Você está na página 1de 160

1

A FÉ NA VIDA DE ABRAÃO

Texto Gn 12.1

INTRODUÇÃO

Neste texto encontramos a história de um homem que


demonstrou a sua fé e obediência. Desde a sua chamada até
quando lhe foi pedido seu filho para o sacrifício, ele foi um
homem de fé.

 Abraão foi o maior exemplo de fé registrado na bíblia


sagrada a ponto de ser chamado o pai da fé. E amigo de
Deus.
 A fé segundo a bíblia significa acreditar em alguma coisa
que esperamos, e ainda não vemos.
O fundamento da fé, está em crer, para depois ver

I EXPRESSOU FÉ EM SEU CHAMADO

- Gn. 12.01-3 - Aso Setenta anos de Idade Deus chamou


Abrão dizendo: Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de
teu pai, e vai para a terra que te mostrarei.
- Deus lhe fez promessa:
Em seu chamado vemos três tipos de promessa. """Pessoal,
Nacional e universal""""
1- No âmbito Pessoal:
- Deus chamou Abraão para sair de um lugar idolatria de Ur
dos Caldeus; A fim de ir para uma terra desconhecida.
* Pois Deus faria pai de uma grande nação-Gn 12.1-3
* No V.2; Ele recebeu promessa de benção pessoais: E te
abençoarei, e te engrandecerei teu nome...
2 - No âmbito nacional
- Abraão recebeu a promessa de receber a seus
descendentes a terra de Canaã.
* Receber a terra de Canaã, significa receber a melhor terra.

Jaime Bergamim
2

Canaã era tão fértil que foram necessários dois homens para
carregar um cacho de uma
* Deus quando chama, Ele nos abençoa com o que há de
melhor
3 - No âmbito universal
Deus abençoou Abraão fazendo lhe ser progenitor das
nações da benção a todas as nações - V 3 "Em ti serão
benditas a família da terra.

II - DEIXOU TUDO POR FÉ

* Abraão vivia uma situação tranqüila em sua terra, porém ao


ter recebido o chamado de Deus, não hesitou saindo com
toda a sua família.
Abraão deixou sua pátria, familiares, e uma vida bem-
sucedida e equilibrada impulsionado pela fé.
2.1 - Abraão obedeceu ao chamado do Senhor.
* A sua jornada foi de aproximadamente 2.400 Km, ele partiu
sem saber para onde ia.
* - Pela fé Abraão peregrinou na terra que lhe foi prometida
como em terra alheia, porém ele sabia que deus cumpriria sua
promessa.
* Abraão a era da fé ...

2.2 - Abraão foi um homem de fé inabalável.


* Ele demonstrou ter fé em muitas ocasiões de sua vida
 Vamos destacar duas:
1º quando conversou com o Senhor várias vezes:
Gn 17.1 - Em uma dessa conversas Deus apareceu a Abraão
e disse ... Eu sou o Deus Todo poderoso, anda em minha
presença e sê perfeito - Gn 16.1 p/c:
* Abraão tinha uma comunhão estreita com Deus, pois para
andar na presença do Senhor é necessário haver perfeição.
2º quando recebeu visitas de seres celestiais - Gn 18.2

Jaime Bergamim
3

- Abraão recebeu visita em plena luz do dia e provavelmente


ele também demonstrou sua hospitalidade, humilde e temor,
três características que estão dentro do contesto da sua fé.
* Nesta ocasião Abraão ficou sabendo que lhe nasceria um
filho dentro de um ano.
* Abraão teve esperança na palavra do Senhor, aqui
encontramos outro atrativo de fé
Deus neste encontro selou Sua promessa de descendência.
Abraão por sua vês creu e esperou com paciência.

III- TEVE SUA FÉ RECOMPENSADA

Abraão foi recompensado, porque em todos os momentos


ele foi um homem de fé, obediência e fidelidade.
3.1 - Recompensado com um filho -
Gn 21
Deus visitou sara e cumpriu a Sua promessa como havia
dito que faria
Sara concebeu, e Abraão deu o nome de Isaque ao seu
filho.
3.2 - Recompensado ao levar seu filho ao sacrifício - Gn.
22
* Ao ser chamado para ser provado por Deus, Abraão com
disposição disse; "eis me a aqui""
* Deus pediu a coisa que Abraão mais amava, seu filho
Isaque, mas o que vemos depois disso é um intervalo:
- Simplesmente ele toma seu filho e parti para o sacrifício.
* Depois disso antes de consumar a ordem o senhor disse 2
vezes "Não estenda a mão sobre o rapaz e nada lhe faças;
pois a gora sei que temes a Deus, porquanto não me negaste
o filho, teu único filho.
* Ao demonstrar sua obediência, foi compensado: Deus
jamais permitira sacrifício humano
* Abraão foi provado, e depois aprovado... Ele teve fé

Jaime Bergamim
4

CONCLUSÃO

Devemos aprender com este homem que não que não hesitou
ao seu chamado, demonstrando uma fé inabalável no Senhor
e Suas promessas.
Deposite sua fé no Senhor, pois Ele te recompensará se
você assim fazer.

Jaime Bergamim
5

A ARCA DE NOÉ

Texto Ml.24:37

INTRODUÇÃO

A arca de Noé, representa um tipo de Cristo com o único meio


de salvação. Naquela ocasião só havia salvação através a
arca de Noé, ela era a única porta que conduzia para a outra
vida, após o diluvio. Cristo hoje é o único caminho e a única
porta que conduz o homem a eternidade.

I – SOCIEDADE DO TEMPO DE NOÉ.

A – Rejeitavam a revelação de Deus.


B – Afastavam-se da presença de Deus.
C – Eram desobedientes a mensagem de Noé.

II – SOCIEDADE ATUAL.

A – Recusam o conhecimento da palavra de Deus.


B – Está moralmente corrompida.
C - está em decadência espiritual.

III – AS PORTA DE ESCAPE PARA O HOMEM.

A – No tempo de Noé, Deus mandou construir a


arca e apregoar o diluvio.
B – A arca era de madeira simbolizando a natureza
humana na de Cristo como homem.
C – Havia uma só porta na arca, após Noé entrar foi
fechada por Deus, isso fala do poder da Deus de controlar
o homem

Jaime Bergamim
6

D - Jesus Cristo a única porta de escape, esta porta


também vai se fechar um dia

CONCLUSÃO

Deus sempre deu oportunidade ao homem para se


arrepender de seus pecados, mas o Até mesmo homem
numa reconheceu as portas que estão abertas. Deus
sempre preocupo com poder com o pecador, e hoje ainda
está concedendo oportunidades a todos.

Jaime Bergamim
7

A CHAMADA MISSIONÁRIA

Texto Is. 6.1-6

INTRODUÇÃO

Isaias era primo do rei Uzias, enquanto o rei Uzias vivia, o


profeta Isaias apoiava nele, foi o rei morrer para que o
profeta de despertasse

I – APLICAÇÃO

a - Deus chama a todos - Ide pôr todo mundo Mc. 16.15


b - como ele chama
c - Para onde ele envia

II COMO ELE CHAMA

1 - Com chamada especifica


a - Moisés ele chamou para ser líder e legislador Ex. 3.10
b - Josué para se sucessor de Moisés
c - Felipe para uma estrada deserta

II - APREOCUPAÇÃO

- Todo cuidado pertence a Deus


- O nosso futuro ele proverá
- A Herança dos levitas é o Senhor

CONCLUSÃO
Deixe morrer o Uzias de sua vida, e o anjo tocar com a brasa
viva do altar para que esteja apto para realizar a obra do
Senhor.

Jaime Bergamim
8

A CONSEQUÊNCIA DA DESOBEDIÊNCIA

Texto Gn 2.6-17

INTRODUÇÃO

Desde o princípio o homem sempre sofreu as consequências


de sua desobediência. A mais cruel consequência foi a morte,
cuja consequência atingiu o trono do poderoso, ao ponto de
destronizar seu filho Jesus para morrer pôr nós para nos
libertar da morte eterna.

I – A MORTE É RESULTADO DO PECADO

A – Morte infiltrou no mundo pôr consequência do pecado


B – A Desobediência à ordem divina, tornou sujeita a
penalidade
Morte pôr causa do pecado.
1 – O homem sujeito a morte física
a – A arvore da vida, comer para viver eternamente (Gn2.9)
b – A arvore da ciência do bem do mal, se comer morrera
eternamente (Gn2.9)
2 – A morte moral
a – Não morreram no mesmo dia fisicamente, mas morreram
moralmente, porque sua natureza tornou-se pecaminosa

II – MORTE FÍSICA

Devido ao pecado a morte física passou a todos


1 – A morte para o crente
a – Não é o fim de tudo, mas o início de uma vida – eterna
b – É o veículo que nos conduz a vida eterna, livrando-nos do
peso da tribulação (IICO. 4.17).

Jaime Bergamim
9

c – O corpo físico pôr causa do pecado não impede de


sermos revestido da gloria celeste. (IICO.5.1-5) é apenas um
sono.

III – MORTE ESPIRITUAL

A muitos mortos vivos em nosso meio, é hora de sepulta-los


1 – Mortos espirituais na igreja
a – Atrapalham a operação do espirito santo
b – Acan atrapalhou Israel de ganhar a batalha
c – A igreja está perdendo para o inimigo por causa dos
mortos espirituais na igreja.

IV – ESCAPANDO DE AMBAS AS MORTES

Somente na pessoa de Jesus Cristo podemos ser livres da lei


da morte e do pecado (ITM1.10
A – Mediante a sua morte aboliu o poder de satanás, e o
poder da condenação que o pecado trouxe (RM 8.1)

COMCLUSÃO

Em Cristo temos a vida eterna depende desta que aqui


vivemos, se mortos espirituais, será morto eternamente.

Jaime Bergamim
10

A LIÇÃO DO JARDIM

Texto
Gn 3.1-3

INTRODUÇÃO

I - NO JARDIM SATANAS ENTRA PARA ROUBAR


A COMUNÃO DO HOMEM COM DEUS

1- A comunhão é um ato natural


- Gn 3.2 "Satanás leva o homem para a arvore que conduz a
morte."
- Gn. 3.9 " No Éden Deus vai em busca do homem
Deus está em busca do homem"
- Gn 3.10 "O homem se escondeu de Deus
O homem está sempre se escondendo de Deus
a - Escondem atrás dos bancos da igreja
b - Escondem atrás da incapacidade
c- Escondem atrás de suas fraquezas
d - Escondem atrás do medo
Deus sussurra seu nome no jardim

II - O DEUS QUE RECLAMA A COMUNHÃO SAGRDA

1 - Jo 18.2 " No Getsemani Jesus buscou a Deus"


- Satanás entra no Jardim para roubar a comunhão do pai
com Jesus, usando Judas e cem homens para prender o
carpinteiro"
- Jo 18.4 - "Jesus conhecia a estratégia de satanás
- Jo 18.5 - "Jesus confunde o seu inimigo para guardar a
comunhão"
- Jo 18.6 - "Os inimigos recuaram e satanás cai por terra"
- Jo 18.9 - "Jesus não te perdeu"
Isso é sua promessa, ele vai andar com você

Jaime Bergamim
11

Ilustração do menino com o pai

CONCLUSÃO

Satanás entra no jardim de nossa vida para rouba o que


temos de mais precioso: a nossa comunhão com Deus. Após
perdemos a comunhão passamos a esconder de Deus.

Jaime Bergamim
12

ONDE ESTÁ O CORDEIRO

TEXTO - GN. 22.7

INTRIDUÇÃO

Entre os Judeus do antigo testamento o cordeiro teve muito


influencia, em alguns acontecimentos, como por exemplo na
festa da pascoa EX. 12.3; Consagração do sacerdote EX.
29.1

I - A IMPORTANCIA DA PERGUNTA DE ISAQUE

Onde está o cordeiro para o holocausto

II - ONDE ESTA O CORDEIRO NA IGREJA


Ele deve estar no centro da igreja Ex. da Igreja de Laudeceia,
ele ficou do lado de fora.
Muitos estão preparados para dizer: fora daqui com este
Lucas 23.18

III - ONDE ESTÁ O CORDEIRO NO LAR

O lar é uma Instituição divina, assim ele deve estar também


no centro do lar. O cordeiro foi substituído pelo Televisor EX.
8.12
Paulo Escreve ao Colossenses 4.15: Saudai os irmãos que
estão em Laudiceia, e a Ninfa e a Igreja que está em sua
casa. O Espirito Santo não quer ser apenas Hóspede em
nosso lar, mas habitar nele

IV - O CORDEIRO DE DEUS NA NOSSA VIDA

Paulo Escreve: não vivo eu, mas Cristo vive em mim GL.2.20

Jaime Bergamim
13

O Primeiro Lugar de nossa vida deve ser ocupado pelo


cordeiro de Deus. MT.6.33 (Buscai primeiro o reino de Deus)
Paulo Diz: Combati o bom combate acabei a carreira e
guardei a fé - II TM 4.7

V-OCORDEIRO QUE TIRA O PECADO DO MUNDO

João 1.29 eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do


mundo Ele não cobre o Pecado, mas atira no mar do
esquecimento de Deus.

CONCLUSÃO

Não pode faltar o cordeiro em nossa vida, ele é a presença


marcante do Espirito Santo de Deus em nós

Jaime Bergamim
14

A PALAVRA DE DEUS APONTA O TEMPO CERTO


P/SALVAÇÃO

Texto 55:06 E 07

INTRODUÇÃO

Deus concede ao homem, tempos para o


arrependimento, nesta mensagem vamos ver pelo
menos seis dessas oportunidades, observando que a
salvação não será para sempre oferecida ao homem,
chegará o tempo que Deus cortará esta oportunidade,
isto é, com o encerramento do período da graça.

I - ENQUANTO ESTÁ PERTO

Invocai o Senhor enquanto está perto IS 55.06


Eis que estou as portas e bato.

\II - ENQUANTO SE PODE ACHAR

A palavra de Deus afirma que chegará tempo que ir


vagabundo de um lado para outro em busca desta
palavra. O homem terá fome e sede de Justiça. Hoje
ele está ao alcance de todos.

III - ESTÁ NOITE

Mas se está noite se pedir a tua alma, o que tens


preparado, para quem será. Lucas 12.20
Noite fala do tempo sem Deus na Vida
Noite Fala de estar desapercebido, ou como quem que
está dormindo.

IV – HOJE

Jaime Bergamim
15

Hebreu 3.15 Enquanto se diz: se ouvirdes a sua voz


não endureçais os vossos corações, como na
provação. O Hoje de Deus é o tempo presente

IV – AGORA

II CO. 6.2 - Porque diz: ouvi-te em tempo oportuno, e


socorri-te no dia da angustia, eis aqui agora o tempo
aceitável, eis aqui agora o tempo de Salvação.

VI - SEM DEMORA

AP. 22.12 - Eis que venho sem demora, e o meu


galardão está comigo, para dará cada um, segundo as
suas obras.
A Palavra de Deus diz que seu nome é JÄ, e se o
nome do Senhor é JÄ, não temos nenhum motivo para
deixar para aceita-lo depois, tem que ser Já, sem
demora.
Muitos por esperar pelo amanhã, partir desta vida para
a outra sem Deus.

CONCLUSÃO
Deus nunca condenou alguém, sem antes dar a este
uma oportunidade, um tempo, dentro de sua
presciência. Eis o tempo oportuno, eis o dia aceitável.

Jaime Bergamim
16

A PROVADE DEUS E O FRACASSO DE ISRAEL

TEXTO: EX. 15.22-25

INTRODUÇÃO

Deus prova Israel em Mara, em tão pouco tempo da saída


do Egito (Aproximadamente 01 mês Israel já fracassava a
segunda vez.

I - AGUAS DE MARA

Israel chegou as águas amargas de Mara por caminho


determinado por Deus a Moisés.
A - As experiência que passamos São para provar ou seja:
são educativa e não punitiva/////
1 - A Primeira Prova:
A - A travessia do mar vermelho
B - O Cântico dos remidos cantado por Moisés e os filhos de
Israel

II - SE ENCONTRA EM MARÁ QUANDO O CLENTE

Deus prova a nossa fidelidade para com ele:


A - A Prova de Deus não é para nos Burilar, mas para nos
lapidar

1 - A ARVORE QUE SARÁ

A - Lembra-nos da Cruz de Cristo


B - Tira a nossa amargura e sofrimento, leva sobre si as
nossas dores Isaias afirma que ele levou sobre si as nossas
enfermidades
C - Quando nos encontramos em Mara, devemos olhar para
Cristo, como fizeram os Israelitas quando Moisés levantou a

Jaime Bergamim
17

serpente de Bronze no deserto. Mara muitas vezes é o


deserto de nossa vida

III - ELIM

A onze Km de mara se encontrava Elim, com doze fontes de


águas saudáveis, e setenta palmeiras.
A - Doze fontes, representa as dozes tribos de Israel ou o
próprio Cristo
B - As setenta palmeiras, pode significar os setenta anciões
de Israel, suas sombras como a sombra do onipotente.

CONCLUSÃO

Deus quer tirar nos de Mará e levar nos até Elim matar a
sede Espiritual para que possamos continuar a nossa
caminhada até a terra prometida, a Canaã Celestial

Jaime Bergamim
18

A SALVAÇÃO

Texto Rm. 8.

INTRODUÇÃO

A palavra salvação vem do Grego sotéria, e do latim Salvatio,


que significa salvamento, livramento de um perigo iminente.
Livramento do poder da maldição, restituição a plena
comunhão perdida do homem para com Deus.

I – O PECADO ROUBA A GLÓRIA DE DEUS

- Rm 3.23 - Porque todos pecaram e destituído estávamos da


glória de Deus
- Rm 8.01 - Nenhuma condenação há para os que estão em
Cristo Jesus.

II - LIVRAMENTO DE UM PERIGO IMINENTE

- O Caminho do Justo é para cima, para escapar do inferno


que está em baixo.
- Eu sou o Caminho a verdade e a vida, ninguém vem ao pai
se não pôr mm.
- Cristo é o Desvio do inferno, que conduz o homem a Deus.
- Rm 6.23 - O Salário do pecado é a morte
O pecado trouxe maldição a todos
- Cristo se fez maldito morrendo no madeiro.

II - O SINAL DA SALVAÇÃO

- O Sangue nos umbrais das portas, nas casas dos Israelitas.


- O fio de escarlate na janela da casa de Raabe
- O Sangue de Cristo é o Sinal de nossa Salvação.

Jaime Bergamim
19

IV - SOCORRO AOS EM SALVAÇÃO

- Salvador - do gr. Sothero e do latim Salvatore, significa


aquele que vem em socorro de outro
a - Jesus veio buscar e salvar os que se havia perdido
b - Todos estavam debaixo da condenação

CONCLUSÃO

Cristo é o caminho que livra o homem da condenação eterna


concedendo uma oportunidade de salvação através de sua
palavra, pois quem rejeita a sua palavra está adquirindo ou
comprando o seu julgamento.
Pois que rejeita sua palavra já tem quem o julga.

Jaime Bergamim
20

A UNÇÃO DESPRESADA E O
CHAMADONÃOCONSIDERAO

Jz 14.3

INTRODUÇÃO

Sanção foi um homem escolhido por Deus, recebeu uma


unção especial, mas não valorizou, brincou com Deus até que
a perdeu unção do Espirito Santo em sua vida, não considerou
a chamada Deus, por isso Deus o abandonou por um ouço de
tempo até que ele reconheceu o seu erro.

I - DESPRESOU O LUGAR DA ORAÇÃO

A- Ausentou das terras de Dã


B- Desceu a Tinna ou Timan

II - DESCEU A GAZA

A- Significa fortaleza ou forte


B- Lugar dos bacanais, orgias e prostituição

III - BRINCOU COM A UNÇÃO DE DEUS

A- Abusou do poder de Deus em sua vida


B- Foi um exibicionismo
C- Não vigiou
D- Ficou Escrava

IV- MORREU COM OS ADVERSSARIOS

A- No templo de Dagon
B- Se tornou um objeto de motejo
C- Custou sua vida para se vingar dos filisteus

Jaime Bergamim
21

D- Deus ainda teve misericórdia dele

CONCLUSÃO

Assim é a vida de muitas pessoas que desprezam unção


de Deus, e muitas das vezes usam Deus, em vez de
Deus usa-los correm o mesmo perigo de Sanção.

Jaime Bergamim
22

A VERDADE QUE PRECISAMOS SABER

Texto Sl24.3-4

INTRODUÇÃO

Esse Salmo contem a verdade que poucos conhece, mas que


tem muito efeito em nossa vida, contém verdades de profundo
conhecimento que todos devem saber

I – O IDEAL DE UMA VIDA PURA

- SL.119 –Como purificara o mancebo o seu caminho


- Para estar no monte do Senhor é preciso purificação

II – O VALOR DO CONTROLE PRÓPRIO

- Controlando a paixão
- Lm. 3.27 –Bom é para o homem suportar o jugo da
mocidade
- Fredar –Namoro sem compromisso para casamento.

III – FORÇA, ORAL É MAIS PODEROSA QUE A FÍSICA

- Pv. 20.29 –O ornamento do jovem é a sua força

IV – CONDUTA

- Conduta é o regimento do comportamento de bem ou mal


- Temor a Deus - Ec 12.13 – “De tudo o que se tem ouvido o
fim é, teme a Deus e guarda os mandamentos”
- Seguir o exemplo dos fieis

V – A CERTESA DA PRESTAÇÃO DE CONTAS

Jaime Bergamim
23

- E. 11.9 – “Tudo o que tiveres que fazer, faça, mas não


esqueça, de tudo isso Deus pedira conta
- O dia do juízo chegara para todos

CONCLUSÃO

Devemos manter uma vida pura com Deus, sabendo que


Deus ninguém se zomba, Deus um dia fará notório todos os
nossos feitos

Jaime Bergamim
24

ADQUIRINDO A BENÇÃO

Texto 2 CR 7.14-15

INTRODUÇÃO

O povo de Israel é o povo da promessa para adquirir as


promessas de Deus, através do pacto com Abraão conforme
nos registra Gn. 12, mas Israel foi desobediente e perdeu a
benção da promessa.

1-A DESOBEDIENCIA TRAZ CONSEQUENCIA

1 - Deus usa os ímpios para seu juízo


a - Foram cativos por várias vezes
- Pelos Assírios no ano de 722 -721 AC
- Pelos Babilônico
- Pelos gregos no século III AC
- Pelos Romanos no ano 70 AC - Lc 21.20-24
No ano 70 d.C. em cinco meses foram mortos 600 mil
judeus, a fome e a doença matou 500 mil, somando um total
de um milhão de Judeus.
Sobraram 97 mil Judeus Vivos

II - COMO ADQUIRIR AS BENÇÃO DE DEUS

1 - Que ele requer de nós


a - Humilhação
- O povo de Deus deve reconhecer seu estado
- Demonstrar tristeza pelo pecado
- Renovar o compromisso com Deus
- Reconhecer a pobreza espiritual
b - Orar
- Clamor com sentimento de alma
- Suplica intensiva de espirito
- Mostrar inteira dependência de Deus

Jaime Bergamim
25

c- buscar a minha Face


- Ansiar de coração a presença de Deus
- Isso é buscar a Deus continuamente
d - Converter de seus maus caminhos
- Arrependimento com sinceridade
- Renuncia completa do mundanismo
- desprezas os costumes antigos

III - RESPOSTA DE DEUS

1 - Depois das condições exposta por Deus a resposta de


Deus.
a - Ouvirei
- Os ouvidos de Deus não está agravado
- Ouvidos atentos a oração do meu povo
- A oração E a humilhação abrem os ouvidos de Deus
b - Perdoarei
- Nosso Deus é Deus de misericórdia, perdoa o coração
quebrantado
c - Sararei
- O mundo está enfermo pelo pecado
- Aterra está contaminada
- Deus que mandar chuvas de benção sobre o seu povo e dar
curar para a terra e para a alma

CONCLUSÃO

Deus colocou as benções a disposição de Israel, porém Israel


ainda continua na sua rebeldia. Deus escolhe nós os gentios
para ser a sua igreja. Quando ele disse que a salvação vem
dos Judeus, ele estava com isso dizendo que desta nação
sairia o Messias.

Tema Sugerido por


Pb. Dirceu Alves de Oliveira - Cascavel – Pr.

Jaime Bergamim
26

AO SOM DA TROMBETA VEM

Texto Joel
2.1

I - TOMBETAS “UM SINAL USADO PELOS


POVOS AO LOGO DOS SÉCULOS"
a - Sinal de Alerta
b - Sinal de levantar acampamento
c - Sinal de Marcha ou de parar a marcha
d - Sinal de Guerra

II - TROMBETA "UM SÍMBOLO MUITO USADO


NA BÍBLIA"

a - Como os meios acima descrito


b - como um sinal da presença de Deus
c - Um sinal do dia do Senhor
1º Dia da Vinda
2º Dia da Guerra

A - Para a Igreja
1º Sinal do Arrebatamento

B - Para Israel
1º Alerta
2º Prontidão para Guerra
""Derrota total dos inimigos de Deus""

Jaime Bergamim
27

AS PORTAS QUE SE ABREM

Texto Ap. 3.8

INTRODUÇÃO
Deus pai coloca através de Jesus seu filho porta que nos
conduz eternidade. Tomamos a chave da fé para abrimos
algumas dessas portas através de cristo

I – A PORTA ABERTA EM CRISTO

a- Salvação
b- A remissão
c- Justificação
d- Santificação

II – A PORTA DA GRAÇA

a- A lei apenas condenava o homem


b- A lei faz notória o pecado do homem
c- A graça veio para da condição ao homem, a entrar na
porta que conduz a vida eterna

III– PORTA DO DERRAMAMENTO DO ESPIRITO SANTO

a- Derramarei do meu espirito sobre toda carne


b- O espirito Santo abre porta que o homem não pode abrir.
c- O Espirito santo capacita e dá dons.

IV – A PORTA DO ARREBATAMENTO

a- Num piscar de olhos


b- Para a sala do banquete
c- Abre a porta da eternidade

Jaime Bergamim
28

CONCLUSÃO
Entraremos na porta aberta por Cristo através do véu
rasgando e sua carne ferida pôr nós

Jaime Bergamim
29

AS QUATRO MANEIRA PARA SE AMAR

Texto Jo 3.16

INTRODUÇÃO

No mundo em que viemos todos amam, uns menos e outro


mais, porém existe uma grande diferença entre o amor
verdadeiro e o amor fingido ou traiçoeiro. Vamos destacar
alguns desses amores

I - AMOR DIVINO

Do gr. Agapan ou Agap, esse é o amor divino com que Deus


amou o mundo, e que devemos amar uns aos outros.
Este amor deve estar em nós todos os instantes

II - AMOR PHILEM OU O SUBSTANTIVO PHILIS

Este é o amor de amigos para com amigos, o amor simples e


muitas de das vezes sem o amor cristão, é o amor do homem
para com o homem, amor sem Deus.
Para que esse amor seja real, ele precisa estar acompanhado
do amor agapan

III - EROS (substantivo) e do verbo ERAM

É o amor sensual
É o amor fingido
É o amor traiçoeiro
É o amor que satisfaz o desejo próprio (o amor livre)

IV - AMOR STORGE - Do Verbo STORGIEN

É o amor familiar, afeição familiar

Jaime Bergamim
30

É o amor de pai para com o filho, ou vice-versa

CONCLUSÃO

Devemos nos amar uns aos outros, como Cristo nos amou,
porém, é impossível amar quando não temos o amor cristão
em nossas vidas, quando não existe o amor agapan, os
demais serão apenas fingimentos.

Jaime Bergamim
31

AS RAPOZINHAS

Texto Ct. 2.15

INTRODUÇÃO

Na Síria próximo a Palestina onde Jesus nasceu, o produto


principal era das vinhas. Por isso que Salomão nesta
comparação ele faz menção da vinha que está em flor, e isso,
falando do seu relacionamento amoroso com a Jovem
Sulamita

I - A VINHA E A IGREJA DE CRISTO

-A Igreja do Senhor é uma vinha que está em flor


-No seu Matrimonio Salomão se Preocupa com essa vinha
que começa a florescer. Vinha em flor, crescimento espiritual
da Igreja

II - APANHAI -ME AS RAPOZAS

Zelo pela causa ou obra do mestre


Cuida com o pecado para não entrar na Igreja
Os pecados são raposas que entram na vinha

III - ALGUNS TIPOS DE RAPOZAS


1 - CIUME

a - Entre o obreiro
b - Entre as irmãs
c - entre a mocidade e a igreja em geral
2 - PREGUIÇA
Esta raposa tem tomado conta do nosso povo
Ela consome o ânimo de fazer algo para o senhor
Faz o povo chegar atrasado na igreja

Jaime Bergamim
32

Faz com que as pessoas façam as coisas relaxadamente


Ela compromete o ministério da igreja

3 – BRUTALIDADE

Falta de respeito até mesmo pelo companheiro de


trabalho

4 – FILGIMENTO

5 - FALTA DE AMOR

CONCLUSÃO

Deus quer que apanhamos estas raposas e


lancemos fora para que ela não seja prejudicada.

Jaime Bergamim
33

ATÉ QUANDO ISSO DURARÁ


Texto
Sl 74.9

INTRODUÇÃO

Nesta mensagem vamos ver a perfeita tipologia entre Israel e


a igreja, os duros momentos que ambos sofrerão e quem
sabe continuará a passar. Até quando isso durará é a triste
pergunta que estamos sempre a ouvir do da igreja que espera
por uma palavra profética e consolado dos santos homens de
Deus.

I - O DESVIO DO POVO

1 - Israel está aliando de Deus


- Perdeu conhecimento do juízo de Deus
Jr 8.7 "A Cegonha conhece seu tempo, a andorinha seu
tempo de arribação, mas meu povo não conhece
o juízo de Deus
Lm 2.9 - Jerusalém: " Derrubaram suas portas,
quebraram seu ferrolhos, seus príncipes e seus reis
estão entre as nações onde não há lei, nem acha visão
algum do Senhor os seus profetas."
2 - Israel clama
Jr. 8.20 - " Passou a sega e findou o verão e nós não
fomos salvos. "
- Sega é tempo da colheita e tempo de preparação
- Findou o verão. Fim do verão representa perigo
- No inverno quase nada se faz
- No inverno o povo não viaja, não de suas casas.
3 - Profetas sem visão
- Dura situação de um povo quando Deus não fala.
- Saul foi um homem quer perdeu o contato com Deus
- Quando cessa as profecias e as visões o povo
corrompe.

Jaime Bergamim
34

II - O CLAMOR QUE VEM DO POVO

1 - Até quando isso vai durar


- A difícil situação sem esperança
- Não havia profeta que os confortasse
2 - Situação atual
- A Igreja vive num comodismo, e alguém clama
- A ciência tomando lugar do Espirito Santo na igreja
3 - Fatos alarmantes torcendo a palavra
- Aparição dos Óvnis (extraterrestres)
- A teoria do big bem
a - Afirmam que a terra será governada por extras
terrestres. (Mentira)
b - A terra sim, será governada pelos santos arrebatados.
c - Afirmam que a terra veio da explosão big bem
(mentira). Uma farsa que torce os princípios bíblicos
Refutação
- Satanás a estrela que caiu do céu, destruiu a terra origina,
dando vazão a essa falsa teoria
Is. 14.12 - " Como caíste do céu ó estrela da manhã,
como foste lançada por terra".

III - DANIEL O PROFETA DE DEUS

1 - Levantando profeta
Daniel entendeu pelos livros que o tempo estava acabado ou
cumprido, conforme profetizado pelo profeta Jeremias (Jr
25.11).
Dm 9.2 "No ano primeiro de Dario, Daniel entendeu pelos
livros, que o tempo da assolação de Jerusalém havia acabado
- Daniel o Homem mui desejado
2 - Tempos atuais
- O tempo está cumprido
Mt 24.32 - Quando a figueira seus ramos ser tornar tenros, e
brotar folhas, sabeis que está próximo verão".

Jaime Bergamim
35

Cl 21.29-31 “Quando a figueira e todas arvores brotarem,


próximo está o verão.
Devemos olhar para o alto porque a nossa redenção está
próxima.
Em 1948 a figueira brotou em com elas demais nações
- Israel é o relógio de Deus

CONCLUSÃO

Esperamos só mais um poucochinho de tempo e o que há de


vir virá e não tardará, Cristo breve voltará, ficamos
apercebidos.
Até quando isso durará? Jesus breve vira, Aleluia, Amém.

Jaime Bergamim
36

ATÉ QUE PASSE A IRA


Mt 24.21
IS. 26.20

INTRODUÇÃO

Deus pai, ele nos ama e sempre nos guarda em seus braços
de eterno consolo, esperamos que dentro deste estudo,
possamos passar aos amados o consola igreja quanto a
Futura ira de Deus que se abaterá sobre os moradores da
terra. Porem a Igreja estará escondida nos camarotes de
Deus

II - A IRA DE DEUS NO PASSADO

1 - Deus faz pacto com um homem Justo


- A terra estava corrompida e cheia de violência
- Noé é alvo da misericórdia de Deus - Gn 7.1 - Entra tu e toda
tua casa na arca, porque te vi justo diante desta geração
- Noé entra na arca e Deus derrama a sua ira

2 - O primeiro Julgamento da ira de Deus


- Quando Faraó esteve com seu coração endurecido
- Deus manda Moisés esconder o povo em casa de baixo do
Sangue do Cordeiro Pascoal. Ex. 12.13 - E aquele dia
vos será por sinal. E não haverá entre vós praga de
mortandade, nenhum cão morrerá

- A praga de mortandade dos primogênitos não atingi Israel

II - A IRA DE DEUS NO PRESENTE SÉCULO

1 - Deus no presente século está irado com a humanidade

Jaime Bergamim
37

- Essa ira dura apenas um momento - Sl. 30.5 - Porque sua ira
dura só um momento, no seu favor está a vida.... O choro
pode dura uma noite, mas a alegria vem pela manhã.
- A manhã de Deus está preste a raiar.

2 - Os sinais da ira de Deus

- Guerras e rumores de Guerra, é apenas princípios de dores-


Mt 24.8 "Mas estas coisas são os princípios de dores"
-
III - O ARREBATAMENTO DA IGREJA E A IRA DE DEUS

1 - Livramento para a igreja

- Jl 2.32 - Mas todo aquele que invocar o nome do Senhor será


salvo, porque no monte Sião em Jerusalém haverá livramento

2 - A Igreja na glória

- Antes da grande tribulação Cristo arrebatará a igreja para os


quartos celeste
a - Verá como um relâmpago - Do Gr. Hapazometa, que
significar tirar a força
b - Verá como o ladrão - Do Gr. Harpazo, que significar tirar em
segredo.

3 - A igreja na Glória e a ira de Deus na Terra


- A Ira de Deus ainda não foi derramada, porque a igreja e o
Espirito Santo ainda está na terra II Ts 2.7 "Porque já o
ministério da injusta opera; somente há um que, agora, resiste
até que do meio seja Tirado".
- Continuando Paulo descreve no verc 8 a 11 e finaliza com ver
12 "Para que sejam julgados todos os que não creram na
verdade, antes tiveram prazer na iniquidade".
- Para a Igreja já passou o inverno da luta Ct 2.10-12 "Levanta
amiga minha, formosa minha e vem... passou a inverno e as

Jaime Bergamim
38

chuvas se foi...Aparece as flores na terra e o tempo de cantar


chegou, e a voz da rola se houve em nossa terra.... Levanta
querida minha formosa minha e vem ....
- Enquanto a ira de Deus estará sobre a terra no período da
Grande - Tribulação, a Igreja estará na sala do banque
nos quartos eterno de Deus. Ct. 2.4 "Levou-me à sala do
banquete e o seu estandarte em mim era o amor".

CONCLUSÃO

Breve estaremos nos quartos da eternidade Deus descansando


da ira vindoura.
"""O dia do Senhor vem Ardendo como forno .... Mas para
vos que temei o meu nome nascerá o sol da Justiça""" Ml
4.1

Jaime Bergamim
39

BUSCANDO A BENÇÃO NO LUGAR ERRADO

Texto
II Rs 5.7 e 10

INTRODUÇÃO

A benção de ver ser buscar no lugar errado. A benção


está em Israel, porém não estava no palácio com o rei.

II – NAMÃ O LEPROSO

1 Era chefe do exército da Síria

- Era grande, mas era leproso


- Usava várias roupas
a- Roupas para a sociedade
b- Roupas para o lar
c- Roupas para o trabalho
d- Roupas para o isolamento

2 – O enfermo sem valor

- Sua enfermidade lhe tirava o valor


- Há se, meu senhor, fosse ao profeta que está em Samaria,
ele restauraria da sua lepra.
- A menina conhecia o Deus que Namã não conhecia
- Namã era leproso e sem Deus.

II- SUA CHEGADA EM ISRAEL

1 –Foi ao rei

- Levava consigo uma carta

Jaime Bergamim
40

- Apresentou ao rei
- A benção não estava com o rei
- O poder de Deus não está nas mãos das grandes

2 – A revolta do Rei

- Rasgou as suas vestes


- Piorou a situação de Namã
- Além de leproso, a gora inimigo do rei

3 – Há Deus em Israel

- Deus não estava personificado no profeta, nem na terra


- Namã não disse o profeta me curou, mas sim: Deus me
curou

III– BUSCANDO A BENÇÃO NO LUGAR CERTO

1 – Deixai vir a mim

- Para reconhecer que em Israel há homem de Deus


- Para testar a obediência de Namã

2 – Da cura para o reconhecimento

- Reconheceu que Deus de Israel precisava ser adorado


- Levou terra para levar o altar

CONCLUSÃO

A benção não está em homens nenhum, mas estes podem


ser usados como canal para transmitir a benção a qualquer
que se reconhecer necessitado

Jaime Bergamim
41

A CHUVA DO AVIVAMENTO

Texto
I Rãs 18.38-41

INTRODUÇÃO

Podemos chamar Elias de O homem do avivamento,


porque diante da sequidão espiritual de Israel, Elias se
manteve firme e inabalável, sustentado Por Deus, junto ao
Ribeiro de Querite na fronteira do Jordão (leste).

I - O QUE É AVIVAMENTO

1 - É voltar ao caminho da obediência

- Israel Tinha desobedecido a Deus, ao ponto de


Adorar Baal.
- Lembra-te de onde caíste e pratica as primeiras obras

2 - Conversão com profundo arrependimento

- Com conversão exterior jamais virá o avivamento


- É retornar ao primeiro amor

3 - É Deixar os deuses estranhos

- Jacó depois de encontrar com Deus em Jaboque, foi


a Betel e tirou todos os Deuses estranhos de sua Casa

4 - É reconciliação vertical e horizontal

III - CAUSA DA FALTA DE AVIVAMENTO

1 - O afastamento de Deus

Jaime Bergamim
42

- Quando afastamos de Deus


- Quando afastamos de seus mandamentos
"Eu não tenho perturbado Israel, mas tu e a casa de teu Pai,
porque deixaste os mandamentos do Senhor” I Rs 18.18
- Quando povo está dividido (coração) entre Deus e o mundo
"Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o Senhor
é Deus Segue-, se é Baal segue-o" I Rs 18.21
- Quando a idolatria está presente na vida do Cristão
a - Idolatria é tudo o que ocupa o lugar de Deus
b - Idolatrar o pastor, um irmão, um departamento
na igreja, um bem material.

III - ALTAR QUEBRADO

1 - Elias foge quando o altar foi quebrado

- Com altar quebrado não avivamento


a - Altar da oração
b - Altar da comunhão com o próximo e com Deus

2 - O zelo do profeta em nada adiantou

- Elias reclamou "Tenho sido zeloso´


a - O Pastor pode ser zeloso, mas o altar tem que
Estar consertado.
b - Três anos e meio sem chuva, mas Elias continuou
zeloso.
c- O Zeloso do pastor, para promover o avivamento
depende de nosso altar estar em ordem.

3 - Quando os profetas morrem

- Mataram os teus profetas - I Rs 19.10


a - Para Elias os profetas tinham acabado

Jaime Bergamim
43

4 - Quando o homem de Deus se esconde

- Elias Estava escondido, e fugitivo


´´E Disse Deus: Sai, e põe te neste monte, perante o Senhor
´´

5 - Só haverá avivamento quando voltamos

- Elias precisou voltar o seu caminho


´´Volta o teu caminho Elias´´ I Rs 19.15

CONCLUSÃO

Ainda nestes últimos dias, estamos vivendo como o tempo do


profeta Elias: Altar quebrado, profetas morreram, e outros
estão escondido, mas Deus sussurra o nome de cada um:
Levante o altar, levante-te dentre os mortos, saia da caverna,
porque é tempo de avivamento. Estamos na etapa final da
igreja, e os profetas de Baal vai ser mortos. O tempo da
sequidão acabou e o ruído de abundantes chuvas já podemos
ouvir.

Jaime Bergamim
44

DEIXA O FOGO DESCER OUTRA VEZ

Texto Bíblico
I Reis 18.38

INTRODUÇÃO

Para Deus operar e preciso fazer a nossa parte


Elias Fez a Parte Dele

I. FOGO DO SENHOR

1-Fogo que não é de Deus.

- Há muito fogo estranho por aí


- Fogo de Palha
- A Onda de imitações, o Diabo imita até as línguas
estranha
- Nos temos o a unção e sabermos descirnir tudo
2 - A Igreja foi inaugurada no fogo
- Nasceu no calvário
- Precisamos saber o que Deus está fazendo aqui
- La fora o diabo faz tudo, mas ele não tem poder
3 - Deus ainda não falou comigo
- Você está no lugar que Deus te Quer
- Porque fica discutindo com Deus
- Fique na direção de Deus.

II- MOVIMENTO PENTECOSTA É MOVIMENTO DE PODER

1 - Em dois aspectos:

- Como bomba para explodir corações e as pedreira do


diabo

Jaime Bergamim
45

- Quem não tem o Espirito Santo, prepare para correr do


diabo
- Ser pregador é fácil o difícil é ser profeta, profeta é
perseguido
- O ministério de João durou pouco, ele não tinha papa na
língua, falava a verdade.
2 - Deus precisa levantar profetas
- É precioso pagar o preço
- É preciso levantar o altar
3 - O movimento espiritual da Dons
- Há dons naturais
- Há dons Espiritual, nós temos este privilegio, Deus nos
capacitou c/ o Espirito Santo.
4 - O movimento Pentecostal é um movimento de Sabedoria
- Ele é movimento de Poder
- Porque Deus está no trono, ele é a sabedoria por
excelência
- Não é um movimento enganador.

I V - MUITOS NÃO QUEREM QUE O FOGO CAI NA IGREJA

1 - Porque não querem ver os seus pecados revelados

- Arrependimento e mudança de atitude é a exigência para


o fogo cair
- A Dracma perdida dentro de Casa - Foi preciso fazer uma
mudança em casa
- Quando se faz mudança sempre se encontra algo que
estava perdido

2 - Ser Crente de Verdade p/ o fogo descer outra vez


- Ser Crente por Dentro - Genuinamente arrependido
- Ser Crente por fora é muito fácil, tem apenas o rotulo,
mas não tem o conteúdo.
3 - Batismo significa imersão
- Mergulhe neste rio de águas viva

Jaime Bergamim
46

- mergulhe no poder de Deus

4 - É tempo de cair as máscaras


- Quando a máscara cai nos sabemos quem é quem
- A igreja está em uma falácia por causa das máscaras
5 - Preocupem com as coisas de Deus

- Casados preocupa com as coisas p/ o esposo ou P/


esposa
- Os solteiros se preocupam com a coisa do Senhor.

V - SER IMPORTANTE PARA DEUS

1 - Quem é importante para Deus?


- Não são os que têm técnica
- Não é ser pregador
- O importante para Deus é ser cheio do espirito Santos

2 - Deixe o fogo cair outra vez


- Quando o fogo cai, a lenha pode ser verde, mas ela vai
ser queimada
- Quando o óleo desce a ferrugem sai

CONCLUSÃO

Seja Cheio do Espirito Santo deixe o fogo descer outra vez


sobre a sua vida. Chega de vida vazia sem poder sem graça,
retire a máscara e mostre
sua face para Deus. Deixe de dar trabalho para o obreiro.
Só dá trabalho a Obreiros, o crente vazio, com uma vida
sem graça e vazia. Precisa de um evangelho puro cheio de
poder.
A igreja não é uma falácia como muitos pensam, ela é
poderosa. Sempre foi poderosa nasceu no Calvário, foi
inaugurada no Pentecoste, e continua espalhando as brasas
do Espirito Santos no mundo

Jaime Bergamim
47

DOIS ENCONTROS COM DEUS

Texto Am 4.12

INTRODUÇÃO

O homem vive sempre distante de Deus por natureza


pecaminosa, porém Deus está sempre em busca de uma
oportunidade para encontrar com esse homem.
Há pelo menos dois encontros que o homem precisa Ter com
Deus, um encontro amigável e outro para acerto de contas.

1 – PRIMEIRO ENCONTRO AMIGÁVEL

1 – Para dar à homem oportunidade

- O Homem está sempre fugindo de Deus


- Vinde a mim todos que estais cansando a oprimido
O Encontro de Jesus com a Samaritana
- Transformou a vida desta mulher
- Revelou para ela o seu pecado
- Fez dela uma missionária
Encontro de Jesus com Zaqueu
- Trouxe arrependimento
- Mudança de atitude em sua vida
Encontro de Deus com Noé
- Faz para ti uma arca
Encontro com Abraão Faz duas promessas
- Em Gn 17.1 – Anda em minha presença e se perfeito
- Gn 17.6 – Nações e reis procederão de ti

Abraão nos carvalhais de Manre faz duas revelações


- Gn 18 Voltarei daqui um ano e Sara tua mulher terá um
filho.
- Deus revela que vai acerta conta com Sodoma e gomorra.
Gn 18.17-Ocultarei a Abraão o que estou para fazer.

Jaime Bergamim
48

Deus encontra com Moisés em Horebe

- Para comissiona ló Ex: 3.7 Vi a aflição do meu povo que


está no Egito e ouvi o seu clamor.
- Ex; 3.10 –Vem agora e te enviarei a Faraó, para que tires
o meu povo, os filhos de Israel do Egito.
-
2 – Feliz o homem que Deus acerta conta em tempo

- Deus fez acerto de contas com Ló


- Deus fez acerto de contas com Sansão
- Deus fez acerto de conta com Pedro
- Deus fez acerto de contas com Tomé
-
II – SEGUNDO ENCONTRO COM DEUS.

1- Para acerto de contas

No Cap 7 de Amos Deus deu duas Chance para Israel


- Amós 7.1 Gafanhotos sobre a terra – Amós ora e Deus retira
- Amos 7.4 – Um fogo que consumia tudo - Amós ora e
Deus retirar a praga.
- Amos 7.8 – O Plumo – Deus agora entra em juízo com
Israel, é hora do acerto de contas

Não houve arrependimento


- Foram para os setenta anos de cativeiros
- Não podia sequer louvar a Deus em terra distante
Cantai o cântico de Sião

3 – Acerto de contas na Eternidade

- Ap 20.11 – Satanás é derrotado – O Diabo sedutor deles,


foi lançado para dentro do lago de fogo.

Jaime Bergamim
49

- O Grande Trono branco. Ap 20.11 – Vi um grande trono


branco e aquele que nele assentava, de cuja presença
fugiu a terra e o céu e não se achou lugar para ele.

4 –A igreja já acertou as contas no tribunal de Cristo

- . Entrou para a gloria


- Festejou no banquete
- Gozou o milênio
- Entrou para a eternidade.

CONCLUSÃO

Com difícil será para aqueles que não tiver um encontro com
Deus nesse tempo chamado tempo da graça, pois não haverá
uma Segunda chance. O último acerto será para condenação.
Que Deus no de muitos encontros amigáveis. Amém.

Jaime Bergamim
50

O ENCONTRO DE JACO

Texto GN. 32. 22 a 29

INTRODUÇÃO

O nome de uma pessoa no antigo testamento muito tinha


Há haver com o seu caráter e personalidade e sua moral
a - Jacó Foge de Seu irmão, engana seu pai. Enganador não
tem paz.
b - O sonho em Betel, a escada que toca ao céu
c - Jacó ergue uma coluna, e derrama azeite sobre ela
d - Deus Faz Promessa a Jacó Gn.28.14-a tua semente será
como o pó da terra.
e - Jacó faz um pacto com Deus: Tudo que me deres darei o
dízimo Gn 28.22.
f - De enganador para enganado.

I - CARÁTER DE JACO

1 - Jacó o Crente Carnal

a - Trabalhador - Gn 31.41
b - Afetuoso - Gn.29.18
c - religioso - Gn 28.10,20
d - Problema de Caráter - enganador, oportunista e
ganancioso
c- Precisou encontrar se com Deus, para mudança

II - JACO E O RECONHECIMENTO DO SEU ESTADO

1 -O Seu Reconhecimento

a - Na terra de Harã na mesopotâmia


b - Reconheceu que não podia continuar mais como estava
c - servia seu sogro, mas não tinha o reconhecimento

Jaime Bergamim
51

d - Desejou voltar a casa paterna

2 - Insatisfação pessoal de Jacó

a - Ele sabia que ali não era o seu Lugar Gn 31.3 - Deus
manda Jacó retorna a sua terra.
b - A insatisfação interior de Jacó: tinha prosperado, na terra
de seu sogro, mas não era tudo que ele queira, Deus
Tinha
Algo melhor.

3 -Sua Insatisfação espiritual

a - Ele precisa de uma satisfação que espiritual que só


conheceu através da religião. Porém, agora precisa de
Conhecer Deus, precisava de um encontro pessoal com
Deus.
b - Religião não era o bastante para ele era muito formal.

III - SUA DECISÃO

1 - O Conflito da decisão

a - Toda reconciliação com Deus existe um conflito, entre a


força humana e a força espiritual.
Lutou com sua força, o Anjo deixou para ver até onde
Jacó ia com suas forças humanas.
b - Jacó no vale: Nas cadeias da Montanha de Giliade a 70
Km ao Sul do mar da Galileia, 38 Km do Mar morto, o rio
Jaboque despeja suas águas no rio Jordão no lado
Oriente.
c - Vale - Lugar de solidão: Jacó entra em estado de solidão,
Deus muitas vezes que falar conosco nu vale, no deserto,
enfim em muitos lugares que achamos não encontramos
com Deus.

Jaime Bergamim
52

2 - Momento da reconciliação

a - Antes de reconciliar com seu irmão Jacó precisou


encontrar com Deus, caso contrário teria sido assassinado
pôr Isau e seus 400 Homens.

b - Seu Nome é mudado: Quando reconciliamos com Deus há


uma mudança interior, e essa reflete o interior.

IV - VOLTA AO MARCO ANTIGO.

1 -Volta de Jacó a Betel.

a - Deus manda Jacó voltar a Betel e Edificar um Altar


b - Até então Jacó só tinha levantado coluna
c - coluna fala de marcos, início ou divisão
d - Jacó Tinha um Marco, tinha um início de Vida, mas não
tinha Altar.

2 - Mudanças na vida de Jacó

a - A Mudança física na vida de Jacó - a luta implicou


esforço, e nesse esforço puramente humano, Jacó saiu
ferido.

b - Mudança Moral na Vida de Jacó: o valor de seu nome


De enganador, para campeão com Deus.
c - Mudança espiritual.
Passou a edificar um altar, pós fora os ídolos e adorou a
Deus

CONCLUSÃO

Quando Deus transforma o homem, ele transforma pôr


completo, o exterior, o interior, envolvendo, físico, moral e
espiritual. Coloque um novo marco em sua vida e levante m

Jaime Bergamim
53

altar para adoração, seja um campeão com Deus, Vença com


a força do Espirito Santos

Jaime Bergamim
54

ENTRANDO NO SANTUARIO

Sl 73.17

INTRODUÇÃO

Quando entramos no santuário de Deus algo de especial


acontece, Deus tem encontros marcado com homem no Seu
santuário. Muitos homens de Deus tiveram encontros com
Deus no Seu santuário.

I - SEU NOME ESTÁ NO SANTUÁRIO

1- É o lugar escolhido por Deus para ele ser cultuado

- Dt 12.6 O povo é convidado adorar a Deus com dízimos,


com votos, com sacrifícios e ofertas voluntárias, e isto na
instituição da páscoa.
- No santuário nos alimentamos
- Habitação do Senhor ""Ex 26.8 E me farão um santuário, e
habitarei nele"".

2 -O sacrifício da páscoa

- Quando Israel saiu do Egito, Deus mandou sacrificar a


páscoa no lugar onde habitava o seu nome -Dt 16.6
- Não podia ser em outro lugar Conforme Verc 5

3 - Lugar de benção

- Bem-aventurado os que habitam em suas Casa, louvar-te-ão


continuamente - Sl 84.4
- Sl 22.4, faz certa referência a Jerusalém quando diz""
Sobem as tribos para darem glória ao seu nome, pois ali
estão os tronos do juízo, os tronos da casa de Davi""

Jaime Bergamim
55

- Alegrei me quando me disseram: vamos a casa do Senhor


Sl. 122.1

4 - Refúgio na dificuldade

Quando Senaqueribe, desafia o rei Ezequias, ele entra no


santuário de Deus e faz uma intercessão.
- Is 37.14 - ""Leu a carta e subiu a casa de Deus e
estendeu-a perante o Senhor""

II - ENCONTRO DE ISAIAS NO SANTUÁRIO

1 - Isaias e sua experiência com Deus no Santuário

- No verso 6 ele vê a glória de Deus


- Séquito (Cortejo, comitiva) enchia a casa"
- Viu o Senhor num alto e sublime trono
Quando entramos no santuário temos visões de Deus
Vemos a glória de Deus
- No santuário os anjos estão presentes
- No santuário somos purificados
- Brasas vivas saem do altar ao no ministrar do anjo
- É no santuário que recebemos o chamado para obra

2 - Morrendo o Uzias da vida

- No ano que morreu o rei Uzias


- O Uzias do sossego e da tranquilidade
- O Uzia do desanimo.

III - ENTRANDO NO SANTUÁRIO

1 - Porque lá está a presença de Deus

Davi sente a necessidade de estar no santuário para ver a


glória de Deus.

Jaime Bergamim
56

- Buscarei de madrugada, minha alma tem sede de ti, para ver


a tua fortaleza como te vi no santuário "Sl 63.1-2”.
- Quando Salomão faz a inauguração do templo, a glória de
Deus encheu o templo 2 Cr 7.1-2
- Porque a arca é introduzida no santuário. Ela é símbolo da
presença de Deus.

2 - No santuário está santidade de Deus

A simbologia dos querubins voltado para o propiciatório,


implicava na santidade de Deus
- Na arca esta as tábuas da Lei quebrada pelo homem
- Os querubins voltado para a arca queria dizer "O homem
pecou tem que morrer"
- No santíssimo lugar o homem não podia entrar, nem
mesmo o sacerdote se esse estive em falta com Deus.
- Para entrarmos no santuário é preciso de comunhão com
Deus, se quisermos termos encontros com Deus.

CONCLUSÃO

Como Salmista que para compreender ao que para ele


parecia uma injustiça social da parte de Deus, nós também
precisamos entrar no santuário da comunhão com Deus para
entendermos os propósitos de Deus para conosco num
mundo de tantas diversidades.
Entramos nos santuários e encontraremos com Deus. Amém.

Jaime Bergamim
57

ESPERANDO O MOVER DAS ÁGUAS

Texto Bíblico Jo. 5.3

INTRODUÇÃO

Nos dias em que estamos vivendo há muitos que estão como


aquele paralítico, esperando o mover das águas, para que
alguém o lance no tanque. Durante está mensagem se lance
nas águas do Espirito Santo, porque ela já está sendo
movimentada.

1 - MOVIMENTO ORGANIZACIONAL

1 - Sistema de trabalho nas igrejas

Alguém está esperando para ver se vai dar certo


É preciso nos lançarmos neste movimento espiritual
Muitos trabalhos na igreja não chegam nem começar,
porque eu e você estamos esperando o para ver se vai
dar certo ou não.

II - ACABANDO COM MOVIMENTOS HUMANOS

1 - Quantos estão esperando movimentos de homens

Os coxos espirituais
Surdos espirituais
Os debilitados espirituais

III - QUANDO O ESPIRITO SANTO MOVIMENTO

1 - Quando o Espirito Santo é o agente desse movimento

Ele movimenta os corações


Ele movimenta a Igreja

Jaime Bergamim
58

Ele promove o avivamento nos crentes


Quando o Espirito Santo movimento as máscaras caem

CONCLUSÃO

Não espere as coisas acontece para depois entrar no


movimento, porque poderás ficar para traz, a benção era
para o que desce primeiro.

Jaime Bergamim
59

ESTER“AORFÃ QUE SE TORNOU RAINHA”

EST. 2. 7 E 17

INTRODUÇÃO

O Belo exemplo de Ester, como uma serva de Deus,


em terra estranha peregrina em terra estranha cativa.
Assim é a igreja no mundo, peregrina, porém, muito
em breve, seremos esposa do rei Jesus.

I - ESTER A FILHA ORFÃ

1 - Seu nome

a - Hadassa - que significa “Murta”, era uma arvores.


Derivado do Hebraico hadhas Ramos desta árvore foi usado
para construção das barracas na festa dos tabernáculos
quando voltaram do cativeiro de Babilônia, aprox. 30 a 40
anos antes de Ester entrar em cena em Susã. NE.8.15
b - Ester - Significa Estrela, é um nome Persa, derivando
STAM. Este nome está relacionado com a suprema deusa
ISTAR, da Babilônia, a estrela da Babilônia
- Isto se relaciona com a Igreja de Deus, como luz do mundo

2 - A igreja era como Órfã

Assim como Mordocai (Mordoqueu) adotou a Ester,


Cristo Adotou a Igreja Ester era uma escrava - Nós éramos
escravos do pecado. Ester não tinha Autonomia para entrar a
presença do Rei, A igreja também não tinha. O Véu da
Separação foi rompido.

II - HAMÃ

Jaime Bergamim
60

1 - Era descendente dos amalequitas, tinha escapado por ser


descendência real na perseguição de Saul.
2 - Odiava o Povo de Deus (EX. do Diabo que odeia a Igreja)

III - SÍMBOLO DE SATANAS

1 - Armou cilada contra os Judeus. Foi vencido, e proclamou


a vitória de Mordoqueu

IV - MORDOQUEU - O CRENTE VITORIOSO

1 - Tornou se Príncipe
2 - Fez julgamento dos seus Adversário
3 - Recebeu o anel do Rei, como autoridade e
propriedade de Deus
4 - A Igreja Vence os Inimigos, porque tem o anel como
selo do Espirito Santo o Filho Pródigo recebeu o Anel, como
Selo de Propriedade, ou seja, como filho legitimado na
Herança do Pai.

CONCLUSÃO

Sendo fiel o crente jamais será vencido. A vitória nossa


depende do que somos com Deus e com a sua palavra.

Jaime Bergamim
61

FORTALECIDO NAS GRAÇA

Texto
2 Tm 2.1

INTRODUÇÃO

A graça é favor não merecido, e quando recebemos algo que


não merecemos, nós ficamos alegre e isso nos dá uma certa
força de vontade para realizarmos algo a mais. Paulo tinha
razão de sobeja para encorajar o jovem Timóteo com
respeito a fortalecer na graça que há em Cristo Jesus
esperança nossa.

I - A GRAÇA QUE FORTALECE

1 - Fortalecimento na infância

- Ensina o menino no caminho que deve andar Pv 22.6


- E crescia o Menino (Jesus) e se fortalecia, enchendo de
sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele Lc 2.40

2 - Bom princípio na infância

Todo adolescente traz um princípio ético de vida herdado


de alguma forma, vejamos
2 Tm 1.5
1º - Fé não fingida que há em ti
2º Habitou primeiro em sua vó Loide
3º Habitou em sua mãe Eunice
4º Estou certo também que habita em ti
- Esse fortalecimento esta embalsado na fé que opera em
nossos corações

3 - Suficiente para toda necessidade

Jaime Bergamim
62

- A minha Graça te Basta …portando de boa vontade me


gloriarei nas minhas fraquezas, para que em habite o poder
de Cristo Ef. 4.7
- A graça é fonte de todo poder 2 Tm 2.1 (texto tema).

4 - Ela é o meio de salvação

- Cremos que somos salvos pela graça. At. 15.11


- Ser Salvo é ser fortalecido

5 - A graça é o tônico dos nervos espirituais


- a minha graça te basta, o meu poder se aperfeiçoa na
fraqueza - 2 Co 12.9 Seja fortalecido na graça

II - FORTIFICADO NA PALAVRA

1 - No velho testamento

- Bem-aventurado aqueles que trilham caminhos retos e


andam na lei do Senhor. Sl 119.1
- Para que a lei do Senhor está em tua boca, porquanto com
mãos fortes o Senhor te tirou do Egito. Ex. 13.9
Mãos forte, fala da graça que nos fortalece, o qual procede
das mãos do Senhor

2 - No novo testamento
- É alimento
- Alimentando com a palavra da fé e da doutrina que tens
seguido. I Tm 4.6

CONCLUSÃO

Sejamos fortalecidos no senhor, e na força do seu poder,


somente assim seremos mais que vencedores. A vitória só
pertence aos fortes. -+

Jaime Bergamim
63

Ser fortalecido equivale a ser alimentado da palavra munido


com a graça e revestido no poder do Espirito santo, que dá
como resultado a vitória. Sejamos fortalecidos e vitorioso por
Cristo Jesus esperança dos salvos.

Jaime Bergamim
64

HÁ UM REPOUSO
Texto
Dn. 12.13 Hb. 4.9

INTRODUÇÃO

A expressão repouso na bíblia sempre está relacionado com o


estado eterno do homem, sua salvação, pois foram do plano
de aceitação à Cristo não há nenhum repouso.

I - REPOUSO PARA DANIEL

A - Deus revela mistério para Daniel


B - alguns mistério ficaram selados para o fim
C - Deus consola Daniel: vá até o fim
E - Esse segredo de Deus não para o tempo presente de
Daniel.

II - REPOUSO PARA O POVO DA PROMESSA

A - Israel era o povo da promessa. Sua historia


começa com Abraão.
B - Israel Sai do Egito em busca da terra prometida
c - Promessa de ser uma grande nação, esperaram um
descanso.

III - RESTA UM REPOUSO

A - Resta um repouso para o povo de Deus. Hb. 4.9


b - Aquele que persevera até o fim será salvo Mt. 10.22
c - Não entrarão no meu repouso Hb. 3.11

CONCLUSÃO

Jaime Bergamim
65

A igreja aguarda o eterno repouso, após o arrebatamento,


entraremos no eterno descanso. Vinde bendito de meu pai,
possuir pôr herança...

Jaime Bergamim
66

INSTRUMENTOS QUE DEUS USA

Texto Jz 7.22 Ex: 4:21

INTRODUÇÃO

Deus como seu instrumento aquilo que nós pensamos que ele
não vai usar. Coisas que parece insignificante para o homem
natural, mas que para Deus é um instrumento vivo.
- Uma vara
- Cântaro
- Buzina

I – A VARA NA MÃO DE MOISÉS

1 – O que é uma vara

Choter – Gr – Um rebento Is 11.1 – Raiz de Davi, trinco de


Jessé – Ref a Jesus (Pl aparece duas vezes na Bíblia: Pv.
14.3 e Is 11.1
Maqquel –Gr – Usada como Sinal – Usada 18 vezes
Gn 30.37 –Então tomou Jacó varas de álamo
Jr 1.11 - .. Eu disse: Vejo uma vara de amendoeira ... Viste
bem, eu velo pela minha palavra para cumprir.
Matteh – Gr – Simbolizando o bordão – usada sessenta e
cinco vezes nesse sentido - Representando liderança.
Nr 17.6 .. Uma vara para cada maioral, segundo a casa de
seus pais, doze varas, e avara de Arão estava entre as suas
varas
Mq. 6.9 – A vos Senhor clama a cidade, e o sábio verá o teu
nome: ouvi a vara e quem a ordenou.

2 – A vara de Moisés

- Moisés um líder do povo de Deus


A vara da operação de milagres
- Virou serpente

Jaime Bergamim
67

- Feriu a rocha e saiu água


- Representa autoridade – Ex 4.20- ... Moisés tomou a vara
de Deus na mão.
Antes do chamado ela era de Moisés, depois do chamado ela
pertence a Deus.

2 – A vara que dá direção

- Representa a palavra de Deus que nos guia através do


Espirito Santo Sl 119.105-Lâmpada para meus pés é a tua
palavra e luz para o meu caminho.

II – A BUZINA

Pode ter mesmo significado de trombeta


- Sinal de arrebate
- Alarme
-
1- Buzina de Gideão

- Tudo do que tinham que fazer era tocar a buzina


(trombeta)
- Esse era o som festivo para Israel
Sl 89.15 – Bem-aventurado o povo que conhecer o som
festivo...”
2 Sm 5.24 E ouvindo tu estrondo de marcha pela....
- Para Israel era o som festivo, para os medianitas, terror e
espanta.
- A Igreja vai sair ao som da trombeta – Co 15.52 Num
momento num abrir e fechar de olhos, ao som da última
trombeta, porque a trombeta soará, e os mortos
ressuscitará incorruptíveis, e nós seremos transformados.
- Várias trombetas soaram, essa porem marcara o final da
história e selara o arrebatamento da igreja.

Jaime Bergamim
68

2 – Levantar acampamento
- É o sinal de partida
- A igreja em breve vai partida

III – CÂNTARO

1 – O cântaro E o crente

- Cântaros os vasos – Hb kad – Que significa aprofunda ou


tirar água de um poço
- Nós somos vasos frágeis, mas quando esse vaso está
nas mãos de Jeová e é quebrado ele se torna uma
benção
- O Cântaro nas mãos dos trezentos valentes só teve valor
depois de quebrado
-
2 – As tocha

- O Cântaro só foi valioso porque tinha tocha de fogo


acessa dentro dele
- O crente é um vaso que conte o fogo do Espirito Santo
dentro.
- O crente é um vaso que precisa ser quebrado para que o
Espirito Santo apareça em sua vida.
Ef 5.18 – Não embriagueis com vinha em que há contenda,
mas enchei-vos do Espirito Santo.
- Enchei o vaso do Espirito Santo para que possa vencer os
medianitas de nossos dias.

CONCLUSÃO

Gideão não seria vitorioso se não houvesse vasos e fogo.


Quando o crente é um vaso e é cheio do espirito santo, o
diabo vai correr e a vitória é certa, porque o Deus de Gideão
ainda opera em nosso meio.

Jaime Bergamim
69

JARDIM FECHADO
Texto
Cl 4.12

INTRODUÇÃO

Quando somos jardim, estamos espreitados pelo nosso


adversário que procura destruir esse jardim. A flor lhes
incomoda

FUNDO HISTÓRIOCO

A sulamita era uma princesa Árabe, descendente de Ismael


filho de Abraão com Hagar
Pertencia a tribo de quedar, povo que não fazia partes das
promessas feito a Abraão.
A escolha de Salomão, típica a escolha que Cristo fez pela
igreja gentílica.

I - JARDIM FECHA

1 - A responsabilidade com a vinha Mt 21.33

- Um homem plantou uma vinha


- Circundou de um valado
- Edificou uma torre
- Arrendou a vinha
- Ausentou para longe
2 - O jardim requer cuidado

- Temos de regar I Co 3.6 - Eu plantei Apolo regou, e Deus


deu o crescimento.
- Podar - Is 5.6 - Fala de uma vinha não podada, e nem
cavada

- Adubar e dedetizar

Jaime Bergamim
70

3 - Estranho não entra no jardim fechado

- Apanhai-me as raposas Ct. 2.5 - Coisas Grandes


- Raposinhas - coisas pequenas
- Vinha está em flor

II - A IGREJA É A PLANTAÇÃO DO SENHOR

1 - Plantada junto ao ribeiro - Sl. 1.

- Da fruto
- Produz fruto da carne (mundo)
- Crente produz fruto do Espirito
- Produzir frutos dignos de Arrependimento - Mt 3.8
2 - Testemunho produz Fruto
- As raposinhas que entram no jardim
- Inveja
- Ciúmes
- Contenda
- O ódio
- Só pode ter testemunho quem está plantado no jardim
- Os que estão plantados Fora do jardim, produz frutos
amargos, porque não são cuidados

3 - Quando a planta do jardim não produz fruto

- Corta arranca, para não ocupar o terreno inutilmente.


- A ordem é arrancar.
- O mordomo quer deixar: vai escavar e estercar
- Se der fruto fica, senão corta.

4 - Ramos atrofiados

- Na planto do jardim não pode haver esse ramo


- Jo 15. - Toda vara em mim que não der fruto, corta, e limpa
a que da, para que produz mais.

Jaime Bergamim
71

- Jo 1.6 - Se alguém não está em mim, lança fora.


- Limpar os brotos machos que parem ser reais
5 - Substancia necessária para jardim
- Água - Junto ao ribeiro de águas vivas
- Luz - Lâmpada para meus pés é a tua palavra Sl. ll9.105
- Calor - Sol faz aquecer o jardim - O sol da justiça tem que
aquecer o jardim do Senhor - Ml. 4.2

III-A FIGUEIRA PRECISA PRODUZIR FRUTOS

1 - Quando a figueira não produz

- A Reação ver a reação do mestre


- A Figueira só tinha folha Mt 21.19
- A sentença - Nunca mais nasça fruto de ti
- Imediatamente secou
- São as plantas de aparência que existe na igreja

2 - Figueira seca temos que arrancar do jardim

- Pecado faz a planta morrer


- Pecado adoece a planta, contamina o jardim
- Planta morta acumula insetos para o ano seguinte
- É preciso chamar o agrônomo do céu para limpar

CONLCUSÃO

Deus é o agricultor, o Espirito Santo nos cultiva e dá


crescimento ao jardim do Senhor

Jaime Bergamim
72

JUNTO A ARCA
Texto
I Sm 3.3

INTRODUÇÃO

Segundo os historiadores, Samuel estava deitado próximo a


arca do Senhor quando Deus fala com ele. Vamos ficar junto
a Arca.

I - JUNTO A ARCA

- A arca era de madeira


- Dentro dele está, as duas tábuas da lei
- Estava o pote de Mana
- Junto a arca é símbolo de esta na presença
de Deus.
- A Arca apontava a direção
- As visões eram raras, naquela e época

II - ANTES QUE A LAMPADA SE APAGUE

- Deus procurou falar com Samuel, enquanto


a lâmpada está acesso
- Ainda havia óleo no candeeiro
- O óleo deu para toda a noite
Tristeza pode durar uma noite, mas a alegria
vem pela manhã.

III-JUNTOA ARCA SOMOS COMISSIONDOS

- Samuel recebeu a mensagem profética junto


a presença de Deus
- Deus não fala comigo
- Fique junto a Arca, e ouça Deus Falar

Jaime Bergamim
73

CONCLUSÃO
Antes que a lâmpada da esperança de vida se apague Deus
que falar contigo.
Reabasteçamos nossas lâmpadas, para passarmos a noite,
porque vem raiando o novo dia.

Jaime Bergamim
74

LEMBRANÇA QUE DA ESPERANÇA

Texto
Lm 3.21
Lm 3.31

INTRODUÇÃO

Jeremias é considerado para os teólogos como o profeta das


lagrimas.
Em lamentação que encontramos um dos trechos mais belo
da Bíblia, Lm 3.21-42 Neste trecho são expressos a
esperança de um povo envergonhado. Lamentações é lido no
aniversário da destruição de Jerusalém em 09 de agosto pelo
Gen. Tito
A Bíblia Hb. Chamada de Hagiógrafos possui três livros
(Salmos, provérbios e Jó)
Lamentações faz parte do segundo chamado de Megilloth ou
os cinco rolos, que são lidos nas seguintes festas
Cantares - Lido na Páscoa
Comemoração da saída do Egito
Rute - lido no Pentecostes
Comemorado cinquenta dias após a pascoa também
chamada de festa das semanas
Eclesiastes - Lido na festa do Tabernáculo
Ester - Lido nas festas de Purin
Estabelecido Por Mordoqueur lembrando o livramento que
Deus deu a Israel Por meio de Esterno corte do Rei
Lamentações - Lido em 09 de agosto - Destruição já citada
I - A DESTRUIÇÃO D EJERUSALÉM
1 - Tornou o Senhor como inimigo - Lm 2.5-6
- Jeremias lamenta que Deus:
Deus devorou Israel
Devorou todos os seus palácios destruiu as fortalezas
(referindo o templo e a cidade) destruiu o lugar de sua
congregação

Jaime Bergamim
75

Pós Sião em esquecimento


Multiplicou a sua dor
2 - Fundo histórico
Em 605 e 597 - Nabucodonozor invade Jerusalém - Leva os
nobres
- Deixa o Rei o rei Zedequias no trono de Judá como homem
de confiança
- Zedequias trai essa confiança - Faz aliança com o Egito para
lutar contra Babilônia.
3 - A confiança do povo nas fortalezas.
- Para o povo o templo e a cidade eram invencíveis
- O povo continua pecando
- Em 586 - Nabuconozor invade Jerusalém e leva cativo o
povo
- Furo os olhos do Rei Zedequias
- Quarenta anos Jeremias profetizou e conselho o povo a
submeter ao castigo de Deus.
- Porem Jeremias confiava na promessa de uma restauração
para Israel.

II - RECONHECIEMNTO DA MISERICORDIA

1 - A ira do Senhor é de curta duração

- O choro pode dura uma noite, mas a alegria vem pelo


amanhã
- Deus não rejeitou Judá como povo de seu conserto

2 - O convite de Jeremias

III - A ESPERANÇA DA IGREJA

1 - Estamos em um mundo de sofrimento

- Devemos ter em mente a cena da Cruz


- A única morte que nos dá esperança é a de Cristo

Jaime Bergamim
76

- Lembrança de nossa predestinação feitas nas eras da


eternidade. (Possui o reino que este preparado antes da
fundação do mundo)
- Nossa Esperança está em que i cordeiro já havia sido morto
também antes da fundação do mundo
- A esperança da glória eterna

CONCLUSÃO

Tal como Jeremias, possamos lamentar o triste estado de


muitos que não tem Deus em suas vidas, e que está muito
preste a destruição deste mundo sem Deus. Mas em breve
vamos cantar, não os livros acima citados, mas sim o cântico
dos remidos.
Quero trazer a memória o que me pode dar esperança.

Jaime Bergamim
77

LEVANTA QUE O MESTRE TE CHAMA

Texto Bíblico
Mc. 10.49

INTRODUÇÃO

Quando nos colocamos em pé estamos com isso dando um


sinal de prontidão, para ouvirmos Deus é preciso estamos em
pé, coloquemo-nos em pé diante de Deus nesta oportunidade.

I- É NECESSÁRIO PÔR SE EM PÉ

1 - Porque?

- Conseguimos ouvir melhor


Põe te em pé, e falarei contigo-EZ. 2.1
- Conseguimos expressar m melhor
- Conseguimos transmitir melhor

2 - Deus não houve acomodados;

- Elias Debaixo do Zimbro - I Rs. 19.5


- Jonas no fundo do Navio - Jn. 01.06

II - SINAL DE PRONTIDÃO

1 - Pronto para ouvir Deus

- Samuel Era menino entendia Deus - ficou de prontidão


quando Eli o instruiu.
- Muitos não estão prontos para ouvir Deus, pôr que não
foram instruídos nós.
- Jonas não estava pronto para ouvir Deus, antes Fugiu. Jn
1.3

Jaime Bergamim
78

- A Segunda Vez Deus fala com Jonas, agora está pronto,


pois sofreu a correção de Deus.
- Deus só falou com Elias após este sair da Caverna.

III - RESULTADO DE ESTARMOS EM PÉ

1 - LIVRAMENTO.

- O Cego Bartimeu ficou livre da cegueira


- Há cegos espirituais em nossas igrejas pôr não se
colocar na presença de Deus.
- II CR. 20.13, Josafa põe se em pé na congregação de Judas
e Ora a Deus pôr um livramento - (Inimigos: Moabe, Amon e
das Montanhas de Seir)
- II CR 20.15 - Não temais, nem vos assusteis
- II CR 20.17 - Nesta peleja não tereis de pelejai
- Estais em pé e vede a salvação do Senhor para
convosco.

CONCLUSÃO

Deus que continuar falando com o seu povo e com os seus


ministros, mas é preciso que estejamos a posição que Deus
quer, estar em pé não implicar a posição humana, mas sim a
posição espiritual que nos encontramos diante Deus.
Coloquemo-nos diante de Deus em uma postura
verdadeiramente espiritual.

Jaime Bergamim
79

LIBERTAÇÃO DIVINA

I-INTRODUÇÃO

Deus está preocupado em libertar vidas de diversas formas.


Existe hoje no seio de nossas igrejas vidas preciosas que
estão oprimidas, e que, precisam de uma libertação.
Enquanto eu e você estamos preocupados que sabe que
Deus liberta o drogado, o alcoólatra e a prostituta, e o que
devemos realmente nos preocupar, mas devemos ter uma
preocupação ainda maior com o nossos que precisam serem
libertos, e Deus neste dia tem uma benção para alguém muito
especial.

I-NÃO PEREÇA

1-QUEDA NO EDEM

A – Alimentou o homem de Deus


B – Trouxe maldição (ex: de Raabe
Perdeu o direito de viver eternamente

II – AO QUE CRER

1 – POSSUIRÁ RIOS DE AGAUS VIVAS

A- Fala do poder do Espirito Santo


B- No nome de Jesus a poder
C- Se morto vivera
III – VIDA ETERNA

1 – O PECADOR DEVE RECONHECER O SEU PECADO

A – O ladrão da crus – promessa do paraíso


B – A todos os que crer – vida eterna
C – Passar de morte para vida – estado eterno do homem

Jaime Bergamim
80

CONCLUSÃO

Devemos reconhecer o que Deus realmente quer que


façamos em prol do menos favorecidos necessitados de sua
graça. Cabe a mim e a você promover a liberdade dos cativos
que estão dentro da casa do Senhor. Tenhamos visão de
Deus para tal.

Jaime Bergamim
81

MULHERES ESCOLIDAS

Texto Bíblico Js. 2.19

INTRODUÇÃO

A Bíblia apresenta várias mulheres que fizeram parte do plano


divino, até mesmo para o resgate do homem no plano de
salvação

I – MÃE DE MOISÉS

No julgo da escravidão do Egito ocultou Moisés seu filho


- Moisés, o homem que foi um Inst. Nas mão do Senhor.

II - ESTER

- A órfã que se tornou rainha


- Intercessora pôr livramento de morte dos judeus

III – SARA

- A estéril duvidosa
- A sorridente
- Gerou Isaque (Riso)
-

IV – ISABEL

- A mulher vergonhosa

V – RAABE

Jaime Bergamim
82

- Um instrumento para ser usado na libertação de vidas que


estava sob seu teto
- A prostituta a poupada
- Foi quebrada a sua maldição
- Dela descendeu Davi e Jesus

CONCLUSÃO

Como nos antigos tempos, Deus quer levantar mulheres


fracas, mas não fracassadas para serem instrumentos nas
suas mãos

Jaime Bergamim
83

NÃO VENDA A HERANÇA DE DEUS

Texto
I Rs. 21.2-3

INTODUÇÃO

Nobote foi um servo do Senhor que pagou com a própria vida


ao recusar de vender a herança ao rei a herança de seus
pais. Isso é uma perfeita tipologia do crente salvo que não
troca a salvação considerada como uma herança doada pôr a
nós

I - UMA HERANÇA

1 - Da me a tua vinha

a - Plantação de grande valia


b - Da uva se extrai vários derivados
C - Da uva que se extrai o sustento de Nabot
2 - Essa herança não podia ser vendida
a - Guarda-me o Senhor de vender a herança de meus pais.
- Lv. 25.23-28 - Era proibido a venda de terra, pois a terra é
do Senhor
b - Herança hipotecada ou vendida era restituída no ano do
jubileu que ocorria a cada sete anos sabático.

II - O PREÇO DA HERANÇA

1 - Nobote recusou

a - O plano maligno de Jezabel


b - A conspiração contra Nabote
c - O Homem de Deus apedrejado

Jaime Bergamim
84

III - HERENAÇA VENDIDA

1 - Seria restituída

a - No ano do jubileu
b - A herança deveria ser devolvida a seu dono

IV - RESTITUINDO A HERANÇA

1 - Haveria um remidor

a - Era um parente mais próximo


2 - Cristo se tornou o remidor da nossa vida
Satanás escravizou a vida da humanidade, e como Acabe
está interessado na herança de muitos.
A - Ez. 46.17 - Esse ano é chamado ano da liberdade
B - Is. 61.2 - É chamado ano aceitável do Senhor
Dia da vingança de nosso Deus
A consolar todos os tristes
Apregoai liberdade aos cativos
Dar vista aos cegos
Pôr em liberdade os oprimidos
Anunciai o ano aceitável do Senhor

3 - Como pródigo, muitos venderam a herança

a - Lembre-se do que o pai tem em casa


b - O filho levantou, voltou para restituir o que perderá
sapato, anel e vestido
c - Tudo o pai restituiu, como no herdeiro do lar

CONCLUSÃO

Deus que nestes últimos dias, restituir a herança que fora


perdida, desde o Éden.

Jaime Bergamim
85

"Porque todos pecaram e destituídos estávamos da glória de


Deus"

Jaime Bergamim
86

O PODER QUE FAZ A DIFERÊNÇA

Lc. 10.19
Lc. 24.49

INTODUÇÃO

O nosso Deus é um Deus de poder, e que possui este Deus


possui o poder que faz a diferença, que nos é delegado pelo
seu filho Jesus

I - PODER NO ANTIGO TESTAMENTO

1 - Na vida de Moisés

a - O Grande legislador do povo de Deus


A vara nas mãos dos magos
A vara de Moisés - Poder que faz a diferença
b - As pragas dos primogênitos
Sangue nas vergas nos umbrais. Era o poder que
fazia a diferença.

2 - Vida de Elias

a - Elias prediz a seca - I Rs. 17


Três anos e meio sem chuva - Poder na palavra
A Farinha da panela não Acaba - Poder que faz....
b - Elias e os profetas de Baal - I Rs 18
O Desafio nos montes conserta o Altar e o fogo desce -
Poder que faz...

3 - Josué na batalha

a - Na luta com os amoreus - Js. 10.12


Sol te tem em Gibeão

Jaime Bergamim
87

Lua no vale de Aijalon

II - PODER NO NOVO TESTAMENTO

1 - Jesus concedeu este poder a Igreja

a - Eis que vos dou poder


- Pedro no dia de Pentecostes, ganha três mil Almas
- Pedro era uma cana agitada pelo vento, recebeu o
poder que faz a diferença.
- Pedro E João na Porta chamada formosa
Não temos ouro e nem prata ....

2 - Jesus é a fonte de todo poder

- Todo poder é me dado


a - Que tem pode dar
Cumprido as ordenanças:
Ficai em Jerusalém
E receberei

CONCLUSÃO

Devemos ter em nós o poder que faz a diferença do aquele


que o mundo conhece, o mundo conhece o poder do talento
da capacidade financeira, poder da intelectualidade, mas nós
temos o poder de Deus e esse poder faz nos diferente dos
demais.

Jaime Bergamim
88

O PODER QUE FAZ A DIFERÊNÇA

Lc. 10.19
Lc. 24.49

INTODUÇÃO

O nosso Deus é um Deus de poder, e que possui este Deus


possui o poder que faz a diferença, que nos é delegado pelo
seu filho Jesus

I - PODER NO ANTIGO TESTAMENTO

1 - Na vida de Moisés

a - O Grande legislador do povo de Deus


A vara nas mãos dos magos
A vara de Moisés - Poder que faz a diferença
b - As pragas dos primogênitos
Sangue nas vergas nos umbrais. Era o poder que
fazia a diferença.

2 - Vida de Elias

a - Elias prediz a seca - I Rs. 17


Três anos e meio sem chuva - Poder na palavra
A Farinha da panela não Acaba - Poder que faz....
b - Elias e os profetas de Baal - I Rs 18
O Desafio no monte
Conserta o Altar e o fogo desce - Poder que faz...

3 - Josué na batalha

a - Na luta com os amoreus - Js. 10.12


Sol te tem em Gibeão
Lua no vale de Aijalon

Jaime Bergamim
89

II - PODER NO NOVO TESTAMENTO

1 - Jesus concedeu este poder a Igreja

a - Eis que vos dou poder


- Pedro no dia de Pentecostes, ganha três mil Almas
- Pedro era uma cana agitada pelo vento, recebeu o
poder que faz a diferença.
- Pedro E João na Porta chamada formosa
Não temos ouro e nem prata ....

2 - Jesus é a fonte de todo poder


- todo poder é me dado
a - Que tem pode dar
Cumprido as ordenanças:
Ficai em Jerusalém
E receberei

CONCLUSÃO

Devemos ter em nós o poder que faz a diferença da aquele


que o mundo conhece, o mundo conhece o poder do talento
da capacidade financeira, poder da intelectualidade, mas nós
temos o poder de Deus e esse poder faz nos diferente dos
demais.

Jaime Bergamim
90

O SUCESSO DE CADA UM

TEXTO 2 CR 1.7-9b

INTRODUÇÃO

De tudo que o homem pode adquirir, nunca se almejou tanto


entre nós, conhecimento e sabedoria. Talvez seja a maior
qualidade que alguém pode ter.
No dia a dia todos nós buscamos esse tesouro, mas ele só
pode ser de grande avalia quando se tem alguns requisitos.

I – AS GRANDES ESCOLHAS

1 – Escolher uma filosofia da vida

Acima de 21 anos em cada três jovens um se torna cristão,


escolha de Jesus em sua vida

2 – Escolha do (a) companheiro (a)

- A família foi a primeira instituição criada por Deus


- Existem algumas normas para esta escolha
- Não pode se deixar apenas ser influenciado pelo coração
-
3 – A escolha da profissão

- A profissão não é um chamado, mas se assemelha muito.


- Dialogo com outros profissionais, muito ajuda nessa
escolha, pois uma má escolha pode estragar toda a vida
de uma pessoa.

Jaime Bergamim
91

II – FAÇA A SUA PROFISSÃO UM SACERDOCIO


1 – Isso dá certo
- A Bíblia está repleta de homens que fizeram de sua
profissão um sacerdócio
a- Moisés um pastor de Mediam, transforma em um grande
legislador.
b- Daniel, o grande estadista – Orava como de costume – Dn
6
c- Sadraque, Mesaque e Abede-negro – Não se ajoelharam
mediante a estátua.
d- Neemias- Copeiro do Rei Artaxerxes – Ne 2. 1-6

III – SEGREDO DO SECESSO

1 – Estar com Deus

- Deus nos faz forte e bem-sucedido – Js. 1.1-9, Dn. 2.20


dele é a força e sabedoria.
-
2 –Adorai a Deus, colocando ele em primeiro lugar.
- Buscai primeiro ao reino de Deus e as demais coisas são
acrescentadas.
-
3 – Se oriente por Deus
- Deus nos orienta em situações da escolha a ser tomada
-
4 – Abençoado por Deus
- Quando estamos debaixo da benção de Deus, somos
progressivos e tudo o que colocamos a mão Deus
abençoa.
- O belo exemplo de José do Egito na casa de Potifar
-
5 – Ser sustentado por Deus
- Quando somos alimentados por Deus, temos uma vida
prospera, rica, abençoada e feliz.

Jaime Bergamim
92

CONCLUSÃO
Ainda hoje, Deus quer usar grande líderes espirituais e
profissionais, para o enriquecimento de sua obra, que o nome
de Jesus seja engrandecimento mediante o nosso
comportamento espiritual dentro da profissão que
escolhermos.

Jaime Bergamim
93

O BOM SAMARITANO

Texto Lc. 10.25-37


INTRODUÇÃO

Não se sabe a finalidade da viagem, se era a passeio, a


negócio ou uma fuga, apenas a bíblia disse que descia

I - O LEVITA

a- O representante da lei - Ela nada fez para salva o homem,


somente revelou o pecado
O paradoxo entre a lei e a graça, vejamos:
LEI GRAÇA
Olho por olho dente por Pagai o Mal com o bem
dente
Aborrece o Teu irmão Amai vos, uns aos outros
Fazei e Vivei Crede e viverá

A lei foi dada por causa da A graça foi dada por


transgressão promessa a Abraão
A lei condena a melhor A graça justifica toda
criatura criatura

II O BOM SASMARITANA COMPADECEU


a - Atou as feridas
b - Deitou azeite e vinho
c - Levou a hospedagem
d - Deu dois dinheiros (O Espirito Santo e a graça)
CONCLUSÃO
Quantos já caíram nas mãos do salteador, estão à beira da
morte, ou quase meio morto. A Religião não pode fazer nada,
o homem não pode fazer nada, mas Cristo o bom Samaritano
pode

Jaime Bergamim
94

O CORPO VIVO - A IGREJA


Texto
Ef 1.21.22
INTRODUÇÃO
A igreja é o corpo é o corpo vivo de Cristo, cujo membros bem
ajustados contribui para o enriquecimento deste mesmo corpo
que é a igreja do Senhor Jesus.

I - A IGREJA É O CORPO DE CRISTO


1 -A igreja é o corpo vivo na terra
- Não pode estar morta
- Ela tem vida em abundância
- Tem alguém interessado nesta vida (Satanás)
- Cristo tornou a dar vida a quem estava morto Jo 10.10,
Jesus Cristo a vivificou
2 - Precisa ter Harmonia
- Que os irmãos vivam em união Sl. 133.1
- É preciso estarmos unidos em Cristo a videira
- O Corpo tem de obedecer a cabeça
3 - Firme e abundante
- Firme e nunca se abalar -I Co 15.58
- Abundante é fazer mais do que pode
- Como membro do corpo de Cristo não estamos
sobrando,
- Cristo não tem membro sobrando em seu corpo

II - MEMBRO DO CORPO DE CRISTO


1 - Membro individual
- Cada membro tem uma função I Co 12.27
- Todos tem um valor individual - I co 12.28
Ex: Uns para apóstolo, profetas, operadores de milagres,
dons de curas etc. I Co 12.31
- O membro deve procurar com zelo o melhor dom

Jaime Bergamim
95

2 - Todos são dependentes um do outro


- A mão necessita do pé
- Todos individualmente contribuem para o bom
andamento do corpo.

III - MEMBROS QUE NÃO PODEMM EXISTIR NO


CORPO
1 - Membro postiço
- Os hipócritas, falsos, não verdadeiros
- Postiço não resiste a força do corpo
2 - Membros atrofiados
- São os desanimados
- Os maus alimentados na palavra
- São os com pecados não confessados
- Os quebrados, desligados dos nervos principais
3 - Membros enfermos
- Inconstantes
- Instáveis
- Não progredi espiritualmente
- Os trabalhosos

Jaime Bergamim
96

O DESPERTAR DO SENHOR

INTRODUÇÃO

Seria impossível pregar no texto de Sl.78.65, sem


conhecermos os conhecimentos de LS.59.1 e L SM CP.4.
isso tudo narra a história de um povo, Israel em um
declínio espiritual.

I-A CHAMADA DE SAMUEL

Enquanto Eli deixava a sua casa a mercê da sorte, Deus


despertava o pequeno Samuel para assumir o lugar de Eli.
A – A visão pela manhã – as lâmpadas do templo se acendia
ao pôr do sol, e apagava ao amanhecer ou ao nascer do sol.
Essas lâmpadas era um candelabro com sete lâmpadas.
B – Deus entrega o recado ao pequeno Samuel, e esse pôr
sua vez a Eli.

II – A PELEJA DE ISRAEL COMTRA OS FILISTEU

A – Acampamento com ebenezer (pedra de auxilio ou


socorro)
Na primeira peleja 4.000 morrem
Trouxeram a arca de silo
Na segunda peleja 30.000 morreram, e Arca é tomada de
Israel, foi-se a Glória
1 – Só a Arca sem a presença de Deus, não passava de
uma caixa de madeira.
A – Deus entrou em silêncio com Israel, pôr um período de
tempo, a arca foi esquecida na casa de Abnadabe pôr 20
Anos e não foi removida de lugar pôr 60 anos

Jaime Bergamim
97

B – Enquanto isso o povo vivia sem a presença de Deus, ao


seu bel prazer.

III – SAMUEL COMVIDA O POVO AO SEU ARRREPEP.

A – I SM. 7.3, Samuel faz um apelo ao povo para um


arrependimento
I SM. 7.4 –O povo retira do meio deles os baalins e os
astarotes e serviam só a Deus

B – Derramaram água I SM 7.6 Congregaram em Mipas e


derramaram água perante ao senhor.
Derramou água – isso fala de um jejum absoluto, abstenção
total de alimentos.
Derramamento de água – Fala também de chorar na
presença do senhor
Ana derramou sua alma na presença do senhor

IV – DEUS DESPERTOU DO SONO

Enquanto o povo estava sem concerto com Deus, sem um


arrependimento, foi como se Deus estivesse dormindo. Foi
necessário que eles buscassem a Deus de coração, e não de
lábios somente.

CONCLUSÃO

Israel ficou sem a arca pôr mais de 60 anos, e em todo


esse tempo o povo sempre estavam, oras nas mãos de um
inimigo oras nas mãos de outro.
Davi toma iniciativa de trazer devota a arca de Deus para
Jerusalém. Faz
Isso fora da lei de Deus e outro paga pelo seu erro.

Jaime Bergamim
98

Quando ele conduzia a arca na integração de leva-la


Jerusalém, quando saíram da casa de Abinadabe chegando a
Eira de Nacom o carro tropeça e Uza lança a mão e Deus u
mata ali.
A arca ficou três meses na casa de Obe e Deus abençoa-o
Davi volta com 4.000 cantores e jedutor para levar a arca a
Jerusalém Davi se alegra e se descobre na presença do povo
Sua esposa Mical (ou Micail) murmura contra Davi e fica
estéril

Jaime Bergamim
99

O DESERTO PARA O CRISTÃO


Texto
Sl 78.19

INTRODUÇÃO

Muitas das vezes Deus nos leva para o deserto para o


deserto para nos ensinar lições de vida e comunhão mais
estreita com ele e nos oferecer mais experiência de sua parte.

I - LUGAR DE ENCONTRO COM DEUS

1- Lugar de preparação

- Moisés no deserto de Midiã tem um encontro com Deus- Ex


3. 1- 5
- Moisés encontra com Deus e recebe o chamado de Deus
2 - Lugar de experiência com Deus
- Paulo o grande apóstolo vai para o deserto da Arábia e
passa lá três anos aprendendo com Deus. Gl 1 17-18
- Ele não se preocupou ir a Jerusalém, e nem em ir te com os
discípulos, ante fora para o deserto
- Encontremos com Deus no deserto desta vida

II- NO DESERTO APRENDEMOS COM DEUS

1- A escola no deserto

- Moisés depois de quarenta anos na corte de faraó, foi para a


escola de Deus (o deserto)
- Oséias levou a esposa para o deserto
Os. 2.14- Eis que eu a atrairei e levarei para o deserto, e lhe
falarei ao coração

2 -Relembra o primeiro amor


- E acontecera naquele dia me chamará meu marido e não

Jaime Bergamim
100

chamara mais: Meu Baal

II - DESERTO FLORECE A ESPERANÇA

1 - Vale de Acor

- Acor em significa perturbação. Foi no vale de Acor que foi


apedrejado Acã
- Vale de Acor por porta de Esperança ali cantará como nos
dias da sua mocidade. Os. 2.15
- Sarom servira de curral de ovelhas, e o Vale de Acor, de
lugar de repouso de gado

IV - NO DESERTO TEM UMA MESA

1 - Povo reclamou

- Deus tinha uma mesa preparada para o povo no deserto


Quando faltou alimento Deus mandou o maná
Reclamou do maná Deus mandou carne
Faltou a água, Deus rocha viva flui água
- Para Hagar Deus abriu a fonte no deserto
- Para Elias Deus mandou o pão asado na brasa e uma botija
de água.
Tudo no deserto é difícil para o homem, mas para Deus é um
banquete em plena sequidão

CONCLUSÃO

Deus pai que transformar esse deserto em pleno manancial


de vida e benção, de um vale de Acor em uma porta de
esperança.

Jaime Bergamim
101

O GLORIOSO PLANO DA SALVAÇÃO

Texto:

Tt. 2.11 “ Porque a graça de Deus se há de manifestado,


trazendo salvação a todos os homens”

INTRODUÇÃO

Deus nos revelou o plano de salvação para com o homem


através de Cristo Jesus. Paulo Escrevendo aos meus irmãos
em Éfeso, durante a sua prisão Roma, ele disse: E vos
vivificou estando vós mortos em vossas ofensas e pecados
“Ef. 2.1”

I - A NECESSIDADE DE SALVAÇÃO

1 - Sabemos que somos de Deus e que todo mundo está no


maligno (1 Jo 5.19)
2 - O pecado em todo homem
- Desde de nossos primeiros pais todo o homem tem
nascido debaixo do pecado
Sl.51.5 - Eis que iniquidade foi formado, e em pecado me
concebeu a minha mãe - Rm 7.24 - Paulo Escreve- Miserável
homem que sou quem me livrará o corpo desta morte.
3 - Os efeitos imediato do pecado
- Lançou o homem na desgraça eterna
Rm 3.23 - Porque todos pecaram e destituído estão da glória
de Deus.
Rm 6.23 - Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom
gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso
Senhor
- Processos racionais, procuram tirar o pecado do homem,
mas nada consegue:
- Os efeito do pecado estão:

Jaime Bergamim
102

Nas penitenciarias, nos hospitais, nos lares enlutados e nos


cemitérios.
- Ninguém escapa desse terrível veneno-
Ricos, pobres, analfabetos doutores, sábios e ignorante,
todos estão destinados a morrer.
EZ. 18.4 - Todas almas são minhas, do pai também a do
filho, a alma que pecar essa morrerá.

- Consequência Espirituais do Pecado


Ez. 18.4 - Todas almas são minhas, alma do pai e também a
do filho, a alma que pecar essa morrerá Morte Física e
Espiritual Pv. 19.1 - Deixa a alma sem conhecimento, faz errar
o Alvo que é Cristo

II AS RIQUEZAS DA SALVAÇÃO

1 - Produz uma grande mudança


- Não é autodisciplina
- Não é uma prática social
- Não é Obediência a um código de ética
- É uma transformação que brota do íntimo, do interior do
homem.
2 - Significado da Salvação
- É uma ressurreição
Ef. 2.1 - Paulo Escreve- e vos vivificou estão vós mortos em
ofensas e pecados Ef.2.5 - Estão nós mortos em nossas
ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo, pela graça sois
salvos V. 6 E nos fez assenta em lugares celestial

III - AS BENÇÃO DA SALVAÇÃO

- A Salvação transforma o pecador perdido num herdeiro do


céu
1 - Temos ousadia - Privilégio

Jaime Bergamim
103

Hb. 10.19 - Temos, pois, irmão ousadia para entrar no


santuário pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho
que nos consagrou
2 - Efeitos da salvação
- No VT a Salvação se referia ao perigo da guerra, ou de
terrível enfermidades
- No NT a Salvação é uma revelação de Deus em Cristo
- Segurança da Vida eterna Dá Segurança ao Homem
(Do Gr. Soteria, que dizer saúde e segurança)
- Aí está incluído todo o plano de Salvação, segurança e
saúde Espiritual e material.

CONCLUSÃO

Plano de salvação é um mistério de Deus revelado ao


homem, é um dom de Deus revelado na graça do próprio
Deus para com o homem.

Jaime Bergamim
104

O MOVER DO ESPIRITO SANTO

Texto Gn 1.2 e Jo 5.4

INTRODUÇÃO

O Espirito Santo aparece a primeira vez n o velho


testamento, no livro do princípio, no Gêneses, não estático,
mas movendo dando forma, criando.

I - O ESPIRITO SANTO NA CRIAÇÃO

Ele é o agente da criação


- No hb a palavra Ruah - Sig. vento ou sopro
- Jo 26.13 - Pelo seu sopro aclara o céu
- Sl. 33.6 - Pela palavra do Senhor, forma feitos os céus, e
pelo sobro de sua boca os exércitos seus

II - O ESPIRITO SANTO É O AUTOR DA VIDA

- O sopro de Deus nas narinas, produz o fôlego de vida "Gn


2.7"
1 - Ele continua a dar vida
- Jó 33 .4 - O Espirito de Deus me fez, e o sopro do todo
poderoso me dá vida
- Jó 27.3-4 - Enquanto em mim estiver a vida, e o sopro de
Deus nas minhas narinas, nunca os meus lábios falaram
injustiça e nem a minha língua pronunciará engano.

III - O ESPIRITO SANTO ME A OBRA MISSIONÁRIA

1 - O Espirito Santo movendo os discípulos


- Felipe para Samaria - No caminho de Jerusalém para Gaza.
(Atual Gruzzeh) está deserta-destruída no ano 93 AC pôr

Jaime Bergamim
105

Alexandre Janeu - reerguida em 57 AC - Gabino coloca sob o


domínio de Roma
- O Espirito Santo move Felipe de Gaza para Azoto (Antiga
Asdode -AT), na velocidade de um anjo.

IV - O MOVER DO ESPIRITO SANTO É DE SANTIFICAÇÃO


E COPNSAGRAÇÃO

- Segue a paz com todos e santificação, sem a qual ninguém


verá a Deus.
- O Espirito Santo só pode operar em vidas genuinamente
consagrada.

CONCLUSÃO

A igreja precisa de um Genuíno e real mover do Espirito


Santo, para promover o avivamento nos corações, e vidas
reconciliar com Cristo.

Jaime Bergamim
106

O PACTO DE DEUS COM ABRAÃO

Texto: GN. 15:17

INTRODUÇÃO

Quando Deus Faz pacto com um homem, ele confirma com


sua presença, essa presença é o sinal da presença de Deus,
e que o pacto realmente está sendo confirmado.

I - DEUS FAZ PROMESSA A ABRAÃO

Visitarei este povo


Tirarei da servidão
Visitarei até a quarta geração

II - O PACTO E A PRESENÇA DE DEUS

1 - Abraão Sacrifica o animal

Deus aparece na simbologia do fogo


Deus revela a sua glória na simbologia da fumaça

III - PACTO CONFIRMADO / CONSERVADO

1 - Tipo de confirmação

Deus aparece a Abraão no fogo e na fumaça


Com Salomão, a casa se encheu de fumaça
Com Noé, Deus coloca o arco nas nuvens

2 - Pacto de Sal
Sal do equilíbrio
O Sal conserva
O Sal ao calor do sol faz enxugar

Jaime Bergamim
107

3 - Pacto de Deus conosco


Deve ter presença de Deus continua
Deve ser conservado
É preciso ser renovado.

CONCLUSÃO

Deus Deseja fazer pacto com muitas pessoas, mas esses


preferem pactuarem com o inimigo, rejeitando assim as
promessas de Deus, isso tem acontecido desde os tempos
mais remotos.

Jaime Bergamim
108

O PLUMO DE DEUS

Texto Bíblico Amos 7.8

INTRODUÇÃO

Mais uma vez Deus usando um homem simples, mas cheio


do espirito Santo, para revelar os segredos quanto ao
julgamento de um povo

I – AMOS, E A MENSAGEM REJEITADA

1 – Visão dos Gafanhotos: (locusta)

- Comeram a primeira colheita que se destinará ao rei


- Nada sobra para a segunda colheita
-
2 – Visão do fogo:

- O fogo ameaçava a terra e as águas, Deus havia de


transformar tudo num carvoeiro.
-
3 – A revolta do sacerdote:

- Amazia manda dizer ao rei Jeroboão que Amos conspira


contra o rei de Israel
- Amazia manda Amos fugir para o sul
- Amos replica: Não sou profeta e nem, filho de profeta, mas
boieira colhedor cultivador) de Sicômoro
- Fala de correção não agradou o sacerdote
- Amazia não era sacerdote verdadeiro, fazia cerimonia
pagã

II – DEUS COLOCA O PRUMO EM AÇÃO

Jaime Bergamim
109

1 – As duas primeiras visões:

- Deus retirou a sua mão


- O valor da intercessão do homem de Deus
-
2 – O prumo nas mãos do senhor:

- 1 fala de Juízo
- Israel estava foro do prumo, pendendo
- II Rs 21.13 – “Limparei Jerusalém como se limpa um
prato”
- Deus vai colocar Israel no prumo
- Deus quer colocar a sua igreja no prumo
-
3 – A palavra E o prumo:

- O prumo era símbolo de julgamento (juízo)


- A palavra de Deus é quem julga o homem – Quem rejeita
a minha palavra já tem quem o julgue no último dia”.
-
4 – A correção de Deus:

- A visão era para arrependimento


- Israel não se arrependeu
- Cp.5.1-3- Temos o canto de morte
- Cp.8. Israel já se encontrava maduro, tipificada pelo cesto
cheio de frutos de verão.
- Em722 AC. A Assíria torna o juiz de Deus contra Israel
- Amos 4.12 - “prepara te Israel para encontrar com Senhor
tu Deus”
-
III – AS DUAS DIMENSÃO DA PALAVRA

1 – Juiz com linha:


- Is. 28.17 – “regrarei o juízo pela linha, e justiça pelo
prumo”

Jaime Bergamim
110

2 – Justiça como prumo


- O prumo justifica a verticalidade de um edifício
- Nós somos templo ajustado

IV – FIM DA MISERICÓRDIA

- Lm 2.8 “Estendeu o seu cordel e não retirou a sua mão”


- O nosso Deus é Deus justo, mas também é juiz, contra
todo aquele que não aceita a sua correção, antes rejeitam

CONCLUSÃO:
Assim como Deus usou o profeta Amos, também hoje ele
deseja usar muitos outros para a mensagem de
arrependimento para o nosso Israel atual. A graça e a
misericórdia um dia chegara ao fim e como Israel Deus tratara
com esse povo

Jaime Bergamim
111

O QUE JESUS PODE FAZER

Texto Mt. 27.28

Introdução

Jesus pode fazer tudo desde que queiramos


receber o que ele quer realizar

I - O QUE JESUS FEZ

- Zaqueu O publicano Jesus entrou em sua casa


- A Samaritana - Encontrou com Jesus junto ao poço
- Maria Madalena - expulsou os demônios
- Lázaro - Ressuscitou-o

II - PARA QUE JESUS FAÇA É PRECISO APROXIMAR

- Não chegar a filosofia


- Não chegar a religião
- O cego aproximou de Jesus - Mt 9.28
- A mulher do fluxo de sangue, tocou nele Mc. 5.25
Jesus faz o que o diabo não pode fazer

III - O QUE JESUS NÃO PODE FAZER

1 -Muita coisa Jesus não pode fazer, porque depende


do homem em si mesmo

- Jesus não pode perdoar pecado não confessado


Rm 9.10 - " Se com a boca confessares, e em teu
coração creres que Deus os ressuscitou dos mortos,
serás salvo."
- Mc. 1.5 Todos eram batizados no rio Jordão, confessando os
seus pecados

Jaime Bergamim
112

- Jesus não pode salvar que m não o aceita a aquele que vem
a mim de maneira nenhuma lançarei fora.

CONCLUSÃO
Deixe Jesus fazer a sua vontade, não há rejeite

Jaime Bergamim
113

O SERVO E A VINHA

Lc. 20.9-16

INTRODUÇÃO

O Senhor Deus sempre teve um profundo zelo com o seu


povo, uma vez que nós somos plantação do Senhor, nesta
oportunidade vamos estudar as duas dimensões e tempo
desta vinha:
1 - Tempo dos profetas e sacerdotes
2 - Tempo de Cristo e sua igreja

I - TEMPO DOS PROFETAS

Foram grandes homens que Deus, que foi enviado a nação de


Israel, os quais foram maltratados e muitos mortos pelo povo
de Israel.

1 - A Vinha e Israel

- A vinha está relacionada com a nação de Israel


- Lavradores - São os Líderes religiosos legalista
- Servos - foram os profetas que Deus usou
- Meu Filho - Referindo ao próprio Cristo
A - Moisés
- Legislador e libertador do povo na terra do Egito
- Criou a Teocracia e promulgou a lei
- Conduziu o povo até as liminares de Canaã
B - Elias
- Reconstruí o altar destruído
- Restaurou a Teocracia e a adoração a Deus
- Conclama o avivamento
- Vai ao monte Nebo e ali esconde
- Sobe ao céu num redemoinho
C - João Batista

Jaime Bergamim
114

- A voz que clama no deserto


- Combate o pecado (raça de víbora)
- Foi decapitado

II - TEMPO DE CRISTO E SUA IGREJA

1 - Cristo o Filho amado


- Deus Amou o mundo de tal maneira Jo 3.16
- Todo o recurso para conduzir o homem a Deus tinha
esgotado

2 - Deus envia seu filho nascido de mulher

- A vinha fala da nação de Judaica


- Transformou o reino em propriedade particular
- Gentios não tinha direito de adoração, eram excluídos
da comunidade judaica.
- Recusaram receber o filho "Jesus", não aceitaram.

3 - A vinha e a igreja atual

- Lavradores iníquo (Lideres que defende só interesse próprio)


- O evangelho misturado a seu próprio gosto

4 - Chegada do dono da Vinha

- Vinda de Jesus - em duas etapas distintas


- Não como Servo, Como rei e Senhor dos Senhores
- Levará a vinha para seu jardim

CONCLUSÃO

Jesus não vem buscar uma igreja que adota os seus


padrões morais segundo o mundo, que maltrataram os
profetas, derrubaram o altar da verdadeira adoração e

Jaime Bergamim
115

ensinamentos. Cristo vem buscar um povo que aceita o se o


filho amado, e esse é Jesus Cristo esperança nossa.

Jaime Bergamim
116

O ZIMBRO E CRISTO

Texto IRs.19. 4-5

INTRODUÇÃO

É encontrado na palestina, cerca de 356 plantas leguminosas,


entre elas temos o Zimbro ou Roten e Juniporo, media cerca
2,5 m a 3,00 M de Altura e com muitas folhas. Os Árabes o
chamam de Reten. Há uma topologia entre o zimbro e Cristo

I - VIAJANTE CANSADO

- Descansavam a sombra do Zimbro, devido a quantidade de


folhas que ele possui. “Os que Habitam no esconderijo do
altíssimo a sombra do onipotente descansará”.
- No Caminho desta vida Cristo é Nosso Zimbro
- O povo no deserto e A sombra da Nuvem

II - ZIMBRO E A PALAVRA

A palavra é vida quando não há mais esperança


“Raízes de Zimbro Serviu de comida na Ultima estancia da
fome que registra em JO. 30.4"
- As raízes eram repugnante
- Cristo é o pão vivo que desceu do Céu.
- A Palavra pode ser amarga, mas o Fiel Gosta
- As ovelhas gostavam do fruto do Zimbro

III ZIMBRO COMO ESPIRITO SANTOS

- O Zimbro produz carvão que se torna em brasa vivas “Os


Beduínos, destrói muitos destes arbustos para venderem
para produzir carvão para ser vendido esse combustível ao
mercado Egito
- Essas brasas serviam para movimentar maquinas

Jaime Bergamim
117

- O Espirito Santo é o combustível que movimento o


Cristão.
- O Espirito Santo é força

CONCLUSÃO

Quando temos Cristo em nossa vida, temos sombra, temos


alimento, temos o Espirito Santos, mesmo quando a sua
mensagem é difícil de ser entregue, mas o seu fruto no final
será doce, Sejamos ovelhas alimentando do Espirito Santo
que é o fruto do Zimbro, o Cristo Amado. Amém

Jaime Bergamim
118

ONDE ESTÁ A NOSSA FÉ

INTRODUÇÃO

Em nossa vida está faltando este elemento tão importante


chamado de fé não a fé que o mundo conhece, mas a fé
genuína do espirito Santo em nosso meio

I - A FÉ PARA SALVAÇÃO

1 – DEFINIÇÃO DE FÉ

- Fé é muito mais que crer, e confiar em alguém


- Fé cristã, e uma completa confiança em Cristo.
- Fé é aceitar algo que parece sem lógica, em explicação
-
2 – Fé salvívica

- Ef. 2.8 pela graça sois salvos, por meio da fé


- A fé opera em uma situação de aproximar o homem de
Deus.
- Sem fé é impossível agradar a Deus Porque é necessário
que aquele que dele se aproxima creia que exista
(Hb. 11.6)

3 – O homem de fé

- Abel que ofereceu maior sacrifício para Deus


- Enoque que foi trasladado para não ver a morte
- Moisés que por fé recusou ser chamado filho da filha de
Faraó
-
4 – Fé: Um mistério que deve ser guardado

- Não se deve fazer propaganda da fé

Jaime Bergamim
119

- Paulo diz, combatei o bom combate, acabei a carreira, e


guardei a fé
-
II – A BENÇAM DA FÉ

1 – Ela é uma arma de defesa

- Os soldados antigos tinham escudos


Ef. 6.16 – Tomai sobre tudo o escudo da fé para apagar
todas as dardas inflamado do inimigo.

2 – Pela fé alcançamos vitória

- Ex: de Davi: Antes de subir ao trono experimentou Três


vitórias
a- Um leão – Símbolo da vitória sobre o Diabo – Resisti firme
na fé (o Diabo) Hub. 5.8-9
b- Um urso – Vencendo o mundo – Porque todo que nasce
de Deus vence o mundo, e essa vitória que vence o
mundo: a nossa fé I jo. 5.4
c- Um gigante – vitória sobre a carne – estou crucificado com
Cristo, e a vida que a gora vivo, vivo-a na fé Gl. 2.20
d-
III – O QUE IMPEDE O CRESCIMENTO DA FÉ HOJE EM
NOSSA IGREJA

1 – Pecado

- O pecado separa o homem de Deus


- O escândalo na igreja
- Os falsos adoradores
-
2 – Dúvida

- Muitos estão como o coxo, esperando o mover das águas


3 – Precisamos da fé do centurião

Jaime Bergamim
120

- Senhor diga uma só palavra e meu criado sarará

IV – A FÉ COMO DOM DEUS

1 – Dada pelo Espirito Santo

- Capacidade para realizar milagres extraordinários


- É poder sobre natural (Gr. Duname)
- Maravilhas: coisas espantosas (Gr Terra)
- Sinais deixado pela operação de milagres através da fé
(Gr. Semion)
-
2 – Fé que remove montanhas

- A montanha da enfermidade
- A montanha do impossível

3 – Fé que muda o curso da natureza

- Pedro que andou sobre o mar


- O mar vermelho se abre – Ex. 14.13-22
- Moisés na rocha em Horebe – Ex. 15.6
- O dia longo de Josué – Js. 10.12
- O relógio de Acaz retrocede 10 Graus

4 – Atualidade da fé

- Para santificação – At. 26.18


- Apocalipse – 13.10 – onde está a paciência e a fé dos
santos

CONCLUSÃO

Deus precisa de uma igreja alicerçada e santificada na fé que


há em Cristo Jesus, a esperança nossa sejamos na igreja de
fé, para realizarmos os milagres de Deus através da nossa fé

Jaime Bergamim
121

ONDE ESTÁ O CORDEIRO

TEXTO - GN. 22.7

INTRIDUÇÃO

Entre os Judeus do antigo testamento o cordeiro teve muito


influencia, em alguns acontecimentos, como por exemplo na
festa da pascoa EX. 12.3
Consagração do sacerdote EX. 29.1

I - A IMPORTANCIA DA PERGUNTA DE ISAQUE

Onde está o cordeiro para o holocausto

II - ONDE ESTA O CORDEIRO NA IGREJA

Ele deve estar no centro da igreja Ex. da Igreja de Laudeceia,


ele ficou do lado de fora.
Muitos estão preparados para dizer: fora daqui com este
Lucas 23.18

III - ONDE ESTÁ O CORDEIRO NO LAR

O lar é uma Instituição divina, assim ele deve estar também


no centro do lar. O cordeiro foi substituído pelo Televisor EX.
8.12
Paulo Escreve ao Colossenses 4.15: Saudai os irmãos que
estão em Laudiceia , e a Ninfa e a Igreja que está em sua
casa. O Espirito Santo não quer ser apenas Hóspede em
nosso lar, mas habitar nele

IV - O CORDEIRO DE DEUS NA NOSSA VIDA

Paulo Escreve: não vivo eu, mas Cristo vive em mim GL.2.20

Jaime Bergamim
122

O Primeiro Lugar de nossa vida deve ser ocupado pelo


cordeiro de Deus. MT.6.33 (Buscai primeiro o reino de Deus)
Paulo Diz: Combati o bom combate acabei a carreira e
guardei a fé - II TM 4.7

V-OCORDEIRO QUE TIRA O PECADO DO MUNDO

João 1.29 eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do


mundo Ele não cobre o Pecado, mas atira no mar do
esquecimento de Deus.

CONCLUSÃO

Jaime Bergamim
123

OS LIVRAMENTOS DE DEUS

TEXTO: II CR 32.7,8

ITRODUÇÃO

Quando homens confia em Deus há livramento e descanso.


Neste tema falaremos de alguns dos livramentos de Deus

I-LIVRAMENTO DE EZEQUIAS

1-esforço e animo

A- Não espante
B- Não temais

II -O BRAÇO DE CARNE/E O SENHOR

A- O braço de carne – poder humano


B- Conosco o senhor- poder espiritual

III- LIVRAMENTO PARA DAVI

1-SINAL DE DEUS I-CR. 14.14.15

A- Deus trabalha com sinais


Se a trombeta der sonido inserto quem preparará a batalha
Esperar o sinal de Deus, nunca sair na frente
Gideão pede um sinal

IV- LIVRAMENTO DADO A MENA RINBERG

Na década e 60 mais provável no ano 67, quando alguns


países se levantou para destruir Israel

Jaime Bergamim
124

A- Mena Rimberg, entra no seu gabinete e busca ajuda de


Deus. Abrindo a bíblia do pentateuco precisamente no
livro de DT.20.1, Deus deu o livramento a mana Rimberg

IV-LIVRAMENTO PARA A IGREJA

1- O BRAÇO DE CARNE (JO.1.1)

A- Cristo tomando forma humana


B- Cristo e sua forma espiritual
C- A promessa que a virgem daria luz a um filho.
Reis passam, profetas passam, mas a promessa cumpriu

V-CRISTO NO ARREBATAMENTO E NA GRANDE


TRIBULAÇÃO

A- A sua volta para livrar a igreja do anticristo


B- Sua volta para livrar Israel, no momento chamado
angustia de Jacó
C- O estabelecimento da era milenar.

CONCLUSÃO

Deus sempre esteve presente em todos os tempos e


momento com seu povo.

Jaime Bergamim
125

OS SINAIS DE DEUS

TEXTO 6.17

NTRODUÇÃO

Deus sempre trabalhou com sinais para seu povo entender a


vontade de seus designos e no presente século Deus usa
ainda este mesmo método para alertar o seu povo

I - SINAL PARA O POVO DE DEUS

O sangue nos umbrais e nas vergas das portas. Gn. 12,12 e


13 Que tipifica o sangue de Cristo na nossa vida como sinal
da salvação

II - O SINAL DA ORIENTAÇÃO DE DEUS

A coluna de nuvem de dia


E coluna de fogo de noite EX 13.21-22
A coluna de nuvem e de fogo não se apartou do povo de
Israel

III - SINAL DA PROMESSA DE DEUS.

O Espirito Santo que sempre está com a Igreja


Assim como a nuvem esteve com o povo no deserto durante
40 anos.
Assim o Espirito Santo estará com a Igreja até o
Arrebatamento

IV - SINAL DE SUA VOLTA


Isaias 5.3 - Quando dizer que há Paz, então sobrevirá
repentina destruição. Mat. 24.4-13 - fala de guerra fome e
preste, como sinal de sua vinda.
CONCLUSÃO

Jaime Bergamim
126

Qual é o sinal de Deus para você neste dia


Deus está dando um sinal, seja qual for o seu
significado, má cumprirá

Jaime Bergamim
127

PORLEZA ESPIRITUAL

Texto SI 74.9

INTRODUÇÃO

Há muitas coisas que vem causando a pobreza espiritual em


nossas igrejas: Falta de sacerdote, a indolência, amor ao
prazer, falta de dependência de Deus, entre outras muitas.

I - FALTA DE SACERDOTE

1 – Israel

O povo que mais sofre por causa de sacerdote


- Ex. de Eli
- 2 Cr. 15.3 Israel esteve muitos dias sem o verdadeiro
Deus, sem sacerdote e sem lei
- EZ. 7.26 Miséria sobre miséria, buscarão de profeta uma
visão, do sacerdote perece lei do ancião do conselho –
“miséria total”
-
II – CAUSA QUE LEVA A POBRESA ESPIRITUAL

1 – A Indolência (preguiça)

Pv. 10.11 – Um pouco para dormir, um pouco para


tosqueneja, para cruzar as mãos e para repousar.

2 – Amor ao prazer

Pv.21.17 – Necessidade padece o que ama o prazer.


3 – Desprezo pelas coisas do pai
Lc. 15.13 – O filho pródigo, ajunta tudo e parte
- Saiu rico, levou tudo, conforme o direto da lei

Jaime Bergamim
128

- Desperdiçou tudo, vivendo desoladamente


O DESVIADO- saiu com os dons alegria etc.
3 – Falta da dependência de Deus

Ap. 3.17 – Ref. A igreja de Laudicéia

“Rico sou e de nada tenho falta, não sabes que é um


coitado, pobre, sego e nu. ”

III – O RICO ESPIRITUAL

1 – O que tem poder na vida

- Atos. 3.6 – Pedro E João na porta Formosa


“Não temos ouro e nem prata, mas o que temos isso te
damos, em nome de Jesus o Nazareno levanta e anda”

2- O Rico espiritual empresta a Deus

- Pv. 19.7 – “Quem dá ao pobre empresta a Deus”


- Mt. 19.21 – tem tesouro no céu – “vai e vende tudo o quem
tem e dá aos pobres, e terá um tesouro no céu”

IV – O RICO ESPIRITUAL TEM DEPOSITO NO CÉU


Mt . 6.20 – Ajuntai tesouro no céu...

1 – Futuro garantido de vida eterna

- I Tm. 6.19 – “Guarda para si mesmo um bom fundamento


para o futuro para que possa alcançar a vida eterna
- Ap. 3.18 – “Aconselho que de min compre ouro refinado
no fogo para te enriquecer”

V – ENCONTRANDO A RIQUESA

1 – Venda tudo

Jaime Bergamim
129

-Mt. 13.44 – “O reino do céu é semelhante a um tesouro


escondido ...”

1 – Achou o tesouro

2 – Escondeu (Escondi a tua palavra no meu coração)


3 - Vendeu tudo que tinha
4 – Comprou esse tesouro.

CONCLUSÃO
Ser pobre espiritual é ter uma vida medíocre na presença de
Deus. A igreja de Laudicéia era rica de bens materiais, mas
pobre da presença de Deus

Ap 3:17– Estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma, e nem


sabes que tu és infeliz, sim, miserável, pobre, cego e nu.

Jaime Bergamim
130

PREPARAÇÃO ESPIRITUAL

Texto Bíblico:

Mt. 25.01 e Ez. 12.3

INTRODUÇÃO

Todo ser humano estão em constante preparação, uns se


preparam para a faculdade outros para o casamento, outros
profissionalmente, mas pouco se prepara para uma mudança
espiritual, ou para uma viagem sem retorno.

I - PREPARAÇÃO DE ISRALE PARA DSAIR DO EGITO


Ex. 12.1

Lombos Cingidos - Fala de veste espirituais


Sandália nos pés - Calçados os pés na preparação do
Evangelho da paz
Cajado nas mãos - Fala da palavra de Deus que é a espada
do espirito.

II - AS DUAS PREPARAÇÕES

1 - Preparação das virgens

- As virgens que esperavam o esposo eram sempre em nr. de


sete, ou nove, neste caso foram dez com a noiva.
2 - Preparação de Ezequiel
- Preparar mobília
- Deus ia punir Israel

III - A IGREJA ESTÁ SE PREPARANDO

1 - Para uma viagem

Jaime Bergamim
131

- I Jo 2.18 - Filhinhos é já a última hora


- A Ezequiel foi dito para sair a vista do povo
- A Igreja vai sair oculta aos olhos dos habitantes da terra
- Ezequiel sai para simbolizar o cativeiro
A Igreja sairá do cativeiro para a liberdade - Se o filho vos
libertar, verdadeiramente sereis livres

CONCLUSÃO

Deus quer fazer mudança em seu povo, estejamos atentos

Jaime Bergamim
132

PREPARADO PARA A BOA OBRA

INTRODUÇÃO

A obra de Deus sempre teve os seu desde os mais


antigos tempos. O diabo sempre tentou parar o avanço
desta obra, mas sempre foi derrotado por homens
corajosos e cheio do poder de Deus. Neemias um homem
chamado para reconstruir o muro de proteção de
Jerusalém. Nós somos chamados para fazer a obra de
Deus nestes últimos momentos da igreja na terra.

I – NEEMIAS E SUA RENUNCIA

1 - O chamado de Neemias

- Doze anos após Esdras ter voltado para Jerusalém


- Sua oração
- Seu semblante

2 – Sua Decisão

- Era copeiro – Mestre de cerimonia


- Assessor particular do rei Ataxerxes I, dos anos 464 a 423
AC

II – CONSTRUINDO O MURO

1 – A falta do muro

- O templo fica sem proteção


- Porta aberta para o inimigo
- Sem fronteira com o mundo, tudo incomum

III - TRÊS INIMIGOS DESTA OBRA

Jaime Bergamim
133

1 – Sambalá
- Governador Samaritano, chefe militar de Ataxerxes, um
persa
-
2 – Tobia

- Descendente de Amom, filho de Berm-Amim, que era filho


de Ló. Eram salteadores tão terrível que eles vazavam os
olhos de suas vítimas, rasgavam ventre das gravidas para
não gerar filhos.
-
3 – Gesém – Poderoso chefe de DÃ.
- Trama para tirar a vida de Neemias

IV – DIVISÃO DOS MUROS PARA AS FAMÍLIA

Cada família tinha sua parte para fazer, todos estavam


preparados tanto espiritual quanto armados para a defesa.

1- Os negligentes
2-
- Os Tecoitas, nobre oriundos do sul de Jerusalém, onde
nasceu Amos 300 Anos antes desse acontecimento.
- Recusaram submeter as ordens de Neemias
- Não fizeram a sua parte
- Outros fizeram o trabalho dos negligentes.

V – COMUNHÃO COM O MUNDO

- Eliasabe – Sacerdote que no início muito ajudou Neemias,


depois permitiu aliança com os Samaritanos, permitindo o
casamento de um de seus netos com a filha de Sambalá,
sendo que de pois seu genro foi expulso do sacerdócio
que culminou numa perseguição contra Neemias.

CONCLUSÃO

Jaime Bergamim
134

Neemias foi um homem vitorioso pois estava preparado para


tal obra, mesmo quando estava fora de sua pátria sempre se
manteve em conste preparação. No capítulo 9 de seu livro
nós vemos ele convidando o povo para um culto em ar livre,
onde ele faz uma oração que foi considerada a mais extensa
da Bíblia.

Jaime Bergamim
135

QUANDO APRENDEMOS OUVIR DEUS

Texto I Sm 3.1-21

INRODUÇÃO

Nome Samuel significa - Pedido a Deus hb Shmuel


Filho de Elcana se Ana pertencia a província de Roma
Ele era porteiro do templo
Cargo de sua importância, pois impedia que coisas imundas
entrasse no templo
Samuel era jovem e conhecia Deus através da religião, da
tradição dos rituais, das leis, mas ainda não tinha tido uma
experiência com Deus, isso é ouvido a vos de Deus.
Deus quer falar com conosco, mas é preciso entendermos
realmente quando Deus está falando.

I – PARA OUVIR DEUS É PRECISO ESTAR DISPOSTO

Samuel estava deitado após ter cumprido com seus deveres


no templo
- Ouviu o chamar pensou ser Eli
- Não decerni o falar de Deus
- Muitos querem ouvir Deus falar, mas quando Deus está
falando na hora erra, estão deitados no sossego.

II - PRECISAMOS RACEBER A VOZ DE DEUS

Samuel, não estava disposto a ouvir como também a receber


- Fala pôr que o teu servo ouve
- Muitos querem ver Deus falar, mas quando Deus fala ele
não recebe, julga estar falando com outro.

III – É PRECISO CRER NA VOZ DE DEUS

Samuel Creu na palavra de Deus.

Jaime Bergamim
136

- Ficou com temor, temeu em dar o recado ao sacerdote Eli


- Quando cremos que Deus falou, pode custar a nossa vida,
mas precisamos dar o recado de Deus
- Não podemos omitir o que Deus fala
- Não podemos criar a nossa interpretação, para agradar o

Jaime Bergamim
137

QUANDO EU VIR O SANGUE

Ex. 12.13

INTRODUÇÃO

Israel estava sob a casa da servidão (Egito), mas a saída do


Egito ia acontecer naquela noite.
O Cordeiro pascal era o centro dos acontecimentos em cada
família israelita.

I - SANGUE ERA A MARCA DA DISTINÇÃO

1 – A importância da visibilidade do sangue

- Em cada casa o sangue era visto


a- Nas vergas das portas e suas ombreiras eram marcadas
com sangue do cordeiro

3- Esse sinal era marca nacional

Se andássemos pelas ruas de Menfis e Ramesses


a- La estava a diferença entre Judeus e Egípcios
b- Nas casas dos Judeus tinha sangue, dos Egípcios não
c- Não era preciso ouvir as línguas, apenas o sangue fazia a
distinção naquela noite.
d- Essa é a grande marca distintiva entre os filhos de Deus e
os filhos das trevas.

2 – Dois tipos de pessoas

- Os que tem a marca e os que não tem


a- Os que pertence a igreja de Cristo
b- Os filhos do mundo sem a marca da reconciliação

Jaime Bergamim
138

II – SANGUE - SINAL SALVADOR

1 – Anjos voando passa sob o Egito

a- O que impediu a espada do anjo? A marca do sangue


b- Quando Jericó foi destruída, Raabe foi salva, lá estava o
fio de escarlata, marca de sangue. Js 2.17.

2 – O sangue de Cristo

- Deus não permite que o inimigo nos faça mal.


a- Porque o inimigo vê no crente o sinal do sangue de Cristo.
b- Sangue é sinal salvador, sinal de proteção é livramento.

III – SANGUE DE JESU-PODER PURIFICARDOR


SANTIFICADOR E LIBERTADOR.

1 – O Sangue de animais só cobria o pecado

- O sangue de Cristo apagou o pecado e nos purificou da


mancha da sua mancha.
I Jo 1.7- “Se, porém, andarmos na luz, como Ele está luz,
mantemos comunhão uns com os outros, e o sangue de
Jesus seu filho nos purifica de todo pecado”.
Sangue nos antigos tempos era usado com alvejante.
O Sangue de Cristo nos tornou mais alvo que a neve

2- Santifica

Hb. 13.12-“ Por isso foi que o Senhor Jesus, para purificar o
povo pelo Seu própria sangue, sofreu fora da porta, sim fora
da porta”
- Se a paz com todo e santificação sem qual ninguém verá a
Deus.

Jaime Bergamim
139

3 – Libertador
Israel não foi liberto do julgo do Egito, mas também dos
milenares ídolos.
- Mas alguns trouxeram consigo o costume idólatra:
Exemplo a fabricação do bezerro de ouro.

IV – CHEGOU A HORA DA MEIA NOITE

1 – Chegou a meia noite naquela páscoa


- Um terrível grito de lamento para os egípcios
- Um grito de vitória para Israel

2 – No arrebatamento só vai subir quem tem o sinal do


sangue de Cristo.

- Mas a meia noite houve –se um clamor.


- No arrebatamento haverá grito agonizante para o mundo
sem Deus.
- A igreja a meia noite sairá da escravidão do mundo que
nos prende, para irmos a Canaã celestial.

CONCLUSÃO

Assim como no Egito, o anjo da mortandade passou, mas


protegeu onde havia sangue, e Israel saiu livre para a terra
prometida.
Só sairá desta terra que tem sinal de sangue.
Mas meia noite houve se um clamor, ai vem o esposo

Jaime Bergamim
140

QUATRO FASES NA VIDA DE JOSÉ

Texto Gn 41.38

INTRODUÇÃO

José do Egito teve quatro fases em sua vida, desde a sua


adolescência, até chegar ao governo do Egito. Aprendemos
com a vida de José, que só possuindo o Espirito Santo é que
conseguiremos vencer as lutas.

I - FASE DA PROVAÇÃO

1 – Ódio de seus irmãos

- Zombado pelos irmãos


- Jogado na cisterna
- Vendido aos mercadores
- Vendido a Potifar
-
2 – José é querido do pai

- José era confiado do pai


- Estimado
- Obediente

II – FASE DO RECONHECIMENTO

1- Reconhecido na prisão

- Interpreta os sonhos
- Da a sentença e a restauração

2 - Reconhecimento dos amigos

- Achava conosco um servo hebreu – Gn 41.12

Jaime Bergamim
141

- Ele interpretou o sonho e assim aconteceu

3 – Reconhecimento de Faraó

- Faraó reconheceu que José tinha o Espirito de Deus


- Acharíamos o mancebo como este

4 – Irmão de José tiveram que reconhecer José

- Tinha que levar a notícia ao pai


- Eles o tinham vendido, mas era hora de reconhecer que
José venceu.
- Tinha que reconhecer que mentiram sobre José

III – RESTAURAÇÃO

1 – Inicio da restauração moral

- Começo com Faraó


Foraó teve que restauro a moral de José
- Seus Irmãos Tiveram que reconhecer que os sonhos de
José tinham restaurado. Sua liderança
- Seus sonhos completamente restaurados

IV – RESSUREIÇÀO DE JOSÉ

1 – Quem tem o Espirito de Deus Não fica no sepulcro

- José ressuscitou na vida dos irmãos


- José ressuscitou no coração do pai
Para Jacó José estava morto, quando a notícia chega que
José vivia, ele foi ressuscitado no coração do pai

2 – Quando nos mata

- Nos mata moralmente

Jaime Bergamim
142

- Nos mata emocionalmente


- Nos mata espiritualmente
- Como José muitos de nós já passamos por esse caminho.
-
CONCLUSÃO

José é um belo exemplo para mim e para você, quando


muitos procuram nos matar, mas se já recebemos o Espirito
Santo seremos reconhecidos, restaurado e ressuscitado.

Jaime Bergamim
143

QUE FAREI NO FIM DISSO

Jr. 5.30 e 31b

INTRODUÇÃO

Jeremias foi o profeta da hora final de Judá, últimos


momentos da tolerância de Deus para com esse povo

I O CHAMADO DE JEREMIAS

1 - Um jovem

a - Com a penas 20 anos de idade


b - Sou uma criança - do Hb Ma-ar que refere uma
criança de 3 a 40 aos de idade
a- Traduz com sendo demasiadamente jovem

2- Início de seu ministério

a - Jeremias ministrou no período de 5 Reis


Josias (640-609) Período da reforma
Jeocaz 609 - Reinou só 3 Meses
Jeoaquim - 609-598
Joaquim - 597 - Reinou um ano
Zedequias - 597 - 586 -Reinou onze anos

3 - As visões no início de seu ministério

a - Jr. 1.11 - Um ramo de amendoeira. Arvores que


Floresce meses antes das demais, fala da vigilância de
Deus.
b - Jr 1.13 - Uma panela a ferver, com face para o norte,
lugar de onde vem as calamidades referindo a invasão da
Babilônia, que contornaria o deserto, e invadindo Judá pelo
norte.

Jaime Bergamim
144

I - ESPOSA INFIEL VOLTA

1 - O Reinado do Rei Josias

a - Ouve um despertamento. Rei Manasse deixou o povo


corrompido.
b - Volta temporária de Judá para o esposo, Deus lamenta
que a esposa tão cedo se esqueceu do amor de sua
mocidade.

2 - Os dois pecados de Judá

a - Jr. 2.13 - Trocou as fontes de águas vivas, e cavaram


cisternas rotas que não retém águas.
b - Quando foi acusada negou de seus pecados

III - A JUDA ATUAL E O MUNDO ONDE VIVEMOS

1 - A Igreja perdeu o primeiro amor

a - Coisas horrenda se anda fazendo na terra


b - A Igreja está em adultério para com o esposo
c - Mudanças no sentido doutrinários

2 - O Mundo atual

a - Querem ocupar o lugar de Deus a Ciência e os sistemas


filosóficos as descobertas dos gêmeos humanos os alimentos
transgênicos.

IV - QUE FAREI NO FINAL DE TUDO ISSO

1 - Judá foi destruída


a - Deus não poupo sua rebeldia e sua idolatria

Jaime Bergamim
145

b - Jerusalém foi transformada num monturo, templo foi


destruído.
c - O ramo de amendoeira brotou e com ele as demais
arvores.
d - A panela virada para o norte, cumpriu seu papel
Brotou o juízo de Deus e derramou a sua ira

2 - Vivendo o presente

a - O mundo atual está como Judá,


b - Quando a figueira e demais arvores quando brotar o
seus ramos, próximo está o verão.

CONCLUSÃO

Deus pai quer levantar (Jovens, homens) para este minuto


final da igreja para ser o seu porta voz, antes que ele aplique
o seu juízo divino. Despertemos enquanto é tempo, para não
sermos desarraigado com Judá e vivem como escravos em
terras longínquas.

Jaime Bergamim
146

QUEBRANDO A MALDIÇÃO

Texto bíblico: Js. 2.19

INTRODUÇÃO

Raabe – Seu nome sig altivez, insolência, orgulho


Na mitologia no cântico poético, Raabe aparece como um
monstro marinho.
Casada com Salomão, um príncipe de Judá, dela descende
Davi
Deus escolhendo uma mulher que você e eu pensamos que
jamais Deus ia escolher.
Deus escolhe aquele que não tem valor, para fazê-lo
valoroso.

I – EXEMP. DE RAABE NA TIPOLOGIA BÍBLICA

1 – Jerico seria destruída

- Estava sob a maldição da destruição


- Morava no muro, lugar de alvo para o inimigo
- Em sua casa havia almas preciosa.

II – SUA TIPOLOGIA COM A GENEOLOGIA DE JESUS

1 – Estava contada para a geração de Jesus

- Raabe estava sob a condenação da lei


- Cristo quebrou o julgo da lei
- Cristo se fez de maldito pôr nós
- Cristo descendeu da mulher que estava sob a maldição
do pecado

Jaime Bergamim
147

CONCLUSÃO

Cristo quer nos libertar do julgo do pecado e da maldição ele


fez maldito morrendo na crus.

Jaime Bergamim
148

MULHERES ESCOLIDAS

Texto Bíblico Js. 2.19

INTRODUÇÃO

A Bíblia apresenta várias mulheres que fizeram parte do plano


divino, até mesmo para o resgate do homem no plano de
salvação

I – MÃE DE MOISÉS

No julgo da escravidão do Egito ocultou Moisés seu filho


- Moisés, o homem que foi um Inst. Nas mão do Senhor.

II - ESTER

- A órfã que se tornou rainha


- Intercessora pôr livramento de morte dos judeus

III – SARA

- A estéril duvidosa
- A sorridente
- Gerou Isaque (Riso)
-

IV – ISABEL

- A mulher vergonhosa

V – RAABE

Jaime Bergamim
149

- Um instrumento para ser usado na libertação de vidas que


estava sob seu teto
- A prostituta a poupada
- Foi quebrada a sua maldição
- Dela descendeu Davi e Jesus

CONCLUSÃO

Como nos antigos tempos, Deus quer levantar mulheres


fracas, mas não fracassadas para serem instrumentos nas
suas mãos

Jaime Bergamim
150

SEGREDOS COM DEUS

INTRODUÇÃO

O Segredo ou a intimidade que o homem tem com Deus,


está no seu estreito relacionamento que possui com Deus e
com a sua palavra.

1 – SEGREDOS PRFÉTICOS

1 – Os profetas

- Amós – Prepara-te ó Israel para encontrar com o Senhor


teu Deus. Amós 4.12
- Segredo para Abraão, que iria destruir a cidade de
Sodoma e Gomorra.
- Para José do Egito – O Sonho de Faraó

II – SEGREDO NAS REVELAÇÕES DE COISAS OCULTAS

1 – Acã

- A Cunha e a capa Babilônica


- Ananias e Safira – a propriedade vendida
- Deus Sempre tem segredo para acertar com alguém

III – PERDENDO A INTIMIDADE COM DEUS

- Falta de comunhão com Deus e com o próximo


- Desobediência para com a palavra de Deus
- Deus não fala na igreja (falta de profecias)
- Deus não realiza milagre
-
1 – Homens que tiveram intimidade com Deus

Jaime Bergamim
151

Abraão – Amigo de Deus


Daniel – Homem mui desejado
Davi – Homem segundo o coração de Deus
Jó – Homem Justo e integro, que perdeu tudo, mas manteve
segredo com Deus.

2 – Mulheres que tiveram intimidade com Deus

Ana – A mulher que chorou por um filho


Joquebede – Ocultou Moisés confiando no segredo de Deus
para com Israel.

IV – SEGREDOS QUE DA ETERNIDADE QUE NOS


ESPERA.

- O que os olhos não viram e nem subiu ao coração do


homem, é o que está reservado para os salvos.
- Na eternidade será revelado segredos que o homem
jamais imaginou.
- Segredos que foram explorados pelo homem, mas nunca
descoberto pela mente humana.

CONCLUSÃO

Mantemos segredos e intimidade com Deus, para que ele nos


revele seus mistérios de acordo com a capacidade de cada
um.

Jaime Bergamim
152

TEMPO DE AVIVAMENTO

TEXTO ISAIAS 51.4 E 9

INTRODUÇÃO

É templo de avivamento, mas é preciso que que façamos a


nos parte, falaremos neste texto sobre dois tipos de
avivamento: Avivamento Horizontal e avivamento Vertical.

I AVIVAMENTO HORIZONTAL

1 - Consiste basicamente em uma mudança de estado

A - Vida de Oração
Tendo Orado Moveu se O lugar em que estavam e
todos foram cheio do Espirito Santo (Atos 4.31).
Paulo e Silas oram e o Cárcere se Abre (ATO 16.26)
Pedro foi solto da prisão (Atos 12.)
B - Está relacionado com a igreja Visível, grupo étnico em
uma local União. SL. Hó quão e com suave é que os Irmão....
(SL.33)
C- Vida Intima com Deus. Os que me buscam de Manhã me
acharam.
D - Dedicação e trabalho
Deus Habita em entre os louvores

II - AVIVAMENTO VERTICAL

1 - Consiste no derramamento do poder de Deus


A - No Carmelo com Elias
B - Com os Setenta Anciões
C - No dia de Pentecostes
D - O poder de Deus na Igreja Visível

Jaime Bergamim
153

TRES LUGARES NA VIDA DE UM HOMEM

TEXTO BIBLICO II RS 2.1

INTRODUÇÃO

A vida de um homem é de um estágio a pós outro, para


crescer na graça e no conhecimento e fortalecendo no
poder que a em Cristo Jesus

I- Um homem que seguiu os passos de Elias

- Elias desce a Gigal, prefere deixar seu moço ali


- Gigal, fica situada a 13 km de Betel nas montanhas de
Efrain
- Gigal início, ponto de partida
- Acampamento de Israel após passar o Jordão
-
II – ESCOLA DE PREOFETAS

Preparação espiritual e material


Fundada pôr Samuel
Em Gigal, Bete e Jerico estava esta escola
Preparação espiritual do obreiro

III – GIGAL E O MINISTERIO

Todo homem tem seu gigal ministerial – Moisés em


Horebe Josué – em refedin, para lutar contra os amalaquitas,
aqui aparece a primeira vez o nome Josué na narrativa
BIBLIA. Paulo no caminho de Damasco.

IV – EM GIGAL NOS EMCONTRAMOS

Jaime Bergamim
154

A primeira esperança d Eliseu no plano da salvação, é o


Início de uma vida espiritual a saída do mundo e ingressar na
vida Espiritual.

V – CHEGADAEM BETEL

Casa de Deus, lá esteve Abraão, Jacó


Lugar de santidade, comunhão com Deus
Lugar de desprezo das coisas do mundo.

VI – CHEGADA EM JERICÓ

Jerico representa o mundo e seu engano, cidade de


Maldição lá estava Raabe, porem foi quebrada a
Maldição que estava sobre Raabe, para ela se
Tornas, uma mulher que ia fazer parte da genealogia
De Jesus Deus que arrancar muito dessa Jericó

VII- JORDÃO RIO DE DEUS

Elizeu vai até Jordão para receber a benção


No Jordão também significa separação.
foi lá que Abraão e Ló se separaram,
foi lá que Elias e Elizeu se separou
foi no Jordão que Elizeu recebeu o manto de profeta

COMCLUSÃO

Em cada estágio de nossa vida, precisamos aprender


com Deus quer que sejamos na escola de profetas
aprendemos, na Gigal ministerial
Aprendemos e encontramos, assim prosseguimos até o
rio de Deus, o Jordão.

Jaime Bergamim
155

TRES GRANDES PERIGO PARA O HOMEM

Texto
Lc. 12.15

INTRODUÇÃO

Homens sempre tive de enfrentar grandes perigos. Esses


perigos têm se multiplicado a cada dia. Esses grandes perigos
são originados de outros problemas gerais.

I - O PERIGO DA RIQUEZA

- Cada um deve ter sua economia, mas essa não pode ser o
seu principal negocio
- Confiar em riquezas pode se tornar em decepção
- Muitas vezes para adquirir riqueza, não se medem meios
para alcançar (Negócios enganosos, mentira Etc)
- Possuir riquezas não garante felicidade
- As riquezas escraviza as pessoas
a - Riqueza Real
b - Riquezas imaginárias

II - FAMA TRAZ PERIGO ( Mc 10.37)

- Alcançar a fama a qualquer preço


- Todos nós julgamos merecedores de posição Fama
- Deus na crítica "Não sabeis o que pedis"
- Muitos Deixam Família, igreja e tudo mais em busca de
fama.
- Buscando posição para ganhar fama
- Títulos tem levado muitos a se orgulhar e garria fama
- Espirito de Grandeza é o primeiro sinal de infantilidade.

Jaime Bergamim
156

III - O PERIGO DA CONQUISTA (Mt 4.8-9)


- Tornando se dono de tudo - Proposta feito por satanás
- Para se conquistar algo muitos lançam mão do crime
- Desejo de Domínio já levou homens a derramar sangue
inocente Ex. Hitler, Napoleão, Nero e outro
- Conquista ambiciosa não deve ter lugar no coração do
Cristão

CONCLUSÃO

Se você estiver debaixo de alguns desses perigos, fuja o mais


rápido possível, peça graça a Deus e sai vencedor pelo
sangue de Jesus.

Jaime Bergamim
157

A VITORIA GANHA POR FÉ

TEXTO MARCOS 5.24-2

INTRODUÇÃO

Nesta mensagem vamos aprender o poder da fé, o que a fé


de uma pessoa pode fazer, quando bem alicerçada em Cristo
Jesus. Esta mulher nos deixa um grande exemplo de fé e
esforço.

I - SUA DECEPÇÃO

A - Condenada à morte V. 6 Padecerá muito nas mãos de


vários médicos
B - Recursos humanos falido tendo despendido tudo quanto
tinha ou possuía.
C - Sem estimulo para viver, sem, contudo, nada aproveitar,
antes pelo contrário ia tudo a pior.

II - SUA ULTIMA ESPERANÇA

A - Ouviu a falar de Jesus Bem-aventurado aqueles que


houve e crer. Quando ouvimos a falar - de Jesus alguma
coisa acontece

B- Foi ao encontro de Jesus


Veio por traz dele por entre a multidão é preciso ir ao
encontro de Jesus se quisermos a sua benção
C - Deparou com os obstáculos:
A multidão impedia a sua passagem
A Opinião Pública: O que pensarão de mim
Desanimo Pela dificuldade para chegar a Jesus

Jaime Bergamim
158

III - ESPERTOU A SUA FÉ

A - Se eu apenas tocar na orla de seu vestido


C - É preciso tocarmos em Jesus pela fé

IV - A SUA VITÓRIA

A - Colocou a sua fé em ação


B - Sua fé foi recompensada
C - Sentiu o seu corpo estar curado

V – CONCLUSÃO

A Maior enfermidade hoje não é o câncer e muito menos a


AID que mata milhões de peso, mas sim o pecado que além
de matar o corpo conduz o homem ao inferno (eternidade sem
Cristo.

Jaime Bergamim
159

TRISTEZA, O ARREPENDIMENTO E GOZO DE DEUS

Tchã. Gn6.6

INTRODUÇÃO

Deus se entristece com o pecado do homem, mas se regozija


quando esse mesmo homem se arrepende, uma vez que o
arrependimento de Deus é a mudança de atitude para com o
homem.

I - DEUS ARREPENDENDO

1 - Como Deus se arrepende

Gn 6.6 - Diz que Deus se arrependeu de ter feito o homem


- Esse arrependimento está vinculado ao seu amor para com
o homem.
- Na presciência de Deus ele sabia que o homem ia pecar, por
isso colocou a arvore da ciência do bem e do mal no meio do
jardim.
- Sabendo que o homem ia pecar, o cordeiro já foi morto
antes da fundação do mundo Ap. 3.8

2 - O arrependimento de Deus é devido ao estado que o


homem passou a viver

- É o desagrado pelo pecado


- É a reação de Deus contra o pecado
- Esse arrependimento faz Deus mudar de atitude para com o
homem
- Atitude de Juízo para com a de misericórdia

3 - Os propósito de Deus São imutáveis

Jaime Bergamim
160

- Deus não mente e nem se arrepende, pois não é homem ‘I


Sm 15.29".
- Nele não há mudança e nem sobre de variação "Tg 1.17".

4 - Deus muda de posição

- Quando o homem se arrepende Ex. 32.14 (construção do


bezerro de Ouro). Mediante a suplica de Moisés" Então Deus
se arrependeu do mal que dissera que havia de fazer"

II - TRISTEA E REGOZIJO DE DEUS

1 - Pesou-lhe o coração

- Esse peso no coração, refere-se a tristeza que Deus teve de


ver o homem caído
- Deus pode se entristecer, mas o Espirito Santos jamais.
"Não entristeçais o Espirito Santo, o qual estais selados para
o dia da redenção" Ef. 4.30

III - REGOZIJO DO SENHOR (Jubilo e prazer)

- Quando um pecador se arrepende


- Alegria do Senhor nossa força é Ne 8.10
- Então irei ao altar de Deus, do Deus que é a minha alegria

CONCLUSÃO

Somente um Deus tão terno e amoroso, que pode


compreender o homem de débil pecado, ao ponto de
arrepender de ter feito a o mesmo, por causa do pecado que
passou a operar no homem e causar sofrimento na sua
imagem e semelhança, mas que se regozija quando esse
mesmo homem se arrepende

Jaime Bergamim