Você está na página 1de 1

Na sequência do encontro, realizado no LDR entre as 10h00 e as 12h30, dos

dia 24-03-2016 devo partilhar o seguinte:

1 - Cada um dos representantes dos Liceus (Diretores e/SDP's) apresentou


alguns constrangimentos e dúvidas mais frequentes (parametrização das
avaliações, PI, questão das faltas, procedimentos nos passos de agendamento
dos diferentes métodos de avaliação por disciplina, etc);

2 - Houve alguns esclarecimentos e demonstrações das diferentes partes


envolvidas;
3 – Incentivou-se o Uso das Cadernetas recebidas, como método seguro de
registo;
4 - A Direção Nacional de Educação ficou de enviar uma Circular com os
resultados do encontro e orientações que sejam necessárias.

Entretanto, adiantamos e partilhamos com o Sr. DSP, Pontos Focais e demais


colegas da Direção, os seguintes (Sujeitos a confirmação / correção na Circular
que sairá na 2ªf (28/04) pontos:

a) - É pertinente (re)incentivar os Professores (e todos nós) a fazer mais


uma leitura e apropriar-se melhor o novo Decreto da Avaliação (DL nº 69
de 31/12/2015);

b) - Para o 3º Ciclo do EBI (nossos 7º e 8º anos), nas disciplinas de


Educação Física, Educação Artística e Educação para a Cidadania, é
necessário ter-se a ideia clara de que a Avaliação tem duas componentes:

* 70% - Dedicado aos conhecimentos e os demais métodos de


avaliação (testes sumativos, trabalhos, +... + ... +OEA)

* 30% Correspondentes à avaliação das Competências


demonstradas (a partir da prática ou Projeto...) / que substitui a PI (Prova
de Integração).

No caso concreto da Disciplina de Ed. Física, foi feita a alteração no sistema de


modo a passar a respeitar este princípio básico;

Agradecemos a sensibilização de todos e junto dos professores, DTs e


Coordenadores, começando por nós, no sentido de encarar o SIGE como
uma grande mais valia, pela inúmeras valências, facilidades de trabalho e
outros resultados (Estatísticas, Certificados.... ) que vai permitir com maior
segurança, eficácia e rapidez, produzir documentos oficiais.

Portanto, apelamos ao BOM SENSO, à abertura, à disponibilidade, à paciência,


porque o sistema está “aberto”, aliás está a ser cada vez mais aperfeiçoado,
aceitando propostas, contribuições... Aliás, hoje, em tempo real, uma das
propostas apresentas, foi discutida e resolvida...
Sinceros agradecimentos / Fernando PINTO