Você está na página 1de 18

PLANO DE ENSINO PROJETO DE URBANISMO E PAISAGISMO: CIDADES Implantação 20181

CARGA HORÁRIA: 66hs Teórica: 18h Prática: 48h

EMENTA
Estudo dos processos de estruturação do espaço e da paisagem, do processo de desenvolvimento urbano e de seu planejamento no contexto
da escala municipal bem como a dinâmica socioeconômica e as suas disputas pelos espaços urbanos.
COMPETÊNCIAS
I – VISÃO SISTÊMICA – Articular saberes da profissão com o contexto cultural, ambiental, social e global para compreender a realidade e resolver
problemas.
II – PENSAMENTO ANALÍTICO – analisar e interpretar sistematicamente os dados a fim de solucionar problemas.
III – COMUNICAÇÃO – Comunicar, interpretar e produzir textos orais e escritos do meio acadêmico e profissional.
IV – TRABALHO EM EQUIPE – Realizar trabalhos em conjunto, possuindo flexibilidade para lidar com diferentes perfis de pessoas, reconhecendo
a interdependência para o alcance dos objetivos comuns.
V – PRÁTICA ÉTICA – Agir de forma justa, correta e tomando decisões adequadas aos seus valores e princípios.
VI – PRÁTICA CIDADÃ – Exercer a cidadania tendo a consciência de que ações individuais afetam a sociedade como um todo.
VII - INOVAÇÃO – Buscar soluções viáveis e inovadoras na resolução de situações-problema.
VIII – DOMÍNIO TECNOLÓGICO – Usar a tecnologia para resolver problemas e produzir conhecimento.
X – CRIATIVIDADE – Gerar ideias para a criação de conceitos e soluções em design.
XI – VISÃO ESTÉTICA – Integrar a estética ao conjunto de valores que dá sentido e identidade à obra.
XV – ELABORAÇÃO DE PROJETOS – Criar e desenvolver projetos de arquitetura e urbanismo que satisfaçam integralmente os requerimentos do
ser humano, da sociedade, do meio-ambiente da estética, da realidade econômica e cultural.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM
Conhecimentos
1. Capacitar o estudante a analisar um município de pequeno ou médio porte e a propor diretrizes e ações urbanísticas ;
2. Identificar as características do meio físico e os agentes de produção e consumo do espaço;
3. Compreender o processo de formação do espaço, da paisagem e da dinâmica urbana;
Habilidades
4. Analisar a estrutura e os sistemas urbanos: sistema viário, transportes, perímetros ambientais, morfologia, habitação
etc;
5. Analisar dados demográficos, socioeconômicos e índices urbanísticos;
6. Analisar o plano diretor vigente no município estudado ;
Atitudes
7. Definir objetivo geral para intervenção urbana, com diretrizes de uso e ocupação do solo, visando uma cidade que contribua
para equidade social, inserção regional e sustentabilidade ambiental;
8. Formular diretrizes de uso e ocupação do solo que contribuam para atingir o objetivo geral definido;

ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA


Objetivos Atividades a serem desenvolvidas Avaliação
2 atividades: As atividades que serão desenvolvidas pelos Os critérios de avaliação estão explícitos
1) Leitura dirigida do texto em estudantes encontram-se detalhadas no ambiente no ambiente virtual de aprendizagem
português sobre Direito à Cidade da virtual de aprendizagem (Blackboard) da disciplina. (Blackboard) da disciplina.
bibliografia básica e redação dos
conceitos: (a) função social da
cidade e da propriedade; (b)
segregação socioespacial;
2) Leitura dirigida do texto em inglês
sobre Direito à Cidade da
bibliografia básica e redação dos
conceitos: (a) função social da
cidade e da propriedade; (b)
segregação socioespacial;
CRONOGRAMA DE AULAS
Competências Relacionadas
Objetivos de Aprendizagem
I – Lembrar dos conceitos anteriormente aprendidos: processo de I, II e III
periferização e avanço da mancha urbana sobre áreas ambientais;
II – Entender o processo de periferização e metropolização: áreas
precárias e condomínios fechados;
III – Conhecer o conteúdo da disciplina, a metodologia de trabalho
e critérios de avaliação;
1 – INTRODUÇÃO ÀS DIRETRIZES MUNICIPAIS

IV – Analisar o município médio com as contradições urbanas:


Apresentação da disciplina

assentamentos precários e enclaves fechados;


V – Estimar quais são os principais desafios urbanos,
Desafios urbanos

socioeconômicos e ambientais do município médio;


VI – Realizar leitura e preparar uma sistematização sobre o texto
indicado para debate na aula seguinte;
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Perguntas e Respostas/ Aula expositiva - Jogos Tecnológicos: Harvey, D. A Crise da Urbanização Planetária. Blog da
interativa/ Jogos tecnológicos Avaliação formativa Boitempo. Colaborações Especiais. Disponível em:

coletiva: elenco das <https://blogdaboitempo.com.br/2015/01/10/david-


Sequência sugerida: palavras recorrentes harvey-a-crise-da-urbanizacao-planetaria/>. Acesso

a. Levantamento de conhecimentos que explicam os em Novembro de 2017


prévios: diálogo com anotações na lousa problemas e
b. Aula Expositiva Interativa: o professor contradições das
apresenta a aula expositiva sobre o áreas periféricas da
processo de periferização e cidade em estudo
metropolização e pergunta aos alunos por meio de
quais as principais municípios da Região aplicativo para
Metropolitana que conhecem; elaborar uma
c. Jogo tecnológico para avaliação dos “Nuvem de
principais conceitos expostos palavras” digital.

Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Identificar os principais condicionantes para o crescimento mundial da população majoritariamente I, II e IV
urbana;
II – Descrever o processo de urbanização a partir do surgimento do capitalismo;
Desafios urbanos atuais, direitos individuais, sociais e difusos
Economia Política da Urbanização (urbanização capitalista)

III – Compreender a Economia Política da Urbanização no contexto da industrialização, propriedade


privada, assalariamento e divisão social do trabalho;
IV – Ilustrar os conceitos do texto estudado com a primeira crise da urbanização capitalista, surgimento do
planejamento urbano, direitos individuais, sociais e difusos;
2 – PROCESSO DE URBANIZAÇÃO MUNDIAL

V – Comparar as características descritas pelo texto e estimar quais são os principais desafios do município
médio a ser estudado;
VI – Preparar e organizar informações para o diagnóstico do município a ser estudado;
Estratégias de Ensino Avaliação Recursos
Formativa
Perguntas e Respostas/ Enquete (Quizz)/ vídeo/ Trabalho em grupos – Momento síntese Documentário “Desafios da
discussão, sistematização, exposição das conclusões (Philipe 66)/ Aula (Minute paper): Cidade” da Série
expositiva interativa/ Momento síntese (Minute Paper) escreva um Desenvolvimento Urbano do
parágrafo Canal Futura:
Sequência sugerida: refletindo sobre o https://www.youtube.com/w
a. Levantamento de conhecimentos prévios: diálogo com anotações processo de atch?v=puIh8Hr8tX4&t=5s
na lousa; aprendizagem
b. Enquete (Quizz): questão para reflexão: Por que acontece o que ocorrido na aula.
está sendo exibido no vídeo?;
c. Exibição do vídeo “Desafios da Cidade”, sobre as contradições e
desafios do crescimento das cidades da série Desenvolvimento
Urbano do Canal Futura;

d. Aula expositiva com apoio de ppt;


e. Discussão rápida de levantamento de hipóteses no grupo e
apresentação das ideias: chamar apenas 1 representante de cada
grupo para expor as conclusões debatidas
f. Feedback com os principais conceitos aprendidos relacionando o
filme com a aula expositiva.
Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
Análise com dados georreferenciados e dados socioeconômicos (IBGE, SEADE)
I – Identificar a inserção regional do município médio a ser estudado; I, II, IV e VIII
II – Classificar elementos do viário e identificar equipamentos públicos e questões ambientais relevantes;
III – Aplicar e interpretar as informações georreferenciadas na área de intervenção;
3 – CONHECENDO O MUNICÍPIO MÉDIO A SER PROJETADO

IV – Examinar a área de intervenção por meio dos dados socioeconômicos das agências públicas e
institutos acadêmicos de pesquisa;
V – Avaliar a correlação entre as informações georreferenciadas e os dados socioeconômicos;
VI – Construir um banco de dados geográficos com informações novas a partir da análise territorial dos
dados georreferenciados e socioeconômicos.
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Perguntas e Respostas/ Demonstração/ Infográficos/ Fórum de Discussão: Após o - Banco de Dados do Censo
Fórum de Discussão exercício individual de leitura 2010 do IBGE sobre as
das informações no software metrópoles
Lançamento Exercício 1 de geoprocessamento e https://censo2010.ibge.gov.br/re
tabulação de dados, os alunos sultados.html
Sequência sugerida: se reúnem em grupo para - Banco de Dados de
a. Perguntas e Respostas: diálogo com anotações na comparar as informações dos 2 Informações dos municípios
lousa sobre os conceitos de metropolização da aula bancos de dados (geográficos e na respectiva Secretaria de
anterior; socioeconômicos) Planejamento do Estado.
b. Demonstração e Infográficos: Exercício com software Exemplo:
de geoprocessamento e de tabulação de dados; http://www.imp.seade.gov.br/fr
ontend/#/tabelas
c. Fórum de Discussão: Sistematização das informações
colhidas e início da criação de um banco de dados.

Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Identificar os elementos de segregação socioespacial e precariedade urbanos discutidos e verificados I, II, IV, V e VI
em laboratório;
II –Reconhecer elementos de uso e ocupação do solo, questões socioeconômicas e ambientais relevantes;
III –Interpretar quais seriam os principais agravantes de precariedade na área de intervenção;
IV – Esquematizar uma hierarquia de problemas e potenciais na área de intervenção;
V – Julgar com os moradores quais são as prioridades de intervenção;
Observação de aspectos morfológicos
4 – VISITA TÉCNICA À ÁREA DE INTERVENÇÃO

Sociais, urbanísticos e ambientais

VI – Integrar ao banco de dados georreferenciados e socioeconômicos elementos expostos pelos


moradores
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Visita técnica/ Retorno com debate in loco (Feedback Feedback formativo: Roteiro com mapa e questões
formativo) Retorno com debate in loco: ao dirigidas para observação in
final da Visita Técnica, debate loco
Sequência sugerida: com os alunos
a. Visita Técnica: visita in loco à área de intervenção,
diálogo com moradores e transeuntes na cidade;
b. Retorno dos alunos sobre os principais desafios e
contradições no município a ser estudado;


Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Distinguir as diferenças entre o processo de urbanização mundial e o brasileiro; I, II e IV
II – Reconhecer os condicionantes históricos brasileiros da urbanização (colonização), fundiário (Lei de
Terras) e socioeconômicos (escravidão, imigração, trabalho livre);
III – Interpretar quais seriam os elementos urbanos ainda presentes nas capitais e cidades médias
resultados desse processo: ferrovias, rodovias, indústrias, portos, etc.;
IV – Esquematizar a cronologia de ocupação no espaço da principal metrópole a qual a cidade média está
Condicionantes históricos: fundiários, trabalho, etc.

vinculada;
V – Analisar a estrutura viária principal da metrópole a qual a cidade média está vinculada a partir das
diferentes fases da urbanização;
Ocupação Costeira, Interiorização, migrações

VI – Formular um mapa conceitual com a cronologia de ocupação costeira, interiorização e metropolização.


Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
5 – PROCESSO DE URBANIZAÇÃO BRASILEIRO

Aula Expositiva dialogada/Mapa Conceitual/ Avaliação em Pares: DEAK, C. O Processo de


Avaliação em Pares o professor pede para os alunos Urbanização Brasileiro: Falas
avaliarem o mapa conceitual que e Façanhas. Disponível em:
Sequência sugerida: elaboraram separadamente em http://www.fau.usp.br/docen
a. Aula Expositiva Dialogada: Mostrar grupos, cada um executando cada tes/depprojeto/c_deak/CD/3
condicionantes históricos, cronologia de momento histórico e checarem se há publ/99pub/index.html
ocupação no território: litorânea, continuidades e descontinuidades. Acesso em novembro de
interiorização e metropolização; 2017.
b. Mapa conceitual: os alunos organizam em MARICATO, E. Questão
grupos por fase para explicarem a cronologia Fundiária Urbana no Brasil e
de ocupação no território; o Ministério das Cidades.
c. Avaliação em pares: os alunos são convidados Disponível em:
a checarem o processo de urbanização http://labhab.fau.usp.br/bibli

brasileiro. oteca/textos/maricato_quest

aofundiaria.pdf
Acesso em novembro de
2017.
Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
Debate com vários textos sobre questões do município: morfológicas,
I – Distinguir as diferentes fases do processo de urbanização brasileiro no município médio estudado; I, II e IV
II – Descrever a cronologia de ocupação do município médio estudado;
III – Interpretar quais os vetores de expansão da mancha urbana da metrópole a qual o município médio
6 – CONHECENDO O MUNICÍPIO MÉDIO A SER PROJETADO

está vinculado;
IV – Esquematizar as principais características morfológicas, ambientais, sociais e edilícias a partir dos
urbanísticas, ambientais, sociais e edilícias

textos reunidos sobre o município médio;


V – Selecionar as principais contradições e desafios urbanos, ambientais e socioeconômicos;
VI – Organizar uma estrutura de diagnóstico a ser apresentada em seminários por grupos.
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Aula Expositiva dialogada/Brainstorming/ Blackboard Learn: Pesquisar em livros, artigos, pesquisas e
Blackboard Learn O professor elabora um Fórum publicações de agências públicas, bem
para que os diversos grupos como dissertações e teses acadêmicas
Sequência sugerida: criem os critérios para sobre o município médio estudado.
a. Aula Expositiva Dialogada: Mostrar a elaboração do diagnóstico do
relação entre o processo de urbanização municíio a partir das
brasileiro e a urbanização do município contradições e desafios urbanos
médio estudado; do município médio.
b. Brainstorming: debate sobre os desafios
e contradições do município médio a
partir dos textos lidos em classe;
c. Blackboard Learn: fórum que organiza a
estrutura do diagnóstico a ser
apresentada pelos grupos.

Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Definir o conceito de Direito à Cidade relacionado ao processo de urbanização mundial; I, II e IV
II – Interpretar as várias interpretações sobre Direito à Cidade e sua influência sobre os princípios contidos
no Estatuto da Cidade;
Principais referências mundiais e brasileiras sobre Direito à Cidade

III – Descrever os princípios contidos na Constituição Federal e no Estatuto da Cidade;


IV – Analisar quais são as principais contradições e desafios urbanos no município médio e aplicar os
Instrumentos Urbanísticos: Jogo do Estatuto da Cidade
7 – DIREITO À CIDADE: CONST. FEDERAL E ESTATUTO DA CIDADE

possíveis instrumentos urbanísticos por meio do Jogo do Estatuto da Cidade;


V – Avaliar os efeitos da aplicação dos instrumentos urbanísticos comparado àqueles já executados na
metrópole ou no município médio estudado;
VI – Planejar uma estrutura de quadro lógico relacionando contradições e desafios com seus respectivos
instrumentos urbanísticos.
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Estudo Dirigido/ Sala de Aula Invertida – Verbalização e Observação:  Direito à Cidade na Constituição Federal:
Estudos de Caso/Verbalização e Observação enquanto os alunos em http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constit
grupos assume os uicao/constituicao.htm
Sequência sugerida: personagens do Estatuto da  Direito à Cidade no Estatuto da Cidade:
a. Estudo Dirigido: cada grupo fica com um Cidade e enunciam os https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/
texto para ler em sala de aula que trata respectivos instrumentos handle/id/70317/000070317.pdf?sequence=6
de uma interpretação sobre o Direito à urbanísticos para enfrentar as  Direito à Cidade para Henri Lefèbvre:
Cidade; principais contradições página 105.
https://monoskop.org/images/f/fc/Lefebvre_
b. Sala de Aula Invertida: alunos assumem urbanas (Grupo de
Henri_O_direito_a_cidade.pdf
personagens do Jogo do Estatuto da Verbalização), outro grupo
 Direito à Cidade para David Harvey:
Cidade e explicam os instrumentos do avalia a apresentação (Grupo
https://edisciplinas.usp.br/...php/.../davidhar
Estatuto da Cidade e sua aplicação em de Observação), bem como vey%20direito%20a%20cidade%20.pdf
função das contradições e desafios questiona e argumenta com  Direito à Cidade para diversos autores:

presentes no município médio; outras proposições de “Estatuto da Cidade Comentado”


c. Verbalização e Observação: alunos que instrumentos. http://www.cidades.gov.br/images/stories/Ar

personificam personagens argumentam quivosSNPU/Biblioteca/PlanelamentoUrbano/


sobre as escolhas dos instrumentos EstatutoComentado_Portugues.pdf
urbanísticos (Grupo de Verbalização) e o  Direito à Cidade para Ministério das
resto da classe argumenta outros pontos Cidades
de vista com outros instrumentos (Grupo http://www.capacidades.gov.br/blog/downlo
de Observação). ad/id/60/post/593/midia/12569
Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Ordenar as principais questões sociais, ambientais e urbanas a serem enfrentadas no município médio; I, II, III, IV e X
II – Inferir por ordem de relevância quais as questões mais críticas;
8– APRESENTAÇÃO DO DIAGNÓSTICO ÁREA DE INTERVENÇÃO

III – Interpretar as principais contradições e desafios urbanos do município médio;


Debate sobre os principais aspectos levantados

IV – Apresentar os principais aspectos por tema para o município médio: histórico, inserção regional,
questões socioeconômicas, habitação, mobilidade e ambiental;
V – Explicar quais são os principais conflitos através do cruzamento dos temas acima a partir da
sobreposição dos mesmos nos mapas;
Orientação para a APS

VI – Construir um diagnóstico consolidado do município médio a partir da conjunção entre questões


temáticas, mapas de conflitos e indicadores socioeconômicos.
___________________

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


Apresentação Oral/ Rubrica de Avaliação Rubrica de Avaliação Exercício 1:
Entrega de caderno de diagnóstico: 1) apresentação de
Sequência sugerida questões temáticas por cada um dos grupos; 2) mapas
a. Apresentação Oral dos grupos com os de conflitos com a sobreposição espacial das questões

mapas, tabelas e gráficos que resultam em temáticas; 3) indicadores socioeconômicos (tabelas e


um diagnóstico consolidado; gráficos).
b. Rubrica de Avaliação: professor avalia a Sistema de classificação que o professor determina o
apresentação dos grupos. nível de desempenho do grupo

Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Explicar os princípios e diretrizes do Plano Diretor do principal município que compõem a região I, II e IV
metropolitana que o município médio faz parte;
II – Descrever as estratégias da Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo (LPUOS) do principal
município que compõem a região metropolitana que o município médio faz parte;
III – Interpretar quais foram as estratégias no Plano Diretor Estratégico, Zoneamento para o município
médio;
IV – Analisar quais as contradições, deficiências e conflitos entre os planos estudados e as demandas
9– INTRODUÇÃO A PLANOS DIRETORES E ZONEAMENTO

discutidas nos diagnósticos apresentados nos grupos;


Entrega da Atividade Prática Supervisionada (APS)
Debate sobre as referências de setoriais no PDE

V – Selecionar quais as ações definidas pelos planos que cada grupo julga pertinentes;
VI – Montar uma análise sobre a aplicabilidade da metodologia do Plano Diretor do principal município da
região metropolitana com o município médio estudado.
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Aula interativa/ Pense-pareie-compartilhe/Check List Entrega da Atividade  Plano diretor estratégico do
Prática Supervisionada município principal;
Sequência sugerida: (APS)- Exercício 2:  Lei de Parcelamento, Uso e
a. Aula interativa: o professor mostra os princípios questionário no Ocupação do Solo – Zoneamento
e diretrizes municipais do Plano Diretor e blackboard com análise (LPUOS) do município principal;
Zoneamento do principal município que sobre Direito à Cidade  Texto em português sobre Direito à
compõem a região metropolitana; Check List: lista de Cidade: “O Direito à Cidade”, de
b. Pense-pareie-compartilhe: os alunos em grupos verificação para David Harvey
analisam a aplicabilidade da metodologia do identificação das https://edisciplinas.usp.br/...php/.../
Plano Diretor do principal município da região principais principal david-
metropolitana com o município médio estudado; município que compõem harvey%20direito%20a%20cidade%2
c. Check List: alunos elencam quais são os a região metropolitana 0.pdf
principais similaridades e diferenças entre os levantadas pelos grupos.  Texto em inglês sobre Direito à

municípios (principal e médio) identificadas pelos Cidade: “The Right to the City”, de
grupos David Harvey
https://newleftreview.org/article/do
wnload_pdf?id=2740
Competências Relacionadas
Objetivos de Aprendizagem
I – Definir com a turma quais são as questões que serão georreferenciadas, a partir dos I, II, III, IV e X
dados do Censo do IBGE. Exemplos: raça, renda, gênero, religião, idade, entorno urbano;
II – Explicar como será a metodologia de espacialização (Junção Espacial) com a utilização
dos dados do IBGE para a região metropolitana a qual o município médio está inserido;
III – Aplicar em laboratório a metodologia de Junção Espacial;
IV – Analisar como questões socioeconômicas produzem padrões espaciais;
V – Avaliar como acontece a segregação socioespacial;
VI – Construir um banco de dados geográficos com informações a partir da criação de
Georreferenciamento de dados a partir do Censo IBGE e outras bases
10– ESPACIALIZAÇÃO DE DADOS SOCIOECONÔMICOS NA ESCALA MUNICIPAL

novas bases georreferenciadas com a fonte de dados do Censo do IBGE.


Junção Espacial, Quebra de Feições, Maquete eletrônica

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


 Team Based Learning/ Debriefing Debriefing:  Bases de dados do Censo do
grupos apresentam ao professor IBGE para as regiões
Sequência sugerida: no final da aula os resultados dos metropolitanas
 Team Based Learning: O professor fornece os mapas elaborados a partir da https://censo2010.ibge.gov.br/re
caminhos para os alunos pesquisarem as bases metodologia de sultados
de dados geográficos do Censo do IBGE, o grupo georreferenciamento - Junção
aplica a metologia de Junção Espacial, analisa o Espacial
resultado do georreferenciamento e dá o
feedback ao professor sobre as informações
obtidas;
 Debriefing: retorno ao professor com as
informações reunidas.


Competências Relacionadas
Objetivos de Aprendizagem
I – Reconhecer os padrões de segregação socioespacial a partir dos diferentes dados I, II, III, IV e X
socioeconômicos;
II – Discutir as semelhanças e diferenças entre os diferentes dados georreferenciados;
11– SEMINÁRIOS GEORREFERENCIAMENTOS DE QUESTÕES SOCIOECONÔMICAS

III – Inferir como diretrizes municipais podem reverter padrões históricos e atuais de
segregação socioespacial;
IV – Esquematizar quais são as interfaces entre os instrumentos urbanísticos e as
Georreferenciamento de questões socioeconômicas
Raça, Idade, Religião, Renda, Gênero, Entorno, etc.

possíveis diretrizes gerais de macrozoneamento para o município médio;


V – Avaliar os desafios municipais e metropolitanos de dados que extrapolam os
municípios;
VI – Desenvolver estratégias de ação, a partir da análise conjunta de
georreferenciamento dos dados;

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


Apresentação Oral/ Rubrica de Avaliação Rubrica de Avaliação Exercício 3:
Entrega do execício 3:
Exercício 3 Georreferenciamento de
questões socioeconômicas
Sequência sugerida: Sistema de classificação que o
a. Apresentação Oral: cada grupo apresenta as professor determina o nível de
diferentes questões socioeconômicas desempenho do grupo
georreferenciadas;
b. Rubrica de Avaliação: professor avalia a
apresentação dos grupos.


Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Identificar as formas urbanas de diferentes cidades segundo seus diferentes índices urbanísticos; I, II, III, IV e X
II – Entender os diferentes índices urbanísticos que conformam a densidade construtiva e populacional:
taxa de ocupação, coeficiente de aproveitamento, gabarito, cota parte;
III – Demonstrar por meio da leitura de diferentes bairros a correspondência entre índices e forma urbana;
IV – Avaliar quais seriam os índices mais apropriados para o município médio;
V – Apresentar ao professor as propostas de macrozoneamento para o município médio a partir dos
Projetando a Cidade em três dimensões: índices urbanísticos

conceitos da aula anterior;


Apresentação de Propostas de Macroáreas e Macrozonas
12– DENSIDADE URBANA E AS DIFERENTES FORMAS DE CIDADES

VI – Avaliar com o professor se as macrozonas e macroáreas respondem às contradições e desafios do


município médio;

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


Aula Expositiva Dialogada/ Estudo Dirigido/ Trabalho Feedback formativo:  Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação
em grupos – discussão, sistematização, exposição alunos fazem um do Solo do município principal da
das conclusões (Philipe 66)/ Feedback formativo debate e dão retorno região metropolitana ou do município
ao professor por meio médio estudado
Exercício 4A dos atendimentos a
cada grupo
Sequência sugerida:
a. Aula Expositiva Dialogada: apresentação de
formas de diferentes cidades em função dos
diferentes índices urbanísticos de densidade;
b. Estudo Dirigido: análise em grupos dos índices
urbanísticos do principal município ou do
município médio;
c. Trabalho em grupos: grupos fazem a análise da
correspondência entre índices e forma urbana;

d. Feedback formativo: alunos fazem um debate e


dão retorno ao professor sobre as propostas de
macrozonas e macroáreas.
Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Identificar os principais conceitos das leis ambientais aprendidas anteriormente Código Florestal, SNUC, I, II, III, IV e X
13– UNIDADES DE CONSERVAÇÃO E ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE

resoluções CONAMA, Cota ambiental (São Paulo);


Sistema Nacional de Unidades de Conservação e tipos de APPs

II – Entender quais são os tipos de Áreas de Preservação Permanente (APPs);


III – Demonstrar quais são os principais perímetros ambientais no município médio;
IV – Comparar as bases georreferenciadas de hidrografia, vegetação e áreas de risco com os perímetros
Apresentação de Propostas de Zoneamento

oficializados no Sistema Nacional de Unidades de Conservação para a região metropolitana e o município


médio estudado;
V – Apresentar ao professor as propostas de zoneamento para o município médio a partir dos conceitos da
aula anterior;
VI – Avaliar com o professor se as zonas respondem às contradições e desafios do município médio;

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


Design Thinking/ Plickers Plickers:  Sites de design thinking para projetos
aplicativo coleta sociais:
Exercício 4B respostas dos grupos https://www.sebrae.com.br/sites/Po
sobre as propostas de rtalSebrae/artigos/entenda-o-design-
Sequência sugerida: zoneamento por meio thinking,369d9cb730905410VgnVCM
a. Design Thinking: Atividade de descoberta, de cartões de resposta 1000003b74010aRCRD
interpretação, ideação, experimentação e e verifica quais as  Site do aplicativo Plickers:
evolução: Identificação dos impactos e desafios questões recorrentes http://www.plickers.com

ambientais para o município médio; que apareceram nos


b. Plickers: aplicativo coleta respostas dos alunos e grupos e dá retorno a
dá retorno a toda a classe sobre as propostas de toda a classe

perímetros ambientais para o município médio;


Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Ordenar os principais conceitos sobre mobilidade urbana atual; I, II e IV
II – Interpretar quais sãos os principais problemas ligados à mobilidade urbana no município médio;
III – Identificar quais seriam as principais diretrizes de mobilidade que equacionassem ao mesmo tempo
questões regionais, ambientais e socioeconômicas do município médio;
IV – Comparar com as estratégias de mobilidade aplicadas e propostas para o município principal da
metrópole a qual o município médio faz parte;
Tipos de Modais e de Redes, Corredores de Mobilidade Amb.
Apresentação de Propostas de Unidades de Conservação

V – Apresentar as propostas de perímetros ambientais para o município médio a partir dos conceitos da
aula anterior;
VI – Avaliar com o professor se os perímetros ambientais respondem às contradições e desafios do
município médio;
14– DIRETRIZES MUNICIPAIS DE MOBILIDADE

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


Snowball/ Momento síntese (Minute paper) Momento síntese (Minute paper):  Plano de Mobilidade
alunos escrevem um parágrafo Urbana segundo o
Exercício 4C sobre as principais conclusões que Ministério das Cidades:
chegaram sobre as perímetros http://www.cidades.gov.br/im
Sequência sugerida: ambientais ages/stories/ArquivosSE/plan
 Snowball: professor seleciona textos e imagens mob.pdf
dos planos e projetos de mobilidade para  Plano de Mobilidade
organizar e trocar informações dentro do grupo; Urbana do município
 Momento síntese: grupo escreve quais são as principal e do município
principais conclusões que chegaram das médio
diferentes estratégias de mobilidade


Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Ordenar os principais elementos para um Plano Municipal de Habitação; I, II e IV
II – Interpretar quais sãos os principais problemas ligados à habitação no município médio;
Principais elementos de um Plano Municipal de Habitação

III – Identificar quais seriam as principais diretrizes de habitação que equacionassem ao mesmo tempo
questões fundiárias e socioeconômicas do município médio;
Apresentação de Propostas de Mobilidade

IV – Comparar com as estratégias de habitação aplicadas e propostas para o município principal da


15 – DIRETRIZES MUNICIPAIS DE HABITAÇÃO

metrópole a qual o município médio faz parte;


V – Apresentar as propostas de mobilidade para o município médio a partir dos conceitos da aula anterior;
VI – Avaliar com o professor se propostas de mobilidade respondem às contradições e desafios do
município médio;

Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos


Atividade colaborativa (Wiki)/ Autoavaliação Autoavaliação:
após a devolutiva da atividade
Exercício 4D colaborativa geral, o aluno
individualmente se pergunta se
Sequência sugerida: está atendendo no seu projeto as
 Wiki: atividade colaborativa: Professor monta no principais questões.
blackboard estrutura de questões para o alunos

com as principais questões debatidas ao longo


do curso: macrozoneamento, zoneamento,

perímetros ambientais, mobilidade e habitação;


 Autoavaliação: alunos escrevem individualmente
parágrafo comparativo entre as propostas e os
desafios enfrentados.
Competências
Objetivos de Aprendizagem
Relacionadas
I – Descrever a metodologia, impasses e desafios vencidos para a elaboração de propostas de I, II, III, IV e X
Unidades de Conservação Ambiental, Mobilidade e Habitação
diretrizes municipais;
16 – APRESENTAÇÃO PROJETO URBANÍSTICO E PAISAGÍSTICO

II – Classificar quais foram as várias soluções dadas para os mesmos desafios urbanos a partir da
Macrozonas, Macroáreas, Zoneamento, Densidade

apresentação de implantação e cortes do município médio;


III – Interpretar as principais dificuldades na busca das soluções;
IV – Esquematizar quais os pontos fracos e fortes de cada uma das soluções e respectivas
contradições;
V – Comparar as soluções dadas e uma possível combinação dos pontos fortes de todos os
projetos;
VI – Construir um banco de dados com as análises dos pontos fortes de cada projeto.
Estratégias de Ensino Avaliação Formativa Recursos
Apresentação Oral/ Rubrica de Avaliação Rubrica de Avaliação – Exercício 4:
Entrega do exercício 4
Sequência sugerida: Sistema de classificação que o
a. Apresentação Oral: cada grupo apresenta as professor determina o nível de
propostas de macrozoneamento, zoneamento, desempenho do grupo
perímetros ambientais, mobilidade e habitação
contendo plantas e cortes de alguns trechos
dos eixos de transformação urbana;
b. Rubrica de Avaliação: professor avalia a
apresentação dos grupos.


Há 4 (quatro) unidades disponíveis para acomodar, não necessariamente nesta ordem:
17

- Aplicação da Prova Interdisciplinar


- Revisão ou reforço de conteúdos mediante avaliação da performance da turma
18

- Feriados e eventos fortuitos


19
20
21

Prova N2: Regimental


22

Prova Substitutiva

BIBLIOGRAFIA BÁSICA
DEAK, C. O Processo de Urbanização Brasileiro: Falas e Façanhas. Disponível em:
http://www.fau.usp.br/docentes/depprojeto/c_deak/CD/3publ/99pub/index.html Acesso em novembro de 2017.

HARVEY, D. O Direito à Cidade”. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/...php/.../david-harvey%20direito%20a%20cidade%20.pdf


Acesso em novembro de 2017.

MARICATO, E. Questão Fundiária Urbana no Brasil e o Ministério das Cidades. Disponível em:
http://labhab.fau.usp.br/biblioteca/textos/maricato_questaofundiaria.pdf Acesso em novembro de 2017.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR
HARVEY, D. A Crise da Urbanização Planetária. Blog da Boitempo. Colaborações Especiais. Disponível em:
https://blogdaboitempo.com.br/2015/01/10/david-harvey-a-crise-da-urbanizacao-planetaria/ Acesso em Novembro de 2017

IBGE. Censo 2010. Disponível em: <https://censo2010.ibge.gov.br/resultados.html>. Acesso em Novembro de 2017


MINISTÉRIO DAS CIDADES. Estatuto da Cidade Comentado. Disponível em:
http://www.cidades.gov.br/images/stories/ArquivosSNPU/Biblioteca/PlanelamentoUrbano/EstatutoComentado_Portugues.pdf Acesso em
novembro de 2017.

Plano Diretor e Cidadania Participativa. Estatuto da Cidade: conhecendo. Disponível em:


http://www.capacidades.gov.br/blog/download/id/60/post/593/midia/12569 Acesso em novembro de 2017.

STANGER, Andreia Cristiane. STEFANO, Ercilia de. A Importância do Direito Urbanístico na Criação de Cidades
Sustentáveis. Revista Negócios em Projeção. Disponível em
http://www.egov.ufsc.br/portal/sites/default/files/a_importancia_do_direito_urbanistico_na_criacao_de_cidades.pdf. Acesso em janeiro
de 2018.

BRASIL. Ministério das Cidades. A Mobilidade Urbana no Planejamento da Cidade. Disponível em


http://www.ibam.org.br/media/arquivos/estudos/mobilidade_urbana.pdf. Acesso em janeiro de 2018.

Desenvolvido por Luciana Itikawa


Data 10/11/2017
1ª Atualização
2ª Atualização