Você está na página 1de 5

São João Calábria

O Santo da Semana
“É preciso voltar a Jesus e
ao seu Evangelho, não só na
teoria, mas na prática… É
preciso vivermos como os
primeiros cristãos"

–São João Calábria


João Calábria, nasceu em 8 de outubro de 1873,
em Verona, Itália. Desde pequeno, João teve
uma saúde frágil, agravada pela fome que
atingia a região onde vivia. Quando o pai
faleceu, teve de interromper o quarto ano para
trabalhar como empregado de mesa. Com a
ajuda de padres amigos da família, voltou a
estudar e entrou no seminário em 1892. Muito
preocupado com os necessitados, dedicava-se a
visitar os doentes e também a dar catequese ás
crianças abandonadas. Foi ordenado sacerdote
em 1901. Em 1907, devido à sua especial
atenção para com as crianças abandonadas,
criou uma casa de acolhimento para elas,
chamada “Casa dos Bons Meninos”. Em pouco
tempo, os lares para as crianças abandonadas
foram crescendo em todo o país. São João
Calábria fundou também a Congregação dos
Pobres Servos da Divina Providência.
A orientação básica que costumava
repetir aos seus irmãos, colaboradores
leigos e aos jovens dos lares que criou
era muito simples, como foi toda a sua
vida: “Sejam evangelhos vivos”.
João Calábria faleceu no dia 4 de
dezembro de 1954. Canonizado pelo
papa João Paulo II em 1999, a data
comemorativa da memória de São
João Calábria acontece anualmente no
dia 8 de outubro. A congregação
fundada por São João Calábria está
hoje presente em Itália, Uruguai,
Brasil, Argentina, Paraguai, Chile,
Colômbia, Angola, Filipinas, Índia,
Rússia, Roménia, Quénia e desde o
ano passado também em Portugal.
Oração
Jesus, Tu disseste aos teus amigos:
“sereis minhas testemunhas”. Querias
que eles contassem aos outros aquilo
que tinham vivido conTigo. Querias que
eles fizessem como Tu. Eu também
quero, Jesus, ser tua testemunha. Quero
seguir as tuas pegadas, quero levar aos
outros a tua mensagem, quero que a
minha vida seja parecida com a tua para
que todos acreditem que Tu
ressuscitaste e estás vivo no meio de nós.
Pai Nosso…. www.aciportugal.org

Você também pode gostar