Você está na página 1de 50

Pág.

1
Índice
Introdução: Heróis que se divertem a comer alimentos com superpoderes! Pág. 3

Como funciona o projeto? Pág. 4

Tarefas Obrigatórias da 1ª Etapa e Prazos! Pág. 5

Antes de começar… Pág. 6

Recomendações importantes Pág. 7

Autorizações dos Encarregados de Educação Pág. 8

Tarefa Nº1 - Apresentação da «Missão do Ano» Pág. 11

Passo 1 de 4: «Lista de Alunos» Pág. 13

Passo 2 de 4: «Inquérito Inicial» Pág. 16

Passo 3 de 4: «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes Pág. 23

Passo 4 de 4: «Missão do Ano: Sorrisos Super Saudáveis» Pág. 28

Tarefa Nº2 - «Vídeo dos Heróis da Fruta» Pág. 36

Tarefa Nº3 - O que mudou em nós? Pág. 41

Submeter Candidatura aos Prémios Pág. 44

Atividades Facultativas Pág. 46

Agradecimentos Pág. 50

Pág. 2
Introdução: Heróis que se divertem a
comer alimentos com superpoderes!
«Heróis da Fruta - Lanche Escolar Saudável» é atualmente o maior programa gratuito de
educação para a saúde em Portugal, concebido especificamente para motivar as crianças
entre os 2 e os 10 anos a adotar e manter hábitos saudáveis na sua rotina diária, através de
um modelo motivacional inovador desenhado para o ensino pré-escolar e 1º ciclo do ensino
básico, com os seguintes objetivos pedagógicos:

● Incentivar as crianças a ingerirem fruta todos os dias, na escola e em casa.


● Conhecer a importância dos alimentos saudáveis para a manutenção da saúde.
● Encorajar as crianças a orgulharem-se de praticar um estilo de vida saudável.
● Despertar a comunidade para os benefícios das pequenas mudanças nos hábitos diários.

Além destes objetivos pedagógicos, no ano letivo 2018/2019 a 8ª edição do projeto


«Heróis da Fruta» pretende levar às crianças outra importante lição através da «Missão do
Ano: Sorrisos Super Saudáveis» para incentivar hábitos de saúde oral junto dos alunos e
encarregados de educação.

Porque é que comer fruta e escovar os


dentes é tão importante?
As frutas são essenciais para uma alimentação saudável e equilibrada, uma vez que são
fontes de vitaminas e minerais, que contribuem para a manutenção da energia e da
concentração; e de fibra, que promove a saciedade e o bom funcionamento
gastrointestinal. Por estas razões a Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que
se consumam diariamente pelo menos três porções de fruta.

A saúde oral, fundamental para a saúde geral, bem-estar e qualidade de vida, está
intimamente relacionada com a nossa alimentação. Contudo, os dados do mais recente
Estudo Nacional de Prevalência das Doenças Orais mostram que apenas
aproximadamente metade das crianças com 6 e 12 anos de idade se encontra livre de
cáries, evidenciando que muitas vezes a saúde oral dos mais novos fica aquém das
recomendações. Com este mote, desafiamos os educadores e professores a cooperarem
connosco para juntos alterarmos esta realidade, para que os nossos «Heróis da Fruta»
tenham «Sorrisos Super Saudáveis» escovando os dentes todos os dias!

A prevenção é o melhor remédio e educar é, sem dúvida, prevenir.

Pág. 3
Como funciona o projeto?
1ª ETAPA: MOTIVAR AS CRIANÇAS
Durante 12 semanas letivas, de 16 de outubro de 2018 a 25 de janeiro de 2019, os alunos
devem ser estimulados a adotar rotinas mais saudáveis para se transformarem em «Heróis da
Fruta» e praticarem diariamente a «Missão do Ano», através de atividades lúdico-pedagógicas
tão simples como assinalar “Super Estrelas” ou “Super Escudos” no «Quadro de Mérito - Hoje
Ganhei Superpoderes», como recompensa pela ingestão de lanches escolares saudáveis ou pela
escovagem diária dos dentes. O sucesso comprovado deste projeto (mais de 40%) na melhoria
de hábitos alimentares e estilo de vida das crianças é alcançado nesta etapa através da
realização de apenas 3 «Tarefas Obrigatórias».

ESSENCIAL realizar as 3 «Tarefas Obrigatórias» deste guia e apresentar prova da sua realização
dentro dos prazos estabelecidos, preenchendo e enviando os dados solicitados conforme
requerido (Pág. 5).

FACULTATIVO realizar facultativamente as restantes atividades pedagógicas propostas, também


disponíveis neste Guia (Pág. 46 – 49).

2ª ETAPA: MOBILIZAR OS ADULTOS


Nas semanas seguintes, de 25 de fevereiro a 25 de março de 2019, a motivação é reforçada com
uma competição nacional que utiliza o vídeo como veículo para levar as lições do projeto
«Heróis da Fruta» até casa, porque envolver os encarregados de educação é fundamental. Para
tal, as turmas partilham o que aprenderam sobre a «Missão do Ano» com os familiares e
amigos, convidando os adultos para ver, ouvir, partilhar e votar no vídeo da sua sala ou turma.

ESSENCIAL divulgar o «Vídeo dos Heróis da Fruta», convidando todos os adultos a visitar a
página do vosso vídeo e através do botão “Gosto” do Youtube ou da televotação (opcional)
ajudar o vosso vídeo a ser um dos cinco finalistas do distrito ou região autónoma, ou mesmo um
dos dois vencedores apurados diretamente pelo público.

FACULTATIVO convidar os adultos a participar na televotação solidária dos «Vídeos dos Heróis
da Fruta», contribuindo para que seja possível oferecer cabazes semanais de fruta às crianças
mais carenciadas, através do fundo «Missão 1 Quilo de Ajuda» e ainda habilitar-se a ganhar
centenas de prémios, como por exemplo, bilhetes para o «Festival Heróis da Fruta», zoológicos,
parques aquáticos, etc.

3ª ETAPA: ATRIBUIR OS PRÉMIOS


A partir de 23 de abril de 2019, há prémios para todos os alunos: diplomas de participação e
pulseiras individuais para cada criança que reforçam o compromisso de continuar a comer
alimentos com “superpoderes” e a praticar a «Missão do Ano» todos os dias na escola e
também em casa. Além disso, as salas e turmas finalistas da 2ª Etapa vão receber bilhetes para
o «Festival Heróis da Fruta» e as vencedoras terão como "super prémio" um Meet&Greet
(encontro convívio) com as nossas mascotes, entre outras ofertas e surpresas.

ESSENCIAL entregar a todos os alunos participantes o diploma de «Herói da Fruta» que será
enviado por e-mail nesta etapa e a pulseira que chegará por correio postal.

FACULTATIVO celebrar os sucessos alcançados com uma visita ao «Festival Heróis da Fruta»!

Pág. 4
Tarefas Obrigatórias da 1ª Etapa e Prazos!
TAREFA OBRIGATÓRIA Nº1 – APRESENTAÇÃO DA MISSÃO DO ANO - PÁG. 11 a 35
Data ideal para realizar esta tarefa: 16 DE OUTUBRO DE 2018
Neste dia todas as salas e turmas participantes devem realizar esta tarefa seguindo estes passos:

1. Realizar o «Inquérito Inicial», recolhendo os dados de cada aluno, incluindo as medições e pesagens. As
respostas às perguntas devem referir-se ao dia anterior (15 de outubro de 2018), de forma a refletir os
hábitos regulares das crianças ao longo de um dia escolar completo.

2. Afixar o «Quadro de Mérito – Hoje Ganhei Superpoderes» na sala de aula e iniciar o seu preenchimento
diário à hora do lanche, durante 12 semanas.

3. Apresentar o conto lúdico-pedagógico da «Missão do Ano», podendo optar pela sua versão áudio-conto
(disponível a partir de 12 de outubro no site www.heroisdafruta.com). O conto funcionará como o mote para
lançar o desafio aos alunos para praticarem a «Missão do Ano», escovando os dentes diariamente na escola
(idealmente) para pintar o “Super Escudo” no «Quadro de Mérito – Hoje Ganhei Superpoderes».

Prazo sugerido para enviar por correio postal o «Inquérito Inicial» e o «Quadro de Mérito» da 1ª semana de
cada sala ou turma: até dia 16 de novembro de 2018 (aproximadamente 1 mês após preenchimento).

Bónus: mascarilhas para turmas cumpridoras do primeiro prazo de envio sugerido


Todas as salas e turmas que enviarem por correio postal estes documentos até à data indicada ganham
um prémio adicional: mascarilhas de Heróis da Fruta. Não deixe para os últimos dias!

TAREFA Nº2 – VíDEO DOS HERÓIS DA FRUTA - PÁG. 36 a 40


Data para realizar esta tarefa: qualquer dia entre 16 outubro 2018 e 18 janeiro 2019
Devem dinamizar o «Vídeo dos Heróis da Fruta» da sala ou turma, em qualquer uma das semanas de
participação, gravando uma mensagem criativa onde as crianças transmitam de forma divertida a «Missão do
Ano» aos adultos, ensinando-lhes o que devem fazer para serem também «Heróis da Fruta».

Prazo limite para enviar por Wetransfer o «Vídeo dos Heróis da Fruta»: até às 23h59 do dia 8 de fevereiro de
2019. Consulte o ponto 9 do Regulamento do projeto para mais instruções.

TAREFA Nº3 – O QUE MUDOU EM NÓS - PÁG. 41 a 43


Data ideal para realizar: 22 DE JANEIRO DE 2019
A 3ª feira da 12ª semana (22 de janeiro de 2019) é a data ideal para recolherem os dados do «Inquérito
Final»! Esta é também a última semana de realização obrigatória do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei
Superpoderes».

Prazo limite para enviar pelo correio o «Inquérito Final» e o «Quadro de Mérito» da 12ª semana da sala ou
turma: até dia 8 de fevereiro de 2019.

Pág. 5
Antes de
começar...

Pág. 6
Antes de começar... RECOMENDAÇÕES
IMPORTANTES

Este programa educativo foi desenvolvido para exercer uma intervenção motivacional
1 intensiva e deverá por isso mesmo cumprir-se sempre que possível a sua duração e a ordem
estabelecida para as «Tarefas Obrigatórias».

Caso pretendam, no dia em que iniciarem o projeto «Heróis da Fruta» podem optar por
2 realizar logo os três passos da «Tarefa Obrigatória Nº1». Ou seja, recolher os dados dos
alunos com o «Inquérito Inicial», afixar o «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes»
na parede da sala de aula e ainda apresentar o conto lúdico-pedagógico da «Missão do
Ano», podendo optar pela sua versão áudio-conto. Desta forma, cumprirá de uma vez só
todos os passos da «Tarefa Obrigatória Nº1» e dará início ao projeto de forma
completamente inesquecível.

Recordamos que os formulários devem ser impressos com boa qualidade e em tamanho real
3 (A4); não deverão ser fotocópias, pois a sua qualidade pode condicionar a leitura ótica e
análise dos dados. Além disso, os dados devem ser preenchidos com uma caneta de cor
escura (preto ou azul), nunca ultrapassando os contornos que limitam o respetivo campo de
preenchimento.

Apenas deverão ser recolhidos e preenchidos na «Lista de Alunos», no «Inquérito Inicial» e


4 no «Inquérito Final» os dados pessoais das crianças com autorização expressa por escrito,
através do consentimento informado dos seus representantes legais. O modelo
OBRIGATÓRIO de autorização para enviar aos E.E. está disponível na página 10 deste guia.

Relembramos todos os professores e educadores de que tendo conhecimento de dados


pessoais das crianças, devidamente autorizadas pelos seus representantes legais, se
5 encontram sob a obrigação do sigilo profissional.

Finalmente, aproveitamos para apelar à consciência da importante influência que o


responsável pela implementação do projeto junto das salas/turmas terá no sucesso deste
6 programa motivacional. Para isso, deverá ser o primeiro a dar o exemplo em ações tão
simbólicas como levar todos os dias uma porção de fruta diferente para a sala de aula e
colocá-la em local visível na secretária, porque as crianças, sobretudo nestas idades,
modelam os comportamentos através dos adultos que lhes são mais próximos ou que
admiram, como o seu professor ou educador.

Pág. 7
Antes de começar... QUANDO REALIZAR?
Autorizações dos encarregados de educação Até 16 outubro 2018

O início de algo positivo é muito importante e os primeiros passos são sempre uma aventura. Claro que a
participação no projeto Heróis da Fruta não é exceção, pelo que exige algum planeamento! Os dados
recolhidos na «Lista de Alunos», no «Inquérito Inicial», no «Inquérito Final» e no «Quadro de Mérito - Hoje
Ganhei Superpoderes», permitem-nos estudar, não apenas o estado nutricional e o comportamento alimentar
das crianças portuguesas, mas também as mudanças que se observam com a implementação do projeto
«Heróis da Fruta». E os resultados têm sido entusiasmantes: na edição anterior, em apenas 12 semanas,
todos juntos conseguimos uma vez mais aumentar o consumo de fruta das crianças participantes em mais de
40%. Uma grande melhoria na alimentação dos alunos, graças à dedicação dos docentes!

Para começar é essencial informar os Encarregados de Educação (E.E.), uma vez que a recolha de dados das
crianças tem de ser previamente autorizada pelo seu adulto responsável. Para tal, deverá utilizar
OBRIGATORIAMENTE a autorização disponível na página 10 deste guia, e enviá-la para os E.E. dos seus
alunos.

Nesse documento é ainda apresentado aos E.E. o essencial sobre o «Vídeo dos Heróis da Fruta», uma das
tarefas mais importantes para os alunos atingirem o objetivo pedagógico do programa, na qual poderá haver
captação da voz e imagem dos alunos. Todavia, pedimos que realce junto dos E.E. que todos os alunos que
integrarem o «Vídeo dos Heróis da Fruta» encontrar-se-ão devidamente disfarçados, com uma Mascarilha de
Herói da Fruta! Poderá encontrar informação acerca das Mascarilhas Oficiais na página 38.

Deverá ainda recolher todas as autorizações assinadas e enviá-las por correio até ao dia 16 de novembro de
2018, ao cuidado da APCOI, para a seguinte morada: APCOI - Associação Portuguesa Contra a Obesidade
Infantil, Rua do Poço Novo, n.º 85 A, 1.º andar, 2750-467 Cascais. O envio de todas as autorizações dos E.E.
é obrigatório e necessário. Caso tenha alguma dúvida ou questão acerca do envio das autorizações dos
representantes legais das crianças por correio, por favor, entre em contacto com a nossa equipa. Contactos:
960 474 700 e 214 866 045 | E-mail: geral@heroisdafruta.com

Antes de as enviar pelo correio, deverá anotar num documento seu, quais os alunos autorizados para
participar nos inquéritos e no vídeo. Desta forma, no momento de recolher os dados do «Inquérito Final» e de
realizar a gravação do vosso vídeo, saberá quais as crianças autorizadas para cada uma das componentes.

Os E.E. podem autorizar ambas as situações, bastando para tal que assinalem com um “x” ambas as caixas
“SIM AUTORIZO” e completem os seus próprios dados no documento da autorização.

Se algum dos E.E. pretender autorizar apenas uma das situações, por exemplo, apenas a integração no
«Vídeo dos Heróis da Fruta», deverá assinalar com um “x” apenas a caixa “SIM AUTORIZO” correspondente,
e completar igualmente os seus próprios dados no documento.

Se um E.E. não devolver a autorização, não podendo assim confirmar-se a sua intenção, o aluno deve ser
considerado como não autorizado. Sugerimos que estabeleça uma data limite para esperar pela devolução
das autorizações, por exemplo, 15 de outubro de 2018, para que possa iniciar o projeto e realizar o «Inquérito
Inicial» no dia seguinte, recolhendo os dados das crianças autorizadas para tal. Todos aqueles que não
entregarem as autorizações até essa data, devem integrar de igual forma as restantes atividades do projeto
«Heróis da Fruta» que não impliquem recolha de dados pessoais.
Pág. 8
Antes de começar... QUANDO REALIZAR?
Autorizações dos encarregados de educação Até 16 outubro 2018

O que fazer caso algum E.E. não autorize a recolha de dados


para estudo?
Não existe qualquer problema, nem penalização na candidatura aos prémios. Nos instrumentos de recolha de
dados, «Lista de Alunos», «Inquérito Inicial» e «Inquérito Final» (disponiveis para imprimir nas próximas
páginas), deverá preencher os nomes das crianças que compõem a sua sala ou turma, fazendo corresponder o
número do aluno pré-preenchido aos seus restantes dados. No caso de alunos não autorizados, deverá
“saltar” o seu número; ou seja, deixar a linha do número correspondente ao aluno não autorizado em branco.

Por motivos pedagógicos, todos os alunos, com e sem autorização, devem integrar as atividades de sala de
aula do projeto «Heróis da Fruta» que não impliquem recolha de dados, ou seja, nenhum deverá ser
excluído. Desta forma, no caso do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes», os alunos não
autorizados devem, tal como as restantes crianças, preencher o seu nome e pintar as respetivas estrelas e
escudos na linha correspondente ao seu número de aluno. Neste documento, não devem “saltar” linhas nos
alunos não autorizados. A nossa equipa garantirá que os dados dessas crianças não serão analisados.

Se necessário, poderá apresentar aos E.E. as mais valias de autorizarem a recolha de dados para o estudo do
projeto «Heróis da Fruta», nomeadamente permitir a investigação científica dos hábitos alimentares e estilos
de vida das crianças para construir novas estratégias para melhorar a sua saúde. Poderá explicar-lhes que os
dados recolhidos serão enviados por correio para a equipa organizadora do projeto, sendo apenas acessíveis
pelos seus elementos e pela equipa de investigação do ISAMB - Instituto de Saúde Ambiental da Faculdade de
Medicina da Universidade de Lisboa, com o qual o projeto «Heróis da Fruta - Lanche Escolar Saudável»
estabeleceu um protocolo de sigilo e confidencialidade para o desenvolvimento deste estudo. Poderá ainda
indicar os nossos contactos diretos para outros esclarecimentos adicionais.

O que fazer caso algum E.E. não autorize a participação do


aluno no «Vídeo dos Heróis da Fruta», mesmo tendo o rosto
protegido por uma mascarilha?
Não existe qualquer constrangimento ou penalização na candidatura aos prémios. A criança deverá integrar
as restantes tarefas e atividades do projeto «Heróis da Fruta», inclusive a preparação do «Vídeo dos Heróis
da Fruta», que não impliquem captação de imagem. No entanto, não poderá integrar o grupo de crianças
cuja imagem seja recolhida para o vosso «Vídeo dos Heróis da Fruta». Poderá optar por criar um vídeo que
não implique a captação de imagem de nenhum aluno, recorrendo por exemplo a fotografias ou vídeos de
trabalhos, atividades e desenhos que tenham realizado no âmbito do tema, ou mesmo marionetas, fantoches
ou outros elementos gráficos.

Em todo o caso, deverá reforçar junto dos E.E. que todos terão obrigatoriamente de usar uma Mascarilha de
Herói da Fruta. Assim, como os verdadeiros super heróis, não vão revelar a sua identidade!

Pág. 9
Caro(a) Encarregado(a) de Educação, ASSUNTO: PEDIDO DE AUTORIZAÇÃO - HERÓIS DA FRUTA
Este ano letivo a nossa turma está a participar na 8ª edição do projeto «Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável», a maior iniciativa
gratuita de educação para a saúde em Portugal, desenvolvida pela APCOI - Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil, que além
de nos motivar a comer mais fruta, desafia-nos também para uma «Missão do Ano», cujo lema «Sorrisos Super Saudáveis» tem como
objetivo melhorar os hábitos de saúde oral, incentivando todas as crianças a escovarem os seus dentes diariamente. Estes objetivos serão
alcançados ao longo de 3 etapas que decorrerão durante o ano letivo 2018/2019:

1ª ETAPA: 2ª ETAPA: 3ª ETAPA:


MOTIVAR AS CRIANÇAS MOBILIZAR OS ADULTOS ATRIBUIR OS PRÉMIOS
De 16 outubro de 2018 De 25 fevereiro de 2019 a partir 23 abril de 2019
a 25 janeiro de 2019 a 25 de março de 2019 até último dia de aulas
Um modelo pedagógico premiado e com provas dadas de sucesso: nas sete edições anteriores, em apenas 12 semanas letivas aumentou o
consumo diário de fruta em mais de 40% das crianças participantes.

1ª Autorização: Recolha de Dados Pessoais para Estudo.


Para garantirmos este nível de resultados é necessário estudar a cada ano a capacidade do projeto «Heróis da Fruta» para melhorar o
estado nutricional das nossas crianças. Para tal, é realizado anualmente um estudo que decorre em paralelo com as atividades educativas
do programa. Além do consumo de fruta ao lanche escolar e da escovagem dos dentes, registados diariamente pelas crianças ao pintarem
estrelas e escudos no «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes», a recolha de dados para o estudo é realizada pelos professores e
educadores ou em parceria com os técnicos de educação/saúde da autarquia e decorre em dois momentos: na primeira e na última
semana da 1ª Etapa. É feito o registo de alguns dados sociodemográficos (sexo, data de nascimento, escalão da ASE, e, caso existam, de
NEE), é medida a altura, o peso e são aplicadas três questões sobre o consumo de fruta e a escovagem dos dentes. Os formulários
impressos, preenchidos pelos próprios professores e educadores, são depois enviados por correio para a equipa organizadora do projeto
«Heróis da Fruta», que em parceria com o Instituto de Saúde Ambiental da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, analisarão os
dados. A participação neste estudo é voluntária, podendo ser interrompida a qualquer momento. É, além disso, independente da
participação nas restantes atividades do projeto «Heróis da Fruta» que não implicam recolha de dados.

2ª Autorização: Captação Imagem e Voz para Vídeo dos Heróis da Fruta.


Outra das atividades essenciais para que os objetivos pedagógicos sejam alcançados com sucesso é a criação do «Vídeo dos Heróis da
Fruta», através do qual as turmas irão partilhar o que aprenderam ao longo do projeto com os E.E.. Pretende-se neste vídeo captar a voz e a
imagem dos alunos, embora os seus rostos fiquem escondidos pelo uso obrigatório de mascarilhas de «Heróis da Fruta». O vídeo ficará
disponível para votação dos E.E. no site oficial www.heroisdafruta.com durante a 2ª etapa do projeto, na qual serão apurados os 100
«Vídeos dos Heróis da Fruta» finalistas a nível nacional: 5 de cada distrito ou região autónoma, sendo estes constituídos pelos 3 vídeos mais
votados e ainda pelos 2 vídeos com mais “Gostos”.

Prémios para todas as crianças participantes.


Além dos ganhos para a saúde já demonstrados, todas as crianças participantes na 8ª edição do projeto «Heróis da Fruta» vão receber uma
pulseira. Mas os prémios estão longe de terminar por aí! O público, além de eleger as 100 salas e turmas finalistas que receberão bilhetes
para o «Festival Heróis da Fruta», vai escolher diretamente 2 vencedores: o vídeo mais votado e o com mais “Gostos” a nível nacional!
Mantêm-se, claro, os restantes 3 vencedores escolhidos pelo Júri pela sua criatividade. Os vencedores vão receber ainda um Meet&Greet
(encontro convívio) com as nossas mascotes ao vivo, entre outras surpresas!

O sucesso desta iniciativa também depende de si.


Informamos que a televotação nos «Vídeos dos Heróis da Fruta» é a vertente solidária e 100% facultativa da 2ª Etapa do projeto, na qual as
receitas revertem a favor do fundo social «Missão 1 Quilo de Ajuda». Cada chamada é um donativo que irá ajudar-nos a oferecer
gratuitamente cabazes de fruta semanais às turmas com mais alunos carenciados do país. Nos últimos 3 anos letivos, 659 crianças
carenciadas beneficiaram deste apoio, mas tivemos mais de 3000 candidatos! Se lhe for possível, seja solidário votando por telefone e
ganhe prémios imediatos: bilhetes para o «Festival Heróis da Fruta», museus, zoos, parques aquáticos, entre muitos outros.

Participe connosco nesta aventura educativa e divirta-se com a “magia” dos Heróis da Fruta!
Por favor, assinale com um X as caixas de autorização abaixo e preencha os restantes campos com MAIÚSCULAS:

Pág. 10
Tarefa Nº1
Apresentação da
«Missão do Ano»

Pág. 11
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Apresentação da «Missão do Ano» 16 outubro 2018
O que precisa de saber para realizar esta tarefa?
Esta é a tarefa que marca o arranque do projeto «Heróis da Fruta» e engloba os seguintes passos:

PASSO 1 - Preencher a «Lista de Alunos» com os dados dos seus alunos.


PASSO 2 - Realizar o «Inquérito Inicial», recolhendo as respostas, as medições e as pesagens.
PASSO 3 - Afixar o «Quadro de Mérito – Hoje Ganhei Superpoderes» e iniciar o seu preenchimento diário.
PASSO 4 - Ler o conto lúdico-pedagógico da «Missão do Ano: Sorrisos Super Saudáveis».

Nas próximas páginas encontrará mais detalhes para pôr em prática cada um destes passos que compõem a
Tarefa Nº1.

Como realizar os 4 passos na mesma manhã de aulas de 16 de outubro?


Depois de preencher a «Lista de Alunos» converse com as crianças sobre o que elas trouxeram para comer ao
lanche. Se for a primeira vez que estão a participar, aproveite para explorar os diferentes alimentos que
trouxeram e quais são os seus preferidos e dê maior relevância aos lanches mais ricos em fruta e, por fim,
revele que inscreveu a turma no projeto «Heróis da Fruta».

Não é a primeira vez que estão a participar e os seus alunos já são Heróis da Fruta? Ótimo. Desafie a turma
para a nova «Missão do Ano: Sorrisos Super Saudáveis» na qual vão aprender a defender os seus dentes
das cáries e bactérias através da escovagem diária! A ideia é incentivar as crianças a escovarem os dentes
principalmente na escola e de uma forma divertida! Para informações, consulte o guia a partir da pág. 28.

Siga então para o segundo passo e realize o «Inquérito Inicial» recolhendo as respostas, as medições e as
pesagens de forma individual.

Quando terminar o inquérito, aproveite a aproximação da hora do lanche para dar início ao terceiro passo,
afixando o «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes» num local visível e explique o seu
funcionamento: todos os dias, quem comer fruta ao lanche poderá pintar uma “Super Estrela” junto ao seu
nome, para assinalar que está a aumentar os seus “superpoderes”. De igual modo, sempre que um aluno
escove os seus dentes na escola, poderá pintar um “Super Escudo” para assinalar que está a cumprir a
«Missão do Ano».

Conclua esta tarefa com o quarto e último passo: a leitura do conto da «Missão do Ano» (pode usar a versão
audio-conto disponível no nosso site) que facilitará a ligação entre os seus alunos e as nossas personagens
Sushi, Yago e Tec Tec!

Recordamos que estes dados deverão ser recolhidos e preenchidos nos respetivos formulários, a ser
impressos com boa qualidade e em tamanho real (A4) pelos educadores e professores participantes; não
deverão ser fotocópias, pois a sua qualidade pode condicionar a leitura ótica e análise dos dados. Uma vez
preenchidos com cor escura (preto ou azul), devem ser enviados por correio até ao dia 16 de novembro de
2018, ao cuidado da APCOI, para: Rua do Poço Novo, n.º 85 A, 1.º andar, 2750-467 Cascais

Todas as salas e turmas que enviarem a «Lista de Alunos», o «Inquérito Inicial» e o «Quadro de Mérito» da
1ª semana, por correio postal até 16 de novembro ganham um prémio imediato: mascarilhas de Heróis da
Fruta. Não deixe este envio para os últimos dias!

Pág. 12
Tarefa Nº1
Passo 1 de 4:
«Lista de Alunos»

Pág. 13
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 1 de 4: «Lista de Alunos» 16 outubro 2018
como deve ser preenchida?
O primeiro passo será preencher a «Lista de Alunos» da sua sala ou turma, disponível para imprimir na página
seguinte. Tal como os restantes documentos, nesta edição é de preenchimento direto no formulário
impresso, posteriormente enviado para a equipa organizadora do projeto «Heróis da Fruta» por correio,
juntamente com as Autorizações dos E.E., o «Inquérito Inicial» e a folha do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei
Superpoderes» da 1ª semana! O primeiro campo que deve preencher é o do nome da sala/turma, para que
nos seja possível identificar a que participação correspondem os dados.

Como poderá observar, a «Lista de Alunos» e os instrumentos de recolha de dados já têm a primeira coluna
pré-preenchida, relativa ao número de cada aluno. Nesse sentido, pedimos-lhe, por favor, que siga essa
numeração, saltando (deixando em branco) as linhas correspondentes a números de alunos cujos E.E. não
autorizaram a recolha e utilização dos seus dados para o estudo do projeto «Heróis da Fruta».

Ou seja, se por exemplo o seu aluno nº 2 não tiver autorização dos E.E. para a recolha e utilização dos dados
para o estudo do projeto «Heróis da Fruta» (independentemente de ter, ou não, autorização para a recolha
de imagem no âmbito do vídeo), deve deixar a linha correspondente ao nº 2 em branco. Deste modo, deverá
preencher o seu aluno n.º 3, que tem autorização, na linha desse número, mesmo deixando a anterior vazia.

Se os seus alunos não têm um número de identificação associado que possa fazer corresponder a esta «Lista
de Alunos», não tem problema! Basta que os liste nos vários instrumentos de recolha de dados («Lista de
Alunos», «Inquérito Inicial», «Inquérito Final» e «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes») sempre
pela mesma ordem (por exemplo, ordem alfabética).

A maior parte dos dados deste formulário é preenchida pintando apenas uma “bolinha”, não poderia ser mais
simples! No caso de perguntas como o sexo da criança, deve pintar a “bolinha” correspondente ao sexo,
enquanto que nas questões de confirmação, deve assinalar a “bolinha” apenas nos casos afirmativos, ou seja,
quando se verifica a situação. Por exemplo, se a criança registar NEE (Necessidades Educativas Especiais) deve
preencher a “bolinha”; se a criança não tiver NEE, não pinta a “bolinha”! Alertamos para a importância de que
tanto a informação escrita, como a coloração das “bolinhas” não deve ultrapassar os limites (contornos)
dos seus campos próprios.

Atente no exemplo abaixo para ficar a saber como preencher corretamente a «Lista de Alunos»:
● aluna nº1 está autorizada pelo E.E. para a recolha e utilização de dados para o estudo do projeto
«Heróis da Fruta», logo devem ser preenchidos os seus dados. É do escalão A da ASE (correspondente
ao 1º escalão do Abono de Família), não tem NEE e é a 1ª vez que participa no projeto «Heróis da
Fruta».
● aluno nº2 não está autorizado pelo E.E. para a recolha e utilização de dados para o estudo do projeto
«Heróis da Fruta», logo não devem ser preenchidos os seus dados. A linha fica em branco.
● aluno nº3 está autorizado pelo E.E. para a recolha e utilização de dados para o estudo do projeto
«Heróis da Fruta», logo devem ser preenchidos os seus dados. É do escalão C da ASE (ou seja,
vulgarmente denominado como “não tendo escalão”; é correspondente ao 3º ou maiores escalões do
Abono de Família), tem NEE e não é a 1ª vez que participa no projeto «Heróis da Fruta».

Pág. 14
SALA/
TURMA

DATA NASCIMENTO ESCALÃO ASE* NEE** 1ª VEZ DEIXAR


Nº SEXO COLUNA EM
NOME DO ALUNO ***
ALUNO FEM. MAS. DIA MÊS ANO A B C
BRANCO

0 1 - -
0 2 - -
0 3 - -
0 4 - -
0 5 - -
0 6 - -
0 7 - -
0 8 - -
0 9 - -
1 0 - -
1 1 - -
1 2 - -
1 3 - -
1 4 - -
1 5 - -
1 6 - -
1 7 - -
1 8 - -
1 9 - -
2 0 - -
2 1 - -
2 2 - -
2 3 - -
2 4 - -
2 5 - -
2 6 - -
2 7 - -
2 8 - -

ID EST. ENS. ID S./T. ID H. F. 9699


Tarefa Nº1
Passo 2 de 4:
«Inquérito Inicial»

Pág. 16
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Inquérito Inicial» 16 outubro 2018
como realizar?
Depois da «Lista de Alunos» preenchida, é o momento de aplicar o «Inquérito Inicial»!

O «Inquérito Inicial» tem duas partes distintas:


1) medições antropométricas, ou seja, medir o peso e a altura das crianças;
2) aplicar 3 simples questões sobre o consumo de fruta e escovagem dos dentes no dia anterior!

Que material precisa de levar para a sala de aula?


● 1 balança;
● 1 fita métrica e 1 livro de capa dura ou 1 estadiómetro;
● 1 grelha do «Inquérito Inicial» (pág. 22) e os seus auxiliares de preenchimento (pág. 18- 21).

Siga as instruções das próximas páginas para fazer a medição de altura e peso com o maior rigor possível.
Deve aproveitar esse momento individual da medição para recolher as respostas às questões do «Inquérito
Inicial». Encontrará igualmente nas próximas páginas os seus auxiliares de preenchimento.

Pode começar por explicar aos seus alunos os vários procedimentos que vão realizar e que dados vão obter,
indicando que no final desta 1ª Etapa os vão voltar a recolher, podendo identificar o que mudou!

COMO PREENCHER O «INQUÉRITO INICIAL»?


O preenchimento do formulário do «Inquérito Inicial» é tão simples como a «Lista de Alunos»!
Os primeiros campos a preencher serão o nome da sala/turma e a data em que está a realizar a recolha de
dados para o «Inquérito Inicial». Também aqui tanto a informação escrita, como a coloração das “bolinhas”
não deve ultrapassar os limites (contornos) dos seus campos próprios.

Deve fazer corresponder os alunos com os seus números, garantindo que é a mesma ordem que seguiu na
«Lista de Alunos». No caso de alunos não autorizados pelos E.E., as linhas dos números correspondentes
devem igualmente ficar em branco, como poderá confirmar no exemplo abaixo.

As medições do peso e da altura devem ser registadas com duas casas decimais, escrevendo cada número
num campo.

As porções de fruta ingeridas e as vezes que escovou os dentes no dia anterior devem igualmente ser
preenchidas com os seus números, enquanto que ter ou não escovado os dentes na escola é assinalado
simplesmente pintando a “bolinha” “sim” ou “não”. Para as três perguntas é sempre possível assinalar a
opção de resposta “Não sabe/Não responde” (“NS/NR”), quando a criança assim o indica.

Pág. 17
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Inquérito Inicial» 16 outubro 2018
como realizar?

Instruções para a pesagem

MATERIAIS NECESSÁRIOS:
1 balança (preferencialmente digital, evitar balanças de mola)
1 folha de registo (disponível na página 22) e 1 caneta

PROCEDIMENTOS:
1. Fazer a medição do peso num piso plano que não seja alcatifado ou tenha tapete e confirmar que
o valor no mostrador da balança é 0 (zero) kg (quilos).
2. Pedir à criança que retire o calçado, a roupa mais volumosa (casacos, por exemplo) e outros
acessórios que possam interferir com o peso (cintos, fios pesados, etc.).
3. Manter a criança de pé, com os pés ligeiramente afastados e no centro da balança, de forma a que
o peso do corpo esteja distribuído de forma equivalente por ambos os pés. Certificar que as pernas
estão direitas, os braços esticados ao longo do corpo e os ombros nivelados.
4. Certificar que a criança está a olhar em linha reta na horizontal e que essa linha é paralela ao chão
(a esta posição chama-se Plano de Frankfurt).
5. Anotar o peso em quilogramas, até à segunda casa decimal (exemplo: 21,73 kg).

Pág. 18
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Inquérito Inicial» 16 outubro 2018
como realizar?

Instruções para a medição da altura

MATERIAIS NECESSÁRIOS:
1 fita métrica e 1 livro de capa dura ou 1 estadiómetro
1 fita adesiva ou pastilha adesiva (para fixar a fita métrica na parede)
1 folha de registo (disponível na página 22) e 1 caneta

PROCEDIMENTOS:
1. Fazer a medição da altura num piso plano, que não seja alcatifado ou que não tenha tapetes e contra uma
parede lisa e sem saliências ou rodapé.
2. Fixar bem a fita métrica ou o estadiómetro à parede de forma a que não se mova sozinho ou com os
movimentos da criança. Verificar se os 0 (zero) centímetros (cm) estão ao nível do chão.
3. Pedir à criança que retire o calçado, roupa pesada ou volumosa, acessórios de cabelo (bandoletes,
chapéus, fitas, elásticos, etc.) e desviar o cabelo que possa interferir com a medição.
4. Manter a criança de pé, com os pés alinhados e os calcanhares junto à parede. Certificar que as pernas
estão direitas, os braços esticados ao longo do corpo e os ombros nivelados. A criança deve manter a cabeça,
ombros, nádegas e calcanhares encostados à parede. Dependendo do formato do corpo da criança, pode
acontecer que não seja possível todos os pontos atrás referidos tocarem em simultâneo na parede. As pernas
devem permanecer direitas durante toda a medição.
5. Certificar que a criança está a olhar em linha reta na horizontal e que essa linha é paralela ao chão (a esta
posição chama-se Plano de Frankfurt). Poderá ajudar, segurando o queixo da criança com o dedo indicador e
o polegar, mantendo a cabeça corretamente posicionada.
6. Ao tirar a medida poderá ajudar a criança a manter-se posicionada na vertical, pedindo para inspirar ao
fazer a leitura.
7. Caso esteja a medir com a fita métrica, utilize um livro de lombada fina e capa dura de maneira a formar
um ângulo reto com a parede, assente no topo da cabeça da criança. Registe a medição pela parte do livro
que se encontra em contacto com a cabeça da criança. Se estiver a utilizar um estadiómetro (instrumento
que permite a medição da altura), baixe o seu cursor com a sua mão livre, mantendo-o posicionado de modo
firme no topo da cabeça da criança, comprimindo o cabelo.
8. Anotar a altura em metros com duas casas decimais (por exemplo 0,47 metros).

Pág. 19
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Inquérito Inicial» 16 outubro 2018
como realizar?
Instruções para medir as respostas
Relembramos que o objetivo destes inquéritos é, em conjunto, podermos obter um retrato atualizado a nível
nacional do estado nutricional, hábitos alimentares e estilos de vida das crianças. Começamos por lhe
apresentar a tabela de quantidades e porções que devem orientar o preenchimento das respostas.

O QUE É UMA PORÇÃO DE FRUTA?


Em algumas frutas uma porção equivale a uma peça de tamanho médio, semelhante a uma bola de ténis.
Mas não é assim para todas as frutas, porque nem todas têm o mesmo tamanho, nem a mesma quantidade
de nutrientes!
Lista de equivalentes a uma porção de fruta:

COMO QUANTIFICAR A ESCOVAGEM DOS DENTES?


De forma direta! Cada momento de escovagem dos dentes representa uma vez. Desta forma, se a criança
indicar que lavou os dentes duas vezes, o número a registar será o “2”.
Esta informação não infere o local e o momento do dia em que ocorreram as escovagens dos dentes, ou seja,
pretendemos apenas saber quantas vezes aconteceu no total do dia, independentemente do sítio e da hora.

E QUANTO AO ESCOVAR NA ESCOLA?


Mais simples ainda! Se a criança tiver escovado os dentes na escola a resposta é “sim”, independentemente
de ter acontecido quando chegou de manhã, após o almoço ou à hora do lanche. Caso não tenha escovado os
dentes na escola, a resposta é “não”, mesmo que a criança possa ter lavado os dentes em casa!

Pág. 20
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Inquérito Inicial» 16 outubro 2018
como realizar?
Instruções para fazer as perguntas
As respostas dos alunos devem relatar quais os seus comportamentos efetuados no dia anterior, ou seja,
idealmente no dia 15 de outubro de 2018, de forma a refletirem os hábitos regulares das crianças ao longo
de um dia completo. Desta forma, as três questões começam todas com “Ontem...”.
Por vezes, as crianças mais novas têm dificuldades em dar uma resposta concreta, por exemplo, quantas
porções de fruta ingeriram. Assim, para a aplicação do inquérito, sugerimos que simplifique as questões de
acordo com a idade. Deste modo ajudará a criança a compreendê-las melhor e terá uma perceção mais exata
do que a criança comeu no dia anterior. Como? Vamos exemplificar!

1. Ontem quantas porções de fruta comeste?


Em vez de colocar a questão tal e qual, poderá perguntar à criança – “Ontem comeste fruta?”. Caso a
resposta seja negativa, poderá colocar que a criança comeu 0 (zero) porções de fruta.

Caso a criança diga que sim, poderá indagá-la por refeições: “Ontem comeste fruta ao pequeno-almoço?”. Se
a criança responder afirmativamente, questione-a então sobre o tipo e a quantidade de fruta que ingeriu: “E
que fruta comeste?”. Imaginando que a criança lhe responde maçã, pergunte-lhe de seguida: “E quantas
maçãs comeste?”.

Realize estas questões para as restantes refeições e de um modo simples perceberá quantas porções a
criança ingeriu no total do dia.

2. Ontem quantas vezes escovaste os dentes?


Relativamente à segunda questão, poderá abordar a criança de um modo semelhante à primeira pergunta,
questionando-a: “Ontem escovaste os dentes?”.

Se a resposta for negativa poderá colocar que a criança escovou 0 (zero) vezes os dentes. Se a resposta for
positiva, pergunte se escovou os dentes em cada momento do dia: “Escovaste os dentes de manhã, antes de
vires para a escola? E a seguir ao almoço, escovaste os dentes? E antes de te ires deitar/dormir?”.

Deve ainda contemplar, se a criança não o referir, a escovagem dos dentes na escola, que poderá facilmente
acompanhar e registar! Por exemplo, se já acompanha diariamente esta escovagem dos dentes, sabe de
fonte segura que ocorre; ou, pelo contrário, se tem conhecimento que até à data não foi incentivado ou
viabilizado este comportamento, e como tal, não aconteceu.

3. Ontem escovaste os dentes na escola?


Nesta pergunta, “escola” refere-se a todos os tipos de estabelecimentos de ensino participantes na 8ª edição
do projeto «Heróis da Fruta». Ou seja, representa igualmente os pré-escolares, jardins-de-infância, creches,
colégios, centros sociais e outras instituições.

Aproveite a descrição que a criança fez na pergunta anterior relativa ao número de vezes que escovou os
dentes, ou mesmo o seu conhecimento quanto à realidade no vosso estabelecimento de ensino, para
preencher a resposta a esta questão.

Pág. 21
SALA/
TURMA

DATA - - 2 0
ONTEM QUANTAS PORÇÕES ONTEM QUANTAS VEZES ONTEM ESCOVASTE OS
Nº PESO (KG) ALTURA (CM) DE FRUTA COMESTE? ESCOVASTE OS DENTES? DENTES NA ESCOLA?
NOME DO ALUNO
ALUNO EXEMPLO: 21,70 EXEMPLO: 0,85 EXEMPLO: 0 NS/NR* EXEMPLO: 1 NS/NR* SIM NÃO NS/NR*

0 1 , ,
0 2 , ,
0 3 , ,
0 4 , ,
0 5 , ,
0 6 , ,
0 7 , ,
0 8 , ,
0 9 , ,
1 0 , ,
1 1 , ,
1 2 , ,
1 3 , ,
1 4 , ,
1 5 , ,
1 6 , ,
1 7 , ,
1 8 , ,
1 9 , ,
2 0 , ,
2 1 , ,
2 2 , ,
2 3 , ,
2 4 , ,
2 5 , ,
2 6 , ,
2 7 , ,
2 8 , ,
ss
sss
ss
ID EST. ENS. ID S./T. ID H. F. 40459
Tarefa Nº1
Passo 3 de 4:
«Quadro de Mérito -
Hoje Ganhei Superpoderes»

Pág. 23
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Quadro de Mérito» de 16 outubro 2018
como realizar? até 25 janeiro 2019
Comece por afixar o «Quadro de Mérito – Hoje Ganhei Superpoderes» disponível na página seguinte, num
local visível e apelativo para toda a turma. Pode, por exemplo, colocar o «Quadro de Mérito» sobre um
quadro ou cartolina e convidar a turma a decorar o espaço envolvente com desenhos dos Heróis da Fruta.

Podem ainda optar por imprimir apenas um «Quadro de Mérito», plastificar e a cada semana limpar as
estrelas coloridas com canetas cuja tinta saia com álcool (ou através de outra mecânica). No caso das crianças
do ensino pré-escolar poderá facilitar o preenchimento se imprimirem o «Quadro de Mérito» em tamanho
superior a A4, e em vez dos nomes colarem as fotos das crianças! Caso optem por uma destas última opções,
e como é obrigatório enviar-nos a folha do «Quadro de Mérito» da 1ª e da 12ª semana por correio,
pedimos, por favor, que reproduzam a informação preenchida pelos alunos para o modelo padrão em A4 e
apenas nos enviem essas versões.

Explique o funcionamento do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes», ou seja, as crianças são
convidadas a pintar uma nova "Super Estrela” em frente do seu nome como recompensa diária pela ingestão
de uma porção de fruta no seu lanche escolar da manhã ou da tarde. Desta forma, todos se sentirão
motivados para que possam ser uma turma de verdadeiros Heróis da Fruta!

Este é o momento ideal para desafiar os alunos: combine com as crianças que a partir deste dia devem
incluir sempre a fruta no lanche que trazem de casa para comer na escola.

Mas este ano, além de serem recompensados com uma “Super Estrela” sempre que comerem fruta ao
lanche, vão também poder pintar um “Super Escudo” quando escovarem os dentes na escola, por estarem a
cumprir a «Missão do Ano: Sorrisos Super Saudáveis», protegendo os seus dentes das cáries e bactérias!

É por isso a altura de incentivar os alunos a levarem uma escova de dentes, um dentífrico e uma bolsa, caixa
ou copo de arrumação para escola, para que este importante comportamento se venha a tornar um hábito
natural e diário! Tal como o restante material escolar, estes devem ter a identificação da criança (por
exemplo, o nome e número de aluno), garantindo que cada criança saiba sempre quais são os seus.

Sugerimos ainda que definam uma hora específica para toda a sala ou turma escovar os dentes, como por
exemplo, após o lanche ou o almoço. Deste modo, será partilhado por todos os alunos, e tal como no
incentivo ao consumo de fruta, terá o efeito de os encorajar mutuamente! Após a realização da escovagem
dos dentes, todos os alunos que o tiverem feito, devem ser recompensados ao poderem pintar o “Super
Escudo” em frente do seu nome.

Nas próximas páginas (pág. 28 a 35), juntamente com o conto da «Missão do Ano», encontrará informação
específica acerca da saúde oral e de como a promover junto das crianças da sua sala ou turma. Entre elas,
destacamos a explicação de como realizar a escovagem dos dentes sem necessitar de água, que será, sem
dúvida, muito útil para todas as participações cujas condições do estabelecimento de ensino não permitam a
utilização dos lavatórios para este efeito!

Realçamos que caso a escovagem dos dentes seja mesmo inviável de ocorrer no vosso ambiente escolar, não
há qualquer problema ou penalização na vossa candidatura aos prémios, podendo incentivar a escovagem em
casa. No entanto, se for esse o caso, não pintem «Super Escudos» no «Quadro de Mérito».

Pág. 24
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Quadro de Mérito» de 16 outubro 2018
como realizar? até 25 janeiro 2019

Alertamos que, tal como nos formulários da «Lista de Alunos» e dos inquéritos, a pintura não deve ultrapassar
as linhas de contorno do círculo exterior, quer das “Super Estrelas”, quer dos “Super Escudos”. Deste modo,
deverá chamar a atenção das crianças para pintarem apenas “dentro dos círculos” e sempre com uma caneta
de cor escura!

Todos os alunos, com e sem autorização, devem integrar a realização do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei
Superpoderes», ou seja, nenhum deverá ser excluído. Tal como as restantes crianças, devem preencher o
seu nome e pintar as respetivas estrelas e escudos na linha correspondente ao seu número de aluno. Neste
instrumento, não devem “saltar” linhas, ou seja, mesmo os alunos não autorizados pelos E.E. para a recolha
de dados, devem participar nesta atividade. A nossa equipa garantirá que os dados dessas crianças não serão
analisados.

Segue abaixo um exemplo para melhor entender como preencher corretamente o «Quadro de Mérito»:
● aluna nº1 comeu fruta ao lanche escolar e escovou os dentes na escola todos os dias da semana.
● sabemos pelos exemplos anteriores que o aluno nº2 não está autorizado pelo E.E. para a recolha e
utilização de dados para o estudo do projeto «Heróis da Fruta», mas também deve participar nesta
atividade, tal como os restantes colegas. No entanto, os seus dados não serão analisados.
● aluno nº3 comeu fruta ao lanche escolar e escovou os dentes na escola alguns dias da semana
(segunda e quarta); comeu fruta ao lanche escolar mas não escovou os dentes na escola na terça, e o
inverso na quinta; na sexta feira, não pôs em prática nenhum dos comportamentos pretendidos.

Depois das 12 semanas da 1ª Etapa do projeto, mesmo já não sendo obrigatório, podem e devem continuar
a usar o «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes» até ao final do ano letivo!

No final de cada semana, podem somar as porções de fruta consumidas pela turma, bem como as escovagens
dos dentes, e criarem o ranking ou gráfico da sala ou turma, para que ao concluírem a 1ª Etapa possam
comparar as mudanças de hábitos do grupo !

Pág. 25
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 2 de 4: «Quadro de Mérito» de 16 outubro 2018
como realizar? até 25 janeiro 2019

O que fazer quando as crianças não podem levar fruta


para o lanche?
Sabemos que existem agregados familiares com recursos financeiros cada vez mais limitados e que por isso
algumas crianças não levam qualquer lanche para a escola.

Por essa razão, alguns professores de edições anteriores criaram um sistema de partilha de fruta entre
todos os alunos, através de uma cesta de fruta da turma, com a contribuição das famílias e associações de
pais, e com o apoio solidário das comunidades locais, por exemplo, através do estabelecimento de
parcerias com entidades ligadas ao setor da fruta ou da própria autarquia.

Além de todas estas possibilidades, poderá ainda candidatar os seus alunos mais carenciados (escalão A e B
da ASE) ao fundo solidário «Missão 1 Quilo de Ajuda», criado pela equipa do projeto «Heróis da Fruta»,
para através da oferta semanal de cabazes de fruta contribuir para a inclusão social desses alunos, bem
como para melhorar a sua saúde e o seu aproveitamento escolar.

As candidaturas para os cabazes solidários de fruta estarão disponíveis no site: www.heroisdafruta.com a


partir de 16 de outubro.

O que fazer quando as crianças não têm kit de


escovagem na escola?
No ano letivo 2018/2019 o projeto «Heróis da Fruta - Lanche Escolar Saudável» uniu esforços com o Projeto
SOBE+ (Saúde Oral Bibliotecas Escolares), desenvolvido pelo Plano Nacional de Leitura, a Rede de
Bibliotecas Escolares e a Direcção-Geral da Saúde, com o propósito de incentivar as crianças a fazerem
escolhas promotoras da sua saúde oral!

Integrado no Projeto SOBE+, existe o subprojeto Escovar na Escola, através do qual a Direção-Geral da
Saúde vai distribuir gratuitamente 150.000 kits para a escovagem dos dentes (copo, escova e dentífrico).

As candidaturas para os kits de escovagem estarão abertas no site www.sobe.pt até ao limite do stock.

Pág. 26
SALA/
SEMANA DE (dia) / (mês) A (dia) / (mês) ANO
TURMA


NOME DO ALUNO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA
ALUNO

0 1
0 2
0 3
0 4
0 5
0 6
0 7
0 8
0 9
1 0
1 1
1 2
1 3
1 4
1 5
1 6
1 7
1 8
1 9
2 0
2 1
2 2
2 3
2 4
2 5
2 6
2 7
2 8

ID EST. ENS. ID S./T. ID H. F. 50470


Tarefa Nº1
Passo 4 de 4:
«Missão do Ano:
Sorrisos Super Saudáveis »

Pág. 28
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
O desafio da saúde oral: sorrisos super saudáveis
A cada novo ano letivo, lançamos uma «Missão do Ano» diferente, despertando a atenção dos nossos Heróis
da Fruta e das suas famílias para mais um assunto importantíssimo para a saúde das crianças.

«Sorrisos Super Saudáveis» é o lema da nova missão deste ano e tem como objetivo melhorar os hábitos de
saúde oral dos seus alunos, incentivando principalmente a escovagem diária dos dentes!

Por ser uma missão tão importante, estabelecemos pela primeira vez uma parceria com a Direção-Geral da
Saúde, o Plano Nacional de Leitura e a Rede de Bibliotecas Escolares, unindo esforços com a iniciativa SOBE+
(Saúde Oral nas Bibliotecas Escolares).

Juntámos um pouco da “magia” dos «Heróis da Fruta» a esta missão e criámos alguns materiais pedagógicos
para facilitar a transmissão de algumas mensagens-chave: evitar os doces que fazem crescer os “monstros”
dos dentes, preferindo a fruta e os legumes que aumentam os “superpoderes” e, claro, escovar os dentes
todos os dias, sempre que possível na escola e obrigatoriamente antes de dormir!

conto pedagógico: Heróis da fruta e o acampamento da noite das bruxas


As histórias infantis têm um enorme potencial educativo por influenciarem positivamente as crianças de uma
forma divertida, e os contos dos «Heróis da Fruta» não são excepção! Através das suas aventuras e desafios,
ensinam os mais novos a fazer as escolhas mais saudáveis.

O ambiente narrativo do conto criado para a «Missão do Ano» é uma das festividades “importadas” que se
tem tornado muito popular nas escolas portuguesas, nos últimos anos: o Halloween. A intenção desta
escolha é reforçar que todos os dias podem ser dias de «Heróis da Fruta», mesmo aqueles em que se tornou
tradição cometer muitos excessos alimentares. Para tal, basta criarem as vossas próprias regras e costumes,
mais saudáveis mas igualmente divertidas!

Queremos assim desafiar as escolas a celebrar não apenas o Halloween, mas também os restantes dias de
festa com alimentos mais saudáveis, amigos dos dentes e carregados de “superpoderes”: abusem nas
receitas com frutas e legumes e deixem de fora o açúcar!

Além disso, sugerimos que siga o exemplo das nossas personagens e organize também um acampamento ou
outro evento divertido na biblioteca, ou no espaço de leitura da vossa escola, seja para comemorar a Noite
das Bruxas ou qualquer outra festividade! Deste modo, estará a despertar igualmente a curiosidade dos seus
alunos para os livros, incentivando também a criação dos tão importantes hábitos de leitura.

E, claro, se possível inclua a escovagem dos dentes na escola como parte da vossa rotina diária! A seguir ao
almoço, ou por exemplo depois do lanche. Inspire-se nas nossas sugestões nas páginas 30-31. Se for mesmo
inviável realizar a escovagem dos dentes no vosso ambiente escolar, não há qualquer penalização na vossa
candidatura aos prémios; pode e deve continuar incentivar a escovagem em casa.

Nas próximas páginas encontrará mais informações para apresentar a «Missão do Ano» aos alunos e
complementar a leitura do conto “Heróis da Fruta e o acampamento da Noite das Bruxas”.

O conto “Heróis da Fruta e o acampamento da Noite das Bruxas” estará também disponível no nosso site a
partir de 12 de outubro numa versão audio e ilustrada, narrada por um contador de histórias profissional.

Pág. 29
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
Como apresentar o tema aos alunos?
Introduza o tema da saúde oral começando por fazer algumas questões aos seus Heróis da Fruta: Escovam os
dentes todos os dias? Quantas vezes? Escovam os dentes sempre antes de se deitarem? Se voltarem a comer
algo, depois de já terem escovado os dentes, lavam uma segunda vez antes de ir dormir? Alguém, alguma vez,
escovou os dentes na escola? Ao fazer estas perguntas aos seus alunos, verá que as respostas nem sempre
serão as mais positivas, infelizmente!

Sabia que 47% das crianças em Portugal ainda não cumpre a recomendação de escovagem dos dentes de 2
vezes por dia? E que apenas 10% dos alunos escovam os dentes diariamente na escola? Resultado: metade
das crianças já teve pelo menos uma cárie, segundo dados da Direção-Geral da Saúde.

MAS PORQUE É QUE ESCOVAR OS DENTES É IMPORTANTE?


Será que os seus alunos já ouviram falar de cáries e bactérias? Pode explicar-lhes de forma simples, que dentro
das nossas bocas vivem pequenos seres invisíveis a olho nu: as bactérias! Elas comem restos de alimentos,
principalmente os que têm mais açúcar. À medida que as bactérias se alimentam, formam sobre os dentes
aquilo a que se chama placa bacteriana (uma película sem cor e ligeiramente pegajosa). Se esta placa
bacteriana não for removida todos os dias, através da escovagem dos dentes, as bactérias que a constituem
produzem ácidos que atacam a superfície dos dentes e é assim que surgem as cáries.

AS REGRAS AMIGAS DA SAÚDE DOS DENTES


A partir da erupção do primeiro dente, a higiene dos dentes deve começar a ser uma prioridade diária. Entre os
3 e os 6 anos de idade, deve fomentar-se o início da escovagem autónoma dos dentes, ainda que
supervisionada. E a partir dessa idade, deverão ser as próprias crianças a ficarem responsáveis pela saúde dos
seus sorrisos, mantendo-os super saudáveis todos os dias! Para isso, devem seguir 5 simples regras:

1. Escovar os dentes todos os dias, pondo em prática a «Dança dos Sorrisos Super Saudáveis» (instruções

disponíveis na página seguinte).

2. Utilizar uma escova de pelos com textura macia e substituí-la de três em três meses ou mais cedo, caso

se note o seu desgaste.

3. Usar fio dentário com regularidade, para limpar a placa bacteriana que se esconde entre os dentes.

4. Visitar o dentista, pelo menos duas vezes por ano.

5. Evitar comer doces e comer diariamente alimentos com “superpoderes”: frutas e legumes crocantes,

como a maçã, a pêra e a cenoura, e ainda o tomate, a alface, os brócolos e os lacticínios. Estes
alimentos ricos em fibra, vitaminas e alguns minerais, como o cálcio e o fósforo, ajudam-nos a
defender os dentes das bactérias.
Pág. 30
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
Como escovar os dentes corretamente
A escovagem dos dentes deve durar cerca de 2 minutos e ser realizada, no mínimo, duas vezes por dia, de
preferência após as refeições, sendo uma delas obrigatoriamente após a última refeição, ou seja, antes
de ir dormir!

De realçar ainda que no final de cada escovagem, a pasta não deve ser totalmente eliminada da boca com a
água, para que o flúor presente no dentífrico, continue a fazer o seu efeito de proteção.

ESCOVAGEM SEM ÁGUA: NA SALA DE AULA


Sabia que a Direção-Geral da Saúde sugere que a escovagem dos dentes seja feita na própria sala de aula,
sem necessidade de utilizar água? As crianças sentadas no seu lugar, devem esfregar os dentes com o
dentífrico na escova, não bochechando com água nem no início, nem no fim! O excesso de pasta e
espuma deve ser simplesmente cuspido para um papel e colocado no lixo no final da escovagem.

Se for possível, a escovagem dos dentes na escola deve ocorrer na casa-de-banho, utilizando o lavatório!
Não é necessário que existam muitos lavatórios, pois poderão fazer a sua utilização por turnos. Dessa
forma, será possível a sua supervisão, ou a de outro elemento adulto voluntário, acompanhando o processo
e esclarecendo qualquer dúvida ou dificuldade!

Para evitar que as crianças troquem as escovas de dentes por engano, o melhor método será o já utilizado
para identificar os restantes materiais escolares: ter o nome e número de aluno (ou a fotografia para as
crianças que ainda não sabem ler). Não existem razões que impeçam os Heróis da Fruta de escovar os seus
dentes na escola!

DANÇA DOS SORRISOS SUPER SAUDÁVEIS


A nossa «Dança dos Sorrisos Super Saudáveis» foi criada para ensinar os passos de uma correta escovagem
dos dentes às crianças de uma forma divertida e contribuir para desorganizar a placa bacteriana e “expulsar
os monstros dos dentes” da nossa boca , ou se preferirem, “pista de dança”!

1. Pôr a tocar uma música divertida que dure aproximadamente 2 minutos!

2. Colocar uma bolinha de pasta dentífrica do tamanho de uma ervilha na escova e estar preparado

para começar a dança.

3. Começar pelo lado dos dentes junto das bochechas! Esfregar 2 dentes de cada vez, desenhando

com a escova 10 pequenos círculos para cada par de dentes.

4. A dança segue para o lado interior dos dentes, junto à língua! Repetir o movimento, desenhando

suaves círculos com a escova ao longo de todo o maxilar.

5. Com movimentos de vaivém, escovar as superfícies dos dentes que mastigam os alimentos!

6. E a língua? Depois dos dentes, deve ser esfregada também!

7. Bochechar com água apenas uma vez (ou apenas cuspir a espuma sem bochechar) e terminar com

um... “Aaaahh!”.
Pág. 31
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
CONTO: Heróis da Fruta e o acampamento da Noite das Bruxas!
A turma dos Heróis da Fruta tinha um plano super divertido para a noite mais assustadora do ano: um
acampamento noturno na biblioteca da Escola de Vila Papel, para celebrar a Noite das Bruxas!

Estavam todos muito impacientes, pois mal podiam esperar pela hora de entrarem na biblioteca,
conhecerem novos livros e ouvirem histórias misteriosas. Entre cobertores e almofadas, alguns levavam
sacos-cama, outros colchões de encher, mas ninguém se esqueceu do mais importante de tudo - a sua
escova de dentes - e claro, uma máscara aterradora!

A Sushi estava mascarada de bruxa e até


tinha a sua vassoura voadora; já o Yago,
com a cara pálida e uns dentes
pontiagudos, ia de vampiro. Entre múmias,
fantasmas e esqueletos, a maior surpresa
foi mesmo a escolha do Tec Tec.

- Tec Tec, estás mascarado de nabo? -


perguntou confuso o Yago.

- Sim! Óing Óing póing - exclamou o Tec Tec, emitindo os seus barulhos de robô. - E estive indeciso em vir
disfarçado de batata…
- Mas isso não faz muito sentido Tec Tec! - exclamou a Sushi prontamente. - Devias ter optado pelo símbolo
do Halloween: uma abóbora esculpida em forma de cara, para servir de lanterna.
- Brrr zig zig zig! Aí é que te enganas Sushi! Antigamente, as famosas lanternas do Halloween eram feitas de
batatas e nabos, em vez de abóboras. - informou orgulhoso o Tec Tec.
- Uauu! Parabéns Tec Tec! Encontraste uma curiosidade mesmo interessante sobre a Noite das Bruxas. -
interrompeu o Professor Papiro, o bibliotecário da Escola de Vila Papel, que aproveitou para os convidar a
juntarem-se aos colegas e ouvirem a leitura das lendas mais fantásticas sobre esta festividade.

A turma estava sentada em círculo e a biblioteca apenas iluminada por lanternas em forma de abóbora era
o cenário perfeito para uma longa e animada noite de arrepiantes leituras.

- Sabiam que a origem da Noite das Bruxas não tem nada a ver com doces? - começou a ler o Professor
Papiro, aguçando a curiosidade de todos. - É uma tradição celta com mais de dois mil anos! Esta antiga
civilização europeia, festejava nesta data o fim do verão e o início do novo ano.

- Eeer… Desculpem interromper! - gritou


assustada a Líchia - Está aqui uma aranha que
não pára de olhar para mim!
- Minha querida Líchia, nesta noite especial,
quando vemos uma aranha significa que
alguém que nos ama muito, onde quer que
esteja, está a pensar em nós. - informou a
Professora Toranja, acalmando a Líchia e todos
os que têm medo destes monstrinhos
inofensivos.

Pág. 32
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
CONTO: Heróis da Fruta e o acampamento da Noite das Bruxas!
Bem lembrado Professora Toranja! É mais uma razão que torna esta noite tão diferente de todas as outras!
- afirmou o Professor Papiro, continuando a ler o livro.

A turma estava boquiaberta por descobrir que os celtas também acreditavam que fantasmas, bruxas e
outros seres mágicos caminham entre nós nesta noite. De repente, “CRAAAC!!!” um enorme estalido
quebrou o silêncio da biblioteca e todos estremeceram de susto!

- Tec Tec, porque é que acabaste de abrir um


pacote de gomas?! - questionou a Professora
Toranja. - Tínhamos combinado que ia ser um
Halloween sem doces! Já vos contei que o
açúcar é o maior inimigo da saúde oral, pois
ajuda as bactérias que atacam os dentes a
crescer cada vez mais!

Envergonhado e imaginando as bactérias como


monstros gigantes, o Tec Tec apressou-se a
pedir desculpa por se ter esquecido e entregou
o pacote de gomas à Professora.

- Então... e sem doces, como é vamos brincar à “doçura ou travessura”? - perguntou intrigado o Yago.
- Vai ser ainda mais divertido! - exclamou o Professor Papiro. - Vamos jogar à “Pesca das Maçãs” como os
celtas faziam nesta noite. É muito simples: só temos de mergulhar a cara dentro de um recipiente com água
e tentar apanhar as maçãs apenas com a boca.

Foi um desafio que todos aceitaram de imediato, tornando a noite de descobertas ainda mais animada! E
por isso, ninguém queria acreditar quando a Professora Toranja anunciou que estava na hora de irem lavar
os dentes e dormir.

- Oooh, mas está a ser tão fixe! Não


podemos ficar mais cinco minutos?
Por favor, por favor....! - perguntou a
Líchia com a sua voz mais doce.

- Bom… cinco minutos... - começou a


Professora Toranja. - Se contarmos
com o tempo ideal da Dança dos
Sorrisos Super Saudáveis, que são
dois minutos … E se ainda
cantarmos uma canção, acho que
ganham esse tempo! O que vos
parece?

- Siiim! - exclamaram todos em coro.

Já com os sorrisos mais limpinhos e saudáveis do universo, os Heróis da Fruta deitaram-se enquanto os
Professores apagavam as lanternas e desejavam bons sonhos.

Pág. 33
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
CONTO: Heróis da Fruta e o acampamento da Noite das Bruxas!
Pouco tempo depois, já todos tinham adormecido, menos o Tec Tec, que ainda andava às voltas no seu
saco-cama.

«Zig zig zig! Estou cheio de fome! Porque é que


não comi outra maçã antes de lavar os
dentes?!». Percebendo que não ia conseguir
dormir sem comer algo, levantou-se e pé ante
pé, esgueirou-se para o corredor que levava ao
refeitório da escola, onde tinham armazenado
a comida para o acampamento.

Ao passar junto da janela, viu uma sombra a


caminhar do lado de fora… Mas não parecia
ser uma pessoa!

Assustado, correu até à porta mais próxima, a do ginásio. A tremer, exclamou:


- Será que são os monstros dos dentes à procura do açúcar das gomas que eu trouxe?.

Nisto, quase que em resposta à sua pergunta, começa a ouvir uns rugidos que pareciam vir do pátio. Sem
pensar duas vezes, apressou-se a regressar à biblioteca para acordar os seus amigos Sushi e Yago.

- Monstros dos dentes gigantes a tentarem entrar na escola? Isso é impossível Tec Tec! - afirmou a Sushi
ensonada. - As bactérias de que a Professora Toranja falou são mais pequenas do que uma aranha… São
invisíveis a olho nu!
- Mas eu vi sombras! Brrrr… E ouvi um barulho… Se calhar é um fantasma! - respondeu o Tec Tec
aterrorizado.

- Estamos a precisar de um
alimento amigo dos dentes
que nos dê uma dose extra
de Super Visão para
desvendar este mistério e
descobrir que inimigos são
esses! - afirmou o Yago,
tirando três cenouras da
mochila. - Está na hora dos
Heróis da Fruta entrarem
em ação!

Pág. 34
Tarefa Nº1 QUANDO REALIZAR?
Passo 4 de 4: «Missão do Ano» 16 outubro 2018
CONTO: Heróis da Fruta e o acampamento da Noite das Bruxas!
Os três seguiram em direção ao pátio e quando chegaram ao pé da porta ouviram uns ruídos que pareciam
garras a raspar do lado de fora.

- Estão a ouvir?! Está mesmo alguém do outro lado da porta! - exclamou o Tec Tec, escondendo-se atrás dos
amigos. Antes de terem tempo de responder, ouviu-se um uivo de arrepiar “AAAAUUUHHH!”.

- Na Noite das Bruxas tudo é possível… Eeer… Será um lobisomem?! - hesitou o Yago.
- Deixem-se de fantasias: os lobisomens são apenas uma lenda do Halloween, não existem! Só vamos
descobrir o que está no pátio quando abrirmos a porta! - afirmou a Sushi. - Vou contar até três e abrimos a
porta todos juntos… um, dois, … dois e meio, … três!

Assim que abriram a porta e ainda sem conseguirem ver o que era, algo veio contra eles, derrubando-os e
enchendo-os de simpáticas lambidelas.

- AAAAAHH! - gritou o Tec Tec, muito assustado e ainda de olhos fechados.

Com todos os barulhos, o resto da turma despertou e correu para junto dos Heróis da Fruta. No meio da
agitação, a Professora Toranja apressou-se a acender as luzes.

- Rabanete! - exclamou a Líchia a sorrir. - Vieste ter


comigo! Não querias passar a Noite das Bruxas
sozinho, não era?! - concluiu, abraçando o seu
cãozinho.

- Pregaste-nos um grande susto Rabanete! -


afirmou o Yago, admitindo que por momentos
também sentiu medo.

- Mas… O que é que vocês faziam acordados a esta hora da noite? - interrogou a Professora Toranja.
- Foi por minha causa… - começou o Tec Tec. - Não conseguia dormir com fome e a caminho do refeitório
pensei que estava a ser perseguido pelos monstros dos dentes!
- Estamos todos a precisar de fazer uma ceia repleta de alimentos com superpoderes e amigos dos dentes! -
disse a Sushi, e desafiou toda a turma a preparar taças de iogurte com pedaços de maçã e amêndoas!

Já com os olhos fechados, depois de terem escovado uma vez mais os dentes, a Sushi, o Yago e o Tec Tec
não conseguiam parar de sorrir por terem cumprido mais uma Missão! Comemoraram a Noite das Bruxas
sem doces e mostraram uma vez mais que todos os dias podem ser dias de Heróis da Fruta!

Fim

Pág. 35
Tarefa Nº2
«Vídeo dos
Heróis da Fruta»

Pág. 36
Tarefa Nº2 QUANDO REALIZAR?
«Vídeo dos Heróis da Fruta» de 16 outubro 2018
é hora de espalhar a magia! até 18 janeiro 2019
Nas últimas semanas, as crianças reforçaram diariamente que o consumo de fruta é essencial para a sua saúde
e ainda aprenderam mais uma importante lição através da «Missão do Ano»: escovar os dentes todos os dias
para manter os nossos «Sorrisos Super Saudáveis».

Agora as crianças têm um último desafio pela frente: partilhar com os adultos tudo o que aprenderam sobre a
«Missão do Ano», através de um vídeo e com as suas próprias palavras, incentivando toda a família a praticar
uma alimentação saudável e a defender a saúde dos dentes. Se ainda não o fez e assim pretender, poderá
revelar às crianças que o vosso vídeo poderá ser escolhido como vencedor pelo Júri e ganhar como “super
prémio” um encontro com as nossas mascotes ao vivo!

Mas que formato deverá ter o vídeo?


Não estamos à espera de filmes com a qualidade de Hollywood! Qualquer câmara de filmar ou até mesmo
uma gravação com telemóvel serve perfeitamente. Lembrem-se que só a criatividade é que vai mostrar ao
Júri verdadeiramente quem merece ganhar.

O único objetivo que o vídeo tem de cumprir é transmitir aos adultos a mensagem da «Missão do Ano»,
incentivando-os a defender também a saúde dos dentes! A sua duração mínima deverá ser 30 segundos e a
máxima de 2 minutos.

Para passar essa mensagem podem usar qualquer tipo de formato desde que os conteúdos sejam 100%
originais, ou seja, integralmente livres de direitos de autor. Vale tudo: inventar um conto ou poema e filmar a
turma a ler ou declamar, criar um anúncio publicitário sobre as vantagens de manter um sorriso saudável,
gravar um videoclipe musical, escrever e representar um mini-teatro, simular uma reportagem de telejornal ou
um concurso televisivo, fazer uma visita-guiada a uma exposição de cartazes afixados no refeitório da escola,
apresentar um número de fantoches ou até de comédia, e ainda qualquer outro formato de vídeo que a vossa
imaginação vos permita!

Se quiserem incluir alguma melodia, por questões de direitos de autor, terão de usar uma da nossa lista,
nenhuma outra é válida. A lista estará disponível a partir de 12 de outubro em www.heroisdafruta.com

Cada «Vídeo dos Heróis da Fruta» tem de ser realizado apenas por uma sala ou turma isoladamente, mesmo
que existam outras participações no projeto do mesmo estabelecimento de ensino. NÃO SERÃO ACEITES
vídeos criados em conjunto por mais do que uma sala ou turma.

O «Vídeo dos Heróis da Fruta» é a única atividade que terão de nos enviar informaticamente, através do site
Wetransfer (www.wetransfer.com), para o e-mail geral@heroisdafruta.com, caso pretendam candidatar-se aos
prémios. Próximo da data máxima para o seu envio, disponibilizaremos um tutorial com o passo-a-passo que
tornará este processo ainda mais simples!

Pág. 37
Tarefa Nº2 QUANDO REALIZAR?
«Vídeo dos Heróis da Fruta» de 16 outubro 2018
Mascarilha: Uso obrigatório até 18 janeiro 2019
Antes de gravar o vosso «Vídeo dos Heróis da Fruta» deverá ter em consideração um passo essencial:

Preparar as Mascarilhas de Heróis da Fruta que os seus alunos vão ter de usar no vídeo.

Os super heróis nunca revelam a sua verdadeira identidade e por isso precisam de uma mascarilha!

Poderão utilizar o molde de Mascarilha Oficial dos Heróis da Fruta, disponível na página seguinte,
recortá-lo e decorá-lo da forma mais criativa e original!

Em alternativa, poderão ainda optar por outro modelo de mascarilha, ou até mesmo criar uma máscara
completa, por exemplo de corpo inteiro! Se o fizerem, inspirem-se no tema da «Missão do Ano» para
construírem esses disfarces!

Lembrem-se que poderão aproveitar as mascarilhas, adereços ou disfarces para usarem também nas
celebrações da Festa do Natal ou para o vosso desfile de Carnaval, por exemplo.

Mascarilhas Solidárias
Se preferirem usar o vosso superpoder da solidariedade para
oferecer cabazes de fruta semanais aos alunos que mais
precisam, basta encomendar as Mascarilhas Solidárias em:
www.heroisdafruta.com

1 mascarilha = 1€
A encomenda mínima é de 5 unidades. Os elásticos e os portes de envio já estão incluídos.

100% do valor angariado com a venda de Mascarilhas Solidárias reverte a favor do fundo «Missão 1 Quilo de
Ajuda», destinado ao reforço alimentar dos alunos mais carenciados que frequentam estabelecimentos de
ensino participantes no projeto «Heróis da Fruta», através da oferta semanal de cabazes de fruta, com o
objetivo de contribuir para a inclusão social desses alunos, bem como para melhorar a sua saúde e o seu
aproveitamento escolar.

Nos últimos 3 anos letivos mais de 659 crianças carenciadas beneficiaram deste apoio, mas tivemos mais de
3000 candidatos! Acreditamos que juntos seremos capazes de dar um futuro melhor a estas crianças.

Pág. 38
Tarefa Nº2 QUANDO REALIZAR?
«Vídeo dos Heróis da Fruta» de 16 outubro 2018
Mascarilha: Uso obrigatório até 18 janeiro 2019

Mascarilhas Solidárias
Se preferirem usar o vosso superpoder da solidariedade para
oferecer cabazes de fruta semanais aos alunos que mais
precisam, basta encomendar as Mascarilhas Solidárias em:
www.heroisdafruta.com

Pág. 39
Tarefa Nº2 QUANDO REALIZAR?
«Vídeo dos Heróis da Fruta» de 16 outubro 2018
Regras para realizar (Excerto do regulamento) até 18 janeiro 2019
9. Condições específicas para a realização do «Vídeo dos Heróis da Fruta»

9.1. Os «Vídeos dos Heróis da Fruta» têm de ser realizados por cada sala ou turma isoladamente, mesmo que existam outras
participações no projeto do mesmo estabelecimento de ensino. Não serão aceites vídeos criados em conjunto por mais do que uma
sala ou turma.

9.2. O objetivo do vídeo é transmitir aos adultos a mensagem da «Missão do Ano», incentivando-os a defender também a saúde dos
dentes. Podem usar qualquer tipo de formato para passar essa mensagem desde que os conteúdos sejam 100% originais, ou seja,
livres de direitos de autor. Vale tudo: inventar um conto ou poema e filmar a turma a ler ou declamar, criar um anúncio publicitário
sobre as vantagens de manter um sorriso saudável, gravar um videoclipe musical, escrever e representar um mini-teatro, simular uma
reportagem de telejornal ou um concurso televisivo, fazer uma visita-guiada a uma exposição de cartazes afixados no refeitório da
escola, apresentar um número de fantoches ou até de comédia, e ainda qualquer outro formato de vídeo que a vossa imaginação vos
permita!

9.3. Os conteúdos do vídeo devem ser maioritariamente em português, embora possam conter algumas expressões noutras línguas.

9.4. Os conteúdos do vídeo não podem conter marcas de produtos alimentares sem autorização prévia e expressa da equipa
coordenadora da APCOI.

9.5. Os conteúdos do vídeo não podem conter linguagem potencialmente ofensiva ou imprópria.

9.6. Só serão aprovados os vídeos cujos conteúdos sejam integralmente livres de direitos de autor de terceiros. Os textos, letras,
canções, músicas, grafismos devem ser originais, ou seja, que nunca tenham sido comercialmente editados, publicados ou
interpretados em público. Consulte a nossa lista de músicas que poderá utilizar no «Vídeo dos Heróis da Fruta» aqui; nenhuma outra
música poderá ser utilizada.

9.7. Todas as crianças cuja imagem surgir no vídeo deverão estar previamente autorizadas pelos respetivos encarregados de
educação (modelo obrigatório de autorização disponível na página 10 deste guia).

9.8. Todas as crianças cuja imagem surgir no vídeo, não podem, sob motivo algum, surgir no mesmo com a cara totalmente
descoberta. Para tal, deverão usar obrigatoriamente Mascarilhas de Heróis da Fruta. Saiba mais acerca das Mascarilhas de Heróis da
Fruta na pág. 38 e 39 deste guia).

9.9. De realçar ainda que as crianças não deverão surgir no vídeo sem roupa ou em trajes menores ou reduzidos.

9.10. Recomenda-se que o «Vídeo dos Heróis da Fruta» não seja inferior a 30 (trinta) segundos, nem exceda os 2 (dois) minutos de
duração total. O vídeo poderá incluir adicionalmente um espaço para os créditos finais, nos quais não poderá constar o nome dos
alunos. Recomenda-se os créditos finais não excedam 30 (trinta) segundos.

9.11. Ao cumprir os pontos anteriores, estará a proteger a imagem e identidade das crianças de terceiros, que não as suas famílias e
amigos próximos, agindo assim de acordo com as orientações da Comissão Nacional de Proteção de Dados quanto à disponibilização
de dados pessoais de alunos na internet.

9.12. Os participantes deverão carregar o seu vídeo no site Wetransfer após a gravação do mesmo. Para tal, deverão aceder ao
endereço https://wetransfer.com e, caso surja essa opção, clicar no botão "Leve-me à versão gratuita".

a. Carregar o vídeo. Clicar no círculo preenchido a azul com o símbolo "+", acompanhado da expressão "Adicionar ficheiros", e
escolher o ficheiro do vídeo a partir dos documentos do seu computador.
b. Dados de envio. Clicar no círculo de contorno a azul com o símbolo "...", assegurando que a opção "e-mail" se encontra
assinalada. Deverão ser preenchidos os campos da seguinte forma:
> Endereço de e-mail para envio: geral@heroisdafruta.com
> O teu e-mail: o e-mail do educador, professor, monitor ou outro adulto responsável, inscrito com a sua sala ou
turma no projeto «Heróis da Fruta»
> Mensagem: identificação (nome) da sala ou turma que realizou o vídeo em questão, bem como do
estabelecimento de ensino a que pertence; e do nome do educador, professor, monitor ou outro adulto
responsável pela participação.
c. Enviar o vídeo. Clicar no botão azul "Transferir" e aguardar na página até que a transferência chegue aos 100% e surja a
informação de que "Já está!".

9.13. A APCOI ficará detentora de alguns direitos respeitantes aos vídeos submetidos no âmbito do projeto, bem como dos restantes
trabalhos, conforme descrito neste Regulamento.

Pág. 40
9.14. O Júri terá em conta o respeito pelas condições apresentadas nos pontos anteriores para escolher os vencedores.
Tarefa Nº3
O que mudou em
nós?

Pág. 41
Tarefa Nº3 QUANDO REALIZAR?
O que mudou em nós? 22 janeiro 2019
Como medir?
Para realizar a última tarefa da 1ª Etapa do projeto «Heróis da Fruta» deverá seguir este 2 passos:

1. Realizar o «Inquérito Final», recolhendo os dados de cada aluno, incluindo as medições e pesagens,
tal como no arranque do projeto na primeira tarefa.

2. Concluir o preenchimento obrigatório do «Quadro de Mérito – Hoje Ganhei Superpoderes» na sala


de aula, correspondente à 12ª semana.

O procedimento para realizar o «Inquérito Final» é em tudo semelhante ao do «Inquérito Inicial». Recorde
nas páginas 17 a 21 todos os detalhes para recolher os dados do «Inquérito Final», inclusive como fazer as
medições, colocar as perguntas às crianças e, por fim, preencher as informações no documento.

Os dados recolhidos no «Inquérito Final» são exatamente os mesmos que os do «Inquérito Inicial»:
1) medições antropométricas, ou seja, medir o peso e a altura das crianças;
2) aplicar 3 simples questões sobre o consumo de fruta e escovagem dos dentes no dia anterior (21 de
janeiro de 2019)!

Que material precisa de levar para a sala de aula?


● 1 balança;
● 1 fita métrica e 1 livro de capa dura ou 1 estadiómetro;
● 1 grelha do «Inquérito Final» (pág. 43) e os seus auxiliares de preenchimento (pág. 18- 21).

É de extrema importância que estes dados voltem a ter o maior rigor possível!

E não se esqueça: este é um dia muito especial em que os “aprendizes” de Heróis da Fruta vão descobrir o
que mudou neles ao longo das últimas 12 semanas letivas!

A semana de 21 a 25 de janeiro é a 12ª e última da 1ª Etapa, ou seja, a última de realização obrigatória do


«Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes»! À semelhança da 1ª semana, esta também deverá ser
enviada por correio postal, juntamente com o «Inquérito Final». O prazo limite para enviar pelo correio o
«Inquérito Final» e o «Quadro de Mérito» da 12ª semana da sala ou turma é o dia 8 de fevereiro de 2019!

Após as 12 semanas da 1ª etapa do projeto, convidamos os participantes a continuarem a afixar na sala de


aula o «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes» e a preencher diariamente a sua “Super Estrela” e o
seu “Super Escudo”, até ao final do ano letivo!

Assim, continuarão a motivar as crianças para estes importantes hábitos, de forma simples e divertida!

Pág. 42
SALA/
TURMA

DATA - - 2 0
ONTEM QUANTAS PORÇÕES ONTEM QUANTAS VEZES ONTEM ESCOVASTE OS
Nº PESO (KG) ALTURA (CM) DE FRUTA COMESTE? ESCOVASTE OS DENTES? DENTES NA ESCOLA?
NOME DO ALUNO
ALUNO EXEMPLO: 21,70 EXEMPLO: 0,85 EXEMPLO: 0 NS/NR* EXEMPLO: 1 NS/NR* SIM NÃO NS/NR*

0 1 , ,
0 2 , ,
0 3 , ,
0 4 , ,
0 5 , ,
0 6 , ,
0 7 , ,
0 8 , ,
0 9 , ,
1 0 , ,
1 1 , ,
1 2 , ,
1 3 , ,
1 4 , ,
1 5 , ,
1 6 , ,
1 7 , ,
1 8 , ,
1 9 , ,
2 0 , ,
2 1 , ,
2 2 , ,
2 3 , ,
2 4 , ,
2 5 , ,
2 6 , ,
2 7 , ,
2 8 , ,
ss
sss
ss
ID EST. ENS. ID S./T. ID H. F. 40459
Submeter
Candidatura
aos Prémios

Pág. 44
Submeter a Candidatura QUANDO REALIZAR?
aos Prémios Até 8 fevereiro 2019
Como fazer?
Apenas as salas e turmas que realizem todas as 3 «Tarefas Obrigatórias» e submetam os dados recolhidos e
trabalhos elaborados no âmbito das mesmas dentro dos prazos estabelecidos, por correio e Wetransfer,
poderão ser candidatas aos prémios.

O prazo para submissão dos trabalhos elaborados e dos dados recolhidos nas «Tarefas Obrigatórias» para a
candidatura aos prémios termina às 23h59 do dia 8 de fevereiro de 2019.

Não serão aceites candidaturas aos prémios após esta data, por isso, não deixe para os últimos dias!

O QUE ENVIAR PELO CORREIO?


Deve enviar os seguintes documentos ORIGINAIS por correio postal:

> As autorizações dos E.E., verificando se se encontram assinadas;


> A «Lista de Alunos»;
> O «Inquérito Inicial»;
> A folha da 1ª semana do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes»;
> O «Inquérito Final»;
> A folha da 12ª semana do «Quadro de Mérito - Hoje Ganhei Superpoderes».

A morada para a qual devem endereçar todos os envios pelo correio é:

APCOI - Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil


Rua do Poço Novo, nº 85 A, 1º andar
2750-467 Cascais

O QUE ENVIAR PELO WETRANSFER, OU SEJA, INFORMATICAMENTE?


O «Vídeo dos Heróis da Fruta», correspondente à Tarefa Nº2, tem obrigatoriamente de ser enviado por
Wetransfer. Poderá consultar mais informação acerca de como o fazer na página 40 deste Guia, bem como
no tutorial que enviaremos por e-mail em momento mais próximo de o ter de executar.

Pág. 45
Atividades
Facultativas

Pág. 46
Pinta e Conta! Facultativa
Até os dias de festa, como o Halloween, podem ser dias de Heróis da Fruta!
Pinta e conta quantos objetos rodeiam a Sushi, o Yago e o Tec Tec na imagem abaixo.

Pág. 47
Sopa de Letras da Bruxa! Facultativa
Ajuda a Sushi a desvendar o feitiço que termina esta
poção mágica!

Para isso, vais ter de pôr em prática todos os teus


Superpoderes e descobrir as treze palavras escondidas
dentro do caldeirão. Para cada uma existe uma pista
que podes seguir, e claro: não te esqueças que todas
estão relacionadas com a Noite das Bruxas dos Heróis
da Fruta e a missão do ano!

Dicas para as palvras escondidas:


1. Com o que mastigamos a comida.
2. O elemento aterrador mais importante, que toda a turma dos Heróis da Fruta levou para o acampamento de Halloween.
3. O maior inimigo da saúde oral.
4. Número mínimo de vezes que devemos lavar os dentes diariamente.
5. Local onde os Heróis da Fruta acamparam na Noite das Bruxas.
6. Legume de que o Tec Tec se mascarou, por ser utilizado como lanterna no Halloween, muito antes das abóboras!
7. Estação do ano cujo final os celtas celebravam com o Halloween.
8. Animal pequeno, que ao vermos na Noite das Bruxas significa que alguém pensa em nós.
9. A fruta “pescada” no jogo céltico para o qual o Professor Papiro desafiou a turma.
10. Legume amigo dos dentes que dá uma dose extra de Super Visão aos Heróis da Fruta, para detetarem os inimigos escondidos.
11. O que a Sushi, o Yago e o Tec Tec fizeram aos dentes antes de se deitarem.
12. Nome verdadeiro dos monstros dos dentes.
13. Alimento amigo dos dentes que a Sushi sugeriu todos a comerem à ceia, juntamente com maçã e cenoura. Pág. 48
Soluções das atividades facultativas
ATIVIDADE Nº1

5 4 4 3
5 4 5 4

ATIVIDADE Nº2

Pág. 49
Obrigado aos nossos Super Parceiros!
É com generoso apoio de todas estas organizações que continuamos a contagiar o país e a
formar um verdadeiro exército de Heróis da Fruta!

Parceiro Principal

Patrocinadores

Apoios

Institucional

APCOI © 2018-2019 Todos os direitos reservados


É expressamente proibida a cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma
de extração de informações desta obra, para qualquer fim fora do âmbito do projeto, sem prévia
autorização do autor conforme legislação vigente.
Pág. 50

Interesses relacionados