Você está na página 1de 101

Contabilidade Geral

Teoria e Questões
► Aula 01
www.igorcintra.com.br

Seja bem-vindo ao curso de Contabilidade Geral e Intermediária “Genérico”, que é focado


predominantemente para concursos da área fiscal e de controle. Este curso que é destinado
aos alunos que estão iniciando os estudos nesta disciplina, razão pela qual continuaremos a
discutir nesta aula conceitos básicos de contabilidade.

Primeiramente eu gostaria de agradecer a confiança depositada no meu trabalho. Tenho


absoluta certeza de que após o curso você estará muito bem preparado para encarar uma
prova de Contabilidade Geral, além de ter base sólida para passar, se for o caso, ao estudo
da Contabilidade Avançada.

Para isso que isso ocorra eu preciso que você faça um rígido controle de desempenho ao
longo do curso. Separe todas as questões que você errar ou tiver mais dificuldade para
acertar e refaça todas elas ao fim das aulas. Bata nestas questões até que você não tenha
mais problemas com elas.

Lembro que qualquer dúvida deve ser postada no fórum do site!

Iniciaremos a aula de hoje discutindo a natureza das contas que compõem o patrimônio de
uma entidade. Além disso estudaremos o método das partidas dobradas, fórmulas de
lançamento, origens e aplicações de recursos e fatos contábeis. Por fim, vamos falar
brevemente dos razonetes e sua função!

Vamos ao que interessa!

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 2


www.igorcintra.com.br

Sumário
1. NATUREZA DAS CONTAS (DÉBITO X CRÉDITO).................................................................... 4
2. MÉTODO DAS PARTIDAS DOBRADAS .................................................................................. 25
3. ORIGENS E APLICAÇÕES DE RECURSOS .............................................................................. 40
4. FATO CONTÁBIL .....................................................................................................................47
4.1 Fatos Permutativos ............................................................................................................... 50
4.2 Fatos Modificativos ................................................................................................................ 51
4.3 Fatos Mistos (ou Compostos) ............................................................................................... 52
5. RAZONETE ............................................................................................................................. 66
MEMÓRIA DE ELEFANTE ................................................................................................................... 73
LISTA DE QUESTÕES COMENTADAS ................................................................................................74
GABARITO ........................................................................................................................................ 100

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 3


www.igorcintra.com.br

1. NATUREZA DAS CONTAS (DÉBITO X CRÉDITO)

O conceito de débito e crédito é simples, mas grande parte dos alunos iniciantes em
contabilidade tem certa dificuldade em entender sua lógica.

As contas do ativo são de natureza devedora. Desta forma, quando tais contas são debitadas
seu valor é aumentado, e quando creditadas é diminuído.

As contas do passivo (passivo exigível e patrimônio líquido) são de natureza credora. Desta
forma, quando tais contas são creditadas seu valor é aumentado e quando debitadas é
diminuído.

Além disso, na contabilidade as contas que representam despesas têm natureza devedora,
e as contas de receita são de natureza credora.

Esquematizando:

CONTAS DO ATIVO E DESPESA → NATUREZA DEVEDORA

CONTAS DO PASSIVO E RECEITA → NATUREZA CREDORA

No entanto, é importante saber que o Ativo, Passivo Exigível e Patrimônio Líquido possuem
contas retificadoras, apresentando comportamento oposto. Por exemplo, as contas
retificadoras do Ativo aumentam por crédito. Iremos estudar tais contas posteriormente.

Para ilustrar melhor vamos analisar alguns fatos contábeis de uma papelaria?

1. Compra, por R$ 1,00, de estoque (canetas) em dinheiro. Quais contas são envolvidas?

Serão envolvidas duas contas: “Caixa” e “Estoque”.

Enquanto a conta “Caixa” diminuirá de valor em R$ 1,00 (pois saiu dinheiro) a conta
“Estoque” aumentará de igual valor (pois entrou mais canetas no estoque).

Como ambas as contas fazem parte do ativo e, portanto, são de natureza devedora, elas
terão comportamentos opostos. A conta:

Caixa → será creditada (diminuiu o valor)


Estoque → será debitada (aumentou o valor)

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 4


www.igorcintra.com.br

2. Compra de borracha por R$ 2,00. Metade da compra foi paga à vista com dinheiro e a
outra será paga em 30 dias. Quais contas são envolvidas?

Neste caso teremos três contas envolvidas. Duas do ativo e outra do passivo: “Caixa”,
“Estoque” e “Fornecedores”.

A conta “Caixa” será creditada no valor de R$ 1,00. A conta “Estoque” será debitada no valor
de R$ 2,00. E finalmente, a conta “Fornecedores” será creditada no valor de R$ 1,00. Desta
forma teremos:

Estoque → será debitada (aumentou o valor)


Caixa → será creditada (diminuiu o valor)
Fornecedores → será creditada (aumentou o valor)

3. Pagamento da minha dívida de R$ 2,00 com os fornecedores via transferência


bancária. Quais contas são envolvidas?

Serão envolvidas duas contas: “Bancos c/ Movimento” e “Fornecedores”.

A conta do ativo “Bancos c/ Movimento” será creditada, pois diminuiu de valor e a conta
“Fornecedores” será debitada, zerando seu saldo de R$ 2,00. Assim:

Fornecedores → será debitada (diminuiu o valor)


Bancos c/ Movimento → será creditada (diminuiu o valor)

Para facilitar nossa vida há um meio simplificado de se escrever os lançamentos. Vejamos


como ficariam os lançamentos dos exemplos trazidos acima.

1. D: Estoque R$ 1,00
C: Caixa R$ 1,00

2. D: Estoque R$ 2,00
C: Caixa R$ 1,00
C: Fornecedores R$ 1,00

3. D: Fornecedores R$ 2,00
C: Bancos c/ Movimento R$ 2,00

Perceba que em todos os lançamentos o valor debitado é igual ao valor creditado. Veja,
também, que por convenção as contas debitadas aparecem acima das contas creditadas.
Poderá aparecer em sua prova outra forma de notação desses lançamentos, sem as letras
“D” e “C” e sim com a letra “a” imediatamente antes das contas creditadas. Veja como
ficariam os lançamentos acima:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 5


www.igorcintra.com.br

1. Estoque R$ 1,00
a Caixa R$ 1,00

2. Estoque R$ 2,00
a Caixa R$ 1,00
a Fornecedores R$ 1,00

Observação: Quando há duas ou mais contas debitadas, ou creditadas, poderá aparecer na


sua prova a seguinte notação para o lançamento acima:

Estoque R$ 2,00
a Diversos
a Caixa R$ 1,00
a Fornecedores R$ 1,00

A palavra “a Diversos” indica que existem duas ou mais contas creditadas. Por outro lado, a
palavra “Diversos” se relaciona a duas ou mais contas debitadas.

3. Fornecedores R$ 2,00
a Bancos c/ Movimento R$ 2,00

Vamos analisar algumas questões!

01. (VUNESP – Contador – UNIFESP – 2016) Em relação à escrituração contábil, é correto


afirmar que as contas

(A) de resultado têm sempre saldo credor.

(B) do passivo aumentam por débito.

(C) do ativo diminuem por débito.

(D) patrimoniais são encerradas no final do exercício.

(E) do patrimônio líquido, caso positivas, têm saldo credor.

Resolução:

Vamos analisar as alternativas apresentadas.

a) Incorreta. As contas de resultado representativas de receitas possuem saldo credor. As


de despesa, por sua vez, saldo devedor.

b) Incorreta. As contas do Passivo possuem natureza credora. Diminuem, portanto, a débito.

c) Incorreta. As contas do Ativo possuem natureza devedora. Aumentam, portanto, a débito.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 6


www.igorcintra.com.br

d) Incorreta. As contas de resultado é que são encerradas ao final do resultado (para


verificação se houve lucro ou prejuízo no exercício).

e) Correta. As contas do Patrimônio Líquido tem natureza credora. Assim, caso positivas
possuem saldo credor.

Gabarito: E

02. (VUNESP – ISS-São José dos Campos – 2015) Na escrituração contábil, é correto afirmar
que

(A) as contas de Ativo aumentam por crédito.

(B) as despesas aumentam o Patrimônio Líquido.

(C) as contas de Passivo são debitadas quando diminuem de valor.

(D) o total de débitos nem sempre corresponde ao total dos créditos, mesmo que a
escrituração tenha sido efetuada corretamente.

(E) o aumento das contas de ativo sempre corresponde à percepção de receitas.

Resolução:

Vamos analisar as alternativas apresentadas!

a) Incorreta. As contas do Ativo possuem natureza devedora. Aumentam, portanto, por


lançamentos a débito.

b) Incorreta. As despesas diminuem o resultado do exercício, e por consequência, o valor do


Patrimônio Líquido.

c) Correta. As contas do Passivo possuem natureza credora. Aumentam, portanto, por


lançamentos a crédito. Com isso, conclui-se que quando são debitadas diminuem de valor.

d) Incorreta. Se a escrituração foi realizada corretamente, a soma dos lançamentos a débito


sempre será igual à soma dos lançamentos a crédito.

e) Incorreta. Nem sempre um aumento de uma conta do ativo corresponde à percepção de


receitas. Imagine, por exemplo, uma compra de mercadorias a prazo. Houve o aumento do
Ativo (Estoques) em contrapartida do aumento do Passivo (Fornecedores).

Gabarito: C

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 7


www.igorcintra.com.br

03. (VUNESP – ISS-São José dos Campos – 2015) As contas patrimoniais

(A) são encerradas no final do exercício.

(B) nem sempre alteram o patrimônio líquido quando mudam de valor.

(C) não podem apresentar saldo nulo.

(D) quando classificadas no Passivo, aumentam por débito.

(E) quando classificadas no Patrimônio Líquido, diminuem por crédito.

Resolução:

As contas patrimoniais são aquelas representadas no Balanço Patrimonial, representando o


Ativo (bens e direitos), o Passivo Exigível (obrigações) e o Patrimônio Líquido.

De fato, a alteração de valor de uma conta patrimonial nem sempre provocará alteração no
Patrimônio Líquido, como é o caso dos fatos contábeis permutativos (por exemplo: compra
de mercadorias à vista ou a prazo).

Assim, correta a alternativa B.

As demais alternativas estão incorretas, conforme descrito abaixo.

a) Incorreta. São as contas de resultado que são encerradas ao fim do período.

c) Incorreta. As contas patrimoniais podem ter saldo nulo. Imagine, por exemplo, que a
entidade utilize todo seu saldo da conta “Caixa”.

d) Incorreta. As contas do Passivo Exigível aumentam a crédito.

e) Incorreta. As contas do Patrimônio Líquido aumentam a crédito.

Gabarito: B

04. (FADESP – Assistente – COSANPA – 2017) São classificadas como contas de ativo de
natureza devedora

a) fornecedores, impostos a recolher e ICMS a recuperar.

b) imóveis para venda, adiantamentos a fornecedores e investimentos temporários.

c) veículos de uso, juros ativos e depreciação acumulada.

d) receita de vendas, ICMS sobre vendas e salários a pagar.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 8


www.igorcintra.com.br

Resolução:

Vamos classificar as contas apresentadas.

Conta Natureza Grupo


fornecedores Credora Passivo Exigível
impostos a recolher Credora Passivo Exigível
ICMS a recuperar Devedora Ativo
imóveis para venda Devedora Ativo
adiantamentos a fornecedores Devedora Ativo
investimentos temporários Devedora Ativo
veículos de uso Devedora Ativo
juros ativos Credora Receita
depreciação acumulada Credora Retificadora do Ativo
receita de vendas Credora Receita
ICMS sobre vendas Devedora Despesa
salários a pagar Credora Passivo Exigível

Com isso, apenas a alternativa B apresenta contas devedoras do Ativo.

Gabarito: B

05. (FUNECE – Técnico – UECE – 2017) Assinale a opção que contém somente contas de
natureza devedora.

a) Capital a realizar e ICMS a recolher.

b) Capital social e Depreciação.

c) Estoques de mercadorias e Fornecedores.

d) Aplicações de liquidez imediata e Clientes.

Resolução:

Vamos classificar as contas apresentadas, de acordo com sua natureza.

Conta Natureza Grupo


Capital a realizar Devedora Retificadora do PL
ICMS a recolher Credora Passivo Exigível
Capital social Credora PL
Depreciação Devedora Despesa
Estoques de mercadorias Devedora Ativo

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 9


www.igorcintra.com.br

Fornecedores Credora Passivo Exigível


Aplicações de liquidez imediata Devedora Ativo
Clientes Devedora Ativo

Com isso, apenas a alternativa D apresenta contas devedoras.

Gabarito: D

06. (CESPE – Técnico Judiciário – TRE/BA – 2017) Assinale a opção que apresenta apenas
contas patrimoniais de natureza credora.

a) duplicatas descontadas, adiantamento de sócios, reserva estatutária

b) provisão para férias, capital a integralizar, reservas para contingências

c) adiantamento a fornecedores, reserva legal, ICMS a recolher

d) depreciação acumulada, ações em tesouraria, salários a pagar

e) empréstimos bancários, provisão para créditos de liquidação duvidosa, adiantamento a


empregados.

Resolução:

Vamos classificar as contas apresentadas, de acordo com sua natureza.

Conta Natureza Grupo


duplicatas descontadas Credora Passivo Exigível
adiantamento de sócios Credora Passivo Exigível
reserva estatutária Credora PL
provisão para férias Credora Passivo Exigível
capital a integralizar Devedora Retificadora do PL
reservas para contingências Credora PL
adiantamento a fornecedores Devedora Ativo
reserva legal Credora PL
ICMS a recolher Credora Passivo Exigível
depreciação acumulada Credora Retificadora do Ativo
ações em tesouraria Devedora Retificadora do PL
salários a pagar Credora Passivo Exigível
empréstimos bancários Credora Passivo Exigível
provisão para créditos de liquidação duvidosa Credora Retificadora do Ativo
adiantamento a empregados Devedora Ativo

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 10


www.igorcintra.com.br

Com isso, apenas a alternativa A apresenta contas credoras.

Gabarito: A

07. (CFC – Exame de Suficiência - Bacharelado – 2017) Assinale a opção que apresenta
apenas contas patrimoniais de natureza credora.

a) Adiantamentos a Empregados, Capital Subscrito, Fornecedores, Receita de Vendas.

b) Capital a Integralizar, Empréstimos a Pagar, IPI a Recuperar, Reservas para Contingências.

c) Adiantamentos de Clientes, Depreciação Acumulada, ICMS a Recolher, Salários a Pagar.

d) Custos de Transação a Apropriar, Duplicatas Descontadas, Receita de Serviços, Reservas


de Lucros a Realizar.

Resolução:

Vamos classificar as contas apresentadas, de acordo com sua natureza.

Conta Natureza Grupo


Adiantamentos a Empregados Devedora Ativo
Capital Subscrito Credora PL
Fornecedores Credora Passivo Exigível
Receita de Vendas Credora Receita
Capital a Integralizar Devedora Retificadora do PL
Empréstimos a Pagar Credora Passivo Exigível
IPI a Recuperar Devedora Ativo
Reservas para Contingências Credora PL
Adiantamentos de Clientes Credora Passivo Exigível
Depreciação Acumulada Credora Retificadora do Ativo
ICMS a Recolher Credora Passivo Exigível
Salários a Pagar Credora Passivo Exigível
Custos de Transação a Apropriar Devedora Retificadora do Passivo
Duplicatas Descontadas Credora Passivo Exigível
Receita de Serviços Credora Receita
Reservas de Lucros a Realizar Credora PL

Assim, correta a alternativa C.

Gabarito: C

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 11


www.igorcintra.com.br

08. (FCC – Técnico – ARTESP – 2017) Em relação ao plano de conta das empresas, a conta
Ações em Tesouraria tem natureza

a) credora e é classificada no Patrimônio Líquido.

b) devedora e é classificada no Ativo Não Circulante.

c) devedora e é classificada no Patrimônio Líquido.

d) devedora e é classificada no Resultado do período.

e) credora e é classificada no Passivo Circulante ou Não circulante, dependendo do seu prazo


de pagamento.

Resolução:

A conta ações em tesouraria é de natureza devedora, pois retificadora do patrimônio líquido


e representa as aquisições de ações de emissão própria da entidade.

Assim, correta a alternativa C.

Gabarito: C

Texto 3A3AAA

Contas saldo (em R$ mil)


imóveis 6.000
caixa e equivalentes 100
créditos contra clientes 2.500
duplicatas descontadas 1.000
capital social 4.000
estoques para revenda 1.800
prêmios de seguros a apropriar 60
investimentos em coligadas 300
empréstimos e financiamentos de longo prazo a pagar 3.000
móveis e instalações 1.500
reserva estatutária 300
ações em tesouraria 300
receita líquida de vendas 15.000
custo das mercadorias vendidas 8.000
imposto de renda e contribuição sobre o lucro líquido 790
fornecedores 2.000

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 12


www.igorcintra.com.br

salários e encargos a pagar 420


despesas gerais 4.000
despesas financeiras 750
seguros a pagar 15
resultado positivo de equivalência patrimonial 75
outros valores a pagar 100
reserva legal 400
marcas e patentes 1.000

No último balancete de encerramento de determinado exercício, uma empresa


apresentou rol de contas patrimoniais e de resultados, com os respectivos saldos em
milhares de reais, conforme mostrado na tabela precedente.

09. (CESPE – Analista de Controle – TCE/PR – 2016) No rol de contas apresentado no texto
3A3AAA, há

A) doze contas de natureza credora.

B) treze contas de natureza credora.

C) dez contas de natureza devedora.

D) onze contas de natureza devedora.

E) onze contas de natureza credora.

Resolução:

Vamos classificar as contas apresentadas de acordo com sua natureza.

Contas Natureza
imóveis devedora
caixa e equivalentes devedora
créditos contra clientes devedora
duplicatas descontadas credora
capital social credora
estoques para revenda devedora
prêmios de seguros a apropriar devedora
investimentos em coligadas devedora
empréstimos e financiamentos de longo prazo a pagar credora
móveis e instalações devedora
reserva estatutária credora
ações em tesouraria devedora
receita líquida de vendas credora

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 13


www.igorcintra.com.br

custo das mercadorias vendidas devedora


imposto de renda e contribuição sobre o lucro líquido devedora
fornecedores credora
salários e encargos a pagar credora
despesas gerais devedora
despesas financeiras devedora
seguros a pagar credora
resultado positivo de equivalência patrimonial credora
outros valores a pagar credora
reserva legal credora
marcas e patentes devedora

Há, portanto, 13 contas de natureza devedora e 11 contas de natureza credora, o que torna
a alternativa E correta.

O CESPE, no entanto, considerou a alternativa A como gabarito definitivo da questão, fato


com o qual discordo totalmente.

Gabarito: A

10. (CFC – Bacharelado – Exame de Suficiência – 2015) Com relação à situação patrimonial,
assinale a opção INCORRETA.

a) A compra de matéria-prima a prazo provoca aumento no Ativo e no Passivo.

b) A integralização de capital em dinheiro provoca aumento no Ativo e no Patrimônio


Líquido.

c) O pagamento da compra de máquinas em dinheiro provoca redução no Ativo e aumento


no Passivo.

d) O pagamento de fornecedores em dinheiro provoca diminuição no Ativo e no Passivo.

Resolução:

Vamos analisar as alternativas apresentadas.

a) Correta. A compra de matéria-prima a prazo provoca aumento no ativo (pela entrada de


mercadorias) e do passivo (pela geração de uma obrigação a pagar).

b) Correta. A integralização do capital em dinheiro provoca aumento no ativo (pela entrada


de dinheiro na conta Caixa) e no patrimônio líquido (conta Capital Social).

c) Incorreta. O pagamento de obrigações (dívidas) diminui o ativo (pela saída de caixa) e


também do passivo (pela baixa da obrigação quitada).

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 14


www.igorcintra.com.br

d) Correta. É exatamente o que acabamos de mencionar no comentário da alternativa C.

Gabarito: C

11. (Quadrix – Contador – CRO/PR – 2016) Com relação ao conceito aplicado de natureza
das contas, assinale a alternativa incorreta.

a) Contas de passivo têm natureza credora, por isso, um aumento no passivo é representado
por um crédito.

b) Contas de natureza devedora têm os ingressos de elementos representados por créditos.

c) Contas de Ativo têm natureza devedora, sendo assim, os ingressos no ativo são
representados por débitos.

d) Contas de custo têm natureza devedora e indicam uma diminuição no resultado.

e) Contas redutoras de ativo têm natureza credora e servem para atualizar o valor dos bens
da entidade.

Resolução:

As contas do Passivo (passivo exigível e patrimônio líquido) têm natureza credora, ou seja,
aumentam de saldo com lançamentos a crédito.

As contas do ativo possuem natureza devedora tem ingressos de elementos, ou seja,


aumento seu saldo, com lançamentos a débito.

Além disso, as contas de receita têm natureza credora ao passo que as contas de despesa
têm natureza devedora.

Com isso, incorreta a alternativa B.

Gabarito: B

12. (Quadrix – Técnico – CFO/DF – 2017) A natureza do saldo da conta Bancos – Conta
Movimento é devedora. Na hipótese de saldo credor, a conta deverá estar representada
no ativo, com saldo negativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 15


www.igorcintra.com.br

A conta Bancos – Conta Movimento é de do Ativo Circulante e, portanto, de natureza


devedora. No entanto, podem apresentar saldo negativo, representado pelo empréstimo
pré-aprovado pelo banco chamado “cheque especial”.

Neste caso, trata-se de obrigação da entidade para com a instituição financeiro e, como tal,
deve ser classificado no Passivo Exigível (de não retificando o ativo).

Com isso, incorreta a afirmativa.

Gabarito: E

13. (CFC – Bacharelado – Exame de Suficiência – 2015) Assinale a opção que apresenta uma
transação que retrata um lançamento contábil gerador de aumento no Ativo e no Passivo,
simultaneamente.

a) Aquisição à vista de mercadorias para revenda.

b) Compra de um veículo a prazo.

c) Pagamento de salários de funcionários.

d) Reconhecimento da depreciação de um bem imóvel.

Resolução:

Vamos analisar as alternativas apresentadas.

a) Incorreta. A compra de mercadorias à vista provoca aumento e redução no ativo (pela


entrada de mercadorias e pela saída de caixa).

b) Correta. A compra de um veículo a prazo provoca aumento do Ativo (pela entrada do


imobilizado) e aumento do Passivo (pela constituição de uma obrigação a pagar).

c) Incorreta. O pagamento de salários de funcionários provoca uma redução do ativo (pela


saída de caixa) e uma redução do passivo exigível (pela baixa da obrigação a pagar).

d) Incorreta. O reconhecimento da depreciação de um imobilizado é realizado mediante um


débito em uma conta de resultado e um crédito na conta Depreciação Acumulada,
retificadora da conta representativa do imobilizado em questão.

Gabarito: B

14. (VUNESP – Analista – PRODESP – 2014) Os lançamentos contábeis são formalizados


por débitos e créditos, respeitando, ainda, a régua de partidas dobradas. Nesse sentido,

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 16


www.igorcintra.com.br

os lançamentos a Débito significam, considerando a estrutura conceitual da equação


patrimonial,

a) diminuição do Ativo, aumento do Passivo e aumento do Patrimônio Líquido.

b) aumento do Ativo, aumento do Passivo e diminuição do Patrimônio Líquido.

c) aumento do Ativo, diminuição do Passivo e diminuição do Patrimônio Líquido.

d) aumento do Ativo, diminuição do Passivo e manutenção do Patrimônio Líquido.

e) aumento da Receita, aumento do Ativo e diminuição do Patrimônio Líquido.

Resolução:

Os lançamentos a débito provocarão variações positivas nas contas de natureza devedora


(ativo e despesa) e negativas nas contas de natureza credora (passivo exigível, patrimônio
líquido e receitas.

Com isso, correta a alternativa C.

Gabarito: C

15. (VUNESP – ISS-São José dos Campos – 2015) Do Plano de Contas de uma entidade, foi
extraída a seguinte lista de contas:
• Custo das Mercadorias Vendidas
• Disponível
• Despesas Financeiras
• Despesas do Exercício Seguinte
• Salários a Pagar
• Receita de Vendas
• Reserva Legal
• Reserva Estatutária
• Fornecedores
• Receitas Diferidas
• Receita de Dividendos
• Reversão de Provisões

O número de contas patrimoniais constantes dessa lista é

(A) quatro.

(B) cinco.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 17


www.igorcintra.com.br

(C) seis.

(D) sete.

(E) oito.

Resolução:

Vamos organizar as contas apresentadas em Patrimoniais e de Resultado!

Custo das Mercadorias Vendidas Resultado


Disponível Patrimonial
Despesas Financeiras Resultado
Despesas do Exercício Seguinte Patrimonial
Salários a Pagar Patrimonial
Receita de Vendas Resultado
Reserva Legal Patrimonial
Reserva Estatutária Patrimonial
Fornecedores Patrimonial
Receitas Diferidas Patrimonial
Receita de Dividendos Resultado
Reversão de Provisões Resultado

Assim, correta a alternativa D.

Gabarito: D

16. (VUNESP – Assistente – FUNDUNESP – 2014) Analise o balancete de verificação a seguir


da Companhia Fundindo a Cuca Ltda.

Contas $
FGTS a recolher 20
Despesas com energia 30
Mercadorias em estoque 40
INSS a recolher 50
Despesas com aluguel 60
Salários a pagar 80
Duplicatas a pagar 90
Caixa 180
Veículos 150
Despesas de salários 160
Duplicatas a receber 180
Máquinas e equipamentos 190
Custo das mercadorias vendidas 300

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 18


www.igorcintra.com.br

Capital social 350


Receita de vendas de mercadorias 700

Com base apenas nessas informações, após classificar as contas em saldos devedores e
credores, de acordo com a sua natureza, e preparar a Demonstração do Resultado do
Exercício e o Balanço Patrimonial, responda à questão.

O Valor dos saldos credores corresponderá a

a) $ 1.280.

b) $ 1.290.

c) $ 1.300.

d) $ 1.310.

e) $ 1.320.

Resolução:

Vamos classificar as contas apresentadas.

Contas $ Classificação Natureza


FGTS a recolher 20 Passivo Exigível Credora
Despesas com energia 30 Despesa Devedora
Mercadorias em estoque 40 Ativo Devedora
INSS a recolher 50 Passivo Exigível Credora
Despesas com aluguel 60 Despesa Devedora
Salários a pagar 80 Passivo Exigível Credora
Duplicatas a pagar 90 Passivo Exigível Credora
Caixa 180 Ativo Devedora
Veículos 150 Ativo Devedora
Despesas de salários 160 Despesa Devedora
Duplicatas a receber 180 Ativo Devedora
Máquinas e equipamentos 190 Ativo Devedora
Custo das mercadorias vendidas 300 Despesa Devedora
Capital social 350 PL Credora
Receita de vendas de mercadorias 700 Receita Credora

Com isso, o valor dos saldos credores corresponderá a R$ 1.290,00, o que torna a alternativa
B correta.

Gabarito: B

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 19


www.igorcintra.com.br

17. (FGV – Técnico em Contabilidade – CONDER – 2013) São contas patrimoniais de


natureza de saldo devedora

(A) juros ativos, adiantamento de clientes, intangível.

(B) salários, seguros a vencer, despesas antecipadas.

(C) fornecedores, adiantamento de salários, empréstimos contraídos.

(D) impostos a recuperar, custo de vendas, aplicações financeiras.

(E) adiantamento a fornecedores, empréstimos a coligadas, investimentos.

Resolução:

O foco da questão são as contas patrimoniais de natureza devedora. Assim, iremos procurar
basicamente contas do Ativo. Na hora da sua prova risque as contas que não te interessa,
como contas de natureza credora e contas de resultado. Aqui iremos classificar todas as
contas!

Conta Classificação Natureza


Juros Ativos Receita Credora
Adiantamento de Clientes Passivo Exigível Credora
Intangível Ativo Devedora
Salários Despesa Devedora
Seguros a Vencer Ativo Devedora
Despesas Antecipadas Ativo Devedora
Fornecedores Passivo Exigível Credora
Adiantamento de Salários Ativo Devedora
Empréstimos Contraídos Passivo Exigível Credora
Impostos a Recuperar Ativo Devedora
Custo de Vendas Despesa Devedora
Aplicações Financeiras Ativo Devedora
Adiantamento a Fornecedores Ativo Devedora
Empréstimos a Coligadas Ativo Devedora
Investimentos Ativo Devedora

Veja que o candidato apressado e desatento pode ter marcado a alternativa B, que possui
apenas contas devedoras. No entanto, não atende ao enunciado, pois há uma conta de
resultado (salários)

Assim, resta a alternativa E como correta.

Gabarito: E

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 20


www.igorcintra.com.br

18. (FGV – Contador – BADESC – 2010) Assinale a alternativa que apresenta contas com
saldo credor.

(A) Fornecedores, salário a pagar e clientes.

(B) Provisão para férias, adiantamento a fornecedores e impostos a recolher.

(C) Empréstimos bancários, juros ativos e capital.

(D) Juros passivos, mercadorias e estoques.

(E) Contas a pagar, depreciação acumulada e imóveis para uso.

Resolução:

Vamos aproveitar para verificar a natureza e a classificação de todas as contas.

Conta Natureza Classificação


Fornecedores CREDORA Passivo Exigível
Salário a Pagar CREDORA Passivo Exigível
Clientes DEVEDORA Ativo
Provisão para Férias CREDORA Passivo Exigível
Adiantamento a Fornecedores DEVEDORA Ativo
Impostos a Recolher CREDORA Passivo Exigível
Empréstimos Bancários CREDORA Passivo Exigível
Juros Ativos CREDORA RESULTADO
Capital CREDORA Patrimônio Líquido
Juros Passivos DEVEDORA RESULTADO
Mercadorias DEVEDORA Ativo
Estoques DEVEDORA Ativo
Contas a Pagar CREDORA Passivo Exigível
Depreciação Acumulada CREDORA Retificadora do Ativo
Imóveis para Uso DEVEDORA Ativo

Desta maneira, conclui-se que apenas a alternativa C apresenta contas de natureza credora.

Gabarito: C

19. (FGV – Contador – BADESC – 2010) Assinale a alternativa que apresente a conta que
aumenta seu saldo com um lançamento a crédito.

(A) Impostos a recuperar.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 21


www.igorcintra.com.br

(B) Seguros a vencer.

(C) Prêmios de seguros.

(D) Alugueis ativos a vencer.

(E) Salários.

Resolução:

As contas de natureza credora aumentam seu saldo com lançamentos a crédito. Vamos
analisar as contas apresentadas.

Conta Natureza Classificação


Impostos a Recuperar DEVEDORA Ativo
Seguros a Vencer DEVEDORA Ativo
Prêmio de Seguros DEVEDORA RESULTADO
Alugueis Ativos a Vencer CREDORA Passivo Exigível
Salários DEVEDORA RESULTADO

Portanto, apenas a alternativa D apresenta uma conta que aumenta seu saldo com um
lançamento a crédito.

Gabarito: D

20. (CESPE – Analista – ANTAQ – 2014) Na conta ações em tesouraria, de natureza


devedora, são registradas as aquisições de ações de emissão da própria empresa.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Vimos que a conta “Ações em Tesouraria” representa as compras que a entidade realizou
de suas próprias ações em poder de terceiros. Esta conta é representada de forma a reduzir
o valor do patrimônio líquido (conta retificadora), possuindo, portanto, natureza devedora.

Gabarito: C

21. (VUNESP – Contador – TJ-SP – 2013) As variações positivas nas contas dos passivos
ocorrem quando

a) há fatos e atos permutativos.

b) essas contas são debitadas e creditadas.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 22


www.igorcintra.com.br

c) os débitos são maiores que os créditos.

d) as contas são debitadas.

e) as contas são creditadas.

Resolução:

Como o Passivo possui natureza credora, suas variações positivas (passivo exigível e
patrimônio líquido) ocorrem quando suas contas são creditadas.

Gabarito: E

22. (FCC – Analista Judiciário – TRF – 2012) Em relação à escrituração contábil, é correto
afirmar que as contas

a) representativas de ativos da entidade aumentam por crédito, exceto as contas redutoras,


que aumentam por débito.

b) classificadas no Patrimônio Líquido podem ter saldo devedor ou credor, conforme a sua
natureza.

c) classificadas no Passivo diminuem por crédito.

d) representativas de despesas têm sempre saldo credor.

e) do Ativo são estornadas por meio de um lançamento a débito da conta.

Resolução:

a) Incorreta. As contas do Ativo aumentam por débito.

b) Correta. A natureza das contas do Patrimônio Líquido é credora. No entanto, existem as


contas retificadoras (exemplo: ações em tesouraria) que, no PL, aumentam por débito.

c) Incorreta. As contas do Passivo aumentam por crédito.

d) Incorreta. As contas de Despesas possuem saldo devedor.

e) Incorreta. Como as contas do Ativo possuem natureza devedora, seu estorno será
realizado por meio de um lançamento a crédito.

Gabarito: B

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 23


www.igorcintra.com.br

23. (FCC – Analista Judiciário – TRE-SP – 2012) É uma conta patrimonial que é creditada
quando aumenta de valor:

a) Duplicatas a Receber.

b) Receitas Financeiras.

c) Depreciação Acumulada.

d) Despesas Antecipadas.

e) Ações em Tesouraria.

Resolução:

O enunciado pede uma conta patrimonial que aumenta de valor quando é creditada.

Logo de cara podemos descartar possíveis contas de resultado, ou seja, receitas e despesas
(alternativa “b”). As quatro contas restantes são patrimoniais (ativo, passivo e patrimônio
líquido).

Sabemos que as contas do:


Ativo → aumentam a débito
Passivo → aumentam a crédito

Vamos analisar as alternativas:

a) Incorreta. “Duplicatas a Receber“ é uma conta patrimonial do ativo e aumenta a débito.

b) Incorreta. “Receitas Financeiras” é uma conta de resultado. Aumenta a crédito.

c) Correta. “Depreciação Acumulada” é uma conta patrimonial redutora do ativo e,


portanto, aumenta a crédito (tem comportamento oposto às contas do ativo, que
aumentam a débito). Vamos estudar esta conta mais a frente, não se preocupe agora com
ela. O importante neste momento é saber que ela é uma conta redutora do ativo (reduz o
valor de bens depreciáveis como veículos, por exemplo). É nossa resposta!

d) Incorreta. “Despesas Antecipadas” é uma conta patrimonial do ativo e aumenta a


débito. Tal conta representa um direito que a empresa possui, visto que pagou uma
despesa antecipadamente. No momento que a despesa incorrer será realizado um
lançamento de crédito nesta conta e débito em uma conta de resultado (despesa).

e) Incorreta. “Ações em Tesouraria” é uma conta patrimonial redutora do PL e aumenta a


débito (tem comportamento opostos às contas do passivo, que aumentam a crédito).

Gabarito: C

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 24


www.igorcintra.com.br

24. (CESPE – Analista – FUNPRESP-JUD – 2016) As contas retificadoras acompanham as


respectivas contas principais no balanço patrimonial, sendo lançadas sempre com sinal
oposto ao do lançamento das contas que retificam.
( ) CERTO ( ) ERRADO
Resolução:
A afirmativa está correta pois as contas retificadora, como seu próprio nome diz, retificam
o saldo de determinada conta. Possuem, portanto, saldo contrário das contas “principais”.
Por exemplo, a conta “Perdas Estimadas com Créditos de Liquidação Duvidosa” retifica a
conta “Duplicatas a Receber” ou “Clientes”. A conta “Depreciação Acumulada” retifica a
conta “Imobilizado”. A conta “Ações em Tesouraria”, por outro lado, é uma conta
retificadora do Patrimônio Líquido.
Gabarito: C

2. MÉTODO DAS PARTIDAS DOBRADAS

A essência do método das partidas dobradas é que o registro de qualquer operação contábil
implica que um débito, em uma ou mais contas, deve corresponder a um crédito de igual
valor, em uma ou mais contas. Desta forma, a soma dos valores creditados será sempre igual
à soma dos valores debitados. Nunca haverá um débito sem crédito correspondente.
Portanto, guarde que:

PARA TODO DÉBITO HÁ PELO MENOS UM CRÉDITO E VICE-VERSA

Vamos verificar algumas questões que contém lançamentos contábeis, de forma que você
possa verificar a aplicação do método das partidas dobradas.

25. (IESES – Assistente – CEGÁS – 2017) Pelo método das partidas dobradas empregado na
contabilidade sabe-se que:

a) Para cada crédito há sempre um débito correspondente.

b) Dificilmente haverá relação de igualdade entre débitos e créditos.

c) O ideal é que os débitos sempre superem os créditos.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 25


www.igorcintra.com.br

d) Sempre deve haver mais créditos do que débitos.

Resolução:

A essência do método das partidas dobradas é que o registro de qualquer operação contábil
implica que um débito, em uma ou mais contas, deve corresponder a um crédito de igual
valor, em uma ou mais contas. Desta forma, a soma dos valores creditados será sempre igual
à soma dos valores debitados. Nunca haverá um débito sem crédito correspondente.

Assim, correta a alternativa A.

Gabarito: A

26. (AOCP – Auditor Fiscal – Juiz de Fora/MG – 2016) A Contabilidade adota o Método das
Partidas Dobradas para registrar suas operações, no qual em sua essência, o registro de
qualquer operação implica que um débito em uma ou mais contas deve corresponder a
um crédito equivalente, em uma ou mais contas, de forma que a soma dos valores
debitados seja sempre igual à soma dos valores creditados, ou seja, não há débito sem
crédito correspondente. Com base no exposto, assinale a alternativa INCORRETA.

a) A soma dos débitos é sempre igual à soma dos créditos.

b) A soma das despesas (débito) é sempre igual à soma das receitas (crédito).

c) A soma dos saldos devedores é sempre igual à soma dos saldos credores.

d) O total do Ativo será igual à soma do Passivo com o Patrimônio Líquido.

e) A um débito ou a mais de um débito, em uma ou mais contas, deve corresponder um


crédito equivalente em uma ou mais contas.

Resolução:

A essência do método das partidas dobradas é que o registro de qualquer operação contábil
implica que um débito, em uma ou mais contas, deve corresponder a um crédito de igual
valor, em uma ou mais contas. Desta forma, a soma dos valores creditados será sempre igual
à soma dos valores debitados. Nunca haverá um débito sem crédito correspondente.

Com isso conclui-se pela correção das encontra-se correta, pois cita a equação fundamental
do patrimônio. Perceba que a expressão passivo está colocada como sinônimo de passivo
exigível.

A alternativa B é a incorreta, pois não há relação necessária entre receitas (contas credoras)
e despesas (contas devedoras).

Gabarito: B

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 26


www.igorcintra.com.br

27. (CESPE – Analista – FUNPRESP-JUD – 2016) Segundo o método das partidas dobradas,
o registro de um fato contábil sempre implicará um lançamento a débito, que corresponde
à aplicação dos recursos da entidade, e um lançamento a crédito, que corresponde à
origem dos recursos aplicados.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

A essência do método das partidas dobradas é que o registro de qualquer operação contábil
implica que um débito, em uma ou mais contas, deve corresponder a um crédito de igual
valor, em uma ou mais contas. Desta forma, a soma dos valores creditados será sempre igual
à soma dos valores debitados. Nunca haverá um débito sem crédito correspondente.
Portanto, guarde que:

As contas de Passivo (Passivo Exigível e Patrimônio Líquido) representam as origens dos


recursos. As contas do Ativo, por sua vez, representam, por sua natureza, aplicações de
recursos. Em outras palavras, lançamentos a débito representam aplicações de recursos e a
crédito sua origem.

Assim, correta a afirmativa.

Gabarito: C

28. (CESPE – Contador – DPU – 2016) Uma das finalidades do balancete de verificação é
demonstrar a correta aplicação do método das partidas dobradas, pois o total devedor
deve ser igual ao total credor, ou seja, para cada débito em uma ou mais contas deve haver
crédito de igual valor em uma ou mais contas.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

O Balancete de Verificação é um demonstrativo auxiliar, a ser elaborado, no mínimo


mensalmente, que relaciona o saldo de todas as contas remanescentes do Livro Razão, com
a finalidade de verificar se a soma de todos os débitos é igual à soma de todos os créditos.

Com isso, correta a afirmativa.

Gabarito: C

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 27


www.igorcintra.com.br

29. (CESPE – Auditor – TCU – 2015) Situação hipotética: Em 30 de junho de 2015, o livro
diário de determinada empresa registrou a seguinte partida dobrada.

débito despesas com seguros R$ 2.000,00


crédito prêmios de seguros a apropriar R$ 2.000,00

Assertiva: Nesse caso, as informações se referem a um lançamento de ajuste — decorrente


da aplicação do princípio da competência — para reconhecimento da despesa com o
prêmio de seguros, que havia sido pago antecipadamente.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

No ato da contratação (e pagamento) a entidade deverá realizar o seguinte registro:

D – Seguros a Vencer ou Prêmios de Seguros a Apropriar ( Ativo)


C – Caixa ( Ativo)

Perceba, portanto, que tal fato não provoca variação de imediato no resultado. Isso deve-se
à aplicação do princípio da competência. Assim, a apropriação ao resultado será realizada
paulatinamente, entre a data da contratação do seguro e seu fim através do seguinte
lançamento:

D – Despesa com Seguros ( Resultado)


C – Seguros a Vencer ou Prêmios de Seguros a Apropriar ( Ativo)

Assim, correta a assertiva.

Gabarito: C

30. (VUNESP – Contador – Câmara de Guaratinguetá/SP – 2016) O cliente Paga Tudo Ltda.
pagou uma duplicata, no valor de R$ 25.000,00, 12 dias após a data de seu vencimento,
portanto, incluindo um juro de R$ 500,00. A duplicata foi emitida pela empresa Recebe
Tudo S.A. em 12 de dezembro de 2014. Considerando esse caso, assinale a alternativa que
contém o correto lançamento contábil na empresa emitente do título, levando em conta
que a cobrança foi feita por meio de boleto bancário.

(A) Diversos R$ 25.500,00


a Duplicatas a receber R$ 25.500,00
a Bancos R$ 25.000,00
a Receitas financeiras R$ 500,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 28


www.igorcintra.com.br

(B) Bancos R$ 25.500,00


a Duplicatas a receber R$ 25.500,00

(C) Bancos R$ 25.500,00


a Duplicatas a receber R$ 25.000,00
a Bancos R$ 25.500,00
a Juros a receber R$ 500,00

(D) Bancos R$ 25.500,00


a Diversos
Duplicatas a receber R$ 25.000,00
Receitas financeiras R$ 500,00

(E) Juros apropriados R$ 500,00


Contas a receber R$ 25.500,00
a Duplicatas a receber em atraso R$ 25.500,00

Resolução:

O enunciado deseja saber o lançamento contábil na empresa emitente do título, ou seja, na


empresa que vendeu mercadorias (ou serviços) e está recebendo as duplicatas mediante
cobrança de juros. Assim:

D – Caixa ou Bancos R$ 25.500


C – Duplicatas a Receber R$ 25.000
C – Receita Financeira R$ 500

Visto que há dois lançamentos a crédito, este lançamento pode ser denotado da seguinte
forma:

Caixa ou Bancos R$ 25.500


a Diversos
Duplicatas a Receber R$ 25.000
Receita Financeira R$ 500

Assim, correta a alternativa D.

Gabarito: D

31. (VUNESP – Contador – Itatiba-SP – 2015) O contador da empresa ServiServi Serviços


Ltda., ao realizar a classificação contábil de algumas operações mercantis, identificou, na
leitura de um contrato de serviços, uma cláusula contratual cujo primeiro pagamento, por
parte da Contratante à Contratada, no valor de R$ 60.000,00, equivalente a 60% do valor

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 29


www.igorcintra.com.br

total do contrato, dar-se-á mediante a emissão da nota fiscal, suportando o respectivo


valor (não considerando qualquer incidência de impostos). Diante disso e considerando
que os serviços não foram iniciados, a empresa contratada deverá escriturar essa
operação na contabilidade utilizando as seguintes rubricas contábeis:

(A) Débito – Disponibilidades


Crédito – Receita a Apropriar – Passivo Circulante – R$ 60.000,00

(B) Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante


Crédito – Receita de Venda de Serviços – Resultado – R$ 60.000,00

(C) Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante – R$ 100.000,00


Crédito – Receita a Apropriar – Ativo Circulante – R$ 40.000,00
Crédito – Receita de Exercício Futuro – Passivo Não Exigível – R$ 60.000,00

(D) Débito – Disponibilidades – Ativo Circulante – R$ 60.000,00


Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante – R$ 40.000,00
Crédito – Adiantamento de Fornecedor – Passivo Circulante – R$ 100.000,00

(E) Débito – Disponibilidades – Ativo Circulante – R$ 60.000,00


Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante – R$ 40.000,00
Crédito – Receitas a Realizar – Resultado – R$ 100.000,00

Resolução:

O enunciado diz que a empresa contratante realizou um pagamento de R$ 60.000,00 a


empresa contratada. Portanto, obviamente que a empresa contratada (quem recebeu) irá
reconhecer um débito neste valor em suas disponibilidades. Apenas com este raciocínio já
eliminamos as alternativas B e C, não é?

Além disso, o enunciado disse que os R$ 60.000,00 representam 60% do valor total do
contrato. Consequentemente, o valor total do contrato é de R$ 100.000,00, dos quais R$
40.0000,00 serão recebidos no futuro. Assim, considerando que os serviços ainda não foram
iniciados, a empresa contratada irá efetuar o seguinte lançamento:

D – Disponibilidades R$ 60.000,00 (Ativo Circulante)


C – Adiantamento de Clientes R$ 60.000,00 (Passivo Circulante)

Perceba que a conta “Adiantamento de Clientes” nada mais é que uma Receita a Apropriar
quando da prestação do serviço. Ou seja, no momento da efetiva prestação do serviço a
entidade contratada realizará o seguinte lançamento:

D – Adiantamento de Clientes R$ 60.000,00 (Passivo Circulante)


D – Clientes R$ 40.000,00 (Ativo Circulante)
C – Receita de Serviços R$ 100.000,00 (Resultado)

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 30


www.igorcintra.com.br

Com isso, correta a alternativa A (veja que o enunciado enfatiza que “que os serviços não
foram iniciados”).

Gabarito: A

32. (VUNESP – Técnico de Contabilidade – UNESP – 2014) Uma empresa de transporte


decidiu pela venda de um veículo à vista, a qual foi realizada pelo valor de custo histórico,
livre da depreciação, não obtendo lucro ou prejuízo na transação. À luz das atuais normas
brasileiras de contabilidade, o registro dessa transação na contabilidade considerou os
seguintes lançamentos:

(A) débito de despesas não operacionais e crédito de veículos; débito de despesas não
operacionais e crédito de disponibilidades.

(B) débito de veículos e crédito de caixa e crédito de receitas não operacionais.

(C) crédito de veículos e débito de contas a receber e crédito e vendas.

(D) débito de veículos e crédito de receitas não operacionais; débito de caixa e crédito de
receitas de vendas.

(E) débito de disponível e crédito de outras receitas operacionais; débito de outras despesas
operacionais e crédito de veículos.

Resolução:

A baixa de um bem pela venda deve ser realizada em dois lançamentos, um pela baixa do
bem e outro pelo recebimento do valor de venda. Assim:

D – Outras Despesas (Resultado)


C – Veículos (ANC Imobilizado)

Perceba que aqui efetuei apenas um lançamento a crédito em veículos mas o mais correto
seria segregar este lançamento em dois, dando baixa tanto no veículo (pelo seu custo
histórico) e também de sua depreciação (através de um lançamento a débito). Para facilitar
já lancei o valor contábil diretamente a crédito. Bem, com isso falta lançar o valor recebido
pela venda!

D – Caixa (Ativo Circulante)


C – Outras Receitas (ANC Imobilizado)

Assim, correta a alternativa E.

Salienta-se que a VUNESP escorregou ao mencionar “Outras Receitas/Despesas


Operacionais”. Na verdade trata-se de “Outras Receitas/Despesas” (ou antigas

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 31


www.igorcintra.com.br

Receitas/Despesas Não Operacionais), que são aquelas provenientes da venda de bens do


imobilizado.

Outras Receitas Operacionais referem-se às atividades acessórias da entidade como


Resultado de Equivalência Patrimonial ou Dividendos recebidos daqueles investimentos
avaliados pelo custo.

Gabarito: E

33. (VUNESP – Analista – PRODESP – 2014) Em 30 de novembro de 2013, uma empresa


prestadora de serviços gráficos recebeu de seu cliente uma importância equivalente a R$
200.000,00, por conta de serviços a serem prestados ao longo do primeiro trimestre de
2014. O registro contábil de tal operação, sob a ótica das variações patrimoniais, implicará
em

a) Redução do Prejuízo ou Aumento do Lucro.

b) Redução do Prejuízo ou Aumento do Patrimônio Líquido.

c) Redução do Ativo e do Passivo.

d) Aumento da Receita e do Ativo.

e) Aumento do Ativo e do Passivo.

Resolução:

Em 30 de novembro, data do recebimento do pagamento antecipado, a entidade deverá


reconhecer uma obrigação, qual seja: realização futura se um serviço a ser prestado no
primeiro trimestre de 2014.

D – Caixa (Ativo)
C – Adiantamento de Clientes (Passivo Exigível)

Com isso, percebe-se que houve aumento no ativo e passivo da entidade.

Gabarito: E

34. (FGV – Agente de Fiscalização – TCM-SP – 2015) A Cia. Expec adquiriu mercadorias a
prazo, no dia 01/04/20x4, pelo valor de R$50.000, com incidência de 18% de ICMS. O
estoque adquirido era composto por 2.000 unidades. Após a inspeção das mercadorias
recebidas, a empresa procedeu à devolução de 15% da compra.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 32


www.igorcintra.com.br

O lançamento contábil para registro da devolução pela Cia. Expec é o seguinte:

(A) D – Fornecedores – R$7.500


C – Estoque de mercadorias – R$7.500

(B) D – Estoque de mercadorias – R$7.500


C – Fornecedores – R$7.500

(C) D – Fornecedores – R$7.500


C – Estoque de mercadorias – R$6.150
C – ICMS a recuperar – R$1.350

(D) D – Fornecedores – R$8.850


C – Estoque de mercadorias – R$7.500
C – ICMS a recuperar – R$1.350

(E) D – Fornecedores – R$8.850


C – Estoque de mercadorias – R$7.500
C – ICMS a recolher – R$1.350

Resolução:

Se estiver na dúvida em relação ao lançamento da devolução faça o lançamento original, ou


seja, da aquisição!

Sabe-se que na aquisição a Cia. Expec efetuou o seguinte registro contábil:

D – Estoques R$ 41.000,00 (Ativo)


D – ICMS a Recuperar R$ 9.000,00 (Ativo)
C – Fornecedores R$ 50.000,00 (Passivo)

O lançamento da devolução terá comportamento oposto. Como só foram devolvidas 15%


das mercadorias temos o seguinte lançamento:

Sabe-se que na aquisição a Cia. Expec efetuou o seguinte registro contábil:

D – Fornecedores R$ 7.500,00 (Passivo)


C – Estoques R$ 6.150,00 (Ativo)
C – ICMS a Recuperar R$ 1.350,00 (Ativo)

Assim, correta a alternativa C.

Gabarito: C

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 33


www.igorcintra.com.br

35. (FGV – Técnico – COMPESA – 2014) Durante o mês de dezembro de 2013, uma empresa
realizou as seguintes transações:

 Contratou e pagou o seguro dos caminhões que serão usados para transporte por dois
anos, a partir de janeiro de 2014, no valor total de R$ 24.000,00.
 Comprou material de escritório a ser utilizado pelos seis meses seguintes por R$ 600,00.
 Fechou contrato para aluguel de um galpão que será utilizado nos negócios da empresa
por um semestre, a partir de fevereiro de 2014, por R$ 1.200,00.

Considere que, até 01/12/2013, a empresa não possuía outras operações classificadas
como despesas antecipadas.

Com base nas informações acima, o valor das despesas antecipadas no Ativo Circulante da
empresa, em 31/12/2013, é de

(A) R$ 12.000,00.

(B) R$ 12.600,00.

(C) R$ 13.200,00.

(D) R$ 24.000,00.

(E) R$ 25.200,00.

Resolução:

Vamos analisar os fatos contábeis apresentados!

 Contratou e pagou o seguro dos caminhões que serão usados para transporte por dois anos, a
partir de janeiro de 2014, no valor total de R$ 24.000,00.

Parte do seguro pago antecipadamente será contabilizado no Ativo Circulante (referente aos
meses entre janeiro e dezembro de 2014). O restante será contabilizado no Ativo Não
Circulante, pois refere-se a seguro de períodos posteriores ao término do exercício seguinte.
Assim:

D – Seguros a Vencer R$ 12.000,00 (AC)


D – Seguros a Vencer R$ 12.000,00 (ANC)
C – Caixa R$ 24.000,00 (AC)

 Comprou material de escritório a ser utilizado pelos seis meses seguintes por R$ 600,00.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 34


www.igorcintra.com.br

Para a FGV a compra de material de escritório, dada sua imaterialidade, é considerada como
despesa logo na entrada destes itens na entidade. Assim:

D – Material de Escritório R$ 600,00 (Resultado)


C – Caixa R$ 600,00 (AC)

 Fechou contrato para aluguel de um galpão que será utilizado nos negócios da empresa por um
semestre, a partir de fevereiro de 2014, por R$ 1.200,00.

O fechamento do contrato de aluguel é um ato contábil (e não um fato contábil) e, portanto,


não deve ser contabilizado. Se houvesse um pagamento antecipado (como ocorreu em
relação aos seguros) a história seria diferente!

Com isso, conclui-se que o total das Despesas Antecipadas no Ativo Circulante serão, em
31/12/2013, de R$ 12.000,00.

Gabarito: A

36. (FGV – Contador – SEDUC-AM – 2014) A Cia X é uma empresa de consultoria. Em seu
balanço patrimonial, de 31/12/2013, deve estar contabilizado como ativo circulante:

(A) Empréstimo bancário obtido com prazo de 05 de outubro de 2014.

(B) Saldo a receber de clientes em 10 de janeiro de 2015.

(C) Contas a receber por um serviço de consultoria prestado à empresa controlada, para
recebimento em julho de 2014.

(D) Adiantamento a acionista que deverá ser recebido em maio de 2014.

(E) O saldo de dividendos a ser distribuído referente ao ano de 2013.

Resolução:

Antes de analisar as alternativas lembre-se de que serão classificados no:

 Ativo Circulante: as disponibilidades, os direitos realizáveis no curso do exercício


social subsequente e as aplicações de recursos em despesas do exercício seguinte
 ANC – Realizável a Longo Prazo: os direitos realizáveis após o término do exercício
seguinte, assim como os derivados de vendas, adiantamentos ou empréstimos a sociedades
coligadas ou controladas (artigo 243), diretores, acionistas ou participantes no lucro da
companhia, que não constituírem negócios usuais na exploração do objeto da companhia.

(A) Empréstimo bancário obtido com prazo de 05 de outubro de 2014.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 35


www.igorcintra.com.br

O empréstimo bancário está contabilizado no Passivo Circulante, o que torna a alternativa


incorreta.

(B) Saldo a receber de clientes em 10 de janeiro de 2015.

Como o direito será realizável após o término do exercício subsequente (que ocorre em
31/12/2014), tal saldo será classificado, em 31/12/2013, no ANC – Realizável a Longo
Prazo.

(C) Contas a receber por um serviço de consultoria prestado à empresa controlada, para
recebimento em julho de 2014.

Perceba que a prestação se serviço é atividade usual da entidade. Assim, não importa para
quem foi realizado tal serviço, a classificação em Circulante e Não Circulante deve ser feita
de acordo com o prazo de recebimento. Como este ocorrerá durante o exercício social
subsequente, a entidade deverá classifica-lo no Ativo Circulante.

(D) Adiantamento a acionista que deverá ser recebido em maio de 2014.

Independentemente do prazo de realização, adiantamento ou empréstimos a sociedades


coligadas ou controladas, diretores, acionistas ou participantes no lucro da companhia
serão classificados no ANC – Realizável a Longo Prazo.

(E) O saldo de dividendos a ser distribuído referente ao ano de 2013.

Os dividendos distribuídos serão classificados no Passivo Circulante da entidade.

Assim, correta a alternativa C.

Gabarito: C

Lembrete importante! São tratados como:

JUROS ATIVOS
RECEITAS
DESCONTOS ATIVOS

JUROS PASSIVOS
DESPESAS
DESCONTOS PASSIVOS

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 36


www.igorcintra.com.br

37. (ESAF – Contador – Ministério do Turismo – 2014) A firma Entreoutras Ltda. acertou o
pagamento antecipado de uma conta de R$ 7.000,00, aceitando um desconto financeiro
de 15%, o que provocou a necessidade de efetuar um registro contábil na forma seguinte:

a) Débito de contas a Pagar R$ 7.000,00


Crédito de Caixa R$ 5.950,00
e Crédito de Receitas R$ 1.050,00

b) Débito de Caixa R$ 5.950,00


Débito de Receitas R$ 1.050,00
e Crédito de Contas a Pagar R$ 7.000,00

c) Débito de Contas a Pagar R$ 8.050,00


Crédito de Caixa R$ 7.000,00
e Crédito de Receitas R$ 1.050,00

d) Débito de Caixa R$ 7.000,00


Crédito de Contas a Pagar R$ 5.950,00
e Crédito de Receitas R$ 1.050,00

e) Débito de contas a Pagar R$ 7.000,00


Crédito de Caixa R$ 5.950,00
e Crédito de Descontos Concedidos R$ 1.050,00

Resolução:

O pagamento antecipado de uma conta com desconto gera uma Receita Financeira
(Descontos Ativos). O valor do desconto será de 5% sobre o valor do título. Assim:

𝑫𝒆𝒔𝒄𝒐𝒏𝒕𝒐𝒔 𝑨𝒕𝒊𝒗𝒐𝒔 = 5% × 𝑅$ 7.000,00 = 𝑹$ 𝟏. 𝟎𝟓𝟎, 𝟎𝟎

Desta maneira, conclui-se que a entidade desembolsou apenas R$ 6.950,00 para quitar sua
dívida e o lançamento contábil será:

D – Contas a Pagar R$ 7.000,00 ( Passivo Exigível)


C – Caixa R$ 5.950,00 ( Ativo Circulante)
C – Descontos Ativos R$ 1.050,00 ( Resultado)

Gabarito: A

38. (ESAF – Contador – Ministério do Turismo – 2014) A Empresótima Ltda. prestou


serviços pelo valor de R$ 8.000,00 e aceitou uma duplicata para 30 dias. Na liquidação

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 37


www.igorcintra.com.br

dessa letra, em moeda corrente, ocorreu a incidência de juros de 12%, por isto também
deverá ocorrer o seguinte registro contábil:

a) Débito de Caixa R$ 8.960,00


Crédito de Duplicatas a Receber R$ 8.000,00
e Crédito de Receitas R$ 960,00

b) Débito de Duplicatas a Receber R$ 8.000,00


Débito de Despesas R$ 960,00
e Crédito de Caixa R$ 8.960,00

c) Débito de Caixa R$ 8.000,00


Crédito de Duplicatas a Receber R$ 7.040,00
e Crédito de Receitas R$ 960,00

d) Débito de Caixa R$ 8.960,00


Crédito de Duplicatas a Pagar R$ 8.000,00
e Crédito de Receitas R$ 960,00

e) Débito de Duplicatas a Pagar R$ 8.000,00


Débito de Despesas R$ 960,00
e Crédito de Caixa R$ 8.960,00

Resolução:

O recebimento de direitos com cobrança de juros gera uma Receita Financeira (Juros Ativos).
O valor da receita será de 12% sobre o valor do título. Assim:

𝑱𝒖𝒓𝒐𝒔 𝑨𝒕𝒊𝒗𝒐𝒔 = 12% × 𝑅$ 8.000,00 = 𝑹$ 𝟗𝟔𝟎, 𝟎𝟎

Desta maneira, conclui-se que a entidade recebeu o valor de R$ 8.960,00, dos quais R$
8.000,00 referem-se ao valor nominal do título e R$ 960,00 à cobrança de juros. Assim:

D – Caixa R$ 8.960,00 ( Ativo Circulante)


C – Duplicatas a Receber R$ 8.000,00 ( Ativo Circulante)
C – Juros Ativos R$ 960,00 ( Resultado)

Gabarito: A

39. (ESAF – Analista de Comércio Exterior – 2012) O lançamento contábil apropriado para
registrar o recebimento de notas promissórias no valor de R$ 400,00 com descontos de 8%
é o que segue abaixo:

a) Diversos
a Títulos a Receber

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 38


www.igorcintra.com.br

Caixa 368,00
Descontos Passivos 32,00 400,00

b) Caixa
a Diversos
a Títulos a Receber 368,00
a Descontos Ativos 32,00 400,00

c) Diversos
a Caixa
Títulos a Receber 368,00
Descontos Passivos 32,00 400,00

d) Caixa
a Diversos
a Títulos a Receber 400,00
a Descontos Ativos 32,00 432,00

e) Diversos
a Caixa
Títulos a Receber 400,00
Descontos Passivos 32,00 432,00

Resolução:

Nota Promissória é um título que representa a promessa, do emitente, de pagar certa


quantia ao beneficiário, ou credor, desta Nota.

O enunciado diz que o desconto foi de 8% do valor da nota, de R$ 400,00. O desconto foi,
portanto, de R$ 32,00 (desconto passivo – despesa). Desta forma, conclui-se que se recebeu
R$ 368,00 pela Nota Promissória.

Lançamento: D – Caixa R$ 368,00


D – Descontos Passivos R$ 32,00
C – Clientes R$ 400,00

Gabarito: A

40. (ESAF – Analista Técnico-Administrativo – Ministério da Fazenda – 2013) O lançamento


contábil que serve para registrar, no livro Diário, o pagamento de uma duplicata de R$
15.000,00, com desconto de 10%, é o seguinte:

a) Duplicatas a Pagar
a Diversos

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 39


www.igorcintra.com.br

a Caixa 13.500,00
a Descontos Obtidos 1.500,00 15.000,00

b) Diversos
a Caixa
Duplicatas a Pagar 13.500,00
Descontos Obtidos 1.500,00 15.000,00

c) Caixa
a Diversos
a Duplicatas a Pagar 13.500,00
a Descontos Obtidos 1.500,00 15.000,00

d) Duplicatas a Pagar
a Caixa 15.000,00
Caixa
a Descontos Obtidos 1.500,00

e) Diversos
a Caixa
Duplicatas a Pagar 15.000,00
Descontos Concedidos 1.500,00 16.500,00

Resolução:

Se houve desconto no pagamento de uma duplicata, há a geração de receita (desconto ativo)


no valor de 10% de R$ 15.000,00 (R$ 1.500,00). Portanto, o lançamento será o seguinte:

D – Duplicatas a Pagar R$ 15.000,00


C – Caixa R$ 13.500,00
C – Descontos Ativos (Obtidos) R$ 1.500,00

Gabarito: A

3. ORIGENS E APLICAÇÕES DE RECURSOS

As contas de Passivo (Passivo Exigível e Patrimônio Líquido) representam as origens dos


recursos. As contas do Ativo, por sua vez, representam, por sua natureza, aplicações de
recursos.

Nunca haverá uma aplicação sem a origem correspondente. Seus saldos, portanto, são
iguais.

Por exemplo, vamos analisar a compra de mercadorias no valor de R$ 100 mil a prazo. O
lançamento correto é:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 40


www.igorcintra.com.br

D – Mercadorias R$ 100.000,00 (Ativo)


C – Fornecedores R$ 100.000,00 (Passivo Exigível)

Pergunto:

1. Qual foi a origem destas mercadorias, ou seja, de onde vieram os recursos para que eu
adquirisse tais mercadorias? Foi através da obrigação contabilizada no Passivo!
2. Qual foi a destinação, ou a aplicação, dada a estes recursos? Foi a compra das
mercadorias, contabilizadas no Ativo.

Assim, no exemplo dado, tanto as Origens quanto às Aplicações de recursos somam R$


100.000,00.

Aprendemos que as contas do Ativo possuem natureza devedora e as contas do Passivo


Exigível e Patrimônio Líquido possuem natureza credora. Também vimos que as Receitas
possuem natureza credora e as Despesas natureza devedora.

Então saiba que estão relacionados:

APLICAÇÃO DE Aumentos de contas de


RECURSOS natureza DEVEDORA

ORIGEM DE Aumento de contas de


RECURSOS natureza CREDORA

O quadro abaixo indica as situações de origens e aplicações de recursos:

ORIGENS (Créditos) APLICAÇÕES (Débitos)


Aumentos do Passivo (Exigível ou PL) Aumentos do Ativo
Diminuições do Ativo Diminuição do Passivo (Exigível ou PL)
Aumento de Resultado Diminuição de Resultado

Algumas bancas costumam cobrar, ainda, o conceito de Capital Circulante Líquido (ou capital
de giro líquido), que representa a diferença entre o Ativo Circulante e o Passivo Circulante
de uma entidade.

𝑪𝑪𝑳 = 𝑨𝒕𝒊𝒗𝒐 𝑪𝒊𝒓𝒄𝒖𝒍𝒂𝒏𝒕𝒆 − 𝑷𝒂𝒔𝒔𝒊𝒗𝒐 𝑪𝒊𝒓𝒄𝒖𝒍𝒂𝒏𝒕𝒆

Agora resolvam algumas questões!

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 41


www.igorcintra.com.br

41. (CESPE – Auditor – CGE-PI – 2015) A conta “duplicatas descontadas” representa uma
aplicação de recursos.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Sabe-se que as contas de Passivo (Passivo Exigível e Patrimônio Líquido) representam as


origens dos recursos. As contas do Ativo, por sua vez, representam, por sua natureza,
aplicações de recursos.

A conta Duplicatas Descontadas é classificada no Passivo Exigível, pois se comporta como


um empréstimo obtido junto ao banco. Desta forma, é uma origem de recursos,
contrariamente ao afirmado no enunciado.

Com isso, incorreta a afirmativa.

Gabarito: E

42. (FUNDATEC – CAGE – SEFAZ-RS – 2014) O patrimônio da empresa Tulipa Ltda. É


constituído (em mil R$) conforme demonstrado a seguir:

Ativo (em R$) Passivo (em R$)


Caixa 100,00 Fornecedores 400,00
Bancos 200,00 Notas Promissórias a Pagar 500,00
Duplicatas a Receber 1.500,00 Duplicatas Descontadas 1.000,00
Estoques 3.000,00 Capital Social 3.120,00
Máquinas 600,00 Lucros Acumulados 380,00
Total do Ativo 5.400,00 Total do Passivo 5.400,00

Com base no Balanço Patrimonial detalhado anteriormente, é correto afirmar que:

A) Os capitais de terceiros totalizam R$ 900,00.

B) Os capitais próprios totalizam R$ 3.500,00.

C) As origens totalizam R$ 3.320,00.

D) O Ativo Circulante totaliza R$ 300,00.

E) As aplicações de recursos totalizam R$ 2.400,00.

Resolução:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 42


www.igorcintra.com.br

Vamos analisar as alternativas.

a) Incorreta. Os capitais de terceiros representam o passivo exigível, que no caso em tela é


de R$ 1.900,00 (Fornecedores + Notas Promissórias a Pagar + Duplicatas Descontadas).

b) Correta. O Capital Próprio representa o Patrimônio Líquido, que vale R$ 3.500,00 (Capital
Social + Lucros Acumulados).

c) Incorreta. As contas do Passivo (Passivo Exigível e Patrimônio Líquido) representam as


origens. Desta forma, as origens totalizam R$ 5.400,00.

d) Incorreto. O Ativo Circulante é de R$ 4.800,00 (Caixa + Bancos + Duplicatas a Receber +


Estoques).

e) Incorreto. As contas do Ativo representam as aplicações. Desta forma, as aplicações


totalizam R$ 5.400,00.

Gabarito: B

43. (CESPE – ACE – TCE/PA – 2016) Uma conta de natureza devedora que não seja
retificadora expressa uma aplicação de recurso.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Contas de natureza devedora, como do ativo e despesa, representam aplicações de


recursos.

Com isso, correta a afirmativa.

Gabarito: C

44. (VUNESP – Tesoureiro – Câmara Municipal de Itápolis – 2015) Com base no balancete
de verificação emitido em 31 de dezembro de 2014 pela empresa Cola Nada Ltda. a seguir,
classifique as contas contábeis de forma a responder à questão.

Balancete contábil em 31/12/2014


Descrição da conta contábil Reais
Lucros a destinar (25.000,00)
Duplicatas descontadas (15.000,00)
Bancos 15.000,00
Adiantamento a fornecedores 10.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 43


www.igorcintra.com.br

Empréstimos e financiamentos (LP) (70.000,00)


Demais contas a receber 6.000,00
Fornecedores (40.000,00)
Empréstimos e financiamentos (40.000,00)
Provisão para devedores duvidosos (7.000,00)
Mútuos com empresas ligadas 10.000,00
Estoques 60.000,00
Impostos a recuperar de LP 8.000,00
Provisões diversas (8.000,00)
Investimentos 10.000,00
Impostos a recolher (19.000,00)
Contas a pagar (2.000,00)
Aplicações financeiras 50.000,00
IR e CSL a pagar (11.000,00)
Contas a pagar de longo prazo (2.000,00)
Ativos intangíveis 15.000,00
Contingências trabalhistas de LP (23.000,00)
Lucro líquido do exercício (41.000,00)
Ajustes patrimoniais (15.000,00)
Caixa 1.000,00
Títulos a receber de LP 9.000,00
Salários a pagar (12.000,00)
Capital (20.000,00)
Contas a receber de clientes 70.000,00
Imobilizado 120.000,00
Reservas de capital (10.000,00)
Depreciação acumulada (24.000,00)

O valor do Capital Circulante Líquido – CCL da empresa, em Reais, é:

a) 58.000

b) 53.600

c) 43.000

d) 41.000

e) 38.300

Resolução:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 44


www.igorcintra.com.br

Sabemos que o capital circulante líquido é dado pela diferença entre o ativo circulante e o
passivo circulante. Assim:

Ativo Circulante 205.000,00 Passivo Circulante 147.000,00


Bancos 15.000,00 Duplicatas descontadas 15.000,00
Adiantamento a fornecedores 10.000,00 Fornecedores 40.000,00
Demais contas a receber 6.000,00 Empréstimos e financiamentos 40.000,00
Estoques 60.000,00 Provisões diversas 8.000,00
Provisão para devedores duvidosos (7.000,00) Impostos a recolher 19.000,00
Aplicações financeiras 50.000,00 Contas a pagar 2.000,00
Caixa 1.000,00 IR e CSL a pagar 11.000,00
Contas a receber de clientes 70.000,00 Salários a pagar 12.000,00

Com isso, o capital circulante líquido é de R$ 58.000,00.

Gabarito: A

45. (CESPE – Especialista – FUNPRESP – 2016) Capital de giro de uma empresa se refere a
recursos, próprios ou de terceiros, necessários para sustentar as atividades operacionais
da empresa no seu dia a dia. A respeito de capital de giro, julgue o item subsequente.

O capital de giro líquido de uma empresa corresponde à diferença entre o ativo circulante
e o ativo não circulante da empresa.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

O Capital Circulante Líquido é dado pela diferença entre o Ativo Circulante e o Passivo
Circulante de uma entidade.

Assim, incorreta a afirmativa.

Gabarito: E

46. (ESAF – ATRFB – 2012) A firma Equacionada S.A. apurou o seu patrimônio em 2011,
computando os saldos iniciais e a movimentação do exercício. Disto resultaram os valores
abaixo listados:

Bens R$ 200.000,00
Direitos R$ 150.000,00
Obrigações R$ 215.000,00
Situação Líquida R$ 135.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 45


www.igorcintra.com.br

Aumentos de ativo R$ 100.000,00


Aumentos de passivo R$ 120.000,00
Reduções de ativo R$ 45.000,00
Reduções de passivo R$ 80.000,00
Obtenção de ganhos e rendas R$ 95.000,00
Realização de consumos R$ 70.000,00

Considerando que todo o movimento contábil dessa entidade está expresso na equação
acima, pode-se dizer que o item que a completa será um aumento de

a) Aplicação no valor de R$ 10.000,00.

b) Origem no valor de R$ 10.000,00.

c) Aplicação no valor de R$ 5.000,00.

d) Origem no valor de R$ 5.000,00.

e) Redução de origens no valor de R$ 5.000,00.

Resolução:

Sabemos que:

𝐴𝑡𝑖𝑣𝑜 = 𝑃𝑎𝑠𝑠𝑖𝑣𝑜 + 𝑃𝐿
(𝐵𝑒𝑛𝑠 + 𝐷𝑖𝑟𝑒𝑖𝑡𝑜𝑠) = 𝑂𝑏𝑟𝑖𝑔𝑎çõ𝑒𝑠 + 𝑃𝐿
𝑅$ 200.000,00 + 𝑅$ 150.000,00 = 𝑅$ 215.000,00 + 𝑃𝐿
𝑷𝑳 = 𝑹$ 𝟏𝟑𝟓. 𝟎𝟎𝟎, 𝟎𝟎

Perceba que o PL é igual à situação líquida que o enunciado forneceu. Vamos analisar, então,
as origens e as aplicações.

ORIGENS APLICAÇÕES
Aumento de Passivo R$ 120.000,00 Aumento de Ativo R$ 100.000,00
Reduções de Ativo R$ 45.000,00 Reduções de Passivo R$ 80.000,00
Obtenção de Ganhos e Rendas R$ 95.000,00 Realização de Consumos R$ 70.000,00
TOTAL R$ 260.000,00 R$ 250.000,00

Como o total das origens é superior em R$ 10.000,00 em relação ao total das aplicações,
conclui-se que o item que a completa será uma aplicação de R$ 10.000,00.

Gabarito: A

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 46


www.igorcintra.com.br

47. (FGV – Contador – Assembleia Legislativa-MT – 2013) Assinale a alternativa que indica
as contas que representam componentes patrimoniais das origens dos recursos, por sua
natureza de saldo.

(A) Caixa, aplicações financeiras e estoques para revenda.

(B) Capital social, debêntures emitidas e juros ativos.

(C) Instrumentos financeiros ativos, salários a pagar e impostos a recuperar.

(D) Receita de venda, imóveis para renda e perda na alienação de bens.

(E) Custo de mercadoria vendida, fornecedores e impostos a recolher.

Resolução:

As contas de Passivo (Passivo Exigível e Patrimônio Líquido) e de Receita representam as


origens dos recursos. As contas do Ativo e Despesa, por sua vez, representam, por sua
natureza, aplicações de recursos.

Assim, vamos procurar a alternativa que apresenta contas de Passivo e Receita.

(A) Caixa (Ativo), aplicações financeiras (Ativo) e estoques para revenda (Ativo).

(B) Capital social (PL), debêntures emitidas (Passivo Exigível) e juros ativos (Receita).

(C) Instrumentos financeiros ativos (Ativo), salários a pagar (Passivo Exigível) e impostos a recuperar
(Ativo).

(D) Receita de venda (Receita), imóveis para renda (Ativo) e perda na alienação de bens (Despesa).

(E) Custo de mercadoria vendida (Despesa), fornecedores (Passivo Exigível) e impostos a recolher
(Passivo Exigível).

Gabarito: B

Vamos passar para o estudo dos fatos contábeis, que é um assunto de extrema importância
pra provas de contabilidade geral.

4. FATO CONTÁBIL

Os fatos contábeis são todos acontecimentos que provocam alterações qualitativas e/ou
quantitativas no patrimônio da empresa, podendo alterar, ou não, a situação líquida
patrimonial. A classificação dos fatos contábeis é dividida em:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 47


www.igorcintra.com.br

 Fatos Permutativos: aqueles que não alteram o valor do patrimônio líquido, visto que
representam apenas permuta entre elementos patrimoniais.

 Fatos Modificativos: aqueles que alteram o valor do patrimônio líquido.

 Fatos Mistos: são aqueles que são simultaneamente permutativos e modificativos.

Zé Curioso: “Professor, ficou muito vago. Vamos ver exemplos de cada um?”.

Opa! Vamos lá! Mas antes disso eu quero que você resolva as próximas questões!

48. (VUNESP – Contador – Cotia/SP – 2017) As ocorrências que se registram no patrimônio


das entidades, trazendo-lhe variações específicas ou quantitativas, são consideradas

(A) fatos contábeis.

(B) variações patrimoniais.

(C) partidas dobradas.

(D) métodos contábeis.

(E) elementos patrimoniais.

Resolução:

Os fatos contábeis são todos acontecimentos que provocam alterações qualitativas e/ou
quantitativas no patrimônio da empresa, podendo alterar, ou não, a situação líquida
patrimonial. A classificação dos fatos contábeis é dividida em:

 Fatos Permutativos (qualitativos ou compensativos): aqueles que não alteram o valor do


patrimônio líquido, visto que representam apenas permuta entre elementos
patrimoniais.
 Fatos Modificativos (quantitativos): aqueles que alteram o valor do patrimônio líquido.
 Fatos Mistos (compostos): são aqueles que são simultaneamente permutativos e
modificativos.

Com isso, correta a alternativa A.

Gabarito: A

49. (VUNESP – Técnico em Contabilidade – UNIFESP – 2014) São ocorrências que se


registram no patrimônio e trazem variações específicas ou quantitativas. São todos os

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 48


www.igorcintra.com.br

acontecimentos suscetíveis de registro, ou contabilização, donde a designação de


contábeis.

O texto refere-se a

(A) Fatos patrimoniais.

(B) Fatos contábeis.

(C) Fatos administrativos.

(D) Mutações patrimoniais.

(E) Variações patrimoniais.

Resolução:

Não há nem o que comentar nesta questão. O enunciado traz o conceito de fato contábil, o
que torna a alternativa B correta.

Lembre-se que nem sempre um fato contábil altera a situação líquida patrimonial (fatos
permutativos).

Interessante destacar que os fatos administrativos não provocam alterações patrimoniais na


entidade (qualitativas ou quantitativas), razão pela qual não são evidenciados pela
contabilidade (exemplo: contratação de funcionários, realização de avais etc).

Gabarito: B

50. (VUNESP – Analista – SPTrans – 2012) Os acontecimentos que ocorrem na empresa e


não provocam alterações no patrimônio, denomina-se atos e fatos administrativos.

São eles
I. admissão de empregados;
II. compra de mercadorias a prazo;
III. assinatura de contratos;
IV. pagamento de fornecedores;
V. aval de títulos, finanças a favor de terceiros;
VI. venda de mercadorias a prazo.

É correto o que afirma apenas em

(A) I, III, e V.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 49


www.igorcintra.com.br

(B) I, III, IV e V.

(C) II, III, IV e V.

(D) I, II, III, V e VI.

(E) II, III, IV, V e VI.

Resolução:

Conforme comentado anteriormente, os fatos administrativos são aqueles que não


provocam variações no patrimônio da entidade, sejam de forma quantitativa ou qualitativa.

Neste sentido, são fatos administrativos:


I. admissão de empregados;
III. assinatura de contratos;
V. aval de títulos, finanças a favor de terceiros;

Os demais itens trazem exemplos de fatos contábeis, que interessam à contabilidade.

Gabarito: A

4.1 Fatos Permutativos

Como já dito, não alteram o valor do patrimônio líquido. Isso não quer dizer que não possa
alterar o patrimônio líquido (entre componentes do PL – veja a quinta situação abaixo). São
cinco situações de fatos permutativos:

1. Aumento do Ativo e Passivo de mesmo valor. Exemplo: compra de mercadorias a


prazo. Lançamento:

D – Estoques ( Ativo)
C – Fornecedores ( Passivo)

2. Diminuição do Ativo e Passivo de mesmo valor. Exemplo: pagamento de fornecedores.


Lançamento:

D – Fornecedores ( Passivo)
C – Caixa ( Ativo)

3. Aumento e diminuição concomitante do Ativo. Exemplo: compra de mercadorias à


vista, Lançamento:

D – Estoques ( Ativo)

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 50


www.igorcintra.com.br

C – Caixa ( Ativo)

4. Aumento e diminuição concomitante do Passivo. Exemplo: retenção do IR incidente


nos salários dos empregados. Lançamento:

D – Salários a Pagar ( Passivo)


C – IRRF a Recolher ( Passivo)

5. Aumento e diminuição concomitante do Patrimônio Líquido. Exemplo: aumento do


Capital Social com a utilização de Reservas de Capital. Lançamento:

D – Reserva de Capital ( Patrimônio Líquido)


C – Capital Social ( Patrimônio Líquido)

4.2 Fatos Modificativos

Conforme vimos, alteram o valor do patrimônio líquido. Existem duas modalidades:


aumentativos ou diminutivos.

1. Aumentativos: aumentam a situação líquida patrimonial. Podem ocorrer em duas


hipóteses: em virtude de aumentos do ativo ou diminuição do passivo.

 Aumentos do Ativo: Recebimento de renda de Aluguel. Lançamento:

D – Caixa ( Ativo)
C – Aluguéis Ativos ( Receita → PL)

 Diminuição do Passivo: Prescrição de impostos. Lançamento:

D – Impostos a Pagar ( Passivo)


C – Receita com Prescrição de Impostos ( Receita → PL)

2. Diminutivos: diminuem a situação líquida patrimonial. Podem ocorrer em duas


hipóteses: em virtude de diminuição do ativo ou aumento do passivo.

 Diminuição do Ativo: Pagamento de Juros. Lançamento:

D – Juros Passivos ( Despesa → PL)


C – Caixa ( Ativo)

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 51


www.igorcintra.com.br

 Aumento do Passivo: Apropriação de Despesas de Energia. Lançamento:

D – Despesas de Energia ( Despesa → PL)


C – Despesas de Energia a Pagar ( Passivo)

4.3 Fatos Mistos (ou Compostos)

Podem ser mistos aumentativos ou mistos diminutivos.

1. Aumentativos: são simultaneamente fatos permutativos e modificativos aumentativos.


Geram aumento do Patrimônio Líquido. Existem três modalidades:

 Aumento do Ativo > Diminuição do Ativo: Recebimento de duplicatas, no valor de


R$ 100,00, com juros de 10% por pagamento atrasado. Lançamento:

D – Caixa R$ 110,00 ( Ativo)


C – Clientes R$ 100,00 ( Ativo)
C – Juros Ativos R$ 10,00 ( Receita)

 Diminuição do Ativo < Diminuição do Passivo: Pagamento antecipado de duplicatas,


no valor de R$ 100,00, com desconto de 5%. Lançamento:

D – Fornecedores R$ 100,00 ( Passivo)


C – Caixa R$ 95,00 ( Ativo)
C – Descontos Ativos R$ 5,00 ( Receita)

 Aumento do Passivo < Diminuição do Passivo: Troca de dívida com desconto


(exemplo: duplicata a pagar por nota promissória a pagar). Lançamento:

D – Duplicatas a Pagar R$ 100,00 ( Passivo)


C – Notas Promissórias a Pagar R$ 97,00 ( Passivo)
C – Descontos Obtidos R$ 3,00 ( Receita)
2. Diminutivos: são simultaneamente fatos permutativos e modificativos diminutivos.
Geram diminuição do Patrimônio Líquido. Existem três modalidades:

 Aumento do Ativo < Diminuição do Ativo: Recebimento de duplicatas, no valor de R$


100,00, com desconto de 10%. Lançamento:

D – Caixa R$ 90,00 ( Ativo)


D – Juros Passivos R$ 10,00 ( Despesa)
C – Clientes R$ 100,00 ( Receita)

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 52


www.igorcintra.com.br

 Diminuição do Ativo > Diminuição do Passivo: Pagamento atrasado de duplicatas, no


valor de R$ 100,00, com juros de 5%. Lançamento:

D – Fornecedores R$ 100,00 ( Passivo)


D – Juros Passivos R$ 5,00 ( Despesa)
C – Caixa R$ 105,00 ( Ativo)

 Aumento do Passivo > Diminuição do Passivo: Troca de dívida com juros (exemplo:
duplicata a pagar por nota promissória a pagar). Lançamento:

D – Duplicatas a Pagar R$ 100,00 ( Passivo)


D – Juros Passivos R$ 103,00 ( Despesa)
C – Notas Promissórias a Pagar R$ 3,00 ( Passivo)

Para matar este assunto vamos resolver uma bateria de exercícios?

51. (CESPE – Analista – FUNPRESP-JUD – 2016) Todos os fatos contábeis modificativos e


mistos envolvem, ao menos, um lançamento em alguma conta de resultado.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Os fatos contábeis são todos acontecimentos que provocam alterações qualitativas e/ou
quantitativas no patrimônio da empresa, podendo alterar, ou não, a situação líquida
patrimonial. A classificação dos fatos contábeis é dividida em:
 Fatos Permutativos (qualitativos ou compensativos): aqueles que não alteram o valor
do patrimônio líquido, visto que representam apenas permuta entre elementos
patrimoniais.

 Fatos Modificativos (quantitativos): aqueles que alteram o valor do patrimônio


líquido.

 Fatos Mistos (compostos): são aqueles que são simultaneamente permutativos e


modificativos.

Conclui-se, portanto, que os fatos modificativos e mistos envolvem contas de resultado, pois
impactam o valor do Patrimônio Líquido.

Assim, correta a afirmativa.

Apenas ressalto que a integralização de capital social ~´e uma exceção a esta regra, pois
representa um fato modificativo aumentativo e não envolve contas de resultado.

Gabarito: C

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 53


www.igorcintra.com.br

52. (FEPESE – Contador – Palhoça-SC – 2015) Variações Patrimoniais qualitativas são:

a) aquelas que diminuem o patrimônio líquido.

b) aquelas que aumentam o patrimônio líquido.

c) aquelas que aumentam ou diminuem o patrimônio líquido.

d) aquelas em que ocorrem permutações de mesmo valor dos elementos do Patrimônio, ou


seja, as alterações do Patrimônio que não alteram o valor do Patrimônio Líquido.

e) aquelas em que não ocorrem permutações de valores dos elementos do Patrimônio, ou


seja, as alterações do Patrimônio que alteram o valor do Patrimônio Líquido positiva ou
negativamente.

Resolução:

Os fatos contábeis são todos acontecimentos que provocam alterações qualitativas e/ou
quantitativas no patrimônio da empresa, podendo alterar, ou não, a situação líquida
patrimonial. A classificação dos fatos contábeis é dividida em:

 Fatos Permutativos (qualitativos ou compensativos): aqueles que não alteram o valor


do patrimônio líquido, visto que representam apenas permuta entre elementos
patrimoniais.

 Fatos Modificativos (quantitativos): aqueles que alteram o valor do patrimônio líquido.

 Fatos Mistos (compostos): são aqueles que são simultaneamente permutativos e


modificativos.

Com isso, correta a alternativa D.

Gabarito: D

53. (CESPE – Analista de Controle – TCE/PA – 2016) Um evento que altera de forma
qualitativa, mas não monetária, o patrimônio de uma entidade é um fato administrativo,
mas não um fato contábil.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Fatos Permutativos (qualitativos ou compensativos) são aqueles que não alteram o valor
do patrimônio líquido, visto que representam apenas permuta entre elementos

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 54


www.igorcintra.com.br

patrimoniais. Ou seja, não há alteração no valor total do Patrimônio Líquido, apesar de ser
possível a alteração entre elementos do Patrimônio Líquido!

Zé Curioso: “Professor, não entendi a conclusão acima!”

Zé, basta imaginar o aumento do Capital Social utilizando a Reserva de Capital. Veja seu
lançamento contábil:

D – Reserva de Capital ( PL)


C – Capital Social ( PL)

Perceba que não houve alteração no valor total do PL, mas apenas uma variação entre
elementos do próprio PL (variação qualitativa).

A afirmativa está incorreta ao mencionar que trata-se de um fato administrativo mas não
um fato contábil. Os fatos contábeis são todos acontecimentos que provocam alterações
qualitativas e/ou quantitativas no patrimônio da empresa, podendo alterar, ou não, a
situação líquida patrimonial. Assim, evidente que trata-se também de um fato contábil.

Gabarito: E

54. (CESPE – Analista de Controle – TCE/PA – 2016) A compra de uma mercadoria à vista,
com desconto incondicional, é um fato contábil misto que aumenta o patrimônio da
entidade.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Segundo o CPC 16 – Estoques, o custo de aquisição dos estoques compreende o preço de


compra, os impostos de importação e outros tributos (exceto os recuperáveis junto ao fisco),
bem como os custos de transporte, seguro, manuseio e outros diretamente atribuíveis à
aquisição de produtos acabados, materiais e serviços. Descontos comerciais (ou
incondicionais), abatimentos e outros itens semelhantes devem ser deduzidos na
determinação do custo de aquisição.

Assim, vamos realizar o lançamento contábil da compra de uma mercadoria à vista de R$


100 com desconto incondicional de R$ 5.

D – Estoques R$ 95 (Ativo)
C – Caixa R$ 95 (Ativo)

Trata-se, portanto, de um fato permutativo que não afeta o PL da entidade, o que torna a
afirmativa incorreta.

Gabarito: E

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 55


www.igorcintra.com.br

55. (CESPE – Contador – DPU – 2016) O recebimento de vendas a prazo é considerado um


fato contábil permutativo, visto que ele não provoca alterações no patrimônio líquido da
entidade e modifica apenas a composição do ativo circulante com o aumento das
disponibilidades.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Inicialmente vamos analisar o lançamento contábil de vendas realizadas a prazo.

D – Clientes (Ativo Circulante)


D – CMV (Resultado)
C – Receita de Vendas (Resultado)
C – Estoques (Ativo Circulante)

No ato do recebimento destas vendas realizadas a prazo, que é o foco do enunciado, a


entidade realizará o seguinte lançamento contábil:

D – Caixa (Ativo Circulante)


C – Clientes (Ativo Circulante)

Trata-se, portanto, se um fato permutativo entre elementos do Ativo Circulante,


provocando aumento das disponibilidades.

Assim, correta a afirmativa.

Gabarito: C

56. (VUNESP – Controlador Interno – Câmara de Registro/SP – 2016) Uma empresa de


prestação de serviços no setor de limpeza comprou recentemente, à vista, 200 novos
equipamentos de limpeza para substituir os equipamentos antigos e ultrapassados. Esse
evento contábil significa um fato

a) misto diminutivo no Ativo e no Passivo.

b) modificativo no Passivo não Circulante.

c) permutativo entre elementos do Passivo.

d) permutativo entre elementos do Ativo.

e) misto nos elementos do Passivo.

Resolução:

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 56


www.igorcintra.com.br

A aquisição de novos equipamentos à vista será contabilizada da seguinte forma:

D – Máquinas e Equipamentos ( Ativo)


C – Caixa ( Ativo)

Assim, trata-se de mero fato permutativo entre elementos do ativo, o que torna a alternativa
D correta.

Gabarito: D

57. (CESPE – Contador – Ministério da Justiça – 2013) A antecipação de salários a


funcionários resulta em registro a débito de despesas e em registro a crédito de uma conta
de ativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

A antecipação de salários não resulta em lançamento em conta de resultado, classificando-


se como fato permutativo.

D – Adiantamento de Salários (Ativo)


C – Caixa (Ativo)

Com isso, incorreta a afirmativa.

Gabarito: E

58. (CESPE – Analista – MPU – 2013) Os recursos recebidos antecipadamente como parte
do pagamento de serviços a serem prestados após o término do exercício social seguinte
geram aumento simultâneo de um ativo circulante e de um passivo circulante na
contabilidade da empresa que prestará os serviços.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

O adiantamento de clientes gerará uma obrigação para a entidade, que no caso em tela é
de longo prazo, visto que o serviço será efetivamente prestado após o término do exercício
social subsequente (ou seja, período superior a 12 meses).

Com isso, o fato contábil gera aumento simultâneo no Ativo Circulante e no Passivo Não
Circulante da entidade, o que torna a afirmativa incorreta.

Gabarito: E

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 57


www.igorcintra.com.br

59. (VUNESP – Assistente – FUNDUNESP – 2014) Uma empresa possui registrada no seu
balanço patrimonial, em 31 de maio de 2014, uma “obrigação” qualquer e, em junho de
2014, ocorre o seu pagamento em espécie. Essa é uma operação que no mês de junho de
2014

a) diminui o Ativo total, e o seu reflexo no Passivo será nulo.

b) diminui o Passivo, aumenta o Ativo e reduz a Receita.

c) diminui o Ativo e o Passivo.

d) aumenta o Passivo e a Despesa.

e) aumenta o Passivo e diminui a Receita.

Resolução:

Vimos que as obrigações estão contabilizadas no Passivo Exigível. Quando a entidade paga
tal obrigação há diminuição do ativo (pela saída de caixa no ato do pagamento) e do passivo
(pela baixa da obrigação).

Com isso, correta a alternativa C.

D – Obrigação a Pagar ( Passivo Exigível)


C – Caixa ( Ativo Circulante)

Perceba que trata-se de mera permuta entre elementos patrimoniais, não afetando o
Patrimônio Líquido da entidade.

Gabarito: C

60. (VUNESP – Contador – UNIFESP – 2016) Uma empresa comercial recebe de um cliente
o pagamento de uma venda a prazo após a data de vencimento, com juros moratórios. A
escrituração contábil correta desse fato implicará

(A) um aumento do ativo e do passivo da entidade no mesmo montante.

(B) uma diminuição no ativo e no passivo da entidade no mesmo montante.

(C) nenhuma alteração no patrimônio líquido da entidade, já que se trata de um fato


permutativo.

(D) apenas uma diminuição do passivo da entidade.

(E) um aumento no ativo e no patrimônio líquido da entidade no mesmo montante.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 58


www.igorcintra.com.br

Resolução:

Vamos analisar o lançamento contábil do recebimento de clientes com juros moratórios.


Para facilitar o entendimento, imagine que determinada entidade esteja recebendo
duplicatas no valor de R$ 100 com cobrança de juros de 10%.

D – Caixa 110 ( Ativo)


C – Clientes 100 ( Ativo)
C – Juros Ativos 10 ( Resultado)

Assim, conclui-se que há aumento do Ativo e Resultado, com consequente aumento no


Patrimônio Líquido da entidade.

Gabarito: E

61. (VUNESP – Contador – Câmara de Guaratinguetá/SP – 2016) A venda de mercadorias


à vista, por um valor de R$ 3.500,00, pelas quais foi pago, a prazo, o valor de R$ 2.100,00,
representa, de acordo com as regras de lançamentos contábeis, um fato

(A) permutativo aumentativo.

(B) permutativo diminutivo.

(C) modificativo aumentativo.

(D) modificativo misto.

(E) misto.

Resolução:

Vamos analisar os lançamentos contábeis correspondentes ao reconhecimento da venda,


no valor de R$ 3.500, e da baixa das mercadorias vendidas (cujo custo de aquisição foi de R$
2.100).

D – Caixa R$ 3.500 (Ativo)


D – CMV R$ 2.100 (Resultado)
C – Receita de Vendas R$ 3.500 (Resultado)
C – Estoques R$ 2.100 (Ativo)

Assim, este fato contábil provoca uma permuta entre elementos do ativo (fato permutativo)
e também aumento no patrimônio da entidade pelo reconhecimento da venda acima do
custo de aquisição (fato modificativo aumentativo).

Com isso, conclui-se que trata-se de fato misto, o que torna a alternativa E correta.

Gabarito: E

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 59


www.igorcintra.com.br

62. (VUNESP – Contador – IAMSPE – 2012) A contabilização de despesas com salários da


administração representa um fato contábil

(A) modificativo diminutivo.

(B) modificativo aumentativo.

(C) misto diminutivo.

(D) misto aumentativo.

(E) permutativo.

Resolução:

A contabilização de despesas com salários se dá da seguinte forma:

D – Despesas com Salários ( Resultado)


C – Caixa ( Ativo Circulante)

Caso o salário não tenha sido efetivamente pago a entidade deverá realizar o seguinte
lançamento:

D – Despesas com Salários ( Resultado)


C – Salários a Pagar ( Passivo Circulante)

Veja que qualquer que seja o lançamento há diminuição da situação líquida patrimonial,
razão pela qual é considerado um fato modificativo (altera o valor do patrimônio líquido).
Como o patrimônio líquido está diminuindo de valor, trata-se de um fato modificativo
diminutivo.

Com isso, correta a alternativa A.

Gabarito: A

63. (VUNESP – Contador – FESC – 2012) A Empresa Consegue Tudo S/A adquiriu, em 10 de
janeiro de 2011, um veículo para uso da frota, por um valor de R$ 125.000,00. O plano de
pagamento foi de 50% de entrada (à vista) e 50% pagos em 12 parcelas mensais, sem
qualquer acréscimo. Esse bem será depreciado pelo seu uso, consequentemente por uma
taxa de depreciação de 33% ao ano. Essa operação de compra alterou os seguintes grupos
de contas relacionados ao balanço patrimonial

(A) ativo circulante e passivo circulante e não circulante.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 60


www.igorcintra.com.br

(B) ativo circulante e não circulante e passivo circulante.

(C) ativo não circulante, passivo não circulante e demonstração de resultado.

(D) passivo circulante e não circulante, patrimônio e demonstração do resultado.

(E) passivo não circulante, ativo permanente e demonstração do resultado.

Resolução:

O enunciado disse que a aquisição do veículo foi realizada com uma entrada de 50% e o
restante em doze parcelas. Com isso, o lançamento será:

D – Veículos (ANC – Imobilizado)


C – Caixa (Ativo Circulante)
C – Financiamentos a Pagar (Passivo Circulante)

Com isso, correta a alternativa B.

Gabarito: B

64. (CESPE – Auditor – CGE-PI – 2015) Se, em uma compra de materiais para estoque, 50%
do valor total for pago à vista e o restante for financiado com juros, tem-se um fato
contábil misto.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Os fatos contábeis são todos acontecimentos que provocam alterações qualitativas e/ou
quantitativas no patrimônio da empresa, podendo alterar, ou não, a situação líquida
patrimonial. A classificação dos fatos contábeis é dividida em:

 Fatos Permutativos (qualitativos ou compensativos): aqueles que não alteram o valor


do patrimônio líquido, visto que representam apenas permuta entre elementos
patrimoniais.

 Fatos Modificativos (quantitativos): aqueles que alteram o valor do patrimônio líquido.

 Fatos Mistos (compostos): são aqueles que são simultaneamente permutativos e


modificativos.

A compra a prazo de estoque é considerada como fato contábil permutativo, visto que não
provoca alteração na situação líquida da entidade. É mera troca (permuta) entre elementos
patrimoniais, o que pode ser verificado no lançamento abaixo.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 61


www.igorcintra.com.br

D – Estoques (Ativo)
C – Caixa (Ativo)
C – Fornecedores (Ativo)

Com isso, incorreta a afirmativa.

Gabarito: E

65. (CESPE – Agente da Polícia Federal – 2014) Caso uma empresa compre mercadorias a
prazo, no momento do pagamento de uma das duplicatas referentes a essa compra
ocorrerá um fato permutativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Vimos que os fatos permutativos são aqueles que não alteram o valor do patrimônio líquido,
visto que representam apenas permuta entre elementos patrimoniais.

O pagamento de mercadorias compradas a prazo é realizado pelo seguinte lançamento:

D – Fornecedores (Passivo Exigível)


C – Caixa ou Bancos conta Movimento (Ativo Circulante)

Perceba que trata-se, portanto, de mera permuta entre elementos patrimoniais.

Gabarito: C

66. (CESPE – Auditor – TCE-RN – 2015) Em uma empresa que faz controle por inventário
permanentemente, a contabilização realizada no ato da compra de mercadorias a prazo,
com juros identificáveis e embutidos, gera um fato contábil modificativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

Fato Contábil modificativo é aquele que produz variação no Patrimônio Líquido da entidade.
A partir disso vamos analisar a contabilização, no ato da compra, de mercadorias a prazo
com juros embutidos. Para facilitar seu entendimento vamos supor que as mercadorias
foram adquiridas a prazo por R$ 120 ao passo que seu valor à vista é de R$ 100, indicando a
cobrança de juros de R$ 20 na operação.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 62


www.igorcintra.com.br

D – Estoques R$ 100 (Ativo)


D – AVP de Fornecedores R$ 20 (Retificadora do Passivo Exigível)
C – Fornecedores R$ 120 (Passivo Exigível)

Perceba, portanto, que no ato da compra não há variação do Patrimônio Líquido da


entidade, razão pela qual a afirmativa está incorreta, Trata-se de mero fato permutativo.

Gabarito: E

67. (CESPE – AFT – MTE – 2013) O pagamento de duplicatas com juros é um fato
modificativo diminutivo que deve ser registrado em lançamento de terceira fórmula.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Resolução:

O pagamento de duplicatas com juros realmente é um fato misto diminutivo, pois envolve
um fato permutativo (baixa da obrigação e do dinheiro do caixa) e um fato modificativo
(saída do caixa para pagamento da despesa cm juros). Para melhor visualização vejamos seu
lançamento:

D – Duplicatas a Pagar ( Passivo Exigível)


D – Juros Passivos ( Resultado)
C – Caixa ( Ativo)

Com isso, incorreta a afirmativa.

A parte final da afirmativa não apresentou problemas, pois realmente o lançamento é de 3ª


fórmula (dois débitos e um crédito)

Gabarito: E

68. (IADES – Técnico Contábil – METRO-DF – 2014) Considerando que uma firma efetuou
o pagamento de uma duplicata no valor de $ 1.000 com desconto de 10%, assinale a
alternativa que corresponde ao lançamento contábil da operação.

a) D – Fornecedores......$ 900
C – Caixa....$ 900

b) D – Duplicatas a pagar......$ 1.000


C – Caixa ou Bancos..........$ 1.000

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 63


www.igorcintra.com.br

c) D – Duplicatas a pagar........$ 900


D – Descontos obtidos........$ 100
C – Bancos...........$ 1.000

d) D – Fornecedores..........$ 1.000
D – Descontos concedidos.......$ 100
C – Caixa ou Bancos......$ 900

e) D – Obrigações..............$ 1.000
C – Disponibilidades......$ 900
C – Receitas....................$ 100

Resolução:

Se a empresa efetuou o pagamento de uma obrigação com desconto ela deverá reconhecer
uma receita (descontos ativos). Assim, o lançamento contábil será:

D – Fornecedores $ 1.000,00 (pela baixa da obrigação)


C – Caixa ou Bancos $ 900,00 (pelo pagamento da obrigação)
C – Descontos Ativos $ 100,00 (pelo desconto obtido)

Assim, correta a alternativa C.

Gabarito: E

69. (FUNCAB – ISS-Salvador – 2014) Representa um exemplo de fato administrativo


modificativo:

A) apropriação de folha de pagamento na competência.

B) pagamento à vista a fornecedor.

C) retificação de lançamento contábil entre contas de despesa.

D) pagamento via banco a fornecedor.

E) compra de equipamento.

Resolução:

Fatos modificativos são aqueles que alteram o valor do patrimônio líquido. Vamos
aproveitar e analisar o lançamento de todos os fatos apresentados.

A) apropriação de folha de pagamento na competência.

Trata-se de um fato modificativo (diminutivo), pois altera o valor do PL.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 64


www.igorcintra.com.br

D – Despesa com Salários ( Resultado)


C – Salários a Pagar ( Passivo Exigível)

B) pagamento à vista a fornecedor.

Trata-se de um fato permutativo, pois não altera o valor do PL.

D – Estoques ( Ativo)
C – Caixa ( Ativo)

C) retificação de lançamento contábil entre contas de despesa.

A retificação de um lançamento contábil equivocado entre contas de despesa será um mero


fato permutativo, pois não altera o valor do PL. Como exemplo suponha que determinada
despesa administrativa tenha sido lançada, erroneamente, como despesa com vendas. O
lançamento contábil de retificação será:

D – Despesa Administrativa ( Resultado)


C – Despesa com Vendas ( Resultado)

D) pagamento via banco a fornecedor.

Trata-se de um fato permutativo, pois não altera o valor do PL.

D – Fornecedores ( Passivo Exigível)


C – Bancos c/ Movimento ( Ativo)

E) compra de equipamento.

Trata-se de um fato permutativo, pois não altera o valor do PL.

D – Equipamentos ( Ativo)
C – Caixa ou Duplicatas a Pagar ( Passivo Exigível)

Assim, correta a alternativa A.

Gabarito: A

70. (UEPA – Fiscal de Receitas Estaduais – SEFA-PA – 2013) Algumas ocorrências no dia-a-
dia de uma entidade provocam alterações no patrimônio e por isso precisam ser
registradas na escrituração contábil, outras ocorrências, por não afetarem o patrimônio,

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 65


www.igorcintra.com.br

não precisam de registro contábil. Com base na fundamentação teórica de atos e fatos
administrativos aplicados à empresa, é correto afirmar que:

a) compra a prazo de mercadorias representa um fato modificativo aumentativo.

b) contratação de um funcionário, com adiantamento de salário, é um ato administrativo.

c) devolução de uma mercadoria, por defeito de fabricação, é um fato misto diminuitivo.

d) pagamento de uma duplicata com acréscimo de juros é um fato misto diminuitivo.

e) venda de um imobilizado com ganho de capital é um fato permutativo.

Resolução:

a) Incorreto. A compra a prazo de mercadorias não altera o Patrimônio Líquido, sendo


classificado como Fato Permutativo.

b) Incorreto. Ato Administrativo é uma ação praticada pela administração que não
provoca alteração qualitativa e/ou quantitativa no patrimônio da entidade, portanto, a
princípio, não interessa à contabilidade. São exemplos de atos administrativos:
celebração de um contrato, contratação de funcionários, fianças, avais etc. O
adiantamento de salário é um fato administrativo que interessa à contabilidade, sendo
classificado como um Fato Permutativo.

c) Incorreto. A devolução da mercadoria não afeta o Patrimônio Líquido, sendo classificada


como Fato Permutativo.

d) Correto. O pagamento de duplicata é um fato permutativo. O pagamento dos juros


nessa operação irá diminuir o Patrimônio Líquido (fato modificativo diminutivo). Assim,
a operação é classificada como fato misto diminutivo.

e) Incorreto. A venda de um imobilizado sem ganho de capitão seria um fato permutativo.


Como houve ganho de capital (Receita), houve aumento do Patrimônio Líquido,
caracterizando um fato misto aumentativo.

Gabarito: D

5. RAZONETE

Manada, esta aula é MUITO importante para os alunos que nunca tinham visto nada sobre
Contabilidade Geral! Desta maneira, é necessário explicar alguns conceitos básicos de
contabilidade. Se você já sabe o que é um razonete, pule para o item 6.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 66


www.igorcintra.com.br

Se você é iniciante na matéria e nunca leu absolutamente nada a respeito de razonete, você
está no lugar certo! Afinal, o que são? Para que servem? De onde vieram? Assista no Globo
Repórter...!

Razonete nada mais é que uma representação gráfica de determinada conta em forma de
“T”, onde os lançamentos de saldo devedor serão realizados na parte esquerda e os de saldo
credor na parte direita. Um razonete, portanto, terá a seguinte configuração:

Vamos fazer um exemplo para visualizar este conceito?

Exemplo: A empresa SEM NOTA S/A possuía, em 31/12/2012, saldos, em reais, nas
seguintes contas:

Disponível: 50.000,00
Estoques de mercadorias: 60.000,00
Contas a pagar: 10.000,00
Capital Social: 100.000,00

Durante o mês de janeiro de 2013, a empresa realizou as seguintes operações:

Data Operação
02/01/2010 Venda de R$ 50.000,00 de seu estoque por R$ 120.000,00, à vista.
09/01/2010 Compra de estoque no valor de R$ 45.000,00 para ser pago em 45 dias, sem juros.
15/01/2010 Compra de um veículo no valor de R$ 35.000 à vista.
25/01/2010 Pagamento das Contas a Pagar no valor de R$ 10.000,00, com juros de 10%.
31/01/2010 Pagamento do aluguel do mês no valor de R$ 2.500,00.
31/01/2010 Venda de R$ 20.000,00 de seu estoque por R$ 50.000,00, a prazo.

Antes de analisarmos as seis operações propostas, vamos abrir os quatro razonetes com os
saldos iniciais propostos.
Caixa Estoques Contas a Pagar Capital Social
R$ 50.000,00 R$ 60.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 67


www.igorcintra.com.br

 1ª Operação: Venda de R$ 50.000,00 de seu estoque por R$ 120.000,00, à vista.

Lançamentos: D – R$ 120.000,00 (Caixa)


C – R$ 120.000,00 (Receita de vendas)

D – R$ 50.000,00 (Custo das Mercadorias Vendidas)


C – R$ 50.000,00 (Estoques)

Observação: A conta “Custo das Mercadorias Vendidas”, ou “CMV”, representa uma


despesa pelo custo do estoque ora vendido, e, portanto, de natureza devedora.

Razonetes:

Caixa Estoques Receita de Vendas


R$ 50.000,00 R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00

CMV Contas a Pagar Capital Social


① R$ 50.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00

 2ª Operação: Compra de estoque no valor de R$ 45.000,00 para ser pago em 45 dias,


sem juros.

Lançamentos: D – R$ 45.000,00 (Estoques)


C – R$ 45.000,00 (Fornecedores)

Razonetes:

Caixa Estoques Receita de Vendas


R$ 50.000,00 R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00 ② R$ 45.000,00

CMV Contas a Pagar Capital Social


① R$ 50.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00

Fornecedores
R$ 45.000,00 ②

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 68


www.igorcintra.com.br

 3ª Operação: Compra de um veículo no valor de R$ 35.000 à vista.

Lançamentos: D – R$ 35.000,00 (Veículos)


C – R$ 35.000,00 (Caixa)

Razonetes:

Caixa Estoques Receita de Vendas


R$ 50.000,00 R$ 35.000,00 ③ R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00 ② R$ 45.000,00

CMV Contas a Pagar Capital Social


① R$ 50.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00

Veículos Fornecedores
③ R$ 35.000,00 R$ 45.000,00 ②

 4ª Operação: Pagamento das Contas a Pagar no valor de R$ 10.000,00, com juros de


10%.

Lançamentos: D – R$ 10.000,00 (Contas a Pagar)


D – R$ 1.000,00 (Juros Passivos)
C – R$ 11.000,00 (Caixa)

Razonetes:

Caixa Estoques Receita de Vendas


R$ 50.000,00 R$ 35.000,00 ③ R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00 R$ 11.000,00 ④ ② R$ 45.000,00

CMV Contas a Pagar Capital Social


① R$ 50.000,00 ④ R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00

Veículos Fornecedores Juros passivos


③ R$ 35.000,00 R$ 45.000,00 ② ④ R$ 1.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 69


www.igorcintra.com.br

 5ª Operação: Pagamento do aluguel do mês no valor de R$ 2.500,00.

Lançamentos: D – R$ 2.500,00 (Despesa de Aluguel)


C – R$ 2.500,00 (Caixa)

Razonetes:

Caixa Estoques Receita de Vendas


R$ 50.000,00 R$ 35.000,00 ③ R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00 R$ 11.000,00 ④ ② R$ 45.000,00
R$ 2.500,00 ⑤

CMV Contas a Pagar Capital Social


① R$ 50.000,00 ④ R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00

Veículos Fornecedores Juros passivos


③ R$ 35.000,00 R$ 45.000,00 ② ④ R$ 1.000,00

Despesa de Aluguel
⑤ R$ 2.500,00

 6ª Operação: Venda de R$ 20.000,00 de seu estoque por R$ 50.000,00, a prazo.

Lançamentos: D – R$ 50.000,00 (Clientes)


C – R$ 50.000,00 (Receita de Vendas)
D – R$ 20.000,00 (CMV)
C – R$ 20.000,00 (Estoques)

Razonetes:

Caixa Estoques Receita de Vendas


R$ 50.000,00 R$ 35.000,00 ③ R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00 R$ 11.000,00 ④ ② R$ 45.000,00 R$ 20.000,00 ⑥ R$ 50.000,00 ⑥
R$ 2.500,00 ⑤

CMV Contas a Pagar Capital Social


① R$ 50.000,00 ④ R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 R$ 100.000,00
⑥ R$ 20.000,00

Veículos Fornecedores Juros passivos


③ R$ 35.000,00 R$ 45.000,00 ② ④ R$ 1.000,00

Despesa de Aluguel Clientes


⑤ R$ 2.500,00 ⑥ R$ 50.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 70


www.igorcintra.com.br

Perceba que esta representação gráfica auxilia a organização para se chegar aos saldos finais
das contas no fim do mês. Basta somar os saldos devedores e credores de cada conta que
chegamos ao saldo final das contas. Veja:

Razonetes:
Caixa Contas a Pagar Receita de Vendas
R$ 50.000,00 R$ 35.000,00 ③ ④ R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 R$ 120.000,00 ①
① R$ 120.000,00 R$ 11.000,00 ④ R$ 50.000,00 ⑥
R$ 2.500,00 ⑤ R$ 170.000,00
R$ 170.000,00 R$ 48.500,00
R$ 121.500,00
CMV
Estoques Fornecedores ① R$ 50.000,00
R$ 60.000,00 R$ 50.000,00 ① R$ 45.000,00 ② ⑥ R$ 20.000,00
② R$ 45.000,00 R$ 20.000,00 ⑥ R$ 45.000,00 R$ 70.000,00
R$ 105.000,00 R$ 70.000,00
R$ 35.000,00

Veículos Capital Social Juros passivos


③ R$ 35.000,00 R$ 100.000,00 ④ R$ 1.000,00
R$ 35.000,00 R$ 100.000,00 R$ 1.000,00

Clientes Despesa de Aluguel


⑥ R$ 50.000,00 ⑤ R$ 2.500,00
R$ 50.000,00 R$ 2.500,00

Vamos aprender em outra aula a Apuração do Resultado do Exercício (A.R.E.). Basicamente


ela representa uma conta onde lançamos todas as receitas e despesas do período. Se o saldo
for credor, teremos que as receitas foram maiores que as despesas (lucro). Se o saldo for
devedor, sabemos que houve mais despesas que receitas (prejuízo). Vamos “fechar” as
contas de receita e despesa do período do exemplo para vermos o que ocorre?

Receita de Vendas CMV


R$ 120.000,00 R$ 50.000,00
R$ 50.000,00 R$ 20.000,00
❶ R$ 170.000,00 R$ 170.000,00 R$ 70.000,00 R$ 70.000,00 ❷

Juros passivos
A.R.E. R$ 1.000,00
❷ R$ 70.000,00 R$ 170.000,00 ❶ R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 ❸
❸ R$ 1.000,00
❹ R$ 2.500,00 Despesa de Aluguel
R$ 73.500,00 R$ 170.000,00 R$ 2.500,00
R$ 96.500,00 R$ 2.500,00 R$ 2.500,00 ❹

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 71


www.igorcintra.com.br

Assim, chegamos num saldo credor de R$ 96.500,00. De outra forma, tivemos um lucro no
período analisado. Para fechar com chave de ouro vamos somar o total do ativo e comparar
com o total do passivo (passivo exigível + PL)?

Ativo 31/01/13 Passivo 31/01/13


Ativo Circulante 206.500 Passivo Circulante 45.000
Caixa 121.500 Fornecedores 45.000
Estoques 35.000
Clientes 50.000 Patrimônio Líquido 196.500
Ativo Não Circulante 35.000 Capital Social 100.000
Veículos 35.000 Lucro (A.R.E.) 96.500
Total do Ativo 241.500 Total do Passivo + PL 241.500

Perceba que o valor total do ATIVO foi igual ao valor total do PASSIVO. De forma bem
resumida é isso! Em aulas posteriores iremos estudar a fundo a Demonstração do Resultado
do Exercício e destinações que a entidade pode dar aos seus lucros.

Pessoal, com isso terminamos a aula desta semana.

Certamente muito de vocês tiveram muitas dificuldades para compreender todos os


aspectos da aula de hoje, principalmente em relação à classificação as diversas contas bem
como em relação a alguns lançamentos contábeis.

Isso é absolutamente normal!

A curva de aprendizado da contabilidade é mais lenta que das demais disciplinas, porque as
questões muitas vezes demandam conhecimentos de vários assuntos, Com isso, fica
praticamente impossível isolar as questões de forma absolutamente eficaz. Desta maneira,
vez ou outra você vai se deparar com alguma questão que envolve o conhecimento de algum
tema ainda não estudado.

Peço, neste início de curso, um pouco de paciência, ok? Tenha a convicção de que numa
segunda (ou terceira) leitura os conceitos ficarão mais claros. Aos poucos vamos
caminhando em relação a esta disciplina e quando você menos perceber já estará
dominando todos os temas!

Para que isso ocorra eu preciso que você anote as questões que errou (ou acertou com muita
dificuldade/chute). Estes são seus pontos fracos e você deve massacrá-los!

Qualquer dúvida estou à disposição no fórum do site.

Grande abraço e até a próxima!

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 72


www.igorcintra.com.br

MEMÓRIA DE ELEFANTE
Natureza das Contas

 Devedora: Ativo e Despesa


 Credora: Passivo e Receita.

Método das Partidas Dobradas


O registro de qualquer operação contábil implica que um débito, em uma ou mais contas, deve
corresponder a um crédito de igual valor, em uma ou mais contas.

Origens e Aplicações de Recursos

 Origens: Passivo e Receitas (aumento destas contas)


 Aplicações: Ativo e Despesas (aumento destas contas)

Fato Contábil
Acontecimentos que provocam alterações qualitativas e/ou quantitativas no patrimônio da
empresa, podendo alterar, ou não, a situação líquida patrimonial.
 Fatos Permutativos (qualitativos ou compensativos): aqueles que não alteram o valor do
patrimônio líquido.
 Fatos Modificativos (quantitativos): aqueles que alteram o valor do patrimônio líquido.
 Fatos Mistos (compostos): são aqueles que são simultaneamente permutativos e
modificativos.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 73


www.igorcintra.com.br

LISTA DE QUESTÕES COMENTADAS

01. (VUNESP – Contador – UNIFESP – 2016) Em relação à escrituração contábil, é correto


afirmar que as contas

(A) de resultado têm sempre saldo credor.

(B) do passivo aumentam por débito.

(C) do ativo diminuem por débito.

(D) patrimoniais são encerradas no final do exercício.

(E) do patrimônio líquido, caso positivas, têm saldo credor.

02. (VUNESP – ISS-São José dos Campos – 2015) Na escrituração contábil, é correto afirmar
que

(A) as contas de Ativo aumentam por crédito.

(B) as despesas aumentam o Patrimônio Líquido.

(C) as contas de Passivo são debitadas quando diminuem de valor.

(D) o total de débitos nem sempre corresponde ao total dos créditos, mesmo que a
escrituração tenha sido efetuada corretamente.

(E) o aumento das contas de ativo sempre corresponde à percepção de receitas.

03. (VUNESP – ISS-São José dos Campos – 2015) As contas patrimoniais

(A) são encerradas no final do exercício.

(B) nem sempre alteram o patrimônio líquido quando mudam de valor.

(C) não podem apresentar saldo nulo.

(D) quando classificadas no Passivo, aumentam por débito.

(E) quando classificadas no Patrimônio Líquido, diminuem por crédito.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 74


www.igorcintra.com.br

04. (FADESP – Assistente – COSANPA – 2017) São classificadas como contas de ativo de
natureza devedora

a) fornecedores, impostos a recolher e ICMS a recuperar.

b) imóveis para venda, adiantamentos a fornecedores e investimentos temporários.

c) veículos de uso, juros ativos e depreciação acumulada.

d) receita de vendas, ICMS sobre vendas e salários a pagar.

05. (FUNECE – Técnico – UECE – 2017) Assinale a opção que contém somente contas de
natureza devedora.

a) Capital a realizar e ICMS a recolher.

b) Capital social e Depreciação.

c) Estoques de mercadorias e Fornecedores.

d) Aplicações de liquidez imediata e Clientes.

06. (CESPE – Técnico Judiciário – TRE/BA – 2017) Assinale a opção que apresenta apenas
contas patrimoniais de natureza credora.

a) duplicatas descontadas, adiantamento de sócios, reserva estatutária

b) provisão para férias, capital a integralizar, reservas para contingências

c) adiantamento a fornecedores, reserva legal, ICMS a recolher

d) depreciação acumulada, ações em tesouraria, salários a pagar

e) empréstimos bancários, provisão para créditos de liquidação duvidosa, adiantamento a


empregados.

07. (CFC – Exame de Suficiência - Bacharelado – 2017) Assinale a opção que apresenta
apenas contas patrimoniais de natureza credora.

a) Adiantamentos a Empregados, Capital Subscrito, Fornecedores, Receita de Vendas.

b) Capital a Integralizar, Empréstimos a Pagar, IPI a Recuperar, Reservas para Contingências.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 75


www.igorcintra.com.br

c) Adiantamentos de Clientes, Depreciação Acumulada, ICMS a Recolher, Salários a Pagar.

d) Custos de Transação a Apropriar, Duplicatas Descontadas, Receita de Serviços, Reservas


de Lucros a Realizar.

08. (FCC – Técnico – ARTESP – 2017) Em relação ao plano de conta das empresas, a conta
Ações em Tesouraria tem natureza

a) credora e é classificada no Patrimônio Líquido.

b) devedora e é classificada no Ativo Não Circulante.

c) devedora e é classificada no Patrimônio Líquido.

d) devedora e é classificada no Resultado do período.

e) credora e é classificada no Passivo Circulante ou Não circulante, dependendo do seu prazo


de pagamento.

Texto 3A3AAA

Contas saldo (em R$ mil)


imóveis 6.000
caixa e equivalentes 100
créditos contra clientes 2.500
duplicatas descontadas 1.000
capital social 4.000
estoques para revenda 1.800
prêmios de seguros a apropriar 60
investimentos em coligadas 300
empréstimos e financiamentos de longo prazo a pagar 3.000
móveis e instalações 1.500
reserva estatutária 300
ações em tesouraria 300
receita líquida de vendas 15.000
custo das mercadorias vendidas 8.000
imposto de renda e contribuição sobre o lucro líquido 790
fornecedores 2.000
salários e encargos a pagar 420
despesas gerais 4.000
despesas financeiras 750

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 76


www.igorcintra.com.br

seguros a pagar 15
resultado positivo de equivalência patrimonial 75
outros valores a pagar 100
reserva legal 400
marcas e patentes 1.000

No último balancete de encerramento de determinado exercício, uma empresa


apresentou rol de contas patrimoniais e de resultados, com os respectivos saldos em
milhares de reais, conforme mostrado na tabela precedente.

09. (CESPE – Analista de Controle – TCE/PR – 2016) No rol de contas apresentado no texto
3A3AAA, há

A) doze contas de natureza credora.

B) treze contas de natureza credora.

C) dez contas de natureza devedora.

D) onze contas de natureza devedora.

E) onze contas de natureza credora.

10. (CFC – Bacharelado – Exame de Suficiência – 2015) Com relação à situação patrimonial,
assinale a opção INCORRETA.

a) A compra de matéria-prima a prazo provoca aumento no Ativo e no Passivo.

b) A integralização de capital em dinheiro provoca aumento no Ativo e no Patrimônio


Líquido.

c) O pagamento da compra de máquinas em dinheiro provoca redução no Ativo e aumento


no Passivo.

d) O pagamento de fornecedores em dinheiro provoca diminuição no Ativo e no Passivo.

11. (Quadrix – Contador – CRO/PR – 2016) Com relação ao conceito aplicado de natureza
das contas, assinale a alternativa incorreta.

a) Contas de passivo têm natureza credora, por isso, um aumento no passivo é representado
por um crédito.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 77


www.igorcintra.com.br

b) Contas de natureza devedora têm os ingressos de elementos representados por créditos.

c) Contas de Ativo têm natureza devedora, sendo assim, os ingressos no ativo são
representados por débitos.

d) Contas de custo têm natureza devedora e indicam uma diminuição no resultado.

e) Contas redutoras de ativo têm natureza credora e servem para atualizar o valor dos bens
da entidade.

12. (Quadrix – Técnico – CFO/DF – 2017) A natureza do saldo da conta Bancos – Conta
Movimento é devedora. Na hipótese de saldo credor, a conta deverá estar representada
no ativo, com saldo negativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

13. (CFC – Bacharelado – Exame de Suficiência – 2015) Assinale a opção que apresenta uma
transação que retrata um lançamento contábil gerador de aumento no Ativo e no Passivo,
simultaneamente.

a) Aquisição à vista de mercadorias para revenda.

b) Compra de um veículo a prazo.

c) Pagamento de salários de funcionários.

d) Reconhecimento da depreciação de um bem imóvel.

14. (VUNESP – Analista – PRODESP – 2014) Os lançamentos contábeis são formalizados


por débitos e créditos, respeitando, ainda, a régua de partidas dobradas. Nesse sentido,
os lançamentos a Débito significam, considerando a estrutura conceitual da equação
patrimonial,

a) diminuição do Ativo, aumento do Passivo e aumento do Patrimônio Líquido.

b) aumento do Ativo, aumento do Passivo e diminuição do Patrimônio Líquido.

c) aumento do Ativo, diminuição do Passivo e diminuição do Patrimônio Líquido.

d) aumento do Ativo, diminuição do Passivo e manutenção do Patrimônio Líquido.

e) aumento da Receita, aumento do Ativo e diminuição do Patrimônio Líquido.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 78


www.igorcintra.com.br

15. (VUNESP – ISS-São José dos Campos – 2015) Do Plano de Contas de uma entidade, foi
extraída a seguinte lista de contas:
• Custo das Mercadorias Vendidas
• Disponível
• Despesas Financeiras
• Despesas do Exercício Seguinte
• Salários a Pagar
• Receita de Vendas
• Reserva Legal
• Reserva Estatutária
• Fornecedores
• Receitas Diferidas
• Receita de Dividendos
• Reversão de Provisões

O número de contas patrimoniais constantes dessa lista é

(A) quatro.

(B) cinco.

(C) seis.

(D) sete.

(E) oito.

16. (VUNESP – Assistente – FUNDUNESP – 2014) Analise o balancete de verificação a seguir


da Companhia Fundindo a Cuca Ltda.

Contas $
FGTS a recolher 20
Despesas com energia 30
Mercadorias em estoque 40
INSS a recolher 50
Despesas com aluguel 60
Salários a pagar 80
Duplicatas a pagar 90
Caixa 180
Veículos 150
Despesas de salários 160

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 79


www.igorcintra.com.br

Duplicatas a receber 180


Máquinas e equipamentos 190
Custo das mercadorias vendidas 300
Capital social 350
Receita de vendas de mercadorias 700

Com base apenas nessas informações, após classificar as contas em saldos devedores e
credores, de acordo com a sua natureza, e preparar a Demonstração do Resultado do
Exercício e o Balanço Patrimonial, responda à questão.

O Valor dos saldos credores corresponderá a

a) $ 1.280.

b) $ 1.290.

c) $ 1.300.

d) $ 1.310.

e) $ 1.320.

17. (FGV – Técnico em Contabilidade – CONDER – 2013) São contas patrimoniais de


natureza de saldo devedora

(A) juros ativos, adiantamento de clientes, intangível.

(B) salários, seguros a vencer, despesas antecipadas.

(C) fornecedores, adiantamento de salários, empréstimos contraídos.

(D) impostos a recuperar, custo de vendas, aplicações financeiras.

(E) adiantamento a fornecedores, empréstimos a coligadas, investimentos.

18. (FGV – Contador – BADESC – 2010) Assinale a alternativa que apresenta contas com
saldo credor.

(A) Fornecedores, salário a pagar e clientes.

(B) Provisão para férias, adiantamento a fornecedores e impostos a recolher.

(C) Empréstimos bancários, juros ativos e capital.

(D) Juros passivos, mercadorias e estoques.

(E) Contas a pagar, depreciação acumulada e imóveis para uso.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 80


www.igorcintra.com.br

19. (FGV – Contador – BADESC – 2010) Assinale a alternativa que apresente a conta que
aumenta seu saldo com um lançamento a crédito.

(A) Impostos a recuperar.

(B) Seguros a vencer.

(C) Prêmios de seguros.

(D) Alugueis ativos a vencer.

(E) Salários.

20. (CESPE – Analista – ANTAQ – 2014) Na conta ações em tesouraria, de natureza


devedora, são registradas as aquisições de ações de emissão da própria empresa.

( ) CERTO ( ) ERRADO

21. (VUNESP – Contador – TJ-SP – 2013) As variações positivas nas contas dos passivos
ocorrem quando

a) há fatos e atos permutativos.

b) essas contas são debitadas e creditadas.

c) os débitos são maiores que os créditos.

d) as contas são debitadas.

e) as contas são creditadas.

22. (FCC – Analista Judiciário – TRF – 2012) Em relação à escrituração contábil, é correto
afirmar que as contas

a) representativas de ativos da entidade aumentam por crédito, exceto as contas redutoras,


que aumentam por débito.

b) classificadas no Patrimônio Líquido podem ter saldo devedor ou credor, conforme a sua
natureza.

c) classificadas no Passivo diminuem por crédito.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 81


www.igorcintra.com.br

d) representativas de despesas têm sempre saldo credor.

e) do Ativo são estornadas por meio de um lançamento a débito da conta.

23. (FCC – Analista Judiciário – TRE-SP – 2012) É uma conta patrimonial que é creditada
quando aumenta de valor:

a) Duplicatas a Receber.

b) Receitas Financeiras.

c) Depreciação Acumulada.

d) Despesas Antecipadas.

e) Ações em Tesouraria.

24. (CESPE – Analista – FUNPRESP-JUD – 2016) As contas retificadoras acompanham as


respectivas contas principais no balanço patrimonial, sendo lançadas sempre com sinal
oposto ao do lançamento das contas que retificam.
( ) CERTO ( ) ERRADO

25. (IESES – Assistente – CEGÁS – 2017) Pelo método das partidas dobradas empregado na
contabilidade sabe-se que:

a) Para cada crédito há sempre um débito correspondente.

b) Dificilmente haverá relação de igualdade entre débitos e créditos.

c) O ideal é que os débitos sempre superem os créditos.

d) Sempre deve haver mais créditos do que débitos.

26. (AOCP – Auditor Fiscal – Juiz de Fora/MG – 2016) A Contabilidade adota o Método das
Partidas Dobradas para registrar suas operações, no qual em sua essência, o registro de
qualquer operação implica que um débito em uma ou mais contas deve corresponder a
um crédito equivalente, em uma ou mais contas, de forma que a soma dos valores
debitados seja sempre igual à soma dos valores creditados, ou seja, não há débito sem
crédito correspondente. Com base no exposto, assinale a alternativa INCORRETA.

a) A soma dos débitos é sempre igual à soma dos créditos.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 82


www.igorcintra.com.br

b) A soma das despesas (débito) é sempre igual à soma das receitas (crédito).

c) A soma dos saldos devedores é sempre igual à soma dos saldos credores.

d) O total do Ativo será igual à soma do Passivo com o Patrimônio Líquido.

e) A um débito ou a mais de um débito, em uma ou mais contas, deve corresponder um


crédito equivalente em uma ou mais contas.

27. (CESPE – Analista – FUNPRESP-JUD – 2016) Segundo o método das partidas dobradas,
o registro de um fato contábil sempre implicará um lançamento a débito, que corresponde
à aplicação dos recursos da entidade, e um lançamento a crédito, que corresponde à
origem dos recursos aplicados.

( ) CERTO ( ) ERRADO

28. (CESPE – Contador – DPU – 2016) Uma das finalidades do balancete de verificação é
demonstrar a correta aplicação do método das partidas dobradas, pois o total devedor
deve ser igual ao total credor, ou seja, para cada débito em uma ou mais contas deve haver
crédito de igual valor em uma ou mais contas.

( ) CERTO ( ) ERRADO

29. (CESPE – Auditor – TCU – 2015) Situação hipotética: Em 30 de junho de 2015, o livro
diário de determinada empresa registrou a seguinte partida dobrada.

débito despesas com seguros R$ 2.000,00


crédito prêmios de seguros a apropriar R$ 2.000,00

Assertiva: Nesse caso, as informações se referem a um lançamento de ajuste — decorrente


da aplicação do princípio da competência — para reconhecimento da despesa com o
prêmio de seguros, que havia sido pago antecipadamente.

( ) CERTO ( ) ERRADO

30. (VUNESP – Contador – Câmara de Guaratinguetá/SP – 2016) O cliente Paga Tudo Ltda.
pagou uma duplicata, no valor de R$ 25.000,00, 12 dias após a data de seu vencimento,
portanto, incluindo um juro de R$ 500,00. A duplicata foi emitida pela empresa Recebe
Tudo S.A. em 12 de dezembro de 2014. Considerando esse caso, assinale a alternativa que

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 83


www.igorcintra.com.br

contém o correto lançamento contábil na empresa emitente do título, levando em conta


que a cobrança foi feita por meio de boleto bancário.

(A) Diversos R$ 25.500,00


a Duplicatas a receber R$ 25.500,00
a Bancos R$ 25.000,00
a Receitas financeiras R$ 500,00

(B) Bancos R$ 25.500,00


a Duplicatas a receber R$ 25.500,00

(C) Bancos R$ 25.500,00


a Duplicatas a receber R$ 25.000,00
a Bancos R$ 25.500,00
a Juros a receber R$ 500,00

(D) Bancos R$ 25.500,00


a Diversos
Duplicatas a receber R$ 25.000,00
Receitas financeiras R$ 500,00

(E) Juros apropriados R$ 500,00


Contas a receber R$ 25.500,00
a Duplicatas a receber em atraso R$ 25.500,00

31. (VUNESP – Contador – Itatiba-SP – 2015) O contador da empresa ServiServi Serviços


Ltda., ao realizar a classificação contábil de algumas operações mercantis, identificou, na
leitura de um contrato de serviços, uma cláusula contratual cujo primeiro pagamento, por
parte da Contratante à Contratada, no valor de R$ 60.000,00, equivalente a 60% do valor
total do contrato, dar-se-á mediante a emissão da nota fiscal, suportando o respectivo
valor (não considerando qualquer incidência de impostos). Diante disso e considerando
que os serviços não foram iniciados, a empresa contratada deverá escriturar essa
operação na contabilidade utilizando as seguintes rubricas contábeis:

(A) Débito – Disponibilidades


Crédito – Receita a Apropriar – Passivo Circulante – R$ 60.000,00

(B) Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante


Crédito – Receita de Venda de Serviços – Resultado – R$ 60.000,00

(C) Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante – R$ 100.000,00


Crédito – Receita a Apropriar – Ativo Circulante – R$ 40.000,00
Crédito – Receita de Exercício Futuro – Passivo Não Exigível – R$ 60.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 84


www.igorcintra.com.br

(D) Débito – Disponibilidades – Ativo Circulante – R$ 60.000,00


Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante – R$ 40.000,00
Crédito – Adiantamento de Fornecedor – Passivo Circulante – R$ 100.000,00

(E) Débito – Disponibilidades – Ativo Circulante – R$ 60.000,00


Débito – Contas a Receber – Ativo Circulante – R$ 40.000,00
Crédito – Receitas a Realizar – Resultado – R$ 100.000,00

32. (VUNESP – Técnico de Contabilidade – UNESP – 2014) Uma empresa de transporte


decidiu pela venda de um veículo à vista, a qual foi realizada pelo valor de custo histórico,
livre da depreciação, não obtendo lucro ou prejuízo na transação. À luz das atuais normas
brasileiras de contabilidade, o registro dessa transação na contabilidade considerou os
seguintes lançamentos:

(A) débito de despesas não operacionais e crédito de veículos; débito de despesas não
operacionais e crédito de disponibilidades.

(B) débito de veículos e crédito de caixa e crédito de receitas não operacionais.

(C) crédito de veículos e débito de contas a receber e crédito e vendas.

(D) débito de veículos e crédito de receitas não operacionais; débito de caixa e crédito de
receitas de vendas.

(E) débito de disponível e crédito de outras receitas operacionais; débito de outras despesas
operacionais e crédito de veículos.

33. (VUNESP – Analista – PRODESP – 2014) Em 30 de novembro de 2013, uma empresa


prestadora de serviços gráficos recebeu de seu cliente uma importância equivalente a R$
200.000,00, por conta de serviços a serem prestados ao longo do primeiro trimestre de
2014. O registro contábil de tal operação, sob a ótica das variações patrimoniais, implicará
em

a) Redução do Prejuízo ou Aumento do Lucro.

b) Redução do Prejuízo ou Aumento do Patrimônio Líquido.

c) Redução do Ativo e do Passivo.

d) Aumento da Receita e do Ativo.

e) Aumento do Ativo e do Passivo.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 85


www.igorcintra.com.br

34. (FGV – Agente de Fiscalização – TCM-SP – 2015) A Cia. Expec adquiriu mercadorias a
prazo, no dia 01/04/20x4, pelo valor de R$50.000, com incidência de 18% de ICMS. O
estoque adquirido era composto por 2.000 unidades. Após a inspeção das mercadorias
recebidas, a empresa procedeu à devolução de 15% da compra.

O lançamento contábil para registro da devolução pela Cia. Expec é o seguinte:

(A) D – Fornecedores – R$7.500


C – Estoque de mercadorias – R$7.500

(B) D – Estoque de mercadorias – R$7.500


C – Fornecedores – R$7.500

(C) D – Fornecedores – R$7.500


C – Estoque de mercadorias – R$6.150
C – ICMS a recuperar – R$1.350

(D) D – Fornecedores – R$8.850


C – Estoque de mercadorias – R$7.500
C – ICMS a recuperar – R$1.350

(E) D – Fornecedores – R$8.850


C – Estoque de mercadorias – R$7.500
C – ICMS a recolher – R$1.350

35. (FGV – Técnico – COMPESA – 2014) Durante o mês de dezembro de 2013, uma empresa
realizou as seguintes transações:

 Contratou e pagou o seguro dos caminhões que serão usados para transporte por dois
anos, a partir de janeiro de 2014, no valor total de R$ 24.000,00.
 Comprou material de escritório a ser utilizado pelos seis meses seguintes por R$ 600,00.
 Fechou contrato para aluguel de um galpão que será utilizado nos negócios da empresa
por um semestre, a partir de fevereiro de 2014, por R$ 1.200,00.

Considere que, até 01/12/2013, a empresa não possuía outras operações classificadas
como despesas antecipadas.

Com base nas informações acima, o valor das despesas antecipadas no Ativo Circulante da
empresa, em 31/12/2013, é de

(A) R$ 12.000,00.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 86


www.igorcintra.com.br

(B) R$ 12.600,00.

(C) R$ 13.200,00.

(D) R$ 24.000,00.

(E) R$ 25.200,00.

36. (FGV – Contador – SEDUC-AM – 2014) A Cia X é uma empresa de consultoria. Em seu
balanço patrimonial, de 31/12/2013, deve estar contabilizado como ativo circulante:

(A) Empréstimo bancário obtido com prazo de 05 de outubro de 2014.

(B) Saldo a receber de clientes em 10 de janeiro de 2015.

(C) Contas a receber por um serviço de consultoria prestado à empresa controlada, para
recebimento em julho de 2014.

(D) Adiantamento a acionista que deverá ser recebido em maio de 2014.

(E) O saldo de dividendos a ser distribuído referente ao ano de 2013.

37. (ESAF – Contador – Ministério do Turismo – 2014) A firma Entreoutras Ltda. acertou o
pagamento antecipado de uma conta de R$ 7.000,00, aceitando um desconto financeiro
de 15%, o que provocou a necessidade de efetuar um registro contábil na forma seguinte:

a) Débito de contas a Pagar R$ 7.000,00


Crédito de Caixa R$ 5.950,00
e Crédito de Receitas R$ 1.050,00

b) Débito de Caixa R$ 5.950,00


Débito de Receitas R$ 1.050,00
e Crédito de Contas a Pagar R$ 7.000,00

c) Débito de Contas a Pagar R$ 8.050,00


Crédito de Caixa R$ 7.000,00
e Crédito de Receitas R$ 1.050,00

d) Débito de Caixa R$ 7.000,00


Crédito de Contas a Pagar R$ 5.950,00
e Crédito de Receitas R$ 1.050,00

e) Débito de contas a Pagar R$ 7.000,00


Crédito de Caixa R$ 5.950,00
e Crédito de Descontos Concedidos R$ 1.050,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 87


www.igorcintra.com.br

38. (ESAF – Contador – Ministério do Turismo – 2014) A Empresótima Ltda. prestou


serviços pelo valor de R$ 8.000,00 e aceitou uma duplicata para 30 dias. Na liquidação
dessa letra, em moeda corrente, ocorreu a incidência de juros de 12%, por isto também
deverá ocorrer o seguinte registro contábil:

a) Débito de Caixa R$ 8.960,00


Crédito de Duplicatas a Receber R$ 8.000,00
e Crédito de Receitas R$ 960,00

b) Débito de Duplicatas a Receber R$ 8.000,00


Débito de Despesas R$ 960,00
e Crédito de Caixa R$ 8.960,00

c) Débito de Caixa R$ 8.000,00


Crédito de Duplicatas a Receber R$ 7.040,00
e Crédito de Receitas R$ 960,00

d) Débito de Caixa R$ 8.960,00


Crédito de Duplicatas a Pagar R$ 8.000,00
e Crédito de Receitas R$ 960,00

e) Débito de Duplicatas a Pagar R$ 8.000,00


Débito de Despesas R$ 960,00
e Crédito de Caixa R$ 8.960,00

39. (ESAF – Analista de Comércio Exterior – 2012) O lançamento contábil apropriado para
registrar o recebimento de notas promissórias no valor de R$ 400,00 com descontos de 8%
é o que segue abaixo:

a) Diversos
a Títulos a Receber
Caixa 368,00
Descontos Passivos 32,00 400,00

b) Caixa
a Diversos
a Títulos a Receber 368,00
a Descontos Ativos 32,00 400,00

c) Diversos
a Caixa
Títulos a Receber 368,00
Descontos Passivos 32,00 400,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 88


www.igorcintra.com.br

d) Caixa
a Diversos
a Títulos a Receber 400,00
a Descontos Ativos 32,00 432,00

e) Diversos
a Caixa
Títulos a Receber 400,00
Descontos Passivos 32,00 432,00

40. (ESAF – Analista Técnico-Administrativo – Ministério da Fazenda – 2013) O lançamento


contábil que serve para registrar, no livro Diário, o pagamento de uma duplicata de R$
15.000,00, com desconto de 10%, é o seguinte:

a) Duplicatas a Pagar
a Diversos
a Caixa 13.500,00
a Descontos Obtidos 1.500,00 15.000,00

b) Diversos
a Caixa
Duplicatas a Pagar 13.500,00
Descontos Obtidos 1.500,00 15.000,00

c) Caixa
a Diversos
a Duplicatas a Pagar 13.500,00
a Descontos Obtidos 1.500,00 15.000,00

d) Duplicatas a Pagar
a Caixa 15.000,00
Caixa
a Descontos Obtidos 1.500,00

e) Diversos
a Caixa
Duplicatas a Pagar 15.000,00
Descontos Concedidos 1.500,00 16.500,00

41. (CESPE – Auditor – CGE-PI – 2015) A conta “duplicatas descontadas” representa uma
aplicação de recursos.
( ) CERTO ( ) ERRADO

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 89


www.igorcintra.com.br

42. (FUNDATEC – CAGE – SEFAZ-RS – 2014) O patrimônio da empresa Tulipa Ltda. É


constituído (em mil R$) conforme demonstrado a seguir:

Ativo (em R$) Passivo (em R$)


Caixa 100,00 Fornecedores 400,00
Bancos 200,00 Notas Promissórias a Pagar 500,00
Duplicatas a Receber 1.500,00 Duplicatas Descontadas 1.000,00
Estoques 3.000,00 Capital Social 3.120,00
Máquinas 600,00 Lucros Acumulados 380,00
Total do Ativo 5.400,00 Total do Passivo 5.400,00

Com base no Balanço Patrimonial detalhado anteriormente, é correto afirmar que:

A) Os capitais de terceiros totalizam R$ 900,00.

B) Os capitais próprios totalizam R$ 3.500,00.

C) As origens totalizam R$ 3.320,00.

D) O Ativo Circulante totaliza R$ 300,00.

E) As aplicações de recursos totalizam R$ 2.400,00.

43. (CESPE – ACE – TCE/PA – 2016) Uma conta de natureza devedora que não seja
retificadora expressa uma aplicação de recurso.

( ) CERTO ( ) ERRADO

44. (VUNESP – Tesoureiro – Câmara Municipal de Itápolis – 2015) Com base no balancete
de verificação emitido em 31 de dezembro de 2014 pela empresa Cola Nada Ltda. a seguir,
classifique as contas contábeis de forma a responder à questão.

Balancete contábil em 31/12/2014


Descrição da conta contábil Reais
Lucros a destinar (25.000,00)
Duplicatas descontadas (15.000,00)
Bancos 15.000,00
Adiantamento a fornecedores 10.000,00
Empréstimos e financiamentos (LP) (70.000,00)
Demais contas a receber 6.000,00

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 90


www.igorcintra.com.br

Fornecedores (40.000,00)
Empréstimos e financiamentos (40.000,00)
Provisão para devedores duvidosos (7.000,00)
Mútuos com empresas ligadas 10.000,00
Estoques 60.000,00
Impostos a recuperar de LP 8.000,00
Provisões diversas (8.000,00)
Investimentos 10.000,00
Impostos a recolher (19.000,00)
Contas a pagar (2.000,00)
Aplicações financeiras 50.000,00
IR e CSL a pagar (11.000,00)
Contas a pagar de longo prazo (2.000,00)
Ativos intangíveis 15.000,00
Contingências trabalhistas de LP (23.000,00)
Lucro líquido do exercício (41.000,00)
Ajustes patrimoniais (15.000,00)
Caixa 1.000,00
Títulos a receber de LP 9.000,00
Salários a pagar (12.000,00)
Capital (20.000,00)
Contas a receber de clientes 70.000,00
Imobilizado 120.000,00
Reservas de capital (10.000,00)
Depreciação acumulada (24.000,00)

O valor do Capital Circulante Líquido – CCL da empresa, em Reais, é:

a) 58.000

b) 53.600

c) 43.000

d) 41.000

e) 38.300

45. (CESPE – Especialista – FUNPRESP – 2016) Capital de giro de uma empresa se refere a
recursos, próprios ou de terceiros, necessários para sustentar as atividades operacionais
da empresa no seu dia a dia. A respeito de capital de giro, julgue o item subsequente.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 91


www.igorcintra.com.br

O capital de giro líquido de uma empresa corresponde à diferença entre o ativo circulante
e o ativo não circulante da empresa.

( ) CERTO ( ) ERRADO

46. (ESAF – ATRFB – 2012) A firma Equacionada S.A. apurou o seu patrimônio em 2011,
computando os saldos iniciais e a movimentação do exercício. Disto resultaram os valores
abaixo listados:

Bens R$ 200.000,00
Direitos R$ 150.000,00
Obrigações R$ 215.000,00
Situação Líquida R$ 135.000,00
Aumentos de ativo R$ 100.000,00
Aumentos de passivo R$ 120.000,00
Reduções de ativo R$ 45.000,00
Reduções de passivo R$ 80.000,00
Obtenção de ganhos e rendas R$ 95.000,00
Realização de consumos R$ 70.000,00
Considerando que todo o movimento contábil dessa entidade está expresso na equação
acima, pode-se dizer que o item que a completa será um aumento de

a) Aplicação no valor de R$ 10.000,00.

b) Origem no valor de R$ 10.000,00.

c) Aplicação no valor de R$ 5.000,00.

d) Origem no valor de R$ 5.000,00.

e) Redução de origens no valor de R$ 5.000,00.

47. (FGV – Contador – Assembleia Legislativa-MT – 2013) Assinale a alternativa que indica
as contas que representam componentes patrimoniais das origens dos recursos, por sua
natureza de saldo.

(A) Caixa, aplicações financeiras e estoques para revenda.

(B) Capital social, debêntures emitidas e juros ativos.

(C) Instrumentos financeiros ativos, salários a pagar e impostos a recuperar.

(D) Receita de venda, imóveis para renda e perda na alienação de bens.

(E) Custo de mercadoria vendida, fornecedores e impostos a recolher.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 92


www.igorcintra.com.br

48. (VUNESP – Contador – Cotia/SP – 2017) As ocorrências que se registram no patrimônio


das entidades, trazendo-lhe variações específicas ou quantitativas, são consideradas

(A) fatos contábeis.

(B) variações patrimoniais.

(C) partidas dobradas.

(D) métodos contábeis.

(E) elementos patrimoniais.

49. (VUNESP – Técnico em Contabilidade – UNIFESP – 2014) São ocorrências que se


registram no patrimônio e trazem variações específicas ou quantitativas. São todos os
acontecimentos suscetíveis de registro, ou contabilização, donde a designação de
contábeis.

O texto refere-se a

(A) Fatos patrimoniais.

(B) Fatos contábeis.

(C) Fatos administrativos.

(D) Mutações patrimoniais.

(E) Variações patrimoniais.

50. (VUNESP – Analista – SPTrans – 2012) Os acontecimentos que ocorrem na empresa e


não provocam alterações no patrimônio, denomina-se atos e fatos administrativos.

São eles
I. admissão de empregados;
II. compra de mercadorias a prazo;
III. assinatura de contratos;
IV. pagamento de fornecedores;
V. aval de títulos, finanças a favor de terceiros;
VI. venda de mercadorias a prazo.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 93


www.igorcintra.com.br

É correto o que afirma apenas em

(A) I, III, e V.

(B) I, III, IV e V.

(C) II, III, IV e V.

(D) I, II, III, V e VI.

(E) II, III, IV, V e VI.

51. (CESPE – Analista – FUNPRESP-JUD – 2016) Todos os fatos contábeis modificativos e


mistos envolvem, ao menos, um lançamento em alguma conta de resultado.

( ) CERTO ( ) ERRADO

52. (FEPESE – Contador – Palhoça-SC – 2015) Variações Patrimoniais qualitativas são:

a) aquelas que diminuem o patrimônio líquido.

b) aquelas que aumentam o patrimônio líquido.

c) aquelas que aumentam ou diminuem o patrimônio líquido.

d) aquelas em que ocorrem permutações de mesmo valor dos elementos do Patrimônio, ou


seja, as alterações do Patrimônio que não alteram o valor do Patrimônio Líquido.

e) aquelas em que não ocorrem permutações de valores dos elementos do Patrimônio, ou


seja, as alterações do Patrimônio que alteram o valor do Patrimônio Líquido positiva ou
negativamente.

53. (CESPE – Analista de Controle – TCE/PA – 2016) Um evento que altera de forma
qualitativa, mas não monetária, o patrimônio de uma entidade é um fato administrativo,
mas não um fato contábil.

( ) CERTO ( ) ERRADO

54. (CESPE – Analista de Controle – TCE/PA – 2016) A compra de uma mercadoria à vista,
com desconto incondicional, é um fato contábil misto que aumenta o patrimônio da
entidade.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 94


www.igorcintra.com.br

55. (CESPE – Contador – DPU – 2016) O recebimento de vendas a prazo é considerado um


fato contábil permutativo, visto que ele não provoca alterações no patrimônio líquido da
entidade e modifica apenas a composição do ativo circulante com o aumento das
disponibilidades.

( ) CERTO ( ) ERRADO

56. (VUNESP – Controlador Interno – Câmara de Registro/SP – 2016) Uma empresa de


prestação de serviços no setor de limpeza comprou recentemente, à vista, 200 novos
equipamentos de limpeza para substituir os equipamentos antigos e ultrapassados. Esse
evento contábil significa um fato

a) misto diminutivo no Ativo e no Passivo.

b) modificativo no Passivo não Circulante.

c) permutativo entre elementos do Passivo.

d) permutativo entre elementos do Ativo.

e) misto nos elementos do Passivo.

57. (CESPE – Contador – Ministério da Justiça – 2013) A antecipação de salários a


funcionários resulta em registro a débito de despesas e em registro a crédito de uma conta
de ativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

58. (CESPE – Analista – MPU – 2013) Os recursos recebidos antecipadamente como parte
do pagamento de serviços a serem prestados após o término do exercício social seguinte
geram aumento simultâneo de um ativo circulante e de um passivo circulante na
contabilidade da empresa que prestará os serviços.

( ) CERTO ( ) ERRADO

59. (VUNESP – Assistente – FUNDUNESP – 2014) Uma empresa possui registrada no seu
balanço patrimonial, em 31 de maio de 2014, uma “obrigação” qualquer e, em junho de

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 95


www.igorcintra.com.br

2014, ocorre o seu pagamento em espécie. Essa é uma operação que no mês de junho de
2014

a) diminui o Ativo total, e o seu reflexo no Passivo será nulo.

b) diminui o Passivo, aumenta o Ativo e reduz a Receita.

c) diminui o Ativo e o Passivo.

d) aumenta o Passivo e a Despesa.

e) aumenta o Passivo e diminui a Receita.

60. (VUNESP – Contador – UNIFESP – 2016) Uma empresa comercial recebe de um cliente
o pagamento de uma venda a prazo após a data de vencimento, com juros moratórios. A
escrituração contábil correta desse fato implicará

(A) um aumento do ativo e do passivo da entidade no mesmo montante.

(B) uma diminuição no ativo e no passivo da entidade no mesmo montante.

(C) nenhuma alteração no patrimônio líquido da entidade, já que se trata de um fato


permutativo.

(D) apenas uma diminuição do passivo da entidade.

(E) um aumento no ativo e no patrimônio líquido da entidade no mesmo montante.

61. (VUNESP – Contador – Câmara de Guaratinguetá/SP – 2016) A venda de mercadorias


à vista, por um valor de R$ 3.500,00, pelas quais foi pago, a prazo, o valor de R$ 2.100,00,
representa, de acordo com as regras de lançamentos contábeis, um fato

(A) permutativo aumentativo.

(B) permutativo diminutivo.

(C) modificativo aumentativo.

(D) modificativo misto.

(E) misto.

62. (VUNESP – Contador – IAMSPE – 2012) A contabilização de despesas com salários da


administração representa um fato contábil

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 96


www.igorcintra.com.br

(A) modificativo diminutivo.

(B) modificativo aumentativo.

(C) misto diminutivo.

(D) misto aumentativo.

(E) permutativo.

63. (VUNESP – Contador – FESC – 2012) A Empresa Consegue Tudo S/A adquiriu, em 10 de
janeiro de 2011, um veículo para uso da frota, por um valor de R$ 125.000,00. O plano de
pagamento foi de 50% de entrada (à vista) e 50% pagos em 12 parcelas mensais, sem
qualquer acréscimo. Esse bem será depreciado pelo seu uso, consequentemente por uma
taxa de depreciação de 33% ao ano. Essa operação de compra alterou os seguintes grupos
de contas relacionados ao balanço patrimonial

(A) ativo circulante e passivo circulante e não circulante.

(B) ativo circulante e não circulante e passivo circulante.

(C) ativo não circulante, passivo não circulante e demonstração de resultado.

(D) passivo circulante e não circulante, patrimônio e demonstração do resultado.

(E) passivo não circulante, ativo permanente e demonstração do resultado.

64. (CESPE – Auditor – CGE-PI – 2015) Se, em uma compra de materiais para estoque, 50%
do valor total for pago à vista e o restante for financiado com juros, tem-se um fato
contábil misto.

( ) CERTO ( ) ERRADO

65. (CESPE – Agente da Polícia Federal – 2014) Caso uma empresa compre mercadorias a
prazo, no momento do pagamento de uma das duplicatas referentes a essa compra
ocorrerá um fato permutativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 97


www.igorcintra.com.br

66. (CESPE – Auditor – TCE-RN – 2015) Em uma empresa que faz controle por inventário
permanentemente, a contabilização realizada no ato da compra de mercadorias a prazo,
com juros identificáveis e embutidos, gera um fato contábil modificativo.

( ) CERTO ( ) ERRADO

67. (CESPE – AFT – MTE – 2013) O pagamento de duplicatas com juros é um fato
modificativo diminutivo que deve ser registrado em lançamento de terceira fórmula.

( ) CERTO ( ) ERRADO

68. (IADES – Técnico Contábil – METRO-DF – 2014) Considerando que uma firma efetuou
o pagamento de uma duplicata no valor de $ 1.000 com desconto de 10%, assinale a
alternativa que corresponde ao lançamento contábil da operação.

a) D – Fornecedores......$ 900
C – Caixa....$ 900

b) D – Duplicatas a pagar......$ 1.000


C – Caixa ou Bancos..........$ 1.000

c) D – Duplicatas a pagar........$ 900


D – Descontos obtidos........$ 100
C – Bancos...........$ 1.000

d) D – Fornecedores..........$ 1.000
D – Descontos concedidos.......$ 100
C – Caixa ou Bancos......$ 900

e) D – Obrigações..............$ 1.000
C – Disponibilidades......$ 900
C – Receitas....................$ 100

69. (FUNCAB – ISS-Salvador – 2014) Representa um exemplo de fato administrativo


modificativo:

A) apropriação de folha de pagamento na competência.

B) pagamento à vista a fornecedor.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 98


www.igorcintra.com.br

C) retificação de lançamento contábil entre contas de despesa.

D) pagamento via banco a fornecedor.

E) compra de equipamento.

70. (UEPA – Fiscal de Receitas Estaduais – SEFA-PA – 2013) Algumas ocorrências no dia-a-
dia de uma entidade provocam alterações no patrimônio e por isso precisam ser
registradas na escrituração contábil, outras ocorrências, por não afetarem o patrimônio,
não precisam de registro contábil. Com base na fundamentação teórica de atos e fatos
administrativos aplicados à empresa, é correto afirmar que:

a) compra a prazo de mercadorias representa um fato modificativo aumentativo.

b) contratação de um funcionário, com adiantamento de salário, é um ato administrativo.

c) devolução de uma mercadoria, por defeito de fabricação, é um fato misto diminuitivo.

d) pagamento de uma duplicata com acréscimo de juros é um fato misto diminuitivo.

e) venda de um imobilizado com ganho de capital é um fato permutativo.

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 99


www.igorcintra.com.br

GABARITO
01 – E 08 – C 15 – D 22 – B 29 – C 36 – C 43 – C 50 – A 57 – E 64 – E
02 – C 09 – A 16 – B 23 – C 30 – D 37 – A 44 – A 51 – C 58 – E 65 – C
03 – B 10 – C 17 – E 24 – C 31 – A 38 – A 45 – E 52 – D 59 – C 66 – E
04 – B 11 – B 18 – C 25 – A 32 – E 39 – A 46 – A 53 – E 60 – E 67 – E
05 – D 12 – E 19 – D 26 – B 33 – E 40 – A 47 – B 54 – E 61 – E 68 – E
06 – A 13 – B 20 – C 27 – C 34 – C 41 – E 48 – A 55 – C 62 – A 69 – A
07 – C 14 – C 21 – E 28 – C 35 – A 42 – B 49 – B 56 – D 63 – B 70 – D

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 100


www.igorcintra.com.br

Contabilidade Geral e Intermediária – Teoria e Questões – 2018 101