Você está na página 1de 22

CIRCUITOS ELÉTRICOS

Conceitos Básicos

Thomaz Rodrigues Botelho


SUMÁRIO

• O Sistema Internacional de Unidades (SI).

• Visão geral de análise de circuitos.

• Tensão e corrente.

• Potência e energia.

Thomaz Rodrigues Botelho


O SISTEMA INTERNACIONAL
DE UNIDADES (SI)
• Objetivo: padronizar as unidades e facilitar a comunicação
entre profissionais de diferentes áreas.

• Baseado em sete unidades fundamentais (comprimento,


massa, tempo, corrente elétrica, temperatura termodinâmica,
quantidade de substância e intensidade luminosa).

• Demais unidades de grandezas físicas são obtidas a partir da


combinação das unidades fundamentais.

Thomaz Rodrigues Botelho


O SISTEMA INTERNACIONAL
DE UNIDADES (SI)
Unidades Fundamentais do SI:

Thomaz Rodrigues Botelho


O SISTEMA INTERNACIONAL
DE UNIDADES (SI)
Unidades derivadas no SI:

Thomaz Rodrigues Botelho


O SISTEMA INTERNACIONAL
DE UNIDADES (SI)
Prefixos no SI que representam potência de 10:

Thomaz Rodrigues Botelho


ANÁLISE DE CIRCUITOS:
VISÃO GERAL
• Necessidade.

• Conceito do projeto.

• Modelo matemático: modelo


de circuitos (componentes
ideais).

• Técnicas de análise de
circuito.

• Protótipo físico (componentes


reais).
Thomaz Rodrigues Botelho
ANÁLISE DE CIRCUITOS:
VISÃO GERAL

Circuito Elétrico:

Conjunto de componentes elétricos ligados entre si


de modo a formar um percurso fechado através do
qual possa circular uma corrente elétrica.

Thomaz Rodrigues Botelho


ANÁLISE DE CIRCUITOS:
VISÃO GERAL
Elemento básico ideal de circuito:

Possui apenas dois terminais pelos quais é conectado a outros elementos do


circuito;

É descrito por um modelo matemático que relaciona a tensão e a corrente


elétrica em seus terminais;

Não pode ser subdividido em outros elementos.

Thomaz Rodrigues Botelho


TENSÃO E CORRENTE
TENSÃO ELÉTRICA:

Energia por unidade de carga


dw
necessária para provocar o v=
movimento das cargas no dq
circuito.

onde:

v = tensão elétrica (V);

w = energia (J);

q = carga elétrica (C).
Thomaz Rodrigues Botelho
TENSÃO E CORRENTE
CORRENTE ELÉTRICA:

Quantidade de carga por


dq
unidade de tempo que i=
atravessa uma seção dt
transversal S de um condutor.

onde:

i = tensão elétrica (A);

t = tempo (s);

q = carga elétrica (C).
Thomaz Rodrigues Botelho
TENSÃO E CORRENTE
Corrente Elétrica: Sentido Real x Sentido Convencional

Thomaz Rodrigues Botelho


TENSÃO E CORRENTE

TENSÃO ELÉTRICA:

• Designação ou valor;

• Polaridade indicada por sinais de + e –.

CORRENTE ELÉTRICA:

• Designação ou valor;

• Sentido de movimento das cargas


positivas indicado por uma seta.

Thomaz Rodrigues Botelho


EXERCÍCIOS
1. Não existe carga no terminal superior do elemento da figura pata t<0. Em t=0,
uma corrente de 5 A começa a fluir no terminal superior.

A. Derive a expressão para carga acumulada no terminal superior do elemento


para t>0.

B. Se a corrente for interrompida após 10 segundos, qual será a quantidade de


carga acumulada na parte superior do terminal?

Respostas:

A. q(t) = 5t C para t>0

B. q(10) = 50 C
Thomaz Rodrigues Botelho
EXERCÍCIOS
2. A corrente nos terminais do elemento é:
i = 0, t<0
−5.000t
i = 20e A, t≥0

Calcule a carga total (em microcoulombs) que entra no


elemento em seu terminal superior.

Resposta:

4.000 𝛍C
Thomaz Rodrigues Botelho
POTÊNCIA E ENERGIA

POTÊNCIA:

Taxa de variação temporal do


gasto os absorção de energia. dw
P=
Onde:
 dt
P = potência (W);

w = energia (J);

t = tempo (s).

Thomaz Rodrigues Botelho


POTÊNCIA E ENERGIA

dw dw dq
P= = ⋅
dt dq dt

P=V⋅I

Thomaz Rodrigues Botelho


POTÊNCIA E ENERGIA
CONVENÇÃO PASSIVA:
Convenção em que é adotada o sentido convencional da
corrente elétrica, ou seja:

Corrente fluindo do terminal com maior potencial elétrico para o


terminal com menor potencial elétrico:
P = + (V ⋅ i)

Corrente fluindo do terminal com menor potencial elétrico para o


terminal com maior potencial elétrico:
P = − (V ⋅ i)

Thomaz Rodrigues Botelho


POTÊNCIA E ENERGIA
CONVENÇÃO PASSIVA:
Convenção em que é adotada o sentido convencional da
corrente elétrica, ou seja:

Potência positiva → elemento está absorvendo potência.

Potência negativa → elemento está fornecendo potência

Thomaz Rodrigues Botelho


POTÊNCIA E ENERGIA
CONVENÇÃO PASSIVA:
Convenção em que é adotada o sentido convencional da
corrente elétrica, ou seja:

Thomaz Rodrigues Botelho


EXERCÍCIOS
3. Admita que a tensão nos terminais do elemento do exercício 2 é :
v = 0, t<0
v = 10e −5.000tkV, t≥0
A. Calcule a energia fornecida ao elemento em 1 ms.

B. Calcule a energia total (em joules) absorvida pelo elemento do circuito.

Respostas:

A. 0,908 W

B. 20 J
Thomaz Rodrigues Botelho
EXERCÍCIOS
4. Suponha que ocorra uma queda de tensão de 20V em um elemento do terminal 2 para o terminal 1 e que
uma corrente elétrica de 4A entre no terminal 2.

A. Especifique os valores de v e i para as referências de polaridade mostradas na figuras.

B. Determine se o circuito dentro do quadrado está absorvendo ou fornecendo potência.

C. Quanta potência o circuito está absorvendo/fornecendo?

Respostas:

A. (a) -20V, -4A



(b) -20V, 4A

(c) 20V, -4A

(d) 20V, 4A

B. Absorvendo

C. 80W

Thomaz Rodrigues Botelho