Você está na página 1de 3

Defeitos Refrativos e Sintomas Visuais

Defeitos refrativos e sua etiologia


Os sintomas produzidos pelo estado refrativo, variam de acordo com a dioptria, problemas
associados e a personalidade do paciente.

HIPERMETROPIA
 Astenopia
 Blefaroconjuntivite crônica
 Fadiga visual
 Cefaléia frontal interciliar
 Fotofobia
 Epífora
 Prurido
 Visão embaçada em visão de perto e de longe

MIOPIA
 Blefaroconjuntivite crônica
 Fenda estenopêica palpebral
 Acuidade visual ruim para longe

ASTIGMATISMO

Depende do esforço para manter o círculo de menor difusão. O astigmatismo baixo é o que
mais sintomatologia produz.
 Astenopia
 Visão ruim para longe e perto
 Blefaroconjuntivite crônica
 Cefaléia
 Embaçamentos transitórios
 Irritabilidade
 Enjôos
 Hordéolos recidivantes
 Posições compensatórias de cabeça
 Vertigens
 Salto de letras e salto de linhas durante a leitura

ANISOMETROPIA

Defeito refrativo desigual dos dois olhos.


 Astenopia
 Cefaléias
 Dificuldade para ler
 Dificuldade na fixação
 Náuseas
 Perda de estereopsia
 Tendência à diplopia

PRESBIOPIA

 Cefaléias que aumentam com o trabalho em visão próxima


 Fadiga ocular (lacrimejamento)
 Perda gradual da visão próxima que melhora afastando os objetos

Sintomas visuais mais comuns e sua etiologia


SINTOMAS VISUAIS E POSSÍVEL ETIOLOGIA

1. Troca de cores nos objetos: Lesões coroidoretinianas.


2. Halos (anéis) ao redor das luzes: Alterações no cristalino; edema produzido
por glaucoma e infiltrações corneais.
3. Defeitos no campo visual: Lesão na retina, lesões intracraneanas que
afetam as vias ópticas.
4. Miodesopsias: Opacidades vítreas; toxoplasmose.
5. Nictalopia: Retinite pigmentaria; glaucoma; miopia não corrigida.
6. Perda súbita da visão indolor (quando a visão não retorna em 24 horas):
Oclusão da artéria ou veia central da retina; neurite retrobulbar; hemorragia
macular e vítrea; lesão corneana; glaucoma; descolamento da retina.
7. Perda gradual da visão indolor (podem durar semanas, meses ou anos):
Catarata, ametropias, glaucoma de ângulo aberto, degeneração macular senil,
retinopatia diabética, distrofia corneal, atrofia óptica.
8. Perda transitória da visão (quando a visão volta ao normal dentro de 24
horas e geralmente na primeira hora): quando dura pouco segundo (bilateral):
papiledema. Quando dura pouco minuto: amaurose fugaz (bilateral). Quando dura
de 10 a 60 minutos: enxaqueca (podendo ser acompanhada ou não de dor de
cabeça na seqüência).
9. Perda da visão com dor: Glaucoma agudo de ângulo fechado, neurite
óptica (manifesta dor com o movimento dos olhos), uveíte, ceratocone.
10. Salto de linhas ou letras: Astigmatismo não corrigido, descoordenação
muscular.
11. Visão embaçada: Defeitos refrativos não corrigidos, alterações
patológicas, metamorfópsias.
12. Lesões da Retina: Edema ou Descolamento de Retina.
13. Ardência: Inflamação nas pálpebras (blefarite) ou conjuntiva (conjuntivite),
ambientes contaminados, defeitos refrativos e insuficiência de convergência.
14. Astenopia: Defeitos refrativos não corrigidos, descoordenação muscular.
15. Diplopia: Constante Monocular: ametropia, opacidade ou irregularidade
corneal, catarata, lesões maculares de neurose e subluxação do
cristalino. Constante Binocular: tropia traumática recente e paralisia do músculo
extraocular, paralisia dos III, IV e VI par cranial, alterações orbitárias (como
transtornos relacionados à tireóide). Intermitente Binocular: descompensação de
uma foria pré-existente, miastenia grave.
16. Dor Ocular: corpo estranho, desequilíbrio muscular, uveítes, esforço
binocular e aumento da pressão intraocular.
17. Epífora: obstrução do mecanismo de saída da lágrima, obstrução dos
canalículos.
18. Fotofobia: corpo estranho, lesões corneanas, alterações do cristalino,
insuficiência de convergência, defeitos refrativos, descolamento de retina.
19. Inflamação da pálpebra: blefaroconjuntivite refrativa ou crônica, inflamações
locais (hordéolo ou calázio), edema.
20. Olho Vermelho: glaucoma, uveíte anterior, lesões corneanas,
descoordenação muscular (insuficiência de convergência).
21. Prurido: infecções.
22. Problemas de enfoque: problemas acomodativos, hipermetropia não
corrigida.