Você está na página 1de 5

23/10/2018 Avaliações - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI

Disciplina: Contexto Histórico-Filosófico da Educação (LEE23)


Avaliação: Avaliação II - Individual e sem Consulta ( Cod.:411854) ( peso.:1,50)
Prova: 6647459
Nota da Prova: 4,00

Gabarito da Prova: Resposta Certa Sua Resposta Errada

1. O processo de implantação das ideias iluministas, modernas, laicas e racionais não se deu
de forma pacífica e de aceitação unânime, e formas de resistência podem ser registradas
tanto em países católicos como em países protestantes. Entre as resistências e os
impasses ao processo do laicismo, o romantismo e o niilismo foram marcas importantes no
pensamento ocidental entre o século XVIII e XIX. Sobre essas resistências a laicização no
pensamento ocidental, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:

( ) Entre a resistência pode-se citar, no contexto católico, Dom Bosco e sua rede
salesiana de ensino.
( ) O romantismo infla de valor o sentimento, os instintos, o desejo, entre outras
dimensões humanas que tinham sido relegadas pela razão.
( ) O processo de secularização da sociedade enfrentou uma resistência que retoma o
valor moral, tradicional e sagrado, supervalorizando os aspectos de fé e religiosos do
humano. Essa resistência à secularização é chamada de niilismo.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:


a) F - V - F.
b) V - V - F.
c) F - F - V.
d) V - F - V.

2. A preocupação da filosofia da educação moderna residiu em que o processo educativo


garantisse a formação do sujeito racional, autônomo e consciente, o que, por sua vez, foi
forjado por meio de uma educação monológica, verticalizada e autoritária, que valorizava
métodos e concepções teóricas frente à experiência e prática cotidiana. Assim, o filósofo
Ghiraldelli Jr. (1999), afirma que a filosofia da educação consiste em uma aliança entre
duas instâncias, um tipo de filosofia e um tipo de educação, respectivamente. Quais seriam
essas duas instâncias?

FONTE: GHIRALDELLI JR., Paulo. O que é filosofia da educação: uma discussão


metafilosófica. In.: GHIRALDELLI JR., Paulo (Org.). O que é filosofia da educação? Rio de
Janeiro: DP&A, 1999. p. 7-87.
a) Filosofia política e educação tradicional.
b) Filosofia da mente e educação inatista.
c) Filosofia do ensino e educação tecnicista.
d) Filosofia do sujeito e educação humanista.

3. Dentre as abordagens filosóficas educacionais prevalecem o Perenialismo, o


Essencialismo, o Progressismo e o Reconstrucionismo. Essas filosofias educacionais
fornecem elementos essenciais do que se deve ensinar e são fundamentais no que diz
respeito aos componentes curriculares escolares. Sobre o Progressismo, analise a
sentenças a seguir:

I- Os progressistas acreditam que a educação deve se concentrar em toda a criança, e não


https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 1/5
23/10/2018 Avaliações - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI

no conteúdo ou no professor, esta filosofia educacional enfatiza que os alunos devem


testar ideias através da experimentação ativa.
II- O foco é ensinar ideias que são eternas, para buscar verdades duradouras que são
constantes e não mudam, como os mundos naturais e humanos em seu nível mais
essencial não mudam.
III- Advogados dessa filosofia educacional são Robert Maynard Hutchins, que desenvolveu
o programa Grandes Obras em 1963, e Mortimer Adler, que avançou ainda mais este
currículo baseado em 100 grandes obras da civilização ocidental.
IV- O método científico é usado por educadores progressistas para que os alunos possam
estudar a matéria e os eventos sistematicamente e em primeira mão, a ênfase está no
processo, em como se conhece.

Assinale a alternativa CORRETA:


a) Somente a sentença IV está correta.
b) As sentenças I e IV estão corretas.
c) As sentenças II e III estão corretas.
d) Somente a sentença II está correta.

4. O modelo de educação escolar tradicional vem sendo criticado nos últimos 30 anos por
diversos intelectuais, das mais distintas correntes teóricas. Uma espécie de mal-estar
docente invade as salas de aula pelo país. Em grande parte, devido às distintas formas de
ensinar em um mundo em que a velocidade de informação é maior que as atualizações
curriculares. Michel Foucault foi um dos intelectuais a diagnosticar este problema e
oferecer uma análise contextualizada das raízes do que hoje enfrentamos. Sobre o
pensamento desse autor e suas contribuições analíticas, analise as sentenças a seguir:

I- Para eles a escola era um local em que os professores propagavam as ideias que
mantinham o Estado como um agente da classe burguesa, ao inculcar ideias de submissão
dos seres humanos.
II- Na obra de Foucault, encontra-se uma forte crítica aos processos de modernização da
sociedade, bem como as estruturas dos governos que procuravam racionalizar de forma
esmagadora os indivíduos.
III- Pesquisou a história do ensino, do saber, a epistemologia das palavras, a história da
loucura, os espaços de manicômios, asilos, hospitais, a arquitetura de prisões, e as
apresenta como instituições disciplinares das condutas e dos comportamentos sociais.
IV- Para o filósofo Michael Foucault, a escola era um local, assim como os quartéis, que
visavam à construção de corpos dóceis, com a função de internalizar a disciplina como
uma expressão cotidiana dos homens e das mulheres quando adultos.

Assinale a alternativa CORRETA:


a) As sentenças II, III e IV estão corretas.
b) Somente a sentença IV está correta.
c) Somente a sentença I está correta.
d) As sentenças I, II e III estão corretas.

5. Dentre as abordagens filosóficas educacionais prevalecem o Perenialismo, o


Essencialismo, o Progressismo e o Reconstrucionismo. Essas filosofias educacionais
fornecem elementos essenciais do que se deve ensinar e são fundamentais no que diz
respeito aos componentes curriculares escolares. Sobre o Reconstrucionismo/Teoria
Crítica, analise a sentenças a seguir:

I- Educadores reconstrucionistas se concentram em um currículo que destaca a reforma


social como o objetivo da educação. Theodore Brameld (1904-1987) foi o fundador do
reconstrucionismo social.
II- A ênfase nessa perspectiva crítica é sobre padrões intelectuais e morais que as escolas
devem ensinar, o núcleo do currículo é conhecimento e habilidades essenciais e rigor
acadêmico.
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 2/5
23/10/2018 Avaliações - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI

III- Entre seus principais proponentes temos William Bagley, que desafiou as abordagens
essencialistas, além de James D. Koerner, H. G. Rickover, Paul Copperman e Theodore
Sizer.
IV- As estratégias para lidar com questões controversas são inquérito, diálogo e múltiplas
perspectivas, a aprendizagem baseada na comunidade e a inserção do mundo na sala de
aula.

Assinale a alternativa CORRETA:


a) Somente a sentença IV está correta.
b) As sentenças II e III estão corretas.
c) As sentenças I e IV estão corretas.
d) Somente a sentença II está correta.

6. Severino (1990) descreve que o campo da filosofia, ainda na Grécia Clássica, apresentava
forte preocupação e intenção pedagógica e com a formação do ser humano. No entanto,
chegamos aos dias atuais e nos deparamos com o fato de que as áreas da educação, da
filosofia, da história, da sociologia e das demais disciplinas reflexivas encontram-se
desprestigiadas e são anunciadas como campos menores do saber. Sobre esse
pensamento de Severino, analise as sentenças a seguir:

I- Parece ser a primeira vez que uma forte tendência da filosofia se considera desvinculada
de qualquer preocupação de natureza pedagógica, vendo-se tão somente como um
exercício puramente lógico.
II- Há uma tendência na filosofia que se desprendeu de suas próprias raízes, que se
encontravam no positivismo, transformando-se numa concepção abrangente, o
neopositivismo, que passa a considerar a filosofia como tarefa subsidiária da ciência.
III- No contexto do neopositivismo, qualquer critério do agir humano só pode ser ético e
político, nunca mais técnico, fica assim completa a unidade do saber.
IV- O campo da filosofia da educação pode contribuir na identificação e solução profunda
de contextos e realidades, em especial, a educação precisa estar comprometida com a
finalidade de atribuir sentido à existência cultural da sociedade histórica.

Assinale a alternativa CORRETA:

FONTE: SEVERINO, A. J. As contribuições da filosofia para a educação. Em Aberto,


Brasília. Ano 9, n. 45, jan/ mar,1990. p. 18-25.
a) As sentenças I e III estão corretas.
b) As sentenças II e III estão corretas.
c) Somente a sentença IV está correta.
d) As sentenças I, II e IV estão corretas.

7. Na metade do século XIX dois movimentos foram importantes por levanterem questões
críticas à sociedade e à educação de modo geral. A Escola de Frankfurt, no âmbito da
acadêmia e suas críticas socias, e a Teologia da Libertação, como um movimento teológico
religioso com suas críticas às interpretações bíblicas e práticas socias. Sobre estes dois
movimentos, assinale V para verdadeiro e F para falso.

( ) A Escola de Frankfurt possuia forte influência marxista, mas não se resumia aos
dogmatismos e ao marxismo tradicional do século XIX, atuou como crítica tanto das
ideologias do capitalismo e liberalismo internacional como do socialismo soviético.
( ) Na primeira leva de integrantes da Escola de Frankfurt estavam Jürgen Habermas,
Franz Neumann, Albrecht Wellmer e na segunda geração participou Immanuel Kant, Hegel,
Karl Marx, Sigmund Freud, Max Weber e George Lukács.
( ) A Teologia da Libertação priorizava o trabalho aos pobres e desvalidos e defendia toda
uma reinterpretação analítica e antropológica da fé cristã, ou seja, a viabilidade prática dos
princípios e valores cristãos.
( ) O movimento da Teologia da Libertação foi aprovado nos pontificados de João Paulo II
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 3/5
23/10/2018 Avaliações - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI

e Bento XVI, porém recentemente recebeu reprovação do Papa Francisco.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:


a) V - V - F - F.
b) F - F - V - V.
c) V - F - V - F.
d) F - V - F - V.

8. Dentre as abordagens filosóficas educacionais, prevalecem o Perenialismo, o


Essencialismo, o Progressismo e o Reconstrucionismo. Essas filosofias educacionais
fornecem elementos essenciais do que se deve ensinar e são fundamentais no que diz
respeito aos componentes curriculares escolares. Sobre o Perenialismo, analise a
sentenças a seguir:

I- O objetivo da educação é garantir que os alunos adquiram compreensão sobre as


grandes ideias da civilização ocidental.
II- A aprendizagem está enraizada nas questões dos alunos que surgem ao experimentar o
mundo, é ativa, não passiva, e o aluno é um solucionador de problemas e pensador que
faz sentido através de sua experiência individual.
III- O cultivo do intelecto é a mais alta prioridade de uma educação que vale a pena, o
currículo exigente centra-se na obtenção de alfabetização cultural, enfatizando o
crescimento dos alunos em disciplinas duradouras.
IV- A filosofia da educação perenialista foi estabelecida na América desde meados dos
anos de 1920 até meados dos anos 1950, e John Dewey foi seu principal proponente.

Assinale a alternativa CORRETA:


a) As sentenças II e IV estão corretas.
b) Somente a sentença IV está correta.
c) As sentenças I e III estão corretas.
d) Somente a sentença II está correta.

9. Com relação ao contexto histórico entre os séculos XIII e XIX, pode-se afirmar que a
Revolução Industrial foi marcada pela produção capitalista, que introduziu a máquina a
vapor, a modernização dos métodos de produção, desintegrou costumes e introduziu
novas formas de organização da vida social. Por outro lado, ocorreu a transição da
produção artesanal para a manufatureira e desta para a produção fabril, a migração do
campo para a cidade, entre outras mudanças que tiveram efeito direto no contexto
educacional. Sobre a transformação da Revolução Industrial e o contexto educacional,
classifique V para as sentenças verdadeiras F para as falsas:

( ) A formação necessária à preparação do trabalhador da indústria solicitava a realização


em escola técnica, na qual o aluno aprende as rotinas industriais, até ser capaz de atuar
como técnico qualificado para determinada função.
( ) O crescimento demográfico das cidades sem a devida infraestrutura básica favoreceu
a formação de cortiços e favelas, o aumento das condições degradantes de vida, da
prostituição, suicídio, alcoolismo, violência e epidemias.
( ) As manifestações de revolta dos trabalhadores foram da destruição das máquinas,
sabotagem, explosão de algumas oficinas, formação de sindicatos, produziram jornais e
literatura, exercendo a crítica à sociedade capitalista.
( ) Com o incremento da produção industrial de vários objetos fabricados, o aprendizado
para o ingresso em uma indústria passa a ser realizado em corporações, nas quais
aprendizes aprendiam com mestres mais antigos no ofício, até que se especializavam e,
deixando de ser aprendizes, se tornavam oficiais e, posteriormente, mestres.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:


a) V - V - V - F.
b) F - F - V - V.
https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 4/5
23/10/2018 Avaliações - Portal do Aluno - Grupo UNIASSELVI

c) F - V - F - V.
d) V - F - V - F.

10.Os tempos modernos e, agora, os tempos contemporâneos são marcados por um estado
de fusão líquida da sociedade humana, e a transformação se deu do estado sólido para o
líquido. A metáfora "líquido mundo moderno" evidencia um dos principais conceitos
propostos pelo pensador Zygmunt Bauman. Sobre o Amor Líquido, termo também
cunhado pelo autor e aplicado aos relacionamentos humanos, e que foi título de uma de
suas obras, analise as sentenças a seguir:

I- O autor pontua que o cidadão da líquida sociedade moderna constitui um homem sem
vínculos e inserido em um quadro e esboço imperfeito e fragmentado.
II- O sentido de que amar se tornou como um passeio no shopping center, tal como outros
bens de consumo. Nesse contexto, a vida deve ser consumida instantânea e
despreocupadamente.
III- O sentimento do imediatismo e rapidez oferece consequências e custos à líquida,
consumista e individualizada sociedade moderna, e o resultado de intensificação da
velocidade globalizante é o de que a dimensão da solidariedade da vida e das relações
humanas amplia o seu valor.
IV- O amor e o cuidado de si, a autovalorização e a autoestima, bem como o amor gratuito
e incondicional que poderia ser oferecido aos outros, fazem mais sentido nesse contexto.

Assinale a alternativa CORRETA:


a) Somente a sentença IV está correta.
b) As sentenças I e II estão corretas.
c) As sentenças III e IV estão corretas.
d) As sentenças I, II e III estão corretas.

https://portaldoalunoead.uniasselvi.com.br/ava/avaliacao/avaliacao_lista.php 5/5