Você está na página 1de 39

QUALINSTAL - 2013

1° Workshop Técnico
das Empresas Instaladoras
Hidrossanitárias e Águas Pluviais
Patologias relacionadas a execução
de instalações
QUALINSTAL - 2013

GT ÁGUA
QUALINSTAL - 2013

Resumo

Patologias

Pontos principais da proposta do GT Água


para a CE-02:146.03
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Incidência de patologias em edificações


45,00
Hidráulica
40,00 Paredes
35,00 Impermeabilização
30,00 Esq. Alumínio
Esq. Madeira
25,00
Azulejos
20,00
Piso Cerâmico
15,00 Elétrica
10,00 Forro Gesso
Mármores
5,00
Diversos
0,00
Fonte: SECOVI, 1998
In
st
ala
Re co
e Porcentagem do Total (%)
ve
sti s hid
Re m en ro-
ve to sa
sti ni

10
15
20
25
30
35
40
45

0
5
m Pare ta ri
en as
to des
Pa E
re xt er
de na
sI s
Co nt
be ern
rtu as
ra
Ca -L
lh ag
as Al e
-A v en
ca ar
ba ia
m
en
Patologias

Es to
qu s
ad
QUALINSTAL - 2013

Pi ria
so s
Ex
Ca tern
ixa o
d'
ag
In Pi ua
st so
ala In
co te
es rn
Re Ele o
ve tri
sti ca
m s
en
In to
st Te
ala
Es to
co t ru
Co es
be Te tu
rtu lef ra
ra on
-T ic
elh as
am
en
atribuído pelo usuário
Grau de importância

to
Fonte: ATHANAZIO E TRAJANO, 1997
QUALINSTAL - 2013

Patologias
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Diversas origens
Projeto Execução Operação

Materiais Comissionamento
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Transporte, armazenamento e manuseio


incorreto de materiais

Fonte: GNIPPER, 2010


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Erros no traçado hidráulico


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Execução incorreta – erros de prumo


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Execução incorreta – erros de nível


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Execução incorreta - alinhamento


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Aplicação excessiva de veda roscas


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Instalação incorreta de registros de gaveta


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Embutimento incorreto de registros


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Uso de ferramentas inadequadas


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Execução incorreta

Fonte: GNIPPER, 2010


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Aplicação incorreta de produtos


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Formação de par galvânico


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Aquisição de material não conforme

Fonte: PBQP-H, 2010


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Identificação incorreta dos sistemas


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Processo de limpeza inadequado


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Industrialização
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Kits pré-montados
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Mão de obra

• Quem é o instalador
hidráulico?
?
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Mão de obra
As diferentes atividades requerem
competências diferentes dos profissionais
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Mão de obra
NBR 15932:2011
• Estabelece o perfil profissional desejado para
Instaladores Hidráulicos Prediais
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Mão de obra
Estabelece o perfil profissional desejado para Instaladores Hidráulicos
Prediais

• Instalador Predial de Água Fria

• Instalador Predial de Água Quente

• Instalador Predial de Esgoto e Águas Pluviais

• Instalador Predial de Combate a Incêndio

• Instalador Predial de Instalações de acessórios, bombas hidráulicas e


reservatórios

• Instalador Predial Pleno


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Em todos os casos é fundamental:


• Planejamento
• Controle de qualidade do processo
• Capacitação da mão de obra
• Produtos de qualidade
• Tecnologia adequada
QUALINSTAL - 2013

Patologias

Investimento na contratação da empresa


de instalação
• Como identificar as boas empresas?

• Quais são os critérios?


QUALINSTAL - 2013

Patologias

Contratação
Profissional conhecido/ do bairro

Eu mesmo fiz a construção

Outro morador do domicílio

Empresa Especializada

Mutirão

Outros

Não sei/não lembro

0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90%

Fonte: Clube da Reforma, 2012


QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

CE-02:146.03

• Comissão de Estudos para Sistemas

Prediais de Água Fria e Quente


QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

Conformidade com o projeto

Mão de obra
• Execução - Instaladores (NBR 15932:2011)

• Supervisão - Engenheiros
QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

Especificações de execução
• Critérios de higiene
• Inspeção, armazenamento, transporte e
manuseio
• Conformidade com as normas de instalação de
componentes
• Proteção, isolamento térmico e acústico
QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

Inspeção visual
• Verificação da conformidade com o projeto

• Verificação dos padrões de qualidade


exigidos
QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

Registros de execução
• Registros de alterações necessárias e
possíveis divergências do projeto

• Identificação dos sistemas prediais de


água fria e quente
QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

Ensaios de aceitação do sistema

• Estanqueidade

• Fluxo

• NBR 15575-6

• Resistência mecânica em tubulações aparentes


QUALINSTAL - 2013

CE-02:146.03

Comissionamento
• Potabilidade de água
• Regulagem dos componentes e dos
subsistemas presentes
• Estações redutoras de pressão, sistema de
recalque e pressurização, sistemas de
aquecimento, peças de utilização, etc
QUALINSTAL - 2013

Agradecimentos

Obrigado!
Marco Yamada
Engenharia de Aplicação Deca

Interesses relacionados