Você está na página 1de 1

A IGREJA EXEMPLAR DE TESSALÔNICA

1 Tessalonicences 1.1-10

Tessalônica era a capital da província romana da Macedônia. A igreja cristã nessa


cidade foi fundada durante a segunda viagem missionária de Paulo no ano 49 d.C.
(cf. At 17.1-10). Paulo escolheu o caminho que passava pela sinagoga. Muito cedo
surgiram os conflitos que desembocaram na perseguição dos cristãos dessa jovem
igreja.

A igreja consistia quase só de cristãos-gentios (1.9; 2.14). Teve um


desenvolvimento exemplar (1.8ss). O relacionamento entre o apóstolo e a igreja
era de confiança mútua (2.9-12,17,19s).

Em 3.1-6 percebemos que Paulo estava preocupado com o desenvolvimento da


igreja. Por isso enviou Timóteo a Tessalônica; ele permaneceu em Atenas. Em
Corinto se encontrou novamente com Timóteo, que lhe trouxe boas notícias de
Tessalônica, mas também indicações de alguns possíveis desvios na igreja.

Paulo precisa contar — como em outros lugares — com desconfianças pessoais


por parte dos judeus (cf. 2.1-16). A igreja estava insegura e ansiosa por causa da
morte de alguns dos seus membros, pois estes tinham achado que participariam
da segunda vinda de Jesus. Como ficaria isso (4.13ss; 5.1ss)? Provavelmente
também havia membros que estavam ficando relaxados no seu trabalho diário
(4.3ss,11s; 5.6ss,12s,19s). Paulo responde a essas questões como conselheiro,
sem esboçar um ensino sistemático a respeito.