Você está na página 1de 4

Namo Ratna Trayaya Namo Arya Gyana Sagara Berotsana Buha Radzaya Tathagataya Arhate

Samyaksam Buddhaya Namo Sarwa Tathagatabhye Arhatebye Samyaksam Buddhebye Namo


Arya Awalokite Shoraya Bodhisattoya Mahasattoya Mahakarunikaya Tayatha Om Dara Dara
Diri Diri Duru Duru Itte Wate Tsale Tsale Partsale Partsale Kusume Kusume Ware Ihlimili Tsitti
Dzola Apanaye Soha.

Tal com AVALOKITESHVARA desce no mundo, e como cada raio de sua compaixão é
semelhante a uma mão auxiliadora estendida aos que necessitam de ajuda, assim cada sílaba
do seu mantra está repleta com a força e a devoção do seu amor. Por isto é perfeitamente
natural que as seis sílabas sagradas estejam concebidas em justaposição às seis esferas, de
cujos sofrimentos elas são os meios de socorrer, liberando os seres das suas ilusões e apegos.
Para os que se abrem à força do mantra, isto é, para os que não só acreditam na sua eficácia,
mas os que preenchem com a força da sua própria devoção, não é suficiente guardar em
mente, somente a sua própria salvação, mas precisam igualmente serem movidos pelo desejo
de contribuir para as possibilidades de liberação de todos os outros seres viventes.

Devido a esta razão, o Sádhaka - após ter percorrido os vários planos e etapas da realidade
espiritual, contidos no mantra - volta sua mente para as diferentes classes de seres, e
enquanto pronuncia uma das seis sílabas sagradas, dirige a sua atenção à uma destas seis
esferas.

Assim, cada sílaba torna-se um veículo para a realização da força compassiva de


AVALOKITESHVARA, e ao mesmo tempo o Sádhaka torna-se consciente da natureza
insatisfatória de cada um destes estados de existência. Por isto se diz que, quando se recita a
fórmula sagrada com o coração sincero, isto não pode ser somente uma bênção para todos os
seres viventes, mas pode ao mesmo tempo fechar os portais do renascimento naquelas
esferas para o Sádhaka. Porque estados de existência, que originaram nossa compaixão,
perderam seu atrativo para nós, por maior que nossa simpatia possa ser. Daquilo que nós
queremos libertar os outros, não pode ser mais para nós, objeto de desejo.
Sutra do Coração

OM, homenagem à venerável perfeição da sabedoria!

O bodhisattva Avalokiteshvara, em profunda meditação Prajna Paramita


viu claramente a vacuidade da natureza dos cinco agregados
e libertou-se da dor.

Ó Shariputra, forma não é senão vacuidade,


Vacuidade não é senão forma;

Forma é precisamente vacuidade,


vacuidade precisamente forma.
Sensação, percepção, reação e consciência
são também assim.

Ó Shariputra, todas as coisas são expressões da vacuidade.


Não nascidas, não destruídas; não maculadas, não puras,
Sem crescimento nem declínio.
Assim na vacuidade não há forma,
Sensação, percepção, reação nem consciência;
Não há olhos, ouvidos, nariz, língua, corpo, mente;
Não há cor, som, odor, sabor, tato, objeto;
Não há campo de visão nem campo de consciência;
Não há ignorância nem fim da ignorância.
Não há velhice e morte nem cessação da velhice e da morte;
Não há sofrimento nem causa do sofrimento.
Não há caminho, não há sabedoria nem proveito.

Sem proveito – assim os Bodhisattvas vivem esta Prajna Paramita


Sem obstáculos na mente.
Sem obstáculos e por isso sem medo.
Muito para além das ilusões, Nirvana é aqui.
Todos os Budas passados, presentes e futuros vivem esta Prajna Paramita
E alcançam a suprema, perfeita iluminação.

Por isso deves saber que Prajna Paramita é o sagrado mantra;


o mantra de grande sabedoria, o melhor mantra.
O mantra luminoso, o mantra supremo,
O mantra incomparável
Que dissipa todo o sofrimento.
Isto é verdade.
Por isso pratica o mantra da Prajna Praramita
Pratica este mantra e proclama:

GATE GATE PARAGATE PARASAMGATE BODHI SVAHA!

Isto completa o Coração da Venerável Perfeição da Sabedoria.

MANTRA DE INVOCAÇÃO DO LÓTUS KUAN YIN

Mantra: NAMO KUAN SHIH YIN PU’SA

Este é o mantra de invocação do Lótus Sagrado, se você quiser entrar nessa


sintonia comece a entoá-lo no seu dia a dia. Viva o agora, confie em Kuan Yin e
se não conseguir confiar, peça a ela que o faça confiar, peça fé e confiança
todos os dias, pois ela tem um jeito muito objetivo de nos provar que está por
perto. Quando você tiver fé o suficiente, somente pronunciar seu nome será
bastante para que qualquer mal desapareça e a perfeição se manifeste em sua
vida. Ao pronunciarmos um mantra com respeito e devoção, formas
pensamento emanadas pelo som produzido, se unem à formas idênticas
emitidas por todos que entoam o mesmo mantra, no tempo e no espaço,
criando um campo vibracional muito poderoso e retornam ao ponto de origem,
ou seja, às pessoas que pedem pelas bênçãos do mantra e o cantam com fé.

Esse mantra chama ou invoca a presença de Kuan Yin dentro do devoto.


Também é cura para o coração. Eu me refugio na Luz de Kuan Yin
Saudações à Kuan Yin, a mais Compassiva e Misericordiosa Bodhisattva.
Repetir esse mantra em múltiplos de 108x.

Significado: Eu me refugio na Luz de Kwan Yin. Eu Chamo pela


Bodhisattva Kuan Yin, Aquela que vê e ouve o sofrimento do Mundo.

Namo (Sânscrito) - uma homenagem ao Sagrado nome de Kuan Yin,


Salve !
Kuan (Chinês) - aquela que cuida e observa
Shih (Chinês) - o mundo
Yin (Chinês) - Som / Voz
Pu ’Sa (Sânscrito) - Bodhisattva

Poderoso mantra da Amada Kuan Yin. Ao pronunciarmos um mantra com


respeito e devoção, formas pensamento emanadas pelo som produzido, se
unem à formas idênticas emitidas por todos que entoam o mesmo mantra, no
tempo e no espaço, criando um campo vibracional muito poderoso e retornam
ao ponto de origem , ou seja, às pessoas que pedem pelas bênçãos do mantra
e o cantam com fé.
Mantra de Kuan Yin: NAMO KUAN SHIH YIN PU’SA

Pronuncia Fonética: NAMÓ GUAN-CHEER-IIN PUSSÁ

Você também pode gostar