Você está na página 1de 1

Cantos para Adoração ao Ssmo Sacramento

Corpo do senhor é o pão que temos no altar


1 [L. M.: Pe. José F. Campos] e o vinho consagrado é o sangue redentor.
Vinde, ó irmãos, adorar, vinde adorar o Senhor.
A Eucaristia nos faz Igreja, comunidade de amor.
4 [Do Congresso Eucarístico de Malta]
Eu te adoro, Hóstia Divina. Eu te adoro, Hóstia de
2 [L.: Pe. Josmar Braga M.: Pe. José Alves] amor. És dos fortes a doçura, és dos fracos o vigor.
Deus de amor, nós te adoramos neste Sacramento Eu te adoro, Hóstia Divina! Eu te adoro, Hóstia de
Corpo e Sangue que fizeste nosso alimento. amor.
És o Deus escondido, vivo e vencedor
a teus pés depositamos todo nosso amor. ...És na vida nossa força, és na morte defensor...
...És na terra nosso amigo, és do céu feliz penhor...
Meus pecados redimiste sob a tua cruz ...És um Deus eterno, imenso. És dos homens o
com teu Corpo e com teu Sangue, ó Senhor Jesus! Senhor...
Sobre os nossos altares, Vítima sem par,
teu divino sacrifício queres renovar!
5 [L. M.: Ziza Fernandes]
Senhor meu, meu tudo, meu Mestre, te adorarei.
No Calvário se escondia tua divindade Senhor, eu nada sou; em Ti me esconderei.
Mas aqui também se esconde tua humanidade
Creio em ambas e peço, como o bom ladrão
No teu reino, eternamente, tua salvação! 6 [D. R.]
Olhar somente a ti, Senhor * e não olhar atrás.
Creio em ti ressuscitado, mais que São Tomé Seguir teu caminhar, Senhor. Seguir sem vacilar,
Mas aumenta na minh'alma o poder da fé Senhor. Prostrar-me em teu altar, Senhor. E não
Guarda a minha esperança, cresce o meu amor olhar atrás.
Creio em Ti ressuscitado, meu Deus e Senhor!
Seguir somente a ti, Senhor * e não voltar atrás.
Ó Jesus, que nesta vida pela fé eu vejo
Realiza, eu te suplico, este meu desejo Amar somente a ti, Senhor * e não voltar atrás.
Ver-te, enfim, face a face, meu divino amigo
Lá no céu, eternamente, ser feliz contigo! 7
Alma de Cristo, santificai-me. Corpo de Cristo,
3 [L. M.: Pe. José Cândido da Silva] salvai-me. Sangue de Cristo, inebriai-me. Água do
lado de Cristo, lavai-me. Paixão de Cristo, confortai-
Eu sou o pão que vem do céu!
me. Ó bom Jesus, escutai-me. Dentro de vossas
Quem crer em mim, irá viver.
chagas, escondei-me. Não permitais que de vós me
aparte. Do espírito maligno, defendei-me. Na hora
Ao povo de Deus, lá no deserto, sem pão, sem lar
da morte, chamai-me. E mandai-me ir para vós.
Deus fez cair do céu comida salutar.
Para que com os vossos santos vos louve para todo
o sempre. Amém.
Todos se assentaram, todos comeram, até fartar
glória e louvor a Deus, que vem nos saciar.

O senhor Jesus no sacramento nos deixou


memorial da cruz: morte e ressurreição.

Tão grande mistério adoramos, neste altar


que nossa fé sustente o nosso caminhar.