Você está na página 1de 8

FÍSICA  ESPCEX

Prof.: Clayton
1. Ao ver passar uma bela garota loura uma Ferrari vermelha que desenvolve velocidade constante de 72km/h, um
apaixonado rapaz resolve sair ao seu encalço pilotando sua possante moto. no entanto, ao conseguir partir a moto,
com aceleração constante igual a 4m/s, o carro já está 22m à frente.

Determine:
a) após quanto tempo o rapaz alcança o carro da moça?
b) que distancia a moto percorre até o instante em que os dois veículos se emparelham?
c) qual a velocidade da moto no instante em que alcança o carro?

2. Um corpo é lançado de um ponto O do solo com velocidade inicial ����⃗,


𝒗𝒗𝟎𝟎 que forma com a horizontal um angulo θ
como indica a figura, qual que cos θ = 0,8 e sem θ = 0,6. Sendo 𝒗𝒗𝟎𝟎= 100m/s e g = 10m/s², despreze a resistência
do ar e determine:

a) o instante em que o corpo atinge o ponto mais alto da trajetória;


b) o instante em que o corpo está de volta ao solo;
c) o alcance horizontal A;
d) a altura máxima;
e) a velocidade escalar do corpo no ponto de altura máxima;
f) a velocidade escalar da partícula no instante em que toca o solo.

3. O gráfico indica como variou a velocidade de um foguete lançado verticalmente a partir do solo. No instante t =
10s, acabou o combustível do foguete e, a partir de então, ele ficou sujeito apenas à ação da gravidade.

Desprezando a resistência do ar, e tomando no solo a origem da trajetória, determine:


a) a aceleração do foguete nos primeiros 10s.
b) a altura em que esgotou o combustível.
c) O instante t1 em que o foguete atinge sua altura máxima.
d) A altura máxima atingida pelo foguete.
e) O instante t2 em que o foguete retorna ao solo.
f) A velocidade do foguete ao atingir o solo.

4. (Mackenzie - SP) Um corpo de massa 𝒎𝒎𝟐𝟐 está num plano inclinado ligado por uma corda flexível, inextensivel e
sem peso a um corpo de massa 𝒎𝒎𝟏𝟏. A corda passa por uma roldana sem peso e sem atrito. O coeficiente de atrito
entre 𝒎𝒎𝟐𝟐 e o plano é 0,2 e a massa 𝒎𝒎𝟐𝟐 vale 4 vezes a massa 𝒎𝒎𝟏𝟏. (dados: g = 10m/s²,sen de θ = 0,6, cos de θ =

1
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton
0,8; θ é o ângulo de inclinação com a horizontal.)

a) o sistema permanecerá em repouso ou entrará em movimento? Explique

b) se houver movimento, que sentido terá a aceleração de m1 e qual será o seu valor?

5. Num parque de diversão, uma das atrações que geram sempre muita expectativa é a da montanha-russa,
principalmente no momento do loop, em que se percebe que o passageiro não cai quando um dos carrinhos atinge o
ponto mais alto, conforme se observa nas figuras. Considerando-se a aceleração da gravidade de 10 m/s² e o raio R
de 10 metros, analise as afirmações a seguir:

I - a força centrípeta sobre o conjunto (carrinho-passageiro) no loop é nula.


II - a velocidade mínima do carrinho no loop é de 10 m/s, e independe do peso do passageiro.
III - o peso do conjunto (carrinho-passageiro) no loop é igual à força centrípeta, para as condições de velocidade
mínima.
IV - o conjunto (carrinho-passageiro) está em equilíbrio dinâmico no instante do loop.
V - Considerando a velocidade do carrinho igual a 108 km/h ao passar pelo ponto mais baixo da montanha Russa, o
que não é um exagero, e o raio da trajetória circular igual a 10m, a força que o a poltrona do carrinho aplica na
pessoa de massa igual a 60 kg, vale 6000N.
Está correto apenas o que se afirma em:
a)I e II
b) I , II e V
c)II , III e IV
d) II,III e IV
e)II , IV e V

6. (UFRRJ - 2006) Um trenó de massa 50 kg desliza em uma rampa, partindo de uma altura de 5 m em relação à
parte plana mostrada na figura. Ele chega à base da rampa com velocidade de 6 m/s.

2
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton
a) Qual o trabalho realizado pelo atrito?
b) Com que velocidade ele deveria partir da base para atingir o topo da rampa?

7. Numa partida de futebol, a bola se desloca horizontalmente, atinge o pé do zagueiro com velocidade 𝒗𝒗𝟏𝟏 = 15 m/s.
O impulso do chute do jogador faz com que a bola adquira velocidade 𝒗𝒗𝟐𝟐 = 20 m/s na direção vertical, imediatamente
após o chute a massa é igual a 0,4 kg.

Determine a intensidade do impulso que o pé do jogador imprime na bola, despreze o peso da bola e interação entre
jogador e a bola.

8. A figura mostra uma esfera A que, partindo do repouso, desliza (sem rolar) ao longo de uma rampa de altura H =
20 m e a seguir ao longo de um plano horizontal, ambos sem atrito. Num dado ponto do plano horizontal, a esfera A
se choca com uma esfera B de mesma massa, presa ao teto por um fio ideal. Sendo esse choque parcialmente
elástico com coeficiente de restituição e = 0,4 e adotando g = 10 m/s², determine:

a) a velocidade com que a esfera A desliza no plano horizontal antes do choque;


b) as velocidades de A e de B imediatamente após o choque;
c) a altura máxima h atingida pela esfera B após o choque com A.

9. (Unirio-RJ) A figura a seguir mostra uma placa retangular, homogênea, presa na vertical por um eixo horizontal
que passa pelo seu centro de massa (ponto de encontro das linhas tracejadas) e é perpendicular à folha. Além do
peso da placa e da força que o eixo exerce sobre ela, estão indicadas as forças F1 = 20N, F2 = 10N e F3 = 30N que
são aplicadas à placa nos pontos indicados.
Para que a placa não tenha rotação em torno do seu centro de massa, pensa-se em aplicar no vértice A uma força.

A alternativa que indica o módulo, a direção e o sentido da força, respectivamente, satisfazendo esse intento é:
a) 5,0N; vertical e para cima.
b) 2,5N; horizontal e para a direita.
c) 5,0N; horizontal e para a esquerda.

3
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton
d) 2,5N; horizontal e para a esquerda.
e) 5,0N; vertical e para baixo.

10. (AFA) Uma pessoa deite-se sobre uma prancha de madeira que flutua mantendo sua face superior no mesmo
nível da água.

A prancha de madeira com 2 m de comprimento, 50 cm de largura e 15 cm de espessura. As densidades da água e


da madeira são, respectivamente, 1000 Kg/m³ e 600 Kg/m³. Nessas condições, qual é a massa da pessoa?
a) 600 N
b) 700 N
c) 400 N
d) 500 N
e) 350 N

11(UFU-MG) Para pequenas amplitudes a frequência de oscilação de um pêndulo simples f está relacionada ao seu
1 𝑔𝑔
comprimento L e ao valor local da aceleração da gravidade g por: 𝑓𝑓 = �
2𝜋𝜋 𝑙𝑙
Portanto, um relógio de pêndulo típico deverá:
a) diminuir seu período para qualquer variação da temperatura ambiente.
b) atrasar nos dias frios.
c) manter sua frequência inalterada sob qualquer variação de temperatura, pois a temperatura não aparece na
expressão acima.
d) aumentar seu período para qualquer variação da temperatura ambiente.
e) atrasar, se for conduzido para locais de maior altitude.

12. (UCSAL-BA) Uma onda periódica, de período igual a 0,25 s, se propaga numa corda conforme a figura abaixo.

O comprimento de onda, a frequência e a velocidade de propagação dessa onda são, respectivamente:

13. (MACKENZIE-SP) Um fio de aço de 60cm de comprimento é mantido tracionado pelas suas extremidades fixas.
Nesse fio, quando excitado por uma fonte de onda de 60Hz, origina-se uma fonte de onda estacionária, conforme a
figura abaixo.

A velocidade de propagação da onda no fio é:


a) 3 m/s b) 6 m/s c) 9 m/s d) 18 m/s e) 24 m/s

4
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton

14. A figura representa um raio de luz monocromática refratando-se do meio A para o meio B. Determine o índice de
refração do meio B em relação ao meio A.

15. Um espelho côncavo tem raio de curvatura igual a 24cm. Um objeto de 4cm de altura é colocado a 48cm à frente
desse espelho.
a) A que distância do espelho se forma a imagem?
b) Que se pode dizer a respeito da natureza e do tamanho dessa imagem?

16. (UFJF – MG) Um recipiente de volume 0,0205 m³ contém uma massa de 0,640 kg de oxigênio sob pressão de
8,00 x 105 N/m² . O volume do sistema é dobrado através de um processo termodinâmico isotérmico, como mostra o
gráfico da figura.

a) Sabendo-se que o oxigênio comporta-se como um gás ideal de massa molar M = 32 g/mol, calcule a temperatura
T do sistema. (dado: R = 8,2 J/mol . K)
b) Calcule o valor aproximado do trabalho realizado pelo sistema entre os pontos A e B, supondo que a isoterma é
uma linha reta nesta região.
c) Indique o valor aproximado do calor ∆Q absorvido pelo sistema no processo de expansão isotérmica de A para B,
justificando sua resposta.

17. (Unicamp-SP) em um aquário de 10 litros completamente cheio d'agua encontra-se um pequeno aquecedor de 60
w. Sabendo-se que em 25 min a temperatura da agua aumentou de 2°c, pergunta-se:
a) que quantidade de energia foi absorvida pela água?
b) que fração da energia fornecida pelo aquecedor foi perdida para o exterior?
(Dados: calor específico da agua = 1 cal/g . °c, densidade da agua = 1kg/l; cal = 4 J)

18. Um recipiente tem a 0 °C a capacidade (volume interno) de 1.000 cm³, seu coeficiente de dilatação cúbica é 25 .
10-6 °C-1 e está completamente cheio de glicerina. Aquecendo-se o recipiente a 100 °C, há um extravasamento de
50,5 cm³ de glicerina.
Determine:
a) o coeficiente de dilatação aparente da glicerina;
b) o coeficiente de dilatação real da glicerina.

5
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton
19. (FUVEST) Para um teste de controle, foram introduzidos três amperímetros (𝐴𝐴1, 𝐴𝐴2 e 𝐴𝐴3) em um trecho de um
circuito, entre M e N, por onde passa uma corrente total de 14 A (indicada pelo amperímetro 𝐴𝐴4). Nesse trecho,
encontram-se cinco lâmpadas, interligadas como na figura, cada uma delas com resistência invariável R.

Nessas condições, os amperímetros 𝐴𝐴1, 𝐴𝐴2 e 𝐴𝐴3 indicarão, respectivamente, correntes 𝐼𝐼1 , 𝐼𝐼2 e 𝐼𝐼3 com valores
aproximados de::
a) 𝐼𝐼1 , = 1,0 A, 𝐼𝐼2 = 2,0 A, 𝐼𝐼3 = 11 A
b) 𝐼𝐼1 , = 1,5 A, 𝐼𝐼2 = 3,0 A, 𝐼𝐼3 = 9,5 A
c) 𝐼𝐼1 , = 12,0 A, 𝐼𝐼2 = 4,0 A, 𝐼𝐼3 = 8,0 A
d) 𝐼𝐼1 , = 5,0 A, 𝐼𝐼2 = 3,0 A, 𝐼𝐼3 = 6,0 A
e) 𝐼𝐼1 , = 8,0 A, 𝐼𝐼2 = 4,0 A, 𝐼𝐼3 = 2,0 A

20. Uma linha telefônica constituída por um par de fios idênticos liga entre si as estações 𝐸𝐸1 e 𝐸𝐸2, distantes L = 30
km. Em determinado ponto, a linha está defeituosa, com um dos fios fazendo contato com a terra. Para localizar o
defeito, efetuou-se a ligação esquematizada na figura a seguir, curto-circuitando C e D na estação 𝐸𝐸2 e ajustando o
cursor, de modo que o amperímetro, na estação 𝐸𝐸1, não indique passagem de corrente. As ligações com a terra são
excelentes, isto é, equivalentes à introdução no circuito de uma resistência elétrica nula. Sendo 𝑅𝑅1 = 1,5 kΩ e 𝑅𝑅2 =3
kΩ, calcule a distância x do ponto de defeito à estação 𝐸𝐸1.

21. No circuito indicado, A é um amperímetro ideal e indica 1,2 A.

a) supondo que AB seja um resistor, calcule sua resistência elétrica.


b) supondo que AB seja um receptor de resistência interna 1 𝜴𝜴, calcule a sua fcem.

22. (UERJ) Duas partículas de cargas + 4Q e – Q coulombs estão localizadas sobre uma linha, divididaem três
regiões, I, II e III, conforme a figura:

6
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton

Observe que as distâncias entre os pontos são todas iguais.


a) Indique a região em que uma partícula positivamente carregada (+ Q coulomb) pode ficar em equilíbrio.
b) Determine esse ponto de equilíbrio.

23. (UFBA) A figura representa uma placa condutora A, eletricamente carregada, que gera um campo elétrico
uniforme E, de módulo igual a 7 . 104 N/C. A bolinha B, de 10 g de massa e carga negativa igual a
- 𝜇𝜇1 C, é lançada verticalmente para cima, com velocidade de módulo igual a 6 m/s. Considerando que o módulo da
aceleração da gravidade local vale 10 m/s², que não há colisão entre a bolinha e a placa e desprezando a resistência
do ar.

Determine o tempo, em segundos, necessário para a bolinha retornar ao ponto de lançamento.

24. (ITA-SP) Uma espira circular de raio R é percorrida por uma corrente i. A uma distância 2R de seu centro
encontra-se um condutor retilíneo muito longo, que é percorrido por uma corrente i1 (conforme a figura).

As condições que permitem que se anule o campo de indução magnética no centro da espira são, respectivamente:

𝑖𝑖
a) � 1� = 2𝜋𝜋 e a corrente na espira no sentido horário
𝑖𝑖

𝑖𝑖
b) � 1� = 2𝜋𝜋 e a corrente na espira no sentido anti-horário
𝑖𝑖

𝑖𝑖
c) � 1� = 𝜋𝜋 e a corrente na espira no sentido horário
𝑖𝑖

𝑖𝑖
d) � 1� = 𝜋𝜋 e a corrente na espira no sentido anti horário
𝑖𝑖

𝑖𝑖
e) � 1� = 2 e a corrente na espira no sentido horário
𝑖𝑖

7
FÍSICA  ESPCEX
Prof.: Clayton
25. (Fuvest-SP) Um próton de massa M ≅ 1,6 . 10−27kg, com carga elétrica Q = 1,6 . 10−19 C, é lançado em A, com
velocidade 𝑣𝑣0 , em uma região onde atua um campo magnético uniforme B, na direção x. A velocidade 𝑣𝑣0 , que forma
um ângulo q com o eixo x, tem componentes 𝑣𝑣0𝑥𝑥 , = 4,0 . 106 m/s e 𝑣𝑣0𝑦𝑦 = 3,0 . 106 m/s.

O próton descreve um movimento em forma de hélice, voltando a cruzar o eixo x, em P, com a mesma velocidade
inicial, a uma distância 𝐿𝐿0 , = 12 m do ponto A.

Desconsiderando a ação do campo gravitacional e utilizando 𝜋𝜋 = 3, determine:

a) O intervalo de tempo, em s, que o próton leva para ir de A a P.

b) O raio R, em m, do cilindro que contém a trajetória em hélice do próton.

c) A intensidade do campo magnético B, em tesla, que provoca esse movimento.

Gabarito

1. a) 11 s b) 242 m c) 44 m/s 2. a) 6 s b) 12 s c) 960 m d) 180 m e) 80 m/s f) 100 m/s

3. a) 50 m/s² b) 2500 m c) 60s d) 15000 m e) ≅ 114,8 s f) ≅ – 548 m/s

4. a) em movimento b) 1,52 m/s² para cima 5. D 6. a) – 1600 J b) ≅ 12,8 m/s 7. 10 N . s

4,0
8. a) 20 m/s b) 6 m/s; 14 m/s c) 9,8 m 9. D 10. A 11. E 12. D 13. D 14. 15. a) 16 cm
3,0
b) real e invertida com 1,33 cm de altura 16. a) 100 k b) 12300 J c) 12300 J 17. a) 20000 cal b) ≅11% (
2500 cal) 18. a) 5,05 . 10−4 ˚𝐶𝐶 −1 b) 5,30 . 10−4 ˚𝐶𝐶 −1 19. C 20. 20 km 21. a) 11 Ω b) 12 V

22. a) região III b) posição 11. 23. 4 s 24. B 25. a) 3. 10−6 𝑠𝑠 b) R = 1,5 m c) B = 2 . 10−2T