Você está na página 1de 4

03/10/2010 Ariela Ramos: Resumo Créditos Docum…

Cotação – apresentaç ão dos preços

Pro-forma – proposta de um orç amento

Ordem de compra – Confirmação da c ompra

Packing list – Romaneio com a descriç ão dos produtos

Bill of landing – Conhec imento de embarque, é o mais importante, usado e datado com a data de embarque
(v ai ao banco)
- Shipped on board (embarcado)
- Clean on board (entrou a bordo em perfeitas condições)
- Freight collect (quando ex portamos FOB)
- Unc lean on board (entrou no nav io av ariado)

Commercial Inv oice – Só aparece após o B/L. (v ai ao banco)

Certificado de Origem – (v ai ao banc o). Importante mandar, principalmente para países latino-
americanos, aonde o Brasil tem algum tipo de acordo para fazê-lo uso.

Ex change – Ocorre nas importações a prazo (v ai ao banco).

Seguro – se ex portar a CIF.

Formas de pagamento

Sight Draft (cobrança á v ista) – Muito perigoso para quem ex porta.


O ex portador é obrigado a embarcar primeiro sem nenhum tipo de pagamento.
Os banqueiros internacionais só podem entregar os documentos env iados pelo ex portador quando o
importador lhe dá o pagamento.
Os bancos chamam essa transaç ão de C.A.D. (cash against documents).
O perigo desta forma de pagamento está nos dois banqueiros, pois nenhum dos bancos lhe dá garantias.
Os banqueiros são simples cobradores, pois o importador pode não querer pagar e as mercadorias já estão
na alfândega do país e após +ou- 90 dias a mercadoria cai em impedimentos e a mercadoria é leiloada e o
dinheiro do leilão não v em ao Brasil. O c usto de armazenagem neste período fica por conta do ex portador.
Perdimento em zona sec undária + ou – 1 20 dias. No caso de abandono, além de se perder o dinheiro da
mercadoria a RE fic a em aberto aqui no Brasil, aonde a RF e o BA CEN te aplica uma multa de 1 00% no v alor
de dólares no v alor da mercadoria. A lém de seu RA DAR ficar sujo (sempre cair no canal v ermelho para
ex portação e importaç ão) nunca mais poder ex portar em regime Sight Draft.

Performance Bond – Se o importador não pagar o banco paga de acordo com a garantia.
No retorno da mercadoria v ocê faz uma reimportação.
Na importação há impostos a serem pagos, tem câmbio.
Na reimportação não há c âmbio, pois o ex portador não está comprando nada e por isso não há impostos,
pois a carga não foi nacionalizada.
Em c aso de dev olução é diferente, pois ela ex ige uma reposição, neste caso seria Reex portação.

Clean collection: (á v ista)


A única diferença é que neste c aso o exportador manda os originais para o importador e cópias para o
banc o. Não há garantias de pagamento. (muito perigoso, pois o importador pode nacionalizar a carga sem
pagar o ex portador).
Mas já na forma de ev itar essa situação: no B/L (shipper [exportador]; Notify [importador]; Consignee
[pode ser colocado TO ORDER BANK, com isso na hora do desembaraço há a necessidade de um endosso
do banco e para isso o importador tem de pagar]).

Time Draft:
Cobrança á prazo. O importador assina o draft (um documento) certificando que o importador irá quitar o
draft.
Não há responsabilidade bancária, pois quem deu o prazo para pagamento foi o ex portador e não o banc o.
Se ao final dos 90 dias o importador não trouxer o dinheiro:

…blogspot.com/…/resumo-creditos-doc… 1/4
03/10/2010 Ariela Ramos: Resumo Créditos Docum…
O ex portador pode falar com o banco brasileiro e pede para que ele PROTESTE o draft ou saque
Se mesmo assim o importador não quitar a div ida o banco brasileiro Lev a o draft para o banco central/RF,
aonde irão chamar o ex portador para abrir uma ação judicial e quem paga as despesas judiciais é o
ex portador.
No caso de desistência do exportador o Siscomex bloqueia o CNPJ do ex portador para pagamento á prazo ,
as únicas formas de isso ser rev ertido é se ele apresentar as “div isas” daquela ex portação ou aprese ntando
um documento comprov ativ o do país que v ocê ex portou comprov ando que o importador está falido.
O ex portador pode fazer um SCE (seguro de crédito de exportação) antes de embarcar, ele é uma apólic e
de seguro que se v ocê tomar um calote do importador a empresa te ressarce do dinheiro perdido.
Mas a seguradora anteriormente c ertifica-se do risco país e risco importador. Se o exportador tomar
calote a seguradora lhe paga com a moeda que v ocê ex portar.
Todo seguro nacional ou internacional tem uma franquia que é a parte que o seguro não cobre neste caso
do seguro internacional esta franquia, é de geralmente 10% então v ocê recebe somente 90%.
Depois a seguradora procura o importador para ex igir o seu “DIREITO DE REGRESSO” aonde ela cobra o
importador o dinheiro que pagou a seu exportador.

Remessa sem saque (Open A ccount):


Pior perigo de todos, onde o importador recebe a mercadoria, os documentos e não quer assinar o saque.

Cobrança Simples (wire ou TT) Telegraphy transference.


O ex portador embarca e manda os doc umentos por faz e aguarda o pagamento do importador quando o
banc o reconhecer a entrada das div isas o ex portador manda os documentos originais.
Mesmo v ocê não mandando os originais, ele pode não pagar, então podemos fazer uma PERFORMA NCE
BOND.
Esc ala de risco (pior para o melhor) – EXPORTA DOR

1 ° Open A ccount
2º Clean Collection
3º Time Draft
4º Sight Draft
5º Cobrança Simples

Esc ala preferencial para o Importador (inv erso)

Ex erc ícios:

1 )Qual é a diferença entre: Proforma Inv oice e Commercial Inv oice?


Proforma Inv oice – é um Orçamento (antes do embarque). Commercial – documento oficial do que
embarcamos, bate ex atamente com o B/L. (após o embarque).

2)Como funciona a garantia bancária “Refundment Bond”?


É uma garantia 1 00% do v alor a ser adiantado ao importador, desde que seja contratado pelo ex portado r
no Brasil.

3)Qual é a finalidade do “Notify ” no B/L?


Espec ificar os dados do importador.

4)O Draft pode ser utilizado no Sight Draft?


Não.

5)O que significa “clean on Board” no BL?


Que não houv e problema na carga, ela está liberada.

6)Por que se diz que a mercadoria foi abandonada?


Porque o importador não desembaraç ou ou não pagou o exportador dentro do prazo determinado no RE
(90 dias para zona primaria) em caso de zona secundaria, estima-se o prazo de 120 dias.

7 )Quais são as responsabilidades do Ex portador quando emite RE?


Administrativ a – enquadrar tipo de RE de ac ordo com a operação que irá fazer.
Aduaneira – O ex portador não pode ignorar a RE ex pedida.
…blogspot.com/…/resumo-creditos-doc… 2/4
03/10/2010 Ariela Ramos: Resumo Créditos Docum…
Cambial – Ao desnacionalizar assume a responsabilidade pela v inda das div isas.

8)Que significa “Desnac ionalizaç ão da mercadoria”?


A partir do momento que fazemos a RE e embarcamos a mercadoria, aguardamos o recebimento das
div isas e a desnacionalização é c oncretizada.

9)Como funciona a modalidade “Clean collector”?


Modalidade arriscada, pois o ex portador env ia os documentos originais ao importador dando-lhe o dire ito
de liberar a mercadoria sem ter realizado o pagamento.

1 0)Qual é a finalidade do Packing list?


Espec ificar as mercadorias, dimensões e quantidades das caix as, é um romaneio que descrev e tudo que
contem nas embalagens.

PERGUNTA S E RESPOSTA S DO TRA BA LHO EM GRUPO

1 ) Qual é a função do campo Consignee num B/L?


Define quem é o proprietário da carga.

2) Pode o importador sustar o pagamento, alegando que não gostou das mercadorias?
Não, o banco trabalha com documentos e não com mercadorias.

3) Porque a garantia bancaria internacional denominada “Refundment Bond” funciona em fav or do


importador, numa operação env olv endo a modalidade “Adv anced Pay ment”?
Porque ele pagou antec ipado, pela garantia do Refundement Bond, ele receberá o dinheiro antecipado.

4) Como o ex portador pode ev itar a inadimplência financeira do importador, numa operação env olv endo
a modalidade “Clean Collection”?
Colocar o banqueiro como c onsignatário do BL.

5) Porque numa operação “Sight Draft” é financeiramente arriscada para o exportador?


Do ponto de v ista financeiro, não existem garantias bancárias.

6) Qual é a diferença operac ional entre “Clean Collection” e o “Sight Draft”?


CC – do ponto de v ista financeiro, o ex portador env ia os originais para o importador.

7 ) Como funciona a garantia bancária internacional denominada “Performance Bond” numa operaç ão em
“Sight Draft”?
Se o importador não pagar, o ex portador retorna a mercadoria cobrindo os custos logísticos.

8) Qual é diferença entre o “Time Draft” e o “Open Account”?


T.M. – O importador assina o saque.
O.A. – Não tem saque, o importador não assina nada.

9) Qual é v antagem financ eira para o exportador no Seguro de Crédito a operação (SCE)?
A v antagem é, a seguradora te pagar 90% na mesma moeda que v ocê esportar.

1 0) Faça uma escala de risc o financ eiro e c omercial das 5 formas de cobrança documentária.
Open account – clean collection – time draft – sight draft – cobrança simples

1 1 ) Pode o Banco Cobrador financ iar o importador liberando os documentos na Cobrança a Vista. Como
que fica a parte do pagamento internacional?
Pode, mas internacionalmente continua sendo à v ista, o banqueiro tem que mandar os dólares.

1 2) Qual é a diferença do “Refundment Bond” e o “Performance Bond” aplicados nos pagamentos


internacionais.
RB – pagamento antecipado
PB – cobrança á v ista

…blogspot.com/…/resumo-creditos-doc… 3/4
03/10/2010 Ariela Ramos: Resumo Créditos Docum…
1 3) Que significa “Booking Note” na logístic a de transporte marítimo?
Reserv a de praça, espaço no nav io para transporte da mercadoria.

1 4) Qual é a função do “Presenting Bank” nas cobranças documentárias?


Cobrar o importador por ordem do Collection Bank.

1 5) Que se entende c omo “documentos financeiros” e “documentos comerciais” numa operação


env olv endo cobrança documentária.
Doc . Comerciais – fatura, inv oice, packing list.
Doc . Financeiro – saque, em c asos de cobrança á prazo, o importador assina.

1 6) Como pode ser justificado o não retorno da mercadoria ao Brasil num caso de cobrança a v ista c om
mercadoria perecív el?
O Banco Central permite que não traga a mercadoria, mas precisa apresentar um laudo de destruiç ão no
país do importador.

1 7 ) Qual é a responsabilidade financeira do “Collecting Bank” quando conv oca o importador para dar
aceite no saque?
Nas c obranças á prazo, o importador assina o saque.
O banco não tem nenhuma responsabilidade, pois o prazo foi dado pelo ex portador.

1 8) No pagamento antec ipado, depois do embarque, podemos remeter os documentos originais ao


importador?
Originais se problemas, pois o pagamento já foi feito e cópias foram env iadas ao banco.

1 9) Podemos exigir do importador o env io de um “Performance Bond” numa operação de cobrança


documentária na modalidade “T.T.”?
Cobrança simples, sim pode hav er a ex igência da performance Bond.

Bons estudos!
Postado porAriela Ramosàs9/28/2009 03:57 :00 PM

…blogspot.com/…/resumo-creditos-doc… 4/4