Você está na página 1de 3

Estudos em Neemias – IPPSD Agosto de 2018 1

ESTUDOS NO LIVRO DE NEEMIAS


Estudo 01:

Tema: Quem são as pessoas que Deus usa para o crescimento da


sua obra?

Introdução: O nome “Neemias”: cujo significado é "Deus consola,


conforta". Na Bíblia Hebraica, o livro de Neemias, que data por volta de
480 a.C., formava um só livro com Esdras. A Septuaginta trazia os dois
também como um só livro. Ambos relatam o mesmo fato central: a volta
do povo judeu da Babilônia, após setenta anos de cativeiro, para a
reconstrução da cidade de Jerusalém.

Contexto Histórico - Época do Exílio: O rei Nabucodonosor sitiou


Jerusalém, destruiu o templo, saqueou e destruiu os Muros (proteção da
cidade). E levou cerca de 50 mil judeus escravos para a Babilônia.
Judeus produtivos, jovens. Deixou uma população que não produzia.

 Havia injustiça e exploração entre os próprios judeus (Ne 5.1-13):

crescia a desigualdade entre as famílias;


aumentava o desejo de lucro pessoal;
a volúpia do lucro também contaminava os sacerdotes.
o cenário de Jerusalém era desolador:

Miséria, Humilhação, Muralhas em ruínas, Portas incendiadas.

Deus então levanta Neemias para restaurar os muros, restaurar


Jerusalém. Quem são as pessoas que Deus usa para ajudar na
restauração da sua igreja, no crescimento da sua obra?

No estudo de hoje, veremos SEIS qualidades que devem existir em


uma pessoa que Deus usa para a restauração e crescimento da sua
igreja:

1) Pessoas preocupadas com a Obra de Deus. Pessoas que se


interessam com o crescimento da igreja. V.2

Veja a pergunta de Neemias ao seu irmão Hanani: Como estão as


coisas em Jerusalém? Como estão as famílias? Como estão as coisas
por lá?

Ele ouve um relatório realista. V. 2,3. A coisa está feia.

Neemias chora. Antes de Deus fazer alguma coisa, Ele precisa


amolecer o nosso coração. Só gente quebrantada é usada plenamente
Estudos em Neemias – IPPSD Agosto de 2018 2

por Deus. Choramos quando tomamos conhecimento das necessidades


das pessoas? Neemias chorou! Jesus chorou!

2) Em segundo lugar, Neemias derrama a sua alma em fervente


oração (1.4).

Neemias foi um homem de oração. Ele acreditava no poder da oração.


Durante quatro meses, ele orou e Deus moveu o coração do rei. Ele orou
e Deus abriu as portas. A soberania de Deus encoraja Neemias à oração.
Ele esteve orando perante o Deus dos céus.

J. Blanchard afirmou que: “Tentar fazer alguma coisa para Deus sem
oração é tão inútil quanto tentar lançar um satélite com um estilingue”.
O nosso primeiro passo na revitalização da igreja deve ser a humildade
diante de Deus em reconhecermos quem somos e quem Deus é, e isso
deve nos levar a admitir nossa dependência do Senhor. Como nos
ensinou Jesus: “Sem mim vocês não podem fazer nada” (João 15.5).

3) Assume a responsabilidade pessoal e não fica culpando os


outros. Quebrantamento pessoal.

E de quem é a culpa desta situação? Neemias não fica culpando as


pessoas. V. 6 “Eu e a minha casa ....”
Quando temos problemas na Igreja, normalmente acusamos os
outros. Apontamos o dedo.
Ilustração: Na vida conjugal, acusamos o outro.
Cântico: “A começar em mim...”. Quebrantamento pessoal. Enquanto
achar que a culpa da igreja não crescer for do outro, Deus não vai me
usar.

4) Confia nas promessas de Deus.

Neemias ora. V. 4-7 - Deus tem promessas. Crer que as coisas


podem mudar. A igreja é dEle.

5) Disposição de se envolver e fazer a obra de Deus. V.11

Neemias não terceirizou o serviço. Sempre que existir em nós o


sentimento de que é o outro que tem que evangelizar, orar, trabalhar,
ensinar, .... Deus não vai te usar.

Senhor, eu quero a oportunidade. Envia-me a mim. Hoje mesmo.


V.11
Estudos em Neemias – IPPSD Agosto de 2018 3

2.1-10 - Conversando com o rei. Era copeiro. Alguém que vivia no


palácio, boa comida. Conforto.

6) Saber lidar com a oposição. 2.17-20

A oposição aos homens de Deus é comum em qualquer igreja local. É


preciso oração e sabedoria para enfrentá-la. Jamais conseguiremos
realizar a vontade de Deus sem despertar opositores ao nosso trabalho.
Isso porque nem Jesus Cristo, o maior dos líderes, agradou a todos. Os
“sambalates” e “Tobias” estão em todas as igrejas locais.

Neemias não se deixou abater pela oposição. Ele disse: “O Deus dos
céus é o que nos fará prosperar” (Ne 2.20). Neemias encarou a oposição
como um estímulo à sua liderança. Se a crítica procede, e isso pode
ocorrer, o líder deve considerar, refletir e, com humildade, reconhecer
seus erros ou eventuais falhas, pois nenhum líder é perfeito. Só houve
um que não falhou, que nosso Senhor Jesus Cristo.

Deus não prometeu que o trabalho seria fácil.

Conclusão:

1) Pessoas preocupadas com a Obra de Deus. Pessoas que se


interessam com o crescimento da igreja.
2) São homens de oração
3) Assume a responsabilidade pessoal e não fica culpando os outros.
Quebrantamento pessoal.
4) Confia nas promessas de Deus.
5) Disposição de se envolver e fazer a obra de Deus.
6) Sabem lidar com a oposição.

Gildásio Reis
01 de agosto de 2018