Você está na página 1de 17

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento Confundimento
Exemplo
Seminário da disciplina LCE5705 – Estatı́stica Experimental
Fatoriais
Fracionados I
Referências

Bruno Koga

ESALQ – USP

11 de outubro de 2018
Sumário

Confundimento

Bruno Koga

Introdução 1 Introdução
Confundimento

Exemplo

Fatoriais
2 Confundimento
Fracionados

Referências
3 Exemplo

4 Fatoriais Fracionados

5 Referências
Introdução

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento

Exemplo

Fatoriais
Fracionados Introduzir o conceito de confundimento e de fatorial fracionado,
Referências além de apresentar um exemplo sobre confundimento.
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento
Uma das grandes desvantagens dos experimentos fatoriais
Exemplo
é o crescimento rápido do número de tratamentos a serem
Fatoriais
Fracionados testados, tanto pelo número de fatores quanto pelo
Referências número de nı́veis de cada fator, tornando muitas vezes
impraticável a sua execução;
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento
Uma das grandes desvantagens dos experimentos fatoriais
Exemplo
é o crescimento rápido do número de tratamentos a serem
Fatoriais
Fracionados testados, tanto pelo número de fatores quanto pelo
Referências número de nı́veis de cada fator, tornando muitas vezes
impraticável a sua execução;
Para resolver este problema, usa-se o conceito de
confundimento;
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga
Confundimento consiste em dividir os tratamentos em
Introdução
blocos incompletos de tal forma que certos efeitos
Confundimento
(principais ou de interação) têm como estimadores os
Exemplo
mesmos contrates ou combinações de tratamentos que
Fatoriais
Fracionados estimam os efeitos destes blocos;
Referências
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga
Confundimento consiste em dividir os tratamentos em
Introdução
blocos incompletos de tal forma que certos efeitos
Confundimento
(principais ou de interação) têm como estimadores os
Exemplo
mesmos contrates ou combinações de tratamentos que
Fatoriais
Fracionados estimam os efeitos destes blocos;
Referências
Recomenda-se que o confundimento seja realizado com
interações de ordem maior e, portanto, de interpretação
extremamente dificı́l ou de pouca importância, ou, então
em interações em que o pesquisador não tem interesse;
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga
Confundimento consiste em dividir os tratamentos em
Introdução
blocos incompletos de tal forma que certos efeitos
Confundimento
(principais ou de interação) têm como estimadores os
Exemplo
mesmos contrates ou combinações de tratamentos que
Fatoriais
Fracionados estimam os efeitos destes blocos;
Referências
Recomenda-se que o confundimento seja realizado com
interações de ordem maior e, portanto, de interpretação
extremamente dificı́l ou de pouca importância, ou, então
em interações em que o pesquisador não tem interesse;
O uso do confundimento acarreta em uma estimação mais
precisa do erro experimental e dos fatores ou efeitos não
confundidos.
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga
O confundimento pode ser de dois tipos:
Introdução
Total: quando em todas as repetições, para a divisão do
Confundimento
bloco em blocos incompletos, se usa o mesmo contraste de
Exemplo
definição;
Fatoriais
Fracionados

Referências
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga
O confundimento pode ser de dois tipos:
Introdução
Total: quando em todas as repetições, para a divisão do
Confundimento
bloco em blocos incompletos, se usa o mesmo contraste de
Exemplo
definição;
Fatoriais
Fracionados Parcial: quando se utilizam contrastes de definição
Referências diferentes nas distintas repetições.
Para o confundimento, a divisão dos blocos completos em
blocos incompletos se faz sempre seguindo a definição do
fatorial, ou seja, fatoriais de base 2, podem ter blocos
incompletos com a metade, um quarto, um oitavo, etc,
dos tratamentos; os de base 3 teriam um terço, um nono,
etc, dos tratamentos.
Confundimento

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento

Exemplo
O problema do confundimento, tendo em vista a
Fatoriais
Fracionados distribuição dos tratamentos pelos blocos, de maneira a só
Referências confundir com eles interações de ordem elevada (de três ou
mais fatores), é bastante difı́cil, salvo em casos particulares
.
Exemplo

Confundimento

Bruno Koga
Exemplo:Produções, em t/ha, de parcelas de um experimento
Introdução
de adubação no esquema fatorial 23 , casualizado em blocos,
Confundimento
apresentando 4 blocos, cujos fatores são a presença de
Exemplo

Fatoriais
adubação com nitrogênio (N), fósforo (P) e potássio (K), em
Fracionados uma cultura de milho.
Referências Se colocarmos os tratamentos em blocos de 4 parcelas, de tal
forma que no contraste referente à interação N:P:K os
tratamentos fiquem com sinal + fiquem num bloco e os com
sinal − fiquem em outro bloco, então o efeito da interação
ficará confundido com o dos blocos, ou seja, o contraste
estimará ao mesmo tempo a interação N:P:K e a diferença
entre os blocos.
Fatoriais Fracionados

Confundimento

Bruno Koga

Introdução
Quando o número de fatores ou o número de nı́veis de
Confundimento
cada fator é elevado, o total de tratamentos a ensaiar é
Exemplo extremamente grande, o que torna, em geral, impraticável
Fatoriais a sua aplicação completa;
Fracionados

Referências
Fatoriais Fracionados

Confundimento

Bruno Koga

Introdução
Quando o número de fatores ou o número de nı́veis de
Confundimento
cada fator é elevado, o total de tratamentos a ensaiar é
Exemplo extremamente grande, o que torna, em geral, impraticável
Fatoriais a sua aplicação completa;
Fracionados

Referências
Nesses casos, a melhor solução é usar-se apenas partes dos
tratamentos, eliminando muitos deles do experimento;
Fatoriais Fracionados

Confundimento

Bruno Koga

Introdução
Quando o número de fatores ou o número de nı́veis de
Confundimento
cada fator é elevado, o total de tratamentos a ensaiar é
Exemplo extremamente grande, o que torna, em geral, impraticável
Fatoriais a sua aplicação completa;
Fracionados

Referências
Nesses casos, a melhor solução é usar-se apenas partes dos
tratamentos, eliminando muitos deles do experimento;
Estes tipos de experimentos denominam-se fatoriais
fracionados. Nele, o experimento fatorial é fracionado a
fim de identificar quais variáveis são ou fatores influenciam
no experimento, e assim, realizar um experimento mais
detalhado, apenas com os fatores que importam;
Fatoriais Fracionados

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento

Exemplo

Fatoriais
Fracionados
Na construção de um ensaio fatorial fracionado, o
Referências procedimento mais indicado é o uso dos contrastes de
definição de confundimento.
Referências

Confundimento

Bruno Koga

Introdução

Confundimento
ZIMMERMANN, F.; Estatı́stica aplicada à
Exemplo

Fatoriais
pesquisa agrı́cola. Santo Antônio de Goiás, Embrapa
Fracionados Arroz e Feijão, 2004.
Referências

PIMENTEL-GOMES,F.;GARCIA,C.; Estatı́stica
aplicada a experimentos agronômicos e
florestais. Piracicaba, FEALQ, 2002.