Você está na página 1de 20

Energia Eólica

Maio de 2017
Associados

2
Contexto Mundial

Data: junho/2016
Trajetória Mundial (Capacidade Instalada Acumulada)
-------------------- Ranking Mundial 2016 --------------------

Representa 2,2%
1º 2º 3º 4º 5º do total mundial
China EUA Alemanha Índia Espanha (486,75 GW)
168,69 82,18 50,02 28,70 23,07
GW GW GW GW GW

6º 9º
7º 8º 10º
Reino Brasil
França Canadá Itália
Unido
12,07 11,90 10,74 9,26
14,54
GW GW GW GW
GW

-------------------- Colocações do Brasil --------------------


2012 2013 2014 2015 2016
15º Colocado 13º Colocado 10º Colocado 10º Colocado 9º Colocado
2,5 GW 3,4 GW 5,9 GW 8,7 GW 10,7 GW

4
Fonte: GWEC/ABEEólica
Trajetória Mundial (Capacidade Instalada Nova)
-------------------- Ranking Mundial 2016 --------------------
23,33

Representou 3,7% do total adicionado


no mundo (54,60 GW)
Proporcionou um crescimento, ao
Brasil, de 23% em comparação à 2015

8,20
6,73
5,44
3,61
2,01 1,56 1,39 0,89 0,74 0,70

China EUA Alemanha India Brasil França Turquia Holanda Reino Canadá Resto do
Unido Mundo

-------------------- Colocações do Brasil --------------------


2012 2013 2014 2015 2016
8º Colocado 7º Colocado 4º Colocado 4º Colocado 5º Colocado
1,08 GW 0,95 GW 2,50 GW 2,75 GW 2,01 GW

5
Fonte: GWEC/ABEEólica
Contexto brasileiro

Data: junho/2016
Capacidade Eólica Instalada
Maranhão
Matriz Elétrica (GW)
8 (220,8 MW)
3,8 2,0
Piauí 10,1 2,5% 1,3%
39 (1.069,0 MW)
5 6,6%
Ceará
68 (1.788,8 MW)
3 13,0
Rio Grande do Norte 8,5%
126 (3.444,7 MW)
1

Paraíba 5,0
13 (69,0 MW)
9,00 3,3%
Pernambuco
GW 31 (701,5 MW)

Sergipe 11,03
1 (34,5 MW) 7,2%
Bahia
73 (1.897,8 MW) 93,7
2 61,4%
Rio de Janeiro
14,0
1 (28,1 MW) 9,1%

Paraná
1 (2,5 MW) Hidrelétrica Biomassa Eólica PCH
2,03 Santa Catarina Gás Natural Óleo Carvão Nuclear
GW 14 (238,5 MW)
80% Renovável 20% Não Renovável
Rio Grande do Sul
73 (1.759,9 MW)
4 Total instalado: 11,03 GW – 443 parques eólicos
Aptos: 354,4 MW – 14 parques eólicos

Data: junho/2016 7
Fonte: ABEEólica / ANEEL
Contratações no Ambiente Regulado
O crescimento virtuoso da fonte está relacionado com a previsão e regularidade nas contratações da
fonte no ACR.

Contratação
Ano
(GW)
2009 1,92
2010 2,01
2011 2,79
2012 0,49
2013 4,55
2014 2,23
2015 1,18
Total 15,17
Média Anual 2,17

Meta 2,00
2016 0,00

A despeito da média de contratação de 2,17 GW até 2015, não houve contratação em 2016 por conta
do cancelamento do 2º LER 2016.
Evolução da Capacidade Instalada (MW)

20.000

17.918,2
18.000 16.936,6
16.137,5
16.000

14.000 13.255,6

Capacidade Instalada Atual: 11,03


12.000
10.747,3

10.000
8.733,4

8.000
5.979,6
6.000

4.000 3.484,1
2.529,0

2.000 1.535,1
932,4
341,4 600,8
27,1 235,4 245,6
0
2012
2005

2006

2007

2008

2009

2010

2011

2013

2014

2015

2016

2017

2018

2019

2020*
Nova Acumulada
(MW) (MW)
Há uma parcela de parques sem previsão que consta no gráfico incorporadas em 2020. Trata-se de empreendimentos (660 MW) com obras paralisada e, portanto, sem previsão de inicio de
operação devido aos entraves com contrato de fornecimento de equipamentos, vide ANEEL.
9
Fonte: ABEEólica / ANEEL
Preços atualizados para mar-17 (R$/MWh)

-
-
LER
R$ 237,11
2009

área
LER
R$ 190,08
2010

LFA 2010 R$ 207,75

LER
R$ 143,82
2011

A-3 2011 R$ 143,88

A-5 2011 R$ 148,91

Evolução Tecnológica x aproveitamento da

Competição natural de setor de infraestrutura


A-5 2012 R$ 120,46
Preços – Leilões Regulados

-
-
-
LER
R$ 143,01
2013

A-3 2013 R$ 158,69

Fonte: ABEEólica
A-5 2013
R$ 150,42
(Dez)

Evolução Tecnológica
A-3 2014 R$ 158,32
Ampliação dos índices de

LER
nacionalização Novo FINAME

R$ 171,24
2014
Reestabelecimento de melhor TIR

A-5 2014 R$ 162,78


-
-
-

LFA 2015 R$ 201,57

A-3 2015 R$ 200,94


Índice de

(até 80%)

Custo Brasil

2º LER
R$ 220,43
nacionalização

2015…
Taxa de câmbio
R$ 172,46

10
Indústria Eólica Brasileira

Capacidade Produtiva: 4 GW/ano


(80% nacionalizada)

Torres: Acciona; Alphatec; Alstom;


Bramatel; Brasilsat; Cassol; CTZ
Eolic Tower; Dois A Engenharia;
Engebasa; Eólicabrás; Ernesto Pás: Aeris Energy;
Woebcke; Gestamp; ICEC; Inneo; LM; Tecsis
Intecnial; Maq. Piratininga; NTB;
TEM; Torrebrás; Wobben
Windpower

Mais de 1.000 fornecedores de peças e


componentes
11
Fonte: ABEEólica
Aspectos Socioeconômicos e
Socioambientais

Data: junho/2016
Contribuição Socioeconômica

Empenho em projetos e
Fixação do homem no Ganhos com
ações sociais não
campo arrendamento
obrigatórias

Proporção de atividade Capacitação das


Redução da pobreza
complementar populações

13
Benefícios e Índices da Eólica 2016

US$ 5,4
bilhões foram
investidos no
setor eólico
17 milhões de
Casas 33 TWh de
Abastecidas energia
Mensalmente, gerados
em média
Ganhos
sistêmicos:
atendimento
do Nordeste
16 milhões de
toneladas de
CO2 evitadas

Data: junho/2016 14
Fonte: ABEEólica / CCEE / BNEF
Desafios

Data: junho/2016
Desafios para construção dos próximos 10 GW

Meio
ambiente

Logística Capacitação

P&D
Tributação
Mercado
Livre
O&M

16
Certificados de Energias Renováveis
Dispositivos Geração de Energia Certificados
Total de 15 empreendimentos
certificados atualmente:
• 2 PCHs 1 EOL I-REC
• 1 UFV (Solar) Embrasca 3 EOL
• 12 Eólicas 2 Atlantic (REC Brazil) e
1 Voltália (I-REC)
2 EOL REC Brazil em
andamento
Legenda:
Certificado 7 EOL
Em andamento 6 Atlantic (REC
Brazil) e 1 Statkraft
(I-REC)
1 PCH REC Brazil
Atiaia 1 PCH REC Brazil
CPFL

1 Biomassa REC Brazil


em andamento
1 EOL REC Brazil
Honda
1 UFV REC Brazil
CPFL

2 PCH REC Brazil e


I-REC em andamento

Data: junho/2016 18
Transações de Certificados no Brasil

Quantidade de RECs Comercializados


107.543

13.462
244

2014 2015 2016

Data: junho/2016
19
facebook.com/abeeolica
Data:youtube.com/abeeolica
junho/2016
abeeolica
ABEEólica
@abeeolicaeolica
abeeolica.org.br

ABEEólica - Associação Brasileira de Energia Eólica


Av. Paulista, 1337 – 5º andar – Cj. 51 - São Paulo, SP
Tel: +55 (11) 3674-1100
www.abeeolica.org.br