Você está na página 1de 31

Internalização dos Objetivos do

Desenvolvimento Sustentável nos
poderes legislativos
07 de Agosto 2018 – Rio de Janeiro

Lorenzo Casagrande
Analista de Desenvolvimento Sustentável Centro
RIO+
Lorenzo.Casagrande@undp.org
Desenvolvimento sustentável

“A humanidade tem a
capacidade de tornar o
desenvolvimento
sustentável, de forma a INCLUSÃO
SOCIAL
garantir que ele atenda
às necessidades do
presente sem
comprometer a SUSTENTA- DESENVOL-
capacidade das BILIDADE VIMENTO
gerações futuras de AMBIENTAL ECONÔMICO
satisfazerem as suas
próprias necessidades."
Os Objetivos de Desenvolvimento do
Milênio (ODM)
Índice de Desenvolvimento Humano (IDH)
Índice de Desenvolvimento Humano por Municípios

http://atlasbrasil.org.br
ANTES AGORA
Dois processos Uma Agenda
paralelos holística para 2030
ODM
Foco principal na dimensão Continuidade do legado
social dos ODMs, sem deixar
ninguém para trás

Revisitando o
DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
desenvolvimento
sustentável com uma visão
Foco na sustentabilidade
integrada e equilibrada
ambiental
de suas dimensões-chave
O Legado do Rio na Agenda de Sustentabilidade
Os Parlamentares e a Agenda 2030
Para ver as metas dos ODS, acesse: www.agenda2030.org.br
A Estrutura dos 17 ODS
PRINCÍPIOS DA AGENDA 2030 e ods

INTEGRAÇÃO
UNIVERSALIDADE “NÃO DEIXAR NINGUÉM PARA
• Relevantes para todas as • Balancear as 3 dimensões do
TRÁS”
desenvolvimento sustentável:
pessoas • Os ODS beneficiam todas.
• Não confundir com ambiental, social e econômica.
• É preciso ir além das médias
uniformidade! • Lidar com contradições e
estatísticas e desagregar dados.
maximizar sinergias.
PRINCÍPIOS DA AGENDA 2030 e ODS

ABORDAGEM DE SOBERANIA NACIONAL
ABORDAGEM INCLUSIVA E
DIREITOS HUMANOS “As metas são definidas como
PARTICIPATIVA
Somente a partir da ideais e globais, com cada
A sociedade civil, em especial
promoção e proteção dos governo definindo suas próprias
grupos vulneráveis, e o setor
direitos humanos os ODS metas nacionais, guiados pelo
privado têm um papel
podem ser concretizados. nível global de ambição, mas
fundamental a desempenhar na
levando em conta as
tomada de decisão.
circunstâncias nacionais.”
Como objetivos
globais se
transformam em
objetivos locais?
ODS como quadro inicial para orientar políticas
públicas

Os ODS não são vinculantes,
mas são ferramentas de planejamento
a médio e longo prazo que viabilizam
o alinhamento nacional e subnacional
de políticas sociais, ambientais e
econômicas.
Ods precisam de ajustes para se tornarem
objetivos locais

Elementos chaves para a localização:
▪ Participação e coordenação
▪ Prazos
▪ Requisitos de dados
▪ Recursos e parcerias
▪ Estabelecimento de metas estaduais
intermediárias e finais
▪ Integração das metas aos planos e políticas
locais e adequação dos meios de
implementação
▪ Modalidades de acompanhamento
Ferramentas
O Papel dos Parlamentos na
Implementação dos ODS

Parlamentares possuem uma oportunidade e
uma responsabilidade constitucional para
desempenhar um papel significativo em apoiar
e monitorar a implementação dos ODS. A
Declaração da Agenda 2030 reconhece ¨o
papel essencial dos parlamentos nacionais, por
meio da promulgação de legislação e adoção
de orçamentos e seu papel em garantir a
responsabilidade pela efetiva implementação de
nossos compromissos.¨
Membros do parlamento estão singularmente
posicionados para atuar como uma interface
entre os países, pessoas e instituições do Estado,
e para promover e adotar políticas centradas
nas pessoas e na legislação para garantir que
ninguém seja deixado para trás.
http://www.br.undp.org/content/brazil/pt/home/
O Papel dos Parlamentos na implementação dos ODS
I. Interseção entre os Parlamentos e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável
II. O papel do Parlamento na eficácia do desenvolvimento e nos Objetivos de
Desenvolvimento Sustentável
III. Coordenando esforços para uma melhor implementação da Agenda 2030
IV. Atividade legislativa: fortalecendo o ambiente propício para os Objetivos de
Desenvolvimento Sustentável
V. Orçamento para a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento
Sustentável
VI. Monitorando a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável
VII. Representação: engajando a população e facilitando a participação social
VIII. O papel dos parlamentares na localização dos ODS
IX. O papel das assessorias legislativas na localização dos ODS
X. O papel dos grupos de partidos políticos na localização dos ODS
XI. Construindo a capacidade dos parlamentares e das assessorias legislativas sobre
os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável
Algumas etapas comuns no processo
de localização

1. Realizar avaliação de necessidades para definir prioridades e localizar os ODS
2. Engajar-se no espírito de governança cooperativa para estabelecer prioridades
comuns
3. Alinhar os planos locais e regionais aos ODS
4. Mobilizar recursos locais
5. Fortalecer capacidades para uma liderança ágil e eficaz
6. Promover a apropriação e a corresponsabilidade na implementação de projetos
estratégicos
7. Participar na cooperação para o desenvolvimento e aprendizagem entre partes
8. Os governos locais e regionais podem fazer escolhas e priorizar as metas e
objetivos que melhor correspondam aos seus contextos e necessidades
específicas.
Localização dos ODS a nível Sub Nacional

“Todos os ODS
tem metas
diretamente
ligadas as
responsabilidades
dos governos
locais e regionais,
particularmente a
prestação de
serviços básicos.”
Fonte: https://nacoesunidas.org/wp-
content/uploads/2017/06/Roteiro-para-a-Localizacao-dos-ODS.pdf
Conjunto de ferramentas
que visa apoiar os
governos locais na
implementação e
acompanhamento da
Agenda 2030 a nível local
e influenciar a
formulação de políticas
públicas visando a
criação de um ambiente
favorável para a ação.
Sensibilização
O papel dos governos locais e regionais em promover
a compreensão e a apropriação dos ODS pelos
cidadãos;
• Os governos locais e regionais, por serem níveis de governo mais próximos ao
cidadão estão melhor posicionados par aumentar a consciência sobre a importância
dos ODS e sua relevância para as comunidades locais.

• Os governos municipais devem ser incentivados a reconhecer a Agenda 2030 como
um plano de ação e a criar mecanismos que permitam a participação cidadã e a
responsabilidade institucional
Sensibilização
O papel dos governos locais e regionais em mobilizar
seus membros para promover o alcance dos ODS

• Envolvimento de associações e redes locais de governo devem realizar campanhas
de sensibilização para mobilizar seus membros e compreender suas funções para o
alcance dos ODS;

• Os governos locais devem se comprometer com o conteúdo da Agenda

• Nomeação de promotores locais envolvidos na localização dos ODS
Criaçao de um Ambiente Favorável
Criaçao de um Ambiente Favorável
INTEGRAÇÃO COMO SOLUÇÃO!

Integração: processos de decisão política que
levam em conta as interdependências entre
dimensões e setores. (UNDESA, 2015)

Desafios
• Considerar interdependências entre setores;
• Priorizar a multidimensionalidade na
construção dos planos e políticas públicas;
• Participação social nas políticas públicas;
• Foco nas interligações e interdependências das
regiões e territórios.
INTEGRAÇÃO COMO SOLUÇÃO!

Os 17 ODS oferecem um quadro global inicial
por meio do qual diferentes setores podem traçar suas
conexões com as diferentes áreas de prioridade local.
3
1
Obrigado!

Lorenzo Casagrande
Analista de Desenvolvimento
Sustentável
Centro RIO+ PNUD
Lorenzo.casagrande@undp.org