Você está na página 1de 45

FODA-SE A HIPOCRISIA.

É MELHOR NÃO ACREDITAR EM NADA DO QUE VIVER UMA CRENÇA FALSA.


OBSERVAÇÕES

1 – Imprima esse livro

2 – Não compartilhe a sua versão impressa com ninguém.

3 – Não sou escritor, escrevi tudo em um dia e quando mandei para edição de português
o significado do livro inteiro se perdeu, logo, a versão aqui exposta é a “BETA” e está com
erros ortográficos. Quem quiser me ajudar mande os erros para
mario.schwartzmann@hotmail.com

4 – Sou ex-judeu, ex-gordo, ex-pobre, ex-drogado e ando com favelados. Já sei que esse
livro envolve riscos. Logo, não precisem me informar mais do mesmo.

5 – Vocês só estão lendo esse livro porque sou tudo isso. E porque eu cometi diversos
erros que vocês todos adoram. Graças a isso, vocês irão ler esse livro. O que é triste.

6 – Não quero nada de vocês. Se for útil, compartilhe. Se não for útil, apague.

7 – Algumas alterações serão feitas. Esse livro é grátis e poderá ser baixado para sempre
no link http://www.rsafamily.com.br/livro1.pdf . As próximas edições estarão
disponibilizadas lá.

8 – Já sei que sou louco, doente e todo o resto. Não precisam me informar ou irem atrás do
meu passado. Meu passado é aberto a todos.

9 – Ganhei todo meu dinheiro através do mercado de opções na bolsa de valores. Isso é
declarado e não preciso falar mais sobre isso.

10 – O livro começa bem direto e termina confuso. Isso foi planejado. Tenho uma mensagem
à passar e não está escrita de maneira literal.

Mario Schwartzmann
CAP 1 – NÃO COMPARTILHE SEUS SONHOS COM QUEM NÃO SE IMPORTA.

Você já teve a impressão de que está tudo errado? Você já teve a impressão que não
pertence a esse mundo? Você já percebeu que você “consegue” enxergar o erro dos outros? Você já
percebeu que os outros se acostumaram a se sentir mal e não falar nada? Você já teve a impressão
de que você poderia fazer diferença nesse mundo? Você já chegou a admitir que têm ciência do seu
potencial, mas ele sempre é apenas um potencial?

Bom, creio que todos da nova geração já devem ter se sentido assim. Quando nós vemos
nossos pais assistindo a TV Globo, comentando o Cidade Alerta ou outras coisas eles acabam
tentando nos condicionar a acreditar no mesmo.

Na verdade, nossos pais até gostam que isso passe na TV. Isso acaba gerando medo,
insegurança e desespero na maioria das pessoas e com o medo as pessoas evitam sair de casa e
ficam sempre seguras nas costas dos pais.

As horas passam e nossos pais não conseguem mais nos entender e nós não conseguimos
entende-los. Do que vale uma vida perdida? Do que vale viver condicionado ao medo ou a todas
essas sugestões que são bombardeadas em todas as mídias? Porque você se sente forte, mas
nunca se põe a prova? E se põe, tem dúvida se vai dar certo. E lógico, sempre dá errado.

Preciso admitir algumas coisas no lugar deles: a verdade é que a maioria dos nossos pais
falhou. Eles podem não admitir, mas sabem. Eles não querem que você saiba, pois se você souber,
você talvez não se sinta mais seguro em casa. Se você souber, talvez você não os respeite mais. Se
você souber, você irá tentar fazer diferente. Se você souber disso, será perigoso.

A verdade é que eles não erraram por culpa deles também. Aprendemos na vida que eles
acreditaram e seguiram os pais deles. Mesmo aqueles que se comportaram como revoltados,
sempre responderam às atitudes dos próprios pais para tomarem algum tipo de atitude.

Alguns acreditaram que se estudassem, trabalhassem, servissem esse sistema, teriam uma
vida segura e estável. Outros acreditaram que simplesmente a revolta burra e desunida seria seu
voto de protesto contra o que acontece no mundo. Não importa, seus pais responderam ao
ambiente em que viveram.

Admitam: a batata está assando e já faz muito tempo. A maioria não sabe o que fazer, mas
sabe que não aguenta mais desperdiçar a vida e perceber que não produziu nada até então.
Semelhante às árvores percebemos que algo dentro de nós borbulha, semelhante às árvores, uma
necessidade de produzir algo. Mesmo que seja uma mensagem de paz e desistência.

Antigamente, não havia internet, a informação era mais escassa e quando não era, era
totalmente controlada pela grande mídia. Hoje, nós sortudos temos acesso a ferramentas que nos
permitem usar toda imaginação na hora de consumir algum conteúdo. Alguns escolhem procurar
respostas, outros procuram matar o tempo com alguma coisa idiota, outros procuram se masturbar
e por aí vai. Isso não importa, o que importa é que a internet descentralizou as fontes de
informações e agora todo mundo pode escolher onde busca-la.
Voltando aos seus pais, muitos deles foram motivados pelo medo para decidir todas as
outras ações que tomariam na vida. Eles falharam, mas querem ensinar isso para vocês. Se proteja, o
mundo não vai mudar, faça algo seguro... tenha medo... faça algo seguro. Se preocupe, pense antes,
não de um passo maior... Lembre-se disso, eu te avisei.

Bom, vocês escutaram isso toda hora. Provavelmente não perceberam que ao absorverem
esse tipo de informação, mesmo que você relute você vai inconscientemente aceitar e lembrar-se
disso quando algo der errado. Aos poucos, você vai se tornando uma versão “diferente”, mas
“igual” deles.

Aos poucos você vai entendendo que você, mesmo “sabendo” e forte por dentro,
acaba absorvendo o ambiente, porque isso te favorece, já que caso algo aconteça, eles
acreditam no mesmo que você e vão apoiar sua afirmação.

O que você não sabe ou evita concordar é que eles foram ensinados assim. Eles já
acreditam nisso tão piamente e já tiveram tantas provas disso na vida deles que você tentar discutir
parece como conversar com uma porta.

Como dizer para eles que eles estavam errados se toda a vida deles fora criada baseada
nessas afirmações. Como você vai contradizê-los se eles enxergam e toda criação de vida deles foi
baseada nessas informações? É impossível você vencer por argumentos, eles vivem isso. Eles criam
isso. E eles nem sabem disso. Mesmo se soubessem teriam que admitir a burrice de viver
acreditando nestas coisas. São poucos os pais que fariam isso, pois colocariam o seu filho em
terreno inseguro. Um terreno que eles mesmos nunca foram capazes de explorar.

Você sente que pode. Você sente que deve. Você sente que conseguiria.

Mas o que você faz nessa situação? Tenta persuadi-los, não consegue (óbvio, eles estão
certos porque vocês vivem o mundo deles e não eles o seu), se revoltam, entram no quarto, abrem o
Facebook e escreve alguma merda enquanto fuça a vida dos outros e acreditam que todos tem uma
vida diferente da sua.

A sociedade brasileira é uma coisa engraçada. Mas relaxa, não é só no Brasil não é mesmo?

Mesmo se as pessoas estiverem muito zoadas, fodidas e pobres de espirito, elas vão dizer
que estão bem. Se fosse verdade tudo bem, mas na verdade elas somatizam uma grande
quantidade de doenças, transtornos e fobias. Elas estão irracionais, mas dizem racionais. Elas estão
mal, mas dizem que estão bem.

Todos já estão acostumados com máscaras. Todos já aceitaram a ideia que ser falso é a
melhor escolha nesse planeta. Afinal, quem aqui é sincero? Alguns homens muito sinceros foram
assassinados, sumiram de repente, “suicidaram-se” ou simplesmente foram colocados em uma cruz.
Mesmo assim, o nome dessas pessoas não some, por que será?!

Não importa, fingir que estar bem evita que você sinta pena ou que você descubra quais
sementes elas plantaram na vida que elas tenham vergonha de admitir. Muitas vezes, as
pessoas mais sofridas são as mais sinceras, porém, elas não sofrem em espírito. Sofrem em
matéria. Às vezes, pessoas muito boas não se adequam ao sistema e passam fome.
Às vezes, você foi o presente que o “Universo”, “Deus”... deu à essa pessoa para que seja
feita justiça. Mas talvez, você já tenha se perdido no mundo. Ou ainda está procurando o seu
lugar. Talvez.

Vemos por toda parte as pessoas dizendo: “pense positivo”, aprendi isso vendo um livro de
autoajuda. Mal sabem, que mesmo se plantar milhares de sementes “positivas” em um solo morto
e sem nutrientes, nada vai nascer. Mal sabem o que é positivo ou negativo.

Mal sabem de porra nenhuma, mas elas estão prontas para ensinar vocês. Alguns
chamam isso de esperança, algumas pessoas mais sinceras e instruídas já observaram que o nome
disso é ignorância.

Infelizmente não posso citar todas as variáveis e resultados possíveis no Universo para
que você seja o que você diz ser, mas posso dizer uma coisa: existe uma regra, existe uma Lei e
existe uma equação básica (mesmo que nós não enxerguemos todas as variáveis, assim como não
enxergamos o ar ou o sinal wi-fi).

Existem N variáveis possíveis, mas sempre que combinadas, formam uma equação
perfeita. E até agora, você foi responsivo a essa equação. A equação de responder ao ambiente e à
vida dos seus antepassados.

No momento é isso que vos escrevo. Agora, quero ensinar para vocês a minha maneira de
pensar. Todos querem saber e não aguento mais de agonia para soltar logo como eu raciocino a
minha vida, a minha equação e a minha certeza de que tudo que eu acredito pode estar mais
certo do que o que você acredita.

Esse livro, creio eu, foi feito com base no livro mais antigo que já li. A importância de
você acreditar nele ou não, não cabe a mim inferir.

Quero que vocês entendam e aceitem que nada é por acaso e não é possível que você
não notou que após a morte dessa pessoa o mundo se dividiu entre antes dele e depois dele.

Você aceitar ou não isso não importa. Basta que você veja o calendário, todos já
aceitaram que o ano atual é 2016 após ele.

Não quero discutir com vocês se a data está certo ou errada. O que importa é que é.

E que isso não é por acaso. É pelo mesmo motivo que a sua vida atual é a sua vida atual.

É por mérito e culpa dele. Aceitem ou não.

Se estou fazendo uma grande merda expondo meu modo de pensar, peço desculpas, mas
vou fazê-lo mesmo que isso ocasione a raiva de muitas pessoas.
CAP 2 – COMO MUDAR A SUA VIDA AGORA

Sempre que eu começo qualquer projeto ou mudança de vida eu me atento às pessoas


que estou envolvendo. Para alguns, isso é preconceito. Para outros, isso é exigência. Par a mim,
isso é ciência.

Antes de envolver alguma pessoa eou aceitar alguma ideia ou projeto eu me questiono: isso
vem do meu coração ou vem do mundo? Por que eu quero fazer isso? Esse é o melhor momento?
Qual a minha motivação real em que isso dê certo? Será que eu absorvi isso por causa de tanta
informação que acabo me expondo? Facebook, instagram... Qual a minha exigência com as pessoas
que estarão envolvidas?

Não importa, na maioria das vezes eu preciso decidir tão rápido quanto eu decidia na
bolsa de valores. Algumas oportunidades não permitem que você pense muito antes de executa-
las.

Sempre que eu decido colocar meu coração em algo, entendo que aquilo se torna
importante para mim. Para mim, as ideias e projetos que faço são mais importantes que o
dinheiro que possuo ou a falsa estabilidade que existe nesse sistema “mundano”. Por quê? Não
vou discutir com vocês, mas eu aprendi a aceitar a ideia que devo decidir qual a minha missão no
mundo, eu devo decidir qual semente quero plantar.

O vitimismo sempre me enojou. O vitimismo me torna em uma pessoa impotente e


tenho ciência que impotência é algo que eu não admito em minha vida. Logo, adquiri a
consciência que devo ser sincero em pagar o preço do que eu quero realizar.

Se vou receber ou dever mais, o resultado me mostrará. E já entendi que ninguém pode me
julgar.

Bom, se isso é muito importante para mim, logo percebo que isso é semelhante a uma
pérola. Afinal, isso está dentro do meu coração.

“Não deis as coisas santas aos cães, nem lanceis as vossas pérolas aos porcos, para que não
lhe metam as patas e, voltando-se, vos dilacerem.” Matheus (7,1-6)

Desse modo percebo que quando eu tenho uma grande ideia ou um grande projeto eu
não devo sair por ai contando para todo mundo. Algumas pessoas chamam isso de superstição.
Para mim, isso é ciência.

Como eu posso explicar para alguma pessoa sobre alguma ideia totalmente nova ou algo
extremamente diferente do que as pessoas estão acostumadas a observar no mundo? Como eu
posso explicar para 99% das pessoas, se por observação, já percebi que vivem em estado de miséria
mental? Não, não estou julgando. Estou dizendo fatos. Estou falando de percepção.
Se eu tenho uma grande convicção sobre algo, já sei que devo guardar para mim ou
compartilhar com pessoas que tenham a mesma vibração que eu. Chamo essas pessoas na
minha vida de irmãos. Irmãos de fé.

Se eu saio por ai contando todos meus objetivos e sonhos, as respostas das outras
pessoas podem me afetar assim como invariavelmente a sujeira da lama que o porco vive. Mesmo
com a melhor bota ou a melhor roupagem, sei que vou sair todo sujo com as crenças e valores
que essas pessoas vivem. Elas acreditam nisso, elas vivem isso e quem sou eu para contradizer o
óbvio...

De quem é a culpa? Minha. Eu que pedi a opinião ou permiti que essas pessoas afetassem a
minha ideia. Eu que permiti a sujeira, a interferência. Logo, eu que devo recolher o fruto dessa
ação burra. Para mim é óbvio que nessa equação a única coisa que eu vou recolher é frustração.
Mais uma ideia perdida que provavelmente outra pessoa vai ter e fazer no meu lugar por ser mais
competente na fé.

Eu que não acreditei e acabei jogando aos porcos para me dizer qual a opinião. Eu que errei.

Vocês concordam?

Bom, se você concorda com isso, o primeiro passo para você parar de responder o ambiente
e criar a sua mudança de vida (level 1) é definir exatamente o que é valioso para você agora.

O que é importante para você? O que você quer fazer? Do que você reclama e quer mudar?
O que você quer ter? O que você precisa? Desligue o Facebook e pense 10 minutos na sua vida.

Escreva abaixo a sua ideia. Lembre-se, só você pode se julgar nesse momento.

__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________

Bom, esse é o seu tesouro. Essa é a sua pérola. E você, nesse momento vai proteger ela.
CAP 3 – HORA DA AÇÃO? AINDA NÃO, HORA DA MEDITAÇÃO E ORAÇÃO.

Bom, tendo definido o que é importante para mim chegou a hora de agir. O primeiro
impulso de qualquer pessoa é sair por ai procurando quem “pode ajudar” ou “como devo
começar”.
Eu não começo por ai...

Em verdade, já percebi que a maioria das pessoas que agem assim acaba sendo tomadas
pelo desespero. Desespero, para mim, é sinal claro de falta de fé. Eu não estou falando da fé em
Jesus Cristo ou em Buda. Estou falando de falta de fé na vida mesmo. Essas pessoas não
perceberam ainda que o que dizem acreditar está totalmente desconexo com o que realmente
acreditam.

Algumas pessoas ficam tão impressionadas com autoajuda que começam a repetir diversas
frases bonitas para motivar os outros. Em verdade, todo conhecimento dela ainda está em nível
consciente. Está fresco. Ela acabou de receber e quer sair por ai contando a boa nova para os
outros.

Mas não parece óbvio que ninguém vai acreditar? É óbvio, mas mesmo assim as pessoas
agem dessa maneira em nome dessa tal “esperança”. Esperança que basta ler algo para que
esse algo faça parte da vida dela. Na minha sincera opinião isso é bem ridículo quanto aos
padres que ficam nas igrejas falando do que nunca viveram. Afinal, estão querendo enganar
quem?!

Eu não sou contra autoajuda. Em verdade, sou muito à favor. No mundo em que vivemos se
você não criar uma força interna muito superior a força externa você não vai resistir a pressão.
Nesse mundo, se você não se ajudar, nunca vai poder ajudar ninguém. E se você não está se
ajudando, isso é um caso sério de sadomasoquismo mental.

Bom, continuando. Se eu já decidi o que eu quero proteger e qual é a minha pérola eu


vou primeiro protege-la. Não em um ato egoísta, mas em um ato inteligente de saber que devo
compartilhar sobre essa existência com as pessoas que sinto que deva fazê-la.

Agora, vou explicar porque a meditação e oração são o segundo passo do meu processo.

Vocês podem não admitir, mas todas as casas, edifícios, castelos e barracos, antes de
existirem, passaram pela cabeça de alguém. Primeiro, o engenheiro ou alguém “capacitado pela
vivência” vai analisar o terreno. Esse processo, às vezes, não é feito do dia para noite. Admita: nós
vivemos em um mundo de densidade, ou seja, mesmo que isso seja mentira, todo mundo
acredita nisso logo isso é nossa atual verdade.

Algumas coisas levam algum tempo, cabe o seu sentido lhe dizer e guiar. Em todo caso,
você já visualiza aquele empreendimento naquele lugar.

Feito esse procedimento chega a hora do arquiteto. Algumas pessoas assemelham “Deus”
ao arquiteto. Nessa situação, sendo nós a imagem e semelhança do mesmo, nós somos os
arquitetos de nossas próprias vidas.
O arquiteto visualiza, imagina, cria e dá forma física através da ação de desenhar.
O arquiteto usa tanto o lado direito quanto o lado esquerdo do cérebro.

Para vocês entenderem melhor, o lado esquerdo é responsável pela parte lógica. O
lado direito pela parte criativa.

Antes de ensinar o próximo passo eu vou fazer uma pergunta a você. Você ainda acredita
no que escreveu no cap. 1? Se você ainda acredita, siga em frente. Caso contrário, volte e re-
escreva.

Respondeu-lhes Jesus: “Em verdade, vos digo, se tiverdes fé, como um grão de mostarda
que seja, e disserdes a este monte: 'Passa daqui para acolá' - há de passar. Nada vos será
impossível.“ Mateus (17,14-21)

Vocês podem não admitir, mas quando vocês eram crianças, gostavam de desenhar.
Mesmo que você não gostasse, isso pode ter ocorrido porque seu cérebro direito acabou atrofiado
de tanto usar apenas o lado esquerdo.

Isso acontece, porque o nosso sistema sabe que pessoas criativas acabam sendo
perigosas. Por isso, o nosso sistema educacional privilegia apenas o lado esquerdo. Vocês podem
não saber, mas vocês foram massacrados por informações que “pouco” lhe importam ou que na
verdade só passou a crença e os valores que o mundo quer que você saiba.

O sistema educacional brasileiro foi muito inteligente em exercitar apenas o seu


lado esquerdo. Se você usar apenas o seu lado esquerdo você acaba perdendo o lado mais poderoso
da mente humana.

Não vou entrar em muitos detalhes agora, existe o google para isso, mas você foi
testado dos 7 aos 17 anos (se você fez só o ensino médio completo) em provas repletas de
conteúdo não necessário ou até mesmo falso (o sistema governamental sabe como utilizar isso).

Talvez você tenha tido a mesma sorte que eu e as milhares de pessoas que estão
desenvolvendo uma “doença” conhecida como “Transtorno de Déficit de Atenção”. Se você teve
essa sorte e seus pais foram inteligentes o bastante para não enfiar remédios (vide: ritalina)
goela abaixo. Caso contrário, recomendo fortemente que você faça tratamento para encerrar
com essa droga.

Se você tem essa doença, provavelmente você não absorveu tanta merda do nosso sistema
educacional. Mesmo que suas notas tenham sido medianas e você passou de ano (afinal, estou aqui
para confirmar a vocês: É ISSO QUE IMPORTA) você pode ter sido afetado com a crença de ser
burro ou não competente para realizar o seu sonho de vida.

Caso esse seja seu caso, deixo a frase de Albert Einstein: “Todo mundo é um gênio. Mas, se
você julgar um peixe por sua capacidade de subir em uma árvore, ela vai gastar toda a sua vida
acreditando que ele é estúpido.”

Vou resumir meu pensamento, vocês concordem ou não, mesmo o sistema tentando
enfiar guela abaixo um monte de porcaria, graças a Deus eu dormia nas aulas e absorvi muito
pouco da educação moderna, tanto que para escrever esse livro admito minha incompetência para
escrever sem erros ou em outras línguas.

Mas mesmo assim fiquei rico né? Logo, não preciso me preocupar, pois aprendi a usar o
sistema (não me orgulho disso e por isso estou escrevendo esse livro – meu desejo é capacitar
vocês que se sentem burros e perdidos - nos próximos capítulos falarei sobre isso) e posso pagar
alguém que faça essas tarefas.
Sabendo que todos vocês podem ter tido seu lado direito do cérebro atrofiado o
próximo exercício. Desenhe tudo que você escreveu nas linhas do primeiro capítulo. Um
exemplo: Se você quer ser cantor, desenhe-se no palco. Se quiser palestrar, desenhe-se
palestrando. Se quer ser pintor, artista ou seja lá o que você queira, desenhe.

Da maneira que quiser, com os símbolos que quiser, aquilo que você deseja ser. Exercite-
se como uma criança que voltou a acreditar que é possível decidir quem você quer ser e produzir.

Naquela hora, chegaram-se Jesus os discípulos com esta pergunta: "Quem é o maior no
reino dos céus?" Ao que Jesus chamou uma criança, colocou-a no meio deles e disse: "Em verdade,
vos digo, se não vos converterdes e não vos tornardes como as crianças; não entrareis no reino
dos céus. Mas quem se tornar humilde como esta criança, este é o maior no reino dos céus".
Matheus (18,1-4)
CAP 4 – COMEÇA O JOGO – ATRAÇÃO VEM NI MIM.

Check-list: sei, sinto e posso. Decisão, sentimento e portas abertas.

É hora do show.

Calma... Eu preciso ser sincero para vocês: ainda não compreendi todo o processo
de atração, se tivesse compreendido, seria muito mais do que eu sou.

Estou falando isso na opinião de vocês claro, pois a maioria só está lendo esse livro
porque fiquei “rico”, bonito, transei com meio mundo e esses outros valores. Em verdade sei que
fiz tudo isso para que vocês me ouvissem. E admito que já estou pagando o preço dessa
experiência.

Retornando, esses são os valores que uma sociedade baseada em aprovação social e
“ver pra crer” carrega para ir atrás da informação. Em verdade, todas essas coisas e as que virão
nos capítulos a seguir eu já sei desde 2007 quando comecei o processo. Quem acreditaria?!

Eu sabia, as pessoas iriam querer ver para saber né? Espera, não estou falando do dinheiro.

Preciso admitir que fiz o processo “meio errado”. Não vou citar isso agora, mas
mesmo assim “deu certo” porque cheguei no meu objetivo – estava bem protegido no meu
coração.

O que quero dizer com tudo isso? Mesmo eu não sendo um “Geração de Valor” tenho
a ensinar assim como eu aprendi muito com os mendigos na rua ou os meninos na favela e
estou disposto no final desse livro a discutir todos os pontos aqui descritos. Não baseiem o
sucesso de vocês ao sucesso relativo que tive. Baseie o sucesso dessa mensagem à vida de
vocês.

Por isso, volto a repetir a importância de vocês protegerem o que vocês acreditam.
Ninguém vai realmente acreditar se não ver, então, não percam tempo discutindo ou transferindo
o seu sonho para todos. Isso pode e vai afetar no processo.

Se você tiver menos força para acreditar do que a pessoa que você passou a
informação, você vai falhar logo de cara.

Eu errei algumas vezes no processo e vou dizer algumas coisas para aliviar vocês durante
a mudança de vida.

Como no inicio todos nós estamos com os sentidos muito desalinhados, algumas
vezes vamos errar e confiar nas pessoas erradas.

Não se preocupe, pois isso não afetou efetivamente na equação quando você percebeu
isso. Talvez você precisasse errar dessa maneira para receber uma informação nova pela vivência.
E graças, sempre é no momento certo.

Na bolsa de valores que quando percebemos que estamos em uma operação que já não
faz mais sentido, devemos encerrar a posição o mais rápido possível, pois o prejuízo só será
maior.
Traduzindo: no inicio do processo, pode ser que você esteja com seus “sentidos” errados.
Não se desespere, mas, se você perceber isso, encerre a conexão e saia andando. A falha ainda
está em você e vou prosseguir nos próximos capítulos.

Vou falar para vocês coisas que eu acho de extrema importância você saber antes de
agir. São coisas que vão melhorar os seus sentidos.

Nesse processo, o seu sentimento vai ser a bússola. Você para de usar apenas o
lado esquerdo do cérebro e permite se guiar por uma “força” maior cuja qual seus pais,
amigos e companheiros não conhecem.

Essas coisas permitem que você abra a porta mais rapidamente. Essas coisas permitem
que você atinja mais rápido e com mais eficiência seu objetivo.

Eu realmente acredito que uma pessoa pode chegar longe só com esses três primeiros
capítulos. Mas eu acredito que ela irá muito mais rápido e muito mais longe se assimilar e aceitar
as informações a seguir.

Talvez você não goste do que vai ler a seguir, mas eu preciso dizer...
CAP 5 – SAIBA: VOCÊ NÃO É LIVRE.

Você se acha livre quando deseja algo? Você se acha livre porque não depende de
nada? Defina o nada? Dinheiro? Mulher? Pais?

Em verdade todos nós somos seres facilmente condicionados. Somos condicionados desde
pequeno a acreditar que somos o que somos e desejar o que achamos que desejamos. Talvez,
você já tenha percebido que até uma simples propaganda de TV pode te influenciar a desejar ser
ou querer algo.

Não, antes de falar sobre mídia, PNL e outras coisas mais quero ir mais fundo. Todos
nós estamos presos. Ou todos nós somos sujeitos à leis. A gravidade não permite que você voe.
A eletricidade não permite que você coloque o dedo na tomada. Essas são leis físicas.

Você não é livre e não vai ser livre, com ou sem dinheiro. Preciso lembrar, mesmo que vocês
ainda permaneçam nessa ideia imbecil. Se nós não somos livres? O que nos condiciona?

Eu poderia listar aqui milhares de coisas, mas vou começar pelo mais simples. Você é livre
apenas para decidir uma coisa: servir o bem ou servir o mal. Basicamente, a única coisa que você
é livre é a sua intenção.

Antes de explicar isso, vou ter que alertar: as pessoas que possuem intenção definitivamente
ruim estão em vantagem sobre você.

Esse sistema ainda é dominado por pessoas que declaradamente assumem-se ruins no
interior. Por que isso ocorre? Por que elas podem roubar. Elas têm mais liberdade que nós nesse
mundo. Elas estão mais livres que você nesse momento. Mas, entenda, isso tudo é passageiro, e
mesmo que tenha durado alguns milênios de ano, isso tudo tem um sentido e não vou explicar
isso agora.

Elas possuem mais recursos que vocês. Mas que tipo de recursos? Os recursos que elas tem
é o de obter inapropriadamente coisas que não são delas. De maneira física, elas “parecem”
ter coisas que não possuem. Elas parecem ser boas e recebem aplausos de toda sociedade.

Esse tipo de recurso é temporário e se baseia na ideia que até essas pessoas estão sendo
permitidas nesse mundo para que elas aprendam com os próprios erros. Estou falando de pessoas
ruins mesmo. E existem várias que ainda não pagaram o preço. E não cabe a nós cobrar. Por quê?

Não quero falar muito desse assunto agora, mas essas pessoas são também como nós.
Quem nunca traiu? Quem nunca mentiu? Quem nunca errou? O Universo até hoje permitiu a
nossa medíocre existência mesmo com todos esses erros. Todos nós recebemos e pagamos em
conjunto também.

Esperem, não estou falando que vocês são impotentes para mudar isso. Não, vocês são
potentes e não são tão afetados quanto aqueles que declaradamente no seu interior assumiram
serem ruins.

Assim como as rádios funcionam em diferentes estações, vocês funcionam em


diferentes vibrações.
Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti.

Talvez você não tenha entendido. Estou falando isso apenas para você saber que
essas pessoas podem te enganar. E quem pode te enganar? As pessoas que você permite e
idolatra.

Só estas? Não. As pessoas que primeiramente podem te colocar em um ciclo indefinido de


prisão não visível são as pessoas que você mesmo julga. E quem são essas pessoas? As pessoas
que você mais conviveu durante a sua infância, seus pais.

Você pode não ter percebido, mas você julgou seus pais em alguns momentos da sua vida
e talvez você carregue isso até hoje. Você não percebe, mas isso te condiciona a querer provar e
mostrar para eles algo. Você não percebe, mas isso vai condicionar a sua carreira, a sua vida e todo
seu fruto.

Antes mesmo de citar a idolatria, preciso dizer a vocês que o ciclo do julgamento é
infinito. Enquanto vocês continuarem a julgar os outros vocês irão experimentar da mesma
situação para entender o porquê “agem” assim.

Todas as pessoas se dizem livres, procuram a liberdade. Essa liberdade é falsa. Nós somos
escravos. Escravos dos nossos desejos, escravos dos nossos impulsos e escravos dos nossos vícios.
E preferimos muito mais isso a aceitar o que “Deus”, “Universo” impõe como lei.

A primeira e mais importante Lei que preciso dizer para vocês é essa: ENQUANTO VOCÊS
JULGAREM UM AO OUTRO, VOCÊS VIVERÃO NO MESMO CICLO ALTERNADAMENTE. O JULGADOR SE
TORNARÁ O JULGADO.

Alguns de vocês não irão entender a importância disso. Mas eu preciso ressaltar que vocês
precisam aprender a aceitar que as pessoas erram. Seus pais erraram. Vocês não precisam
carregar o peso disso e podem a partir de agora modificar isso.

“Não julgueis e não sereis julgados. Pois, como julgardes, assim sereis julgados; e com a
medida com que medirdes ser-vos-eis medidos. Por que vês o argueiro no olho de teu irmão, ao
passo que não enxergas a trave em teu próprio olho? Ou como dizes a teu irmão: 'Deixa-me tirar-
te do olho o argueiro' - quando tens uma trave em teu próprio olho? Hipócrita! Tira primeiro a
trave do teu olho, e depois verás nitidamente como tirar o argueiro do olho do teu irmão.”
(Matheus, 1-6)

Entendam, talvez você não tenha sido criado por seus pais, mas as pessoas que você julgou
acabam te colocando em um ciclo. É uma prisão julgar os outros e nós mesmos acabamos pagando
o preço.

Para isso, o próximo exercício consiste em você escrever o nome das pessoas que você mais
julgou e se possível mandar uma mensagem, mesmo que mental, de perdão e entendimento.
Após esse exercício que deve ser feito de todo coração, confira se o seu objetivo inicial
descrito no capitulo 1 e 2 permanece. Às vezes, você acreditava que queria algo, mas você
realmente não queria e o simples fato de perdoar os seus “agressores” pode ter mudado todo rumo
da sua vida. Caso isso não tenha mudado. Continue para o próximo capitulo.
CAPITULO 6 – SAIBA: VOCÊ NÃO SERÁ PROFETA NA PRÓPRIA TERRA

Muitas pessoas me perguntam o que aconteceu com as pessoas que foram criadas ou
vivenciaram comigo na infância. A resposta é: nada. Elas em si não acreditam na mesma coisa que
eu só porque eu consegui mudar efetivamente toda minha vida.

Meus pais observaram que talvez eu esteja certo, apesar deles não estarem certos disso.
Meu irmão, que trabalhou comigo durante meus anos mais gloriosos na bolsa de valores e
enriqueceu também com isso, também não acredita no mesmo que eu digo que acredito.

Isso vale para todos os meus colegas de escola.

Entenda: todo processo de mudança de vida é totalmente pessoal. Você pode fazer para
provar para os outros, mas eles não querem saber realmente. É muito difícil para eles
compreenderem o que você compreende agora.

É engraçado que as pessoas não sabiam que Jesus Cristo não conseguiu fazer milagre
nenhum em Nazaré. As pessoas sabiam quem eram seus pais, seus irmãos e seus amigos. Quando
ele regressou para Nazaré e não conseguiu realizar nenhuma obra grandiosa ele disse:

Foi à sua pátria e pôs-se a ensinar na sinagoga deles. "Donde lhe vem essa sabedoria e essas
forças?", dizia a gente, cheia de pasmo. "Pois não é o filho do carpinteiro? Não se chama Maria sua
mãe, e seus irmãos Tiago, José, Simão e Judas? E não vivem no meio de nós suas irmãs todas? Donde
lhe vem, pois, tudo isto?" E encontraram obstáculo nele. Jesus, porém, lhes disse: "Em parte
nenhuma encontra o profeta menos estima do que em sua pátria e em sua própria casa". E não
realizou ali muitas obras poderosas, porque eles não tinham fé. (Mateus, 13,53-58)

Ou seja, saiba que você definindo o que quer na vida e definindo o que decidiu acreditar
nenhuma pessoa vai querer saber ou apoiar só porque você está falando.

O que fazer diante disso? Preciso ser sincero com vocês.

Quando você vive na casa dos seus pais, você acaba vivendo dentro do padrão vibratório da
casa deles. Quando você vive na dependência dos seus pais, você acaba tendo que se sujeitar a
todas as crenças e regras impostas por eles.

É muito difícil que vocês realizem obras grandiosas na casa dos seus pais. É preciso entender
que o primeiro passo talvez não seja sair de lá sem rumo algum. Alguns de vocês não têm fé
suficiente para fazer isso.

Mas talvez, dentro de alguns de vocês existe fé suficiente para modificar o ambiente, seja
para casa da avó, de um tio ou algum conhecido.

Isso te ajudará a ver o mundo sobre outro prisma. É o inicio de um processo de mudança.
Entenda que isso talvez afete o que você escreveu no capitulo 1 e 2. Caso isso aconteça, reescreva.

Pessoal, entendam, vocês não devem odiar seus pais. Mas podem odiar o que eles
acreditam. E até devem, o que eles acreditam levou eles para onde eles estão hoje. O seu papel
sempre será esse: HONRAR PAI E MÃE.
Entendam dessa maneira, você não poderá honrar seu pai e mãe se ficar no seu quarto
acessando o Facebook e escrevendo merda o dia todo. Você não poderá honrar seu pai e sua mãe se
não conseguir provar para eles que você está certo.

Mas, talvez, se você admitir sua força interna e com coragem decidir mostrar para
eles através da sua obra, ótimo. Isso é um objetivo pessoal, é bem aceitável.

Não vou negar para vocês, nesse sentido creio que efetivamente estou modificando a
crença dos meus pais. Por mais que eles não aceitem tudo que eu acredito, as minhas obras
já mostram pra eles que talvez “Deus”, “Universo” exista.

Digo isso porque fui criado em um lar “ateu” de origem judia. E com muitas drogas
e problemas envolvidos.

Admito que eles não acreditem tanto quanto eu admito que talvez eles não acreditem o
quanto eu desejaria que eles acreditassem. Mas, eu honrei muito mais eles fora da casa deles do
que dentro.

Devo admitir que no inicio foi difícil explicar a minha decisão, mas creio que hoje eles
entendem e me glorificam por isso. Mal sabem, deviam glorificar a outro que foi quem me
ensinou tudo isso.

Mas vamos prosseguir sem religião ok... Vou explicar por que.

O próximo exercício é facultativo apenas as pessoas que querem mudar de


ambiente. Escreva aonde você imagina que pode morar e desenhe isso no quadro abaixo.
CAPITULO 7 – SAIBA: NÃO EXISTE DEUS EM IGREJAS, CULTOS OU SEITAS. DEUS ESTÁ MORTO...
NOS HOMENS.

Desde os tempos mais primórdios o homem provou que não sabe lidar com poder.

Não posso negar, estudei em uma ótima escola, mas a mensagem do evangelho é
extremamente poderosa. Prova disso é a própria existência do Vaticano, da numerologia do ano
em que vivemos e as próprias guerras. Alguma coisa na sua vida foi por acaso? Isso também não.

A verdade é que a maioria dos homens que tocam nessa mensagem acaba procedendo
exatamente da maneira que Jesus disse que aconteceria. Perdem a razão.

Ele mesmo previu as guerras, previu que o homem não conseguiria lidar com todo esse
poder e enlouqueceria, previu que não era possível provar para os outros através do “ver”
para “crer”.

Jesus previu tudo isso, mesmo assim, os próprios padres, pastores, pais de santo,
dirigentes espirituais não percebem o quanto eles pervertem a mensagem do Cristo.

E quem se prejudicou com isso? Você. E eles.

Como você foi prejudicado?

1) você percebeu que não existe diferença entre a hipocrisia interna da sua instituição e de
fora.

2) você acreditou que Jesus era um cara extremamente passivo, sem personalidade e fraco.

3) você acreditou que ele passava uma mensagem impossível e cheia de fantasias.

4) você acreditou que é uma piada.

5) você acreditou que ele não faz diferença nenhuma, basta ver quem diz seguir ele.

6) você acreditou que ele era maluco.

7) você acreditou que ele era representado pela igreja ou centros religiosos....

Eu posso citar N crenças que você pode ter formado sobre a pessoa e vida de Jesus
porque seus “representantes” na Terra não passam de falsos profetas, hipócritas e sem carácter.

E como eles se prejudicam? Com a própria vida. São existências cheias de


doenças, perversões mentais e dúvidas. São ridículos.

São existências medíocres que se baseiam em uma repetição “literal”, porém não “vivida”
do evangelho.

Eu não quero citar muito sobre isso, mas quero apenas deixar o alerta.

Quem acredita que ir à igreja, consultar espírito ou colocar oferenda na encruzilhada e falar
que isso é em “nome de Jesus” está extremamente enganado.
O único remédio? Ler o evangelho. Nesse caso, volto a recomendar o meu livro de bolso: “A
mensagem viva do Cristo – Huberto Rohden”. A melhor tradução para o português, minha opinião.

Não pretendo estender esse assunto por agora. Quem tiver curiosidade sobre o que
ele falou, vá atrás desse livro.

Basicamente, Deus não habita em templos, mas sim no coração de todos os homens
que aceitam e abrem sua porta para uma escolha óbvia: Você pode escolher a quem serve. A
sua intenção.

Pode ter certeza, se você não entendeu até agora, você é condicionado a servir
alguém. Mesmo que não queira. E seu inconsciente sabe bem disso.

Resumindo: Esse Deus que todos clamam está morto, porque não vive no coração destes
homens.

O exercício desse capitulo é o seguinte: Pare de frequentar a sua igreja, pare de procurar
Deus nos “espíritos”, nas “seitas”. Comece a entender que o Templo é você e os outros templos
são os outros. E todos fazem parte de um grande Templo que ainda está desunido.

Entendam, essa lição é a mais difícil, caso você queira parar de ler o livro por aqui, tudo
bem. Por que vai ficar pior.

Mesmo eu tentando ser o mais leve possível.

Eu vou resumir bem minha relação com todo meu passado (todos sabem que eu
frequentei todas as religiões possíveis e imagináveis para a minha idade) então, da mesma maneira
que eu consegui que todas essas influencias fossem para “puta que o pariu” você também pode.

Espíritos bons não estão na vibração do planeta Terra, muito menos na vibração de pessoas
extremamente pervertidas e perdidas.

Compreenda quem conseguir compreender.


CAPITULO 8 – SAIBA: O FRUTO DA DÚVIDA É A DÚVIDA E OS RELACIONAMENTOS DE HOJE VÃO
FRACASSAR

Muitas pessoas dizem acreditar no “poder da mente”. Muitas pessoas dizem que
“seguem um tal Jesus”. Muitas pessoas dizem que são “boas”.

Muitas pessoas dizem. Dizem, mas cometem sempre o mesmo erro.

Se você parar para pensar, parece óbvio. Se você possuir dúvida dentro de você, você
não está controlando o seu cérebro de maneira eficiente.

Como acontece? Você tem medo, não quer pagar o preço de acreditar em algo e vive
em constante estado de estagnação. Nesse sentido, mesmo uma pessoa ruim pode aprender
mais rápido que uma pessoa que acredita ser boa.

Talvez por isso Jesus disse isso:

Qual a vossa opinião? Um homem tinha dois filhos.

Foi ter com o primeiro e lhe disse: 'Meu filho, vai hoje trabalhar na vinha'.

'Sim, senhor', respondeu ele; mas não foi.

Então foi ter com o outro e falou-lhe do mesmo modo.

'Não quero', respondeu este; mas depois se arrependeu e foi.

Qual dos dois cumpriu a vontade do pai?"

"O último", responderam eles.

Disse-lhes Jesus: "Em verdade, vos digo que publicanos e meretrizes entrarão no reino de
Deus antes que vós. Veio João e apontou-vos o caminho da justiça, vós, porém, não lhe destes fé,
ao passo que publicanos em meretrizes creram nas suas palavras. Vós o vistes, mas nem por isso
vos convertestes depois, nem lhe destes fé. (Matheus, 21,28-32)

O pior erro que pode acontecer na sua jornada é a hipocrisia. O que isso significa? Seja bom
ou seja mal, mas seja.

O que acontece atualmente é que muitas pessoas se dizem boas. Se dizem profetas da fé.
Se dizem “Cristãos”.

Dentro do coração destes só existe dúvida e seus frutos na vida são quase escassos. Eles
vivem em estado de medo constante.

Como uma pessoa com tamanho poder e que diz “eu acredito no poder da mente” pode
ter dúvida? Isso acontece porque as pessoas acreditam que basta saber para viver.

Isso é um grande engano. Como eu disse, algumas pessoas tentam ler mil livros a fim de
ter resultado, mas mal vivem uma frase do que é proposto.
As pessoas vivem em um constante estado de hipocrisia entre o que dizem que sabem,
o que dizem acreditar e o que realmente vivem.

Se você quer mudar a sua vida, você precisa entender isso. Não importa qual caminho
você decida ir. Apenas decida.

O que você tiver que aprender com isso, você mesmo vai aprender.

Não adianta sonhar grande se suas crenças e valores com relação à vida são extremamente
baixos.

Isso acontece porque a maioria de vocês acabou absorvendo, por pura aceitação, a
crença de todas as pessoas na sua volta. Sejam os pais, a escola, seja a TV Globo. Todos vocês
criaram representações mentais do que é e o que não é.

Seu cérebro só diz SIM para tudo isso. Entendam, vocês precisam parar de usar o Facebook
e o Instagram se querem mudar a sua vida.

Em algum momento vocês precisam revisar tudo que estão carregando para dentro de si, e o
momento é agora.

A dúvida funciona da seguinte maneira: você não sabe o que escolher, fica
querendo escolher o que é melhor sem renunciar o que uma decisão acarreta. Você quer
testar antes.

Os relacionamentos atuais são isso.

Você testa a pessoa, você não sabe se vai ficar com ela. Você absorveu o que ocorre
nas novelas da globo. Pura putaria em forma de “liberdade”.

A verdade é que vocês, para piorar, em maioria, foram traumatizados na infância


pelo comportamento dos pais.

Então funciona mais ou menos assim, você decide testar se a pessoa funciona e em
nenhuma das duas partes existe decisão. Vocês esgotam todo tipo de tentativa porque a dúvida
gera mais dúvida e logo, ambos, criam a dúvida de um no outro.

Talvez vocês não entenderam. Vocês projetam os seus medos através da dúvida sobre
“o outro”. E quando não dá certo, os dois acabam se culpando pelo erro.

Mal sabem, que quem causou o erro no homem foi a mulher e quem causou o erro
na mulher foi o homem.

É difícil compreender esse ciclo. Vou tentar exemplificar mais um pouco.

Na época dos nossos pais, ou avós, eles não tiveram, na maioria dos casos, oportunidade de
escolha sobre com quem ficariam. Mas eles aceitavam o que a família mandava.

O que acontece então? Você acabava se casando na maioria das vezes com uma pessoa
que você não queria. Nesse caso, olhar para o lado sempre foi um pecado comum desde os tempos
passados.
Quando uma pessoa casa com outra e não aceita ou tem dúvidas com relação a isso,
ambas caem. Por não haver união declaradamente mental e espiritual o elo dos dois acaba
destruindo toda relação.

Isso ocorre desde os tempos mais antigos e nós somos a geração da revolta. Nossos
pais ficam nos aconselhando a testar a pessoa antes de casar, mas na verdade, isso pouco
importa.

O simples fato de haver dúvida entre os dois já vai matar qualquer tipo de possibilidade
de União feliz.

Nesse sentido, Jesus foi bem claro em como se separar também não muda nada.

As pessoas se separam, mas vivem o mesmo ciclo com as outras pessoas. Sempre pautado
na dúvida se a pessoa não vai cometer aquilo que elas mesmas carregam de medo.

E o que acontece? O seu medo acaba, como em uma corrente única, te fazendo agir
de maneira inconsciente para que a pessoa cometa exatamente aquilo que você temia.

Creio que não conseguirei explicar isso em um livro, mas deixo esse recado e essas
duas parábolas com relação ao relacionamento entre homem e mulher.

Então se aproximaram dele uns fariseus a fim de o porem à prova, perguntando:


"É permitido ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo?"

Respondeu-lhes Jesus:

Não tendes lido que o Creador, a princípio, fez os homens como varão e mulher, e disse:
'Por isso deixará o homem pai e mãe para aderir à sua mulher, e serão os dois uma só carne'?
Portanto, já não são dois, mas uma só carne. Ora, o que Deus uniu, não o separe o homem.

Objetaram eles: "Por que, pois, mandou Moisés dar carta de divórcio e repudiar
a mulher?"

Respondeu-lhes Jesus: "Por causa da dureza dos vossos corações é que Moisés vos permitiu
repudiar vossas mulheres; mas de princípio não foi assim. eu, porém, vos declaro: quem
repudiar sua mulher e casar com outra, comete adultério". Mateus (19,10-12)

A verdade é que as pessoas não entendem o que é adultério. Adultério é o que todos
nós cometemos todos os dias. Inclusive eu.

Cometemos adultério quando transamos com uma pessoa por um simples momento.
Cometemos adultério quando olhamos para mulher na rua. Cometemos adultério e cobiça
quando desejamos a mulher do próximo no nosso coração.

Qual o preço do adultério? Por que é um pecado? Bom, o único problema do adúltero é que
ele paga na mesma moeda.

E ainda tem gente que fica reclamando de ter sido corno, sendo que também corneava.
Seja em coração ou em ação, todos nós somos adúlteros.
Sabendo disso, Jesus, foi bem claro sobre a sua opinião com relação ao casamento
de adúlteros.

Disseram-lhe então os discípulos: "Se tal é a condição do homem e da mulher, é


melhor não casar".

Tornou-lhes Jesus: "Nem todos compreendem isso, senão somente aqueles a quem foi
dado. Há quem deixe de casar porque por natureza é incapaz; há quem deixe de casar porque os
homens o puseram nesse estado; e há quem deixe de casar porque ele mesmo se incapacitou
por amor ao reino dos céus. Quem pode compreendê-lo, compreenda-o". Matheus (19,10-12)

Obviamente, se ambos somos adúlteros não podemos cobrar fidelidade.

Obviamente, se ambos somos adúlteros, o que irá mudar se a gente se separar?

A esperança volta novamente em forma de ignorância. As pessoas justificam os seus atos


na esperança de que algo seja diferente se fazem o mesmo. Ou mudam o que julgam da situação.

E depois dizem: “Eu acredito no poder da mente”.

Burros.

Uma geração baseada no ciclo natural e condicionado de um planeta que não se perdoa
e cuja qual cada geração tenta testar o que não deu certo na anterior mudando apenas a forma
externa e não interna de pensar.

Esse é o poder da hereditariedade. Continuar tentando e julgando baseado em milhares


de livros que falam, falam, mas não dizem nada.

As pessoas continuam tentando buscar a verdade em vários lugares, mas não


conseguem enxergar o óbvio.

Nesse caso, recomendo novamente a leitura do meu livro de bolso. “A mensagem viva
do Cristo”. E também esse exercício:

Escreva o nome das pessoas com a qual você se relacionou. Escreva ao lado o erro que
você cometeu e o que você temia que acontecesse na relação. Aconteceu? Parabéns, a culpa é sua.
E dela. Perdoem se possível, se não for possível, guarde o perdão no seu coração.
CAPITULO 9 – TUDO QUE VOCÊ FALA É UMA ORAÇÃO, O QUE VOCÊ REZA NÃO.

É muito comum você ver pessoas rezando frases feitas e coisas bem desconexas. Elas
não riem, elas querem ser levadas a sério.

Quando elas terminam a “oração” elas voltam a ser o que realmente são. E isso é
a verdadeira oração.

Qualquer criança comum saberia perceber quando essa pessoa está mentindo ou falando
a verdade. A verdade é que toda oração feita de coração é uma oração real.

E a oração real é o que você fala quando não presta atenção. Isso que está no seu coração.
É isso que você recebe de verdade.

O resto? Pura merda de pessoas que estão desesperadas e cegas. Mal conseguem perceber
que estão tentando enganar a Deus... essa é a pior escolha que alguém pode fazer.

Como alguém pode tentar enganar a Deus? Universo? Bom, elas tentam. E querem ensinar
você a fazer isso também.

Não é difícil imaginar que sempre foi assim. Seus pais não são os culpados. Eles aprenderam
com os pais deles, que aprenderam dos pais deles e por ai vai...

É a geração do Planeta Terra, um tentando enganar o outro. A milhares de anos.

Para entender como esse problema se estende há vários anos Jesus disse isso:

Então chamou a si o povo e lhe disse: "Escutai e compreendei bem! O que entra pela
boca não torna o homem impuro; mas o que sai da boca, isso é que torna o homem impuro".
(Mateus, 15,10-20)

Antigamente as pessoas acreditavam que o que fazia a pessoa impura era o que entrava por
fora dela e não o que saia de dentro dela.

E o que sai de dentro das pessoas se não as palavras que proferimos e ações que
realizamos?

Bom, parece óbvio. As pessoas não podiam admitir isso, porque se admitissem, todos
teriam que admitir o óbvio: ESTAMOS TODOS IMPUROS.

Basta ver a nossa comunicação. Eu mesmo, posso dizer que estou cheio de impureza. Eu sei
que vou pagar o preço disso. Em verdade, já sei que estou pagando. Eu aceito. E você deveria
aceitar também se quer mudar a sua vida. Lutar contra isso é uma grande idiotice e só te divide
dentro de si mesmo.

Te deixa maluco. Coisa que você já deve ter percebido que está.

Quanto à oração, Jesus também disse isso:


Quando orardes, não procedais como os hipócritas, que gostam de se exibir nas
sinagogas e nas esquinas das ruas, orando a fim de serem vistos pela gente. Em verdade, vos digo
que já receberam a sua recompensa.

Tu, porém, quando orares, entra no teu aposento, fecha a porta e ora ao teu Pai às
ocultas; e teu Pai, que vê o que é oculto, te há de recompensar. Nem faleis muito quando orais,
como fazem os que cuidam ser atendidos por causa do muito palavreado. Não os imiteis!
Porque vosso Pai sabe o que haveis mister, antes mesmo de lho pedirdes.

Assim é que haveis de orar: Pai nosso que estás no céus, santificado seja o teu nome;
venha o teu reino; seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia
nos dá hoje; perdoa-nos nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores; e
não nos deixeis cair em tentação; mas livra-nos do mal.

Se perdoardes aos homens e as faltas deles, também vosso Pai celeste vos perdoará as
vossas faltas. Se, porém, não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará as
vossas faltas. (Mateus, 6-5,15)

Essa oração ensinada por Jesus foi muito clara. Se nós não perdoarmos as faltas que
os outros cometem conosco, nós também não seremos perdoados. Mas o que isso significa?

Significa basicamente o ciclo do erro. Nós julgamos, nós nos tornamos, nós vivemos, nós
não nos arrependemos e nós continuamos a cobrar o próximo... por ai vai.

Talvez você não entenda de maneira “espiritual” o que essa mensagem diz. Porém, eu
vou tentar trazer luz a ciência para explicar esse fato:

SE VOCÊ AINDA NÃO PERCEBEU, VOCÊ DEVE TODO MUNDO E TODO MUNDO TE DEVE.
QUANTO MAIS VOCÊ COBRAR O PRÓXIMO, MAIS O PRÓXIMO VAI TE COBRAR TAMBÉM. E ESSE
CICLO NÃO VAI TERMINAR NUNCA.

“Mas eu nunca fiz nada de errado”. Bom, isso é o que uma mente programada na
hipocrisia e na cegueira diria. Mas, para estes, recomendo que parem o livro por aqui, pois não vai
servir para nada.

Basicamente estou falando o seguinte, a única ORAÇÃO que Jesus ensinou se baseia
em PERDOAR o próximo PARA SER PERDOADO.

Basicamente: O que nós damos, nós mesmos recebemos.

E o que nós estamos dando? Apenas cobrança. E reclamamos de estarmos sendo cobrados.

Como eu já disse nos capítulos anteriores, os que agem no mal estão na nossa frente e em
maior número. Este planeta está dominado por eles e nós estamos escondidos.

Basicamente, o que está acontecendo é algo semelhante a isso:

“Muitos dos que são os primeiros serão os últimos; e muitos dos que são os últimos serão os
primeiros". (Matheus, 19,27-30)
Sim, o mal está ganhando no planeta. Isso não é julgamento. É fato e óbvio.

O que as pessoas não percebem é que isso está ocorrendo porque o bem ainda não
despertou de dentro das pessoas. Deus continua morto.

Eu vou explicar melhor a luz da ciência.

Vivemos em estado vibracional, nós temos a capacidade de atrair e repudiar. Isso é


NATURAL como a planta cresce em um bom terreno.

Como nós, Brasileiros, somos de maioria corrupta, mentirosa e malandra, obviamente


isso reflete em todo o nosso sistema.

Nós, por inconsciência mesmo que “saibamos”, atraímos e permitimos o sistema que hoje
está ai. Um sistema ineficiente e corrupto. Mudar as pessoas vai mudar? Em verdade, é óbvio que
não.

Será que isso é só conosco? Vá para Portugal e veja se eles não pagam preço semelhante ao
nosso.

Isso é por acaso?

Primeiro, as pessoas não mudaram a forma de pensar. E mesmo se mudassem, o


governo sabe bem como dificuldade o processo.

Basta que você continue com a educação do jeito que está e abra as portas para
mais pessoas que aceitam um sistema corrupto. Tem melhor opção que Cuba?

Bom, a inteligência do sistema é a mesma inteligência que nós temos. Eles são
tão malandros como nós mesmos.

Mudar as pessoas não vai mudar nada. Mudar o nosso pensamento e atitude sim. Isso
vai mudar o Brasil.

Caso apenas o governo mude, o processo será semelhante ao que acontece na separação.

Você pode mudar a pessoa mas será o mesmo tipo de sistema.

Porque estamos recebendo exatamente o que precisamos.

Como as pessoas podem acreditar em Deus, ou Universo, e não aceitarem a ideia de que
tudo que acontece é justo e bom para nós mesmos?

Esse governo é a melhor coisa que poderia acontecer na nossa vida. Graças a esses imbecis é
que podemos ver o quanto somos imbecis. Estamos tentando enganar a Deus.

São tão malandros quanto à maioria desse país. E o que somos nós se não frutos
desse sistema desunido e hipócrita chamado Brasil?
Falando nisso, o Brasil é o país mais hipócrita do mundo. Eu acho incrível como 90% da
população se diz “Cristã”, mas a verdade é que a grande maioria nem sabe o que Jesus falou ou
cometem todos os erros que por ele foi revelado. Oxalá meu pai... é o que dizem em bom nome.

Resumidamente, para acabar esse capitulo. Esse pais não vai mudar apenas pela
nossa oração. Nosso país vai mudar quando a nossa oração for sincera e alinhada com a nossa
ação. Quando o povo se unir para mudar. Enquanto isso não ocorrer, paguemos o preço.

Portanto, para mudar a sua vida, esqueça um pouco o sistema e concentre-se primeiro em
arrumar o que está de errado dentro de você, para que o que está fora se arrume naturalmente.

O próximo exercício é o seguinte: pare de fazer orações falsas e mentirosas. Mude sua
forma de falar e a sua revise a sua forma de pensar durante uma semana. Evite noticias e TV por
duas semanas.
CAPITULO 10 – VOCÊ VIVE O QUE TEM MEDO. E O QUE VOCÊ TEM MEDO NÃO DEVIA TE
ASSUSTAR.

Vejo por todo lado pessoas perguntando qual a fórmula mágica para ser rico. Para ser
sincero, a fórmula completa eu desconheço.

Mas eu conheço uma formula que com certeza te empobrece.

O medo de ser pobre.

Eu acho engraçado como as pessoas temem a pobreza. Engraçado que essas mesmas
pessoas se dizem Cristãs. A fórmula mais básica para ser pobre é ter medo disso, e por quê?

O medo consegue congelar seu cérebro e fazer com que você perda o controle. Em verdade,
o medo consegue rebaixar o seu estado de espirito e com isso você não consegue raciocinar direito.

O medo de ser pobre pode ter diversas causas. Pode ser porque seus pais viviam repetindo
isso, pode ser porque você realmente acredita em por acaso ou pode ser que seja porque você está
tão apegado a seus vícios que tem medo de não conseguir mantê-los.

O mais engraçado é que as pessoas não percebem. Sempre que são tomadas pelo medo,
elas perdem exatamente aquilo que elas temem perder. E a velocidade com que perdem é
totalmente proporcional à quantidade de medo que existe dentro dela. Atração, ieah!

Quanto mais medo, mais rápido fica.

Vendo por esse lado é engraçado ver as pessoas comentando o quanto tem medo de perder
a namorada, perder dinheiro ou perder qualquer outra coisa.

Engraçado é que muitas pessoas perceberam isso, mas não sabem o que fazer.

O que a maioria das pessoas fazem nesse caso é recorrer a vídeos no Youtube “Como
recuperar seu relacionamento”, “Como manter sua namorada”, “Como ganhar dinheiro”, “Como ser
rico”... Essas coisas. Ou matar o tempo no Facebook.

Cegos guiando outros cegos existem a mais de 2016 anos.

Conforme o tempo passa o medo toma totalmente controle sobre a pessoa e o único
recurso disponível acaba sendo remédio. E procuram na medicina tradicional a forma de remediar.

O psiquiatra, nesse caso, é o recomendado para lidar com o desespero irracional por algo
que você não sabe explicar ou não quer aceitar. O melhor jeito é se dopar mesmo.

A verdade é que a nossa medicina só consegue diminuir os efeitos. Não acredito em


nenhuma cura efetiva da medicina. Acredito na cura mental e interior. Se você dúvida disso,
estudem sobre o efeito placebo.

Em todo caso, não sou uma pessoa muito boa para falar sobre doenças físicas. Mesmo
tendo sido atropelado diversas vezes, eu sequer quebrei um osso.Sei que tenho milhares de erros
e que de alguma forma posso ser cobrado por isso, porém ainda não tive nenhuma doença grave
para que eu seja provado em fé. E mesmo se eu tiver, meu convenio é o SUS.

Creio que um bom livro sobre esse assunto seja “Você pode curar sua vida” de Louise L. Hay
onde ela retrata como se recuperou de um câncer.

Bom, voltando ao assunto, você vive seu medo.

De alguma maneira, seja pela TV que está te bombardeando de desejos irracionais usando
uma PNL barata, mostrando como é positivo usar o Shampoo da Gisele ou ter o carro do Neymar
você está cada vez mais tomado por uma vontade insana de ser rico.

E isso favorece os ricos, que já estão. Idolatrem os ricos!

A verdade é que desde os tempos mais primórdios o homem valoriza aquele que possui
maior riqueza. De certa forma, os homens ricos sempre estão em evidência. De certa forma, você
só está lendo esse livro, porque sou rico.

Eu creio que uma pessoa rica de verdade passa pela pobreza. E a verdade é que quando você
não teme a pobreza, você entende o óbvio: é possível viver bem de qualquer jeito.

Mas, porque ser rico? A verdade é que a grande maioria hipócrita das pessoas justifica a
sua riqueza como forma de ajudar as outras. Sejamos sinceros, quais dessas pessoas efetivamente
ajudam as outras?

Vamos parar para pensar como funciona.

Você vende algo que deixa os outros malucos ou sedativos mentais, álcool e cigarro por
exemplo. Ou talvez um hambúrguer cheio de toxinas. Você sabe que a maioria do mundo é
porco então, logo, vai vender pra caralho. E mesmo se não forem porcos, estamos todos doentes
nesse sistema. Ai, você tem capital recém liquidado de um banco e resolve investir no negócio.

Obviamente você recebe todo fruto (dinheiro), exatamente o que você está procurando ao
investir nisso.

Porém, você deve ter cuidado. Porcos são burros, mas podem pensar um dia.

Então, conforme o seu departamento de Marketing diz, você deve mostrar para o povo
que é uma boa pessoa.

A ideia é a seguinte: criar um “Mc dia feliz” ou “Fundação Estudar”. Quando você faz isso,
você fala para os outros que é por uma boa causa. E todos te aplaudem. A nova geração borbulha
para se apresentar na frente destes senhores do bem e da justiça social.

Na verdade, o que está por trás de tudo isso é uma enorme máquina que engana e
treina vocês para servirem eles.
O pensamento é o seguinte: sabemos que nós vendemos lixo para todos pela forma
economicamente mais viável (seguindo a lei do Dinheiro), fazemos um dia em que recolhemos
0,27% do nosso faturamento anual bruto para doar para algum lugar. Relaxa, abate do
imposto!

Mas você não pode esquecer que para fazer isso, precisa estar bem anunciado em todos os
meios de comunicação. Afinal, estamos fazendo isso para todos verem nossas boas obras. Os
homens aplaudem e cada vez mais tentam seguir e idolatrar essas pessoas.

Toda ganancia e ignorância se reúne, semanalmente ou mensalmente, a fim de raciocinar


como podem melhorar o mundo. Você perde a sua vida nisso, uns perdem 1 ano, outros 10. Alguns a
vida toda.

Quando você percebe que, na verdade, você deixou o arquiteto disso mais rico, que isso
nada mais é que fruto da mente mais megalomaníaca e inteligente do recinto. Ele soube usar o
sistema. Eu fodo, mas pago impostos ok?! Gero empregos, mas mato vocês e seus filhos.

Você ignora isso, e talvez, a morte seja melhor que a vida para maioria das pessoas hoje em
dia.

Na sociedade isso chama “Sonho Grande”. E é justo que ele receba o prêmio, visto que, ele é
mais consciente que vocês. A culpa é de vocês, que vivem com medo. Ele está recebendo o prêmio
de usar vocês da melhor maneira possível. E sem que vocês reclamem. É justo, burro são vocês.

Eu vou explicar melhor.

Em verdade, vocês são enganados o tempo todo para servir e aceitar esse sistema. O mundo
todo é assim, não é? E se você não aceitar, pode passar fome né? Vocês já criaram uma vida
dependente disso, vai correr o risco de sair? Kkkk. Quem tem coragem?!

E como vocês estão perdidos, porque sequer tiveram tempo para ler o Evangelho mas
tiveram muito tempo em vida para ficar no Facebook, acabam procurando as diversas formulas
vendidas por Marketing Digital de “Como enriquecer rapidamente enganando os outros da
maneira mais imbecil possível”.

A verdade é que todo homem inteligente sabe que para ganhar dinheiro é muito fácil hoje
em dia. O mundo está em crise, e na verdade, toda crise é uma oportunidade, e a oportunidade de
hoje é vender fantasias pela internet. Você já percebeu como os EUA sempre ganham com as crises
mundiais? E com as guerras? Deixa isso pra outra hora.

A nova geração está conseguindo ser mais burra que todas as outras que já passaram
no planeta Terra. E talvez, a crise que virá será a maior possível.

Mas, entendam, estou falando isso apenas para que vocês saibam. Quem seguir
a mensagem do Evangelho, tenho certeza, que não será atingido.

Afinal, essa não é a minha promessa, é de Jesus.

Em todo caso, preciso continuar esse capitulo com mais algumas informações.
Sabe quem sempre sofreu todas as grandes crises a mais de 2016 anos? A classe média.

A explicação é simples, o pobre já está fodido mesmo e vive sempre em um sistema


independente. Provavelmente, os mais pobres nunca pagaram a água e a luz. E não aceitam
isso, inteligentemente, porque sabem que é abusivo. Isso é direito HUMANO.

Deus nunca esqueceu os pobres no Brasil. Vou ser mais polemico.

No Brasil é permitido vender álcool e cigarro. Mas é proibido vender maconha. Não vou
ficar falando muito sobre isso porque não quero receber processos em vão.

Todos sabem que a maconha e as outras drogas estão na mão do trafico. E o trafico é o
que protege a favela de pagar contas abusivas ou sofrer abusos da policia e da sociedade. Sim, o
trafico faz mal para favela (a TV passa isso o tempo todo assim como os EUA falam do terrorismo o
tempo todo para conseguir implantar o seu novo sistema).

Vamos falar do Brasil, é o trafico que alimenta muitas das famílias que estão lá.

Me pergunto, qual a diferença entre o Marcola (líder do PCC) e o Jorge Paulo (líder da
AMBEV). Se for parar para pensar, o Marcola já está pagando a pena dele. Já, o Jorge Paulo
está sendo ovacionado como grande homem na sociedade Brasileira.

Eu não quero estender esse assunto ao seu julgamento pessoal do que penso, mas vou ser
sincero: conheço muitas pessoas no trafico que seguem o máximo possível do evangelho e
assumem-se erradas. Elas se arrependem todos os dias do que fazem. Creio que essas serão
salvas, minha opinião, não tomem como verdade.

Já vi vários que aprenderam com a experiência e resolveram seguir outro caminho. Elas
sempre souberam que estavam erradas. Mas elas precisavam fazer aquilo. Não vou estender isso
porque a maioria nunca entenderia.

Deixa o Datena ficar falando o que quer e se matar aos poucos em troca de mais um Rolex
e seus remédios psiquiátricos.

Em todo caso, eu não vou falar sobre isso, mas para trabalhar na AMBEV o que você tem que
saber é o que é ensinado nas faculdades como ciência, como conhecimento.

Para trabalhar em uma empresa, pouco importa o que você acredita. Na verdade, parece
óbvio que a única coisa que importa é sua ambição e a capacidade de lidar e aceitar isso. A verdade
é que essas pessoas se dizem corretas. Se dizem melhores. Se orgulham do que são. Uau.

Se elas souberem mentirem ou modelarem melhor ainda. Porque isso é essencial


para vender algo que ninguém precisa. Precisamos criar a necessidade.

Bom, a verdade é que não vejo muita diferença em quem fere o mandamento: “Não
matarás” e quem fere o “Não cobiçar a mulher do próximo”. Pela lei, os dois estão ferrados. A
diferença está em você aprender com o erro. Algumas pessoas sabem que estão erradas. E
mudam. Outras vão passar a vida toda achando que estão certas.
Voltando a parábola do evangelho, pessoas que cometeram grandes erros e acabaram se
arrependendo, serão salvas. Pessoas que não percebem seus erros, e ainda, aprendem a viver com
eles, essas parecem que não tem muita salvação. Elas irão continuar gritando o nome de Deus na
igreja do pastor mais malandro que aparecer.

A verdade é simples: você é bombardeado de informações sobre os pobres e como eles são
ruins. Aos ricos, sobram os aplausos e talvez você seja um desses. Você quer saber o que o rico
sabe. O que o pobre sabe? Bom, veja o que aconteceu com Jesus.

Você vê todo dia no Datena as pessoas que sofrem por causa do trafico, mas você não
vê todo dia na TV as pessoas que sofrem pelo sistema. Porque? Porque o sistema é correto!
Haha.

Voltando ao assunto principal, o pobre sempre esteve fodido então pouco sofre com
o sistema. E o rico? Bom, o rico já se aproveitou do sistema para esconder dinheiro em todos
os lugares preparados para isso.

Como todos sabem, eles já possuem dinheiro para umas 15 gerações e mesmo se
perdessem tudo, não parece que existe diferença na vida de uma pessoa que tenha 100 milhões de
dólares e 10 bilhões.

Os ricos estão privilegiados porque eles criaram o sistema desde o principio. Desculpe,
preciso dizer a verdade. Se você tem dúvida sobre isso, procure descobrir como o Banco
Central Americano surgiu.

Então, se os ricos não sofrem pelo dinheiro, os pobres não sofrem porque já aceitaram...
quem sofre? Você que foi morno a vida toda. Como está escrito:

“Conheço as tuas obras: não és nem frio nem quente. Oxalá fosses frio
ou quente! Mas, como és morno, nem frio nem quente, vou vomitar-te.”

Assim na terra como no céu, não é mesmo? A classe média é a classe que tecnicamente está
correta. Ela serve os ricos, ela caga sobre os pobres. Ela tem medo de ser pobre, e trabalha para o
rico querendo se tornar um deles. São movidas pelo medo.

O medo é claro: não querem se tornar a empregada que limpa a própria casa. Ou o pintor
que humilhou. Ou o pedreiro que comeu longe da mesa.

A classe média é a classe menos criativa de todas as classes.

O pobre é criativo e unido na pobreza. O rico é criativo e unido na riqueza. A classe média?
A classe média é onde ocorrem as guerras.

É a classe mais desunida de todas, como não sabem de nada, mas dizem saber de tudo, a
classe média é famosa pela tão gostosa corrida de ratos. É interessante que no Brasil a classe
média está em ascensão.

É fácil fazer com que as pessoas fiquem nessa classe. O governo sabe muito bem que não
consegue controlar o pobre, e que o impacto de mexer com os ricos são elevados para o sistema que
parasitam nos órgãos públicos. Então, cria-se um sistema artificial baseado na seguinte operação:
De algum tipo de assistencialismo para o pobre ter medo de perder, elevando-o para
classe média. Dessa maneira, ele sempre vai ter medo de qualquer mudança no poder. Como as
pessoas não se tocaram que são criadoras da própria realidade, o sistema se aproveita.

E se as pessoas se tocarem? Cria-se mais medo através da dependência. Ou trazem pessoas


traumatizadas pelo medo para o nosso sistema. Lembram-se de Cuba? Lá tem vários que podem
ser utilizados para aumentar a energia no país.

Funciona mais ou menos assim, eu te dou R$ 80,00 por filho. O kg arroz antes disso custava
3 reais, agora custa 6. Eu não quero que você use seu poder criativo ou pense, quero que você se
torne dependente de mim.

Lembre-se para sempre: fui eu que criei esse sistema, não me tirem do poder, pois você
não sabe o dia de amanhã.

Então, aquele que era pobre se torna classe média. Ele não percebeu, mas assinou
sua sentença de morte espiritual.

Agora, ele vai viver em constante medo do sistema mudar e vai se acostumar a não
produzir nada com sua mente. Afinal, ontem eu era pobre. Agora o sistema está me dá uma gota no
deserto. Alegram-se nova classe média!!!

Eles não entendem a troca burra que está acontecendo. Mas, o rico não sente isso. O rico
ao perceber esse tipo de movimento no país corre para a imobiliária, vende todos seus imóveis,
aluga-os e vai viver em outro país.

Afinal, é muito inteligente viver na Suíça, mas mais inteligente ainda é levar o capital
do Brasil para lá.

Quem se fode? A classe média. Eles vão ter um reajuste salarial baseado na taxa de juros
do país (exemplo: 15%), mas agora a inflação gerada é de 100%.

Como as pessoas cada vez mais sofrem de problemas mentais, mesmo com a internet, as
pessoas esquecem facilmente o preço das coisas. Você se lembra quanto era o KG do Patinho
(carne) em 2014? Com certeza não. Para que ninguém perceba, mude o sistema de cálculo da
inflação.

A classe média sabe. Mas o que ela vai fazer? É simples a resposta: nada.

Como a classe média é desunida, ela vive em constante neurose.

Se eu faltar no meu emprego e fizer greve, outra pessoa vai tomar meu lugar, fazer o
meu trabalho e roubar o meu emprego. Se eu não fizer greve, eu diminuo tudo em casa e
aguento o tranco. Eles ignoram os pobres então eles não sabem que vivem piores que pobres!

Assim como no mercado financeiro essa piroca só fica maior com a passagem do tempo.

Preciso resumir esse capitulo, tenho outros assuntos a falar.


Eu preciso que você entenda o seguinte: a classe média é a pior das classes. É a classe
que vive reclamando, mas não faz nada. É a classe mais desunida de todas e a mais disposta a
trair.

Preciso admitir uma terrível realidade. A classe média é a classe que concentra o maior
medo de todas as classes. Mas, antes que você saia por ai matando toda a classe média,
entenda:
NÃO É CULPA DE NINGUEM, PORQUE A CULPA É DE TODOS. E O SISTEMA SABE. MAS VOCÊ VOTOU
NELE! E você sabe disso, lacra 13, vota em Tiririca e Lula lá. Vocês não ligaram no passado e agora
estão reclamando?!

A mudança no cenário desse país só vai ocorrer quando a classe trabalhadora parar de vez e
não apenas no final de semana e no carnaval. Enquanto isso não ocorre, não perca seu tempo
tentando achar uma solução para mudar o sistema.

Deixa isso com quem está disposto a correr o risco de pagar o preço. Eu estou disposto a
partir do momento que estou falando tudo isso nesse livro. Quero que vocês se libertem e
mudem esse sistema, caso eu me foda, foda-se, já vivi tudo que precisava viver.

Pessoas sensatas como Rachel Sheherazade, Olavo de Carvalho e outros sabem o risco
de falar e tomar a frente para esse novo tipo de pensamento.

Você que quer mudar a sua vida, não precisa pensar nisso agora. Apenas, saiba que não
existe nenhum motivo para temer a pobreza. O que vocês devem temer é a classe média. Ou a
rica.

Vou ser mais especifico.

Disse Jesus a seus discípulos: "Em verdade, vos digo que um rico dificilmente entrará no
reino dos céus. Repito que mais fácil é passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que
entrar um rico no reino de Deus". Quando os discípulos ouviram isso observaram, aterrados:
"Quem pode então salvar-se?" Jesus encarou-os e disse: "Para os homens isso é impossível; mas
a Deus tudo é possível". (Matheus 19,23-26)

Basicamente, Jesus mesmo disse, os ricos estão mais fodidos que os pobres. Os ricos talvez
achem que estão certos até o final da vida. Os pobres? Bom os pobres sempre foram tratados
como o erro do sistema.

A classe média vai ser a classe mais sofrida, porque é a mais apegada ao dinheiro. O que a
classe média não sabe é que quanto mais eles temerem e se apegarem ao dinheiro, mais eles vão
se foder. E eles vão passar a vida toda atrás disso em troca do possível INSS.

O dólar a 4 reais, favorece o rico dolarizado. Para o pobre, não muda quase nada... mas para
classe média...

Então, para terminar esse capitulo e parar de confundir vocês, passo a nova lição para vocês.
Se você querem sair do ciclo, temam a riqueza. Tenham medo da riqueza e do poder que a riqueza
pode trazer para vocês. Como todos sabem, o medo é a força mais poderosa no homem.
Quando o homem teme a pobreza, ele empobrece mais. Para passar de nível você vai
ter que entender que o risco de ser rico é MUITO ALTO.

Você pode perder sua alma, vender a sua vida e ser possuído pelo que possui.

Se você morrer pobre, nada de novo na sua vida. Provavelmente, você sempre foi.
CAPITULO 11 – SAIBA: SE VOCÊ TEM MEDO, VOCÊ NÃO É CRISTÃO. E VOCÊ SABE DISSO.

É engraçado. Você sabe disso.

Se você não sabe, vou começar com uma passagem que exemplifica a ideia que eu quero
passar.

Por isso vos digo: não vos dê cuidados a vida, o que haveis de comer e o que haveis de
beber; nem o vosso corpo, o que haveis de vestir. Não vale, porventura, mais a vida que o
alimento, e o corpo mais que a vestimenta? Considerai as aves do céu; não semeiam, nem ceifam,
nem recolhem em celeiros - vosso Pai celeste é que lhes dá de comer. Não sois vós, acaso, muito
mais do que elas? Quem de vós pode, com todos os seus cuidados, prolongar a sua vida por um
palmo sequer? E por que andais inquietos com que haveis de vestir? Considerai os lírios do campo,
como crescem, não trabalham, nem fiam; e, no entanto, vos digo que nem Salomão em toda a sua
glória se vestiu jamais como um deles. Se, pois, Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe
e amanhã é lançada ao forno, quanto mais a vós, homens de pouca fé! Não andeis, pois, inquietos,
nem digais: que havemos de comer? Que havemos de beber? Com que nos havemos de vestir? Os
mundanos é que se preocupam com todas essas coisas. Vosso Pai celeste sabe que de tudo isso
haveis mister. Buscai, pois, em primeiro lugar o reino de Deus e sua justiça, e todas essas coisas
vos serão dadas de acrécimo. Não andeis, portanto, solícitos pelo dia de amanhã; o dia de amanhã
cuidará de si mesmo, basta a cada dia a sua lida. Mateus (6,25-34)

A maior prova que você nunca foi Cristão é que você sempre se preocupou com o dia
de amanha. Vamos lá, parece difícil vivenciar essa lição.

Vocês querem ser ricos. Porque? Provavelmente já perceberam que o caminho natural da
classe média e da pobreza é querer alcançar a riqueza. Riqueza para vocês representa “Liberdade”.

Quanto engano. Que homem é livre por causa do dinheiro? Vocês acreditam que são livres
em escolher o que escolhem, mas não são. Vocês já estão condicionados e escravizados pelo
sistema. Era óbvio que vocês queriam o que querem.

O sistema sabe disso, você nem percebe.

A verdade é que o dinheiro mais aprisiona o homem ao sistema do que liberta. O


homem mais livre de todos não é o mais rico. Foi o mais pobre.

A maior prova que vocês nunca foram Cristãos, e nunca terão 0,1% do poder de Cristo, é
que vocês vivem preocupados.

Eu não preciso falar muito sobre isso. Mas vocês vivem para os seus vícios. Vocês vivem para
sustentar os seus mais insanos desejos de perversão. Aceitem isso. A maioria de vocês quer isso.

Seja quente ou seja frio, mas seja. Eu não posso negar que através da aceitação total
de quem você quer ser é que você se torna.

Chegou a hora de tirar a máscara pessoal.


Se você quer ser rico a todo custo. Vá, seja. Peça isso. Você será. Se você quer permanecer
pobre e não produzir nada. Vá, seja. Você já é. Agora se você quer se manter alienado em um
mundo de Facebook e Instagram, seja, e não encha o saco dos outros com seus gritos
desesperados.

Todos estamos fodidos perante a Lei. Porém, mesmo se por um estalo de consciência
pessoas ricas percebem e decidem mudar o rumo de suas vidas através do arrependimento
ao perceber a origem das suas doenças mentais e físicas, eles poderão ser salvos.

Eu estou falando mais ou menos o seguinte: para ser cristão, primeiro você precisa parar
de se preocupar.

Ou seja, a lição desse pequeno capitulo é a seguinte: passe duas semanas sem reclamar
da vida. Se você conseguir fazer isso você vai se desbloquear para o próximo capitulo.
CAPITULO 12 – ENTENDENDO A QUEM VOCÊ SERVE

Começarei esse capitulo recapitulando algumas informações. Você agora não tem medo
de estar pobre. Você não se preocupa mais porque já aceitou o fato que ser pobre é melhor que
ser rico. Logo, agora o que você teme é a riqueza.

Mesmo assim, você quer isso, não é mesmo?

Agora, vocês estão afinados para verificar se o que vocês escreveram no capitulo 1 e 2
faz sentido. Se não fizer, apague e reescreva.

Agora, você está consistentemente desbloqueado. Você quer passar por essa experiência.

Lembre-se: Eu não posso julgar vocês.

Caso você tenha percebido que não há mal algum na pobreza, mas há muito mal na
riqueza desse mundo, então, o próximo passo é extremamente poderoso.

Se você entendeu que a sua mente tem poder criativo e que você desbloqueado pode se
conectar a uma força que irá te dar tudo que pedir, basta apenas tempo para que isso ocorra.

Vou explicar melhor.

Quando você pede, você automaticamente recebe a resposta dessa oração. Se a sua mente
está desbloqueada você vai receber ou captar a mensagem.

Essa mensagem virá através dos seus próximos impulsos. É importante que você
não bloqueie ou julgue eles.

Lembrem-se, tudo que vocês sabem está possivelmente errado e se você chegou até
esse capitulo eu já consegui te confundir.

Agora, você irá agir conforme seus impulsos e a única coisa que você sabe é qual
caminho você decidiu seguir.

Todas as pessoas que chegaram a algum lugar até agora, acreditavam que esse lugar
estava certo. Vocês foram enganados o tempo todo, logo seus sentidos foram todos confundidos.
Vocês estavam pagando pelo erro dos seus próprios antepassados, mas a luz do conhecimento,
vocês perdoaram todos que passaram no seu caminho.

Agora, vocês tendo definido exatamente qual é o seu desejo, a única coisa que você
deve permanecer é fiel ao que você escolheu.

Lembrem-se, esse processo é extremamente poderoso. Vocês podem escolher


qualquer coisa pela qual tiverem fé.

Pela lei Deus dará tudo que vocês pedirem. É isso mesmo, tudo. Não é ele, bom e justo?

Pedi e dar-se-vos-á; procurai e achareis; batei e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede
recebe; quem procura acha; e a quem bate abrir-se-lhe-á.
Haverá entre vós quem dê a seu filho uma pedra, quando lhe pede pão? Ou quem lhe
dê uma serpente, quando lhe pede peixe?

Se, pois, vós, que sois maus, sabeis dar coisas boas a vossos filhos, quanto mais vosso
Pai que está nos céus dará coisa boa àqueles que lha pedirem!

Tudo que quereis que os homens vos façam, fazei-o também a eles; pois é nisso que
consistem a lei e os profetas. Mateus (7,7-12)

Porém entendam, não é só Deus que pode dar às coisas que vocês pedem. Ambas as
forças podem lhe dar o caminho.

Eu não vou dizer ou julgar a força que você escolheu servir. Em todo caso, entendam,
vocês estão recebendo.

Tanto Deus quanto o Diabo podem oferecer coisas.

Agora, sejam justos consigo mesmo e analisem o seu sonho inicial do capitulo 1.

Se você mesmo pudesse se julgar, diria que esse sonho é de Deus ou do Diabo? Do bem
ou do mal?

Entenda, não me leve a mal. Eu não estou aqui para te julgar, mas estou aqui apenas para te
informar o que você já sabe.

Você serve a alguém/algo/sentimento. Você não é livre.

Aceitem e sirvam o senhor que lhe convém.

Sejam sinceros. Não há mal nenhum na sinceridade. Lembram-se?

Qual a vossa opinião? Um homem tinha dois filhos.

Foi ter com o primeiro e lhe disse: 'Meu filho, vai hoje trabalhar na vinha'.

'Sim, senhor', respondeu ele; mas não foi.

Então foi ter com o outro e falou-lhe do mesmo modo.

'Não quero', respondeu este; mas depois se arrependeu e foi.

Qual dos dois cumpriu a vontade do pai?" "O último", responderam eles.

Disse-lhes Jesus: "Em verdade, vos digo que publicanos e meretrizes entrarão no reino de
Deus antes que vós. Veio João e apontou-vos o caminho da justiça, vós, porém, não lhe destes fé,
ao passo que publicanos em meretrizes creram nas suas palavras. Vós o vistes, mas nem por isso
vos convertestes depois, nem lhe destes fé. Mateus (21,28-32)

Agora a lição desse capitulo é basicamente a seguinte: vocês não irão mais reclamar do
que acontece. Vocês agora descobriram quem você serve.
Se você admitir que você serve ele, logo, ele te fará presente e obrigatoriamente terá que
te dar tudo que você pedir.

EU ACEITO QUE QUERO SERVIR ESTE SENHOR:

Nome do seu Senhor

Agora vocês não precisam mais se preocupar. A velocidade do processo é proporcional à


quantidade de fé e submissão a este. Seja lá qual você escolheu agora você é sincero. É um passo
importante.

Agora vocês não precisam mais reclamar da vida. Agora vocês não precisam mais
se preocupar. Agora vocês entenderam que podem servir e receber do seu senhor.

Entendam:

“Não acumuleis para vós tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem os destroem, onde
os ladrões penetram e os roubam. Pois onde está o teu tesouro, aí também está o teu coração. O
olho é a luz do teu corpo. Se o teu olho for simples, estará em luz todo o teu corpo; se, porém, o
teu olho ficar mau, estará em trevas todo o teu corpo. Ora, se a própria luz em ti se houver
tornado em trevas, quão grandes serão essas trevas! Ninguém pode servir a dois senhores; ou
odiará a um e amará a outro , ou respeitará a este e desprezará àquele. Não podeis servir a Deus e
às riquezas.” Mateus (6,19-24)
CAPITULO 13 – CONSIDERAÇÕES FINAIS

Esse livro passa a primeira parte do que acredito ser essencial para uma pessoa realizar uma
mudança definitiva de paradigmas e realidade. Lembrem-se, a partir do momento que a sua mente
muda, o seu mundo muda. É nisso que consiste toda crença atual através da lei da atração e todas
as outras coisas.

Queria ter falado sobre muitas outras coisas porém sinto que não é o momento. Sei que
podem haver pequenos erros porque digitei esse livro todo em um mesmo momento sobre
influência de uma força que me impediu de parar.

Minha última consideração no Level 1 de mudança de vida é: observe as pessoas com quem
você anda. Basicamente, também ditado por Jesus, diga-me com quem tu andas, que direi quem tu
és.

Pela física ou pela matemática, todos nós nos juntamos através de um processo de atração.
Se você está andando com pessoas que te fazem mal ou são tóxicas, você mesmo está atraindo
isso. Você mesmo está nesse momento trazendo essas pessoas e permitindo que elas permaneçam
na sua vida.

Estas pessoas, podem não ter percebido o mal que causam, porém, não cabe a você pagar
o preço caso você queira mudar o seu jeito de ser. Dizer um “Adeus” temporário não quer significar
um “Adeus” eterno. É semelhante ao processo de sair da casa dos pais e mesmo assim, honra-los.

Não existe amizade entre a luz e as trevas. Não existe companhia entre o bem e o mal.
Não existe como a água e o óleo se misturar mesmo se colocados juntos.

Não existe parceria entre os que são de bem e os que são de mal.

Quem escolheu um senhor não pode ser amigo de quem escolheu outro senhor.

Minhas considerações reais:

Deus, obrigado por tudo mas me sinto livre para sair do ciclo. A primeira parte da mensagem
eu já passei. Quem não quiser ouvir que não ouça.

Peço perdão para todos mas eu precisava escrever esse primeiro módulo. Agora desejo que
vocês parem de reclamar e comecem a compreender os eventos que ocorrem na própria vida.

Usem sua mente criativa e seu espírito. Eu já falei. Estamos no ano 2016. Depois de
Cristo. Se vocês querem aprender o que eu sei, busquem na mesma fonte que eu busquei.

Não quero um real de vocês nesse momento prefiro que você compartilhe com seus amigos.

Sinto-me livre para dizer: Agora vou gastar tudo que eu juntei porque não preciso
mais provar pra ninguém. Continuarei a ser julgado e expulso de todos os lugares que vou.

Obrigado Seara Bendita, Templo do Caboclo Tupinambá e Sultão das Matas, Igrejas
Evangélicas, Igrejas Católicas, Templos de Maçonaria e todos os outros lugares que eu passei e
fui mal recebido.
Antes que me cobrem: O próximo módulo sairá quando eu achar que deve.

Quem quiser me corrigir que me corrija. Quem quiser rir que ria. Fica a parábola que eu
mais gosto para o final:

Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e caluniosamente


disserem de vós todo mal, por minha causa; alegrai-vos e exultai, porque grande é vossa
recompensa nos céus. Pois do mesmo modo também perseguiram aos profetas que antes de vós
existiram. Vós sois o sal da terra. Mas, se o sal se desvirtuar, com que se lhe há de restituir a
virtude? Fica sem préstimo algum; é lançado fora e pisado pela gente. Vós sois a luz do mundo.
Não pode permanecer oculta uma cidade situada no monte. Nem se acende uma luz e se põe
debaixo do velador, mas, sim, sobre o candelabro para alumiar a todos os que estão na casa.
Assim brilhe diante dos homens a vossa luz, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem
a vosso Pai Celeste. Mateus (5,11-16)

A minha alma não é desse planeta. Estou ciente disso. Julguem-me a vontade.

Mario Schwartzmann

Interesses relacionados