Você está na página 1de 3

Universidade Estadual de Maringá

Centro de Ciências Exatas Nota:


Departamento de Fı́sica
Fı́sica Experimental I Prof. Marcelo Sandrini Data: / /

Nome Registro Acadêmico

1 Prática: Movimento Circular Uniforme - MCU


Este roteiro faz parte dos estudos iniciais sobre Movimento Circular Uniforme (MCU).

1.1 Procedimento Experimental


De acordo com as orientações do professor, você deve listar e descrever (de forma detalhada) cada item
utilizado na prática experimental1 .
Para a realização do experimento será utilizada uma plataforma rotatória da Pasco.

1. Nivele a plataforma rotatória;

2. Afira o valor da massa M presa ao suporte lateral e anote na Tabela 1;

3. Fixe a distância entre o suporte central e o suporte lateral em R = 15, 00.

4. Através de um fio inextensı́vel que passa pela polia, fixe uma massa de aproximadamente ms = 40 g
à massa M , de tal forma que ela fique alinhada com a linha vertical do suporte lateral. Isto é obtido
movendo-se convenientemente a presilha superior do suporte central;

5. Conjuntamente ajuste o ”disco indicador”de tal forma que ele se alinhe com o anel do suporte central.

6. Retire a massa suspensa e coloque o sistema em rotação tal forma que a massa M permaneça sempre
alinhada com a vertical (nesta posição o disco indicador vai estar dentro do anel).

7. Usando um cronômetro, afira o tempo que a plataforma leva para realizar 10 voltas completas. Repita
este procedimento por pelo menos mais três vezes e com estes dados calcule o valor médio do tempo
que a massa M está girando e preencha a Tabela 1;

8. Repita as medidas para mais cinco configurações de massa suspensa, mas garanta que a massa máxima
não ultrapasse mmax = 160, 0 g. E preencha a Tabela 1.

9. Calcule o perı́odo médio (T ) de rotação para cada configuração de massa e preencha a tabela 2.
1
Caso necessário, anexe uma foto ou desenho.
1.2 Dados Obtidos
Anote o raio da trajetória, o qual deve ser mantido constante durante o experimento.
R =−−−−−−− ±−−−−−− cm.
Afira e anote a massa do corpo em estudo.
M =−−−−−−− ±−−−−−− g.
Liste, na Tabela 1, os valores das massas suspensas e dos respectivos tempos para a realização de 10 voltas.
Tabela 1: Valores de massas suspensas e respectivos tempos para 10 voltas.
ms ± σm (g) t1 ± σt (s) t2 ± σt (s) t3 ± σt (s) t ± σt (s)
1
2
3
4
5
6

Tabela 2: Valores de massas suspensas e respectivos perı́odos.


ms ± σm (g) T ± σT (s)
1
2
3
4
5
6

1.3 Auxı́lio para a análise


Esta seção deve ser entendida como base para as discussões do relatório. Porém, não apresente os itens
requisitados, e respostas, em forma de questionário.

1. Determine o tempo médio e respectivos desvios.

2. Normalize os dados obtidos pelos valores máximos de cada variável. Discuta o resultado.

3. Faça um gráfico do peso suspenso Ps (dyn) × t(s) em papel milimetrado2 . Verifique, a partir do gráfico
a relação entre as variáveis.

4. Agora linearize os resultados obtidos, ou seja, construa um gráfico de Ps (dyn) × t(s) em um papel
Di-Log. A partir desse gráfico, encontre a função que rege o comportamento do sistema analisado.

5. Obtenha, também, essa equação que rege o sistema por meio da função de regressão de potencia
(REG → P wr) da sua calculadora3 .

6. Sabendo o tipo de relação, faça uma análise do sistema aplicando as leis de Newton. Discuta sobre o
resultado.
2
Para a aceleração da gravidade use g = 980, 6 m/s2 . Observe que a análise será no sistema sistema CGS, ou seja a força
deve estar em dinas (dyn).
3
Lembre-se que y = axb .

Page 2
7. A partir das equações obtidas por meio da analise dos gráficos e das leis de Newton, determine a massa
M do sistema (experimental) e compare com o valor medido. Calcule o desvio percentual (D%).

8. Alguns cuidados foram adotados na execução do experimento. Cite-os e discuta quais seriam as
consequências se estes tivessem sido negligenciados?

Page 3