Você está na página 1de 8

PROGRAMA NACIONAL

Eletrobrás DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA

PROGRAMA DE EFICIENTIZAÇÃO
INDUSTRIAL
Eficientização Industrial

Fator de Potência
O que é o fator de potência ?

Pode ser entendido como um valor que reflete com a energia


está sendo utilizada.
Programa de
Eficientização
Industrial
Para o funcionamento de determinadas cargas, p.ex. motor,
são necessários dois tipos de potência: Ativa e Reativa.
• Ativa para fazer o motor girar;
• Reativa para permitir o giro do motor.
PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA

Mostra a relação entre a energia útil (Ativa - W) e a


Eletrobrás
energia total (Aparente - VA) fornecida pelo sistema.
Eficientização Industrial

Fator de Potência

Programa de
Eficientização
Industrial

PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA

Eletrobrás
Eficientização Industrial

Fator de Potência
 UFDR – demanda de potência ativa reprimida em função do
excedente de potência reativa

 UFER – montante de energia ativa reprimida em função do


Programa de excedente de consumo de energia reativa
Eficientização
Industrial

PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA

Eletrobrás
Eficientização Industrial

Faturamento do FP
 n  0,92 

FDR (p)  Max DAt  DF(p) T DA(p)
 t 1
 fm 

 FDR(p) = faturamento, por posto horário “p”, correspondente à


demanda de potência reativa excedente à quantidade permitida
Programa de
pelo fator de potência de referência “fr” no período de faturame
Eficientização
Industrial  DAt = fornecimento de demanda de potência ativa, verificada po
medição apropriada no intervalo de integralização de 1 (uma)
hora “t”, durante o período de faturamento;
 DF(p) = demanda de potência ativa faturável em cada posto
PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA
horário “p” no período de faturamento;

Eletrobrás
Eficientização Industrial

Faturamento do FP
 n  0,92 

FDR (p)  Max DAt  DF(p) T DA(p)
 t 1
 fm 

 TDA(p) = tarifa de demanda de potência ativa aplicável ao


fornecimento em cada posto horário “p”;
Programa de
 MAX = função que identifica o valor máximo da expressão, dentr
Eficientização
Industrial dos parênteses correspondentes, em cada posto horário “p”;
 t = indica intervalo de 1 (uma) hora, no período de faturamento;

PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA

Eletrobrás
Eficientização Industrial

Faturamento do FP
n   0,92 
FER(p)   CAt   1 T CA(p)
 
t 1
 fm

 FER(p) = faturamento, por posto horário “p”, correspondente à


Programa de energia reativa excedente à quantidade permitida pelo fator de
Eficientização
potência de referência “fr”, no período de faturamento;
Industrial
 CAt = fornecimento de energia ativa, verificada por medição
apropriada em cada intervalo de 1 (uma) hora
 “t”, durante o período de faturamento;
PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
 fr = fator de potência de referência igual a 0,92;
ENERGIA ELÉTRICA

Eletrobrás
Eficientização Industrial

Faturamento do FP
n   0,92 
FER(p)   CAt   1 T CA(p)
 
t 1
 fm

 ft = fator de potência da unidade consumidora, calculado em


cada intervalo “t” de 1 (uma) hora, durante o período de
Programa de
faturamento, observadas as definições dispostas nos incisos I
Eficientização
Industrial do parágrafo único deste artigo;
 TCA(p) = tarifa de energia ativa, aplicável ao fornec. em cada
posto horário “p”;

PROGRAMA NACIONAL
DE CONSERVAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA

Eletrobrás