Você está na página 1de 4

A IMPORTÂNCIA DO CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL NO

COTIDIANO
Francinildo De Souza Saraiva
Universidade Estadual do Ceará, Faculdade de Educação Ciências e Letras do Sertão
central,email:francinildo.saraiva@aluno.uece.br
Universidade Estadual do Ceará, Faculdade de Educação Ciências e Letras do Sertão central ,
email: jluzeilton@gmail.com
ORIENTADOR: JOÃO LUZEILTON OLIVEIRA
RESUMO
Este trabalho se organiza da seguinte forma: na introdução vai ser abordado um pouco
de como surgiu o cálculo diferencial e integral e sua necessidade, na metodologia é
exposto o referencial teórico em que se foi feito a pesquisa, buscando ao longo da
mesma mostrar sua aplicação cotidiana, essa foi feita de caráter teórico, sem
realizações experimentais. No resultado discutisse o quão pode é interessante
conhecesse o cálculo, contendo também uma seção sobre conclusão, onde será
abordado benefícios obtidos por a pesquisa.
Palavras-chave: Cálculo. Aplicação Cotidiana. Teórico.
1. INTRODUÇÃO
Este trabalho tem por finalidade mostrar as aplicações de cálculo na vida cotidiana,
é considerado de certo modo, uma disciplina em particular complexa, muitas vezes
até questionada a sua importância, já que só se ver falar dela nas universidades e
somente em cursos de exatas. O que é pouco conhecido é que graças a essa
ferramenta, temos grandes evoluções cientificas hoje, além de ser uma grande
amiga dos engenheiros e matemáticos.
Mas é bom conhecer suas raízes onde começou, e sua necessidade, para isso
precisa-se voltar até o Século XVII, onde começou a surgir aos poucos, mas até
hoje se discuti quem foi seu real criador, de um lado tem-se Newton, que após
alguns anos recluso em sua propriedade rural, descobre o cálculo, vindo a ser
chamado de Método de fluxos e fluentes, de outro lado temos Gottfried Leibnz, que
10 anos após os trabalhos de Isaac Newton, trás sua versão de cálculo, com novos
símbolos, linguagens e representações gráficas. Essa disputa pra tentar entender
quem realmente foi o verdadeiro criador , veio a ser chamado de guerra do cálculo.
1.1 GUERRA DO CÁLCULO
Newton acreditava que Leibnz, ao fazer uma visita à Londres em 1673, havia
estudado um de seus trabalhos, e que o mesmo o teria influenciado em suas
descobertas, o que foi suficiente para que Leibnz fosse chamado de ladrão. Por
tempos Newton e Leibnz trocaram ofensas, ambos conseguiram convencer colegas
pensadores a juntar-se nessa disputa, e, por muito tempo, a Europa se viu dividida
entre um dos 2. Isaac, por ser homem muito influente, contratou várias pessoas para
publicar artigos denegrindo seu adversário, porém, Gottfried não deixou barato e
revidou como pode, essa disputa seguiu por tempos, chegando até ao alto escalão
do governo europeu.
Após adoecer e ficar em sua cama por, aproximadamente, quatro meses, Gottfried
Leibnz faleceu em novembro de 1716 na Alemanha, sua terra natal. Mesmo com
sua morte, Isaac Newton continuou a publicar artigos em sua defesa, e conseguiu o
respeito e a certeza de todos de que havia descoberto o Cálculo antes de Leibnz.
Após sua morte, em 1727, toda a Inglaterra acreditava na veracidade de seus
documentos e atribuíam a ele a descoberta. Essa guerra mostrou o quão grande
foram e os inúmeros benefícios deixados por eles.
2. METODOLOGIA
A pesquisa foi realizada tendo como suporte, livros, monografias e artigos, visando
pontos mais específicos que viam a ser importantes do entendimento do tema.
Agora vai ser abordado como funciona o cálculo diferencial e integral em suas
definições intrínsecas.
2.1 LIMITE
Em uma forma breve pode se entender limite com as seguintes definições

Figura 1. Definições de limite

2.1.2 Aplicação de limites


Pegando agora um exemplo de como podemos aplicar limite no cotidiano o
seguinte exemplo: Para um produtor rural, calcular a produtividade de sua Terra e
a produtividade do trabalho, Considerando o exemplo, a seguinte função:
, onde P é a quantidade colhida de um determinado
produto (em toneladas), e X é o número de homens-hora empregados (em
milhares), e Y é o número de hectares plantados.
2.2 DERIVADAS
O desenvolvimento do cálculo diferencial está ligado às questões de tangente à uma
curva. A utilização de símbolos algébricos no estudo do cálculo contribuiu para o
desenvolvimento da Derivada. A derivada de uma função 𝑓 em um número h,
f ( x  h)  f ( x )
f ´( x )  lim
denotada por 𝑓′(x), é h 0 h

Podendo ser representada as vezes assim :


y’ y linha
dy
dx derivada de y em relação a x
df
dx derivada de f em relação a x

2.2.1 Aplicações de derivadas


Usar o seguinte exemplo cotidiano em que poderíamos aplicar a derivada para resolver
o problema: calcular a produção e a taxa de crescimento de um produto em relação ao
tempo: , função da produção onde x indica o capital e y o trabalho.
O capital cresce com o tempo “t” de acordo com a relação x=0,32t e o trabalho de acordo
com a relação y=0,2t².
2.3 INTEGRAL
Ao pensar em Cálculo Integral, logo nos vem à cabeça a palavra Quadratura, isso vem
de um passado onde os geômetras usavam o quadrado para calcular as áreas de figuras
planas, pois essa era figura mais simples para ser usada. Então a palavra Quadratura
passou a tornar-se sinônimo da determinação de áreas. No cálculo diferencial temos
também o inverso da derivada que é a antiderivada, ou como chamaremos, integral.
Logo 𝐹 será a antiderivada de 𝑓, num dado intervalo 𝐼, se 𝐹′(𝑥) = 𝑓(𝑥) para todo 𝑥
pertencente ao intervalo 𝐼.

2.3.1 Integral definida e Indefinida


Seja 𝑓 uma função contínua definida por 𝑎 ≤ 𝑥 ≤ 𝑏, dividiremos o intervalo[𝑎, 𝑏] em 𝑛
(b−a)
subintervalos de mesmo comprimento, Δ𝑥 = 𝑛 , seja 𝑥𝑘 um valor pertencente ao k-
ésimo intervalo, para 𝑘 = 1, 2, 3,..., 𝑛, então a integral de 𝑓 definida no intervalo [𝑎, 𝑏]
𝑏
será definida por: ∫𝑎 f(x)dx = lim ∑𝑛𝑘=1 f(xk )Δx
x→+∞

Apresenta as seguintes propriedades :

E podendo ser apresentada sem ser definida em [𝑎, 𝑏], apresentando uma
constante C , da seguinte forma: ∫ 𝑓(𝑥)𝑑𝑥 = 𝐹(𝑥) , então 𝐹′(𝑥) = 𝑓(𝑥)
2.4 APLICAÇÃO DE INTEGRAIS
Imagine o seguinte: Imagine um produto com valor de R$20,00 e que possui a
função de demanda definida por 𝑓(𝑥) = 40 − 2𝑥. Podemos observar que para 𝑦=20,
temos 20 = 40 − 2𝑥 =>2𝑥 = 20 => 𝑥 = 10. Aplicando a fórmula de excedente
teremos, (não tá mostrando, mas vai do intervalo [0, 10] ): ∫ (40 − 2𝑥 − 20)𝑑𝑥 => ∫
(20 − 2𝑥)𝑑x => 20𝑥 − 𝑥²
Substituindo os limites de integração, temos:
20(10) – 10^2 = 200 − 100 = 100
O que entende-se que nesta situação, ao comprar 10 unidades do produto, o
consumidor deixará de pagar 100,00 ao final da compra.
3. RESULTADOS E DISCUSSÕES
O cálculo é uma ferramenta de extrema importância no dia a dia, vendo que graças
a essa, pode-se sair de diversas situações onde conceitos básicos de matemática não
podem ser aplicados. Nas pesquisas realizadas sempre foi retratado sua
importância. O Cálculo Diferencial e Integral, também chamado de cálculo
infinitesimal, ou simplesmente Cálculo, é um ramo importante da matemática,
desenvolvido a partir da Álgebra e da Geometria, que se dedica ao estudo de taxas
de variação de grandezas (como a inclinação de uma reta) e a acumulação de
quantidades (como a área debaixo de uma curva ou o volume de um sólido). Onde
há movimento ou crescimento e onde forças variáveis agem produzindo aceleração,
o cálculo é a matemática a ser empregada, isso foi o que foi tentado ser repassado.
4. CONSIDERAÇÕES FINAIS
Sempre ouviu meus colegas indagando sobre a importância de se estudar cálculo,
já que não íamos usar para dar nossas aulas, e com esse trabalho consegui
amadurecer meus conceitos em relação a isso, já que entendi sua real importância,
e entender suas raízes, algo que ultrapassa definições e teoremas, teve relevância
para aprimorar meu curso. Todo profissional devia conhecer suas raízes, para saber
plantar sementes amanhã.
5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
DIAS, Gabriela Alves. Cálculo Diferencial e Integral e suas
Aplicações.2016.39f. Trabalho de Conclusão de Curso(graduação). Universidade
Estadual do Sudoeste da Bahia,Bahia,2009.
SOUSA, Veriano Cantinin De. A origem do cálculo diferencial e
integral.2001.27f. Trabalho de Conclusão de Curso(especialização).Universidade
Candido Mendes. Rio de Janeiro,2001.