Você está na página 1de 12

PLANIFICAÇÕES A MÉDIO PRAZO

Planificação transversal
Contexto: A concretização destes planos de aula poderá ser planificada em Conselho de Turma, envolvendo todas
as disciplinas, mas de forma especial as disciplinas de Físico-Química, Geografia, Português e Inglês.

N.o de aulas previstas: 8

Conteúdos Atividades e recursos


 Método científico Caderno de Apoio ao Professor
 Introduzir o método científico
– Etapas do método científico (pág. 11)
– Investigação: Laboratório de ketchup (pág. 13)

 Relatório científico Caderno de Apoio ao Professor


 Redigir um relatório científico
– Preparação da redação do relatório (pág. 14)
– Redação do relatório (pág. 14)
– Relatório científico simplificado (pág. 14)
 Grelha de avaliação
 Avaliação de um relatório científico (pág. 31)

Caderno do Aluno
 Fazer um relatório científico (pág. 10)

 Introdução ao trabalho laboratorial Caderno de Apoio ao Professor


 Introduzir o trabalho laboratorial
– Regras de segurança no laboratório (pág. 9)
– Material de laboratório (pág. 10)
– Conhecer o microscópio ótico composto (pág. 10)

Caderno do Aluno
 Trabalhar no laboratório (pág. 3)

 Pesquisa de informação
Caderno de Apoio ao Professor
 Aperfeiçoar a pesquisa de informação
– Jogo das frases baralhadas (pág. 6)
– Simulação de pesquisa na internet (pág. 7)
– Gincana na biblioteca escolar (BE) (pág. 7)
– Índices baralhados (pág. 8)
– Completar uma pesquisa (pág. 9)

Caderno do Aluno
 Pesquisar informação (pág. 6)

 Comunicação oral em ciência Caderno de Apoio ao Professor


 Treinar a comunicação em apresentações
– Jogo dos erros (pág. 16)
– Apresentações profissionais (pág. 16)
 Grelha de avaliação
– Avaliação de uma apresentação oral de trabalho (pág. 28)

Caderno do Aluno
 Fazer uma apresentação oral (pág. 17)

© Texto | À Descoberta da Terra, 7.o ano


5
Capítulo 1: A Terra conta a sua história

N.o de aulas previstas: 13

Conteúdos Atividades e recursos


Os fósseis e a sua importância para a Manual
reconstituição da história da Terra  «À descoberta» (pág. 12)
 Importância dos fósseis na reconstituição  «À descoberta» (pág. 15)
da história da Terra  «À descoberta» (pág. 18)
 Conceito de fóssil  «À descoberta» (pág. 28)
 Fatores que condicionam a fossilização  «À descoberta» (pág. 33)
 Processos de fossilização  «À descoberta» (pág. 36)
 Informações fornecidas pelos fósseis  «À descoberta» (pág. 38)
sobre a história da Terra  «À descoberta» (pág. 42)
 Fósseis vivos
 Fósseis de ambiente ou de fácies  «Já aprendi» (pág. 15)
 Fósseis de idade  «Já aprendi» (pág. 17)
 Princípio da identidade paleontológica  «Já aprendi» (pág. 19)
 «Já aprendi» (pág. 23)
 «Já aprendi» (pág. 31)
Grandes etapas na história da Terra
 «Já aprendi» (pág. 35)
 Noção de tempo geológico e tempo  «Já aprendi» (pág. 39)
histórico  «Já aprendi» (pág. 43)
 Divisões do tempo geológico
 Extinções em massa  Avaliação (pág. 25)
 Elementos que permitem reconstituir  Avaliação (pág. 49)
a história da Terra
 Métodos de datação das rochas
 Princípio da identidade paleontológica
 Princípio da sobreposição  PowerPoint
 Principais etapas da história da Terra – Os fósseis e a sua importância para a reconstituição da história da Terra
– Grandes etapas da história da Terra

 Animações
– Processos de fossilização
– Fósseis
– Tempo geológico
– Datação das rochas

 Vídeos laboratoriais
– Mumificação
– Moldagem
– Simulação da formação de fósseis
– Construção de uma coluna de sedimentação

 Vídeos
– Encontrados fósseis com 2 milhões de anos
– Aranhas com 300 milhões de anos recriadas em 3D

 Mapas de conceitos interativos


– Os fósseis e a sua importância para a reconstituição da história da Terra
– Grandes etapas na história da Terra

 Imagens
– Fósseis (I a VI)
– Fossilização
– Escala geológica
– Pré-Câmbrico
– Paleozóico
– Mesozóico
– Cenozóico
© Texto | À Descoberta da Terra, 7.o ano
 Jogos
– Missão – Visita ao museu
– Jogo da forca – Fósseis
– Sopa de letras – História da Terra

 Links
– Informações e notícias sobre fósseis, sempre atualizadas (em português).
– Visita virtual às pegadas de dinossauros da Serra d’Aire (em português).
– Informação sobre fósseis (em português).
– Atividades no Museu de História Natural de Nova Iorque.
– Exploração do Museu de História Nacional de Nova Iorque.
– Visita virtual ao Museu Geológico de Lisboa (em português).
– Animação sobre a História da Terra, adequada para exploração em trabalho
conjunto com a disciplina de Inglês (em inglês).
– Animação sobre datação relativa (em espanhol).
– O tempo geológico e a história da Terra
– Tempo geológico
– Animação sobre o tempo geológico

 Testes interativos
– aluno
– professor

Caderno de Apoio ao Professor


 Recursos de apoio
– Escala do tempo geológico – apoio ao «À descoberta» da pág. 28 (pág. 17)

 Apoio aos conteúdos transversais


– Aperfeiçoar a pesquisa de informação (pág. 6)

 Atividades complementares
– Calcular a idade da Terra usando a composição da água do mar (pág. 33)
– Jogo dos fósseis (pág. 34)

 Grelhas de avaliação
– Avaliação da participação em trabalhos de grupo (pág. 30)
– Avaliação de um cartaz (pág. 26)
– Avaliação de uma apresentação oral de trabalho (pág. 28)

 Testes
– Teste 1 (pág. 46)

Caderno do Aluno
– Fichas n.os 1 e 2 (pág. 3 e 7)
– Documento de apoio – Pesquisar informação (pág. 6)
– Documento de apoio – Fazer um cartaz (pág. 16)

Fora da sala de aula


Visitas de estudo, por exemplo, ao Parque Paleozoico de Valongo, ao
Monumento Natural das Pegadas de Dinossauro de Torres Novas/Ourém
(Parque Natural das Serras d’Aire e Candeeiros), ao Museu Mineralógico e
Geológico da Universidade de Coimbra, Museu da Lourinhã, Museu Nacional
de História Natural (Lisboa), Museu Geológico do Instituto Geológico e
Mineiro (Lisboa) ou ainda ao Cabo Espichel (Praia dos Lagosteiros) ou à Praia
Grande (Sintra) para observação de pegadas de dinossauros.

7
Capítulo 2: Dinâmica interna da Terra

N.o de aulas previstas: 11

Conteúdos Atividades e recursos


Deriva dos continentes e tectónica de placas Manual
 Hipótese da deriva dos continentes  «À descoberta» (pág. 56)
 Argumentos que apoiam a hipótese da  «À descoberta» (pág. 57)
deriva dos continentes  «À descoberta» (pág. 62)
 Críticas à hipótese da deriva dos continentes  «À descoberta» (pág. 65)
 Morfologia dos fundos oceânicos  «À descoberta» (pág. 70)
 Correntes de convecção  «À descoberta» (pág. 79)
 Teoria da tectónica de placas  «À descoberta» (pág. 80)
 Tipos de limites entre placas litosféricas
 «Já aprendi» (pág. 55)
 «Já aprendi» (pág. 59)
Ocorrência de dobras e de falhas  «Já aprendi» (pág. 61)
 Tipos de forças responsáveis pela  «Já aprendi» (pág. 63)
deformação das rochas  «Já aprendi» (pág. 65)
 Formação de dobras  «Já aprendi» (pág. 67)
 Formação de falhas  «Já aprendi» (pág. 71)
 Tipos de falhas  «Já aprendi» (pág. 77)
 Formação de montanhas  «Já aprendi» (pág. 79)
 «Já aprendi» (pág. 81)

 Avaliação (pág. 73)


 Avaliação (pág. 83)

 PowerPoint
– Deriva dos continentes e tectónica de placas
– Ocorrência de dobras e falhas

 Animações
– Hipótese da deriva dos continentes
– Correntes de convecção e limites de placas
– Dobras e falhas

 Vídeos laboratoriais
– Correntes de convecção
– Modelo de deformação de rochas

 Vídeos
– Da Pangeia aos continentes atuais

 Mapas de conceitos interativos


– Deriva dos continentes e tectónica de placas
– Ocorrência de dobras e falhas

 Jogos
– Missão – deriva continental
– Sopa de letras – Falhas e dobras
– Crucigrama – Falhas e dobras

 Imagens
– Dobras (I a IV)

© Texto | À Descoberta da Terra, 7.o ano


 Links
– Deriva continental – música divertida sobre Wegener.
– Animação sobre a abertura de um oceano (curta, não narrada).
– Síntese da teoria da tectónica de placas, vídeo em inglês muito simples.
Excelente para explorar em interação com a disciplina de Inglês.
– Animação sobre os limites de placas litosféricas.
– Animação sobre a formação dos Himalaias.

 Teste interativo
– aluno

 Teste interativo
– professor

Caderno de Apoio ao Professor


 Recursos de apoio
– Tectónica de placas (pág. 20)

 Atividades complementares
– Maisena e astenosfera (pág. 37)
– Porque é que os continentes não sofrem subducção? (pág. 37)
– A que velocidade se afasta de nós a América? (pág. 38)
– Construir modelos em plasticina (pág. 38)

 Testes
– Teste 2 (pág. 50)

Caderno do Aluno
– Fichas n.os 3 e 4 (págs. 11 e 17)

Fora da sala de aula


Visita de estudo, por exemplo, à costa do sudoeste alentejano ou à região de
Peniche para observar vestígios da deslocação das placas litosféricas.

9
Capítulo 3: Consequências da dinâmica interna da Terra

N.o de aulas previstas: 13

Conteúdos Atividades e recursos


Atividade vulcânica Manual
 Conceito de vulcão  «À descoberta» (pág. 91)
 Constituição do aparelho vulcânico  «À descoberta» (pág. 93)
 Tipos de materiais expelidos pelos vulcões  «À descoberta» (pág. 94)
 Tipos de atividade vulcânica  «À descoberta» (pág. 97)
 Formas de vulcanismo residual ou  «À descoberta» (pág. 102)
secundário  «À descoberta» (pág. 116)
 Estruturas vulcânicas  «À descoberta» (pág. 123)
 Riscos da atividade vulcânica  «À descoberta» (pág. 125)
 Vigilância de vulcões
 Benefícios da atividade vulcânica para as  «Já aprendi» (pág. 89)
populações  «Já aprendi» (pág. 91)
 «Já aprendi» (pág. 95)
 «Já aprendi» (pág. 101)
Atividade sísmica  «Já aprendi» (pág. 103)
 Conceito de sismo  «Já aprendi» (pág. 105)
 Origem dos sismos tectónicos  «Já aprendi» (pág. 111)
 Registo sísmico  «Já aprendi» (pág. 113)
 Avaliação dos sismos  «Já aprendi» (pág. 117)
 Risco sísmico  «Já aprendi» (pág. 119)
 Fatores que influenciam os efeitos dos  «Já aprendi» (pág. 125)
sismos
 Cartas de isossistas  Avaliação (pág. 107)
 Consequências dos sismos  Avaliação (pág. 127)
 Proteção dos efeitos de um sismo
 Distribuição geográfica do vulcanismo ativo
e da sismicidade
 PowerPoint
– Atividade vulcânica
– Atividade sísmica

 Animações 3D
– Vulcão

 Animações
– Vulcanismo
– Vulcanismo secundário
– Sismos

 Vídeos laboratoriais
– Construir um modelo de uma erupção vulcânica

 Vídeos
– O vulcão submarino da Serreta, nos Açores
– Espanhóis desenvolveram um mapa de vulcão submarino
– Erupção do vulcão italiano Etna (1998)
– Erupção na ilha do Fogo, em Cabo Verde (1995)

 Vulcanismo secundário nos Açores


– Máquina voadora ajuda a prever a erupção de vulcões
– Centro sismológico na ilha de S. Miguel, Açores
– IM sentiu sismo do Japão
– Daqui por 20 anos pode ser possível prever a ocorrência de um sismo
– Chegou a arca de Noé para salvar vidas

© Texto | À Descoberta da Terra, 7.o ano


 Mapas de conceitos interativos
– Atividade vulcânica
– Atividade sísmica – riscos e proteção das populações
 Jogos
– Missão – Fugir do vulcão em erupção
– Jogo da forca – vulcanismo
– Crucigrama – Atividade sísmica
 Imagens
– Erupções vulcânicas
– Sismograma
– Consequências de um sismo (I a III)
– Causa de formação de tsunamis
 Links
– Sismos em Portugal em tempo real.
– Observação em tempo real de acontecimentos geológicos no globo terrestre.
– Notícias e pequenos vídeos (em inglês acessível).
– Documentário sobre o Krakatoa, com locução em espanhol.
– Animações – sismos e vulcões (acessíveis). Apesar de a locução ser em
inglês, as imagens podem servir de suporte às explicações do professor.
– Relação entre vulcanismo e tectónica.
– Centro de Vulcanologia e Avaliação dos Riscos Sismológicos nos Açores.
– Vulcão virtual – simulação de uma erupção. Recurso que permite ao aluno
escolher a viscosidade da lava e observar o efeito na erupção.
– Previsão de erupções vulcânicas

Caderno de Apoio ao Professor


 Recursos de apoio
– Elaboração de um cartaz sobre vulcões – apoio ao «À descoberta» da pág. 93
(pág. 21)
– Porque são tão ricas em minerais da água das nascentes termais? (pág. 23)
– Fatores que influenciam os efeitos dos sismos (pág. 23)

 Atividades complementares
– Conflito de interesses (pág. 38)
– Como se forma uma ilha vulcânica? (pág. 39)
– O mistério da ilha deserta (pág. 39)
– Os vulcões e o Homem (pág. 39)
– Prever o futuro (pág. 39)
 Grelhas de avaliação
– Avaliação da participação em trabalhos de grupo (pág. 30)
– Avaliação de um cartaz (pág. 26)
– Avaliação de uma apresentação oral de trabalho (pág. 28)
– Avaliação de um trabalho escrito (pág. 29)
 Testes
– Teste 3 (pág. 54)

Caderno do Aluno
– Fichas n.os 5 e 6 (págs. 19 e 23)
– Documento de apoio – Fazer um cartaz (pág. 16)
– Documento de apoio – Pesquisar informação (pág. 6)
– Documento de apoio – Fazer um trabalho escrito (pág. 13)

Fora da sala de aula


Visita de estudo a um local de interesse vulcânico, como por exemplo: o
complexo vulcânico de Lisboa ou uma das ilhas dos Açores (sugere–se a
realização de um intercâmbio entre alunos do continente ou das ilhas); ao
Instituto Geofísico da Universidade de Coimbra; ao Centro de Ciência Viva de
Estremoz; à Escola de Prevenção e Segurança (Loures); ao Centro de
Vulcanologia e Avaliação de Riscos Geológicos (S. Miguel); a um dos
sismógrafos da rede sísmica nacional.

11
Capítulo 4: Estrutura interna da Terra

N.o de aulas previstas: 4

Conteúdos Atividades e recursos


Contributo da ciência e da tecnologia para o Manual
estudo da estrutura interna da Terra  «À descoberta» (pág. 135)
 Métodos utilizados pela ciência para o estudo  «À descoberta» (pág. 138)
do interior da Terra
 «Já aprendi» (pág. 133)
 Limitações dos métodos diretos de estudo do
 «Já aprendi» (pág. 135)
interior da Terra
 «Já aprendi» (pág. 139)
Modelos da estrutura interna da Terra  Avaliação (pág. 137)
 Características gerais da Terra  Avaliação (pág. 143)
 Modelos da estrutura interna da Terra

 PowerPoint
– Contributos da ciência e da tecnologia para o estudo da estrutura interna da
Terra
– Modelos da estrutura interna da Terra

 Animações 3D
– Modelos da estrutura interna da Terra – modelo geoquímico
– Modelos da estrutura interna da Terra – modelo geofísico

 Animações
– Estudo da estrutura interna da Terra

 Vídeos laboratoriais
– Campo magnético

 Esquemas interativos
– Contributos da ciência e tecnologia para o estudo do interior da Terra
– Modelos propostos

 Jogos
– Pinball – Ciência e tecnologia no estudo da estrutura interna da Terra
– Pacman – Modelos da estrutura interna da Terra

 Imagens
– Estudo do interior da Terra

 Links
– Animações que explicam a importância da sismologia para investigar a
estrutura do interior da Terra (em inglês)
– Teste interativo (aluno
– Teste interativo (professor)

Caderno de Apoio ao Professor


 Recursos de apoio
– Inge Lehmann (pág. 27)

 Atividades complementares
– O que nos dizem as ondas sísmicas? (pág. 47)
– Modelo da estrutura interna da Terra (pág. 48)
– O tamanho da Terra (pág. 48)

 Testes
– Teste 4 (pág. 58)

Caderno do Aluno
– Fichas n.os 7 e 8 (págs. 29 e 31)

© Texto | À Descoberta da Terra, 7.o ano


13
Capítulo 5: Dinâmica externa da Terra

N.o de aulas previstas: 26

Conteúdos Atividades e recursos


Rochas, testemunhos da atividade da Terra Manual
 Informações sobre a história da Terra  «À descoberta» (pág. 149) • «À descoberta» (pág. 185)
ornecidas pelas rochas e minerais  «À descoberta» (pág. 155) • «À descoberta» (pág. 192)
 Noção de mineral  «À descoberta» (pág. 161) • «À descoberta» (pág. 197)
 Características dos minerais
 «À descoberta» (pág. 164) • «À descoberta» (pág. 199)
 «À descoberta» (pág. 166) • «À descoberta» (pág. 200)
Rochas magmáticas, sedimentares e  «À descoberta» (pág. 169) • «À descoberta» (pág. 202)
metamórficas; ciclo das rochas  «À descoberta» (pág. 170) • «À descoberta» (pág. 209)
 Rochas magmáticas  «À descoberta» (pág. 178)
 Rochas sedimentares
 Rochas metamórficas  «Já aprendi» (pág. 154) • «Já aprendi» (pág. 191)
 Ciclo das rochas  «Já aprendi» (pág. 163) • «Já aprendi» (pág. 195)
 «Já aprendi» (pág. 168) • «Já aprendi» (pág. 196)
Geologia, ambiente e sociedade  «Já aprendi» (pág. 173) • «Já aprendi» (pág. 201)
 Paisagens geológicas  «Já aprendi» (pág. 175) • «Já aprendi» (pág. 203)
Paisagens de rochas magmáticas  «Já aprendi» (pág. 177) • «Já aprendi» (pág. 209)
Paisagens de rochas sedimentares  «Já aprendi» (pág. 185) • «Já aprendi» (pág. 213)
Paisagens de rochas metamórficas
 Rochas de Portugal  Avaliação (pág. 157)
 Paisagens geológicas da região onde a  Avaliação (pág. 187)
escola se localiza  Avaliação (pág. 216)
 Aplicações das rochas e dos minerais
 Importância do ambiente geológico para a
saúde  PowerPoint
 Impactes de ação humana nos processos – Rochas, testemunhos da atividade da Terra
geológicos – Rochas magmáticas, sedimentares e metamórficas: génese e constituição;
 Crescimento populacional e ciclo das rochas
desenvolvimento sustentável – Geologia, ambiente e sociedade
 Conservação de geodiversidade
 Animações
– Propriedades das rochas e minerais
– Escala de Mohs
– Ciclo das rochas
– Agentes modeladores da paisagem
– Impacte da exploração de uma pedreira numa paisagem florestal
 Vídeos laboratoriais
– Fusão e cristalização
– Alteração das rochas
– Ciclo das rochas em cera
 Vídeos
– Formações basálticas no Penedo de Lexim
– Paisagem granítica – Caos de blocos na Serra de Sintra
– Praia dos lagosteiros (Sesimbra) – Caminhos de dinossauros
– Paisagens sedimentares modeladas pelo vento e pelo mar
 Mapas de conceitos interativos
– Rochas, testemunho da atividade da Terra
– Rochas magmáticas, sedimentares e metamórficas: génese e constituição;
ciclo das rochas
– Geologia, ambiente e sociedade

 Jogos
– Missão – Conhecer os diferentes tipos de rochas

© Texto | À Descoberta da Terra, 7.o ano


– Pinball – Paisagens geológicas
 Imagens
– Granito (I e II)
– Basalto
– Arenito
– Calcário (I e II)
– Mármore (I a II)
– Xisto (I e II)
– Ciclo das rochas
– Paisagem granítica
– Paisagem basáltica
– Paisagem sedimentar
– Paisagem de grutas
 Links
– Como se formam as rochas – diversos recursos úteis, incluindo animação que
permite visualizar uma rocha desde o nível microscópico até à vista de satélite
e processos de formação de diferentes rochas (em inglês).
– Fotografias de rochas e minerais.
– Minerais e rochas – guião de atividades e recursos (em português).
– Recursos minerais na nossa vida (em português).
– Geossítios em Portugal.
– Geólogos importantes que trabalharam em Portugal (em português).
– Terra e saúde
– Minas abandonadas em Portugal
– Venenos naturais
– Planeta Terra nas nossas mãos
– Alterações climáticas – registo nas rochas
– Solo – a pele da Terra
– Recursos – a caminho de um futuro sustentável
– Geossítios
– Geoparque de Arouca
– Geoparque dos Açores
 Teste interativo (aluno)
 Teste interativo (professor)
Caderno de Apoio ao Professor
 Recursos de apoio
– Modelado cársico (pág. 25)
 Atividades complementares
– A chuva dissolve os monumentos? (pág. 40)
– Jogo das rochas (pág. 41)
– De que é feita a sala de aula? (pág. 42)
– Jogo das paisagens geológicas (pág. 43)
 Grelhas de avaliação
– Avaliação da participação em trabalhos de grupo (pág. 30)
– Avaliação de uma apresentação oral de trabalho (pág. 28)
– Avaliação do trabalho de campo (pág. 27)
– Avaliação de um relatório científico (pág. 31)
 Testes
– Testes 5 e 6 (págs. 60 e 63)

Caderno do Aluno
– Fichas n.os 9, 10 e 11 (págs. 33, 35 e 41)

Fora da sala de aula


Visita de estudo, por exemplo, ao Centro de Ciência Viva do Lousal, Museu
Geológico (Lisboa), Museu Mineralógico e Geológico da Faculdade de Ciências e
Tecnologia da Universidade de Coimbra, Museu dos Jazigos Minerais Portugueses
(Matosinhos); visita a uma pedreira ou indústria transformadora de pedra ou
utilizadora de recursos minerais como matéria-prima. Visita a uma das grutas da
serra d’Aire e Candeeiros. Percurso para observar paisagens geológicas típicas.
Seria ainda oportuna uma saída de campo a um geossítio
15