Você está na página 1de 8

Aula 02

Conhecendo as operações de Multiplicação e Divisão

META DA AULA  Apresentar o significado das operações de multiplicação e divisão (com números
META DA AULA
 Apresentar o significado das operações de
multiplicação e divisão (com números naturais)
através dos diversos aspectos do cotidiano e do meio
profissional.
OBJETIVOS
Ao final desta aula você será capaz de:.
Identificar as principais características das operações de
multiplicação e divisão;
Aplicar convenientemente as operações de multiplicação e
divisão na resolução de situações-problema;
Utilizar procedimentos de cálculo – mental, escrito ou por
estimativa – em função da situação-problema proposta;
Utilizar procedimentos para desenvolver habilidades e
técnicas de cálculo que envolvam as operações de
multiplicação e divisão com números naturais.

Matemática

Multiplicação e Divisão

Introdução

As operações de multiplicação e divisão desta aula vão ser uma revisão do conhecimento de estudos que você já adquiriu. Entretanto, vamos procurar situar essas operações em contextos do seu cotidiano. Vamos desenvolver habilidades para estimar resultados e calcular mentalmente problemas do nosso dia a dia que utilizam as operações de multiplicação e divisão. Com isso, vamos melhorar o nosso desempenho em cálculos, fazendo com que você adquira, aprimore e estimule os diferentes tipos de problemas

Anotações

Matemática

Multiplicação

Matemática Multiplicação Figura: Pedro está fazendo uma pesquisa de preços de bicicletas. Fonte: www.sxc.hu A

Figura: Pedro está fazendo uma pesquisa de preços de bicicletas.

Fonte: www.sxc.hu

A multiplicação com números naturais é usada em várias situações. Veja o exemplo a seguir:

Em uma promoção de final de estoque, Pedro encontrou uma bicicleta esportiva por cinco parcelas de R$ 78,00. Podemos fazer o cálculo do preço total da bicicleta esportiva que Pedro encontrou fazendo a seguinte conta: 78 + 78 + 78 + 78 + 78 = 390.

Ou simplificamos a operação, percebendo que temos 5 parcelas de 78 = 390.

Nessa situação, associamos a multiplicação à idéia de adicionar parcelas iguais. Outra idéia associativa é relacionar a multiplicação a uma disposição retangular. Veja o próximo exemplo:

a uma disposição retangular. Veja o próximo exemplo: Figura: Disposição retangular em uma sala de aula.

Figura: Disposição retangular em uma sala de aula.

Anotações

Matemática

A Figura exemplifica uma disposição retangular. Nesse caso, não há

necessidade de contar cada carteira uma a uma. Basta ver que elas

estão distribuídas em 4 linhas e 3 colunas. Assim, para facilitar a contagem, efetuamos uma multiplicação entre o número de linhas e

o número de colunas. Para encontrar o total de carteiras, fazemos 4 x 3 = 12.

Nesse tipo de questão, podemos inverter a ordem dos fatores que não alteraremos o resultado, ou seja, 4 x 3 = 3 x 4 = 12.

Vamos recordar:

• A multiplicação pode ser representada pelos símbolos x ou • (2 x 3 ou 2 • 3).

• Em algumas calculadoras e no computador, o símbolo asterisco (*)

substitui os símbolos x e •, indicando a operação de multiplicação.

• Na multiplicação 4 x 5 = 5 x 4 = 20, mudar de posição não altera o resultado. Esse fato é conhecido como propriedade comutativa da multiplicação.

• Em contas grandes, podemos obter os resultados em partes sem

alterar o resultado final. Nesse caso, chamamos de propriedade

associativa da multiplicação. Por exemplo:

2 • 3 • 4 • 5 • 6 = (2 • 3 • 4) • (5 • 6)= 24 • 30 = 720.

• 43 x 2 são os fatores de uma operação de multiplicação, já o

resultado é chamado de produto. 43 x 2 (fatores) = 86 (produto)

• Existem alguns casos especiais: quando um dos fatores é 1, o

produto é igual ao outro fator, por isso o número 1 é o elemento

neutro da multiplicação.

Exemplo: 1 x 45 = 45.

Quando um dos fatores é zero, o produto é sempre zero.

Exemplo: 1 • 230 x 0 = 0.

Anotações

Matemática

Divisão

A operação de divisão está associada a duas idéias básicas: repartir

em partes iguais ou verificar quantas vezes uma quantidade cabe dentro da outra.

Vamos confirmar, a seguir, como são bem claras essas idéias:

Um grupo de 20 pessoas gastou, para um churrasco de fim de semana, R$ 240,00. Decidiram que todos pagariam o mesmo valor. Só falta achar que valor é esse.

Todos nós já passamos por situações em que tínhamos que dividir alguma conta, seja no bar ou restaurante, contas de casa e uma infinidade de outras possibilidades. Agora é só pensar em um hábito corriqueiro e associar à idéia de repartir em partes iguais. Nada mais simples. É só ratear o custo entre a totalidade de participantes. Mãos à obra!

240 ÷ 20 = 12

Então, podemos afirmar que cada pessoa gastou R$ 12,00 para curtir

o churrasco. Nada mal!

E a idéia de verificar quantas vezes uma quantidade cabe dentro da outra, também não é simples? Você mesmo é quem irá responder a essa pergunta através do nosso próximo exemplo:

Na fábrica de refrigerantes X, as latinhas produzidas são colocadas em embalagens de 1 dúzia. Quantas embalagens são necessárias para embalar a produção diária de 18.000 latinhas?

Sabemos que 1 dúzia = 12 unidades. Então, queremos saber quantos grupos de 12 cabem em 18.000 latinhas. Devemos fazer a divisão de 18.000 por (÷) 12.

Verificamos que são necessárias 1.500 embalagens para embalar a produção diária.

Anotações

Matemática

As duas operações não deixaram resto, ou seja, não houve sobra de dinheiro ou de latinhas; logo, essas divisões são denominadas exatas. Porém, nem sempre isso é possível. Vamos pensar na situação a seguir.

Um recipiente contém 645 litros de água. Quantos garrafões de 20 litros podemos encher com essa água? Quantos litros sobrarão no recipiente?

Para obter a quantidade de garrafões, precisamos saber quantas vezes 20 litros “cabem” em 645 litros. Assim:

Dividendo divisor 645 20 -60 32 45
Dividendo
divisor
645
20
-60
32
45
-40 5
-40
5

resto

quociente

Portanto, podemos obter 32 garrafões de 20 litros de água, e ainda sobrarão 5 litros no recipiente. Logo, podemos afirmar que esta divisão não é exata.

Para confirmar se a divisão está correta, basta fazer:

32 x 20 + 5 = 645.

Traduzindo para linguagem matemática, temos:

Quociente x divisor + resto = dividendo.

Anotações

Matemática

Atividade

1) No laboratório onde trabalha, Patrícia atende as pessoas que vão

fazer exames, faz os encaminhamentos e cobra pelos exames. Ontem, uma só pessoa foi ao laboratório fazer os seguintes exames:

Curva Glicêmica

R$85,00

Hemograma Completo

R$125,00

Urina

R$ 33,00

Frequência Cardíaca

R$96,00

A pessoa errou e preencheu o cheque no valor de R$ 289,00. Para não perder o cheque, pagou a diferença em dinheiro. O valor pago em dinheiro foi?

a)R$ 30,00

b) R$ 50,00

c) R$ 45,00

d) R$ 35,00

2) Foi acertado entre os seis cabeleireiros de um salão que a renda de

um sábado de cada mês seria distribuída de forma igual entre eles.

Sabendo que no último sábado a renda foi de R$ 1.530,00. Que valor caberá a cada um?

a)

R$ 245,00

b) R$ 255,00

c) R$ 235,00

d) R$ 265,00

3)

Um posto de troca de óleo de carro, usa a cada 2 carros 8 litros de

óleo, com um custo de R$ 18,00 por litro. Quantos litros de óleo o posto usou e quanto lucrou se trocou o óleo de 15 carros durante um

dia.

a)

90l e R$ 1.620,00

b) 45l e R$ 810,00

c) 60l e R$1080,00

d)

60l e R$ 540,00

4) Nelson e Carlos combinaram de fazer juntos um serviço de refrigeração e dividir o valor do serviço em partes iguais. Combinaram também com o cliente que forneceriam todo o material necessário para o serviço e incluiriam o material no preço. Sendo assim, Nelson comprou todo o material e gastou R$ 489,00. Quanto coube a cada um, se cobraram pelo serviço R$ 1.250,00?

a) R$ 381,00

b) R$ 392,50

c) R$ 427,00

d) R$ 380,50

Anotações

Matemática

5) Em uma oficina mecânica um cliente pagou R$ 740,00 para efetuar

os seguintes serviços: limpeza dos bicos injetores, troca dos filtros de óleo, ar e gasolina. O mecânico explicou que o preço dos serviços são todos iguais. Assim, podemos afirmar que o preço cobrado por

serviço é de:

a) R$ 180,00

b) R$ 196,00

c) R$ 185,00

d) R$ 191,50

Anotações