Você está na página 1de 15

ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701

EDC MS6.2 DC16

SENSOR DE TEMPERATURA DA ÁGUA - RESISTÊNCIA / TENSÃO

• Verificar no conector da ECU, desconectado, para medir os valores de resistência;


com a chave de ignição desligada.
• Verificar no conector da ECU, conectado, para medir os valores de tensões; com a
chave de ignição ligada motor parado.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω),as variações dos valores de


resistência do sensor, conforme a temperatura. Veja a tabela abaixo.
• Verificar com o multímetro, função VOLTIMETRO (V), a tensão, conforme a
temperatura. Veja a tabela abaixo.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro ao terminal 5-A da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro ao terminal 22-A da ECU.
• Conferir os valores de resistência ou tensões conforme tabela abaixo.
Tabela: Valores aproximados.
o
Temperatura C Resistência (Ω) Tensão (V)
-20 11,8 a 14,9 KΩ 4,7
0 4,5 a 6,3 KΩ 4,4
20 2,2 a 2,6 KΩ 3,8
40 1,0 a 1,3 KΩ 3,0
60 560 a 680 Ω 2,2
80 310 a 390 Ω 1,6
100 180 a 230 Ω 1,0
Se os valores não forem encontrados conforme a tabela, verificar: fios e ou conectores,
sensor de temperatura da água do motor.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 1
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701

SENSOR DE TEMPERATURA DO AR - TENSÃO

• Verificar no conector da ECU, conectado, para medir os valores de tensões; com a


chave de ignição ligada motor parado.

• Verificar com o multímetro, função VOLTIMETRO (V), a tensão, conforme a


temperatura. Veja a tabela abaixo.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro ao terminal 21-A da ECU.
• Conferir os valores de resistência ou tensões conforme tabela abaixo.
Tabela: Valores aproximados.
o
Temperatura C Tensão (V)
-20 4,7
0 4,4
20 3,8
40 3,0
60 2,2
80 1,6
100 1,0
Se os valores não forem encontrados conforme a tabela, verificar: fio e ou conectores,
sensor de temperatura do ar.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 2
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701

SENSOR DE PRESSÃO DO ÓLEO - TENSÃO

• Verificar no conector da ECU, conectada.


• Chave de ignição ligada, motor funcionando.
Obs.: Medições feitas no próprio sensor com fios conectados.

• Verificar com o multímetro na função VOLTÍMETRO (V), ponta de prova vermelha


(+) a tensão no fio correspondente ao terminal 8-A da ECU ou pino 1 do sensor
deve ser 5 Volts.
• Verificar com o multímetro na função VOLTÍMETRO (V), com a ponta de prova
vermelha (+) ligada no terminal 9-A da ECU ou pino 3 do sensor, os valores devem
estar de acordo com a tabela abaixo.

Tabela: Valores aproximados.


Pressão (Bar) Tensão (V)
0 0,35 a 0,73
0,6 1,0
1,6 1,5
2,7 2,0
3,8 2,5
4,8 3,0
5,9 3,5
6,9 4,0
8,0 4,5

Se os valores não forem encontrados conforme tabela, verificar: fios e/ou conectores,
sensor de pressão do óleo.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 3
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701

SENSOR DE ROTAÇÃO - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector da ECU, conectada.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω).


• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 13-A do conector da
ECU.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 1-A do conector da ECU.
• A resistência deverá ser: 485 a 595 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, sensor de


rotação.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 4
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


SENSOR DE ROTAÇÃO AUXILIAR - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector da ECU, desconectada.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω).


• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 2-A do conector da
ECU.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 14-A do conector da ECU.
• A resistência deverá ser: 485 a 595 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, sensor de rotação
auxiliar.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 5
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DO VENTILADOR - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector da ECU, desconectada.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω).


• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 10-A do conector da
ECU.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 16-A do conector da ECU.
• A resistência deverá ser: 58 a 62 (Ω) A 20 oC.

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
do ventilador.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 6
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 1 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro 1 do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 24-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 35-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 1.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 7
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 2 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 25-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 27-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 2.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 8
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 3 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 25-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 28-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 3

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 9
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 4 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 24-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 34-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 4.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 10
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 5 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 25-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 26-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 5.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 11
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 6 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 24-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 33-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 6

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 12
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 7 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 24-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 32-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 7.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 13
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


VÁLVULA SOLENÓIDE DA UNIDADE DE INJEÇÃO 8 - RESISTÊNCIA

• Verificar no conector A da ECU, desconectado da ECU.


• Chave de ignição desligada.

• Verificar com o multímetro, função OHMÍMETRO (Ω) a resistência da bobina da


solenóide da unidade injetora do cilindro do motor.
• Ligar a ponta de prova preta (-) do multímetro no terminal 25-A do conector da ECU.
• Ligar a ponta de prova vermelha (+) do multímetro no terminal 29-A do conector da
ECU.
• A resistência deverá ser: 0,42 a 0,57 (Ω).

Se os valores não forem encontrados verificar: fios e/ou conectores, válvula solenóide
da unidade de injeção 8.

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 14
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.
ÍNDICE

MANUAL DE TESTES - SDC 701


Esquema elétrico – EDC MS6.2 DC16

Conector A Conector B

24 35 24 35

13 23 13 23

1 12 1 12

VM 1 VÁLVULA
1 P T 05-A
SENSOR DE SOLENÓIDE DA
PT UNIDADE DE
TEMPERATURA
35-A 2 INJEÇÃO 1
DA ÁGUA MR
2 22-A
VM 1 VÁLVULA
VM 24-A
1 23-A SOLENÓIDE DA
SENSOR DE
PRESSÃO E PT UNIDADE DE
2 PT 34-A INJEÇÃO 4
TEMPERATURA 17-A 2
DO AR V D 12-A
3
VM 1 VÁLVULA
4 M R 21-A SOLENÓIDE DA
PT UNIDADE DE
33-A 2 INJEÇÃO 6
1 P T 01-A
SENSOR DE
ROTAÇÃO VM 1 VÁLVULA
AM
13-A SOLENÓIDE DA
2
PT UNIDADE DE
26-A 2 INJEÇÃO 5
1 AM 02-A
SENSOR DE
ROTAÇÃO VM 1
PT 25-A VÁLVULA
AUXÍLIAR 14-A
2 SOLENÓIDE DA
PT UNIDADE DE
V M 08-A 27-A INJEÇÃO 2
SENSOR DE 1 2
PT
PRESSÃO DO 2 06-A
OLÉO VM 1 VÁLVULA
V D 09-A
3 SOLENÓIDE DA
PT UNIDADE DE
1 VM 28-A 2 INJEÇÃO 3
VALVULA 10-A
SOLENOIDE DO
VENT ILADOR VM 1 VÁLVULA
PT
58 A 62 16-A SOLENÓIDE DA
O
2
A 20 C UNIDADE DE
PT
32-A INJEÇÃO 7
2

UNIDADE DE VM 1 VÁLVULA
COMANDO P/ SOLENÓIDE DA
COORDENADOR PT UNIDADE DE
45 29-A INJEÇÃO 8
2

2-2 BR 20 A 24 V BATERIA
BLOCO DE 12-B
DISTRIBUIÇÃO

2-1 AZ 86
11- B
VM 87A
03-B
2-2 BR RELÊ DE
13-B V M/BR 87 COMUNICAÇÃO
04-B
30

P T/BR 27-B V I 85
01-B

P T/BR 02-B
15-B V D 10 A CHAVE DE IGNIÇÃO

CÓDIG O DE CORE S

VD - VERDE PT - PRETO
BR - BRANCO VM - VERMELHA
VI - VIOLETA AM - AMARELO
MR - MARRON CZ - CINZ A

09/2004 Todos os DIREITOS RESER VADOS E PROTEGIDOS pela L ei nº 5988 de 14/12/1973 (Lei do s Direitos Autorais). 15
Reservamo-nos o direito de fazer alter açõ es n esta obr a sem pr évio aviso.