Você está na página 1de 7

c) 1ª estrofe – A curiosidade cria oportunidade / 2ª estrofe –

18/06/2018 O deslumbramento / 3ª estrofe - O segredo / 4ª estrofe – A


EPCAR / AFA beleza da vida nos amedronta / 5ª estrofe – O desejo.
d) 1ª estrofe – A beleza da vida nos amedronta / 2ª estrofe –
TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 3 QUESTÕES: A curiosidade cria oportunidade / 3ª estrofe – O
O adolescente deslumbramento / 4ª estrofe – O segredo / 5ª estrofe – O
desejo.
A vida é tão bela que chega a dar medo.
Não o medo que paralisa e gela, 3. A linguagem da poesia é plurissignificativa. Ou seja: tem
estátua súbita. vários sentidos. Com base nisso, assinale a alternativa
mas incorreta sobre o poema de Mário Quintana.
a) A palavra “medo”, na 1a estrofe, apresenta o sentido
esse medo fascinante e fremente de curiosidades que faz próprio de “estátua súbita”.
o jovem felino seguir para frente farejando o vento b) O verso “Medo que ofusca: luz!” é uma metáfora para o
ao sair, a primeira vez, da gruta. medo que move os jovens para frente.
c) Em “velho como o mundo”, há uma comparação que
Medo que ofusca: luz! mostra a linguagem denotativa predominante no poema.
d) Em “jovem felino” que sai “da gruta” e segue “para
Cumplicemente, frente”, há uma referência ao medo que impulsiona o jovem.
as folhas contam-te um segredo
velho como o mundo: TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 7 QUESTÕES:
Os ideais da nossa geração Y (continuação)
Adolescente, olha! A vida é nova... Daniella Cornachione
A vida é nova e anda nua
- vestida apenas com teu desejo! A busca desse equilíbrio é considerada uma característica
básica dos trabalhadores mais jovens, com idades entre 18 e
QUINTANA, Mário. Nariz de vidro. São Paulo, Moderna, 29 anos — faixa apelidada de Geração Y. 2Dividir os
1984, p. 7 profissionais por grupos etários é útil para as consultorias de
recursos humanos 3como uma forma de perceber mudanças
1. Assinale a alternativa que não traz uma análise correta no comportamento e nos interesses das pessoas e ajudar as
do poema. empresas a atrair e 7manter os trabalhadores que elas
a) O mais antigo segredo da vida é que ela se renova a cada considerem mais valiosos. Por exemplo, os profissionais
olhar. nascidos nos anos 70 e 80 4formam a Geração X, assim
b) A ausência da vírgula, antes do pronome relativo que, chamada porque parecia ser uma incógnita em termos de
verso 2, indica que qualquer medo paralisa e gela. comportamento. “A Geração X chegou à adolescência
c) O terceiro verso é uma metáfora de medo e simboliza a quando as revoluções já estavam feitas, e as grandes causas
sensação paralisante desse sentimento. mundiais mais ou menos resolvidas”, afirma Carlos
d) A beleza da vida provoca não só o medo, mas também a Honorato, pesquisador do grupo especializado em
curiosidade das pessoas. tendências Profuturo, da Fundação Instituto de
Administração (FIA). 5Apesar disso, os Xs brasileiros
2. Assinale a alternativa em que há a correta relação entre a cresceram ouvindo falar em inflação, dívida externa e planos
ideia principal e as estrofes do poema de Quintana. econômicos fracassados. 6Por isso, têm mais apego ao sonho
a) 1ª estrofe – O segredo / 2ª estrofe – O desejo / 3ª estrofe do emprego estável e da maior segurança financeira possível
– A curiosidade cria oportunidade / 4ª estrofe – O para a família e os filhos. Isso explica muito sobre a Geração
deslumbramento / 5ª estrofe – A beleza da vida nos Y.
amedronta. Os Ys cresceram em ambiente bem diferente, com
b) 1ª estrofe – A beleza da vida nos amedronta / 2ª estrofe – estabilidade econômica, inflação sob controle, globalização e
O segredo / 3ª estrofe – O desejo / 4ª estrofe – O oportunidades abertas. Convivem com a internet desde a
deslumbramento / 5ª estrofe – A curiosidade cria infância e se acostumaram às decisões coletivas, ao debate
oportunidade. sempre aberto, à interação permanente. Nas empresas, eles
vêm sendo considerados, numa interpretação favorável,
como questionadores; numa interpretação não tão favorável,
como insolentes. “É uma geração mais aberta a novas
X
possibilidades, que tem muito compromisso consigo mesma. a) não se deve dividir os grupos de acordo com a faixa etária,
1
Se o jovem não estiver satisfeito com o trabalho ou quiser pois isso dificultaria o crescimento das empresas.
outras oportunidades, não fica na empresa”, afirma Sara b) os jovens que vivem em um país em crise, possuem uma
Behmer, presidente da consultoria de recursos humanos tendência maior em cultivar os sonhos da estabilidade no
Voyer e professora da Brazilian Business School. emprego.
Se a nova estabilidade econômica tornou os Ys brasileiros c) os jovens que possuem maior conhecimento em
mais ambiciosos e dispostos a arriscar, o desenvolvimento informática tendem certamente a um crescimento
econômico nos Estados Unidos (e uma certa decepção com profissional e pessoal.
jeito tradicional de fazer negócios, pelas crises dos anos d) na atualidade, todos os jovens possuem um futuro
2000) tornou os Ys americanos extremamente exigentes e promissor tanto na vida pessoal quanto profissional.
idealistas. Eles fazem questão de ter equilíbrio entre vida
pessoal e carga de trabalho, buscam empresas com boa 7. Assinale a alternativa que contém uma afirmação
reputação e alto padrão ético 8e querem ter funções cujo correta.
objetivo seja o bem maior da sociedade. Todas metas muito a) “Por isso, têm mais apego ao sonho do emprego estável...”
admiráveis – e que bateram de frente com a crise. (ref.6). A função do termo destacado é conectar períodos
que apresentam uma relação de adição entre as ideias.
(ÉPOCA, 21 de junho de 2010) b) “Apesar disso, os Xs brasileiros cresceram ouvindo...”
(ref.5). A expressão destacada tem por função apresentar
4. Assinale a alternativa em que oração destacada tem a uma ideia de alternância para a afirmação feita no período
mesma natureza sintática (substantiva, adjetiva ou adverbial) anterior.
da que foi sublinhada em c) “... manter os trabalhadores que elas considerem mais
valiosos.” (ref.7). O termo destacado remete-se a
“Dividir os profissionais por grupos etários é útil para as trabalhadores e desempenha a função sintática de objeto
“consultorias de recursos humanos...” (ref.2) direto na oração em que se encontra.
a) “...como uma forma de perceber mudanças no d) “...e querem ter funções cujo objetivo seria o bem maior
comportamento e nos interesses das pessoas e ajudar as da sociedade.” (ref.8). O termo destacado pode ser
empresas a atrair e manter trabalhadores...” (ref.3) substituído por em que o sem que a norma padrão seja
b) “...formam a Geração X, assim chamada porque parecia desacatada.
ser uma incógnita em termos de comportamento..”(ref.4)
c) “Se o jovem não estiver satisfeito com o trabalho ou quiser 8. Assinale a alternativa correta.
outras oportunidades, não fica na empresa..” (ref.1) a) As palavras “equilíbrio”, “etários” e “inflação” possuem,
d) “Apesar disso, os Xs brasileiros cresceram ouvindo falar quanto à tonicidade, a mesma classificação.
em inflação, dívida externa e planos econômicos b) Na referência 1 – “Se o jovem não estiver satisfeito com o
fracassados.” (ref.5) trabalho...” – observa-se a presença de um termo oracional
que expressa circunstância de condição.
5. Relacione as colunas e, a seguir, assinale a alternativa c) Em com-pro-mis-so / sa-tis-fe-i-to / de-sen-vol-vi-men-to,
correta. os vocábulos foram divididos corretamente conforme a
norma gramatical.
(1) Geração Y. d) Encontram-se nos vocábulos “família”, “tendências” e
(2) Geração X. “etários” ditongos decrescentes orais.

( ) Cresceram ouvindo falar em inflação 9. Da leitura do texto, é correto afirmar que a


( ) Cresceram num ambiente de estabilidade econômica. a) geração Y se acomoda com facilidade porque se
( ) São questionadores e, em certas, situações, insolentes. acostumou, desde cedo às decisões coletivas e à interação
( ) Brasileiros ambiciosos e dispostos a arriscar. permanente.
( ) Profissionais nascidos nos anos 70 e 80. b) geração X possuía um comportamento revolucionário, no
a) 1, 2, 2, 1, 1 entanto, no que diz respeito ao futuro profissional, era
b) 2, 2, 1, 2, 2 bastante conservadora.
c) 1, 1, 2, 2, 1 c) crise financeira nos Estados Unidos resultou em jovens
d) 2, 1, 1, 1, 2 mais preocupados com as questões éticas humanitárias.
d) geração Y brasileira não foi educada em um clima de
6. Pode-se inferir do texto que temor financeiro, por isso é mais atirada e ambiciosa.

X
10. Segundo o texto, os ideais profissionais da geração X Universum. 2Entre as boas qualidades de um empregador, os
diferem da geração Y, principalmente, porque aquela universitários incluem seu sucesso econômico e a valorização
a) cresceu em ambiente de instabilidade econômica e, por que ele confere ao currículo. “A gente sabe que não vai ficar
isso, apegou-se à ideia de emprego estável. 40 anos em um mesmo lugar, por isso já se prepara para
b) teve acesso à internet e se acostumou às decisões coisas novas”, diz Mosaner.
coletivas e à interação permanente. 7
Apesar de mais pragmáticos, os universitários brasileiros,
c) é uma geração mais aberta a novas possibilidades e tem assim como os americanos e europeus, 8consideram como
muito compromisso consigo mesma. objetivo máximo equilibrar trabalho e vida pessoal. 6Quem
d) não viveu períodos de inflação, dívidas externas e planos pensa em americanos como viciados em trabalho e em
econômicos fracassados. europeus como cultivadores dos prazeres da vida talvez
precise reavaliar as crenças diante da geração que está
TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 9 QUESTÕES: saindo da faculdade: o bom balanço entre trabalho e vida
Os ideais da nossa Geração Y pessoal é a meta número um de 49% dos brasileiros, 52%
5
Uma pesquisa inédita mostra como pensam os jovens que dos europeus e... 65% dos americanos.
estão entrando no mercado de trabalho. Eles são bem
menos idealistas que os americanos. (ÉPOCA, 21 de junho de 2010)
Daniella Cornachione
11. Sobre o texto, só não é correto afirmar que
1
Quando o jornalista Otto Lara Resende, diante das câmeras a) a rotatividade do mercado faz com que os jovens
de TV, pediu ao dramaturgo Nelson Rodrigues que desse um brasileiros, mesmo estando bem empregados, busquem se
conselho aos jovens telespectadores, a resposta foi capacitar cada vez mais.
contundente: “Envelheçam!”. A recomendação foi dada no b) as empresas preferem trabalhadores com perfis de
programa de entrevistas Painel, exibido pela Rede Globo em sucesso econômico e currículo valorizado.
1977. Pelo menos no quesito trabalho, os brasileiros perto c) tanto brasileiros, quanto europeus e americanos valorizam
dos 20 anos de idade parecem dispensar o conselho. 9Apesar o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.
de começarem a procurar emprego num momento de d) o jovem brasileiro não cria expectativas quanto à sua
otimismo econômico, quase eufórico, os jovens brasileiros permanência em uma única empresa durante toda a sua vida
têm expectativas de carreira bem menos idealistas que os profissional.
americanos e europeus — e olha que por lá eles estão
enfrentando uma crise brava. É o que revela uma pesquisa 12. Assinale a alternativa que traz uma explicação
da consultoria americana Universum, feita em 25 países. (...). pertinente ao emprego de numerais ao longo do texto.
No estudo, chamado Empregador ideal, universitários a) Confere rigor matemático ao texto, tornando-o
expressam seus desejos em relação às empresas, em inquestionável.
diversos quesitos. O Brasil é o primeiro país sul-americano a b) Tem valor argumentativo e, portanto, reforça a ideia
participar -- foram entrevistados mais de 11 mil central do texto.
universitários no país de fevereiro a abril. c) É indispensável porque o texto é jornalístico e traduz uma
11
De acordo com o estudo, 4dois em cada três universitários opinião do autor.
brasileiros acham que o empregador ideal oferece, em d) Relativiza o acentuado rigor matemático predominante no
primeiro lugar, treinamento e desenvolvimento — quer dizer, texto.
a possibilidade de virar um profissional melhor. A mesma
característica é valorizada só por 38% dos americanos, que 13. Assinale a alternativa em que o recurso textual
colocam no topo das prioridades, neste momento, a apontado não foi utilizado no texto.
estabilidade no emprego. 3Os brasileiros apontaram como a) Citação textual.
segundo maior objetivo a possibilidade de empreender, criar b) Contraste temporal.
ou inovar, numa disposição para o risco que parece estar c) Comparação.
diminuindo nos Estados Unidos. d) Linguagem conotativa.
O paulista Guilherme Mosaner, analista de negócios de 25
anos, representa bem as preocupações brasileiras. “O 14. Leia os excertos abaixo.
trabalho precisa ser desafiador. Tenho de aprender algo todo
dia.” 10Mosaner trabalha há um ano e meio em uma empresa I. “Quando o jornalista Otto Lara Resende, diante das
de administração de patrimônio, mas acha improvável câmeras de TV, pediu ao dramaturgo Nelson Rodrigues que
construir a carreira numa mesmacompanhia, assim como desse um conselho aos jovens telespectadores...” (ref.1)
metade dos estudantes brasileiros entrevistados pela
X
II. “Entre as boas qualidades de um empregador, os conforme objetivo máximo, por mais que sejam mais
universitários incluem seu sucesso econômico e a valorização práticos. (ref.7)
que ele confere ao currículo.” (ref.2) d) Há um ano e meio, Mosaner trabalha em uma empresa de
III. “Os brasileiros apontaram como segundo maior objetivo a administração de patrimônio, contudo acha que construir a
possibilidade de empreender, criar ou inovar...” (ref.3) carreira numa mesma companhia, tal qual metade dos
IV. “...dois em cada três universitários brasileiros acham que estudantes brasileiros entrevistados pela Universum, é
o empregador ideal oferece, em primeiro lugar, treinamento improvável. (ref.10)
e desenvolvimento ...“ (ref.4)
18. Assinale a alternativa em que o vocábulo “como” é uma
Os períodos acima apresentam complementos direto e conjunção integrante.
indireto apenas nos verbos destacados em a) “Uma pesquisa inédita mostra como pensam os jovens
a) I e III. que estão entrando no mercado de trabalho.” (ref.5)
b) I e II. b) “Quem pensa em americanos como viciados em
c) I, II e IV. trabalho...” (ref.6)
d) III e IV. c) “Apesar de mais pragmáticos, os universitários brasileiros,
assim como os americanos e europeus...” (ref.7)
15. Assinale a alternativa em que configura incorreção d) “... consideram como objetivo máximo equilibrar trabalho
ortográfica. e vida pessoal.” (ref.8)
a) ... um de quarenta e nove por cento dos brasileiros,
cinquenta e dois por cento dos europeus e ... sessenta e 19. Assinale a alternativa em que a relação foi estabelecida
cinco por cento dos americanos. corretamente.
b) Os ideais de nossa geração ípsilon... a) Em “O trabalho precisa ser desafiador”, o substantivo
c) .... uma pesquisa da consultoria americana Universum, “trabalho” é sujeito da oração, e o adjetivo “desafiador”, sua
feita em vinte e cinco países e publicada... atribuição.
d) ... exibido pela Rede Globo em mil novecentos e cetenta e b) Nas palavras desenvolvimento, possibilidade, e
sete. improvável, os encontros destacados são denominados
dígrafos.
16. Observe as expressões destacadas a seguir. c) Nos vocábulos valorização, treinamento e dia foram
destacados os ditongos.
“Apesar de mais pragmáticos, os universitários brasileiros, d) A locução “de acordo com”, ref.11, introduz uma ideia
assim como os americanos e europeus...” (ref.7) comparativa.

Assinale a alternativa cujos termos substituem,


respectivamente, os grifados acima sem alterar-lhes o
sentido.
a) Contudo, a exemplo de.
b) Embora, conquanto.
c) Conquanto, tal como.
d) Quando, ainda que.

17. Assinale a alternativa em que a reescrita proposta


contraria a norma gramatical e acarreta mudanças no
sentido original do texto.
a) A expectativa de carreira dos jovens brasileiros é bem
menos idealista que dos americanos e dos europeus, mesmo
começando a procura de emprego num momento de
otimismo econômico, quase eufórico. (ref.9)
b) A resposta de Nelson Rodrigues – quando o jornalista Otto
Lara Resende, diante das câmeras de TV, pediu-lhe que desse
um conselho aos jovens telespectadores – foi incisiva:
Envelheçam! (ref.1)
c) Tal qual os americanos e europeus, os universitários
brasileiros consideram equilibrar trabalho e vida pessoal
X
Ao contrário do que se afirma em A, é útil para as
Gabarito: consultorias de recursos humanos dividir os profissionais por
grupos etários e as opções C e D apresentam conclusões que
Resposta da questão 1: extrapolam o texto. Assim, é correta a opção B, pois, ao
[B] analisar as circunstâncias socioeconômicas das gerações X e
Y, pode-se inferir que “os jovens que vivem em um país em
A ausência da vírgula restringe o âmbito significativo da crise, possuem uma tendência maior em cultivar os sonhos
oração adjetiva e, ao contrário do que se afirma em B, da estabilidade no emprego”.
especifica o tipo de medo a que se refere o poeta, aquele
que paralisa e gela, não qualquer outro. Resposta da questão 7:
[C]
Resposta da questão 2:
[D] A locução “por isso” apresenta relação de conclusão entre as
ideias, “apesar disso”, relação de adversidade e o pronome
Na 1ª estrofe, o eu lírico expressa a sensação de medo que a relativo “cujo” estabelece a função de adjunto adnominal,
beleza da vida provoca. Na 2ª, justifica o impulso do jovem relativamente ao antecedente “funções”, o que seria
pela descoberta da vida com a curiosidade que isso lhe alterado com a expressão “em que o”, com função adverbial.
provoca. A expressão “Atração pela luz” metaforiza o Assim, apenas a opção C apresenta afirmações corretas:
deslumbramento na 3ª, enquanto a 4ª sugere o segredo e a “que” é objeto direto da oração adjetiva restritiva “que elas
5ª, o desejo. Assim, está correta a opção D. considerem mais valiosos” e remete ao antecedente
“trabalhadores”.
Resposta da questão 3:
[C] Resposta da questão 8:
[B]
A comparação, figura de linguagem que permite relacionar e
contrastar realidades ou fenômenos semelhantes ou A conjunção subordinativa “se” inicia uma oração
diferentes, é típica da linguagem conotativa e não subordinada adverbial condicional, como se afirma em B. As
denotativa, como se afirma em C. demais opções apresentam afirmações erradas, pois as
palavras “equilíbrio”, “etários” e “inflação” apresentam
Resposta da questão 4: classificações diferentes quanto a sua tonicidade: as duas
[A] primeiras são paroxítonas e a última, oxítona. Também o
vocábulo “satisfeito” não está corretamente dividido, pois
A oração destacada no enunciado é subordinada substantiva não se separam ditongos (sa-tis-fei-to) e os vocábulos
subjetiva, reduzida de infinitivo. Apenas em A existe uma “família”, “tendências” e “etários” apresentam ditongos orais
oração subordinada substantiva. Em B, C e D, a oração crescentes.
destacada é subordinada adverbial causal, coordenada
sindética alternativa e subordinada adverbial temporal Resposta da questão 9:
reduzida de gerúndio, respectivamente. [D]

Resposta da questão 5: A geração Y, ao contrário da X, que cresceu ouvindo falar em


[D] inflação, dívida externa e planos econômicos fracassados,
desenvolveu-se em circunstâncias mais favoráveis, “com
A primeira e a última característica definem a geração X, pois estabilidade econômica, inflação sob controle, globalização e
trata-se de um grupo de profissionais que nasceu nos anos oportunidades abertas”. Assim, é mais aberta a novas
70 e 80 e cresceu ouvindo falar em inflação. Todas as outras possibilidades e encara os desafios de forma mais arrojada,
referem-se à geração Y, que cresceu em um ambiente de visando à satisfação dos seus interesses pessoais e
estabilidade econômica, é questionadora e, às vezes, profissionais, como se afirma em D.
insolente, além de ambiciosa e disposta a arriscar. Assim, é
correta a opção D: 2, 1, 1, 1, 2. Resposta da questão 10:
[A]
Resposta da questão 6:
[B] As afirmações em B, C e D dizem respeito à geração Y e não
X, que, segundo o texto (“os Xs brasileiros cresceram
X
ouvindo falar em inflação, dívida externa e planos [D]
econômicos fracassados”), cresceu em um ambiente de
insegurança e, por isso, valorizou a estabilidade de emprego Existe erro de grafia no numeral cardinal 70 (setenta).
(“Por isso, têm mais apego ao sonho do emprego estável e
da maior segurança financeira possível para a família e os Resposta da questão 16:
filhos”). Assim, está correta a opção A. [C]

Resposta da questão 11: A locução prepositiva “apesar de” pode ser substituída pela
[B] conjunção subordinativa concessiva “conquanto” e a locução
conjuntiva “assim como”, por “tal como”, estabelecendo um
Ao contrário do que se afirma em B, são os universitários termo de comparação com a oração anterior.
quem valorizam o sucesso econômico das empresas, o que
permite que o currículo de quem nelas trabalham se Resposta da questão 17:
destaque (“Entre as boas qualidades de um empregador, os [C]
universitários incluem seu sucesso econômico e a valorização
que ele confere ao currículo”). As mudanças em E,B e D não provocaram mudança de
sentido nem contrariaram a norma gramatical. No entanto,
Resposta da questão 12: em C, a substituição do termo “como” por “conforme”
[B] provocou alteração de significado e inviabilizou a
compreensão da frase, o que denota erro de sintaxe.
Trata-se de um texto argumentativo que se vale de
referências numéricas para confirmar a tese inicial do autor. Resposta da questão 18:
Não é inquestionável, o uso de numerais não traduz a [A]
opinião do autor e nem existe predominância de rigor
matemático, o que invalida as opções A, C e D, Apenas em A o vocábulo “como” é conjunção integrante,
respectivamente. pois inicia uma oração subordinada substantiva objetiva
direta (“Como pensam os jovens”) relativamente à principal
Resposta da questão 13: (“Uma pesquisa inédita mostra”). Em B é preposição
[D] acidental; em C, locução conjuntiva de comparação, e em D é
preposição do predicativo do objeto “objetivo máximo”.
No texto predomina a linguagem denotativa, referencial,
pois o emissor procura fornecer informações da realidade Resposta da questão 19:
sem a opinião pessoal, de forma objetiva e direta. Existe [A]
citação textual (“A gente sabe que não vai ficar 40 anos em
um mesmo lugar, por isso já se prepara para coisas novas”, Na sílaba “pro” da palavra “improvável” existe encontro
diz Mosaner), contraste temporal e também comparação, já consonantal; no termo “dia” acontece um hiato e a locução
que se retoma a frase de Nelson Rodrigues emitida em 1977 “de acordo” introduz ideia de conformidade, o que anula as
em um programa da Globo para analisar o que acontece na opções B, C e D, respectivamente. Na oração apresentada
atualidade (“ A recomendação foi dada no programa de em A, o substantivo “trabalho” é núcleo do sujeito e
entrevistas Painel, exibido pela Rede Globo em 1977”). “desafiador” do seu predicativo. Assim, A está correta.

Resposta da questão 14:


[B]

Em I, a forma verbal “desse” apresenta objeto direto (“um


conselho”) e indireto (“aos jovens telespectadores”). O
mesmo acontece em II, pois “ao currículo” e “que” são,
respectivamente, objeto indireto e direto do verbo conferir.
Em III e IV, os verbos assinalados apresentam apenas objeto
direto (“a possibilidade de empreender, criar ou inovar” e
“treinamento e desenvolvimento”).

Resposta da questão 15:


X
13............106508.......Média...............Português.........Epcar
Resumo das questões selecionadas nesta atividade (Afa)/2011...................Múltipla escolha

Data de elaboração: 17/06/2018 às 21:33 14............106506.......Elevada.............Português.........Epcar


Nome do arquivo: exerc?cios t0 e 3 ano. AFA epcar (Afa)/2011...................Múltipla escolha

15............106503.......Baixa................Português.........Epcar
Legenda: (Afa)/2011...................Múltipla escolha
Q/Prova = número da questão na prova
Q/DB = número da questão no banco de dados do SuperPro® 16............106511.......Baixa................Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

Q/prova Q/DB Grau/Dif. Matéria Fonte 17............106509.......Média...............Português.........Epcar


Tipo (Afa)/2011...................Múltipla escolha

18............106507.......Elevada.............Português.........Epcar
1...............106519.......Média...............Português.........Epcar (Afa)/2011...................Múltipla escolha
(Afa)/2011...................Múltipla escolha
19............106504.......Elevada.............Português.........Epcar
2...............106520.......Média...............Português.........Epcar (Afa)/2011...................Múltipla escolha
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

3...............106521.......Média...............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

4...............106517.......Elevada.............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

5...............106515.......Baixa................Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

6...............106513.......Média...............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

7...............106518.......Elevada.............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

8...............106516.......Elevada.............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

9...............106514.......Média...............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

10............106512.......Média...............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

11............106502.......Média...............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha

12............106510.......Média...............Português.........Epcar
(Afa)/2011...................Múltipla escolha