Você está na página 1de 2

FICHA DE TRABALHO 16 Números complexos:

Operações na forma algébrica

NOME: _________________________________________ N.º: ______ TURMA: _________ DATA: __________

Calcule na forma 𝒂 + 𝒃𝒊, com, 𝒂, 𝒃 ∈ IR :


2 2
√3
(3𝑖)2 e) (3 − 𝑖)(−2 − 𝑖) i) (2 + 2√2𝑖) k) ( + 𝑖)
2
2
(−√2𝑖) f) (2 − 2𝑖)(3 + 4𝑖)
2 2
√2 √2 1 √3
(1 + 2𝑖)(−1 − 3𝑖) g) (1 − 2𝑖)2 j) ( − 𝑖) l) ( − 𝑖)
2 2 2 2
2
(−2 + 𝑖)(1 + 2𝑖) h) (√2 − 𝑖)

Simplifique:

𝑖3 e) 𝑖 20 i) 𝑖 −1000 m) 𝑖 2019

𝑖4 f) 𝑖 50 j) 𝑖 2000 n) 𝑖 2099

𝑖5 g) 𝑖 −100 k) 𝑖 2017 o) (𝑖 −17 )138

𝑖6 h) 𝑖 500 l) 𝑖 −2018

Calcule na forma 𝒂 + 𝒃𝒊, com 𝒂, 𝒃 ∈ IR:


(4 + 𝑖)(3 − 𝑖)(2 + 2𝑖) c) 2(3 − 𝑖) − 𝑖(1 + 𝑖)
(3𝑖)(2𝑖)(1 − 2𝑖)(4 − 5𝑖) d) 𝑖(1 + 5𝑖) − 3𝑖(2 − 4𝑖)

Calcule na forma 𝒂 + 𝒃𝒊, com 𝒂, 𝒃 ∈ IR:


3
√3 1
(2𝑖)3 f) ( + 𝑖)
2 2
3
(√3𝑖)
3
√2 √2
(1 − 𝑖)3 g) ( + 𝑖)
2 2

(3 + 2𝑖)3
3
1 √3
(−2 + 𝑖)3 h) ( + 𝑖)
2 2

Determine 𝒂 ∈ IR , de modo que:


(𝑎 − 2𝑖)(3 + 3𝑖) seja um número real.

(1 + 𝑎𝑖)(3 + 2𝑖) seja um número imaginário puro.

(𝑎2 − 𝑖)(𝑎 + 3𝑖) seja um número real.

(𝑎 + 𝑖)2 + (1 + 𝑎𝑖)2 seja um número imaginário puro.

Escreva √𝟔 + 𝟖𝒊 na forma 𝒂 + 𝒃𝒊, com 𝒂, 𝒃 ∈ IR .

Sabe-se que 𝒛 = 𝟐 − 𝟑𝒊 e 𝒘 = 𝟏 + 𝟐𝒊. Calcule:


1 1 𝑧 𝑤
d) g) +
𝑧 𝑤
̅ 1+𝑖 1−𝑖
1 𝑤 𝑧̅ 𝑤
̅
e) h)
𝑤 𝑧 −2−𝑖
1 𝑧̅ 1
f) i)
𝑧̅ 𝑤
̅ 𝑧̅ +𝑤
̅

DIMENSÕES • Matemática A • 12.º ano • Material fotocopiável • © Santillana


Determine o conjugado dos seguintes complexos:
2+𝑖 (1+𝑖)2
d) − 𝑖3
1−𝑖 3+𝑖

3+2𝑖 (2−3𝑖)(1+2𝑖)2 𝑖 11 (2−𝑖)


e) −
2+𝑖 1+𝑖 2

−1−3𝑖 (1−4𝑖)2 −(2+𝑖)2 𝑖 7 (1+𝑖 13 )


f) +
1−2𝑖 1+𝑖 1−𝑖

Determine o módulo dos seguintes complexos:


6−8𝑖
𝑧 = 2−𝑖 c) 𝑠 =
8+6𝑖

1−2𝑖 2−4𝑖
𝑤= d) 𝑡 =
3+𝑖 √2−√3𝑖

I , definida por 𝒇(𝒛) = (𝟏 − 𝒊)𝒛𝟐 − (𝟑 + 𝟐𝒊)𝒛 + 𝟏 + 𝟒𝒊. Determine:


Seja 𝒇 a função, de domínio C
1
𝑓(1) b) 𝑓(1 + 𝑖) c) 𝑓 ( )
2−𝑖

I , as seguintes equações e apresente os resultados na forma 𝒂 + 𝒃𝒊 , com 𝒂, 𝒃 ∈ IR :


Resolva, em C

𝑧2 + 9 = 0 g) (1 + 3𝑖)𝑧 − 𝑖𝑧̅ = 7 + 5𝑖

𝑧3 + 4𝑧 = 0 h) 𝑧 2 − 15 + 8𝑖 = 0

𝑧 2 + 2𝑧 + 4 = 0 i) 𝑧 + |𝑧| = 8 + 4𝑖
𝑧−2𝑖
= 1 + 3𝑖 j) 𝑧 + 2|𝑧| + 2𝑧̅ = 5 + √3𝑖
3−𝑧

𝑖−𝑧
=𝑧+1 k) 𝑧 2 − 2𝑖𝑧 − 5 = 0
3+𝑖

𝑧 + 2𝑧̅ = 3 − 2𝑖 l) 5𝑧 2 − 8𝑖𝑧 − 13 = 0

I , as equações 𝒛𝟐 + 𝒌𝒛 − 𝟏 = 𝟎 e 𝒛𝟐 + 𝒛 + 𝒌 = 𝟎.
Considere, em C
Determine k , de modo que as duas equações tenham uma solução em comum.

I , a equação 𝒂𝒛𝟐 + 𝒃𝒛 + 𝒄 = 𝟎 , com 𝒂 ≠ 𝟎.


Considere, em C
Sabe-se que:
 𝒂, 𝒄 ∈ IR+ e 𝒃 ∈ IR ;
 𝒂 , 𝒃 e 𝒄 estão em progressão geométrica de razão 𝒓.
−√𝑎𝑐±𝑖√3𝑎𝑐
Mostre que as raízes da equação são da forma 𝑧 = .
2𝑎

Determine as raízes da equação quando:


𝑎=1 e 𝑟=2 b) 𝑏 = 6 e 𝑟 = 3 c) 𝑐 = 50 e 𝑟 = −5

Considere, no plano complexo, os pontos A e B , afixos dos complexos 𝒛𝟏 = 𝟏 + 𝒊, 𝒛𝟐 = −𝒛𝟏 ,


respetivamente.

I , |𝑧 − 𝑧1 | = |𝑧 − 𝑧2 | ⇔ 𝑧 = 𝑎 − 𝑎𝑖, com 𝑎 ∈ IR .
Mostre que ∀𝑧 ∈ C
Seja C o afixo do complexo z3 e Re(z3) < 0 . Considere o triângulo equilátero [ABC] .

14.2.1. Determine z3 .
14.2.2. Represente o triângulo [ABC] no plano complexo.
14.2.3. Determine a área do triângulo [ABC].

DIMENSÕES • Matemática A • 12.º ano • Material fotocopiável • © Santillana

Você também pode gostar