando, girando, mergulhando

Run Corra,
Live to fly, fly to live, do or die Viva para voar, voe para viver, faça ou morra
Won't you Você não irá
Run, live to fly, fly to live Corra, viva para voar, voe para viver.
Aces high Ases às alturas

(2/8) 2 Minutes To Midnight (6:02) 2 Minutos Para a Meia-noite

Kill for gain or shoot to maim Matar pelo lucro ou atirar para mutilar
But we don't need a reason Mas nós não precisamos de uma razão
The Golden Goose is on the loose O Ganso Dourado está solto
And never out of season. E nunca fora de estação
Blackened pride still burns inside O orgulho escurecido continua queimando
This shell of bloody treason Desta casca de traição sangrenta
Here's my gun for a barrel of fun Aqui está minha arma para um pouco de diversão
For the love of living death. Pelo amor dos mortos vivos

The killer's breed or the Demon's seed, A cria do assassino ou a semente do demônio
The glamour, the fortune, the pain, O glamour, a fortuna, o sofrimento
Go to war again, Vá para a guerra de novo,
blood is freedom's stain, o sangue é a mancha da liberdade
Don't you pray for my soul anymore. Nunca mais reze pela minha alma

2 minutes to midnight, 2 minutos para a meia-noite,


The hands that threaten doom. As mãos que amedrontam a condenação.
2 minutes to midnight, 2 minutos para a meia-noite,
To kill the unborn in the womb. Para matar o não-nascido no útero.

The blind men shout let the creatures out Os cegos gritam, deixam as criaturas saírem
We'll show the unbelievers, Nós mostraremos aos descrentes
The Napalm screams of human flames Os gritos de napalm de tochas humanas
Of a prime time Belsen feast...YEAH! Num banquete de primeira ao estilo Belsen
As the reasons for the carnage Enquanto os motivos pela matança
cut their meat and lick the gravy, cortem suas carnes e lambem o molho
We oil the jaws Nós lubrificamos as mandíbulas
of the war machine da máquina de guerra
and feed it with our babies. E a alimentamos com nossos bebês

The killer's breed or the Demon's seed, A cria do assassino ou a semente do demônio
The glamour, the fortune, the pain, O glamour, a fortuna, o sofrimento
Go to war again, Vá para a guerra de novo,
blood is freedom's stain, o sangue é a mancha da liberdade
Don't you pray for my soul anymore. Nunca mais reze pela minha alma

2 minutes to midnight, 2 minutos para a meia-noite


The hands that threaten doom. As mãos que amedrontam a condenação
2 minutes to midnight, 2 minutos para a meia-noite
To kill the unborn in the womb. Para matar o não-nascido no útero

The body bags and little rags of children Os sacos de corpos e pedaços de crianças
torn in two, Partidas ao meio
And the jellied brains of those who remain E os cérebros pastosos dos que sobraram
to put the finger right on you Para apontar o dedo para você
As the madmen play on words and make us all Enquanto os loucos brincam com palavras
dance to their song, E nos fazem dançar a sua música
To the tune of starving millions Na melodia de milhões de famintos
to make a better kind of gun. Para fazer um tipo melhor de arma

The killer's breed or the Demon's seed, A cria do assassino ou a semente do demônio
The glamour, the fortune, the pain, O glamour, a fortuna, o sofrimento
Go to war again, Vá para a guerra de novo,
blood is freedom's stain, o sangue é a mancha da liberdade
Don't you pray for my soul anymore. Nunca mais reze pela minha alma

2 minutes to midnight, 2 minutos para a meia-noite


The hands that threaten doom. As mãos que amedrontam a condenação
2 minutes to midnight, 2 minutos para a meia-noite
To kill the unborn in the womb. Para matar o não-nascido no útero.
Midnight... Midnight... Midnight... Meia-noite... Meia-noite... Meia-noite...
is all night É a noite inteira.
Midnight... Midnight... Midnight... Meia-noite... Meia-noite... Meia-noite...
is all night. É a noite inteira.

(4/8) Flash Of The Blade (4:06) Brilho da Lâmina

As a young boy chasing dragons Como um jovem garoto desafiando dragões


With your wooden sword so mighty Com sua poderosa espada de madeira
You're st. George or you're David Você é São Jorge ou Davi
and you always killed the beast e sempre matava a besta
Times change very quickly Os tempos mudam muito rápido
And you had to grow up early E você teve que crescer cedo
A house in smoking ruins Uma casa em ruínas em chamas
and the bodies at your feet e os corpos aos seus pés

You'll die as you lived Você irá morrer como viveu


In the flash of a blade No brilho de uma lâmina
In a corner forgotten by no-one Em um canto esquecido por todo mundo
You lived for the touch Você viveu para tocar
For the feel of the steel Para sentir o aço de uma espada
One man, and his honour Um homem e sua honra

The smell of resined leather O cheiro de couro resinado


The steely iron mask A dura máscara de ferro
As you cut and thrust and parried at the Quando você corta, fura e defende-se
Fencing master's call Da esgrima do mestre
He taught you all he never knew Ele lhe ensinou tudo o que sabia
To fear no mortal man A não ter medo de nenhum homem mortal
And now you'll wreak your vengeance in the E agora você vai saciar a sua sede de vingança
Screams of evil men Com os gritos dos homens maus

You'll die as you lived Você irá morrer como viveu


In the flash of a blade No brilho de uma lâmina
In a corner forgotten by no-one Em um canto esquecido por todo mundo
You lived for the touch Você viveu para tocar
For the feel of the steel Para sentir o aço de uma espada
One man, and his honour Um homem e sua honra

You'll die as you lived Você irá morrer como viveu


In the flash of a blade No brilho de uma lâmina
In a corner forgotten by no-one Em um canto esquecido por todo mundo
You lived for the touch Você viveu para tocar
For the feel of the steel Para sentir o aço de uma espada
One man, and his honour Um homem e sua honra

(5/8) The Duellists (6:08) Os Duelistas

He threw down the glove you made the mistake Ele jogou uma luva, você cometeu o erro
Of picking it up now you're gone De pegá-la, agora você já era
The choosing of guns or fighting with swords A escolha das armas, ou lutar com espadas
The choice of weapons is done A escolha das armas foi feita
He'll tear you apart as soon as you start Ele vai rasgar você logo no início
You know you don't have a chance. Você sabe que não tem uma chance

OH...OH... Fight for the Honour Oh oh, lute pela honra


Fight for the Splendour Lute pelo explendor

Fight for the Pleasure Lute pelo prazer


OH...OH... Fight for the Honour Oh oh, lute pela honra
Fight for the Splendour Lute pelo explendor
Fight for your Life! Lute por sua vida!

Ready to start the duel begins Pronto para começar, o duelo começa
the best man wins in the end. E o melhor homem vence no final
A lunge and a feint, Uma estocada e um artifício,
a parry too late uma defesa tarde demais
A cut to the chest and you're down Um corte no peito e você está no chão
Seeing the stain then feeling the pain Vendo a mancha e depois sentindo a dor
Feeling the sweat on your brow. Sentindo o suor em sua testa

OH...OH... Fight for the Honour Oh oh, lute pela honra


Fight for the Splendour Lute pelo explendor

Fight for the Pleasure Lute pelo prazer


OH...OH... Fight for the Honour Oh oh, lute pela honra
Fight for the Splendour Lute pelo explendor
Fight for your Life! Lute por sua vida!

The fighting resumes, a silence looms the A luta continua, uma miragem silenciosa
Swordsmen move 'gainst each other Os espadachins avançam um contra o outro
A cut and a thrust, a parry, a blow, Um corte e um ataque, uma defesa, um golpe
a stab to the heart and you're down Uma estocada no coração e você cai no chão
The Angel of Death hears your last breath O anjo da morte ouve seu último suspiro
Meanwhile the reaper looks on. Enquanto isso o matador olha

OH...OH... Fought for the Honour Oh oh, lute pela honra


Fought for the Splendour Lute pelo explendor
Fought for the Pleasure Lute pelo prazer
OH...OH... Fought for the Honour Oh oh, lute pela honra
Fought for the Splendour Lute pelo explendor
Fought to the Death Lutou até a morte

(6/8) Back In The Village (5:03) De Volta à Vila

Turn the spotlights on the people, Foque as luzes sobre as pessoas


Switch the dial and eat the worm, Gire o botão e coma os vermes
Take your chances, kill the engine, Aproveite suas chances, destrua a máquina
Drop your bombs and let it burn. Solte suas bombas e deixe queimar

White flags shot to ribbons, Bandeiras brancas feitas em tiras por tiros
The truce is black and burned, A trégua é negra e queimada
Shellshock in the kitchen, Nervosismo na cozinha
Tables overturned. Mesas viradas

Back in the village again, De volta à vila novamente


In the village, Na vila
I'm back in the village again. Eu estou de volta à vila novamente

Throwing dice now, rolling loaded, Jogando dados agora, girando viciados
I see sixes all the way. Vejo números seis por todos os lados
In a black hole, and I'm spinning Em um buraco negro, e eu estou girando
As my wings get shot away. Enquando minhas asas são atingidas

Questions are a burden Perguntas são uma carga


And answers are a prison for oneself E respostas são uma prisão para si mesmo
Shellshock in the kitchen Nervosismo na cozinha
Tables start to burn. Mesas começam a queimar

Back in the village again, De volta à vila novamente


In the village, Na vila
I'm back in the village again. Eu estou de volta à vila novamente

No breaks on the inside, Sem tréguas dentro


Paper cats and burning barns, Gatos de papel e celeiros queimados
Theres a fox among the chickens, Existe uma raposa entre as galinhas
And a killer in the hounds. E um matador entre os cães

Questions are a burden Perguntas são uma carga


And answers are a prison for oneself E respostas são uma prisão para si mesmo
Shellshock in the kitchen Nervosismo na cozinha
Tables start to burn. Mesas começam a queimar

Back in the village again, De volta à vila novamente


In the village, Na vila
I'm back in the village again. Eu estou de volta à vila novamente

But still we walk into the valley Mas continuamos andando no vale
And others try to kill the inner flame E outros tentam matar a chama interior
We're burning brighter than before Estamos queimando mais forte que antes
I don't have a number, I'm a name! Eu não tenho um número, sou um nome!

Back in the village again, De volta à vila novamente


In the village, Na vila
I'm back in the village again. Eu estou de volta à vila novamente

Back in the village again, De volta à vila novamente


In the village, Na vila
I'm back in the village again. Eu estou de volta à vila novamente

Back in the village De volta à vila novamente


I'm back in the village Na vila
I'm back in the village again Eu estou de volta à vila novamente

(7/8) Powerslave (6:50) Escravo do Poder

Into the Abyss I'll fall - the eye of Horus Dentro do abismo eu cairei - o olho de Horus
Into the eyes of the night-watching me go Dentro dos olhos da noite - me olhando ir
Green is the cat's eye that glows - Verde é o olho do gato que brilha -
in this Temple neste templo
Enter the risen Osiris – Entre no Osíris ressuscitado –
risen again. ressuscitado novamente

Tell me why I had to be a Powerslave Me diga porque tenho de ser um escravo do poder
I don't wanna die, I'm a God, Eu não quero morrer, eu sou um Deus,
why can't I live on? porque não posso viver para sempre?
When the Life Giver dies, Quando o criador da vida morre,
all around is laid to waste. tudo em volta se desgasta.
And in my last hour, E na minha última hora,
I'm a slave to the Power of Death. Eu sou um escravo do poder da morte.

When I was living this lie Quando eu vivia esta mentira


Fear was my game medo era o meu jogo
People would worship and fall Pessoas me adorariam e cairiam
drop to their knees. Descendo de joelhos
So bring me the blood and red wine Então traga-me o sangue e vinho tinto
for the one to succeed me, para aquele que vai me suceder,
for he is a man and a God pois ele é um homem e um deus
and He will die too. e ele vai morrer também.

Tell me why I had to be a Powerslave Me diga porque tenho de ser um escravo do poder
I don't wanna die, I'm a God, Eu não quero morrer, eu sou um Deus,
why can't I live on? porque não posso viver para sempre?
When the Life Giver dies, Quando o criador da vida morre,
all around is laid to waste. tudo em volta se desgasta.
And in my last hour, E na minha última hora,
I'm a slave to the Power of Death. Eu sou um escravo do poder da morte.

Now I am cold Agora estou frio


but a ghost lives in my veins, mas um espírito vive em minhas veias,
Silent the terror that reigned marbled in stone. Silencia o terror que reinou esculpido em pedra
A shell of a man God preserved Uma casca de um homem deus preservado
a thousand ages, mil eras
But open the gates of my Hell Mas abra os portões do meu inferno
I will strike from the grave. Eu saltarei da sepultura.

Tell me why I had to be a Powerslave Me diga porque tenho de ser um escravo do poder
I don't wanna die, I'm a God, Eu não quero morrer, eu sou um Deus,
why can't I live on? porque não posso viver para sempre?
When the Life Giver dies, Quando o criador da vida morre,
all around is laid waste. tudo em volta se desgasta.
And in my last hour, E na minha última hora,
I'm a slave to the Power of Death, Eu sou um escravo do poder da morte,
Slave to the Power of Death Escravo do poder da morte
Slave to the Power of Death Escravo do poder da morte

(8/8) Rime Of The Conto do


Ancient Mariner (13:35) Velho Marinheiro

Hear the rime of the ancient mariner Ouça a história do velho marinheiro
See his eyes as he stops one of three Veja seus olhos enquanto ele para um de cada três
Mesmerizes of one of the wedding guests Hipnotiza um dos convidados do casamento
"Stay here and listen to the nightmares of the sea!" "Fique aqui e ouça sobre os pesadelos dos mares!"

And the music plays on, as the bride passes by E a música toca, enquanto a noiva passa por perto
Caught by his spell, Cativado pelo seu encanto,
and the mariner tells his tale e o marinheiro conta sua história

Driven south to the land of the snow and ice Conduzido ao sul da terra de neve e gelo
To a place where nobody's been Para um lugar onde ninguém esteve
Through the snow fog flies on the albatross Por meio do nevoeiro voa um albatroz
Hailed in God's name, Aclamado em nome de Deus,
hoping good luck it brings esperando a boa sorte que ele traz

And the ship sails on, back to the north E o navio navega, de volta ao norte
Through the fog and ice Através do nevoeiro e gelo
and the albatross follows on e o albatroz vem em sequência
The mariner kills the bird of good omen O marinheiro mata o pássaro de bom presságio
His shipmates cry against what he's done Seus companheiros reclamam contra o que ele fez
But when the fog clears, Mas quando o nevoeiro desaparece,
they justify him eles o perdoam
And make themselves a part of the crime E acabam fazendo parte do crime

Sailing on and on Navegando e navegando


and north across the sea para o norte através do mar
Sailing on and on Navegando e navegando
and north 'til all is calm para o norte até que tudo está calmo

The albatross begins with its vengeance O albatroz começa com a sua vingança
A terrible curse, a thirst has begun Uma terrível maldição, uma sede começou
His shipmates blame Seus companheiros culpam
bad luck on the mariner o marinheiro pela má sorte
About his neck, the dead bird is hung Sobre seu pescoço, é pendurado o pássaro morto

And the curse goes on and on and on at sea E a maldição continua, continua e continua no mar
And the thirst goes on and on for them and me E a sede continua e continua para eles e para mim

Day after day, day after day Dia após dia, dia após dia
We stuck nor breath nor motion Presos, sem nos mover e nem respirar
As idle as a painted ship Tão parados como um navio colorido
upon a painted ocean em um oceano pintado
Water, water, everywhere, Água, água por todo lado
and all the boards did shrink e tudo a bordo se foi
Water, water, everywhere, Água, água por todo lado,
not any drop to drink! nem uma gota para beber!

"There", calls the mariner "Ali", grita o marinheiro


"There comes a ship over the line" "Lá vem uma embarcação no horizonte"
"But how can she sail with no "Mas como ela pode navegar
Wind in her sails and no tide?" Sem vento e sem correntes?"
See, onward she comes Veja, ela vem em frente
Onward she nears, out of the sun Ela está se aproximando, vindo do sol
See, she has no crew Veja, ela não tem tripulação
She has no life, "Wait, but there's two!" Ela não tem vida, "Espere, mas há duas!"

Death, and she life in death A morte, e ela a vida em morte


They throw their dice for the crew Jogaram os dados para a tripulação
She wins the mariner Ela ganhou o marinheiro
And he belongs to her now E ele pertence a ela agora
Then, crew one by one Então, a tripulação um a um
They drop down dead, two hundred men Caíram mortos, duzentos homens
She, she, life in death Ela,,ela, vida em morte
She lets him live, her chosen one Ela o deixou viver, o seu escolhido

"One after one, by the star dogged moo "Um a um, sobre a lua rodeada de estrelas
Too quick for groan or sigh Rápido demais para gemer ou suspirar
Each turned his face, with a ghastly pang Cada um virou seu rosto atormentado
And cursed me with his eye E me amaldiçoou com seu olhar
Four times fifty living men Quatro vezes cinquenta homens
And I heard nor sigh nor groan E eu não ouvi suspiro ou gemido
With heavy thump, a lifeless lump Pesadamente, um vulto sem vida
They dropped down, one by one" Eles caíram, um por um"
The curse, it lives on in their eyes A maldição, vive em seus olhos
The mariner, he wished he'd die O marinheiro, desejou ter morrido
Along with the sea creatures Juntamente com as criaturas do mar
But they lived on, so did he Mas elas viveram , então ele também

And by the light of the moon E sobre a luz da lua


He prays for their beauty, not doom Ele reza pela sua beleza, não pela maldição
With heart he blesses them De coração ele os abençoa
God's creatures, all of them too Criaturas de Deus, a todas elas também

Then, the spell starts to break Então, o feitiço começa a se quebrar


The albatross falls from his neck O albatroz cai de seu pescoço
Sinks down like lead, into the sea Afunda como chumbo no mar
Then down in falls, comes the rain! Então, cai a chuva!

Hear the groans Ouça os gemidos


of the long dead seamen dos marinheiros mortos há muito tempo
See them stir and they start to rise Veja eles se moverem e começarem a levantar
Bodies lifted by good spirits Corpos levantados por bons espíritos
None of them speak, Nenhum deles falam,
and they're lifeless in their eyes e eles não tem vida em seus olhos

And revenge is still sought, E a vingança é ainda procurada,


penance starts again a penitência recomeça
Cast into a trance and the nightmare carries on Preso em um transe e o pesadelo continua

Now the curse is finally lifted Agora finalmente a maldição terminou


And the mariner sights his home E o marinheiro avista sua casa
Spirits go from the long dead bodies Espíritos saem dos corpos mortos a tanto tempo
Form their own light and the mariner's left alone Formam sua própria luz e o marinheiro é deixado só

And then a boat came sailing towards him E então um barco veio velejando de encontro a ele
It was a joy, he could not believe Foi uma alegria, ele não podia acreditar
The pilots boat, his son and the hermit O comandante do barco, seu filho e o eremita
Penance of life will fall onto him A penitência da vida cairá sobre ele

And the ship, it sinks, like lead, into the sea E o navio afunda como chumbo no mar
And the hermit shrieves the mariner of his sins E o eremita perdoa o marinheiro de seus pecados

The mariner's bound to tell of his story O marinheiro é destinado a contar sua história
To tell his tale wherever he goes A contar esta história onde quer que ele vá
To teach God's word A ensinar a palavra de Deus
by his own example através de seu próprio exemplo
That we must love Que nós devemos amar
all things that God made todas as coisas que Deus fez

And the wedding guest's a sad E o convidado do casamento é um triste


and wiser man e mais sábio homem
And the tale goes on and on and on E a história continua, continua e continua
ACES HIGH: a música conta a história de um piloto da Força Aérea Real em confronto com caças
da Luftwaffe alemã durante a Batalha da Grã-Bretanha, ocorrida em 1940. Durante o desenrolar da
música conta-se sobre um confronto entre aviões Supermarine Spitfire e Messerschmitt Bf 109.

A Batalha da Grã-Bretanha foi a primeira batalha apenas com aeronaves. A blitz alemã da
Luftwaffe (blitz significa flash ou lightning e vem de blitzkrieg, guerra relâmpago) atacou Londres e
várias outras cidades inglesas, entre 7 de setembro de 1940 e 10 de maio do ano seguinte. Mais
de 40.000 pessoas foram atingidas nos bombardeios, e acima de um milhão de casas foram
destruídas, mais da metade em Londres.

Os alemães começaram atacando pistas de pousos e fábricas, para que os ingleses não
tivessem como repor suas perdas. Os ingleses atacaram Berlim e depois, por ordens do Fuhrer, a
Luftwaffe começou seus ataques contra a população para espalhar medo.

A maior dificuldade dos ingleses era se defender durante os ataques noturnos. Conforme o
tempo foi passando, os ataques diminuíram (os alemães estavam perdendo muitos pilotos e
aeronaves), até que suspenderam a Operação Seelöwe (Leão Marinho) e partiram para conquistar
a União Soviética.

2 MINUTES TO MIDNIGHT: uma referência ao Relógio do Apocalipse utilizado pelo Bulletin of the
Atomic Scientists, da Universidade de Chicago. Em setembro de 1953, o relógio chegou às 11:58,
o mais perto que esteve da meia-noite (que simboliza a destruição da humanidade por uma guerra
nuclear), quando Estados Unidos e União Soviética testaram diversas bombas de hidrogênio num
curto espaço de tempo. O primeiro solo de guitarra é desempenhado por Dave Murray, seguido de
outro por Adrian Smith.

Durante a música é feita uma referência a Bergen-Belsen, que era um campo de


concentração nazista, não de extermínio, onde muita gente tenha morrido, vítima de doenças e
torturas. Hoje em dia é um campo aberto ao público.

O comitê Bulletin of the Atomic Scientists, desde 1947, mantém um relógio chamado de
Doomsday Clock (Relógio do Apocalipse), que conta quantos minutos faltam para um desastre
nuclear baseado nos acontecimentos mundiais. Quanto mais o gráfico desce, mais próximo do
desastre ele está. Em 1953, este índice chegou a 2 minutos (to midnight, ou seja, do apocalipse) e
é disso que a música fala. Confira abaixo o índice recente.

LOSFER WORDS: é uma contração de "lost for words", ou seja, não há o que dizer. E "Orra" é a
pronúncia da palavra Horror em Cockney, que é o sotaque do pessoal do East End de Londres.
FLASH OF THE BLADE: fala de um espadachim. Um garoto que viu os pais morrerem, aprende as
técnicas da espada com seu mestre e parte para vingança. Esta faixa faz parte da trilha sonora do
filme italiano Phenomena (1985), que inspirou o jogo de horror psicológico Clock Tower, disponível
para PS3.

THE DUELLISTS: está relacionada com o filme de mesmo nome, de Ridley Scott (anos mais tarde
diretor de Hanibal e Robin Hood), lançado em 1977. Este filme nos leva para França de 1.800,
época do apogeu e declínio de Napoleão Bonaparte. Pelo que entendi (porque não vi o filme, mas
é muito bom, diria Sílvio Santos!) são dois soldados do exército de Napoleão que, por mais de 20
anos, duelam entre si, com algumas pausas, e ninguém sabe exatamente o motivo (bem ao estilo
meio sei-lá-entende dos filmes franceses).

BACK IN THE VILLAGE: refere-se a "The Village" do seriado The Prisoner, que já foi citado no
texto do álbum The Number Of The Beast.

POWERSLAVE: a faixa que dá nome ao álbum e crava a marca do ritmo agalopado


ironmaideniano! Nesta música um faraó lamenta a limitação de seus poderes, se ele é um deus,
porque tem que morrer?

A letra faz menções a símbolos egípcios como o Olho de Hórus que significa poder,
coragem e proteção. Simbolizava o olho direito do falcão, o qual foi perdido durante a luta contra
seu tio Seth, que o fracionou em 64 partes. Diz a lenda que o olho foi restaurado por Thoth.

Após ser restaurado, Hórus pode reviver Osíris (referido no verso "Enter the risen Osiris
risen again"). No fim da música, ele fala sobre o que acontecerá a ele após sua morte, baseado na
fictícia maldição do faraó (“A shell of a man God preserved a thousand ages”). Esta história de
maldição começou após 1.923, ano da descoberta da tumba de Tutankhamon por Lord Carnarvon
e sua expedição, financiada por ele aliás.

Lord Carnarvon morreu 4 meses depois, graças à picada de um mosquito. Enquanto ele
morria, acabou a luz no Cairo e seu cachorro, que estava na Inglaterra, começou a uivar até
morrer. Bom, aí a imprensa fez seu papel, espalhou a notícia com estardalhaço e muitos "analistas"
começaram a sugerir que podia ser uma maldição do faraó, inventaram que haviam inscrições com
maldições nas tumbas e o resto vocês já imaginam. Hollywood agradece mais esta lenda!

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])

THE RIME OF THE ANCIENT MARINER: escrita a partir do poema homônimo do poeta romântico
inglês do século XVIII, Samuel Taylor Coleridge. A obra relata eventos sobrenaturais vivenciados
por um marinheiro durante uma longa viagem pelo mar. O marinheiro para um homem a caminho
de uma cerimônia de casamento e começa a relatar sua história. A reação do convidado da
cerimônia transforma-se de impaciência à fascinação com o desenrolar da história contada pelo
marinheiro. O que ele conta começa com seu barco em sua jornada.

Apesar de tudo ocorrer bem no início, o barco é desviado do seu caminho durante uma
tempestade e, direcionando-se ao sul, alcança a Antártica. Um albatroz aparece e guia os
tripulantes para fora da Antártica. Apesar da ajuda do pássaro e do carinho que a tripulação agora
tinha por ele, o marinheiro atira e mata o animal. Os outros estão irados com o marinheiro, por
acharem que o albatroz havia trazido os ventos que os levaram para fora da Antártica. Entretanto,
mudaram sua opinião quanto o clima se tornou mais agradável e o nevoeiro se dissipou.
O crime despertou a ira dos espíritos sobrenaturais, que então passaram a perseguir o barco
"a partir da terra do nevoeiro e da neve". O vento que inicialmente os levou para fora da terra da
neve agora os havia levado para águas calmas. Agora eles estavam há dias parados, sem vento, e
o estoque de suprimentos estava acabando. A tripulação muda de ideia novamente, e culpa o
marinheiro por sua sede ("água por todos os lados, nem uma gota para beber"). O barco então
encontra um barco fantasma pelo caminho. À bordo estão "A Morte" (um esqueleto) e "O Pesadelo
da Vida na Morte" (uma mulher pálida tal como morta), ambos jogando dados apostando as almas
da tripulação.

Eventualmente "A Morte" ganha a vida da tripulação e "A Vida na Morte" ganha a vida do
marinheiro, um prêmio que ela considera mais valioso. Seu nome é um indício do destino do
marinheiro: uma vida pior que a morte como punição por ter matado o albatroz. Um a um, toda a
tripulação morre, restando apenas o marinheiro, que vê por sete dias e noites a maldição nos olhos
dos cadáveres de sua tripulação. Enquanto o marinheiro reza, o albatroz cai de seu ombro. Eis
que, possuídos por bons espíritos, os corpos da tripulação levantam-se e guiam o barco para casa
novamente, por fim afundando em um redemoinho. O único que não afunda com o barco é o
marinheiro, que é avistado por um eremita na terra.

Este, com a ajuda de um homem e seu filho, vai ao encontro do marinheiro em um barco. A
princípio eles pensam que o marinheiro está morto, mas quando este passa a ajudar a remar o
barco, seu filho enlouquece com a situação dizendo que o demônio sabe remar. Como pena por
ter atirado no albatroz, o marinheiro é forçado a andar pelo mundo para contar sua história, e
transmitir sua lição para quem encontrar pelo caminho.
1984
1. Aces High Steve Harris 4:31
2. The Number of the Beast (live in Dortmund, 1983) Harris 4:56
3. King of Twilight (Nektar Cover) 4:50
4. Rainbow's Gold (Beckett cover) 4:57
5. Cross-Eyed Mary (Jethro Tull Cover) 3:52

(3/5) King of Twilight (4:50) Rei do Crepúsculo

I've been trying, trying so hard Eu tenho tentado, tentando tão duro
I've been crying, crying in the dark Eu tenho chorado, chorando na escuridão
don't forsake me, the time of mine is near não me abandone, o meu tempo está próximo
Don't ever break me Nunca quebre me
and the world that brought me here e o mundo que me trouxeram aqui

sick and lonely, waiting for the dawn doente e só, esperando pelo amanhecer
sick and lonely, wondering what to do doente e só, desejando saber o que fazer
can you hear me, when I say to you possa você me ouve, quando eu digo a você
You gime your hand, I'll give mine to you Você gime sua mão, eu darei o meu a você

When the king of twilight shows me Quando o rei do crepúsculo me mostrar


I will take ten steps to see Eu darei dez passos para ver
Forty leaves I pay for freedom Quarenta folhas que eu pago por liberdade

For a chance to be free Por uma chance de ser livre


For a chance to be free Por uma chance de ser livre

When the king of twilight calls you Quando o rei crepúsculo chamar você
Take a step and you will see Dê um passo e você verá
We all need a quick solution Todos nós precisamos de uma solução rápida

For a chance to be free Para uma chance para ser livre


For a chance to be free Para uma chance para ser livre
When the king of twilight shows me Quando o rei do crepúsculo me mostrar
I will take ten steps to see Eu darei dez passos para ver
Forty leaves I pay for freedom Quarenta folhas que eu pago por liberdade

For a chance to be free Para uma chance para ser livre


For a chance to be...FREE! Para uma chance para ser... LIVRE!

(4/5) Rainbow's Gold (4:57) Arco-íris Dourado

In the heat of the morning No calor da manhã


When your day is still dawning Quando seu dia ainda está amanhecendo
And your bird, she's singing E seu pássaro, ela está cantando
Catch your soul, he's willing to fly away Pegue sua alma, ele está disposto voar fora

Packed your bags in a hurry Arrumado suas malas em uma pressa


Because your mind's in a worry Porque sua mente em uma preocupação
Mark my words Marque minhas palavras
You're gonna be sorry if you ever fly away Você vai sentir muito se você já voar fora
Sweet little girl Doce pequena menina
with the saint da vinci-smile com o santo da vinci-sorriso
Stares at me with sadness in her eyes Olhares fixos a mim com tristeza nos olhos dela
I'm not sure if she's really real Eu não estou seguro se ela for realmente real
or make-believe ou fictícia
Maybe she's a vision that comes to only me Talvez ela é uma visão que vem a só mim

Cause I'm so tired Cause eu estou tão cansado


Yes I'm so tired Sim eu estou tão cansado
So tired Tão cansado
Yes I'm so tired Sim eu estou tão cansado

(5/5) Cross-Eyed Mary (3:52) Maria Vesga

Who would be a poor man, a beggar man? Quem seria pobre, um mendigo?
A thief if he had a rich man in his hand? Um ladrão, se tivesse um homem rico nas mãos?
Who would steal the candy? Quem roubaria o doce?
From a laughing baby's mouth Da boca de um risonho bebê
If he could take it from the money man? Se pudesse tirar do homem do dinheiro?

Cross-eyed Mary, goes jumping in again Maria, a vesga, continua a dar seus pulos
She signs no contract Ela não assina contratos
but she always plays the game mas sempre joga o jogo
She dines in Hampstead Village Ela janta na vila Hampstead
On expense accounted gruel Degusta sopas caras
And the jack knife barber drops her off at school E o camarada da cozinha a deixa na escola

Laughing in the playground Dar risadas no playground


Gets no kicks from little boys Não é motivo para levar chutes de meninos
Would rather make it Seria melhor fazer isso
with a latching gray com um belo obstáculo cinza
Or maybe her attention is drawn by Ou talvez sua atenção esteja tomada por
Aqualung, who watches Aqualung que observa
Through the railings as they play Através da grade enquanto eles brincam

Cross-eyed Mary finds it hard to get along Maria, a vesga, descobre que é difícil se arranjar
She's a poor man's rich girl Ela é a filha rica de um homem pobre
And she'll do it for a song E ela fará isso por uma música
She's a rich man's stealer Ela é a ladra do homem rico
But her favor's good and strong Mas seus favores são bons e fortes
She's the Robin Hood of High Gate Ela é a Robin Hood de Highgate
Helps the poor man get along Ajuda os homens pobres a se arranjarem

Laughing in the playground Dar risadas no playground


Gets no kicks from little boys Não é motivo para levar chutes de meninos
Would rather make it Seria melhor fazer isso
with a latching gray com um belo obstáculo cinza
Or maybe her attention is drawn by Ou talvez sua atenção esteja tomada por
Aqualung, who watches Aqualung que observa
Through the railings as they play Através da grade enquanto eles brincam

Cross-eyed Mary goes jumping in again Maria, a vesga, continua a dar seus pulos
She signs no contract Ela não assina contratos
but she always plays the game mas sempre joga o jogo
She dines in Hampstead Village Ela janta na vila Hampstead
On expense accounted gruel Degusta sopas caras
And the jack knife barber drops her off at school E o camarada da cozinha a deixa na escola

Cross-eyed Mary Maria, a vesga


Eyed Mary Olhos de Maria
Cross-eyed Mary Maria, a vesga
1985
1. Intro 0:49
2. Aces High 5:29
3. 2 Minutes to Midnight 6:06
4. The Trooper 4:29
5. Revelations 6:11
6. Flight of Icarus 3:49
7. The Rime of the Ancient Mariner 13:12
8. Powerslave 7:34
9. The Number of the Beast 4:37
10. Hallowed be Thy Name 7:30
11. Iron Maiden 4:21
12. Run to the Hills 3:53
13. Running Free 3:24
14. Wrathchild 3:07
15. 22 Acacia Avenue 6:19
16. Children of the Damned 4:34
17. Die With Your Boots On 5:15
18. The Phantom of the Opera 7:24

Bruce Dickinson, Steve Harris, Dave Murray, Adrian Smith e Nicko McBrain encontravam-se
no melhor de sua forma, isso após o Maiden ter dado ao mundo 5 dos mais clássicos álbuns de
heavy metal que se tem notícia. Qual seria a melhor maneira de deixar registrada uma fase tão
maravilhosa como essa?

Com certeza, por meio da gravação de um álbum ao vivo. “Live After Death” é uma amostra
da mítica “World Slavery Tour”, a famosa e grandiosa turnê de divulgação do álbum “Powerslave”,
lançado em 1984, na qual a banda fez, inclusive, sua primeira aparição no Brasil, durante o
primeiro Rock In Rio, em 1985.

E esse disco representa exatamente isso: um registro do que é considerado por muitos
como o melhor momento da carreira da banda em termos de empolgação e criatividade, tudo
documentado em um dos melhores álbuns ao vivo da história do metal.

Esse disco foi lançado com diferentes versões. O vinil original é um álbum duplo, onde o LP1
e o lado A do segundo disco contém as músicas gravadas nas apresentações da banda em 1985
no Long Beach Arena, em Los Angeles, que representavam o setlist básico da “World Slavery
Tour”. O lado B do segundo disco trazia mais 5 músicas gravadas no Hammersmith Odeon, na
Inglaterra.

A primeira versão em CD trazia apenas a gravação de Long Beach e com a música


“Running Free” editada em relação à versão do LP. Posteriormente, foi lançada uma outra versão
em CD, a qual trazia as mesmas músicas do vinil, incluindo as 5 faixas extras. Existe ainda uma
versão bônus rara de “Live After Death”, onde o segundo CD com as 5 músicas gravadas na
Inglaterra era substituído por um outro com versões ao vivo das músicas “Losfer Words (Big „Orra)”,
“ Sanctuary” e “Murders in the Rue Morgue”. Bem, vamos falar sobre a primeira e melhor versão
que se conheceu de “Live After Death”, aquela lançada em vinil e na versão remasterizada em CD.
A bolacha começa com uma inusitada introdução, trazendo parte do exaltado discurso do
Primeiro Ministro Winston Churchill, apelando aos ingleses para que se mantivessem firmes e
resistissem aos constantes ataques ao país durante a Segunda Guerra Mundial. Ao final das
palavras do estadista, começam as primeiras notas de “Aces High”, aquela que, com certeza, é
uma das 3 melhores canções para se iniciar um show em toda a história do metal. Dona de um
misto perfeito entre peso, velocidade, agressividade, melodia e feeling, a música mostra
perfeitamente „o que é o Maiden‟ e „porque o Maiden é o Maiden‟.

O entrosamento é perfeito entre as guitarras de Dave Murray e Adrian Smith, que desfilam
sobre a cozinha competente montada por Steve Harris e Nicko McBrain. Bruce Dickinson não
atinge os mesmos agudos altíssimos da versão em estúdio e utiliza-se de tons mais graves, um
fato que se repetiria em algumas outras canções desse disco. Por isso mesmo, muita gente
reclama de sua performance vocal nessa música. Mesmo que ninguém saiba se isso ocorreu
simplesmente por opção sua ou por uma dificuldade em se conseguir atingir ao vivo o mesmo
desempenho, o fato é que as linhas vocais um pouco mais graves de Mr. Air Raid Siren não
deixam de ser excelentes e conseguem empolgar a platéia de uma forma absurda.

A seguir, temos a ótima “2 Minutes To Midnight”, com seu refrão que não sai da cabeça,
entremeado por um trabalho primoroso dos guitarristas e pelo baixo de Steve Harris sendo tocado
“no talo”. Esta é uma música que ganhou aqui uma versão mais empolgante que a de estúdio. A
clássica “The Trooper” ficou mais rápida e pesada em “Live After Death”. Esta é possivelmente,
dentre todas as canções do Maiden, aquela onde Dave Murray e Adrian Smith atingem seu máximo
em termos de entrosamento. Não há, por exemplo, como dizer qual dos dois faz o melhor solo ou
acerta o melhor timbre durante as bases. Bruce Dickinson aqui dá um show de vigor e energia.
Uma das melhores versões já registradas de um dos maiores clássicos da banda.

Na canção seguinte, “Revelations”, o Maiden conseguiu a façanha de fazer com que essa
música soasse mais dramática do que em “Piece Of Mind”. A beleza da faixa, se já é espantosa em
estúdio, ao vivo torna-se mais assustadora ainda. O instrumental é espetacular, apenas perde uma
parte melódica conduzida pela guitarra e que não havia como ser reproduzida em shows com
apenas duas guitarras, ainda que Bruce Dickinson tocasse o instrumento num pequeno trecho
dessa canção. E por falar em Dickinson, é ele quem se sai melhor na execução dessa música, já
que consegue um timbre de voz ainda mais emocionante que na versão de estúdio.

“Flight Of Icarus” ficou menos “feliz” e com muito mais cara de heavy metal em “Live After
Death”. A melodia cheia de feeling, a ótima linha vocal, os belos solos, a cavalgada impressionante
do baixo de Harris, nem tanto pela velocidade mas, sobretudo, pela forma como espanca as cordas
de seu instrumento sem piedade, são todos fatores que deixaram essa música muito mais
empolgante.

Na sequência, somos brindados com uma das maiores epopéias da história do metal. “Rime
Of The Ancient Mariner” já impressiona pelos seus mais de 13 minutos de duração. Aquilo que
poderia se tornar uma canção maçante, sobretudo em um show, na verdade mostra-se um dos
momentos mais marcantes de “Live After Death” e ainda um dos momentos mais criativos de toda
a carreira da banda. A letra, baseada em um poema de Samuel Taylor Coleridge, ganha mais
sentido com a interpretação de Bruce Dickinson. E o instrumental? Bem, a técnica e o
entrosamento entre os músicos nessa faixa é tamanha, que faz a gente se perguntar se firulas e
excessos de virtuosismo são realmente necessários para se fazer uma música de cair o queixo,
com mais uma versão que supera a original de estúdio, sobretudo em termos de peso.
“Powerslave” sabe dosar bem momentos de cadência com aqueles de mais agitação. O
instrumental dessa faixa, quando executado ao vivo, parece ficar ainda mais bem encaixado com o
tema da canção. Dave Murray faz um solo pra lá de inspirado e Steve Harris mostra (mais uma
vez) porque toda vez em que se fala de cavalgada no baixo, ele é o primeiro nome que vem à
cabeça.

“The Number Of The Beast” cumpre com competência a missão de levantar o público, desde
o trecho inicial de sua introdução até o último segundo. A canção seguinte é a espetacular
“Hallowed Be Thy Name”, uma música que provavelmente está no top 3 ou top 5 da maioria dos
fãs da Donzela. E nesse disco, o Maiden a executa de maneira mais veloz, mais pesada e mais
dramática. Não é errado dizer que ela é um dos maiores hinos de todo o heavy metal e que sua
versão em “Live After Death” deve ser a melhor que a banda já registrou até hoje para essa
música.

“Iron Maiden” é a canção que encerra a primeira parte dos shows do Maiden. A entrada de
Bruce e Nicko McBrain na banda fez com que essa faixa perdesse um pouco da crueza e
brutalidade dos tempos de Paul Di‟Anno e Clive Burr. No entanto, sua execução ao vivo com os 2
ganhou em técnica, conforme pode ser observado nessa versão.

Em “Run To The Hills”, Bruce Dickinson, mais uma vez, utiliza-se de tons mais graves,
cantando os versos de forma um pouco menos „raçuda‟ que em outras ocasiões. Só que tocar uma
música que tem um refrão como o dessa, será sempre entrar em campo com o jogo já ganho.
“Running Free” ganhou 5 minutos a mais na versão de “Live After Death”, pois lá pelo meio da
música Bruce começa uma interação com o público, aquela velha história de pedir para a platéia
repetir alguma coisa, ver se quem grita mais alto é quem está no lado direito ou esquerdo, aquela
coisa toda de show ao vivo. A música em si é outra da era Di‟Anno que perde em agressividade.
No entanto, não é nada que comprometa a qualidade da canção e muito menos o poder de
interação entre a banda e os fãs, que cantam o refrão em uníssono.

Bem, a versão original em CD de “Live After Death” terminava aqui. A primeira prensagem
original desse álbum, em vinil, ainda tem um lado B do disco 2, com mais 5 músicas que foram
gravadas em apresentações no Hammersmith Odeon, na Inglaterra. “Wrathchild” é uma das
poucas músicas desse álbum que não consegue repetir o mesmo nível de estúdio ou até melhorá-
lo. Não que ela tenha ficado ruim, mas a versão de estúdio ou aquela do “Maiden Japan” são
melhores, talvez pelo fato de que, entre todas as músicas dos 2 primeiros discos, essa é a que
melhor se encaixa no estilo vocal de Paul Di‟Anno e a que mais se afasta do estilo do Dickinson.

“22 Acacia Avenue”, coloco entre as mais criativas músicas do Maiden. Em relação à versão
de estúdio, Bruce canta de forma bem mais „rasgada‟ e muito menos limpa, sobretudo a parte no
meio da música, onde ele atingia agudos altíssimos em estúdio. Os riffs ao vivo soam com mais
pegada e os solos são excepcionais. A seguir, temos a clássica “Children Of The Damned”, que
ganhou uma versão excelente, mais pesada e com vocal mais dramático. Uma música
definitivamente fantástica.

“Die With Your Boots On” ficou impressionante, com seu instrumental técnico, entrosado e
empolgante. Destaque para Steve Harris e seu baixo. O cara impressiona tanto pela velocidade
com que toca quanto pela força com que bate nas cordas de seu instrumento. E Bruce Dickinson
tem aqui uma de suas melhores performances no disco.
“Phantom Of The Opera”, a última canção da versão em vinil, é outra que deve figurar no top
3 ou top 5 da maior parte dos fãs da banda. Suas mudanças de andamento, suas variações de
momentos mais porrada para outros mais calmos e viajantes, seu instrumental inspiradíssimo, tudo
isso ainda ficou melhor na versão de “Live After Death”. Sem dúvidas, a versão definitiva dessa
música. [1]
1986
1. Caught Somewhere in Time Harris 7:25
2. Wasted Years Smith 5:07
3. Sea Of Madness Smith 5:42
4. Heaven Can Wait Harris 7:21
5. The Loneliness of the Long… Harris 6:31
6. Stranger in a Strange Land Smith 5:44
7. Déjà Vu Harris, Murray 4:56
8. Alexander the Great Harris 8:37

O lançamento de "Somewhere in Time" foi estrondoso e as vendas foram muito boas, mas
logo começaram as críticas em relação ao disco. Os fãs mais fervorosos acusavam a banda de ter
mudado muito o seu som e estarem se tornando mais comerciais, visando especialmente o
mercado americano.

Apesar de todo o alvoroço causado na época, atualmente este é considerado um verdadeiro


clássico da Donzela, figurando facilmente entre os preferidos pelos fãs. "Somewhere in Time" torna
o ouvinte um verdadeiro fã de boa música e faz aprender a curtir cada detalhe de uma canção.
Este disco não é apenas um grande álbum de Heavy Metal, ele é uma verdadeira obra-prima da
música moderna.

De cara, "Somewhere in Time" já chama a atenção pela sua maravilhosa arte de capa. A
ilustração, novamente feita por Derek Riggs, possui inúmeros detalhes que nos remetem a história
da banda. Falaremos destes detalhes mais adiante.

A banda optou neste disco por uma musicalidade e temática futuristas, baseando-se
especialmente no filme "Blade Runner", de 1982. Não se trata necessariamente de um disco
conceitual, mas as músicas em geral falam sobre o tempo e a relação das pessoas com ele. Bruce
Dickinson não teve participação nas composições e isso gerou certo desconforto entre os músicos,
Harris ainda figurava como principal compositor e Adrian Smith participa com mais efetividade que
outrora na parte criativa.

Mantendo a mesma formação desde "Piece of Mind", o entrosamento da banda já é algo


indiscutível, a forma como cada nota se encaixa beira a perfeição. A dupla que Adrian Smith e
Dave Murray fazem nas guitarras se tornaria uma das mais importantes e influentes do Heavy
Metal, e neste disco a dupla chega a seu ápice criativo, despejando riffs memoráveis e alguns dos
melhores solos de toda sua carreira. Bruce Dickinson mostra mais uma vez todo seu potencial
imprimindo sua personalidade inconfundível a cada faixa do disco. Steve Harris também vive um de
seus melhores momentos em técnica e composição e junto com Nicko McBrain, que demonstra
uma técnica e velocidade monstruosas, formam uma cozinha impecável.

O disco abre com a veloz e variada "Caught Somewhere in Time". Após uma introdução
calma e melodiosa que deixa clara a proposta da banda para o disco, a velocidade toma conta da
música, especialmente na bateria, onde Nicko demonstra uma técnica absurda no bumbo, sem
sequer utilizar pedal duplo. Cheia de variações, a música vai evoluindo até chegar aos solos, onde
Smith demonstra toda sua versatilidade e virtuosismo, sem perder o feeling. Diferente dos discos
anteriores, onde a banda abria com uma faixa mais direta, "Caught Somewhere in Time" é uma
música longa e em seus mais de 7 minutos mostra-se bastante complexa e variada, apesar do
peso e velocidade constantes.

"Wasted Years" é o maior hit do disco e seu single fez bastante sucesso na época. Sem
muita frescura e virtuosismo desnecessário, a música apresenta uma introdução interessante, um
refrão pegajoso e se desenvolve em uma estrutura melódica bastante simples, mas eficaz. Nesta
música, Adrian Smith apresenta mais um solo extraordinário.
O disco mantém uma regularidade impressionante. Sua qualidade é tão constante que torna-
se praticamente impossível destacar este ou aquele aspecto. Em "Sea of Madness", por exemplo,
Steve Harris e Nicko McBrain iniciam a música com uma levada interessantíssima. O já famoso
“andamento cavalgado” de Harris contrasta com o peso das variações de Nicko. Em seguida
Dickinson entra com sua interpretação arrebatadora, chegando ao ápice no refrão, onde é
impossível não cantar junto, a plenos pulmões. Por fim, os riffs de Murray e Smith, presentes em
toda a extensão da música, são empolgantes e precisos.

"Heaven Can Wait" é a música melhor aproveitada ao vivo pela banda, especialmente
devido a seu ritmo empolgante e refrão bombástico. A música inicia com uma sequência distinta de
notas e uma melodia cortante, acompanhada da bateria precisa de Nicko McBrain. Assim como a
faixa de abertura, "Heaven Can Wait" é uma música mais embalada, com um ritmo mais rápido,
mas ainda assim sobra espaço para solos e melodias precisos. Sua letra é soberba, de longe a
melhor do disco e fala sobre uma pessoa recebendo nova oportunidade de continuar vivendo.

Vale destacar que, diferente dos discos anteriores que possuíam alguns momentos mais
interessantes, outros um pouco menos inspirados, "Somewhere in Time" mantém o mesmo nível
em todo seu decorrer, sem músicas que se sobressaem. "The Loneliness Of The Long Distance
Runner", apesar do título esquisito, é uma música incrível. Inicia com belas melodias e vai ficando
mais encorpada conforme vai se desenvolvendo, com mudanças constantes de ritmos e quebradas
de tempo diversas, que culminam em mais dois solos inacreditáveis, um mais lento e melodioso de
Adrian Smith, outro mais rápido e preciso de Dave Murray.

"Stranger in a Strange Land" começa com Harris e McBrain novamente demonstrando seu
entrosamento. Trata-se de uma faixa mais cadenciada, mas ainda assim muito pesada. Adrian
Smith nos presenteia nesta canção com o solo mais bonito do disco e provavelmente um dos
melhores de toda a sua carreira. A letra fala da história de um explorador que visitava o Ártico,
morreu congelado e depois de cem anos seu corpo foi encontrado preservado por outros
exploradores. Esta faixa também foi lançada como single, mas apesar de sua qualidade não obteve
o mesmo sucesso que "Wasted Years".

A única participação de Murray como compositor no disco se dá em "Dejà Vu", que junto
com Steve Harris não decepciona. A música começa com um dedilhado belíssimo e uma melodia
bastante emotiva. Uma música bastante moderna, que soa atual mesmo após 35 anos de sua
gravação. A velocidade é predominante e os duetos de guitarras estão por todos os lados. O termo
"dejà vu" é francês, e diz respeito à sensação de já ter vivenciado uma situação anteriormente.
("Feel like i've been here before", "Sinto como se já tivesse estado aqui antes").

Fechando o disco temos a épica "Alexander the Great". Apesar do descaso da banda para
com essa obra-prima, ela figurava na lista das preferidas de muitos fãs. Após uma introdução
narrada, o instrumental e a parte lírica se completam de forma inexplicável, chegando ao ápice no
refrão bombástico. Todas as melodias e harmonias se encaixam de forma perfeita e a música se
desenvolve em diferentes climas, de forma que, ao transcorrer seus quase 9 minutos, você sente
que ela poderia ainda se prolongar por outros 30.

Apesar de tantos adjetivos que "Somewhere in Time" carrega, a maioria de suas canções
não foram aproveitadas após a turnê do disco. Apenas "Wasted Years" e "Heaven Can Wait" ainda
são lembradas em alguns shows. Mesmo a épica "Alexander the Great", considerada umas das
melhores músicas da banda, nunca foi executada ao vivo. Enfim, como somente o tempo pode
provar muitas coisas, este disco se tornou um clássico, reverenciado pela maioria dos fãs de Heavy
Metal, mesmo aqueles que torceram o nariz para o disco na época em que foi lançado. [1]
(1/8) Caught Somewhere Preso Em Algum Lugar no Tempo
In Time (7:25)
Se você tiver tempo pra perder
If you had the time to lose, Uma mente aberta e tempo para escolher
An open mind and time to choose, Você se importaria de dar uma olhada?
Would you care to take a look, Ou poderia me ler, como um livro?
Or can you read me like a book?
O tempo está sempre ao meu lado
Time is always on my side, O tempo está sempre ao meu lado
Time is always on my side.
Posso tentá-lo a vir comigo
Can I tempt you, come with me, Que se dane, realize seu sonho
Be Devil may care, fulfill your dream, Se eu dissesse que te traria aqui
If I said I'd take you there, Você iria, ou ficaria com medo?
Would you go, would you be scared?
O tempo está sempre ao meu lado
Time is always on my side, O tempo está sempre ao meu lado
Time is always on my side.
Não tenha medo, você esta a salvo comigo
Don't be afraid, you're safe with me, Salvo como qualquer outra alma pode estar
Safe as any soul can be... Honestamente... Apenas deixe-se ir!
Honestly, just let yourself go.
Preso em algum lugar no tempo
Caught somewhere in time ...
… Como um lobo em pele de cordeiro
Like a wolf in sheep's clothing, Você tenta esconder os seus pecados mais íntimos
You try to hide your deepest sins, Todas as coisas que você fez de errado
Of all the things that you've done wrong, E eu sei a que lugar você pertence
And I know where you belong.
O tempo está sempre ao meu lado
Time is always on my side, O tempo está sempre ao meu lado
Time is always on my side.
Faz uma oferta que você não tem como recusar
Make you an offer you can't refuse, Você só tem a sua alma a perder
You've only got your soul to lose Eternamente... Deixe-se ir!
Eternally... Let yourself go!
Preso em algum lugar no tempo
Caught somewhere in time ...
… Preso agora nesta indecisão!
Caught now in two minds!

(2/8) Wasted Years (5:07) Anos Perdidos

From the coast of gold, across the seven seas Da costa do ouro, atravessando os sete mares
I'm travelling on, far and wide Eu estou viajando, muito distante
But now it seems Mas agora parece que
I'm just a stranger to myself eu sou um estranho para mim mesmo
And all the things I sometimes do, it isn't me, E todas as coisas que algumas vezes faço, não sou
but someone else eu, mas um outro alguém

I close my eyes, and think of home Eu fecho meus olhos e penso em meu lar
Another city goes by, in the night Outra cidade passa, na noite
Ain't it funny how it is, É engraçado não é,
you never miss it til it's gone away você nunca sente falta até perder
And my heart is lying there E meu coração descansa ali
and will be til my dying day e ali ficará até o dia de minha morte

So understand Então entenda


Don't waste your time always searching Não perca seu tempo sempre procurando
for those wasted years aqueles anos perdidos
Face up, make your stand Encare, tome posição
And realize you're living in the golden years E perceba que você vive nos anos dourados

Too much time on my hands, Muito tempo em minhas mãos,


I got you on my mind eu tenho você em minha mente
Can't ease this pain so easily Não consigo aliviar esta dor tão facilmente
When you can't find the words to say, Quando você não consegue achar as palavras para
it's hard to make it through another day dizer, é difícil aguentar um outro dia
And it makes me wanna cry, E isso me faz querer chorar
and throw my hands up to the sky e erguer minhas mãos para o céu

So understand Então entenda


Don't waste your time always searching Não perca seu tempo sempre procurando
for those wasted years aqueles anos perdidos
Face up, make your stand Encare, tome posição
And realize you're living in the golden years E perceba que você vive nos anos dourados

So understand Então entenda


Don't waste your time always searching Não perca seu tempo sempre procurando
for those wasted years aqueles anos perdidos
Face up, make your stand Encare, tome posição
And realize you're living in the golden years E perceba que você vive nos anos dourados

So understand Então entenda


Don't waste your time always searching Não perca seu tempo sempre procurando
for those wasted years aqueles anos perdidos
Face up, make your stand Encare, tome posição
And realize you're living in the golden years E perceba que você vive nos anos dourados

(3/8) Sea Of Madness (5:42) Mar de Loucura

Out in the street somebody's crying, Lá fora nas ruas alguém está chorando
Out in the night the fires burn, Lá fora na noite o fogo queima
Maybe tonight somebody's crying, Talvez hoje à noite alguém esteja chorando
Reached the point of no return. Atingido o ponto sem retorno

Oh - my eyes they see but I can't believe, Oh - Meus olhos veem, mas eu não posso acreditar
Oh - my heart is heavy Oh - Meu coração está pesado
as I turn my back and leave. quando viro as costas e parto

Like the eagle and the dove, Como a águia e o pombo


Fly so high on wings above, Voar tão alto, voando lá em cima
When all you see Quando tudo o que você vê
can only bring you sadness, só pode te trazer tristeza
Like a river we will flow, Como um rio nós seguiremos
On towards the sea we go, Em direção ao mar nós vamos
When all you do Quando tudo o que você faz
can only bring you sadness, só pode te trazer tristeza
Out on the sea of madness. Lá fora no mar de loucura

Somewhere I hear a voice that's calling, Em algum lugar ouço uma voz que chama
Out in the dark there burns a dream, Lá fora na escuridão queima um sonho
You got to hope when you are falling, Você tem de ter esperança quando está caindo
To find the world that you have seen. Para encontrar o mundo que você imaginou

Oh - my eyes they see but I can't believe, Oh - Meus olhos veem, mas eu não posso acreditar
Oh - my heart is heavy Oh - Meu coração está pesado
as I turn my back and leave. quando viro as costas e parto

Like the eagle and the dove, Como a águia e o pombo


Fly so high on wings above, Voar tão alto, voando lá em cima
When all you see Quando tudo o que você vê
can only bring you sadness, só pode te trazer tristeza
Like a river we will flow, Como um rio nós seguiremos
On towards the sea we go, Em direção ao mar nós vamos
When all you do Quando tudo o que você faz
can only bring you sadness, só pode te trazer tristeza
Out on the sea of madness. Lá fora no mar de loucura

It's madness, É loucura


The sun don't shine O sol não brilha
On the sea of madness, No mar da loucura
There ain't no wind to fill your sails, Não há vento para soprar suas velas
Madness, Loucura
When all you see can only bring you sadness Quando tudo que você vê só pode te trazer tristeza
On towards the sea we go Em direção ao mar nós vamos

Out in the street somebody's crying, Lá fora nas ruas alguém está chorando
Out in the night the fires burn, Lá fora na noite o fogo queima
Maybe tonight somebody's crying, Talvez hoje alguém esteja chorando
Reached the point of no return. Atingido o ponto sem retorno

Oh - my eyes they see but I can't believe, Oh - Meus olhos vêem, mas eu não posso acreditar
Oh - my heart is heavy Oh - Meu coração está pesado
as I turn my back and leave. quando viro as costas e parto

Like the eagle and the dove, Como a águia e o pombo


Fly so high on wings above, Voar tão alto, voando lá em cima
When all you see Quando tudo o que você vê
can only bring you sadness, só pode te trazer tristeza
Like a river we will flow, Como um rio nós seguiremos
On towards the sea we go, Em direção ao mar nós vamos
When all you do Quando tudo o que você faz
can only bring you sadness, só pode te trazer tristeza
Out on the sea of madness Lá fora no mar de loucura

(4/8) Heaven Can Wait (7:21) O Céu Pode Esperar

Can't understand Não consigo entender


what is happening to me o que acontece comigo
This isn't real, this is only a dream Isto não é real, isto é apenas um sonho
But I never have felt, Mas eu nunca senti assim não,
no I never have felt this way before eu nunca me senti assim antes
I'm looking down on my body below Estou olhando para o meu corpo lá embaixo
I lie asleep in the midst of a dream Eu adormeço no meio de um sonho
Is it now could it be that the angel of death Será possível que o anjo da morte
has come for me? chegou para me buscar?
I can't believe Eu não posso acreditar
that really my time has come que minha hora tenha chegado
I don't feel ready, Eu não me sinto pronto,
there's so much left undone há tanta coisa por fazer
And it's my soul Esta é a minha alma
and I'm not gonna let it get away e eu não vou deixá-la ir embora

Heaven can wait O céu pode esperar


… ...
Heaven can wait til another day O céu pode esperar até um outro dia!

Heaven can wait O céu pode esperar


… ...
Heaven can wait til another day O céu pode esperar até um outro dia!

I have a lust for the earth below Eu tenho paixão pela terra aqui embaixo
And hell itself is my only foe E o inferno é meu único inimigo
'Cause I've no fear of dying Porque eu não tenho medo de morrer
I'll go when I'm good and ready Eu irei quando estiver bem e preparado
I snatch a glimpse Eu dou uma piscadela
of the light's eternal rays naqueles eternos raios de luz
I see a tunnel, I stand amazed Eu vejo um túnel, e fico maravilhado
At all of the people standing there in front of me Com todas aquelas pessoas, ali, diante de mim
Into the paths of rightness I'll be led No caminho dos justos serei guiado
Is this the place where the living join the dead? Este é o lugar onde os vivos se juntam aos mortos?
I wish I knew this was only just a nightmare Eu queria saber se isso foi apenas um pesadelo

Heaven can wait O céu pode esperar


… ...
Heaven can wait til another day O céu pode esperar até outro dia!

Heaven can wait O céu pode esperar


… ...
Heaven can wait til another day O céu pode esperar até outro dia!

Take my hand, I'll lead you to the promised land Pegue minha mão, eu te levarei à terra prometida
Take my hand, I'll give you immortality Pegue minha mão, eu te darei a imortalidade
Eternal youth, I'll take you to the other side Juventude eterna, eu te levarei para o lado de lá
To see the truth, the path for you is decided Para ver a verdade, o seu destino está traçado

Oh, oh Oh, oh

My body tingles, I feel so strange Meu corpo está formigando, e me sinto tão estranho
I feel so tired, I feel so drained Me sinto tão cansado, me sinto tão esgotado
And I'm wondering E eu me pergunto
if I'll ever be the same again se algum dia voltarei a ser o mesmo novamente
Is this in limbo or in heaven or hell? Seria este o limbo, o céu ou o inferno?
Maybe I'm going down there as well De qualquer forma, talvez eu esteja indo para lá
I can't accept my soul Eu não posso aceitar que minha alma
will drift forever vague eternamente
I feel myself floating back down to earth Eu me sinto flutuando, de volta aqui para terra
So could this be the hour of my rebirth? Seria esta a hora de meu renascimento?
Or have I died or will I wake from dreaming? Será que morri, ou irei acordar de um sonho?

Heaven can wait O céu pode esperar


… ...
Heaven can wait til another day O céu pode esperar até outro dia

(5/8) The Loneliness A Solidão


Of The Long Distance Runner (6:31) do Corredor De Longa Distância

Tough Of the track, A trilha penosa,


With the wind, com o vento
And the rain that's beating down on your back. E a chuva que bate nas suas costas
Your heart's Seu coração
Beating loud bate alto
And goes on getting louder E vai ficando cada vez mais alto
And goes on even more till the sound E fica ainda mais até que o som
Is ringing in your head, Fica soando na sua cabeça
With every step you tread, A cada passo que você dá,
And every breath you take, E a cada respiração,
Determination makes Determinação te faz
You run, Never stop, correr, nunca parar
Gotta win, gotta run till you drop, Precisa vencer, precisa correr até cair,
Keep the pace, Mantenha o ritmo,
Hold the race, segure a corrida,
Your mind is getting clearer, Sua mente está ficando mais limpa,
You're over halfway there but the miles Você passou da metade, mas a distância
Just never seem to end Parece nunca terminar
As if you're in a dream, Como se você estivesse em um sonho,
Not getting anywhere. Não chegando a lugar nenhum.
It seems so futile. Isso parece tão fútil

Run, on and on, Correr e correr,


Run, on and on, Correr e correr,
The lonliness of the long distance runner. A solidão do corredor de longa distância.

I've got to keep running the course, Eu tenho de manter correndo no rumo,
I've got to keep running Eu tenho de prosseguir correndo
and win at all costs, e vencer a qualquer custo,
I've got to keep going, be strong, Eu tenho de continuar correndo ser forte,
Must be so determined Tenho de ser muito determinado
and push myself on. e empurrar a mim mesmo.

Run Correr
Over stiles, sobre degraus,
Across fields, atravessando campos,
Turn to look at who's on your heels, Virar de costas para olhar quem está em seus
calcanhares,
Way ahead No caminho à frente
Of the field, no campo,
The line is getting nearer A chegada fica mais próxima
But do you want the glory that goes, mas você quer a glória que virá,
You reach the final stretch, Você chega à linha de chegada,
Ideals are just a trace, Ideais são apenas pistas,
You feel like throwing the race, Você se sente como desprezando a corrida,
It's all so futile. É tudo tão fútil.

Run, on and on, Correr e correr,


Run, on and on, Correr e correr,
The lonliness of the long distance runner. A solidão do corredor de longa distância.

Run, on and on, Correr e correr,


Run, on and on, Correr e correr,
The lonliness of the long distance runner. A solidão do corredor de longa distância.

(6/8) Stranger In a Estranho Em Uma


Strange Land (5:44) Terra Estranha

Was many years ago that I left home Foi a muitos anos atrás que eu deixei meu lar
and came this way e tomei este caminho
I was a young man full of hopes and dreams Eu era um jovem cheio de esperanças e sonhos
But now it seems to me Mas agora me parece
that all is lost and nothing gained que tudo está perdido e nada ganho
Sometimes things ain't what they seem Algumas vezes as coisas não são o que parecem
No brave new world, no brave new world Nenhum admirável mundo novo
No brave new world, no brave new world Nenhum admirável mundo novo

Night and day I scan horizon, sea and sky Noite e dia procuro pelo horizonte, mar e céu
My spirit wanders endlessly Meu espírito vagueia sem parar
Until the day will dawn and friends from home Até que o dia nasça e os amigos de casa
discover why descubram porque
Hear me calling, rescue me Me ouçam chamando, me salvem
Set me free, set me free Libertem-me, libertem-me
Lost in this place and leave no trace Perdido neste lugar e sem deixar vestígios

Stranger in a strange land Estranho em uma terra estranha


Land of ice and snow Terra de gelo e neve
Trapped inside this prison, yeah! Preso aqui nesta armadilha
Lost and far from home Perdido e longe de casa

One hundred years have gone Cem anos se passam,


and men again they came that way novamente homens vem por esse caminho
To find the answer to the mystery Para achar a resposta do mistério
They found his body lying Eles acharam seu corpo deitado
where it fell on that day onde ele caiu aquele dia
Preserved in time for all to see Preservado no tempo para todos verem
No brave new world, Nenhum admirável mundo novo,
no brave new world nenhum admirável mundo novo
Lost in this place, and leave no trace Perdido neste lugar e sem deixar vestígios

What became of men that started O que resultou do que os homens começaram
All are gone and souls departed Todos se foram e as almas partiram
Left me here of this place Me deixaram aqui nesse lugar
So all alone Então tudo sozinho

Stranger in a strange land Estranho em uma terra estranha


Land of ice and snow Terra de gelo e neve
Trapped inside this prison! Preso aqui nesta armadilha
Lost and far from home Perdido e longe de casa

Stranger in a strange land Estranho em uma terra estranha


Land of ice and snow Terra de gelo e neve
Trapped inside this prison Preso aqui nesta armadilha
Lost and far from home Perdido e longe de casa

(7/8) Déjà Vu (4:56) Deja Vu

When you see familiar faces, Quando você vê faces familiares


But you don't remember where they're from, Mas não lembra de onde elas são,
Could you be wrong? Você pode estar errado

When you've been particular places, Quando você esteve em lugares particulares,
That you know you've never been before, Que você sabe que nunca visitou antes,
Can you be sure? Pode ter certeza?

'Cause you know this has happened before, Pois você sabe que isso aconteceu antes,
And you know that this moment in time is for real, E você sabe que este momento é de verdade,
And you know when you feel Deja vu. E você sabe quando sente Deja Vu.

Feel like I've been here before, Sinto como se tivesse estado aqui antes,
… ...
Ever had a conversation, Alguma vez teve uma conversa
That you realise you've had before, Que você entendeu ter tido antes
Isn't it strange? Não é estranho?

Have you ever talked to someone, Alguma vez você já falou com alguém
And you feel you know what's coming next? E sentiu que sabia o que iria acontecer?
It feels pre-arranged. Parece pré-arranjado

'Cause you know that you've heard it before, Pois você sabe que já ouviu isso antes
And you feel that this moment in time is surreal, E você sente que este momento no tempo é surreal
'Cause you know when you feel Deja vu Pois você sabe quando sente Deja Vu

(8/8) Alexander The Great (8:37) Alexandre, O Grande

"My son, "Meu filho,


ask for thyself another kingdom, consiga para você um outro reino
For that which I leave Pois este que deixo
is too small for thee." é pequeno demais para você"

Near to the East, in a part of ancient Greece, Perto do leste, em uma parte da antiga Grécia
In an ancient land called Macedonia, Em uma antiga terra chamada Macedônia
Was born a son to Philip of Macedon, Nasceu o filho de Felipe da Macedônia
The legend his name was Alexander. A lenda, seu nome era Alexandre

At the age of nineteen, Aos dezenove anos


he became the Macedon king, tornou-se o rei da Macedônia
And he swore to free all of Asia Minor, E jurou libertar toda a Ásia Menor
By the Aegian Sea in 334 BC, Pelo mar Egeu em 334 antes de Cristo
He utterly beat the armies of Persia. Derrotou completamente os exércitos da Pérsia
Alexander the Great, Alexandre, o Grande
His name struck fear Seu nome colocava medo
into hearts of men, nos corações dos homens
Alexander the Great, Alexandre, o Grande
Became a legend 'mongst mortal men. Tornou-se uma lenda entre os mortais

King Darius the third, Defeated fled Persia, Rei Dário III, derrotado,fugiu da Pérsia
The Scythians fell by the river Jaxartes, Os Simérios se renderam no rio Jaxartes
Then Egypt fell to the Macedon king as well, Os Egípcios sucumbiram também ao rei Macedônio
And he founded the city called Alexandria. E ele fundou a cidade chamada Alexandria

By the Tigris river, he met King Darius again, No rio Tigre ele encontrou novamente o rei Dário
And crushed him again in the battle of Arbela, E o esmagou novamente na batalha de Arbela
Entering Babylon and Susa, Adentrando Babilônia e Susa,
treasures he found, tesouros ele encontrou
Took Persepolis, the capital of Persia. Tomou Persépolis, a capital da Pérsia

Alexander the Great, Alexandre, o Grande


His name struck fear Seu nome colocava medo
into hearts of men, nos corações dos homens
Alexander the Great, Alexandre, o Grande
Became a god amongst mortal men. Tornou-se um deus entre os mortais

A Phrygian King had bound a chariot yoke, Um rei Frígio partiu em uma biga
And Alexander cut the "Gordion knot", E Alexandre cortou o Nó Górdio
And legend said that who untied the knot, E a lenda dizia que quem cortasse o Nó
He would become the master of Asia. Tornaria-se o governante da Ásia

Hellenism he spread far and wide, Ele espalhou o Helenismo por todos os lados
The Macedonian learned mind, A mente ensinada da Macedônia
Their culture was a western way of life, Sua cultura era um estilo ocidental de vida
He paved the way for Christianity. Ele pavimentou o caminho para o Cristianismo

Marching on, Marching on. Marchando, marchando

The battle weary marching side by side, A cansativa batalha, marchando lado a lado
Alexander's army line by line, Os exércitos de Alexandre, linha a linha
They wouldn't follow him to India, Eles não seguiriam para a Índia
Tired of the combat, pain and the glory. Cansados do combate, da dor, e da glória

Alexander the Great, Alexandre, o Grande


His name struck fear Seu nome colocava medo
into hearts of men, nos corações dos homens
Alexander the Great, Alexandre, o Grande
He died of fever in Babylon Morreu de febre na Babilônia

CAUGHT SOMEWHERE IN TIME: abre o disco mostrando a Donzela com uma sonoridade
diferente dos discos anteriores. A música descreve alguém, como o diabo, tentando convencer
outra pessoa a trocar sua alma por algo que não dá muito para saber o que é (vida eterna?).
Argumenta-se que a música é inspirada no filme de 1979, Time After Time (“Um século em 43
minutos”), onde o escritor H. G. Wells inventa uma máquina do tempo e entra nela para perseguir
seu amigo, que viria a se tornar Jack, O Estripador.
WASTED YEARS: pode ser considerada uma das músicas mais "mainstream" do Maiden ao lado
de Wasting Love. Sua letra fala sobre não olharmos para trás e vivermos o presente como se
fossem os dias dourados. O videoclipe mostra várias fotos da banda, durante a World Slavery Tour
e até antes disso, mostra também várias fotos do Eddie em suas várias fases, desde o começo da
banda. É como se fosse um resumo de tudo que eles viveram até então.

SEA OF MADNESS: também de autoria de Adrian Smith, narra outro estado mental. Fala do
sofrimento do mundo, da miséria do povo (o tal mar de loucura) e que, às vezes, o melhor a fazer é
virar as costas e ir embora, mesmo com o coração pesado.

HEAVEN CAN WAIT: segue descrevendo a experiência de quase morte: sensação de ver o
próprio corpo e ter a alma sugada para outro lugar, onde há luzes e pessoas observando, mas tudo
que ele deseja é continuar aqui na Terra. No fim, ele não sabe se renasceu, morreu ou vai acordar
de um sonho.

Near Death Experience (Experiência de Quase-Morte, EQM) é quando alguém perto da


morte ou sofrendo de algum trauma ou doença que possa levar a ela, percebe eventos que
parecem ser impossíveis, não usuais ou sobrenaturais (HSW).

Características de EQM (as mais comuns, mas nem sempre presentes): sensações de
tranquilidade, luz radiante, pura e intensa, experiências fora do corpo, entrando em outra realidade
ou dimensão, visão e/ou comunicação com seres espirituais, o túnel e revisão da vida (tipo aquela
sensação de que sua vida inteira passou como um flash diante de seus olhos).

A maioria das pessoas classificam a experiência como sobrenatural (pessoas religiosas


principalmente). A ciência não tem uma resposta comprovada ao assunto, mas... não é porque não
consegue explicar, neste momento, que torna válida as teorias sobrenaturais (mesmo porque não
há como testar algumas variáveis).

THE LONELINESS OF THE LONG DISTANCE RUNNER: é baseado na história de Alan Sillitoe,
que se tornou filme em 1962. O filme fala de um jovem que é preso depois de roubar uma padaria.
Ele fica em uma prisão para jovens delinquentes e, para se distrair, passa o tempo correndo.
Descobrem seu talento como corredor e oferecem a ele um meio de sair da prisão (e promover o
nome da instituição): vencer uma importante corrida cross-country contra alunos da escola pública.

Se você não for ver o filme ou ler o livro, saiba que o garoto, quando está perto de vencer a
corrida, pára no caminho e não aceita vencer uma corrida por aqueles que o prenderam. Ele se
ferra depois, mas que tem firmeza, isso tem!

STRANGER IN A STRANGE LAND: ao contrário do que muitos dizem, NÃO fala sobre o romance
de mesmo nome do escritor estadunidense Robert A. Heinlein (1907 - 1988) lançado em 1961, que
conta a história de um humano que é criado pelos habitantes do planeta Marte e, quando adulto,
vem para a Terra. Ok espertinho, então a música fala do que?

A letra de Adrian Smith fala sobre uma conversa que ele teve com um explorador, que achou
o corpo de um homem congelado há muitos anos no Pólo Norte. (Eu não me surpreenderia que ele
tivesse lido o livro de Heinlein e relacionado as coisas.)
DÉJÀ VU: fala sobre... Déjà Vu! Aquela estranha sensação de já termos vivido uma mesma
situação antes = "Feel like i've been here before.."
Déjà Vu vem do francês, e significa "já visto".

ALEXANDER THE GREAT: Alexandre Magno, O Grande, rei da Macedônia e de um bom pedaço
do mundo... Seu tutor foi nada menos que Aristóteles. Era filho de Filipe II, que conquistou a
Grécia, depois das Cidades-Estado gregas como Atenas, Esparta, Tebas e Micenas se acabarem
em guerras. Alexandre conquistou um território de 5.646.200km² e foi o segundo maior
conquistador de terras do mundo ("perdeu" "apenas" para Genghis Khan). Nasceu em 356AC e
morreu de febre na Babilônia em 323AC.

O Império de Alexandre Magno: a música tem um probleminha histórico. Na letra de Harris


consta que o exército de Alexandre não o seguiu até a Índia, pois estavam cansados, mas o
exército de Alexandre o seguiu, sim, e no final tiveram que se retirar, pois viram que vencer os
indianos não seria possível. Mas isto não diminui a grandeza deste som épico. Afinal, se até eu que
sou bom em história erro, imagine o Harris!

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


Curiosidades sobre a capa de "Somewhere in Time"

Pode não ser a mais bonita, mas com certeza é a capa mais interessante da carreira do
IRON MAIDEN. Ilustrada pelo famoso Derek Riggs, apresenta diversos detalhes a respeito da
história e das músicas da banda, além de outros detalhes divertidos.

Veja a seguir alguns detalhes a respeito desta arte genial:

1- "This is a very boring painting", mensagem escrita ao contrário atrás da perna direita do Eddie.

2- Aces High bar, com um avião da Segunda Guerra Mundial voando ao fundo. (Referência à
música "Aces High", do álbum "Powerslave").

3- Ancient Mariner Seafood Restaurant. (Referência à música "Rime of the Ancient Mariner", do
álbum "Powerslave").

4- Eye of Horus sobre o anúncio da Webster à esquerda da arma de Eddie. (Referência à música
"Powerslave", do álbum "Powerslave").

5- Phantom Opera House. (Referência à música "Phantom of the Opera", do álbum "Iron Maiden").

6- Na contra-capa vê-se um homem em queda livre, trata-se de Icaro caindo do sol com as asas de
cera em chamas. (Referência à música "Flight of the Icarus", do álbum "Piece of Mind").

7- O relógio na contra-capa, no viaduto, marca 23:58. (Referência à música "2 minutes to midnight",
do álbum "Powerslave").

8- "Tonight GYPSY'S KISS", abaixo do relógio. (Referência à primeira banda do baixista Steve
Harris).

9- Live After Death e Blade Runner são os filmes em cartaz no cinema. (Referência ao disco ao
vivo, "Live After Death" e ao filme "Blade Runner", no qual o disco "Somewhere in Time" é
inspirado).

10- O cinema é o Philip K. Dick, que é o autor de "Do Androids Dream of Electric Sheep?", em que
o filme "Blade Runner" foi baseado.

11- Ruskin Arms (Velho pub onde o IRON MAIDEN tocava no início da carreira).

12- The Rainbow Bar (Outro clube que a banda frequentava nos primórdios).

13- Marquee Club (Mais um velho clube frequentado pela banda).

14- Hammerjacks (Um dos bares favoritos da banda nos EUA, "Hammerjacks Night Club" em
Baltimore, no estado de Maryland).

15- Tehe's bar é o local onde a banda conseguiu as pessoas que contam os Backing Vocals de
"Heaven Can Wait". Batman está embaixo do anúncio do Tehe's bar.

16- West Ham 7 x 3 Arsenal. Placar de futebol mostrando a vitória do time preferido da banda,
West Ham.

17- Long Beach Arena (Referência ao lugar onde foi gravado o disco ao vivo, "Live After Death").

18- Nicko McBrain veste uma camiseta com o dizer "Iron What?".
19- "Bradbury Hotels International" (Referência ao autor Ray Bradbury de clássicos como "Ice
Nine", "The Martian Chronicles", etc.).

20- As pirâmedes na contra-capa fazem referência à capa do disco "Powerslave".

21- Próximo às pirâmides pode-se ver a sombra da morte.

22- Os letreiros escritos em japonês fazem referência ao disco ao vivo "Maiden Japan".

23- "Maggies revenge" na contracapa faz referência à primeira ministra britânica Margareth
Tatcher, que teve uma confusão com o Iron Maiden por volta de 1980 em virtude dos singles
"Sanctuary" e "Women In Uniform", que a ilustravam morta por Eddie no chão e escondida atrás de
uma parede observando Eddie, respectivamente.

24- A rua em que Eddie se encontra é a Acacia Avenue (Referência a música "22 Acacia Avenue"
do álbum "The Number of the Beast").

25- Em uma das janelas da Acacia Avenue há uma garota sentada próximo à uma janela, ela é
supostamente a prostituta Charlotte (Referência a música "Charlotte the Harlot", do álbum "Iron
Maiden").

26- Bruce Dickinson segura um cérebro em suas mãos (Referência ao disco "Piece of Mind").

27- Há uma lixeira embaixo da perna esquerda de Eddie junto a um poste de luz. Estes objetos
constam na capa do álbum de estréia, "Iron Maiden".
1987
1. Moonchild Adrian Smith/Dickinson 5:39
2. Infinite Dreams Steve Harris 6:09
3. Can I Play with Madness Smith/Dickinson/Harris 3:31
4. The Evil That Men Do Smith/Dickinson/Harris 4:34
5. Seventh Son of a Seventh Son Harris 9:53
6. The Prophecy Dave Murray, Harris 5:05
7. The Clairvoyant Harris 4:27
8. Only the Good Die Young Harris/Dickinson 4:41

Seventh Son Of A Seventh Son é considerado o último álbum da fase clássica do Iron
Maiden. O uso de sintetizadores e outros efeitos ainda foi bem usado, porém com menos
intensidade em relação ao álbum anterior.

O álbum é conceitual e conta a lenda de que, se o sétimo filho de um sétimo filho nascesse,
teria poderes infinitos, para o bem ou para o mal.

1 – Moonchild (Smith/Dickinson) (5:39) 4/5

O álbum já começa com uma de suas melhores faixas. Apenas a introdução acústica e a voz
de Bruce, seguidos pelas primeiras notas dos sintetizadores, e então a faixa explode em uma bela
abertura, que fala sobre o nascimento do “sétimo filho do sétimo filho”. A voz de Bruce está bem
melódica, sem abusar muito dos agudos por enquanto, com excessão de algumas notas mais altas
no refrão. A clássica dupla de guitarras do Maiden soa precisa e entrosada como de costume.
Ótima abertura.

2 – Infinite Dreams (Harris) (6:09) 5/5

Inicia com uma bela introdução com a dupla de guitarras, e vai ganhando potência aos
poucos, dando espaço às notas mais altas de Bruce Dickinson. O riff seguinte, e a explosão da
faixa com o clássico baixo cavalgado de Harris nos fazem lembrar imediatamente dos
antecessores Powerslave (1984) e Somewhere In Time (1986). Aqui percebemos o Maiden
abusando bastante das guitarras dobradas, uma das principais características da banda.

3 – Can I Play With Madness (Smith/Dickinson/Harris) (3:31) 5/5

Uma das faixas mais “felizes” do álbum. O destaque fica por conta do baixo “estalado” de
Steve Harris, e de um refrão bastante grudento. A base do solo, cheia de quebras de tempo
também é um ponto alto da faixa, que é a mais curta do álbum, porém uma das mais conhecidas.

4 – The Evil That Men Do (Smith/Dickinson/Harris) (4:34) 5/5

Nessa faixa temos finalmente todo o poder de fogo do Iron Maiden. Baixo feroz, riffs geniais
e Bruce Dickinson em sua melhor forma, cantando um dos refrões mais épicos do Maiden. Os
solos são dignos de uma dupla de guitarristas como Adrian Smith e Dave Murray. Clássico e foda!
5 – Seventh Son Of A Seventh Son (Harris) (9:53) 3/5

Chegamos à long track do álbum. A faixa-título, assim como a maioria das long tracks do
Maiden, é basicamente dividida em duas partes: antes e depois de uma parte lenta. Nesse caso, a
primeira parte mantém o mesmo nível da faixa anterior, com um refrão poderoso. E então
chegamos na parte lenta… e a música se torna cansativa. Temos uma ótima demonstração da
qualidade dos músicos do Iron Maiden, que é indiscutível, mas a duração da faixa é exagerada,
fazendo com que se torne cansativa, assim como muitas músicas do Maiden, principalmente à
partir do álbum Brave New World (2000).

6 – The Prophecy (Murray/Harris) (5:05) 4/5

A única composição de Dave Murray nesse álbum tem, de fato, características diferentes do
restante das músicas. Um andamento mais cadenciado e riffs menos elaborados, mas ainda muito
bons. Ao final, uma passagem acústica que termina a faixa com grande beleza. Se Harris é o
cérebro, Murray é a alma do Maiden.

7 – The Clairvoyant (Harris) (4:27) 5/5

Steve Harris é gênio. E se alguém ousa duvidar disso, eu recomendo a audição dessa faixa.
A introdução com um ótimo dedilhado de baixo é seguida por uma tímida guitarra. A banda começa
calma, até a explosão em um refrão fantástico e um riff matador. Falar da competência de Bruce
Dickinson nos vocais é chover no molhado. O cara tem algo entre Dio e Rob Halford que é especial
e bem particular, ao mesmo tempo em que lembra essas duas outras lendas do metal. Grande
faixa.

8 – Only The Good Die Young (Harris/Dickinson) (4:41) 4/5

A última faixa tem a pegada do álbum anterior, com um pouco mais de velocidade nos riffs e
solos. Se você leu até aqui, já deve ter percebido que esse é um álbum com ótimos refrões, e não
seria diferente aqui. Fecha o álbum com competência, mas não possui nenhum diferencial. Ao final
da faixa, temos mais uma vez a passagem acústica como no início de “Moonchild”, e acaba assim
o último álbum dos chamados “Golden Years” do Maiden, que tentaria uma “volta às origens” no
início dos anos 90, porém, sem sucesso.

A lenda do sétimo filho

I – Introdução:

Eis que o sétimo filho do sétimo filho chega ao mundo. Em mitologias e lendas mais antigas,
ele poderia ser comparado a um lobisomem ou um vampiro. Para os antigos profetas, místicos e
religiosos, ele seria o enviado, o escolhido, o responsável por atribuir a salvação a todos, ou, a
destruição de todos. Ele nasceria, na ótica destes, com poderes sobrenaturais capazes de trazer
bênçãos ou catástrofes, cura e clarividência, castigo e maldição, dependendo do lado que estes
poderes se desenvolvessem. Começa então, a recontagem da batalha de sete anjos e sete
demônios, para assumir o controle da alma desta criança. Começa aqui a saga do disco conceitual
“Seventh Son Of a Seventh Son”, do IRON MAIDEN, não por acaso, o sétimo álbum gravado pela
banda, em um momento mágico de sincronia e sonoridade.
II – A Natividade: A Criança da Lua

“Sete pecados mortais


Sete maneiras de vencer
Sete caminhos santos para o inferno
E a sua jornada começa”

E assim, BRUCE DICKINSON anuncia que os portais do inferno estão a se abrir para,
primeiro, lutar para impedir que o “enviado” viesse ao mundo, nesta canção avassaladora.
Evidentemente, a estrada para a perdição começa a manifestar-se, quando o próprio
LÚCIFER, em pessoa, avisa à genitora da criança:

“Eu sou ele, aquele que não nasceu


O anjo caído que vigia você
Babilônia, a prostituta escarlate
Vou minar sua gratidão
Não se atreva a salvar seu filho
Mate-o agora e salve os infantes
Seja a mãe de um recém-nascido estrangulado
Seja propriedade do diabo... Lúcifer é meu nome”

Assim como fizeram os faraós no antigo Egito com os primogênitos, a ideia do demônio era
matar a todos os nascidos naquele mesmo instante. E o demônio continha a alertar, agora que não
conseguiu impedir que a criança nascesse, sob o signo lunar.

“E se você tentar salvar a sua alma


Eu irei atormentá-lo - você não irá crescer
A cada segundo e respiração que passa
Você estará tão sozinho
que sua alma irá sangrar até morrer”

E então, LÚCIFER decide e confessa: quando por ventura houver um descuido do arcanjo
GABRIEL, irá agir:

“Sete anjos, sete demônios brigam por sua alma


Quando Gabriel se encontra em repouso
Esta criança nasceu para morrer”

E, ao final, ele proclama:

“Criança da lua - ouça a mandrágora gritar


Criança da lua - rompa o sétimo selo*
Criança da lua - em breve você será minha
Criança da lua - pegue na minha mão esta noite”

*Observação: o sétimo selo está presente durante o desenvolvimento do disco. Evidentemente, a


conotação bíblica que remete às profecias acaba também por se misturar à saga aqui contada.
III – Infinitos São Todos os Sonhos

Sim, vivemos em um mundo que mais parece um louco sonho, carregado de tristezas,
dores, traições, guerras, ilusões. Imagine, por um instante agora, amigo leitor e fã do IRON
MAIDEN, o personagem principal desta saga, o “enviado”, já com poucos anos de idade, e, já
ciente de que possui alguns poderes para além do bem e do mal. Imagine-se por um instante,
dentro da mente e do coração deste ser, a sua forma de observar o mundo, e, o seu medo de
adormecer e sentir pesadelos e temores, que, na verdade, são as mensagens de clarividência, mas
que para ele, ainda não podem ser concebidas de forma a traduzir a sua missão, e, sim, ainda o
assustam. Começa aqui uma das mais belas canções do IRON MAIDEN em toda rica sua história.
A ansiedade e a agonia do sétimo filho são aqui, destiladas de maneira primorosa, tanto
instrumental, com a bela introdução melódica das guitarras de MURRAY/SMITH, quanto pelo baixo
magnificamente carregado de HARRIS, a bateria suavemente encaixada de NICKO e a voz
sussurrante de BRUCE no início, a dizer:

“Sonhos infinitos, eu não posso negá-los


O infinito é difícil de se compreender
Eu não posso ouvir aqueles gritos
Mesmo nos meus sonhos mais selvagens
Acordando sufocado em suor
Com medo de dormir novamente
Pois os sonhos podem começar mais uma vez”

E assim, a natureza lírica e introspectiva da canção alcança momentos épicos de uma


instrumental apoteótica e uma voz espetacular.

“Mesmo tendo atingindo novas intensidades


Eu prefiro as noites sem descanso
Elas me fazem indagar, me fazem pensar
Existe mais que isso, eu estou no extremo
Não é o medo do que está além
É só que eu não devo responder
Eu tenho uma curiosidade, um desejo ardente,
Mas gostaria eu de ir tão longe?”

Sim, ele está cansado, carregado de vidências e imagens que não deseja presenciar mais.
Então, naquele momento, o sétimo filho clama, em tom de lamento, aos céus:

“Ajude-me. Ajude-me a encontrar


meu verdadeiro eu, sem ver o futuro.
Salve-me, salve-me de torturar
a mim mesmo até dentro dos meus sonhos
Tem de haver mais do que isso
Ou diga-me porque nós existimos
(...)
Reencarnar, jogar o jogo
Novamente e novamente e novamente”

Na minha modesta opinião, a canção “Infinite Dreams” é o melhor momento do disco!


Momento crucial, para que, em seguida, o jovem decida, pelos poderes que presencia dentro de si
(encarados como loucura que o perseguem), buscar um profeta, um guru, uma espécie de YODA
(parafraseando STAR WARS) que lhe responda as perguntas e lhe mostre o caminho. Nasce
então, a próxima canção, que trata desta jornada em busca de seu guia.
IV – É Possível Jogar com os Loucos?

Uma pergunta mais do que crucial, que, entre cavalgadas de baixo e guitarras, explode em
mais uma pequena mini-saga a ser vivida pelo sétimo filho, na aventura em tom de diálogo com
uma espécie de “xamã”, a quem ele se abre sorrateiramente:

“Dê-me o senso de perguntar


Perguntar se eu sou livre
Dê-me o senso de perguntar
De saber que eu posso ser eu mesmo
Dê-me a força para manter a cabeça erguida”

E o diálogo então, encontra sua resposta, de forma irônica e aparentemente duvidosa, antes
da revelação final:

“Posso eu brincar com a loucura?


O profeta olha em sua bola de cristal
Posso eu brincar com a loucura?
Não há visão nenhuma lá afinal
Eu posso brincar com a loucura?
O profeta olhou e riu de mim
Eu posso brincar com a loucura?
Ele disse: você é cego demais para ver”

Mas o “enviado” duvida de suas palavras, e, sente neste profeta certo charlatanismo, pois
tudo que ele, enquanto jovem cheio de dúvidas e anseios esperava naquele momento, era uma
resposta em forma de ensinamento. Zangado, ele retruca ao profeta, e, ambos iniciam um embate
de palavras:

“Eu gritei alto para o homem velho


Eu disse: não minta, não diga que não sabe,
Eu disse: você pagará por sua brincadeira,
Neste mundo ou no próximo.
Oh, então ele me encarou com um olhar frio
E o fogo do inferno queimou em seus olhos
Ele disse: você quer saber a verdade, filho?
Eu vou te dizer a verdade...
...Sua alma vai arder em um lago de fogo”

E assim, em meio a este furor entre ambos, a pergunta que dá nome à canção continua sem
respostas, e, a música se finda. Não é a melhor canção do álbum, mas tornou-se hit entre os fãs e
virou single para divulgação do trabalho, e, teve vídeo oficial lançado.

V - A Canção Que Nunca Foi Escrita

É neste momento que, de forma muito rápida, a temática da saga migra do embate para o
amor proibido entre o “enviado” e a filha deste profeta. Na minha modesta opinião, poderia haver,
ainda mais uma canção depois de “Can I Play With Madness”, para criar uma ponte entre a forma
como ambos se conheceram, até chegar a vingança do pai, que, temendo pelo sofrimento da filha
(por saber o trágico destino do jovem que com ele travara uma discussão), acaba por mata-la. E,
com isto, teríamos em “The Evil That Men Do” (a próxima canção que comentarei) a conclusão em
forma de lamento, do jovem em prantos pela injustiça sofrida por sua amada. Mas enfim, é uma
opinião pessoal, e, já tentei, por gostar do disco, até mesmo escrever uma letra e imaginar uma
melodia para esta música que contasse a história entre ambos. Enfim. É algo que lamento e
lamentarei para sempre, neste álbum, pois eu o adoro, e, fica impossível para a minha pessoa, não
desejar que exista uma ponte de ligação entre as canções, pois, afinal, estamos a falar de uma
bela história de amor. E um amor impossível e covardemente retirado de dois corações. Os mais
“raivosos” leitores poderão ver isto como algo “inconcebível” para o IRON MAIDEN, construir uma
canção que falasse de um amor impossível, mas é preciso ser inteligente neste momento, e,
separar a ideia de que romance é coisa de “baladinhas” e entender que as grandes tragédias
literárias (das quais HARRIS e DICKINSON leram a maioria delas) são concebidas por grandes
paixões e duelos de amor e ódio. E que é possível construir, no heavy metal, uma temática destas
de forma grandiosa, a exemplo do que já foi feito com “Wasting Love”.

VI – A Morte é uma Sinfonia Por Demais Shakespeariana

Eis que “The Evil That Men Do”, outra canção maravilhosa, pesada e cavalgada pelo peso
do baixo de HARRIS a ditar a canção, com uma bela introdução (como sempre) de guitarras
melódicas de uma das maiores duplas de guitarristas da história do heavy metal, surge para contar
o mencionado lamento deste jovem sétimo filho, ao perder a amada, uma belíssima jovem com
instintos de guerreira (imagem abaixo), vítima do trágico assassinato cometido pelo próprio pai, o
profeta que com ele teve um duelo de palavras.
O título da canção foi formulado a partir de MARCO ANTONIO, enquanto discursava
abordando a multidão de romanos depois de CÉSAR ser assassinado na peça de WILLIAM
SHAKESPEARE, chamada de JULIUS CAESAR. A frase é a seguinte: “O mal que os homens
fazem vive depois deles. O bem é muitas vezes enterrado com seus ossos”. (Ato 3, cena 2, O
Fórum)
BRUCE normalmente conta esta passagem no início da canção, como fez em diversas
ocasiões, inclusive nos shows da banda no Brasil. E, nesse sentido, SMITH/DICKINSON/HARRIS
acertaram em cheio na influência, pois exatamente neste instante, ao ver a amada morta de forma
cruel e insana, o personagem central, o sétimo filho, o “enviado” encontra-se perdido e em crise
existencial, a perceber que a humanidade é má. E então, ele se aproxima, cada vez, do círculo do
fogo, movido pela dor e pela revolta.

“O amor é uma navalha


E eu caminhei por sobre aquela lâmina prateada
Eu dormi na poeira com a sua filha,
Com os seus olhos todos vermelhos pelo esquartejamento de sua inocência.
E eu rezarei por ela,
Gritarei seu nome alto,
Eu sangraria por ela,
Se ao menos eu pudesse vê-la agora.
Vivendo no fio da navalha
Balançando no abismo
Você sabe, você sabe!
O mal que os homens fazem vive para sempre!”

Mergulhado num oceano de lágrimas, sangue e fúria, o sétimo filho aproxima-se então, das
chamas que tanto o atormentam, e, agora, vê-se seduzido por elas, com requintes de vingança.

“Círculo de fogo,
Meu batismo de alegria parece terminar
A sétima ovelha morta,
O livro da vida está aberto diante de mim
E rezarei por você
E algum dia talvez eu retorne
Não chore por mim
No „além‟ foi onde aprendi”

Sim, agora o sétimo filho já invocou as forças do além. Foi através do além que ele encontra
a sua resposta, o equilíbrio dos seus poderes. E é aqui que ele, literalmente, encontra a sua
identidade, que será traduzida a partir da próxima canção: “Seventh Son Of a Seventh Son”.

VII – O Sétimo Filho do Sétimo Filho

Mais uma belíssima canção impulsionada pela poderosa introdução, longa e cadenciada de
forma proposital, para evoluir instrumentalmente de acordo com cada parágrafo da letra, que conta,
um após o outro, uma espécie de autobiografia do que foi vivido até agora pelo “enviado”, senão
vejamos.

“Aqui eles resistem, todos irmãos


Todos os filhos divididos eles cairiam
Aqui aguardam o nascimento do filho
O sétimo, o santo, o escolhido
Aqui o nascimento de uma linhagem perfeita
Nasce o que cura, o sétimo, a vez dele
Abençoado sem saber, a medida que sua vida se descortina
Vagarosamente expondo o poder que ele detém
Sétimo filho de um sétimo filho”

Evidentemente, temos “o nascimento de uma linhagem perfeita”, descrito na letra, e, “o


sétimo, o santo, o escolhido”, também descrito, como uma alusão a “Moonchild”, e, em seguida, as
expressões “abençoado sem saber” e “vagarosamente expondo o poder que detém” para recriar os
dons que ainda o assustavam em “Infinite Dreams”.
Na continuidade, mais uma alusão, agora a “Can I Play With Madness”, os progressos e
dúvidas do jovem iniciado, e, o final trágico e a sequência com “The Evil That Men Do”, onde o
jovem toma ciência de seus poderes e de repente, se vê na condição de usa-los, e, este é o temor,
tanto para os céus, quanto para as legiões de demônios:

“Então eles viram o progresso que ele fazia


O bem e o mal, qual caminho ele irá tomar,
Ambos tentando manipular
O uso de seus poderes antes que fosse tarde demais”

De maneira épica, a canção parece ressonar uma batalha de anjos e demônios, pois,
durante um dado momento, BRUCE narra, em meio a silêncio da banda e o exultar de um teclado:

“Hoje nasce o sétimo


Nascido de uma mulher o sétimo filho
E ele, por vez, filho de um sétimo filho
Ele tem o poder para curar
Ele tem o dom da segunda visão
Ele é o escolhido
Que assim seja escrito
Que assim seja feito”

E, em seguida, um coral mágico que mais parece traduzir divindades é cortado pelo solo
fantástico dos guitarristas, e, o clima que ecoa perante a canção parece nos transmitir a um campo
de batalha onde legiões se evocam e se amaldiçoam, e, se enfrentam para que um deles possa
dizer, de forma mais alta, quem cuidará da alma do sétimo filho, para que a profecia enfim, seja
cumprida. E então, o sétimo filho decide usar suas forças para cumprir o bem para com todos, ao
passo em que a canção se aquieta, até o seu desfecho.

VIII – O Despertar da Profecia

Uma linda apresentação lírica de guitarras e teclados anuncia o aproximar da profecia. O


sétimo filho agora é um homem com poderes para serem aplicados a fazer o bem. Ele decide
peregrinar (a exemplo do que fizeram CRISTO e tantos e tantos personagens tidos como
messiânicos na história da humanidade) e chega a um vilarejo, mas lamentavelmente, nenhum ser
humano ao seu redor acredita nele quando ele prevê um desastre a ocorrer.

“Agora que eu sei que a hora certa chegou


Minha profecia certamente será verdadeira
O desastre eminente agiganta-se
E a vila inteira está condenada
Por que vocês não me escutam?
É tão difícil de entender
Que eu sou o verdadeiro sétimo filho
Sua vida ou morte de mim depende
Sofrimento e dor, desastre eminente
Almas gritando, a risada do demônio
Ouça o grito dos sete silvos
Lúcifer sorri, olha e espera”

Mais um belo momento de vocalização de BRUCE, e, a canção se arrasta em forma de uma


verdadeira batalha. Poderia, pela temática, ser tão grande e épica quanto “Rime Of The Ancient
Mariner”, mas acabou ser mais curta e ter menos de cinco minutos. Nada que a diminua, ao
contrário, é mais um belíssimo momento do MAIDEN, como em todo disco.
Uma vez mais, ele tenta, agora sob a ironia de LÚCIFER, que anteviu que ele pecaria já na
primeira canção (“Moonchild”), e, todos os acusam de ser primeiro, um falso profeta, e, depois, o
culpam pelo ocorrido.

“Eu tomarei suas vidas em minhas mãos


Seu destino, sua sorte está em minhas visões
Ouçam o que eu digo e vocês verão
O que acontecerá, por favor me ouçam
Agora que eles vêem que o desastre já ocorreu
Eles colocam toda a culpa em mim
Eles sentem que eu trouxe uma maldição
Não sabem eles que o tormento
Continua comigo, sabendo que eu ando sozinho
Pelos olhos do futuro eu vejo
Eles nem mesmo sabem o que é o medo
Eles não sabem que sou eu o amaldiçoado”

Desolado diante do vilarejo destruído, ele sente que caminha cada vez mais, para o destino
trágico. Ainda assim, ele persiste, tentando aumentar ainda mais seus poderes, na tentativa de
ajudar mais pessoas, mesmo que ele continue a ser desacreditado por todos.
IX – O Terceiro Olho

E, através da ampliação de seus poderes, a clarividência começa a crescer de tal forma, que
ele vive em dois mundos e confunde-se entre o real e o imaginário, assustando-se, e, chocando-se
com os seus próprios limites. Começa aqui uma das melhores canções do disco, a fantástica “The
Clairvoyant”, que, a exemplo de “Infinite Dreams” e “Seventh Son”, também foi composta
inteiramente por HARRIS.
Uma introdução de baixo marca o ritmo, e, em seguida, a bateria, as guitarras incendiárias e
os teclados rompem com um novo petardo, rápido e direto.
E a letra? Autobiográfica (sob a ótica do sétimo filho) em forma de clamor e luta de um
homem destinado a ser herói, tentado por anjos e demônios, e, desacreditado, assim como um dia
foi JESUS, por seu próprio povo.

“Sinto o suor escorrer da minha testa


Sou eu ou são sombras que
Dançam na parede
Isso é um sonho ou é o presente
É uma visão ou normalidade que vejo
Diante de meus olhos
Eu pergunto por que, eu pergunto como
Parece que as forças ficam mais fortes
A cada dia
Eu sinto uma força, um fogo interior
Mas eu estou amedrontado eu não estarei mais preparado para controlar isto
Existe tempo de viver e tempo de morrer
Quando é a hora de encontrar o criador
Existe um tempo para viver, mas não é estranho
Que assim que você nasce você esteja morrendo”

X – A Morte Abençoa Os Que Nela Se Abraçam

O sétimo filho percebe que está a morrer. LÚCIFER sorri novamente, e, assim como ele
terminou a primeira canção “Moonchild” avisando: “Eu te verei amaldiçoado no final da noite”, ele
inicia a última conclusão da saga, dizendo: “O demônio em sua mente te capturará na sua cama à
noite”.
Há uma alusão bíblica clara aqui, ao CRISTO e a todos os líderes que, de alguma forma,
foram mortos e esquecidos por seu povo. A metáfora da traição humana, a maçã de todos os
sarcasmos, segurada nas mãos do demônio para ferir o “enviado”.
Mas, mesmo diante da traição humana, o simples elevar de poderes, mesmo sabendo dos
perigos e riscos, não consistiria também, em um pecado?
Ou melhor, em um dos sete pecados? Temos a luxúria, a avareza, a gula, a ira, a vaidade, a
preguiça e a soberba. A meu ver, a soberba, que consiste na manifestação de orgulho, foi o
pecado anunciado. Alguns poderiam pensar na luxúria, mas creio que não, pois o significado da
palavra luxúria é “apego e valorização extrema aos prazeres carnais, à sensualidade e
sexualidade. desrespeito aos costumes. lascívia”. E o sétimo filho, mesmo sabendo de seus riscos,
de seu sofrimento, escolheu elevar seus poderes, e, com isto, enlouqueceu e condenou-se à
morte.
E eis que voltamos à frase inicial do sétimo selo, prevista em “Moonchild”. Ao abrir o sexto
selo, de acordo com os presságios bíblicos, a lua verter-se-á em sangue. E, eis que a canção diz
exatamente isto:

“A lua é vermelha e sangrenta


O sol está queimado e preto
O livro de vida está calado
Não há como voltar atrás”
E assim, o sétimo selo é aberto, o selo causado pelos próprios homens contra si, que,
cansado, acaba por orgulhar-se por poder, enfim, morrer, e, finalmente, descansar dos sonhos e
pesadelos:

“Seria a morte é outro aniversário?


Um modo para dar seus sonhos como perdidos?”

E, uma vez mais, ele dá um último suspiro, enquanto conclui:

“Só os bons morrem jovens


Todo o mal parece viver para sempre”

E assim, fecha-se o ciclo da vida do sétimo filho do sétimo filho, assim como encerra-se de
maneira nobre esta notável trabalho, entre os últimos recitares de BRUCE DICKINSON, que
repetem o que foi dito na introdução do disco:

“Sete pecados mortais


Sete maneiras de vencer
Sete caminhos santos para o inferno
Sete ladeiras para baixo
Sete esperanças ensanguentadas
Sete são seus fogos ardentes
Sete os seus desejos”

Conclusão: Um dos Grandes Álbuns da História do IRON MAIDEN!

O disco fala por si só. Muitos preferem “Somewhere In Time”, porque foi certamente, o disco
que apresentou o IRON MAIDEN em termos comerciais ao Brasil. O festival ROCK IN RIO fez com
que a banda e suas canções ficassem conhecidas, mas as vendas realmente despontaram a partir
de “Somewhere In Time”. Impactante, inovador, com temática futurista, era esperado que a
próxima cria dos britânicos viesse também, com um excelente contexto por detrás das canções.

E “Seventh Son Of a Seventh Son” cumpriu perfeitamente esta particularidade. É um disco


coeso, cuja temática poderia, até mesmo, ser mais explorada e ter sido transformada em canções
maiores (um álbum duplo, por exemplo), que seria tão excelente quanto é. Há como já dito, todo
um conceito de início, meio e fim extremamente bem inserido por HARRIS e sua trupe, de forma
brilhante.

O mago STEVE HARRIS sabia muito bem o que estava a fazer, quando, seguindo os
caminhos de seu coração, sua lenda pessoal, ele sonhou em conceber o embrião daquela que,
sem dúvida, é uma das bandas mais cultuadas de toda a história e, uma das mais importantes de
todos os tempos: IRON MAIDEN. [1]
(1/8) Moonchild (5:39) Criança da Lua

Seven deadly sins Sete pecados mortais


Seven ways to win Sete maneiras de vencer
Seven holy paths to hell Sete caminhos sagrados para o inferno
And your trip begins E a sua jornada começa

Seven downward slopes Sete declives


Seven bloodied hopes Sete malditas esperanças
Seven are you burning fires, Sete são seus fogos ardentes
Seven your desires... Sete são seus desejos

I am he the bornless one Eu sou ele, aquele que não nasceu


The fallen angel watching you O anjo caído que vigia você
Babylon, the scarlet whore Babilônia, a prostituta escarlate
I'll infiltrate your gratitude Vou minar sua gratidão
Don't you dare to save your son Não se atreva a salvar seu filho
Kill him now and save the young ones Mate-o agora e salve os infantes
Be the mother of birth strangled babe Seja a mãe de um recém-nascido estrangulado
Be the devil's own, Lucifer's my name Fique do lado do diabo, Lúcifer é meu nome

Moonchild - hear the mandrake scream Criança da lua - ouça a mandrágora gritar
Moonchild - Open the seventh seal Criança da lua - rompa o sétimo lacre

I count the heads of those unborn Conto as cabeças dos não-nascidos


The accursed ones I'll find them all Os amaldiçoados, encontrarei todos
If you die by your own hand Se você morrer pelas próprias mãos
As a suicide you shall be damned Como suicida você deve ser condenado
And if you try to save your soul E se você tentar salvar a sua alma
I will torment you - you shall not grow old Vou lhe atormentar - você não vai crescer
With every second and passing breath Com cada segundo a respiração entrecortada
You'll be so alone Você estará sozinho
your soul will bleed to death sua alma vai sangrar até a morte

Moonchild - hear the mandrake scream Criança da lua - ouça a mandrágora gritar
Moonchild - Open the seventh seal Criança da lua - rompa o sétimo lacre
Moonchild - You'll be mine soon child Criança da lua - em breve você será minha
Moonchild - take my hand tonight Criança da lua - pegue na minha mão esta noite

The twins they are exhausted, seven is this night Os gêmeos estão exaustos, sete é esta noite
Gemini is rising as Gemini está nascendo enquanto
the red lips kiss to bite lábios vermelhos mordem
Seven angels seven demons battle for his soul Sete anjos, sete demônios disputam sua alma
When Gabriel lies sleeping, Quando Gabriel dormiu,
this child was born to die a criança nasceu para morrer

One more dies one more lives Mais um morre mais um vive
One baby cries one mother grieves Uma criança chora, uma mãe se lamenta
For all the sins you will commit Para todos os pecados que irá cometer
You'll beg forgiveness and none I'll give Você pedirá perdão mas eu não te darei
A web of fear shall be your coat Uma teia de medo deve ser seu casaco
To clothe you in the night Para vestir nesta noite
A lucky escape for you young man Uma escapada esperta para um cara jovem
But I'll see you damned in endless night Mas o verei condenado pela noite sem fim

Moonchild - hear the mandrake scream Criança da lua - ouça a mandrágora gritar
Moonchild - Open the seventh seal Criança da lua - rompa o sétimo lacre
Moonchild - You'll be mine soon child Criança da lua - em breve você será minha
Moonchild - take my hand tonight Criança da lua - pegue na minha mão esta noite

(2/8) Infinite Dreams (6:09) Sonhos Infinitos

Infinite dreams, I can't deny them Sonhos infinitos, eu não posso nega-los
Infinity is hard to comprehend O infinito é difícil de se compreender
I couldn't hear those screams Eu não conseguia ouvir aqueles gritos
Even in my wildest dreams Mesmo nos meus sonhos mais selvagens

Suffocation waking in a sweat Sufocando, acordando em suor


Scared to fall asleep again Com medo de cair no sono de novo
In case the dream begins again Se caso o sonho começar novamente
Someone chasing, I cannot move Alguém correndo, e eu não posso me mover
Standing rigid, a nightmare's statue Parado e rígido, uma estátua do pesadelo
What a dream, when will it end Que sonho é esse sonho, quando ele irá acabar
And will I transcend? E eu o irei transcender?

Restless sleep, the mind's in turmoil Sono agitado, a mente está tumultuada
One nightmare ends, another fertile Um pesadelo termina, outro começa
It's getting to me so scared to sleep Está me deixando tão assustado para dormir
But scared to wake now, in too deep Mas com medo de acordar agora, lá no fundo

Even though its reached new heights Mesmo tendo atingindo novos patamares
I rather like the restless nights Eu prefiro as noites sem descanso
It makes me wonder, it makes me think Elas me fazem indagar, me fazem pensar
There's more to this, I'm on the brink Existe mais que isso, ou estou no limite
It's not the fear of what's beyond Não é o medo do que está além
It's just that I might not respond Disso só sei que posso não ter resposta
I have an interest, almost craving Eu tenho uma curiosidade, quase uma fissura
But would I like to get too far in? Mas eu gostaria de ir tão longe?

It can't be all coincidence Não pode ser tudo coincidência


Too many things are evident Muitas coisas são evidentes
You tell me you're an unbeliever Você me diz que é um descrente
Spiritualist? Well me I'm neither Espiritualista? Bom, eu não sou nem um, nem outro
But wouldn't you like to know Mas você não gostaria de saber
The truth A verdade?
Of what's out there to have the proof Do que está além, para ter a prova
And find out just which side E descobrir de que lado
You're on Você está
Where would you end in heaven or E onde você irá terminar, no céu ou
In hell? No inferno?

Help me! Help me to find my true Ajude-me! Ajude-me a encontrar


Self without seeing the future O meu verdadeiro eu, sem ver o futuro.
Save me, save me from torturing Salve-me, salve-me dessa tortura
Myself even within my dreams De mim mesmo dentro dos meus próprios sonhos

There's got to be just more to it Tem que haver mais que isso
Than this Do que isso
Or tell me why do we exist Ou então me diga porque nós existimos
I'd like to think that when I die Eu gostaria de achar que quando eu morrer
I'd get a chance, another time Eu teria uma chance, de viver mais uma vez
And to return and live again De retornar e viver novamente
Reincarnate, play the game Reencarnar, jogar o jogo
Again and again and again De novo e de novo e de novo

(3/8) Can I Play With Madness (3:31) Eu Posso Brincar Com a Loucura?

Give me the sense to wonder, Dê-me o senso de perguntar


To wonder if I'm free. Perguntar se eu sou livre
Give me the sense to wonder, Dê-me o senso de perguntar
To know I can be me. De saber que eu posso ser eu mesmo
Give me the strength, to hold my head up, Dê-me a força para manter a cabeça erguida
Spit back in their face. Cuspir de volta em sua cara
Don't need no key, to unlock this door, Não preciso de chave para abrir esta porta
Gonna break down the walls, Vou derrubar as paredes
Break out of this bad place. Sair deste lugar ruim

Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?


The prophet stared at his crystal ball, O profeta olha em sua bola de cristal
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
There's no vision there at all. Não há visão nenhuma lá afinal
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
The prophet looked and he laughed at me! O profeta olhou e riu de mim
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
He said you're blind, too blind to see! Ele disse você é cego demais para ver

I screamed aloud to the old man, Eu gritei alto para o homem velho
I said don't lie, don't say you don't know! Eu disse não minta, não diga que não sabe
I say you'll pay for your mischief, Eu disse "você pagará por sua brincadeira
In this world, or the next! Neste mundo ou no próximo"
Oh then he fixed me with a freezing glance, Oh, então ele me encarou com um olhar frio
And the hellfires raged in his eyes, E o fogo do inferno queimou em seus olhos
He said do you want to know the truth son? Ele disse você quer saber a verdade, filho?
I'll tell you the truth! Eu vou te dizer a verdade
Your soul's gonna burn, in a lake of fire! Sua alma vai queimar em um lago de fogo

Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?


The prophet stared at his crystal ball, O profeta olha em sua bola de cristal
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
There's no vision there at all. Não há visão nenhuma lá afinal
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
The prophet looked and he laughed at me! O profeta olhou e riu de mim
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
He said you're blind, too blind to see! Ele disse você é cego demais para ver

Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?


The prophet stared at his crystal ball, O profeta olha em sua bola de cristal
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
There's no vision there at all. Não há visão nenhuma lá afinal
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
The prophet looked and he laughed at me! O profeta olhou e riu de mim
Can I play with madness? Eu posso brincar com a loucura?
He said you're blind, too blind to see Ele disse você é cego demais para ver

(4/8) The Evil That Men Do (4:34) O Mal Que os Homens Fazem

Love is a razor O amor é uma navalha


And I walked the line on that silver blade E eu caminhei por aquela lâmina prateada
Slept in the dust with his daughter Dormi na poeira com sua filha,
Her eyes red Os olhos dela vermelhos
with the slaughter of innocence com a destruição da inocência
And I will pray for her E eu rezarei por ela
I will call her name out loud Gritarei seu nome alto
I would bleed for her Eu sangraria por ela
If I could only see her now Se pelo menos eu pudesse vê-la agora

Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha


Balancing on the ledge Balançando no abismo
Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha
Balancing on the ledge Balançando no abismo

Balancing on the ledge Balançando no abismo


Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha
Balancing on the ledge Balançando no abismo
You know, you know! Você sabe, você sabe!

The evil that men do lives on and on O mal que os homens fazem vive para sempre
… ...
Circle of fire my baptism of joy Círculo de fogo,
And an end it seems meu batismo de alegria parece terminar
The seventh lamb slain A sétima ovelha morta,
The book of life opens before me o livro da vida está aberto diante de mim

And I will pray for you E rezarei por você


Some day I may return E algum dia talvez eu retorne
Don't you cry for me Não chore por mim
Beyond is where I learn No além foi onde aprendi

Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha


Balancing on the ledge Balançando no abismo
Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha
You know, you know! Você sabe, você sabe!

The evil that men do lives on and on O mal que os homens fazem vive para sempre
… ...
Yeah, yeah! Yeah, yeah!

Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha


Balancing on the ledge Balançando no abismo
Living on the razor's edge Vivendo no fio da navalha
You know, you know! Você sabe, você sabe!

The evil that men do lives on and on O mal que os homens fazem vive para sempre
… ...
The evil O mal
The evil O mal
The evil that men do! O mal que os homens fazem!

(5/8) Seventh Son Sétimo Filho


Of A Seventh Son (9:53) do Sétimo Filho

Here they stand, brothers them all Aqui eles resistem, todos irmãos
All the sons, divided they'd fall Todos os filhos divididos eles cairiam
Here await the birth of the son Aqui aguardam o nascimento do filho
The seventh, the heavenly, the chosen one O sétimo, o santo, o escolhido

Here the birth from an unbroken line Aqui o nascimento de uma linhagem perfeita
Born the healer, the seventh, his time Nasce o que cura, o sétimo, a vez dele
Unknowingly blessed Abençoado sem saber
and as his life unfolds a medida que sua vida se descortina
Slowly unveiling the power he holds Vagarosamente expondo o poder que ele detém

Seventh son of a seventh son Sétimo filho de um sétimo filho


… ...
Then they watch the progress he makes Então eles viram o progresso que ele fazia
The Good and Evil which path will he take O bem e o mal, qual caminho ele irá tomar
Both of them trying to manipulate Ambos tentando manipular
The use of his powers, O uso de seus poderes
before it's too late antes que fosse tarde demais

Seventh son of a seventh son Sétimo filho de um sétimo filho


… ...

Today is born the seventh one Hoje nasce o sétimo


Born of woman the seventh son Nascido de uma mulher o sétimo filho
And he in turn of a seventh son E ele, por vez, filho de um sétimo filho
He has the power to heal Ele tem o poder para curar
He has the gift of the second sight Ele tem o dom da segunda visão
He is the chosen one Ele é o escolhido
So it shall be written Assim deve ser escrito
So it shall be done Assim deve ser feito
(Bruce speech) (fala de Bruce)

(6/8) The Prophecy (5:05) A Profecia

Now that I know that the right time has come Agora que eu sei que a hora certa chegou
My prediction will surely be true Minha profecia certamente será verdadeira
The impending disaster it looms O desastre eminente agiganta-se
And the whole of the village is doomed E a vila inteira está condenada

Why won't you listen to me Por que vocês não me escutam?


Is it so hard to understand É tão difícil de entender
That I am the real seventh son? Que eu sou o verdadeiro sétimo filho
Your life or death on me depends Sua vida ou morte de mim depende

Suffering and pain. Impending disaster Sofrimento e dor, desastre eminente


Souls crying. The devil's laughter Almas gritando, a risada do demônio
Heard the cry of the seven whistlers Ouça o grito dos sete silvos
Lucifer smiles, looks on and waits Lúcifer sorri, olha e espera

I'll take your life in my hands Eu tomarei sua vida em minhas mãos
Your fate, your fortune's in my visions Seu destino, sua sorte está em minhas visões
Heed what I say and you'll see Ouça o que eu digo e você verá
What will be. Please listen to me O que será por favor me ouça

Now that they see the disaster is done Agora que eles veem que o desastre já ocorreu
Now they put all the blame unto me Agora eles colocam toda a culpa em mim
They feel I brought on a curse Eles sentem que eu trouxe uma maldição
Don't they know that the torment Não sabem eles que o tormento

It stays with me, knowing that I walk alone Continua comigo, sabendo que eu ando sozinho
Through the eyes of the future I see Pelos olhos do futuro eu vejo
They don't even know what fear is Eles nem mesmo sabem o que é o medo
Don't they know I'm the one who is cursed Eles não sabem que sou eu o amaldiçoado

Purgatory beckons souls Almas acenantes do Purgatório


lost forever perdidas para sempre
Life after death or heaven hereafter Vida após a morte ou o paraíso depois daqui
Heard the call of the seven whistlers again Ouço o chamado das sete trombetas novamente
Now Lucifer laughs, hell awaits Agora Lúcifer ri, o inferno espera

I had their lives in my hands Eu tive a vida deles em minhas mãos


Their fate, their fortunes in my visions Seus destinos, suas fortunas, em minhas visões
No one believed in my true prophecy Ninguém acreditou em minha profecia de verdade
And now, it's too late E agora é tarde demais

(7/8) The Clairvoyant (4:27) O Clarividente

Feel the sweat break on my brow Sinto o suor escorrer da minha testa
Is it me or is it shadows that are Sou eu ou são sombras que
Dancing on the walls. Dançam na parede
Is this a dream or is it now Isso é um sonho ou é o presente
Is this a vision or normality I see É uma visão ou normalidade que vejo
Before my eyes. Diante de meus olhos

I wonder why, I wonder how Eu pergunto por que, eu pergunto como


That it seems that the power is getting stronger Parece que o poder fica mais forte
Every day A cada dia
I feel a strength an inner fire Eu sinto uma força, um fogo interior
But I'm scared I won't be able to control it anymore Mas temo que não poderei controlá-lo mais

There's a time to live and a time to die Existe tempo de viver e tempo de morrer
When it's time to meet the maker Quando é a hora de encontrar o criador
There's a time to live but isn't it strange Existe um tempo para viver, mas não é estranho
That as soon as you're born you're dying. Que assim que você nasce você esteja morrendo

Just by looking through your eyes Apenas olhando por seus olhos
He could see the future penetrating right Ele podia ver o futuro
In through you mind Penetrando em sua mente
See the truth and see your lies Ver a verdade e ver suas mentiras
But for all his power couldn't foresee Mas com todo o seu poder não pôde prever
his own demise sua própria morte

There's a time to live and a time to die Existe tempo de viver e tempo de morrer
When it's time to meet the maker Quando é a hora de encontrar o criador
There's a time to live but isn't it strange Existe um tempo para viver, mas não é estranho
That as soon as you're born you're dying... Que assim que você nasce você esteja morrendo...
...and be reborn again? ...e renascer novamente?

(8/8) Only The Good Só Os Bons


Die Young (4:41) Morrem Jovens

The demon in your mind will rape yo O demônio em sua mente o estuprará à noite
in your bed at night em sua cama
The wisdom of ages, the lies A sabedoria de idades, as mentiras
and outrages concealed e afrontas esconderam
Time it waits for no man Tempo que espera por nenhum homem

My future, it is revealed Meu futuro é revelado


Time it waits for no man Tempo que espera por nenhum homem
My fate is sealed Meu destino é selado.
If I cancel tomorrow, Se que eu puder cancelar amanhã,
the undead will thank me today o morto-vivo me agradecerá hoje
Fly in the face of your prophets, Voe na face de seus profetas,
I mock your morality plays eu escarneço seus jogos de moralidade

The moon is red and bleeding A lua é vermelha e sangrenta


The sun is burned and black O sol está queimado e preto
The book of life is silent O livro de vida está calado
No turning back Não há como voltar atrás

Only the good die young Só os bons morrem jovens


All the evil seem to live forever Todo o mal parece viver para sempre
Only the good die young Só os bons morrem jovens
All the evil seem to live forever Todo o mal parece viver para sempre
Only the good die young Só os bons morrem jovens
Only the good die young Só os bons morrem jovens

Mystery madman, a victim of cruel charade Louco misterioso, uma vítima da charada cruel,
Some innocent pawn in an end game Algum peão inocente em um fim de jogo,
One more stalemate Mais um beco sem saída
Is death another birthday? A morte é outro aniversário?
A way to kiss your dreams goodbye? Um modo para dar seus sonhos como perdidos?

Do the undead live within us? O morto-vivo vivem dentro de nós?


And look through our eyes? E olhar por nosso olhos?
Walking on water Andando na água
Are miracles all you can trust? Tudo que se pode confiar são milagres?

Measure your coffin, Meça seu caixão,


does it measure up to your lust? ele mede até sua luxúria?
So I think I'll leave you Então, acho que deixarei você
With your bishops and your guilt Com seus bispos e sua culpa
So, until the next time Então, até o da próxima vez
Have a good sin Tenha um bom pecado
Only the good die young Só os bons morrem jovens
All the evil seem to live forever Todo o mal parece viver para sempre
Only the good die young Só os bons morrem jovens
All the evil seem to live forever Todo o mal parece para sempre
Only the good die young Só os bons morrem jovens
Only the good die young Só os bons morrem jovens

Seven deadly sins Sete pecados mortais


Seven ways to win Sete modos para ganhar
Seven bloody paths to hell Sete malditos caminhos para o inferno
Seven downward slopes Sete declives descendentes
Seven bloody hopes Sete esperanças sangrentas
Seven are your burning fires Sete são seus fogos queimando
Seven are your desires Sete são seus desejos

O resumo sugere o seguinte:

MOONCHILD: o demônio manda um aviso para os pais da criança: não adianta escapar!
Moonchild também é o nome de um livro de 1917, escrito por Aleister Crowley, que fala da luta das
forças do bem contra o mal.

INFINITE DREAMS: o pai do sétimo filho (que também é o sétimo de sua geração), tem visões
que ele não compreende.

CAN I PLAY WITH MADNESS: o pai do sétimo filho busca uma explicação para suas visões, mas
não gosta muito do que ouve...

THE EVIL THAT MEN DO: a criança nasce, o pai morre. O nome da música foi retirado deste
trecho da obra Julio César (1599) de William Shakespeare: "Friends, Romans, country men, lend
me your ears; I come to bury Cæsar, not to praise him. The evil that men do lives after them, the
good is oft interred with their bones; so let it be with Cæsar." (Julius Cæsar. ACT III Scene 2)

Este trecho é falado por Marco Antônio após a morte de César pelos senadores traidores.

SEVENTH SON OF A SEVENTH SON: nascimento da criança com poderes sobrenaturais, o bem
e o mal disputam a criança. Baseada na ficção de Orson Scott Card, Seventh Son (1987). O sétimo
filho do sétimo filho não sabia de seus poderes, mas então os descobre, tendo que escolher entre o
bem e o mal, que fazem o possível para persuadí-lo.

THE PROPHECY: o garoto se dá conta de seus poderes destruidores e tenta avisar a todos da
profecia que iria destruir a vila. Lembrando que a lenda deve ser da época medieval, então, destruir
uma vila era muita coisa! A profecia se mostra como algo inevitável, ou seja, estava escrita, e nada
poderia mudá-la.
THE CLAIRVOYANT: O garoto torna-se vidente e passa a ter controle de seus poderes, e está
ciente que este poder poderá destruí-lo. Já sabe controlar suas visões, mas não o que fazer de sua
vida, pois estes poderes irão destruí-lo de qualquer forma.

ONLY THE GOOD DIE YOUNG: uma reflexão de tudo que aconteceu.

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


1990
1. Tailgunner Dickinson, Harris 4:15
2. Holy Smoke Dickinson, Harris 3:49
3. No Prayer for the Dying Harris 4:23
4. Public Enema Number One Dickinson, Murray 4:13
5. Fates Warning Murray, Harris 4:12
6. The Assassin Harris 4:37
7. Run Silent Run Deep Dickinson, Harris 4:34
8. Hooks in You Dickinson, Smith 4:08
9. Bring Your Daughter... Dickinson 4:45
10. Mother Russia Harris 5:31

A década de 90 foi um tempo de boas safras para o heavy metal em geral. O mesmo não se
pode dizer do Iron Maiden, que lançou apenas álbuns medianos (sim, Fear of The Dark foi
duramente criticado) e sem muitos alardes na mídia especializada. No Prayer for the Dying é o
disco que abre as portas aos tempos de “vacas magras” no Iron Maiden.

Para compreender o que esse álbum representou, vamos voltar ao tempo. Dois anos antes
de No Prayer for the Dying ser lançado, o mundo conhecia o magnífico Seventh Son of a Seventh
Son, um disco caracterizado pela temática baseada na lenda do sétimo filho, visões e poderes
sobrenaturais que lhes renderam boas críticas, registros em vídeo (Maiden England) e uma nova
legião de fãs.

A intenção do disco seguinte era trazer o Maiden aos velhos tempos, os quais foram
marcados por canções simples e diretas e, é claro, retirar os sintetizadores largamente explorados
nos dois trabalhos anteriores, o já citado. Entretanto, o guitarrista Adrian Smith não estava disposto
a passar por tal mudança, já que a sonoridade que o Iron Maiden tinha naquele momento lhe
agradava, então voltar ao som praticado no passado não lhe era uma opção. Resultado: Smith saiu
durante o processo primário de composição do álbum e acabou formando o ASAP (Adrian Smith&
Project).

Para ocupar a vaga deixada por ele, foi sugerido um nome: “Janick Gers”, guitarrista que
havia trabalhado no primeiro disco solo de Bruce Dickinson, o Tattooed Millionaire de 1989. Janick
apresentava um estilo mais despojado do que os fãs do Iron Maiden estavam acostumados a ouvir,
porém sua presença de palco era algo indiscutível. No teste de audição, foi solicitado que ele
tocasse as músicas “The trooper”, “Iron maiden”, “The prisioner” e “Children of the Damned”, e já
nos primeiros acordes de The Trooper todos sabiam que Janick era a pessoa certa. Então... com
Nicko McBrain na bateria, Steve Harris no contrabaixo, o novato Janick Gers na guitarra com seu
mais novo companheiro Dave Muray e Bruce Dickinson nos vocais, lá se foi o Iron Maiden rumo ao
estúdio!

As sessões de gravação do álbum foram no estúdio particular de Harris, situado em seu sítio
na Inglaterra, o que resultou em uma produção ruim e descompromissada com a qualidade,
mesmo com a produção de Martin Birch, algo que o próprio Bruce afirmou: “Era uma m...! Soava
como m...! Eu desejei que não fosse feito desse modo”. Vamos às músicas.

Tailgunner abre o álbum conforme o prometido, realmente se ouve um Iron mais direto e
agressivo, porém ainda não é o Iron que estávamos acostumados a ouvir. Em seguida, Holy
Smoke começa a mostrar todo o seu sarcasmo e humor. Foi escrita baseada nas baboseiras que a
TV diz e contradiz a respeito do Iron Maiden, digamos... que essa foi a sua represália.

A faixa-titulo é a terceira música a figurar no player. Escrita por Steve Harris, essa faixa traz
andamentos duplos, porém sem grandes alardes. Na seguinte, parece que Dave Murray “deu luz a
outro elefante”. Public Enema Number One é um dos destaques do álbum, embora atualmente
esquecida pela banda.

Fates Warning, The assassin, Run Silent Run Deep, não chegam a dar ênfase ao ouvinte,
podendo ser consideradas músicas neutras.

Lembram que Adrian Smith saiu durante o processo de composição? Pois aqui está sua
parte: Hooks in You é um Hard Rock bem feito que deixa em evidência a mudança de timbre de
voz de Bruce Dickinson. Nota-se que ela está um pouco rasgada e rouca, resultado da má
produção ou uma segunda puberdade do cantor?

Bring Your Daughter... To the Slaughter deve ser a canção mais conhecida desse disco. Foi
composta por Dickinson para figurar como trilha Sonora do filme “A Hora do Pesadelo 5: O Maior
Horror de Freddy”, mas Harris achou ela perfeita para os novos ares que sua banda procurava,
então a regravou, dando origem a uma ótima música.

Mother Russia fecha o disco de forma interessante, com um fato curioso: é possível ouvir
sintetizadores ao fundo... Estaria Steve Harris se contradizendo? Ela chega a lembrar o clássico
Powerslave em alguns momentos.

Conclusão: a ideia não vingou, a reputação do Maiden caiu em muitos países, embora o
single “Bring Your Daughter... to the Slaughter” alcançasse o #1 nas paradas britânicas. A turnê de
divulgação do álbum não foi das melhores, e o público também. Em todos os lugares em que a
banda estava, os fãs apareciam timidamente.

Sim Harris, você se enganou, certas coisas não foram feitas para serem mudadas... [1]

(1/10) Tailgunner (4:15) Artilheiro

Trace your way back 50 years Volte no tempo 50 anos


To the glow of Dresden - blood and tears Para a glória de Dresden - sangue e lágrimas
In the black above by the cruel searchlight Na escuridão lá em cima sobre os holofotes
Men will die and men will fight - yeah Homens irão morrer e homens irão lutar
Who shot who and who fired first? Quem acertou em quem e quem atirou primeiro?
Dripping death to whet the bloodthirst Gotejando morte para aguçar a sede sangue
No radar lock on - skin and bone Sem busca por radar - carne e osso
The bomber boys are going home Os garotos do bombardeio estão indo para casa

Climb into the sky never wonder why Subir para o céu nunca perguntar porque
Tailgunner Artilheiro
You're a tailgunner Você é um artilheiro

Nail that Fokker kill that son Acerte aquele Fokker, mate o desgraçado
Gonna blow your guts out with my gun Vou estourar seus miolos com minha arma
The weather forecasts good for war A previsão de tempo bom para a guerra
Cologne and frankfurt? Cologne e Frankfurt?
Have some more Tem mais

Tail end Charlie in the boiling sky Cauda e Inimigo no céu fervente
The Enola Gay was my last try O Enola Gay foi minha última prova
Now that this tailgunner's gone Agora que esses artilheiros não existem mais
No more bombers Não existem mais bombardeios
(Just one big bomb) (Apenas uma grande bomba)
(2/10) Holy Smoke (3:39) Fumaça Sagrada

Believe in me - send no money Acredite em mim e não mande dinheiro


Died on the cross, and that ain't funny Eu morri na cruz e isso não é engraçado
But my so called friends Mas os que se dizem amigos
they're making me a joke estão fazendo de mim uma piada
They missed out what I said Eles equivocam o que eu disse
like I never spoke como se eu nunca tivesse falado
They choose what they wanna hear Eles escolhem o que querem ouvir
they don't tell a lie eles não mentem
They just leave out the truth Eles apenas deixam de lado a verdade
as they're watching you die enquanto assistem você morrer
Saving your soul by taking your money Salvando sua alma em troca do seu dinheiro
Flies around shit, Moscas em volta da merda,
bees around honey abelhas em volta do mel

Holy Smoke, Holy Smoke, Santa Fumaça, Santa Fumaça,


plenty bad preachers for existem muitos mau pregadores
The devil to stoke Para o diabo atiçar
Feed 'em in feet first Se alimentando deles pés à cabeça
this is no joke isto não é brincadeira
This is thirsty work making Holy Smoke É trabalho cansativo fazer Santa Fumaça

Jimmy Reptile and all his friends Jimmy Reptile e todos os seus amigos
Say they gonna be with you at the end Dizem que vão estar com vocês no final
Burning records, burning books Queimando discos, queimando livros
Holy soldiers, Nazi looks Soldados sagrados, aparência nazista
Crocodile smiles, just wait awhile Sorriso de crocodilo, espere um pouco
Till the TV Queen gets her make up clean Até a rainha da TV terminar sua maquiagem
I've lived in filth, Eu tenho vivido na sujeira,
I've lived in sin eu tenho vivido no pecado
And I still smell cleaner than Mas continuo cheirando mais limpo que
the shit your in a merda em que vocês estão

Holy Smoke, Holy Smoke, Santa Fumaça, Santa Fumaça,


plenty bad preachers for existem muitos mau pregadores
The devil to stoke Para o diabo atiçar
Feed 'em in feet first Se alimentando deles pés à cabeça
this is no joke isto não é brincadeira
This is thirsty work making Holy Smoke É trabalho cansativo fazer Santa Fumaça

They ain't religious but they ain't no fools Eles não são religiosos mas eles não são bobos
When Noah built his Cadillac it was cool Quando Noé construiu seu Cadillac foi legal
Two by two they're still going down De dois em dois eles continuam descendo
And the satellite circus E o circo transmitindo por satélite
just left town acabou de deixar a cidade
I think they're strange Eu acho que eles são estranhos
and when they're dead e quando morrerem
They can have a Lincoln for their bed Eles podem ter um Lincoln para sua cama
Friend of the president - trick of the tail Amigo do presidente, puxa-saco
Now they ain't got a prayer Agora eles não tem uma oração
100 years in jail 100 anos na cadeia
Holy Smoke, Holy Smoke, Santa Fumaça, Santa Fumaça,
plenty bad preachers for existem muitos mau pregadores
The devil to stoke Para o diabo atiçar
Feed 'em in feet first Se alimentando deles pés à cabeça
this is no joke isto não é brincadeira
This is thirsty work making Holy Smoke É trabalho cansativo fazer Santa Fumaça

(3/10) No Prayer Sem Preces


For The Dying (4:23) Para Os Mortos

There are times when i wondered Existem vezes que eu pensei


and times when i cried E vezes que eu chorei
when my prayers they were answered E quando minhas preces foram respondidas
at times when i've lied Em épocas em que eu menti
but if you asked me a question Mas se você me fizesse uma pergunta
would i tell you the truth Eu diria a verdade?
now there's something to bet on Agora há algo para se apostar
you've got nothing to lose Você não tem nada a perder

when i've sat by the window Quando eu sentei à janela


and gazed at the rain E olhei para a chuva
with an ache in my heart Com uma dor em meu coração
but never feeling the pain Mas nunca sentindo a dor
if you would tell me Se você me dissesse
just what my life means Só o que minha vida significa
walking in a long road Caminhar uma longa estrada
never reaching the end E nunca chegar ao fim

god give me the answers to my life Deus dê-me a resposta para minha vida
god give me the answers to my dreams Deus dê-me a resposta para meus sonhos
god give me the answers to my prayers Deus dê-me a resposta para minhas preces
god give me the answers to my being Deus dê-me a resposta para meu ser

(4/10) Public Enema Inimigo Público


Number One (4:13) Número Um

When it all comes down the line Quando tudo despenca


And the lights they turn to greed E as luzes viram ganância
And you race off with your tyres screaming E você corre com seus pneus cantando
Rolling thunder Trovão
And the people choke with poison E as pessoas se engasgam com veneno
Children cry in fear Crianças choram de medo
But you've got your fast bullet Mas você tem a sua bala rápida
One way ticket outta here Um bilhete de ida para fora daqui

Fall on your knees today Caia nos seus joelhos hoje


And pray the world will mend its ways E reze para que o mundo se concerte desta forma
Get to your feet again Caia de joelhos novamente
Refuges from the heartbreak and the pain Esconda-se do coração despedaçado e da dor

In the cities in the streets Nas cidades, nas ruas


There's a tension you can feel Existe uma tensão que você pode sentir
Breaking strain is fast approaching Quebrar limites é se aproximar rápido
Guns and riots Armas e ataques
Politicians gamble and lie to save their skins Politicos jogam e mentem para salvar suas peles
And the press get fed the scapegoats E a imprensa alimenta os bodes espiatórios
Public enema number one Inimigo público número um

A million network slaves Um milhão de escravos da rede


In an advertising new age Em uma nova era de anúncios
I don't need a crystal ball to sell ya Eu não preciso de bola de cristal para dizer a você
Your children have more brains Suas crianças tem mais cérebro
Than your drug infested remains Que seus restos infestados de drogas
California dreaming as the earth dies screaming A California sonha enquanto a terra morre gritando

(5/10) Fates Warning (4:12) Avisos Sobre o Destino

Why is it some of us Porque alguns de nós


are destined to stay alive, estão destinados a ficarem vivos,
and some of us are here just so that we'll die e alguns estão aqui apenas para morrer
How come the bullet hits the other guy, Como é que a bala atinge o outro cara,
do we have to try and reason why nós temos que tentar, e a razão pela qual

Be it the devil or be it him, Seja o diabo ou seja você,


you can count on just one thing você pode contar com apenas uma coisa
When the time is up you'll know, Quando a hora chegar você saberá,
not just one power runs the show apenas um poder não dirige o espetáculo

Are we the lucky ones saved for another day, Somos nós os sortudos salvos para outro dia,
or they the lucky ones who are taken away ou os sortudos são, os que são levados
Is it a hand on your shoulder from the lord above, É uma mão em seu ombro, do senhor acima,
or the devil himself come to give you a shove ou o próprio diabo veio para dar-lhe um empurrão

Be it the devil or be it him, Seja o diabo ou seja você,


you can count on just one thing você pode contar com apenas uma coisa
When the time is up you'll know, not just one power Quando a hora chegar você saberá, não apenas um
runs the show poder dirige o espetáculo

A volcano erupts and sweeps a town away, Um vulcão estoura e varre uma cidade longe,
a hurricane devastates the cities in it's way um furacão devasta as cidades em seu caminho
The grief and misery for the ones A dor e a miséria para os
that are left behind, que são deixados para trás,
the worst is yet to come o pior ainda está para vir
a hell to face mankind um inferno para enfrentar a humanidade

Be it the devil or be it him, Seja o diabo ou seja você,


you can count on just one thing você pode contar com apenas uma coisa
When the time is up you'll know, Quando a hora chegar você saberá,
not just one power runs the show Não apenas um poder dirige o espetáculo

(6/10) The Assassin (4:37) O Assassino

Now the contracts out Agora o contrato terminou


They've put the word about Eles deram suas palavras
I'm coming after you Eu estou indo atrás de você
It's not the money I make Não é pelo dinheiro que faço
It's the thrill of the chase É pelo prazer da caça
And I'm coming after you E eu estou indo atrás de você

I watch your every move Eu observo cada movimento seu


Study the things you do Estudo as coisas que você faz
And the pattern of your ways E a sequência de seus caminhos

I watch the way you walk Eu observo a maneira como você anda
I hear your telephone talk Eu ouço suas conversas telefônicas
I want to understand the way you think Eu preciso entender a maneira como você pensa

Better watch out,cos I'm the assassin Melhor prestar atenção, porque eu sou o assassino
(Better watch out) (Melhor prestar atenção)
cos I'm the assassin Porque eu sou o assassino
Better watch out,better watch out Melhor prestar atenção, melhor prestar atenção

Better watch out,cos I'm the assassin Melhor prestar atenção, porque eu sou o assassino
(Better watch out) (Melhor prestar atenção)
cos I'm the assassin Porque eu sou o assassino
Better watch out,better watch out Melhor prestar atenção, melhor prestar atenção

ASSASSIN! ASSASSIN! ASSASSINO! ASSASSINO!

I'm in a cold cold sweat Eu estou suando frio


I taste the smell of death Eu sinto o gosto da morte
I know the moment's getting closer Eu sei que o momento se aproxima

And as you walk to the light E a medida que você caminha para a luz
I feel my hands go tight Eu sinto minhas mão se apertarem
Excitement running through my veins Excitação correndo pelas minhas veias

I've got you in my sights Eu te tenho na minha mira


I've got you dead to rights Eu tenho sua morte como direito
The triggers waiting for my finger Os gatilhos esperando pelo meu dedo

I feel adrenalin rush Eu sinto a adrenalina correr


It's just the final touch É apenas o toque final
You can kiss your arse goodbye Você pode dar seu beijo de despedida

Better watch out,cos I'm the assassin Melhor prestar atenção, porque eu sou o assassino
(Better watch out) (Melhor prestar atenção)
cos I'm the assassin Porque eu sou o assassino
Better watch out,better watch out Melhor prestar atenção, melhor prestar atenção

Better watch out,cos I'm the assassin Melhor prestar atenção, porque eu sou o assassino
(Better watch out) (Melhor prestar atenção)
cos I'm the assassin Porque eu sou o assassino
Better watch out,better watch out Melhor prestar atenção, melhor prestar atenção

ASSASSIN! ASSASSINO!

(7/10) Run Silent Run Deep (4:34) Corra Calado, Corra Para o Abismo

The convoy lights are dead ahead As luzes de escolta estão à frente mortas
The merchantmen lay in their bed Os comerciantes se deitam em suas camas
The thump of diesels hammers down O baque de martelos de dieseis abaixo
In the oily sea - the killing ground No oleoso mar - o chão mortal
His knuckles white his eyes alight As juntas dele branco os olhos dele descem
He slams the hatch on the deadly night Ele bate o choque na noite mortal
A cunning fox in the chickens lair Uma raposa esperta na toca de galinhas
A hound of hell Um cão de caça de inferno
and the devil don't care e o diabo não se preocupa

Running silent, running deep, Correndo calado, correndo para o abismo,


we are your final prayer nós somos sua oração final
Warriors in secret sleep Guerreiros no sono secreto
a merchantman's nightmare um pesadelo de um comerciante
A silent death lies waiting, Uma morte silenciosa está esperando,
for all of you below para todos vocês debaixo
Running silent, running deep Correndo calado, correndo para o abismo
sink into your silent sleep afundar-se em seu sonho silencioso

Chill the hearts of fighting men Esfrie os corações de homens lutadores


In open ocean wondering when? Em oceano aberto que deseja saber quando?
The lethal silver fish will fly Os peixes prateados letais voarão
The boat will shiver-men will die O barco vai arrepiar - homens morrerão
A cast of millions-a part to play Um elenco de milhões - uma parte para jogar
Killer? victim? or fool for a day Assassino? vítima? ou estúpido durante um dia
Obeying an order-men have to die Obedecendo ordens - homens têm que morrer
Us or them - a well rehearsed lie Nós ou eles - uma mentira bem ensaiada

The lifeboats Os barcos salva-vidas


shattered the hull is torn quebraram a casca é rasgada
The tar black smell of burning oil O cheiro preto de óleo ardente
On the way down to Davy Jones No modo até Davy Jones
Every man for himself - you're on your own Todo homem para ele - você é por conta própria
The wolf eyes watch the crosswire Os olhos de lobo assistem o fio cruz
'Stern tubes ready','aim and fire' 'Duro entuba pronto', 'aponte e fogo'
They can pin some medal on your chest Eles podem fixar alguma medalha em seu tórax
But in two more weeks - dead like the rest Mas em duas mais semanas - morto como o resto

(8/10) Hooks In You (4:08) Ganchos em você

I got the keys to view at number 22 Pego as chaves para ver a número 22
Behind my green door there's nothing to see Atrás de minha porta verde não há nada que ver
Is that a creature? What kind of creature Pedra frio sóbrio e sentando em silencio, senhorita
Would hang around waiting for a guy like me Atrás e procurando por sinfonia
Stone cold sober, sitting in silence, Fria como pedra, sentada em silêncio,
laid back looking for symphaty descontraída procurando por simpatia
I like a girl who knows Eu gosto de uma garota que conhece
where she's bound onde ela salta
I don't like girls Eu não gosto de garotas
who've been hanging around que ficam penduradas ao redor

Hooks in you, hooks in me, Ganchos em você, ganchos em mim,


hooks in the ceiling ganchos no teto
For that well hung feeling Para que sinta bem pendurado
No big deal, no big sin, Não é grande coisa, nenhum grande pecado,
strung up on love I enforcado no amor eu
Got the hooks screwed in Tenho os ganchos atarraxados em

Hooks in you, hooks in me, Ganchos em você, ganchos em mim,


hooks in the ceiling ganchos no teto
For that well hung feeling Para que sinta bem apertado
No big deal, no big sin, Não é grande coisa, nenhum grande pecado,
strung up on love I enforcado em amor eu
Got the hooks screwed in tenho os ganchos atarraxados em

She's tied up Ela é amarrada para cima


she can't come to the phone ela não pode vir ao telefone
You must have got your wires crossed Você deve ter uma linha cruzada
she ain't home ela não está em casa
Knock on wood Bata na madeira
you know I like that sound você sabe que eu gosto desse som
She never could keep her feet on the ground Ela nunca poderia manter os pés no chão

Hooks in you, hooks in me, Ganchos em você, ganchos em mim,


hooks in the ceiling ganchos no teto
For that well hung feeling Para que sinta bem pendurado
No big deal, no big sin, Não é grande coisa, nenhum grande pecado,
strung up on love I enforcado em amor eu
Got the hooks screwed in Tenho os ganchos atarraxados em

Hooks in you, hooks in me, Ganchos em você, ganchos em mim,


hooks in the ceiling ganchos no teto
For that well hung feeling Para que sinta bem pendurado
No big deal, no big sin, Não é grande coisa, nenhum grande pecado,
strung up on love I enforcado em amor eu
Got the hooks screwed in Tenho os ganchos atarraxados

Hooks in you, I've got Ganchos em você, eu tenho


those hooks in you aqueles ganchos em você
Hooks in you, in you Ganchos em você, em você
Hooks in you, I've got Ganchos em você, eu tenho
those hooks in you aqueles ganchos em você
Hooks in you, in you Ganchos em você, em você

Oh yeah yeah yeah yeah yeah yeah yow! Oh yeah yeah yeah yeah yeah yeah yow!

Right on the money Direito sobre o dinheiro


got it wrapped up tight que foi embrulhado apertado
Got new ideas for the decor tonight Tenho novas ideias para a decoração esta noite
Make this house a preservation zone Fazer dessa casa uma zona de preservação
Gonna set her Vou colocá-la
in concrete set her up on her own no concreto definí-la por conta própria

Hooks in you, hooks in me, Ganchos em você, ganchos em mim,


hooks in the ceiling ganchos no teto
For that well hung feeling Para que sinta bem pendurado
No big deal, no big sin, Não é grande coisa, nenhum grande pecado,
strung up on love I enforcado em amor eu
Got the hooks screwed in Tenho os ganchos atarraxados em
Hooks in you, hooks in me, Ganchos em você, ganchos em mim,
hooks in the ceiling ganchos no teto
For that well hung feeling Para que sinta bem pendurado
No big deal, no big sin, Não é grande coisa, nenhum grande pecado,
strung up on love I enforcado em amor eu
Got the hooks screwed in Tenho os ganchos atarraxados em

Hooks in you, Ganchos em você,


I've got those hooks in you eu tenho aqueles ganchos em você
Hooks in you Ganchos em você
Hooks in you, Ganchos em você,
I've got those hooks in you eu tenho aqueles ganchos em você
Hooks in you, I've got those Ganchos em você, eu tenho aqueles
Hooks in you Ganchos em você

(9/10) Bring Your Daughter... Traga Sua Filha...


To The Slaughter (4:45) Para O Abate

Honey it's getting close to midnight Meu bem, é quase meia-noite


And all the myths are still in town E todos os mitos ainda estão na cidade
True love and lipstick on your linen Amor verdadeiro e batom no seu linho
Bite the pillow make no sound Morda o travesseiro, não faça barulho
If there's some living to be done Se há alguma vida a ser vivida
Before your life becomes you tomb Antes que sua vida se torne sua cova
You'd better know that I'm the one É melhor você saber que eu sou o escolhido
So unchain your back door Então destranque sua porta dos fundos
and invite me around e me convide a entrar

Bring your daughter, Traga sua filha,


bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir
Bring your daughter, Traga sua filha,
bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir

Honey it's getting close to daybreak Meu bem, o amanhecer está se aproximando
The sun is creeping in the sky O Sol está surgindo lentamente no céu
No patent remedies for heartache Não existem medicamentos para mágoa
Just empty words and humble pie Somente palavras vazias e desculpas
So get down on your knees honey Então ajoelhe-se, meu bem
Assume an attitude Tome uma iniciativa
You just pray that I'll be waiting Você somente reza para que eu esteja esperando
Cos you know, you know I'm coming soon Pois você sabe que estou para chegar

Bring your daughter, Traga sua filha,


bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir
Bring your daughter, Traga sua filha,
bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir

So pick up your foolish pride, no going back Então pegue seu orgulho tolo, não há retorno
No where, no way, Lugar nenhum, nenhum caminho,
no place to hide nenhum lugar para se esconder
Bring your daughter, bring your daughter, Traga sua filha, traga sua filha,
bring your daughter, bring your daughter, traga sua filha, Traga sua filha,
bring your daughter, bring your daughter traga sua filha, traga sua filha
to the slaughter para o abate

Bring your daughter, fetch your daughter, Traga sua filha, busque sua filha,
bring your daughter, fetch your daughter, traga sua filha, busque sua filha,
bring your daughter, traga sua filha,
fetch your daughter to the slaughter busque sua filha para o abate

Bring your daughter, Traga sua filha,


bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir
Bring your daughter, Traga sua filha,
bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir
Bring your daughter, Traga sua filha,
bring your daughter to the slaughter traga sua filha, para o abate
Let her go, let her go, let her go! Let her go! let her Deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a ir, deixe-a
go, let her go! ir, deixe-a ir!
I'm coming get you, now! Eu estou indo te pegar, agora!

(10/10) Mother Russia (5:31) Mãe Rússia

Mother Russia, how are you sleeping Mãe Rússia, como você tem dormido?
Middle winter cold winds blow Sopra o vento frio de meados do inverno
from the snowflakes drifting Os flocos de neve caindo das árvores
swirling round like ghosts in the snow Rodopiando como fantasmas na neve

Mother Russia, poetry majestic Mãe Rússia, majestade poética


tells the time of a great empire Conta os tempos de um grande império
turning round the old man ponders reminiscing an Contrariando as ponderações do homem velho,
age gone by Relembrando uma época que passou

Mother Russia Mãe Rússia


Dance of the Tzars Dança dos czares
Hold up your heads Levantem suas cabeças
Be proud of what you are Tenham orgulho do que são
now it has come Agora chegou
Freedom at last Ao menos a liberdade
turning the tides of history Mudando o curso das areias da história
and your past E seu passado

Mother Russia Mãe Rússia


Dance of tzars Dança dos czares
Hold up your head Levantem suas cabeças
remember who you are Lembrem-se de quem são
can you release Vocês podem liberar
the anger, the grief A fome, a dor
can you be happy Vocês podem ser felizes
now your people are free Agora seu povo está livre
Adrian Smith deixa o Maiden para entrar em sua carreira solo, e em seu lugar entra Janick
Gers. Ele é muito bom, mas a qualidade das composições da banda, sem Smith, caem.

Este álbum é considerado um dos mais fracos da banda, mas é aquela coisa, não dá para
ser brilhante sempre, né?

TAILGUNNER: traz-nos de volta para as guerras aéreas na segunda guerra mundial, como em
Aces High, tema que os caras adoram, pelo jeito!

Desta vez, a música nos leva para o bombardeio em Dresden, na Alemanha, entre 13 e 15
de fevereiro de 1945, pela RAF e USAAF (força aérea inglesa e estadunidense, respectivamente).
Este bombardeio chama a atenção pela força desproporcional utilizada pelas artilharias.

Cidade de Dresden após o bombardeio: a cidade estava cheia de civis, não tinha defesas
fortes e militarmente não era interessante para os inimigos. Porém, o comandante da RAF, Arthur
Harris, convenceu a USAAF que o ataque era necessário para destruir as linhas de comunicação
alemãs e diminuir a moral.

Por muitos, o ataque foi considerado um crime de guerra, por outros o ataque fazia parte da
estratégia, assim como o ataque a várias outras cidades.

Na época, a revista Veja (1945) publicou um artigo intitulado "O Massacre de Dresden".

Em 1992, uma estátua de bronze foi erguida para Arthur Harris em Londres. O povo e a
imprensa mundial criticaram a homenagem, devido às mortes teoricamente causadas por ele nos
bombardeios. Em sua biografia, Harris disse que o ataque a Dresden fazia parte da estratégia, e
que era decisão de gente mais importante do que ele.

Churchill era o primeiro ministro e ministro da defesa na época em que o ataque foi
planejado. Ele não tomava parte em todas as decisões, mas em algumas delas. E o ataque a
Dresden, além dos motivos citados antes, também ajudariam os russos.

Bruce Dickinson comenta a faixa em questão: "Eu tinha algumas frases que começavam
com "Volte seu caminho 50 anos para a glória de Dresden, sangue e lágrimas". Eu sei que não
devíamos mencionar a guerra, mas é sobre a atitude dos caras que bombardeiam. Era morte de
verdade nos céus sobre eles. Mas não há mais artilheiros nos aviões, é tudo feito por
computadores usando mísseis. Costumava ser homem a homem, mas agora, é máquina por
máquina. Quem ainda usa balas?"

HOLY SMOKE: faz uma sátira contra a religião, mais exatamente contra os pregadores hipócritas
que existem na TV. Na música, a banda fala sobre Jimmy Reptile, que é na verdade Jimmy
Swaggart, um pregador que se aproveita do sentimento de culpa imposto sobre os cristãos para
arrancar-lhes dinheiro. Bem, o santo homem foi flagrado duas vezes traindo a esposa, e em 1988
foi pego com prostitutas no Texas! Ozzy também fez um som para "homenagear" este cara:
“Miracle Men”.

NO PRAYER FOR THE DYING: é a faixa título do álbum, e ela é bem legalzinha, uma das mais
legalzinhas da Donzela. Existe um filme com nome parecido, A Prayer for he Dying (1987), mas a
letra da música não tem relação com o filme. A letra fala sobre o sentido da vida, já o filme fala
sobre um agente do IRA que explode um ônibus com crianças quando tentava explodir um
caminhão com tropas. Após isso, ele deixa o IRA, porém a organização vai atrás dele para queima
de arquivo...
PUBLIC ENEMA NUMBER ONE: enema é a introdução de um líquido no ânus para lavagem,
purgação ou administração de medicamentos. Quem vai explicar do que se trata esta música é o
próprio Bruce Dickinson:

"Este som na verdade é sobre hipócritas verdes (ambientalistas). É sobre um cara grande
com seu carro veloz, e ele está deixando a cidade em uma nuvem de fumaça com as crianças
chorando de medo. Ele pegou sua viagem só de ida. Ótimo, até mais ver. Porque ele pode, ele
deixa todos para trás, deixa as cidades superlotadas, armas, revoltas e parece que todos vão
enlouquecer. Os políticos mentem para salvar sua própria pele, apostando que eles vão fazer a
coisa certa e dão para a mídia bodes expiatórios a todo momento. A coisa toda é baseada entre
New York e Los Angeles, e eu só espero que as crianças hoje em dia tenham mais cérebro do que
os desgastados restos das gerações de 60 e 70. Califórnia sonha e a Terra morre chorando! É
sobre isto, pessoas falando do meio ambiente e não fazendo nada. "

FATES WARNING: fala sobre destino e só.

THE ASSASSIN: remete à mesma sensação da música "Killers", onde é narrada a sensação de
um matador. Em Killers parecia mais um doidão, aqui é um cara sangue frio, mas ainda psicopata...

Segundo Bruce, a ideia era entrar na cabeça de um assassino. Ele não agia por dinheiro,
apenas porque achava legal calcular, fria e sadicamente, seus movimentos.

RUN SILENT RUN DEEP: baseada no romance do estadunidense, ex-oficial da marinha e escritor,
Edward L. Beach Jr. (1918 - 2002). Há também um filme de 1958 de mesmo nome.

Edward participou da Batalha de Midway durante a segunda guerra mundial. Esta batalha foi
travada entre EUA e Japão, seis meses após o ataque japonês a Pearl Harbor, iniciando a guerra
do Pacífico. Bruce havia escrito a letra para o álbum Somewhere in Time, mas disse para Harris
que a letra se encaixava bem agora. É uma música sobre batalhas no mar na segunda guerra
mundial.

"On the way down to Davy Jones"

Davy Jones (Davy Jones' Locker) é um eufemismo para quem morre no fundo do mar. O que
se sabe é que ele é uma lenda, mas sua origem é incerta. A primeira menção a Davy Jones está
na obra The Adventures of Peregrine Pickle de Tobias Smollett (1751).

HOOKS IN YOU: é a última colaboração de Adrian Smith com a banda, até seu retorno em Brave
New World. Este som faz parte da "Saga da Prostituta Charlotte". Aliás, há discussões se ela faz
parte ou não. Nesta faixa há uma menção para 22 Acacia Avenue: "I got the keys to view at number
22".

BRING YOUR DAUGHTER... TO THE SLAUGHTER: escrita por Bruce, as guitarras são de Janick
Gers, antes dele entrar no Maiden. A música foi feita para o filme A Hora do Pesadelo 5 (1989), e
Harris gostou tanto que a colocou neste álbum. Fez certo, ela é uma das que salvam o álbum!

MOTHER RUSSIA: segundo Dickinson, é sobre a tragédia de uma grande terra, que tem uma
triste história de ser invadida e suas pessoas massacradas, por séculos, e a música diz: não seria
ótimo se a Rússia finalmente se unisse agora e vivesse em paz?

A música não é uma homenagem a queda do regime comunista, pois a URSS só caiu em 9
de dezembro de 1991, mais de um ano após o lançamento desse álbum.

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


1992
1. Be Quick or Be Dead Dickinson, Gers 3:24
2. From Here to Eternity Harris 3:38
3. Afraid to Shoot Strangers Harris 6:56
4. Fear Is the Key Dickinson, Gers 5:35
5. Childhood's End Harris 4:40
6. Wasting Love Dickinson, Gers 5:50
7. The Fugitive Harris 4:54
8. Chains of Misery Dickinson, Murray 3:37
9. The Apparition Harris, Gers 3:54
10. Judas Be My Guide Dickinson, Murray 3:08
11. Weekend Warrior Harris, Gers 5:39
12. Fear of the Dark Harris 7:16

“Be Quick or Be Dead” surgiu como primeiro single. Composta pela dupla Dickinson e Gers,
essa música rápida e quase thrash metal abre o trabalho de forma agressiva, com a bateria
explosiva de Nicko. Com uma abordagem lírica voltada para a corrupção e o jogo sujo de quem
detém o poder, o desempenho de Bruce é um dos mais rasgados de sua carreira e é impossível
ficar imune ao ataque sonoro perpetrado por essa faixa, que manteve o ritmo alucinante também
no videoclipe, exaustivamente exibido à época.

Também presenteada com um videoclipe, “From Here to Eternity”, o 2º single chega com
uma veia bem rock‟n‟roll, trazendo um pouco da linha mais despojada que a banda lançou mão no
álbum anterior. Composta pelo eterno líder Steve Harris, sua letra aborda uma visão irônica e até
otimista do inferno, fazendo inclusive uma alusão à Charlotte, a prostituta imortalizada no primeiro
álbum.

Na sequência, a primeira obra-prima, novamente concebida por Harris. “Afraid to Shoot


Strangers”, com seus quase 7 minutos, chega suave, com uma bela melodia de guitarras e a
sempre firme sustentação do baixo. Já antecipando o esquema “início lento / peso e rapidez / fim
lento” que configura a faixa-título, esta belíssima canção traz uma reflexão de alguém que está à
espreita de cometer um crime, supostamente por esconder um ato justiceiro. Com letras de fácil
assimilação, ela permanece poderosa até o fim. Não é à toa que na turnê que celebra o saudoso
“Maiden England”, a banda optou por incluí-la no repertório, mesmo soando um pouco deslocada.
Seu apelo ao vivo é inquestionável.

“Fear is the Key” retoma a parceria de Dickinson e Gers. Seu formato pouco usual e suas
mudanças de ritmo servem de base para uma letra um pouco confusa, como o medo e a incerteza
dos tempos atuais no tema, mas que agrada pelo solo de guitarra bem sacado. A próxima é
“Childhood‟s End”, de Harris, que volta à duração abaixo de 5 minutos. Com seu ritmo marcante de
baixo, é a primeira faixa menos inspirada do álbum, com refrão abaixo da média. Acaba se
salvando pela letra, que faz uma análise bem interessante sobre o fim do período da inocência do
ser humano e a situação caótica do meio ambiente.

O terceiro single, lançado em 16 de setembro e composto por Bruce e Janick, é “Wasting


Love”. Uma autêntica balada e com apelo bastante comercial. Servindo como aperitivo da futura
“Tears of the Dragon”, de seu álbum solo pós-Maiden, a canção traz uma interpretação bastante
emocional de Bruce, embora apresente uma letra fraca e hoje seja uma tarefa um tanto cansativa
ouvi-la até o acorde final. Valeu para mostrar à banda que eles nunca precisaram desse tipo de
faixa de fácil aceitação radiofônica. Coincidência ou não, a banda resolveu gravá-la um ano após o
METALLICA, em seu multiplatinado álbum autointitulado, ter conquistado o mundo com “The
Unforgiven” e “Nothing Else Matters”. Mas, no caso da banda inglesa, nem o videoclipe agradou.
Steve Harris compôs “The Fugitive”. Musicalmente, é um trabalho menor do líder, com
estrofes de poucas variações. Liricamente, é bem envolvente e certamente daria um ótimo roteiro
de filme. A quase hard rock “Chains of Misery” vem logo depois, com Bruce dividindo a autoria com
Dave Murray. Seu ritmo é contagiante e conta com uma performance irrepreensível de Dickinson,
tanto nas estrofes propositalmente “largadas”, quanto no refrão bem alegre. A letra não agrada,
mas tampouco desmerece o bom trabalho da música.

“The Apparition” é de longe a mais fraca do álbum. Mesmo no interlúdio, com a breve
mudança de andamento, a canção se perde em uma repetição de notas. A letra também não a
salva. Ainda bem que, na sequência, vem a música que é uma das mais injustiçadas de toda a
carreira da banda. Novamente contando com Dickinson e Murray como autores, “Judas Be My
Guide” é simplesmente espetacular. Desde o seu começo, com um tema crescente que
desemboca em um solo maravilhoso, passando pelos versos cantados à perfeição, essa pérola
ainda conta com um refrão de arrepiar. O solo do meio é inspiradíssimo. Pena que a banda nunca
a tocou em shows.

A penúltima música, “Weekend Warrior” é novamente uma peça de rock‟n‟roll, ainda


trazendo resquícios do álbum anterior. Harris, em parceria com Gers, novamente brinda o ouvinte
com uma faixa bem descontraída e com letra deliciosamente irônica. O primeiro verso “O rebelde
de ontem, tolo de amanhã” (The rebel of yesterday, tomorrow‟s fool) já mostra a irreverência lírica.

Por fim a faixa-título, que merece uma análise cuidadosa. O sucesso foi tão estrondoso que,
quase um ano após o lançamento do álbum, uma versão ao vivo extraída de “A Real Live Dead
One” foi lançada como single, chegando ao 5º lugar no Reino Unido. É a típica canção que nasceu
para ser executada em grandes arenas. Ela traz todos os elementos típicos da Donzela: a
introdução épica e pomposa, feita para cantar junto; o início sombrio e lento, invocando a clássica
“Hallowed Be Thy Name”; as estrofes magistralmente interpretadas por Bruce; o refrão que a fez
definitivamente se tornar atemporal e presença obrigatória desde que foi composta. E a duração
longa, tipicamente Harris. Além dos atributos listados, ainda narra um típico roteiro de história em
quadrinhos – o que efetivamente viria a se tornar algum tempo depois. Não haveria outra para
fechar o LP, CD, ou seja lá qual for o formato.

“Fear of the Dark” é um álbum forte e único, que mostra uma banda entrosada. A ordem das
faixas é um grande trunfo, pois não tem como ser fraco um disco que abre com uma paulada
certeira e encerra com uma obra-prima que rivaliza com os maiores momentos da história da
banda e deste gênero musical. [1]

(1/12) Be Quick Or Be Dead (3:24) Seja Rápido Ou Morra

Covered in sinners and dripping with guilt Disfarçados de pecadores e gotejantes de culpa
Making you money from slime and from filth Fazendo dinheiro do lodo e da sujeira
Parading your bellies in ivory towers Desfilando suas barrigas em torres de marfim
Investing our lives in your schemes Investindo nossas vidas em seus esquemas
and your powers. E poderes

You got to watch them, be quick or be dead Você tem que vigia-los, seja rápido ou morra
Snake eyes in heaven, the thief in your head Olhos de cobra no paraíso, o ladrão em sua cabeça
You've got to watch them, be quick or be dead Você tem que vigia-los, seja rápido ou morra
Snake eyes in heaven, the thief in your head Olhos de cobra no paraíso, o ladrão em sua cabeça

Be quick or be dead, be quick or be dead Seja rápido ou morra, seja rápido ou morra

See... What's ruling all our lives Veja...o que controla todas as nossas vidas
See... Who's pulling the strings Veja...quem está puxando as cordas
See... What's ruling all our lives Veja...o que controla todas as nossas vidas
See... Who's pulling the strings Veja...quem está puxando as cordas
I bet you won't fall on your face... Aposto que você não vai cair de cara no chão...
Your belly will hold you in place Sua barriga vai prendê-lo no lugar

The serpent is crawling inside of your ear A serpente está rastejando dentro do seu ouvido
He says you must vote Ele diz que você deve votar
for what you want to hear para o que você quer ouvir
Don't matter what's wrong Não importa o que é errado
as long as you're alright desde que você está bem
So pull yourself stupid and rob yourself blind Então, puxe-se estúpido e roubar-se cego

You got to watch them, be quick or be dead Você tem que vigia-los, seja rápido ou morra
Snake eyes in heaven, the thief in your head Olhos de cobra no paraíso, o ladrão em sua cabeça
You've got to watch them, be quick or be dead Você tem que vigia-los , seja rápido ou morra
Snake eyes in heaven, the thief in your head Olhos de cobra no paraíso, o ladrão em sua cabeça

Be quick or be dead, be quick or be dead Seja rápido ou morra, seja rápido ou morra

You got to watch them, be quick or be dead Você tem que vigia-los, seja rápido ou morra
Snake eyes in heaven, the thief in your head Olhos de cobra no paraíso, o ladrão em sua cabeça
You've got to watch them, be quick or be dead Você tem que vigia-los, seja rápido ou morra
Snake eyes in heaven, the thief in your head Olhos de cobra no paraíso, o ladrão em sua cabeça

Be quick or be dead, be quick Seja rápido ou morra, seja rápido

(2/12) From Here To Eternity (3:38) Daqui Para A Eternidade

She fell in love with his greasy machine, Ela se apaixonou por sua máquina oleosa,
she leaned over wiped ela aprendeu a manter
his kickstart clean o seu pedal de partida limpo
She'd never seen the beast before, Ela nunca havia visto a Besta antes,
but she left there wanting mas ela saiu de lá querendo
more more more mais, mais e mais
But when she was walking on Quando ela estava andando
down the road, she heard a sound pela rua abaixo, ela ouviu um som
that made her heart explode que fez seu coração explodir
He whispered to her Ele sussurrou para ela
to get on the back, montar na sua garupa,
"I'll take you on a ride "Eu vou te levar num passeio
from here to eternity" daqui para a eternidade!"

Hell ain't a bad place, Inferno não é um mal lugar,


hell is from here to eternity Inferno é daqui para a eternidade
Hell ain't a bad place, Inferno não é um mal lugar,
hell is from here to eternity nferno é daqui para a eternidade

She must be having one Ela deve estar em um


of her crazy dreams, de seus sonhos malucos,
she'd never sat ela nunca havia sentado
on a piece so mean numa máquina tão importante
It made her feel like's A fez sentir como se estivesse
she's on cloud nine, she even thought na nona nuvem, ela até achou que
she heard the engine sigh havia ouvido o motor sorrir
But like all dreams Mas como todos os sonhos
that come to an end, que se acabam,
they took a tumble at the devil's bend eles capotaram na Curva do Diabo
The beast and Charlotte A Besta e Charlotte
they were two of a kind, eram ambos da mesma laia,
they'd always take the line eles sempre pegarão o caminho
from here to eternity daqui para a eternidade

Hell ain't a bad place, Inferno não é um mal lugar,


hell is from here to eternity Inferno é daqui para a eternidade
Hell ain't a bad place Inferno não é um mal lugar
hell is from here to eternity Inferno é daqui para a eternidade

(3/12) Afraid To Com Medo de


Shoot Strangers (6:56) Atirar Em Estranhos

Lying awake at night I wipe the sweat Deitado acordado à noite enxugo o suor
from my brow da minha testa
But it's not the fear 'cos Mas não é o medo porque
I'd rather go now eu preciso ir agora

Trying to visualize the horrors that Tentando visualizar os horrores que


will lay ahead virão lá na frente
The desert sand mound a burial ground O monte de areia do deserto, um cemitério

When it comes to the time Quando chegar a hora


Are we partners in crime? seremos parceiros de crime?
When it comes to the time Quando chegar a hora
We'll be ready to die estaremos prontos para morrer.

God let us go now and finish what's Deus deixe-nos ir agora e terminar
to be done o que tem de ser feito.
Thy Kingdom Come Venha o vosso reino
Thy shall be done... on earth seja feita a vossa vontade... na terra

Trying to justify to ourselves the reasons to go Tentando justificar à nós mesmos a razão de ir
Should we live and let live Deveríamos viver e deixar vivo
Forget or forgive Esqueça ou perdoe

But how can we let them Mas como podemos deixa-los


go on this way? ir por aquele caminho?
The reign of terror corruption must end O reino do terror e corrupção deve ter fim
And we know deep down there's E nós sabemos que no fundo
no other way nao existe outro caminho
No trust, no reasoning, no more to say Sem credo, sem explicação, nada mais a dizer

Afraid to shoot strangers Com medo de atirar em estranhos


Afraid to shoot strangers Com medo de atirar em estranhos

(4/12) Fear Is The Key (5:35) O Medo É A Chave


We live our lives in fever, Nós vivemos nossas vidas em febre,
in a choking sweat of fear suor em uma asfixia do medo
In the heat of the night you can feel so much No calor da noite você pode sentir tanto
In the heat of the night I scream "Don't touch!" No calor da noite eu grito "Não toque!"
I remember a time when we used and abused Lembro-me de um tempo em que usou e abusou
We fought all our battles in vain Nós lutamos todas nossas batalhas em vão
I remember a time we thought Lembro-me de um tempo que nós pensamos
that passion was free que a paixão era livre
In the heat of the night... bodies aflame No calor da noite ... corpos em chamas
We live in fever... Nós vivemos na febre ...

I hear your secret heartbeat, Eu ouço seu coração secreto,


I can hear your silent cries eu posso ouvir seus gritos silenciosos
The kids have lost their freedom, Os garotos perderam sua liberdade,
and nobody cares till e ninguém se preocupa até que
somebody famous dies alguém famoso morre

I remember a time Lembro-me de um tempo


when we used and abused em que nos usamos e abusamos
And we fought all our battles in vain E lutamos todas nossas batalhas em vão
I remember a time we thought Lembro-me de um tempo que nós pensamos
that passion was free que a paixão era livre
In the heat of the night... bodies aflame No calor da noite ... corpos em chamas

Now we live in a world of uncertainty Agora nós vivemos em um mundo de incerteza


Fear is the key - to what you want to be O medo é a chave - o que você quer ser
You don't get a say Você não tem o que dizer
the majority get's it's way a maioria faz do seu modo
You're outnumbered Você está em inferioridade numérica
by the bastards till the day you die perante os bastardos até o dia de morrer

I hear your secret heartbeat, Eu ouço seu coração secreto,


I can hear your silent cries eu posso ouvir seus gritos silenciosos
Oh, it gets to lies and lies Oh, que começa às mentiras e mentiras
The kids have lost their freedom, Os garotos perderam sua liberdade,
and nobody cares till e ninguém se preocupa até
somebody famous dies alguém famoso morre
They're telling lies Eles estão dizendo mentiras
and lies and lies e mentiras e mentiras
and lies and lies... e mentiras e mentiras ...

I remember a time Lembro-me de um tempo


when we used and abused em que usou e abusou
Ah, it was just lies Ah, era apenas mentiras
I remember a time we thought Lembro-me de um tempo que nós pensamos
that passion was free que a paixão era livre
But it was just lies Mas era apenas mentiras
and lies and lies e mentiras e mentiras
and lies and lies e mentiras e mentiras
In the night, ooh À noite, ooh

We live in fever, we live in fever, Nós vivemos na febre, vivemos em febre,


we live in fever vivemos na febre

Now we live in Agora nós vivemos em


a world of uncertainty um mundo de incerteza
Fear is the key O medo é a chave
to what you want to be para o que você quer ser
You don't get a say Você nao tem o que dizer
the majority get's it's way a maioria faz do seu modo
You're outnumbered Você está em inferioridade numérica
by the bastards till the day you die perante os bastardos até o dia de morrer

(5/12) Childhood's End (4:40) O Fim da Infância

I'd sail across the ocean Eu velejaria pelos oceanos


I'd walk a hundred miles Eu andaria cem milhas
If I could make it to the end Se eu pudesse dar um fim a isto
Oh just to see a smile Oh apenas para ver um sorriso

You see it in their faces Você vê isto em suas faces


The saddness in their tears A tristeza em suas lágrimas
The desperation and the anger O desespero e a raiva
Madness and the fear Loucura e o medo

No hope, no life, Sem esperança, sem vida,


just pain and fear apenas dor e medo
No food, no love, Sem comida, sem amor,
just greed is here apenas a ganância está aqui

Starvation and the hunger Fome e os famintos


The suffering and the pain O sofrimento e a dor
The agonies of all-out war As agonias da maior guerra de todas
When will it come again ? Quando virão de novo?

The struggle for the power A disputa pelo poder


A tyrant tries again Um tirano tenta novamente
Just what the hell is going on ? O que diabos está havendo?
When will it ever end ? Quando isto irá acabar?

You see the full moon float Você vê a lua cheia flutuar
You watch the red sun rise Você assiste o sol vermelho nascer
We take these things for granted Nós temos essas coisas como certas
But somewhere someone's dying Mas em algum lugar alguém está morrendo

Contaminated waters Aguas contaminadas


Pollution and decay Poluição e decadência
Just waiting for disease to strike Apenas esperando a doença atacar
Oh will we learn someday? Iremos aprender algum dia?
No hope, no life, Sem esperança, sem vida,
just pain and fear apenas dor e medo
No food, no love, no seed, Sem comida, sem amor, sem sementes,
childhoods end fim da infância

(6/12) Wasting Love (5:50) Desperdiçando O Amor

Maybe one day I'll be an honest man Talvez um dia eu serei um homem honesto
Up 'till now I'm doing the best I can Até agora estou fazendo o melhor que posso
Long roads, long days, of sunrise, Longas estradas, longos dias, do nascer
to sunset ao pôr do sol
Sunrise to sunset Do nascer ao pôr do sol

Dream on brothers, while you can Sonhem irmãos, enquanto podem


Dream on sisters, I hope you find the one Sonhem irmãs, espero que encontrem ele
All of our lives, covered up quickly Todas nossas vidas, cobertas rapidamente
By the tides of time Pelas marés do tempo

Spend your days full of emptiness Passe seus dias cheios de vazio
Spend your years full of loneliness Passe seus anos cheios de solidão
Wasting love, Desperdiçando o amor,
in a desperate caress numa carícia desesperada
Rolling shadows of nights Rolando nas sombras da noite

Dream on brothers, while you can Sonhem irmãos, enquanto podem


Dream on sisters, I hope you find the one Sonhem irmãs, espero que encontrem ele
All of our lives, covered up quickly Todas nossas vidas, cobertas rapidamente
By the tides of time Pelas marés do tempo

Sands are flowing and the lines O tempo está passando e as linhas
Are in your hand Estão na sua mão
In your eyes I see the hunger, and the Em seus olhos eu vejo a fome, e o
Desperate cry that tears the night Grito desesperado que rasga a noite

Spend your days full of emptiness Passe seus dias cheios de vazio
Spend your years full of loneliness Passe seus anos cheios de solidão
Wasting love, in a desperate caress Desperdiçando amor, numa carícia desesperada
Rolling shadows of nights Rolando nas sombras da noite

Spend your days full of emptiness Passe seus dias cheios de vazio
Spend your years full of loneliness Passe seus anos cheios de solidão
Wasting love, Desperdiçando amor,
in a desperate caress numa carícia desesperada
Rolling shadows of nights Rolando nas sombras da noite

(7/12) The Fugitive (4:54) O Fugitivo

On a cold October morning Em uma manhã fria de outubro


As frost lay on the ground Enquanto a geada jazia no chão
Waiting to make my move Esperando para fazer meu movimento
I make no sound Eu não faço nenhum ruido
Waiting for the mist Esperando que a neblina
to cover all around cubra tudo em volta
I carefully picked my time Eu cuidadosamente escolho a hora
then took the wall depois encaro o muro

I'm sick and tired of running Estou doente e cansado de correr


The hunger and the pain A fome e a dor
A stop to look about Uma parada para olhar
then off again para eles novamente

Being at the wrong place Estar no lugar errado


and the wrong time e na hora errada
Suspected of a hit that was my crime Suspeito de um tiro que foi o meu crime

I am a fugitive Eu sou um fugitivo


being hunted down like game sendo caçado como em um jogo
I am a fugitive Eu sou um fugitivo
but I've got to clear my name mas eu tenho de limpar meu nome
… ...
Always looking 'round me Sempre olhando em volta de mim
Forever looking back Sempre olhando para trás
I'll always be a target for attack Eu sempre serei um alvo de ataques

Ever moving onwards Sempre indo em frente


Always on the run Sempre fugindo
Waiting for the sight Esperando pela visão
of a loaded gun de uma arma carregada

I am a fugitive Eu sou um fugitivo


being hunted down like game sendo caçado como em um jogo
I am a fugitive Eu sou um fugitivo
but I've got to clear my name mas eu tenho de limpar meu nome
… ...
Even if I find them Mesmo que eu os ache
And get to clear my name E chegue a limpar meu nome
I know that things Eu sei que as coisas
can never be the same nunca poderão ser as mesmas

But if I ever prove Mas se eu provar


my innocence some day minha inocência algum dia
I've got to get them Eu tenho de pegá-los
all to make them pay todos para fazê-los pagar

I am a fugitive Eu sou um fugitivo


being hunted down like game sendo caçado como em um jogo
I am a fugitive Eu sou um fugitivo
but I've got to clear my name mas eu tenho de limpar meu nome
… ...

(8/12) Chains Of Misery (3:37) Correntes da Miséria

There's a madman in the corner of your eye Ha um louco no canto de seu olho
He likes to pry - into your sunlight Ele gosta de espreitar - na sua janela
He wants to burst into the street with you and I Ele quer irromper nas ruas com você e eu
A world of shadows and of rain Um mundo de sombras e de chuva
He's seen what love is Ele soube o que é o amor
He wants to pay you back with guilt... Ele quer pagar de volta com culpa

He lies to you - he won't let you be Ele mente para voce - Ele nao deixara voce
He's got your chains of misery Ele tem suas correntes de miseria
He won't be still Ele nao ficara quieto
till he's turned your key Ate que ele vire a sua chave
He holds your chains of misery Ele segura suas correntes de miseria
He´s got your chains of misery Ele tem sua corrente de miseria

There's a prophet in the gutter in the street Ha um profeta na sarjeta


He says "you're damned!" - Ele fala que voce esta amaldicoado!
And you believe him... E voce acredita nele...
He's got a vision Ele tem a visão
but it shines out through your eyes mas ela brilha de seus olhos
A world of hatred and fear... Um mundo de odio e medo...
He felt what love means Ele sentiu o que o amor siguinifica
He wants to pay you back with pain Ele quer de volta com dor

He lies to you - he won't let you be Ele mente para voce - Ele nao deixara voce
He's got your chains of misery Ele tem sua corrente de miseria
He won't be still Ele nao ficara quieto
till he's turned your key Ate que ele vire a sua chave
He holds your chains of misery Ele segura a suas correntes de miseria
He´s got your chains of misery Ele tem as suas correntes de miseria

It's only lovethat holds the key E so o amor que possui a chave
to our hearts.... para o nosso coração...
It's only love... E so o amor...

He lies to you - he won't let you be Ele mente para voce - Ele nao deixara voce
He's got your chains of misery Ele tem a suas correntes de miseria
He won't be still Ele nao ficara quieto
till he's turned your key Ate que ele vire a sua chave
He holds your chains of misery Ele segura as suas correntes de miseria
He´s got your chains of misery Ele tem as suas correntes de miseria

He lies to you - he won't let you be Ele mente para voce - Ele nao deixara voce
He's got your chains of misery Ele tem a suas corrente de miseria
He won't be still Ele nao ficara quieto
till he's turned your key Ate que ele vire a sua chave
He holds your chains of misery Ele segura as suas correntes de miseria
He´s got your chains of misery Ele tem as suas correntes de miseria

(9/12) The Apparition (3:54) A Aparição

Now I'm here can you see me Agora estou aqui, você pode me ver?
'Cos I'm out on my own Porque eu estou sozinho
When the room goes cold tell me Quando o quarto fica frio, diga-me
you can feel me Você consegue me sentir?
'cos I'm here Porque eu estou aqui

Here I am, can you see me Aqui eu estou, você consegue me ver?
Passing through, on my way De passagem, no meu caminho
To a place I'd been to only in my Para um lugar que eu teria ido apenas em meus
dreams... before Sonhos... antes

In a world of delusion Em um mundo de desilusão


Never turn your back on a friend Nunca vire as costas para um amigo
'Cos you can count your Porque por outro lado, você pode contar com seus
real true friends on one hand Amigos reais e verdadeiros

through life Pela vida

There are those that deceive you Há aqueles que te enganam


There are those that'll let you down Há aqueles que te decepcionarão
Is there someone out there that would Há alguém lá fora que
die for you Morreria por você
thought not Pensei que não

Live your life with a passion Viva sua vida com paixão
Everything you do, do well Tudo o que fizer, faça bem feito
You only get out of life what you put in Você apenas leva da vida o que coloca nela
so they say É o que dizem

In a world of confusion Em um mundo de confusão


People never say what they mean Pessoas nunca dizem o que querem dizer
If you want a straight answer Se você quer uma resposta direta
go look for one Procure por uma
right now Agora

In a room full of strangers Em uma sala cheia de estranhos


Do you stand with your back to the wall Você fica de costas para a parede?
Do you sometimes feel like you're Você se sente as vezes como se estivesse
on the outside Do lado de fora
looking in? Olhando?

You can make your own luck Você pode fazer sua própria sorte
You create your destiny Você pode criar seu próprio destino
I believe you have the power Eu acredito que você tem o poder
if you want to Se você quiser
it's true É verdade

You can do what you want to Você pode fazer o que quiser
If you try a little bit harder Se você tentar um pouco mais arduamente
A little bit of faith goes a long way Um pouco de fé vai à um longo caminho
it does Ela vai

Are we here for a reason? Nós estamos aqui por alguma razão?
I'd like to know just what you think Eu apenas gostaria de saber o que você acha
It would be nice to know what Seria bom saber o que
happens when we die Acontece quando nós morremos
wouldn't it? Não seria?

There are some who are wise Há alguns que são sábios
There are some who are born naive Há alguns que nasceram ingênuos
I believe that there are some that must Eu acredito que há alguns que devem
have lived before Ter vivido antes
don't you? Você não acredita?

As for me, well I'm thinking Quanto a mim, bem, eu estou pensando
You gotta keep an open mind Você tem que manter a mente aberta
But I hope that my life's not an Mas eu espero que minha vida não seja um
open and shut case Caso de abrir e fechar

Extrasensory Perception Percepção extra-sensorial


Life after death, telepathy Vida após a morte, telepatia
Can the soul live on and travel through A alma pode viver viajando através do
space and time? Espaço e do tempo?
You know I feel so elated Você sabe que eu me sinto tão exultante
'Cos I'm about to find it out Porque estou prestes a encontrá-las
And when I know all the answers E quando eu souber todas as minhas respostas
Maybe then I'll come back Talvez então eu voltarei
to fill you in Para te completar

You don't be alarmed now Não se assuste agora


If I try to contact you Se eu tentar entrar em contato com você
If things go missing or get moved around Se as coisas desaparecerem ou mudarem de lugar
...it's me ... sou eu
And don't disbelieve it E não duvide disso
No matter what your "friends" Não importa o que seus "amigos"
might say Possam dizer
We'll meet up again someplace Nos encontraremos novamente em algum lugar
some way one day De alguma forma Um dia

(10/12) Judas Be My Guide (3:08) Judas Seja Meu Guia

Lights out! Luzes apagadas!


We live in a world of darkness Nós vivemos em um mundo de escuridão
No doubt! Sem dúvida!
Everything's up for sale Tudo está pra ser vendido
We sleep! Nós dormimos!
All of the world is burning Todo o mundo está queimando
We pray! Nós rezamos!
To God for a better deal A Deus por uma ideal melhor
Nothing is sacred Nada é sagrado
Back then or now Antes ou agora
Everything's wasted Tudo está Perdido
Is that all there is? Can I go now? È tudo isso? Posso ir agora?

Judas, my guide Judas, meu guia


Whispers in the night Sussurros na noite
Judas, my guide Judas, meu guia

Fight wars! Lutas de guerra!


Die in a blaze of glory Morra numa labareda de glória
Come home! Volte para casa!
Meat in a plastic sack Carne num saco plástico
Fall down! Caia!
Better pray to your God for mercy Melhor rezar para seu Deus por clemência
So kneel! Então ajoelhe-se!
And help the blade cut clean E ajude a lâmina a cortar limpo
Nothing is sacred Nada é sagrado
Back then or now Antes ou agora
Everyone wasted Todos estão Perdidos...
Is that all there is? Is that it now? É tudo isso? É isso agora?

Judas, my guide Judas, meu guia


Whispers in the night Sussurros na noite
Judas, my guide Judas, meu guia

Judas, my guide Judas, meu guia


Whispers in the night Sussurros na noite
Judas, my guide Judas, meu guia

I live in the black I have no guiding light Vivo na escuridão, não tenho uma luz guiante
I'm whispering in your dreams... Eu estou sussurrando em seus sonhos...

Judas my guide Judas, meu guia


Whispers in the night Sussurros na noite
Judas my guide Judas, meu guia

Judas, my guide Judas, meu guia


Whispers in the night Sussurros na noite
Judas, my guide Judas, meu guia

(11/12) Weekend Warrior (5:39) Guerreiro De Fim de Semana

The rebel of yesterday, tomorrow's fool O rebelde ontem, tolo de amanhã


Who are you kidding being that cool? A quem você está enganando fingindo estar legal?

Trying to break away from running Tentando fugir correndo


With the pack Com a turma
But they ain't listening so you've Mas eles não estão ouvindo então você tem de
Gotta go back Voltar

You're a weekend warrior when Você é um guerreiro de fim de semana,


You're one of the crowd Você é um na multidão
But it's over, just look at you now... Mas acabou, simplesmente olhe para você agora...

You're not so brave the way you behave Você não é tão bravo do jeito como se porta
It makes you sick, gotta get out quick Isso te deixa doente, tem de sair rápido
It's all bravado when you're out É tudo bravata quando você sai
With your mates Com seus companheiros
It's like a different person goes through É como uma pessoa diferente atravessando
Those gates Aqueles portões
And the game begins E o jogo começa
The adrenalin's high A adrenalina está alta
Feel the tension maybe someone Sinta a tensão, talvez alguém
Will die... Vá morrer...

A weekend warrior lately Um guerreiro de fim de semana afinal


A weekend warrior sometimes Um guerreiro de fim de semana algumas vezes
A weekend warrior maybe you ain't Um guerreiro de fim de semana
That way anymore Talvez você não seja mais

You've gotta get out gotta get away Você tem de sair, tem de se afastar
But you're in with a clique it's not Mas você está dentro do grupo não é tão
Easy to stray Fácil sair
You've gotta admit you're just Você tem de admitir que está
Living a lie Vivendo uma mentira
It didn't take long to work out why Eu não levo muito tempo para descobrir porque

It's hard to say why you got involved É difícil dizer porque você foi envolvido
Just wanting to be part Apenas querendo fazer parte
Just wanting to belong... Apenas querendo pertencer
A weekend warrior lately Um guerreiro de fim de semana afinal
A weekend warrior sometimes Um guerreiro de fim de semana algumas vezes
A weekend warrior maybe you ain't Um guerreiro de fim de semana
That way anymore Talvez você não seja mais

Some of the things that you've done Algumas coisas que você fez
You feel so ashamed Te deixam envergonhado
After all it's only a game... Isn't it? Afinal é só um jogo... Não é?
And after all the adrenalin's gone E depois que toda a adrenalina acaba
What you gonna do on monday? O que você vai fazer na segunda feira?

A weekend warrior lately Um guerreiro de fim de semana afinal


A weekend warrior sometimes Um guerreiro de fim de semana algumas vezes
A weekend warrior maybe you were Um guerreiro de fim de semana
Never like that at all Talvez você não seja mais

(12/12) Fear Of The Dark (7:16) Medo do Escuro

I am a man who walks alone Eu sou um homem que caminha sozinho


And when I'm walking in a dark road E quando estou andando por uma estrada escura
At night or strolling through the park À noite ou passeando pelo parque

When the light begins to change Quando a luz começa a enfraquecer


I sometimes feel a little strange Às vezes me sinto um pouco estranho
A little anxious when it's dark Um pouco ansioso quando está escuro

Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a constant fear Eu tenho um medo constante
that something's always near de que sempre haver algo por perto
Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a phobia that someone's always there Eu tenho uma fobia de que alguém sempre está lá

Have you run your fingers down the wall Você já correu seus dedos pela parede
And have you felt your neck skin crawl E sentiu a pele de sua nuca arrepiar
When you're searching for the light? Quando está procurando pela luz?
Sometimes when you're scared Algumas vezes quando você está com medo
to take a look de olhar
At the corner of the room No canto da sala
You've sensed that something's watching you Você sente que alguma coisa está lhe observando

Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a constant fear Eu tenho um medo constante
that something's always near de sempre haver algo por perto
Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a phobia that someone's always there Eu tenho uma fobia de que alguém sempre está lá

Have you ever been alone at night Você alguma vez já esteve sozinho a noite
Thought you heard footsteps behind Pensou ouvir passos por trás
And turned around and no one's there? E quando virou de costas, não havia ninguém lá?
And as you quicken up your pace E enquanto você acelera seu passo
You'll find it hard to look again Você achará difícil olhar de novo
Because you're sure that someone's there Porque você tem certeza de que há alguém lá

Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a constant fear Eu tenho um medo constante
that something's always near de sempre haver algo por perto
Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a phobia that someone's always there Eu tenho uma fobia de que alguém sempre está lá

Fear of the dark Medo do escuro


… ...
Watching horror films the night before Assistindo filmes de terror na noite anterior
Debating witches and folklores Debatendo sobre bruxas e folclore
The unknown troubles on your mind Os problemas desconhecidos na sua mente
Maybe your mind is playing tricks Talvez sua mente esteja pregando truques
You sense, and suddenly eyes fix Você sente, e subitamente seus olhos fixam
On dancing shadows from behind Em sombras dançando por trás de você

Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have constant fear Eu tenho um medo constante
that something's always near de que sempre haver algo por perto
Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a phobia that someone's always there Eu tenho uma fobia de que alguém está lá

Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have constant fear Eu tenho um medo constante
that something's always near de que sempre há algo por perto
Fear of the dark, fear of the dark Medo do escuro, medo do escuro
I have a phobia that someone's always there Eu tenho uma fobia de que sempre alguém está lá

When I'm walking in a dark road Quando estou andando por uma estrada escura
I am a man who walks alone Eu sou um homem que caminha sozinho

Este álbum marca o "até logo" de Bruce Dickinson, que vai para sua carreira solo.

BE QUICK OR BE DEAD: começa destruindo!!! Fala sobre as pessoas que estão no poder e
controlam nossas vidas, além de nos alertar a não sermos estúpidos e deixar que eles entrem em
nossas mentes. Podemos exemplificar com uma parte da mídia (Globo e Fox), com algumas
indústrias como as de tabaco, petróleo e farmacêuticas. Eles se agrupam e atuam como a máfia,
comprando influências de políticos para aprovarem leis que os beneficiem, atacam seus inimigos e
extorquem quando necessário.

O homem sendo estrangulado pelo Eddie na capa do single é Robert Maxwell, membro do
parlamento britânico e um megaempresário que tinha negócios por toda Europa. Após sua morte,
foi descoberto um desvio de fundos que seriam de pensão aos seus trabalhadores para reforçar as
ações do Grupo Mirror (o qual ele era proprietário) e tentar evitar a falência de suas empresas. A
frase 'Maxwell pegou dinheiro do fundo de pensão' está escrita em um dos recortes de jornal na
capa do single. (Saiba mais)

FROM HERE TO ETERNITY: continua, e finaliza a "saga da prostituta Charlotte", quando ela se
apaixona por um motociclista e deseja ir com ele daqui para a eternidade.

AFRAID TO SHOOT STRANGERS: segundo Bruce, esta música é sobre a Guerra do Golfo,
sobre guerras que são iniciadas por políticos e finalizadas por pessoas comuns, que na verdade
não querem matar ninguém. A letra trata de como funciona a cabeça do soldado ao se preparar
para uma batalha, suas dúvidas, seus medos, principalmente o de atirar em estranhos.

A Guerra do Golfo (1990-1991) foi iniciada após Saddam Hussein ordenar que o Kuwait
fosse invadido por questões petrolíferas. Os países do ocidente (EUA principalmente) não
gostaram nada da situação - porque eles teriam problemas com os preços do petróleo - e com o
aval da ONU, uniram-se para parar o Iraque. A guerra acabou em 28 de fevereiro de 1991, com o
sucesso da operação Tempestade no Deserto, e o Kuwait liberado.

A Guerra do Golfo é claramente uma guerra pelos interesses dos países ricos pelo petróleo.
O Iraque era parceiro dos EUA poucos anos antes, e a família Bush tinha negócios com a família
Bin Laden, então havia uma parceria. Chamá-los de reino do terror é um tanto hipócrita. E porque
de repente o mundo achou necessária a intervenção a favor do Kuwait? Tadinho! A questão era
árabe, ninguém tinha que ir lá se intrometer. Mas...

FEAR IS THE KEY: mostra que o Maiden também fala sobre questões sociais. Esta música fala
sobre a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, a malditamente conhecida AIDS. A letra denuncia
que a doença já fazia muito mal antes de a sociedade notar a morte de famosos causada por ela -
Freddie Mercury morreu em decorrência da AIDS um ano antes.

A AIDS teve seu primeiro caso clinicamente comprovado em 1981, com a identificação de
homossexuais com o mesmo quadro clínico, no ano seguinte um bebê de 20 meses morreu por
transfusão de sangue, mesmo ano em que se registrou o primeiro caso no Brasil. De lá para cá, a
situação só piorou...

CHILDHOOD'S END: é o mesmo título do romance de Arthur C. Clark (1953), mas não tem nada a
ver com o livro. A música trata da dor, das guerras, da fome, da pobreza, da poluição e levanta
uma relevante questão: será que vamos aprender algum dia?
WASTING LOVE: é outra canção que até quem não conhece o Maiden, já ouviu por aí. Dica: se
alguém da sua família falar que o Maiden só toca música do capeta, faça-o ouvir este som sem
mencionar de quem é, e depois pergunte na maior inocêncial: "e aí, gostou?"

Música para quem gosta de preencher sua vida com relacionamentos que não valem a
pena, só pelo prazer, sem que eles de fato signifiquem algo, e depois, quando a vida traz a conta,
sofre por causa da solidão. Triste né?

THE FUGITIVE: é baseada na série de TV de mesmo nome, que foi transmitida de 1963 até 1967.
O seriado tratava do cirurgião Dr. Kimble, que é acusado e preso injustamente por matar sua
esposa. Enquanto é transportado em um trem, este descarrilha e ele consegue escapar. Agora ele
terá que fugir da polícia e descobrir quem foi o real assassino.

O Fugitivo (1993), com Harrison Ford e Tommy Lee Jones, é uma releitura do seriado.

CHAINS OF MISERY: segundo Bruce, fala sobre o que os cristãos costumam imaginar: um
diabinho nos ombros sussurrando para que você faça coisas ruins. Na música ele é representado
como alguém que segura as correntes da miséria, aparecendo na forma de outras pessoas.

THE APARITION: é um som com dicas de Harris sobre como ter uma vida melhor, quais os
sentimentos dele e medos. Ele faz isso na música usando uma espécie de espírito que se faz
presente "quando o quarto fica frio".
JUDAS BE MY GUIDE: fala sobre nossa perda de valores, sobre como tudo está a venda, sobre
como traímos a nós mesmos (o Judas).

WEEKEND WARRIOR: é para os hooligans (em português, vândalos), os guerreiros do fim de


semana, que passam a semana toda em suas vidinhas e depois vão para torcer por seus times (ou
torcer para suas torcidas) e arrumam confusão. Parecem viver apenas disso.

FEAR OF THE DARK: esta música fala sobre a nictofobia, que é o nome científico para medo do
escuro ou da noite. É o medo do que não se pode ver, e medo de não poder nada ver.

A faixa fala sobre quando no escuro você tem medo de olhar para os cantos da parede, por
achar que existe algo te olhando; ou andar à noite, e achar que ouviu passos atrás de você, se
virar assustado, e não ter nada lá. Ainda bem!

Segundo Bruce, Steve Harris escreveu a canção e tem medo do escuro. Como muitos de
nós, aliás. Bem, eu não! Estou com muito mais medo é da conta de luz!

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


1995
1. Sign of the Cross Harris 11:17
2. Lord of the Flies Harris, Gers 5:03
3. Man on the Edge Bayley, Gers 4:13
4. Fortunes of War Harris 7:23
5. Look for the Truth Harris, Bayley, Gers 5:10
6. The Aftermath Harris, Bayley, Gers 6:20
7. Judgement of Heaven Harris 5:12
8. Blood on the World's Hands Harris 5:57
9. The Edge of Darkness Harris, Bayley, Gers 6:39
10. 2 A.M. Harris, Bayley, Gers 5:37
11. The Unbeliever Harris, Gers 8:10

No dia 2 de outubro de 1995, o Iron Maiden lançava The X Factor, primeiro álbum com o
vocalista Blaze Bayley, que substituía Bruce Dickinson. Também foi o primeiro trabalho desde
Killers a não contar com a produção do mago Martin Birch. Nigel Green assumiu a tarefa.

Passando por problemas pessoais, como seu divórcio com Lorraine, junto a quem teve
quatro filhos (incluindo a cantora Lauren Harris) e ainda magoado com o comportamento de
Dickinson após anunciar sua saída, o baixista e líder do então quinteto, Steve Harris, mostrou ao
mundo o lado mais obscuro de sua criatividade. Músicas de desesperança, retratos de guerra,
medo, angústia e depressão marcaram o conteúdo do álbum. A própria capa, trazendo um Eddie
totalmente transfigurado em uma experiência, já deixava claro qual seria o clima.

Abrir o álbum com um épico de onze minutos (segunda faixa mais longa da discografia do
Maiden) como “Sign of the Cross” foi mais uma ousadia. E a música vingou, tanto que seguiu no
setlist nas turnês de Virtual XI e Brave New World – além de ser cantada por Blaze em seus
shows-solo até hoje. Além dela, os singles “Man on the Edge” e “Lord of the Flies” também
figuraram entre as preferidas dos fanáticos. Mas não fica só nelas. A densa “Fortunes of War” e a
ótima melodia de “Look For the Truth” também merecem ser citadas. “Blood on the World‟s Hands”
conta com uma das melhores introduções de baixo já feita por Harris. Bem melhor que as dos
trabalhos recentes. Também vale lembrar “The Edge of Darkness” é baseada na obra de Joseph
Conrad, Heart of Darkness, a mesma que inspirou o mega-clássico da sétima arte, Apocalypse
Now.

Apesar de algum estardalhaço por parte da crítica especializada, que desceu a lenha sem
dó nem piedade, The X Factor não chegou a desagradar totalmente. O problema maior foi quando
Blaze teve que mostrar sua capacidade de interpretar os clássicos da banda nos shows. Aí a coisa
ficou feia demais, como é possível constatar em qualquer vídeo no Youtube – se você tiver
coragem de conferir, é claro!

Com o tempo, o disco foi ganhando status de „cult‟, uma verdadeira recompensa para Steve,
que sempre declarou em entrevistas que, junto com Seventh Son of a Seventh Son, The X Factor
era seu trabalho preferido do Iron Maiden. Os apreciadores e detratores se dividem, mas o fato é
que a obra passou no teste do tempo, ainda soando atual.

Fico imaginando se o álbum X-Factor de 1995 fosse lançado com Bruce Dickinson ainda nos
vocais do Iron Maiden naquela época. Com certeza seria tratado como mais um grande clássico,
incomparável, ou mais. Só que não foi o que aconteceu, e esse álbum se tornou um dos mais
injustiçados da banda. O que se pode dizer é que X-Factor é muito diferente dos demais álbuns do
Iron Maiden, mas isso não significa que seja ruim, muito pelo contrário, é um excelente álbum.
A épica Sign Of The Cross abre o álbum com seus mais de 11 minutos, com belas
passagens e solos. Uma música de abertura muito diferente que estamos acostumados a ouvir nos
álbuns do Iron Maiden.

Na sequencia, Lord of The Flies, apresenta uma grande performance vocal de Blaze Bayley,
e possui um refrão poderoso e grandes solos da dupla Dave Murray e Janick Gers.

Man on the Edge é o grande single do álbum. Uma música rápida, com solos rápidos, um
excelente trabalho do baterista Nicko McBrain, um forte refrão e como de costume, o baixo
pulsante de Steve Harris.

Fortunes of War tem um introdução lenta, com violões e uma voz suave de Blaze Bayley,
que logo depois dá lugar a um som pesado e um ritmo bem cadenciado. Outra grande performance
de Blaze Bayley.

Look for the Truth também possui um pequena introdução lenta, mas logo depois da lugar a
um instrumental empolgante e com belas melodias.

The Aftermath é cadenciada, pesada, com um bonito refrão, e que vai aumentando seu ritmo
gradativamente com o decorrer do tempo e possui solos avassaladores.

Judgement of Heaven, com uma atmosfera menos obscura que as demais, com um
instrumental mais rápido e alegre, e com grandes duetos dos guitarristas Dave Murray e Janick
Gers. O baterista Nicko McBrain mostra também um grande nível técnico nessa faixa.

Blood on The World's Hands abre com um dos melhores solos de baixo já feito por Steve
Harris. É pesada e obscura, com passagens de teclados muito bem elaboradas.

As pegadas típicas do Iron Maiden aparecem em The Edge of Darkness. Após um pequeno
começo lento, a música dá lugar às cavalgadas, guitarras em duetos, e solos extremamente
técnicos.

2 A.M é a música mais depressiva do álbum, tanto pela letra quanto pelo instrumental. A
mesma segue arrastada durante toda sua duração, com belas melodias e solos bem encaixados, e
arranjos de teclados que dão todo o clima melancólico da música.

Para fechar o álbum, The Unbeliever, com boas pitadas progressivas, com arranjos de
violões que combinam perfeitamente, e um refrão muito bem elaborado. Na metade, uma seguida
maravilhosa com o baixo de Steve Harris pulsante como de costume e solos com as assinaturas de
Murray e Gers!

X-Factor mostra o lado sombrio do Iron Maiden, influenciado pelos problemas que seu lider
Steve Harris passou em sua vida, que conseguiu transformar em músicas sensacionais. Mas um
álbum que o próprio Steve Harris admitiu ter sido o melhor que ele já compôs. [1]
No começo da década de 90, após o lançamento de “Fear Of The Dark”, o mundo do metal
foi sacudido por uma notícia devastadora para uma enorme quantidade de fãs: Bruce Dickinson
anunciava que deixaria o Maiden para se dedicar à sua carreira solo. E agora? Não podia ser
verdade! Afinal, como imaginar a Donzela sem seu frontman de tantos anos? A tristeza provocada
pelo anúncio tornava-se ainda pior quando se tentava fazer prognósticos sobre o futuro da banda,
já que... quem seria capaz de ocupar o posto? Seria aquele o fim de uma das maiores bandas da
história do heavy metal?

A curiosidade em saber se a banda continuaria e quem seria seu novo vocalista aumentou
quando Steve Harris resolveu promover um concurso para decidir quem seria responsável pelo
microfone do grupo. A peleja era aberta para quem se achasse com capacidade para tal. No
entanto, Harris tinha conhecido alguns anos antes uma banda na época quase anônima, chamada
“Wolfsbane”, que tinha um tal de Blaze Bayley nos vocais. O baixista teria ficado impressionado
com o desempenho do cantor. O que muita gente diz é que o posto de vocalista do Maiden foi
decidido pelo chefão independente de concurso, audições e do que quer que fosse, num episódio
lamentável.

Entretanto, marqueteiros que são, Steve e a banda não perderiam a oportunidade de fazer
um enorme movimento em torno do nome do grupo. Com isso, a história foi adiante. Entre os fãs,
apareceu todo tipo de suposição e sugestão, desde artistas já consagrados até revelações. Rob
Halford, Michael Kiske e muitos outros se viam no meio das especulações. De fato mesmo, entre
os que eram considerados a sério para o posto, figuravam nomes como o do brasileiro André
Matos, então no Angra, e o de Doogie White (que iria para o Rainbow), que chegou a ser
anunciado como finalista ao lado de Bayley. No fim, a decisão foi a mais improvável e suscitou
muitos comentários sobre a realidade do tal concurso.

Decidido o nome do substituto, era hora de colocar tudo pra funcionar de novo. As coisas
não estavam sendo fáceis para Steve Harris. A saída de Bruce criou um enorme problema para o
chefe e sua banda que, como todos sabem, é seu projeto de vida. Como se já não bastasse isso, o
baixista ainda passava por um processo de separação, de forma que aquele momento era até de
certa depressão para Steve. Existiram boatos na época de que foi cogitada inclusive a
possibilidade de a banda encerrar suas atividades. No entanto, Harris decidiu passar por cima de
tudo aquilo e, com o apoio de seu velho companheiro Dave Murray, começou a reconstrução do
Maiden com o mesmo afinco de alguém em início de carreira.

A banda se mandou para o estúdio particular de Harris e começou o processo de


composição de um novo álbum. E começou do zero, pois a história diz que a banda só iniciou as
composições após a chegada do novo vocalista. O plano era que todos dessem vida às suas idéias
para reuni-las e aproveitar o que surgisse de melhor. Dessa forma, não seria apenas Bayley que
teria que se adequar ao estilo do Maiden, mas o grupo também se ajeitaria segundo o estilo do
cantor, que poderia inclusive contribuir com novas idéias e composições. A Donzela demorou muito
para lançar material inédito após a chegada do novo vocal, já que Blaze ficou fora de combate por
um bom período devido a um acidente de moto. No entanto, quando lançou o disco, talvez nem
imaginasse o rebuliço que isso causaria, sob os mais diversos aspectos. Após tantos anos com
Bruce, cuja voz se identificava com o som da banda de forma espantosa, o mundo conhecia um
novo Iron Maiden, que se mostrava com o enigmático nome “The X-Factor”.

Epa, e agora? Um álbum do Maiden sem Bruce e Adrian Smith? Sempre após um novo
lançamento do Maiden, alguns críticos e mesmo alguns fãs costumam torcer o nariz de início,
considerando que tal trabalho já não tem mais a energia e qualidade de algum anterior. Do
“Somewhere In Time” (que já mereceu uma resenha nessa seção) em diante, isso é algo que foi se
tornando cada vez mais evidente, a cada novo álbum. Entretanto, não tem nada, mas
absolutamente nada, que chegue perto do que foi a recepção a “The X-Factor”.

A estréia em oitavo lugar nas paradas inglesas, pior posição da banda desde “Killers”, já
acendia um sinal amarelo na frente de Harris e cia. O próprio Blaze conta que não se continha em
alegria por um álbum cantado por ele ter chegado a tal posição nos charts do Reino Unido, mas o
restante da banda não demonstrava essa empolgação toda. Muitos poderão dizer que seu
sucessor, “Virtual XI” teve acolhida ainda pior, mas a questão é que, no disco de 1998, muitos já
não esperavam grande coisa. Outro fato curioso sobre esse décimo disco da banda é que ele, de
início, não teve uma aceitação muito boa mas ainda conseguiu agradar a alguns fãs. Com o passar
do tempo, foi sendo cada vez mais criticado e ridicularizado e, a partir de certo momento não bem
estabelecido, foi se tornando um pouco melhor avaliado, a ponto de se encaminhar a passos largos
atualmente para se tornar um disco „cult‟, daqueles que nunca serão considerados obras-primas,
mas que sempre terão seguidores fiéis e cada vez mais numerosos.

De fato, o „fator X‟ não é uma obra-prima. De forma alguma é objetivo da matéria querer
classificá-lo como tal. E por não ser uma obra-prima, acaba que também não é superior a vários
dos álbuns que a banda já tinha em sua discografia. Apesar de gosto ser uma coisa subjetiva e
individual, essa é, inegavelmente, a opinião da maioria dos fãs da banda. A questão que se
pretende discutir então é a seguinte: esse disco é realmente a coisa ruim e desqualificada que
tanto se falou? Será que o diabo é tão feio quanto o pintam?

O Maiden, que tanta gente gosta de criticar, usando o argumento de que a banda segue
fórmulas prontas, cai na mesmice, tem medo de se arriscar, trazia um trabalho muito diferente de
qualquer coisa que já tivesse lançado. A própria escolha de Blaze Bayley como vocalista já era
uma mudança radical de estilo. Pois não é que esses mesmos que reclamavam da pouca afeição
da banda a mudanças, reclamaram das mudanças também? Estão lá as cavalgadas, os duetos de
guitarra, os solos, mas “The X-Factor” é, sem dúvidas, o disco mais melancólico, sombrio e obscuro
da história da banda. Não era tão pesado enquanto distorção, mas o clima era pesado.

Algumas letras também fugiam um pouco ao Maiden clássico, falando mais sobre temas que
refletiam o próprio estado de espírito dos compositores. Só que a saraivada de críticas que esse
trabalho sofreu vai muito além de sua temática e seu clima. A coisa já começou pela capa. Após
tantos discos, singles e todo tipo de material trazendo os clássicos desenhos de Derek Riggs, com
o monstro-mascote-ícone Eddie, eles resolvem inovar e trazem na capa um Eddie mais
humanizado, quase que um „boneco‟. A idéia que no começo até parecia legal, depois de certo
período já não era tão bem sacada assim. Embora isso nada tenha a ver com música ou qualidade
de um CD, teve gente que já não agradou da coisa desde aí. A produção, assinada por Steve
Harris e Nigel Green, não era nenhuma maravilha, sobretudo quando lembramos os trabalhos de
Martin Birch. E o principal, as músicas, será que também são tão ruins assim?

O álbum se inicia de forma totalmente atípica para os padrões do Maiden. Acostumada com
aberturas rápidas, velozes e enérgicas para seus discos, a banda iniciava o novo trabalho com
uma música de mais de 11 minutos, introduzida por um coro de canto gregoriano e um instrumental
lento, com um dedilhado de guitarra acompanhado pelo baixo e sons de teclado. A banda viria a
usar e abusar desse expediente em todo o seu trabalho posterior, inclusive após o retorno de
Bruce e Adrian, mas, na época, essa estruturação não era tão constante assim.
“Sign Of The Cross” é uma epopéia, cadenciada, com excelente instrumental, várias quebras
de ritmo, linhas melódicas entremeadas por riffs pesados, partes lentas se alternando com
passagens mais rápidas e uma linha vocal que se encaixava muito bem no clima sombrio da
música. Por que dizer então que uma canção assim seria ruim? A prova final da qualidade dessa
música viria anos depois, quando muita gente considerou que a canção na voz de Dickinson
ganhava ares de um clássico da banda.

É compreensível que um fã da banda, sobretudo os mais antigos, se assustasse e não


aceitasse tais mudanças. Quem se lembrava da crueza dos 2 primeiros discos e da fase clássica
da banda com Bruce realmente teria dificuldades em se acostumar com o estilo sombrio,
introspectivo e cadenciado desse novo Maiden. Confesso que eu mesmo, como fã desde a fase
mais clássica da banda, não aceitei bem aquela nova realidade.

Com o passar dos anos, após várias audições do álbum, após amadurecer um pouco e me
abster de radicalismos, passei a tê-lo em conta como um excelente trabalho. A questão aqui não é
colocar uma opinião pessoal como se fosse uma verdade absoluta, mas trazer para a discussão
um tema que já foi levantado em várias ocasiões e que se encaixa bem com a proposta dessa
seção. Um disco, para ser bom, tem que ser melhor que os anteriores ou ser bom é uma qualidade
intrínseca a algo?

“The X-Factor” não é o melhor trabalho da Donzela, não se equipara em nível a obras como
“Piece Of Mind” e “Powerslave”, só que também não merece tanto desdém e crítica como se
observa. Ele é um trabalho de grande qualidade, que seria a grande obra na discografia de muita
gente. Não são poucas as bandas que sonhariam com um álbum assim em seu currículo. Dentro
desse disco existem várias passagens instrumentais excepcionais e, inclusive, algumas boas linhas
vocais. Se o clima sombrio, melancólico e pessimista, associado a uma maior cadência e „lentidão‟
nas músicas o afastam das características mais marcantes da banda, é fato também que
justamente isso lhe confere uma originalidade e „alma própria‟ impressionantes.

Muitos que criticam o trabalho falam que, na voz de Dickinson, o álbum seria maravilhoso, o
que significa dizer que, então, as músicas são boas. Outros já dizem que ninguém o salvaria. Um
grande problema foi o momento histórico em que foi concebido, tanto da banda quanto do cenário
metal. E ser lançado sob o nome Iron Maiden faz com que a pressão e o rigor ao se analisar o
trabalho sejam elevados à estratosfera.

Outra coisa que fez parte de seu insucesso foi o vocalista. Não por Blaze Bayley ser ruim,
pois isso ele não é. O cara tem uma carreira solo de três discos para provar isso. Mas os
problemas de Bayley começam por seu estilo ser diametralmente oposto ao de Bruce, sob o que se
quiser analisar, e trazer um estilo totalmente diferente ao Maiden era algo quase impossível. Ah,
mas Bruce tem o estilo totalmente diferente do Paul Di‟Anno e se deu bem na banda. Sim, mas a
questão não é ser parecido ou diferente do antecessor, mas ter um estilo que se encaixe ao som
da banda. Arrisco a dizer que não haveria vocalista nesse mundo que pudesse agradar aos fãs do
Maiden substituindo „Mr. Air Raid Siren‟. Talvez só alguém com estofo como um Dio ou um Halford.

O maior dos problemas de Blaze não foi o que ele fez no estúdio e, sim, o que fez ao vivo.
Faltava-lhe experiência, vivência num palco grande e um pouco mais de carisma no início. Ele é
um ótimo vocal para heavy metal, mas não tem grande versatilidade, seu tipo de voz não permite
grandes variações e exige que as músicas sejam bem encaixadas no seu estilo, o que era tudo o
que o Maiden não tinha como oferecer.
Além disso, fazê-lo cantar as linhas vocais altíssimas de Bruce era algo que não tinha como
dar certo. Desafinava ao tentar alcançar os tons mais altos, se atrapalhava, perdia até mesmo o
tempo das músicas. Então vão dizer, se o cara fez isso tudo, como falar que ele é bom vocalista?
Cantando músicas que se enquadram em suas características ele sempre entregou excelentes
performances. Não há explicação para o porquê de Steve Harris não ter percebido isso antes de
chamá-lo para o grupo. Noventa e nove por cento dos fãs (eu incluso) preferem Bruce na banda e
festejaram sua volta como se estivessem adorando uma divindade. Isso é uma coisa, agora querer
crucificar Bayley como, aliás, foi feito e responsabilizá-lo pelo fato de a banda não ter atingido o
mesmo sucesso de outrora nada mais é do que maldade.

Agora sim, você já pode esbravejar, praguejar, discordar de tudo o que foi escrito aqui. Faça
isso mas, de preferência, após dar uma outra ouvida no “The X-Factor”. Quem sabe alguém que
ainda não descobriu o bom álbum que existe escondido entre tantas críticas, possa fazê-lo agora?
Tenho certeza que, da mesma forma que muita gente não comunga das idéias expostas acima,
outros tantos concordam com boa parte do que foi dito. [1]

(1/11) Sign Of The Cross (11:17) O Sinal Da Cruz

Eleven saintly shrouded men Onze homens santos com mantos


Silhouettes stand against the sky Silhuetas paradas contra o céu
One in front with a cross held high Um na frente com uma cruz levantada
Come to wash my sins away Vêm para limpar meus pecados

Standing alone in the wind and rain Esperando sozinho no vento e chuva
Feeling the fear that is growing Sentindo o medo que cresce
Sensing the change in the tide again Sentindo a mudança das marés novamente
Brought by the storm that is brewing Trazida pela tempestade que está se formando
Feel the anxiety hold off the fear Sinta a ansiedade, segure o medo
Some of the doubt Algumas das dúvidas
in the things you believe nas coisas que você acredita
Now that your faith will be put to the test Agora que sua fé será posta em teste

Nothing to do Nada a fazer


but await what is coming a não ser esperar o que vem
Why is then God still protecting me Porque então está Deus me protegendo
Even when I don't deserve it? Mesmo quando eu não o mereço
Though I am blessed Acho que fui abençoado
with an inner strength com uma força interior
Some they would call it a penance Alguns podem dizer que é uma penitência
Why am I meant to face this alone Porque eu devo enfrentar isso sozinho?
Asking the question time and again Perguntando a hora da pergunta
Praying to God won't keep me alive Rezando a Deus que não me deixe vivo
Inside my head Dentro de minha cabeça
feel the fear start to rise... sinto o medo começar a nascer

They'll be saving their prayers Eles estarão dizendo suas preces


when the moment comes quando o momento chegar
There'll be penance to pay Haverá penitências a pagar
when it's judgement day quando for o dia do julgamento
And the guilty'll bleed E os culpados irão sangrar
when that moment comes quando o momento chegar
They'll be coming to claim, Eles estarão vindo para reclamar,
take your soul away levar sua alma

The sign of the cross O sinal da cruz


The name of the rose O nome da rosa,
A fire in the sky um fogo no céu
The sign of the cross O sinal da cruz

They'll be coming to bring the eternal flame Eles estarão vindo para trazer a chama eterna
They'll be bringing us all immortality Eles estarão nos dando a todos imortalidade
Holding communion Dando a comunhão
so the world be blessed de forma que o mundo seja abençoado
My creator, my God, Meu criador, meu Deus
lay my soul to rest deixará minha alma descansar

The sign of the cross O sinal da cruz


The name of the rose O nome da rosa,
A fire in the sky um fogo no céu
The sign of the cross O sinal da cruz

Lost the love of heaven above Perdi o amor pelo paraíso lá em cima
Chose the lust of the earth below Escolhi a luxúria da terra aqui embaixo
Eleven saintly shrouded men Onze homens santos com mantos
Came to wash my sins away Vêm para limpar meus pecados

(2/11) Lord Of The Flies (5:03) Senhor Das Moscas

(Commentary) (comentary)
I don't care for this world anymore, Eu não me importo mais com esse mundo
I just want to live my own fantasy Apenas quero viver minha própria fantasia
Fate has brought us to these shores, O destino nos trouxe para estas praias
what was meant to be O que devia ser
is now happening agora está acontecendo

I've found that I like this living in danger Eu acho que gosto dessa vida perigosa
Living on the edge it feels, Vivendo na beira do abismo
it makes me feel as one me faz sentir único
Who cares now what's right Quem se importa com o que é certo
or wrong, it's reality ou errado? É realidade
Killing so we survive Matando, assim sobrevivemos
wherever we may roam Onde quer que vaguemos
Wherever we may hide, Onde quer que nos escondamos
we've got to get away Nós temos de fugir

I don't want existence to end, Eu não quero que a existência acabe


we must prepare ourselves Nós devemos nos preparar
for the elements para os elementos
I just want to feel like we're strong, Eu só quero sentir como se fossemos fortes
we don't need a code of morality Nós não precisamos de um código de moralidade

I like all the mixed emotion and anger Eu gosto de toda emoção forte e fome
It brings out the animal, Isto traz o animal,
the power you can feel o poder que você pode sentir
And feeling so high with this much adrenaline E se sentindo tão alto com tanta adrenalina
Excited but scary to believe Excitado mas com medo de acreditar
what we've become no que nos tornamos

Saints and sinners, Santos e pecadores


something willing us Alguma coisa conosco
We are lord of the flies Nós somos senhor das moscas

Saints and sinners, Santos e pecadores


something within us Alguma coisa nos controla
To be lord of the flies Sermos senhor das moscas

(3/11) Man On The Edge (4:13) Homem No Limite

The freeway is jammed A estrada está engarrafada


And it's backed up for miles E se estende por milhas
The car is an oven and baking is wild O carro é um forno e cozinha de verdade
Nothing is ever the way it should be Nada é nunca da maneira que devia ser
What we deserve we just don't get you see O que merecemos não ganhamos, você vê

A briefcase, a lunch and a man on the edge Uma pasta, um almoço e um homem no limite
Each step gets closer to losing his head A cada passo mais perto de perder a cabeça
Is someone in heaven? Are they looking down? Há alguém no paraíso? Eles olham para baixo?
'Cause nothing is fair just you look around Pois nada é justo, simplesmente olhe em volta

Falling down Caindo


… ...
He's sick of waiting Ele está cansado de esperar
of lying like this parado deste jeito
There's a hole in the sky for the angels to kiss Há um buraco no céu para os anjos beijarem
Branded a leper Marcado como um leproso
because you don't fit porque você não se encaixa
In the land of the free Na terra da liberdade
You can live você não pode viver
by your wits com sua firmeza de caráter

Once he built missiles Uma vez ele construiu misseis,


a nations defence a defesa de uma nação
Now he can't even give Agora ele não pode sequer dar
birthday presents presentes de aniversário
Across the city he leaves in his wake Pela cidade ele vive em sua vigia
A glimpse of the future a cannibal state Uma visão do futuro, um estado canibal

Falling down Caindo


... ...

(4/11) Fortunes Of War (7:23) Fortunas da Guerra

After the war Depois da guerra


And now that they've sent us homeward E agora que eles nos mandaram para casa
I can't help but feel Eu não posso ajudar mas sinto
that I'm on my own que estou sozinho
No one can see just Ninguém pode ver
what this conflict has done to o que este conflito fez
The minds of the men às mentes dos homens
who are on their way home que estão a caminho de casa

I'm scarred for life Estou amendrontado para o resto da vida


but it's not my flesh that's wounded Mas não foi minha carne que foi ferida
So how can I face the torment alone Então como posso encarar o tormento sozinho
The vivid scenes As cenas vívidas
And all the recurring nightmares e todos os pesadelos que se repetem
I lay there and sweat until it gets light Eu fico deitado ali e suo até a luz chegar

People say 'don't worry' Pessoas dizem 'não se preocupe'


Say that time's a perfect healer Dizem que o tempo cura tudo
That the nightmares they will come to pass Que os pesadelos serão coisa do passado
Can't hear what they're saying Não posso ouvir o que eles dizem
I am living in my own world Eu vivo em meu próprio mundo
And I'm feeling trance-like all the time E eu me sinto como num transe todo o tempo

I hear voices in my head Eu ouço vozes em minha mente


Could I really be going crazy Será que estou realmente ficando louco?
In the night the visions seem so real à noite as visões parecem tão reais
Do you care if you live or die Você se importa se vive ou morre?
When you laugh are you really crying Quando você sorri na realidade está chorando
You're not sure what's real anymore Você não tem mais certeza do que é real

Fortunes of war Fortunas da guerra


… ...
no pain anymore não mais dor

Sometimes I wake Algumas vezes eu acordo


I feel that my spirit's broken Eu sinto que minha alma está partida
I wonder if I've the strength... Eu pergunto se terei força...
carry on carry on aguentar aguentar

(5/11) Look For The Truth (5:10) Procurar a Verdade

All my dark dreams Todos os meus sonhos escuros


Drift like smoke in the breeze Vagueiam como fumaça ao vento
The fear grips me O medo me oprime
as I fall towards my sleep enquanto caio no sono
Here comes the nightmare that never ends Aqui vem o pesadelo que nunca acaba
Here is the dream Aqui vem o pesadelo
that makes monsters of men que transforma homens em monstros

In the house of my soul No lar de minha alma


In rooms of ugliness and cold Em quartos de feiura e frio
Memories locked away Memórias guardadas
All the doubts and fears Todas as dúvidas e medos
I never faced que nunca enfrentei

Now they come again Agora eles vêm novamente


I am falling down to meet with them Eu estou caindo para encontrá-los
Fear within us all Medo com todos nós
Mine awake and they stand up tall Acordo e eles estão lá grandes

Look for the truth Procurar a verdade


Deepest cut of all from you Corte mais profundo de todos
Knife of the truth Faca da verdade
Blade of hatred slicing through Lâmina de corte odioso

I pray my sleep will break Rezo para que meu sono termine
Maybe this time I won't wake talvez desta vez eu não acorde
Weakness I hide so well Escondo tão bem a fraqueza
This dagger in my mind will tell Este punhal em minha mente irá contar

It's my final stand É minha última chance


I make a fist out of each hand Eu faço punhos de minhas mãos
To the shadows of the past As sombras do passado
Take a breath and I scream attack Respiro e solto um grito de guerra

(6/11) The Aftermath (6:20) A Consequência

Silently to silence fall Silenciosamente para cair calado


in the fields of futile war Nos campos da guerra fútil
Toys of death are spitting lead Brinquedos da morte cospem chumbo
Where boys Onde garotos
that were our soldiers bled que foram nossos soldados sangram
war horse and war machine Cavalo da guerra e máquina da guerra

Curse the name of liberty Amaldiçoar o nome da liberdade


Marching on as if they should Marchando como se pudessem
mix in the dirt our brothers' blood Misturar a sujeira ao sangue de nossos irmãos

In the mud and rain Na lama e chuva


what are we fighting for Por que estamos lutando?
Is it worth the pain Vale a pena?
Is it worth dying for Vale a pena morrer por isso?
Who will take the blame Quem levará a culpa?
Why did they make a war Porque eles fazem guerra?
Questions that come again Questões que surgem novamente
Should we be fighting at all Deveríamos estar lutando afinal?

Once a ploughman hitched his team Uma vez um arador se juntou a sua equipe
Here he sowed his little dream Aqui ele plantou seu pequeno sonho
Now bodies arms and legs are strewn Agora corpos, braços e pernas são espalhados
Where musterd gas and barbwire bloom Onde gás mostarda e arame farpado nascem
Each moment's like a year Cada momento é como um ano
I've nothing left inside for tears Eu não tenho mais lágrimas
Comrades dead or dying lie Camaradas mortos ou deitados morrendo
I'm left alone asking why Fui deixado sozinho perguntando porque

In the mud and rain Na lama e chuva


what are we fighting for Por que estamos lutando?
Is it worth the pain Vale a pena?
Is it worth dying for Vale a pena morrer por isso?
Who will take the blame Quem levará a culpa?
Why did they make a war Porque eles fazem guerra?
Questions that come again Questões que surgem novamente
Should we be fighting at all Deveríamos estar lutando afinal?

After the war Depois da guerra


Left feeling no one has won Sobra o sentimento de que ninguém venceu
After the war Depois da guerra
What does a soldier become O que se torna um soldado?

(7/11) Judgement Of Heaven (5:12) Julgamento do Paraíso

A lonely cry for help Um grito solitário por ajuda


reaching out for help to anyone pedindo ajuda a qualquer um
A silent prayer to God Uma prece silenciosa para Deus
to help you on your way ajudá-lo em seu caminho
I've been depressed so long Eu estive deprimido por muito tempo
It's hard to remember when I was happy É difícil lembrar quando estive feliz
I've felt like suicide Tenho me sentido como suicida
a dozen times or more doze ou mais vezes
But that's the easy way, Mas este é o caminho fácil,
that's the selfish way este é o caminho egoísta
The hardest part is to get on with your life A pior parte é continuar com sua vida

You're searching in the dark Você está procurando no escuro


Clutching at straws Se agarrando a bobagens
to find a way para achar um caminho
You take the Tarot cards Você pegou as cartas do tarot
and throw them to the wind e as jogou ao vento

Your questions your beliefs, Suas dúvidas, seus credos,


your inner thoughts, seus pensamentos interiores
your whole existence toda a sua existência
And if there is a God then answer if you will E se existe um Deus responda se puder
And tell me of my fate, E conte-me o meu destino,
tell me of my place conte-me do meu lugar
Tell me if I'll ever Diga-me se irei algum dia
rest in peace descansar em paz

If you could live your life again Se você pudesse viver sua vida novamente
Would you change a thing Mudaria alguma coisa
or leave all the same ou deixaria tudo do mesmo jeito?
If you had the chance again Se você tivesse a chance novamente
Would you change a thing at all Mudaria ao menos uma coisa?
When you look back at your past Quando você olha para o seu passado
Can you say Pode dizer
that you are proud of what we've done que tem orgulho do que tem feito?
Are there times when you believe Há horas em que você acredita
That the right you thought was wrong Que o que você pensava certo estava errado

All of my life I have believed Durante toda a minha vida tenho acreditado
Judgement of Heaven is waiting for me Julgamento do paraíso me espera
(8/11) Blood On Sangue Nas
The World's Hands (5:57) Mãos Do Mundo

Sometimes it makes me wonder Algumas vezes isso me faz questionar


Sometimes it makes me question Algumas vezes isso me faz perguntar
Sometimes it makes me saddened Algumas vezes isso me enlouquece
Always it makes me angry but... Isso sempre me deixa com raiva mas

When you can see it happening Quando você pode ver acontecendo
The madness that's all around you A loucura que existe em toda a sua volta
Nobody seems to worry Ninguém parece se preocupar
The world seems to powerless to act... O mundo parece tão incapaz de agir

It's out of control Está fora de controle


Blood on the world's hands Sangue nas mãos do mundo
Each day a new toll A cada dia um novo imposto

Another assassination Outro assassinato


The same day a new creation O mesmo dia, uma nova criação
But what are they coming into Mas em que eles estão entrando?
Security of a world that brings... Segurança de um mundo que traz
Um dia, outro assassinato
One day another killing Em algum lugar há alguém faminto
Somewhere there's someone starying Outro estupro selvagem
Another a savage raping
Meanwhile there's someone laughing at us Enquanto isso alguém está rindo de nós

It's out of control Está fora de controle


Blood on the world's hands Sangue nas mãos do mundo
Each day it goes on A cada dia continua

Brutality and aggression Brutalidade e agressão


Tomorrow another lesson Amanhã uma outra lição
Expecting another air raid Experando outro ataque aéreo
Praying for a geaserfire Rezando por um cesar-fogo

They say things are getting better Eles dizem que as coisas estão melhorando
No need to be complacent Sem necessidade de complacência
There's chaos across the border Há um caos além da fronteira
And one day it could be happening to us E um dia poderá estar acontecendo conosco

It's out of control Está fora de controle


Blood on the world's hands Sangue nas mãos do mundo
It's our epitaph É o nosso epitáfio
It's out of control Está fora de controle
Someone should know Alguém deve saber
Blood on the world's hands Sangue nas mãos do mundo
Someone should Alguém deve
(9/11) The Edge Of Darkness (6:39) O Limite Das Trevas

I've looked into the heart of darkness Eu olhei no coração das trevas
Where the blood red journey ends Onde a vermelha jornada sangrenta termina
When you've faced the heart of darkness Quando você encarou o coração das trevas
Even your soul begins to bend Até sua alma começar a dobrar-se

For a week I have been waiting Por uma semana estive esperando
Still I am only in Saigon Contudo estou apenas em Saigon
The walls move As paredes se movem
in a little closer um pouco mais para perto
I feel the jungle call me on Eu sinto a selva me chamar

Every minute I get weaker A cada minuto fico mais fraco


While in the jungle they grow strong Enquanto na selva eles ficam mais fortes
What I wanted was a mission O que eu queria era uma missão
And for my sins they gave me one E pelos meus pecados eles me deram uma

They brought it up just like room service Eles falam como se fosse serviço de escritório
Cause everyone gets what they want Porque todos recebem o que querem
And when that mission was all over E quando aquela missão estiver terminada
I'd never want another one Eu nunca irei querer outra

I know, captain Eu sei, capitão


that you've done this work before Que você fez este serviço antes
We've got a problem Nós temos um problema
you can help us all I'm sure Você pode nos ajudar, garanto
The colonel's gone rogue O coronel se tornou um velhaco
And his methods are unsound E seus métodos são ineficientes
You'll take a PBR up river track him down Você vai tomar um PBR rio acima para trazê-lo

There's a conflict in every human heart Há um conflito em cada coração humano


And the temptation is to take it all too far E a tentação é a de levar tudo muito longe
In this war things get so confused Nesta guerra as coisas se tornam tão confusas
But there are some things Mas existem coisas demais
which can not be excused Que não podem ser desculpadas

He's acting like a god Ele está agindo como um deus


an insane lunatic Um lunático insano
Your mission Sua missão
exterminate with extreme prejudice Exterminar com prejuízo máximo
The route is dangerous A rota é perigosa
and your progress may be slow E talvez seu progresso seja lento
Here is the file Aqui está o arquivo
and it's all you need to know e é tudo que você precisa saber

Here I am the knife in my hand Aqui estou, a faca em minha mão


And now I understand why E agora entendo por que
the genius must die O gênio deve morrer

Now I stand alone in darkness Agora eu fico sozinho nas trevas


With his blood upon my hands Com seu sangue em minhas mãos
Where sat the warrior the poet Onde sentou o guerreiro poeta
Now lie the fragments of a man Agora jazem fragmentos de um homem
(10/11) 2 A.M. (5:37) 2 da Manhã

I get in from work at 2 a. M. Chego do trabalho às duas da manhã


And sit down with a beer E sento com uma cerveja
Turn on late night t.v. Ligo a TV da madrugada
And then wonder why I'm here E depois pergunto porque estou aqui
It's meaningless and trivial É sem motivo e trivial
And it washes over me E isso me vigia
And once again I wonder E novamente eu pergunto
Is this all there is for me É isso tudo o que há para mim?

Here I am again Aqui estou novamente


Look at me again Olhe para mim novamente
Here I am again Aqui estou novamente
On my own Sozinho
Trying hard to see Tentando ver com dificuldade
What there is for me O que há para mim
Here I am again Aqui estou novamente
On my own Sozinho

Life seems so pathetic A vida parece tão patética


I wish I could leave it all behind Eu gostaria de poder deixar tudo para tras
This canvas chair, this bed, Esta cadeira de lona, esta cama
These walls that fall in on my mind Estas paredes que caem sobre minha mente
Hold on for something better Tentar algo melhor
That just drags you Que simplesmente te arraste
through the dirt através da sujeira
Do you just let go or carry on Você deixa estar ou aguenta
And try to take the hurt E tenta prender a dor?

(11/11) The Unbeliever (08:10) O Ateu

When you start Quando você começa


to take a look within a olhar no interior
Do you feel at ease Você sente facilmente
with what you see o que significa o que você vê?
Do you think you can have Você pensa que pode ter
peace of mind a consciência tranquila
And have self-belief or be satisfied E ter auto-confiança ou ficar satisfeito

Do you think you Você acha que


even like yourself alguma vez gostou de si mesmo
Or really think you Ou realmente acha
could be someone else que pode ser algum outro
Is there something that you'd rather be Há alguma coisa que você prefira ser
Never thought you'd be, Nunca pensou que fosse ser,
had the chance to see teve a chance de ver

All my life I've run away Durante toda a minha vida eu fugi
All my life Durante toda a minha vida
I've triedto hide away eu tentei me esconder
Fell the paranoia creeping in Sinta a paranóia se espalhando
Like a cancer eating at the skin Como um cancer comendo a pele
Do you feel you've lost your self esteem Você sente que perdeu sua auto-confiança?
And your self respect, what can you expect E seu respeito, o que você pode esperar?

All my life... Durante toda a minha vida


I've run astray eu estive perdido
Let my faith... Deixo a minha fé
slip away passar despercebida
All my life... Durante toda a minha vida
I've run astray eu estive perdido
Allowed my faith... Permiti que a minha fé
to drift away fosse embora

Are you scared to look inside your mind Você tem medo de olhar dentro de sua mente?
Are you worried just at what you'll find Você está preocupado com o que irá encontrar?
Do you really want to face the truth Você realmente quer encarar a verdade?
Does it matter now, what have you got to loose Importa agora o que você tem a perder?

Try to release the anger from within Tente soltar a fome de dentro de você
Forgive yourself a few immortal sins Perdoe seus poucos pecados imortais
Do you really care Você realmente se importa
what people think com o que as pessoas pensam?
Are you strong enough Você é forte suficiente
to release the guilt para aceitar a culpa?

(12/…) Virus (06:16) Vírus

There's an evil virus Existe um vírus maléfico


that's threatening mankind que está ameaçando a humanidade
Not state of the art, Não é um estado da arte,
a serious state of the mind mas um grave estado da mente
The muggers, the backstabbers, Os traiçoeiros, os que apunhalam por trás,
the two faced elite a elite de duas faces
A menace to society, Um perigo para a sociedade,
a social disease uma doença social

Rape of the mind is a social disorder A violação da mente é uma desordem social
The cynics, the apathy Os cínicos, a apática
one-upmanship order ordem dos "homens superiores"

Watching beginnings of social decay Estamos assistindo o início da decadência social


Gloating or sneering Regozijando ou ironizando
at life's disarray o desleixo de vidas alheias
Eating away at your own self esteem Falando mal da sua própria alto estima
Pouncing on every word that you might be saying Atentos a cada palavra que você deverá falar

Rape of the mind is a social disorder A violação da mente é uma desordem social
The cynics, the apathy Os cínicos, a apática
one-upmanship order ordem dos "homens superiores"

Superficially smiling a shake of the hand Sorrisos superficiais, um aperto de mão


As soon as the back is turned Mas logo que você vira de costas
treachery is planned a traição é planejada
Rape of the mind is a social disorder A violação da mente é uma desordem social
The cynics, the apathy Os cínicos, a apática
one-upmanship order ordem dos "homens superiores"

Watching beginnings of social decay Estamos assistindo o início da decadência social


Gloating or sneering... Regozijando ou ironizando
at life's disarray o desleixo de vidas alheias

When every good thing's Quando todas as coisas boas são


laid to waste destinadas à perdição
By all the jealousy and hate Através de tanto ciúme e ódio
By all the acid wit and rapier lies Através da falta de juízo e mentiras

And every time you think you're safe E quando você pensa que está a salvo
And when you go to turn away Quando você dá as costas
You know they're sharpening Você sabe que eles estão afiando
all their paper knives os cortadores de papel

All in your mind Tudo está em sua mente


All in your head Tudo está na sua cabeça
Try to relate it Tente relatar isso

All in your mind Tudo está em sua mente


All in your head Tudo está na sua cabeça
Try to escape it Tente escapar disso

Without a conscience they destroy Sem consciência eles destroem


And that's a thing that they enjoy E é uma coisa que eles sentem prazer
They're a sickness Eles são uma doença
that's in all our minds que está dentro de nossas mentes

They want to sink the ship and leave Eles querem afundar o navio e partir
The way they laugh at you and me O jeito como eles sorriem para você e para mim
You know it happens all the time Você sabe que isso acontece o tempo todo

All in your mind Tudo está em sua mente


All in your head Tudo está na sua cabeça
Try to relate it Tente relatar isso

All in your mind Tudo está em sua mente


All in your head Tudo está na sua cabeça
Try to escape it Tente escapar disso

The rats in the cellar Os ratos no porão


you know who you are.... você sabe que é você...
Or do you? Sabe realmente?

Watching beginnings of social decay Estamos assistindo o início da decadência social

(13/…) Judgement Day (04:02) Dia do Juízo Final

There are no marks upon a man Não existem marcas em um homem


That can say he's good or bad Para dizerem se ele é bom ou mal
No label and no tell tale sign Sem rótulos e indícios
That can show he's full of lies Para mostrarem que ele é um poço de mentiras

By your deeds, you will be known Por suas ações, você será conhecido
Time will tell, truth will show O tempo vai dizer, a verdade irá mostrar
As we exhale every breath Ao passo que respiramos
We all got closer to our death Todos nós nos aproximamos da morte

What will you say O que você vai dizer


What will you say O que você vai dizer
On judgement day No dia do julgamento
On judgement day No dia do julgamento

When you look into their eyes Quando você olha nos olhos deles
You don't know what they hide Você não sabe o que eles escondem
No label and no tell tale sign Sem rótulos e indícios
That can show he's full of lies Para mostrarem que ele é um poço de mentiras

Ignorance is bliss, is that the reason A ignorância é graciosa, será essa a razão
We can not read another's mind Não podemos ler a mente de outras pessoas
If we knew what thoughts were dancing Se soubessemos quais pensamentos se passavam
Through each others heads Nas cabeças de cada um
Would we all be driven mad Será que seriamos levados pela loucura
Would we all be dead Será que estariamos mortos

(14/…) Justice of the Peace (03:33) Juiz de Paz

Have you heard on the news Você ouviu as notícias


Another let off madman Outro louco está à solta
Another screw on the loose Outro parafuso frouxo
Is it the judge or the badman Será que é do juiz ou do homem mal

What's the matter these days Qual é o problema hoje em dia


No one has the courage to put them away Ninguém tem coragem de colocá-los longe
Nobody has any faith Ninguém possui mais fé
'Cause there's a breakdown Porque acontece uma quebra
of justice and order da justiça e da ordem

Waiting for justice, Esperando pela justiça,


waiting for justice of the peace esperando pela justiça divina
Waiting for justice, Esperando pela justiça,
waiting for justice of the peace esperando pela justiça divina

When I remember back the memories of yesteryear Quando me lembro das memórias passadas
With all the friends and all the times Com todos meus amigos e todas as vezes que
When people were carefree As pessoas eram despreocupadas
And walking down the street E andando pelas ruas
When everyone knew everyone Quando todos se conheciam
And all the houses doors were open E todas as portas das casas estavam abertas
No had to care, Ninguém precisava se preocupar,
those days are gone esses dias se foram
Those days are gone Esses dias se foram

I long for the times Eu almejo pelos tempos


when you could em que você podia
Wander down the street unharmed Andar pelas ruas sem se preocupar
When people didn't have Quando as pessoas não tinham
much money tanto dinheiro
But didn't seem to care Mas não se preocupavam
It must be the cynic in me Deve ser o cínico dentro de mim
But I don't Mas eu realmente
really like things now não gosto das coisas agora
The violence, the attitudes A violência, as atitudes
Aggression that you see everyday Agressão que você vê todos os dias
A sick society looks Uma sociedade doente que parece
the other way ser do outro jeito

Sign of The Cross: a letra fala sobre a santa inquisição, movimento político da igreja católica
durante a idade média que usando a desculpa de livrar o mundo de pecadores matou inimigos e
pessoas influentes que pudessem afetar sua posição. Baseada no livro “O Nome da Rosa”, de
Humberto Eco e no filme, do mesmo nome, protagonizado por Sean Connery.

Lord Of The Flies: baseada no romance de mesmo nome de William Golding. Senhor das Moscas
é um dos nomes de “Lú”, o demo Belzebu.

Man On The Edge: baseada no filme Falling Down (“Um Dia de Fúria”), com Michael Douglas.

The Edge Of Darkness: baseada no livro Heart of Darkness de Joseph Conrad, que também
inspirou o filme Apocalypse Now.

Vírus: é um single lançado em 1996, e a única canção do Iron Maiden a ser creditada aos dois
guitarristas da banda. (obs.: incluí junto com o X Factor, por ser no estilo do álbum)

Judgement Day e Justice of the Peace: (obs.: incluí também, apesar de constarem no “Best of B
Sides”, pelo mesmo motive).
1998
1. Futureal Blaze Bayley, Harris 2:55
2. The Angel and the Gambler Harris 9:52
3. Lightning Strikes Twice Harris, Dave Murray 4:50
4. The Clansman Harris 8:59
5. When Two Worlds Collide Bayley, Harris, Murray 6:17
6. The Educated Fool Harris 6:44
7. Don't Look to the Eyes of… Harris 8:03
8. Como Estais Amigos Bayley, Janick Gers 5:30

Ao contrário do antecessor, Virtual XI começa com uma faixa bem rápida, Futureal. A
performance de Bayley é excelente e faz lembrar um pouco Man on the Edge. Murray e Gers
mandam ótimos riffs e devido aos seus 2:55 dá vontade de dar "repeat" nesta canção. Porém, fica
evidente um dos problemas de Virtual XI: essa excelente faixa destoará de todo o restante do
álbum.

Não se trata de qualidade, mas sim da própria estrutura do trabalho. A segunda faixa, The
Angel and The Gambler, remete ao clima mais soturno das canções do álbum antecessor. Com
quase 10 minutos, a canção é um pouco quebrada e traz momentos mais introspectivos. O refrão é
bom, mas repetido de forma extremamente exaustiva. A sensação que dá é de que as coisas
poderiam funcionar se a faixa fosse menor, o que pode ser comprovado com a versão do single,
com pouco mais de 3 minutos.

Lightning Strikes Twice é mais direta. Inicia com um solo de guitarra e desbanca para as
boas passagens velozes do Maiden. Uma canção que se assemelha bastante a momentos do Fear
of the Dark. E sim, essa canção é mais um exemplar de que o som da banda e o vocal de Blaze
poderiam fluir de forma bastante satisfatória.

O álbum segue com mais uma canção excelente, e que está ao lado dos clássicos da banda
para muitos fãs, The Clansman. Outra faixa épica com 9 minutos, seu maior mérito é a sua
emocionante estrutura, com um breve começo introspectivo e uma sonoridade crescente, com o
baixo galopante de Steve Harris provando porque ele é um dos baixistas mais admirados do heavy
metal.

Em seguida, temos When Two Worlds Collide, onde mais uma vez as linhas de baixo ficam
bem presentes. Mais uma vez, temos o início lento e em seguida riffs guiados pelo evidente baixo.
Há também uma boa presença dos teclados nessa faixa. Mas o que antes era apenas um pequeno
detalhe se torna um dos principais problemas do álbum: a extensão das canções. When Two
Worlds Collide é uma boa faixa com bom refrão, mas sua repetição incomoda, assim como em The
Angel and The Gambler. The Educated Fool segue na mesma linha, mas sem a inspiração das
duas anteriores. Realmente, uma faixa maçante.

Don't Look to the Eyes of a Stranger é a mais incomum do álbum. Inicia com coesas linhas
de guitarra acompanhadas de orquestrações e segue com bons vocais de Bayley. E, mais uma
vez, fica bastante notável como a sua longa duração prejudica o resultado final. Encerrando o
álbum temos a semi-balada Como Estais Amigos, na qual os vocais de Bayley se encaixam muito
bem à atmosfera da canção. Pena que devido aos erros das três faixas anteriores a empolgação
desse desfecho não seja das maiores.

Pois bem, depois de uma audição de Virtual XI fica claramente perceptível um erro principal:
a duração do álbum. São pouco mais de 53 minutos, o que não é nada tão absurdo para o heavy
metal. O problema é que este espaço é preenchido por apenas 8 canções. Assim como The Angel
fica mais aceitável em sua versão single por ter seus exageros corrigidos pelos cortes na música,
possivelmente três ou quatro canções daqui poderiam melhorar bastante desta forma.
Mas dizer que este é um trabalho péssimo é uma injustiça. Obviamente era um "Iron Maiden
diferente". Mas, por acaso há uma semelhança tão absurda assim entre os outros álbuns? Por
acaso Somewhere in Time é um trabalho que se encaixa perfeitamente ao que a banda fez em The
Number of The Beast e Powerslave? E o que dizer então de trabalhos como A Matter of Life and
Death, cujas repetições são mais exaustivas?

De fato, há elementos que pesam nessas comparações. Óbvio que Bayley não é um
vocalista tão espetacular e com tanto talento quanto Bruce Dickinson, mas isso não o torna um
mau cantor (muito longe disso, e sua carreira solo está aí para provar isto). Também é
compreensível que o clima da banda e dos próprios indivíduos influenciou o processo de
composição de um trabalho bem mais soturno e distante de épocas mais vívidas e radiantes.

Mas definitivamente um trabalho que possuí tantos momentos interessantes e até mesmo
canções que permaneceram sendo executadas pela banda após a saída de Bayley não pode ser
considerado um "péssimo álbum". Porém, sabemos como o nome Iron Maiden pesa. E, apesar de
saber o quanto isso é clichê, vale aquela comparação nesse caso: se este álbum tivesse sido
lançado por uma outra banda, ele teria sido considerado melhor... [1]

(1/8) Futureal (2:55) Futurreal

I'm running out of my time, Meu tempo está terminando,


I'm running out of breath meu fôlego acabando
And now it's getting, so I can't sleep at night E agora está chegando, não consigo dormir à noite
In the day, feel like death ao dia, sinto uma condenação eterna.

I'm getting in far too deep, I feel them closing in Estou indo muito longe, sinto-as próximas
I've got to say that I'm scared, Tenho que dizer que estou com medo,
I know they'll win sei que irão vencer
Even so, I'm prepared Mesmo assim, estou preparado.

Do you believe, what you hear? Você acredita no que ouve?


Can you believe, what you see? Consegue acreditar no que vê?
Do you believe, what you feel? Você acredita no que sente?
Can you believe? Consegue acreditar?
What is real? O que é real?
Futureal Futurreal
What is real? O que é real?

Whenever anyone seems Quando quer que alguém tente


to treat me like a freak me tratar como louco
It makes me see I'm the only one who feels Faz-me ver que sou o único que sente
That I know what is real Que sei que é real.

Sometimes it feels like As vezes é como um jogo mortal


a game of deadly hide and seek de esconde-esconde
And when you're reading this, then I will be gone E quando você estiver lendo isso, eu já terei ido
Maybe then, you will see Talvez, então, você veja

Do you believe, what you hear? Você acredita no que ouve?


Can you believe, what you see? Consegue acreditar no que vê?
Do you believe, what you feel? Você acredita no que sente?
Can you believe? Consegue acreditar?
What is real? O que é real?
Futureal Futurreal
What is real? O que é real?
Futureal Futurreal

(2/8) The Angel and the Gambler (9:52) O Anjo e o Jogador

Roll of the dice Jogar os dados


Take a spin of the wheel Fazer a roleta girar
Out of your hands now Fora de seu controle agora
So how do you feel Então, como se sente?
But you're not gonna win Mas você não vai ganhar
You'd better go back again É melhor você voltar

Do you feel lucky Você se sente com sorte


Or do you feel scared ou se sente assustado?
Take what luck brings Pegue o que a sorte traz
And be Devil may care E que o Diabo se dane
But you're down on your luck Mas você está sem sorte
And what will the next day bring O que o dia seguinte trará?

Adrift on the ocean À deriva no Oceano


Afloat in a daydream Flutuando em um devaneio
Or lost in the maze Ou perdido em um labirinto
Or blind in the haze Ou cego no nevoeiro

So what does it matter Pois o que importa?


So why don't you answer Pois porque não responde
So why did you send Então o que você mandou
An angel to mend Um anjo para consertar

Best make decisions Melhor tomar decisões


Before it's too late Antes que seja tarde demais
Take all your chances Pegue todas as suas chances
Take hold of the reins Segure as rédeas
A roll of the dice Uma jogada dos dados
Ahead of the game again À frente do jogo outra vez.

Nothing to lose Nada a perder


But so much to gain Mas tanto a ganhar
A little danger Um pequeno risto
It goes without saying Segue sem avisar
But what do you care Mas o que isso lhe importa?
You're gonna go in the end Você vai acabar lá no final

Gate open to Heaven Portões abertos para o céu


Is ready and waiting Abertos e à espera
Or straight down to hell Ou direto para o inferno
Can go there as well Pode acabar lá também.

I'll suffer my craving Sofrerei por minha obsessão


My soul's not worth saving Minha alma não vale a pena ser salva
So why don't you go Então por que não vai
Just leave whell alone E me deixa sozinho?

Don't you think I'm a saviour Não pensa que sou um salvador?
Don't you think I could save you (14X) Não acha que poderia salvá-lo?
Don't you think I could save your life Não acha que poderia salvar sua vida?

There's like a hunger É como uma fome


That knocks on your door Que bate à sua porta
You've had a taste of it Você provou dela
Still you want more E ainda quer mais
You've made your mistakes Cometeu seus erros
Won't play it the same again Não vai cometer os mesmos erros outra vez

You have been warned Você foi avisado


But still you plunge in Mas ainda insiste
You play high stakes Você joga alto
But there's nothing to win Mas não há nada a ganhar.
You`ve only one life Você tem apenas uma vida
And so many things to learn E tanto a aprender

The Angel on one side O Anjo de um lado


The Devil the other O Demônio do outro
Which path do you take Que caminho você pega?
Decisions to make Decisões a tomar.

Arrive at the crossroads Chegue à encruzilhada


You know where you're going Você sabe aonde vai
And what if you wait E que se você esperar
it maybe too late Pode ser tarde demais

Don't you think I'm a saviour Não pensa que sou um salvador?
Don't you think I could save you (9x) Não acha que poderia salvá-lo?
Don't you think I could save your life Não acha que poderia salvar sua vida?

(3/8) Lightning Strikes Twice (4:50) Relâmpago Cai Duas Vezes No Mesmo Lugar

I feel the breeze on my face in expectance Eu sinto a briza no meu rosto em espectativa
Not very long before the storm reaches here Não muito antes da tempestade alcançar aqui
Off in the distance Fora do alcance
the lightning is flashing again o relâmpago está piscando de novo
Feel something strong as the power draws near Sinto algo forte como o poder extraido de perto

Is it the rolling of thunder that scares you É o cair do trovão que te assusta?
Is it the crashing of clouds that hold fear É a quebra das núvens que segura o medo?
But all I know as Mas tudo que sei é como
I sit in the corner alone Eu me sento na esquina sozinho
It takes me back to my childhood again Isto me leva de volta para minha infância

And as I wait and I look for an answer E como eu espero e procuro por uma resposta
To all the things Para todas as coisas
going round in my head que acontecem na minha cabeça
I ask myself could it be a disaster and when Eu me pergunto "Poderia ter sido um desastre?"
It's maybe threatening to happen again E quando esta ameaçando acontecer outra vez
As the ominous light draws near Como uma luz ameaçadora extraida de perto
There's a lone dog howls in the park Tem um cão solitário no parque uivando
All the people hurry inside Todas as pessoas tem pressa por dentro
As a lightning flash lights dark Como um relâmpejo ilumina o escuro
The storm is nearly here A tempestade esta perto daqui
Only God will know Só Deus saberá

You're sitting alone you watch Você está sentando sozinho, você olha
As the wind is blowing treetops Como o vento esta soprando na copa das árvores
And the swaying rustling of leaves E o balancear farfalhado das folhas
Plenty of time to perceive Tempo abundante para perceber
As you wait for rain to fall Como você espera a chuva cair
Only God knows Só Deus sabe
The whole sky glows O céu inteiro incandesce

Maybe lightning Talvez o relâmpago


strikes twice caia duas vezes no mesmo lugar
Maybe lightning Talvez o relâmpago
strikes twice caia duas vezes no mesmo lugar

(4/8) The Clansman (8:59) O Membro do Clã

Wake alone in the hills Acordar sozinho nas montanhas


With the wind in your face Com o vento em seu rosto
It feels good to be proud É bom estar orgulhoso
And be free and a race E ser livre e uma raça
That is part of a clan Que é parte de um clã
And to live on highlands Que vive nas terras altas
And the air that you breathe E o ar que você respira
So pure and so clean Tão puro e limpo

Wake alone on the hills Acordar sozinho nas montanhas


With the wind in your hair Com o vento em seu cabelo
With a longing to feel Com uma saudade de sentir
Just to be free Apenas ser livre

It is right to believe É o direito de acreditar


In the need to be free Na necessidade de ser livre
It's a time when you die É uma época em que você morre
And without asking why Sem perguntar por que
Can't you see what they do Não consegue ver o que eles fazem?
They are grinding us down Eles estão nos pulverizando
They are taking our land Estão tomando nossa terra
That belongs to the clans Que pertencem ao clã

Not alone with a dream Não sozinho com um sonho


Just a want to be free Só uma vontade de ser livre
With a need to belong Com uma necessidade de pertencer
I am a clansman Sou um homem do clã

Freedom Liberdade
… ...
It's a time wrought with fear É um momento forjado com medo
It's a land wrought with change É uma terra forjado com a mudança
Ancestors could hear Ancestrais poderiam ouvir
What is happening now O que está acontecendo agora
They would turn in their graves Girariam em suas sepulturas
They would all be ashamed Eles iriam se envergonhar
That the land of the free Que a terra dos livres
Has been written in chains Foi escrita em correntes

And I know what I want E eu sei o que eu quero


When the timing is right Quando o tempo chegar
Then I'll take what is mine Vou pegar o que é meu
I am the clansman Eu sou o membro do clã

And I swear to defend E juro defender


And we'll fight to the end E lutaremos até o fim
And I swear that I'll never E juro que nunca
Be taken alive Serei pego vivo
And I know that we'll stand E eu sei que nós vamos ficar
And we'll fight for our land E lutaremos por nossa terra
And I swear that my bairns E juro que minhas crianças
Will be born free Nascerão livres

And I know what I want E eu sei o que eu quero


When the timing is right Quando o tempo chegar
Then I'll take what is mine Vou pegar o que e meu
I am the clansman Eu sou o membro do clã

Freedom Liberdade
… ...
No, no we can't let them take anymore Não. Não, não podemos deixá-los tomar mais
No we can't let them take anymore Não, não podemos deixá-los tomar mais
We've the land of the free Nós temos a terra da liberdade

Freedom Liberdade
… ...
Is it right to believe É um direito em acreditar
In the need to be free Na necessidade de ser livre
It's a time when you die É um tempo em que se morre
And without asking why Sem perguntar por que
Can't you see what they do? Você não vê o que eles fazem?
They are grinding things down Eles estão nos destruindo
They are taking our land Estão roubando nossa terra
That belongs to the clans Que pertence aos clãs

Not alone with a dream E eu sei o que eu quero


Just a want to be free Quando o tempo chegar
With a need to belong Vou pegar o que é meu
I am a clansman Eu sou o membro do clã

And I know what I want E eu sei o que eu quero


When the timing is right Quando o tempo chegar
Then I'll take what is mine Vou pegar o que e meu
I am the clansman Eu sou o membro do clã

Freedom Liberdade
… ...
And I know what I want E eu sei o que eu quero
When the timing is right Quando o tempo chegar
Then I'll take what is mine Vou pegar o que e meu
I am the clansman Eu sou o membro do clã

(5/8) When Two Worlds Collide (6:17) Quando Dois Mundos Colidem

My telescope looks out Meu telescópio olha para fora


Into the stars tonight Nas estrelas hoje a noite
A little speck of light Um pequeno raio de luz
Seems twice the size tonight Parece duas vezes maior hoje a noite
The calculations are so fine Os cálculos estão certos
Can it be growing all the Time? Poderia isto estar crescendo o tempo todo?

Now I can't believe it's true Agora eu não posso acreditar que é verdade
And I don't know what to do E eu não sei o que fazer
For the hundredth time Pela centésima vez
I check the declination Eu verifico a declinação

Now the fear starts to grow Agora o medo começa a crescer


Even my computer shows Até mesmo meu computador mostra
There are no erros in the calculations Não há nenhum erro nos cálculos

Now it's happened take no other view Agora aconteceu não dá para tirar o olho
Collision course, Rota de colisão,
you must believe it's true Você deve acreditar que é verdade
No there's nothing left that we can do Não restou nada que nós possamos fazer

When Two Worlds collide Quando dois mundos colidem


The anger and the pain A raiva e a dor
Of all those who remain Do todos aqueles que restarem
Two worlds collide Dois mundos colidem
Who will be left alive Quem será deixado vivo
No place to hide Nenhum lugar a esconder

When Two Worlds collide Quando dois mundos colidem


The anger, the pain A raiva e a dor
Of those who remain Dos que restarem
When Two Worlds collide Quando dois mundos colidem
So who will survive Assim quem sobreviverá
There's no place to hide Não há lugar para se esconder
When Two Worlds collide Quando dois mundos colidem

When Two Worlds collide Quando dois mundos colidem


The anger, the pain A raiva e a dor
Of all those who remain De todos aqueles que restarem
Two Worlds collide Dois mundos colidem
Who will be left alive Quem será deixado vivo
No place to hide Nenhum lugar para se esconder
There's no place to hide Não tem nenhum lugar para se esconder
When Two Worlds collide Quando dois mundos colidem
(6/8) The Educated Fool (6:44) O Tolo Educado

I'm an educated fool Sou um tolo educado


So I don't know what it is I'm supposed to do Então não sei o que devo fazer
About this awkward situation Sobre esta complicada situação
That's been forced down right upon me Que foi aterrada bem em mim

As I'm walking down into Enquanto estou descendo


On my own into the valley of life Sozinho pelo vale da vida
Got a lifetime of experience Consegui uma vida inteira de experiência
Yeah I've got so much to give É, tenho tanto a partilhar

Open the page at chapter one Abra o livro no capítulo um


Could this just be Isso poderia significar
That life's just begun Que a vida acabou de começar?
Forever within Para sempre dentro
Your darker thoughts De seus pensamentos mais obscuros
Reflecting on everything you've been taught Ponderando sobre tudo que foi-lhe ensinado

Never felt this way before Nunca me senti assim antes


Seems that somebody's' just opened the door É como se alguém abrisse a porta
To the book of life or is it death Para o livro da vida ou é da morte
Is there ever anyway out Será que um dia haverá uma saída?

Someone's looking down on me Alguém está me olhando de cima


To the very inner core of my soul Bem para o centro da minha alma
They won't tell me what they see Não me dirão o que veem
But I really want to know Mas eu realmente quero saber

I want to leave my life on my own Quero deixar minha vida à minha vontade
I want to lift the unturned stone Quero levantar a pedra imóvel
I want to walk right into the fire Quero andar pelo meio do fogo
I want to live out all my desires Quero viver todos os meus desejos
I want to go and see the fire burn Eu quero ir e ver o fogo queimar
I want to see and feel my world turn Eu quero ver e sentir meu mundo girar
I want to know what more there's to learn Eu quero saber que mais há para aprender
I want to pass the point of no return Eu quero passar de onde não há mais volta

Do you really wanna be Você quer mesmo ser


Just another one statistic or feel Apenas mais uma estatística ou sentir
That you really should aspire Que realmente deveria aspirar
That you really do deserve more Que realmente merece mais

Do you ever really feel Você realmente sente


That you have so much potential inside Que tem tanto potencial aí dentro
What you really have to give O que você tem a partilhar
Could be realised so much more Poderia se tornar muito mais

I want to leave my life on my own Quero deixar minha vida à minha vontade
I want to lift the unturned stone Quero levantar a pedra imóvel
I want to walk right into the fire Quero andar pelo meio do fogo
I want to live out all my desires Quero viver todos os meus desejos
I want to go and see the fire burn Eu quero ir e ver o fogo queimar
I want to see and feel my world turn Eu quero ver e sentir meu mundo girar
I want to know what more there's to learn Eu quero saber que mais há para aprender
I want to pass the point of no return Eu quero passar de onde não há mais volta

Time will flow O tempo escorrerá


And I will follow E eu seguirei
Time will go O tempo continuará
But I will follow Mas eu seguirei

I want to feel what life's like respond Eu quero sentir como vida reage
I want to meet my father beyond Eu quero conhecer melhor meu pai
I want to walk right into the light Eu quero andar direto pra luz
I want to feel no fear but delight Eu quero sentir prazer e não medo

Time will flow O tempo escorrerá


And I will follow E eu seguirei
Time will go O tempo continuará
But I will follow Mas eu seguirei

(7/8) Don't Look To The Eyes Não Olhe Nos Olhos


Of A Stranger (8:03) De Um Estranho

Don't Look To The Eyes Of A Stranger Não olhe para os olhos de um estranho

Don't look to the eyes of a stranger Não olhe para os olhos de um estranho
Don't look through the eyes of a fool Não olhe pelos olhos de um tolo
Don't look to the eyes of a stranger Não olhe para os olhos de um estranho
Somebody's watching when the night goes down Alguém está vendo quando a noite cai

Feel Someone's watching you Você sente alguém te vigiando


You gotta get away Você tem que escapar
Is it the first time É a primeira vez
You've ever felt this scared Que se sente amedrontado

Feel the adrenalin pump Sinta a adrenalina correr


Your heart begins to race Seu coração começa a disparar
Begin to run now Começa a correr agora
The sweat runs down your face O suor escorre por seu rosto

Don't know which way to turn Não sabe que caminho pegar
You'd better hide yourself Melhor se esconder
He's getting closer now Ele está chegando perto agora
You'd better improvise Melhor improvisar

Just hope you never reach Apenas espere que ele nunca alcance
The point of no return O ponto sem retorno
Could be the last time Podia ser a última vez
You see the light of day Que você veria a luz do dia

Don't look to, don't look to, Não olhe para, não olhe para,
Don't look to the eyes of a stranger Não olhe para os olhos de um estranho
(8/8) Como Estais Amigos (5:30) Como Estão, Amigos?

Como esta amigo Como está, amigo?


For the death of those we don't know Pela morte daqueles que não conhecemos
Shall we kneel and say a prayer Devemos nos ajoelhar e rezar?
They will never know we care Eles nunca saberão que nos importamos...
Shall we keep the fires burning Devemos manter aceso o fogo?
Shall we keep the flames alight Devemos manter acesas as chamas?
Shall we try to remember Deveríamos tentar lembrar
What is wrong and what is right O que é errado e o que é certo?

No more tears, no more tears Sem mais lágrimas, sem mais lágrimas
If we live for a hundred years Se vivermos por uma centena de anos
Amigos no more tears Amigos, sem mais lágrimas

If we do forget them and E se nos esquecermos deles e


The sacrifice they made do sacrifício que eles fizeram,
Will the wickedness and será que a maldade e
Sadness come to visit us again a tristeza virão nos visitar novamente?

Shall we dance the dance in sunlight Devemos dançar a dança à luz do sol?
Shall we drink the wine of peace Devemos beber o vinho da paz?
Shall our tears be of joy Devem nossas lágrimas ser de alegria?
Shall we keep at bay the beast Devemos manter a besta distante de nós?

No more tears, no more tears Sem mais lágrimas, sem mais lágrimas
If we live for a hundred years Se vivermos por uma centena de anos
Amigos no more tears Amigos, sem mais lágrimas

Inside the scream is silent Dentro, o grito está silencioso


Inside it must remain Dentro ele deve permanecer
No victory, no vanquished Sem vitória e sem conquistas
Only horror, only pain Apenas horror, apenas dor

No more tears, no more tears Sem mais lágrimas, sem mais lágrimas
If we live for a hundred years Se vivermos por uma centena de anos
Amigos no more tears Amigos, sem mais lágrimas

No more tears, no more tears Sem mais lágrimas, sem mais lágrimas
If we live for a hundred years Se vivermos por uma centena de anos
Amigos no more tears Amigos, sem mais lágrimas

No cantinho da capa, há dois times de futebol em campo, Inglaterra e Brasil. A Inglaterra no


ataque. Questionado, o guitarrista Janick Gers explica que esta é a única maneira de ver a seleção
da Inglaterra atacando o Brasil!.. Tudo bem, isso foi bem antes da Copa do Mundo de 2014, 7 x 1
pra Alemanha, etc...
2000
1. The Wicker Man Dickinson, Smith, Harris 4:35
2. Ghost of the Navigator Dickinson, Gers, Harris 6:50
3. Brave New World Dickinson, Murray, Harris 6:18
4. Blood Brothers Harris 7:14
5. The Mercenary Gers, Harris 4:42
6. Dream of Mirrors Gers, Harris 9:21
7. The Fallen Angel Smith Harris 4:00
8. The Nomad Murray, Harris 9:05
9. Out of the Silent Planet Dickinson, Gers, Harris 6:25
10. The Thin Line Between… Murray, Harris 8:27

Esse foi um dos discos mais esperados da história. Até mesmo gente que não tinha o Iron
Maiden como banda favorita perdeu cabelos nessa maratona infernal de esperar pelo lançamento
desse petardo. Aliás, que petardo! Bruce espalhou aos quatro ventos que eles estavam de volta e
que subiriam ao palco. O fato de Mr. Air Raid Siren ter sido tão efusivo nesse quesito, despertou
tanto o interesse pelo disco, como a incredulidade em milhões de pessoas ao redor do globo na
questão de, se o grupo conseguiria fazer algo do nível de "Powerslave", "Piece of Mind", "The
Number of the Beast" ou "Seventh Son of a Seventh Son".

Outra memória ainda recente é a de que, tempos atrás, muita gente dizia que a Donzela
estava acabada e que os grupos da atualidade, além das bandas de história - como Metallica,
Judas Priest, Megadeth -, é que eram o verdadeiro heavy metal. Agora, veja como as coisas são
engraçadas: os caras lançaram um disco de peso, têm Bruce e Adrian no cast, voltam a fazer as
turnês mais extensas do globo e conseguem algo que só se tem a chance de alcançar uma vez na
vida: voltar ao topo. Que é o lugar onde merecem estar, diga-se de passagem. A ironia? Olhe o tipo
de música que estão fazendo Metallica e Megadeth... melhor até não comentar.

"Wicker Man" foi a faixa que quem estava antenado nas novidades que saíam na Net pôde
ouvir primeiro. O engraçado, entretanto, é que se pode dizer que é a faixa "menos melhor" do CD.
Com um apelo claramente comercial, foi feito um video-clipe para programas como a MTV, onde
poderiam ser divulgados, e não ficassem de fora.

"Ghost of the Navigator" é a segunda faixa e a que atraiu mais atenção enquanto eram
distribuídas MP3s clandestinamente do disco pela Internet afora. Como o som não soa clichê e tem
bases e uma melodia poderosa, a música logo se tornou um hit entre os fãs do grupo. Que já era
de se esperar. Como se poderá ver mais adiante, o disco todo é feito de clássicos.

"Brave New World", a música título, também foi distribuída Internet afora. Possue linhas
vocais muito bonitas, especialmente no refrão que, definitivamente, TEM que ser cantado pela
multidão inteira, quando no show da banda. O baixo galopante está lá e as guitarras, idem. O
paredão sonoro funcionou perfeitamente.

"Blood Brothers" é a quarta faixa do disco e, segundo uma versão da lenda, Steve compôs a
música inspirado nos laços que mantinha com seu pai, que morreu quando o baixista estava em
turnê. A canção tem o começo lento, para depois ficar relativamente pesada, com os vocais de
Bruce gritando "blood brothers".

Mas é com "The Mercenary" que o fã pode ver o metal puríssimo que o Iron Maiden tem
correndo nas veias. A música já começa na porrada e é assim por todos seus 4 minutos e 41
segundos. É como se os gritos de batalha de Bruce não lhe deixassem fugir do massacre:
"nowhere to run, nowhere to hide, you have to kill to stay alive". Na verdade, a temática da música
chega a lembrar um pouco "The Fugitive". Mas com bases muito mais rápidas e - principalmente -
metálicas. É Iron Maiden puro, das raízes.
"Dream of Mirrors" tem as guitarras bastante coladas - dá pra ver que o entrosamento dos
guitarristas atingiu niveis incríveis. No comecinho da música dá pra sentir uma leve brisa lhe
levando de volta no tempo até 1990, onde se pode perceber alguns toques de "Mother Russia" e,
logo depois, você corre de volta a 83, com "Piece of Mind". Se ouvir com atenção, dá pra sentir um
pouquinho de "To Tame A Land". A balada, em geral, discorre de linhas de baixo limpíssimas que
mais lembram "The Clansman", canção épica do "Virtual XI".

"The Fallen Angel" foi a última das quatro faixas distribuídas pela Net. Quem a ouviu sabe o
estilo Piece of Mind incrustrado na música. Peso, rapidez, está tudo lá.

"The Nomad". Agora, sim. Ah, musiquinha boa! Assim como "The Fallen Angel" e "The
Mercenary", já começa na porrada. O feeling é crescente. O peso realmente remete o ouvinte
diretamente a 85, época do estouro "Powerslave". O timbre da voz de Bruce combina perfeitamente
com a temática e o seguimento da canção. Aquela linha melódica (vocal) rasgada à lá "Be
Quick...". O refrão também tem a obrigatoriedade de ser cantado ao vivo. O detalhe vai para os
teclados, no fundo, acompanhando a melodia do baixo.

"Out of the Silent Planet", a seguinte, é portadora de uma bela introdução. Enquanto as
guitarras vão tocando os solinhos duplos bem Maiden, o baixo toca os acordes cheios ao fundo,
dando aquele clima de espaço para a entrada do vocal, que já começa recitando o nome da
música: "Out of the Silent Planet... Out of the Silent Planet we are...". Pouco depois, os riffs
pesados que carregam a canção até seu final. Os refrões são lindíssimos, cantados em duas
vozes.

"The Thin Line Between Love and Hate", a última música (que pena, acabou) do disco, se
traduz em uma coisa: peso. O começo lento dá espaço para a distorção de guitarra, que entra e
preenche os ouvidos com a maior facilidade possível. O refrão não demora e logo entra, após
algumas frases cantadas por Bruce. Solos curtos, mas com feeling. Dá pra imaginar direitinho
Adrian com aquela pose paradona com a Gibson à frente, solando como se aqueles fossem os
últimos minutos de existência.

No geral, "Brave New World" é simplesmente o que Bruce garantiu que seria: o ícone da
volta da banda ao topo. Os defeitos ficam por conta de algumas partes onde há repetição das
bases e sempre fica aquele gostinho de quero mais do vocal ou dos solos. Mas é só. O peso, a
rapidez, a balada, o galope, os solos... e, principalmente, ele: Bruce. Novamente. Lá, na frente,
como fez por quase 15 anos, gritando "Scream for Me" e correndo de um lado pro outro no palco,
como um louco desvairado. Maiden's back. Up The Irons! [1]

(1/10) The Wicker Man (4:35) O Espantalho

Hand of fate is moving A mão do destino se move


and the finger points to you e o dedo aponta pra você
He knocks you to your feet Ele te deixa de joelhos
and so what are you gonna do e então, o que você irá fazer?
Your tongue has frozen Sua língua congelou
now you've got something to say agora você tem algo a dizer
The piper at the gates of dawn O flautista nos portões do amanhecer
is calling you his way indica a você o caminho

You watch the world exploding every single night Você assiste o mundo explodindo toda noite
Dancing in the sun a new born in the light Dançando sob sol um novo nascimento na luz
Say goodbye to gravity and say goodbye to death Diga adeus a gravidade e diga adeus a morte
Hello to eternity and live for every breath Dê olá à eternidade e viva cada suspiro

Your time will come A sua hora chegará


Your time will come A sua hora chegará
Your time will come A sua hora chegará
Your time will come A sua hora chegará

The ferryman wants his money O balseiro quer o dinheiro dele


you ain't gonna give it back mas você não vai devolver
He can push his own boat Ele pode empurrar seu próprio bote
as you set off up the track enquanto você sai do caminho
Nothing you can contemplate Nada que você possa admirar
will ever be the same será mais a mesma coisa
Every second is a new spark, Cada segundo é uma nova faísca,
sets the universe aflame deixando o universo em chamas

You watch the world exploding every single night Você assiste o mundo explodindo toda noite
Dancing in the sun a new born in the light Dançando sob sol um novo nascimento na luz
Brothers and their fathers Irmãos e seus pais
joining hands to make a chain juntam as mãos e fazem uma corrente
The shadow of the Wicker man A sombra do espantalho
is rising up again está se levantando novamente

Your time will come A sua hora chegará


Your time will come A sua hora chegará

(2/10) Ghost Of The Navigator (6:50) Fantasma do Navegador

I have sailed to many lands Eu naveguei por muitas terras


now I make my final journey agora faço minha jornada final
On the bow I stand, west is where I go Na proa eu permaneço, oeste é para onde eu vou
Through the night I plough Através da noite abro meu caminho
still my heart calculate and pray acalmo meu coração, calculo e rezo
As the compass swings my will is strong Ao oscilar da bússola, minha determinação é forte
I will not be led astray Eu não vou ser desviado
Mysteries of time clouds that hide the sun Mistérios do tempo, nuvens que escondem o sol
But I know, I know Mas eu sei, eu sei

I see the ghosts of navigators Eu vejo os fantasmas de navegadores


but they're lost mas eles estão perdidos
As they sail into the sunset Ao navegarem para o por do sol
they'll count the cost medirão as consequências
As their skeletons accusing emerge from the sea Enquanto seus esqueletos acusam emergir do mar
The sirens of the rocks, they beckon me As sereias das rochas, elas me acenam

Take my heart and set it free Pegue meu coração e o liberte


Carried forward by the waves Carregado adiante pelas ondas
Nowhere left to run, navigator's son Não restou lugar para ir, filho do navegante

Chasing rainbows all my days Caçando arco-íris todos os meus dias


Where I go I do not know Para onde eu vou eu não sei
I only know the place I've been Eu sei apenas dos lugares em que estive
Dreams they come and go, ever shall be so Sonhos, eles vem e vão, vai ser sempre assim
Nothing's real until you feel Nada é real até você sentir

I steer between the crashing rocks, Eu navego entre as rochas das ruínas,
the sirens call my name as sereias chamam pelo meu nome
Lash my hands onto the helm, Minhas mãos amarradas no leme,
blood surging with the strain meu sangue corre com a pressão
I will not fail Não irei falhar
now as sunrise agora o nascer do sol
comes the darkness left behind chega deixando a escuridão para trás
For eternity I follow on ther Pela eternidade, eu sigo em frente
is no other way não há outro caminho
Mysteries of time clouds that hide the sun Mistérios do tempo, nuvens que escondem o sol
But I know, I know Mas eu sei, eu sei

(3/10) Brave New World (6:18) Admiravel Mundo Novo

Dying swans twisted wings Cisnes moribundos, asas distorcidas


Beauty not needed here Beleza não é necessária aqui
Lost my love, lost my life Perdi meu amor, perdi minha vida
In this garden of fear Nesse jardim de medo
I have seen many things Eu tenho visto tantas coisas
In a lifetime alone Em apenas uma vida
Mother love is no more O amor materno não existe mais
Bring this savage back home Leve esse selvagem para casa

Wilderness house of pain Desnorteadora casa de dor


Makes no sense of it all Ela não faz sentido algum
Close this mind dull this brain Aprisione essa mente, estupefique esse cérebro
Messiah before his fall Messias antes da sua queda
What you see is not real O que você vê, não é real
Those who know will not tell Aqueles que sabem não vão dizer
All is lost sold your souls Tudo está perdido, venda sua alma
To this brave new world Para esse admirável mundo novo

A brave new world Um admirável mundo novo


In a brave new world Em um admirável mundo novo
A brave new world Um admirável mundo novo
In a brave new world Em um admirável mundo novo

Dragon kings dying queens Reis despóticos matando rainhas


Where is salvation now? Onde está a salvação agora?
Lost my life, lost my dreams Perdi minha vida, meus sonhos
Rip the bones from my flesh Ossos arrancados da minha carne
Silent screams laughing here Gritos silenciosos gargalhando aqui
Dying to tell you the truth Morrendo para te dizerem a verdade
You are planned and you are damned Você é planejado e está condenado
In this brave new world Nesse admirável mundo novo

A brave new world Um admirável mundo novo


In a brave new world Em um admirável mundo novo
A brave new world Um admirável mundo novo
In a brave new world Em um admirável mundo novo
Dying swans, twisted wings Cisnes morrendo, asas distorcidas
Bring this savage back home Levem esse selvagem daqui

(4/10) Blood Brothers (7:14) Irmãos de Sangue

And if you're taking a walk through E se você está passeando pelo


the garden of life Jardim da vida
What do you think you'd expect you O que você pensa que
would see? Irá ver?
Just like a mirror reflecting the Somente um espelho refletindo os
moves of your life Movimentos de sua vida
And in the river reflections of me E no rio reflexos de mim

Just for a second Por um segundo


a glimpse of my father I see vejo de relance Meu pai
And in a movement he beckons to me E num movimento ele acena pra mim
And in a moment the memories are all Em um momento as memórias são tudo
that remain Que permanecem
And all the wounds are reopening again E todas as feridas estão reabrindo novamente

We're blood brothers Nós somos irmãos de sangue


… ...
And as you look all around at the E conforme você olha ao redor o
world in dismay Mundo em desânimo
What do you see, do you think we O que você vê? Você acha que
have learned Temos aprendido?
Not if you're taking a look at the Não, se você estiver olhando a
war-torn affray Guerra tumultuosa
Out in the streets where the babies Lá fora, nas ruas, onde bebês
are burned São queimados

We're blood brothers Nós somos irmãos de sangue


… ...
There are times when I feel I'm afraid Há horas que eu receio
for the world Pelo mundo
There are times I'm ashamed of us all Há horas que eu me envergonho por todos nós
When you're floating on all the Quando você está pairando sobre todas as
emotion you feel Emoções que se sente
And reflecting the good and the bad E refletindo o bem e o mal

Will we ever know what the answer Algum dia nós saberemos qual a resposta
to life really is? Para o que a vida realmente é?
Can you really tell me what life is? Você pode me dizer o que a vida realmente é?
Maybe all the things that you know Talvez todas coisas que você sabe
that are precious to you Que são preciosas para você
Could be swept away by fate's Possam ser varridas pela
own hand Própria mão do destino

We're blood brothers Nós somos irmãos de sangue


… ...
When you think that we've used Quando você pensa que nós já usamos todas as
all our chances Nossas chances
And the chance to make E a chance de fazer
everything right Tudo direito
Keep on making the same Continua fazendo os mesmos
old mistakes Velhos erros
Makes untipping the balance so easy Faz o equilíbrio tão fácil
When we're living our lives on Quando vivemos nossas vidas no
the edge Limite
Say a prayer on the book of the dead Faça uma oração ao livro dos mortos

We're blood brothers Nós somos irmãos de sangue


… ...
And if you're taking a walk through Se você está passeando pelo
the garden of life Jardim da vida

(5/10) The Mercenary (4:42) O Mercenario

Pay to kill, die to lose Pagar para matar, morrer para perder
Hunted, hunter which are you Caça, caçador, qual você é?
Diablo comes again Diablo volta novamente
To make trophies out of men A fazer de homens troféus.

Lose your skin, lose your skull Perca sua pele, perca seu crânio
One by one the sack is full Um por um o saco enche
In the heat dehydrate No calor desidrate,
Know which breath will be your last Saiba qual suspiro será seu último.

Nowhere to run, Nenhum lugar para correr,


nowhere to hide nenhum lugar para se esconder
You've got to kill to stay alive Você tem que matar para continuar vivo
Nowhere to run, Nenhum lugar para correr,
nowhere to hide nenhum lugar para se esconder
You've got to kill to stay alive Você tem que matar para continuar vivo

Show them no fear, Não lhes mostre seu medo,


show them no pain não lhes mostre sua dor
… ...
Human heart, human mind Coração humano, mente humana
Intellect intertwined Intelecto entrelaçado
Focus sharp in the night O foco afiado na noite
Watch the jungle burning bright Assistindo a selva queimando claro

Toe to toe throw the line Pé-ante-pé, arremesse a linha


Everyone's caught hand tied Todos pegos com as mãos amarradas
Iron will Iron fist Vontade de aço, punhos de aço,
How could it have come to this? Como tudo pôde chegar a isso?

Nowhere to run, Nenhum lugar para correr,


nowhere to hide nenhum lugar para se esconder
You've got to kill to stay alive Você tem que matar para continuar vivo
Nowhere to run, Nenhum lugar para correr,
nowhere to hide nenhum lugar para se esconder
You've got to kill to stay alive Você tem que matar para continuar

Show them no fear, Não lhes mostre seu medo,


show them no pain não lhes mostre sua dor
(6/10) Dream Of Mirrors (9:21) Sonho de Espelhos

Have you ever felt Alguma vez você já sentiu


The future is the past O futuro é o passado
But you don't know how? Mas você não sabe como...?
A reflected dream Um sonho refletido
Of a captured time De uma ocasião capturada
Is it really now is it really happening? É realmente agora? Está realmente acontecendo?

Don't know why I feel this way Não sei porque me sinto assim
Have I dreamt this time, this place? Eu sonhei essa vez, com esse lugar?
Something vivid comes again Alguma coisa vívida vem novamente
into my mind em minha mente
And I think I've seen your face E eu acho que vi seu rosto
Seen this room, been in this place Vi esse quarto, estive nesse lugar
Something vivid comes again Alguma coisa vívida vem novamente
into my mind em minha mente

All my hopes and expectation Toda minha esperança e expectativa


Looking for an explanation Procurando por uma explicação
Have I found my destination? Eu achei meu destino?
I just can't take no more Eu simplesmente não posso mais aguentar

The dream is true, the dream is true O sonho é real, o sonho é real
The dream is true, the dream is true O sonho é real, o sonho é real

Think I've heard your voice before Acho que ouvi sua voz antes
Think I've said these words before Acho que já disse essas palavras antes
Something makes me feel Alguma coisa me faz sentir
I just might lose my mind que posso ter perdido minha mente
Am I still inside my dream? Ainda estou dentro de meu sonho
Is this a new reality Essa é uma nova realidade?
Something makes me feel that I have Alguma coisa me faz sentir que posso ter
lost my mind perdido minha mente

All my hopes and expectation Toda minha esperança e expectativa


Looking for an explanation Procurando por uma explicação
Coming to the realisation Vindo para a realização
I just can't see for sure Que eu não consigo ver direito

I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco


I only dream 'cause I am alive Eu só sonho porque estou vivo
I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco
To save me from myself Para me salvar de mim mesmo

I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco


I only dream 'cause I'm alive Eu só sonho porque estou vivo
I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco
Please, save me from myself Por favor salve-me de mim mesmo

The dream is true, the dream is true O sonho é real, o sonho é real
The dream is true, the dream is true O sonho é real, o sonho é real

I get up put on the light Eu levanto e acendo a luz


Dreading the oncoming night Temendo a próxima noite
Scared to fall asleep and dream the dream again Com medo de dormir e sonhar o sonho de novo

Nothing that I contemplate Nada que eu contemplo


Nothing that I can compare Nada que eu posso comparar
To letting loose the demons Para deixar perdidos os demônios
deep inside my head dentro da minha cabeça

Dread to think what might be stirring Temendo pensar o que poderia ser agitado
That my dream is reoccurring Que meu sonho é recorrente
Got to keep myself from drifting Preciso ficar longe da correnteza
Saving me from myself Me salvando de mim mesmo

I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco


I only dream 'cause I'm alive Eu só sonho porque estou vivo
I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco
To save me from myself Para me salvar de mim mesmo

I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco


I only dream, 'cause I'm alive Eu só sonho porque estou vivo
I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco
To save me from myself… Para me salvar de mim mesmo

Lost in a dream of mirrors Perdido num sonho de espelhos


Lost in a paradox Perdido num paradoxo
Lost and time is spinning Perdido e o tempo está passando
Lost a nightmare I retrace Perdido num pesadelo que eu me recordo

Lost a hell that I revisit Perdido, um inferno que eu visitei de novo


Lost another time and place Perdido, outro tempo e espaço
Lost a parallel existence Perdido, uma existência paralela
Lost a nightmare, I retrace Perdido, um pesadelo que eu me recordo

I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco


I only dream 'cause I'm alive Eu só sonho porque estou vivo
I only dream in black and white Eu só sonho em preto e branco
To save me from myself Para me salvar de mim mesmo

… ...
The dream is true, the dream is true O sonho é real, o sonho é real

(7/10) The Fallen Angel (4:00) O Anjo Caído

Azazel is besides you Azazel está perto de você


And he's playing a game. E ele está jogando.
Demons are inside you Demônios estão dentro de você
and they are making a prayer e eles estão fazendo uma oração
Watching on their hiding Eles observam e se escondem
as they wait for the time ao esperarem pela hora certa
For the devil to get ready and take over heaven Para o diabo se preparar e tomar o céu

You and only god will know Você e apenas Deus saberiam
What can be done? O que poderia ser feito?
You and only god will know Você e apenas Deus saberão
I am the only one. Que eu sou o único
You and only god will know Você e apenas Deus saberiam
What can be done? O que poderia ser feito?
You and only god will know Você e apenas Deus saberão
I am the chosen one. Eu sou o escolhido

Could it be it's the end of the world? Será possível, é o fim do nosso mundo?
All the things that we charish and Love Todas as coisas que apreciamos e amamos
Nothing left but to face this Nada mais além de encarar tudo isso
all of my own por mim mesmo
Cause I am the chosen one. Porque eu sou o escolhido

Beaten Fallen angel Ora um derrotado anjo caído,


But I've risen again Mas eu reapareci
And the power is inside me E o poder está dentro de mim,
I've decided to pray Eu decici rezar
He's awake for armageddon E espero pelo armagedom,
And he's coming my way Que virá como eu quero
It's an honor to be chosen É uma honra ser escolhido
And awaken from the dead E despertar dos mortos

(8/10) The Nomad (9:05) O Nômade

Like a mirage riding on the desert sand Como uma miragem viajando nas areias do deserto
Like a vision floating Como uma visão flutuando
with the desert winds com os ventos do deserto
Know the secret of the ancient desert lands Sabe o segredo das antigas terras do deserto
you're the keeper of the mystery in your hands Você guarda esse mistério em suas mãos

Nomad rider of the ancient east Nômade, viajante do antigo leste


Nomad rider that men know the least Nômade, viajante que os homens pouco conhecem
Nomad where you come from no one knows Nômade, da onde você vem, ninguém sabe
Nomad where you go to no one tells Nômade, para onde você vai, ninguém diz

Undercover of the veil of your disguise Encoberto pelo máscara do seu véu
The men that fear you Os homens que te temem
are the ones that you despise são aqueles que você despreza
No one's certain what your future will behold Ninguém sabe o que o futuro lhe reserva
You're a legend your own history will be told Você é uma lenda, sua própria história será contada

Nomad rider of the ancient east Nômade, viajante do leste remoto


Nomad rider that men know the least Nômade, viajante que os homens pouco conhecem
Nomad where you come from no one knows Nômade, da onde você vem, ninguém sabe
Nomad where you go to no one tells Nômade, para onde você vai, ninguém diz

No one dares to even look Ninguém nunca se atreve a te olhar


or glance your way ou cruzar seu caminho
Your reputation goes before you they all say Sua reputação o precede, é o que todos dizem
Like a spirit that can disappear at will Como um espírito que pode desaparecer ao desejar
Many claim of things but no one's seen you kill Muitos alegam coisas mas ninguém viu você matar

Nomad, you're the rider so mysterious Nômade, você é o viajante, mas tão misterioso
Nomad, you're the spirit Nômade, você é o espírito
that men fear in us que os homens temem em nós
Nomad, you're the rider of the desert sands Nômade, você é o viajante nas areias do deserto
No man's ever understood your genius Nenhum homem compreendeu sua genialidade

Those who see you Os que viram você


in horizon desert sun no horizonte do deserto ensolarado
Those who fear your reputation Os que temem que sua reputação
hide or run se escondem ou correm
You send before you a mystique Você mandou antes de você uma mística
that's all your own que é tão sua
Your silhouette is like a statue Sua silhueta é como uma estátua
carved in stone esculpida na pedra

Nomad, you're the rider so mysterious Nômade, você é o viajante, mas tão misterioso
Nomad, you're the spirit Nômade, você é o espírito
that men fear in us que os homens temem em nós
Nomad, you're the rider of the desert sands Nômade, você é o viajante nas areias do deserto
No man's ever understood your genius Nenhum homem compreendeu sua genialidade

Legend has it that you speak A lenda diz que você dialoga
an ancient tongue numa linguagem remota
But no one's spoke to you Mas ninguém conversou com você
and lived to tell the tale e viveu para contar a história
Some they say that you have killed Alguns dizem que você matou
a hundred man uma centena de homens
Others say that you have died and live again Outros dizem que você morreu e vive outra vez

Nomad, you're the rider so mysterious Nômade, você é o viajante tão misterioso
Nomad, you're the spirit Nômade, você é o espírito
that men fear in us que os homens temem em nós
Nomad, you're the rider of the desert sands Nômade, você é o viajante das areias do deserto
No man's ever understood your genius Nenhum homem compreendeu sua genialidade

(9/10) Out Of The Silent Planet (6:25) Fora do Planeta do Silêncio

Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio


Out of the silent planet we are Fora do planeta do silêncio nós estamos
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Out of the silent planet we are Fora do planeta do silêncio nós estamos
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Out of the silent planet we are Fora do planeta do silêncio nós estamos
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Out of the silent planet we are Fora do planeta do silêncio nós estamos

Withered hands, Mãos murchadas,


withered bodies begging for salvation corpos murchados implorando por salvação
Deserted by the hand of gods Abandonados pela mão dos deuses
of their own creation em sua própria criação
Nations cry Nações choram
underneath decaying skies above debaixo de deteriorados céus acima
You are guilty Vocé é culpado

The punishment is death for all who live a punição é morte a todos os que vivem
The punishment is death for all who live a punição é morte a todos os que vivem
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Dreams of desolation Sonhos de desolação
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Come the demons of creation Venham os demônios da criação

Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio


Dreams of desolation Sonhos de desolação
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Come the demons of creation Venham os demônios da criação

The killing fields, Os campos de matança,


the grinding wheels crushed by equilibrium as rodas moedoras esmagados pelo equilíbrio
Separate lives no more disguise, Vidas separadas não mais disfarce,
no more second chances não mais segundas chances
Haggard wisdom spitting out Sabedoria desfigurada cuspindo
the bitter taste of hate o amargo gosto de ódio
I accuse you Eu te acuso

Before you know the crime it's all too late antes que você saiba o crime, já é tarde demais
Before you know the crime it's all too late antes que você saiba o crime, já é tarde demais

Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio


Dreams of desolation Sonhos de desolação
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Come the demons of creation Venham os demônios da criação
… ...
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Out of the silent planet we are Fora do planeta do silêncio nós estamos
Out of the silent planet Fora do planeta do silêncio
Out of the silent planet we are Fora do planeta do silêncio nós estamos

(10/10) The Thin Line Between A Tênue Linha Entre


Love And Hate (8:27) o Amor e o Ódio

When a person turns to wrong Quando uma pessoa se torna errada


Is it a want to be, belong? É uma vontade de ser, pertencer?
Part of things at any cost Parte das coisas que se faz a qualquer custo
At what price a life is lost? A qual preço uma vida é perdida?

At what point do we begin Do ponto em que começamos


Fighter spirit a will to win Espírito lutador, uma vontade de vencer
But what makes a man decide Mas o que faz um homem decidir
Take the wrong or righteous road Seguir o caminho de errado ou do certo

There's a thin line between love and hate Existe uma tênue linha entre o amor e o ódio
Wider divide that you can see Tão separada que você não consegue distinguir
between good and bad entre o bem e o mal
There's a grey place between black and white Existe um lugar cinza entre o preto e o branco
But everyone does have the right to Mas todos têm o direito de escolher
Choose the path that he takes Qual caminho seguirá

We all like to put the blame Nós adoramos pôr a culpa


On society, these things Na sociedade, em relação a essas coisas
But what kind of good or bad Mas o que de bom ou ruim
A new generation brings? Uma nova geração traz?

Sometimes takes just more than that As vezes é mais complicado que isso
To survive be good at heart Sobreviver, ter bom coração
There is evil in some of us Existe um mal em alguns de nós
No matter what will, never change Não importa o que aconteça, nunca mudaremos

I will hope Eu terei esperança


My soul will fly Minha alma voará
So I will live forever E eu viverei eternamente
Heart will die O coração morrerá
My soul will fly Minha alma voará
I will live forever Eu viverei eternamente

Just a few small tears between Apenas algumas pequenas lágrimas existem entre
Someone happy and one sad Alguém feliz e alguém triste
Just a thin line drawn between Apenas uma tênue linha desenhada entre
Being a genius or insane Ser um gênio ou louco

At what age begin to learn A que idade começaremos a aprender


Of which way out we will turn? Que caminho iremos pegar?
There's a long and widing road Existe uma longa e desenrolada rua
And the trail is there to burn E a trilha está lá para ser queimada

There's a thin line between love and hate Existe uma tênue linha entre o amor e o ódio
Wider divide that you can see Tão separada que você não consegue distinguir
between good and bad entre o bem e o mal
There's a grey place between black and white Existe um lugar cinza entre o preto e o branco
But everyone does have the right to Mas todos têm o direito de escolher
Choose the path that he takes O caminho que seguirá

I will hope Eu terei esperança


My soul will fly Minha alma voará
So I will live forever E eu viverei eternamente
Heart will die O coração morrerá
My soul will fly Minha alma voará
And I will live forever Eu viverei eternamente

There's a thin line between love and hate Existe uma tênue linha entre o amor e o ódio

THE WICKER MAN: fala sobre o egoismo do ser humano e do nosso desinteresse sobre a vida
em geral. Cita um personagem interessante da mitologia grega: o barqueiro (ferrymen) Caronte.

"Caronte, velho e esquálido, mas forte e vigoroso, que recebia em seu barco passageiros de
todas as espécies, tão numerosos quanto as folhas no outono. Todos se aglomeravam para
passar, mas o barqueiro só levava aqueles que escolhia, empurrando os restantes para trás.
Aqueles que são acolhidos a bordo do barco são as almas dos que receberam os devidos ritos
fúnebres. Os espíritos dos outros, que ficaram insepultos, não podem passar o rio, mas vagueiam
cem anos acima e abaixo de sua margem, até que finalmente sejam levados".

Caronte fazia a travessia das almas dos mortos para o outro lado, para Hades, sobre as
águas dos rios Estige e Aqueronte. Era comum na Grécia Antiga o enterro dos mortos com uma
moeda sobre a boca, ou dentro dela para o pagamento do barqueiro. Quem não tinha essa moeda
era o povo que ficava vagando.
"The shadow of the Wicker man is rising up again". O filme The Wicker Man (original de
1973, e remake de 2006) inspirou a citação da frase na música.

O Wicker Man (o homem de vime ou homem de palha), era uma estátua representando um
ser humano, usada pelos druidas em um ritual muito legal. Eles colocavam coisas vivas dentro do
homem de palha, como animais e às vezes seres humanos, tacavam fogo neles, pegavam as
cinzas e espalhavam pelos campos para fertilizá-los! Há quem desconfie dos sacrifícios humanos,
pois não houveram testemunhas oculares.

GHOST OF THE NAVIGATOR: uma metáfora sobre a vida. O mar é a vida, a rota para o oeste é a
morte, pois é onde o sol se põe. O timoneiro do navio somos nós, que viajamos durante a noite,
que é a representação da escuridão, do desconhecido. E durante o dia, o sol é encoberto pelas
nuvens, mas mesmo assim seguimos adiante.

Navegamos por entre as rochas, as sereias tentam nos distrair, e nos seguramos com força
ao leme. Não vamos desistir agora que deixamos a escuridão para trás... afinal, não temos outra
saída! Precisa falar mais algo?

BRAVE NEW WORLD: Admirável Mundo Novo, é uma grandiosa obra do escritor inglês Aldous
Huxley (1894–1963). O livro descreve uma sociedade extremamente científica, onde as pessoas
são pré-condicionadas biologicamente e condicionadas psicologicamente a viverem em harmonia
com as leis e regras sociais da sociedade. Esta sociedade não possui ética religiosa e valores
morais. Qualquer dúvida e insegurança dos cidadãos era dissipada com o consumo da droga sem
efeito colateral aparente, chamada "soma". As crianças têm educação sexual desde os mais tenros
anos da vida. O conceito de família também não existe.

O nome Brave New World por sua vez, é baseado na obra de Shakespeare (sempre ele), “A
Tempestade” (1.612), que traz em sua página 109, (Ato V, cena I) a citação de Miranda:

Oh! Que milagre!


Que soberbas criaturas aqui vieram!
Como os homens são belos!
Admirável mundo novo que tem tais habitantes!

BLOOD BROTHERS: fala da relação de Steve Harris com seu pai. Isso fica evidente neste trecho:

"Just for a second a glimpse of my father I see


And in a movement he beckons to me
And in a moment the memories are all that remain
And all the wounds are reopening again"

A música fala sobre o sentido da vida, assunto recorrente nos álbuns da banda.

THE MERCENARY: fala sobre um mercenário, assim como em "The Assassin", que fala de um
assassino, e só!

DREAM OF MIRRORS: é outra faixa sobre os sonhos de Harris. O cara sonha e faz a música
depois. A música fala do lado escuro das coisas, sobre pensamentos, sobre o conflito realidade X
ilusão. Algo citado na música, é o tal do sonho em preto e branco, "I only dream in black and white".

Sim, existem pessoas que sonham em preto e branco (ou em tons pastéis), mas são
poucas. É uma discussão que existe desde os anos 50. Há estudos mostrando que o número de
pessoas que sonhavam colorido aumentava, conforme as pessoas usavam TV colorida!
THE FALLEN ANGEL: fala sobre a batalha do bem contra o mal, que segundo Harris,
supostamente, acontece dentro de nós.

Azazel é um anjo, ou é um lugar ou é aquele que é mandado embora.

Ele é mencionado no Velho Testamento (Torá), em Levítico 16, onde Arão fala de dois
bodes, um que é sacrificado para Deus e outro que é enviado para Azazel.

No dia da expiação, Yom Kippur, é feito um rito onde um bode "recebe" todos pecados do
povo de Israel, e é enviado para o deserto como forma de expiação, daí o nome, bode de expiação
(no inglês, escape goat).

Azazel é o lugar para onde o bode vai, ou, ele é o demônio quem reclama por este bode. A
maioria das fontes apontam Azazel como um anjo caído.

A expressão bode expiatório (pessoa ou grupo de pessoas, comumente inocente, que leva a
culpa por uma série de eventos através de um complô) que usamos hoje em dia vem desta lenda
judaica.

O dia de Yom Kippur é feriado judaico, segundo a tradição eles tem de ficar num jejum de 25
horas, não podem ter relações conjugais, não poder usar nada de couro (não podem usar nada
que seja resultante da morte de algum animal), não podem tomar banho e nem passar perfume.
Pois é....

THE NOMAD: fala sobre a vida de um nômade, um cara sem destino, que vive zanzando no
deserto.
Os seres humanos, antes de descobrirem a agricultura, eram basicamente nômades,
ficavam num local até que a comida acabasse ou se tornasse perigoso. Graças à agricultura, o
povo tornou-se sedentário, começou a se concentrar, concentrar ... até chegar nesse caos que é
hoje. Porém, ainda assim muitos povos não deixaram com sua vida de errantes, e continuam sua
lida de nunca ficarem parados num lugar só, seja na tundra, seja no deserto, seja nas grandes
cidades.

OUT OF THE SILENT PLANET: inspirada no filme “The Forbidden Planet” (1.956), com Leslie
Nielsen. O filme é baseado na peça “A Tempestade”, de Shakespeare... é, a mesma peça que
inspirou o nome Brave New World de Huxley. Este filme inspirou Star Trek, que surgiu 10 anos
depois, com o capitão James T. Kirk, interpretado por Willian Shatner, que anos mais tarde
representaria um dos advogados mais loucos do mundo em... Onde estava, mesmo? Ah é, no
planeta proibido.

A música tem uma interpretação bem ampla, por exemplo, em "Withered hands, withered
bodies begging for salvation" pode ser considerado o sofrimento das pessoas que pedem por
salvação ou por uma vida melhor; "Deserted by the hand of gods of their own creation", aqui as
pessoas foram abandonas pelos deuses que elas mesmas criaram, ou seja, todo aquele castelo de
areia, de ilusões dos mitos, não mais existe, o que existe apenas é a dura e cruel realidade, e por
aí vai. O planeta silencioso parece ser a Terra. Mas se você achar que a letra fala de alguma
guerra nuclear, também cabe aí, depende da luz que você der à letra.

THE THIN LINE BETWEEN LOVE AND HATE: fala novamente de bem e mal, sobre a linha tênue
que os separa, aquele velho conceito judaico-cristão. As letras de cunho cristão da banda
normalmente são de Steve Harris, e esta não é diferente (feita em parceria com Dave Murray).

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


2002
CD one
1. "Burning Ambition" 2:42
2. "Drifter" (live) 6:03
3. "Invasion" 2:39
4. "Remember Tomorrow" (live) 5:28
5. "I've Got the Fire" 2:39
6. "Cross-Eyed Mary" 3:56
7. "Rainbow's Gold" 4:59
8. "King of Twilight" 4:53
9. "Reach Out" 3:33
10. "That Girl" 5:05
11. "Juanita" 3:47
12. "The Sheriff of Huddersfield" 3:35
13. "Black Bart Blues" 6:41
14. "Prowler '88" 4:09
15. "Charlotte the Harlot '88" 4:13

CD two
1. "All in Your Mind" 4:31
2. "Kill Me Ce Soir" 6:17
3. "I'm a Mover" 3:29
4. "Communication Breakdown" 2:42
5. "Nodding Donkey Blues" 3:17
6. "Space Station No. 5" 3:47
7. "I Can't See My Feelings" 3:50
8. "Roll over Vic Vella" 4:48
9. "Justice of the Peace" 3:33
10. "Judgement Day" 4:04
11. "My Generation" 3:37
12. "Doctor Doctor" 4:50
13. "Blood on the Worlds Hands" (live) 6:07
14. "The Aftermath" (live) 6:45
15. "Futureal" (live) 3:01
16. "Wasted Years '99" (live) 5:00

Sabbath Bloody Sabbath (05:33) Sabbath Bloody Sabbath

You've seen life Você tem visto a vida


through distorted eyes através dos olhos distorcidos
You know you had to learn Você sabe que você teve que aprender
The execution of your mind A execução da sua mente
You really had to turn Você realmente tem que transformar

The race is run the book is read A corrida é iniciada eo livro é lido
The end begins to show O fim começa a mostrar
The truth is out, the lies are old A verdade está lá fora, as mentiras são velhas
But you don't want to know Mas você não quer saber

Nobody will ever let you know Ninguém nunca vai deixar você saber
When you ask the reasons why Quando você pergunta as razões pelas quais
They'll just tell you that you're on your own Eles apenas dizem que você está no seu próprio
Fill your head all full of lies Preencha sua cabeça toda cheia de mentiras
The people who have crippled you As pessoas que você aleijados
You want to see them burn Você quer vê-los queimar
The gates of life have closed on you Os portões da vida fecharam em você
And now there's just no return E agora não é só sem retorno

You're wishing that the hands of doom Você está desejando que as mãos da desgraça
Could take your mind away Poderia levar a sua mente longe
And you don't care if you don't see E não me importo se você não vê
Again the light of day Mais uma vez a luz do dia

Nobody will ever let you know Ninguém nunca vai deixar você saber
When you ask the reasons why Quando você pergunta as razões pelas quais
They'll just tell you that you're on your own Eles apenas dizem que você está no seu próprio
Fill your head all full of lies Preencha sua cabeça toda cheia de mentiras
You bastards! Você bastardos!

Where can you run to Onde você pode correr


What more can you do O que mais você pode fazer
No more tomorrow Não mais amanhã
Life is killing you A vida está matando você
Dreams turn to nightmares Sonhos se voltam para pesadelos
Heaven turns to hell Céu se volta para o inferno
Burned out confusion Queimado confusão
Nothing more to tell Nada mais a dizer

Everything around you Tudo ao seu redor


What's it coming to O que está vindo para
God knows as your dog knows Deus sabe como seu cão sabe
Bog blast all of you Bog explodir todos vocês
Sabbath Bloody Sabbath Sabbath Bloody Sabbath
Nothing more to do Nada mais a fazer
Living just for dying Vivendo apenas para morrer
Dying just for you Morrendo só para você

That Girl (05:04) Aquela Garota

The words she said turned out why As palavras que ela disse revelaram porque,
desperation fills her eyes O desespero enche os olhos dela
Hold her in your arms don't let go Segure-a em seus braços, não a deixe ir

When you taste defeat, Quando você prova o gosto da derrota,


when you loose again Quando você perde novamente
Fight and win, never give in Lute e vença, nunca desista
Hold her in your arms don't let go Segure-a em seus braços, não a deixe ir

That girl you need Aquela garota, você precisa


Gonna knock you off your feet Ela vai te atordoar completamente
That girl, you know Aquela garota, você sabe
She'll never let you go Ela nunca vai deixar você ir

That girl, That girl, Aquela garota, Aquela garota,


That girl you need Aquela garota você precisa

Can you hear her call, Você pode ouvir o seu chamado,
call out your name chame seu nome
Think about you, cry without you Penso em você, choro sem você
Hold her in your arms, don't let go Segurá-la em seus braços, não deixe ir

Can you taste defeat, Você consegue sentir o gosto da derrota


when you loose again Quando você perde novamente
Fight and win, never give in Lute e vença, nunca desista
Hold her in your arms don't let go Segure-a em seus braços, não a deixe ir

That girl, That girl, Aquela garota, Aquela garota,


That girl you need Aquela garota você precisa

You need! Você precisa

Juanita (03:45) Juanita

Yeah, it cost me a bundle Sim, custou certo preço


Trying to track you down, it's true Tentando ir ao seu encalço, é verdade
Yeah, and it's the truth Sim, e é verdade
I'm looking from town to town for you Que estou te procurando de cidade em cidade
You know you never offered much security Você sabe que nunca ofereceu muita segurança
Do you know I'm gonna get you back? Você sabe que vou te pegar de volta?
You just wait and see Espere e você verá

I'm never goin' back, Juanita Eu nunca voltarei, Juanita


I know you never got my call Eu sei que você nunca recebeu minha ligação
I'm never goin' back, Juanita Eu nunca voltarei, Juanita
Never at all De maneira alguma

Yeah, I'm spending a long time Sim, eu estou gastando muito tempo
Trying to work it out for true Tentando fazer isso acontecer, é verdade
Yeah, it's such small crime Sim, é um pequeno crime
Thirsting over you Tendo sede por você
Living in a Cheisea flat Viver num apartamento em Chelsea
Seems so lonely now Parece ser tão solitário agora
I just know I gotta get you back Eu só quero saber que vou te pegar de volta
I just don't know how Eu só não sei como

Yeah, I just got to tell you Sim, eu tenho que te dizer


I'm gonna leave it up to you Eu vou deixar por sua conta
Yeah, what more can I say? Sim, o que mais posso dizer?
What more can I do? O que mais posso fazer?
Living in a Cheisea flat Viver num apartamento em Chelsea
Seems so lonely now Parece ser tão solitário agora
I just know I gotta get you back Eu só quero saber que vou te pegar de volta
I just don't know how Eu só não sei como

I'm never goin' down on, Juanita Eu nunca mais vou continuar, Juanita
Never gonna make that call Nunca farei essa ligação
Never goin' down on, Juanita Nunca mais vou continuar, Juanita
Never at all De forma alguma
I'm never goin' down on, Juanita Eu nunca mais vou continuar, Juanita
Never gonna make that call Nunca farei essa ligação
Never goin' down on, Juanita Nunca mais vou continuar, Juanita
Two fingers at all Dois dedos, mesmo assim
I'm never goin' back, Juanita Eu nunca voltarei, Juanita
Never goin' down on you Nunca voltarei por você
Juanita, I'm never goin' back, Juanita Juanita, eu nunca voltarei Juanita

Massacre (02:53) Massacre

at a point below zero A um ponto abaixo de zero


there's no place left to go Há nenhum lugar para correr
six hundred unknown heroes Seiscentos heróis desconhecidos
killed like sleeping buffalo Mortos como búfalos dormentes

Through the devil's canyon Pelo desfiladeiro do diabo


across the battlefield Pelo campo de batalha
Death has no companion Morte não tem nenhum companheiro
the spirit's lost O espírito está perdido

There goes the bandolero Lá vai o bandolero


through the hole in the wire Pelo buraco no arame
he's a coward but he doesn't care Ele é um covarde mas ele não se preocupa
doesn't care if he lives or if he dies Não se preocupe se ele viver ou se ele morre

the general commanding O general comandando


defending what we feel Defendendo o que nós sentimos
the troops they are depending As tropas que eles estão dependendo
on reinforcements from the rear Em reforços da retaguarda

If God is in this heaven Se Deus está neste céu


how come there's no heaven here? Como venha não há nenhum céu aqui?
In God's name they use weapons No nome de Deus eles usam armas
for the massacre Para a massacre

at a point below zero A um ponto abaixo de zero


the sun can see the land O sol pode ver a terra
six hundred unknown heroes Seiscentos heróis desconhecidos
lay dead beneath the sand Morto secular em baixo da areia

All in Your Mind (04:31) Tudo Em Sua Mente

Look inside your head and find Olhe dentro de sua cabeça e procure,
And tell me now that it's all in your mind me fale agora e está tudo em sua mente
Look inside your head and find Olhe dentro de sua cabeça e procure
A way deep inside and it's all in your mind um modo bem fundo e está tudo em sua mente

It's all in your mind, Está tudo em sua mente,


it's all in your mind está tudo em sua mente

Revolution, air pollution Revolução, poluição do ar


Chairman Mao Tse Tung Presidente Mao Tse Tung
is in your mind está em sua mente
(but he's dead now... (mas ele está morto agora...
he's not very well anyway!) ele não está muito bem de qualquer maneira!)
New day breaking, Um novo dia nascendo
people hating pessoas odiando
Love supreme, Amor é um sonho
but it's all in your mind mas está tudo em sua mente

It's all in your mind, Está tudo em sua mente,


it's all in your mind está tudo em sua mente

Segregation, preservation Segregação, preservação,


Politicians all are in your mind políticos estão todos em sua mente
Pewter Suta, kama sutra Pewter Suta, Karma Sutra,
Even Blankenheimer is in your mind até mesmo Blanckenheimer em sua mente

It's all in your mind, Está tudo em sua mente,


it's all in your mind está tudo em sua mente

Kill Me Ce Soir (06:18) Me Mate Hoje À Noite

Remember that song called kill me, Lembra-se daquela música chamada mate-me
from victim's last LP do último LP da vítima
Too much of a risk for a golden disc, Arriscado demais por um disco de ouro,
the price he paid for money o preço que ele pagou por dinheiro
Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un rock'n'roll star assassinato de uma estrela do Rock and Roll
Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un rock'n'roll star assassinato de uma estrela do Rock and Roll

Sing your song, Cante sua canção,


you can't go wrong, você não pode estar errado,
empted his business advisor disse seu consultor de negócios
No need for alarm, Não precisa ficar alarmado,
you'll come to no harm, nada vai te acontecer,
he didn't mention the sniper ele não mencionou sobre o cortador
Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un rock'n'roll star assassinato de uma estrela do Rock and Roll
Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un rock'n'roll star assassinato de uma estrela do Rock and Roll

The news is read, A notícia é lida,


the need is fed, a necessidade é alimentada,
one yawn, two yawn, um bocejo, dois bocejos
and back to bed e de volta pra cama
Turn off the light, Desligue as luzes
and hold me tight, e me abrace forte,
c'mon, maman, vamos lá, mamãe,
bend down your head abaixe sua cabeça
And just sing on, E apenas continue a cantar,
immortal song, música imortal, concluída,
fini, belle vie, bonne nuit vida feliz, boa noite
Remember that song Lembra-se daquela música
called kill me, chamada mate-me,
a lecture on political chicanery uma leitura sobre questões políticas
Of peoples rape, Do rapto de pessoas,
recorded on tape, gravados numa fita,
brought shame to the presidency trouxe vergonha para a presidência
Tonight, tonight, Hoje à noite, hoje à noite,
one more point for human rights mais um ponto para os direitos humanos
Tonight, tonight, Hoje à noite, hoje à noite,
one more point for human rights mais um ponto para os direitos humanos
Remember that song kill me, Lembra-se daquela música chamada mate-me,
once used by a man from Gallilee uma vez usada por um homem da Galileia
He had nothing to lose, Ele não tinha nada para perder,
he was King of the Jews, ele era o Rei dos judeus,
secured his place in History garantiu seu nome na História

Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,


assassination d'un provocateur assassinato de um agitador
Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un provocateur assassinato de um agitador
The news is read, A notícia é lida,
the poison's spread, o veneno é espalhado,
one yawn, two yawn, um bocejo, dois bocejos,
and back to bed e de volta para a cama
Turn off the light, Desligue as luzes
and hold me tight, e me abrace forte,
c'mon, maman, amos lá, mamãe,
bend down your head abaixe sua cabeça
And just sing on, E apenas continue a cantar,
immortal song, fini, belle vie música imortal, concluída, vida feliz
Turn off the light Desligue as luzes
and hold me tight, come on e me abrace forte, vamos lá

Vick played his part Vick fez sua parte


with all his heart, com todo seu coração,
he wasn't prepared for the shock ele não estava preparado para o choque
When hollow lead bit Quando o gemido aconteceu
into his head, dentro de sua cabeça,
a new martyr for the book of rock um novo mártir para o livro do rock
When hollow lead bit Quando o gemido aconteceu
into his head, dentro de sua cabeça,
a new martyr for the book of rock um novo mártir para o livro do rock

Ce soir, assassination Hoje à noite, assassinato


d'un rock'n'roll star de uma estrela do Rock and Roll
Ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un rock'n'roll star assassinato de uma estrela do Rock and Roll
Ce soir, assassination d'un rock'n'roll provocateur Hoje à noite, assassinato de um agitador
Ce soir, ce soir, ce soir, Hoje à noite, hoje à noite, hoje à noite,
assassination d'un rock'n'roll star assassinato de uma estrela do Rock and Roll

Communication Breakdown (02:40) Quebra de Comunicação

Hey girl, what you doin'? Hey garota, o que você está fazendo?
Hey girl, you'll drive me to ruin Hey garota, você vai me levar à ruína
I don't know what it is about you Eu não sei o que é isso que vi em você
But I like it a lot Mas eu gosto muito
Oh why don't you let me hold you Oh porque não me deixa te abraçar
Let me feel your lovin' touch Me deixe sentir seus encantos amorosos
Communication breakdown, Quebra de comunicação
it's always the same é sempre assim
I'm having a nervous breakdown, Eu estou tendo um colapso nervoso
drive me insane! me levando à loucura!
Hey girl, Hey garota,
I got something I think u tenho algo que
you want to know você deveria saber
Hey girl, Hey babe,
I wanna tell you that I love you so eu quero te dizer o quanto eu te amo
I wanna hold you in my arms Eu quero te segurar nos meus braços
And feel your love tonight E sentir seu amor esta noite
I'm never gonna let you go Eu nunca vou deixar você desistir
'Cause I like your charms Porque eu gosto do seu charme

Communication breakdown, Quebra de comunicação


it's always the same é sempre assim
I'm having a nervous breakdown, Eu estou tendo um colapso nervoso
drive me insane! me levando à loucura!
Communication breakdown, Quebra de comunicação
it's always the same é sempre assim
I'm having a nervous breakdown, Eu estou tendo um colapso nervoso
drive me insane! me levando à loucura!

Communication breakdown Quebra de comunicação


Communication breakdown Quebra de comunicação
Communication breakdown Quebra de comunicação

I want to feel your love all night Eu quero sentir seu amor a noite toda
Communication breakdown Quebra de comunicação
Communication breakdown Quebra de comunicação
I'm gonna make your telephone work tonight Eu vou fazer seu telefone trabalhar esta noite
Communication breakdown Quebra de comunicação

I Can't See My Feelings (03:51) Eu Não Consigo Ver Meus Sentimentos

I can't see my feelings Eu não consigo ver meus sentimentos


Open my eyes Abra meus olhos
I can't see my feelings Eu não consigo ver meus sentimentos
Open a pair of eyes Abra um par de olhos

I can't see my feelings Eu não consigo ver meus sentimentos


Keep them behind Deixei-os para trás
I just keep on reeling Eu só continuo a vacilar
Running back down the line Retrocedendo

Oh, I can't stand that screaming Oh, eu não vou segurar esse grito
Don't even try Não pense em tentar
Music fans some feelings Fãs da música, alguns sentimentos
It'll be tell me why Isso vai me dizer o motivo

I can't stop that feeling Não consigo parar com esse sentimento
Showing me why Me mostrando o motivo
Man I love that feeling Cara, eu adoro essa sensação
Yeah, blowin' me right through the sky Sim, me levando para os céus

Oh hey hey hey hey hey hey Oh hey hey hey hey hey hey
Oh, listen to what she says Oh, ouça o que ela diz,
If it's good, it's nice Se for bom, está tudo bem
2003
1. Wildest Dreams Smith/Harris 3:52
2. Rainmaker Murray/Harris/Dickinson 3:48
3. No More Lies Harris 7:21
4. Montsegur Gers/Harris/Dickinson 5:50
5. Dance Of Death Gers/Harris 8:36
6. Gates Of Tomorrow Gers/Harris/Dickinson 5:12
7. New Frontier McBrain/Smith/Dickinson 5:04
8. Paschendale Smith/Harris 8:28
9. Face In The Sand Smith/Harris/Dickinson 6:31
10. Age Of Innocence Murray/Harris 6:10
11. Journeyman Smith/Harris/Dickinson 7:06

Inesperadamente a banda resolveu explorar um lado perigoso e experimentou um pouco


nesse cd, o que é uma grata surpresa. Mas não pense que o Maiden mudou, muito pelo contrário.
O som é o de sempre, só que há elementos novos. Tudo bem que aquelas introduções à la “X
Factor” continuam (fazer o quê), assim como o terrível timbre de guitarra de Janick Gers, mas as
músicas compensam tudo isso.

O CD começa com o primeiro single “Wildest Dreams”, que alguns fanáticos pela banda não
gostaram. Alegre demais, é um hard rock feito pra tocar nas rádios, que ainda bem não reflete o
resto do trabalho. Uma composição direta, não apresenta muitas variações, típico hard/heavy com
um refrão empolgante, mas, pode ser um pouco chatinha para quem gostou das longas e épicas
faixas da Donzela.

“Rainmaker” vem logo em seguida e arrebenta com tudo. Talvez seja a melhor música do
álbum, direta, sem frescura, beirando os quatro minutos, com um riff matador, assim como o refrão.
“No More Lies” tem uma letra legal, é grandona (mais de sete minutos) e apesar do começo
desanimador, termina como uma locomotiva (já dá pra imaginar o público cantando o refrão aqui no
Brasil). Esta música poderá pegar alguns fãs de surpresa, por ela se parecer com a fase solo de
Bruce Dickinson vide “Balls to Picasso”. A música não chega a apresentar riffs muitos pesados,
mas em compensação tem uma ótima melodia na voz de Bruce. Mesmos sem muito peso, na hora
de aparecer, as três guitarras se destacam durante o solo.

“Montsegur” vai deixar muitos fãs com lágrimas nos olhos, pois tudo lembra a saudosa
época dos clássicos “Piece Of Mind” e “Powerslave”. “New Frontier” vai na mesma linha.

“Dance of Death”, a mais longa música do CD, tem uma letra bem interessante. A música
começa cadenciada, demora cerca de três minutos até passar para a fase do peso mesmo,
novamente com muitas orquestrações. Outra série candidata a melhor do disco, realmente uma
linda composição – e que agradará todos que adoram “Alexander the Great”, presente no disco
“Somewhere in Time”.

“Gates Of Tomorrow” é a piorzinha de todas. A banda já fez essa mesma música pelo
menos duas vezes. Janick Gers compôs o mesmo riff de “From Here To Eternity” e Nicko parece
tocar bateria com preguiça.

“New Frontier” é outra típica faixa para a abertura do álbum, mas esta, um pouco mais
longa. Sem muitas firulas e passagens técnicas, outra música que já começa puramente com peso
e mantendo o pique até o final.

Até aí tudo bem, é o Iron de sempre, mas em seguida vem um Iron Maiden que pouca gente
conhecia. “Paschandale” é uma das composições mais ousadas e complexas do grupo. Fica até
difícil descrever, mas a integração é perfeita nos arranjos nada convencionais e no ritmo quebrado.
Falando sobre uma batalha francesa do século XIX, “Paschendale” apresenta diversas melodias e
partes distintas com peso, teclado (sim, teclado), orquestrações e momentos cadenciados. Se esta
não é a melhor de todas, será uma das preferidas de nove entre dez „maidenmaníacos‟. Uma das
poucas músicas que passa a quem escuta energia suficiente para se sentir dentro da estória lírica
da mesma.

“Face in the Sand”, começando à lá “Blood Brothers”, desfila novamente mais momentos
orquestrados, bateria com pedal duplo (acredito que pela primeira vez em uma música do Iron
aparecendo tão “abertamente”) e muito peso tratando-se de riffs de guitarra. Digamos que uma
composição um tanto quanto atmosférica tratando-se de Iron Maiden.

“Age of Innocence”, começando cadenciada, faz parte do recorde pessoal de Dave Murray,
que pela primeira vez contribui em um disco com três composições. Esta música na hora em que o
peso aparece, possui um refrão bem melodioso, mas os riffs e a levada dela são dignos para quem
curte “bater uma cabeça” enquanto ouve uma música ao fundo. Para mim, uma música
interessante e bem representativa desta nova fase da banda.

“Journeyman”, pela primeira vez uma música sem guitarras elaborada pela banda. De novo,
orquestrações ao longo da música. Inclusive, podemos comparar esta música com as baladas da
fase solo de Bruce Dickinson, especialmente em uma bem parecida, presente no seu disco
“Accident of Birth” (“Arc of Space”).

“Dance Of Death” já nasceu clássico. Traz uma banda preocupada em progredir dentro do
seu estilo e acertando em cheio. Não é à toa que o Iron é a maior banda de metal no mundo, pois
não fez a besteira de virar paródia de si mesmo! [1]

(1/11) Wildest Dreams (3:52) Sonhos Mais Selvagens

I'm gonna organize Eu vou organizar


some changes in my life algumas mudanças em minha vida
I'm gonna exorcise the demons of my past Eu vou exorcizar os demônios do meu passado
I'm gonna take the car and hit the open road Eu vou pegar o carro e pegar a estrada livre
I'm feeling ready to just open up and go Eu me sinto pronto para simplesmente partir

And I just feel I can be anything E eu sinto que posso ser qualquer coisa
That all i might ever wish to be Que eu sempre quis ser
and fantasize just what I want to be E fantasiar o que eu quero ser
Make my wildest dreams come true Realizar meus sonhos mais selvagens

I'm on my way Eu estou a caminho


Out on my own again Por conta própria novamente
I'm on my way Eu estou a caminho
Out on the road again Na estrada novamente

When I remember back to how Quando eu me lembro de como


that things just used to be as coisas costumavam ser
And I was stuck inside E eu estava preso dentro
a shroud of misery de uma mortalha de miséria
I felt I'd disappeared Eu senti que desapareceria
so deep inside myself mergulhando dentro de mim
I couldn't find a way Eu não conseguia encontrar um meio
to break away the hell de me libertar do inferno

When I'm feeling down and low Quando me sinto pra baixo e deprimido
I vow I'll never be the same again Eu juro que nunca mais serei o mesmo
I just remember what I am Eu apenas me lembro do que eu sou
And visualize just what I'm gonna be E visualizo o que eu vou ser

I'm on my way Eu estou a caminho


Out on my own again Por conta própria novamente
I'm on my way Eu estou a caminho
Out on the road again Na estrada novamente

I'm on my way Eu estou a caminho


Out on my own again Por conta própria novamente
I'm on my way Eu estou a caminho

I'm gonna breakaway Eu vou me libertar

(2/11) Rainmaker (3:48) Criador de Chuva

When I was wandering in the desert and was Quando eu estava vagando pelo deserto e
searching for the truth procurando pela verdade
I heard a choir of angels calling out my name Eu ouvi um coro angelical chamando por meu nome
I had the feeling that my life would never be the Eu tive o pressentimento que minha vida nunca
same again mais seria a mesma
I turned my face towards the barren sun Eu virei meu rosto na direção do sol estéril

And I know, of the pain E eu sei da dor


that you feel the same as me que você sente assim como eu
And I dream, of the rain E eu sonho com a chuva
as it falls upon the leaves enquanto ela cai por sobre as folhas
And the cracks, in our lives E as rachaduras em nossas vidas
like a cracks upon the ground como as rachaduras no chão
They are sealed, and are now, washed away Elas estão fechadas e agora são lavadas

You tell me we can start the rain Você me diz que podemos começar a chuva
You tell me that we all can change Você me diz que todos podemos mudar
You tell me we can find something Você me diz que podemos encontrar algo
to wash the tears away para lavar as lágrimas
You tell me we can start the rain Você me diz que podemos começar a chuva
You tell me that we all can change Você me diz que todos podemos mudar
You tell me we can find something Ele me diz que podemos encontrar algo
to wash the tears para lavar as lágrimas

And I know, of the pain E eu sei da dor


that you feel the same as me que você sente assim como eu
And I dream, of the rain E eu sonho com a chuva
as it falls upon the leaves enquanto ela cai por sobre as folhas
And the cracks, in the ground, E as rachaduras em nossas no chão
like the cracks are in our lives como as rachaduras em nossas vidas
They are sealed, and are now, far away Elas estão seladas e agora distantes

You tell me we can start the rain Você me diz que podemos começar a chuva
You tell me that we all can change Você me diz que todos podemos mudar
You tell me we can find something Você me diz que podemos encontrar algo
to wash the tears away para lavar as lágrimas
You tell me we can start the rain Você me diz que podemos começar a chuva
You tell me that we all can change Você me diz que todos podemos mudar
You tell me we can find something Ele me diz que podemos encontrar algo
to wash the tears para lavar as lágrimas

You tell me we can start the rain Você me diz que podemos começar a chuva
You tell me that we all can change Você me diz que todos podemos mudar
You tell me we can find something Você me diz que podemos encontrar algo
to wash the tears away para lavar as lágrimas
You tell me we can start the rain Você me diz que podemos começar a chuva
You tell me that we all can change Você me diz que todos podemos mudar
You tell me we can find something Ele me diz que podemos encontrar algo
to wash the tears para lavar as lágrimas

And I know, of the pain, E eu sei da dor


that you feel the same as me que você sente assim como eu
And I dream, of the rain E eu sonho com a chuva
as it falls upon the leaves enquanto ela cai por sobre as folhas
And the cracks, in the ground E as rachaduras em nossas no chão
like the cracks are in our lives como as rachaduras em nossas vidas
They are sealed, and are now, far away Elas estão seladas e agora distantes

(3/11) No More Lies (7:21) Sem Mais Mentiras

There's a darkened sky before me Há um céu escurecido à minha frente


There's no time to prepare Não há tempo para preparações
Salvage a last horizon Recuperar um último horizonte
But no regrets from me Mas eu não me arrependo

Maybe I'll be back some other day Talvez eu volte algum outro dia
To live again just who can say Para viver novamente, quem pode dizer
In what shape or form that I might be Em que forma ou estado eu estarei
Just another chance for me Apenas uma outra chance para mim

A hurried time no disgrace Um tempo apressado, sem desgraça


Instead of racing to conclusion Ao invés de correr para a conclusão
And wishing all my life away E desejando por toda a minha vida
No-one can stop me now Ninguém pode me impedir agora

Time is up it couldnt last O tempo acabou, não poderia durar


But there's more things I'd like to do Mas há mais coisas que eu gostaria de fazer
I'm coming back to try again Eu estou voltando para tentar novamente
Someday maybe I'll wait till then Algum dia talvez eu espere até lá

No more lies Sem mais mentiras


… ...
They're all sitting at my table Eles estão todos sentados à minha mesa
Talking tall and drinking wine Falando alto e bebendo vinho
Their time is up just like me O tempo deles esgotou assim como o meu
But they just dont know it yet Mas eles ainda não sabem disto
So just a word of warning Então apenas uma palavra de aviso
When you're in your deepest dream Quando está em seu mais profundo sonho
There's nothing you can hide from Não há nada de que possa se esconder
I've got my eye on you Eu estou de olho em você

The clock is fast the hour is near O relógio é rápido, a hora está próxima
Eventful past is everclear O passado agitado está cada vez mais claro
My life is set the time is here Minha vida está marcada, a hora chegou
I think I'm coming home Eu acho que estou indo pra casa

No more lies Sem mais mentiras


… ...
A hurried time no disgrace Um tempo apressado, sem desgraça
Instead of racing to conclusions Ao invés de correr para a conclusão
And wishing all your life away E desejando por toda a minha vida
No-one can stop me now Ninguém pode me impedir agora

Time is up it couldnt last O tempo acabou, não poderia durar


But there's more things I have to do Mas há mais coisas que eu gostaria de fazer
I'm coming back to try again Eu estou voltando para tentar novamente
Don't tell me back this is the end Não me diga novamente que isso é o fim

No more lies Sem mais mentiras

(4/11) Montségur (5:50) Monstségur

I stand alone in this desolate space Eu estou sozinho neste lugar desolado
In death they are truly alive Na morte eles estão verdadeiramente vivos
Massacred innocence, evil took place Inocência massacrada, o mal tomou conta
The angels were burning inside Os anjos queimavam por dentro

Centuries later I wonder why Séculos depois eu me pergunto por que


What secret that they took to their grave Que segredo eles levaram para o túmulo
Still burning heretics under our skies Ainda queimando hereges sob nossos céus
Religion's still burning inside A religião ainda queimando por dentro

At the gates and the walls of Montségur Às portas e as muralhas de Montségur


Blood on the stones of the citadel Sangue nas pedras da cidadela
… ...
As we kill them all so A medida que os matamos
God will know his own Deus saberá o seu próprio
The innocents died for the pope on his throne Os inocentes morreram para o Papa em seu trono
Catholic greed and its paranoid zeal A ganância católica e seu zelo paranóico
Curse of the grail and the blood of the cross A maldição do Graal e o sangue da cruz

Templar believers with blood on their hands Templários crentes com sangue nas mãos
Joined in the chorus to kill on demand Juntaram-se ao coro para matar quando mandados
Burned at the stake Queimados na fogueira
for their soul's liberty pela liberdade de suas almas
To stand with the cathars to die and be free Para ficar com os cátaros para morrer e ser livre

The book of old testament crippled and black O livro do velho testamento incompleto e negro
Satan his weapon is lust A arma de satanás é a luxúria
Living this evil God`s nation of flesh Vivendo essa nação carnal de um Deus maligno
Back to the torture of life Devolta à tortura da vida

The perfect unwillingly died in the stake Os de má vontade morreram na fogueira


And all of the followers slained E todos os seus seguidores assassinados
As for the knowledge of god they had claimed E assim como a inteligencia do Deus a qual clamam
Religion's still burning inside A religião ainda queimando por dentro

At the gates and the walls of Montségur Às portas e as muralhas de Montségur


Blood on the stones of the citadel Sangue nas pedras da cidadela
… ...
As we kill them all so A medida que os matamos
God will know his own Deus saberá o seu próprio
The innocents died for the pope on his throne Os inocentes morreram para o Papa em seu trono
Catholic greed and its paranoid zeal A ganância católica e seu zelo paranóico
Curse of the grail and the blood of the cross A maldição do Graal e o sangue da cruz

Templar believers with blood on their hands Templários crentes com sangue nas mãos
Joined in the chorus to kill on demand Juntaram-se ao coro para matar quando mandados
Burned at the stake Queimados na fogueira
for their soul's liberty pela liberdade de suas almas
To stand with the cathars to die and be free Para ficar com os cátaros para morrer e ser livre

As we kill them all so A medida que os matamos


God know his own Deus saberá o seu próprio
Laugh at the darkness and in god we trust Ria das trevas e do Deus em que confiamos
The eye of the triangle smiling with sin O olho do triângulo sorrindo com sua sina
No passover feast for the cursed within Sem festa de páscoa para nós amaldiçoados

Facing the sun as they went to their grave Encarando o sol enquanto entram em suas covas
Burn like a dog or you live like a slave Queime como cachorro ou viva como um escravo
Death is the price for your soul's liberty A morte é o preço da liberdade de nossas almas
To stand with the cathars to die and be free Para ficar com os cátaros para morrer e nos libertar

At the gates and the walls of Montségur Às portas e as muralhas de Montségur


Blood on the stones of the citadel Sangue nas pedras da cidadela

(5/11) Dance of Death (8:36) Dança da Morte

Let me tell you a story Deixe-me lhe contar uma história


to chill the bones para gelar os ossos
About a things that I saw Sobre algumas coisas que eu vi
One night wandering in the everglades Uma noite vagando em Everglades
I'd one drink but no more Eu tinha uma bebida, mas não mais

I was rambling, Eu estava divagando,


enjoying the bright moonlight aproveitando a luz da lua brilhante
Gazing up at the stars Olhando para as estrelas
Not aware of a presence Sem conhecimento de uma presença
so near to me tão perto de mim
Watching my every move Assistindo cada movimento meu

Feeling scared and I fell to my knees Sentindo-se assustado e eu caí de joelhos


As something rushed me from the trees Como se algo me atacasse das árvores
Took me to an unholy place Levou-me para um lugar profano
And that is where I fell from grace E foi onde eu caí em desgraça

And They summoned me over to join in with them E eles me chamaram para se juntar a eles
To the dance of the death Para a dança da morte
In to the circle of fire I followed them Para dentro do círculo de fogo eu os segui
Into the middle I was led Para o meio fui levado

As if time had stopped still Como se o tempo tivesse parado


I was numb with fear, Eu estava entorpecido com medo,
but still, I wanted to go mas ainda assim, eu queria ir
And the blaze of the fire did no hurt upon me E a chama do fogo não doeu em mim
As I walked onto the coals Enquanto eu caminhava sobre as brasas

And I felt I was in a trance E eu senti que estava em transe


And my spirit was lifted from me E o meu espírito foi tirado de mim
And if only someone had the chance E se apenas uma pessoa tivesse a chance
To witness what happened to me De testemunhar o que aconteceu comigo

And I danced and I pranced and I sang with them E eu dancei e eu pulei e eu cantei com eles
All had death in their eyes Todos tinham a morte em seus olhos
Lifeless figures Figuras sem vida
they were undead all of them eles foram mortos-vivos todos eles
They had ascended from hell Eles haviam subido do inferno

As I danced with the death Enquanto eu dançava com a morte


My free spirit was laughing Meu espírito livre estava rindo
and howling down at me e uivando para mim
Below my undead body Abaixo o meu corpo morto-vivo
just danced the circle of death apenas dançava o círculo da morte

Until the time came to reunite us both Até chegar a hora de nos reunir
My spirit came back down to me Meu espírito voltou para mim
I didn't know if I was alive or dead Eu não sabia se estava vivo ou morto
As the others all joined in with me Como os outros, todos se juntaram comigo

By luck then a skirmish started Por sorte, em seguida, uma escaramuça começou
And took the attention away from me E tomou a atenção para longe de mim
When they took their gaze from me Quando eles levaram o seu olhar de mim
Was the moment that I fled Foi o momento em que eu fugi

I ran like hell Corri como o inferno


faster than the wind mais rápido do que o vento
But behind I did not glance Mas, para trás eu não olhei
One thing that I did not dare Uma coisa que eu não ousava
Was to look just straight ahead Era olhar apenas para a frente

When you know Quando você sabe


that your time has come around que sua hora chegou
You know you'll be Você sabe que vai estar
prepared for it preparado para isso
Say your last goodbyes to everyone Diga seu último adeus a todos
Drink and say a prayed for it Beba e diga uma oração por isto

When you're lying in your sleep, Quando você está deitado em seu sono,
when you're lying in your bed quando você está deitado em sua cama
And you wake from your dreams E você acorda de seus sonhos
to go dancing with the death para ir dançar com a morte
When you're lying in your sleep, Quando você está deitado em seu sono,
when you're lying in your bed quando você está deitado em sua cama
And you wake from your dreams E você acorda de seus sonhos
to go dancing with the death para ir dançar com a morte

To this day I guess I'll never know Desde este dia eu acho que nunca saberei
Just why they left me go Por que eles apenas me deixaram ir
But I'll never go dancing no more Mas eu nunca vou dançar, não mais
Until I dance with the death Até eu dançar com a morte

(6/11) Gates Of Tomorrow (5:12) Portões do Amanhã

Weaving a thread Tecendo uma teia


round your heart and your soul ao redor de seu coração e sua alma
Decieving your eyes and delaying your goal Enganando seus olhos e atrasando seu objetivo
Ships in the night when they pass out of sight Navios na noite quando eles passam fora da visão
Deliver their cargo of eartly delights Entregam sua carga de deleites terrenos
To the women and the children Às mulheres e crianças
the souls of the dead às almas dos mortos
I've opened their book and no mercy is shed Eu abri seu livro e não há piedade

You want forgiveness and you want it cheap Você quer perdão e você quer barato
I don't give redemption rewards Eu não dou libertação recompensa
for the meek para os humildes
Suffering evil when you pay the price of fame Sofrimento quando você paga o preço da fama
There isn't a god to save you Não há um deus para salvá-lo
if you don't save yourself se você não salvar a si mesmo
You can't blame a madman Você não pode culpar um homem louco
if you go insane se você enlouquecer
Give me the strength so I carry on Dê-me forças para que eu continue

Trapped in the web but I cut the threads Preso na teia mas eu corto os fios
Show you the gates of tomorrow Mostro-lhe os portões do amanhã
Trapped in the web no mercy is shed Preso na teia não há piedade
Show you the gates of tomorrow Mostro-lhe os portões do amanhã
Trapped in the web slaves to the dead Presos na teia, escravos para os mortos
Show you the gates of tomorrow Mostram-lhe os portões do amanhã
Trapped in the web but I cut the threads Preso na teia mas eu corto os fios
Show you the gates of tomorrow Mostro-lhe os portões do amanhã

Suffering evil when you pay the price of fame Sofrimento quando você paga o preço da fama
There isn't a god to save you Não há um deus para salvá-lo
if you don't save yourself se você não salvar a si mesmo
You can't blame a madman Você não pode culpar um homem louco
if you go insane se você enlouquecer
Give me the strength so I carry on Dê-me forças para que eu continue

Trapped in the web but I cut the threads Preso na teia mas eu corto os fios
Show you the gates of tomorrow Mostro-lhe os portões do amanhã
Trapped in the web slaves to the dead Presos na teia, escravos para os mortos
Show you the gates of tomorrow Mostro-lhe os portões do amanhã
Trapped in the web no mercy is shed Preso na teia não há piedade
Show you the gates of tomorrow Mostram-lhe os portões do amanhã
Trapped in the web but I cut the threads Preso na teia mas eu corto os fios
Show you the gates of tomorrow Mostro-lhe os portões do amanhã

(7/11) New Frontier (5:04) Nova Fronteira

Bleeding you dry Sangrando você seca


from the start desde o começo
The sum of my parts A soma de minhas partes
To give it away Para desperdiçar
New life in a day Uma nova vida em um dia
Some new Frankenstein Algum novo Frankenstein
Damned for all time Amaldiçoado por todo o tempo

Cursed by the angel who fell Amaldiçoado pelo anjo que caiu
Who saves me from hell? Quem me salvará do inferno?
And who is my god? E quem é meu deus?
And where is my soul? E onde está minha alma?
Too tired to jump Cansado demais para pular
too young to run jovem demais para correr

Neverending forever searching Procurando para sempre


Chasing dreams, the dreams of my heart Caçando sonhos, os sonhos do meu coração
Always seeking always asking Sempre procurando, sempre perguntando
Questions right from the start Perguntas desde o começo

Out beyond the new frontier De além da nova fronteira


Playing god without mercy without fear Brincando de deus sem piedade e sem medo
Create a beast made a man without a soul Criou uma besta, fez um homem sem alma
Is it worth the risk a war Vale a pena o risco De uma guerra
of god and man? entre deus e homem?
Is it worth the risk a war Vale a pena o risco De uma guerra
of god and man? entre deus e homem?

I want to end my life now, Eu quero terminar minha vida agora,


but I don't know how Mas eu não sei como
Recycled again a lifetime of pain Reciclar novamente uma vida inteira de dor
The spawn of a man Uma criação de um homem
The devil has planned O demônio planejou

Neverending forever searching Procurando para sempre


Chasing dreams, the dreams of my heart Caçando sonhos, os sonhos do meu coração
Always seeking always asking Sempre procurando, sempre perguntando
Questions right from the start Perguntas desde o começo

Out beyond the new frontier De além da nova fronteira


Playing god without mercy without fear Brincando de deus sem piedade e sem medo
Create a beast made a man without a soul Criou uma besta, fez um homem sem alma
Is it worth the risk a war Vale a pena o risco De uma guerra
of god and man? entre deus e homem?
Is it worth the risk a war Vale a pena o risco De uma guerra
of god and man? entre deus e homem?
(8/11) Paschendale (8:28) Paschendale

In a foreign field he lay Em um campo estrangeiro ele se deita


Lonely soldier unkown grave Soldado solitário, túmulo desconhecido
On his dying words he prays Em suas palavras agonizantes ele pede
Tell the world of Paschendale Conte ao mundo sobre Paschendale

Relive all that he's been through Relembra de tudo pelo que passou
Last communioun of his soul A última conversa com sua alma
Rust your bullets with his tears Enferrujou suas balas com suas lágrimas
Let me tell you 'bout his years Deixe-me contar sobre seus anos

Laying low in a blood filled trench Agachado numa trincheira cheia de sangue
Killing time 'til my very own death Matando tempo até minha própria morte
On my face I can feel the falling rain Em meu rosto eu sinto a chuva que cai
Never see my friends again Nunca mais verei meus amigos

In the smoke in the mud and lead Na fumaça, na lama e chumbo


Smell the fear and the feeling of dread Sinta o cheiro do medo E o sentimento de pavor
Soon be time to go over the wall Em breve será a hora de ir além da parede
Rapid fire and the end of us all Fogo rápido e o fim de todos nós

Whistles, shouts and more gun fire Apitos, gritos e mais tiros
Lifeless bodies hang on barbed wire Corpos sem vida Pendurados em arame farpado
Battlefield nothing O campo de batalha não é nada mais
but a bloody tomb Que uma tumba ensanguentada
Be reunited with my dead friends soon Me unirei a meus amigos mortos em breve

Many soldiers eighteen years Muitos soldados de dezoito anos


Drown in mud no more tears Afogados na lama sem mais lágrimas
Surely a war no-one can win Certamente uma guerra Que ninguém pode vencer
Killing time about to begin A hora de matar está prestes a começar

Home, far away Lar, distante


From the war, a chance to live again Da guerra, uma chance de viver novamente
Home, far away Lar, distante
But the war, Mas a guerra,
no chance to live again Nenhuma chance de viver novamente

The bodies of ours and our foes Os corpos dos nossos e de nossos inimigos
The sea of death it overflows O mar da morte transborda
In no man's land god only knows Na terra de ninguém só deus sabe
Into jaws of death we go Para as mandíbulas da morte nós vamos

Crucified as if on a cross Crucificados como se em uma cruz


Allied troops they mourn their loss As tropas aliadas lamentam suas perdas
German war propaganda machine Máquina da propaganda de guerra alemã
Such before has never been seen Como antes jamais vista

Swear I heard the angels cry Juro que ouvi o lamento dos anjos
Pray to god no more may die Rezo a deus para que ninguém mais morra
So that people know the truth Assim as pessoas saberão a verdade
Tell the tale of Paschendale Conta a historia de Paschendale
Cruelty has a human heart A crueldade tem um coração humano
Everyman does play his part Todos os homens fazem seu papel
Terror of the men we kill Terror dos homens que matamos
The human heart is hungry still O coração humano ainda está faminto

I stand my ground for the very last time Eu protejo meu território pela última vez
Gun is ready as I stand in line Arma pronta eu permaneço em formação
Nervous wait for the whistle to blow Espera nervosa pelo sopro do apito
Rush of blood and over we go Sangue correndo e lá vamos nós

Blood is falling like the rain O sangue cai como a chuva


It's crimson cloak unveils again Sua capa vermelha revela-se novamente
The sound of guns O som das armas
can't hide their shame Não pode esconder sua vergonha
And so we die on Paschendale E então nós morremos em Paschendale

Dodging shrapnel and barbed wire Esquivando de estilhaços e arame farpado


Running straight at the cannon fire Correndo na direção dos tiros do canhão
Running blind as I hold my breath Correndo cegamente Enquanto prendo a respiração
Say a prayer symphony of death Digo uma oração, sinfonia da morte

As we charge the enemy lines Enquanto atacamos as linhas inimigas


A burst of fire and we go down Um estouro de tiros e então caímos
I choke a cry but no-one hears Dou um grito abafado mas ninguém ouve
Fell the blood go down my throat Sinto o sangue descer por minha garganta

Home, far away Lar, distante


From the war, a chance to live again Da guerra, uma chance de viver novamente
Home, far away Lar, distante
But the war, Mas a guerra,
no chance to live again Nenhuma chance de viver novamente

See my spirit on the wind Vejo meu espírito no vento


Across the lines beyond the hill Através das linhas além da colina
Friend and foe will meet again Amigo e inimigo se encontrarão novamente
Those who died at Paschendale Aqueles que morreram em Paschendale

(9/11) Face In The Sand (6:31) Rosto Na Areia

Everybody's waiting for something to happen Todos estão esperando que algo aconteça
Everybody's waiting for something to see Todos estão esperando por algo para ver
Lunatics waiting for bigger disasters Lunáticos esperando por desastres maiores
Everyone's waiting for news on TV Todos estão esperando por notícias na TV

Winding lives at the end of the spiral Vidas tortuosas no final da espiral
Waiting dictators Esperando ditadores
with their next big thrill com sua próxima grande emoção
Everyone's looking Todos estão olhando
but no one is listening mas ninguém está escutando
Everybody wants to be in at the kill Todos querem participar da matança

I wait for the signs, they tell me true Eu espero pelos sinais, eles dizem-me a verdade
I see the signs of the end of time Eu vejo os sinais do fim dos tempos
Everyone's searching but nothing's revealing Todos estão procurando mas nada é revelado
Everyone's looking for the reason why Todos estão procurando pelas razões
Everyone's hoping for life everafter Todos têm esperança na vida eterna
Everyone's looking at death from the sky Todos estão olhando para a morte do céu

Everyone's nightmares are going to happen Os pesadelos de todos irão se realizar


Everybody's ripping the mask from their eyes Todos estão rasgando as máscaras de seus olhos
Everyone's praying Todos estão rezando
but no one's believing mas ninguém está acreditando
Everyone's heroes tell everyone's lies Os heróis de todos dizem mentiras a todos

I wait for the signs, they tell me true Eu espero pelos sinais, eles dizem-me a verdade
I see the signs of the end of time Eu vejo os sinais do fim dos tempos

So I watch and I wait Então eu observo e eu espero


And I pray for an awnser E eu rezo por uma resposta
An end to the strife and the world's misery Um fim para a discussão e para a miséria do mundo
But the end never came Mas o fim nunca veio
And we're digging the graves E estamos cavando os túmulos
And we're loading the guns for the kill E estamos carregando as armas para a matança

Can the end be at hand? O fim pode estar à mão?


Is the face in the sand? É o rosto na areia?
Future memory of our tragedy Lembrança futura de nossa tragédia

Can the end be at hand? O fim pode estar à mão?


Is the face in the sand? É o rosto na areia?
Future memory of our tragedy Lembrança futura de nossa tragédia

(10/11) Age Of Innocence (6:10) Idade da Inocência

I can't be compromising Eu não posso me comprometer


in my thoughts no more mais com meus pensamentos
I can't prevent the times Eu não posso evitar os tempos
my anger fills my heart minha raiva preenche meu coração
I can't be sympathizing Eu não posso simpatizar
with a new lost cause Com uma nova causa perdida
I feel I've lost my patience Eu sinto que perdi minha paciência
with the world and all com o mundo e tudo mais

And all the politicians and their hollow promises E todos os políticos e suas promessas vazias
And all the lies, E todas as mentiras,
deciet and shame that goes with it enganações e vergonha que vêm com elas
The working man pays everything for their mistakes O homem trabalhador paga pelos erros deles
And with his life too if there was to be a war E também com sua vida se acontecer uma guerra

So we can only get one chance Então nós só temos uma chance,
can we take it podemos aceitá-la?
And we only got one life can't exchange it E nós só temos uma vida, não podemos trocá-la
Can we hold on to Podemos nos agarrar
what we have don't replace it ao que temos e que não substituímos?
The age of innocence is fading A idade da inocência está desaparecendo
like an old dream como um velho sonho
A life of petty crime gets punished Uma vida de crimes insignificantes é punida
with a holiday com um feriado
The victims' mind are scarred A mente da vítima é traumatizada
for life most everyday por toda a vida quase todos os dias
Assailants know just how much further Assaltantes sabem exatamente o quão mais longe
that can go isso pode ir
They know the laws are Eles sabem que as leis são
soft conviction chances low flexíveis são poucas as chances de culpabilidade

So we can only get one chance Então nós só temos uma chance,
can we take it podemos aceitá-la?
And we only got one life can't exchange it E nós só temos uma vida, não podemos trocá-la
Can we hold on to Podemos nos agarrar
what we have don't replace it ao que temos e que não substituímos?
The age of innocence is fading A idade da inocência está desaparecendo
like an old dream como um velho sonho

You can't protect yourselves Vocês não podem se proteger


even in your own home nem mesmo em suas próprias casas
For fear of vigilante cries Pelo medo do choro dos vigilantes
the victims wipe their eyes as vítimas enxugam seus olhos
So now the criminal Então agora os criminosos
they launch right in our face são lançados bem na nossa cara
Judical system lets them do it, O sistema judicial os deixa fazer isto,
a disgrace uma desgraça

Despondent public worries Preocupações públicas desesperadas,


where it will all end onde tudo isso vai acabar
We can't protect ourselves Nós não podemos nos proteger
our kids from the crime trend nossos filhos da tendência do crime
We cannot even warn each other Não podemos nem avisar uns aos outros
of evil in our midst do mal em nosso meio
They have more rights than us, Eles têm mais direitos que nós
you cannot call that just você não pode chamar isto de justo

So we can only get one chance Então nós só temos uma chance,
can we take it podemos aceitá-la?
And we only got one life can't exchange it E nós só temos uma vida, não podemos trocá-la
Can we hold on to Podemos nos agarra
what we have don't replace it ao que temos e que não substituímos?
The age of innocence is fading A idade da inocência está desaparecendo
like an old dream como um velho sonho

The age of innocence A idade da inocência


is fading like an old dream está desaparecendo como um velho sonho

(11/11) Journeyman (7:06) Viajante

From the red sky of the east Do céu vermelho do leste


To the sunset in the west Ao por do sol no oeste
We have cheated death Nós enganamos a morte
And he has cheated us E ela nos enganou
But that was just a dream Mas aquilo era apenas um sonho
And this is what it means E isto é o que significa
We are sleeping Nós estamos dormindo
and we'll dream for evermore e nós sonharemos para sempre
And the fragment remains of our memories E os fragmentos que restam de nossas lembranças
And the shadows remain with our hands E as sombras permanecem em nossas mãos
Deep grey, came to mourn Cinza profundo, veio lamentar
All the colours of the dawn Todas as cores do nascer do sol
Will this Journeymans day be his last? Será este o último dia do viajante?

I know what I want Eu sei o que eu quero


I'll say what I want E eu digo o que eu quero
And no one can take it away E ninguém pode tirar isto de mim
I know what I want Eu sei o que eu quero
I'll say what I want E eu digo o que eu quero
And no one can take it away E ninguém pode tirar isto de mim

But the memory still remains Mas a lembrança ainda permanece


All the past years not so stange Os anos passados não são tão estranhos
Our winter times are like a silent shroud Nossos invernos são como uma mortalha silenciosa
And the heartbeat of the day E a as primeiras horas de um dia
Drives the mist away Leva a névoa embora
And winter's not the only dream around E o inverno não é o único sonho ao redor

In your life you may choose desolation Em sua vida você pode escolher desolação
And the shadows you build with your hands E as sombras que você cria com suas mãos
If you turn to the light Se você se virar para a luz
That is burning in the night Que está queimando na noite
Then the Journeyman's day has begun Então o dia do viajante começou

I know what I want Eu sei o que eu quero


And I say what I want E eu digo o que eu quero
And no one can take it away E ninguém pode tirar isto de mim
I know what I want. Eu sei o que eu quero
And I say what I want E eu digo o que eu quero
And no one can take it away E ninguém pode tirar isto de mim

In your life you may choose desolation Em sua vida você pode escolher desolação
And the shadows you build with your hands E as sombras que você cria com suas mãos
If you turn to the light Se você se virar para a luz
That is burning in the night Que está queimando na noite
Then the Journeyman's day has begun Então o dia do viajante começou

I know what I want Eu sei que quero


And I'll say what I want E eu digo o que eu quero
And no one can take it away E ninguém pode tirar isto de mim
I know what I want Eu sei o que eu quero
And I'll say what I want E eu digo o que eu quero
And no one can take it away E ninguém pode tirar isto de mim

MONTSÉGUR: fala sobre um castelo de mesmo nome localizado na França, que teria sido dos
cátaros, membros de uma seita considerada herege no século XIII. O Castelo de Montségur
localiza-se na comuna de Montségur, no Departamento do Ariège, na região do Midi-Pyrénées, na
França, no topo da montanha, a 1.207 metros acima do nível do mar, em posição dominante sobre
a vila.
O castelo foi atacado e destruído pela inquisição, e os cátaros que não renunciaram à sua
fé, queimados em fogueiras. Lendas em torno da história dizem que alguns cátaros teriam
escapado com um tesouro e especula-se que o Santo Graal faria parte dele.
A trilogia "Busca do Graal", de Bernard Cornwell, composta por "O Arqueiro", "O Andarilho" e
"O Herege" se baseia em parte nesta lenda, sendo o castelo de Montségur citado no último livro.

É resultado do inspirado Bruce após uma viagem ao sul da França, onde ficou sabendo das
histórias sobre o lugar e colocou neste som. Montségur fica apenas alguns quilômetros da Espanha
e quase 800km de Paris.

Os cátaros, povo que viveu no Sul da França (Languedoc) nos séculos X e XI, eram cristãos
que pensavam diferente da igreja católica, a quem eles chamavam de "A Igreja dos Lobos", e
tinham crenças diferentes dela, logo, FOGO santo neles! E ainda falam do “Lú”....

PASCHENDALE: descreve as ações de um soldado que lutou na batalha de Paschendale,


também conhecida como “A Terceira Batalha de Ypres”, uma das maiores da Primeira Guerra
Mundial. Neste conflito contra o exército alemão lutaram os exércitos canadense e britânico, além
do ANZAC, grupo de tropas da Austrália a Nova Zelândia.

O conflito se deu pelo controle da vila de Paschendale (conhecida como Passchendaele


naquele tempo), perto da cidade de Ypres, na província de Flandres, Bélgica. O controle da região
romperia a linha de defesa alemã, abrindo caminho à costa belga, onde estavam instaladas bases
de submarinos alemães.

O solo nos arredores de Paschendale era composto por pântanos, encharcados durante
todo o ano, independentemente do clima. O ataque aéreo lançado pelos bombardeiros ingleses,
com a finalidade de destruir as barricadas e metralhadoras alemãs, danificou ainda mais o terreno,
e em conjunto com as chuvas de agosto, formaram grandes “lagos” de lama líquida, onde muitos
tanques afundaram e muitos soldados se afogaram.

Em seis de novembro de 1917, após três meses de luta, o exército canadense finalmente
tomou Paschendale, encerrando o conflito. E é neste ponto que se encontra o soldado ao início da
música, ferido mortalmente no campo de batalha.

A melodia divide-se em três momentos principais:

- a “calmaria” dentro da batalha, quando o soldado está entrincheirado ou escondido, esperando


para entrar em ação (correr para uma outra trincheira ou atacar um ponto estratégico, por
exemplo), caracterizado por uma sequência de riffs pesados, embora lentos;

- a ação em si, onde a velocidade da música aumenta e o tom vocal torna-se mais; e

- o momento em que o soldado se lembra de sua casa, seu lar, quando a música assume um ritmo
mais cadenciado (a característica “cavalgada”) durante o refrão.

Caído no campo de batalha, em seu leito de morte, o soldado começa a lembrar o que se
passou.

In a foreign field he lays,


Lonely soldier, unknown grave
On his dying words he prays
Tell the world of Paschendale
Fortes acordes são tocados, como se flashes da batalha passassem pela mente do soldado.
As primeiras e calmas notas são tocadas novamente em seguida:

Relive all that he‟s been through


Last communion of his soul
Rust your bullets with his tears
Let me tell you ‟bout his years

Após a repetição dos fortes acordes, a música engrena, e riffs pesados, porém lentos, são
tocados (primeiro momento) enquanto o soldado passa a descrever em flashback a situação em
que se encontrava:

Laying low in a blood filled trench


Killing time ‟til my very own death
On my face I can feel the falling rain
Never see my friends again

In the smoke in the mud and lead


Smell the fear and the feeling of dread
Soon be time to go over the wall
Rapid fire and the end of us all

Agachado em uma trincheira, com sangue e lama por todos os lados, a chuva cae, e o
cheiro de chumbo e de morte está por toda parte. Ele aguarda o momento certo para a ofensiva, e
sabe que em breve irá se expor, arriscar a vida, em busca do objetivo. Nada mais lhe resta além de
aceitar o fato de que já está morto. A música parte para o segundo momento, descrito
anteriormente:

Whistles, shouts and more gun fire


Lifeless bodies hang on barbed wire
Battlefield nothing but a bloody tomb
Be reunited with my dead friends soon

Many soldiers eighteen years


Drown in mud no more tears
Surely a war no one can win
Killing time about to begin

A letra fala de “apitos, gritos e mais tiros”, o que caracteriza o comando para que os
soldados entrem em ação, ou seja, a indicação de um superior, aos gritos e sopros de apitos, e o
chamado covering fire, ou seja, os tiros de “cobertura” disparados pelos que ficaram na trincheira.

O soldado se depara com os companheiros que não conseguiram passar com vida por este
trecho do campo de batalha (a chamada “No Man‟s Land”, ou “Terra de Ninguém”). Há corpos
pendurados nas cercas de arame farpado, além de soldados afogados na lama. Sua esperança se
vai, e ele entende que em uma guerra não há vencedores. Pensa em sua casa, e em como queria
ter outra chance de viver. Vem o refrão (terceiro momento):

Home, far away


From the war, a chance to live again
Home, far away
But the war, no chance to live again

Uma ponte para a estrofe seguinte, constatando o grande número de mortes da batalha:
The bodies of ours and our foes
The sea of death it overflows
In no man‟s land god only knows
Into jaws of death we go

O segundo momento é executado novamente, demonstrando o desespero do soldado ao


desejar que ninguém mais morra:

Crucified as if on a cross
Allied troops they mourn their loss
German war propaganda machine
Such before has never been seen

Swear I heard the angels cry


Pray to god no more may die
So that people know the truth
Tell the tale of Paschendale

É mostrado o lado religioso do ser humano, uma vez que o soldado pensa ter ouvido anjos
chorarem e reza para que não haja mais mortes. A história existe para que os erros do passado
não sejam repetidos pelas futuras gerações, e é isto que ele pensa agora, desejando também que
todos conheçam e contem a história de Paschendale.

Após um interlúdio, a melodia retorna ao primeiro momento. A letra fala da crueldade


humana, não satisfeita com o sofrimento e o terror dos combatentes inimigos. Cada homem
cumpre seu papel na cruel realidade da guerra:

Cruelty has a human heart


Every man does play his part
Terror of the men we kill
The human heart is hungry still

I stand my ground for the very last time


Gun is ready as I stand in line
Nervous wait for the whistle to blow
Rush of blood and over we go

Entra o solo de Dave Murray, e em seguida o de Adrian Smith. O soldado se posiciona,


mantém seu posto pela última vez. Descreve a sensação de estar alinhado com os companheiros,
com a arma na mão, nervoso, à espera de um comando de seu superior para atacar. O sangue
jorra como a chuva, e nem o som dos disparos das armas é alto o suficiente para encobrir a
vergonha que os combatentes sentem.

Blood is falling like the rain


It‟s crimson cloak unveils again
The sound of guns can‟t hide their shame
And so we die on Paschendale

Entra o solo de Janick Gers. O comando é dado, e eles partem para seu último ataque
(segundo momento da melodia):

Dodging shrapnel and barbed wire


Running straight at the cannon fire
Running blind as I hold my breath
Say a prayer symphony of death
As we charge the enemy lines
A burst of fire and we go down
I choke a cry but no one hears
Fell the blood go down my throat

O soldado descreve um ataque praticamente suicida: eles avançam contra as linhas


inimigas, correndo e segurando a respiração, desviando de cercas de arame farpado de encontro
ao fogo adversário. Um disparo do canhão, e todos caem. O lamento sufocado do soldado não
pode ser ouvido por ninguém, enquanto este sente o sangue descendo pela garganta. Ele pensa
em sua casa, distante, enquanto percebe sua vida se esvair:

Home, far away


From the war, a chance to live again
Home, far away
But the war, no chance to live again

De volta ao cenário inicial, o soldado caído no campo de batalha finalmente dá seu último
suspiro. Seu espírito e o de seus companheiros se vão com o vento, sem importar-se com as linhas
inimigas. Inimigos e aliados se encontrarão novamente, na outra vida.

See my spirit on the wind


Across the lines beyond the hill
Friend and foe will meet again
Those who died at Paschendale

Cerca de 250 mil homens dos exércitos aliados morreram na Batalha de Paschendale, e
houve praticamente o mesmo número de baixas do lado alemão.

WILDEST DREAMS: fala sobre reorganizar a vida, deixar o passado para trás e realizar os sonhos
mais selvagens.

RAINMAKER: não fala sobre filme ou livro algum, fala novamente sobre a vida, faz uma metáfora
com a chuva que cai no deserto e rapidamente faz com que as plantas cresçam, mudando o
estado do local em pouco tempo. Só não se sabe quem é o personagem que é capaz de "fazer
chuva"!
Rainmaking (fazer chuva) é um ritual adotado por alguns povos para invocar a chuva. Os
mais conhecidos são os índios do sudoeste dos EUA (Novo México, Arizona).

Nas épocas secas (por volta de agosto), homens e mulheres se reúnem para a dança. Eles
colocam uma roupa especial, adereços na cabeça e joias (como a turquesa, que representa a
chuva) só para este momento. A dança é tipo um ziguezague em direção circular. Se funciona?
Nem vou responder...

NO MORE LIES: Steve Harris novamente fala sobre a possibilidade da vida após a morte. Neste
álbum do Maiden, no encarte, há uma descrição sobre cada faixa, com citações dos próprios
membros da banda. Vou traduzir o que o Harris fala desta música:

"Pensar sobre a morte é algo que passa pela cabeça de todo mundo em algum ponto da
vida. Eu acho que a ideia do que vem depois (da vida), quer você creia em vida pós morte ou não,
nos traz muitas ideias e emoções diferentes. Algumas pessoas admitem ficar com medo da ideia
de morrerem, enquanto outras não se incomodam. É que nem ter medo do escuro, é algo que
muitas pessoas relatam, mas nunca admitem, e provavelmente este seja o porquê de ser uma
música tão popular. As pessoas assustadas e intrigadas pelo desconhecido e isto é algo muito
forte. Novamente, talvez é só algo que está mais na minha cabeça do que na dos outros".

DANCE OF DEATH: inspirada no filme “The Seventh Seal” (1.958), do sueco Ingmar Bergman
(1.918 – 2.007). O filme fala sobre um homem que joga xadrez com a morte durante a época da
peste negra (black death) na Europa (1347 - 1352DC). O quadro Dance of Death aparece sendo
pintado quando o personagem principal entra na igreja. No fim do filme, uma cena de artistas que
fugiram da morte retrata a dança da morte (Danse Macabre). O quadro é uma alegoria sobre a
universalidade da morte. Não importa qual nosso estado atual na vida (ou o que estamos fazendo,
tipo, dançando), a morte nos une.

A peste negra (peste bubônica) é uma doença causada pela bactéria Yersínia pestis,
transmitida por roedores, normalmente ratos. Ela pode matar em até 48 horas. Os sintomas de
peste bubônica são: aumento dos linfonodos, que deixavam a pele enegrecida nas axilas, virilhas
ou pescoço; febre alta; intolerância à luz; apatia; tremores pelo corpo; vertigens; cefaléia; cansaço;
aumento da frequência cardíaca e tosse inicialmente seca e depois com sangue. Morreram mais de
25 milhões de pessoas de peste na Europa naquela época!

“Dança da Morte” ou “Dança Macabra”, refere-se a uma pintura chamada “A morte de


Lubeck”, feita por Bernt Notke, mostrando 24 seres humanos de todas as classes sociais (do Papa
ao camponês), dançando com a morte, sutilmente representada por esqueletos. A pintura tinha 30
metros de comprimento, composta por imagens e textos, sendo destruída durante a 2° Guerra
Mundial, e era apenas uma cópia da medieval original de 1463. A pintura apresenta a morte
animada e ágil, realmente dançando, e seus parceiros desajeitados e passivos.

GATES OF TOMORROW: fala sobre... hummm... complicado dizer sobre o que ela fala. No
encarte do álbum, a banda se reserva o direito de não falar sobre o que se trata a música,
deixando para os fãs essa tarefa. Há quem diga que ele fala sobre a internet ("Trapped in the
web"), há quem diga que fala sobre religião ("There isn't a god to save you if you don't save
yourself"). Explicitamente a faixa fala sobre estar preso nos fios e cortá-los para mostrar-lhe os
portões do amanhã.

NEW FRONTIER: fala sobre uma preocupação de Nicko: clonagem. Para ele é errado o ser
humano brincar de Deus, "Playing god without mercy without fear", e só Deus teria o direito de criar
um ser humano porque só Ele consegue nos dar uma alma.
A clonagem é um processo de reprodução assexuada, ou seja, sem troca de gametas, onde
se obtém a produção de indivíduos geneticamente iguais a partir de uma célula-mãe.

Lembram que a ovelha Dolly morreu em 2003? Isso provavelmente fez Nicko levantar a
discussão sobre o assunto nesta música.

FACE IN THE SAND: fala sobre a inércia da massa de pessoas do mundo, esperando que as
coisas se resolvam sozinhas, vendo os desastres acontecerem e não fazendo nada para evitá-los.

AGE OF THE INNOCENCE: é um protesto contra o governo britânico no que diz respeito à
criminalidade. É o mesmo tipo de reclamação que temos no Brasil: governantes não cumprem suas
promessas, o sistema judiciário é ineficiente, ineficaz e injusto, os bandidos sabem que nada (ou
pouco) lhes acontecerá se forem pegos, que não estamos seguros nem em nossas casas e que os
bandidos tem mais direitos que as pessoas "normais". Ou seja, o problema não é só aqui ou nos
EUA!

JOURNEYMAN: é uma das mais bonitas músicas da banda, sobre as reflexões de um cara em
sua jornada pela vida. Falei muito, hein?!

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


2006
1. Different World Smith, Harris 4:17
2. These Colours Don't Run Dickinson 6:52
3. Brighter Than a Thousand… Dickinson, Harris 8:44
4. The Pilgrim Harris 5:07
5. The Longest Day Dickinson 7:48
6. Out of the Shadows Dickinson 5:36
7. The Reincarnation of Benj… Harris 7:21
8. For the Greater Good of God Harris 9:24
9. Lord of Light Dickinson 7:23
10. The Legacy Harris 9:22

“A Matter Of Life And Death” definitivamente não é um álbum fácil de ser ouvido. Para
alguém acostumado à raiva de um “Killers” ou à velocidade de um “Powerslave” então, a coisa
torna-se mais difícil ainda. Mesmo levando-se em conta o que se poderia considerar como alguns
deslizes, ao ouvir essa obra duas, três, seis, vinte vezes, o indivíduo vai percebendo, a cada nova
audição, uma nuance diferente, um detalhe não percebido antes em determinada parte da música,
que fazem desse o melhor trabalho do Maiden em anos.

Trata-se de um disco com peso, porém cadenciado e que, apesar das influências claras de
rock progressivo, está longe de poder ser chamado de „prog metal‟. Na verdade, a banda parece,
enfim, ter atingido algo que sempre buscou, conseguir unir o seu heavy metal clássico ao som
levado adiante por alguns de seus maiores ídolos e que serviram de influência durante toda a sua
trajetória. Só que, ao contrário do que tal afirmação poderia dar a entender, o sexteto capitaneado
por Steve Harris não pegou leve e concebeu um dos trabalhos mais pesados de sua carreira.

As características clássicas do Iron Maiden estão lá. Guitarras dobradas, riffs e linhas de
baixo cavalgadas, mudanças de tempo. Também estão presentes coisas que se tornaram motivo
de reclamação de vários fãs e detratores da banda, como as introduções lentas, com dedilhados
conduzidos sobre uma linha de baixo, além dos refrões repetidos várias vezes. Entretanto, ainda
que as dez músicas seguissem essa padronização, não é isso que faz uma canção boa ou ruim.
“Hallowed Be Thy Name” é uma das maiores músicas da história do heavy metal e segue uma
linha de introdução bem parecida com a supracitada. “Wrathchild”, “Running Free” e até “Run To
The Hills” são clássicos absolutos da banda onde o refrão também é repetido várias vezes.

Outra coisa que pode incomodar alguns fãs é o andamento mais lento que o Maiden imprime
às suas canções mais recentes, mas também não é isso que tira o brilho de “A Matter Of Life And
Death”.

A história começa com “Different World”, a faixa mais curta do álbum e também a de mais
fácil assimilação à primeira ouvida, onde o Maiden mostra que bebeu na fonte do lendário Thin
Lizzy. Além de um belo dueto de guitarras e um ótimo solo de Adrian Smith, o que chama atenção
na música é justamente algo pelo qual ela foi muito criticada, que é a linha vocal adotada por Bruce
Dickinson, que apesar de atingir tons bem altos no refrão, como de costume, destaca-se mais pela
melodia vocal diferente e interessante, em tons mais baixos, que faz na ponte antes do refrão.

“These Colours Don‟t Run” flerta um pouco com o hard rock e possui um refrão daqueles a
ser cantado em uníssono pelos fãs, além de um trabalho muito bem feito com os teclados. Steve
Harris espanca as cordas de seu baixo e os dois solos da música são bem executados. O senão
fica pelo coro antes da última passagem pelo refrão, que dessa vez poderia ter sido dispensado,
pois não consegue o mesmo efeito de uma “Heaven Can Wait”, por exemplo.
A seguir somos brindados com uma das melhores composições do Maiden nos últimos
tempos. “Brighter Than A Thousand Suns” se destaca pela introdução, pela letra, pelo riff
pesadíssimo, pelos vocais inspirados de Bruce Dickinson, pelo andamento totalmente diferente do
habitual para o Maiden, pelas mudanças de tempo, pelos solos muitíssimo bem encaixados no
clima da música, pela excepcional exploração dos teclados, pela bateria de Nicko McBrain, que
entrega nessa música o seu melhor trabalho com as baquetas em muitos anos.

Já em “The Pilgrim” vemos um ensaio de retorno às origens, uma canção repleta de


guitarras melódicas, um refrão bem „feliz‟ para os padrões do Maiden, e Bruce mais uma vez
arrebentando nos vocais. Canção simples, nada de espetacular, mas bem legal.

A canção seguinte, “The Longest Day” passa, com a introdução, o clima perfeito para o que
está sendo cantado, com sua letra sobre o desembarque das tropas aliadas na Normandia durante
a Segunda Guerra Mundial. Aliás, se tem algo que o Maiden faz como poucos é conseguir criar
uma sonoridade em sintonia absoluta com a história que está sendo contada na letra. Logo explode
num som pra levantar qualquer estádio e num refrão que, embora repetitivo, não chega a cansar.
E, por falar em repetitivo, tenho que dizer que Bruce Dickinson consegue, de novo, uma
performance acima da média. É algo impressionante o que ele faz com sua voz até hoje. Mas o
melhor da música são suas passagens instrumentais na segunda metade, onde consegue ao
mesmo tempo soar extremamente pesada e com toques de progressivo.

A sexta faixa, “Out Of The Shadows” começa com uma introdução pesada, que deságua
numa balada com potencial radiofônico, apesar de soar um pouco progressiva, e um bonito refrão,
mas, aqui sim, desnecessariamente repetitivo. Só que o que dá a maior beleza da música não é
nem o vocal e nem o solo principal, levado com muita competência por Adrian Smith. É justamente
a discreta melodia de guitarra que Dave Murray conduz por baixo dos vocais durante o refrão. É
algo tocado com um sentimento que impressiona.

“The Reincarnation Of Benjamin Breeg”, a primeira música que se conheceu desse trabalho,
a despeito do que se falou de negativo sobre ela, é uma das boas composições do álbum,
justamente por sua simplicidade. A introdução lenta e longa, algo, como já dito, sempre criticado
por alguns fãs e detratores da Donzela, pode até soar cansativa, mas cria um clima especial, que
vai de encontro à letra e que é a deixa perfeita para o riff seco que entra na sequência. E Mr. Air
Raid Siren (ele, mais uma vez) dá um show de interpretação e de capacidade técnica, cantando em
tons que vão crescendo, até atingir níveis bem altos. A levada é bem interessante e Dave Murray
entrega mais um solo excelente. Boa música.

Ao se ouvir “For The Greater Good Of God”, tem-se logo a lembrança do álbum “The X
Factor” e a música tem várias partes que remetem a “Sign Of The Cross”. Só que aqui a grandeza
da composição é maior, as melodias são mais belas, o tom de lamentação em várias passagens do
vocal cai como uma luva na interação com a letra e com o instrumental que, aliás, é responsável
nessa música por alguns dos melhores momentos de “A Matter Of Life And Death”. O refrão é
repetido à exaustão, mas não chega a comprometer a música. Uma epopéia. Excelente canção e
candidata a clássico, embora não tenha nada de original.

Eis que aparece “Lord Of Light”, uma pérola discretamente colocada mais para o final do
CD. Com seu início também influenciado por algo de progressivo, desemboca num riff matador,
seguido pela música mais veloz, em termos de andamento, do álbum, que consegue um resultado
final absurdamente eficiente. E é nessa canção que Bruce tem o seu melhor momento no disco. Na
verdade, Dickinson não se destaca apenas pelas notas que consegue atingir mas, sobretudo, por
sua capacidade de variar tons, de criar um clima baseado no que diz a letra e na beleza de sua
voz.

A faixa de encerramento, “The Legacy”, é também a música mais original do álbum e talvez
da carreira da banda. O Maiden jamais fez algo sequer parecido com essa canção. Com suas
influências de música celta, a bela introdução com violões, os experimentalismos no vocal, as
passagens que em alguns momentos lembram Led Zeppelin e em outros lembram Black Sabbath,
mas que sempre trazem aquela coisa que faz o indivíduo ouvir e saber que é Iron Maiden, é um
fechamento digno para um grande trabalho.

A produção desse álbum é bem melhor que a de seu antecessor, “Dance Of Death”,
provavelmente o melhor trabalho de Kevin Shirley com o Maiden. Mas ainda há como melhorar,
principalmente a sonoridade das guitarras. Guitarras que conseguiram chegar ao seu melhor
entrosamento desde o início dessa formação.

Ainda não dá pra saber qual será a posição de “A Matter Of Life And Death” no contexto
histórico do Iron Maiden. É um álbum que, quanto mais o tempo passa, parece ir ficando melhor.
Um disco que apresenta uma grande homogeneidade entre as canções, e que mostra que a
Donzela ainda tem muita lenha pra queimar. [1]

(1/10) Different World (4:17) Mundo Diferente

You lead me on the path Você me guia pelo caminho


Keep showing me the way Continua me mostrando a trilha
I feel a little lost Eu me sinto um pouco perdido
A little strange today Um pouco estranho hoje

I think I'll take ahold Eu acho que eu me agarrarei


Of whatever comes my way A tudo que vier em meu caminho
Then we'll see what happens Então veremos o que acontece
Take it day by day Dia após dia

I thought I had it all Eu pensei que tinha tudo


I had it all worked out Eu tive tudo funcionando
Just what the future held Exatamente como o futuro era
That there would be no doubt e ali não haveria duvidas

But then the card came up Mas então a ficha caiu


And I took another turn Eu tomei uma nova rodada
But I don't know what is Mas eu não sei se é para sempre que eu corro
Fulfillment that I yearn Satisfação que eu anseio

Tell me what you can hear Diga-me o que você pode ouvir
And then tell me what you see E me diga o que você vê
Everybody has a Todos possuem um
different way to view the world modo diferente de ver o mundo
I would like you to know Eu gostaria que você soubesse que
when you see the simple things quando você vê as coisas mais simples
To appreciate this life it's not too late to learn A apreciar a vida, não é tão tarde para aprender

Don't wanna be here Não quero estar aqui


Somewhere I'd rather be Algum lugar em que eu preferisse estar
But when I get there mas quando eu lá chego
I'm afraid it's not for me Eu temo que não seja para mim

Tell me what you can hear Diga-me o que você pode ouvir
And then tell me what you see E me diga o que você vê
Everybody has a different way to view the world Todos possuem um modo diferente de ver o mundo
I would like you to know Eu gostaria que você soubesse que
when you see the simple things quando você vê as coisas mais simples
To appreciate this life, it's not too late to learn Apreciar a vida, não é tão tarde para aprender

Tell me what you can hear Diga-me o que você pode ouvir
And then tell me what you see E me diga o que você vê
Everybody has a Todos possuem um
different way to view the world modo diferente de ver o mundo
I would like you to know Eu gostaria que você soubesse que
when you see the simple things quando você vê as coisas mais simples
To appreciate this life, it's not too late to learn Apreciar a vida, não é tão tarde para aprender

Don't wanna be here Não quero estar aqui


Somewhere I'd rather be Algum lugar em que eu preferisse estar
But when I get there mas quando eu lá chego
I'm afraid it's not for me Eu temo que não seja para mim

Don't know what I want Não sei o que eu quero


Or where I want to be Ou aonde eu quero estar
Feeling more confused Me sentindo cada vez mais confuso
The more the days go by Quanto mais os dias passam

(2/10) These Colours Don't Run (6:52) Essas Cores Não Fogem

It's the same in every country É a mesma coisa em todos os países


When you say you're leaving Quando você diz que está partindo
Left behind the loved ones Você deixa para trás aqueles que ama
Waiting silent in the hall Esperando em silêncio no salão
Where you're going lies adventure Para onde você vai, aventura vai encontrar
Others only dream of Outros apenas sonham
Red and green light this is real Na luz verde e vermelha, isto é real
And so you go to war E assim você parte para a guerra

For the passion, for the glory Pela paixão, pela glória
For the memories, for the money Pelas lembranças, pelo dinheiro
You're a soldier, for your country Você é um soldado de seu país
what's the difference, all the same E qual é a diferença? são todos iguais

Far away from the land of our birth Bem distante da sua terra natal
We fly a flag Nós asteamos uma bandeira
in some foreign earth em uma terra estrangeira
We sailed away Nós navegamos para longe
like our father before igual ao que nosso pai fez
These colours don't run Estas cores não fogem
from cold bloody war desta fria e sangrenta guerra

There is no one that will save you Não existe ninguém para te salvar
Going down in flames Se afundando em chamas
No surrender certain death you Não se renda à morte certa
You look in the eye Você olha nos olhos
On the shores of tyranny you Nas orlas da tirania você
Crashed a human wave se amaça junto a onda humana
Paying for my freedom with your Pago pela minha liberdade com um
lonely unmarked graves solitário não-identificado túmulo

For the passion, for the glory Pela paixão, pela glória
For the memories, for the money Pelas lembranças, pelo dinheiro
You're a soldier, for your country Você é um soldado de seu país
what's the difference, all the same E qual é a diferença? são todos iguais

Far away from the land of our birth Bem distante da sua terra natal
We fly a flag Nós asteamos uma bandeira
in some foreign earth em uma terra estrangeira
We sailed away Nós navegamos para longe
like our father before igual ao que nosso pai fez
These colours don't run Estas cores não fogem
from cold bloody war esta fria e sangrenta guerra

(3/10) Brighter Than Mais Brilhante do Que


A Thousand Suns (8:44) Mil Sóis

We are not the sons of god Nós não somos os filhos de Deus
We are not his chosen people now Nós não somos mais os seus escolhidos agora
We have crossed the path he trod Nós atravessamos o caminho que ele pisou
We will feel the pain of his beginning Nós sentiremos a dor de sua criação

Shadow fingers rise above Dedos sombrios se erguem


iron fingers stab the desert sky Dedos de ferro golpeiam o céu deserto
Oh behold the power of man Oh! Admire o poder do homem
On it's tower, ready for the fall Na sua torre, prontos para a queda

knocking heads together well Trocando bem ideias


Raise a city, build a living hell Erga uma cidade, construa um inferno vivo
Join the race to suicide Una-se à corrida para o suicídio
Listen for the tolling of the bell Ouvindo o badalar dos sinos

Out of the universe Fora do universo


A strange love is born Um estranho amor nasce
Unholy union União profana
Trinity reformed Trindade reformada

Yellow sun its evil twin Sol amarelo de seu gêmeo perverso
In the black the wings deliver him Na escuridão as asas o entregam
We will split our soul's within Nós dividiremos a alma que nos habita
Atom seed to nuclear dust is riven Semente atômica é dividida em poeira nuclear.

Out of the universe Fora do universo


A strange love is born Um estranho amor nasce
Unholy union União profana
Trinity reformed Trindade reformada

Out of the darkness, brighter than a thousand suns Fora das trevas, mais brilhante do que mil sóis
… ...
Bury your morals Enterre sua moral
And bury your dead E enterre seus mortos
Bury your head in the sand Enterre sua cabeça na areia
E=mc squared you can relate E=mc² você pode relacionar
How we made god with our hands Como criamos Deus com nossas mãos

Whatever would Robert have said to his god O que quer que robert tenha dito a seu Deus
about how we made war with the sun Sobre como ele fez a guerra com o sol
E=MC squared you can relate E=mc², você pode relacionar
how we made god with our hands Como criamos Deus com nossas mãos

All nations are rising Todas as nações se erguem


Through acid veils of love and hate Através de véus ácidos de amor e ódio
Chain letters of Satan, Correntes de satan
uncertainty leads us all to this Incerteza nos levou a isto
All nations are rising, Todas as nações se erguem
through avid veils of love and hate Através de véus ácidos de amor e ódio
cold fusion and fury Fusão a frio e fúria

Divide and conquer while ye may Divida e conquiste enquanto você pode
Others preach and others fall and pray Alguns pregam e outros caem e rezam
In the bunkers where we'll die No abrigo em que morreremos
Where the executioners they lie Onde os executores mentem

Bombers launch with no recall Bombardeiros lançam sem pedidos de abortar


Minutes warning of the missile fall Minutos alertando a queda do míssil
Take a look at your last sky Olhe pela última vez o céu
Guessing you won't have the time to cry Provavelmente não terá tempo de chorar

Out of the universe Fora do universo


A strange love is born Um estranho amor nasce
Unholy union União profana
Trinity reformed Trindade reformada

Out of the darkness Fora das trevas


Out of the darkness Fora das trevas
Out of the darkness brighter than a thousand suns Fora das trevas, mais brilhante do que mil sóis
… ...
Holy Father we have sinned Pai sagrado nós pecamos

(4/10) The Pilgrim (5:07) O Peregrino

The keys to death and hell As chaves para a morte e para o inferno
The ailing kingdom doomed to fail O reino da aflição condenado a falhar
The bonds of sin and heart will break Os elos do pecado e do coração irão se romper
The pilgrims course will take O curso dos peregrinos iremos seguir

Quelling the devils might Colocando um fim no poder do demônio


And ready for eternal fight E se preparando para a luta eterna
Aching limbs and fainting soul Membros doloridos e almas indistintas
Holy battles take their toll Batalhas sagradas tem o seu preço

Liberty and hope divine Liberdade e esperança divinas


Changing the water into wine Tornando água em vinho
So to you we bid farewell Então de você nós nos despedimos
Kingdom of heaven to hell Reino do paraíso para o inferno

Spirit holy life eternal Santo espírito, vida eterna


Raise me up take me home Eleva-me, leve-me para casa
Pilgrim sunrise O nascer-do-sol do peregrino,
pagan sunset o por-do-sol do pagão
Onward journey begun A jornada para diante começou

To courage find and gracious will Para encontrar coragem e vontade graciosa
Deliver good from ill Libertar o bem do mal
Clean the water clean our guilt Limpar a água, a nossa culpa
With us do what you will Faça conosco o que quiser

Then will my judge appear Então irá o meu juiz aparecer


Bear no false angel that I hear Não suporto o falso anjo que escuto
For only then I will confess Pois somente então eu irei me confessar para
To my eternal hell Par meu eterno inferno

Now give us our holy sign Agora nos dê nosso sinal sagrado
Changing the water into wine Tornando a água em vinho
So to you we bid farewell Então de você nós nos despedimos
Kingdom of heaven to hell Reino do paraíso para o inferno

Spirit holy life eternal Santo espírito, vida eterna


Raise me up take me home Eleva-me, leve-me para casa
Pilgrim sunrise O nascer-do-sol do peregrino,
pagan sunset o por-do-sol do pagão
Onward journey begun A jornada para diante começou

(5/10) The Longest Day (7:48) O Mais Longo Dia

In the gloom Nas trevas


the gathering storm abates a tempestade que se forma diminui de intensidade
In the ships gimlet eyes await Nos barcos olhos perfurantes aguardam
The call to arms Um chamado às armas
to hammer at the gates para derrubar todos os portões
To blow them wide throw evil to its fate Para explodi-los e jogar o mal a seu próprio destino

All summers long the drills Todos almejam a ferramenta


to build the machine para construir a maquina
To turn men from flesh and blood to steel Para tornarem homens de carne e sangue em aço
From paper soldiers to bodies on the beach Soldados de papel em corpos sob a praia
From summer sands to armageddon's reach Areias de verão no apocalipse

Overlord, your master not your god O seu superior é seu mestre, não o seu deus
The enemy coast dawning grey with scud A praia inimiga amanhece cinza e enevoada
These wretched souls puking, shaking fear Estas infelizes almas vomitam, se tremem de medo
To take a bullet for those who sent them here Para ser baleado por aqueles que os enviaram aqui

The world's alight O mundo está aceso


the cliffs erupt in flames as ravinas explodem em chamas
No escape Não há escapatória
remorseless shrapnel rains granadas chovem sem remorso
Drowning men no chance Homens se afogam sem chance
for a warrior's fate para um destino de guerreiro
A choking death Uma morte sufocante
enter hell's gates adentre os portões do inferno
Sliding we go Escorregando nós seguimos
only fear on our side apenas medo há ao nosso lado
To the edge of the wire Até o limiar dos cabos
And we rush with the tide E nós nos atiramos junto a maré
Oh the water is red Oh, a água se torna vermelha,
With the blood of the dead Com o sangue dos mortos
But I'm still alive, pray to God I survive Mas ainda estou vivo, rezo a deus para sobreviver

How long on this longest day Quanto tempo neste mais longo dia
'Til we finally make it through Até que finalmente sobrevivamos à isto
How long on this longest day Quanto tempo neste mais longo dia
'Til we finally make it through Até que finalmente sobrevivamos à isto

The rising dead, faces bloated torn Os mortos aumentam, com seus rostos inchados
They are relieved Eles já foram consolados
the living wait their turn os vivos esperam por sua vez
Your number's up O seu numero foi escolhido
the bullet's got your name a bala tem o seu nome escrito nela
You still go on Você ainda segue adiante
to hell and back again indo e voltando do inferno

Valhalla waits, valkyries rise and fall Valhalla aguarda, valquirias sobem e caem
The warrior tombs lie open for us all A tumba do guerreiro se encontra aberta para nós
A ghostly hand reaches through the veil Uma mão fantasmagórica alcança através do véu
Blood and sand, we will prevail Sangue e areia, nós iremos prevalecer

Sliding we go Escorregando nós seguimos


only fear on our side apenas medo há ao nosso lado
To the edge of the wire Até o limiar dos cabos
And we rush with the tide E nós nos atiramos junto a maré
Oh the water is red Oh, a água se torna vermelha,
With the blood of the dead Com o sangue dos mortos
But I'm still alive, pray to God I survive Mas ainda estou vivo, rezo a deus para sobreviver

How long on this longest day Quanto tempo neste mais longo dia
'Til we finally make it through Até que finalmente sobrevivamos à isto
How long on this longest day Quanto tempo neste mais longo dia
'Til we finally make it through Até que finalmente sobrevivamos à isto

How long on this longest day Quanto tempo neste mais longo dia
'Til we finally make it through Até que finalmente sobrevivamos à isto
How long on this longest day Quanto tempo neste mais longo dia
'Til we finally make it through Até que finalmente sobrevivamos à isto

(6/10) Out Of The Shadows (5:36) Fora Das Sombras

Hold a halo round the world Segure uma auréola em volta do mundo
Golden is the day Dourado é o dia
Princes of the universe Príncipes do universo
Your burden is the way Os seus fardos são o caminho
So there is no better time Portanto não há melhor momento
Who will be born today Quem irá nascer hoje?
A gypsy child at day break Uma criança cigana ao romper do dia
A king for a day Rei por um dia

Out of the shadows and into the sun Vindo das sombras em direção ao sol
Dreams of the past Sonhos do passado
as the old ways are done enquanto as antigas maneiras se findam
Oh there is beauty and surely there is pain Oh, há beleza e certamente há dor
But we must endure it Mas nós devemos suportar isso
to live again para viver novamente

Dusty dream in fading daylight Sonho empoeirado sob a luz do dia que se desbota
Flicker on the walls Tremulam nas paredes
Nothing new, your life's a drift Nada de novo, sua vida é uma deriva
What purpose to it all? Qual o propósito de isto tudo?
Eyes are closed and death is calling Olhos fechados e a morte está chamando
Reaching out his hand Estendendo suas mãos
Call upon the starlight to surround you Clame para a luz estelar te circundar

Out of the shadows and into the sun Fora das sombras em direção ao sol
Dreams of the past as the old ways are done Sonhos do passado como se faziam antigamente
Oh there is beauty and surely there is pain Oh, há beleza e certamente há dor
But we must endure it Mas nós devemos suportar isso
to live again para viver novamente

Out of the shadows and into the sun Vindo das sombras em direção ao sol
Dreams of the past Sonhos do passado
as the old ways are done enquanto as antigas maneiras se findam
Oh there is beauty and surely there is pain Oh, há beleza e certamente há dor
But we must endure it Mas nós devemos suportar isso
to live again para viver novamente

Out of the shadows and into the sun Vindo das sombras em direção ao sol
Dreams of the past Sonhos do passado
as the old ways are done enquanto as antigas maneiras se findam
Oh there is beauty and surely there is pain Oh, há beleza e certamente há dor
But we must endure it Mas nós devemos suportar isso
to live again para viver novamente

Out of the shadows and into the sun Vindo das sombras em direção ao sol
Dreams of the past Sonhos do passado
as the old ways are done enquanto as antigas maneiras se findam
Oh there is beauty and surely there is pain Oh, há beleza e certamente há dor
But we must endure it Mas nós devemos suportar isso
to live again para viver novamente

A man who cast no shadows has no soul Um homem que não emite sombra não possui alma

(7/10) The Reincarnation A Reencarnação


Of Benjamin Breeg (7:21) de Benjamin Breeg

Let me tell you about my life Deixe eu te contar sobre minha vida
Let me tell you about my dreams Deixe eu te contar sobre meus sonhos
Let me tell you about the things that happened Deixe eu te contar sobre coisas que aconteceram
Always real to me Tudo é tão real para mim
Let me tell you of my hope Deixe eu contar sobre a minha esperança
Of my need to reach the sky Sobre minha necessidade de alcançar o céu
Let me take you on an awkward journey Me deixe te levar em uma desgraciosa jornada
Let me tell you why Me deixe te dizer o porque
Let me tell you why Me deixe te dizer o porque

Why should these curses Porque estas maldições


be laid upon me tiveram que ser impostas sobre mim?
I won't be forgiven 'til I can break free Eu não serei perdoado até eu poder me libertar
What did I do to deserve all this guilt? O que fiz para merecer toda esta culpa?
Pay for my sins Eu pago pelos meus pecados
for the sale of my soul com a venda da minha alma
Demons are trapped all inside of my head Demônios estão presos dentro da minha cabeça
My hopes are gone reach Minhas esperanças se foram
for Heaven from Hell eu tento alcançar o Paraíso do Inferno

My sins are many Meus pecados são muitos,


My guilt is too heavy minha culpa é pesada demais
The pressure of knowing of hiding what I know A pressão de saber, de esconder o que eu sei
I'm able to see things Sou capaz de ver coisas,
Things I don't want to see coisas que não quero ver
The lives of a thousand souls As vidas de milhares de almas
Weigh Heaven down on me pesam sobre mim

I know they're crying for help Sei que eles clamam por ajuda
reaching out e tentam me alcançar
The burden of them will take me down as well O fardo deles irá me levar para baixo também
The sin of a thousand souls O pecado de milhares de almas
not died in vain não morreram em vão
Reincarnate still in me live again Reencarnação minha, viver novamente

Someone to save me Alguém para me salvar


Something to save me from myself Algo para me salvar de mim mesmo
To bring salvation, to exorcise this Hell Para trazer salvação, para exorcisar esse inferno

Someone to save me Alguém para me salvar


Something to save me from my Hell Algo para me salvar do meu inferno
A destination, away from this nightmare Um destino, fora deste pesadelo

Someone to save me Alguém para me salvar


Something to save me from myself Algo para me salvar de mim mesmo
To bring salvation, to exorcise this Hell Para trazer salvação, para exorcisar esse inferno

(8/10) For The Greater Pelo Bem


Good Of God (9:24) Maior de Deus

Are you a man of peace Será você um homem de paz


Or man of holy war Ou o homem da guerra santa?
Too many sides to you Há muitos lados para se escolher
Don't know which anymore Não sei mais qual deles tomar
So many full of life Tantas pessoas cheias de vida
But also filled with pain Mas também cheias de dor
Don't know just how many Não sei quantos irão
Will live to breathe again Viver e respirar novamente
A life that's made to breath Uma vida que foi feita para ser vivida
desctruction or defense Destruição ou auto-proteção?
A mind that's vain corruption Uma mente que se envaidece na corrupção
Bad or good intent Com boas ou más intenções
A wolf in sheep's clothing Um lobo em pele de cordeiro
Or saintly or sinner Um santo ou pecador?
Or some that would believe Ou alguém acreditaria que haveria
A holy war winner um vencedor nesta guerra santa?

They fire off many shots Eles disparam tantos tiros


and many parting blows e fazem tantos ataques
Their actions beyond a reasoning As atitudes deles estão além da compreensão
Only god would know Somente Deus compreenderia
And as He lies in heaven E enquanto Ele se encontra no céu
Or it could be in hell Ou seria no inferno?
I feel he's somewhere here Eu sinto que ele está aqui em algum lugar
Or looking from below Ou olhando lá de baixo
But I don't know, I don't know Mas eu não sei, eu não sei

Please tell me now what life is Por favor me diga agora o que é a vida
Please tell me now what love is Por favor me diga agora o que é o amor
Well tell me now what war is Ora, me diga agora o que é a guerra
Again tell me what life is De novo, me diga o que é a vida

More pain and misery in the history of mankind Mais dor e miséria na história da humanidade
Sometimes it seems more like As vezes mais parece que
the blind leading the blind o cego lidera os demais
It brings upon us more famine, death and war Isso nos traz mais fome, morte e guerra
You know religion Você sabe que a religião
has a lot to answer for tem muito o que responder

Please tell me now what life is Por favor me diga agora o que é a vida
Please tell me now what love is Por favor me diga agora o que é o amor
Well tell me now what war is Ora, me diga agora o que é a guerra
Again tell me what life is De novo, me diga o que é a vida

And as they search E enquanto eles procuram


to find the bodies in the sand pelos corpos enterrados na areia
They find its ashes that are Eles encontram suas cinzas
Scattered across the land espalhadas pela terra
And as the spirits seem E enquanto seus espíritos tentam
to whistle in the wind inutilmente se comunicarem conosco
A shot is fired Um tiro é disparado
somewhere another war begins em algum lugar e outra guerra se inicia

And all because of it you'd think E mesmo com tudo isso, você pensou
That we would learn Que nós iriamos aprender alguma coisa
But still the body Mas a contagem de corpos
count the city fires burn continua, com a cidade em chamas
Somewhere there's someone dying Em algum lugar há alguém morrendo
In a foreign land Em terra estrangeira
Meanwhile the world Enquanto isso o mundo
is crying stupidity of man chora a estupidez do homem
Tell me why, tell me why Me diga porque, me diga porque...
Please tell me now what life is Por favor me diga agora o que é a vida
Please tell me now what love is Por favor me diga agora o que é o amor
Well tell me now what war is Ora, me diga agora o que é a guerra
Again tell me what life is De novo, me diga o que é a vida

Please tell me now what life is Por favor me diga agora o que é a vida
Please tell me now what love is Por favor me diga agora o que é o amor
Well tell me now what war is Ora, me diga agora o que é a guerra
Again tell me what life is De novo, me diga o que é a vida

For the greater good of god Pelo bem maior de Deus

Please tell me now what life is Por favor me diga agora o que é a vida
Please tell me now what love is Por favor me diga agora o que é o amor
Well tell me now what war is Ora, me diga agora o que é a guerra
Again tell me what life is De novo, me diga o que é a vida

Please tell me now what life is Por favor me diga agora o que é a vida
Please tell me now what love is Por favor me diga agora o que é o amor
Well tell me now what war is Ora, me diga agora o que é a guerra
Again tell me what life is De novo, me diga o que é a vida

For the greater good of god Pelo bem maior de Deus

He gave his life for us Ele deu sua vida por nós,
he fell upon the cross ele caiu perante a cruz
To die for all of those Para morrer por todos aqueles
who never mourn His loss que nunca lamentaram sua perda
It wasn't meant for us Não era para estarmos
to feel the pain again sentindo esta dor novamente
Tell my why, tell me why Me diga o por que, me diga o porque

(9/10) Lord Of Light (7:23) O Senhor da Luz

There are secrets that you keep Existem segredos que você guarda
There are secrets that you keep Existem segredos que você guarda
There are secrets that you tell to me alone Existem segredos que você diz para mim sozinho
I can't reach things i can't see Não posso alcançar coisas que não consigo ver
You don't see this strange world Você não enxerga este estranho mundo
quite the same as me Da mesma maneira que eu
Don't deny me what i am Não me negue o que eu sou
Nothing hidden still you fail Nada há escondido ainda assim você falha
to see the truth em ver a verdade
These are things you can't reveal Estas são coisas que você não pode revelar
These are things you can't reveal Estas são coisas que você não pode revelar

We are part of some strange plan Somos parte do mesmo estranho plano
Why the slaughter of the brotherhood of man Porque esta chacina da irmandade dos homens?
Infernal sacrifice of hell Sacrifício infernal das profundezas
Fire breathing lead the way Fogo conduz o trajeto
Mounds of bodies as they all burn into one Montes de corpos enquanto todos queimam
Revenge is living in the past Vingança é viver no passado
Time to look into a new millennium Hora de olhar para um novo milênio

Spiral path leads through the maze Caminho espiral que guia através do labirinto
Down into the fiery underworld below Lá embaixo no submundo
Fire breathing lead the way Fogo conduz o trajeto
Lucifer was just Lúcifer foi apenas
an angel led astray um anjo que se afastou do caminho

Free your soul and let it fly Liberte sua alma e deixe-a voar
Give your life to the Lord of Light Dê sua vida para o Senhor da Luz
Keep your secrets and rain on me Guarde seus segredos e que chova sobre mim
All i see are mysteries Tudo que vejo são mistérios

Free your soul and let it fly Liberte sua alma e deixe-a voar
Give your life to the Lord of Light Dê sua vida para o Senhor da Luz
Keep your secrets and rain on me Guarde seus segredos e que chova sobre mim
All i see are mysteries Tudo que vejo são mistérios

We are not worthy in your black Não somos dignos de seus negros
and blazing eyes E chamuscantes olhos
We gather demons in the mirror every day Nós reunimos demônios no espelho todos os dias
The bridge of darkness casts a A ponte da escuridão lança sua
shadow on us all Sombra sobre nós todos
And all our sins to you we give this day E todos os nossos pecados damos a você neste dia

Others wait their turn Os outros esperam a vez deles


their lives were meant to last A vida deles foi destinada a durar
Use yours wisely Use a sua vida sabiamente
as the light is fading fast enquanto a luz se apaga rapido
Free your soul and let it fly Liberte sua alma e a deixe voar
Mine was caught i couldn't try A minha foi presa, eu não pude tentar
Time returns again to punish all of us O tempo retrocede novamente para punir todos

We are cast out by our bloody fatheres hand Fomos expulsos pela mão sangrenta de nosso pai
We are strangers in this lonely promised land Somos forasteiros nesta solitária terra prometida
We are the shadows of the one unholy ghost Somos as sombras do fantasma profano
In our nightmare world Em nosso mundo de pesadelos
the only one we trust o único em que confiamos

Free your soul and let it fly Liberte sua alma e deixe-a voar
Give your life to the Lord of Light Dê sua vida para o senhor da luz
Keep your secrets and rain on me Guarde seus segredos e que chova sobre mim
All i see are mysteries Tudo que vejo são mistérios

Free your soul and let it fly Liberte sua alma e deixe-a voar
Give your life to the Lord of Light Dê sua vida para o Senhor da Luz
Keep your secrets and rain on me Guarde seus segredos e que chova sobre mim
All i see are mysteries Tudo que vejo são mistérios

(10/10) The Legacy (9:22) O Legado

Tell you a thing Te direi uma coisa


That you ought to know Que você já deveria saber
Two minutes of your time Dois minutos do seu tempo
Then on you go E então você pode seguir seu rumo

Tell tale of the men Direi o conto dos homens


All dressed in black Todos vestidos em preto
That most of them A maioria deles
Not coming back Não irá retornar

Sent off to war Enviados para a guerra


To play little games Para brincar com pequenos jogos
And on their return E ao retorno deles
Can't name no names Não podem nomear nome algum

Some strange yellow gas Algum estranho gás amarelo


Has played with their minds Brincou com suas mentes
Has reddened their eyes Ela tornou vermelho seus olhos
Removed all the lies Removeu todas as mentiras

And strange as it souns E mesmo que isso soe estranho


Death knows no bounds A morte não conhece fronteiras
How many get well? Quantos deles irão ficar bem?
Only time will tell Apenas o tempo dirá

You lie in your death bed now Você mente em seu leito de morte agora
But what did you bring to the table? Mas o que você trouxe para a mesa?
Brought us only holy sin Nos trouxe apenas pecados santos
Utter trust is a deadly thing Confiança absoluta é algo mortal

To the prayer of holy peace Até a prece da santa paz


We didn't know Nós não sabíamos
what was lying underneath o que se encontrava por debaixo
So how could we be such fools Como pudemos ter sido tão tolos
And to think E pensar
we tought you the answer que nós te ensinamos a resposta

I can't begin to understand Posso não começar a entender


in all the lies todas as mentiras
But on your death bed Mas no seu leito de morte
I can see it in your eyes eu posso ver isto em seus olhos
Just as clear as all Tão claro quanto
the sweat upon your brow o suor em sua testa
It really makes sense Isto realmente faz sentido
I can see it clearly now eu posso ver isto claramente agora

Tangled up in a web of lies Emaranhado em uma teia de mentiras


Could have been away to prophesise Poderia ter me distanciado para profetizar
Unaware of the consequence Não ciente das consequências
Not aware of the secrets that you kept Não ciente dos segredos que você guardava

Nothing that we could believe Nada que pudéssemos acreditar


To reveal the facade of faceless men Para revelar a fachada do homem sem rosto
Not a thing that we could foresee Nada que pudéssemos prever
Not a sign that would tell us the outcome Nenhum sinal que nos diria o resultado

You had us all strung out with Você nos manteve debilitados com
Promises of peace Promessas de paz
But all along your cover plan Mas desde o começo seu plano
was to deceive era nos enganar
Can it put to rights now? Poderemos concertar isso agora?
Only time will tell Apenas o tempo dirá
Your prophecies Suas profecias
will send us all to hell as well irão nos enviar para o inferno do mesmo jeito

Left to all our golden sons Deixado para todos os nossos filhos dourados
All to pick up on the peace Todos para recolherem a paz
You could have given all of them Você poderia ter dado a todos eles
A little chance at least Uma pequena chance pelo menos

Take the world to a better place Leve o mundo a um lugar melhor


Given them all just a little hope Dê a eles todos um pouco de esperança
Just think what a legacy Apenas pense em qual legado
You know will leave Você irá transmitir

We seem destined to live in fear Nós parecemos destinados a viver com medo
And some that would say armageddon is near Alguns diriam que o apocalipse está próximo
But while there's a life or there's hope Mas aonde há a vida há a esperança
That man won't self destruct De que o homem não irá se auto destruir

Why can't we treat our fellow men Porque não podemos tratar nossos companheiros
With more respect and a shake of their hands Com mais respeito e um aperto de mãos?
But anger and loathing is rife Mas ódio e repulsa prevalecem
The death on all side is A morte está ao lado de todos e
Becoming a way of life Tornando-se um modo de vida

We live in a uncertain world Vivemos num mundo de incerteza


Fear understanding and ignorance Medo, conhecimento e ignorância
Is leading to death Conduzindo até a morte
Only the corpses are left Apenas corpos restaram
For voltures that pray on their bones Para aqueles abutres rezarem sobre seus ossos

But some are just not wanting peace Mas alguns simplesmente não querem a paz
Their whole life is death and misery A vida inteira deles é morte e miséria
The only thing that they know A única coisa que eles sabem
Fight fire with fire, life is cheap É enfrentar fogo com fogo, a vida é supérflua

But if they do stop to think Mas se eles parassem para pensar


That man is teetering right on the brink Que o homem está cambaleando direto pro abismo
But do you think that they care? Mas você acha que eles se importam?
They benefit from death and pain and despair Eles lucram com a morte, a dor e o desespero

DIFFERENT WORLD: fala sobre modos diferentes de se ver a vida, como muitas vezes tudo
parece estar nos trilhos, e de repente, muda. Este álbum trata muito sobre guerra, e aqui ele fala
sobre aproveitar a vida antes que seja tarde. E deve ser bem essa a cabeça de um soldado na
guerra, o drama de ter a morte a sua volta o tempo todo, sem saber quando tudo pode acabar.

THESE COLOURS DON'T RUN: fala sobre um soldado que vai para guerra.
Num trecho, menciona meio romanticamente quais as motivações de se ir para a guerra e
defender seu país: a paixão, a glória, memórias, dinheiro.

Voltemos nossas mentes para o contexto da Segunda Guerra Mundial, a Era Atômica, com

BRIGHTER THAN A THOUSAND SUNS: em agosto de 1939, os físicos húngaros Léo Szilárd e
Eugene Wigner enviaram uma carta (famosa por ser assinada por Einstein) ao presidente dos
EUA, Roosevelt, informando que os alemães estavam pesquisando sobre reações nucleares, e que
estas poderiam ser usadas como bombas que causariam grande destruição. Buummmm!

Os EUA começam a investir em pesquisas para conseguir a tal bomba antes dos alemães.
Em junho de 1942, é iniciado o Projeto Manhattan, liderado pelo coronel James C. Marshall e na
parte técnica, pelo físico-teórico J. Robert Oppenheimer. Várias bases foram construídas ao longo
dos EUA e algumas no Canadá.

Por convenção, a Era Atômica inicia após a detonação da primeira bomba atômica (a
“Trinity”) em 16 de julho de 1945, em Jornada del Muerto, Novo México - EUA. Para se ter ideia,
tinha força de 20kt de TNT, ou seja, 20.000 toneladas de TNT! Dá pra fazer um belo estrago em
Brasília...

Em 1945 a Alemanha já havia sido derrotada, e os estadunidenses já haviam se consolidado


nas ilhas do pacífico, onde bateram o Japão em várias batalhas, como Midway, Guadalcanal e
outras. Só que o Japão não estava nem um pouco disposto a se entregar, os caras iam lutar até o
último homem, lembrando que foi nesta guerra que começaram os ataques suicidas por terra, água
e pelo ar, com os conhecidos kamikazes.

Tecnicamente os EUA não precisavam mais lutar contra os japoneses, mas pelo jeito eles
também não iam cessar os ataques até que o Japão se rendesse, o que como já disse, não ia
acontecer. A Solução final dos estadunidenses foi, em 6 de agosto de 1945, atirar a bomba Little
Man (13kt) na cidade de Hiroshima, matando cerca de 70 mil e ferindo a mesma quantidade. E 3
dias depois, a bomba Fat Man (25kt) atinge a cidade de Nagazaki, matando mais de 75 mil
pessoas e ferindo outras 20 mil. Como o tempo estava ruim, o piloto errou o alvo, a bomba caiu
num vale ao lado da cidade...

THE PILGRIM: refere-se aos peregrinos, que são os colonos ingleses que foram para a região da
Nova Inglaterra, onde hoje fica Massachusetts, transportados pela navio Mayflower em 1.620.
Devido a conflitos com a igreja anglicana, os colonos, que eram protestantes puritanos, decidiram
vir para a América e começar uma nova vida.

Nesta nova vida, massacraram alguns índios, como é natural com qualquer colonizador.
Inclusive, o tal dia de ação de graças é praticamente a celebração de um dia de caçada aos índios
bem sucedida, não tem muito a ver com aquelas historinhas que contam de índios e colonos
compartilhando um belo almoço, que é celebrada até hoje!

THE LONGEST DAY: fala sobre o Dia D, que é conhecido como o maior invasão marinha já
conhecida na face do planeta Terra. No dia 06 de junho de 1944, os Aliados (EUA, Inglaterra,
Canadá, Austrália, França, URSS) invadiram a praia da Normandia na França, que estava sob
domínio da Alemanha de Hitler.

Este ataque foi determinante para a vitória dos aliados no front oeste, uma vez que os
russos já haviam vencido os alemães na batalha de Stalingrado.
OUT OF SHADOWS: é mais um som que fala do sentido da vida.

THE REINCARNATION OF BENJAMIN BREEG: fala sobre um personagem fictício que os caras
da banda criaram, talvez por pura ação de marketing. Tem algumas coisas interessantes, como por
exemplo, Benjamin Breeg nasceu dia 3 de setembro de 1939, que foi o dia em que a Inglaterra
declarou guerra à Alemanha nazista, e o ano de lançamento do filme “The Man of the Iron Mask”
(O Homem da Máscara de Ferro), nome que inspirou o nome da banda

FOR THE GREATER GOOD OF GOD: tem a letra do cristão Harris questionando Deus sobre o
porquê de tanto sofrimento, o porquê da guerra, morte, fome e se Jesus teria livrado a Terra do mal
enquanto na cruz pagou pelos pecados.

LORD OF LIGHT: = “Lú”, “tinhoso” ou “Cão Sarnento Chupador de Manga”, etc. Parece que a
banda encontra na faixa o culpado pelas questões da música anterior: o ser humano. A letra
aponta o ser humano como aquele que vai atrás do mal, se entrega ao mal, tirando a face
vilanesca de Lúcifer, que se torna apenas um acolhedor das almas que se oferecem a ele.

Lúcifer, inclusive, tem grande similaridade com outra criatura da mitologia grega:
Prometheus. Ambos desafiaram os deuses levando conhecimento ou fogo aos humanos, e ambos
foram punidos pelos deuses.

THE LEGACY: conta a história de um soldado que foi para a guerra e está descascando toda sua
raiva em cima dos líderes: aqueles FDP‟s que arrumam uma guerra e mandam os outros lutarem,
enquanto os bonitões ficam lá, numa boa, ganhando grana, tomando champagne e tratando
soldados como se fossem números, não gente.

(texto de: Ricardo Heavyrick, [2])


2010
1. The Final Frontier Smith, Harris 8:40
2. El Dorado Smith, Harris, Dickinson 6:49
3. Mother of Mercy Smith, Harris 5:20
4. Coming Home Smith, Harris, Dickinson 5:52
5. The Alchemist Gers, Harris, Dickinson 4:29
6. Isle of Avalon Smith, Harris 9:06
7. Starblind Smith, Harris, Dickinson 7:48
8. The Talisman Gers, Harris 9:03
9. The Man Who Would Be King Murray, Harris 8:28
10. When the Wild Wind Blows Harris 10:59

A grosso modo, pode-se dizer que este disco do MAIDEN dá continuidade aquilo que a
banda vem fazendo desde “Brave New World”, quando Bruce Dickinson retomou ao posto de
vocalista. Ou seja, músicas muitas vezes longas demais, ritmos cadenciados e uma fórmula que já
está mais do que manjada. Aquela velha estrutura de começar de forma calma, muitas vezes com
um batido riff de baixo, e depois ir numa crescente até se tornar uma música de Heavy Metal
propriamente dita.

Porém, resumir “The Final Frontier” somente a isso seria injusto. Independente da aparente
falta de criatividade da banda nos últimos anos, o novo disco possui alguns lampejos de inovação
e, algumas vezes, mesmo nas fórmulas batidas, consegue demonstrar talento e empolgar. Já em
outras não tem o mesmo êxito.

Logo na primeira faixa “Satellite 15... The Final Frontier”, podemos perceber algumas
nuances de rock progressivo na parte inicial, com um instrumental diferenciado e um vocal que
também foge, e muito, do costumeiro. Depois dos quatro minutos (ela tem mais de oito), ela
desemboca num hard/heavy vigoroso, terreno conhecido do grupo, que se não é novidade, é muito
bem feito e garante lugar de destaque no disco.

A música seguinte, “El Dorado”, é pesada na medida certa. Possui um baixo potente e boas
linhas vocais. Se os últimos discos da banda tivessem mais músicas desse naipe, mais
metalizadas e menos pomposas, obteriam resultados melhores. Outro caso que comprova essa
tese é a faixa “The Alchemist”. A canção mais curta do disco tem boa velocidade e vai direto ao
ponto, sendo certeira em soar como um autêntico Heavy Metal.

“Mother of Mercy” e “Coming Home” lembram bastante o trabalho da banda no disco “A


Matter of Life and Death”. Tanto na velha fórmula, lento-rápido, como no próprio clima criado pelas
músicas. Se não são músicas ruins, também estão longe de serem das melhores.

Aqui acabamos a seção de músicas com menos de sete minutos de duração. Das 10 faixas,
seis passam dos oito minutos. O que, você deve concordar, é um exagero. Ainda mais se
lembrarmos que em grandes clássicos da banda, como “The Number of the Beast” (1982), “Piece
of Mind” (1983) e “Powerslave” (1984), a média de duração não passa de cinco minutos.

Daí pra frente é aquela receita: começo lento, vocal baixo, que depois ganha corpo e peso,
começa a reinar nas composições. Mas, independente do script ser o mesmo, é necessário notar
que cada música se diferencia da outra. Afinal, cada uma tem seus riffs, solos, linha vocal, melodia
e letra.

Por exemplo, “Isle of Avalon”, é bastante interessante e conta com um instrumental que
alterna, durante toda a canção, entre cadência, alguma velocidade e peso. Já “Starblind” tinha tudo
para ser uma grande música, mas pecou por ser uma música grande. Ela tem uma levada pesada
e linha vocal bem trabalhada, porém se torna cansativa e repetitiva. Típico caso em que alguns
minutos a menos só faria bem. “The Talisman” alterna bons e maus momentos, assim como “The
Man Who Would Be King”, que possui partes mais inspiradas e criativas e outras descartáveis. Se
ambas fossem mais compactas poderiam alcançar um resultado final melhor.

Fechando o álbum, “When the Wild Wind Blows” é uma das faixas que mais agrada. Seu
tom quase épico é muito interessante, assim como as linhas vocais e variações rítmicas bem
encaixadas.

“The Final Frontier” é um bom álbum, no final das contas. Lógico que alguns ajustes
poderiam ser feitos. Algumas músicas poderiam ser mais curtas, assim como poderiam existir
canções mais velozes. Mas, pelo jeito, a banda gosta mesmo é de utilizar a supracitada fórmula.
De qualquer forma, se o disco não faz frente aos grandes clássicos dos anos 80, também passa
longe de fazer feio na discografia da banda. [1]

(1/10) The Final Frontier (8:40) A Fronteira Final

I'm stranded in space Estou encalhado no espaço


I'm lost without trace eu estou perdido, sem deixar vestígios
I haven't this chance of getting away Eu não tenho chance de ficar longe
Too close to the sun and surely will burn Muito perto do sol e, certamente, vou queimar
Like Icarus before me or so legend goes Como Ícaro antes de mim então a lenda segue

I think my life, reliving my past Estou levando minha vida, revivendo o passado
There's nothing Não há nada a fazer
but wait til' my time comes a não ser esperar até minha hora chegar
I've had a good life, I'd do it again Eu tive uma vida boa, eu faria tudo de novo
Maybe I'll come back some time afresh Talvez eu volte algum dia, meus amigos

For I have lived my life to the full Porque eu vivi minha vida ao máximo
I have no regrets eu não tenho arrependimentos
But I wish I could talk to my family Mas eu gostaria de poder falar com minha família
to tell them one last goodbye para lhes dizer um último adeus

The final frontier, the final frontier!! A fronteira final, a fronteira final!
The final frontier, the final frontier!! A fronteira final, a fronteira final!

If I could survive to live one more time Se eu pudesse sobreviver, pra viver mais uma vez,
I wouldn't be changing a thing at all eu não mudaria nenhuma das coisa
Done more in my life Faço mais em minha vida
than some do in ten do que alguns fazem em dez
I'd go back and do it all over again se eu voltasse eu faria tudo novamente

For I have lived my life to the full Porque eu vivi minha vida ao máximo
I have no regrets eu não tenho arrependimentos
But I wish I could talk Mas eu gostaria de poder falar
to my family and tell them that one last goodbye com minha família para lhes dizer um último adeus

The final frontier, the final frontier!! A fronteira final, a fronteira final!
The final frontier, the final frontier!! A fronteira final, a fronteira final!

There isn't much time Não há muito tempo


must say my last rites devo dizer minhas ultimas palavras
Nobody is here to read them to me Ninguém está aqui para lê-los para mim
Must say my goodbyes, if only a line Devo dizer o meu adeus, se em apenas uma linha
A message to tell them in case they might find... Uma mensagem a dizer caso possam encontrar

For I have lived my life to the full Mas eu preenchi a minha vida ao máximo
I have no regrets eu não tenho arrependimentos
But I wish I could talk to my family Mas eu gostaria de poder falar com minha família
to tell them that one last goodbye para lhes dizer um último adeus

The final frontier, the final frontier! A fronteira final, a fronteira final!

(2/10) El Dorado (6:49) El Dorado

Gotta to tell you a story Tenho que lhe contar uma história
On a cold winter's night Numa noite fria de inverno
You'll be sailing for glory Você vai velejar rumo à glória
Before you know what is right Antes de saber o que é certo
So come over here now Então venha aqui agora
I got a vision for you Eu tenho uma visão para você
It's my personal snake oil Esse é o meu embuste
It's just something I do É apenas algo que eu faço
I'm the jester with no tears Eu sou o bobo da corte sem lágrimas
And I'm playing on your fears E eu estou brincando com seus medos

I'm a trickster smiling underneath Eu sou um trapaceiro sorrindo debaixo


this mask of love and death dessa máscara de amor e morte
The eternal lie I've told Tenho contado uma eterna mentira
About the pyramids of gold Sobre as pirâmides de ouro
I've got you hooked at every turn, your money's left Eu fisguei você de todas as formas, seu dinheiro
to burn agora vai queimar
Ha ha ha ha ha ha ha! Ha ha ha ha ha ha ha!

You'll be wanting a contract Você vai querer um contrato


You'll be waiting a while Você vai ficar esperando um pouco
I'd like to give you my contact Eu gostaria de te dar o meu contato
But that isn't my style Mas esse não é o meu estilo
Well you only get one chance Bem, você só tem uma chance

And it's too good to miss E é boa demais para ser desperdiçada
If I didn't lie to you Se eu não mentisse para você
Then I wouldn't exist Então, eu nem existiria
Greed lust and envy pride Ganância, luxúria, orgulho e inveja

It's same old same old ride O caminho é sempre o mesmo


The smoke and mirrors visions that you see A fumaça e as visões refletidas que você vê
Are just like me São exatamente iguais a mim
I'm a clever banker's face Eu sou a cara de um banqueiro inteligente
With just a letter out of place Com apenas uma letra fora do lugar
I know someone just like you Eu sei que alguém como você
know someone just like me conhece alguém igual a mim

El Dorado, come and play El Dorado, venha jogar


El Dorado, step this way El Dorado, fica por aqui
Take a ticket for the ride Pegue seu bilhete para o passeio
El Dorado streets of gold El Dorado, ruas de ouro
See my ship is oversold Veja o meu navio está supervalorizado
You've got one last chance to try Você tem uma última chance para tentar

So gone is the glory Então se foi a glória


And gone is the gold E se foi o ouro
Well if you knew a story Bem, se você já conhecia a história
how come it has to be told Porque ela precisa ser contada?
Well you can say I'm a devil Bem, você pode dizer que eu sou um demônio
And I wouldn't say no E eu não negaria
But out here on the dark side Mas aqui do lado negro
Hey, on with the show Ei, o show continua
So now my tale is told Então agora minha história está contada
Big and bad and twice as bold Longa, má e com o dobro de coragem

This ship of fools is sinking Esse navio de tolos afunda


as the cracks begin to grow conforme as rachaduras aumentam
There is no easy way Não há caminho fácil
For an honest man today Para um homem honesto nos dias de hoje
Which is something you should think on Isto é algo em que você deveria pensar
As my life boat sails away Enquanto meu bote salva-vidas vai embora

El Dorado, come and play El Dorado, venha jogar


El Dorado, step this way El Dorado, fica por aqui
Take a ticket for the ride Pegue seu bilhete para o passeio
El Dorado, of streets of gold El Dorado das ruas de ouro
See my ship is oversold Veja o meu navio está supervalorizado
You've got one last chance to try Você tem uma última chance para tentar

El Dorado, come and play El Dorado, venha jogar


El Dorado, step this way El Dorado, fica por aqui
Take a ticket for the ride Pegue seu bilhete para o passeio
El Dorado of streets of gold El Dorado das ruas de ouro
See my ship is oversold Veja o meu navio está supervalorizado
You've got one last chance to try Você tem uma última chance para tentar

(3/10) Mother Of Mercy (5:20) Mãe da Misericórdia

Sitting waiting in the falling rain Sentado, esperando sob a chuva


Getting ready to begin again Preparando-me para começar novamente

Wounded lying crying Feridos deitados, gritando


Bodies moving dying Corpos moribundos se mexendo
All around there is the smell Tudo em volta cheira
Of death and fire A morte e fogo

Here the planes are coming Aqui os aviões estão chegando


Hear the soldiers running Ouço os soldados correndo
Killing on a scale to comprehend Matando em uma escala para entender

Why are we here Por que estamos aqui


In this place...here to kill Nesse lugar...aqui para matar
Please God forgive us Por favor Deus perdoe-nos
For what we have done Pelo que fizemos

I always thought I was doing right Eu sempre achei estar fazendo o certo
As of now I'm not feeling so sure A partir de agora não tenho mais tanta certeza

I'm at a place of where Eu estou num lugar onde


I give no grace Não dou graça
I'm a soldier of war Eu sou um soldado da guerra

I sit waiting Sento-me esperando


for my darkest hour to come a minha hora mais escura chegar
I cannot think about Não posso pensar sobre
the things that I have done as coisas que fiz
It shouldn't take a fool Até mesmo um tolo
to see that I believe veria que acredito
Accept the consequence Em aceitar a consequência
repent for what I've done arrepender-me do que fiz

You tell me what is certain Você me diz o que é certo


But I'll tell you what is true Mas te direi o que é verdadeiro
You tell me what is honesty Você me diz o que é honestidade
When all around is death and cruelty Quando tudo em volta é morte e crueldade

The making of a man is fire O que forma um homem é o fogo


Not giving into our desires Não cedendo aos nossos desejos
Within the truth that lies Dentro da verdade que se encontra
Within the only thing Dentro da única coisa

Mother of mercy Mãe da Misericórdia


Angel of death desire Anjo do desejo da morte
Mother of mercy Mãe de Misericórdia
Taking my last breath of fire Tomando meu último suspiro de fogo
Mother of mercy Mãe da Misericórdia
Angel of pain Anjo da dor
Mother of mercy Mãe da Misericórdia
Taking my last breath Tomando o meu último suspiro

Some say you are a lost cause Alguns dizem que você é uma causa perdida
Some say you're a saint Alguns dizem que você é uma santa
Just being here's an act Só de estar aqui é um ato
Of suffering and restraint De sofrimento e retenção

Walk down the long dark road Desça a estrada longa e escura
To ruin and panic not À ruína e sem medo
I'll die a lonely death Eu morrei de morte solitária
Of that I'm certain of Disso tenho certeza

Rivers flow with blood Rios de sangue fluem


There's nowhere left to hide Não resta lugar para se esconder
It's hard to comprehend É difícil compreender
There's anyone left alive Que ainda há alguém vivo

Sick of all the killing Farto de toda a matança


And the reek of death E do fedor de morte
Will God tell me Deus me contará
What religion is to man O que é religião para o homem

I don't hold with bad religion Eu não me prendo à religião má


Understand what's underneath it Entendo o que está por baixo
Now I come to think of it Agora venho a pensar nisso
I just don't hold at all you know it Eu simplesmente não me apego, você sabe

You say you are a holy man Você diz ser um homem santo
But what is it you do Mas o que é que você faz?
From where I stand is nothing De onde estou vejo apenas
But a hollow man I see Um homem vazio

Mother of mercy Mãe da Misericórdia


Angel of death desire Anjo do desejo da morte
Mother of mercy Mãe de Misericórdia
Taking my last breath of fire Tomando meu último suspiro, de fogo
Mother of mercy Mãe da Misericórdia
Angel of pain Anjo da dor
Mother of mercy Mãe da Misericórdia
Taking my last breath Tomando o meu último suspiro

Mother of mercy Mãe da Misericórdia


Angel of death desire Anjo do desejo da morte
Mother of mercy Mãe de Misericórdia
Taking my last breath, of fire Tomando meu último suspiro, de fogo
Mother of mercy Mãe da Misericórdia
Angel of pain Anjo da dor
Mother of mercy Mãe da Misericórdia
Drawing my last breath Desenhando meu último suspiro

I'm just a lonely soldier fighting Eu sou apenas um soldado solitário lutando
In a bloody hopeless war Em uma guerra sangrenta e inútil
Don't know what I'm fighting Não sei o que estou combatendo
Who it is or what I'm fighting for Contra quem ou pelo que estou lutando

Thought it was for money Pensei que fosse pelo dinheiro


Make my fortune, now I'm not so sure Para fazer minha fortuna, agora não estou tão certo
Seem to just have lost my way Pareço apenas ter perdido meu caminho

(4/10) Coming Home (5:52) Voltando Pra Casa

When I stand before you Quando estou junto a você


shining in the early morning sun brilhando na luz do amanhecer
When I feel the engines roar Quando escuta o ronco dos motores
and I think of what we've done e penso no que nós deveríamos ter feito
Oh, the bittersweet reflection Olho a reflexão melancólico
as we kiss the earth goodbye enquanto beijamos a terra pela última vez
As the waves and echoes of the towns Enquanto as ondas e os ecos das cidades
become the ghosts of time transformam-se em fantasmas do tempo

Over borders that divide the earthbound tribes Acima dos limites que dividem as tribos terrenas
No creed and no religion Sem crença nem religião
just a hundred winged souls apenas centenas de almas voando
We will ride this thunderbird Vamos flutuar nesta maquina,
silver shadows on the earth sombras prateadas sobre a terra
A thousand leagues away Mil léguas de distância
our land of birth o planeta em que nascemos

To Albion's land À terra de Albion


Coming home when I see the runway lights Voltando pra casa, quando vejo as luzes na pista
In the misty dawn No amanhecer ou nublado
the night is fading fast a noite esta desvanecendo rápido
Coming home Voltando pra casa
far away as their vapor trails align longe os rastros de vapor se alinham
Where I've been tonight, you know I will not stay Onde estou esta noite, você sabe que não ficarei

Curving on the edge of daylight Dobrando no limiar do amanhecer


til it slips into the void até escorregar para o vazio
Waited in the long night, dreaming Esperando na longa noite, sonhando
til the sun is born again até que o sol nasça novamente
Stretched the fingers of my hand Esticando os dedos da mão
covered countries with my span países cobertos com minha palma
Just a lonely satellite Apenas um satélite solitário
speck of dust and cosmic sand um grão de poeira na areia cósmica

Over borders that divide the earthbound tribes Acima dos limites que dividem as tribos terrenas
Through the dark atlantic Através do Atlântico escuro
over mounting stormy waves sobre crescentes ondas de tempestades
We will ride this thunderbird Vamos flutuar nesta maquina
silver shadows on the earth sombras prateadas sobre a terra
A thousand leagues away Mil léguas de distância
our land of birth o planeta em que nascemos

To Albion's land À terra de Albion


Coming home when I see the runway lights Voltando pra casa, quando vejo as luzes na pista
In the misty dawn the night No amanhecer nublado a noite
is fading fast está desvanecendo rápido
Coming home Voltando pra casa
far away as their vapor trails align longe os rastros de vapor se alinham
Where I've been tonight, you know I will not stay Onde estou esta noite, você sabe que não ficarei

To Albion's land À terra de Albion


Coming home when I see the runway lights Voltando pra casa, quando vejo as luzes na pista
In the misty dawn the night No amanhecer nublado a noite
is fading fast está desvanecendo rápido
Coming home Voltando pra casa
far away as their vapor trails align longe os rastros de vapor se alinham
Where I've been tonight, you know I will not stay Onde estou esta noite, você sabe que não ficarei
Coming home Voltando pra casa
far away when I see the runway lights quando vejo as luzes na pista
In the misty dawn No amanhecer nublado
the night is fading fast a noite esta desvanecendo rápido
Coming home Voltando pra casa
far away as their vapor trails align longe os rastros de vapor se alinham
Where I've been tonight, you know I will not stay Onde estou esta noite, você sabe que não ficarei
(5/10) The Alchemist (4:29) O Alquimista

Stranger than the comet Mais estranho que o cometa


as it streaks across the sky como estrias através do céu
Stranger than the truth I know Mais estranho que a verdade eu sei
before my open eyes diante dos meus olhos abertos
I have dealt in mysteries and trickery Eu tratei de mistérios e malandragem
of light to entertain da luz para entreter
Looked into the abyss, called it by its name Olhei para o abismo, chamado pelo seu nome

I have plundered time itself Eu tenho saqueado o próprio tempo


put the world inside it coloquei o mundo dentro dela
And the mysteries, day and night, divide it E os mistérios , dia e noite dividi-lo
A plague of wonders, on your knees beside me Uma praga de maravilhas, de joelhos ao meu lado
Know the secrets Conheça os segredos
you shall not deride us você não deve ridicularizar-nos

My dreams of empire Meus sonhos de império


from my frozen queen da minha rainha congelados
Will come to pass Irão passar
Know me, the Magus I am Dr. Dee Me conhece, eu sou o Mago Dr. Dee
And this is my house E esta é minha casa

I am the master of the tides Eu sou o mestre das marés


I shame the mirror in my sight Eu tenho vergonha do espelho na minha frente
What random music of the spheres Que música aleatória das esferas
Across the years Ao longo dos ano

Know this Conheça este


I will return to this land Eu voltarei para esta terra
Rebuild where the ruins did stand Reconstruir onde as ruínas se põem
Chain of the demons set free Cadeia dos demônios libertados
Strange alchemy Estranha alquimia

Gather round the aimless Aproximem-se a esmo


and the feckless and the lame e os irresponsáveis e os coxos
Hear the master summon up Ouça o mestre conjurar
the spirits by their names os espíritos de seus nomes
I curse you Edward Kelly Eu vos maldigo Edward Kelly
your betrayal for eternity is damned sua traição para a eternidade é condenado
Know you speak with demons Sei que você fala com demônios
you cannot command você não pode comandar

Even as I looked into the glass Mesmo quando eu olhei para o vidro
then I was blinded então eu estava cego
Burning by the Mortlake shore my house Queimando pela costa Mortlake, minha casa
my books inside it meus livros dentro dela
You have taken up my wife and lain beside her Você tomou a minha esposa e deitou ao lado dela
Now the black rain on my house Agora, a chuva preta na minha casa
the timbers burning as madeiras queimando

My dreams of empire Meus sonhos de império


from my frozen queen da minha rainha congelados
Will come to pass Irão passar
Know me, the Magus I am Dr. Dee Me conhece, eu sou o Mago Dr. Dee
And this was my house E esta era a minha casa

I was the keeper of the books Eu era o guardião dos livros


I had the knowledge of the scrolls Eu tinha o conhecimento dos pergaminhos
But now through ignorance and fear Mas agora, por ignorância e medo
I cast a shadow through the years Eu coloco uma sombra ao longo dos anos

Know this Conheça este


I will return to this land Eu voltarei para esta terra
Rebuild where the ruins did stand Reconstruir onde as ruínas se põem
Chain of the demons set free Cadeia dos demônios libertados
Strange alchemy Estranha alquimia

Know this Conheça este


I will return to this land Eu voltarei para esta terra
Rebuild where the ruins did stand Reconstruir onde as ruínas se põem
Chain of the demons set free Cadeia dos demônios libertados
Strange alchemy Estranha alquimia

Know this Conheça este


I will return to this land Eu voltarei para esta terra
Rebuild where the ruins did stand Reconstruir onde as ruínas se põem
Restore the knowledge memory Restaurar a memória do conhecimento
Strange alchemy Estranha alquimia

(6/10) Isle of Avalon (9:06) Ilha de Avalon

I can hear them floating on the wind Eu posso ouvi-los flutuando no vento
Immortal souls their weeping saddens me Suas almas imortais chorando me entristece
Mother earth you know your time is near Mãe terra você sabe que seu tempo está próximo
Awaken lust the seed is sown and reaped Despertar cobiça a semente é semeada e colhida

Through the western isle I hear the dead awaken Através da ilha ocidental ouço o acordar dos mortos
Rising slowly to the court of Avalon Subindo lentamente pelas cortinas de Avalon
The cauldron of the head of Annwyn laced with envy O caldeirão da cabeça Annwyn atado com inveja
Dark around its edge Escuridão em torno de sua borda
with pearl and destiny com pérola e destino

All my days I've waited for the sign Todos os meus dias eu espero o sinal
The one that brings me closer to isle of Avalon Aquele que me trará mais perto da Ilha de Avalon
I can feel the power flowing through my veins Eu posso sentir o poder fluindo pelas minhas veias
My heart is beating louder Meu coração está batendo mais forte
close to Avalon perto de Avalon

I can hear you, can you hear me? Eu posso ouvir você, você pode me ouvir?
I can feel you, can't you feel me? Eu posso sentir você, você não pode me sentir?
Fertility Mother Goddess Fertilidade da Deusa Mãe
Celebration, sow the seeds of the born Comemoração, plantar as sementes dos nascidos
The fruit of her body laden O fruto do seu corpo carregado
Through the corn doll Através da boneca de milho
You will pray for them all Você vai rezar para todos eles

The image of Mother Goddess A imagem da Deusa Mãe


Lying dormant, in the eyes of the dead Adormecidos, nos olhos dos mortos
The sheaf of the corn is broken O feixe do milho é quebrado
End the harvest Fim da colheita
Throw the dead of the pyre Jogue os mortos da pira

I hear her crying the tears of an angel Eu escuto ela chorando lágrimas de um anjo
The voices I hear in my head As vozes que ouço na minha cabeça
Blessed the fruits are the corn of the earth Abençoados os frutos são o milho da terra
Mother earth holy blood of the dead Mãe da terra, santo sangue dos mortos

Mother earth I can hear you Mãe terra, eu posso ouvir você
Sacrifice, now united Sacrifício, agora unidos

Rising levels of the tidal lakes protect them Aumento dos níveis de maré lagos protegê-los
Keepers of the goddess in the underworld Guardiões da Deusa no submundo
Holding powers of the mystics, deep inside them Fixação de poderes místicos, profundamente
nineteen maidens, guardians of the otherworld Dezenove donzelas, guardiões do outro mundo
Mortal conflict born of Celtic legend Conflito mortal nasceu da lenda celta
That apart from seven, non-returned from Avalon Que, além de sete anos, não voltou de Avalon

Mother earth I can feel you Mãe terra, eu posso sentir você
My rebirth now completed Meu renascimento já completo

Fertility mother goddess Fertilidade da deusa-mãe


Celebration, sow the seeds of the born Comemoração, plantar as sementes dos nascidos
The fruits of her body laden Os frutos de seu corpo carregado
Through the corn doll Através da boneca de milho
You will pray for them all Você vai rezar para todos eles
The image of mother goddess A imagem da deusa mãe
Lying dormant, in the eyes of the dead Adormecidos, nos olhos dos mortos
The sheaf of the corn is broken O feixe do milho é quebrado
End the harvest, throw the dead on the pyre Fim da safra, lançar os mortos sobre a pira

To have the belief of others Para ter a crença dos outros


Looking for the Isle to Olhando para a ilha para
Show them a sign Mostre-lhes um sinal
Fertility of all mothers Fertilidade de todas as mães
Stood in silence Ficou em silêncio
Waiting now for their turn Esperando agora por sua vez

The gateway to Avalon A porta de entrada para Avalon


The island where the souls A ilha onde as almas
Of dead are reborn Dos mortos renascem
Brought here to die and be Trouxe aqui para morrer e ser
Transferred into the earth Transferida para a terra
And then for rebirth E, em seguida, para o renascimento

I hear her crying the tears of an Angel Eu escuto ela chorando lágrimas de um Anjo
The voices I hear in my head As vozes que ouço na minha cabeça
Blessed the fruits are the corn of the earth Abençoados os frutos são o milho da terra
Mother earth holy blood of the dead Mãe terra, santo sangue dos mortos

The water in rivers and rhymes rises quickly As águas dos rios e riachos sobem rápido
Are flowing and flooding the land Estão fluindo e inundando a terra
The sea shall return once again O mar deverá voltar mais uma vez
just to hide them apenas para escondê-los
Lost souls on the Isle of the dead Almas perdidas na ilha dos mortos

(7/10) Starblind (7:48) Ofuscado

Take my eyes the things I've seen Tomam meus olhos as coisas que eu tenho visto
In this world coming to an end Nesse mundo chegando ao fim
My reflection fades, I'm weary Meu reflexo desaparece, estou cansado
Of these earthly bones and skin Desses ossos e pele terrena

You may pass through me and Tu podes passar por mim


Leave no trace I have E não deixar vestígios
No mortal face Não tenho cara mortal
Solar winds are whispering Os ventos solares estão sussurrando
You may hear me call Você pode me ouvir chamar

We can shed our skins and swim Nós podemos derramar nossa pele e nadar
Into the darkened void beyond No vazio escurecido além
We will dance among the world Nós dançaremos entre o mundo
That orbit stars that aren't our sun Que as estrelas orbitam não são nosso Sol

All the oxygen that trapped us in Todo o oxigênio que nos prendeu em
A carbon spider's web Uma teia de aranha de carbono
Solar winds are whispering you Ventos solares sussurram, você
May hear the sirens of the dead Pode ouvir as sirenas dos mortos
Let the elders to their parley Deixe os anciões fazerem a negociação
Meant to satisfy our lust Designada para satisfazer nossa luxúria
Leaving damacles still hanging Deixando Damocles pairando sobre
Over all their promised trust Toda a sua confiança prometida

Walk away from freedoms offered Se afaste das liberdades oferecidas


By the jailors in their cage Por carcereiros em sua gaiola
Step into the light startripping Caminhe na luz viajando pelas estrelas
Over mortals in their rage Sobre mortais em sua raiva

Starblind with sun the Ofuscado - com Sol


Stars are one As estrelas são uma
We are the light that brings Nós somos a luz que traz
The end of night O fim da noite
Starblind with sun the Ofuscado - com Sol
Stars are one As estrelas são uma
We are with the goddess Estamos com a Deusa
Of the sun tonight Do Sol essa noite

The preacher loses face O pregador perde o rosto


With christ De Cristo
Religion's cruel device is gone O dispositivo cruel da religião se foi
Empty flesh and hollow bones Carnes vazias e ossos ocos
Make pacts of love but die alone Fazem pactos de amor mas morrem sozinhos
The crucible of pain will forge the O crisol de dor forjará
Blanks of sin begin again Os espaços vazios do pecado começam de novo
You are free to choose a life to live Você é livre para escolher uma vida para viver
Or one that's left to lose Ou uma que sobra para perder
Virgins in the teeth of god are Virgens nos dentes de Deus são
Meat and drink to feed the damned Carne e bebida para alimentar os condenados
You may pass through me and I Você pode passar por mim e eu
Will feel the life that you live less Sentirei a vida que você vive menos
Step into my light startripping Ande na minha luz viajando nas estrelas
We will rage against the night Nos enfureçeremos contra a noite

Walk away from comfort offered Afastando do conforto oferecido


By your citizens of death Por seus cidadãos de morte

Starblind with sun the Ofuscado com Sol


The stars are one As estrelas são uma
We are the light that brings Nós somos a luz que traz
The end of night O fim da noite
Starblind with sun the Ofuscado - com Sol
Stars are one As estrelas são uma
We're one with the goddess Nós somos um com a Deusa
Of the sun tonight Do Sol essa noite

Take my eyes for what I've seen Tome os meus olhos para o que eu tenho visto
I will give my sight to you Eu darei minha visão para você
You are free to choose whatever Você é livre para escolher o que quer que seja
Life to live or life to lose Vida para viver ou vida a perder

Whatever god you know Seja qual for o Deus que você conhece
He knows you better than you Ele te conhece melhor do que você
Believe Acredite
In your once and future grave Na sua única e futura cova
You'll fall endlessly deceived Você cairá incessantemente enganado

Look into our face reflected in the Procure em nosso rosto refletido
Moonglow in your eyes No brilho da lua em seus olhos
Remember you can choose Lembre-se, você pode optar
To look but not to see and Por olhar mas não ver e
Waste your hours Desperdiçar suas horas

You believe you have the time Você acredita que tem o tempo
But I tell you your time is short Mas eu lhe digo que o seu tempo é curto
See your past and future all the Consulte o seu passado e futuro, tudo a
Same and it cannot be bought Mesma coisa e isso não pode ser negociado

Starblind with sun the Ofuscado com Sol


Stars are one As estrelas são uma
We are the light that brings Nós somos a luz que traz
The end of night O fim da noite
Starblind with sun the Ofuscado - com Sol
Stars are one As estrelas são uma
We're one with the goddess Nós somos um esta noite com a Deusa
Of the sun tonight Do Sol essa noite

Take my eyes for what I've seen Tome os meus olhos para o que eu tenho visto
I will give my sight to you Eu darei minha visão para você
You are free to choose whatever Você é livre para escolher o que quer que seja
Life to live or life to lose Vida para viver ou vida a perder
Whatever god you know Seja qual for o Deus que você conhece
He knows you better than you Ele te conhece melhor do que você
Believe Acredite
In your once and future grave Na sua única e futura cova
You'll fall endlessly deceived Você cairá incessantemente enganado

The preacher loses face O pregador perde o rosto


With christ Com Cristo
Religion's cruel device is gone O dispositivo cruel da religião se foi
Empty flesh and hollow bones Carnes vazias e ossos ocos
Make pacts of love but die alone Fazem pactos de amor mas morrem sozinhos
The crucible of pain will forge the O crisol de dor forjará
Blanks of sin begin again Os espaços vazios do pecado começam de novo
You are free to choose a life to live Você é livre para escolher uma vida para viver
Or one that's left to lose Ou uma que sobra para perder

(8/10) The Talisman (9:03) O Talismã

When I stand and look Quando eu paro e aguardo


About the port Sobre o porto
And contemplate my life, will I E contemplo minha vida
Ever see my countrymen again? Verei meus contemporâneos de novo?
As the captain calls us on the deck Enquanto o capitão nos chama na plataforma
I take my things and walk Eu pego minhas coisas e ando
To the harbourside, I glance back Para a zona portuária, eu olho para trás
One last time Uma última vez

Fleeing our nation, our problems Fugindo de nossa nação, de nossos problemas
We leave behind Deixamos para trás
Ships by the tenfold sail Navios de dez velas
Out on the tide Fora da maré
We are pleased to be out and Estamos contentes de estar fora
Embracing the open sea Abraçando o mar aberto
Free from our troubles Livre de nossos problemas
And more free from thee E mais livre de ti

Inheritors unfulfilled reason Herdeiros insatisfeitos com razão


Behind us Atrás de nós
We flee from what is not what Fugimos para o que não
Is will be É a vontade de ser
We flee the earth and face our Nós fugimos da terra e enfrentamos nossa
Harsh reality Dura realidade
Will death be low mist that A morte é a baixa névoa que
Hangs on the sea? Trava no mar?

We run from the evil tongues, rash Nós corremos das más línguas
Judgements, selfish men Julgamentos apressados, homens egoístas
Never to be seen on these Nunca mais serão vistos nessas
Shores again Margens de novo

As we sail into oceansize À medida que navegamos pelo oceano


And lose sight of all land E perdemos a vista de toda a terra
A face of contentment Um rosto de contentamento
Around in the air Ao redor no ar
We're off now to Estamos fora agora para
Seek all our fortunes Procurar todas as nossas fortunas
To the land of our dreams Para a terra de nossos sonhos

Riding the waves and the storm Cavalgando nas ondas e a tempestade
Is upon us Está sobre nós
The winds lash the sails but Os ventos açoitam as velas, mas
The ropes keep them tight As cordas as mantêm presa
Off in the distance a dark cloud Fora na distância uma nuvem escura está se
Approaching Aproximando

None could imagine what there Ninguém poderia imaginar o quê


Was to come Estava por vir
No, there's no one going back Não, não há mais volta
No, there's not a second chance Não, não há uma segunda chance
As we strap onto the side À medida que se tira para o lado
We pray to God that we don't die Nós rezamos á Deus para não morrer

As we ride the rough seas Como nós montamos o mar agitado


As we soak from the ocean waves Como se embebe das ondas do oceano
I just hope for all our lives Eu só espero que para todas as nossas vidas
And pray that I survive E rezo para que eu sobreviva

Four ships are lost in the Quatro navios estão perdidos


Stormy conditions No tempestuoso tempo

The spirits of the sunken crews Os espíritos das tripulações afundadas


Their phantoms follow us Os fantasmas nos seguem

Spirits, sails, they drive us on Espíritos, velas, eles conduzem-nos


Through the all consuming waves Através do consumo de todas as ondas
Cold mortality, no weapon Mortalidade fria, nenhuma arma
Against these ever raging seas Contra esses mares furiosos

Four leagues and ten and we Quatro léguas e nós


Hit storms again Tempestades nos acertaram novamente
We just can't get away from Nós não apenas podemos fugir
The eye of the storm Do olho da tempestade

The birds outsoar the raging storm Os pássaros a subir na tempestade


But we cannot escape it Mas não podemos fugir dela
Abandoned earth that we Terra abandonada que
Now crave Agora crava
Is many leagues from safe Está há muitas léguas de seguro

Holding on for our dear lives Conservação para nossa querida vida
And we're praying once again E nós estamos orando mais uma vez
Rotten luck or just jonahed? Má sorte ou apenas muito bêbado
The talisman is in my hand O talismã está em minha mão

Limbs fatigues, trembling with cold Fadigas nos membros tremendo de frio
Blinded from the sea spray salt Cegos da maresia
Clasping anything we can hold Juntando tudo o que pode segurar
Heaven's rain upon us falls Chuva do céu cai sobre nós

Twenty days without a meal Vinte dias sem uma refeição


And ten without fresh water still E dez sem água potável ainda
Those that didn't die in storms Aqueles que não morreram numa tempestade
The scurvy rest did slaughter O rosto escorbuto fez abate

Westwards the tide Oeste a maré


Westwards we sail on Velejamos em direção ao oeste
Westwards the tide Oeste a maré
Sail by the talisman Vela pelo talismã

We approach the other side Nós nos aproximamos do outro lado


Of the ocean with the tide Do mar com a maré
In our favour just for once A nosso favor só por uma vez
Welcome greeting, our new land Bem vindo a salvação, a nossa nova terra
The elation in our hearts A alegria em nossos corações
The excitement in our veins O entusiasmo em nossas veias
As we sail towards the coastline À medida que a vela vai para o litoral
Of our golden promised land Para a nossa terra de ouro prometida

Weary limbs fatigued away Membros cansados


I have no life left in me Fadigados pela distância
No more strength and nothing Não tenho vida em mim
Left to give Não há mais força para dar
Must find the will to live Devo encontrar a vontade de viver

Never thought that we could Nunca pensei que


Make it Conseguiríamos
Truly sight of shores divine A visão da costa é realmente divina
The sickness I am dying from A doença que estou morrendo
Never wanted it to end this way Nunca quis que isso terminasse desse jeito

Westwards the tide Oeste a maré


Westwards we sail on Velejamos em direção ao oeste
Westwards the tide Oeste a maré
Sail by the talisman Vela pelo talismã

(9/10) The Man Who O Homen Que


Would be King (8:28) Deveria Ser Rei

As he travels on the beast of burden, Como ele viaja na besta do fardo


Moving up along the mountainside, Movendo-se ao longo da encosta
As he gazes looking down the valley, Como olha a vista abaixo no vale
No regrets but his pride, Sem arrependimentos, mas orgulho

As he journeys Como ele viaja


across mountain passes, através de passagens nas montanhas
And significant sweeps over him, A insignificância se estende sobre ele
His reflection of the beauty around him, O reflexo de sua beleza o ronda
Feeling empty inside, Sentindo-se vazio por dentro

He is running Ele está fugindo


from his wildest thoughts, de seus pensamentos mais selvagens
He is running from his everything, Ele está fugindo de seu todo
He is looking now to find something, Ele está olhando agora á procura de algo
Hoping he can be saved, Esperando que possa ser salvo
He's searching for the answer now, Ele esta procurando por uma resposta agora
It's something that he's managed É algo que ele conseguiu
to avoid up 'till now, Evitar até agora
Real conviction that he craves, Real convicção que ele almeja
He needs to find the answer sooner or later, Ele precisa encontrar a resposta cedo ou tarde

Pushed himself to the limits, Forçando seu interior ao limite


He had to strive Ele teve que lutar
for all the harder things in life, por todas as coisas mais difíceis na vida
But what the cost to giving now, Mas qual é o custo à ser dado agora
His life his, time are the only things Sua vida seu tempo são as únicas coisas
that he has que possui

Life is not a rehearsal, A vida não é um ensaio


All he has is the one chance to get it right, Tudo que ele tem é uma chance para acertar
Living really is the only way to know, Viver é realmente a única maneira de saber

Maybe one day they'll forgive him what he's done, Talvez um dia eles vão perdoar-lhe pelo o que fez
But now the pain Mas agora a dor
of lying too early in the grave, de mentir foi muito cedo à sepultura

Destiny no good to hide away, Destino não é bom para se esconder


Penance now will be his only way, Penitência agora será sua única maneira
Understand, no good to run away, Entenda, não adianta fugir
Penance now, we'll be his saving grace, Penitência agora será sua graça salvadora

He tries to make his peace with God, Ele tenta fazer as pazes com Deus
All is forgivable but he's left a little late, Tudo é perdoável, mas ele deixou um pouco tarde
Trying something that he's not, Tentando algo que ele não é
Is impossible to change such a lot, É impossível mudar de tal maneira

He's taken someone's life away, Ele tirou a vida de alguém


There's not a day that goes by Não há um dia que passe
he regrets what he's done, que ele lamente o que fez
He should have found another way, Ele deveria ter encontrado outra forma
But the good book says an eye for an eye, Mas o bom livro diz "olho por olho"

In reflecting on decisions that were made, Ao refletir sobre as decisões que foram feitas
On the judgements that will haunt him 'till his grave, No julgamento que irá assombrá-lo até seu túmulo
No one has the right to take another life, Ninguém tem o direito de tirar outra vida
But in his mind he had no choice Mas em sua mente, ele não teve outra escolha
so be it, então que assim seja

Destiny, no good to hide away, Destino não é bom para se esconder


Penance now, will be his only way, Penitência agora será sua única maneira
Understand, no good to run away, Entenda, não adianta fugir
Penance now, we'll be his saving grace, Penitência agora será sua graça salvadora

Destiny, no good to hide away, Destino não é bom para se esconder


Penance now, will be his only way, Penitência agora será sua única maneira
Understand, no good to run away, Entenda, não adianta fugir
Penance now, we'll be his saving grace, Penitência agora será sua graça salvadora

Far , far away, Longe, distante


The man who would be king, O homem que deveria ser rei
… ...

(10/10) When The Wild Quando o Vento


Wind Blows (10:59) Selvagem Sopra

Have you heard what Você viu o que


they said on the news today eles disseram nas notícias de hoje?
Have you heard what is coming to us all? Você viu o que está vindo para nós?
That the world as we know Que o mundo como conhecemos
it will be coming to an end chegará ao fim
Have you heard, have you heard? Você ouviu, você ouviu?

He sees them in the distance Ele os vê à distância


where the darkened clouds roll onde as nuvens escuras passam
He can feel tension in the atmosphere Ele podia sentir a tensão no ar
He would look in the mirror, see an old man now Ele olharia no espelho, viria um homem já velho
Doesn't matter they survived somehow Não importa se sobreviveram de algum jeito

They said there's nothing can be done Eles disseram que não há nada a ser feito
about the situation sobre a situação
They said there's nothing Eles disseram que não há nada
you can do at all que você possa fazer
To sit and wait around for something to occur Para sentar e esperar que algo aconteça
Did you know, did you know? Você sabia, você sabia?

As he stares across the garden looking Enquanto observa o jardim olhando


at the meadows para o pasto
And wonders if they'll ever grow again Imaginando se eles crescerão novamente
The desperation of the situation getting graver O desespero da situação está se agravando
Getting ready when the wild wind blows Preparando-se quando o vento selvagem sopra

Have you seen what Você viu o que


they said on the news today eles disseram nas notícias de hoje?
Have you heard what they said about us all Você viu o que está vindo para nós?
Do you know what is happening Você sabe o que acontecerá
to just every one of us? com cada um de nós?
Have you heard, have you heard? Você ouviu, você ouviu?

There will be a catastrophe Haverá uma catástrofe


that like we've never seen como nunca vimos antes
There will be something that will light the sky Haverá algo que iluminará o céu
That the world as we know it Que o mundo como nós o conhecemos
it will never be the same nunca mais será o mesmo
Did you know, did you know? Você sabia, você sabia?

He carries everything into the shelter, not a fuss Ele leva tudo para o abrigo, sem agitação
Getting ready when the moment comes Preparando-se para quando o momento chegar
He has enough supplies Ele tem suprimentos suficientes
to last them for a year or two para durar por um ano ou dois
Good to have because you never know É bom ter, porque nunca se sabe

They tell us nothing