Você está na página 1de 9

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E

TECNOLOGIA GOIANO – CÂMPUS URUTAÍ


CURSO SUPERIOR DE LICENCIATURA EM
QUÍMICA

Titulação Ácido-base

Disciplina: Introdução ao laboratório de Química

GO
MAIO DE 2015
RESUMO
No experimento foi feito o teste para determinar a concentração de cada ácido analisado, ácido
cloridrico e ácido sulfurico a partir da adição do hidroxido de sódio e fenolftaleina que e um
indicador ácido-base.
Palavras-chave: Titulação ; concentração ; ácido-base

1 Introdução
A titulação é um dos procedimentos mais presentes no cotidiano de um químico que trabalha em
laboratório de pequenas indústrias. (REIS, 2010). Segundo MAXIMO 2010; a titulação é uma
técnica de analise volumétrica, que permite determinar a concentração desconhecida de uma
solução, mediante a reação dessa solução com um relativo padrão em proporção definida e
conhecida. A aparelhagem é simples, como o mostrado na (figura 1): suporte universal, garra, bureta
e erlemenmeyer.

Figura 01. Esquema da aparelhagem utilizada na titulação

Segundo (MAXIMO,2012); dessa maneira, temos; o titulante que é uma solução de concentração
rigorosamente conhecida colocada na bureta; e o titulado ou solução problema é uma solução de
concentração desconhecida mais que possui volume exato que se coloca no erlenmeyer. Durante a
titulação ácido-base, a solução contida na bureta deve ser adicionada lentamente, havendo uma
reação completa de neutralização entre ácido e a base, conforme a seguinte equação:

Ácido + Base Sal + Água

O titulante deve ser adicionado à solução problema até que a quantidade adicionada seja
suficientemente exata para reagir estequiometricamente com a solução titulada. Conhecendo-se a
proporção em que as substancias envolvidas reagem, pode-se calcular facilmente a concentração
desconhecida dessa solução problema. (MAXIMO, 2012).

Com isso temos que o ponto de equivalência e a proporção entre o número de mols de íons
H+ do ácido e do número de mols de íons de OH- da base, que foram misturados; geralmente
observado por uma mudança de cor de um composto, chamado indicador, uma pequena quantidade
que adicionada previamente na mistura do reagente. (RUSSELL,1994).

“Para detectar o ponto de equivalência existem basicamente dois métodos:

Método colorimétrico: um indicador ácido-base e colocado juntamente com a


solução e muda de cor quando o ponto de equivalência e atingido;

Método potenciométrico: um eletrodo medidor de pH é introduzido no titulante, o


que permite medir o pH ao longo da titulação e traçar a curva da titulação.” (MAXIMO, 2012).
Esses dois métodos são muito eficientes, contudo o ponteciométrico e o mais eficiente.

2 OBJETIVOS
Determinar a concentração molar de uma solução aquosa de ácido clorídrico e de uma solução
aquosa de ácido sulfúrico através da titulação com solução padrão de NaOH (aq)

3 MATERIAIS E MÉTODOS

3.1 Materias e reagentes


● 1 Bureta de 50ml
● 3 Erlenmeyers de 100ml
● 1 Suporte universal e 2 garras para bureta
● 1 Pipeta volumétrica de 25ml
● Solução alcoólica de fenolftaleina
● Solução aquosa de hidróxido de sódio 0,1 mol L-1
● Solução aquosa de ácido clorídrico de concentração desconhecida
● Solução aquosa de ácido sulfurico de concentração desconhecida
3.2 PROCEDIMENTOS EXPERIMENTAIS

3.2.3 Titulação do ácido cloridrico com hidroxido de sodio


Foi colocado 25ml de solução de ácido cloridrico em um erlenmeyer e adicionado 3 gotas de
solução alcoólica de fenolftaleina e observado a cor da solução, em seguida foi completado a bureta
com solução de hidroxido de sódio e entao titulado a solução acida ate o momento de virada do
indicador e repetido o procedimento tres vezes para calcular a concentração molar da solução de
acido cloridrico.
3.2.4 Titulação do ácido sulfurico com hidroxido de sodio
Foi colocado em um erlenmeyer 25 ml de acido sulfurico e adicionado 3 gotas de solução
alcoólica de fenolftaleina e observado a cor da solução, em seguida foi completado a bureta com
solução de hidroxido de sódio e entao titulado a solução acida ate o momento da virada do
indicador e o procedimento foi repetido tres vezes para calcular a concentração molar da solução.

4 RESULTADOS E DISCUSSÃO

Foi pipetado 25ml de HCl e transferido para o erlenmeyer e adicionado 3 gotas de fenolftaleina e a
solução não obteve coloração pois a fenolftaleina em meio acido fica transparente, antes de utilizar
a bureta foi passado hidroxido de sodio por toda a bureta para assim tirar as impurezas e em seguida
foi adicionado dentro da bureta solução de hidroxido de sódio ate o menisco e de pouco em pouco
foi abrindo a torneira da bureta para a solução de NaOH cair no erlenmeyer onde tinha solução de
HCl com fenolftaleina ate o momento da virada a qual ocorreu (1º= 25,5ml, 2º= 25,3ml e 3º=
25,3ml) com uma media de 25,4 ml de hidroxido de sodio na solução de HCl onde as tres titulação
obeteveram coloração um pouco rosa (Figura 2) onde indica o momento da virada do indicador pois
na solução de hidroxido de sodio ela fica com coloração rosa devido a presença do NaOH o qual e
uma base , o momento da virada siguinifica que a solução de acido cloridrico nao esta tao acida
como antes e sim se tornando mais neutra tendendo a virar uma base de acordo com a quantidade
adicionado de hidroxido de sodio.
(Figura 2 – Soluções de HCl que foram tituladas)
Informação do Titulante NaOH
C= 01 mol/L C= n 0,1=n n= 0,001 mol de NaOH
V= 10 ml = 0,01 L V 0,01

1 mol NaOH _________ 1 mol de HCl


0,001 mol NaOH_______ X mol de HCl
X= 0,001 mol HCl

Titulado HCl
n= 0,001 mol
V= 25ml = 0,025 L
F.C. NaOH = 0,9932
C= 0,9932 . 0,1 = 0,09932
Concentração= 0,09932 NaOH
Media da triplicata do procedimento= 25,5+ 25,3 + 25,3 = 25,4 ml
3
Calculando o numero de mol NaOH
C= 0,09932mol/l C=n 0,09932 = n n = 0,0025227 mol/L NaOH
V= 25,4 ml= 0,0254 L V 0,0254

Calculando concentração do HCl


n= 0,0025227 C= n C= 0,0025227 C= 0,100908 mol/ L HCl
V= 25 ml = 0,025 L V 0,025

Para o segundo procedimento foi pipetado 25ml de acido sulfurico e colocado em um erlenmeyer e
adicionado 3 gotas de fenolftaleina, e na bureta foi colocado hidroxido de sodio ate o menisco e aos
poucos foi aberto a torneira da bureta e deixando de pouco em pouco a solução de NaOH cair no
erlenmeyer ate o momento da virada a qual tera coloração rosa, o momento da virada e quando a
solução acida se torna neutra que nesse caso e o acido sulfurico o qual sera neutralizado ao entrar
em contato com a base NaOH, a mudança de cor e dada pois a fenolftaleina em meio acido nao
possui cor e em meio basico possui coloração rosa e varia de acordo com o pH da solução.
Durante a titulação do acido sulfurico o procedimento foi repetido tres vezes (Figura 3 ) para assim
fazer uma media entre eles, a media obtida na triplicada foi 21ml .

(Figura 3 – Soluções de acido sulfurico realizadas na titulação)


Calculando o numero de mol NaOH
C= 0,09932mol/l n n n = 0,0020857mol/L NaOH
C= 0,09932=
V 0,021
V= 21ml= 0,021L

Calculando concentração do H2SO4


2 mols de NaOH -------------- 1 mol de H2SO4
0,0020857 mol NaOH -------------- x
X = 0,0010428 mol de H2SO4
n 0,0010428 C = 0,041712 mol/L H2SO4
C= C=
V 0,025

5 CONCLUSÃO

Podemos concluir que através da análise volumétrica, foi possível determinar a concentração
desconhecida de uma solução. Em que na titulação de solução aquosa de ácido clorídrico com
hidróxido de sódio, observou-se que a coloração mudou a partir do valor de 25,4 mL, que foi a
média estimada dos três valores encontrados. Pois, esse experimento foi repetido três vezes.
Quanto à titulação aquosa de ácido sulfúrico com hidróxido de sódio, observou-se que a
coloração mudou a partir do valor de 21 mL, que foi a média estimada dos três valores encontrados.
Pois, esse experimento também foi repetido três vezes.
Assim, percebemos que as titulações realizadas estavam em soluções ácidas, se mantendo
incolores. Mas, a partir de um determinado valor, percebemos que a solução tornou-se cor-de-rosa,
sendo assim, soluções básicas. A mudança de cor muda, conforme os valores de pH. Portanto, a
partir da concentração do indicador, verficamos a coloração da solução e consequentemente o pH.
Pois, se o pH está abaixo de 8, a solução se encontra incolor, se o pH está entre 8 e 10 a solução vai
estar rosa, mas se estiver o pH entre 10 e 12, a solução vai estar carmim ou roxa.
Mas, só é possível visualizar a mudança de coloração e determinar o pH, através da presença
da fenolftaleína, que é um indicador de pH, que apresenta-se normalmente como um líquido incolor.
Portanto, a solução de ácido clorídrico está numa coloração carmim ou roxa, com um pH
entre 10 e 12. Já a solução de ácido sulfúrico, a coloração é rosa e seu pH está etre 8 e 10.

6 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

http://www.mundoeducacao.com/quimica/titulacao-acido-base.htm
REIS, Marta M. J. Química: meio ambiente, cidadania, tecnologia. 1ed, São Paulo: FDT, 2010.
MAXIMO, Leandro N. C. Praticas de química geral. Pires do Rio-GO: Gráfica e Editora Pires do
Rio, 2012.
RUSSELL, John B. Química Geral. São Paulo: Makron books, 1994.

Exercicios Pós – Laboratório


01) Explique qual a importancia de se utilizar indicadores ácido – base durante uma titulação.
Em uma titulação há uma solução a qual ja se conhece a concentração que é a que fica na bureta e
uma solução que nao conhecemos que fica no erlenmeyer o indicador acido- base e o que vai
mostra o momento em que a reação se completa e atinge o ponto de equivalencia (ponto de virada) ,
com a adição do indicador acido-base no momento da virada a solução muda sua cor devido a
variação do pH da reação.

02) Discuta a respeito dos possiveis erros que podem ocorrer durante a titulação?
Erros de ponto de parada, má leitura do volume, concentração, equipamentos incorretos, utilização
de reagentes errados, quantidade errada do indicador entre outros erros.

03) 100 ml de uma solução aquosa de hidroxido de cério Ce(OH)3 de concentração molar
desconhecida foram titulados com uma solução aquosa 1,0 mol.L-1 de acido sulfurico H2SO4.
Sabendo-se que o volume de acido gasto da titulação foi 50 ml, qual a concentração molar da
solução basica?
Informações do H2SO4:
C= 1,0 mol.L-1 C= n 1,0=n n= 0,05 mol de H2SO4
V= 5-ml = 0,05L V 0,05
2 Ce(OH)3 + 3 H2SO4 ---> Ce2 (SO4)3 + 6 H2O
2 mol Ce(OH)3 ________ 3 mol H2SO4
X_________ 0,05 mol de H2SO4
X= 0,03 mol de Ce(OH)3
Calculando a concentração do Ce(OH)3
n= 0,03 mol.L-1 C= n C= 0,03 C= 0,3 mol.L-1 Ce(OH)3
V= 100ml = 0,1 L V 0,1

04) 2,5g de hidroxido de sodio (NaOH) foram dissolvidos em agua suficiente para preparar 250ml
de solução aquosa . Sabendo que concentração molar da solução foi determinada por titulação e
apresentou valor de 0,2 mol.L-1 qual a pureza da soda cáustica?
C= 0,2 M C=n 0,2=n n= 0,05 mol
V= 250ml = 0,25 L V 0,25

n= 0,05 mol n=m 0,05= m m= 2g


m= 2,5 g M 40
M= 40 mol/g

2,5_______ 100%
2g________ X
X= 80%

05) Foram misturados 50 ml de solução aquosa 0,4 mol.L-1 de acido cloridrico, com 50 ml de
solução de hidroxido de calcio Ca(OH)2 de mesma concentração.

a) Ao final da reação, o meio ficara acido ou basico?


b) Calcule a concentração molar do reagente remanescente na mistura.
Informações do HCl
C= 0,4 mol.L-1 C= n 0,4=n n= 0,02 mol HCl
V= 50ml = 0,05 L V 0,05

2 HCl + Ca(OH)2 ---> CaCl2 + 2 H2O


2 mol HCl________ 1 mol Ca(OH)2
0,02 mol HCl_____ X Ca(OH)2
X= 0,01 mol Ca(OH)2
a) Para neutralizar 1mol Ca(OH)2 e necessario 2mol HCl, entao 0,02 mol HCl seria neutralizado
com 0,01 mol de Ca(OH)2 sendo assim apos a neutralização da reação sobrara 0,01 mol Ca(OH)2 o
que torna a solução basica.
b) 50 ml de acido cloridrico + 50 ml de hidroxido de calcio = 100 ml
Volume final da solução e de 100 ml = 0,1 L