Você está na página 1de 13

Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes

Secretaria Municipal de Educação


Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

DOP/2010

O serviço de Psicologia e Psicopedagogia da Divisão de Orientação e Promoção


(DOP) do CAIC é composto atualmente por três psicólogas, uma psicopedagoga, uma coordenadora
e oferece:
 Atendimento Psicológico;
 Atendimento Psicopedagógico;
 Grupo de Orientação aos Pais;
 Orientações aos Professores;
 Palestras.

I. Atendimento Psicológico/Psicopedagógico

Estes serviços ocorrem de segunda a quinta-feira, em salas de atendimento na


DOP/CAIC e são oferecidos aos alunos, de 4 a 12 anos de idade, matriculados em escolas
municipais e estaduais, situadas no município.
As queixas encaminhadas para atendimento psicológico referem-se a problemas
situacionais de ordem emocional e/ou comportamental, ou seja, quando a criança apresenta
alguma desordem afetiva/emocional decorrente de fatores externos, tais como: o nascimento de
um irmão, conflitos familiares, luto, abandono, separação; e internos, tais como: baixa auto-
estima, ansiedade, apatia, introspecção acentuada, tristeza excessiva etc.
O atendimento psicopedagógico trabalha os processos de aprendizagem e a
construção de conhecimento, no sentido de identificar a sua dinâmica. Assim como no atendimento
psicológico, as queixas recebidas também são de ordem situacional, ou seja, o aluno não
apresenta distúrbio já instalado, síndromes ou deficiências.

1
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

Como encaminhar?

A escola poderá encaminhar a criança para atendimento psicológico e/ou


psicopedagógico por meio de ofício enviado para esta Coordenadoria, solicitando o agendamento
para avaliação, juntamente com o relatório do professor (ANEXO 1). Nos casos em que o aluno
possui mais de um professor, seria interessante que a análise fosse feita entre toda a equipe escolar,
enviando um relatório único.

Lembramos que não aceitaremos encaminhamentos sem


a devida documentação e preenchidos corretamente.

Quando ocorrer a convocação do aluno para o atendimento, a escola será


comunicada, via telefone, e terá a tarefa de informar o responsável. Como também, será
comunicada, via e-mail, quando o mesmo não comparecer no dia e horário agendado, faltar ou for
desligado do serviço da Divisão.
Nos casos em que a criança foi encaminhada anteriormente, convocada e desligada
por qualquer motivo (não comparecimento, faltas e etc), se a escola desejar reencaminhá-la é
necessário o preenchimento de nova documentação, inclusive relatório do professor, com as
informações atuais, pois se tratando de aspectos emocionais, comportamentais e cognitivos, estes
sempre estão em constantes transformações.

É importante que a escola conscientize os pais sobre a razão do


encaminhamento, oriente sobre as implicações de um possível atendimento
(frequencia semanal, custo de transporte, localização da Divisão e etc) e busque
a sua aceitação antes de realizar tal procedimento.

2
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

II. Grupo de Orientação aos Pais

O Grupo de Orientação é um trabalho desenvolvido pelas psicólogas, voltado aos


familiares dos alunos e os objetivos são:
 Proporcionar um espaço de escuta e relatos de vivências entre pais/cuidadores
que os levem a identificação e posterior empatia para com as situações
colocadas, proporcionando desta forma reflexões significativas;
 Reorganizar as relações familiares que afetam profundamente a dinâmica de
todos os integrantes, promovendo, assim, a saúde e o bem-estar emocional dos
mesmos;
 Fornecer orientações pertinentes aos temas abordados durante o processo grupal;
Priorizaremos os familiares das crianças que já se encontram em atendimento
psicológico em nossa Divisão. Entretanto, com o surgimento de vagas, atenderemos também
familiares encaminhados pela escola sem que, necessariamente, a criança se submeta à psicoterapia.
A escola poderá encaminhar pais e familiares que julguem se beneficiar deste tipo de
trabalho, por meio de ofício e relatório (ANEXO 2) enviado a esta Coordenadoria. É importante
ressaltar que não aceitaremos encaminhamentos sem a devida documentação. Após a entrega da
mesma, esta será analisada e, conforme critérios técnicos, os pais poderão ser convocados para uma
entrevista inicial, a qual também será avaliada a indicação para participação no grupo.

Solicitamos à escola que oriente os pais sobre a razão do encaminhamento,


esclareça que a convocação não implicará obrigatoriamente na sua participação
no grupo, e busque a sua anuência antes de direcioná-los ao serviço.

III. Orientações à Equipe Escolar

Este trabalho buscará uma maior interação entre professor e


psicólogo/psicopedagogo a fim de dinamizar o atendimento clínico da criança, bem como fornecer
orientações úteis para a relação professor-aluno. Este contato poderá ocorrer de várias maneiras:

3
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

telefone, documentos (relatórios/declarações), visitas à escola, orientação aos professores na DOP e


participação em OTEs. As orientações deverão ser previamente agendadas, podendo ser solicitadas
por ambas as partes (escola e profissionais da DOP), por meio de telefone ou ofício, e ocorrerão às
sextas-feiras das 8h às 17h.

IV. Palestras

As escolas poderão solicitar palestras sobre temas variados (ANEXO 3) e tal


solicitação deverá ser feita por meio de ofício encaminhado a esta Coordenadoria, com (no
mínimo) um mês de antecedência da data pretendida. No ofício deverá constar o tema escolhido,
data, horário e público-alvo. Após o recebimento do mesmo, entraremos em contato a fim de
confirmar dia e horário.

Disponibilidade de dias e horários:


• Segunda a quinta-feira das 18h às 20h;
• Sexta-feira das 8h às 17h.

CONTATO:

• Endereço: Rua Profª. Alice Theresa Cotrim Guerreiro da Silva nº 22 – Vila Lavínia

Mogi das Cruzes/SP – CEP 08737-080

• Telefones: 4723 4645 (Soraya/Secretaria) e 4723 4644 (Estela/Coordenadoria)

• E-mail: dop.caic.sme@pmmc.com.br

4
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

ANEXO 1: Modelo de Relatório


(ENCAMINHAMENTO DE ALUNO(A) PARA ATENDIMENTO)

De: (nome do professor e/ou equipe escolar)


Para: Psicologia ( ) Psicopedagogia ( )

ATENÇÃO
• É importante o preenchimento de todos os campos do relatório para uma melhor
compreensão da queixa apresentada;
• As linhas abaixo de cada questão se destinam a observações que julgue importantes.
Favor preenchê-las sempre que possível;
• A conscientização dos pais sobre a razão do encaminhamento, bem como a sua
aceitação antes de realizar tal procedimento, é fundamental.

RELATÓRIO

Nome do (a) Aluno (a): _________________________________________________________________


Nome do (a) Aluno (a): ___________________________________________________________________
Data de Nascimento: ______ / ______ / ______ Idade: _________________
Data de Nascimento: ______ / ______ / ______ Idade: _________________
Escola: ______________________________________________________________________________
Escola: _________________________________________________________________________________
Série: _____________________________________ Período: ( ) Manhã ( ) Tarde
Série: _____________________________________ Período: ( ) Manhã ( ) Tarde
Professor(a): ________________________________________________________________________
Professor(a): ____________________________________________________________________________
Endereço: ___________________________________________________________________________
Endereço: _______________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
Telefone: _______________________________
Telefone: ___________________________________
Nome do Responsável: _________________________________________________________________
Nome do Responsável: ____________________________________________________________________

1. O aluno (a) já foi encaminhado (a) para o serviço anteriormente? ( ) sim ( ) não ( ) não sei

2. Foi avaliado (a) pela equipe multidisciplinar do Pró Escolar? ( ) sim ( ) não ( ) não sei

3. Qual o motivo/razão do presente encaminhamento?


____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________

5
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

4. Em relação ao rendimento escolar, o aluno 11. Seu relacionamento com o (a) professor (a)
apresenta: pode ser considerado:
( ) progresso constante ( ) bom, sem problemas
( ) progrediu até certo ponto ( ) regular
( ) não apresenta progressos ( ) ruim
( ) nunca executa atividades ________________________________________
________________________________________ ________________________________________
________________________________________ ________________________________________
________________________________________ ________________________________________

5. Em relação a sua inteligência, parece ter: 12. Quando criticado pelo (a) professor (a):
( ) dentro da média ( ) chora ( ) agride ( ) ignora
( ) acima da média ( ) mostra-se magoado ( ) argumenta
( ) abaixo da média ________________________________________
________________________________________
6. Quanto ao ritmo do seu trabalho: ________________________________________
( ) é lento
( ) é rápido 13. Em relação à sua memória:
( ) é normal ( ) parece boa, sem dificuldades
( ) parece ruim, tem dificuldades
7. Em relação à qualidade de seu trabalho: ( ) não foi observada
( ) é satisfatória, seus trabalhos são limpos e bem
feitos 14. Em relação à sua capacidade visual:
( ) inicia os trabalhos, mas não os conclui. É ( ) parece normal
pouco persistente ( ) apresenta dificuldades
( ) faz de qualquer forma, sem o mínimo de ( ) não foi observada
cuidados
( ) risca os erros manchando a folha 15. Em relação à sua capacidade auditiva:
( ) os erros são apagados com borracha ( ) parece normal
( ) apresenta dificuldades
8. Sua frequência escolar aponta: ( ) não foi observada
( ) assiduidade
( ) muitas faltas 16. O vocabulário e a pronúncia exibidos na
( ) atrasos constantes escola são:
( ) adequados, sem problemas
9. Quando apresenta dificuldades: ( ) prejudicado porque troca letras
( ) pede auxílio ao (à) professor (a) ( ) prejudicado porque omite letras
( ) pede auxílio aos colegas ( ) inadequados, não consegue expressar-se
( ) deixa o trabalho de lado, nada pergunta ( ) apresenta gagueira
( ) outros comportamentos ________________________________________
________________________________________ ________________________________________
________________________________________ ________________________________________
________________________________________
17. Em relação à escrita:
10. Seus deveres de casa: ( ) apresenta muitos erros ortográficos
( ) são sempre feitos ( ) não apresenta erros ortográficos
( ) às vezes são feitos ( ) não está alfabetizado (a)
( ) nunca são feitos ________________________________________
( ) não há deveres ________________________________________
________________________________________

6
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

18. Sua leitura: 22. Em relação a sua motivação para o


( ) não apresenta problemas aprendizado:
( ) é regular ( ) parece boa
( ) não consegue ler ( ) é desinteressado
( ) não está alfabetizado (a) ( ) depende da atividade
________________________________________ _______________________________________
________________________________________ _______________________________________
________________________________________ _______________________________________
_______________________________________
19. Seu conhecimento em relação aos números:
( ) conhece bem os números 23. Quanto ao seu comportamento em classe
( ) não conhece os números manifesta:
( ) resolve problemas sem dificuldades ( ) agressividade
( ) resolve problemas com dificuldades ( ) chora muito
( ) não consegue resolver problemas ( ) inquietação
________________________________________ ( ) ansiedade
________________________________________ ( ) labilidade (ora alegre, ora triste)
________________________________________ ( ) alegria
( ) obediência
20. Apresenta dificuldades com: ( ) dependência
( ) escrita ( ) introversão
( ) atenção ( ) cooperação
( ) recreação ( ) incapaz de controlar-se
( ) artes ( ) muito falante
( ) leitura ( ) adequação
( ) números ( ) tranquilidade
( ) música ( ) autoritarismo
( ) disciplina ( ) insegurança
________________________________________ ( ) tristeza
________________________________________ ( ) desobediência
________________________________________ ( ) independência
( ) extroversão
21. Em relação a sua atividade motora: ( ) brigas constantes
( ) está dentro do esperado para a idade ( ) incapaz de aguardar a vez
( ) está sempre agitado _______________________________________
( ) é muito barulhento _______________________________________
( ) derruba objetos frequentemente _______________________________________
( ) prefere correr a andar _______________________________________
( ) sobe nos móveis com frequência _______________________________________

24. É repetente? Qual (is) série (s)? Quantas vezes? _____________________________________________


_______________________________________________________________________________________

25. Geralmente compreende as lições? ________________________________________________________


_______________________________________________________________________________________

26. Costuma isolar-se durante o recreio? ______________________________________________________


_______________________________________________________________________________________

27. Provoca frequentemente os amigos para brigar? Se provocado como reage? _______________________
_______________________________________________________________________________________

7
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

28. Gosta de liderar em atividades de grupo? ___________________________________________________


_______________________________________________________________________________________

29. É alvo de gozação dos colegas? Caso sim, como reage? _______________________________________
_______________________________________________________________________________________

30. Atividades preferidas: __________________________________________________________________


_______________________________________________________________________________________

31. Atividades rejeitadas: __________________________________________________________________


_______________________________________________________________________________________

32. Em sua opinião quais seriam as principais potencialidades do aluno? _____________________________


_______________________________________________________________________________________

33. Em sua opinião quais seriam as principais dificuldades do aluno? _______________________________


_______________________________________________________________________________________

34. Em sua opinião, quais causas poderiam ser atribuídas para tais dificuldades? _______________________
_______________________________________________________________________________________

35. Como você descreve sua atuação diante de tais dificuldades? ___________________________________
_______________________________________________________________________________________

36. Como você percebe a participação dos pais/cuidadores na vida do aluno? _________________________
_______________________________________________________________________________________

37. O que você espera do psicólogo/psicopedagogo em relação ao presente encaminhamento?


_________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________

38. Outras observações: ___________________________________________________________________


_______________________________________________________________________________________

Mogi das Cruzes, _________ de ____________________________ de _________.

___________________________________________________________
Assinatura
Professor e/ou Coordenador

Telefone (escola): __________________________________

8
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

ANEXO 2: Modelo de Relatório


(ENCAMINHAMENTO DE PAIS/RESPONSÁVEIS PARA O GRUPO DE ORIENTAÇÃO)

De: (nome do professor e/ou equipe escolar);


Para: Psicologia da DOP;

RELATÓRIO

I – IDENTIFICAÇÃO DO RESPONSÁVEL:
Nome: _______________________________________________________________________________________
Data de nascimento: ______ / ______ / ______ Idade: ______________________________________
Escolaridade: __________________________ Profissão: ___________________________________
Endereço: _____________________________________________________________________________________
Telefone: _____________________________

II – IDENTIFICAÇÃO DO(A) ALUNO(A):


Nome: ____________________________________________________________________________________
Data de nascimento: _____ / _____ / _____ Idade: _____________ Série/Ano: ___________________
Escola: _______________________________________________________________________________________

III - MOTIVO DO ENCAMINHAMENTO:


_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________

IV - O FAMILIAR CONCORDOU COM O SEU ENCAMINHAMENTO PARA O GRUPO DE ORIENTAÇÃO?


Sim ( ) Não ( )

Mogi das Cruzes, _________ de ____________________________ de _________.

___________________________________________________________
Assinatura Professor/Coordenador

Telefone (escola): __________________________________

9
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

ANEXO 3: Relação dos Temas para Palestra

Nº Título Público-Alvo Objetivo


1 Afetividade – Pais e Filhos • Pais/Responsáveis Esclarecer, orientar e propiciar a reflexão no que se
• Comunidade refere aos aspectos implícitos da relação pais e filhos.

2 A Importância da Família na • Pais/Responsáveis Refletir sobre a relação família e escola e orientar a


Escola • Comunidade família sobre como ajudar a criança na escola.

3 A Importância do Brincar na • Pais/Responsáveis Orientar sobre a importância do brincar no


Vida da Criança • Comunidade desenvolvimento cognitivo, afetivo e social da criança.

4 Bullying na Escola • Professores Informar, esclarecer e refletir sobre o tema na


comunidade escolar e discutir estratégias de
enfrentamento.

5 Reflexões sobre o Processo • Pais/Responsáveis Informar, esclarecer orientar e propiciar a reflexão


de Aprendizagem no Mundo • Comunidade sobre os aspectos implícitos do processo ensino-
Contemporâneo • Professores aprendizagem.

6 Drogas • Pais/Responsáveis Informar, esclarecer, orientar e estimular a reflexão


• Comunidade acerca das possíveis causas psicossocias do uso de
• Professores drogas nos dias atuais.
• Alunos

7 Educação com Limites • Pais/Responsáveis Esclarecer, orientar e propiciar a reflexão concernente


• Comunidade aos aspectos implícitos da educação dos filhos,
norteados pelas noções de limites.

8 Hiperatividade/ Déficit de • Pais/Responsáveis Informar, esclarecer e orientar sobre os aspectos


Atenção (TDAH) • Comunidade implícitos do TDAH.
• Professores

9 Sexualidade Infantil • Pais/Responsáveis Informar, esclarecer, orientar e estimular a reflexão a


• Comunidade respeito do desenvolvimento da sexualidade infantil.
• Professores

10 Novas Configurações • Pais/Responsáveis Refletir sobre as relações humanas que se estabelecem


Paradigmáticas nas Relações • Comunidade na escola e na família.
de Ensino e Aprendizagem • Professores

* Todas as palestras terão duração de 1 hora e meia;


A escola deverá providenciar caixa de som, microfone e retroprojetor.

10
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

ANEXO 4

Aos Professores

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O ENCAMINHAMENTO

1. Queixas pertinentes ao nosso serviço

As principais queixas que atendemos em nosso serviço são problemas situacionais de


ordem emocional e/ou comportamental, ou seja, quando a criança apresenta alguma desordem
afetiva/emocional decorrente de fatores externos, tais como: o nascimento de um irmão,
conflitos familiares, luto, abandono, separação; e internos, tais como: baixa auto-estima,
ansiedade, apatia, introspecção acentuada, tristeza excessiva etc. Além de problemas no
processo de aprendizagem também de ordem situacional, ou seja, o aluno não apresenta
distúrbio já instalado, síndromes ou deficiências.
Vale ressaltar que problemas relacionados à fala, transtornos do desenvolvimento
(por ex. autismo), psiquiátricos, síndromes diversas (por ex. Down) e deficiência mental não são
atendidos em nosso serviço.
Outra situação é quando recebemos encaminhamentos de crianças que já foram
avaliadas pela Equipe de Avaliação do Pró-Escolar. Nesse caso, comunicaremos à escola de que
o mesmo já faz parte da lista de espera do Pró-Escolar e que, portanto, deverá aguardar ser
convocado pelo mesmo.
Há ainda casos em que são encaminhadas crianças sem demanda psicológica ou
psicopedagógica, porém com queixas relativas a outras especialidades. Até o presente momento,
nossa divisão oferece apenas os serviços de psicologia e psicopedagogia, não sendo possível
atender a tais demandas. Por exemplo, o professor realiza o encaminhamento tendo identificado
dificuldades de linguagem e consequentemente a necessidade de tratamento fonoaudiológico. A
partir desta constatação o mesmo deve dirigir o seu encaminhamento diretamente para a
instituição que possua tal profissional.

11
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

2. Objetivo do Relatório de Encaminhamento

Solicitamos o preenchimento da resposta de forma discursiva, sempre que possível,


com riqueza de informações, completando todos os campos do relatório, uma vez que tais
procedimentos possibilitarão uma melhor compreensão da queixa apresentada, fazendo parte
inclusive do processo de avaliação do caso. Salientamos que os relatórios incompletos
prejudicarão a avaliação do caso e, consequentemente, a convocação do mesmo para o
atendimento.

3. Fase de adaptação da criança na escola

Antes de realizar o encaminhamento para a Divisão é preciso considerar o período de


adaptação da criança à escola e a fase de desenvolvimento em que a mesma se encontra.
É fundamental respeitar o processo de adaptação da criança, pelo qual todas passam,
ao contexto escolar antes de realizar o encaminhamento. Outro ponto a ser considerado é se já
houve experiências escolares anteriores para a aquisição dos pré-requisitos do processo de
escolarização, de que tipo (creche, EMEI ou outras) e como ocorreu tal experiência (tranquila
ou tumultuada). É importante um olhar cuidadoso do professor sobre esses aspectos de seu
aluno, respeitando o tempo individual de cada criança, ou seja, um aluno pode levar mais tempo
que outro para se adaptar ao novo contexto. Portanto, não é possível buscar uma padronização
destes comportamentos.
Em relação ao desenvolvimento infantil deve se considerar que as várias faixas
etárias possuem diferentes características e necessidades. Por exemplo: é esperado que uma
criança de três anos de idade apresente maior agitação psicomotora, tendo, portanto,
dificuldades em manter-se sentada e contida num espaço maior de tempo. Sendo assim, esta
criança provavelmente não necessitará de atendimento psicológico, uma vez que tal
comportamento é esperado para a sua idade.
Por fim, também é essencial que se leve em conta o contexto social da criança:
família, condições econômicas, moradia e alterações de rotina. Para ilustrar, citamos o caso de
uma criança pequena, que morava numa residência de dois cômodos, sem espaço para brincar.

12
Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Secretaria Municipal de Educação
Coordenadoria de Atenção Integral à Criança – CAIC
Divisão de Orientação e Promoção - DOP

Na escola tinha muitas dificuldades em permanecer sentada e dentro da sala de aula, pois
desejava o tempo todo brincar e correr no pátio, e sabemos que tal comportamento é uma
necessidade básica de toda criança.

4. Grupo de Orientação aos Pais

O professor muitas vezes tem oportunidade de ter contato maior com os pais dos
alunos, podendo perceber a necessidade de tais famílias receberem orientações profissionais a
respeito da relação com os filhos. Para isso, o professor poderá realizar o encaminhamento de
tais familiares para o Grupo de Orientações aos Pais (vide Plano de Ação). Ressalta-se que a
criança não precisa estar em atendimento para os familiares participarem do grupo.
Lembramos que tal trabalho de grupo não consiste num tratamento psicológico, mas
sim em orientações específicas focadas nas questões que se relacionam de alguma forma com a
criança, ou seja, pais que necessitam de terapia psicológica devem ser encaminhados para os
serviços pertinentes.

13

Você também pode gostar