Você está na página 1de 12
Computadores SEGUNDA-FEIRA 7 MAR Ç O 2005 DIRECTOR JOSE MANUEL FERNANDES EDITOR RUI JORGE CRUZ Mobilidade
Computadores
SEGUNDA-FEIRA
7
MAR Ç O
2005
DIRECTOR
JOSE MANUEL FERNANDES
EDITOR
RUI
JORGE CRUZ
Mobilidade e
LexMobile para
O eEurope
mais mobilidade
os juristas
até 2010
A Magic Pen
da Quadriga
Jogar para
descontrair
A Intel mostrou no seu
Development Forum os
novos conceitos para os PC
Uma solução móvel da
Jurinfor que dá acesso a
todas as leis e códigos
A Comissão Europeia
prepara sequência da
Estratégia de Lisboa
Uma solução empresarial
baseada na caneta usada
nos ensaios de E-voto
De ‘Dead or Alive Ultimate’,
a ‘Crimson Butterfl y’ e
‘Mechassault 2: Lonewolf’
➜ pág. 5
➜ pág. 2
➜ pág. 7
➜ pág. 3
➜ págs.10/11
LANÇADA NESTA SEMANA EM PORTUGAL O NOVO MODELO DS, JÁ À VENDA NOS EUA E JAPÃO

Nintendo inicia nova vaga de consolas portáteis

MIGUEL

CRESPO

algo minimalista, por uma dimensão bastante superior (não cabendo no bolso mas ficando bem numa mala
algo minimalista, por uma dimensão
bastante superior (não cabendo no bolso
mas ficando bem numa mala ou numa
mochila) e por um posicionamento
“sério”.
Sob
o
lema
“Touch Me”, direc-
tamente ligado à
maior inovação da
DS, a Nintendo
vai efectuar a sua
maior campanha
de
lançamento
de sempre na
Europa, com um
investimento de 35
milhões de euros.
Só para Portugal estão guardados 500
mil euros para “marke-
  • C OM A CHEGADA a Portugal da nova consola portátil de Nin- tendo, baptizada DS, inicia-se uma nova fase no que toca aos videojogos que podem

ser levados no bolso. Mais do que uma

evolução, a DS é apresentada como uma revolução, que estará disponível a partir da próxima sexta-feira, dia 11 de Março. Ao contrário do que aconteceu na história dos Game Boy — que há mais de 15 anos vêm dominando este mercado do jogo portátil —, desta vez não há uma passagem de testemu- nho. A Nintendo DS nem se chama Game Boy nem vem substituir a linha Advance e Advance SP, que continuará à venda. A Nintendo, representada em Portugal pela Concentra, quer ter duas linhas paralelas de consolas portáteis, dirigidas a públicos distintos. Apesar de a Advance SP ser a consola portátil mais adulta que a Nintendo já teve, a nova DS vem colocar o objectivo ainda mais acima em termos etários e qualitativos. O ar clássico de brinquedo é substituído, na DS, por um visual metálico e sóbrio,

Computadores SEGUNDA-FEIRA 7 MAR Ç O 2005 DIRECTOR JOSE MANUEL FERNANDES EDITOR RUI JORGE CRUZ Mobilidade

7c1bf3e5-024b-435b-bb28-84bbcd8a7552

ting”, valor que permitirá presenças maciças em todos os suportes publicitários — sabendo-se, desde já, que

ting”, valor que permitirá presenças maciças em todos os suportes publicitários — sabendo-se, desde já, que os anúncios de televisão serão bastante provocadores. O já referido “Touch Me” nasce do facto de a consola ter dois ecrãs, sendo um deles táctil. Usando um estilete do tipo dos usados nos computadores de bolso e organizadores pessoais (os chama- dos PDA ou “personal digital assistants”) ou o próprio dedo, o jogador pode interagir com o jogo. Nalguns, será um complemento, noutros fundamental mas a verdade é que, até agora, este tipo de interacção só existia nos jogos para os referidos pequenos computadores de bolso e afins. Os dois ecrãs ilu- minados são os maio- res que já se viram até agora em consolas portáteis e são usados pelos jogos para forne- cer informações comple- mentares (acção num

ting”, valor que permitirá presenças maciças em todos os suportes publicitários — sabendo-se, desde já, que

e mapa noutro, por exemplo) ou como continuação, duplicando a área visível. A consola, com bateria de iões de lítio que pode durar até 10 horas, tem ainda um acessório para o dedo — um dedal que deve ser usado nalguns jogos —, dois altifalantes, um microfone (que aceita comandos de voz) e Wi-Fi (rede sem fios, para já, apenas local). Para aproveitar a possi- bilidade de comu- nicação sem fios, a Nintendo DS traz pré-instalado um “software”, o Pictochat, que permite transmi- tir e receber men- sagens escritas ou desenhadas com o estilete até 30 metros. A mesma capacidade é usada para per- mitir jogos com até 16 jogadores, dos quais apenas um deles terá de

Os 15 jogos do dia 1

“Super Mario 64 DS” — uma consola Nintendo sem um Super Mario nunca existiu… e a DS não é excepção; um jogo de acção clássico para todo o tipo de jogadores. “Polarium” — um jogo de “puzzles”. “Wario Ware Touched!” — uma gigantesca colecção de minijogos para jogar com o estilete e ter “stresses” de 3 segundos. “Pokémon Dash” — jogo de corridas com o bichinho amarelo. “Rayman DS” — personagem clássico em mais um jogo de plataformas. “Project Rub” — um jogo de “engate” onde o ecrã táctil é usado para acariciar ou massajar e com um visual inovador. “The Urbz: Sims in the City” — os clássicos Sims em modo de missões. “Spider-Man 2” — o jogo de acção já conhecido de outras plataformas portáteis, agora adaptado à DS. “Asphalt: Urban GT” — um jogo de corridas do tipo arcada. “Mr. Driller: Drill Spirits” — jogo de “puzzles” cheio de acção. “Tiger Woods PGA Tour” — um jogo de golfe. “Sprung: The Dating Game” — outro jogo de “engate”, mais baseado na conversa. “Zoo Keeper” — um jogo de “puzzles” algo estranho. “Robots” — jogo de plataformas inspirado no fi lme homónimo. “Ping Pals” — um jogo de conversação alternativo ao Pictochat que vem com a consola. M.C.

dispor fisicamente do jogo na sua consola. Como é habitual na Nintendo, a nova consola portátil usa cartões de memória exclusivos (agora de dimensão muito reduzida), com capacidades até 1 gigabyte (GB). Para garantir a retrocompatibili- dade com os jogos já existentes para as restantes consolas da marca, tem outra entrada para os cartuchos de GBA, permitindo assim aproveitar a ludoteca de mais de 500 títulos existentes para a sua “antecessora”. No dia do lançamento, a pró- xima sexta-feira, estarão disponí- veis nas lojas portuguesas 9 mil unidades da DS de uma edição limitada que oferece uma demo do novo “Metroid Prime Hunters:

First Hunt”. A seguir, mais 6 mil ficarão disponíveis, o que signi- fica que Portugal teve direito a 15 mil unidades do meio milhão de consolas disponibilizadas para o lançamento europeu. Lançada nos EUA a 21 de Novembro e no Japão duas semanas depois, a DS já vendeu 2,8 milhões de unidades até ao momento. Disponível por 149,99 euros, a Nintendo DS deverá ter 120 jogos disponíveis até final do ano, a preços entre os 29,99 e os 39,99 euros. O objectivo da Concentra é comercializar 50 mil consolas até ao final de 2005.

LEXMOBILE, A SOLUÇÃO MÓVEL DA JURINFOR PARA OS CAUSÍDICOS

Todas as leis e códigos num computador de bolso

A

JURINFOR APRESENTOU à imprensa

no passado dia 22 de Fevereiro, em parceria com a Ordem dos Advogados, o LexMobile — a primeira solução móvel em

o aumento constante da informação jurídica oriunda de diversas fontes bem como o início do processo de informatização na justiça por- tuguesa “têm contribuído para um crescimento ininterrupto de consultas e utilizadores no acesso a conteúdos jurídicos ‘on-line’” — e daí que os responsáveis da Jurinfor digam que o LexMobile “é o patamar seguinte da webização” entre os profissionais da justiça, dos advogados experientes aos estagiários (que disporão de preços especiais inferiores para acederem ao serviço), os quais assim poderão deixar de ir para as salas de audiência dos tribunais car- regados com vários quilos de calhamaços de códigos jurídicos nas suas pastas. Para já, a solução LexMobile só poderá ser usada em computadores de bolso ou outros dispositivos móveis que usem o sistema operativo Windows Mobile (uma das ramifi-

Portugal “a permitir o acesso a conteúdos legislativos temáticos através de um equipa- mento móvel”. A empresa contou, para este lançamento, com o apoio da Microsoft (de que é parceiro certificado), da HP e da Ordem dos Advogados, com quem estabeleceu protocolos de colaboração “a fim de viabilizar o eficaz funcionamento desta solução”. Nuno Mendonça, “chief executive officer” (CEO) da Jurinfor, afirmou: “Com o lança- mento do LexMobile, iniciamos um novo ciclo de desenvolvimento que, uma vez mais, tem como objectivo aumentar a diferenciação em produtos e serviços que já comercializamos. O LexMobile é o resultado do percurso e da experiência que adquirimos, ao longo dos 16 anos de existência da Jurinfor na área jurídica e

no desenvolvimento da mais avançada tecnologia aplicada ao direito”. A difusão do uso da Inter- net, a necessidade de maior rapidez no acesso aos dados,

ting”, valor que permitirá presenças maciças em todos os suportes publicitários — sabendo-se, desde já, que

cações do Windows CE) na sua versão 2002 ou posterior. Um dos pacotes agora disponibilizados inclui um computador de bolso iPaq 1710, da HP, que, além do “sof- tware” que o acompanha normalmente, conterá todos os conteúdos jurí- dicos organizados pela Jurinfor num cartão de memória “flash” SD de 128 MB (para além da memória de 32 MB de origem, da qual metade ocupada com o sistema operativo e as aplicações da Microsoft). Estes iPaq têm um ecrã TFT táctil com 340 x 320 pixels, que permite interagir — escrever, dar comandos, etc. — com um pequeno estilete. Este pacote de conteúdos legislativos temá- ticos nas áreas do direito civil, fiscal, laboral e de profissões jurídicas poderá ser adquirida em www.lexmobile.com ao preço de 350 euros. Para além destes conteúdos, estarão opcional- mente à disposição outras 20 áreas de legis- lação — administrativo, ambiente, bancário, comercial, comunicação social, constitucional,

consumidor, desporto, educação e ensino, mili- tar, novas tecnologias, penal, Região Autónoma da Madeira, Região Autó- noma dos Açores, registos e notariado, saúde, segu- rança social, seguros, turismo e viação —, que, se forem todas adquiri- das, custarão mais cerca de 250 euros. Nesta fase promo- cional, a Jurinfor propõe ainda um outro pacote assente no iPaq 6340, também da HP mas que dispõe de recursos de tele- comunicações baseadas no GPRS e no UMTS (ou 3G) e ainda de acesso a redes sem fios do tipo WLAN. Este pacote já custa quase o dobro mas será quase auto-suficiente — desde que o utilizador contrate o serviço de dados com um operador telecomunicações — para, sempre que necessário, proceda à actualização dos seus módulos de conteúdos jurídicos directamente do sítio da Jurinfor na Web, ou seja, sem recorrer à “interme- diação” de um computador com acesso à

Internet. RUI JORGE CRUZ

ting”, valor que permitirá presenças maciças em todos os suportes publicitários — sabendo-se, desde já, que

computadores

.2

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

QUADRIGA APRESENTOU SOLUÇÃO MAGIC PEN

Uma caneta que grava o que se escreve

U

M

está

VENDEDOR

na

rua

uma solução comercial destinada às empresas, sobretudo às que têm ven- dedores nas ruas a preen- cher notas de encomenda. O envio das encomendas é instantâneo e as empresas podem, desta forma, enca- minhá-las mais rapidamente para os clientes.

A tampa da caneta

estabelecida

por

duas

“software” de reconheci-

que acaba por ser enviada

serve de interruptor e

formas:

 

ou

através de

mento de escrita trans-

activa-a. Depois, logo que

Bluetooth, que permite a

formar essas notas num

para a empresa. Para além da caneta

é colocada sobre o papel,

comunicação entre dispo-

documento de Word, por

digital, a solução integra

a caneta começa a registar

sitivos que se encontrem

exemplo. Enquanto isso

também um telemóvel com

o que se está a escrever, à

próximos, ou

por via

da

não acontece, a Qua-

Bluetooth e papel digital. As

velocidade de 50 imagens

ligação à

porta USB

do

driga pensou sobretudo

empresas terão que pagar

por segundo. Quer isto

computador.

 

nos vendedores que, na

uma licença pela utilização

dizer que, consoante a matriz impressa no papel,

É muito provável que, no futuro, a caneta digi-

rua, preenchem sempre os mesmos formulários.

do serviço de armazena- mento dos dados. A caneta

a caneta identifica a parte

tal

venha

a ter outras

Com a solução Magic

custa cerca de 100 euros, o

da folha em que está a

aplicações — podendo ser

Pen, os formulários são

preço do telemóvel depende

escrever e o que está a ser

usada

enviados, quase como se

do modelo escolhido, o

escrito.

plo,

para, por exem- tirar

 

de um fax

registo inicial no serviço

Logo que alguém acaba

n

o

t

a

s

ISABEL

GORJÃO

SANTOS

se tra-

custa também 100 euros e,

de escrever um texto ou de

de

uma

 

tasse. A

mensalmente, serão pagos

preencher um impresso,

reunião

e transferi-las

comparação com

o fax

por cerca de 25 euros por

poderá enviar esses dados.

para

o computador. E

justifica-se

porque é a

mês e por utilizador, mais os

A comunicação pode ser

melhor será quando um

imagem da folha escrita

custos das comunicações.

a

tomar nota

da encomenda

do

cliente: na

mão, tem uma caneta espe-

cial, que regista os dados

e

os envia

através da

tecnologia Bluetooth e de uma rede de comunicações

A situação parece de lançar a Magic
A
situação parece
de
lançar a Magic

móveis — para o escritó-

rio.

futurista mas a Quadriga

acaba

Pen, que memoriza o que se escreve e comunica com

outros dispositivos. A Magic Pen é uma

solução que junta uma caneta digital fabricada pela Nokia ao “software” desenvolvido pela Qua- driga, empresa
solução
que
junta uma
caneta
digital fabricada
pela Nokia ao “software”
desenvolvido
pela
Qua-
driga, empresa portuguesa
de “software” que se tem
dedicado,
sobretudo,
à
área das comunicações
sem
fios.
A
caneta
digital
não
é
uma
ideia
nova,
pois
várias
empresas
compreenderam
a
utilidade
de
se
armazenar e
transferir para
o
computador
o
que
se
escreve. Mas
a Quadriga
tem agora
A caneta
digital parece
uma esfero-
gráfica normal,
apenas um pouco
mais grossa do
que é costume. No
interior, há um pro-
cessador, memória e
uma pequena câmara
digital. É através dessa
câmara que a caneta
vai registando o que se
escreve — mas isso só acon-
tece se se estiver a escrever
sobre papel digital. Trata-
se de um papel “normal”
com uma matriz de pontos
impressa, uma grelha que é
diferente ao longo de toda a
folha e que permite à caneta
“orientar-se”.
QUADRIGA APRESENTOU SOLUÇÃO MAGIC PEN Uma caneta que grava o que se escreve U M está

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

computadores

.3

VERSÕES DE 2005 E NOVOS PRODUTOS EM ENCONTRO ANUAL DE PARCEIROS da.net PHC investe nos mercados
VERSÕES DE 2005 E NOVOS PRODUTOS EM ENCONTRO ANUAL DE PARCEIROS
da.net
PHC investe nos
mercados verticais e
na internacionalização
NVESTIR NOS MERCADOS verticais,
I
Pais e professores discutem
segurança na Web em seminário…
como é o caso do sector da cons-
trução civil, constitui um dos
principais objectivos da PHC,
empresa portuguesa que desen-
Associações de pais, professores e representantes
de organizações dos direitos das crianças, entre
outros, participaram na passada quinta-feira num
seminário sobre segurança na Internet, no âmbito de
um projecto europeu coordenado a nível nacional
pelo Ministério da Educação. O objectivo foi criar
um ambiente mais seguro para as crianças e jovens
navegarem e comunicarem através da Internet
— explicou à agência Lusa Ida Brandão, do Gabinete
de Informação e Avaliação do Sistema Educativo
(GIASE) do ministério. Ida Brandão lembrou algumas
recomendações, como a presença dos pais quando
as crianças navegam na Net ou quando entram em
páginas de conversação, de forma a acompanharem as
conversações com desconhecidos. O GIASE coordena
em Portugal o projecto Segura@net, aprovado no
âmbito do Programa Safer Internet, da Comissão
Europeia — e que visa criar um nó nacional para a
segurança na Web que passa por uma campanha de
sensibilização sobre os desafi os e riscos respectivos. ●
volve “software” de gestão. Os novos
produtos e os resultados do último
ano foram apresentados perante
dezenas de parceiros da empresa,
que na passada semana se reuniram
em Alvor, no Algarve, para a edição
de 2005 do Strat, evento anual onde
se fala da estratégia e das novas
soluções da PHC.
“O ano de 2004 foi difícil, pois a
incerteza política e a instabilidade
económica retraem as pessoas e
as empresas”, começou por dizer
Ricardo Parreira, director-
geral da PHC, na conferên-
cia de imprensa realizada
a par do Strat2005. Con-
tudo, e apesar do contexto
conturbado referido pelo
principal responsável da
PHC, a empresa facturou
7,2 milhões de euros em
2004 — o que representa
um crescimento de 14,3 por
cento face aos resultados
obtidos no ano anterior,
em que a facturação total
foi de 6,3 milhões. Ricardo
Parreira considerou que a
versão de 2005 dos produtos
da PHC foi bem sucedida
e atribuiu os resultados
obtidos ao investimento
nos mercados verticais, à
conquista de clientes que
usavam produtos de empre-
sas concorrentes, às acções
de “marketing” direcciona-
das para sectores específicos e ao
“bom desempenho dos parceiros”.
Como não vende o seu “software”
directamente às empresas, a PHC
conta com uma rede composta por
mais de 200 parceiros. E foram
os principais res-
das mudanças introduzidas. PHC
Projecto é o nome do novo “software”
destinado à área da construção civil.
Com este módulo, os responsáveis por
um projecto podem gerir as diversas
fases da obra, desde a elaboração de
um orçamento ao controlo de qua-
lidade. Esta ferramenta simplifica
também o cruzamento de dados e a
interligação entre a informação pro-
duzida por diversos departamentos.
O controlo do custo da obra e a gestão
de toda a equipa envolvida — através
da elaboração de planos de trabalho
— foram também funcionalidades
introduzidas no PHC Projecto.
Outra das novidades apresenta-
das resultou da aposta da PHC na
calculado através da nova aplicação
da PHC.
Ricardo Parreira efectuou um
balanço do que aconteceu na área
do “software” em 2004 e referiu o
desaparecimento de algumas empre-
sas nacionais, ao mesmo tempo que
aumentou a concorrência por parte
de empresas multinacionais. No caso
da PHC, a gama de produtos Advan-
ced — destinada sobretudo a orga-
nizações de média dimensão — foi
a que mais cresceu, representando
cerca de 43 por cento da facturação
da empresa. Seguiu-se a gama Cor-
porate, para pequenas organizações,
com cerca de 30 por cento, e as solu-
ções de topo de gama Enterprise, com
… no âmbito de uma rede
de organizações europeias
A coordenação europeia da rede dos vários nós
nacionais (16 neste momento) é assegurada
pela European Schoolnet, de que o Ministério da
Educação é membro. O projecto nacional tem como
parceiros “quatro centros de competência Nónio”,
nas universidades do Minho, de Évora, de Aveiro e
do Algarve. “Queremos alargar a parceria a outras
entidades, nos sectores público e privado, que tenham
preocupações ao nível da segurança”, explicou à Lusa.
Por isso, foram convidados a participar, no referido
seminário, representantes das associações de pais,
professores, consumidores, de organizações de defesa
das crianças, operadores de serviços de acesso à
Internet, produtores de conteúdos digitais, entre
outros. Ida Brandão sublinhou que a campanha a
desenvolver será no sentido de esclarecer e ajudar
a que a Internet traga o máximo de benefícios
minimizando os riscos. ●
Internet e chama-se dNegócio, cujo
objectivo é permitir às empresas a
realização de todas as tarefas rela-
cionadas com a sua gestão comercial,
independentemente do local em que
o responsável da empresa se encon-
tre. Os utilizadores
Usar a Web para planear uso
de transportes públicos no Porto
ponsáveis dessas
ISABEL
GORJÃO
SANTOS
autorizados podem,
Os portuenses vão poder planear as suas deslocações
no interior da cidade através da Internet graças ao
sistema de informação Itinerarium — disse na passada
terça-feira à Lusa um porta-voz da Sociedade de
Transportes Colectivos do Porto (STCP). O sistema
— que é pioneiro a nível mundial e seria apresentado
na quinta-feira seguinte na Faculdade de Engenharia
do Porto — dá pelo nome de Itinerarium.net-Rotas
em Transporte Público e fornece informação sobre
percursos e permite planear viagens através de um
“site” na Internet. O mesmo porta-voz revelou que
a Sociedade de Transportes Colectivos do Porto vai
introduzir um outro sistema de informação assente
em novas tecnologias, o SMSbus, concebido para
divulgar informação sobre horários de autocarros
através de mensagens instantâneas e que funcionará
com recurso a um sistema de GPS (sigla inglesa para
Sistema de Posicionamento Global). O GPS é um
sistema de geo-referenciação por satélite usado para
determinar as coordenadas exactas da posição de
uma pessoa ou objecto na superfície da Terra (ou em
órbita), baseado numa constelação de 24 satélites
geoestacionários. ●
empresas que, na
passada quinta-feira, se reuniram no
Alvor para assistir à demonstração
dos novos produtos e para debater
a estratégia que a PHC pretende
seguir. Neste ano, a tónica do evento
foi colocada na área da construção
civil mas também na Internet e na
possibilidade de as empresas pro-
cessarem a sua facturação através
da Web.
Foi ainda apresentado um pro-
duto para a contabilização das taxas
Ecovalor, pagas pelas empresas e
que constituem uma contribuição
para a reciclagem de embalagens
ou pilhas. Para além destas novas
áreas, foi ainda apresentada a
versão de 2006 dos produtos da PHC
para os vários segmentos de mercado
— Enterprise, Advanced, Corporate,
Pocket e Digital.
A melhoria da interface, a possi-
bilidade de personalização do ecrã e
a integração de bases de dados nos
produtos dedicados à gestão da rela-
ção com os clientes foram algumas
através da Web,
processar a facturação dos produtos
vendidos. Integrado na família de
produtos PHC Digital, o novo módulo
permite ao utilizador avaliar a posi-
ção actual, em termos de vendas, ou
as contas correntes, podendo-se intro-
duzir ou apagar registos e consultar
os movimentos efectuados. A opção
relativa à facturação permite dupli-
car, apagar ou alterar documentos.
Outro anúncio agora efectuado
foi o do PHCEcovalor, aplicação que
permite controlar todos os processos
relacionados com a taxa Ecovalor.
Entre outras funcionalidades, o pro-
grama torna mais simples a reunião
de dados necessários para a entrega
das declarações anuais a que as
empresas estão obrigadas. Isto é par-
ticularmente útil para empresas que
fabricam produtos sujeitos ao paga-
mento da taxa Ecovalor — criado
com o objectivo levar as empresas a
contribuírem para a reciclagem de
embalagens ou de pilhas, por exem-
plo. O montante a pagar pode ser
cerca de 10 por cento.
“Sentimos mais a crise no sector
das pequenas e médias empresas
mas acabámos por crescer e registar
um bom desempenho nas versões de
2005 dos vários produtos”, adiantou
o director-geral da PHC, que atri-
buiu o mérito dos resultados obtidos
à rede de parceiros, “que tem pouca
rotatividade” — ou seja, é bastante
estável, registando-se poucas entra-
das e abandonos.
Para este ano, os objectivos da
PHC passam pela apresentação
de novos módulos e da versão de
2006, tendo sido grande parte das
novidades apresentadas durante o
Strat2005. Como objectivos mais
genéricos, Ricardo Parreira prevê a
realização de acções de formação, a
promoção de novas formas de licen-
ciamento dos produtos e a aposta na
mobilidade.
Nos planos da PHC está também
a tradução ou mesmo a localização
de grande parte dos produtos para
outros mercados. “A PHC é muito
procurada por multinacionais que
se instalam em Portugal e há cada
vez mais empresas portuguesas a
investirem na internacionalização”,
acrescentou Ricardo Parreira, que
encara a adaptação dos produtos
para outros países como uma forma
de evitar a perda de clientes. ●
computadores
.4
SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

INTEL DEVELOPER FORUM DE PRIMAVERA MOSTRA IDEIAS PARA RENOVAR OS PC

Conceitos para a mobilidade

S UFICIENTEMENTE

pequeno

Para a área empresarial, foram pensadas novas funcionalidades de segurança e de gestão, protegendo os utilizadores dos crescentes riscos criados pelo “malware” (“software”

mal-intencionado) e reduzindo os custos da gestão de sistemas num ambiente de mobilidade. A Intel mostrou ainda um com- putador de secretária baseado na

Fi e WiMax, a incluir na próxima geração da plataforma Centrino — agora conhecida pelo nome de código “Napa”. A par das novidades para a área móvel, os executivos da empresa detalharam ainda as iniciativas da Intel para o lar digital, estendendo a utilização dos processadores Pentium D (“Smithfield”) a diversos equipa-

para ser transportado nas

mãos dos utilizadores, o

novo conceito de “mobile

PC” da Intel aprofunda a

aposta da empresa na mobilidade, numa tentativa de tornar o computa- dor cada vez mais presente no dia-a-

dia para além do local de trabalho ou da escola e da casa. A ideia — injec- tada pela empresa de

semicondutores no seu fórum semestral

tecnologia Centrino,

mentos na área da electrónica de

com um “design” ultra- fino que combinando os

consumo. Don MacDonald, vice-presidente

e director-geral do grupo da Intel dedicado ao lar digital, garantiu

FÁTIMA CAÇADOR / Casa dos Bits
FÁTIMA
CAÇADOR
/
Casa
dos
Bits

dedicado aos tecnólogos envolvidos na investigação e desen- volvimento (I&D) e na programação de “software” — não deverá ser concretizada pela própria Intel, que regularmente apresenta conceitos que pretendem impulsionar a cria- tividade na apresentação de novos modelos entre os fabricantes. Já em anos anteriores a Intel havia mostrado diferentes formatos para o PC, com modelos coloridos, embutidos em diversos dispositi- vos, contando com mais ou menos apoio de fabricantes. Mas, apesar do peso da empresa e da divulga- ção que habitualmente consegue, muitas dessas ideias não tiveram grande sucesso, ficando pelas pranchas de projecto e nunca chegando às lojas. Neste ano, a aposta vai directa para a mobilidade, com base na plataforma Centrino, estendendo as vantagens da poupança de bateria, da ligação a redes móveis e da redução do tamanho aos mode- los empresariais. A Intel mostrou, no seu Developer Forum (IDF), três modelos conceptuais de computadores — dois portáteis e um de secretária —, defendendo serem estas as vias pelas quais os PC portáteis poderão evoluir nos próximos dois ou três anos. Pendurados na bicicleta ou integrados num dos mais recentes modelos de automóveis da Land Rover, estes equipamentos pre- tendem levar o entretenimento e o lazer com o utilizador, quer em termos de música e vídeo quer em funcionalidades de navegação por GPS, beneficiando sempre das capacidades de comunicação de redes sem fios.

“form factors” usados nos portáteis com o desempenho esperado de um PC “desktop”. Este modelo foi um dos que suscitou mais interesse por se assemelhar bastante ao Mac Mini, recen- temente lançado pela Apple (mas, curiosamente, a Intel não apre- senta qualquer fotografia do

INTEL DEVELOPER FORUM DE PRIMAVERA MOSTRA IDEIAS PARA RENOVAR OS PC Conceitos para a mobilidade S

que a sua empresa “não vai definir o lar digital pela sua forma, tama- nho ou localização, nem vamos limitar as oportu- nidades do lar digital a um único equipamento”. A experiência “nova” de lar digital defendida por Don MacDonald tem mais a ver com um PC dedicado ao entretenimento, um leitor de MP3 ou um gra-

INTEL DEVELOPER FORUM DE PRIMAVERA MOSTRA IDEIAS PARA RENOVAR OS PC Conceitos para a mobilidade S

vador pessoal de média para gravar programas de TV. Apostada em trazer o PC para a sala de estar, a Intel quer que o Entertainment PC seja mais pequeno, estilizado e mais barato do que os modelos hoje disponíveis para esta função. A integração de funcionalidades de televisor e de conteúdos a pedido fazem também parte das especificações definidas pela empresa, dando sequência a ideias já defendidas pela Microsoft e aplicadas por diversos fabricantes de equipamentos. Ainda no primeiro semestre de 2005 deverão começar a chegar ao mercado os primeiros computadores assentes no Pentium D e os novos “chipsets” mais “artilhados” para a área do entretenimento — sendo, como habitual, elevado o número de fabri- cantes que já subscreveram a ideia.

INTEL DEVELOPER FORUM DE PRIMAVERA MOSTRA IDEIAS PARA RENOVAR OS PC Conceitos para a mobilidade S

mesmo no seu “site” dedicado ao IDF Spring

2005).

As propostas móveis da Intel deverão integrar o novo processa- dor “dual core” fabricado com base na tecno- logia CMOS de 65 nanómetros (que recebeu o nome de código de “Yonah”), assim como tecnologias actualizadas de ligação às redes Wi-

Lei de Moore continua válida

Quarenta anos após a sua formulação, a Lei de Moore continua válida, conforme defendeu Craig Barret, o actual “chief executive offi cer” (CEO) da Intel. Formulado por Gordon Moore, um dos dois fundadores da Intel, o postulado de que a indústria teria a capacidade de duplicar o número de transístores colocados no mesmo núcleo de silício em cada 18 a 24 meses tem-se mantido como um dos imbatíveis axiomas da indústria de informática. Na sua comunicação neste IDF, Craig Barret afi rmou que as tecnologias hoje desenvolvidas permitem a continuidade da inovação no sector nos próximos anos, sobretudo a nível da tecnologia “multicore” e das novas plataformas. O responsável máximo do maior fabricante mundial de semicondutores destacou ainda a importância dos investimentos em investigação e desenvolvimento, em que a Intel gasta cerca de 100 milhões de dólares por ano — mas não esqueceu a relevância do trabalho com um ecossistema alargado de programadores, analistas e programadores de “software”, engenheiros de sistemas e outros parceiros. F.C. /CdB

Estatísticas nacionais da Sociedade da Informação

O Observatório da Sociedade da Informação e do Conhecimento (OSIC) lançou recentemente um novo sítio na Web de informação conjunta com dados estatísticos sobre a sociedade da informação em Portugal. Disponível no endereço http://www.osic.umic.gov.pt , o sítio disponibiliza informação agregada sobre a economia digital, população e educação, governo e administração pública, e outras áreas — onde encaixam, por exemplo, as telecomunicações. Publicações, projectos, o relatório de actividades de 2002- 2004 (ainda indisponível na passada sexta-feira), notícias ou legislação são outras áreas disponíveis. A informação presente é, na sua grande maioria, apenas sobre dados estatísticos nacionais. “É ainda uma primeira geração”, salienta Roberto Carneiro, responsável do OSIC, lembrando que, para quem desejar fazer comparações, os dados estatísticos sobre a Europa estão disponíveis no Eurobarómetro. “Há interesse em ter ‘benchmarks’ e confrontar a posição de Portugal com outros países”, refere Roberto Carneiro, reconhecendo a reduzida dimensão da equipa (com apenas cinco elementos), que se tem dedicado principalmente à recolha e validação de dados.

Portal Algarve Digital funcionar em Agosto…

O portal Algarve Digital, que permitirá o acesso dos cidadãos às autarquias, órgãos descentralizados e empresas da região, deverá estar a funcionar em pleno no próximo mês de Agosto — disse na passada terça-feira à Lusa o director da Globalgarve, a empresa responsável pelo projecto. Um balanço do projecto foi então apresentado à comissão de acompanhamento, de que fazem parte a Junta Metropolitana do Algarve, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCDRA), a Universidade do Algarve, a Região de Turismo do Algarve e o Instituto Geográfi co de Portugal. Segundo o director executivo da Globalgarve, Carlos Luís Figueira, nos próximos dois meses será instalado o grande centro de dados do futuro portal, um servidor que representa um investimento de 1,1 milhões de euros, onde serão centralizadas as várias informações constantes dos sítios agregados. Ainda antes disso, já em 18 de Março, será apresentado o Portal de Turismo — que, numa primeira fase, utilizará um servidor próprio —, em que será testada uma “central de reservas” “on-line” do Algarve, que introduz a possibilidade de reservar quartos em vários hotéis da região.

… graças a um investimento de 10 milhões até 2008

Ainda segundo Carlos Luís Figueira, director executivo da Globalgarve, foi iniciada na passada semana a fase de consulta para reformular e uniformizar os sítios das 16 câmaras municipais do Algarve, de forma a compatibilizá-los com o portal Algarve Digital. “No futuro, os munícipes algarvios poderão interagir com as suas autarquias, entregando formulários ou pagando licenças municipais, por exemplo.” Numa fase posterior, será possível a consulta dos planos directores municipais e das cartografi as actualizadas dos concelhos. Para já, a nível municipal, a Globalgarve irá proceder à interligação (por via aérea) dos vários edifícios com serviços de uma mesma câmara municipal. O sistema aproveitará os 400 quilómetros de fi bra óptica já instalados pela empresa Águas do Algarve e, no futuro, cada concelho terá pelo menos um local de acesso gratuito e sem fi os à Internet, o que acontecerá também em cada marina da região. Carlos Luís Figueira observou que a iniciativa se encontra aberta a todas as empresas da região, que poderão ter uma hiperligação no novo portal. Até 2008, os 10 milhões de euros de investimentos do projecto serão fi nanciados em 75 por cento pelo Programa Operacional da Sociedade de Informação (POSI) e os restantes 25 por cento suportados pelas autarquias, pelo Comissão de Coordenação Regional e pela Região de Turismo.

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

computadores

.5

virose

   
 

Dia 7

OS VÍRUS DA SEMANA

Tofger.AT ‘rouba’ palavras-passe em bancos portugueses

No dia 1 de Março, foi detectado um novo “cavalo de Tróia”

ícones. A primeira falha permite a execução remota de código

OS VÍRUS DA SEMANA Tofger.AT ‘rouba’ palavras-passe em bancos portugueses No dia 1 de Março, foi

Primeiro ‘adware’ a explorar falhas do Windows

A Microsoft disponibilizou em Janeiro um “patch” para duas

JOSÉ DOUTIL

VBS/Aqui, W97M/Alamat, WM/Alliance.A, W32/ Supova.f.worm, W32/Supova.e.worm, W32/ Supova.d.worm, WM/Eraser.A:Tw, WM/ERASER.H

especializado em “roubar” palavras-passe em “sites” de bancos

e a segunda é do tipo “denial-of-service” (DoS). As falhas

Dia 8

na Web. Foi-lhe dado o nome Tofger.AT e, segundo a Microsoft, só a versão Windows XP SP2 do seu sistema operativo é segura. Este “cavalo de Tróia” instala-se nos computadores e

afectam os Windows 98, ME, NT, 2000, XP e Server 2003. O primeiro “adware” a explorar estas falhas chama-se Searchmeup e aproveita-as para ser descarregado nos

WM/Eraser.A:Tw, VBS/San@M, VBS/ Valentin@MM, WM/KOMPU.A, W97M/Alamat, VBS/Aqui, W97M/Tolu

captura o texto introduzido em ligações seguras, do tipo “HTTPS” (frequentemente utilizadas na comunicação com

computadores sem a autorização dos utilizadores. As páginas a partir de onde o Searchmeup é descarregado também

Dia 9

serviços de banca “on-line”), mantendo o registo das acções desempenhadas pelo utilizador na Internet, registando as

contêm uma série de outras ameaças, que podem descarregar outros vírus para os computadores. Neles se incluem o

VBS/Aqui, VBS/Alphae, VBS/Inself, W97M/Alamat, TRASHER.D, WM/Eraser.A:Tw, Acid.A (intended),

palavras-passe e os nomes de utilizadores introduzidos.

Tofger.AT, o Dialer-BB, o Dialer-NO e o Adware/TopConvert.

W97M/Jackal.A

O Tofger.AT explora, para se instalar nos computadores, uma série de falhas de segurança do Windows que já foram

O Searchmeup é descarregado para o computador quando o utilizador visita certas páginas na Web. Depois de instalado

Dia 10

corrigidas pela Microsoft. Após ter recolhido a informação, envia-a para um servidor. Sempre que o Tofger.AT detecta certos nomes na barra de endereços do Internet Explorer, procura capturar as credenciais introduzidas. Entre esses nomes, encontram-se os de bancos estrangeiros, como “barclays”, “lloydstsb”, “halifax” e “bankofamerica”, mas também outros correspondentes

na máquina, ele altera a “home page” do Internet Explorer para uma de um motor de busca que abre “pop-ups” de cada vez que é carregado. O seu fim último é instalar “spyware” e “dialers” na máquina. Segundo especialistas em segurança, o surgimento do Searchmeup é um sinal da constante evolução deste tipo de “malware” (“software” mal-intencionado), em especial o

X97M/Hopper.r, W97M/Nono.A, WM/Helper.B, AOS.A, WM/Eraser.A:Tw, WM/Helper.A;B, VBS/Loveletter.ar, W97M/Alina.a@mm, W97M/Melissa.ao@mm, W97M/Hope.p, VBS/ Baracu.A@mm, VBS/Count, VBS/Godzilla@M, W97M/Alamat, X97M/Anis, W32/Urick@MM, VBS/ Zync, VBS/Aqui, JS/Gigger.a@MM, VBS/IISDel.worm

a bancos portugueses e espanhóis, como “bes”, “bpinet”, “banif”, “milleniumbcp”, “montepiogeral”, “totta”, “cajamadrid”, “bancodevalencia”, “caixagalicia” ou “lacaixa”, por exemplo. Devido a esta particularidade, a agência Lusa contactou o BES, o BPI e o BCP, que minimizaram a importância do alerta e afirmaram que os mecanismos de segurança já utilizados nos seus “sites” são eficazes, não havendo ainda qualquer queixa dos clientes. Com efeito, desde há mais de um ano que a maioria dos bancos portugueses com serviços “on-line” introduziu alterações no modo como os seus clientes deverão introduzir os seus dados identificativos e as suas palavras-passe — nomeadamente, exigindo maior recurso a imagens no ecrã e ao uso do rato, indetectáveis pelos programas-espiões que registam endereços e sequências de teclas premidas.

falhas de segurança que afectam a maneira como o Windows manipula os formatos de cursores, cursores animados e de

“adware” e o “spyware”. Ao princípio, o “adware” era introduzido nos computadores como componente de aplicações “freeware”. A seguir, começaram a ser usadas páginas da Web para o instalar nos computadores utilizando o ActiveX. O Searchmeup corresponde a uma nova fase em que, à semelhança do que já acontece com os vírus e os “worms”, se exploram falhas de segurança dos programas, especialmente do Windows.

Dia 11

VBS/Aqui, W32/Blurt@MM, WM/Alliance.A, W97M/Alamat, W97M/Bablas.aj, WM/Eraser.A:

Tw, W97M/AntiSocial.e, WM/MERCY.B, WM/ CVCK1.A, WM/JUNKFACE.A;B

Dia 12

WM/Eraser.A:Tw, WM/Envader.A (Intended),

W97M/Yous, W97M/Alamat, WM/Alliance.A, VBS/Aqui, W97M/Cobra.a1

Dia 13

W97M/Cobra.a1, VBS/Aqui, VBS/Zync, VBS/Alphae, WM/BADBOY.A;B;C, Twno.A, W97M/Rapmak.a, WM/BOOM.A;B, W97M/Alamat, W97M/Yous, W97M/Digma, WM/FRIDAY.A, WM/Envader.A (Intended), WM/CVCK1.B;E, WM/Eraser.A:Tw, WM/Goldsecret.B:Int, WM/FRIDAY.D, W97M/Idea.A, W97M/BackHand.A, WM/SHOWOFF.G

.com

     

IBM investe 300 milhões nas PME

 

Bilhética da Novabase no Porto

A IBM anunciou que vai investir 300 milhões de dólares em serviços, programas, consultoria e educação para ajudar os seus parceiros de negócio a aumentarem as oportunidades de negócio no mercado de serviços tecnológicos para as pequenas e médias empresas (PME). “A iniciativa traz importantes melhorias ao amplo compromisso da IBM com as PME suas clientes e com os parceiros de negócio que com elas trabalham”, refere a IBM em comunicado. “Os analistas dizem que os serviços para as PME são uma das áreas ‘quentes’ de crescimento no sector e, ao mesmo tempo, um mercado altamente competitivo e localizado,” afi rma Jim Corgel, director-geral para a área das PME dos IBM Global Services. “A IBM está a fazer um investimento signifi cativo para expandir a sua tecnologia e serviços de consultoria para as PME e colaborar com os parceiros de negócio em todo o mundo para criar soluções que as ajudem a melhorar o seu desempenho”, concluiu.

serviços, e manterá os seus quatro escritórios, situados em Gaia, Linda-a-Velha, Madrid e Barcelona. Contando com uma estrutura de mais de 220 colaboradores, a empresa continuará a disponibilizar soluções de gestão empresarial e a prestar serviços de consultoria. Luís Costa, gestor do grupo IBS para um conjunto de países que inclui Portugal, Espanha, Itália, Brasil e França, considera que, com esta unifi cação, “a IBS expande signifi cativamente as suas competências no mercado ibérico, reforçando a capacidade de acrescentar valor às soluções e serviços que oferece aos clientes.” Richard Marques, por outro lado, ocupará o cargo de director-geral da IBS Ibéria. “A nova estrutura permite-nos estar ainda mais bem preparados para responder aos desafi os que se colocam no segmento de mercado em que actuamos, o qual é altamente competitivo.”

Priberam e Sapo em parceria

Em concurso público internacional, a Novabase foi a empresa escolhida para o fornecimento do equipamento de bilhética para a segunda fase do projecto de intermodalidade levado a cabo na Área Metropolitana do Porto (AMP), sob a égide dos TIP-Transportes Intermodais do Porto. O contrato em causa tem um valor-base de cerca de 6,3 milhões de euros. A Novabase já participara na primeira fase deste projecto. Agora, na segunda e última fase, iniciada com o contrato recentemente assinado, e que deverá estar concluída até Setembro do corrente ano, a Novabase deverá proceder à expansão do actual sistema intermodal Andante, de forma a incluir os restantes operadores de transportes da Área Metropolitana do Porto, nomeadamente os STCP e a CPPorto. Fundada em 1989, a Novabase é uma das principais empresas portuguesas de tecnologias e sistemas de informação. Com cerca de 1076 colaboradores em 2004, a Novabase reparte-se em duas

Oki lidera impressoras de laser

Novell facturou 290 milhões

A Priberam, empresa portuguesa que desenvolve “software”

divisões de negócio, a Novabase Consulting (consultoria, integração de sistemas e ‘outsourcing’ aplicacional) e a Novabase Engineering

A Novell anunciou os resultados fi nanceiros do seu primeiro trimestre fi scal de 2005, recentemente concluído, tendo as receitas da empresa sido de 290 milhões de dólares, o que representa um crescimento face aos 267 milhões de dólares registados no mesmo

IBS ‘agrega’ Portugal e Espanha

para áreas como a linguística, a informação jurídica e a saúde, estabeleceu recentemente uma parceria com o portal Sapo. Através desse acordo, passam a ser apresentadas ligações de todas as palavras pesquisadas no Sapo para o “Dicionário da Língua Portuguesa On-line”, disponível no “site” da Priberam

Solutions (infra-estruturas de tecnologias de informação, TV digital, bilhética, controlo de acessos, equipamentos de telecomunicações, mobilidade e ‘outsourcing’ de infra-estruturas).

período do ano anterior. As principais razões apontadas pelos responsáveis da empresa para os resultados agora obtidos foram o desenvolvimento das soluções de gestão de identidades e o lançamento de novos produtos. Além disso, a Novell reforçou a sua linha de negócio relacionada com produtos baseados no sistema operativo Linux. “A Novell cumpriu todas as expectativas defi nidas para este trimestre. Os resultados sólidos oferecem uma maior fl exibilidade fi nanceira, que irá permitir avançar para a realização de novas iniciativas “, comentou Jack Messman, “chief executive offi cer” (CEO) e presidente da empresa. “A Novell é actualmente o único fornecedor do mercado que tem soluções baseadas em Linux nas várias áreas dos clientes empresariais”, acrescentou Jack Messman.

( www.priberam.pt/dlpo ). “Este é um dos acordos que maior satisfação nos dá, pois o Sapo e a Priberam são duas das empresas que mais se têm batido pela protecção e correcção da nossa língua. Sem o Sapo, a língua portuguesa estaria mais pobre, pois a alternativa válida, em termos de portais, é toda em língua inglesa. Esta é uma parceria que agora se inicia e que esperamos produza maiores frutos a médio e longo prazo”, afi rmou José Carlos Baldino, administrador executivo da PT.Com, proprietária do Sapo. O protocolo estabelecido entre a Priberam e o Sapo é anunciado na semana seguinte à comemoração internacional do Dia Internacional da Língua Materna, instituído pela UNESCO e pela Comunidade Europeia, com o objectivo de promover a defesa de todas as línguas existentes no mundo. “Desde 1996 que a Priberam disponibiliza, no seu ‘site’ um

A Oki Systems, fabricante especializado em soluções empresariais de impressão, anunciou que, segundo os dados do último estudo de mercado da consultora Dataquest relativo a 2004, lidera o mercado português de soluções de impressão por laser a cores, com 30,92 por cento de quota em unidades e 29 por cento de quota em termos de vendas. O estudo da Dataquest indica que, no ano passado, foram vendidas 12.466 unidades de impressoras de laser a cores, bastante acima das 6123 unidades vendidas em 2003 e das 2528 unidades vendidas em 2002. Este aumento equivale a um crescimento de 104 por cento neste segmento de mercado. O estudo da Dataquest situa a Oki na primeira posição do “ranking” de fabricantes. Em Portugal, foram vendidas 3854 unidades — o que lhe

A IBS agregou as subsidiárias de Portugal e de Espanha, antes distribuídas por três entidades jurídicas distintas (IBS Portugal, IBS Espanha e GTM Consultores). A nova organização, denominada IBS Ibéria, continuará a disponibilizar as mesmas soluções e

dicionário da língua portuguesa. A simplicidade com que os utilizadores do maior portal português vão poder consultar o dicionário irá potenciar a sua utilização por um maior número de pessoas, o que nos deixa bastante contente”, declarou Carlos Amaral, sócio-gerente da Priberam.

granjeou uma quota de mercado de 30,92 por cento. Pedro Reis Madeira, director-geral da Oki Systems em Portugal, considera que “os últimos dados são resultado do esforço continuado que a empresa tem vindo a fazer no sentido de oferecer a sua tecnologia a um público cada vez maior e mais exigente”.

computadores

.6

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

COMISSÃO EUROPEIA PROCURA ORIENTAÇÃO QUE PROSSIGA O E-EUROPE

Os desafi os até 2010 para a sociedade da informação

A

INVESTIGAÇÃO

e

A CELERAR

o

investimento

nologias de

em

tec-

informação

e

comunicação (TIC),

promover a sua disse-

minação nos sectores público e pri-

vado, e adaptá-las às necessidades concretas

PEDRO

abordadas a ameaça do terrorismo e a excessiva imigração. Na vertente económica, é salientado o papel que as TIC poderão desempe- nhar no aumento da produtividade, a necessidade de maiores investimentos

Por fim, alguns contributos expres- saram algumas dúvidas quanto ao sucesso da chamada Estratégia de Lisboa para a Sociedade da Infor- mação mas que ainda há tempo para aumentar os esforços nesse sentido

FONSECA
FONSECA

em investigação e desen-

—nomeadamente ao nível das auto-

volvimento e a disse-

ridades públicas, até porque estas

poderão centrar-se nos “clusters” mais relevantes, também analisados em pormenor no documento. Nestes, as prioridades das contribuições foram para os conteúdos e os serviços, a E-inclusão, a cidadania e os serviços públicos, por esta ordem.

e às expectativas dos cidadãos são algumas das propostas da nova estratégia europeia para a sociedade da informação até 2010. A partir das bases propostas pela Comissão Europeia no documento “Chal- lenges for Europe’s Information Society beyond 2005: Starting point for a new EU strategy”, foram ouvidas diferentes entidades nacionais (nenhuma delas portuguesa) e europeias entre Novem- bro de 2004 e Fevereiro último a fim de definir essa nova estratégia, que deverá ser adoptada ainda neste ano no segui- mento do eEurope, programa delineado para o período 2000-2005. O relatório final dessa consulta, divulgado recentemente, identifica — outros “desafios relevantes” para a política das TIC na Europa, como a inclu- são electrónica, conteúdos e serviços, nomeadamente públicos, competências e trabalho — as TIC como sector forte da economia e decisivo para os processos empresariais, a sua interoperabilidade e fiabilidade, e para a confiança dos agen- tes económicos. As contribuições foram “arruma- das” em grandes tendências e desafios. No lado político, foram salientados o alargamento europeu, a reforma da administração pública e as TIC como facilitadoras da tomada de decisões pelos cidadãos. Nos desafios tecnológicos, foram abordadas a convergência das redes de telecomunicações e serviços — enquanto a terceira geração de telecomunicações móveis, voz sobre IP, os jogos “on-line”, o Wi-Fi e a tecnologia RFID (de iden- tificação por radiofrequência) foram consideradas as principais tecnologias passíveis de contribuírem para acelerar a difusão da sociedade da informação. É ainda salientado o desenvolvi- mento da próxima geração de redes de telecomunicações, com suporte a serviços e aplicações sobre banda larga, a interoperabilidade, o uso de normas abertas e de “software” de código-fonte aberto, bem como a segu- rança electrónica. Nos desafios em matéria de regulação, as contribuições focaram a necessidade de um quadro regulador flexível — que assegure a acessibilidade ao espectro radioeléctrico aos novos serviços sem fios por banda larga — e de uma transposição mais rápida das directivas comunitárias para o quadro legal de cada país-membro, a fim de combater a reduzida concorrên- cia no acesso local. Foi ainda sublinhada a protecção dos direitos de autor. Com uma população cada vez mais envelhecida na União Europeia, as TIC correm o risco de dispor de menor finan- ciamento, mais dirigido para os sistemas de saúde e o pagamento de pensões. Nesse sentido, os desafios sociais imporão que se crie sistemas electrónicos para a saúde, acções para evitar a exclusão digital de idosos e deficientes, bem como a necessidade de evitar a exposição de crianças a jogos violentos e conteúdos exclusivos para adultos. Foram ainda

minação das TIC nas pequenas e médias empresas — isto para além da formação contínua, da diversidade linguística e das novas tendências que poderão ser importan- tes na Europa a 25, como o teletrabalho e o crescente “offshoring” de serviços.

COMISSÃO EUROPEIA PROCURA ORIENTAÇÃO QUE PROSSIGA O E-EUROPE Os desafi os até 2010 para a sociedade

A crise que parece ter acabado

O crescimento mundial dos mercados das tecnologias de informação e comuni- cação (TIC) vai continuar, passando dos 4,3 por cento neste ano para 4,8 por cento em 2006, “deixando defi nitivamente para trás a crise de 2001-2003”. O mercado europeu deverá crescer 4 por cento neste ano, face aos 3,3 por cento do ano passado e aos 0,9 por cento de 2003. As previsões são do European Information Technology Observatory (EITO) e foram divulgadas na semana passada no documento “Entering the Digital Sce- nario” sobre as novas perspectivas e oportunidades para a indústria europeia das TIC. O estudo revela que houve um maior crescimento no mercado europeu das TIC em 2004 — que deverá continuar neste ano — que nos EUA ou no Japão. O maior aumento verifi cou-se nos novos países europeus, como a Polónia e os Estados bálticos, para além da Irlanda e do Reino Unido. A Europa, com os novos países-membros, tem uma quota de 32,1 por cento do mer- cado mundial das TIC — 33, 8 por cento nas tecnologias de informação e 30,7 por cento nas telecomunicações. E só no sector das tecnologias de informação, a Europa vai passar dos 3 por cento em 2004 para 4,5 por cento nos próximos dois anos. No lado das telecomunicações — onde se esperam crescimentos de 4,4 por cento neste ano e 4,7 por cento em 2006 —, é a banda larga que está a liderar o crescimento do sector, apoiada pelos serviços de dados, de vídeo e de conteúdos digitais para as redes fi xas e móveis. “O mercado das TIC emergiu defi nitivamente do túnel da profunda crise de 2001-2003”, refere Bruno Lamborghini, presidente do EITO. De acordo com o documento, “as empresas europeias estão a redireccionar os seus investimentos da [esfera da] redução de custos para outros investimentos visando obter vanta- gens competitivas através da inovação”. P.F.

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

agenda

DATE – Design, Automation and Test in Europe

The only european event for electronic system design & test Data: 7-03-2005 a 11-03-2005

Local: Munique, Alemanha Contacto: Secretariat E-mail: sue.menzies@ec.u-net.com URL: www.date.conference.com

CeBIT 2005 – FEIRA DE Tecnologias de Informação, Telecomunicações, Software & Serviços

Data: 10-03-2005 a 16-03-2005 Local: Hannover, Alemanha URL: www.cebit.de

ASYNC 2005 – 11th IEEE International Symposium on Asynchronous Circuits and Systems

Data: 13-03-2005 a 16-03-2005 Local: Nova Iorque, EUA URL: vlsi.cornell.edu/async2005/

ARCS 2005 – 18th International Conference on Architecture of Computing Systems

“System Aspects in Organic and Pervasive Computing” Data: 14-03-2005 a 17-03-2005 Local: Innsbruck, Áustria

URL: www.teco.edu/arcs05/

DRS Workshop - Dynamically Reconfi gurable Systems

Data: 17-03-2005 Local: Innsbruck, Áustria URL: confi gware.org/DRS_Workshop_ARCS_2005.pdf

isQED 2005 – 6th International Symposium on Quality Electronic Design “Design for Quality in the Era of Uncertainty” Data: 21-03-2005 a 23-03-2005 Local: San Jose, Califórnia, EUA URL: www.isqed.org/isqed.htm

BIBLIOTECAS DIGITAIS: UMA REVISÃO DE TECNOLOGIA

2º Ciclo de Seminários em Estudos de Informação e Bibliotecas Digitais e Gestão de Sistemas de Informação “What Canadian are Acessing on Public Library Internet Terminals: A Transaction Log Analysis” Data: 25-03-2005 Local: Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE), Lisboa URL: www.dct.iscte.pt/mestrados/comum/seminarios/

seminarios.2004.htm

SLIP 2005 – System Level Interconnect Prediction

Data: 2-04-2005 a 3-04-2005 Local: São Francisco, Califórnia, EUA Contacto: Igor Markov E-mail: imarkov@umich.edu URL: www.sliponline.org

ISPD 2005 – ACM International Symposium on Physical Design

Data: 3-04-2005 a 6-04-2005 Local: São Francisco, Califórnia, EUA URL: www.ispd.cc

RAW 2005 – The 12th Reconfi gurable Architectures Workshop

“Run-Time Reconfi guration & Adaptative Computing:

Architectures, Algorythms, Technologies” Data: 4-04-2005 a 5-04-2005 Local: Denver, Colorado, EUA Contacto: Serge Vernalde E-mail: vernalde@imec.be URL: www.ece.lsu.edu/vaidy/raw05/

IPDPS 2005 – The 19th IEEE International Parallel and Distributed Processing Symposium

Data: 4-04-2005 a 8-04-2005 Local: Denver, Colorado, EUA E-mail: info@ipdps.org URL: www.ipdps.org

IP Voice Meeting

Data: 6-04-2005 a 7-04-2005 Local: Centro Cultural de Belém, Lisboa Organização: HanseCom Media & Communication

URL: www.hansecom.net

GLSVLSI 2005 – The 15th edition

Data: 17-04-2005 a 19-04-2005 Local: Chicago, Illinois, EUA Contacto: John Lach E-mail: jlach@virginia.edu URL: www.glsvlsi.org

 

computadores

.7

classificados

 

Envie-nos os seus anúncios através da Internet (URL: http://www.publico.pt/classcomp). Pode também enviar-nos os seus anúncios por E-mail para computadores@publico.pt

V E N D O

Board Soltek

+ ProcessadorAMD Duron

600

MHz. Junto ou separado.

Contacto: 91 924 28 27

DIMM 128 MB -133

Contacto: 91 924 28 27

Disco Rígido Western Digital 20 GB

+ Disco Rígido Western Digital - 340 MB. Sem ‘bad sectors’. Junto ou separado. Contacto: 91 924 28 27

Portátil

Fujitsu-Siemens AMILO D,

Pentium 3 a 1,2 GHz; 256 MB RAM, disco 20 GB, leitor DVD, mala Fujitsu-Siemens. Preço:

450,00

Contacto: 918639798

E-mail:

renato.rocha@oninet.pt

Computador Portátil

COMPAQ PRESARIO 1210EA, processador AMD Athlon 850MHZ, 192 RAM, monitor 14”, leitor DVD, HD 10GB, placa gráfi ca RAGE MOBILITY-M1 AGP com 8MB,

som JBL pro audio system, drive disquetes, 2 portas

USB, modem e placa de rede Ethernet, entrada PC Card, 1 porta paralela, PS/2, IrDA, software de origem; mala Tagus preta. Bom estado, estimado, pouco usado, bateria óptima. Preço: 550 euros. E-mail: 8luz@clix.pt

Portátil Fujitsu-Siemens

AMILO D

Pentium 3 a 1,2 GHZ; 256 MB RAM; Disco 40 GB, Leitor

DVD, mala transporte Fujistu- Siemens. Preço: 650Contacto: 918639798

Portátil Compaq Presario

2800

P4 M 1.6 Ghz, 256 Ram,

Disco 30 Gb, DVD/CDRW

Teac, placa gráfi ca ATI 32 Mb, Ecra 15” Contacto: 91 791 33 43

2x Nanya ORIGINAL SO-DIMM 256

MB PC2700 DDR333 Mhz para portáteis.

Novas (por estrear). Preço:

60cada.

Contacto: 96 375 41 06 E-mail:

piresmiguel@netcabo.pt

Pentium III

667

Mhz, 392 MB RAM,

PC133, disco 20 GB, Geforce

32 MB, Sound Blaster Live 1024, 4 colunas + subwoofer, CD-ROM 52X, modem 56 KBs, LAN, teclado, rato. Sem monitor. Preço: 300Contacto: 96 422 70 16

Psion NetBook + Travel Modem

Inclui software extra (Financial Calculator, PDF Reader, Pocket Bank, Pocket

Chess, Font Generator). Ligação a PC via PsiWin 2.3.3. Preço: 650 euros Contactos: jmmourato@ip.pt ou 93 497 5856

iMac 233

dos primeiros, azul turquesa, excelente estado de conservação, com muito pouco uso, caixa de transporte, cd’s e manuais originais, drive de disketes imac. Preço: 600 euros

Contacto: tiagomendesid@h

otmail.com

Compaq Ipaq h3850

64Mb RAM, 48 Mb ROM, 65k

de cor 240x320, 206Mhz, Irda, entrada SD/MMC, cradle (USB+Serie), carregador, CD’s

originais + CD com software da net. Bateria como nova. MS Pocket PC 2002. Ofereço bolsa em pele. Tudo em perfeito funcionamento. Região do Porto e Aveiro. Contacto: Miguel Rocha; 919

021

659

E-mail: MiguelGR@portugal

mail.com

Portátil e Impressora

Computador Apple PowerBook 1400 CS + impressora Apple StyleWriter

1500. Preço: 240 euros Contacto: 962970648 E-mail:

augslemos@hotmail.com

Zip Drive

externa Iomega USB (mac),

100

MB. Oferta de disquete.

Preço: 50 euros; Grande Porto Contacto: 934590270

Monitor 15”

com cerca de 8 meses de uso. E-mail: dms@sapo.pt

Portátil Toshiba Satellite Pro (sem transformador)

Pentium II 350MHz, 64 Mb SDRAM, drive CD, placa grafi ca 8 Mb, placa de som 16-Bit, infra-vermelhos, disco 6.4 GB, ecrã 14” Matriz Activa TFT, bateria com 8 meses de uso, Windows 2000. Preço:

400.00 euros

E-mail: dms@sapo.pt

Iomega Zip Externa USB

100MB

+ 7 Disquetes ZIP; Preço:

60,00Zona Lisboa Contacto: 966409009

Portátil COMPAQ Armada

110

P3 800 Mhz; 192 Mb SDRAM; disco 10 Gb; CD-Rom 24X;

placa som 16-Bit; 1.44 Mb

Disquete 3,5’’; placa gráfi ca Trident CyberBlade 3D 8 Mb; modem Fax V.90 56K; placa rede Ethernet; Ecrã 14’’ Matriz Activa TFT; Wind. Milenium. Grande Lisboa. Contacto: 965076944 E-mail: comp.comp@clix.pt

Palm Vx c/ 8 Mb

+ Teclado portátil belkin, carregador, cradle para hotsynk, manuais, cd de instalação, tudo a funcionar em óptimo estado. Troco tudo por monitor de vídeo de 17” ou vendo por 250

euros.

Contacto: Amadeu

968890636

Sistema informático para

bar/discoteca

com servidor, terminal de escritório, 4 postos de venda, um posto de pagamento

e software. Cada posto de venda e de pagamento tem ecrã touch screen, leitor óptico para cartões, impressora, torre e UPS.

Terminal de pagamento com

gavetas para dinheiro e impressora de talões. Apoio

2

do vendedor.

E-mail: mail@mcipriano.com

Access Point Wireless Conceptronics C22APA

Normas 802.11b/b+ (11/22 Mbs); Preço: 65,00; Zona Lisboa Contacto: 966409009

PC Card (PCMCIA) Wireless

Conceptronics C22C Normas 802.11b/b+ (11/22 Mbs); Preço: 30,00; Zona Lisboa

Contacto: 966409009

HUB Ethernet Micronet

4

portas

10Mbs; Preço: 20,00; Zona Lisboa Contacto: 966409009

Iomega Zip Interna SCSI

100MB

+ Controladora SCSI Adaptec

2940; Preço: 60,00; Zona Lisboa Contacto: 966409009 PDA Compaq 3630 Pouco uso, com cabos USB. Caixa, software e manuais originais. Cartão Compact

Flash e assessório de ligação.

À melhor oferta a partir de

250,00.

E-mail: fausto_

correia@netcabo.pt

Teclado G4

mais rato óptico de 1ª

geração mac, mais dimm sdram 512mb pc 133; tudo junto ou separado pela melhor oferta. E-mail:

mirrorwatch@hotmail.com

Portátil Compaq 2125

Sem defeitos, c/ 10 meses,

proc. Intel Cel a 2 GHz, 256 MB, disco 30GB, unidade partilhada de DVD-ROM e gravador CDs. Garantia fábrica até 30/03/2005. Preço:

1050

euros.

Contacto: 934251759

Scanner HP 5P

com placa SCASI e software

de tratamento de texto e imagem. Preço: 45 euros. Contacto: 933410818

Mesa Digitalizadora Genius HR II

com rato de 5 botões e caneta de 3 botões, Template

para Autocad R2000/R2002, software de instalação e programa Dr.Genius. Preço:

75 euros.

Contacto: 933410818

Portátil Compaq AMD700

Vendo presario 700, 897MHz, Hitachi 20GB,128RAM, modem, placa rede; 2USB LCD, mem.vídeo 16M, mala,

WindXP+software vário.

Zona de Coimbra ou Porto. Preço: 500 euros. E-mail: jboica@tugamail.com

Mesa Digital AIPTEK

Modelo Hyper Pen 5000u. Com ligação USB; dimensões 4”x 5”; detecção de 512 níveis de pressão da caneta;

resolução 3048 linhas por i; rato sem fi os (funciona sobre a mesa) e CD de instalação + software. Ideal para desenho

e escrita. Zona Porto, Feira e

arredores. Preço: 40 euros. Contacto: 93 809 38 82 E-mail: antonio_augusto_ sousa@hotmail.com

Placa gráfi ca

nVidia Ge-Force 2 MX400 64MB, AGP 2x/4x, com TV out. Preço: 35 Euros (discutível). E-mail: ei02088@fe.up.pt

Portátil Intel

Pentium 4, 2.4G, 512MRam, Disco 40Gb, Monitor 17”, Combo Leitor (Dvd) e Gravador, Placa Gráfi ca 64M, portas USB. Inclui jogos

originais. Como novo. Preço:

1400

Euros (negociável). Área

do Porto.

Contacto: 966412662

E-mail:

jaogoncalves@oninet.pt

Colunas Creative

Creative Inspire 5.1 5100. Novas, ainda na embalagem.

Zona Porto, Feira e arredores.

Preço: 65 Euros

Contacto: 93 809 38 82 E-mail: antonio_augusto_ sousa@hotmail.com

Portátil iBook

Macintosh, 366 Mhz, 192 MB

RAM, disco 60GB, leitor de CD, etc.; Impecável Contacto: 917610439

COMPAQ Armada 110 (portátil)

P3 800 Mhz; 192 Mb SDRAM;

10

GB disco rígido; CD-Rom

24X; Placa Som Integrated 16-Bit; 1.44 Mb Disquete 3,5’’; Placa Gráfi ca Trident CyberBlade 3D 8 Mb; Modem Fax V.90 56K; Placa

Rede Ethernet; Ecrã Cores

14’’ Matriz Activa TFT; MS Windows Milenium. Grande Lisboa. Contacto: tel. 965076944; E-mail: comp.comp@clix.pt

Processadores AMD NOVOS a preços mais baratos

Desde que haja a entrega

de um processador AMD DURON acima de 1000

ou AMD XP acima de

1800+, que estejam em perfeitas condições de funcionamento. RAZÃO:

estou a construir um CLUSTER. Sou do Porto.

Contacto: 93 628 54 94 E-mail: dab@rambus.pt

Portátil HP Xe3

Pentium Celerom 600 MHz,

64

MB RAM, 4 GB, CD-ROM,

ecrã TFT 12”, Modem 56Kb, teclado novo, duas entradas

USB e mala para transporte. Impecável. Estimado. Preço:

500

euros.

Contacto: 91 991 61 65

E-mail:

raul.mendes@megamail.pt

Computador SUPER CASE

Pentium 4 a 3.06 Ghz; 512

MB RAM; 80 GB; DVD 16-48; CD-RW 48- 16-48; ATI Radeon

9000

com 128 MB e TV in/

out; Audigy 2; Soundblaster 2.1; Monitor LCD TFT 17”; Preço: 800 euros. E-mail:

bernapedroso@sapo.pt

PDA Toshiba e740

c/wifi . À Melhor oferta acima de 450 euros.

Contacto: 96 657 10 12 E-mail: tmartins@webline.pt

Scanner Epson Perfection

1250

Em bom estado, por 40 . Com cabo USB, alimentação, e software. Requisitos: iMAC ou Power MAC G3/G4 OS MAC 8.5 ou Superior, e PC Pentium com WIN 98 ou

superior, necessário 32Mb min RAM e 170 Mb. Hard Disk. Contactos: Amadora; tel. 91

925

85 80

E-mail:

luciano.p.duarte@sapo.pt

Scanner Umax Astra 1600U

Em bom estado, por 20 .

Com cabo USB, alimentação, e software. Requisitos: iMAC ou Power MAC G3/G4 - OS MAC 8.5 ou Superior e PC Pentium, Win 98 ou Superior, necessário 32Mb min RAM e

170

Mb. Hard Disk.

Contacto: Amadora; tel. 91

925

85 80

E-mail:

luciano.p.duarte@sapo.pt

PC

AMD ATHLON 600Mhz; disco

8.6

GB SEAGATE; 128 MB

SDRAM; drive disquetes; CD-Rom Samsung 48x; RIVA TNT2 32 MB; placa de rede 10/100 BNC/RJ45; placa

de som 128 PCI; modem 56K V90; monitor 17”; rato

c/netscroll; teclado; colunas.

Preço: 300 (s/monitor

200)

Contacto: 93 809 38 82 E-mail: antonio_augusto_ sousa@hotmail.com Componentes PC (AMD) MB ECS K7S5A c/ som (para Duron e Athlon XP) - in box; Mem 256Mb SDRAM; CD-ROM; Drive 3 ½ SONY; Modem 56K Int; CD-RW LG 16x10x40x (buffer underrun

protection) - in box; Oferta

de jogo; Preço: 160 euros; Zona de Coimbra e Fig. da Foz Contacto: Ricardo 917939023

PowerMac G4 733 Mhz (version 2.0)

System bus 133 Mhz cache L2 256 K, cache L3 1 Mb,

disco de 60Gb, 512 MB SDRAM de memoria, 2 portas fi rewire, 2 portas USB + hub 4 portas USB, teclado e rato apple PRO + imic.

Mac OS 10.2.5 + Mac OS

9.2

+ Software de design e

outros. Monitor Apple Studio Display 17’’ (TFT).Tudo

por 1850 euros. Estado impecável.

Contacto: 96 2776889 E-mail: raul_ arfwedson@netcabo.pt

C O M P R O

SDRAM

100Mhz, pc 133, 2 x 256

MB, para portátil marca Notebook (fabricante CLEVO.CO). Zona Porto. Contactos: 917561646 E-mail:

anibalmatos@hotmail.com

Leitor externo

de DVD/ROM -USB 1.1 - para utilizar no meu portátil. E-mail: carle@sapo.pt

Memória

para portátil Compaq

1203EA, 256 Mg, 100 Mhz SYNCDRAM Contacto: 91 222 53 22 E-mail: cslemos@mail.cp.pt ou carle@sapo.pt

Apple IBook G3 ou G4

800mhz para cima

Contacto: 933763060 E-mail: sukhoy@megamail.pt

Placa controladora

para uma impressora HP

Deskjet 520.

Contacto: joaovaz71@portu

galmail.pt

Impressora EPSON

Stylus Colour 500 a funcionar ou só cabeça de impressão a preto. Também

qualquer impressora antiga

em bom estado com cabo paralelo, para Pentium I. Por favor, dizer o preço. E-mail: nupinho@sapo.pt

Processadores AMD

usados

processadores AMD DURON acima de 1000 e AMD XP acima de 1800+.

Desde que estejam em

perfeitas condições de funcionamento. RAZÃO:

estou a construir um CLUSTER. Sou do Porto.

Contacto: 93 628 54 94

E-mail: dab@rambus.pt

TINTEIROS e TONERS

vazios

Compramos no âmbito de uma campanha ecológica. Têm de ser originais e não reciclados. Cuidamos do

meio ambiente.

E-mail:

meio.ambiente@iol.pt

Motherboard

C/ SOCKET7 p/ AMD K6.2

300Mhz. Urgente!

Contacto: 967456363

Zip Drive externa Iomega

USB(mac), 100/250MB; até

65 euros; zona do Porto

Contacto: 917126623 E-mail: designinprogress@s

moove.org

CPU AMD Duron 1200 Mhz

Novo ou usado, em perfeitas condições; zona de Coimbra E-mail: joao.carlos@mail.te lepac.pt

iMAC Grafi tte

em excelente estado.

Contacto: Vasco Tavares

919435919

Monitor 19”

Contacto: 964612620

Spectrum zx81

da Sinclar, original e com acessórios (pago bem). E-mail:

mamutte@bol.com.br

Scanner

Usado mas em bom estado; zonas de Lisboa, Sintra ou arredores. Contactos: 918108731

E-mail: abduarte@vizzavi.pt

ou antonis@oninet.pt

Transformador

para Mac PowerBook 540c

Contacto: 917885763

E-mail:

botgomes@fcdef.up.pt

Portátil usado

Fujitsu ou Compaq - Lisboa

e Margem Sul. Enviar confi guração. Contacto:

condeivan@hotmail.com

CPU

A, pelo menos, 266 MHz e 64Mb RAM, com 1 fi cha USB,

leitor de CD e drive -- tudo a

funcionar. Muito urgente. Contacto: 936416765. E-mail:

raandersen@hotmail.pt

Processador Pentium II 450 (Socket)

E-mail: jestrela@icor-

construcao.pt

ZIP SCSI-100

Compro em 2ª mão iomega ZIP SCSI-100 a funcionar e em bom

estado para a Mac. Por

favor, referir o preço.

E-mail:

jotomas@mail.telepac.pt

Mac

Com 2/3 anos de uso, em

excelente estado. Zona de Coimbra. E-mail:

jcarlosmaia@yahoo.com

Jogos originais antigos

Procuro alguns jogos originais antigos, com caixa e manual, principalmente

(mas nao só) os da série

Ultima. Contacto: Pedro R. Quaresma

E-mail: prq@aeiou.pt

Joystick compatível com Amiga 500

E-mail: rdd40063@mail.te

lepac.pt

hdd e simms

compro hdd de 2Gb ou mais e simms de 30 contactos, 4Mb ou mais

x2, urgente: o fóssil está

finalmente a ceder e faz-me muita falta.

E-mail:

pedrotobias@hotmail.com

AMIGA 2000

Compro AMIGA 2000 a

funcionar 93 836 02 67 Contacto: António Borges tel: 93 836 02 67 E-mail: acborges@clix.pt

Classic a funcionar

Preferencialmente o mais clássico dos CLASSIC

Contacto: Paulo Curto

965809087

E-mail: paulocurto@mail.t

elepac.pt

Impressora fotográfica HP

Photosmart P1100

Ou Photosmart P1000, em

bom estado e completas.

Aceito propostas. Contacto: Zona do Porto. E- mail: pl1274@hotmail.com

iMac 233

Preço até 120 c., a pronto. Contacto:

psilvestre@net.sapo.pt

Portátil

Em bom estado, muito

barato (quase dado) Estou disposto a negociar.

Contacto: 96 67 111 88 E-mail: joao.viegas@finan tia.com

Trocar PC

Troco (ou vendo) PC novo

AMD 500Mhz 3D, 64 mg

Ram; Gráfia 16 Mg, PCI

128, CD-ROM, CDR Philips,

Modem 56K, teclado e rato por PC com Proc. PENTIUM III. Condições a combinar. Z.

Coimbra

Contacto: 964529110 - E- mail:f.tomas@oninet.pt

Processador Intel Pentium

120

Mhz

Urgente. Contacto: Diogo

Lencastre 96 7020480 E-mail:

diogo.lencastre@netc.pt

Compro mediante

propostas

Jogo Virtua Pool 2, Diablo

2. Placa gráfica 16MB/32MB até 79,81 euros. Contacto: ricardo.a.pinheir o@clix.pt

Placa gráfica ISA com 4MB

de memória

Peço que indique o preço, se faz favor.

Contacto: Gil Côrte (Lisboa)

Tel.: 217972346 E-mail: gcorte@hotmail.com

Impressora fotográfica

HP Photosmart P1100 em

bom estado e completas.

Aceito propostas. Contacto: Zona do Porto. E-

mail: pl1274@hotmail.com

Memórias Simm 32Mb Edo 72 contactos

Compro 2 memórias Simm

32Mb Edo 72 contactos. Contacto:

José Rodrigues Tel:

919482421

E-mail: mop41115@mail.t

elepac.pt

AMD K6 ii (bus66) 300 ou

366

MHZ

Compro um destes modelos de AMD K6 ii em bom

estado e sem overclocking.

É favor estabelecer uma

oferta de preço para

negociação. Zona de Setúbal ou Lisboa, só adquiro o material à vista. Contacto: Miguel Banha 91-

9715165.

E-mail:

miguelbanha@netc.Pt

Gravador de Cds

Externo para ligação ao

meu portátil. Enviar ofertas para joaobento@netc.pt. Contacto:

joaobento@netc.pt

Matrox Marvel

Edição de vídeo G400 (AGP)

ou G200 (PCI)

Contacto: João - 91

995

78 49 - E-mail:

joni@net.sapo.pt

iMac 233

Compro iMac, preço até 598,56 euros, a pronto. Contacto:

psilvestre@net.sapo.pt

Impressoras HP

Vários modelos, a funcionar.

Contacto: 967012790

E-mail: rnsilva@mail.refer.pt

Pentium II 400Mhz

Em bom estado, que não tenha sofrido overcloking. Com preferência para a zona de Lisboa. Contacto: Rusty@mail.pt

Portátil

Compro portátil com modem e/ou cd-rom. Contacto: pe_

lu@esoterica.pt

Board ASUS K7V

Barata, com pouco uso e em boas condições. Estou

disposto a dar 169,59

euros +portes. Contacto:

Christian Pires (Lisboa) Tel:

93 8379228

E-mail: christian@netc.pt

PC Pentium II/III

Computador recente Pentium II/III ou equivalente, completo (placa som, gráfica, modem, colunas, Windows 98 e

Office 2000 Premium) e, eventualmente, um scanner e gravador CD,S. Pago a dinheiro. Contacto: 964529110-

239995314

(Lousã-Coimbra)

E-mail: frst@aeiou.pt

Placa aceleradora 3D

No mínimo 12 megas para

slote Pci, com drivers, cabos

e placa em boas condições.

Preço discutível. E-mail:

Gustavo.Cardoso@clix.pt

Motherboard + Processador Pentium 120

Prefª zona Porto. Preço:

12,47 euros

Contacto:

tiagopinho@yahoo.com

Dimm 128 Mb PC133

Barato. Máximo: 139,66 euros

Contacto: Christian Pires (Lisboa) E-mail: christian@netc.pt

Portátil

Em bom estado, com

modem e cd-rom. Barato, ie, por menos de 249.4 euros Contacto: pe_ lu@esoterica.pt

DIMM 64 MB pc100

no máximo 57,36 euros

E-mail: jriocoles@mail.tel

epac.pt

AMD K6-2 300mhz

E-mail: jriocoles@mail.tel

epac.pt

K6-III 450

Processador AMD k6-III a

450Mhz ou 500Mhz Pago bem.

Contacto: Daniel Mota Leire

- E-mail: eq92025@fe.up.pt

Processadores antigos

086 e 80186. Contactar

965582381

Contacto: 965582381-

E-mail: Vicente_

Diego@mail.pt

Board

Compro barata. Contacto:

96-289.30.25

E-mail: babidi@netcabo.pt

PIII 500 ou superior

Por não mais de 25.000$. Em bom estado, funcional, que não tenha sofrido

overclocking. Preço não negociável. Contacto: 93-837.92.28 E-mail: christian@netc.pt

2

SIMM

De 16MB ou 32MB de 70ns com 72 pinos.

E-mail:

toze@rocketmail.com

Placa RDIS PCMCIA

Em formato PCMCIA para computador portátil

Contacto: 914631999

E-mail: bx000290@ip.pt

Placa Grafica PCI

Com mais de 8 MB (2d,2d/

3D) preferência para banshee ou Millenium II.

E-mail: jriocoles@mail.tel

epac.pt

Simms 72 contactos 32Mb

Contacto: jriocoles@mail.t

elepac.pt

2

Simms de 16MB DE 70ns

Com 72 pinos. E-mail:

toze@rocketmail.com

Processador (Socket7)

Compro qualquer

processador para socket 7. Contacto: 936403978 E-mail:

danielmelao@hotmail.com

Jogos Nintendo 64

Qualquer tipo (de

preferência Mario 64, Zelda 64, Goldeneye). Contacto: Nuno Santos

933428401

(a partir da 18h)

E-mail: ter_nemesis@mail.pt

PC Portátil

Mínimo P200, 32M Ram,

Cdrom, Placa Som, Modem e claro em bom Estado. Envie proposta para o email: etcmmr@ua.pt

CPU PII 333 + ventoinha

Por 15 contos, no máximo,

de preferência na zona de Lisboa. Contacto: aals@rnl.ist.utl.pt

Web camera

Câmara para recolha de

imagem com ligação à porta paralela. Contacto:93-426 13 80-E- mail:pedrolopespinto@ne t.sapo.pt

Creative Voodoo2 12MB PCI

Placa Creative Labs Voodoo2 com 12MB PCI. Não precisa de trazer jogos.

Drivers e placa em boas condições. ou troco por uma Creative Labs Riva TNT 16MB AGP. Preço máximo de 7.500$ Contacto: 966583875 E-mail:

eduardobond@yahoo.com

Monitor 14’’ou 15’’

Monitor VGA a cores de 14

ou 15’’, indicar marca, anos,

estado e preço para entrega na zona do Porto. Contacto:

kasamaruti@mail.telepac.pt;

222050508

P R E C I S O

Webdesigner

para fazer o site da

www.febraclub.com. Alguém com muito humor, criatividade e um design forte. Contacto:

pedroch@gmail.com

Profi ssionais Voluntários

para estudo de viabilidade

de associação sem fi ns lucrativos com a fi nalidade de reciclar equipamentos

informáticos para uso de

pessoas carenciadas. Enviar curriculum vitae.

E-mail:

paginainter@hotmail.com

Pizzaria, churrascaria,

restaurantes

ou mesmo casas noturnas de qualquer segmento que tenham uma boa infraestrutura, e que desejem ser divulgadas. Posso trabalhar no estabelecimento e ocupar- me da divulgação e página (pois também trabalho com a criação e manutenção de

web sites), caso haja uma proposta Legal!!! Contacto:

bruno@acwsites.com

Pagemaker

free lancer m/f para

actualização periódica de

página. Enviar propostas. E-mail:

paginainter@hotmail.com

Licenciados em Engenharia Informática (ou equivalente)

Funções nas áreas de

Desenvolvimento e Projecto e de Administração de Dados. Pedem-se conhecimentos das

ferramentas Oracle, PS/SQL, C++ e Designer 2000. Enviar

c.v. por e-mail.

Contacto: 213922220 E-mail: rec.humanos@porto- de-lisboa.pt URL: www.porto-de-lisboa.pt

Emprego na área de Informática, em Portugal

Procuro empresas que se interessem pelo meu Currículo, tenho 23 anos de experiência em informática, como programador, analista de suporte e gerente de informática, equipamentos

de grande a pequeno porte, experiência em Oracle e vários outros produtos,

tenho disponibilidade

imediata. Contacto: Gerson Eduardo de Oliveira - Brasil E-mail: popus@terra.com.br

Web Developers

Work in Holland with a good

salary. If you are interested, contact me, Contacto: Marc 00351-

962383783

E-mail:

marc666@dds.nl

Professor

Preciso com urgência professor para DELPHI. (Coimbra)

Enviar C.V.por E-mail:

c.f.@portugalmail.pt

Construtores de Web Pages

Para trabalhar como

Programadores freelancers.

Enviar curriculum, trabalhos

realizados; remuneração acima da média. Preferência

com conhecimentos de e- com. Contacto: P.Magalhães E-mail:

np46nn@maol.telepac.pt

Programadores

Recém-licenciados ou

com experiência para

empresa sediada em Lisboa. Conhecimentos em: Access, Visual Basic, Java, C/C++,

Cobol, ABAP/4, bases de

dados e SQL. Capacidade de trabalhar em equipa e gosto pela informática de gestão.Todas as respostas devem ser enviadas por e-mail, informando sobre disponibilidade e vencimento pretendido. Contacto: João Lopes E-mail:

buisposit@hotmail.com

Comissionista

Trabalho à comissão; Venda de cursos informática. Zona Centro Contacto: Fernando Paulo

917771633

http://www.pcforma.pt; E-

mail: anuncio@pcforma.pt

Programadores freelancers

Enviar curriculum, trabalhos realizados e contacto. E-mail: carlosbaltazar@hot

mail.com

WWW Pages

Romanian Students search

collaborators to make web pages. Our price is 9$ (American dollars) for each page. For further information please contact us at murgulescu@hotmail.com.

Webdesigner

Necessito colaboração de Webdesigner para criação/manuetenção de “site” modesto na Internet, preferência zona de Matosinhos. Contacto: Luis

Faria, Telef:22-938.91.91 - fax:

22-937.29.48

Formação em Front Page

2000

Necessito receber formação

neste software, preferência fora horário laboral, na zona de Matosinhos. Contacto:

Luis Faria; Tel: 229389191 Fax:

229372948

Programadores freelancers

Enviar curriculum, trabalhos realizados e contacto.

Contacto: Jaime Fontes E-

mail: buisposit@hotmail.pt

Computadores Usados

Para apoio às Juntas de

Freguesia, aceitam-se ofertas de computadores usados

para criação de pontos de acesso ao público.

Contacto: Rede de

Autarquias de Évora Url:http://www.evora.net/rae E-mail:rae@mail.evora.net

Paginação electrónica/

design web

Jornal regional mensal, de grande expansão no

estrangeiro, por razões de rentabilidade, aceita propostas e preços para tal. Apenas na zona de Aveiro. Contacto: Dr. Ferreira Primo 234865129; 933408022 E-mail: Primojoaquim@hot mail.com

Programadores

Recém-licenciados ou com experiência para empresa sediada em Lisboa. Conhecimentos em : Access, Visual Basic, Java, C/C++,

Cobol, ABAP/4, bases de dados e SQL. Capacidade de trabalhar em equipa e gosto pela informática de gestão. Todas as respostas devem ser enviadas por e-mail. Informando disponibilidade e vencimento pretendido. E- mail: ferreira.diogo@netc.pt

Informático(a)

Precisa-se pessoa dinâmica

e polivalente. Programação

em VB, base de dados Access,

desenvolv. página Web, administração e manutenção da rede informática. Contacto: Margarida Soeiro E-mail: global@tis.pt

Freelancers

Programadores freelancers. Enviar curriclum, trabalhos realizados e contacto. Contacto: Jaime Fontes E-mail:

buisposit@hotmail.com

Informações sobre placas

gráfi cas/Vídeo

Preciso informações sobre

placas gráfi cas/vídeo, com

entrada e saída de TV. Contacto: Picaroto E-mail:

Picaroto@clix.pt

O F E R T A S

Instalação de software

limpeza de virus, confi guração de routers e componentes wireless. Na zona de Lisboa. E-mail: imau@netcabo.pt

Reparação,

modernização e manutenção

de computadores. Confi gurações e Upgrades.

Assistência técnica na área

de Lisboa Cidade.

Contacto: 969321268 E-mail: technet@jkpt.net

REDES em ambiente Windows

Montagem, manutenção, confi guração e optimização.

Consultoria de redes e sistemas. Área de Lisboa Cidade.

Contacto: 969321268

E-mail: technet@jkpt.net

Webpages

Publicite a sua empresa na

Internet com uma página

personalizada. Construímos e fazemos manutenção de páginas. Contacto: 914029315 E-mail: cidesign@jkpt.net

Design Gráfi co

Tratamento de imagens e fotografi as; Cartazes,

logótipos, imagens

corporativas, paginação em vários formatos e diversos

trabalhos gráfi cos. Consulte- nos sem compromisso. Contacto: 914029315

E-mail: cidesign@jkpt.net

Dê IMAGEM à sua empresa ...

Elaboração de Sites para

Internet, Design Gráfi co, Multimédia. E-mail: sfvasco@iol.pt

Hardware, Software e Internet

Instalam-se programas e corrigem-se problemas em computadores ao domicílio (Matosinhos

– Porto) Contacto: 96 961 02 76

Design Gráfi co

Criação de cartazes, imagem gráfi ca, paginação, desdobráveis, tratamento de imagem, pré-impressão. Processamento de texto. Aveiro/Braga. Contacto: 966340860 E-mail: mrui@aeiou.pt

Executo todo o tipo de

tarefas informáticas

na zona do Minho, como processamento de texto, pequenos jornais, panfl etos, convites, páginas de internet, reparação e manutenção de

computadores.

Contacto: 917538263 E-mail: sersanto@mail.pt

Executo tarefas

informáticas

Processamento de

texto; apresentações em Powerpoint e excel;

pesquisas na Internet e bibliotecas. (Aveiro/Coimbra) Contacto: 965583978 E-mail: es_santos@mail.pt

Executo tarefas

informáticas

Pesquisas na internet e em bibliotecas; processamento de texto; digitalização de documentos e impressão a

p/b e a cor. Preços a acordar. Contacto: 916981549 E-mail: eporfi rio@mail.com

Web Design

Construção de Web Sites por 100 euros, para empresas e particulares. Óptimo para se

dar a conhecer na Internet por um baixo preço. Contacto: 96 537 76 59 E-mail: mar_psi@yahoo.com URL:

www.webportugal.cjb.net

Web Design (comerciais ou não)

Construção de Web Sites

para empresas e particulares. Procedo à manutenção, alojamento e registo do

domínio, submissão em motores de busca para uma boa promoção. Óptimo para difundir negócios por um baixo preço. Contacto: 93 617 42 86 E-mail: gouveia_ eng@yahoo.com URL: www.gdesignpt.cjb.net

Técnico, Formador

e Programador de

Informática

Procuro trabalho compatível na área de Redes, Web, Linguagens de Programação e Hardware Contacto: 965 446 048 E-mail: antpar@sapo.pt

Realidade Virtual ou um simples website?

FizzyJazz.com desenha e hospeda websites a todos os níveis. Informações em FizzyJazz.com ou através de sales@fi zzyjazz.com

Web Design, registo

(dot.com) e hosting. Websites

completos e atractivos. Muito rápido. Ver em www.claremo ntcrizzle.com E-mail:

jon@claremontcrizzle.com

WebDesign e Base de Dados

Programador experiente

executa projectos de WebDesign em HTML, JavaScript, ASP e Visual Basic. Possibilidade de integração

de Bases de Dados em MS Access directamente nas páginas criadas. Contactar para orçamento. Área do Porto. Contacto: 935323595 E-mail:

pedrolamas@hotmail.com

Troco modem externo

Diamond Supraexpress 56

Kb e Scanner trust por rádio antigo Contacto: 917414391 E-mail: antoniofernando@m egamail.pt

Fazemos todo o tipo de

trabalhos informáticos

pesquisa/investigação (internet e bibliotecas); passagem de textos

escritos; traduções de inglês;

desenvolvimento de temas; modelos de panfl etos e cartazes publicitários; impressões, etc. Contacto: 966731802

Contratos de Manutenção/ Assistência em:

PC/s, Redes Informáticas (LAN). Efectuamos

confi gurações em Notebook/ s, projectos, modernização e segurança de redes, consultoria em informática ou electrónica diversa.

Peritagens/Análises de Risco

na área técnica. Contacto: 919300450 E-mail:

crralberto@yahoo.com

Web Designer

Fazemos a sua página web à sua medida. E-mail: xxi2000@hotmail.com

Repara-se Computadores

Se não tiver arranjo, o serviço é grátis. Vamos ao domicílio. Porto e arredores. Contacto:

918218335/964393963

E-mail: lbramos@clix.pt

Gestão de bases de dados e Criação de Aplicações

Windows 95/98 Trabalhos em MS ACCESS e VISUAL BASIC Crio a sua base de dados ou optimizo a respectiva gestão. Contacto: dia 213851455, noite: 21-4326948 E-mail:

ruic10@hotmail.com

computadores

.8

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

SHAREWARE

 

BEYOND TV

Gravar dois programas de TV simultâneos

O AUMENTO das capa-

cidades multimédia

dos computadores

domésticos leva a que

cada vez mais se use

o PC para o registo, manipulação e arquivo de imagens e de vídeos. Uma das últimas modas na área da informática doméstica são os chamados “entertainment home centers”, onde um PC artilhado com “software” e placas de registo de imagem permitem ao utilizador ler e gravar os seus DVD com

filmes e os seus CD com músicas, além de gravar e ver programas de televisão. Com um só compu- tador, é, assim, possível substituir o velhinho gravador de VHS (ou o leitor de DVD), o sistema Hi-Fi e ainda por cima aceder à Internet na sala de estar. A pensar neste mercado, a pró- pria Microsoft desenvolveu uma versão específica do seu sistema operativo Windows XP — deno- minada Media Center Edition —, que permite ao utili-

zador,

por

exemplo,

listados os programas a emitir nos diferentes canais — para que, com um simples clique, seja
listados os programas a emitir
nos diferentes canais — para
que, com um simples clique,
seja possível seleccionar os
diversos programas e filmes
a gravar para o disco rígido.
Para programar

uma

gravação,

que permite ao utilizador que tem mais de um computador em sua casa distribuir, pelos diversos computadores, programas previa- mente gravados num PC. Estes computadores não precisam de ter grandes capacidades de processa- mento, pois todo esse processa- mento é realizado pelo computador principal. O programa e esta fun- cionalidade poderá ser integrada com outras proporcionadas pelo Windows XM Media Center Edition, da Microsoft. Uma dessas integrações permite ao utilizador visualizar os programas de televisão assim gravados num computador de bolso ou organizador pessoal (PDA) ou numa consola Xbox. A agenda de grava- ções pode ser elaborada muito antes da emissão de cada programa ou, em casos excepcionais,

momentos antes e de forma remota. Se o computador onde o Beyond TV estiver a correr possuir uma ligação permanente à Internet, poder-se-á dar instruções a partir do escritório ou de qual- quer local para o PC de casa para que este grave qualquer pro- grama a determinada hora. Esta função é ainda útil para corrigir horários de programas previamente agendados mas de que se sabe que os seus horários foram alterados. O Beyond TV é uma das melhores aplica- ções disponíveis na sua classe. O seu custo não pode ser considerado elevado se se atender às suas funcionalidades e constitui um excelente substituto das versões e de programas para gravação de TV que geralmente vêm “em pacote” com as placas digitais de sintonização de televi- são num PC. Ao visitar o sítio de suporte ao programa, encontrar- se-á alguns exemplos de configu- ração do programa e sugestões para a interligação com outros produtos da mesma empresa.

SHAREWARE BEYOND TV Gravar dois programas de TV simultâneos O AUMENTO das capa- cidades multimédia dos

gravar programas de TV ou retransmiti-los pelas diver- sas divisões da casa, entre outras funcionalidades. Mas, se não quiser optar pela solução da Microsoft — que obri- gará a adquirir “hardware” espe- cífico e um PC com configuração recente — fique sabendo que o mercado de “shareware” oferece soluções mais em conta para quem quer gravar em formato digital os seus programas de TV favoritos com o auxílio do seu computador. Uma dessas soluções é o Beyond TV, que, na sua versão 3, é uma das aplicações mais popu- lares na categoria de “software” para gravação de vídeo digital — referido na gíria como PVR (Personal Vídeo Recorder) —, permitindo ao utilizador definir horários dos seus programas de televisão favoritos e gravá-los em disco rígido para diferentes formatos. Para tal, necessitará, além do programa, de uma placa

sintonizadora de televisão, a qual poderá ser adquirida numa loja de especialidade por cerca de 100 euros. A isto dever-se-á juntar cerca de 60 euros para registo deste programa de “shareware”, que poderá ser usado gratuita- mente durante 21 dias. O Beyond TV é composto por uma unidade principal, onde são

basta seleccionar o programa da listagem ou introduzir o horário em que é previsível que o mesmo seja transmitido. Se, mais tarde, esse horário for alterado, bas- tará editar a hora de início e de fim de cada programa para que não se perca um segundo da série preferida. Esta aplicação de “shareware” (http://www.snapstream.com) vai um pouco mais longe no processo de gravação de pro- gramas de TV. Se o utilizador assim o desejar, ele poderá gravar dois programas emiti- dos à mesma hora, em canais diferentes, para o que apenas necessitará de um disco rígido com elevada capacidade e de adicionar uma segunda placa sintonizadora de televisão. Poder-se-á, por exemplo, gravar as notícias da noite se não se chegar a casa a tempo de as ver e o episódio da série

favorita, emitida num dos canais temáticos da televisão por cabo. Uma das funcionalidades mais importantes do Beyond TV é o SmartSkip, que permite “saltar” os intervalos e os anúncios nos intervalos dos filmes ou das séries que se gravar. Desta forma, con- segue-se poupar espaço em disco e, por outro lado, guardar apenas

SHAREWARE BEYOND TV Gravar dois programas de TV simultâneos O AUMENTO das capa- cidades multimédia dos
SHAREWARE BEYOND TV Gravar dois programas de TV simultâneos O AUMENTO das capa- cidades multimédia dos

os programas pretendidos, sem intervalos nem interrupções. Esta função pode ser usada de forma complementar com outra, que permite comprimir os ficheiros de vídeo para que eles ocupem menos espaço no disco rígido. Os diferen- tes programas e filmes podem ser depois arquivados num DVD. O Beyond TV poderá ser com- plementado pelo Beyond TV Link,

FICHA

FICHA Editor Rui Jorge Cruz Redactores, colaboradores e cronistas Ana Gerschenfeld, Ana Machado, André Ruivo, António

Editor

Rui Jorge Cruz

Redactores, colaboradores

e cronistas

Ana Gerschenfeld, Ana Machado, André Ruivo, António Granado, Casa dos Bits, Fernando Santos, Helena Viegas, Henrique Carreiro, Henrique Saias, Isabel Gorjão Santos, João Cruz, José Antunes, José Doutil, Luís Félix, Miguel Crespo, Nuno Bernardo, Nuno Vieira, Paulo Almeida, Pedro Fonseca (pedrof@journalist.com),

Rita Cruz, Rita Hasse Ferreira

Secretariado

Paula Dias

Paginação

Ana Carvalho, Ivone Ralha, Hugo Pinto, Jorge Guimarães

Projecto Gráfi co & Designer

Luis Carlos Amaro/ Gráfi cos à Lapa

Computadores é publicado às segundas-feiras

E-Mail

computadores@publico.pt

Tel. 21-0111168

Fax 21-0111008

Assine Computadores

Assine o PÚBLICO

à segunda-feira e receba o jornal em sua casa ou levante-o no seu posto de venda habitual com os suplementos Computadores e Economia.

E-mail: assinaturas@publico.pt Tel.: 808 200 095 (custo chamada local) Fax: 210 111 017

Assinatura semestral (26 exemplares):

Portugal

18.20

58.50

Europa Resto do Mundo

94.90

Assinatura anual (52 exemplares):

Portugal

36.40

Europa

117.00

Resto do Mundo

189.80

Desconto na assinatura anual para escolas e instituições de solidariedade social. Preços especiais para Macau, Timor, São Tomé e Guiné. Os preços incluem IVA à taxa legal em vigor.

SEGUNDA-FEIRA.1.MARÇO.2004 SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005 computadores .9
SEGUNDA-FEIRA.1.MARÇO.2004
SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005
computadores
.9
JOGOS ‘DEAD OR ALIVE ULTIMATE’, ‘PROJECT ZERO II: CRIMSON BUTTERFLY’, ‘MECHASSAULT 2: LONEWOLF’, ‘NEED FOR SPEED
JOGOS
‘DEAD OR ALIVE ULTIMATE’, ‘PROJECT ZERO II: CRIMSON BUTTERFLY’, ‘MECHASSAULT 2: LONEWOLF’, ‘NEED FOR SPEED UNDERGROUND 2’
Acção terapêutica
H Á JOGOS que valem a pena não
tanto pela sua complexidade
mas, antes, pela simplici-
dade. No caso destas quatro
propostas para a Xbox —duas
delas exclusivas —, encontram-se formas
muito díspares de diversão mas todas
elas cativantes o suficiente para que o
jogador possa descontrair-se do “stress”
do dia-a-dia.
O regresso de “Dead or Alive”, em
versão “Ultimate”, oferece ao jogador uma
das mais divertidas experiência de com-
bate que é possível ter na Xbox. Além de
ser uma das mais “sexys” graças às belas
combatentes virtuais…
“Dead or Alive” há muito que tem um
espaço próprio no coração e nos dedos
dos jogadores que gostam de
explorar o limite dos combos
Pelo contrário, “Project Zero II: Crim-
son Butterfly” é um jogo em que a narra-
tiva se sobrepõe a quase tudo o resto mas
em que a vertente lúdica é algo retorcida,
se não mesmo própria apenas para
mentes que não assumem as normas.
O jogo insere-se na tendência “survival
horror”, ou seja, uma aventura entre o
gótico e o “gore”, em que o mais apreciado
é a capacidade de criar momentos per-
turbadores. E este “Project Zero II”, em
versão “Director’s Cut”, acerta em toda a
linha nesse objectivo.
Dois personagens-irmãos (chamemos-
lhe assim) levam o jogador a investigar
uma vila misteriosa, armados com uma
máquina fotográfica que permite visualizar
espíritos. À medida que o jogador se deixa
embrenhar no ambiente
— feito de escuridão pontu-
MIGUEL
CRESPO
em combates enraivecidos.
Desta vez, e como é hábito, não houve
poupança nos esforços por oferecer aos
jogadores uma grande variedade de
personagens e uma excelência difícil de
igualar a nível gráfico.
Não se espere um jogo inovador ou
altamente criativo: é de combate assu-
mido, com o estilo peculiar de “Dead or
Alive”, e mecânica mais que comprovada,
nomeadamente no sistema de desblo-
quear items e extras — de que os fatos
que podem ser usados pelos personagens
devem ser os mais viciantes para quem
tem queda para a moda…
ada por pormenores, sons
dificilmente identificáveis e tensão perma-
nente —, vai tendo de resolver “puzzles” e
“vencer” combates com espíritos usando a
máquina fotográfica. Feito para jogar total-
mente às escuras, de preferência numa
casa isolada no meio do nada numa noite
de tempestade, “Project Zero II” é uma das
experiências psicológicas mais intensas
que já se viram num jogo.
“Mechassault 2: Lone Wolf” marca o
regresso de um dos jogos mais clássicos
da Microsoft, numa saga iniciada há uma
década com “Mechwarrior”. A história até
poderia ser interessante mas a narrativa
arrasta-se numa sucessão de combates de
planeta em planeta, usando vários Mechs
(robôs de combate gigantes), tanques ou
helicópteros.
Este jogo foi nitidamente concebido para
uma utilização “on-line” intensiva e isso
nota-se, sabendo a vertente a solo a muito
pouco. No “on-line”, não disponível oficial-
mente em Portugal, encontra-se o investi-
mento do jogo, com uma dezena de modos
de jogo, incluindo um viciante universo
persistente, onde os vários clãs podem lutar
pelo controlo dos planetas durante meses…
em tempo do mundo real.
Já não é uma novidade mas continua
a ser um enorme prazer jogar “Need
for Speed Underground 2”, em especial
na Xbox. A segunda edição do jogo que
melhor reproduziu o espírito “tunning”
e “street racer” nos videojogos não traz
grandes revoluções — mas evolui num
conceito que foi um sucesso e o resultado
muito bom.
Este jogo de “street racing” tem logo
como atractivo o facto de existirem mais
de 200 Km de estradas para percorrer
em loucas corridas, ao volante de carros
totalmente personalizáveis com tudo e
mais alguma coisa. Não é bem assim na
realidade mas, na teoria, há milhões de
combinações possíveis de carros “arti-
lhados” — pelo que qualquer jogador
pode, virtualmente, ter um carro único.
Entre os veículos disponíveis, estão três
dezenas das “bombas” mais apetecíveis
da actualidade, com as quais o jogador
vai percorrer as cinco áreas da cidade de
Bayview, onde se pode procurar desafios
um pouco ao acaso, numa simulação de
liberdade de jogo.
“Need for Speed Underground 2”
mantém os três tipos de desafios já conhe-
cidos — Circuito, Drift e Drag — e acres-
centa três novos: Sprint (corrida entre
dois pontos), Street X (corridas mais de
condução e menos de velocidade) e Outrun
(desafio sem percurso em que ganha quem
conseguir mais de 300 metros de avanço ao
adversário).
Em termos de condução, agora é um
pouco mais séria mas ainda suficiente-
mente do tipo arcada para agradar aos
menos exímios e manter um nível de des-
contracção elevado. Como seria de esperar,
não é tão espectacular do ponto de vista
gráfico — em especial, nos cenários e nos
efeitos especiais — mas a diversão é garan-
tida e com banda sonora a condizer. ●
computadores
.10
SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005
Título Estilo 8/10 Plataforma Produtor “Dead or Alive Ultimate” Combate Xbox Tecmo Distribuidor Microsoft Edição Fevereiro
Título
Estilo
8/10
Plataforma
Produtor
“Dead or Alive Ultimate”
Combate
Xbox
Tecmo
Distribuidor Microsoft
Edição
Fevereiro 2005
Título
“Project Zero II:
9/10
Estilo
Plataforma
Produtor
Crimson Butterfl y”
Aventura
Xbox
Tecmo
Distribuidor Microsoft
Edição:
Fevereiro 2005
Título
“Mechassault 2:
7/10
Lonewolf”
Estilo
Acção
Plataforma
Xbox
Produtor
Microsoft
Distribuidor Microsoft
Edição
Fevereiro 2005
Título
“Need For Speed
Underground 2”
Corridas
8/10
Estilo
Plataform Xbox
Produtor
Electronic Arts
Distribuidor Electronic Arts
Edição
Dezembro 2004

SEGUNDA-FEIRA.7.MARÇO.2005

dica Identifi car portas abertas Nos últimos tempos, as questões relativas à segurança das redes e
dica
Identifi car portas abertas
Nos últimos tempos, as questões relativas à
segurança das redes e das ligações à Internet
tornaram-se fulcrais, quer para as empresas quer
para os utilizadores particulares de computadores.
Para além dos “simples” e “comuns” ataques de
vírus mais ou menos “clássicos”, recentemente, tem
vindo a vulgarizar-se a intrusão em todo o tipo
de computadores a fi m de “roubar” informação
confi dencial ou desencadear ataques do tipo
“denial-of-service” (DoS).
O Windows XP, da Microsoft, inclui uma
funcionalidade que permite conhecer o grau de
exposição de um dado computador dentro de
uma rede — privada ou a própria Internet —,
facilitando, assim, o tomar das medidas para a
protecção das máquinas.
Quanto menos portas estiverem abertas e “à
escuta” num computador, menor é o grau de
exposição da máquina a potenciais ataques
externos e, portanto, a vê-la comprometida
[“compromised”]. O comando “netstat” permite
identifi car quais as portas que estão abertas num
computador e quais as ligações existentes em cada
momento.
Este comando “corre” na Linha de Comandos
(Iniciar, Todos os Programas, Acessórios) e
apresenta a seguinte sintaxe:
NETSTAT [-a] [-e] [-n] [-o] [-s] [-p proto] [-r]
[intervalo]
São os seguintes os vários parâmetros:
-a — mostra todas as ligações e portas em espera
de chamada (na imagem, pode-se ver o resultado
da aplicação do comando com este parâmetro a
uma ligação à Netcabo);
-e — exibe as estatísticas da rede Ethernet,
podendo ser combinada com a opção –s;
-n — mostra os endereços e números de portas em
formato numérico;
-o — apresenta o ID do processo proprietário
associado a cada ligação;
-p proto — mostra as ligações do protocolo
especifi cado em proto (pode corresponder a: TCP,
UDP, TCPv6 ou UDPv6; se utilizado em conjunto
com a opção -s para apresentar estatísticas por
protocolo, “proto” poderá corresponder a IP, IPv6,
ICMP, ICMPv6, TCP, TCPv6, UDP ou UDPv6);
-r — apresenta a tabela de encaminhamento;
-s — exibe as estatísticas por protocolo (IP, IPv6,
ICMP, ICMPv6, TCP, TCPv6, UDP e UDPv6; a opção
-p poderá ser utilizada para especifi car um
subconjunto da pré-defi nição);
intervalo — volta a apresentar estatísticas
seleccionadas, efectuando uma pausa de
alguns segundos de intervalo entre cada
apresentação; carregando em Ctrl+C, pode-se
interromper a reapresentação das estatísticas;
se for omitido, o comando “netstat” imprime
uma vez as informações sobre a configuração
actual. ● JOSÉ DOUTIL
computadores
.11
7c1bf3e5-024b-435b-bb28-84bbcd8a7552

7c1bf3e5-024b-435b-bb28-84bbcd8a7552