Você está na página 1de 10

Unipessoal, Lda

MEMORIA DESCRITIVA
FOSSA SÉPTICA

PRÉ-FILTRO E FILTRO BIOLOGICO


3.200L
10 HABITANTES
(2.000LT efluente/dia)

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

INDICE

1-INTRODUÇÃO

2-PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO

3-CARACTERISTICAS DO EQUIPAMENTO

4-INSTALAÇÃO

5-MANUTENÇÃO

6-ANEXOS

7- CERTIFICADO

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

1- INTRODUÇÃO
A fossa compacta com pré-filtro e filtro biológico da ECO-ALCANCE, foi
desenhada, para efectuar o tratamento das águas residuais domésticas e de
pequenos aglomerados populacionais ou Industriais, podendo efectuar a
descarga das águas residuais de acordo com os Valores Limites de Emissão do
Decreto-Lei 236/98 de 1 de Agosto 1998.

Tem como finalidade tratar todas as águas residuais (Wc, Cozinhas, etc.) sempre
que se verifique a impossibilidade de ligação a um colector Municipal de
saneamento.

O equipamento é de fácil instalação, manutenção e de baixo custo.

2.PRINCIPIO DE FUNCIONAMENTO
A fossa ECO-ALCANCE consiste num único depósito dividido internamente por
dois volumes. O primeiro compartimento apresenta as funções de uma fossa
séptica convencional e o segundo as funções de filtro biológico de percolação.

No primeiro compartimento temos um tratamento através de decantação e


digestão das águas residuais. Verifica-se ao mesmo tempo uma separação

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

primária de flutuantes, por efeito da gravidade. Neste tratamento temos também


uma digestão anaeróbica dos fungos separados.

O filtro biológico é um tratamento secundário no qual os microrganismos


aeróbios que se encontram aderidos ao material de suporte (filtro biológicos ou
discos biológicos), degradando a matéria orgânica da água residual.

3.CARACTERISTICAS DO EQUIPAMENTO
O equipamento consta de um depósito cilíndrico preparado para ser enterrado,
que dispõem de dois compartimentos em serie. O primeiro compartimento forma
o decantador digestor. Os compartimentos estão interligados através de uma
caleira de distribuição. A água penetra no primeiro compartimento onde realiza a
sedimentação e posterior digestão dos sólidos mais grossos. Este processo é
facilitado com a ajuda de um pré-filtro localizados á saída do primeiro
compartimento que garante que nenhum sólido siga para o segundo
compartimento. Nesta fase temos também o desenvolvimento dos
microrganismos anaeróbicos que se desenvolvem na ausência de oxigénio e
facilitam a digestão da matéria orgânica. Posteriormente as águas castanhas
sem lamas passam para o segundo compartimento onde sedimentam as
partículas mais pequenas. O rendimento do decantador digestor pode ir até 85%
na eliminação de sólidos em suspensão e 75% na redução do CBO5

O segundo compartimento dispõem de pequenos biodiscos devidamente


calculados para a dimensão do depósito. Eles tem como finalidade criarem um
suporte ao desenvolvimento dos microrganismos aeróbicos que degradam a
matéria orgânica.

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

Estes microrganismos aeróbios conseguem reduzir a carga orgânica até limites


aproximados de 90% de CBO5.

A passagem do primeiro compartimento para o segundo é realizada através de


um tubo PVC, visto que este material apresenta vantagens em relação aos
materiais tradicionais:

• Permite trabalhar com cargas hidráulicas elevadas;

• Maior tempo de contacto entre a água residual e a biomassa;

• Para evitar as obstruções e caminhos preferenciais dispõem de um grande


volume livre através de vários orifícios;

• A área destinada ao processo biológico não fica comprometida.

Para que os microrganismos se desenvolvam é necessário haver oxigénio. Para


esse efeito é necessário instalar uma ventilação. Esta pode ser de forma natural.
No segundo compartimento deve-se abrir uma entrada de ar. Nos tubos de saída
pode se instalar um T de PVC com redução superior. Desta forma garantimos
uma corrente de ar que assegura uma mistura de oxigénio necessária ao
processo biológico.

A medida que os microrganismos se desenrolam, a espessura da película de


biomassa aumenta. Chega a um momento em que a biomassa que está em
contacto com o ralo, localizado na parte inferior do compartimento, não recebe
oxigénio necessário e desprende-se. Este fenómeno origina que se regenere
continuamente evitando desta forma possíveis obstruções.

A fossa compacta com pré-filtro e biológico ECO-ALCANCE Está desenhada e


projectada para favorecerem a sua instalação em lugares onde não disponham
de infra-estruturas:

• O primeiro compartimento decantador e digestor não necessita de nenhum


mecanismo mecânico ou eléctrico.

• Quando a cota hidráulica for insuficiente é possível a bombagem para uma


unidade biológica superior.

• O efluente pode tratar-se posteriormente mediante trincheiras filtrantes,


poços filtrantes, filtros biológicos, túneis bilogicos, etc., em função dos
rendimentos desejados.

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

• O depósito pode instalar-se totalmente debaixo da terra evitado impacto


visual e podendo aproveitar o espaço superior para outros fins (para este
efeito é necessário consultar os serviços técnicos da ECO-ALCANCE).

• O material com que se fabrica o equipamento é Polietileno de alta


densidade, produzido por rotomoldagem. O material tem grandes
propriedades mecânicas e contra a corrosão pelo que é indicado para o
tratamento de águas residuais.

• A manutenção a realizar é em função da carga contaminada tratada. Pode


partir-se como base geral de uma manutenção anual para áreas públicas
e de até 4 anos em situações privadas. Esta manutenção baseia-se na
extracção de 4/5 do conteúdo, deixando 1/5 das águas existentes de
forma a facilitar a redução a produção da actividade biológica anaeróbia.
Devem-se remover também plásticos ou material flutuante visível que não
seja biodegradável. No filtro biológico só se deve realizar uma pequena
lavagem com uma mangueira.

3.1 – PRÉ-FILTRO
• O pré-filtro das fossas da Eco-Alcance, é de eficiência elevada devido as
suas dimensões (400mm), e de fácil manutenção devido à pega adicional,
que se encontra em cima do nível da agua residual de forma, a não existir
contacto com as mãos com superfícies sujas.

• O cesto envolvente do mesmo filtro é devidamente fixado, e a passagem


do tubo de saída garante a estanquicidade através de uma borracha
apropriada.

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

4. INSTALAÇÃO
1- Efectuar uma escavação com as dimensões sugeridas pelos serviços técnicos
da ECO-ALCANCE. A profundidade da escavação deverá ser definida obra a
obra, atendendo ao perfil hidráulico da instalação (a definição da
profundidade encontra-se contemplada no serviço gratuito de apoio técnico à
instalação);

2- Regularizar o fundo com 15 cm de areia. A areia deve ser misturada com


cimento na proporção de 50 Kg de cimento. Para 1 m3 de areia para zonas
normais e na proporção de 100 kg de cimento para 1 m3 de areia em zonas
freáticas elevadas;

3- Colocar a fossa, no fosso, e nivelar a mesma e efectuar as ligações;

4- Encher de água até 1/3 da altura do equipamento;

5- Aterrar com areia até 1/3 da altura do equipamento e compactar com água. A
areia deve ser misturada com cimento, na proporção de 50 Kg de cimento
para 1 m3 de areia para zonas normais. Nas zonas de níveis freáticos
elevados, deve-se pedir apoio aos serviços técnicos da ECO-ALCANCE;

6- Acabar de encher de água;

7- Encher o restante vazio exterior com areia limpa e compactá-la manualmente;

8- Cobrir o equipamento com areia (a altura máxima de areia sobre a fossa não
deverá exceder 50 cm). Não realizar qualquer operação durante uma
semana, para que a areia estabilize.

9- Quando seja de prever a circulação de veículos ou a altura de terra sobre o


equipamento seja superior a 50 cm, na zona de instalação, deverá pedir-se
apoio aos serviços técnicos da ECO-ALCANCE;

10- A caixa de visita deverá assentar na laje de protecção, nunca apoiando


directamente sobre o reservatório;

11- Em zonas sem passagem de veículos, não é necessário proceder a qualquer


protecção especial;

12- Em caso de dúvida não hesite em contactar os nossos serviços técnicos.

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

5. MANUTENÇÃO
Para um bom funcionamento do compacto fossa/filtro, em primeiro lugar evitar a
entrada de pensos higiénicos, trapos, plásticos, etc.

Deve-se evacuar-se os fungos e os sólidos que não sejam biodegradáveis, de 1


a 4 anos dependendo da recepção da fossa ser publica ou privada;

O QUE POEM EM CAUSA O MAU FUNCIONAMENTO DA FOSSA SÉPTICA

• Plásticos de todas as matérias;

• Todos os hidrocarbonetos e seus derivados;

• Panos, trapos, toalhas, fraldas, pensos higiénicos;

• Vidros, pedras e terra;

• Produtos abrasivos, tintas, diluentes;

• Lixívia, sal e gorduras (quando em excesso).

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

ANEXOS

DADOS E DIMENÇÕES:

DADOS INICIAIS

Populações equivalente: 10 Hab. Eq.


Capitação: 200L/Hab.Eq./Dia
Matêria orgânica: 60g CBO5/Hab.Eq./Dia
Sólidos Totais: 90g SST/Hab.Eq./Dia

Exemplo utilização continua 10 habitantes, com uma dosagem de 200L/hab./dia


Caudal diário: 2.0m3
Caudal médio: 0.14m3/h
Carga CBO5: 0.43Kg/ CBO5 /dia
Carga SST: 0.63/Kg/ SST /dia

Concentração CBO5 300mg/l


entrada:
Concentração de SST 450mg/l
entrada:

FACTORES DE DIMENSÃO CONSIDERADOS

Volume 2.0m3
Decantador/Digestor
Número de 2
compartimentos
Volume do Filtro Biologico 1.2m3
Tubos Entrada e Saida P.V.C 110
Diametro 1355mm
Comprimento 2470mm
Altura 1480mm

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET
Unipessoal, Lda

Certificado
O equipamento pré-fabricado e estanque composto por fossa séptica com pré-filtro
e filtro biológico 3.200Lt, com o registo de produção nºXX/12 comercializado pela
ECO-ALCANCE, em XX/XX/2012, vendida pela nossa Factura nºXXX cumpre as
seguintes especificações de rendimento:

EQUIPAMENTO REDUÇÃO DE CBO5 S.S.T

Pré-Fabricado e Até Até


Estanque em polietileno 75% (interior do equipamento) 85% (interior do equipamento)
85% (na passagem pelo filtro no 95% (na passagem pelo filtro no
solo) solo)

Sempre e quando as águas residuais sejam domésticas ou similares e a instalação


seja correcta.

De acordo com o Decreto – Lei 236/98 de 1 de Agosto de 1998 com os seguintes


Valores Limites de Emissão na descarga de águas residuais:

CBO5 40 mg/L O2

CQO 150 mg/L O2

S.S.T. 60 mg/L

Declaramos para os devidos efeitos, que o tratamento fornecido pela Fossa da ECO-
ALCANCE, têm uma eficácia tal que torna o efluente tratado compatível com as
normas referidas na legislação em vigor para descarga em meio hídrico:

- Decreto lei 74/90 de 7 de Março

- Decreto lei 152/97 de 19 de Junho

- Decreto lei 236/98 de 1 Agosto

A Fossa Séptica cumpre a norma I do Regulamento Publico Hidráulico.

As empresas fornecedoras das matérias-primas, cumprem os requisitos de


qualidade ISO 9001 .

A Gerência

Eco-Alcance, unipessoal, Lda Telf/Fax +351 232 422040


Bairro do Surgaçal – S/N – Povoa dos Comercio@ecoalcance.net
Sobrinhos ecoalcance@gmail.com
3505 482 VISEU WWW.ECOALCANCE.NET