Você está na página 1de 34

TABELA INFORMATIVA SOBRE OS MEDICAMENTOS ISENTOS DE PRESCRIÇÃO – MIP’S

GRUPOS CONTRA- REAÇÕES ADVERSAS INTERAÇÕES


TERAPEUTICOS E INDICAÇÃO TERAPEUTICA POSOLOGIA INDICAÇÃO MEDICAMENTOSAS
MEDICAMENTOS

ANIACNEICOS E
ADSTRIGENTES

é contraindicado na Ao se iniciar o
No tratamento da acne vulgar, presença de tratamento, pode ocorrer Não há evidência de interação
Azelan® (Ácido azelaico) manifestada por comedões, pápulas, 2 vezes ao dia hipersensibilidade irritações cutâneas medicamentosa com outras
200mg/g pústulas e cistos. (manhã e (alergia) a qualquer localizadas (rubefação, drogas devido à baixa absorção
noite). um dos componentes prurido e ardor) que sistêmica do ácido azelaico.
do produto regridem durante o
tempo.

Pode ocorrer irritação Não se conhecem interações com


tratamento cutâneo da acne vulgar 1 vez ao dia (a da pele, que é reversível o uso concomitante
DIFFERIN® da face, tórax ou das costas, onde noite) Hipersensibilidade quando o tratamento tem de DIFFERIN e outros
predominem aos componentes da a frequência reduzida ou medicamentos cutâneos.
(Adapaleno) 0,1% (1mg)
comidões, pápulas e pústulas. fórmula. é descontinuado. Entretanto, outros retinóides ou
drogas com modo de ação
similar não devem ser usados
concomitantemente com o
adapaleno.
ANTIÁCIDOS E
ANTIEMÉTICOS

Absorção de captopril,
Este medicamento é dasatinibe, itraconazol, a
o alívio sintomático da acidez Tomar 2 a 4 contraindicado para pode causar erupção rosuvastatina, algumas
estomacal, azia e má digestão colheres de chá uso por pacientes cutânea, urticária, tetraciclinas, incluindo a
Mylanta® Plus
associadas ao diagnóstico de (10 a 20 mL), de com disfunção renal. constipação, diarreia, doxiciclina, algumas quinolonas
80 mg/mL de hidróxido úlcera péptica, gastrite, esofagite preferência entre Este medicamento náusea, vômito, digeusia, como a ciprofloxacina,
de alumínio gel seco, 80 péptica e hérnia de hiato e as refeições e ao não deve ser queimação na boca e levofloxacina, norfloxacina e
mg/mL de hidróxido de também para o alívio dos deitar utilizado por garganta, angioedema e ofloxacina, podem ser
magnésio e 6 mg/mL de sintomas provocados por gases. mulheres grávidas alergia. prejudicadas na presença de
simeticona sem orientação hidróxido de alumínio. Produtos
médica ou do de hidróxido de magnésio
cirurgião-dentista. podem impedir a absorção de
tetraciclinas administrada
oralmente.

Dissolver na boca pode alterar a absorção de outros


ou mastigar 1 ou não deve ser Nas doses habituais, não fármacos como alendronato,
MAGNÉSIA está indicada para o alívio 2 pastilhas, utilizada por foram observadas reações bisacodil, ferro, itraconazol,
BISURADA ® sintomático da azia, queimação e conforme pacientes com adversas importantes. cetoconazol, cimetidina,
dor estomacal causadas pela necessidade. hipersensibilidade Algumas reações podem gabapentina, por isso é
Carbonato de magnésio
hiperacidez gástrica associada à Repetir a cada aos componentes da ser associadas com o uso recomendado manter um
(67,00MG) + Carbonato gastrite e esofagite. hora se os fórmula, na presença do medicamento, tais intervalo de 1 a 2 horas entre a
básico de sintomas de hipercalcemia e como: Reações comuns tomada da Magnésia Bisurada®
bismuto(3,30MG) + persistirem ou distúrbios renais (>1/100 e 1/1.000 e < e a do outro medicamento.
Carbonato de cálcio conforme graves. 1/100): Cólica abdominal, Atenolol e propranolol não
(521,00MG) + indicação médica. constipação intestinal. devem ser administrados junto.
Bicarbonato de Não ultrapassar a Caso seja necessário, o atenolol
sódio(63,70MG) dose máxima de pode ser administrado 2 horas
10 pastilhas ao antes ou 6 horas depois da
dia. administração de antiácidos.
ANTIBACTERIANOS
TÓPICOS

Reação comum (> 1/100 e


2 a 5 vezes ao dia < 1/10): Podem ocorrer
No tratamento de infecções com o auxílio de reações alérgicas locais,
bacterianas da pele e de mucosas, uma gaze. O Não deve ser limitadas ao local de Pelo risco de danos ototóxicos e
causadas por microorganismos tratamento deve utilizado para uso aplicação em cerca de nefrotóxicos, é importante evitar
sensíveis: piodermites, impetigo, ser mantido por 2 oftálmico. 1,5% dos pacientes. o uso simultâneo com outras
eczemas infectados, otite externa, a 3 dias, após os Categoria de risco C Quando o produto é drogas potencialmente
infecções da mucosa nasal, sintomas terem à gravidez. Este absorvido prejudiciais aos ouvidos ou aos
NEBACETIN® furúnculos, antraz, ectima, desaparecido. medicamento não sistemicamente, a rins, tais como os antibióticos
sulfato de neomicina 5mg abscessos, acne infectada, Quando aplicado deve ser utilizado por neomicina pode causar aminoglicosídeos, as
bacitracina zíncica 250 intertrigo, úlceras cutâneas e em grandes áreas mulheres grávidas insuficiência renal, danos cefalosporinas, a anfotericina B,
UI queimaduras infectadas. Na ou em sem orientação no aparelho auditivo e no a ciclosporina, o metoxiflurano
profilaxia de infecções cutâneo- queimaduras, o médica ou do sistema labiríntico. ou os diuréticos de alça. Os
mucosas decorrentes de tratamento deve cirurgião-dentista. Embora o dano renal antibióticos aminoglicosídeos
ferimentos cortantes (inclusive ser realizado Uso em idosos, (albuminúria, aumento do podem potencializar muito a
cirúrgicos), abrasões, durante poucos crianças e outros nitrogênio não protéico e ação de relaxantes musculares.
queimaduras pouco extensas, dias (no máximo grupos de risco cilindrúria) seja
dentre outros. 8 a 10 dias), pelo reversível, os danos no
risco de absorção aparelho auditivo não o
sistêmica da são.
neomicina
ANTIDIARREICOS

não deve ser administrado


Não são conhecidos, até juntamente com agentes
Não são conhecidas, o momento, relatos sobre fungistáticos e fungicidas, como
deve ser tomado até o momento, a ocorrência de reações os poliênicos e os derivados do
No tratamento da diarreia de preferência em condições que adversas decorrentes do imidazol, que poderiam inativar
produzida por Clostridium jejum ou meia contraindiquem o uso uso de Floratil®. Em o produto, reduzindo ou
FLORATIL® difficile, por antibioticoterapia hora antes das de Floratil®, algumas crianças ou anulando seu efeito terapêutico.
200 mg - Embalagem ou quimioterapia. Na restauração refeições. excetuando eventuais lactentes, pode-se No caso de pacientes sob
contendo 6 cápsulas. da flora intestinal fisiológica. 1 cápsula, duas hipersensibilidades ao observar o odor de tratamento com antibióticos ou
vezes ao dia princípio ativo ou a fermento nas fezes, sem quimioterápicos, ingerir um
qualquer um dos qualquer significado pouco antes desses agentes. Não
excipientes. nocivo. utilizar o produto junto com
bebidas alcoólicas.

Este produto não deve


Consumir de 1 a ser consumido por
Bacillus Clausii (probiótico) 3 flaconetes ao pessoas Nenhuma reação adversa Nenhuma interação
contribui para o equilíbrio da dia em intervalos imunocomprometidas descrita em bula. medicamentosa descrita em
ENTEROGERMINA® flora intestinal. Seu consumo de 3 a 4 horas. (com deficiências no bula.
2 bilhões de esporos deve estar associado a uma sistema imunológico).
de Bacillus clausii alimentação equilibrada e
hábitos de vida saudáveis.
ANTIESPASMÓDICOS
pode intensificar a ação
As drágeas anticolinérgica de medicamentos
devem ser pacientes com Muitos dos efeitos tais como antidepressivos
ingeridas hipersensibilidade indesejáveis de tricíclicos (amitriptilina,
BUSCOPAN é indicado para inteiras, por via conhecida ao BUSCOPAN podem ser imipramina, nortriptilina), e
o tratamento sintomático de oral, com um butilbrometo de atribuídos às propriedades tetracíclicos (mirtazapina,
cólicas dos tratos pouco de escopolamina ou a anticolinérgicas. Em mianserina), antihistamínicos
gastrintestinal e líquido. A dose qualquer componente geral, os eventos são leves (prometazina,
geniturinário, assim como recomendada da fórmula; miastenia e desaparecem dexclorfeniramina, hidroxizina),
BUSCOPAN® butilbrometo cólicas e discinesias das vias para adultos e gravis; estenose espontaneamente. – antipsicóticos (clorpromazina,
de escopolamina 10MG biliares crianças acima mecânica no trato Reações incomuns: flufenazina, haloperidol),
de 6 anos é de 1 gastrointestinal; íleo reações cutâneas, quinidina, amantadina,
a 2 drágeas (10- paralítico ou urticária, prurido, disopiramida e outros
20 mg), 3 a 5 obstrutivo; megacólon taquicardia, boca seca, anticolinérgicos (como tiotrópio,
vezes ao dia. disidrose. – Reações ipratrópio compostos similares à
Este raras: retenção urinária. atropina).
medicamento
não deve ser
partido ou
mastigado.

Indicado como medicação Para uma Contraindicado para Quando usado em doses
analgésica e melhor eficácia pacientes portadores acima das recomendadas,
antiespasmódica. ATROVERAN de glaucoma de ângulo o produto poderá
ATROVERAN COMPOSTO COMPOSTO agudo, de hipertrofia ocasionar náuseas,
(cloridrato de papaverina + deve ser usado prostática, o uso de taquicardia, tontura e
dipirona monoidratada + logo aos dipirona, em casos de congestão facial. As mais Ainda não foram totalmente
extrato fluido de Atropa primeiros amigdalite ou qualquer graves, embora bastante relacionadas as interações do
belladonna Linné) sintomas. outra afecção da raras, são choques e produto com outras drogas e/ou
Comprimidos – bucofarínge, deve discrasias sanguíneas medicamentos.
Tomar 2 a 3 merecer cuidado (agranulocitose,
comprimidos redobrado: esta leucopenia e
por vez, de afecção preexistente trombocitopenia)
acordo com a pode mascarar os
necessidade. primeiros sintomas de
agranulocitose
ANTI-HISTAMÍNICOS
ALLEGRA é Reação comum: cloridrato de fexofenadina e
Para os sintomas contraindicado para cefaleia, sonolência, antiácido contendo gel de
ALLEGRA® Este medicamento é um associados à rinite uso em pacientes com vertigem e náuseas hidróxido de alumínio e
(cloridrato de fexofenadina) anti-histamínico destinado alérgica: 01 hipersensibilidade aos Reação rara: exantema, magnésio: a administração de 15
ao tratamento das comprimidos de componentes da urticária, prurido e minutos antes do cloridrato de
180mg
manifestações alérgicas, 180 mg uma vez ao fórmula. Este outras manifestações fexofenadina causou uma redução
tais como sintomas de rinite dia. Para os medicamento é alérgicas como na biodisponibilidade.
alérgica (incluindo espirros, sintomas contraindicado para angioedema, rigidez Recomenda-se aguardar um
obstrução nasal, prurido, associados à menores de 12 anos. torácica, dispneia, período de 2 horas entre a
coriza, conjuntivite alérgica urticária: 01 rubor e anafilaxia administração destes
e febre do feno) e urticária. comprimidos de sistémica medicamentos;
180 mg, uma vez
ao dia

Adultos e crianças Este medicamento é As reações adversas Aumento das concentrações


acima de 12 anos contraindicado para relatadas comumente plasmáticas de loratadina tem
ou com peso uso por pacientes que incluem fadiga, sido relatado em estudos clínicos
Alívio temporário dos corporal acima de tenham demonstrado cefaleia, sonolência, controlados, após o uso
sintomas associados com 30 kg: um qualquer tipo de boca seca, transtornos concomitante com cetoconazol,
rinite alérgica (por comprimido de reação alérgica ou gastrintestinais como eritromicina ou cimetidina,
exemplo: febre do feno), CLARITIN® (10 incomum a qualquer náuseas e gastrite e porém, sem alterações
CLARITIN® como: coceira nasal, nariz mg) uma vez por um dos componentes também manifestações clinicamente significativas
loratadina 10 mg escorrendo (coriza), dia. Não da fórmula. alérgicas cutâneas (incluindo eletrocardiográficas).
espirros, ardor e coceira nos administrar mais de (exantema ou rash).
olhos; é também indicado 1 comprimido em Durante a
para o alívio dos sinais e 24 horas. comercialização, foram
sintomas de urticária e relatadas raramente as
outras alergias da pele. seguintes reações
adversas: alopecia,
anafilaxia (incluindo
angioedema), função
hepática alterada,
taquicardia,
palpitações, tontura e
convulsão.
ANTI-SEPTICOS ORAIS
- Procaína: Uso com
acetazolamida estende a meia-
vida plasmática da procaína. -
BISMU-JET® O Bismu-jet® está Pingar uma ou duas Bismu-jet® está pode ocasionar Neomicina: tem sido relatada a
indicado como medicação gotas sobre o local contraindicado a escurecimento na diminuição da absorção de
sulfato de neomicina +
tópica auxiliar no afetado da boca, 3 a pacientes que tenham língua e, de acordo com outros medicamentos, incluindo
tartarato de bismuto e sódio + tratamento das afecções 6 vezes ao dia. demonstrado dados de literatura, esse fenoximetil-penicilina, digoxina
cloridrato de procaína bucais. hipersensibilidade a escurecimento é e metotrexato e a eficácia dos
seus componentes. temporário. contraceptivos orais pode ser
reduzida. Os efeitos da acarbose
podem ser melhorados com
neomicina oral.
destinado ao tratamento de
aftas [estomatites, Fazer 2, 3 ou mais
mucosites e outras bochechos ou
manifestações gargarejos ao dia
inflamatórias da mucosa com 15 ml de
bucal e da língua]; na dor colutório puro (até FLOGORAL não deve Podem ocorrer reações
de dente; na dor e a marca indicada ser utilizado por de hipersensibilidade, Não são conhecidas interações
FLOGORAL inflamação da garganta e no copo medida), pacientes que tenham incluindo urticária, com outros medicamentos nem
cloridrato de benzidamina nos sintomas do resfriado podendo ser diluído alergia ao cloridrato de fotossensibilidade, e outras formas de intera
CULOTÓRIO e da gripe [amigdalites, em um pouco de benzidamina ou aos broncoespasmo muito ção.
faringites e laringites] e na água. Utilizar até o demais componentes raramente.
dor pós-traumática [após alívio dos sintomas. da fórmula.
procedimentos Limite máximo
odontológicos, diário de 10
otorrinolaringológicos e bochechos.
bucomaxilofaciais como
amigdalectomias, fraturas
de mandíbula, cistos
maxilares, calculoses
salivares, extração
dentária].
ANTISSÉPTICOS
OCULARES
Pacientes tratados com
Pingue 1 ou 2 Este medicamento é inibidores da amino oxidases
indicado para o alívio da gotas em cada contraindicado para (IMAOs) podem apresentar
Claril® vermelhidão dos olhos olho afetado a pessoas com Comum: desconforto reação de hipertensão grave se
causada por poluição, cada 4 horas. hipersensibilidade aos nos olhos Incomum: um medicamento
(cloridrato de nafazolina
Diminuir a princípios ativos ou a ceratite, dor nos olhos, simpatomimético for
0,25 mg/mL / maleato de fumaça, pó, pelos de
frequência das qualquer um dos edema nos olhos, administrado. Embora esta
feniramina 3,0mg/mL) animais, pólen, grama, instilações de excipientes ou c om hiperemia nos olhos reação não foi especificamente
caspa, bem como os acordo com o grau glaucoma de ângulo reportada com nafazolina, sua
sintomas leves de coceira. de alívio dos estreito. possibilidade não deve ser
sintomas. descartada
é contraindicado em
pacientes com história
é indicado para o A dose usual para de hipersensibilidade a Em doses excessivas e
tratamento de hiperemias o tratamento de qualquer um dos uso prolongado, podem
conjuntivais provocadas hiperemias componentes da sua ocorrer os seguintes
LERIN®
conjuntivais é de 1 fórmula. Bula para o sintomas: hiperemia Não são conhecidas interações
cloridrato de nafazolina (0,5 por irritantes locais como a 2 gotas aplicadas Profissional de Saúde 4 ocular, visão turva, com outros medicamentos.
mg/ml) fenolsulfonato de corpos estranhos, poeiras, no(s) olho(s) LERIN® é pupilas dilatadas, dor de
zinco (1 mg/ml) vento, fumo, exposição à afetado(s), de 2 contraindicado para uso cabeça, nervosismo,
luz intensa e na congestão em 2 horas. por pessoas que náuseas e aumento da
que acompanha a coriza apresentam glaucoma sudorese.
aguda. de ângulo estreito ou
predisposição ao
mesmo.

ANTISSÉPTICOS NASAIS,
FLUIDIFICANTES
NASAIS E UMECTANTES
NASAIS
são uma solução spray
estéril isenta de
conservantes destinada Adultos: uma ou duas não apresenta nenhuma
como fluidificante, nebulizações/instilações Este medicamento é reação adversa
descongestionante e nasais várias vezes ao dia, contraindicado a significativa. Ainda Não são conhecidas interações
umidificante nasal. principalmente à noite, ao pessoas com não são conhecidas a medicamentosas específicas e
RINOSORO® SIC Auxilia no tratamento deitar ou a critério hipersensibilidade aos intensidade e a nem tampouco restrições
3% (cloreto de sódio) de outras patologias médico, até o componentes da frequência de reações específicas quanto à ingestão
Solução Spray 30 mg/mL respiratórias tais como desaparecimento dos fórmula. adversas específicas a concomitante com alimentos.
(3%)
rinite alérgica, sintomas. Crianças (3 a este medicamento
rinossinusite, sinusite, 12 anos): duas devido à ausência de
gotejamento pós-nasal. nebulizações/instilações relatos científicos.
Pós-operatório de nasais, 3 vezes ao dia, ou
cirurgia rinossinusal. a critério médico.
Hidratação da mucosa
nasal ressecada devido foi observada nos
a condições climáticas primeiros dias de uso
de baixa temperatura do medicamento a
ou baixa umidade; ocorrência de pequena
condições ambientais ardência nasal, que
como exposição ao ar Este medicamento pode Em pacientes com desapareceu após
MAXIDRATE® condicionado; ser aplicado na mucosa hipersensibilidade ao alguns dias de Não existem registros de
(cloreto de sódio) utilização de nasal (narinas), várias cloreto de sódio ou a utilização do interações clinicamente
Gel Nasal 6,0 mg/g alprazolam, vezes ao dia, conforme qualquer componente medicamento. Para relevantes.
perfenazina, necessário. de sua formulação. evitar essa ardência,
amitriptilina, deve-se evitar aspirar
tioridazina e diretamente o gel após
isotretinoína; sua aplicação,
resfriados, alergias e devendo-se massagear
sinusite crônica; levemente a lateral do
senilidade; pós- nariz para espalhá-lo
radioterapia, reduzindo
a formação de crostas.

ANTI-SÉPTICOS
URINÁRIOS
é indicado para o alívio da A dose ® é contraindicado a Eventos Quando usado
disúria, da dor, ardor, recomendada de pacientes com gastrointestinais: concomitantemente a um agente
desconforto para urinar e PYRIDIUM® é de hipersensibilidade à náusea, vômito, antibacteriano no tratamento de
outros sintomas 200 mg a cada 8 fenazopiridina ou aos diarreia. Eventos infecções urinárias, a
decorrentes da irritação da horas. excipientes da fórmula hematológicos: administração de PYRIDIUM®
Pyridium®
mucosa do trato urinário PYRIDIUM® 100 e a pacientes com metemoglobinemia, não deve exceder 2 dias para que
Cloridrato de fenazopiridina inferior causado por mg – tomar 2 insuficiência renal ou anemia hemolítica, o medicamento não mascare uma
Drágeas 100mg infecção, trauma, cirurgia, drágeas disfunção hepática agente hemolítico possível infecção não controlada
procedimentos grave. potencial na deficiência
endoscópicos ou Este medicamento é da enzima glicose-6-
passagens de sondas ou contraindicado para fosfatodesidrogenase,
cateteres. O uso da uso por crianças. neutropenia,
fenazopiridina não deve sulfemoglobinemia,
retardar o diagnóstico trombocitopenia.
definitivo e o tratamento Eventos renais:
das condições causais, alteração da coloração
nem ser usado como um da urina, cálculo renal,
substituto para cirurgia insuficiência renal
específica ou tratamento aguda, nefrotoxicidade.
antimicrobiano.
Este medicamento é Recomenda-se é contraindicado em O medicamento pode O uso de Atropa belladona L.
indicado como ingerir 2 drágeas, 3 pacientes com causar diminuição da com anticolinérgicos (atropina,
antisséptico das vias vezes ao dia, em hipersensibilidade aos micção e distúrbios escopolamina), e alguns
CYSTEX® urinárias nos casos de horários que não componentes da gastrintestinais, tais medicamentos utilizados para as
(cloridrato de acriflavina + disúria, dor, ardor e coincidam com as fórmula e nos casos de: como náuseas, vômitos alergias (antihistamínicos), e
metenamina + cloreto de desconforto para urinar. refeições. - glaucoma de ângulo e diarreia. Este para a depressão
aberto; - insuficiência medicamento também (antidepressivos) pode provocar
metiltionínio + Atropa
hepática (porque há pode causar piora dos sintomas de
belladonna L.) liberação de amônia no ressecamento da boca e ressecamento da boca, e causar
trato gastrintestinal). dificuldade para engolir sede, dificuldade para engolir e
e falar, sede, falar, diminuição da secreção
diminuição da secreção brônquica, dilatação da pupila,
brônquica, dilatação da rubor e ressecamento da pele.
pupila (midríase), rubor
e ressecamento da pele.

AMINOÁCIDOS,
VITAMINAS E MINERAIS
indicado para o tratamento Recomenda-se nas contraindicado em - Reações comuns: No caso da ingestao
de estados de esgotamento duas ou três pacientes com cefaleia, náusea, concomitante de prepararyo, es
(causados por estresse), semanas iniciais de conhecida v6mito. de ginseng e anticoagulantes, o
fadiga, sensação de uma a duas hipersensibilidade a - Reações incomuns: efeito do medicamento oral
fraqueza, diminuição da capsulas ao dia, qualquer dos diarreia. anticoagulante no sangue (por
concentração e do sendo uma após o componentesna - Reações com exemplo a varfarina) pode
desempenho físico em café da manhã e a presença de distúrbios frequência potencialmente ser reduzido.
mental. E também indicado outra após o do metabolismo do desconhecida: tontura, Pacientes em tratamento com
como complemento almoço. Após esse cálcio (por exemplo, dor de est6rnago, anticoagulantes devem consultar
PHARMATQN® nutricional em casos de período inicial hipercalcemia), em hipersensibilidade, o médico antes de usar
(polivitamfnico, polimineral, nutrição mal balanceada ou passar para uma casos de rash, prurido. PHARMATON. As interações
Panax ginseng) deficiente, causados, por capsula ao dia após hipervitaminose A ou do ferro com antibi6ticos da
exemplo, pelo avanço da o café da manhã. D, na presença de classe tetraciclina (tetraciclina,
idade ou por hábitos Não há insuficiência renal, doxiciclina, minociclina), com
alimentares, perda de recomendações de durante tratamentos vitamina B6 e L-dopa, são
apetite, anorexia, doses especiais com retin6ides (como conhecidas.
debilidade decorrente de para uso em idosos. por exemplo contra a
doença crônica ou aguda, acne) ou vitamina D, e
incluindo cirurgia. em caso de condições
hereditárias raras de
intolerância a galactose
(contem lactose).
Este medicamento é Administrar 1 é contraindicado aos Reação muito comum: Medicamentos contendo
indicado como auxiliar no comprimido ao dia, pacientes que tenham irritação gastrintestinal, alumínio, magnésio ou citrato de
tratamento das anemias após as refeições. hemocromatose, dor epigástrica, náusea, bismuto diminuem a absorção de
carenciais. Como hemossiderose, anemia vômito, fezes pretas, ferro. O uso concomitante com
suplemento mineral em hemolítica, tuberculose constipação, cólica cimetidina, omeprazol,
dietas restritivas e pulmonar, hipertensão estomacal. Reação metildopa, também reduz a
VITAFER® inadequadas, ou hipersensibilidade comum: angina, absorção do ferro. O ferro reduz
(sulfato ferroso) convalescença. Indicado aos componentes da diarreia, coloração da a absorção das tetraciclinas orais,
109 mg também, como suplemento fórmula. urina. Reação das quinolonas (ciprofloxacino)
mineral em crianças em incomum: irritação de e ainda, a eficácia da
fase de crescimento, na contato, erupções penicilamina. A levodopa
gestação e aleitamento e cutâneas. interfere no efeito terapêutico do
para idosos. ferro.

ANTIINFLAMATÓRIOS
está indicado no alívio deve ser Contraindicado nos Desordens do sistema ácido acetilsalicílico por
temporário da febre e de administrado por casos de sanguíneo e linfático: problema do coração ou derrame,
dores de leve a moderada via oral na dose hipersensibilidade agranulocitose, já que, nesses casos, o ibuprofeno
intensidade como cefaleia recomendada de 1 conhecida ao anemia, anemia pode diminuir o efeito esperado,
tensional, lombalgia, dor cápsula. Se ibuprofeno ou a aplásica, anemia outros AINEs, corticosteroides,
muscular, enxaqueca, necessário, esta qualquer componente da hemolítica, leucopenia glicocorticoides, agentes
dismenorreia, de gripes e dose pode ser fórmula, ao ácido e trombocitopenia. anticoagulantes ou trombolíticos,
resfriados comuns, de repetida com acetilsalicílico ou a Desordens do sistema inibidores de agregação
artrite e dor de dente. intervalo mínimo qualquer outro anti- cardíaco: disfunção plaquetária, hipoglicemiantes
de 4-6 horas. Não inflamatório não cardíaca, infarto do orais ou insulina, anti-
exceder o total de esteroidal (AINE). Não miocárdio, angina hipertensivos e diuréticos, ácido
ADVIL ® 3 cápsulas deve ser usado por pectoris, Desordens valproico, ciclosporina,
CÁPSULA MOLE 400 mg (1.200mg) em um pessoas com história gastrintestinais: dor metotrexato, probenecida e
período de 24 prévia ou atual de úlcera abdominal, distensão digoxina. Recomenda-se
horas. gastrintestinal ou abdominal, doença de precaução quando do uso
sangramento Crohn, colite, concomitante do ibuprofeno com
gastrintestinal. Não constipação, diarreia, inibidores seletivos de recaptação
deve ser usado durante dispepsia, flatulência, da serotonina (ISRS), pelo risco
os últimos 3 meses de gastrite, hemorragia aumentado de sangramento
gravidez. gastrintestinal, gastrintestinal.
perfuração
gastrintestinal, úlcera
gastrintestinal,
hematêmese, melena,
ulcera na boa, náusea,
dor abdominal
superior e vomito.
dores agudas causadas por Comprimidos pacientes com Distúrbios • Ciclosporina: pode ocorrer
inflamação como por revestidos de 275 hipersensibilidade cardiovasculares: há aumento das concentrações de
exemplo, dor de garganta; mg: tomar 1 conhecida ao naproxeno relatos de edema, ciclosporina, elevando o risco de
• dor e febre em adultos, comprimido 1 a 2 ou a qualquer outro hipertensão e nefrotoxicidade. • Lítio: pode
como por exemplo dor de vezes por dia ou a componente do insuficiência cardíaca ocorrer aumento dos níveis de
dente, dor abdominal e critério médico. medicamento; pacientes associados ao lítio, induzindo a náusea,
pélvica, dor de cabeça, Comprimidos com histórico de asma, tratamento com polidipsia, poliúria, tremor e
sintomas de gripe e revestidos de 550 urticária ou reações AINEs. Dados confusão. • Metotrexato em doses
resfriado; • dores mg: tomar 1 alérgicas decorrentes de epidemiológicos e de iguais ou acima de 15
musculares e articulares, comprimido 1 vez ingestão de ácido estudos clínicos mg/semana: aumento da
Flanax® como por exemplo por dia ou a acetilsalicílico ou outros sugerem que o uso de concentração e
Comprimido revestido torcicolo, bursite, critério médico. A anti-inflamatórios não coxibes e alguns consequentemente da toxicidade
naproxeno sódico 275 mg e tendinite, dor nas costas, dose diária (24 esteroidais (AINEs); AINEs do metotrexato. • Anti-
550 mg dor nas pernas, cotovelo horas) de 550 mg pacientes com histórico (particularmente em inflamatórios não esteroidais
do tenista, dor reumática; • não deve ser de sangramento ou tratamentos com altas (AINEs) incluindo o ácido
dor após traumas: excedida, salvo se perfuração doses e de duração acetilsalicílico: aumento do risco
entorses, distensões, sob prescrição gastrintestinal prolongada) podem de úlcera e sangramento
contusões, lesões leves médica. Crianças relacionados à terapia estar associados a um gastrintestinal. Ácido
decorrentes de prática menores de 12 anterior com anti- pequeno incremento acetilsalicílico em baixas doses:
esportiva. anos não devem inflamatórios não do risco de eventos naproxeno pode reduzir a
tomar este esteroidais; pacientes trombóticos arteriais inibição plaquetária irreversível
produto, salvo com insuficiência (por exemplo: infarto induzida pelo ácido
prescrição médica. cardíaca grave. do miocárdio ou acetilsalicílico. Dados clínicos de
acidente vascular farmacodinâmica sugerem que
cerebral). Os eventos uso concomitante de naproxeno
adversos mais sódico por mais de um dia
frequentes são de consecutivo inibe os efeitos da
natureza atividade antiplaquetária de
gastrintestinal. baixas doses do ácido
acetilsalicílico.

ANTIFLEBITES
VENOCUR® FIT Para o tratamento de sintomas da Ingerir 1 fazer uso do produto. Após ingestão do Este medicamento não deve ser
Nomenclatura botânica insuficiência venosa, como comprimido Este medicamento é medicamento pode administrado juntamente com
oficial: Aesculus sensação de dor e peso nas pernas, revestido de contraindicado para ocorrer, em casos anticoagulantes orais, pois pode
hippocastanum L. inchaço, câimbras e prurido, e liberação pessoas com isolados, pruridos, potencializar seu efeito
fragilidade capilar. retardada, 2 hipersensibilidade a náuseas e desconforto anticoagulante Cerca de 86-94%
Nomenclatura popular:
vezes ao dia, escina ou a extratos de gástrico. Raramente de escina ligam-se às proteínas
Castanha-da-índia obedecendo ao A. hippocastanum e pode ocorrer irritação plasmáticas, podendo interferir
263,2 mg intervalo de 12 pacientes com da mucosa gástrica e com a distribuição de outras
insuficiência renal ou refluxo. drogas. Um caso de falência renal
horas entre as insuficiência hepática. após administração concomitante
doses. Há indícios de que a de escina e o antibiótico
absorção de escina seja gentamicina foi relatado.
maior em crianças,
predispondo-as a uma
maior toxicidade.
TROMBOFOB GEL ® flebites e tromboflebites Para uso tópico. TROMBOFOB® GEL é Relatos de reações Não são conhecidas, até o
heparina sódica superficiais; dores nas pernas Após limpeza contraindicado a cutâneas alérgicas são momento, interações
Gel 200 U/g relacionadas a varizes; lesões prévia da região, pacientes com tendência muito raros com o uso medicamentosas com o uso de
desportivas e acidentais como aplicar uma fina a hemorragias, tópico de heparina. TROMBOFOB GEL
hematomas, distensões e camada sobre as hipersensibilidade à Entretanto, os
contusões; x tenossinovites; x partes afetadas e substância ativa ou aos componentes de base
flebites pós-injeção endovenosas e vizinhas,, várias componentes da fórmula do gel podem
venóclise; x estases venosas nas vezes ao dia, e em casos de ocasionar reações de
extremidades; x dores após sem friccionar intolerância a hipersensibilidade em
escleroterapia venosa. ou massagear. anticoagulantes pessoas propensas,
especialmente quando
existe histórico de
hipersensibilidade
devido à exposição
prévia.

ANTIFLATULENTOS
Luftal GEL Caps é indicado para Luftal GEL Caps Luftal GEL Caps é A simeticona não é Não são conhecidas interações
o alívio dos sintomas no caso de pode ser contraindicado para absorvida pelo de Luftal GEL Caps com outros
excesso de gases no aparelho administrado 4 pacientes com organismo. Ela atua medicamentos ou alimentos.
gastrintestinal constituindo motivo vezes ao dia, hipersensibilidade a somente dentro do
de dores ou cólicas intestinais, tais após as refeições qualquer um dos aparelho digestivo, e é
LUFTAL® GEL CAPS
como: - Meteorismo - Eructação - e ao deitar, ou componentes da totalmente eliminada
Cápsula gelatinosa 125 mg Borborigmos - Aerofagia pós- quando fórmula. Luftal GEL nas fezes, sem
cirúrgica - Distensão abdominal - necessário. Não Caps é contraindicado alterações. Portanto,
Flatulência é recomendada a aos pacientes com reações indesejáveis
ingestão de mais perfuração ou são menos prováveis
de 500 mg (4 obstrução intestinal de ocorrer. • Eczema
cápsulas) de suspeita ou conhecida de contato; • em casos
Luftal GEL Caps raros: reações
por dia. imediatas como
urticaria.
ANTIFÚNGICOS E
ANTIMICÓTICOS
é indicado para aplicação tópica deve ser aplicado e é contraindicado aos Reação comum: Até o momento não foram
no tratamento de micoses nas áreas pacientes com eritema no local de descritas interações
NIZORAL® superficiais incluindo infectadas uma hipersensibilidade aplicação, prurido no medicamentosas com o uso de
Creme dermatofitoses, candidíase vez ao dia. conhecida ao local de aplicação, Nizoral® creme
cutânea e pitiríase versicolor. cetoconazol ou aos sensação de
Cetoconazol 20MG/G
excipientes da queimadura na pele.
formulação.
é indicado para o tratamento deve ser é contraindicado para Local da aplicação: A interação de tioconazol com
tópico de infecções cutâneas suavemente pacientes edema, dor, prurido. outros medicamentos é
Tralen® causadas por fungos suscetíveis aplicado nas áreas hipersensíveis a Gerais: reação alérgica desconhecida.
Creme Dermatológico 1% (dermatófitos e leveduras) e nas cutâneas afetadas agentes antifúngicos (incluindo edema
condições em que bactérias Gram- e adjacentes, 1 ou imidazólicos ou a periférico, edema
positivas suscetíveis podem 2 vezes ao dia, qualquer componente periorbital e urticária).
complicar a infecção. pela manhã e/ou à da fórmula. Sistema nervoso
noite. central e periférico:
parestesia.

ANTI-
HEMORROIDÁRIOS
Tratamento de Aplicar Hipersensibilidade aos Reações comuns: Durante o tratamento deve-se
hemorroidas, em aproximadamente 2 cm componentes da ardência e prurido evitar o uso de outros
especial aquelas de pomada na área fórmula. Proctyl® locais são causados medicamentos tópicos no mesmo
acompanhadas de afetada, massageando o supositório contém pela substância ativa e local. Laxantes não devem ser
inflamação e local, duas ou três lecitina de soja líquida. desaparecem na usados aleatória e regularmente,
Proctyl®
hemorragia; fissuras, vezes ao dia, até Se você é alérgico a maioria dos casos com ou ainda em doses crescentes.
Pomada 50 mg/g prurido e eczemas anais melhora dos sintomas. soja ou amendoim, não o uso continuado do Evacuações com intervalos de
(policresuleno) + 10 mg/g provocados por use Proctyl® produto. vários dias não são
(cloridrato de cinchocaína) afecções anorretais; supositório. Reações muito raras: inconvenientes, desde que não
como curativo após dermatite alérgica de causem mal-estar. Deve-se beber
cirurgias proctológicas. contato, manifestada bastante água e ter uma
como eritema com alimentação natural diversificada
formação de pápulas e rica em fibras para promover a
acompanhado de regularização das evacuações.
prurido persistente
PROCTO-GLYVENOL Redução dos sintomas aplicar o conteúdo de 1 Hipersensibilidade as Reações adversas Não foram realizados estudos de
Creme para uso retal locais de hemorróidas aplicador, por via retal, substâncias ativas ou a consideradas muito interações medicamentosas.
Tribenosídeo 50 MG + internas e externas. pela manhã e à noite, qualquer componente raras, como descritas
Cloridrato de lidocaína 20 até que os sintomas da formulação. em bula.
agudos tenham
MG
diminuído.
ANTIPARASITÁRIOS
ORAIS
é contraindicado em
é indicado para o crianças com menos de
tratamento de 1 ano de idade para o O tratamento concomitante com
infestações simples ou A posologia é de: 1 tratamento em massa cimetidina pode inibir o
mistas por Enterobius ÚNICO comprimido de de infestações Desconforto metabolismo do mebendazol no
PANTELMIN®
vermicularis, Trichuris Pantelmin® 500 mg gastrintestinais isoladas abdominal, diarreia e fígado, resultando em aumento da
(mebendazol) trichiura, Ascaris tanto para adultos como ou mistas. Além disso, flatulência. concentração plasmática do
500mg lumbricoides, para crianças. Pantelmin® é Erupção cutânea fármaco, especialmente durante
Ancylostoma contraindicado em tratamento prolongado. O uso
duodenale e Necator pessoas com concomitante de mebendazol e
americanos. hipersensibilidade ao metronidazol deve ser evitado.
fármaco ou aos
excipientes da
formulação.

ANTIPARASITÁRIOS
TÓPICOS
Pioletal® indicado para o Aplicar nos cabelos Este medicamento é O paciente poderá ter Não há relatos de interações
tratamento de pediculose úmidos, certificando contraindicado para algumas reações com o uso deste medicamento.
PIOLETAL® causada por Pediculus que todo o coro pacientes com história indesejáveis tais como
Loção humanus va. capitis e seus cabeludo está de hipersensibilidade a parestesia e alterações na
ovos. coberto, deixar agir permetrina ou a pele (eczema, edema,
10 mg/mL
por 10 minutos, em quaisquer componentes vermelhidão, coceira,
seguida utilizar o da fórmula, ou a outros queimação, irritação,
pente fino para a piretróides, piretrinas desconforto e dor). Caso
remoção dos piolhos ou crisântemos. o paciente tenha uma
e lêndeas. Crianças menores de 2 reação alérgica, deve
anos de idade devem parar de usar o
ser tratadas apenas com medicamento e procurar
a remoção manual ou o médico.
utilização do pente-
fino.

ANTITABÁGICOS
é indicado para auxiliar O paciente deve aplicar Este medicamento não Reações muito comuns: Não foram estabelecidas
a cessação do o adesivo de NiQuitin® deve ser usado em caso náuseas, vômitos, dor interações clinicamente
Niquitin® tabagismo, como sobre a pele, que deve de hipersensibilidade à de cabeça, tontura, relevantes da terapia de reposição
Adesivos Transdérmicos terapia de reposição de estar seca, limpa e sem nicotina ou a qualquer reações no local de de nicotina com outras drogas.
nicotina, no tratamento pelos. O adesivo pode outro componente do aplicação*, distúrbios Entretanto, o profissional de
Nicotina 7, 14 e 21 mg
de indivíduos ser colado nos braços, adesivo. de sono incluindo saúde deve ter em mente que a
dependentes do tabaco, nas pernas, nas costas, sonhos incomuns e própria cessação do tabagismo
aliviando os sintomas nas nádegas, alternando insônia. pode exigir ajuste de dose de
de abstinência da os locais a cada Reações comuns: algum medicamento.
nicotina, como o desejo aplicação diária e não tremores, palpitações,
intenso de fumar repetindo o mesmo falta de ar, faringite,
local de aplicação por, tosse, nervosismo,
no mínimo, 7 dias. O desconforto digestivo,
paciente deve aplicar o dor abdominal alta,
adesivo diariamente, diarréia, boca seca,
preferencialmente pela prisão de ventre,
manhã. aumento da
transpiração.
Este medicamento é A dose inicial deve ser é contraindicado para Reações muito comuns: Não foram identificadas
indicado para o individualizada de pacientes que estejam náusea, dor de cabeça, clinicamente interações
tratamento de acordo com a no período pós-infarto tosse, soluço e irritação medicamentosas relevantes com a
indivíduos tabaco- dependência de do miocárdio, que na garganta. terapia de reposição de nicotina.
dependentes, para nicotina de cada sofreram acidente Reações comuns: No entanto, nicotina pode
aliviar os sintomas da paciente. Recomendase cerebrovascular desconfortos aumentar os efeitos
síndrome de iniciar com 2 mg. recente, com arritmias gastrintestinais (dor hemodinâmicos da adenosina.
abstinência de nicotina, Fumantes altamente cardíacas graves, abdominal, boca seca,
levando à diminuição e dependentes (que portadores de angina aumento da salivação,
NICORETTE® abandono do hábito de fumam mais de 20 pectoris, indivíduos indigestão, flatulência,
Gomas mastigáveis fumar. cigarros por dia) devem com afecções ativas da estomatite, vômito),
Icemint 2 mg iniciar com 4 mg. Em articulação sensação de queimação
indivíduos que utilizam temporomandibular, oral, fadiga,
2 mg, mas continuam com hipertensão hipersensibilidade, dor
sentindo os sintomas da descontrolada ou de cabeça, perda de
ausência de nicotina ou pacientes com paladar, parestesia.
que voltaram a fumar, a hipersensibilidade Reações muito raras:
concentração pode ser conhecida a qualquer visão turva, aumento de
aumentada para 4 mg. componente de sua lacrimação,
fórmula. desconfortos
Mulheres grávidas não gastrintestinais
podem utilizar o
medicamento

ANALGÉSICOS,
ANTITERMICOS E
ANTIPIRÉTICOS
Este medicamento é TYLENOL® 500 mg: não deve ser As reações adversas Para muitos pacientes, o uso
indicado, em adultos, 1 a 2 comprimidos, 3 a administrado a identificadas após o início ocasional de paracetamol
para a redução da febre 4 vezes ao dia. pacientes com da comercialização de geralmente tem pouco ou
e o alívio temporário de TYLENOL® 750 mg: hipersensibilidade ao TYLENOL®, com doses nenhum efeito em pacientes
dores leves a 1 comprimido, 3 a 5 paracetamol ou a terapêuticas de sob o tratamento crônico com
moderadas, tais como: vezes ao dia. qualquer outro paracetamol são: Reação varfarina. Porém, há
dores associadas a A dose diária total componente de sua muito rara: distúrbios do controvérsias em relação à
resfriados comuns, dor recomendada de fórmula. Este sistema imunológico: possibilidade de o paracetamol
de cabeça, dor no paracetamol é de 4000 medicamento é reação anafilática e potencializar a ação
corpo, dor de dente, dor mg (8 comprimidos de contraindicado para hipersensibilidade; e anticoagulante da varfarina e
TYLENOL ® nas costas, dores TYLENOL® 500mg menores de 12 anos. distúrbios da pele e de outros derivados
Comprimidos Revestidos musculares, dores leves ou 5 comprimidos de tecidos subcutâneos: cumarínicos.
PARACETAMOL associadas a artrites e TYLENOL® 750 mg) urticária, erupção cutânea
500mg e 750mg dismenorréia. administrados em doses pruriginosa, exantema.
fracionadas, não Podem ocorrer pequenos
excedendo 1000 aumentos nos níveis de
mg/dose (2 transaminase em pacientes
comprimidos de que estejam tomando
TYLENOL® 500 mg doses terapêuticas de
ou 1 comprimido de paracetamol. Esses
TYLENOL® 750 mg), aumentos não são
em intervalos de 4 a 6 acompanhados de falência
horas, em um período hepática e geralmente são
de 24 horas resolvidos com terapia
continuada ou
descontinuação do uso de
paracetamol

com hipersensibilidade A dipirona pode causar Ciclosporinas: a dipirona pode


à dipirona ou a choque anafilático, causar redução dos níveis
qualquer um dos reações plasmáticos de ciclosporina.
componentes da anafiláticas/anafilactoides As concentrações da
formulação ou a outras que podem se tornar ciclosporina devem, portanto,
pirazolonas ou a gravescom risco à vida e, ser monitoradas quando a
pirazolidinas (ex. em alguns casos, serem dipirona é administrada
fenazona, fatais. Estas reações concomitantemente.
propifenazona, podem ocorrer mesmo Metotrexato: a administração
fenilbutazona, após NOVALGINA ter concomitante da dipirona com
NOVALGINA oxifembutazona) sido utilizada previamente metotrexato pode aumentar a
comprimidos 500mg: incluindo, função da em muitas ocasiões sem hematotoxicidade do
NOVALGINA® Este medicamento é adultos e adolescentes medula óssea complicações. metotrexato particularmente
Comprimido simples indicado como acima de 15 anos: 1 a 2 prejudicada ou doenças Além das manifestações em pacientes idosos. Portanto,
DIPIRONA analgésico e comprimidos até 4 do sistema de mucosas e cutâneas de esta combinação deve ser
MONOIDRATADA antitérmico. vezes ao dia. hematopoiético; - que reações evitada. Ácido acetilsalicílico:
NOVALGINA tenham desenvolvido anafiláticas/anafilactoides a dipirona pode reduzir o
500 mg / 1 g
comprimidos 1g: broncoespasmo ou mencionadas acima, efeito do ácido acetilsalicílico
adultos e adolescentes outras reações podem ocorrer na agregação plaquetária,
acima de 15 anos: ½ a anafilactoides com ocasionalmente erupções quando administrados
1 comprimido até 4 analgésicos tais como medicamentosas fixas; concomitantemente. Portanto,
vezes ao dia salicilatos, raramente exantema e, em essa combinação deve ser
paracetamol, casos isolados, síndrome usada com precaução em
diclofenaco, de Stevens-Johnson. pacientes que tomam baixa
ibuprofeno, Em casos muito raros, dose de ácido acetilsalicílico
indometacina, especialmente em para cardioproteção.
naproxeno. - Com pacientes com histórico de Bupropiona: a dipirona pode
porfiria hepática aguda doença renal, pode ocorrer causar a redução na
intermitente; - com piora aguda da função concentração sanguínea de
deficiência congênita renal (insuficiência renal bupropiona. Portanto,
da glicose-6-fosfato- aguda), em alguns casos recomendase cautela quando a
desidrogenase (G6PD) com oligúria, anúria ou dipirona e a bupropiona são
(risco de hemólise); - proteinúria. administradas
gravidez e lactação concomitantemente.

CERATOLÍTICOS
Somente para uso é contraindicado para Distúrbios do sistema pode aumentar a absorção de
tópico (dermatológico). pacientes com imune Comum: rash outros medicamentos aplicados
Duofilm® deve ser hipersensibilidade ao Distúrbios da pele e topicamente, sendo assim, deve-
aplicado apenas nas ácido salicílico, ácido tecido subcutâneo. se evitar utilizar Duofilm® junto
Duofilm® é indicado áreas afetadas. O uso láctico ou a qualquer Muito comum: reação com outros produtos tópicos nas
no tratamento e em crianças deve ser componente da no local da aplicação, áreas que estão sendo tratadas.
remoção das verrugas realizado sob a fórmula. Não usar em prurido, sensação de Como a exposição sistêmica
comuns. supervisão de um verrugas abertas, pele queimação, eritema, através da aplicação tópica de
adulto. Idosos: não é irritada ou vermelha, ou descamação e Duofilm® é baixa, interação com
Duofilm® necessário ajuste de em qualquer outra área ressecamento; Comum: medicamentos administrados
Solução Tópica dose já que exposição que esteja infeccionada. hipertrofia da pele sistemicamente não está prevista.
ácido salicílico 147,7 mg/mL sistêmica clinicamente Não usar em nevus, Distúrbios do sistema
ácido láctico 130,0 mg/mL significativa não é marcas de nascença, imune Rara:
esperada. Disfunção verrugas genitais, hipersensibilidade no
renal e/ou hepática: não verruga na face ou em local da aplicação
é necessário ajuste de membranas mucosas, incluindo inflamação
dose já que exposição ou verrugas com Rara: irritação e dor no
sistêmica clinicamente crescimento de pelos, local da aplicação;
significativa não é bordas avermelhadas descoloração da pele /
esperada. A aplicação ou cor incomum. local da aplicação.
deve ser efetuada
diariamente, de
preferência à noite.
Verrugas comuns, Uso externo. Proteger Informação não Informação não descrita em bula.
plantar e calosidades as áreas ao redor da Contraindicado em descrita em bula.
lesão com vaselina diabéticos e em
Verrux ® sólida. Aplicar uma vez pacientes com déficits
ao dia, até a eliminação circulatórios em
ácido salicílico 165mg/mL,
da verruga ou membros.
ácido láctico 145mg/mL calosidade, quatro
camadas do produto,
esperando cada camada
secar antes da
reaplicação.

CICATRIZANTES

É indicado para Não tem um modo de Não deve ser utilizada Informação sem Informação sem descrição em
tratamentos de úlceras usar específico, é por pacientes com descrição em bula. bula.
SAF-GEL por pressão, úlcera da utilizado de acordo conhecida sensibilidade
GEL HIDRATANTE COM perna estase venosa, com a necessidade do ao gel ou a algum
queimaduras de 1º e 2º paciente. componente presente
ALGINATO DE CÁLCIO E
grau, cortes, abrasões e no mesmo
SÓDIO lacerações. O gel
contendo alginato pode
ser usado no controle
de úlceras crônicas.
é indicado para Limpar a pele ao redor Informação sem Informação sem Informação sem descrição em
promover o e secar bem; Aplicar descrição em bula. descrição em bula. bula.
desbridamento Dersani® Hidrogel
autolítico e auxiliar a com Alginato
cicatrização em feridas diretamente no leito da
secas e exsudativas, ferida, não excedendo o
com necrose ou nível ao redor da ferida;
Dersani Hidrogel com esfacelo, causadas por: ocluir a ferida com um
Alginato Gel hidratante úlceras venosas, curativo secundário e
absorvente, estéril à base de arteriais e por pressão, estéril e ¬fixar. Para
Ácidos Graxos Vitaminas A queimaduras de efetuar a remoção do
eE primeiro e segundo produto, irrigar o leito
graus com perda parcial da ferida com solução
ou total de tecidos, ¬fisiológica.
abrasões e lacerações.
COLAGOGOS E
COLERÉTICOS
Flaconetes: administrar Até o momento não foram
XANTINON® COMPLEX é indicado para auxiliar um flaconete (10 ml) Hipersensibilidade aos Ainda não foram relatados casos de interação
Solução oral (ajudar) no tratamento três vezes ao dia, antes componentes da relatadas reações medicamentosa com o produto.
40 mg/ml dos distúrbios das principais refeições fórmula. adversas com o uso do Não há restrições quanto à
hepáticos. ou a critério médico. produto, não sendo, ingestão concomitante de
(acetilracemetionina) + 53
Frasco: administrar 10 portanto, conhecidas alimentos ou bebidas.
mg/ml (citrato de colina) + ml três vezes ao dia, sua intensidade e
50 mg/ml (betaína) antes das principais freqüência.
refeições ou a critério
médico.
Este medicamento é Dissolver o conteúdo Por conter bicarbonato retenção de líquidos ou Interações-medicamento-
indicado como de 1 envelope (5g) em de sódio o diurese e desidratação, substância química: Recomenda-
antiácido, para o meio copo d’água. medicamento é retenção de sódio, se evitar a ingestão de bebida
tratamento da azia Deixar completar a contraindicado para uso hipersecreção gástrica, alcoólicas durante o tratamento
(acidez e queimação efervescência e beber em pacientes com rebote ácido com ESTOMAZIL®.
estomacal), dispepsia de uma só vez. Para as alcalose respiratória e (reincidência do Interações medicamento-
(sintomas de má indicações propostas de metabólica (alteração incômodo), flatulência medicamento: - cefpodoxima: a
ESTOMAZIL® digestão) e mal-estar. azia e má digestão com dos fluidos sanguíneos) (gases), distensão absorção de cefpodoxima pode
(bicarbonato de sódio cefaleias pré-existentes, em gástrica (soluço; ser alterada pelo uso simultâneo
462mg/g + carbonato de (manifestações pacientes com refluxo), cólicas com bicarbonato de sódio e
sódio 90,0mg/g + ácido neurológicas, dores de hipocloridria (baixa abdominais, náuseas, outros sais de cálcio, alterando
cítrico 438mg/g) cabeça, etc.), a dose quantidade de ácido vômitos; constipação seus efeitos esperados. -
contida em um clorídrico no estômago) (prisão de ventre) ou Cetoconazol e itraconazol:
envelope é suficiente, e com hipocalcemia diarreia; hemorroidas antiácidos podem diminuir a
podendo ser repetida (baixa quantidade de ou fissuras anais (em absorção e consequentemente os
após 2 horas em caso cálcio no sangue) pacientes com histórico efeitos desses agentes.
de necessidade, devido ao risco de de constipação); Recomenda-se a administração de
dissolver o conteúdo de desenvolver tetania eructação (arrotos); antiácidos 4 horas antes, ou 3
1 envelope (5g) em (contrações musculares cálculo renal (pedra nos horas após o uso desses
meio copo d’água. involuntárias) rins) e/ou alcalose fungicidas. - Digoxina: a
Dose máxima diária induzidas pela alcalose. metabólica (alteração absorção oral de digoxina pode
recomendada: 2 Por conter sais de dos fluidos corporais) ser diminuída quando
envelopes (10g/dia). sódio, o medicamento em pacientes pré- administrados com antiácidos,
deve ser administrado dispostos. reduzindo sua eficácia. -
com cuidado aos Antimuscarínicos (atropina,
pacientes com escopolamina, glicopirrolato,
problemas cardíacos, ipratrópio), captopril,
edema (inchaço), clordiazepóxido, delavirdina,
insuficiência renal, indometacina, penicilina,
pressão alta ou fenitoína e fenotiazinas
hiperaldosteronismo (principalmente clorpromazina):
(doença rara ligada a antiácidos podem inibir a
elevação da pressão absorção oral dessas drogas,
arterial). diminuindo seus efeitos. Assim, a
administração simultânea deve
ser evitada, separando as doses
em, no mínimo, 2 horas, para
evitar a interação.

DESCONGESTIONANTES
NASAIS SISTÊMICOS
Indicado no tratamento Tomar 1 comprimido, 3 O produto é Durante o tratamento Os IMAOs prolongam e
sintomático dos a 4 vezes ao dia, contraindicado em podem surgir, embora intensificam os efeitos dos anti-
distúrbios congestivos e deglutidos com pacientes com muito raramente, histamínicos, podendo ocorrer
exsudativos decorrentes quantidade suficiente conhecida reações tais como: hipotensão grave. O uso
da gripe, resfriado e de água. hipersensibilidade ao sedação, sonolência, concomitante de anti-
rinites alérgicas paracetamol ou a vertigem, sudorese, histamínicos com álcool,
(corizas, dores qualquer outro palpitações, diarreia, antidepressivos tricíclicos
FLUVIRAL® musculares, febre, componente da náuseas, vômitos, dor (amitriptilina, clomipramina,
(paracetamol 400mg + cefaleia, congestão fórmula. Não deve ser no alto do abdômen, imipramina), barbitúricos
maleato de clorfeniramina nasal e demais utilizado durante o tendência à formação (fenobarbital, tiopental,
4mg + cloridrato de sintomas presentes nos período da gravidez. de cálculos renais, fenobarbital) e outros depressores
fenilefrina 4mg) estados gripais). Deve-se ter cautela em agitação, irritabilidade, do SNC pode potencializar os
mulheres que estejam secura na boca e no efeitos sedativos da
amamentando e em nariz, diminuição do dexclorfeniramina. A ação dos
pacientes com apetite, aumento da anticoagulantes orais (varfarina,
hipertensão arterial frequência cardíaca, dicumarol) pode ser diminuída
grave, distúrbios da fadiga, cansaço, tremor, pelos anti-histamínicos. A
artéria coronária, insônia, nervosismo, interação dos anti-histamínicos
glaucoma, diabetes e palidez e irritações com os antidepressivos tricíclicos
hipertireoidismo. cutâneas. pode ainda provocar sintomas
intestinais como obstipação
crônica, íleo adinâmico, retenção
urinária e glaucoma crônico,
especialmente em pacientes
idosos.
é indicado para o alívio Adultos: 1 comprimido é contraindicado para Reações devido a Interações relacionadas ao uso da
sintomático de quadros pela manhã e 1 pacientes que fenilefrina contida na fenilefrina: Medicamentos:
clínicos relacionados a comprimido à noite. apresentem formulação desse broncodilatadores Efeito da
afecções das vias Dosagem máxima hipersensibilidade a medicamento: Efeitos interação: Podem ocorrer
aéreas superiores e das diária limitada a 2 quaisquer dos Cardíacos: Hipertensão taquicardia e outras arritmias
manifestações alérgicas comprimidos. Este componentes de sua e arritmia cardíaca. cardíacas. Medicamentos:
do sistema respiratório, medicamento não deve fórmula. Também não Efeitos Gastrintestinais: mesilato de fentolamina e o
tais como: coriza, rinite ser partido ou deve ser administrado Náuseas e vômitos. propranolol Efeito da interação:
alérgica, prurido nasal, mastigado. em pacientes com Efeitos Neurológicos: Podem diminuir o efeito da
Decongex Plus hipertensão arterial Cefaleia e vertigem.
(maleato de bronfeniramina congestão nasal, grave, coronariopatias Reações devido à fenilefrina e comprometer a
12 mg + cloridrato de alergia. severas, arritmias bronfeniramina contida eficácia do produto.
fenilefrina 15 mg) cardíacas, glaucoma, na formulação desse Medicamentos: inibidores da
hipertireoidismo e/ou medicamento: Efeitos MAO Efeito da interação: Reduz
hipertrofia prostática, Gastrintestinais: Secura o metabolismo da fenilefrina. Os
devido a presença de da boca, nariz e efeitos vasoconstritores da
amina garganta. Efeitos fenilefrina são potencializados.
simpaticomimética. Neurológicos: Interações relacionadas ao uso da
Sonolência, diminuição bronfeniramina: Medicamentos:
dos reflexos, insônia, barbitúricos, drogas hipnóticas,
nervosismo e analgésicos opioides, ansiolíticos
irritabilidade. Efeito e/ou antipsicóticos. Efeito da
Oftálmico: Visão turva. interação: Depressão do sistema
Efeitos Respiratórios: nervoso central.
Espessamento das
secreções brônquicas.

EMOLIENTES E
LUBRIFICANTES
CUTÂNEOS E DE
MUCOSAS
No tratamento da EXCLUSIVAMENTE Hipersensibilidade aos Reações do sistema A ureia pode aumentar a
pele seca e áspera; PARA USO componentes da imune: permeação de outros princípios
hiperqueratose EXTERNO. Aplique fórmula. Pacientes com hipersensibilidade. ativos na pele, por exemplo
palmar e plantar; uniformemente nas insuficiência renal Reações dos tecidos corticosteróides, antralina e
áreas afetadas da pele 2 grave não devem cutâneos e fluoruracila.
ictiose vulgar.
ou 3 vezes por dia. Use utilizar NUTRAPLUS subcutâneos: é possível
NUTRAPLUS® regularmente para em grandes ocorrer irritação local,
ureia 100 mg/g creme manter a pele macia e quantidades. caso o paciente esteja
hidratada, especialmente em tratamento de
após exposição ao vento doenças inflamatórias
ou outras condições da pele. Eritema
ressecantes. A duração (vermelhidão),
do uso é determinada sensação de queimação
caso a caso, podendo ser da pele, prurido
necessário um (coceira) e erupção
tratamento de longo cutânea foram relatados
prazo (por exemplo, em durante a experiência
casos de pós-comercialização (a
neurodermatites). frequência não pode ser
estimada a partir dos
dados disponíveis).
EMOLIENTES,
LUBRIFICANTES E
ADSTRINGENTES
OCULARES
é indicado em casos de deve aplicar o número é contraindicado para Podem ocorrer casos de Evite o uso concomitante de
síndrome de Sjögren; de gotas da dose pessoas que apresentam intolerância como outros produtos como
alta secura por recomendada pelo seu alergia a qualquer um coceira, irritação e/ou antissépticos oculares. No caso de
ressecamento da córnea médico em um ou dos componentes da adesão das pálpebras. outros tratamentos oculares
e conjuntiva de origem ambos os olhos. A dose sua fórmula. Logo após a aplicação, (como, por exemplo, o de
senil, menopausa ou usual para adultos pode ocorrer um leve glaucoma) deve-se respeitar um
pós-menopausa; piscar (incluindo idosos) e borramento da visão, intervalo de pelo menos 5
REFRESH® GEL pouco frequente (como crianças é de 1 gota devido a densidade do minutos entre as aplicações dos
Ácido poliacrílico (0,3%) por exemplo, durante aplicada no saco gel; este borramento medicamentos.
anestesia ou coma conjuntival, uma a duas desaparece muito
profundo); fechamento aplicações ao dia com o rapidamente.
insuficiente da pálpebra máximo de quatro
ou sensibilidade aplicações para os
reduzida da córnea. casos com sintomas
mais intensos.
Solução Oftálmica EXCLUSIVAMENTE Solução Oftálmica As seguintes reações Nenhuma interação clinicamente
Lubrificante é indicado PARA USO TÓPICO Lubrificante Estéril é adversas foram relevante está descrita.
para ser instilado nos OCULAR. Instilar 1 ou contraindicado para identificadas a partir da
olhos quando houver 2 gotas quando houver pacientes com vigilância pós-
sensação de olho seco sensação de olho seco. hipersensibilidade aos comercialização de
Trisorb®
para proporcionar componentes da TRISORB® Solução
(1 mg/mL dextrana 70 + 3 alívio dos sintomas de fórmula. Oftálmica Lubrificante.
mg/mL hipromelose + 2 ardor e irritação devida As frequências não
mg/mL glicerol) ao olho seco e puderam ser estimadas
desconforto causado a partir dos dados
por condições disponíveis. Distúrbios
ambientais tais como oculares hiperemia
fumaça, pó, poluentes, ocular, irritação ocular,
produtos químicos, dor nos olhos, sensação
raios solares, vento e de corpo estranho nos
calor excessivo. olhos, visão turva.
EXPECTORANTES,
BALSÂMICOS,
MUCOLÍTICOS E
SEDATIVOS DA
TOSSE
está indicado no Adulto: tomar 5mL de 6 é contraindicado às O iodeto de potássio pode pode potencializar os
tratamento sintomático vezes ao dia. Crianças de 2 pessoas sensíveis aos induzir casos raros de depressores do SNC, bem
da tosse (irritativa, não a 6 anos: tomar 5mL de 3 a componentes da iodismo, com hipersecreção como os atropínicos centrais,
produtiva, espasmódica, 4 vezes ao dia. Crianças de fórmula, a pacientes das glândulas exócrinas como quando em associação com
seca) associada a várias 6 a 12 anos: tomar 5mL de sensíveis ao iodo ou as nasais, lacrimais e outras substâncias
EXPEC®
condições respiratórias. 4 a 6 vezes ao dia. que apresentam traqueobrônquicas; anticolinérgicas (outros anti-
(0,4 mg/mL cloridrato insuficiência caracteriza-se por diversas histamínicos, depressores
de oxomemazina + 20 respiratória, qualquer erupções cutâneas imipramínicos, neurolépticos
mg/mL iodeto de que seja o grau, acneformes, pruriginosas ou fenotiazínicos,
potássio +4 mg/mL afecções hepáticas e eritematosas, cefaleias. O antiparkisonianos
benzoato de sódio + 6 renais graves. efeito adverso mais anticolinérgicos,
mg/mL guaifenesina) comumente observado é a antiespasmódicos atropínicos e
sonolência. Raramente, pode- disopiramida). O uso
se observar constipação e concomitante com diuréticos
retenção urinária, confusão poupadores de potássio pode
mental, boca seca, efeitos levar à hiperpotassemia
gastrintestinais, discinesias (hipercalemia) e arritmias
tardias, leucopenia e cardíacas.
agranulocitose.
Este medicamento é Crianças de 2 a 3 anos: 4 a Este medicamento é Raramente são observadas Álcool e depressores do SNC
destinado ao tratamento 8 gotas, 4 vezes ao dia. contraindicado para reações adversas com as podem potencializar efeitos
sintomático da tosse Crianças acima de 3 anos uso por pacientes com doses terapêuticas colaterais como hipotensão
improdutiva ou até 12 anos: 15 gotas, 4 sensibilidade recomendadas. Em caso de ortostática e sonolência.
exagerada, irritativa, vezes ao dia. Adultos: 30 conhecida a doses elevadas ou de
espasmódica e seca, gotas, 4 vezes ao dia. dropropizina ou a hipersensibilidade, as reações
GOTAS BINELLI® causada por processos Em caso de esquecimento o qualquer componente mais frequentes são
dropropizina inflamatórios, paciente deve ser orientado de sua formulação. hipotensão ortostática, náusea
30mg/mL infecciosos, irritativos e a esperar até o horário de Este medicamento é e sonolência.
alérgicos das vias aéreas tomada da próxima dose. O contraindicado para
superiores e brônquicas. paciente deve ser orientado uso por pacientes com
a não tomar mais do que a insuficiência
dose normal prescrita. respiratória severa,
hipotensão e por
pacientes asmáticos.
Este medicamento é
contraindicado para
menores de 2 anos de
idade. Como qualquer
outro antitussígeno,
este medicamento é
contraindicado quando
a tosse for necessária
para expectoração de
secreções
anormalmente
excessivas ou de
partículas estranhas.
Este medicamento é De maneira geral a Este medicamento é são bem tolerados, mas como não deve ser administrado
indicado quando se tem posologia de Fluimucil® é contraindicado para qualquer outro medicamento concomitantemente com
dificuldade para de 9 a 15 mg/kg/dia. Nas pacientes com pode apresentar reações fármacos antitussígenos, pois a
expectorar e há muita formas agudas, o período de histórico de adversas. Os eventos redução do reflexo tussígeno
secreção densa e tratamento é de 5 a 10 dias; hipersensibilidade adversos mais pode levar ao acúmulo de
viscosa, tais como: nas formas crônicas, pode- conhecida à frequentemente associados secreções brônquicas. O uso
bronquite crônica e suas se dar continuidade ao acetilcisteína e/ou com a administração oral de de carvão ativado pode reduzir
exacerbações, enfisema, tratamento por alguns demais componentes acetilcisteína são o efeito de Fluimucil®.
doença pulmonar meses, a critério médico de sua formulação. gastrointestinais. Reações de Dissolução de formulações de
obstrutiva crônica, - Afecções pulmonares Não há hipersensibilidade incluindo acetilcisteína com outros
Fluimucil® bronquite aguda, pediátrico (crianças acima contraindicações para choque anafilático, reação medicamentos não é
Xarope pneumonia, colapso de 2 anos): Fluimucil® o tratamento de anafilática/anafilactóide, recomendada. Relatos de
20 mg/mL e 40 pulmonar/atelectasia e xarope pediátrico e overdose de broncoespasmo, angioedema, inativação de antibióticos com
mg/mL – acetilcisteína fibrose granulado de 100 mg Idade paracetamol com rash e prurido tem sido acetilcisteína foram
cística/mucoviscidose. Dose Frequência 2 a 4 anos acetilcisteína. reportado com menor encontrados apenas em
Também é indicado 100 mg (5 mL ou 1 Categoria B: Este frequência. estudos “in vitro” onde as
como antídoto na envelope de granulado) 2 a medicamento não Reações incomuns: substâncias foram misturadas
intoxicação acidental ou 3 vezes ao dia ou a critério deve ser utilizado por hipersensibilidade, cefaleia, diretamente. Portanto quando
voluntária por médico Acima de 4 anos mulheres grávidas sem zumbido nos ouvidos, o tratamento com antibiótico
paracetamol. 100 mg (5 mL ou 1 orientação médica ou taquicardia, vômito, diarreia, oral for necessário é
envelope de granulado) 3 a do cirurgião dentista. estomatite, dor abdominal, recomendado o uso de
4 vezes ao dia ou a critério Este medicamento é náusea, urticáriarash, acetilcisteína oral 2 horas antes
médico contraindicado para angioedema, prurido, pirexia ou depois da administração. A
Xarope 40 mg/mL 600 mg crianças menores de 2 (aumento da temperatura administração concomitante de
(15 mL) 1 vez ao dia, de anos. corpórea) e hipotensão. nitroglicerina e acetilcisteína
preferência à noite Reações raras: causam hipotensão significante
broncoespasmo, dispneia e e aumento da dilatação da
dispepsia. artéria temporal. Se houver
Reações muito raras: choque necessidade de tratamento
anafilático, reação concomitante com
anafilática/ anafilactóide e nitroglicerina e acetilcisteína,
hemorragia. os pacientes devem ser
monitorados, pois pode ocorrer
hipotensão, inclusive grave,
devendo-se ter atenção para a
possibilidade de cefaleias. O
uso concomitante de
acetilcisteína e carbamazepina
podem resultar em níveis
subterapêuticos de
carbamazepina. Alterações de
exames laboratoriais A
acetilcisteína pode interferir no
método de ensaio
colorimétrico de mensuração
do salicilato e interferir
também no teste de cetona na
urina

LAXANTES E
CATÁRTICOS
MUVINLAX® É indicado para o Adultos:: iniciar com um a não deve ser Reação muito comum: não possui interação direta
(macrogol 3350 + tratamento da dois sachês ao dia, tomados administrado em náusea, inchaço. com quaisquer fármacos
bicarbonato de sódio + constipação intestinal de preferência pela manhã pacientes com Reação incomum: cólicas conhecidos. Contudo, uma vez
cloreto de sódio + (funcional, associada a ou conforme prescrição hipersensibilidade ao leves, empachamento, que é esperado um efeito
doenças ou médica. Em casos de macrogol flatulência ou diarreia e laxativo, não devem ser
cloreto de potássio)
medicamentos e na constipação intensa ou (polietilenoglicol) ou a irritação anal. Caso ocorra utilizadas outras medicações
constipação da gravidez quando se desejar uma qualquer componente diarreia, deve-se reduzir a simultaneamente. Quando for
e puerpério); tratamento resposta rápida, podem ser de sua formulação. dose do medicamento. utilizado para preparo do
da impactação fecal e utilizados cinco sachês à é contraindicado em Reação muito rara: urticária, cólon, poderá ocorrer
preparo intestinal antes noite. portadores de doenças rinorreia, dermatite e, diminuição ou eliminação da
de cirurgias e exames Crianças: a dose inicial inflamatórias raramente, reação anafilática absorção de outros
endoscópicos ou média é de 0,8 g/kg/d (de intestinais ativas foram relatados como quadro medicamentos, portanto,
radiológicos. 0,3 a 1,4 g/kg/d). A dose graves, colite tóxica, de reação alérgica ao recomenda-se que as
deve ser ajustada de acordo obstrução ou macrogol. Existem relatos medicações orais sejam
com a resposta individual perfuração do trato isolados de hemorragia administradas antes de duas ou
do paciente. É preferível gastrintestinal e na digestiva alta por Mallory- após três horas do uso de
que cada copo da solução presença de dor Weiss, perfuração esofágica, Muvinlax®
seja ingerido mais rápido abdominal de etiologia assístole, dispneia súbita com
(de uma só vez) a uma desconhecida. Este edema pulmonar e infiltrado
ingestão lenta e contínua. medicamento é pulmonar “tipo borboleta”
contraindicado para em raios X de tórax após
menores de 2 anos de vômitos seguidos de
idade. aspiração do macrogol.
é indicada para o Lactentes: 5 ml/dia · Pessoas com história O uso de doses altas de Embora existam relatos
tratamento sintomático Crianças de 1 a 5 anos: 5 a de hipersensibilidade a lactulose em encefalopatia contraditórios sobre o uso
da constipação 10 ml/dia Crianças de 6 a qualquer um dos hepática pode causar concomitante da neomicina e
intestinal. Também é 12 anos: 10 a 15 ml/dia componentes da distensão abdominal, da LACTULONA®, a
indicada para a Acima de 12 anos e adultos: fórmula; · Casos de flatulência, meteorismo, eliminação de certas bactérias
prevenção e o 15 a 30 ml/dia A posologia intolerância à lactose, eructação, desconforto e do cólon pela neomicina pode
tratamento de pode ser ajustada para que galactose, frutose; · aumento da sede, interferir na degradação da
encefalopatia hepática, se obtenham duas ou três Pessoas com normalmente transitórios. lactulose e impedir a
tanto no pré-coma evacuações diariamente. apendicite, hemorragia Náusea e vômito têm sido acidificação adequada do
quanto no coma ENCEFALOPATIA retal não relatados com pouca cólon. Devem ser
hepático. HEPÁTICA, PRÉ-COMA diagnosticada ou com frequência. Caso ocorra administrados com cautela os
LACTULONA® E COMA HEPÁTICO obstrução intestinal; · diarreia em resposta à medicamentos que induzam
Lactulose Iniciar com 60 ml ao dia, Como agente para o lactulose, a dose deve ser hipopotassemia ou
667 mg/ml podendo chegar, em casos preparo intestinal de reduzida. Alterações de hipomagnesemia, como
graves, a 150 ml ao dia. exames proctológicos exames laboratoriais: a droperidol e levometadil, pois
pode ser administrada em que se pretenda administração prolongada ou há aumento do risco de ocorrer
preferencialmente em uma usar eletrocautério. de doses elevadas de um efeito cardiotóxico
única tomada pela manhã lactulose pode aumentar a (prolongamento do intervalo
ou à noite, sozinha ou com concentração plasmática de QT). A LACTULONA® não
alimentos. glicose e diminuir os níveis deve ser administrada
séricos de potássio. juntamente com laxantes, pois
podem reduzir o efeito
acidificante da lactulose. O
uso de antiácidos pode inibir a
ação da lactulose.

REIDRATANTE
ORAL
é destinado para Fase de Reidratação: é contraindicado em Até o momento não se Não estão descritas interações com
Pedialyte® reposição das perdas Crianças até 20kg: oferecer casos de íleo observaram reações outros fármacos e pode-se manter a
60 Zinco Sabores Maçã acumuladas de água e com frequência ao paciente, paralítico, obstrução adversas de alimentação habitual durante o uso.
e Uva eletrólitos (reidratação) permitindo que o volume e a ou perfuração PEDIALYTE 60
e para a manutenção da velocidade de ingestão sejam intestinal e vômitos Zinco com a posologia
cloreto de sódio 175,700
hidratação, após a fase determinados por sua incoercíveis. recomendada.
mg, gliconato de zinco de reidratação, como em aceitação. Recomenda-se 75
6,000 mg, glicose quadros de doença mL/kg de peso corporal,
monoidratada 1,188 g, diarreica aguda, de administrados em 4 a 6
citrato de sódio qualquer etiologia, por horas.
diidratado 289,200 mg, exemplo. Crianças acima de 20 kg e
cloreto de potássio adultos: a quantidade deve
150,600 mg (em 100 ser individualizada,
mL) conforme aceitação do
produto.
A dose máxima diária para
crianças é 1100 mL e para
adultos, 3400 mL. Doses
mais altas devem ser
administradas somente sob
prescrição médica.

é indicado para a diluir o conteúdo de um O produto não deve Ainda não se relataram Até o momento não se relataram
prevenção da flaconete (25 ml) em um ser utilizado por reações adversas com o casos de interação medicamentosa
desidratação ou para copo ou mamadeira, pacientes com uso do produto. com o uso do produto. Hidrafix®
HIDRAFIX® manutenção da completando para 250 ml hipersensibilidade pode ser usado como tratamento
hidratação após a fase com água potável fria, aos componentes da complementar, associado a outros
Solução oral
de re-hidratação em previamente filtrada e/ou fórmula e na medicamentos, dependendo da
concentrada quadros de doença fervida. A solução preparada vigência de íleo etiologia da doença.
cloreto de sódio 2,34 diarreica aguda. deve ser oferecida ao paralítico, obstrução
mg/ml cloreto de paciente com frequência, de ou perfuração
potássio 1,49 mg/ml acordo com o quadro clínico intestinal e vômitos
citrato de sódio di- ou a critério médico, incoercíveis.
hidratado 1,96 mg/ml alternada com outros
glicose 19,83 mg/ml líquidos (leite, sucos, chás,
sopas, água).
Adicionalmente, pode-se
administrar o produto após
cada evacuação líquida.
RELAXANTES
MUSCULARES
Gravidade: maior Efeito da
Reação comum (> 1/100 e < 1/10): interação: quando usados
DORILAX é cefaléia, tonturas, reação alérgica concomitantemente podem
Este medicamento é um contraindicado nos tipo exantema. A literatura cita interagir com DORILAX,
analgésico e 1a2 casos de miastenia ainda as seguintes reações adversas, aumentando ainda mais o seu
miorrelaxante destinado comprimidos, 2 a gravis, discrasias sem frequências conhecidas: poder relaxante e de sedação.
ao tratamento de todos 4 vezes ao dia. sanguíneas, porfiria distúrbios gastrintestinais como Medicamentos: tranquilizantes
os estados dolorosos, Tomar os aguda intermitente, dispepsia, dor epigástrica, náuseas e (como por exemplo, alprazolam,
Dorilax reumáticos ou comprimidos com gastrites, duodenites, vômitos; irritabilidade e insônia; midazolam, meprobamato). -
paracetamol 350 mg + traumáticos, tais como: líquido, por via úlceras gástricas ou prurido; danos hepáticos e/ou Gravidade: moderada Efeito da
carisoprodol 150 mg + dores musculares, oral. A dosagem duodenais, renais, principalmente em pacientes interação: a cafeína altera os
cafeína 50 mg espasmos e distensão máxima diária é hipertensão, que consomem em excesso ou níveis sanguíneos de
muscular, traumatismo limitada a 8 cardiopatias, moderadamente bebidas alcoólicas neurolépticos.
de região não comprimidos. A nefropatias e e nos casos de ingestão excessiva Medicamentos: neurolépticos
especificada do corpo, segurança e hepatopatias. ou uso crônico do produto. (como por exemplo, clozapina). -
torcicolos, luxação, eficácia de DORILAX também DORILAX pode exacerbar as Gravidade: menor Efeito da
entorse e distensão de DORILAX é contraindicado para disfunções hepáticas ou renais em interação: o paracetamol prolonga
região não especificada somente é uso por pacientes pacientes hepatopatas ou a meia-vida do cloranfenicol.
do corpo. garantida na alérgicos a um ou nefropatas. Medicamento: cloranfenicol. A
administração por mais componentes literatura cita ainda a seguinte
via oral. Este do medicamento. interação, apesar de não possuir
medicamento não significância clínica relevante: a
deve ser partido atropina e os anticolinérgicos
ou mastigado. retardam a absorção do
paracetamol. Interação
medicamento-substância química
Bebidas alcoólicas quando usadas
concomitantemente podem
interagir com DORILAX,
aumentando ainda mais o seu
poder relaxante e de sedação.

DORFLEX® DORFLEX é indicado Administrar os derivados de Distúrbios do sistema imunológico: Propoxifeno: o uso concomitante
(dipirona monoidratada no alívio da dor comprimidos com pirazolonas (ex.: choque anafilático e reações de orfenadrina com propoxifeno
300mg + citrato de associada a contraturas líquido fenazona, anafiláticas/ anafilactoides, que pode causar confusão, ansiedade e
orfenadrina 35mg + musculares, incluindo (aproximadamente propifenazona) ou a podem se tornar graves e com risco tremores. Fenotiazínicos: os
cafeína anidra 50mg) cefaleia tensional. ½ a 1 copo), por pirazolidinas (ex.: de vida, às vezes fatal. Estas fenotiazínicos, como a
via oral. fenilbutazona, reações podem ocorrer mesmo após clorpromazina, podem interferir
Posologia: 1 a 2 oxifembutazona) DORFLEX ter sido utilizado no controle de termorregulação
comprimidos, 3 a incluindo, por previamente em muitas ocasiões corporal, causando tanto
4 vezes ao dia. exemplo, caso sem complicações. Podem se hipotermia como hipertermia. A
anterior de manifestar com sintomas cutâneos dipirona pode potencializar
Não ultrapassar agranulocitose em ou nas mucosas (tais como: prurido, eventual hipotermia causada por
estes limites. relação a um destes ardor, rubor, urticária, inchaço), fenotiazínicos. Antipsicóticos:
medicamentos; - dispneia e, menos frequentemente, agentes anticolinérgicos, como a
glaucoma, obstrução sintomas gastrintestinais, podendo orfenadrina, não controlam a
pilórica ou duodenal, progredir para formas mais severas discinesia tardia associada ao uso
acalasia do esôfago de urticária generalizada, prolongado de antipsicóticos. Seu
(megaesôfago), angioedema grave (até mesmo uso pode mesmo exacerbar os
úlcera péptica envolvendo a laringe), sintomas de liberação
estenosante, broncoespasmo grave, arritmias extrapiramidal associados a estas
hipertrofia prostática, cardíacas, queda da pressão drogas. Ciclosporina: a dipirona
obstrução do colo da sanguínea (algumas vezes pode causar redução dos níveis
bexiga e miastenia precedida por aumento da pressão plasmáticos de ciclosporina.
grave; - porfiria sanguínea) e choque circulatório. Deve-se, portanto, realizar
hepática aguda Distúrbios da pele e tecido monitorização das concentrações
intermitente (risco de subcutâneo: erupções fixadas por de ciclosporina quando da
indução de crises de medicamentos; raramente, administração concomitante de
porfiria); - exantema; e, em casos isolados, dipirona. Metotrexato: a
deficiência congênita síndrome de Stevens-Johnson ou administração concomitante da
da glicose-6-fosfato- síndrome de Lyell dipirona com metotrexato pode
desidrogenase (risco Distúrbios do sangue e sistema aumentar a hematotoxicidade do
de ocorrência de linfático: anemia aplástica, metotrexato particularmente em
hemólise); - função agranulocitose, e pancitopenia, pacientes idosos. Portanto, esta
da medula óssea incluindo casos fatais, leucopenia e combinação deve ser evitada.
insuficiente (ex.: trombocitopenia. Estas reações são Ácido acetilsalicílico: a dipirona
após tratamento consideradas imunológicas e podem pode reduzir o efeito do ácido
citostático) ou ocorrer mesmo após DORFLEX ter acetilsalicílico na agregação
doenças do sistema sido utilizado previamente em plaquetária, quando administrados
hematopoiético; - muitas ocasiões, sem complicações. concomitantemente. Portanto,
desenvolvido essa combinação deve ser usada
broncoespasmo ou com precaução em pacientes que
outras reações tomam baixa dose de ácido
anafiláticas (ex.: acetilsalicílico para
urticária, rinite, cardioproteção. Bupropiona: a
angioedema) com dipirona pode causar a redução na
analgésicos, como: concentração sanguínea de
salicilatos, bupropiona. Portanto, recomenda-
paracetamol, se cautela quando a dipirona e a
diclofenaco, bupropiona são administradas
ibuprofeno, concomitantemente.
indometacina,
naproxeno; -
gravidez e lactação
TONICOS ORAIS
é indicado para: Crianças de 2 a 6 anos: É contraindicado para Os efeitos colaterais que A ciproeptadina pode
estimular apetite; ½a1 uso por pacientes com aparecerem frequentemente potencializar os efeitos de
distúrbios pondero- microcomprimido, glaucoma de ângulo são sedação e sonolência. Em agentes antidepressivos,
estaturais da infância; duas vezes ao dia, fechado, retenção crianças, a sedação pode anticonvulsivantes e do álcool,
estado de astenia e antes das reeições. urinário, úlcera péptica constituir efeito desejável bem como dos IMAO.
anorexia; Períodos de Crianças acima de 6 estenosante ou pela possibilidade de reduzir
convalescença. anos: 1 obstrução piloro- a tensão emocional
microcomprimido, duodenal. frequentemente associada
duas vezes ao dia, É contraindicado para com a anorexia. Muitos
COBAVITAL antes das refeições. uso por pacientes pacientes no inicio se
(Cobamamida 1mg + A posologia diária não sensíveis a queixam de sedação, podem
Cloridrato de deve exceder 8 mg de cobamamida e deixar de apresenta-la após
ciproeptadina 4mg) ciproeptadina. ciproeptadina ou aos três ou quatro primeiros dias
Adulto: 1 demais componentes de tratamento. Mais
microcomprimido, três de sua formulação, e a raramente, podem ocorrer
vezes ao dia, antes das outros fármacos de secura das mucosas, cefaleia,
refeições. estrutura química náuseas e erupções cutâneas.
A posologia máxima semelhante. Muito raramente pode ocorrer
diária de 12mg. Este medicamento é estimulação do Sistema
contraindicado para Nervoso Central manifestada
menores de 2 anos. por agitação, irritabilidade,
confusão, alucinações visuais,
ou tontura.
APEVITIN® BC é indicado como deve ser administrar Sendo o cloridrato de Reações muito comuns Medicamento Vitamina B2:
Xarope estimulante do apetite. em uma só dose à ciproeptadina uma (>1/10): sonolência, pacientes que tiverem fazendo
cloridrato de Suplemento vitamínico noite ao deitar ou em substância secreções brônquicas. uso de antidepressivos tricíclicos
ciproeptadina 4mg + e/ou mineral em dietas doses fracionadas, de anticolinérgica, apesar Reações raras (> 1/10.000 e < ou fenotiazínicos podem ter
restritivas e meia há uma hora desse efeito ser 1/1.000): dor abdominal com necessidade aumentada de
associações
inadequadas. antes das refeições, mínimo na posologia cólicas, disfunções hepáticas, vitamina B2. A probenecida
Suplemento vitamínico conforme a posologia recomendada, o alterações sanguíneas, visão diminui a absorção
e/ou mineral em idosos produto é
recomendada. turva, colestase, tonturas, gastrintestinal da vitamina B2.
e para crianças em fase contraindicado na
Crianças: 2 a 6 anos no hepatite medicamentosa, Vitamina B6: pode reduzir os
de crescimento. presença de glaucoma
máximo 10 ml (8 mg do ângulo fechado ou nariz e garganta secos, níveis séricos da fenitoína e
de cloridrato de aberto, predisposição à disúria, excitação, fenobarbital. Pode também
ciproeptadina) em retenção urinária e nos hiperhidrose, aumento de reverter os efeitos
doses fracionadas. pacientes portadores apetite, nervosismo, antiparkinsonianos da levodopa;
Crianças: 7 a 14 anos de úlcera péptica pesadelos, função cognitiva o mesmo não ocorre com a
no máximo 15 ml (12 estenosante ou prejudicada, associação carbidopa-levodopa.
mg de cloridrato de obstrução piloro- fotossensibildade cutânea, Se utilizada com cloranfenicol,
ciproeptadina) em duodenal, hipertrofia erupção cutânea, ciclofosfamida, ciclosporina,
doses fracionadas. prostática ou, taquicardia, zumbido, clorambucila, corticotrofina,
Acima de 14 anos e obstrução do colo alterações visuais, mercaptopurina, isoniazida ou
adultos Geralmente 15 vesical, Doenças do xerostomia. Reações penicilina pode causar anemia ou
ml (12 mg) são sistema adversas com frequência nefrite periférica, devido a ação
suficientes. Para cardiovascular, desconhecida: distúrbios de antagônica destas drogas à
crianças menores de 2 hipertensão, coordenação, tremores, piridoxina. Estrogênios ou
anos, não há esquema hipertireoidismo e insônia, parestesia, neurite, anticoncepcionais podem
posológico constipação crônica convulsões, alucinações, aumentar as necessidades de
estabelecido. idiopática. É também histeria, desmaio, labirintite piridoxina. Ciproeptadina: o uso
contraindicado o
aguda, hipotensão, choque concomitante com
tratamento
anafilático, distúrbios antidepressivos tricíclicos, álcool
concomitante com
inibidores da sanguíneos, menstruação e maprotilina, potencializa os
monoaminoxidase. precoce, fadiga, calafrios, dor efeitos depressores sobre o SNC
Não deve ser de cabeça, aumento do devido a interação destas
administrado à apetite / ganho de peso, substâncias com ciproeptadina.
pacientes debilitados icterícia, insuficiência Além disso, haloperidol,
ou em ataque agudo de hepática, anorexia, náuseas, ipratrópio, fenotiazinas ou
asma. Qualquer vômitos, diarreia e procainamida podem ter seus
substância anti- constipação. A ciproeptadina, efeitos antimuscarínicos
histamínica não deve em pacientes de idade aumentados devido ao uso
ser usada por lactentes avançada, é mais comum que simultâneo com ciproeptadina.
e recém-nascidos cause confusão, sonolência, Não se recomenda o uso junto
prematuros. enjôos e secura na boca, com inibidores da MAO, pois
nariz ou garganta. Em pode prolongar e intensificar os
crianças podem ocorrer efeitos antimuscarínicos e
pesadelos, excitação não depressores do SNC dos anti-
habitual, nervosismo e histamínicos. Vitamina C: o uso
irritabilidade. Podem surgir simultâneo de barbitúricos ou
cansaço ou debilidades não primidona pode aumentar a
habituais, micção dificultada excreção de ácido ascórbico na
ou dolorosa, taquicardia, urina. O uso crônico ou em doses
erupção cutânea. A vitamina elevadas com dissulfiram pode
B6 pode causar neuropatia interferir na interação
sensorial ou síndromes dissulfiram-álcool. A acidificação
neuropáticas quando tomada da urina produzida pelo uso de
em doses de 50 mg a 2 por grandes doses de ácido ascórbico
dia por tempo prolongado, pode acelerar a excreção renal
progredindo desde andar de mexitelina. A prescrição
vacilante e pés entorpecidos conjunta com salicilatos aumenta
até adormecimento e a excreção urinária de ácido
desajeitamento das mãos; ascórbico. Piridoxina combinada
este quadro é reversível. com altretamina, cisplatina e
levodopa diminui o efeito da
última droga
CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO FIB
CAMPUS GILBERTO GIL
FARMÁCIA

TABELA INFORMATIVA SOBRE OS MEDICAMENTOS ISENTOS DE PRESCRIÇÃO MÉDICA


MIP’S

DISCIPLINA DE FARMÁCIA CLÍNICA


DOCENTE: FÁBIO
DISCENTE: VICTORIA EL AKKARI PONTES