Você está na página 1de 3

“Diz o insensato em seu coração: Não há Deus” (Salmo 14:1)

O ateísmo é tão antigo quanto a humanidade.

Davi não está falando aqui daquele ateísmo filosófico e cientiífico que vemos hoje. Davi está
falando de uma descrença de que Deus esteja presente na nossa vida. Davi está combatendo
um ateísmo prático, não o científico.

Claro que todas as pesquisas cientificas atéias são fruto de um pensamento de que Deus não
está presente na vida do homem. Entretanto Davi está combatendo esse ateísmo prático.

Mas desde a antiguidade nós encontramos pessoas que duvidam da existência de Deus, ou dos
deuses. Na Grécia os filósofos questionavam se realmente existiam os deuses da mitologia
grega.

Mas foi só mais recentemente na história, a partir do século 17, que o ateísmo foi visto como
algo intelectual. Porque até o século 17 os ateus eram vistos com muito preconceito. Era visto
como uma aberração filosófica, científica. Mas a partir do séc. 17 o ateísmo começou a parecer
ser mais intelectual, principalmente por seu envolvimento com a ciência.

Então, hoje o ateísmo tem dominado as escolas, faculdades, ambientes de trabalho, os livros,
os filmes, enfim, toda a cultura tem se rendido ao ateísmo.

A- Sem TEU- Deus

Ateu é quem nega a existência de Deus (Cristão).

Existe uma variação do ateísmo que é o AGNOSTICISMO.

A – Não Gnosco – Conhecer

Panteísmo também é uma forma de ateísmo. Este ficou muito difundido na série Guerra nas
Estrelas.

Politeísmo também. Rejeitam o conceito de um Deus que governa o universo.

Deísmo acredita que Deus existe mas não se envolve no mundo. Não acredita em milagre, anjos,
encarnação, ressureição, volta de Cristo.

3 grandes ateus

1- Freud
2- Marx
3- Nietche

1- Freud

Era neurologista. A crença religiosa envolve a produção de um deus cujo os aspectos


convenientes são enfatizados e cujo os inconvenientes são minimizados ou eliminados.

“Não seria otimo se houvesse um pai celestial para cuidar de nós principalmente em face da
morte. Não seria ótimo se houvesse um pai celestial que vingasse as injustiças dos nossos
inimigos?”
Freud vê Deus apenas como o fruto da necessidade das pessoas. É uma explicação psicológica
sobre a origem da religião, essa forma de ver o mundo influenciou grandemente muitas áreas
do pensamento, inclusive a psicologia.

2- Marx

Marx era alemão, judeus, foi economista, fundador da teoria comunista moderna e era ateu.
Para Marx Deus é o produto das classes dominantes. Para ele a classe dominante criou Deus
para justificar as atrocidades que ela estava fazendo. E como que a classe dominada fica quieta?
Segundo Marx, a classe dominada crê que Deus recompensará ela na ressurreição.

Marx vai dizer que a religião é o ópio do povo. (ópio é um entorpecente, anestesia).

Ele é comunista. O comunismo é ateu.

3- Nietche

A visão de Nietche é totalmente oposta a de Marx. Para ele a religião não era coisa da classe
dominante, era coisa dos escravos. Para ele Deus era o sonho dos escravos de um dia serem
libertos dos seus senhores.

Esses três só lançaram a base.

Os 4 cavaleiros do Ateísmo

O novo ateísmo ataca de maneira virulenta a religião. Os ateus antigos não eram tão dedicados
como esses são.

Não vou falar dos 4, apenas de Richard Dawkins,

O livro dele se chama “Deus, um delírio”. O livro foi um sucesso de vendas no lançamento.

A proposta de Dawkins era oferecer novos argumentos, como ele mesmo diz, para destruir a fé
cristã. A frustração acontece justamente pelo fato de que ele não conseguiu falar nada novo,
apenas repetiu argumentos antigos e que já são de conhecimento popular.

1- Para Dawkins, a religião é responsável pelas atrocidades da humanidade: as cruzadas,


as guerras, os atos terroristas. A igreja oprime os gays.
Mas 90% das pessoas creem em Deus.
É porque existe um vírus chamado meme, ele é um vírus que sobrou dos povos
primitivos, mas com a evolução ele vai desaparecer e sobrará apenas o
ateísmo...esperar até morrer os 90%.

John Lenox – Professor de matemática em Oxford


Alister MCgrath- Era ateu e estudou biologia e estudava com Dawkins. Quando Dawkins
lançou o livro “Deus um Delírio” o McGrath lançou o livro chamado “o delírio de
Dawkins”.

John – A verdadeira guerra não é entre ciência e fé. Porque muita gente de fé é cientista.
E a ciência foi feita por pessoas de fé. A guerra é de duas visões de mundo entre um
grupo que crê e outro que não crê.

A ciência não pode eliminar a Deus, porque a ciência só trata daquilo que é físico,
material. Mas o mundo não é só físico. A realidade não é só material.
O ateísmo é reducionista, porque reduz a realidade humana apenas aquilo que é
material. Tudo é apenas matéria. Não há propósito, nada.

Hoje, alguns cientistas estão querendo reformular a teoria da evolução porque, ao


estudarem a complexidade do corpo humano, perceberam de que a nossa existência
não pode ser aleatória. Tudo é muito perfeito, muito preciso.

Sintonia fina do universo – Se a terra fosse alguns km mais próxima do sol nós
queimaríamos, se fosse mais longe, congelaríamos. Se a gravidade fosse um pouco mais
intensa, nos esmagaria, se fosse menos, flutuaríamos.

Complexidade irredutível – Ratoeira. Se você reduz um dos elementos (5) ela deixa de
funcionar. A nossa célula possui umas 40 pecinhas, se uma deixa de existir, nada
funciona. O ateísmo prega a seleção do mais forte.

McGrath

Dawkins diz que a religião é um vírus chamado meme que está na cabeça das pessoas,
McGrath diz que ele tem que provar. Não gosta de ciência, então prove.

“Deus é mal” – O Dawkins esquece que os regimes ateus e socialistas mataram muito
mais do que todas asa religiões juntas. As cruzadas mataram 40.000 pessoas.

Ore sempre para responder.


Existem ateus e atoas.
Peça a Deus sabedoria.
Leia, estude. Se prepare.
Lembre-se que só Deus pode iluminar o pensamento das pessoas.
Existem muitos ateus que se converteram
Tiremos os estigmas de que ateu é pessoa ruim