Você está na página 1de 8

Vento Cortante

Aventura Solo
As Terras de Shiang fazem parte de um mundo onde forças mágicas e sobrenaturais
se mesclam em um ambiente fantástico, onde a raça humana jamais esteve.
Conheça um pouco destas terras, aventurando-se na pele de um herói que precisa
defender seu povo.
que poucos sobreviveriam.
Introdução O dia em que você venceu o Mestre em
Um sol vermelho ilumina vastas planícies, combate, ele levou a arma vencedora ao Conselho
onde uma raça de homens-tigres construiu cidades dos Magos, para torná-la mágica. Quando os rituais
que já enfrentaram muitas guerras até a chegada do findaram, você foi levado diante de todo o Conselho, e
primeiro Imperador, Shiang. Foi este grande líder, que seu mestre lhe disse:
reuniu cidades e povoados, fazendo com que as -Tome a arma feita pelas suas mãos, com a
ruínas da Cidade do Meio se transformassem na qual você me venceu. Os magos a tornaram mágica, e
esplendorosa Sol Nascente. quem sabe, até algo mais. Filho, já está na hora de
Hoje, a capital do Império é uma rica e vasta um novo mestre surgir, pois este velho já não pode
cidade, onde a paz existe, graças aos heróis, que defender seu povo com a mesma força de outrora.
enfrentam as mais variadas ameaças para proteger Deixe-me colocar esta faixa no tirês que a partir de
seu povo. Nesta aventura, você será um desses agora será conhecido como Vento Cortante. Lembre-
heróis, interpretando um mestre Arma Sagrada. se, se for necessário, dê sua vida para proteger seu
povo.
A partir daquele dia, o setor conhecido como
Arma Sagrada Vento Cortante Barro Vermelho ganhou seu novo defensor, e você
Você sempre foi uma criança muito criativa; nunca mais viu o Mestre. Comece sua jornada lendo o
sua alegria e a de seus amigos, era brincar com os trecho 1.
brinquedos que você fazia ou ajudava a fazer. Dias
tranqüilos que se passaram no extremo sul da Cidade 1. Sua patrulha diária estava
de Sol Nascente, mais precisamente em Barro
Vermelho (nome dado ao barro encontrado nesta tranqüila, mas ao tocar dos
parte da cidade, o qual os artesões apreciam muito). sinos, indicando o meio do dia,
Seus pais eram orgulhosos, e várias vezes um dos vendedores de ervas
se surpreendiam com suas obras. Mas não chega até você e conta que,
só eles viram suas habilidades artesanais. a pouco, um tirês
Ao completar a idade de trabalhar, desconhecido chegou até a
o mestre Arma Sagrada sua venda e pediu várias
Vento Cortante ervas, que geralmente são
veio pedir utilizadas para a fabricação de
sua uma potente poção venenosa.
tutela. Ele quis pagar adiantado, mas
Uma honra como o vendedor desconfiou, disse que
para sua família, ia buscar o restante das ervas - e
apesar de sua mãe então veio chamar-lhe.
sofrer muito com a Se você achar melhor
separação. saber as intenções desse
O tempo se comprador, vá até 15, se
passou, e o Mestre não achar
(como você o chamava), necessário, vá
lhe ensinou a manejar para 23.
várias armas, bem como, !

construí-las. Juntos,
enfrentaram as mais ardilosas
criações dos Sombras - tireses corrompidos pela
magia negra e por entidades inferiores - em missões
6. O manto é feito de couro curtido, e apesar de
2. Atendendo ao chamado, você chega a uma praça velho e sujo, pode servir como uma boa proteção. No
onde alguém está enfrentando - de mãos nuas - dois único bolso desta vestimenta, você encontra um
guerreiros Sombras fortemente armados. Ao correr na objeto feito de metal (o qual você acha que serve para
direção da batalha, reconhece o estilo inconfundível furar madeira), e uma moeda de material vermelho
do homem desarmado, e então grita: desconhecido, com um sol em baixo relevo. Você a
-Mestre! guarda.
O combate que se segue é dificíl, mas juntos, Se não viu o tubo negro e pretende fazê-lo, vá
você e o Mestre vencem as entidades do mal, que para 32.
após sucumbirem, são medonhamente sugadas pelas Se quiser ficar de guarda vá para 34.
sombras negras para um destino terrível.
-Filho, obrigado por me salvar, mas algo
terrível o aguarda na parte Sul da cidade. Volte para 7. Você se recorda do símbolo do colar, ele pertence
seu corpo, e vá enfrentar a maior batalha de sua vida, a uma facção dos Sombras, e imediatamente tira sua
onde talvez possa morrer... Corra para lá, pois se bico de corvo das costas e a acerta no peito com um
demorar um só minuto, inocentes morrerão! golpe estupendo, jogando o corpo já sem vida do
Você nunca havia visto o Mestre com tamanha servo das trevas contra uma parede.
preocupação, e não exitou em sair correndo enquanto -Você fez bem de acertá-lo antes que ele
ele fazia orações pedindo para os deuses o falasse com você. Talvez você não tivesse outra
ajudarem... chance de fazê-lo. - diz o velho.
Se quiser ir agora para o Sul, siga até 19. - O que ele queria com você? - pergunta ao
Se quiser voltar ao seu corpo, vá para 27. caolho com a arma em punho.
- Queria que eu conversasse com alguém que
já morreu. Pode não acreditar, mas eu posso ver e
3. Cautelosamente, você pega sua bico de corvo se conversar com os mortos se eles assim permitirem...
concentra, e com toda a sua força, aplica um golpe Olhando para a roupa do velho, você percebe
contra a parede. Um urro de dor vindo de uma criatura que o líquido que cobre toda sua roupa, é de bebida, e
grotesca, ecoa pelas ruas de Barro Vermelho. Após fica em dúvida em saber se o velho diz a verdade ou
tirar os destroços, você encontra um guerreiro Sombra não.
semi-morto, com as feições animalizadas e um -Meu jovem, como salvou-me a vida, eu lhe
estranho sorriso nos lábios cheios de sangue... darei algo em troca. - O velho agora se vira e começa
-Você vai morrrer... Ainda esta... Noite! a sussurrar algo. Depois se vira rapidamente na sua
Quando então você retira o último fio de vida direção e diz:
da criatura. -Se tudo correr bem, outro Sombra morrerá
Antes que os moradores cheguem, você pode pelas suas mãos hoje, e ele trará a chave que ajudará
revistar o guerreiro. você a evitar um grande desastre. Aquele que você
Se quiser ver um estranho tubo que ele chama de seu Mestre também o ajudará. - e então, o
possuia nas mãos antes de morrer, vá para 32. velhote começa a andar para a saída do beco.
Se quiser revistar seu manto, siga para 6. Você se surpreende quando ele diz o Mestre,
Se preferir ficar de guarda, vá para 34. e corre atrás dele. Quando você chega a esquina e
vira para o lado que ele foi, não o encontra em parte
alguma. Mesmo assim, grita:
4. Ao abrir a porta com as nuvens, você se encontra -Quem é você?
em um céu azul repleto de nuvens brancas, onde uma -Apenas um velho caolho e bêbado. - diz uma
estranha luz amarelada ilumina e quase cega você. voz distante.
Aí você começa a cair... Após retirar o corpo do beco e revistá-lo, você
encontra apenas pedaços de um cano preto, feito em
pedaços por sua bico de corvo. Você informa os
5. O velho parece pobre, cego de um olho e alguma cavadores (uma espécie de coveiros) para tomarem
espécie de liquído molhou toda a sua roupa. as providências necessárias com o corpo. Vá para 38.
-Este velho bêbado me roubou e não quer
devolver meu dinheiro - diz o homem ofegante 8. Você chega a construção onde o vórtex negro de
enquanto você observava o velho.
-É mentira! - diz o velho enquanto se levanta. seus sonhos entrava. Trata-se de um prédio de pedra
Se você quiser conversar com o homem do de dois andares, e a entrada é guardada por dois
colar, siga até 22. tireses de rosto encoberto por um manto negro de
Se quiser que sua bico de corvo “converse” couro, que você reconhece ser de guerreiros
com ele, vá para 7. Sombras.
Se preferir falar com o velho, vá até 18. Se tiver e quiser utilizar o tubo negro contra as
criaturas, siga até 29.
Caso queira lutar com sua bico de corvo, vá
para 10.
9. O mais rápido que pode, você sai do prédio e vai 13. Você levanta sua bico de corvo, e desce contra
para o setor vizinho, onde o Lâmina Mortal Garra de os grilhões, que se despedaçam. O homem agradece
Dragão é o protetor. Chegando em sua casa e de diz:
espondo a situação, ele veste sua armadura, toda em -Vou chamar outros heróis para ajudá-lo... - e
metal, e retira a espada do Clã Garra de Dragão da saí corrrendo frenéticamente, com se seu pior
bainha prometendo voltá-la com sangue. Vocês pesadelo estive acabando.
partem frenéticos para a batalha. Vá para 14. Esta na hora de lutar, pois os estranhos sons
dos rituais terminaram. Vá para 21.
10. Sua aproximação até os guardas é a mais furtiva
e rápida possível, e só após o primeiro golpe desferido
14. Antes de chegar ao prédio vocês veêm várias
contra um guarda, é que eles percebem sua presença. pessoas em pânico, fugindo da criatura mais repulsiva
Você se surpreende com a força de seus oponentes, que já enfrentaram: uma Aberração. Seu aspecto é
quando o golpe de uma Kama passa por sua monstruoso, parecendo ter saído de alguma parte
armadura e atinge suas costas; porém este é o único inabitável das Dimensões Inferiores. A aberração já
golpe que lhe acertam, pois logo as criaturas destruiu algumas casas e vários corpos de tireses
grotescas estão no chão. Você amarra uma faixa estão caídos e desconfigurados perto dela. Inocentes
sobre o ferimento e segue pelo corredor principal da que tentaram defender suas famílias...
casa. Vá para 16. Você e o Lâmina Mortal partem para a
batalha. Do corpo do Lâmina Mortal, parecem sair
chamas, enquanto grita seus rituais de proteção, e de
11. Ao passar pela porta do sol vermelho, você está sua bico de corvo, uma força incontrolavél começa a
em sua casa diante de sua cama onde... seu corpo fluir, como se ela quisesse lutar sozinha...
está repousando! Você fica um pouco confuso, e é Quando o primeiro golpe do Garra de Dragão
interrompido por uma voz abafada que vem de onde o atinge a Aberração, ele sente um vento cortante
guerreiro Sombra havia morrido. passar, deixando sua armadura brilhante. Esse vento
Ao olhar para ele, você fica horrorizado ao ver saiu de sua arma, e você, ainda surpreso, entende o
vários vultos negros se entrelaçando na alma do que o Mestre quis dizer com “alguma coisa mais”.
Sombra violentamente de forma que ele não tem Após várias seqüências de golpes, e quando
como reajir. parecia que a criatura iria cair, uma garra traiçoeira
Você se recorda das histórias do Mestre, dos atinge o Lâmina, e tamanha é a força desse golpe,
espíritos em forma de sombras - e de pactos de troca que seu elmo é partido ao meio, fazendo com que ele
de almas por poder - e vê o guerreiro sumir para caia. Logo depois, com uma fúria incontrolável, você
dentro da terra. desfere o golpe fatal contra a Aberração.
Subitamente, você escuta o som de uma Infelizmente hoje não haverá festas, pois
grande tempestade, e sai para fora da casa para ver muitos mortos precisam ser velados. Você ajuda no
do que se trata. Ao olhar para o sul, você vê um vórtex que pode e depois segue para sua casa, onde terá um
negro saindo do céu entrar em um prédio de pedra sono merecido. Vá para 37.
abandonado, situado em uma parte alta. Antes de ir
até lá, você escuta um pedido de socorro vindo do
norte de Barro Vermelho.
15. Uma poção venenosa é algo extremamente
Se você quiser investigar o prédio de pedra, perigoso, principalmente se cair em mãos erradas.
vá para 19. Você agradece ao vendedor pela esperteza, mas ao
Se preferir atender o pedido de socorro, siga chegar a venda, apenas um bilhete escrito a carvão
para 2. em um papiro os aguardam. Vocês procuram pelo
suspeito, em vão. O bilhete explica que o comprador
estava com pressa, e diz que em outra oportunidade
12. Ao se aproximar da Rua do Bares, você escuta efetuará a compra.
um alvoroço, que logo se acalma quando sua Ao verificar uma marca no verso do cartão,
presença é notada. Ser herói também tem suas você imediatamente amaldiçoa quem o escreveu, pois
vantangens! o símbolo de uma facção dos Sombras - um olho tirês
Apenas algumas brigas são apartadas, e vermelho e entreaberto - está estampado nele. Esta
quando o último bar é fechado, você se dirige para facção domina a magia de controle da mente através
sua casa. No caminho, ao passar de um beco você vê de palavras, e foi uma pena o infeliz não estar aí para
um homem robusto levantando um velho, e ambos você e sua bico de corvo “conversarem” com ele.
se encaram. Não notaram sua presença. Se você: Você se despede e volta a seu posto. Vá para 31.
Decidir gritar ao homem para soltar o velhote,
siga até 20.
Quiser chegar cautelosamente até os dois, vá
16. Ao adentrar na construção, você segue por um
para 35. corredor escuro, e logo chega a um lance de escadas.
Prefirir ignorar essa briga e ir dormir vá para A sua frente, se encontra uma porta com uma
38. portinhola aberta, onde você vê miríades negras se
aglomerando e formando um corpo. Um arrepio se olhar, vislumbrando suas feições absais: sua pele é
percorre sua espinha ao vislumbrar aquela estranha enegrecida e escamada; seus três olhos, amarelos e
visão. sem vida; suas mãos e pés dotados de três enormes e
Contudo, sua atenção é desviada para um afiadas garras. Ao ver o que realmente é, a criatura
homem acorrentando que parece querer dizer algo, solta um urro, que você não sabe ao certo, de horror
mas esta ferido e amordaçado. ou glória. Está na hora de lutar. Vá para 36.
Se quiser ajudá-lo, vá para 24.
Se achar que é uma armadilha, e quiser
chamar outro herói para ajudá-lo, siga para 9. 22. Quando o homem começa a falar, você percebe
que sua voz melodiosa começa a convencê-lo que o
velho é um ladrão... que ele foi roubado... que o
17. Ao abrir a porta com o olho vermelho, você
melhor a fazer é ir para casa dormir... deixe-o para
descobre os maiores horrrores de qualquer tirês, se que ele se entenda com o velho...
tornando realidade. Almas escravizadas sendo Nesse instante, você acorda com um grito
torturadas, todos com deformidades indescritíveis, em histérico do velho:
um ambiente onde o mal é nauseante. Subitamente, -Acorde desse transe agora!
um deles olha para você e faz sinal a todos os outros. E quando você vai pegar sua bico de corvo,
Você se olha por um instante e vê que parece ser sente uma pontada em seu ombro, onde está cravada
formado por luzes. Hordas começam a seguir mas uma seta negra. Vá para 30.
você desembainha sua bico de corvo para lutar numa
batalha que pode não ter fim.
23. Você acha que a conversa do vendedor não tem
fundamentos para uma investigação, e pergunta a ele
18. Assim que o caolho termina de se levantar, você se as ervas não poderiam ter um outro fim. Ele
indaga a ele: responde que sim, então você o tranqüiliza e ele volta
-Qual é a sua história? para a venda. Vá para 31.
-Esse homem é na verdade mexe com magia
negra e quer algo que eu não posso fazer...
-Não dê ouvidos a este velho ladrão e bêbado! 24. Ao chegar perto do homem, ele abre os olhos e
Olhe suas vestes cheias de bebida! - diz o homem quando parecia pronto para gritar, reconhece você e
acusado de praticar magia negra. agradece os Deuses. Explica a você que morava ali,
-Não fale com ele, senão ele te controlará pela mas ontem à noite, sua morada foi invadida por três
magia... ou irá te queimar como quer fazer comigo! guerreiros Sombras e dois magos, que o prenderam e
-Pare de mentir velho! começaram a realizar rituais na sala onde você
Se quiser acreditar no velho e agredir o acabou de ver as miríades negras. O homem parece
homem enquanto é tempo, siga para 7. muito abalado, e diz que os Sombras disseram que
Se preferir conversar com ele, vá para 22. este era o momento e o lugar para os demônios
voltarem ao Plano Terrestre, entre outras coisas
indescritíves.
19. Ao chegar perto do prédio, sua presença é
Se você quiser soltar o homem, vá para 13.
notada por muitas, muitas almas perdidas e Caso queira chamar outro herói para ajudá-lo
desconfiguradas que estão ali aguardando algo. Você contra o monstro, siga para 9.
parece emanar luz, e todas veêm em sua direção. No
meio da construção, sua ultima visão é a de um corpo
sendo formado por almas torturadas. 25. No meio a um sonho confuso, onde um prédio
Você desembainha sua bico de corvo e parecia ser habitado por criaturas hediondas, uma voz
começa a lutar numa batalha que pode não ter fim. familiar grita a você:
-Cuidado!
Você acorda a tempo de sentir uma pontada
20. Você não suporta a visão do valentão agindo de em seu ombro, onde está cravada uma seta negra Ela
maneira tão ríspida contra alguém de tão avançada parece ter vindo de um buraco feito a pouco na parede
idade, e ordena a ele que solte o velho imediatamente. de madeira ao lado da sua cama. Você pega sua bico
Ele só o faz, após constatar de onde a vinha voz que de corvo. Vá para 30.
lhe dera a ordem.
Se você for até ele exigir satisfações, vá para
22. 26. Você começa a dormir, e no seu sonho, começa
Se quiser ir até o velho e ver como ele está, a andar em um corredor escuro, que parece não
siga para 5. acabar. Você sabe que algo importante o espera no
seu fim. Subitamente, você caí em uma sala circular,
cercada de portas com estranhos símbolos.
21. Ao adentrar no salão, você encontra algo que
Três porta chamam sua atenção:
acaba tomar consciência da vida. A criatura começa a
Se quiser abrir a porta com o símbolo de uma
nuvem, vá para 4. 32. Ao levantar o tubo, uma pequena seta caí de seu
Se preferir a porta com um olho tirês interior, e você conclui que se tratava de uma
entreaberto e vermelho, siga até 17. zarabatana. Examinando a seta com mais atenção,
Caso queira a porta com um sol vermelho, vá pecebe que ela possui um pequeno compartimento
para 11. com um liquído viscoso dentro - provavelmente
veneno. Você guarda todo o conjunto.
Se você não examinou o manto e quiser fazê-
27. De volta a sua casa, você novamente vê seu
lo, vá para 6.
corpo repousando e se concentra para voltar para Se apenas quiser ficar de guarda, siga até 34.
ele...
Um choque repentino faz você acordar e ver
que esta de novo em seu corpo. Agora você tem de 33. Na parede de madeira ao lado de sua cama,
seguir para o sul. Vá para 8. você escuta rangídos, que parecem ser feitos por
algum aparelho de metal. Uma sensação de perigo
está presente.
28. Ao abrir a porta, você vê um homem que estava A parede não é tão grossa, e se você quiser
do outro lado de sua casa, correr em disparada para o utilizar sua bico de corvo, o golpe será suficiente para
sul da cidade. Infelizmente você não vai conseguir ferir quem estiver do outro lado.
alcançá-lo. Se quiser golpear a parede visando quem está
Se você acha que afastou o perigo e quiser ir atrás dela, vá para 3.
dormir, vá para 26. Se preferir esperar, siga para 39.
Se quiser ficar de guarda, vá para 34.
34. No meio da noite, apesar de saber que algo
29. Escolhendo um bom ponto para mira, você pega pode acontecer, você não resiste a um sono
a zarabatana e assopra a seta na direção de um implacavél, que parece abatê-lo de uma maneira
guarda, que logo percebe que algo o atingiu. Quando mágica. Vá para 26.
você esperava vê-lo cair, ele simplesmente tira a seta
do manto e aponta em sua direção.
Um deles grita: 35. Furtivamente, você chega até os homens e
-Tolo, nossas armas não podem nos ferir! - diz escuta o trecho de uma conversa:
soltando uma risada, enquanto mostra o tecido grosso -Não posso dizer o que você me pede,
do qual seu manto, e do outro guarda é feito. maldito! - diz o velhote suspenso pelos braços.
Quando começa a correr na direção dos dois -Faça o que mando seu velho teimoso...
com sua bico de corvo, uma infinidade de setas Senão vai ver do que sou capaz!
negras vem ao seu encontro, e mesmo tentando Nesse instante, o velho olha na direção oposta
esquivar-se, algumas lhe atingem. a você, aonde tem... Ninguém? Balbucia algumas
Você começa a ver o chão cada vez mais palavras e se vira em sua direção.
perto... -É você que esta aí Vento Cortante? - grita o
Sua missão chegou ao fim. velho, para seu espanto e do homem que o levantava,
e ao ver você, soltou-o bruscamente.
-Sim sou eu. - responde ao se aproximar dos
30. Sua bico de corvo está muito pesada, e você mal dois.
consegue se manter em pé, apesar de sua vontade de -Este velho bêbado me roubou e não quer
lutar. Sua última visão é o chão que se aproxima cada devolver meu dinheiro - diz o homem ofegante
vez mais... enquanto você observa o velho. O velhote parece
A seta estava envenenada. Sua missão como pobre, cego de um olho e alguma espécie de liquído
mestre Arma Sagrada chegou ao fim. molhou toda a sua roupa.
-É mentira! - diz o velho enquanto se levanta.
Ao olhar o homem que acusou o velho, você
31. A tarde transcorre sem nenhum problema, e no encontra um tirês distinto, bem vestido e com um
cair da noite, os sinos anunciam que amanhã será o curioso colar que pendura um olho tirês vermelho e
dia do descanso. Á noite, os bares provalvelmente entreaberto.
encherão, afinal de contas, ninguém trabalhará Se você quiser conversar com o homem do
amanhã. colar, siga até 22.
Se você acha que seu dia foi cansativo e Se quiser que sua bico de corvo “converse”
quiser ir dormir, vá até 38. Se quiser patrulhar a Rua com ele, vá para 7.
dos Bares, vá para 12.
36. Sem perder tempo, você investe contra o
monstro um golpe em uma das pernas, e você se
surpreende ao perceber a dureza de sua pele. A breve você estaria pronto para voltar ao Plano
criatura então o encara, e antes de você perceber, um Terrestre para ajudar os vivos.
soco atinge seu peito e o joga contra a parede. Seja bem vindo a um nova vida, Mártir Vento
Algumas costelas devem ter se partido. Cortante!
Quando você se levanta, a criatura esta
próxima o suficiente para um segundo golpe, mas
antes de fazê-lo, a criatura salta e quase arranca uma
de suas mãos, com as garras recorbertas de um visco
esverdeado. Nesse instante, sua bico de corvo
começa a tremular, e um jato de vento cortante, joga a
criatura para o outro lado da sala, envolvida em um
redemoinho mágico. Agora você entende o que o
Mestre quis dizer com “alguma coisa a mais”.
Você percebe que o visco da criatura começa
a aumentar, e percebendo sua vida esvaindo, corre
em direção da criatura, atingindo sua cabeça
mortalmente, para depois cair inconsiente. Vá para 40.

37. No meio de seu sonho, o Mestre reaparece, e


com um olhar de desapontamento diz a você:
-Filho, eu não o culpo por ir procurar ajuda,
mas você deixou inocentes morrerem. Você não
poderá mais ser chamado de Vento Cortante...
Ao acordar, você está sem sua faixa e sua
bico de corvo. A partir de hoje você será apenas um
tirês.

38. Chegando na sua casa feita em madeira e argila


- uma construção fabulosa - você se despe de sua
armadura, deixa sua bico de corvo próxima de sua
cama e quando vai apagar a vela, percebe passos
muito próximos a sua casa.
Se você quiser ir investigar, siga para 28.
Se preferir apagar e vela e pegar sua arma, vá
para 33.
Caso queira ignorar os passos e ir dormir, vá
para 25.

39. Um pequeno buraco se abre ao seu lado, e


antes que você possar fazer algo, um tubo negro
passa por ele e atinge seu ombro. Você vê uma
pequena seta negra enfincada nele. Siga até 30.

40. Você acorda deitado em uma cama, e a primeira


coisa que faz, é olhar para sua mão ferida. Você
simplesmente não entende o que fizeram com ela,
mas aí está ela, ótima! Ao vislumbrar o seu redor,
você descobre cercado por muitos heróis, e o primeiro
a lhe dirigir a palavra é o seu mestre:
-São poucos aqueles que morrem no Plano
Terrestre e continuam sua existência para ajudar os
vivos. Sinta-se orgulhoso meu filho, de poder estar
aqui!
Sem entender ao certo o que aconteceu, você
olha para todos os presentes, e reconhece grande
heróis que deram as vidas para salvar o povo tirês.
A partir desse dia, seu mestre começou a lhe
ensinar como viver no novo plano de existência, e que
Vento Cortante (espírito combatente arma sagrada)
O herói Vento Cortante, foi apresentado em uma aventura-solo em 1996, na antiga revista de
RPG Só Aventuras. Esse héroi viveu no ano de 832 do calendário tires, e por ser um artesão e
combatente sem precedentes, teve sua arma kusari-gama (conhecida pelo projeto como ‘bico
de corvo’) encantada pelo conselho dos Mago-Guerreiros Viajantes, que colocaram nela a
mágica Rajada de Vento. Dentro de seu cabo se encontra uma pedra mágica esverdeada
chamada emorita, que contém 7 pontos de mana (carga mágica).
Na referida aventura-solo, Vento Cortante se sacrificou para destruir uma aberração, um
monstro terrível invocado por magos sombras. Se Vento Cortante tivesse exitado, muitas
mortes aconteceriam na periferia de Sol Nascente. Devido ao seu ato nobre diante de sua
morte e de seus votos de devoção em vida, Vento Cortante passou a habitar a Dimensão das
Almas Eternas, onde foi treinado para assumir como um combatente das forças do mal.
A missão de Vento Cortante a partir do momento em que se tornou mártir, é a de lutar contra
os seres dimensionais malignos que estão prejudicando os tireses. Na condição de habitante
da Dimensão das Almas Eternas, Vento Cortante foi inserido dentro do mundo da magia, e ele
pode executar duas mágicas para abrir portais (dentro e entre as dimensões). Vento Cortante
visitou as Dimensões Inferiores e lutou contra muitos seres malignos que torturavam e se
aproveitavam de almas tiresas perdidas (principalmente na Dimensão das Cinzas). Até mesmo
na Dimensão Terrestre Vento Cortante levou idéias a alguns tireses em momentos de crise
(através do poder Telepatia), o que evitou muitas mortes.

Interesses relacionados