Você está na página 1de 8
UM PROTÓTIPO DE APLICATIVO PARA PLATAFORMAS MÓVEIS DE INSPEÇÃO VISUAL E CÁLCULO DE PARÂMETROS DE SOLDAGEM
UM PROTÓTIPO DE APLICATIVO PARA PLATAFORMAS MÓVEIS DE INSPEÇÃO VISUAL E CÁLCULO DE PARÂMETROS DE SOLDAGEM

UM PROTÓTIPO DE APLICATIVO PARA PLATAFORMAS MÓVEIS DE INSPEÇÃO VISUAL E CÁLCULO DE PARÂMETROS DE SOLDAGEM

  • 1 Alex Aguiar da Silva; 2 Thiago Araujo Silva de Oliveira; 3 José Cícero da Silva Santos; 4 Rafaela Rosângela Rodrigues dos Santos

  • 1 alex.aguiar@ifal.edu.br; 1 thiago.oliveira@ifal.edu.br; 1 ciceroprsssantos@gmail.com; 1 rafaelarosangela123@gmail.com

    • 1 IFAL Campus Coruripe; Rua Profª. Maria Petrúcia dos Santos, S/N; CEP: 57.230-000; Coruripe; Alagoas; Brasil

RESUMO: Este projeto teve como objetivo criar um aplicativo para plataformas móveis que venha a contribuir na atuação profissional e também na formação dos técnicos da área de soldagem. A soldagem é um processo usado para unir materiais de forma permanente. Sua aplicação varia de acordo com os diversos métodos existentes e características: juntas apresentadas, forma, espessura, geometria das peças, tipo de material usado e etc. Por fim, é um processo que envolve muitos procedimentos da metalurgia como, por exemplo, a fusão e a solidificação. Grande parte dessa complexidade está consolidada em procedimentos, fórmulas e equações matemáticas presentes na literatura da área. A execução adequada, precisa e confiável dos processos de soldagem requer bastante conhecimento teórico e experiência no processo. Sendo assim, o principal objetivo deste projeto consta na elaboração de uma solução que facilite e guie ao procedimento correto do processo de soldagem mediante a execução correta de cálculos e parâmetros de soldagem assim como a inspeção do trabalho realizado. Para tal, propõe-se o desenvolvimento de um protótipo de um aplicativo para plataformas móveis que possa auxiliar o profissional no projeto, execução e inspeção do processo de soldagem. PALAVRAS-CHAVE: Aplicativo; Soldagem; Inspeção visual

  • 1 INTRODUÇÃO

O crescente acesso aos dispositivos móveis capazes de executar aplicações desenvolvidas por terceiros, está gerando uma disseminação de aplicativos nas mais diversas áreas. Apesar do uso dos aplicativos voltados ao entretenimento, como as redes sociais e jogos, m-commerce e aplicativos de bancos de dados estarem no topo entre os mais utilizados, vem crescendo bastante o uso de aplicativos para soluções das mais diversas tarefas. Tablets e Smartphones demonstram possuir cada vez mais utilidades e aplicabilidades no dia-a-dia contemporâneo, seja para auxiliar em seu ambiente de trabalho, ambiente familiar, ou mesmo como uma forma de entretenimento (HERNANDEZ etal,

2012).

Sendo assim, foram avaliadas as lojas de aplicativos google play e apple store e poucas foram as ofertas de aplicação para área, de forma que observou-se uma demanda por soluções móveis para o setor de processo de fabricação por soldagem, assim como outros setores, e que pode ser alvo de melhorias que tornem os processos mais eficientes no que se refere a parte de cálculos envolvidos no processo e inspeção do trabalho realizado. A aplicabilidade no segmento de soldagem é totalmente possível, otimizando o trabalho desenvolvido pelo soldador e inspetor, profissionais esses que contemplam todo o processo produtivo

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

de peças soldadas. Uma das principais características da soldagem é o grande número de parâmetros e
de peças soldadas. Uma das principais características da soldagem é o grande número de parâmetros e

de peças soldadas. Uma das principais características da soldagem é o grande número de parâmetros e variáveis envolvidas, além da complexidade de suas inter-relações (MARQUES, MODENESI; 2014). A complexidade da soldagem atrelada ao potencial que os aplicativos têm em resolver equações numéricas, projeta o uso da solução a ser desenvolvida com um grande potencial de contribuição ao segmento. No aspecto pedagógico, para quem leciona disciplinas que se utilizam de incessantes fórmulas matemáticas é bastante comum evidenciar o enfado dos alunos para identificar qual fórmula selecionar, como resolver cada uma delas, quais parâmetros conhecer e quais deverão ser obtidos. Isso sujeita o Brasil a uma desconfortável 66ª posição no ranking mundial de aprendizagem da matemática em uma lista de 70 países contemplados pelo Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA, 2016). Essa dificuldade, no entanto, não finda nem muito menos se restringe a sala de aula, passando portanto para o seu local de trabalho, ainda mais quando este requer aquelas fórmulas que o aluno tanto relutou em sala de aula. Além das dificuldades matemáticas também pode-se notar uma grande variação de modelos de relatórios de atividades práticas apresentados, muitos deles sem respeitar normas e diretrizes que devem ser utilizadas para elaboração dos mesmos. Mediante esse cenário, pode-se constatar que a utilização de dispositivos capazes de automatizar algumas tomadas de decisões como: Qual fórmula usar? Como resolver a equação? Qual modelo de relatório seguir? Tem uma elevada significância no que diz respeito a otimização do trabalho executado assim como um aumento da sua qualidade, seja no processo de soldagem em si como também na inspeção da peça soldada. Para garantir uma maior disseminação do aplicativo, o mesmo vem sendo desenvolvido com ferramentas (linguagem de programação e bibliotecas) que permitam que o mesmo possa ser disponibilizado nos sistemas operacional Android e IOS, devido o fato destes serem as mais utilizadas hoje em dia tanto em smartphones quanto em tablets. Entre as funcionalidades, além de calcular parâmetros de soldagem que seriam encontrados somente através de equações complexas, o aplicativo também possibilitaria ao inspetor visual de soldagem o registro de imagens da solda com possíveis defeitos com a própria câmera do aparelho. Em seguida, essas imagens seriam importadas para o aplicativo com a finalidade de geração automática de um relatório preliminar. Sendo assim, além de otimizar os cálculos efetuados pelo profissional antes de executar seu trabalho, o aplicativo ajudaria também a reduzir drasticamente o tempo desprendido pelo inspetor de soldagem na elaboração de seu relatório preliminar do processo. Além da praticidade, os aplicativos, quando comparados a softwares já existente no mercado, garantem uma maior versatilidade, tendo em vista que a capacidade de manuseio e locomoção de smartphones e tablets supera o dos computadores convencionais e notebooks. Atualmente existem alguns aplicativos que se prestam a solucionar determinadas demandas da soldagem, tais como: Guia de Seleção Soldagem, Auxiliar de Soldagem e o Advanced Welding Technology (todos podem ser encontrados no Google Play), no entanto, pecam no fato de não terem uma interatividade com o usuário minimamente adequada, se utilizando de imagens estáticas e em alguns deles com textos enfadonhos e de caráter puramente tecnicista, conforme pode-se observar nas Fig. 1 abaixo:

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

Figura 1 – Alguns aplicativos existentes na área de soldagem Nota-se portanto que o aspecto dinâmico
Figura 1 – Alguns aplicativos existentes na área de soldagem Nota-se portanto que o aspecto dinâmico

Figura 1 Alguns aplicativos existentes na área de soldagem

Figura 1 – Alguns aplicativos existentes na área de soldagem Nota-se portanto que o aspecto dinâmico

Nota-se portanto que o aspecto dinâmico e interativo do aplicativo em desenvolvimento é um grande diferencial frente aos mais conhecidos além de possuir um fato inédito que nenhum outro apresentou que é a inspeção visual através do proprio aplicativo com conversão do resultado para um relatório preliminar de inspeção visual, tornando-o mais amplo que os demais. Algumas imagens do aplicativo pode ser visualizado na Fig. 2 abaixo:

Figura 2 - Aplicativo desenvolvido

Figura 1 – Alguns aplicativos existentes na área de soldagem Nota-se portanto que o aspecto dinâmico

2 METODOLOGIA

O processo de construção do aplicativo para soldagem e inspeção visual de solda foi dividido em quatro partes, a saber: pesquisa bibliográfica; construção de planilhas tendo como base as principais fontes bibliográficas selecionadas; elaboração do layout do aplicativo e desenvolvimento do software. No que diz respeito a pesquisas bibliográficas, foi levado em consideração os três processos de soldagem mais usuais: Eletrodo Revestido, Metal Inert Gas/Metal Active Gas (MIG/MAG) e Tugsten

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

Inert Gas (TIG). Dentre os principais nomes do acervo técnico estudado, destacou-se o livro “Soldagem: Processos
Inert Gas (TIG). Dentre os principais nomes do acervo técnico estudado, destacou-se o livro “Soldagem: Processos

Inert Gas (TIG). Dentre os principais nomes do acervo técnico estudado, destacou-se o livro “Soldagem: Processos e Metalusgia” (WAINER et al, 1992) para aquisição de tabelas e o “Soldagem:

Fundamentos e Tecnologia” (MARQUES et al, 2005) para revisão teórica de cada processo. O critério utilizado para seleção de tabelas e métodos de seleção de parâmetros de soldagem foram de modo a simplificar ao máximo as tomadas de decisões por parte do usuário. A Fig. 3 mostra um exemplo de tabela do processo de soldagem por eletrodo revestido na posição plana e soldagem em topo com chanfro reto onde, o único elemento de entrada para se saber todos os demais parâmetros de saída é a espessura da chapa a ser soldada. Em alguns casos foram inseridos mais de um elemento de entrada como número de passes e tipo de material.

Figura 3 - Exemplo de tabela utilizada para soldagem por eletrodo revestido

Inert Gas (TIG). Dentre os principais nomes do acervo técnico estudado, destacou-se o livro “Soldagem: Processos

Em seguida, cada tabela foi passada para o Excel tendo como principais motivadores o fato de pré-visualizar o comportamento dos cálculos dos parâmetros de saída tendo como base os parâmetros de entrada previamente selecionados assim como a geração de códigos lógicos e relações entre tais parâmetros, os quais seriam utilizados posteriormente no algorítimo na etapa de criação do aplicativo. Em se tratando de projetos de desenvolvimento de software, a construção das planilhas foi fundamental para a compreensão dos requisitos do software, favorecendo uma comunicação eficiente e precisa, entre a equipe que compreende as regras de domínio e a equipe de desenvolvimento da aplicação. A Fig. 4 ilustra um exemplo da tradução de tabelas do livro em planilhas. Esta figura ilustra a Fig. 3 como planilha, de forma que a célula em amarelo ilustra o dado de entrada e as células em azul ilustram os dados de saída. Nota-se também que serão abordadas apenas chapas com espessuras que foram encontradas nessas tabelas e, devido a isso, o usuário fica restrito as mesmas, devendo escolher a espessura mais próxima (caso não seja igual) ao da chapa que está trabalhando.

Figura 4 - Planilha gerada de tabelas

Inert Gas (TIG). Dentre os principais nomes do acervo técnico estudado, destacou-se o livro “Soldagem: Processos

Uma vez que as planilhas capturavam as regras de calculo, o aspecto visual e o fluxo das funcionalidades foi sendo desenvolvido através de prototipação. A ferramenta adotada para criação

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

do protótipo foi a Creator, disponível em <a href=http://creator.ionic.io . Este ambiente online permite a elaboração de protótipos de aplicativos móveis através de paletas de componentes e com drag-in- drop (clicando e soltando) criar telas e fluxos de um aplicativo. Para uso da ferramenta não é necessário conhecimento de programação, no entanto a mesma já constrói o protótipo disponibilizando para componentes de interface das plataformas móveis Android, Iphone e Windows Phone. A seleção da ferramenta de protótipo foi diretamente influenciada pelo requisito de implantação da aplicação em múltiplas plataformas. O Creator Ionic oferece a criação das chamadas aplicações móveis híbridas, essas são desenvolvidas utilizando tecnologias web (HTML5, CSS e Javascript). A principal vantagem é que essas são mais simples e, consequentemente, mais rápidas de se desenvolver, além de com pouco esforço estarem disponíveis para diversas plataformas. O código gerado pelo Creator, utiliza a plataforma/framework de desenvolvimento Ionic, criada pela Google e baseada na sua principal tecnologia de desenvolvimento web , o Angular. Outro recurso utilizado para melhorar a testabilidade da solução durante o desenvolvimento foi a IDE Android Studio, um ambiente de desenvolvimento voltado para o sistema operacional Android. A finalidade do seu uso foi o recurso da emulação da aplicação em diversas versões do sistema operacional Android. Figura 5 - Ambiente Creator / IONIC 3 RESULTADOS E DISCUSSÕES O aplicativo de cálculo de parâmetros de soldagem e inspeção visual ainda encontra-se em desenvolvimento no que diz respeito a junção das quatro etapas mencionadas anteriormente, no entanto, as partes que compões o mesmo já refletem claramente os benefícios conseguidos na área de soldagem e inpeção visual. Separaremos aqui este tópico em duas partes, a saber, os resultados na área da soldagem e na área de inspeção visual de soldagem. 3.1 Soldagem Assim que abrimos o aplicativo, o mesmo mostrará, em sua primeira tela, dois possíveis CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018 " id="pdf-obj-4-2" src="pdf-obj-4-2.jpg">
do protótipo foi a Creator, disponível em <a href=http://creator.ionic.io . Este ambiente online permite a elaboração de protótipos de aplicativos móveis através de paletas de componentes e com drag-in- drop (clicando e soltando) criar telas e fluxos de um aplicativo. Para uso da ferramenta não é necessário conhecimento de programação, no entanto a mesma já constrói o protótipo disponibilizando para componentes de interface das plataformas móveis Android, Iphone e Windows Phone. A seleção da ferramenta de protótipo foi diretamente influenciada pelo requisito de implantação da aplicação em múltiplas plataformas. O Creator Ionic oferece a criação das chamadas aplicações móveis híbridas, essas são desenvolvidas utilizando tecnologias web (HTML5, CSS e Javascript). A principal vantagem é que essas são mais simples e, consequentemente, mais rápidas de se desenvolver, além de com pouco esforço estarem disponíveis para diversas plataformas. O código gerado pelo Creator, utiliza a plataforma/framework de desenvolvimento Ionic, criada pela Google e baseada na sua principal tecnologia de desenvolvimento web , o Angular. Outro recurso utilizado para melhorar a testabilidade da solução durante o desenvolvimento foi a IDE Android Studio, um ambiente de desenvolvimento voltado para o sistema operacional Android. A finalidade do seu uso foi o recurso da emulação da aplicação em diversas versões do sistema operacional Android. Figura 5 - Ambiente Creator / IONIC 3 RESULTADOS E DISCUSSÕES O aplicativo de cálculo de parâmetros de soldagem e inspeção visual ainda encontra-se em desenvolvimento no que diz respeito a junção das quatro etapas mencionadas anteriormente, no entanto, as partes que compões o mesmo já refletem claramente os benefícios conseguidos na área de soldagem e inpeção visual. Separaremos aqui este tópico em duas partes, a saber, os resultados na área da soldagem e na área de inspeção visual de soldagem. 3.1 Soldagem Assim que abrimos o aplicativo, o mesmo mostrará, em sua primeira tela, dois possíveis CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018 " id="pdf-obj-4-4" src="pdf-obj-4-4.jpg">

do protótipo foi a Creator, disponível em http://creator.ionic.io. Este ambiente online permite a elaboração de protótipos de aplicativos móveis através de paletas de componentes e com drag-in- drop(clicando e soltando) criar telas e fluxos de um aplicativo. Para uso da ferramenta não é necessário conhecimento de programação, no entanto a mesma já constrói o protótipo disponibilizando para componentes de interface das plataformas móveis Android, Iphone e Windows Phone. A seleção da ferramenta de protótipo foi diretamente influenciada pelo requisito de implantação da aplicação em múltiplas plataformas. O Creator Ionic oferece a criação das chamadas aplicações móveis híbridas, essas são desenvolvidas utilizando tecnologias web (HTML5, CSS e Javascript). A principal vantagem é que essas são mais simples e, consequentemente, mais rápidas de se desenvolver, além de com pouco esforço estarem disponíveis para diversas plataformas. O código gerado pelo Creator, utiliza a plataforma/framework de desenvolvimento Ionic, criada pela Google e baseada na sua principal tecnologia de desenvolvimento web, o Angular. Outro recurso utilizado para melhorar a testabilidade da solução durante o desenvolvimento foi a IDE Android Studio, um ambiente de desenvolvimento voltado para o sistema operacional Android. A finalidade do seu uso foi o recurso da emulação da aplicação em diversas versões do sistema operacional Android.

Figura 5 - Ambiente Creator / IONIC

do protótipo foi a Creator, disponível em <a href=http://creator.ionic.io . Este ambiente online permite a elaboração de protótipos de aplicativos móveis através de paletas de componentes e com drag-in- drop (clicando e soltando) criar telas e fluxos de um aplicativo. Para uso da ferramenta não é necessário conhecimento de programação, no entanto a mesma já constrói o protótipo disponibilizando para componentes de interface das plataformas móveis Android, Iphone e Windows Phone. A seleção da ferramenta de protótipo foi diretamente influenciada pelo requisito de implantação da aplicação em múltiplas plataformas. O Creator Ionic oferece a criação das chamadas aplicações móveis híbridas, essas são desenvolvidas utilizando tecnologias web (HTML5, CSS e Javascript). A principal vantagem é que essas são mais simples e, consequentemente, mais rápidas de se desenvolver, além de com pouco esforço estarem disponíveis para diversas plataformas. O código gerado pelo Creator, utiliza a plataforma/framework de desenvolvimento Ionic, criada pela Google e baseada na sua principal tecnologia de desenvolvimento web , o Angular. Outro recurso utilizado para melhorar a testabilidade da solução durante o desenvolvimento foi a IDE Android Studio, um ambiente de desenvolvimento voltado para o sistema operacional Android. A finalidade do seu uso foi o recurso da emulação da aplicação em diversas versões do sistema operacional Android. Figura 5 - Ambiente Creator / IONIC 3 RESULTADOS E DISCUSSÕES O aplicativo de cálculo de parâmetros de soldagem e inspeção visual ainda encontra-se em desenvolvimento no que diz respeito a junção das quatro etapas mencionadas anteriormente, no entanto, as partes que compões o mesmo já refletem claramente os benefícios conseguidos na área de soldagem e inpeção visual. Separaremos aqui este tópico em duas partes, a saber, os resultados na área da soldagem e na área de inspeção visual de soldagem. 3.1 Soldagem Assim que abrimos o aplicativo, o mesmo mostrará, em sua primeira tela, dois possíveis CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018 " id="pdf-obj-4-18" src="pdf-obj-4-18.jpg">
  • 3 RESULTADOS E DISCUSSÕES

O aplicativo de cálculo de parâmetros de soldagem e inspeção visual ainda encontra-se em desenvolvimento no que diz respeito a junção das quatro etapas mencionadas anteriormente, no entanto, as partes que compões o mesmo já refletem claramente os benefícios conseguidos na área de soldagem e inpeção visual. Separaremos aqui este tópico em duas partes, a saber, os resultados na área da soldagem e na área de inspeção visual de soldagem.

3.1 Soldagem

Assim que abrimos o aplicativo, o mesmo mostrará, em sua primeira tela, dois possíveis

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

caminhos a seguir: soldagem e inspeção. Ao selecionar “Soldagem”, o usuário será lembrado de usar os
caminhos a seguir: soldagem e inspeção. Ao selecionar “Soldagem”, o usuário será lembrado de usar os

caminhos a seguir: soldagem e inspeção. Ao selecionar “Soldagem”, o usuário será lembrado de usar os Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) correlatos à prática de soldagem, no entanto, não

será impedido de seguir adiante caso não se preoculpe em verificar se está usando tais EPI’s. Em seguida, o usuário deverá escolher qual o processo de soldagem irá trabalhar: Eletrodo revestido,

MIG/MAG ou TIG. Vale lembrar que na grande maioria das telas optou-se pela utilização de GIF’s ao inves de imagens estáticas, sendo esse um dos grandes diferenciais deste aplicativo frente aos demais já existentes no mercado. Cada processo tem sua lógica de obtenção de parâmetros. Enquanto alguns necessitam apenas da espessura da chapa, outros necessitam saber, por exemplo, que tipo de material será soldado,

números de passes de soldagem, posição de soldagem e até mesmo o tipo de corrente utilizada para só assim descrever os parâmetros de saída. Após a seleção do processo, será aberta uma tela onde mostra uma animação do processo a fim de que o usuário certifique-se de que é este que lhe interessa. Essas funcionalidades foram completamente testadas e aprovadas na planilha da Fig. 4, de forma que o aplicativo irá apenas reproduzir o que já foi feito nestas planilhas. Ao escolher, por exemplo, o processo de soldagem por Eletrodo Revestido, o usuário verá, na

tela seguinte, uma animação do processo e, após confirmar clicando em “Próximo”, o mesmo deverá

informar qual o tipo de posição de soldagem e/ou o tipo de chanfro. Neste caso, a depender do tipo de posição de soldagem escolhido, seré questionado ao usuário a espessura da chapa e, em alguns

casos, o número de passes. Após informados esses parâmetros, o usuário clica em “Calcular” e a

última tela referente a Soldagem é mostrada com os parâmetros de saídas. É importante resaltar que esses parâmetros de saída são norteadores e não exatos, pois podem variar a depender do soldador. Se o soldador não mantiver, por exemplo, a velocidade de soldagem especificada, alguns parâmetros de saída poderão sofrer alterações. A Fig. 6 ilustra um esquema do processo de seleção de parâmetros do processo de soldagem por Eletrodo Revestido.

Figura 6 - Seleção de parâmetros para soldagem por Eletrodo Revestido

caminhos a seguir: soldagem e inspeção. Ao selecionar “Soldagem”, o usuário será lembrado de usar os

No fim da última tela da Fig. 6 pode-se observar ainda que será possível enviar os resultados via e-mail a fim de arquivá-los ou estar mantendo comunicação em tempo real com supervisores do trabalho. Também será possível estar imprimindo o resultado a partir de uma conexão sem fio com qualquer impressora que possua essa funcionalidade e, o último botão da parte inferior direita da respectiva tela possibilita ao usuário voltar ao menu inicial onde novamente estará apto a escolher cálculos de parâmetros de soldagem (inclusive por outros processos) ou a inpeção da solda efetuada.

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

3.2 Inspeção Visual de Soldagem O módulo de Inspeção Visual de Soldagem deve ser selecionado para
3.2 Inspeção Visual de Soldagem O módulo de Inspeção Visual de Soldagem deve ser selecionado para
  • 3.2 Inspeção Visual de Soldagem O módulo de Inspeção Visual de Soldagem deve ser selecionado para inspeção de soldas e

registro de possíveis defeitos. Ao selecionar, no menu inicial, o botão “Inspeção”, o usuário será levado a próxima tela onde terá duas opções: “Foto” e “Inserir Defeito”. A primeira ativará a câmera

do próprio aparelho móvel para registro do posspivel defeito na solda realizada. Após o registro da imagem, a câmera será desativada e retorna-se para a tela antecessora. Logo após, o usuário deverá

clicar em “Inserir Defeito” e selecionar o(s) defeito(s) atrelados a imagem capturada.

Os defeitos cadastrados são: mordedura, poros, trinca, cordão fino, falta de fusão, cordão largo, respingo, desalinhamento e falta de penetração. Após a seleção do(s) defeito(s) atrelados a imagem, o usuário deverá informar se a peça com esse(s) defeito(s) está aprovada ou reprovada, tendo em vista

que alguns defeitos da soldagem são toleráveis a depender do destino da peça, e outros não. Após a

seleção de todas as imagens que componham a inspeção, o usuário deverá clicar em “Gerar Relatório”

para obter um relatório preliminar e normatizado. Esse relatório, assim como no ítem anterior, foi elaborado no Excel e importa os dados de imagem, defeito e aprovação/reprovação. Após a seleção da geração de relatório, algumas infrmações complementares serão solicitadas, a saber: conclusão total da inspeção, informações complementares (onde o usuário terá o espaço de inserir maiores informações da inspeção), quem elaborou a solda, cliente (a quem se destina a inspeção), nº do desenho (se tiver). As outras informações serão preenchidas automaticamente. A Fig. 6 ilustra o esquema do procedimento de inspeção do aplicativo e a Fig. 7 o esquema de relatório que foi produzido em Excel.

Figura 7 - Módulo de Inspeção Visual

3.2 Inspeção Visual de Soldagem O módulo de Inspeção Visual de Soldagem deve ser selecionado para

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018

Figura 8 - Modelo de relatório de inspeção 4 CONCLUSÕES Como aplicativo destinado ao setor de
Figura 8 - Modelo de relatório de inspeção 4 CONCLUSÕES Como aplicativo destinado ao setor de

Figura 8 - Modelo de relatório de inspeção

Figura 8 - Modelo de relatório de inspeção 4 CONCLUSÕES Como aplicativo destinado ao setor de
  • 4 CONCLUSÕES

Como aplicativo destinado ao setor de soldagem, o protótipo apresentado supre consideravelmente a demanda atualmente existente, a saber: projetar parâmetros de soldagem a fim de obter uma solda de qualidade e, de forma exclusiva quando comparado aos aplicativos atualmente existentes, o módulo de inspeção de soldagem com geração de relatório preliminar. Tais funcionalidades, ainda que discutidas neste trabalho em forma de protótipo, já está completamente feita em planilhas, amarradas com lógicas características do excel. Como trabalhos futuros pretendese incorporar ao áplicativo um módulo em que os usuários possam estar atualizando e dando maior exatidão aos dados de saída calculados, uma vez que muitos resultados não são um valor exato, mas sim uma faixa de valores. Isto possibilitaria ao soldador uma elaboração de solda ainda melhor e com economia de tempo e energia.

  • 5 REFERÊNCIAS

Hernandez, D. M.; Alves, F.; Salvador G. S.; Silva, G. M.; Anhaia, L.; Santos, R. A.; Barros, W.V. A Popularização dos Smartphones e Tablets; ETEC de Hortolândia: Hortolândia, 2012, Pág. 3. Marques, P. V., Modonesi, P. J. Algumas Equações Úteis em Soldagem. Soldag. Insp. São Paulo, Vol. 19, Nº. 01, p.091-102, Jan/Mar 2014 Programa Internacional de de Avaliação de Alunos (PISA). Disponível em:

http://portal.mec.gov.br/component/tags/tag/33571. Acesso: 01 jun 2017 Wainer, E., Brandi, S. D., & MELLO, F. D. Soldagem: processos e metalurgia. Edgard Blücher Ltda, São Paulo. 1992. Modenesi, P. J., Marques, P. V., & Bracarense, A. Q. Soldagem-fundamentos e tecnologia. Editora UFMG. 2005

CONECTE 2018 Anais do XI Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia Universidade Federal de Alagoas, Centro de Tecnologia, Programa Especial de Capacitação Discente 14 e 15 de Abril, 2018