Você está na página 1de 5

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO


CAMPUS CUIABÁ – OCTAYDE JORGE DA SILVA
DEPARTAMENTO DE ÁREA DE CONSTRUÇÃO CIVIL

Curso: Técnico em Edificações – Integrado - Disciplina: Materiais de Construção II - Professor: Marcos Valin Jr
Aluno: ________________________________________________________ - Turma: ____________ Data: _____________

Lista de Exercícios do 3º e 4º Bimestres

A – Data da entrega: ____/____/______ D – As respostas devem ser oriundas da interpretação do aluno – Não serão
B – Atividade individual; aceitas cópias do conteúdo dos slides da aula.
C – Deverá ser respondida no caderno (manuscrito) e com memorial de
cálculo detalhado.

01) Defina:
A- Concreto F- Traço K- Forma
B- Concreto armado G- Traço unitário L- Embutidos na estrutura
C- Resistência do concreto H- Aditivo M- Exsudação do concreto
D- Massa específica I- Padiola N- Aderência do aço ao concreto
E- Massa Unitária J- Fôrma

02) Quais os fatores que influenciam na resistência do concreto? Explique sobre cada um deles.

03) Quais os tipos de classificação do concreto?


a) Massa específica: b) Resistência à compressão: c) Aplicação:

04) Sabendo-se que o fcj é a resistência de projeto de dosagem e fck é a resistência característica do concreto, qual será o fcj
para uma obra que necessita de uma fck de 40,7 MPa, com desvio padrão de 5. (fcj = fck + 1,65xDesvioPadrão)

05) Qual a finalidade da cura do concreto? De que maneira a cura pode ser realizada (cite no mínimo 3 exemplos)?

06) Intercale as lacunas preenchendo:


A – PROCESSO DE CURA / B – SLUMP TEST / C – CONCRETAGEM DE PILARES
Procedimento para manutenção das condições favoráveis de umidade e temperatura nas primeiras idades do
concreto que possibilitam o desenvolvimento de sua resistência e de outras propriedades.
É realizada com amostra do concreto.
É um processo mediante o qual mantém-se um teor de umidade satisfatório, evitando a evaporação da água da
mistura, garantindo ainda, uma temperatura favorável ao concreto, durante o processo de hidratação dos materiais
aglomerantes.
O cone deverá ser colocado sobre a placa metálica bem nivelada.
Deve se verificar o posicionamento da armadura segundo o projeto.
Antes de iniciar, deve-se passar desmoldante em todas as faces, de modo evitar que o concreto grude e danifique a
estrutura.
Sua ausência age principalmente contra a durabilidade das estruturas, a qual é inicialmente controlada pelas
propriedades das camadas superficiais desse concreto. Secagens prematuras resultam em camadas superficiais
porosas com baixa resistência ao ataque de agentes agressivos

07) Explique sobre a função do vibrador de imersão usado na concretagem. Quando não utilizado, que tipo de patologias
pode ocasionar? E se tratando da moldagem de corpos de prova, quando mal adensados?

08) Qual a melhor definição para “trabalhabilidade”? A trabalhabilidade é uma propriedade fundamental no concreto fresco?
Qual sua importância na prática na obra?

09) No caso da produção do concreto de maneira manual, quais os cuidados devem ser tomados? Qual a ordem de
colocação/mistura dos materiais?
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO
CAMPUS CUIABÁ – OCTAYDE JORGE DA SILVA
DEPARTAMENTO DA ÁREA DE CONSTRUÇÃO CIVIL

10) Ao se iniciar uma concretagem percebeu-se que não foi agendada a entrega de concreto para um conjunto de lajes com
espessura de 10 cm e área total de 150m2 e de 8 vigas de 10x50cm. Esses elementos deverão receber concreto com fck de 20
MPa. Qual a quantidade de concreto, em m3, a ser solicitada à concreteira?

11) Considerando as informações abaixo, calcule:


Traço A: 1 : 2,00 : 3,00 : 0,5 Peso máximo da padiola: 40 kg
Traço B: 1 : 2,10 : 3,40 : 0,4 Abertura do tambor da betoneira: 40 cm
Capacidade da betoneira: 250 litros
Dados: Materiais Massa específica δ Massa unitária γ Valor (R$)
(kg/m³) (kg/m³)
Cimento 3040 990 0,38 / Kg
Areia 2620 1450 59,30 / m3
Brita 2730 1350 51,20 / m3
Água 1000 1000 3,00 / m3

a)
Qual o valor de M e o teor de argamassa no traço A e B?
b)
Qual o consumo de cimento no traço especificado para atender a capacidade da betoneira no traço A e B?
c)
Qual o volume de areia, brita e água no traço especificado para atender a capacidade da betoneira no traço A e B?
d)
Qual o custo dos materiais (R$) para atender a capacidade da betoneira no traço A e B?
e)
Quantos corpos de prova cilíndricos (15x30 cm) são possíveis de moldar com o material produzido por 1 betonada?
f)
Calcule o projeto de padiolas
Padiola Traço A Traço B
Nº de Padiola CxLxH Nº de Padiola CxLxH
Areia
Brita
g) Calcule os materiais necessários para a concretagem de 10 vigas com seção transversal de (30x90) cm e 6,00 m de
comprimento no traço A e B.
h) Qual o custo dos materiais para concretagem das 10 vigas no traço A e B?

12) Os agregados usados nos traços de concretos e argamassas são classificados em graúdos e miúdos. Qual a definição
correta do que é dimensão máxima do agregado? Por que é tão importante conhecer a dimensão máxima dos agregados graúdos
para construções em concreto armado?

13) Em um projeto de fôrmas na escala 1:50, uma viga possui o comprimento de 12 cm. Qual o comprimento real dessa viga
em metros?

14) Referente ao processo de CURA do Concreto, assinale “V” para verdadeiro e “F” para falso.
( ) Procedimento para manutenção das condições favoráveis de umidade e temperatura nas primeiras idades do concreto que
possibilitam o desenvolvimento de sua resistência e de outras propriedades.
( ) A cura deve ser iniciada depois que a superfície concretada esteja completamente rígida e desenformada.
( ) A cura é um processo mediante o qual mantém-se um teor de umidade satisfatório, evitando a evaporação da água da
mistura, garantindo ainda, uma temperatura favorável ao concreto, durante o processo de hidratação dos materiais
aglomerantes.
( ) Para obtenção da perfeita hidratação do cimento deve-se criar um ambiente úmido quer por meio de aplicação contínua
e/ou frequente de água por meio de alagamento, molhagem, vapor d’água ou materiais de recobrimento saturados de água,
como mantas de algodão ou juta, terra, areia, serragem, palha, lona como exemplo.
( ) Para definir o prazo de cura é necessário considerar principalmente três aspectos fundamentais: relação a/c (água/cimento)
e o grau de hidratação do concreto, o tipo de cimento e o cal hidratado.
( ) A falta de uma cura adequada age principalmente contra a durabilidade das estruturas, a qual é inicialmente controlada
pelas propriedades das camadas superficiais desse concreto. Secagens prematuras resultam em camadas superficiais porosas
com baixa resistência ao ataque de agentes agressivos
( ) Quanto mais rápido e perfeito for a cura do concreto, melhor será sua característica final.
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO
CAMPUS CUIABÁ – OCTAYDE JORGE DA SILVA
DEPARTAMENTO DE ÁREA DE CONSTRUÇÃO CIVIL

15) Você ficou encarregado pela execução de uma grande obra. Escreva um memorando (oficio / carta) para o proprietário
da obra, falando da importância da realização do estudo de dosagem do concreto.
OBS: sublinhar / destacar todas as palavras obrigatórias no texto.

Palavras obrigatórias: cimento, agregados, aditivos, resistência, durabilidade, trabalhabilidade, cura, sustentabilidade, traço
unitário, vida útil, materiais disponíveis, padiola.

16) A qualidade do concreto, seja no estado fresco ou endurecido, é fortemente impactada pelas condições ambientais, em
especial a temperatura, a umidade relativa do ar e a velocidade do vento. A falta de controle dessas variáveis pode ser a causa
de uma série de problemas. (fonte: http://www.mapadaobra.com.br/inovacao/traco-de-concreto-clima-influencia-qualidade-
do-concreto/)
a) Como as condições climáticas influenciam no Concreto? Quais problemas podem ocasionar?
b) Como minimizar / combater esses efeitos?

17) Interprete a planta a seguir, de um pavimento em concreto armado (laje + vigas + pilares), com pé direito de 3m, e
responda:

a) Calcule a área das fôrmas dos pilares, em m2 (somente o molde).


b) Calcule a área das fôrmas das vigas, em m2 (somente o molde).
c) Calcule o volume de concreto que será necessário (laje + vigas + pilares).
d) Sobre todas as vigas do pavimento devem ser construídas paredes em alvenaria de tijolos cerâmicos furados.
Desconsiderando as aberturas, qual é o custo direto total, em reais, do serviço necessário à execução dessa alvenaria?
Considere a tabela de composição de custos abaixo.
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO
CAMPUS CUIABÁ – OCTAYDE JORGE DA SILVA
DEPARTAMENTO DE ÁREA DE CONSTRUÇÃO CIVIL

18) Calcule o volume de concreto necessário para concretar a caixa d’água da figura, composta de 10 segmentos anelares de
1 metro de altura cada, com espessura da parede de 20 cm, desprezando as juntas.

19) Explique detalhadamente o processo de moldagem de corpos-de-prova e concreto cilíndricos de tamanho 10x20cm com
adensamento manual, de acordo com a NBR 5738 – Procedimento para moldagem e cura de corpos-de-prova.

20) A NBR 5739 – Concreto – Ensaios de corpos-de-prova cilíndricos, apresenta uma série de cuidados e procedimentos a
serem realizados previamente, como a calibração da prensa, verificação do nível dos pratos, entre outras. Explique sobre esses
procedimentos e qual a importância na qualidade os resultados.

21) Referente a NBR 5739 – Concreto – Ensaios de corpos-de-prova cilíndricos, complete a tabela abaixo.
Amostra Ø (cm) h (cm) F (kN) Área base – S (mm²) F (N) Resistência à Compressão
Axial – F (MPa)
A 10 20 300
B 9,98 20 198
C 9,67 19,7 165
D 9,8 19 249
E 10 20 249

22) Referente a NBR 7222 – Argamassa e Concreto – Determinação da resistência à tração por compressão diametral de
corpos-de-prova cilíndricos, complete a tabela abaixo. (Obrigatório apresentar memorial de cálculo).
Amostra Ø (cm) h (cm) F (kN) F (N) Resistência à Compressão
Diametral – F (MPa)
A 10 20 50
B 9,98 20 55
C 9,67 19,7 47
D 9,8 19 45
E 10 20 45
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO
CAMPUS CUIABÁ – OCTAYDE JORGE DA SILVA
DEPARTAMENTO DE ÁREA DE CONSTRUÇÃO CIVIL

23) Referente a NBR 9778 – Argamassa e Concreto endurecidos – Determinação da absorção de água por imersão – Índice
de vazios e massa específica, complete a tabela abaixo. (Obrigatório apresentar memorial de cálculo).
Área Cp's: 7850 mm² Amostras
CP's A B C
Massa submersa (g) 2218,4 2213,2 2218,8
Massa saturada (g) 3807,2 3789,3 3790,4
Massa seca (g) 3646,5 3642,1 3648,6
ABSORÇÃO DE ÁGUA (%)
ÍNDICE DE VAZIOS (%)
MASSA ESPECÍFICA AMOSTRA SECA
MASSA ESPECÍFICA AMOSTRA SATURADA

24) Defina o termo “argamassa” e suas principais aplicações.

25) Qual o procedimento para obter / medir o índice de consistência da argamassa?

26) Explique sobre a “trabalhabilidade” e “consistência” da argamassa. Por que essas características devem variar de acordo
com o tipo de aplicação? Qual sua importância na prática na obra?

''Sempre que possível, converse


com um saco de cimento. Nessa
vida só devemos acreditar naquilo
que um dia pode ser concreto.''
Autor desconhecido