Você está na página 1de 9

Avaliação de Produtos: Oracle Process Cloud Services (Oracle

PCS)
Eduardo Britto - 11 de maio de 2016
(2) Comentários

No mercado de automação de processos há mais de 20 anos, a Oracle acaba de lançar uma solução
para automação de processos simples, leve e que roda em ambiente na nuvem: o Oracle Process
Cloud Service, ou Oracle PCS.
Com o foco na automação de processos, o produto possui recursos interessantes para a modelagem e
execução de processos, todos disponibilizados em um ambiente simples de boa usabilidade que
permitem tanto o usuário de negócios com a área de TI realizarem a automação de seus processos.

Na lista abaixo analisamos como a plataforma atende a alguns dos principais requisitos de BPMS:
 Modelagem com BPMN: Possui suporte tanto a nível de modelagem como a nível de
implementação e execução de grande parte dos recursos oferecidos pela notação BPMN.
Modelagem do processo com BPMN

 Modelagem de Formulários: Com o uso da tecnologia Webforms, permite o


desenvolvimento de formulários em ambiente visual de forma fácil e rápida com os recursos
de arrastar e soltar. É possível definir um formulário para cada atividade ou reaproveitar um
mesmo formulário em várias atividades, agilizando o desenvolvimento da automação.
Editor de formulário visual (WYSIWYG)

 Regras de Negócio em Formulários: Possui uma linguagem nativa de script que manipulam
as propriedades dos elementos dos formulários. A linguagem permite a configuração de
regras de negócio básicas e avançadas, mas de acordo com o que se deseja fazer, um
conhecimento e familiaridade com programação começa a se fazer necessário.
 Integração com Sistemas: Possui nativamente a chamada de serviços. Contudo, como o
ambiente está em ambiente cloud e não existe hoje formas de se estabelecer uma VPN ou um
túnel privado com o cliente, faz-se necessário que os serviços estejam disponíveis em
ambiente público na web.

Configuração de acionamento de serviços pelo processo

 Orquestração de Sistemas: Apesar de não ter recursos mais poderosos para a


implementação de processos de natureza sistêmica, o PCS se integra naturalmente com outro
produto da Oracle chamado ICS – Integration Cloud Service – que permite a configuração de
um barramento de serviços em ambiente de nuvem, facilitando a orquestração deste tipo de
necessidade.
 Gestão de Conteúdo: De forma similar como resolve as necessidades de processos
sistêmicos, o PCS se integra de forma nativa com o Oracle Documents, plataforma de gestão
de documentos na nuvem da Oracle que permite o compartilhamento, colaboração,
visualização, controle de versão e trâmite dos documentos ao longo dos processos.
 Motor de Regras: Possui um ambiente próprio para a configuração de regras de negócio que
são consumidas por atividades do processo através da configuração de tabelas de decisão.
Criação de Regras de Negócio

 Ambiente de Execução: Bastante prático e funcional, possui uma lista de trabalho onde são
executadas as atividades humanas. Permite a criação de filtro para a seleção de atividades e a
consulta de onde está um determinado processo e qual o seu histórico de execução.
Ambiente de execução do processo

 Mobile: Possui aplicativo próprio para iOS eAndroid para a execução de processos em
ambiente mobile.
 Indicadores e Relatórios: Disponibiliza uma série de relatórios e dashboards pré-prontos
que permitem o acompanhamento de qualquer processo modelado na plataforma. Contudo,
possui nativamente poucos recursos de customização destes indicadores.
Indicadores e relatórios do Oracle PCS

Nesta solução de BPM, a Oracle provê todo o ambiente e infraestrutura do produto, tendo um
modelo de licenciamento baseado na compra de créditos que podem ser utilizados o licenciamento
por usuário, com valores distintos de acordo com o tipo de usuário: Administrador, Participante e
Invocador.

Na avaliação da iProcess…
… o Oracle PCS chega como um bom produto para a implementação de processo de baixa e média
complexidade, sendo uma plataforma bastante produtiva para o desenvolvimento dos processos a
que se propõem e tendo um bom custo x benefício para empresas que querem rapidamente
implementar muitos processos com predominância de atividades humanas na sua organização.
É uma solução de rápida adoção, visto que podem ser adquiridos poucos usuários a um custo
acessível e que o ambiente em algumas horas já estará disponível para as áreas de Ti e negócios dada
a facilidade da automação na nuvem.
Como pontos a melhorar está a necessidade dos serviços do cliente terem que estar expostos na web
para serem evocados e pouca customização de relatórios e indicadores.

Para conhecer um pouco mais do Oracle PCS, assista aos vídeos abaixo.

Vídeo 1: Os benefícios da automação de processos com o Oracle Process Cloud Services


Vídeo 2: Demonstração de utilização do Oracle Process Cloud Services
Para mais informações, fale com a iProcess ou entre em contato com a gente no
email contato@iprocess.com.br.