Você está na página 1de 26

Audrey Nogueira de Oliveira Lima

engenheiro civil

(19.07.2018)
Audrey Nogueira de Oliveira Lima

- Técnico em edificações;

- Engenheiro Civil;

- Especialista em Gerenciamento de obras, desempenho e qualidade da construção;

- Gestor de obras;

- Vice-presidente da ABENC (Associação Brasileira de Engenheiros Civis);

- Participação em construções e reformas de hospitais, escolas, condomínios, prédios


comerciais, residenciais e governamentais, rodovias e obras de artes especiais, iluminação
pública, automação, redes de baixa e média tensão.
Conceitos gerais
NÍVEIS DO CONHECIMENTO:

1º NÍVEL: DESCONHECER – (não sabe que não sabe)


2º NÍVEL: A PAR – informação, teoria. (pensa que sabe)
3º NÍVEL: CONHECER – prática, formação. (sabe que não sabe)
4º NÍVEL: SABER – consciente. (sabe o que sabe)
5º NÍVEL: DOMINAR – inconsciente inerente. (não sabe o que sabe).

Alguém vai herrar!


O óbvio não é óbvio!!
Herrar é umano!
Notícias históricas
Notícias da atualidade
Gestão por
competências
Conceitos específicos

http://michaelis.uol.com.br

www.lexico.pt

http://michaelis.uol.com.br
Competência - conceituação
Gestão por competências - Tempo e movimentos

OPERÁRIO DE FÁBRICA
MECÂNICO
•Nasceu rico.
ENCARREGADO
•Obsessivo e •Trabalhou
compulsivo. por Hobby CHEFE
Media tudo. •Investigador
ENGENHEIRO
•Era
incansável.
•Trabalhou
para várias
empresas.
De acordo com Davis, Aquilano e Chase (2001, p. 34):
A essência da filosofia de Taylor era que leis cientificas governam
o quanto um trabalhador pode produzir por dia, e que é função da
administração descobrir e usar estas leis na operação de
sistemas produtivos (e a função do trabalhador é executar os
desejos dos administradores sem questioná-los).
Gestão por competências - noção
Competência
GESTÃO
de projetos; de pessoas; da qualidade; ambiental; de desempenho.
Planejamento, acompanhamento e controle;

HABILIDADE
GERENCIAMENTO
Conhecimento interdisciplinar;
Visão holística e sistêmica;
Sinergia;
recursos, resultados. LIDERANÇA
CONHECIMENTO

Foco;
Empreendedorismo;
dirigir, motivar, inovar. Segurança do trabalho;

ADMINISTRAÇÃO Meio ambiente;


Política, sociedade e cultura;
Criatividade;
instituição, organização, empresa, entidade. Qualidade;

ATITUDE
Assertividade;

ENGENHARIA
Decisões;

REENGENHARIA Restrições;
Leis e normas;
solução, produção. construção enxuta. Recursos;
Racionalização;

OBJETIVO
Eficiência e eficácia;

SUCESSO Efetividade;
Desempenho;

TALENTOS terminalidade, resultado.


Indicadores;
Relatórios, Arbitragens;
Flexibilidade.
Competência na
organização
CONHECIMENTO
saber

COMPETÊNCIA

ATITUDE HABILIDADE
querer fazer saber fazer
Competência – níveis do CHA
Somos incompetentes inconscientemente, sem saber nem mesmo o quanto não
sabemos. É o estado de ignorância mediante habilidades a serem descobertas, em
geral na fase inicial da carreira.5

ic inconscientemente competente
não sabe o que sabe / risco da insistência (ii)
cc sabe conscientemente competente

CHA
ci conscientemente incompetente
sabe que não sabe
ii inconscientemente incompetente
não sabe que não sabe

LI NHA DO TEMPO

https://www.tiespecialistas.com.br/2011/10/gestao-por-competencias-se-faz-por-cha-perfil/
Gestão por competências – como funciona?
O departamento de recursos humanos (RH) deve:
 auxliar nas definições das competências necessárias para os cargos;
 recrutar, selecionar, alocar, observar e colaborar para o ciclo contínuo do processo.

O gestor deve:
 identificar as competências necessárias;
 acompanhar as entregas de processos pelas pessoas;
 dar um feedback aos envolvidos (subordinados, superiores e RH).

A empresa deve:
 permitir e oferecer subsídios para a gestão por competências.

O empregado/colaborador deve:
 Verificar seus conhecimentos, habilidades e atitudes em prol do resultado planejado.

A gestão por competência deve:


 permitir a identificação de ações a serem tomadas, como correções, premiações e promoções;
 viabilizar o controle de metas por desempenho observado.
E1

Gestão por competências - ciclo na prática


• RH e responsáveis • Acompanhamento
definem as das competências
competências que existentes.
precisam.

MAPEAR AVALIAR

MONITORAR DESENVOLVER

• Dar feedback. • Incentivar e


contribuir para o
aprendizado.

http://guilhermebrozoski.com.br/gestao-por-competencias-como-transformar-gatos-em-leoes/
Gestão por competências - da estratégia ao desempenho
Gestão por competências - gap
Gestão por competências - liderança
Gestão por competências - motivação
Gestão por competências - administração do conflito
Gestão por competências - vantagens
Gestão por competências
como implantar

https://endeavor.org.br/gestao-por-competencias/

https://www.catho.com.br/carreira-sucesso/gestao-rh/o-que-e-e-a-importancia-da-gestao-por-competencias
Gestão por competências - gestor da construção civil - CHA
CONHECIMENTOS HABILIDADES ATITUDES
sensibilidade no trato com os elementos
visão sistêmica da equipe, da chefia, com os clientes e ter senso crítico
fornecedores
domínio sobre qualidade total, segurança no capacidade de delegar, de realizar o
ter ética profissional
trabalho e preservação do meio ambiente trabalho através dos subordinados

compreensão dos problemas administrativos,


liderança organizado
econômicos, políticos e sociais

entender do empreendimento como um todo boa comunicação ter aspiração na carreira

conhecimentos de planejamento e controle da


gerenciamento de custos ter uma postura ativa
produção
desenvolvimento profissional
domínio da língua inglesa e de informática negociação
contínuo
entender de questões jurídicas e ter
conhecimentos gerais
Eficiência, Eficácia e Efetividade

EFICIÊNCIA (Fazer certo a coisa; Foco no processo; Reduzir os custos)

EFICÁCIA (Fazer a coisa certa; Foco no produto; Aumentar o lucro)

EFETIVIDADE (Fazer certo as coisas úteis; Mede o grau de utilidade dos


resultados, se atingiu a necessidade e satisfação do cliente/usuário)

INDICADORES (Medir processos; Vislumbre de melhorias; Tomadas de decisão)

“Se você não mede algo, você não pode entender o processo. Se
você não entende o processo, você não consegue aperfeiçoá-lo”.
(Peter Druker)
“Futuro não é uma consequência irreversível do passado. Tendência não é destino.”
(AUTOR DESCONHECIDO)

Audrey Nogueira de Oliveira Lima


técnico em edificações
engenheiro civil
(87)9.8832-1978
audreynogueira@gmail.com

Você também pode gostar