Você está na página 1de 1

CIMENTO PORTLAND - REQUISITOS ABNT NBR 16697:2018

Comum Composto Alto-forno Pozolânico Alta resistência inicial


TEORES DE ADIÇÕES NORMATIZADOS (%)
CP I CP I-S CP II-E CP II-Z CP II-F CP III CP IV CP V ARI
Clinquer + Sulf. Calcio 95 - 100 90 - 94 51 - 94 71 - 94 75 - 89 25 - 65 45 - 85 90 - 100
Escória granulada (sigla E) 0 6 - 34 0 0 35 - 75 0 0
Material Pozolânico (sigla Z) 0-5 0 0 6 - 14 0 0 15 - 50 0 -10
Material Carbonático (sigla F) 6 - 10 0 - 15 0 - 15 11 - 25 0 - 10 0 - 10 0 - 10

S/ adição C/ adição AF Poz. Carb. Alto-forno Pozolânico Alta resistência inicial


ESPECIFICAÇÕES Norma NBR
CP I CP I-S CP II-E CP II-Z CP II-F CP III CP IV CP V ARI
PROPRIEDADES QUÍMICAS (%)
Resíduo Insolúvel (RI) NM 15** ≤ 5,0 ≤ 3,5 ≤ 5,0 ≤ 18,5 ≤ 7,5 ≤ 5,0 - ≤ 3,5***
Perda ao Fogo (PF) NM 18 ≤ 4,5 ≤ 6,5 ≤ 8,5 ≤ 12,5 ≤ 6,5 ≤ 6,5 ≤ 6,5
Óxido de Magnésio (MgO) NM14 / NM 11-2 / NBR 14656** ≤ 6,5 - - - ≤ 6,5***
Trióxido de Enxofre (SO3) NM 16 / NBR 14656 ≤ 4,5 ≤ 4,5 ≤ 4,5 ≤ 4,5 ≤ 4,5
Anidrido Carbônico (CO2)* NM 20 ≤ 3,0 ≤ 5,5 ≤ 7,5 ≤ 11,5 ≤ 5,5 ≤ 5,5 ≤ 5,5
EXIGÊNCIAS FÍSICAS E MECÂNICAS
Pega - tempo de início (min) ≥ 60 ≥ 60 ≥ 60 ≥ 60 ≥ 60
NBR 16607
Pega - tempo de fim (min)* ≤ 600 ≤ 600 ≤ 720 ≤ 720 ≤ 600
Expansibilidade - a quente (mm) ≤5 ≤5 ≤5 ≤5 ≤5
NBR 11582
Expansibilidade - a frio (mm)* ≤5 ≤5 ≤5 ≤5 ≤5
Teor de Enxofre na forma de Sulfeto (%)* NM 19 - ≤ 0,5 - - ≤ 1,0 - -
CLASSE 25 32 40 25 32 40 25 32 40 25 32 40 -
Finura - Resíduo pen 75 µm (%) NBR 11579 ≤ 12,0 ≤ 10,0 ≤ 12,0 ≤ 10,0 ≤ 8,0 ≤ 8,0 ≤ 6,0
Resistência à Compressão (MPa) ≥ 14 (1 dia)
3 dias ≥8 ≥ 10 ≥ 15 ≥8 ≥ 10 ≥ 15 ≥8 ≥ 10 ≥ 12 ≥8 ≥ 10 ≥ 12 ≥ 24
7 dias NBR 7215 ≥ 15 ≥ 20 ≥ 25 ≥ 15 ≥ 20 ≥ 25 ≥ 15 ≥ 20 ≥ 23 ≥ 15 ≥ 20 ≥ 23 ≥ 34
28 dias ≥ 25 ≥ 32 ≥ 40 ≥ 25 ≥ 32 ≥ 40 ≥ 25 ≥ 32 ≥ 40 ≥ 25 ≥ 32 ≥ 40 -
91 dias* - - - - - - ≥ 32 ≥ 40 ≥ 48 ≥ 32 ≥ 40 ≥ 48 -
Os cimentos portland resistentes a sulfatos (RS) devem apresentar expansão ≤ 0,03 % aos 56 dias de idade (NBR 13583)
* Determinação não exigida (facultativo) Para cimentos portland de baixo calor de hidratação (BC), devem apresentar ≤ 270 J/g no instante de 41 horas de ensaio (NBR 12006)
** Para cimentos pozolânicos: NBR NM 22 Outras características tais como: área específica, cloretos solúveis em água, calor de hidratação, inibição da expansão de RAA, teor de C3A do clínquer,
*** Não há limite para RI e MgO no caso de CP V ARI RS índice de consistência da argamassa normal, tempo máximo de início de pega e calor de hidratação para diferentes idades podem ser solicitadas em
comum acordo entre as partes quanto aos valores a serem atendidos e os respectivos métodos de ensaios.

www.atecnologiadoconcreto.com.br ABNT NBR 16697:2018 - Cimento Portland - Requisitos