Você está na página 1de 5

Cadeia de Valor

CADEIA DE VALOR

Encadeamento lógico das actividades relevantes de uma


organização

Cadeia de Valor da Organização

Cadeia de
Cadeia de Valor
Valor tecnologia produção Marketing serviço Clientes/
Fornecedores Mercado

GESTÃO E EXPLORAÇÃO FERROVIÁRIA – Luanda, 11 a 15 de Abril de 2011


Cadeia de Valor

Como construir uma cadeia de valor

• Identificar actividades que são tecnicamente distintas


• Isolar actividades que:
• Representem uma percentagem significativa dos
custos
• Apresentem comportamento dos custos diferentes
das outras actividades
• Sejam desempenhadas de uma forma diferente
pelos competidores
• Apresentem um elevado potencial para criar
diferenciação
• Apresentem um elevado potencial para influenciar a
relação com os clientes e/ou fornecedores

GESTÃO E EXPLORAÇÃO FERROVIÁRIA – Luanda, 11 a 15 de Abril de 2011


Cadeia de Valor

GESTÃO E EXPLORAÇÃO FERROVIÁRIA – Luanda, 11 a 15 de Abril de 2011


Cadeia de Valor

CADEIA DE VALOR (Gestor de Infra-estrutura)

Aprovisionamentos e Logística

Economia e Finanças

Recursos Humanos
Actividades
de suporte Auditoria e Sistemas da Qualidade

Sistemas e Tecnologias de Informação

Comercialização
Planeamento Estratégico
da
Actividades
“core” Conservação Infraestrutura
Engenharia Modernização/ e Exploração
Construção Manutenção

GESTÃO E EXPLORAÇÃO FERROVIÁRIA – Luanda, 11 a 15 de Abril de 2011


Cadeia de Valor
CADEIA DE VALOR

Governo Objectivos
Sociais e
Económicos
Cumprimento Regulador
de Objectivos
Definição do serviço
Qualidade
Rapidez
Níveis de serviço Disponibilidade
Frequência
Capacidade Segurança
Gestor Fiabilidade
Pontualidade
Fornecedores Qualidade Operadores Conforto Clientes/
Contratados
Infraestru Ferroviários Mercado
Eficiência do
Ciclo de Vida
tura Eficiência
contratada Competitividade

Prestação do serviço/Optimização de custos

MANUTENÇÃO/ EXPLORAÇÃO
CONSERVAÇÃO

GESTÃO E EXPLORAÇÃO FERROVIÁRIA – Luanda, 11 a 15 de Abril de 2011

Você também pode gostar