Você está na página 1de 10

Planos de Manutenção

Objetivo
O planejamento da manutenção descreve as datas e o espaço de atividades do plano de ação da manutenção
e da inspeção em objetos técnicos.

Pré-requisitos
• Ter todas as informações sobre os planos da manutenção.

Caminho pelo Menu


Para acessar a transação, use o seguinte caminho pelo menu ou Código de Transação :
IP01/IP41/IP42

 Manutenção  Manutenção regular  Planejamento de Manutenção 


Logística
Planos de Manutenção  Criar

Código da
Transação

+Dica: Para acessar a transação diretamente pelo Menu, Clicar duas vezes sobre a transação indicada.
Criar Plano de Manutenção - 1ª tela
É importante observar que a transação IP01 não existe no menu principal. Esta transação só poderá
ser acessada diretamente pelo código da transação.

Existem uma diferença básica entre os três tipos de transação para criação de um plano de manutenção.

Código da transação Descrição


IP01 Esta é um tipo de transação genérica, ou seja,
você poderá escolher se o plano a ser criado será
cíclico ou um plano com estratégia. Se nenhuma
das opções for escolhida, o sistema admitirá que o
plano será cíclico.
IP41 Esta é um tipo de transação cíclica,
obrigatóriamente..
IP42 Esta é um tipo de transação com estratégia
obrigatóriamente.

Criar Plano de Manutenção - 1ª tela – IP01

1. Criar Plano:

Note que as primeiras telas das transações IP41 e IP42 têm sutís diferenças. Essas diferenças
caracterizam cada tipo de plano.

Transação IP41 Transação IP42


Campo O/P/C Descrição / Ação
Plano de manutenção P Número que identifica um plano de manutenção.
Quando criar, o usuário pode selecionar um
número ou deixar que o sistema atribua um nº
sequencial, dependendo do método
convencionado.
Se o campo for mantido vazio, o sistema atribui
automaticamente um número. Se o usuário entrar
um número, este deve encontrar-se dentro do
respectivo intervalo de numeração.
Ctg. Plano manut. P Código que determina qual objeto de solicitação de
manutenção será gerado pelo sistema em uma
solicitação de manutenção vencida.
Estratégia P Identifica a estratégia de manutenção ou o grupo
de ciclos. Se o usuário estiver criando um plano de
estratégia neste exato momento, somente
estratégias de manutenção poderão ser indicadas
neste campo.
Vale ressaltar que se escolhida uma estratégia, o
plano será tomado automaticamente com
estratégia,ou seja, o sistema admite a transação
IP42.
Pln.manut.múlt. P Código para a criação de um plano de manutenção
múltiplo. Ao definir o código, o sistema gera um
plano de manutenção múltiplo.
Deixar em branco
Cnj. de ciclos P Agrupamento de ciclos de manutenção, que
poderão ser utilizados como modelo de cópia para
a criação de planos de manutenção múltiplos.
Deixar em branco.

Criar Plano de manutenção – 2ª tela – IP01/IP41

Tanto para a transação IP01 quanto para a IP41, as segundas telas exibidas são iguais, com os
mesmos campos.
Observe que a indicação para o tipo de plano na barra superior, mostra um plano de manutenção
cíclica, adotado automaticamente pelo sistema, uma vez que não foi atribuída um estratégia.

Campo O/P/C Descrição / Ação


Plano manutenção O Descrição do plano de manutenção. Digite um
nome para o plano e tecle enter .
4. Na segunda pasta de blocos, na pasta :

Campo O/P/C Descrição / Ação


Local instal. O Local de instalação onde o será realizado o
trabalho. Digite o local desejado ou selecione pelo
matchcode e tecle enter .
Equipamento P Número através do qual um equipamento será
identificado. Deixar em branco.
Conjunto P Em branco – não utilizar
Centro de planejamento O Indica o centro de manutenção, que no nosso caso
será a Fosbrasil – Cajati. Selecione pelo
matchcode ou digite e tecle enter .
Geralmente já vem associado ao local de
instalação.
Tipo de ordem O Tipo de ordem de serviço que será executado.
Selecione pelo matchcode e tecle enter .
Cen.Trab respon. O Pode aparecer automaticamente, ser selecionado
ou modificado, se for o caso, pelo matchcode .
Prioridade P Exibe a importância do processamento da nota ou
da ordem.
Grp.plnj.PM Identifica o grupo de planejamento de
manutenção.

Selecione pelo matchcode e tecle enter .

5. Digitado todas as informações tecle enter ou aperte o botão .

Note que o sistema o levará para a primeira pasta, antes inativa, no caso de um plano cíclico IP41. Se
o Plano de manutenção adotado for estratégico IP42, deve-se associar primeiramente uma lista de
tarefas.(A transação está descrita no final desta página.)
Campo O/P/C Descrição / Ação
Ciclo/unidade O Unidade que determina a base para o cálculo de

datas. Digite ou selecione pelo matchcode e

tecle enter .
Texto para ciclo P Descrever um ciclo de manutenção.
Em uma estratégia de manutenção, o usuário
poderá gravar a denominação para um pacote de
manutenção.
Offset/unidade - Determina o período conforme o qual, um pacote
de manutenção vencerá pela primeira vez.
Em branco – Não utilizar.
Contador P O sistema encara um ponto de medição com
características de contador para programar uma
manutenção pelo resultado.

Se no plano, você quiser associar uma lista de tarefas, nesta mesma tela, no bloco lista de tarefas
temos os seguintes campos: Verificar quadro explicativo no manual antes de iniciar a operação.

Campo O/P/C Descrição / Ação


Tp. P É um tipo de roteiro. Caso o usuário pretenda
agrupar as notas geradas mediante o
processamento de lista para notas em uma ordem.
Digite “a” para uma lista genérica e “e” para uma
lista específica de equipamentos.
Grp.List.Tar Identifica o grupo das listas de tarefas. Deve-se
saber de antemão ou pode-se pesquisar o código
clicando no botão , selecione a opção Lta
É recomendado geral,
selecionar a tarefa
através do botão clique no campo “Grupo listas tarefas”, selecione
selecionado pelo matchcode e no campo “Tipo de tarefa”
digite “a” (lista genérica) ou “e” (lista específica).
Selecione o grupo de tarefas desejado e tecle
enter .
Selecionado o grupo, clique no botão .
Campo O/P/C Descrição / Ação
NmdGp Aparece automaticamente. Não alterar.

6. Após ter digitado todas as informações, entrar na pasta :

Campo O/P/C Descrição / Ação


FD na confirm. atrasada P Define a porcentagem de deslocamento a ser
calculada na data subseqüente.
Este fator será aplicado quando a divergência
entre a data teórica e a data real de fechamento da
ordem estiver fora da tolerância.
Tolerância (+) P Define o intervalo de tempo, no qual desvios
positivos entre a data planejada e a data real não
influenciam a programação subseqüente.
A tolerância será definida como porcentagem do
menor intervalo entre os ciclos da estratégia de
manutenção.
Se o processamento da ordem de manutenção não
for efetuado até x% após a data planejada, este
desvio não será considerado na programação
subseqüente.
FD confirm. antecipada P Define a porcentagem do deslocamento a ser
calculada na data subseqüente.
Este fator será somente aplicado quando a
divergência entre a data teórica e data real estiver
fora da tolerância.
Tolerância (-) P Define o intervalo de tempo no qual os desvios
negativos entre a data planejada e a data real não
influenciam a programação subseqüente.
A tolerância será definida em valor percentual do
menor intervalo entre os ciclos de manutenção e
a estratégia de manutenção.
Será utilizado o menor intervalo, a fim de que uma
data planejada não seja automaticamente ignorada
devido a alteração da data.
Campo O/P/C Descrição / Ação
Fator de modificação P Permite que o tempo de ciclo de uma estratégia de
manutenção seja modificado individualmente por
cada plano de manutenção. Vem automático.
Horizonte de abertura O Determina quando um objeto de solicitação, por
exemplo uma ordem PM, deverá ser gerado antes,
para uma solicitação de manutenção de espera.
Deve-se digitar um valor de 0-100%, que
corresponde a um número de dias em que o
sistema emitirá a ordem. Ex.: 90% de 30 dias, 3
dias antes da data real prevista.
Este recurso serve para que as ordens sejam
emitidas antes da data prevista e o serviço seja
realizado em tempo hábil, sem atrasos para a
próxima programação .
Interv.solicits. P Determina o período para o qual o sistema gera
solicitações de manutenção durante a
programação do plano de manutenção.
Confirm. Obrigatória P Este comando faz com que o sistema gere o
próximo objeto de chamada somente no caso de o
anterior objeto de chamada ter sido confirmado.
Marcação OBRIGATÓRIA.
Início do ciclo O Data, na qual o sistema deverá iniciar o plano de
manutenção. O sistema emitirá uma nota 30 dias
após esta data.
Código de programação P Os códigos de programação de prazos,
determinam o tipo de programação para os planos
de manutenção a fim de definir um grupo de
ciclos. A programação por tmp, definirá o tempo
como data atual, emitindo a OS 30 dias após a
criação ou data atribuída. A programação por Hra.-
dta.fix.precisa definirá uma data fixa, caindo
sempre em um dia fixo, todo mês. A programação
por Hora – calend.fábrica define como sendo a
data atual mais 30 dias ou no próximo dia útil do
mês.

Note que o ao selecionar uma estratégia no caso de ser um Plano com estratégia IP42, os campos
vem com informação default, já previstas na estratégia, porém é possivel fazer modificações, caso
seja necessário.

7. Após ter digitado todas as informações, entrar na pasta

No campo “Equipamento”, digite a lista de equipamentos ( pelo número de identificação do SAP) que farão
parte deste plano de trabalho.
Ou selecione clicando no matchcode :

Dependendo da opção marcada na tela de


Seleção de entradas possíveis ( Hot Key ),
as telas de seleção para equipamento
terão uma máscara diferente, mas com a
mesma funcionalidade. Sempre será
mostrada a tela da última seleção
Sugestão: Manter como critério de seleção
a tela indicada ao lado ( Equipamento por
lista de equipamento ).

Esta tela exibe vários critérios de seleção de uma forma mais refinada, para executar a operação clique no

botão Executar .

Para a seleção de um grupo de equipamentos podemos utilizar o botão


localizado no rodapé da tela.
Através deste, podemos selecionar a quantidade desejada de equipamentos de uma só vez
8. Colocadas todas as informações, clique no botão . Antes de salvar as informações, o sistema
dispara uma confirmação automática da data de início do plano. Confirme ou altere a data, para que o
sistema gere a ordem de serviço 30 dias depois da data escolhida.

Criar Plano de manutenção – 1ª tela – IP42


Neste tipo de plano, existem algumas diferenças do plano cíclico, porém, basicamente a transação segue o
mesmo perfil.

Campo O/P/C Descrição / Ação


Plano de manutenção P Número que identifica um plano de manutenção.
Quando criar, o usuário pode selecionar um
número ou deixar que o sistema atribua um nº
sequencial, dependendo do método
convencionado.
Se o campo for mantido vazio, o sistema atribui
automaticamente um número. Se o usuário entrar
um número, este deve encontrar-se dentro do
respectivo intervalo de numeração.
Ctg. Plano manut. P Código que determina qual objeto de solicitação de
manutenção será gerado pelo sistema em uma
solicitação de manutenção vencida.
Estratégia O Identifica a estratégia de manutenção ou o grupo
de ciclos. Somente estratégias de manutenção
poderão ser indicadas neste campo.

Criar Plano de manutenção – 2ª tela – IP42

O preenchimento da pasta “Ítem” e lista de objetos é


igual ao preenchimento da IP41. A diferença está na
primeira tela, na pasta “Ciclos plano de manutenção
06.06.2004”.
Os dados desta pasta aparecerão automaticamente,
quando o usuário definir a lista de tarefas
correspondente ao plano.
IMPORTANTE: Ao iniciar a transação IP42, deve-se
lembrar que a estratégia que será utilizada deve ter
listas de tarefas casadas com a estratégia adotada.

Você também pode gostar