Você está na página 1de 2

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES


PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ANTROPOLOGIA SOCIAL

INFORMAÇÕES GERAIS – SELEÇÃO DE MESTRADO DO PPGAS 2019

Inscrição para seleção na pós-graduação em Antropologia Social (mestrado) da Universidade


Federal do Rio Grande do Norte (PPGAS-UFRN) – 15 vagas

INSCRIÇÃO 21 de agosto a 20 de outubro de 2018


HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES 25 de outubro de 2018
PROVA ESCRITA 29 de outubro de 2018 das 08h30 às
12h30
RESULTADO DA PROVA ESCRITA 01 de novembro de 2018 a partir das
18h publicado no mural do PPGAS (em
frente à secretaria do curso, no
CCHLA) e no site do Programa -
http://www.posgraduacao.ufrn.br//ppgas
PRAZO PARA RECURSO DA PROVA 05 e 06 de novembro de 2018
ESCRITA
ARGUIÇÃO DO ANTEPROJETO DE 08 e 09 de novembro de 2018,
PESQUISA conforme cronograma divulgado
previamente pela secretaria do PPGAS.
PRAZO PARA RECURSO DA ARGUIÇÃO 12 e 13 de novembro de 2018
DO ANTEPROJETO DE PESQUISA
RESULTADO FINAL 19 de novembro, divulgado no mural do
PPGAS e no site do Programa -
http://www.posgraduacao.ufrn.br//ppgas
PREVISÃO DE INÍCIO DO CURSO Março de 2018

Informações
Secretaria do PPGAS, sala 921, CCHLA-UFRN
Telefone: (84) 3342-2240 – Opção 2
E-mail: ppgas@cchla.ufrn.br
Portal/site: http://www.posgraduacao.ufrn.br//ppgas.

BIBLIOGRAFIA INDICADA PARA A PROVA ESCRITA:

1) Appadurai, Arjum. A Vida Social das Coisas. As Mercadorias sob uma Perspectiva
Cultural. Cap. 1. “Introdução: mercadorias e a política de valor”. (pp. 15-88) . Niterói,
EDUFF, 2008 [1986].

2) Barnes, J. A. “Redes sociais e processo político”. In: Feldman-Bianco, Bela. Antropologia


das Sociedades Contemporâneas: Métodos. São Paulo, Editora da UNESP, 2010 [1987].
3) Hannerz, Ulf. Explorando a Cidade. Em Busca de uma Antropologia Urbana. Cap. 2.
“Etnógrafos de Chicago”, cap. 3. “A busca pela cidade” e cap. 5. “Pensando com redes”.
Petrópolis, Vozes, 2015 [1980].

4) Lagrou, Els. A Fluidez da Forma. Arte, Alteridade e Agência em uma Sociedade


Amazônica (Kaxinawa, Acre). Introdução (pp. 19-34) e cap. 1, “A arte: o poder da imagem”
(pp. 37-155). Rio de Janeiro, Topbooks, 2007.

5) Marcus, George E. “Etnografía en/del sistema mundo. El-surgimiento-de-la-etnografia-


multilocal”. Tradução de Miguel Ángel Aguilar Díaz (UAM-I) do original “Ethnography in/of
the World System. The emergence of multi-sited ethnography” (1995), Annual Review of
Anthropology, núm. 24, pp. 95 - 117.

6) Pinheiro-Machado, Rosana. Made in China: informalidade, pirataria e redes sociais na


rota China-Paraguai-Brasil. São Paulo, Hucitec, 2011.

Estrutura do Anteprojeto de Pesquisa (para todos os candidatos)

Sugestões para elaboração do Anteprojeto de Pesquisa (formatação: Times New Roman, 12,
espaço 1,5):

1. Introdução em que sejam apresentados com clareza o objeto, a delimitação do tema e o


problema a ser investigado.

2. Objetivos e questões norteadoras: o candidato apresenta quais objetivos pretende


alcançar com a pesquisa (objetivos de caráter mais geral e objetivos específicos), e a
formulações de questões norteadoras para responder aos objetivos da pesquisa).

3. Metodologia. Aqui devem ser apresentados os procedimentos, métodos e técnicas de


pesquisa que pretende empregar para desenvolver sua pesquisa.

4. Discussão bibliográfica. O candidato deve fazer uma apresentação breve da bibliografia


que já conhece sobre o assunto.

5. Referências Bibliográficas: apresente a bibliografia citada no texto. Não citar referências


que não tenham sido citadas no texto do anteprojeto.

ATENÇÃO:

1. Não é necessário aceite de um orientador para prestar o exame de seleção para o mestrado.
A orientação da pesquisa será definida após o ingresso no curso, caso o candidato seja
aprovado, conforme interesse do aluno e disponibilidade e interesse do professor.

2. O projeto deve estar devidamente identificado, com nome completo do candidato.