Você está na página 1de 12
O impulso mais forte na busca da realização pessoal, profissional e por sucesso com qualidade

O impulso mais forte na busca da realização pessoal, profissional e por sucesso com qualidade de vida passa, antes, pelos fenômenos cerebrais. As

características físicas do cérebro são responsáveis pelo sucesso ou fracasso das pessoas. Isso nos leva a concluir que o foco do desenvolvimento pessoal deve ser, em

primeiro lugar, este fabuloso órgão.

Um sistema cerebral preparado e bem desenvolvido possibilita o melhor aproveitamento das informações absorvidas facilitando as tomadas de decisão. O Curso Empatia Instantânea é uma iniciativa que visa colocar à disposição de profissionais e estudantes informações teóricas e práticas buscando o aprimoramento das faculdades cerebrais.

O curso, Empatia Instantânea, analisa a comunicação humana sob a ótica da Ciência Cognitiva e da Filosofia da Mente, disciplinas científicas que buscam o entendimento dos fenômenos cerebrais e mentais respectivamente e que, associadas à Programação Neurolinguística trazem novidades para o campo da comunicação. Segundo Anthony Robbins (1986), "qualidade de vida é qualidade de comunicação".

Se a boa comunicação pode ser desenvolvida e este incremento depende dos fenômenos cerebrais e excelente

memória, então o Curso Empatia Instantânea é uma

iniciativa viável e necessária.

Obrigado por escolher o nosso curso!

www.renatoalves.com.br

OS FUNDAMENTOS DA COMUNICAÇAO

A comunicação humana não é um fenômeno simples. Antes de você emitir um pensamento ou verbalizar algo, o seu cérebro, computador biológico que trata as informações originadas pela aprendizagem e

interação com o mundo, efetua operações complexas. As informações com que o cérebro trabalha têm origem na realidade do mundo. Os mecanismos de recepção, os sentidos (visão, audição, olfato, paladar e tato) recebem as

informações do mundo e as enviam ao cérebro para interpretação, tomada de decisão e resposta.

para interpretação, tomada de decisão e resposta. INFORMAÇÃO SENTIDOS C É R E B R O

INFORMAÇÃO

SENTIDOS

CÉREBRO

DECISÃO

RESPOSTA

A o analisar as informações provenientes da realidade do mundo e que

chegam por meio dos sentidos humanos, as pessoas formam suas

experiências. Há uma diferença importante entre a realidade (aquilo

que se vê, ouve e sente) e o que uma pessoa "acredita" ser a realidade. Cada pessoa analisa e considera de uma forma particular a parcela de realidade do

mundo com a qual interage. A função do cérebro é selecionar, dentre os blocos de informações que recebe dos sentidos, aquilo que realmente será importante para a experiência do indivíduo. Dado um evento ou fato ocorrido no ambiente, o cérebro, a fim de aprender de forma rápida e eficaz, faz uso dos mecanismos de generalização, crenças e valores. Tais mecanismos ou estratégias de interpretação e tomada de decisão podem ser úteis ou não, adequados ou inadequados de acordo com o contexto ou situação estabelecida.

ESTÍMULO

acordo com o contexto ou situação estabelecida. ESTÍMULO (AMBIENTE. AC ONTECIM EN TO. EXPERIÊNCIA. COMENTARIO.

(AMBIENTE. AC ONTECIM ENTO. EXPERIÊNCIA. COMENTARIO. DEDUÇÃO)

Eu consigo

Não, você não

fazer isso!

consegue!

e

e

consigo Não, você não fazer isso! consegue! e e CÉREBRO Eu não consigo fazer isso! e

CÉREBRO

Eu não consigo fazer isso!

e

a a

RESPOSTA

Não conseguirei fazer isso!

e

a a

MEMÓRIA

Eu disse que não conseguiria!

V1c�9BES

Nunca vou conseguir fazer!

e

a a

e

a a

�k-

INSTANTÂNEA

CRENÇAS FORTALECEDORAS: PARA PESSOAS DE SUCESSO DIANTE DE NOVOS DESAFIOS • Sou saudável e tenho

CRENÇAS

FORTALECEDORAS:

PARA PESSOAS DE SUCESSO DIANTE DE NOVOS DESAFIOS

Sou saudável e tenho disposição.

Acredito em meu poder de realização.

Sou capaz de descobrir uma solução.

Nada nem ninguém pode me impedir.

Minha fé abre todos os caminhos.

Não me curvo diante dos obstáculos.

Reconheço e respeito meus adversários.

Existem inúmeras formas de resolver.

Não existem fracassos, mas, resultados.

RESPONDA:

O QUE VOCE QUER FAZER OU SONHA CONQUISTAR?

Ser fluente no inglês americano até dezembro de 2018 e segundo plano ser fluente juntamente com espanhol até dezembro de 2018.

Conquistar o corpo atlético e sarado até dezembro de 2018

Conquistar uma vaga na UEMA no CFO agora em outubro de 2018 Ter minha indepencia financeira e ser um guitarrista habilidoso. No meio espiritual ser batizado pelo Espiríto Santo

QUAIS CRENÇAS FORTALECEDORAS VOCE P OSSUI PARA AGIR?

Sou persistênte e desisto do mesmo objetivo e da minha ambição. Tenho Deus no meu coração e vou seguir com fé até a consumação

k-

lNSTANTÂNEA

MECANISMOS DE COMUNICAÇAO

1 - PALAVRA

A palavra é responsável por 7% da influência na comunicação

Ao fazer uso da palavra adote uma linguagem precisa, otimista, entusiasmada e positiva. Use um vocabulário simples, isso torna mais fácil a compreensão.

Evite: reclamação, condenação, queixa, fofoca, maledicência, enfim, se não houver nada de bom para falar, é melhor que não se diga nada.

2 -TOM DE VOZ

O tom de voz representa 38%

Através de exercícios de repetição procure adequar o tom de voz e a velocidade da fala ao ambiente, interlocutor e tipo de comunicação exigida. Fale sempre com energia e entusiasmo (transmita segurança).

3 - FISIOLOGIA

A fisiologia representa 55% da influência

Em geral, a primeira impressão, o valor que transmitimos ao interlocutor se dá nos primeiros dez segundos de contato. É preciso estar atento à expressão facial no momento do aperto de mão. Cuidar bem da aparência, melhorar gesticulação e postura também ajudam a aumentar a influência.

A�

( ( C <
(
( C <
melhorar gesticulação e postura também ajudam a aumentar a influência. A� ( ( C < �

-h--

lNSTANTÂNEA

SISTEMAS REPRESENTACIONAIS OU LINGUAGENS DE COMUNICAÇAO

E xiste um importante conceito utilizado em PNL - Programação

Neurolinguística: O mapa não é o território. Significa que cada indivíduo

possui um mapa mental do mundo, mas que não é o mundo. Trata-se

de uma representação interna dos fatos, mas que não é a versão precisa dos mesmos. Acontece que o comportamento de uma pessoa é determinado pelo mapa e não pelo mundo real. O mapa mental pode ser interpretado como um filtro perceptivo, ou seja, ideias, crenças, experiências e linguagem que dão forma ao nosso modelo de mundo são, por vezes, determinados por esses filtros.

O cérebro representa a informação real para registrá-la na memória. O mapa é codificado no cérebro e depende dos canais de percepção (sentidos) utilizado no momento da aquisição da informação.

VISUAL

Relativo ao sentido da visão. Pessoas visuais representam o mundo através de imagens.

-AUDITIVO

Relativo à audição. Pessoas auditivas representam o mundo através de sons.

-CINESTÉSICO e

Relativo aos sentidos, em particular as sensação tátil, olfativa gustativa ou movimentos internos ou externos. Pessoas cinestésicas representam o mundo através de sensações.

"Foi um jantar lindo" "Foi um jantar

"Posso dizer que foi um ótimo jantar"através de sensações. "Foi um jantar lindo" "Umjantar delicioso e saboroso." "Quando um

"Umjantar delicioso e saboroso."lindo" "Posso dizer que foi um ótimo jantar" "Quando um sujeito não quer ver a realidade,

"Quando um sujeito não quer ver a realidade, não adianta nada ela posar diante dele escandalosamente nua."

(Joseph McClendonlll)

k-

lNSTANTÂNEA

SISTEMAS REPRESENTACIONAIS:

PISTAS COMPORTAMENTAIS

VISUAL

VALORES

Beleza, limpeza, organização, regras e disciplina.

PRINCIPAIS

CARACTERÍSTICAS

Dinâmicos, criativos, organizados e disciplinados.

GOSTOS E INTERESSES

Situações com imagens:

cores, televisão, leitura, decoração, moda, teatro, desenho, organizações como (exército, religiões, política), chefias, jóias, grifes e artes plásticas.

VOCABULARIO

VERBOS Olhar, ver, mostrar.

ADJETIVOS Beleza, brilhante, claro, grande, enorme, longe.

EXEMPLOS

Você viu o que ele disse?

É melhor organizar estejantar.

Veja bem, o que você disse

Estou azul de fome.

Grande idéia!

A vantagem é enorme.

CRENÇAS

O bom é o mais bonito (carro, casa, pessoas). O certo é a arrumação (casa, escritório, filhos).

®

O QUE REPULSA

Diminuir/ depreciar, falta de detalhes, desorganização, estar mal vestido, toque físico em exagero, sujeira (casa, pessoa), sensibilização, apelos emocionais, falta de regras, falta de seriedade.

O QUE INFLUENCIA

Fornecer detalhes, organização e disciplina, valorizar estética, formalidade. Valorizar as dimensões, valorizar a originalidade, seguir raciocínio lógico.

O QUE MOTIVA

Sugerir situações que envolvam imagens.

PRESENTE IDEAL

Acessórios bonitos, produtos exclusivos, obras de arte, livros, enfeites, canetas.

Auditivos e cinestésicos podem considerar os

v1sua1s:

Detalhistas, lentos na tomada, de decisão, sérios e frios demais.

-h--

lNSTANTÂNEA

SISTEMAS REPRESENTACIONAIS:

PISTAS COMPORTAMENTAIS

AUDITIVO

VALORES

Objetividade, praticidade, funcionalidade, negociação, vantagem, brevidade.

PRINCIPAIS

CARACTERÍSTICAS

Pensar conclusivamente, estrategista, político e negociador.

GOSTOS E INTERESSES

Situações com sons: palavras, sons, conversa, música, teorias, negociação, estratégias e negócios.

VOCABULÁRIO

VERBOS Escutar, ouvir, ecoar, falar, dizer, perguntar, conversar.

ADJETIVOS alto, bom 'tom', ritmo 'regular'.

EXEMPLOS Eu vivo dizendo Quero ter uma conversa séria Vocêvai me dar conta Ouça o que estou dizendo! Sou todo (a) "ouvidos". Seu discurso é muito bom.

CRENÇAS

O bom é o mais prático (pessoa, carro, casa). O certo é o diálogo (filhos, casa ou trabalho).

O QUE REPULSA

Entrar em detalhes, voz alta, fala rápida ou lenta, sensibilização toques físicos, falta de praticidade, falta de objetividade, falta de seriedade.

O QUE INFLUENCIA

Indicar resultados, objetividade, dizer vantagens e lucros, ouvi-lo atentamente, apresentar qualidade e durabilidade, ser breve.

O QUE MOTIVA

Sugerir situações que envolvam sons e também vantagens.

PRESENTE IDEAL

Algo prático e funcional, mensagens ou cumprimentos pessoais.

Visuais e cinestésicos

podem

considerar os

auditivos:

Maus planejadores, chantagistas, falantes, dominantes.

-h--

lNSTANTÂNEA

SISTEMAS REPRESENTACIONAIS:

PISTAS COMPORTAMENTAIS

CINESTÉSICO

VALORES

Relações afetivas, bem-estar físico, prazer físico, conforto, gosto, aroma, liberdade.

PRINCIPAIS

CARACTERÍSTICAS

Tipo sentimental, toque físico é importante, gosta de tudo que causa prazer físico.

GOSTOS E INTERESSES

Tudo que provoque boas sensações: Comida, bebida, sexo, carinho, conforto, ginástica, gente, dança. Roupas, tênis e sapatos confortáveis.

VOCABULÁRIO

VERBOS Provar, gostar, sentir, cheirar.

ADJETIVOS pesado / leve, doce / salgado, áspero, mole - moleza, duro - dureza, fofo - fofa - gostoso (a).

EXEMPLOS

O clima está pesado.

É uma pessoa tão doce.

Isso não me cheira bem.

Posso dar uma força? Este preço está salgado! É duro esta matéria.

CRENÇAS

O bom é o mais gostoso (carro, pessoa, roupa). O certo é contato/carinho (casa, trabalho, amigos).

O QUE REPULSA

Exigir conclusões rápidas, ser frio e impessoal, ausência de sentimento, muita lógica e objetividade, muitas regras, falta de toque físico.

O QUE INFLUENCIA

Incluir aspecto humano, sugerir sensações, fazê-lo experimentar, sentir, mesmo que, apenas, mentalmente, tratá-lo carinhosamente.

O QUE MOTIVA

Sugerir situações que envolvam gosto, sentimento e sensações.

PRESENTE IDEAL

Comida, roupa, tênis, pelúcias, perfumes.

Visuais e auditivos podem considerar os cinestésicos:

Sentimentais, pessoas que, evitam decisões duras, lentos demais.

-h--

lNSTANTÂNEA

,

EXERCICIO

Classifique cada característica de acordo com a inicial do comportamento:

característica de acordo com a inicial do comportamento: V= VISUAL A= AUDITIVO C=CINESTÉSICO ( ( (

V= VISUAL

de acordo com a inicial do comportamento: V= VISUAL A= AUDITIVO C=CINESTÉSICO ( ( ( (

A= AUDITIVO

acordo com a inicial do comportamento: V= VISUAL A= AUDITIVO C=CINESTÉSICO ( ( ( ( (

C=CINESTÉSICO

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

(

) - Valoriza ordem, estética e disciplina.

) - Gosta de tudo que causa prazer físico.

) - Diz: você não me dá ouvidos.

) - Gosta de normas rígidas e disciplina.

) - O certo é o contato e o carinho.

) - Para ele o bom é o mais prático.

) - Gosta de uma boa negociação.

) - O bom é o mais bonito.

) - Valoriza a objetividade e a prática.

) - Diz: Que ideia brilhante!

) - É dinâmico e forma imagens mentais.

) - Gosta muito de boa comida, bebida e sexo.

) - Diz: Isso não me cheira bem.

) - Pensa sempre conclusivamente.

) - Valoriza as relações afetivas.

) - Você viu o que o locutor do rádio disse?

) - Este trabalho é moleza.

) - Estou sendo o mais transparente possível.

) - Esta ideia não me soa bem.

) - Sem dúvidas: uma pessoa dura de conviver.

) - Adoro ver revistas de arquitetura e paisagismo.

) - Maria, chega mais, por favor.

) - Você pode ser mais objetivo? -

)

) - Preciso ter uma boa conversa com você.

) - Deixa eu mostrar uma coisa.

) - Hum, que comida gostosa.

) - Já estou até vendo o que ele irá pensar

) - Que gostosa a sua companhia.

) - Gosto de ver o escritório bem organizado.

) - O que eu vou ganhar com isso?

) - Ela é uma fofura.

) - Eu vejo o seu ponto de vista.

) - Filha, você pode me ouvir por favor?

) - É melhor fazer do jeito que eu disse.

) - Que bela casa, Pedro.

) - Que carro gostoso, José.

) - Fiquei muito sentido com aquilo que você disse.

) - Aquelas palavras ecoaram em minha mente.

) - Tenho uma visão otimista do futuro.

) - Quero que agarrem essa ideia.

) - Foi um belo jantar.

) - Veja os detalhes desse carro.

) - Eu nunca escuto você dizer que me ama.

) - Eu ouvi muito bem o que ele estava

Imagine só o que irão dizer

dizendo.

INSTANTÂNEA

,

EXERCICIO

RESPOSTA

(V) - Valoriza ordem, estética e disciplina.

( C)

- Gosta de tudo que causa prazer físico.

(A)

- Diz: você não me dá ouvidos.

(V)

- Gosta de normas rígidas e disciplina.

( C) - O certo é o contato e o carinho.

(A)

- Para ele o bom é o mais prático.

(A)

- Gosta de uma boa negociação.

(V)

- O bom é o mais bonito.

(A)

- Valoriza a objetividade e a prática.

(V)

- Diz: Que ideia brilhante!

(A)

- É dinâmico e forma imagens mentais.

( C) - Gosta muito de boa comida, bebida e sexo. ( C) - Diz: Isso não me cheira bem.

(A)

- Pensa sempre conclusivamente.

( C)

- Valoriza as relações afetivas.

(V)

- Você viu o que o locutor do rádio disse?

( C)

- Este trabalho é moleza.

(V)

- Estou sendo o mais transparente possível.

(A)

- Esta ideia não me soa bem.

( C) - Sem dúvidas: uma pessoa dura de conviver.

(V)

- Adoro ver revistas de arquitetura e paisagismo.

( C)

- Maria, chega mais, por favor.

(A)

- Você pode ser mais objetivo?

(A)

- Imagine só o que irão dizer

(A)

- Preciso ter uma boa conversa com você.

(V)

- Deixa eu mostrar uma coisa.

( C) - Hum, que comida gostosa.

(V)

- Já estou até vendo o que ele irá pensar

( C)

- Que gostosa a sua companhia.

(V)

- Gosto de ver o escritório bem organizado.

(A)

- O que eu vou ganhar com isso?

( C) - Ela é uma fofura.

(V) - Eu vejo o seu ponto de vista.

(A)

- Filha, você pode me ouvir por favor?

(A)

- É melhor fazer do jeito que eu disse.

(V)

- Que bela casa, Pedro.

( C)

- Que carro gostoso, José.

( C) - Fiquei muito sentido com aquilo que você disse.

(A)

- Aquelas palavras ecoaram em minha mente.

(V)

- Tenho uma visão otimista do futuro.

( C)

- Quero que agarrem essa ideia.

(V)

- Foi um belo jantar.

(V)

- Veja os detalhes desse carro.

(A)

- Eu nunca escuto você dizer que me ama.

(A)

- Eu ouvi muito bem o que ele estava

dizendo.

-h--

lNSTANTÂNEA