Você está na página 1de 14

1/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA
DESCRIÇÃO
EVENTO ANÁLISE DO RISCO AÇÕES P/ SANAR RISCO RESPONSABILIDADES
DO RISCO
*Formar equipes
Parada de linha do Apêndice 1
Produção multifuncionais;
Falta de mão-de-obra cliente, gerando Apêndice 2
parada. *Planejar horas extras;
insatisfação. Apêndice 3
Formar turno adicional.
Perda da eficiência *Utilizar equipamento
Falha ou falta de Produção produtiva e parada de equivalente; Apêndice 4
equipamento parada. linha do cliente, *Alugar equipamento ou Apêndice 5
gerando insatisfação. subcontratar operação.
*Adquirir matéria-prima
em outro distribuidor ou
solicitar desvio ao cliente
para matéria-prima
Falta de matéria- Perda da eficiência
opcional.
Falta de matéria-prima/ prima e produtiva, e parada de Apêndice 6
*Estoque mínimo de 5 dias,
Componente acabado componente linha do cliente, Apêndice 7
baseados na média da
acabado. gerando insatisfação.
programação dos últimos 3
meses, o estoque deve ser
mantido fora da área
produtiva
Parada de linha do
Impossibilidade *Acionar a Eletropaulo,
Interrupção de energia cliente ou atraso nas
de produzir na produzir ou locação de Apêndice 8
elétrica entregas, gerando
unidade. gerador.
insatisfação.
Não recebimento de
Impossibilidade *Ligar para empresa
programas do cliente e
Falha no sistema de comunicação prestadora de serviço,
o não envio do aviso de Apêndice 9
telefônico com clientes e utilizar telefonia celular da
embarque com possíveis
fornecedores. supervisão e diretoria
paradas de linha.
Impossibilidade
Não envio do produto
de emissão de *Acionar o setor de
Falha no sistema ao cliente, gerando
notas fiscais e Informática/ Prestadora de Apêndice 10
informatizado parada de linha e
acompanhamento serviço Folhamatic.
insatisfação.
do processo.
*Acionar RH (no horário
Impossibilidade Parada de linha do das 7:30h às 17:18h)
de produzir e cliente, gerando *Acionar chefia que deve
Acidente de Trabalho demora de insatisfação e possíveis proceder, conforme Apêndice 11
atendimento do complicações na saúde apêndice 11 (no horário
lesionado. do colaborador. das 7h às 16:18h e 17h às
6h).
Destruição de máquinas
(equipamentos),
Pegar fogo na gerando possível
*Utilizar extintores;
unidade, parada de linha e Apêndice 2
Incêndio *Acionar corpo de
impossibilitando insatisfação do cliente, Apêndice 12
bombeiros.
produzir. podendo ocorrer
também riscos aos
colaboradores.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


2/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 1)


FALTA DE MÃO-DE-OBRA
1. Descrição:

Este documento trata de formar equipes multifuncionais, para que possamos atender nossas necessidades
de produção até o retorno da mão-de-obra titular da máquina (equipamento) ou serviço.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Ter no departamento, mais de uma pessoa que execute a mesma atividade, estando devidamente
treinada;
2.2 - O responsável da área pode deslocar outro funcionário para a atividade, conforme necessidade;
2.3 - Treinar e redistribuir atividades;

3. Grupos necessários: (de acordo com os departamentos)

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva - Enc. de Controle da Qualidade - ramal 229;
 Iran Andrade - Líder de Produção - celular 95314-0886;
 Ednaldo Silva - Diretor - ramal 207;
 Gideone L. A. Santos - Gerente Administrativo / Financeiro - ramal 206;

4. Procedimento:

4.1 - Equipes multifuncionais:


O responsável da área deve deslocar o funcionário, devidamente treinado, para a posição da mão-de-
obra ausente, quando esta ausência for inferior ou igual a 1 hora.
 Tempo estimado para ação: 15 min. (máximo).

4.2 - Redistribuição de atividades:


O responsável da área deve deslocar o funcionário e proceder conforme instruções da Qualidade e
documentação do posto de trabalho.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


3/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 2)


FALTA DE MÃO-DE-OBRA
1. Descrição:

Este documento trata do planejamento de horas extras para que possamos atender nossas necessidades de
produção.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Caso ocorra um aumento de produção ou uma ineficiência no atendimento ao cliente e o possível não
atendimento ao programa, o responsável da área deve solicitar liberação de horas extras para seu setor
junto a Gerência da área.

3. Grupos necessários: (de acordo com os departamentos).

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0886;
 Ednaldo Silva – Diretor – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Jorge Machado – Analista de RH – ramal 211;
 Raffael Duarte – Assistente de PCP – ramal 210;

4. Procedimento:

4.1 - Quando for necessário, o responsável da área deve listar todos os colaboradores e posteriormente
enviar para o departamento de RH para que se possa programar refeições.
 Tempo estimado para ação: aproximadamente 2 horas da finalização do Turno – 16:48h.
4.2 - Quando ocorrer a necessidade de horas extras aos finais de semanas ou feriados, proceder conforme
4.1.
 Tempo estimado para ação: Até 16:48 do dia anterior ao final de semana ou feriado.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


4/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 3)


FALTA DE MÃO-DE-OBRA
1. Descrição:

Este documento trata do planejamento de se formar turnos adicionais para que possamos atender nossas
necessidades de produção, atendendo nossos clientes.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Caso a ocorrência de horas extras se tornar uma rotina e não casos esporádicos, deve-se estudar a
possibilidade de criar turnos adicionais.

3. Grupos necessários: (de acordo com os departamentos).

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0886;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Jorge Machado – Analista de RH – ramal 211;
 Raffael Duarte – Assistente de PCP – ramal 210;
 Arthur Moreira – Diretor – ramal 228

4. Procedimento:

4.1 - Quando o responsável da área sentir que o número de horas extras ultrapassa o período de um turno
integral, devem procurar a Gerência da área e estudarem a possibilidade de criação de um turno a mais.
 Tempo estimado para ação: 7 dias.
4.2 - Quando a gerência prever possíveis aumentos de produção, deve reunir-se com os responsáveis de
áreas (juntamente com o planejador da produção - P.C.P.) para estudarem a possibilidade de criação
de um turno a mais.
 Tempo estimado para ação: 7 dias.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


5/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 4)


FALHA OU FALTA DE EQUIPAMENTO
1. Descrição:

Este documento trata da utilização de um equipamento equivalente (substituição), caso ocorra alguma falha
ou falta do equipamento original, ou seja, equipamento titular.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Quando ocorrer a falha ou falta de equipamento, o responsável da área utiliza um equipamento
equivalente.

2.2 - Quando não tiver um equipamento equivalente, estudar o tempo necessário para correção do mesmo.
2.2.1 - Caso seja possível esperar o recondicionamento do equipamento, aguardar a liberação do
mesmo (mas tal espera não pode gerar atrasos de entrega e consequente insatisfação dos clientes).
2.2.2 - Quando não for possível esperar o recondicionamento do equipamento, proceder conforme
Apêndice 5.

2. Grupos necessários: (de acordo com os departamentos).

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0886;
 Raffael Duarte – Assistente de PCP – ramal 210;

4. Procedimento:

4.1 - Quando ocorrer a falha ou falta de equipamento o responsável da área deve verificar a existência de
um equipamento similar e substituir o mais rápido possível (desde que haja horas disponíveis no
equipamento similar ou não comprometa as entregas necessárias de um outro produto ou cliente).
 Tempo estimado para ação: 1 hora.
4.2 - Quando não existir equipamento similar ou não for possível esperar o recondicionamento do mesmo,
proceder conforme Apêndice 5.
 Tempo estimado para ação: 1 hora.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


6/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 5)


FALHA OU FALTA DE EQUIPAMENTO
1. Descrição:

Este documento trata da utilização de equipamento alugado ou uma operação subcontratada, caso haja
alguma falha ou falta de equipamento original (titular) e inexista similares (ou não exista horas disponíveis
em similares).

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Quando ocorrer a falha ou falta de equipamento (e não existir similares), o setor necessitado deve
solicitar ao setor de Compras, a locação do equipamento ou subcontratar operação (terceirizar
temporariamente).

3. Grupos necessários: (de acordo com os departamentos).

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0886;
 Raffael Duarte – Assistente de PCP – ramal 210;

4. Procedimento:

4.1 - O responsável da área verifica a urgência da utilização do equipamento. Esgotado as possibilidades


internas, citadas no Apêndice 4 - item 4.1, deve-se contatar Compras, que através do cadastro de
fornecedores, solicita a locação do equipamento necessário ou contratação de terceirização do processo
(temporariamente). Verificar lista de fornecedores de serviços abaixo:
 Tempo estimado para ação: 1 dia no máximo

a) Usinagem:
Fornecedores Telefone Contato(s)
V.B TUBOS (11) 2085-2278 Renato Villas

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


7/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 6)


FALTA MATÉRIA-PRIMA
1. Descrição:

Este documento trata da aquisição de matéria-prima em distribuidores operacionais e solicitação de desvio


do cliente para utilização de matéria-prima opcional.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Procurar manter (se possível) mais de um fornecedor qualificado para matéria-prima, e manter em
nossa unidade (BEDAL) máquina disponível para corte para possíveis eventualidades.
2.2 - Elaborar sistema de solicitação de desvio ao cliente com matéria-prima opcional.

3. Grupos necessários:

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0886;
 José Donizeti – Analista de Planejamento – ramal 218

4. Procedimento:

4.1 - Caso ocorra a falta de matéria-prima (seja por falha do fornecedor, erro de programação, aumento de
programa, etc), o P.C.P. deve contatar Compras e buscar agilidade na compra do produto em outro
fornecedor (devidamente qualificado).
 Tempo estimado para ação: 2 dias.

Fornecedores Telefone Contato(s)


Usina TUBERFIL (19) 3936-9815 Ariele Cordeiro
Usina NACIONAL (11) 2462-7909 Alessandra Perea
Usina ARVEDI (11) 4456-0958 Gabriel Vieira
Trefilador POWER TUBOS (11) 4639-7505 Jusmar / Juraci
Trefilador V.B TUBOS (11) 2085-2278 Renato Villas

4.2 - Não encontrando material dentro das dimensões utilizadas em nosso processo (Tubos ou redondos),
o comprador deve adquirir material opcional, desde que, as propriedades do material estejam conforme
especificados em desenho, e em nada altere o produto final.
 Tempo estimado para ação: 1 dia.
4.3 - Caso a matéria-prima esteja fora do especificado no desenho o comprador ou o P.C.P., deve comunicar
a Qualidade que, solicitará desvio junto ao cliente conforme PBQ 8.3.01
 Tempo estimado para ação: 1 dia.

4.4 - Após processo de contingência, os departamentos de Compras, PCP e da Qualidade devem definir a
retomada do processo normal, levando em consideração a causa da contingência.
IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18
8/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 7)


FALTA DE COMPONENTE ACABADO
1. Descrição:

Este documento trata das providências a serem tomadas, caso os Apêndices 1, 2, 3, 4, 5 e 6 não ocorra como
previsto ou o tempo de retomada do processo normal não seja hábil para atender o programa do cliente.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Utilizar estoque de 5 dias, baseados na média da programação dos últimos 3 meses, o estoque deve
ser mantido fora da área produtiva, de maneira a assegurar o fornecimento no caso de interdição
judicial ou por motivos de força maior.

3. Grupos necessários:

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 José Donizeti – Analista de Planejamento – ramal 218
 Raffael Duarte – Assistente de PCP – ramal 210;

4. Procedimento:

4.1 - Deve-se produzir um lote de cada item conforme descrito no tópico 2.1

4.2 Caso o lote de segurança seja utilizado por requisição do cliente por motivo de teste, aumento de
produção ou outros motivos o P.C.P. deve elaborar um lote a fim de substituir o lote de segurança
utilizado em caráter de urgência, se por motivos de capacidade ou entrega de programa do cliente não
for possível a reposição do material, verificar tabela abaixo:

Tempo
Situação Ação
Estimado
O P.C.P. programa a produção do
produto em questão, adequando
Matéria-prima em estoque 1 dia
carga máquina a situação
emergencial.
Sem matéria-prima em Proceder conforme Apêndice 6 e
1 dia
estoque Apêndice 2 (se necessário).

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


9/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 8)


INTERRUPÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA
1. Descrição:

Este documento trata das ações a serem tomadas, caso ocorra uma interrupção no fornecimento de energia
elétrica.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Elaborar uma sistemática, para que, caso falte energia elétrica, consigamos produzir com fonte
alternativa, determinando pessoas e locais a serem procurados, caso ocorra tal situação.

3. Grupos necessários:

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 José Orlando – Mecânico de Manutenção;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 José Donizeti – Analista de Planejamento – ramal 218

4. Procedimento:

4.1 - Caso ocorra a falta de energia elétrica, proceder conforme tabela abaixo:

Telefone /
Evento Responsável(eis) Tempo Estimado
Contato
Verificar se não houve queda José Orlando – Mecânico de
------------------- Imediatamente
no disjuntor Manutenção;
O pessoal do Administrativo são 196 / Após checagem
os responsáveis pelo acionamento. Funcionário de disjuntor, caso seja
Acionar Eletropaulo
Caso haja necessidade, solicitar Plantão 0800 problema externo ligar
auxílio junto a Compras 727 2120 imediatamente p/ AES
Locação de gerador (se O departamento de Compras
2 dias (máximo)
necessário solicita locação de gerador.

 Se necessário proceder conforme Apêndice 2.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


10/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 09)


FALHA NO SISTEMA TELEFÔNICO
1. Descrição:

Este documento trata das ações a serem tomadas, caso haja uma interrupção no sistema telefônico.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Caso ocorra uma falha no sistema telefônico, devemos nos apoiar em linhas alternativas (celulares),
para eliminarmos tais problemas o mais rápido possível, de maneira que não prejudique o atendimento
aos parceiros (clientes e fornecedores).

3. Grupos necessários:

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:


 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Bruna Oliveira – Assistente Financeiro – ramal 201
 Jéssica Rissoni – Assistente Fiscal – ramal 203
 Jorge Machado – Analista de RH – ramal 211;

4. Procedimento:

4.1 - Caso ocorra falha no sistema telefônico, proceder conforme tabela abaixo:

Evento Responsáveis Telefone / Contato Tempo Estimado

Ramal – 206 /
Ligar para a empresa Gideone L. A.
Celular (11) 98364- 1 dia (máximo)
prestadora de serviço. Santos
9657
Utilizar telefone celular Ednaldo Silva
da supervisão, gerência Cleber Ap. ------ Imediato
ou diretoria. Gideone

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


11/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 10)


FALHA NO SISTEMA INFORMATIZADO
1. Descrição:

Este documento tem por finalidade, manter os processos críticos informatizados em funcionamento. No
caso de algum eventual problema.

1.1) Emissão de Nota Fiscal:

Colaboradores qualificados e aptos a acionar o plano de contingência conforme Qualificação de Cargos:

 Jéssica Rissoni – Assistente Fiscal - ramal 203;


 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;

Até 30 minutos não necessita de contingência:

 Falta de Energia:
Proceder conforme Apêndice 8

 Problema Hardware:
Contatar o suporte através do ramal 229, caso o problema seja irreversível deve-se emitir nota fiscal no
computador do Dpto, financeiro
 Tempo máximo para definição: 30 minutos

 Problema Software:
Contatar o suporte da SAGE através do telefone (11) 3004-3303. Caso não haja solução até 30 minutos, o
setor Fiscal / Faturamento fica em regime de alerta aguardando a chegada de comunicação interna de
solicitação de nota fiscal, priorizado previamente pelo solicitante, emitir a nota fiscal através da máquina
do departamento financeiro, se o problema for devido a bloqueio deve-se entrar em contato urgente para
sanar o problema.

 Falta de Pessoal (operador):


Na ausência do colaborador qualificado, entrar em contato com o Sr. Gideone L. A. Santos, através do
ramal 206 ou celular (11) 98364-9657.
 Após processo de contingência, o setor Fiscal / Faturamento deverá atualizar dados através do sistema
informatizado.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


12/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

1.2) Emissão de Pedido de Compras:

Colaboradores qualificados e aptos a acionar o plano de contingência conforme Qualificação de Cargos:

 José Donizeti – Analista de Planejamento – ramal 218

Até 24 horas não necessita de contingência:


 Falta de Energia:
Proceder conforme Apêndice 8

 Problema Hardware:
Contatar o suporte através do ramal 229, caso o problema seja irreversível deve-se emitir pedido de compra
no computador do Dpto. Produção
 Tempo máximo para definição: 30 minutos

 Problema Software:
Contatar o suporte da SAGE através do telefone (11) 3004-3303. Caso não haja solução até 30 minutos, o
setor de Compras fica em regime de alerta aguardando a chegada de comunicação interna de solicitação de
compras, priorizado previamente pelo Sr. Ednaldo, emitir pedido de compras através da máquina do
departamento de Produção, se o problema for devido a bloqueio deve-se entrar em contato urgente para
sanar o problema, em casos excepcionais o pedido de compras pode ser realizado formalmente via e-mail
através da ferramenta MS Outlook.

 Falta de Pessoal (operador):


Na ausência do colaborador qualificado, entrar em contato com o Sr. Iran Andrade através do celular
(11)953140886.
Após processo de contingência, o setor de Compras deverá atualizar dados através do sistema
informatizado.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


13/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 11)


ACIDENTE DE TRABALHO
1. Descrição:

Este documento trata das ações a serem tomadas caso ocorra um acidente de trabalho.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Ter no departamento um responsável por encaminhar adequadamente o funcionário lesado, aos locais
corretos sem perder tempo, protegendo a saúde dos colaboradores e não gerando futuros transtornos
para a empresa e ao próprio colaborador.

3. Grupos necessários: (conforme necessidade).

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:

 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;


 Jorge Machado – Analista de RH – ramal 211;
 Ednaldo Silva – Gerente Geral – ramal 207;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0886;
 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 José Damião – Almoxarifado – ramal 221

4. Procedimento:

4.1 - Quando ocorrer acidentes de trabalho levar o colaborador ao RH, para que as providências sejam
tomadas.
 Tempo estimado para ação: Imediato.

4.2 - Quando ocorrer acidentes de trabalho fora do horário comercial (7h às 16:48h), proceder conforme
descrito abaixo:
 Acionar Convênio médico do funcionário se aplicável, caso o funcionário não tenha convênio médico
encaminha-lo ao UPA Rua Valdomiro Luiz, 303 - Jardim Ns. de Fatima, São Bernardo do Campo.

4.2.1 - O que mais devo fazer?


 O Colaborador deve ser encaminhado para os primeiros socorros na Bedal, que é realizado pelo Sr. José
Damião.
 Encaminhar funcionário para UBS R. Manuel Carneiro, 120 - Batistini, São Bernardo do Campo - SP,
09842-039
 Notificar imediatamente ao RH da empresa sobre o acidente, suas características, data, horário, local,
máquina, parte do corpo atingida e a ação que a desencadeou para a confecção da CAT em 24 horas
 O envio da CAT e o respectivo RAT, com atestado válido com CID e CRM do médico é enviado ao
INSS de São Bernardo do Campo, o envio do mesmo deve ocorrer até 48 horas após o acidente.

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18


14/14

BEDAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA

PLANO DE CONTINGÊNCIA (Apêndice 12)


INCÊNDIO
1. Descrição:

Este documento trata das ações a serem tomadas, caso ocorra incêndio na unidade.

2. Ação a ser tomada:

2.1 - Executar treinamento de brigada de incêndio para que possamos tomar as ações de maneira correta e
rápida.

3. Grupos necessários:

As seguintes pessoas estão envolvidas neste processo de contingência:

 Cleber Ap. da Silva – Enc. de Controle da Qualidade – ramal 229 – celular (11) 94157-3070;
 Iran Andrade – Líder de Produção – celular (11) 95314-0
 Ednaldo Silva – Diretor – ramal 207;
 Gideone L. A. Santos – Gerente Administrativo / Financeiro – ramal 206;
 Jorge Machado – Analista de RH – ramal 211;
 Raffael Duarte – Assistente de PCP – ramal 210;
 Bruna Oliveira – Assistente Financeiro – ramal 201
 Jéssica Rissoni – Assistente Fiscal – ramal 203
 José Donizeti – Analista de Planejamento – ramal 218

4. Procedimento:

4.1 - Caso ocorra incêndio, proceder conforme tabela abaixo:

Telefone /
Evento Responsáveis Tempo Estimado
Contato
Utilizar extintores  Todos os cipeiros. ------------------- Imediato
Acionar Corpo de  Qualquer colaborador da
193 / Funcionário de Plantão Imediato
Bombeiro empresa.

HISTÓRICO DE REVISÕES
Revisão Data Descrição da Alteração
0 16/05/2018 EDIÇÃO INICIAL

IT-GQ 11 - REV. 00 - 16/05/18