Você está na página 1de 2

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAPÁ


PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO
DIVISAO DE APOIO AO ENSINO
COLEGIADO DE LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS

Acadêmico: Anderson Pablo Midões Magno


Turma: LCN 15.3

QUESTÕES PARA REFLEXÃO

1. Qual a sua visão sobre a importância do ensino de Ciências Naturais para o aluno que vive
em pleno desenvolvimento social, econômico e tecnológico?

R: A importância do ensino de ciências naturais em todos esses âmbitos na minha visão é que o
aluno estará sendo possibilitado de entender o quão a ciência faz parte de seu cotidiano e o
quanto que ela interfere diretamente em sua vida. Focar na importância de estudar as ciências
naturais é mostrar ao aluno que podemos relacionar os três âmbitos (social, econômico e
tecnológico) e fazer um parâmetro de entender o passado para explicar o presente e planejar
o futuro de maneira sustentável. E também para administrar os recursos existentes de maneira
correta para o desenvolvimento de tecnologia e preservação/manutenção da natureza.

2.Você entende como se trabalhar com a interdisciplinaridade e transversalidade?

R: Trabalhar com a interdisciplinaridade é trabalhar todas as disciplinas propondo novas


relações entre as elas, ampliando os espaços de intercâmbio dinâmico e experiências
pedagógicas inovadoras. Entre outras palavras, a interdisciplinaridade é você ter a habilidade
de falar de outras disciplinas dentro de sua disciplina em questão (falar de história,
matemática e português dentro da disciplina de ciências). Já a transversalidade possibilita na
prática educativa uma relação em aprender conhecimentos teoricamente sistematizados
dando um conceito social a procedimentos a conceitos já reformulados, superando assim o
“apenas aprender” pela necessidade escolar.

3.Escolha um conteúdo de Ciências Naturais e descreva uma aula de forma interdisciplinar.

R: Agricultura. A dieta alimentar que temos hoje em dia se deu em um contexto histórico longo
onde o ser humano no descobrimento da agricultura, aprendeu diversas formas de como
cultivar as hortaliças, alguns tipos de legumes, encrementando mais ainda a alimentação,
fornecendo maior gama de proteína, carboidratos e afins. Dentro do desenvolvimento da
agricultura vem o aperfeiçoamento das ferramentas para melhor cuidado com o solo, estudo
da terra, fazendo esse ser humano deixar de ser nômade a se fixar em um lugar, tendo a
manutenção dos recursos naturais. Com o passar do tempo, na produção de diferentes
recursos sejam eles vegetais ou animais, o ser humano começou a trocar entre si os recursos
que diversos povos produziam, assim iniciando a primeira forma de comércio conhecida: o
escambo. (conteúdos estudados: ciências, história).

4.Descreva a sua opinião sobre a importância da formação continuada dos professores diante
do mundo em constante transformações.

R: O professor mesmo formado, mesmo já graduado deve procurar em ampliar os horizontes,


aprender novas formas de como ministrar suas aulas de seja qual disciplina for, mostrando aos
alunos a importância de aprender aquele conteúdo de tal disciplina, mostrando contextos
sociais, morais. O professor deve ter formação continuada para poder sair do loop infinito de
estar no quadro, aquela aula cansativa e pouco satisfatória. O mesmo deve procurar diversas
formas de dar sua aula em que ele saia satisfeito com o trabalho feito, e os alunos agraciados
pela aula satisfatória dada pelo professor.

5.Qual a realidade da educação no seu Município, e qual a sua sugestão para que haja
melhoria de ensino?

R: A realidade do município na questão de educação não é uma das melhores, pois falta
primeiramente o comprometimento do poder público com a educação, segundo a falta do
comprometimento de alguns professores que apenas seguem aquela “receita pronta” e não se
preocupam em inovar a forma de ensinar os alunos de forma prazerosa. A minha sugestão
primeiramente era colocar em prática tudo aquilo que aprendemos de inovação dentro da
academia, sair da zona de conforto e trabalhar por uma educação melhor, uma educação digna
para os alunos e segundo exigir do poder público o devido comprometimento com a educação,
pois é direito nosso.

6.Depois de ter lido esse texto você gostaria de ser um professor-pesquisador? E se você já
leciona, exerce o seu papel de professor-pesquisador, se não, o que lhe impede?

7.Escolha um assunto de Ciências Naturais e planeje uma aula de campo.

8.Qual a sua opinião sobre as atividades lúdicas nas aulas de Ciências Naturais?

9.Você identificou alguns erros nos livros de Ciências Naturais que você já leu? Qual a
impressão que você teve destes livros? Quais as sugestões que você daria para contribuir para
melhoria desse material didático?

10. Qual o seu conceito de avaliação? Como você se sente quando está sendo avaliado? Você
costuma fazer autoavaliação? Na sua concepção quando a avaliação influencia negativamente
e positivamente na aprendizagem do aluno?