Você está na página 1de 68

MANUAL DO USUÁRIO

Pcounter
para Windows

Versão 2.75

Conteúdo: Copyright © 2014 A.N.D. Technologies

Tradução: Copyright © 2014 Wisoft Brazil Consultores Ltda

Nota: As informações contidas neste documento poderão ser alteradas/adicionadas sem aviso prévio.
Introdução ................................................................................................................................ 1
Bem-vindo ao Pcounter versão para Windows ............................................................................................ 1
Pcounter: Componentes e Serviços do Software......................................................................................... 2
Requisitos para execução dos serviços e das portas de monitoração do Pcounter.................................... 3
Localização dos arquivos instalados ............................................................................................................ 3
Utilizando o Pcontrol na configuração do Pcounter ..................................................................................... 3
Período de avaliação (trial) de 60 dias ......................................................................................................... 3

Conceitos Importantes............................................................................................................. 4
Windows Server e Active Directory .............................................................................................................. 4
Pcounter e o Windows Server 2003 ou superior.......................................................................................... 4
Windows XP como um servidor de impressão Pcounter ............................................................................. 4
Permitindo acesso ao Registro Windows através da rede........................................................................... 5
O Spool de Impressão deve ser realizado para o Servidor.......................................................................... 5
Contabilizando impressões por usuários autenticados ................................................................................ 6
Tipos de contabilização ................................................................................................................................ 6
Jobs de impressão submetidos por clientes Macintosh e LPR .................................................................... 7
Redes com domínios múltiplos/de confiança ............................................................................................... 7
Registro de Erro............................................................................................................................................ 7

Serviços e Portas ..................................................................................................................... 8


Visão Geral ................................................................................................................................................... 8
O serviço Pcounter Printer Control............................................................................................................... 8
Configuração do Spool e dos Tipos de Dados (Datatypes) ......................................................................... 9
O serviço Pcounter Data Server................................................................................................................... 9

Portas Pcounter ..................................................................................................................................... 11


Porta Pcounter - Protocolos e Configurações ........................................................................................... 12
Load Balance.............................................................................................................................................. 14

Suporte a Windows Cluster................................................................................................... 16


Suporte a Windows 2008 Server Core .................................................................................. 17
Guia Rápido – Sumário.......................................................................................................... 17
Contabilizando jobs das impressoras escravas .................................................................. 19

Configurações Globais .......................................................................................................... 19


Delete Paused/All Jobs After ? Minutes - (Remover Jobs Após ? Minutos) .............................................. 19
Numerical Format (Formato Numérico)...................................................................................................... 20
Obtendo informações do usuário ............................................................................................................... 20
Maximum move job rules - (Limite máximo de vezes para mover jobs) .................................................... 20
Registro de jobs rejeitados ......................................................................................................................... 20
Default Printer Configuration - (Configuração Padrão da Impressora) ...................................................... 21
Integração com LDAP................................................................................................................................. 21

Mensagens.............................................................................................................................. 21
Data Server ............................................................................................................................. 23
LPD Server.............................................................................................................................. 23
Real Time Monitor .................................................................................................................. 25

Accounting - Contabilização de impressões........................................................................ 25


Saldo da cota de impressão do usuário ..................................................................................................... 25
O arquivo de log: PCOUNTER.LOG .......................................................................................................... 26
Pcounter Administrator (PAdmin) ............................................................................................................... 27
Definindo automaticamente saldos da cota de impressão do usuário....................................................... 28

WIsoft Brazil Consultores Ltda. i


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
ACCOUNT.EXE.......................................................................................................................................... 29
Utilizando o ACCOUNT.EXE como uma aplicação web CGI..................................................................... 29
WBALANCE................................................................................................................................................ 30
Utilizando o BALANCE.EXE como uma aplicação web CGI...................................................................... 31

Opções de configuração da Impressora .............................................................................. 34


Settings - (Configurações de impressão) ............................................................................. 34
Accounting - Contabilização da impressão ................................................................................................ 34
Ações possíveis caso a cota de impressão seja insuficiente..................................................................... 34
Permitir o uso da cota extra (free quota) .................................................................................................... 34
Modelos de Banner..................................................................................................................................... 35
Incluindo a folha de rosto na contabilização de impressões ...................................................................... 35
Impressão em modo Duplex....................................................................................................................... 35
Pause all jobs - (Pausar todos os jobs) ...................................................................................................... 36
Count jobs in advance for display - (Exibindo previamente os custos de impressão) ............................... 36
Enable popup, print release, etc - (Habilitar janela Popup)........................................................................ 36
Keep job paused after popup - (Manter o job pausado após popup)......................................................... 37
Skip popup on jobs less than ? pages - (Omitir popup em jobs com menos de ? páginas) ...................... 37
Skip popup on jobs less than ? copies - (Omitir popup em jobs com menos de ? cópias)........................ 37
Skip popup if job is not color - (Omitir popup para jobs não coloridos)...................................................... 37
Information message - (Mensagem pós-impressão).................................................................................. 37
Delete duplicate jobs - (Deletar jobs duplicados) ..................................................................................... 37
Disable print notification - (Desabilitar notificação de impressão).............................................................. 37
Print smallest job (in bytes) next - (Priorizar jobs menores na fila de impressão) ..................................... 38
Delete unknown job types - (Excluir tipos de jobs desconhecidos) ........................................................... 38
Allow unknown users to print - (Permitir que usuários desconhecidos imprimam).................................... 39

Prices - (Definição dos custos de impressão) ..................................................................... 39


Rules - (Regras e Filtros nas filas de impressão) ................................................................ 41
Policies - (Políticas nas filas de impressão) ............................................................................................... 42

Utilizando o Popup................................................................................................................. 42
Considerações sobre o Popup ................................................................................................................... 42
Tipos de Janela Popup ............................................................................................................................... 48
Client code list - (Lista de códigos de clientes) .......................................................................................... 48
Entry form ................................................................................................................................................... 49
ID and password (logon compartilhado)..................................................................................................... 50
Matter number list ....................................................................................................................................... 52
Confirmation ............................................................................................................................................... 53
Users exempt from popup - (Usuários isentos da janela popup) ............................................................... 53
Manutenção do arquivo banco de dados ................................................................................................... 54
Importando arquivos CSV .......................................................................................................................... 54
Importando um arquivo EQT do Equitrac - Client number ......................................................................... 55
Importando um arquivo EQT do Equitrac - Matter number ........................................................................ 55

Utilizando Auto Client Codes ................................................................................................ 56


Pcounter Plot Manager .......................................................................................................... 57

Web reports – Relatórios do Pcounter via web.................................................................... 57

O Cliente Web do Pcounter ................................................................................................... 58

Integração NetWare/OES ....................................................................................................... 63

WIsoft Brazil Consultores Ltda. ii


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Introdução

Bem-vindo ao Pcounter versão para Windows

O Pcounter é um software que contabiliza a utilização de impressoras instaladas em computadores


Windows. Dentre suas principais características, o Pcounter:

• Contabiliza páginas impressas em impressoras PostScript, PCL, Ricoh RPCS, Canon BubbleJet, Epson
ESC/P, ESC/P2 (Jato de Tinta) e ESC/PAGE (laser), incluindo o suporte à impressão TIFF.
• Contabiliza impressão de plotters PostScript e HPGL/2.
• Diferencia custos entre jobs coloridos e monocromáticos/tons de cinza.
• Mantém um log de todos os trabalhos de impressão, incluindo filas de impressão de qualquer computador
Windows, permitindo ainda, a integração das atividades de impressão de todos os servidores da rede. O
Pcounter também suporta o “tracking” dos jobs enviados para impressoras paralelas conectadas a estações
Windows NT4 Workstation, 2000 Professional e XP Professional.
• Mantém os saldos das cotas de impressão dos usuários através de arquivos de banco de dados,
possibilitando a manutenção de uma única conta por usuário em cada domínio.
• Trabalha com domínios múltiplos/de confiança.
• Janelas de popup configuráveis podem ser exibidas após a solicitação das impressões dos jobs pelas
estações, obrigando os usuários a fornecerem seus códigos de cliente (client codes) / usernames e
passwords para contas de impressão com logon compartilhado, passwords de rede para segurança de
impressão ou nomes de grupos.
• Gera relatórios estatísticos sobre as atividades de impressão - por usuário, grupo, impressora ou centros
de custo (client codes).
• Implementa a impressão baseada em regras, proporcionando recursos especiais ao processamento de
jobs através de tamanhos mínimos/máximos de jobs (em bytes) e/ou número de páginas. Baseado em tais
regras os jobs podem ser excluídos, movidos para o final da fila ou para outra fila de impressão.
• O custo de cada página é determinado pelos vários tamanhos de papéis utilizados na impressão do job de
cada impressora. Jobs de impressão com tamanhos inválidos de papel podem ser descartados.
• As páginas de banner (folha de rosto), que podem ser customizadas, incluem todas as informações sobre
o job de impressão, incluindo a contagem de páginas e o saldo de impressão da conta do originador do job.
• Todos os jobs de impressão podem ser automaticamente pausados.
• Rejeita o envio de tipos de jobs incorretos, como, por exemplo, Postscript para impressoras PCL.

Todas as marcas registradas (trademarks) contidas neste documento são propriedades de seus
respectivos proprietários.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 1


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Pcounter: Componentes e Serviços do Software

Serviço Pcounter Printer Control


É o serviço executado no servidor de impressão Windows que monitora os jobs de impressão.

Monitores de Porta Pcounter


São DLLs que trabalham com o spooler do Windows e o serviço Pcounter Printer Control para manter a
contabilização das impressões.

Serviço Pcounter Data Server


Esse serviço Windows pode ser executado em qualquer servidor e gerencia toda a base de dados, além dos
dados do arquivo de Log das impressoras controladas pelo Pcounter.

PCONTROL.EXE (Interface Pcontrol)


Gerenciamento de Impressora/Fila e utilitário de configuração do Pcounter.

PADMIN.EXE (Interface Pcounter Administrator)


Utilitário que gerencia saldos das cotas de impressão dos usuários, listas de centros e custos (client codes),
contas com logon compartilhado, histórico de impressão dos usuários e um gerador de relatórios estatísticos
de impressão.

ACCOUNT.EXE
Utilitário que gerencia as cotas de impressão via linha de comando (prompt), que também pode ser utilizado
como um script CGI para efetuar o gerenciamento das cotas de impressão via web.

BALANCE.EXE
Utilitário CGI que proporciona aos usuários a verificação de seus saldos de impressão via web.

WBALANCE.EXE
Utilitário que possibilita aos usuários a checagem de suas cotas de impressão.

PPopup.exe, PcounterClient.exe, PcounterClient.dmg (OS X)


Utilitário que exibe uma janela após a solicitação da impressão de cada arquivo, possibilitando que os
usuários adicionem informações complementares a serem gravadas no Log de impressão, tais como
Centros de custos (client codes), códigos de jobs ou a conta de logon compartilhada.

PLOTMGR.EXE
Gerenciador de Plotter para processamento batch de arquivos de plotter, incluindo suporte a centros de
custo (client codes) e agendamento de jobs.

WSManager.EXE
Utilitário dedicado ao gerenciamento e a monitoração de impressoras locais (escravas) em estações de
trabalho (workstations).

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 2


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Requisitos para execução dos serviços e das portas de monitoração do Pcounter
Oferece suporte à partir da plataforma Windows Server 2003 até Windows Server 2012. Inclui suporte
também ao Windows XP até o Windows 8 para ambientes até 10 usuários.

Todas as versões do Windows para 32 e 64 bits são suportadas.

Qualquer estação que submeta jobs de impressão via LPR ou impressão SMB do Windows pode ser
considerada um cliente de impressão.

Localização dos arquivos instalados

Caso o Pcounter esteja sendo utilizado tanto pelo NetWare quanto pelo Windows, ambas as versões podem
ser instaladas no mesmo diretório. O arquivo PCONTROL.EXE é comum aos dois sistemas operacionais. O
processo de instalação irá separar apropriadamente as versões, resultando em um ponto único de
administração a ser utilizado para todas as impressoras, NetWare e Windows.

Localização dos arquivos: (onde d:\Pcounter representa o diretório de instalação do Pcounter)

d:\Pcounter
PCONTROL.EXE, PCTRL-*.DLL, PCONTROL.HLP
Arquivos Pcontrol, compartilhados pelas versões NetWare e Windows do Pcounter.
d:\Pcounter\NT
PADMIN.EXE, PCOUNTER.HLP, ACCOUNT.EXE, PLOTMGR.EXE, WEBCLIENT.EXE,
BALANCE.EXE
Gerenciamento de contabilização do Pcounter e ferramentas cliente.
d:\Pcounter\NT\Client
PPopup.exe, PcounterClient.exe, PcounterClient.dmg, WBALANCE.EXE
Outras ferramentas cliente.
d:\Pcounter\NT\Server
*.EXE, *.DLL
Serviços e Monitores de Porta

Utilizando o Pcontrol na configuração do Pcounter


O Pcounter permite que todos os parâmetros de impressão possam ser configurados a partir de qualquer
computador Windows da rede. Utilize o Pcontrol para gerenciar os jobs de impressão, bem como para definir
as configurações do Pcounter sobre impressoras e servidores de impressão.

Período de avaliação (trial): 60 dias


O Pcounter proporciona um extraordinário período de avaliação de 60 dias. Todas as características do
produto estão disponíveis durante esse período; Obviamente, após a expiração do trial, o Pcounter deixará
de ser funcional. O período de avaliação é ativado quando os serviços instalados são iniciados. Você poderá
monitorar o status do período de avaliação através do Pcontrol, selecionando: Pcounter configuration,
Global Settings, Registration and trial period.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 3


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Conceitos Importantes

Windows Server e Active Directory

• O Pcounter opera nas plataformas Windows server e redes Active Directory, em modo nativo ou misto.

• Internamente, o Pcounter registra os nomes de usuários utilizando a sintaxe do Win NT4, na forma
DOMÍNIO/Nome de usuário. Contudo, a interface Pcounter Administrator (Padmin) poderá navegar através
das árvores do Active Directory (AD) e visualizar usuários em unidades organizacionais (OU), ampliando a
visualização dos domínios compatíveis com Win NT4.

Pcounter e o Windows Server 2003 ou superior


É necessário realizar uma alteração no registro do Windows (abaixo) e também reiniciar o serviço Spooler
para que o Pcounter funcione corretamente sobre o sistema Windows Server. O mesmo será válido para o
Windows Vista/7/8 se utilizado como servidor de impressão (não como cliente).

Key: HKEY_LOCAL_MACHINE\System\CurrentControlSet\Control\Print

Nova entrada DWORD value: DisableServerFilePooling (Deve ser configurada para 1)

O Pcontrol irá sugerir a alteração automática desta configuração bem como a reinicialização do spooler.

Para obter maiores informações, acesse o artigo 815913 na Knowledge Base da Microsoft.
http://support.microsoft.com/?kbid=815913

Como determinar se o polling de arquivo está ativado:


• Localize a pasta Spool. Acesse a pasta Printers (ou Impressoras), selecionando File (Arquivo), Server
Properties (Propriedades do Servidor) e a tab Advanced (Avançado).
• Procure por arquivos com extensão .SPL no diretório Spool.
• Caso estes arquivos estejam no formato FPxxxx.SPL, então o recurso está ativo.
• Caso estes arquivos estejam no formato xxxx.SPL (x=dígitos), então o recurso está desativado.

Windows XP como um servidor de impressão Pcounter


É necessário realizar uma alteração no registro do Windows (abaixo) para cada impressora monitorada pelo
Pcounter e também reiniciar o serviço Spooler para que o Pcounter funcione corretamente sobre o sistema
Windows XP. Este procedimento não é necessário para clientes Windows XP que imprimem para
impressoras compartilhadas em outros computadores.

Key: HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\Windows NT\CurrentVersion


\Print\Printers\<nome_da_impressora>

Alteração no valor da string: SpoolDirectory

O Pcontrol irá sugerir a alteração automática desta configuração bem como a reinicialização do spooler.

Esse método também poderá ser aplicado a cada impressora (individualmente) nos sistemas Windows
Server.

Para obter maiores informações, por favor, acesse o artigo 815913 na Knowledge Base da Microsoft.
http://support.microsoft.com/?kbid=815913

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 4


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Permitindo acesso ao Registro Windows através da rede

O Pcounter mantém suas informações de configuração no registro de cada servidor de impressão Windows.
Caso as impressoras monitoradas pelo Pcounter sejam configuradas remotamente, através de outro
computador da rede, se fará necessário o acesso ao registro desse servidor de impressão.

Através da utilização do utilitário Regedit do Windows, permissões poderão ser definidas para todo o
registro ou somente para chaves individuais, afim de não comprometer a segurança do servidor.

Para obter maiores informações técnicas sobre como acessar o registro do Windows através da
rede, leia o artigo Q153183 na Knowledge Base da Microsoft.

http://support.microsoft.com/?kbid=153183

O Spool de Impressão deve ser realizado para o Servidor – e não ponto-a-ponto

Todos os jobs submetidos a impressoras monitoradas através do serviço Pcounter Printer Control e
dos monitores de porta DEVEM efetuar o spool dessas impressões SOMENTE para o servidor de
impressão Windows que hospeda o Pcounter.

Os usuários não podem ter permissão para imprimir diretamente de suas estações para as impressoras
endereçáveis da rede. Caso contrário, o Pcounter não poderá registrar esses jobs de impressão (a menos
que, obviamente, os serviços e os monitores de porta do Pcounter estejam instalados em cada estação NT).
No caso das impressoras que são acessadas no modo ponto-a-ponto pelas estações utilizando protocolos
como Appletalk, LPR e DLC, é necessário utilizar a seguinte configuração:

• Configure a impressora para orientar as impressões diretamente para o servidor de impressão.


• Configure o compartilhamento da impressora para que os usuários possam efetuar o spool dos jobs para a
fila de impressão do servidor.
• Re-configure as estações de modo que apontem suas impressões para as impressoras compartilhadas no
servidor de impressão, ao invés do modo de impressão ponto-a-ponto.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 5


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Contabilizando impressões de usuários autenticados

Para fazer o registro dos jobs de impressão de usuários que estão logados/autenticados em servidores
Windows, não é necessário importar ou criar novas entradas na base de dados do Pcounter para tais
usuários. O Pcounter procura automaticamente por nomes de usuários em um PDC ou em outro servidor
que contenha as contas de usuários.

Caso o Pcounter esteja controlando cotas/saldos, então usuários que ainda não realizaram qualquer
atividade de impressão terão, inicialmente, cotas de impressão e limite mínimo de saldo igual a zero.
Contudo, poderá ser atribuído, automaticamente, saldo e limite mínimo padrão (inclusive para novos
usuários) através de configuração prévia no PAdmin. Selecione Preferences, e marque a caixa
Automatically initialize balances to default values on startup/refresh. A próxima vez que o PAdmin for
iniciado, ou se selecionado outro domínio, ou ainda que seja atualizada manualmente a janela que exibe os
saldos, os valores definidos como padrão serão aplicados.

Nota: caso a opção Show all balances at startup/refresh esteja selecionada, o valor aplicado a cada cota
de usuário será automaticamente exibido toda vez que o Padmin for iniciado.

Para o registro de impressões (tracking) de usuários com logons compartilhados, veja a seção Popup -
Enabling printer accounting while using shared logon names.

Tipos de contabilização

• Em níveis elementares, o Pcounter registra as impressões com base no usuário logado e armazena os
dados da impressão em um arquivo no formato “delimitado por vírgula (CSV)” e definido como
PCOUNTER.LOG.

• O custo de cada job de impressão é determinado pelas configurações do Pcounter ajustadas para cada
fila de impressão. Os custos relacionados a cada impressora são definidos com base no custo-por-página,
enquanto que para os plotters, são estabelecidos com base no custo-por-área.

• O Pcounter, além do registro das atividades de impressão, poderá atribuir saldo para as contas de
usuários (cotas de impressão), onde o custo do job de impressão será deduzido do saldo do usuário. Caso o
saldo do usuário seja inferior ao custo do job de impressão, são possíveis as seguintes ações: negar, reter
ou permitir a impressão.

• O Pcounter poderá permitir, opcionalmente, que os usuários forneçam códigos específicos que serão
registrados a cada impressão realizada e utilizados para eventual cobrança a um determinado grupo de
usuários/clientes, departamentos, projetos, processos. Ou seja, atribuir contabilização de despesas a seus
respectivos centros de custos. A opção de entrada de códigos é a única característica que requer um
software instalado em cada estação: o aplicativo PPOPUP.EXE (\\Servidor\Drive\Pcounter for NT\NT). Este
aplicativo pode ser facilmente carregado através de um script de login ou da opção Iniciar do Windows.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 6


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Jobs de impressão submetidos por clientes Macintosh e LPR
Usernames LPR

Quando um cliente LPR submete jobs de impressão para filas de impressão Windows utilizando algum
servidor LPD (Ex: RPM Remote Print Manager), seu username geralmente é exibido seguido pelo seu
endereço IP entre parênteses, algo como: username (192.168.1.27).
O Pcounter automaticamente remove a identificação ‘endereço IP’ e processa o job de impressão baseado
apenas no username.
A recomendação é utilizar o servidor LPD do próprio Pcounter (embutido no serviço Pcounter Printer Control)
ao invés do servidor LPD nativo do Windows (algumas vezes referenciado na lista de serviços como
Servidor de Impressão TCP/IP).

Autenticação LPR

Não existe protocolo para autenticação de usuários que imprimam através de LPR/LPD, logo, é possível que
clientes LPR utilizem informações de outros usuários.

• É possível impedir os trabalhos de impressão de usuários desconhecidos (unknown users) durante a


parametrização de cada impressora monitorada pelo Pcounter.

Pcounter Web Client

Jobs submetidos por clientes LPR podem ser autenticados através do cliente web do Pcounter. Máquinas
Macintosh também podem ser configuradas para imprimir via LPR. O Pcounter Web Client também pode ser
utilizado por clientes LPR para atribuir os centros de custo (client codes) ou para autenticação do usuário.

Pcounter Client for Mac

O arquivo PcounterClient.dmg está disponível para distribuição em máquinas OS X, proporcionando as


mesmas funcionalidades de exibição de janelas de popup e mensagens fornecidas pelos utilitários PPopup e
PcounterClient do ambiente Windows.

Redes com domínios múltiplos/de confiança

Quando um job de impressão é processado pelo Pcounter, a informação de qual usuário submeteu este job
é verificada no servidor estabelecido na configuração “Global Settings - Get User Information From”
(geralmente no Local Domain ou Diretório). Caso o usuário não seja encontrado em tal domínio, ele será
buscado nos domínios de confiança (trusted).

O domínio do proprietário do job de impressão é exibido ao lado do username (Nome do Domínio\Nome do


Usuário) no primeiro campo do arquivo de log.

É possível impedir os trabalhos de impressão de usuários desconhecidos (unknown users) durante a


parametrização de cada impressora monitorada pelo Pcounter.

Registro de Erro

Qualquer ocorrência de erros, como problemas de configuração, jobs que não podem ser contabilizados,
etc. serão registrados no log de eventos do sistema e poderão ser visualizados através do utilitário
Visualizador de Eventos (através das Ferramentas Administrativas do Windows). Selecione Log,
Aplicação, para checar as mensagens referentes ao Pcounter.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 7


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Serviços e Portas Pcounter
Visão Geral

O Pcounter possui 3 componentes responsáveis pelas atividades do sistema de contabilização de


impressões: o serviço “Pcounter Printer Control”, as Portas Pcounter (Pcounter Ports) e o serviço “Pcounter
Data Server”.

O serviço Pcounter Printer Control e as portas Pcounter trabalham em conjunto no gerenciamento das
impressoras e devem ser utilizados ao mesmo tempo nos servidores de impressão Windows. O serviço
Pcounter Data Server gerencia toda a contabilização das impressoras Pcounter e poderá ser executado em
qualquer servidor Windows.

Esses componentes fornecem ao Pcounter a flexibilidade para se ajustar a qualquer tamanho de rede. Por
exemplo, caso todas as impressoras estejam atachadas a um único servidor de impressão Windows, os
dados, tanto das atividades de impressão, quanto das cotas disponíveis, poderão ser mantidos no mesmo
servidor que executa todos os componentes. Da mesma forma, em um ambiente de impressão distribuído, o
serviço Printer Control poderá ser utilizado com Portas Pcounter em vários servidores de impressão
Windows, enquanto o serviço Data Server é executado em outro servidor Windows, ou até mesmo em um
dos servidores de impressão Windows.

É necessário instalar (ou desinstalar) ambos os serviços e os monitores de porta através da interface
Pcontrol. Selecione, nessa interface, o servidor Windows onde encontra-se instalado o Pcounter e
pressione o botão Pcounter, ou acesse no menu as opções Server, Pcounter, Pcounter configuration. A
seguir, selecione a tab Services/Ports. A execução do arquivo de instalação do software no servidor não
instala, automaticamente, os serviços e os monitores de porta durante seu processo. Da mesma forma, a
desinstalação do software do servidor não remove automaticamente os mesmos serviços e monitores de
porta.

Configuração de Porta IP

É necessário designar duas portas TCP/IP para cada um dos serviços Pcounter, para permitir a
comunicação entre o PcounterClient.exe (e/ou o cliente Mac OS X) e os servidores Pcounter. Entretanto, as
portas IP não serão necessárias se utilizarmos apenas o utilitário PPopup.exe.

O serviço Pcounter Printer Control

Ao término da instalação, o serviço Pcounter Printer Control será configurado com o Tipo de incialização
“Automático”, o que significa dizer que o mesmo será executado durante a inicialização do sistema (boot).
Contudo, é possível iniciar ou interromper o serviço a qualquer momento através da interface Pcontrol a
partir de qualquer estação Windows da rede, caso tenham sido concedidos privilégios de rede para tal.

Caso sejam efetuadas alterações de configuração de Popup ou de pausa de todos os jobs, o serviço deverá
ser reiniciado. As outras parametrizações são dinâmicas (inclusive a adição de novas impressoras
monitoradas pelo Pcounter), não sendo necessário reiniciar o serviço.

A conta SISTEMA (SYSTEM) deverá ser configurada para ‘Controle Total’ sobre todas as impressoras
controladas pelo Pcounter. Na maioria dos casos não é necessário especificar essa permissão.

Este serviço poderá ser atualizado (Update) sem a necessidade de reinstalação do software. Todas as
configurações aplicadas anteriormente não serão alteradas pela atualização do serviço.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 8


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Configuração do Spool e dos Tipos de Dados (Datatypes)

Frequentemente, o Pcounter é usado para determinar os atributos de um job antes de permitir sua
impressão; por exemplo, verificar o formato de páginas, assegurar que o usuário possua saldo suficiente
para imprimir, ou ainda, efetuar previamente a contagem de páginas a serem impressas. Nestes casos, é
necessário que a configuração do Spool das impressoras monitoradas esteja definida como “Start printing
after last page is spooled” (Iniciar impressão depois que a última página estiver no spool).
Esse procedimento garante a total disponibilidade das informações sobre um job antes do início da
impressão do mesmo. Jobs que sejam impressos antes da última página ser enviada ao spool são os
maiores causadores de erros de contabilização.

O tipo de dados dos jobs (datatype) é outro parâmetro importante da configuração. As opções mais comuns
para esse parâmetro são: EMF - um meta-arquivo (metafile) e o formato RAW - formato nativo do driver de
impressão (Ex: PostScript ou PCL).

O datatype RAW é a melhor opção para operações realizadas pelo Pcounter, já que possibilita ao
Pcounter a leitura exata dos dados a serem enviados à impressora, resultando em um correto tratamento do
job. Caso o datatype EMF seja utilizado, o Pcounter dependerá do registro de jobs efetuado pelo spooler
antes de sua efetiva impressão, o que nem sempre reflete a informação correta. O datatype RAW será
utilizado quando a opção Enable advanced printing features for desabilitada nas propriedades da
impressora.
Essas configurações estão disponíveis na tab “Advanced” (Avançado) das Propriedades da impressora -
tab “Printer Properties”.

O serviço Pcounter Data Server

O serviço Pcounter Data Server realiza o gerenciamento dos dados de contabilização de todas as
impressoras monitoradas pelo Pcounter. Este serviço poderá ser executado em qualquer máquina Windows
(Workstation/Professional ou Server), mesmo que não seja um servidor de impressão Pcounter. Cada
servidor de impressão Pcounter possui uma configuração global de Data Server, que pode estar apontando
para o mesmo servidor que hospeda esse serviço – o que permite centralizar todos os dados das atividades
de impressão submetidas ao Pcounter. Esse serviço só precisa ser executado em um único servidor.
• Assegure-se que o compartilhamento Pcounter tenha sido criado durante os procedimentos de instalação
do software e salve as configurações globais do servidor.
• O arquivo de log do Pcounter (para o registro das atividades de impressão) e as bases de dados que
contém as cotas dos usuários são mantidas no diretório \\DataServer\Pcounter\Data do Data Server,
onde \\DataServer\Pcounter é o diretório compartilhado do Pcounter.
• Os usuários devem possuir permissões de leitura no compartilhamento Pcounter. Esse diretório contém as
configurações globais (Global Settings) e a base de dados dos centros de custos (client codes), quando
utilizado nas opções de Popup.
• Administradores e usuários que gerenciam cotas de impressão, bem como usuários que necessitam obter
estatísticas de impressão deverão ter permissões de leitura/escrita sobre o diretório Data. Para propósitos
de segurança, usuários comuns da rede não deverão ter qualquer acesso a essa pasta.

Ao término da instalação, o serviço Pcounter Data Server será configurado com o Tipo de incialização
“Automático”, o que significa dizer que o mesmo será executado durante a inicialização do sistema (boot).
Contudo, é possível iniciar ou interromper o serviço a qualquer momento através da interface Pcontrol a
partir de qualquer estação Windows da rede, caso tenham sido concedidos privilégios de rede para tal.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 9


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
O Pcounter Data Server centralizando os jobs de outros servidores/estações Pcounter

É possível que outros servidores Pcounter e estações de trabalho (configuradas via WSManager) possam
consolidar seus logs de impressão em um único servidor com o serviço Pcounter data server ativo. Neste
caso, após a primeira vez que o serviço Pcounter Data Server é instalado, o serviço Servidor (e todos os
serviços dependentes) deverão ser reinicializados. Esse procedimento poderá ser realizado manualmente
em Painel de Controle  Serviços, ou simplesmente através de uma reinicialização (boot) do servidor. Esse
passo só precisa ser efetuado uma única vez, não sendo necessário repeti-lo caso o serviço Pcounter Data
Server seja reinstalado ou atualizado (update).
- (Windows Vista/7/2008/R2/2012 – Nota: – Além do passo anterior, poderá ser necessária uma alteração
adicional via Editor de Diretiva de Grupo Local (Group Policy Editor). Em Configuração do
ComputadorConfigurações do WindowsConfigurações de SegurançaDiretivas LocaisOpções de
SegurançaAcesso à rede: deixar que as permissões de todos os usuários sejam aplicadas a usuários
anônimos=Ativado)

Este serviço poderá ser atualizado (Update) sem a necessidade de reinstalação do software. Apenas
certifique-se de interromper o serviço antes da atualização, caso contrário ocorrerá um erro. Todas as
configurações aplicadas anteriormente não serão alteradas pela atualização do serviço.

Configurando o serviço Data Server

Criando um novo arquivo de log e renomeando um arquivo de log antigo

O Data Server pode renomear periodicamente o arquivo PCOUNTER.LOG para que cada log seja separado
em um determinado intervalo de tempo. Neste caso, um novo log será criado automaticamente. Caso a
opção “Never” seja selecionada, o arquivo de log será único e terá seu tamanho infinitamente incrementado,
sendo necessário monitorá-lo para fins de controle de espaço disponível em disco.

Notificação sobre os saldos das cotas de impressão - Account balance notification

O Data Server poderá, opcionalmente, enviar uma mensagem via rede aos usuários, informando sobre suas
cotas de impressão. Tais mensagens somente serão enviadas, caso a opção “Accounting” esteja
configurada como “User account balances and log file” nas configurações do Pcounter para a impressora.

Quando o Data Server está inativo

• Quando opção “Accounting” da impressora está selecionada para “User account balances and log file”,
a impressão do job não será iniciada caso o Data Server esteja inativo. Caso o Data Server se torne inativo
após o início da impressão do job, porém antes do registro deste job no log, então o Pcounter armazenará
as informações localmente até que o Data Server esteja ativo novamente.
• Caso selecionado em “Accounting” a opção “Log file only”, os jobs serão impressos normalmente e o
Pcounter armazenará as informações localmente até que o Data Server esteja ativo novamente.
• Caso as configurações de Popup estejam sendo utilizadas com a opção “ID and password”, as
passwords informadas não serão verificadas.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 10


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Portas Pcounter

Cada impressora que necessite ser monitorada no ambiente de impressão requer a designação de uma
Porta Pcounter. A Porta Pcounter é um monitor de impressão que se integra diretamente ao Windows
Spooler e controla o fluxo de dados para as impressoras.

Dentre as diversas vantagens em utilizar as Portas Pcounter, destacamos:

Coletam com exatidão os dados enviados à impressora, não contabilizando documentos não impressos.
• Monitoram o status de disponibilidade da impressora, movendo jobs para outro dispositivo se necessário.
• Possibilitam consultar a impressora para obter a quantidade exata de páginas por job.
• Possibilitam consultar a impressora para obter a quantidade de páginas coloridas.
• Proporcionam um eficiente balanceamento de jobs entre várias impressoras sem causar overhead de CPU.

É necessário que o serviço Pcounter Printer Control esteja sendo executado no mesmo servidor de
impressão Windows em que se encontram instaladas as Portas Pcounter. Caso o serviço Pcounter Printer
Control esteja parado, a impressão permanecerá inativa até o reinício desse serviço.

Instalando as Portas Pcounter

NOTA: O Windows não oferece suporte à instalação de portas através de estações remotas, logo é
necessário instalar o Pcounter em todos os servidores de impressão Windows e configurá-los localmente.
Através da interface Pcontrol, instale as Portas Pcounter selecionando o servidor. Agora, clique no botão
e, na mini-janela aberta, acesse a tab “Services/Ports tab”.

Utilizando o assistente de configuração de porta (Pcounter Port Wizard)

O Pcounter Port Wizard está disponível através da interface Pcontrol - Configuração do Servidor Pcounter,
tab Printers. Ele pode ser utilizado para:

• Criar novas portas Pcounter - o assistente indicará a melhor escolha baseada na configuração de porta
atual.
• Editar/configurar portas Pcounter existentes.
• Remover portas Pcounter e restaurar as portas originais.

Configurando/Editando manualmente as Portas Pcounter via Propriedades das Impressoras.

Acesse a tab Propriedades (Properties) da impressora, selecione a tab Portas (Ports) e pressione
Adicionar Porta (Add Port). As Portas Pcounter serão exibidas na lista de Tipos de Portas Disponíveis
(Available Printer Ports), para sua utilização nas configurações da impressora. Pressione o botão
Configurar Porta (Configure Port) para editar as configurações de uma Porta Pcounter.

Atualizando as Portas Pcounter (Update)

É necessário interromper o serviço Spooler para a atualização das Portas Pcounter. O Pcontrol possibilita a
atualização remota das Portas ao interromper o spooler, copiar os arquivos e, então, reiniciar o Spooler. A
paralisação do Spooler acarretará na interrupção da impressão de jobs.

Ao atualizar (a partir da versão 2.15 ou anteriores) os 4 tipos de portas (AppSocket, LPR, Parallel,
OtherPrinter), o Pcontrol automaticamente as converte para as novas especificações de Portas Pcounter,

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 11


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
utilizando o protocolo originalmente definido e desinstalando as portas anteriores do Gerenciador de
Impressão (Spooler) do Windows.

Utilizando o recurso SNMP para checar o status da impressora e/ou obter a contagem de páginas
impressas

A Porta Pcounter é capaz de utilizar o protocolo SNMP para as seguintes tarefas:

• Checar o status on-line da impressora e, opcionalmente, mover jobs para outras impressoras e/ou enviar
uma notificação ao usuário.
• Recuperar a contagem de páginas atual da impressora após o job ter sido enviado ao dispositivo de
impressão, assegurando aos usuários a contabilização somente daquilo que foi efetivamente impresso.
• Recuperar a contagem de páginas coloridas de vários modelos de impressoras, assegurando a real
contabilização do número de páginas coloridas de cada job impresso.

- Porta Pcounter - Protocolos e Configurações


Os seguintes protocolos podem ser utilizados para impressão via Pcounter:

TCP/IP (Raw/AppSocket)

Esse protocolo é equivalente, em funcionalidade, à utilização do modo RAW na porta TCP/IP do Windows. A
maioria das impressoras laser, plotters e dispositivos multifuncionais suporta a impressão TCP/IP RAW na
porta 9100. Os servidores de impressão externos podem utilizar diferentes números de porta para cada
saída paralela desse dispositivo - por exemplo, o HP JetDirect EX+3 utiliza as portas 9100, 9101e 9102.

Nota para o recurso ‘Pull Queues’ no Pcounter Pro – caso a fila de impressão esteja sendo utilizada
como um pull de filas do Pcounter Pro sem uma impressora associada, ajuste o IP de acesso para 0.0.0.0.
Qualquer job que seja liberado da pausa (mesmo que acidentalmente) para impressão, será
automaticamente mantido em pausa.

LPR

O protocolo LPR/LPD é um padrão suportado pela maioria das impressoras de rede e dos sistemas
operacionais que utilizam o protocolo TCP/IP. Este protocolo requer um pouco mais de overhead se
comparado ao Raw/AppSocket. A porta Pcounter LPR pode ser utilizada para enviar jobs para impressoras
com interface de rede e ou/ para computadores que executem um LPD server - como o RPM Remote Print
Manager e seus pares nativos dos sistemas Windows, UNIX e NetWare.
Impressora / Nome de fila (Printer/Queue name)
Informe o nome da fila de impressão especificado no servidor LPD.

Definição de portas (Local port bindings)

• RFC 1179 compliant : Utilize essa opção somente caso o servidor LPD requeira total compatibilidade
com a RFC 1179. Os números de portas locais são restritos ao intervalo 721-731. Essa situação poderá
gerar conflitos com outras portas LPR, já que existe uma limitação de apenas 11 portas disponíveis. A
maioria dos dispositivos LPD não requer total compatibilidade com a RFC1179.

• Typical: Utiliza as portas locais TCP entre 512-1023.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 12


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• Extended: Utiliza as portas locais TCP 1024 e superiores. A vantagem dessa opção é uma menor
ocorrência de conflitos das portas locais com outras portas LPR e demais aplicações..

Opção de configuração: Count partially sent/interrupted print jobs:


Caso o servidor LPD esteja embutido na impressora, jobs de impressão que foram submetidos parcialmente
têm maior probabilidade de serem impressos. Isso ocorre porque a maioria das impressoras inicia a
impressão assim que começa a receber os dados de impressão. Contudo, caso o servidor de impressão
esteja hospedado em um host (software LPD server), jobs que foram submetidos parcialmente
provavelmente serão excluídos da fila de impressão. Selecione essa opção, caso deseje que o Pcounter
contabilize jobs incompletos.

Enable LPR byte counting


Alguns servidores LPD necessitam saber previamente o número de bytes do job sendo enviado. Essa
função pode requerer processamento extra. A maioria das impressoras não requer contagem de bytes.
Sendo assim, esta configuração deve ser desabilitada sempre que possível.

Local Port

Utilize essa configuração caso os jobs de impressão sejam direcionados para uma Porta Paralela ou para
um Arquivo.

Porta OtherPrinter

A porta Pcounter OtherPrinter envia os jobs para outros tipos de fila de impressão. A porta OtherPrinter não
pode imprimir para impressoras remotas compartilhadas do Windows - a fila de impressão deverá estar
localizada no mesmo servidor de impressão Windows.

A finalidade da porta OtherPrinter é suportar impressoras que utilizem protocolos de rede não suportados
diretamente pelos outros monitores de porta do Pcounter, como, por exemplo, Appletalk e portas USB.
Também pode ser adotado caso seja preferível manter a configuração de portas anterior à instalação do
Pcounter. Cada impressora física possui 2 filas de impressão, uma para contabilização das páginas e outra
para a impressão propriamente dita.

A maneira mais simples de configurar a porta OtherPrinter é fazê-lo através do Assistente de criação
de portas do Pcounter (Port Wizard). Caso prefira fazer a configuração manual:

• Crie uma nova impressora utilizando o mesmo driver de impressão e a mesma configuração de porta da
impressora atual.
• Atribua a porta OtherPrinter para a impressora atual, utilizando a nova impressora como saída da primeira,
de forma a ficar identificada como Output. Assim, não será necessário re-configurar qualquer estação cliente
para imprimirem em uma outra impressora.
• Não compartilhe a nova impressora (Output), caso contrário os usuários da rede poderão realizar suas
impressões de forma direta, contornando a contabilização do Pcounter.
• Da mesma forma, se necessário, remova quaisquer permissões de utilização local da nova impressora
(Output).
• A conta (SISTEMA - SYSTEM) deverá ter permissão de Controle Total para a nova impressora (Output).

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 13


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Opção de configuração: Number of jobs counted ahead of printer

Lembrando que o monitor de porta OtherPrinter está imprimindo para uma fila (Output) e não diretamente
para a impressora, é importante notar que a velocidade de impressão para uma fila ocorre mais rapidamente
que a impressão propriamente dita. Nesse caso, o Pcounter assume o controle e registra (log) a impressão
do job tão logo este seja enviado para a fila Output, sem ter conhecimento da efetiva impressão do mesmo.
Essa configuração controla o número de jobs contidos na fila Output ao mesmo tempo. Por exemplo, caso
preencha este campo com o valor 1 (um), nenhum outro job será movido para a fila Output, até que a
mesma esteja novamente vazia.

Load Balance (Balanceamento de carga para múltiplas impressoras)

A função Load Balance, disponível para as Portas Pcounter, inclui uma opção avançada para o
balanceamento de carga dos jobs, se comparada à utilizada pelo pool de impressoras Windows. O pool de
impressoras Windows permite que várias portas de impressão sejam designadas para uma única fila de
impressão. Entretanto, as portas em um pool de impressão sempre obedecem a mesma ordem - o primeiro
job é sempre designado para a primeira porta e a segunda porta só receberá algum job caso a primeira
esteja ocupada.

O balanceamento de carga do Pcounter se diferencia do modelo anterior na proporção em que cada porta
deve ser direcionada para sua própria fila de impressão.

Uma fila de impressão adicional (chamada de Master) deve ser criada e compartilhada para receber os jobs
submetidos pelos usuários, distribuindo-os igualmente entre as filas de impressão (chamadas de Child)
responsáveis pela impressão desses jobs. As filas Child não devem ser compartilhadas e nem devem
receber jobs diretamente dos usuários.

A fila Master deve ser configurada no campo “Protocol” das Portas Pcounter como “Load Balance“, onde
deve-se adicionar à lista de distribuição de carga as filas Child. A fila Child deve ser previamente configurada
através das Portas Pcounter com a utilização de seu respectivo protocolo de impressão, que permite a
monitoração da porta de impressão (Ex; TCP/IP, LPR, Local Port, OtherPrinter).

• A configuração do balanceamento de carga é dinâmica. Não é necessário reinicializar o serviço Pcounter


Printer Control para aplicar alterações.

• Através do modo 'Round Robin', o Pcounter distribui a carga de impressão igualmente entre um grupo de
impressoras (Child), incrementando o rendimento (throughput) das atividades de impressão. Dependendo da
carga atual nestas impressoras, os jobs serão distribuídos para as filas com menor número de jobs em
espera.

• Quando os jobs são distribuídos para uma fila Child, nenhuma outra regra Pcounter ou processamento
ocorrerá na fila Master. Todo o processamento será conduzido pela Porta Pcounter da fila Child. Note que
as configurações de impressora Pcounter também deverão ser efetuadas sobre as impressoras Child.

• Os jobs não serão direcionados a qualquer fila Child que não esteja disponível (pausada ou indique status
de erro). Esse procedimento facilita o gerenciamento de impressão nas situações de indisponibilidade de
uma determinada fila Child. Ao detectar que uma fila Child está offline, o Pcounter estabelece um status de
erro, prevenindo o envio de novos jobs para essa fila.

• Caso a fila Master seja pausada, nenhum job será enviado às filas Child.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 14


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• Caso sejam necessárias as configurações de Popup ou Web Client, a opção Enable Popup Window
deverá ser habilitada exclusivamente na fila Master.

• Quando as mensagens de notificação do Spooler forem utilizadas, assegure-se que tais mensagens
estejam configuradas para envio aos usuários e não aos computadores. Tal configuração poderá ser
verificada em Iniciar/Configurações/Impressoras/Arquivo/Propriedades do servidor/Avançado
(Start/Settings/Printers/File/Server Properties/Advanced).

• A função de balanceamento de carga Pcounter não requer overhead adicional na CPU, e os arquivos do
spool não são sobrescritos.

NOTA: Deve ficar claro que o balanceamento de jobs não distribui um mesmo job entre as
impressoras Child. Esse recurso tem por objetivo fazer o balancemento dos jobs (por inteiro) entre
as impressoras envolvidas.

Exemplo de distribuição de carga:

A impressora Master servirá somente para receber e distribuir os jobs entre as impressoras Child.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 15


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Suporte ao Cluster do Windows

Os componentes do Pcounter Server (ex: Serviços e Monitores de Portas) são utilizados nos ambientes em
Cluster do Windows de forma similar a uma instalação típica do Pcounter em um servidor de impressão. A
principal diferença é que em cluster, esses componentes são elementos dos recursos do cluster, permitindo
que os mesmos sejam associados aos seus nós ativos e grupos, além de serem gerenciados no
Administrador Cluster.

Notas sobre o ambiente Cluster:

• O instalador do Pcounter (InstallShield) deve ser executado em cada nó de cluster para que o software
esteja disponível nos mesmos.
• Enquanto gestor dos recursos de cluster, o Pcontrol procura instalar/atualizar o software (em uma única
operação) em cada nó onde o recurso deste nó em particular é associado. Note que é fundamental que
todos os nós estejam ativos durante os procedimentos de instalação/atualização, e que as versões estejam
em sincronismo com todos os nós necessários.
• Em ambientes de cluster Windows 32 bits, o gerenciamento de impressão (via Pcontrol) poderá ser
realizado de um dos nós do Cluster ou de uma estação remota. No caso de clusters Windows 64 bits, este
gerenciamento deverá ocorrer de um dos nós deste cluster ou de uma sessão de terminal.
• As configurações “Global/Popup’ serão consistentes através dos servidores virtuais, enquanto
compartilharem as mesmas localizações de registros nos nós de cluster.

Recurso Pcounter Print (Serviço Genérico - Generic Service):

• O serviço Pcounter Printer Control é iniciado e finalizado juntamente com esse recurso e um recurso Print
Spooler no qual ele é dependente.
• Múltiplos recursos PcounterPrint podem ser criados e utilizados no modo ativo-ativo. Um recurso
PcounterPrint pode ser associado (ainda que dependente) com cada recurso Print Spooler no cluster. Cada
recurso PcounterPrint será designado como PcounterPrint_XXXX, onde XXXX é o nome da rede utilizada
pelo recurso Print Spooler e o grupo de cluster.
• O Pcontrol deverá trabalhar com nomes específicos do recurso. Por favor, evite renomear o recurso
PcounterPrint_XXXX, a menos que o nome da rede do grupo de cluster tenha sido renomeado.
• A Porta Pcounter é instalada em cada nó de cluster e no servidor de cluster virtual. As Portas Pcounter
podem ser gerenciadas, da forma usual via Port Wizard do Pcontrol, ou através das propriedades da
impressora via pasta Impressoras (Printers) do servidor de cluster virtual. As impressoras locais aos nós de
cluster não são suportadas, somente as impressoras no servidor de cluster virtual são permitidas.
• Será necessário tornar offline todos os recursos PcounterPrint_XXXX do cluster quando ocorrer
atualizações de versões nos serviços e portas, já que as Portas Pcounter são instaladas em cada nó e os
arquivos são utilizados em cada servidor virtual.

Recurso Pcounter Share (Compartilhamento de Arquivo - File Share):

• O recurso Pcounter Share é dependente somente de um recurso de cluster de disco físico e permite ao
Pcounter Share ser reconhecido como elemento de cluster (cluster-aware) e movido entre nós quando
necessário. Somente um recurso Pcounter Share é suportado por cluster, devido ao cluster não permitir
nomes de compartilhamento duplicados.
• O Pcontrol deverá trabalhar com o nome específico do recurso “Pcounter Share”. Por favor, não o
renomeie.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 16


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• (Windows 2008) Os recursos “File Share” foram removidos. Os compartilhamentos de arquivo agora são
configuráveis externamente ao gerenciador de cluster (MMC). O Pcontrol configurará o compartilhamento
Pcounter no cluster de forma similar a um servidor de impressão não-clusterizado.

Recurso Pcounter Data (Serviço Genérico - Generic Service):

• O serviço Pcounter Data Server é iniciado e finalizado juntamente com esse recurso e um recurso Pcounter
Share no qual ele é dependente. Devido ao fato de somente um recurso Pcounter Share ser suportado por
cluster, também haverá apenas um recurso Pcounter Data no cluster. Logo, o recurso Pcounter Data será
suportado somente no modo ativo-passivo.
• O Pcontrol deverá trabalhar com o nome específico do recurso “Pcounter Data”. Por favor, não o
renomeie.
• (Windows 2008) Em função da remoção dos recursos “File Share”, o recurso Pcounter Data terá a sua
dependência atrelada ao Nome da Rede (Network Name) do servidor cluster e do recurso de Disco que
hospeda o compartilhamento Pcounter.

O Pcounter no Windows 2008 Server Core

Os serviços Printer Control e Data Server do Pcounter podem ser executados sobre o Windows 2008 Server
Core. Entretanto, todas as configurações do Pcounter devem ser realizadas através de uma estação local ou
servidor que suporte a interface de usuário padrão (completa) do Windows.

Também será necessário instalar as portas Pcounter em uma estação local para que se tenha acesso às
configurações dessas portas no Windows 2008 Server Core. Caso as portas Pcounter não estejam
instaladas, o Windows Explorer exibirá a mensagem “The request is not supported” toda a vez que houver
uma tentativa de adicionar/remover/configurar as portas Pcounter no Windows 2008 Server Core.

Para realizar as configurações no Windows 2008 Server Core, execute o Pcontrol na estação, selecione
PcounterConfigure Pcounter Server, informe o nome do servidor Windows 2008 Server Core diretamente
ou através da navegação com o direito do mouse no menu de contexto. Todas as opções de configuração
disponíveis são suportadas.

Guia Rápido - Sumário

Tenha em mente que a interface Pcontrol permite que todas as configurações do Pcounter sejam realizadas
a partir de qualquer estação da rede (exceto a configuração das portas, que deve ser efetuada
localmente – ainda que esses monitores de porta possam ser atualizados via estações remotas, uma vez
que já tenham sido instalados). Da mesma forma, não é necessário executar a instalação do Pcounter em
cada estação; o Pcounter poderá ser instalado em uma pasta compartilhada da rede, para que os utilitários
e interfaces que o compõem sejam acessados via rede.

Utilize a interface Pcontrol para instalar (ou desinstalar) os serviços e os monitores de porta. Lembre-se que
a simples execução do arquivo de instalação do software Pcounter não faz com que os serviços e os
monitores de porta sejam automaticamente instalados. Igualmente, a desinstalação do software não remove
automaticamente os serviços e os monitores de porta.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 17


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Para o acesso às configurações do Pcounter for Windows, selecione o servidor na interface do Pcontrol e
pressione o botão Pcounter, ou selecione as opções de menu Server, Pcounter, Pcounter configuration.
Acesse o menu de configuração do servidor clicando com o botão direito do mouse sobre um dos
computadores.

Configuração do Data Server

• Na interface Pcontrol, marque o servidor Windows que hospedará o “Data Server” e selecione “Pcounter
configuration”.
• Crie o compartilhamento Pcounter - esse é o diretório que armazenará todas as informações de impressão
via Pcounter. Não esqueça de configurar as permissões apropriadas para o compartilhamento e seu
conteúdo.
• Defina as configurações Globais e de Popup.
• Selecione a tab “Services/Ports” e instale o serviço Data Server.
• Clique sobre o botão ‘configure’ e defina se um novo arquivo de log deverá ser criado periodicamente e/ou
edite as mensagens de notificação relativas às cotas de impressão.
• Inicie o serviço Data Server.

Configuração do servidor de impressão

• Na interface Pcontrol, marque o servidor Windows que está hospedando as impressoras e selecione
“Pcounter configuration”. Tal servidor poderá ser o mesmo que hospeda o Data server.
• Defina as configurações Globais e de Popup - na tab “Global Settings”, as configurações poderão ser
importadas do Data server (ou qualquer outro computador previamente configurado), evitando assim a
necessidade de entrar com as mesmas informações novamente.
• Opcionalmente, você poderá definir um configuração padrão de impressora (Default printer configuration),
a ser aplicada a todas as impressoras que não possuam configurações próprias.
• Selecione a tab “Services/Ports” e instale os monitores de porta (port monitors).
• Selecione a tab “Printers”. Configure os parâmetros de contabilização do Pcounter, além dos preços
(prices) e regras (rules) para cada impressora monitorada.
• Ainda na tab “Printers”, selecione a impressora a ser monitorada pelo Pcounter e, em seguida, pressione o
botão “Port Wizard”, que o conduzirá na configuração da Porta Pcounter para sua impressora.
• Selecione a tab “Services/Ports” novamente, instale e inicie o serviço Printer Control.
• A partir de agora, você já poderá testar suas impressões via Pcounter.

Configuração dos utilitários nas estações clientes

• Para a instalação dos utilitários Popup e/ou Wbalance, será necessário apenas adicionar um ícone ou
atalho no grupo Iniciar do Windows ou executá-lo em um script de login.
• Usuários que necessitem gerenciar cotas de impressão e relatórios de impressão terão que acessar,
adicionalmente, o utilitário PAdmin.exe.

Visualização das atividades de impressão

• Históricos de impressão por impressora podem ser obtidos instantaneamente clicando-se com o botão
direito sobre a impressora (na interface Pcontrol) e selecionando, em seguida, as opções Pcounter e Print
History.
• Para obter relatórios mais abrangentes ou ainda, visualizar as atividades de impressão por usuário,
acesse a interface PAdmin através do ícone/atalho do programa (ou no Pcontrol), clique com o botão direito
em um domínio ou servidor, e selecione opções Pcounter e Accounting.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 18


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Contabilizando jobs das impressoras conectadas às estações (escravas)

O utilitário para gerenciamento de impressoras escravas - Pcounter Workstation Manager ou WSManager -


é utilizado para definir a monitoração de impressoras locais atachadas a estações de trabalho (Ex: USB e
Paralela) sem a necessidade de configurar portas Pcounter em tais estações.

Maiores detalhes sobre este utilitário estarão disponíveis no Guia Pcounter Workstation Manager

O serviço Pcounter Printer Control (PCOUNTER.EXE) pode ser utilizado como um monitor de impressão
secundário para realizar a monitoração de impressoras escravas instaladas fisicamente em estações de
trabalho (workstations). Os registros de tais impressões são consolidados na estrutura de log do Pcounter
server.

Requisitos de Hardware/Software

• Windows 2000 Professional, XP, Vista, 7 ou 8.


• Servidor de impressão hospedando a licença Server do Pcounter.

Restrições

• A utilização deste utilitário (PCOUNTER.EXE) é suportada apenas nas estações de trabalho que
necessitem monitorar as impressoras locais. Não é suportado em servidores.
• Os resultados podem ser imprevisíveis caso o PCOUNTER.EXE seja aplicado em estações (workstations)
que já utilizem portas Pcounter.
• O WSManager limitará o gerenciamento de até 5 estações durante o período de avaliação (trial) do
Pcounter.
• A monitoração de impressoras locais sobre estações com Windows 95/98 não é suportada.

Características

• O WSManager é utilizado para a distribuição do software e das configurações das impressoras para as
estações que necessitam monitorar impressoras escravas.
• Suporta janelas de Popup e utilização de cotas de impressão.
• As Regras (tab Rules) não são suportadas. Contudo, é possível restringir o número de páginas impressas
para evitar exageros na utilização de recursos de impressão nas impressoras locais.
• Disponibiliza perfis de definições de impressoras, simplificando a configuração de impressoras comuns a
diversas workstations.

Configurações Globais (Global Settings)


O servidor onde o serviço Pcounter Data Server está sendo executado necessita ter um diretório
compartilhado (de nome Pcounter), onde os utilitários Pcounter possam acessar as informações de
configuração do sistema.

O compartilhamento Pcounter deverá fornecer permissões de leitura aos usuários que utilizam as interfaces
Pcontrol e PAdmin. Essas configurações são armazenadas no arquivo PCOUNTER.INI.

Delete Paused/All Jobs After ? Minutes - (Remover Jobs Após ? Minutos)


Os jobs de impressão poderão ser removidos após um determinado período de tempo (em minutos), sejam
apenas os jobs pausados ou todos os jobs presentes na fila de impressão. O valor zero (0) desabilita essa
característica. Essa opção se aplica unicamente às impressoras monitoradas pelas portas Pcounter.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 19


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Numerical Format - (Formato Numérico)
O formato numérico determina como as informações de custo e saldo de impressão serão exibidas.

• Pages - (Páginas)
A unidade de contabilização de custo = Uma página. Utilize essa opção caso defina as cotas de
impressão em número de páginas.

• Currency - (Moeda)
As cotas de impressão são baseadas em valores da moeda local. As configurações de moeda local são
definidas através das configurações regionais do Windows (Painel de Controle).

Get User Information from - (Obtendo informações do usuário)


Se a rede Windows utiliza:

— Domínios
Caso o Pcounter esteja hospedado em um membro do domínio ou no próprio controlador, utilize a
opção “Local Domain or Directory”. Caso contrário, selecione a opção “Primary Domain Controller”
ou especifique o servidor controlador dessas contas. Caso o usuário não seja encontrada no
domínio atual, domínios confiáveis serão pesquisados em seguida.

— Workgroups
Selecione o servidor Windows onde se localizam as contas de usuários.

— Adição de Domínio não confiável (Additional non-trusted domain)


Selecione o domínio Windows ou o servidor, onde as contas de usuários extras estão hospedadas.
Essa opção será necessária apenas se domínios não confiáveis são utilizados. Caso contrário, deixe
este campo em branco.

O servidor remoto poderá necessitar que uma string lsarpc seja adicionada ao valor de registro
NullSessionPipes, encontrado na seguinte chave de registro:
HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Services\lanmanserver\parameters.

Maximum move job rules - (Limite máximo de vezes para mover jobs)

É possível configurar um conjunto de regras que podem fazer com que os jobs sejam movidos
repetidamente entre as impressoras. Essa opção limita o número de vezes em que os jobs são movidos em
decorrência das ações configuradas na tab Rules (regras).

Registro de jobs rejeitados


Os jobs de impressão que são rejeitados por qualquer razão (saldo insuficiente, tamanho do papel inválido,
etc.) poderão ser registrados em um arquivo texto chamado REJECT.LOG (antigo Rejected.TXT),
armazenado no diretório \PCOUNTER\Data. Esse arquivo será incrementado indefinidamente. Portanto,
monitore periodicamente o tamanho desse arquivo.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 20


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Default Printer Configuration - (Configuração Padrão da Impressora)

Todas as impressoras poderão ser individualmente configuradas pelo Pcounter; Entretanto, se um número
considerável de impressoras necessita de monitoração, pode ser mais fácil definir uma configuração padrão
de impressora e deixar que o Pcounter utilize esses parâmetros para todas as impressoras existentes e as
novas, a serem adicionadas posteriormente.

Quando o Pcounter é carregado, o software busca pelas configurações individuais das impressoras. Caso a
mesma não seja encontrada, ele utiliza as configurações definidas como padrão. Nas situações onde não
existam parâmetros definidos de configuração padrão, o Pcounter utilizará as seguintes definições:

Accounting (tipo de contabilização): Log file only (somente log)


Action if below low balance limit (ação ao atingir o saldo mínimo): Delete job (exclui job)
Banner (separator) template (folha de rosto): Blank/None (nenhum)
Duplex Handling (impressão duplex): Ignore
Job size limit (limite de tamanho do job): Zero/None
Job pagecount limit (limite de número de páginas do job): Zero/None
Disable print notification (desabilitar notificação de impressão): No
Pause all jobs (pausar todos os jobs): No
Count jobs in advance (contar previamente jobs): No
Delete duplicate jobs (deletar jobs duplicados): No
Allow unknown users to print (impressão de usuários desconhecidos): Yes
Reject job types (rejeita tipos de job): None
Enable popup window (habilita janela popup): No
Keep job paused after popup (mantém jobs em pausa após popup): No
All paper sizes (todos os tamanhos de papel): Allowed (permitido)
All Prices (todos os preços): Zero
Default paper size (tamanho padrão de papel): Letter (carta)

Integração com LDAP

O Pcounter server é capaz de validar passwords de servidores LDAP externos quando utilizados com clients
Pcounter enquanto exibe janelas de popup e/ou com várias soluções embarcadas de multifuncionais.

Caso o servidor Pcounter já seja membro de um domínio no Active Directory domain, será possível a
autenticação dos usuários sem a necessidade de expecificar a funcionalidade de um LDAP externo.

A interface Pcounter Administrator (Padmin) também poderá ser utilizada para acessar servidores LDAP e
assim designar cotas de impressão aos seus usuários. Esses usuários serão automaticamente adcionados a
base de dados do PcounterUsers tão logo as atribuições de cota sejam realizadas.

Mensagens

Mensagens customizadas poderão ser enviadas aos usuários de impressão quando o Pcounter estiver
aplicando alguma regra ou em caso de outros eventos, como por exemplo, quando um tamanho inválido de
papel é enviado à impressora ou alguma informação sobre o saldo da conta é notificada. As mensagens
poderão ser enviadas via broadcast de rede (para usuário e/ou máquina), e-mail ou ambos.

A maioria das mensagens customizáveis no Pcounter suporta as seguintes substituições (strings):

%P - Nome da impressora %D - Nome do documento %F – Cota extra


%U - Nome do usuário %B - Saldo da cota de impressão

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 21


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Caso alguma regra seja aplicada, o usuário poderá receber duas informações combinadas em uma mesma
mensagem - uma informação relativa à regra e outra relativa à ação que foi tomada. Por exemplo, se a ação
tomada foi remover o job caso o tamanho limite tenha sido alcançado, a mensagem referente a tal
ocorrência será = “O arquivo de impressão %D excedeu o tamanho máximo (em bytes) para impressão em
%P.”, e a mensagem referente à exclusão do job = “Este arquivo foi removido.”, resultando no envio da
seguinte mensagem ao usuário:

O arquivo de impressão AUTOEXEC.BAT excedeu o tamanho máximo (em bytes) para impressão em
HP LaserJet 1100. Este arquivo foi removido.
As mensagens podem ainda informar o saldo da cota de impressão do usuário. Isso somente será possível
se a opção “Accounting” da configuração da impressora Pcounter for: “User account balances and log file”.

Mensagens via Broadcast

Send broadcast to User name:

• Requer que o serviço Mensageiro seja executado tanto no Servidor que hospeda o Pcounter quanto na
estação que receberá a mensagem.
• Verifique o status desse serviço, que geralmente permanece desabilitado por questões de segurança.
• Esta é a única opção de broadcast disponível para sessões de terminal.

• Send broadcast to Workstation name:

• Não requer que o serviço Mensageiro seja executado tanto no Servidor que hospeda o Pcounter quanto
na estação que receberá a mensagem.
• Caso o serviço Mensageiro seja executado na estação, a mensagem será recebida normalmente.
• Caso o serviço Mensageiro não seja executado na estação, tanto o aplicativo Ppopup como o Wbalance
poderão ser utilizados para receber as mensagens.
• Esta opção não está disponível para sessões de terminal

Configurações do SMTP

• Login name – Nome utilizado na identificação para o servidor SMTP. Alguns servidores SMTP requerem
um endereço válido ou domínio para fazer o envio das mensagens.

• Password – As passwords podem ser opcionais para envio de email no ambiente local, mas geralmente
são necessárias para o tráfego de emails entre servidores de correio.

• Reply address - Caso os usuários possam responder às mensagens de e-mail enviadas pelo Pcounter,
então informe aqui o endereço que receberá essas respostas.

• Subject - Entre com o assunto do e-mail (opcional), algo como “Mensagem de notificação de impressão”.
Caso opte por deixar em branco, o nome do arquivo de impressão será utilizado para esse fim.

• Append domain (optional): O nome do domínio é adicionado ao final do nome do usuário (username)
antes do envio da mensagem. Por exemplo, caso o username seja cliente e o domínio empresa.com.br,
então o endereço completo para o envio das mensagens será cliente@ empresa.com.br. Apendar o nome
de domínio pode ser desnecessário, caso o servidor SMTP efetue o relay das mensagens para usuários
locais. O Pcounter também tentará encontrar o endereço de email do usuário a partir do Active Directory,
caso o mesmo esteja disponível.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 22


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Data Server - (Servidor de Dados)
O Data Server é o computador que armazena os arquivos de log, além das bases de dados das cotas de
impressão e dos centros de custo (client code). Esse servidor deve executar o serviço Pcounter Data Server.

O serviço Pcounter Data Server realiza o gerenciamento dos custos de impressão das impressoras
monitoradas pelo Pcounter. Este serviço poderá ser executado em qualquer máquina Windows
(Workstation/Professional ou Server), mesmo que não seja um servidor de impressão Pcounter. Cada
servidor de impressão Pcounter disponibiliza configurações para o Data Server, que poderá ser o mesmo
servidor que hospeda esse serviço. Essa característica permite que todos os dados referentes às atividades
de impressão submetidas ao Pcounter estejam centralizados em uma única máquina. Esse serviço só
precisa ser executado em um único servidor.
• Assegure-se que o compartilhamento Pcounter tenha sido criado durante os procedimentos de instalação
do software e salve as configurações Globais do servidor.

• O arquivo de log do Pcounter (para o registro das atividades de impressão) e as bases de dados que
contém as cotas dos usuários são mantidas no diretório \\DataServer\Pcounter\Data, onde
\\DataServer\Pcounter é o diretório Pcounter compartilhado.

• Os usuários devem possuir permissões de leitura no compartilhamento Pcounter. Esse diretório contém as
configurações globais (Global Settings) e a base de dados dos códigos de cliente, quando utilizado nas
opções de Popup.

• Administradores e usuários que gerenciam cotas de impressão, além daqueles usuários que necessitam
obter estatísticas de impressão, deverão ter permissões de leitura/escrita sobre o diretório Data. Para
propósitos de segurança, usuários comuns da rede não deverão ter qualquer acesso a essa pasta.

LPD Server

O serviço Pcounter Printer Control também pode ser utilizado como um LPD server para aceitar jobs
submetidos por clientes LPR.

Vantagens da utilização do LPD server Pcounter sobre o Serviço LPD da Microsoft (LPDSVC):

• Ο Pcounter exporta como impressoras LPD somente as impressoras selecionadas pelo usuário. Marque
as caixas somente das impressoras que deverão ser acessíveis via LPR. O LPDSVC sempre exporta todas
as impressoras como sendo destinos LPR.
• O LPD do Pcounter permite restringir o acesso a impressoras com base em um endereço IP específico ou
um intervalo de endereços IPs. O LPDSVC não disponibiliza essa função.
• O LPD do Pcounter pode pausar todos os jobs. O LPDSVC não disponibiliza essa função.
• A função de pausa de job do LPD Pcounter é melhor integrada com o Cliente Web em comparação ao uso
das funções “Standard Pause” ou “Super Pause” na configuração da impressora Pcounter em conjunto com
o LPDSVC.
• O LPD do Pcounter interpreta corretamente os nomes de jobs submetidos pelo Apple OS X,
diferentemente do LPDSVC.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 23


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Impressoras com servidor LPD e clientes Windows autenticados

Podem ocorrer situações onde o Cliente Web seja requerido para autenticar jobs LPD em impressoras que
também são utilizadas por clientes Windows autenticados. Nesse caso, o LPD do Pcounter deverá ser
configurado para pausar todos os jobs, enquanto na configuração geral da impressora Pcounter deverá ser
desabilitada qualquer pausa ou janela popup. Esse procedimento permite que jobs do ambiente Windows
imprimam sem pausa, enquanto que os jobs via LPD serão pausados, pendentes de uma entrada via Cliente
Web.

Impressoras que requerem janelas Popup e/ou Cliente Web para todos os jobs

Caso os jobs submetidos para uma impressora em particular requeiram entradas via janela PPopup e/ou
Cliente Web, assegure-se de que as opções ‘Enable Popup Window’ (na janela “Pcounter printer
configuration”) e ‘Pause all jobs’ (na configuração da impressora LPD) estejam habilitadas.

Tornando anônimo o usuário LPR (Anonymize User Names)

O protocolo LPR/LPD não requer autenticação de usuário para imprimir. Normalmente, o nome do usuário é
fornecido pelo cliente LPR como parte do cabeçalho do arquivo de controle, enviado durante a impressão, e
que é utilizado pelo LPD server.

Caso a opção ‘Anonymize User Names’ seja selecionada em qualquer impressora, o nome do proprietário
do job de impressão será exibido como:

pcounterAnonymous [endereço IP]

Esse recurso pode ser útil para evitar a tentativa de personificação (não autorizada) de um usuário, e/ou
forçar que um mecanismo de autenticação, como o Ppopup ou o Web Client, seja utilizado antes de uma
aplicação para liberar jobs como os módulos embarcados para MFPs (Pcounter Embedded) ou o Pcounter
Station.

Simplificando nome de usuários com ponto (Simplify dotted user names)

Útil para jobs encaminhados de servidores Novell onde os nomes de usuários utilizam a sintax ‘eDirectory
syntax’, tais como usuário.ou.org. Quanda habilitado, o LPD server do Pcounter will ignora as informações a
partir do primeiro ponto.

When enabled, the Pcounter LPD server will strip everything from the first dot and later.

Notas:

• O serviço LPD (TCP/IP Print Server Service ou qualquer outro LPD server previamente instalado na
máquina) deverá ser configurado como Manual ou Desabilitado. Caso contrário, ocorrerá conflito com o LPD
do Pcounter (todos utilizam a porta 515).
• Uma vez que o LPD server do Pcounter esteja iniciado, não será necessário re-iniciar o serviço Pcounter
Printer Control em caso de qualquer mudança de configuração.
• Somente o código de comando -f (filtro de texto puro), conforme definido na RFC 1179, é suportado.
Nenhum outro filtro ou folha de rosto é suportado no momento. Para necessidades avançadas de filtragem,
utilize um LPD server standalone, como o RPM-Remote Print Manager.
• Comandos LPQ são suportados, comandos LPRM não.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 24


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Real Time Monitor

O serviço Pcounter Printer Control também pode ser utilizado como um monitor online do status de todas as
impressoras que possuam suas filas de impressão centralizadas no Servidor Pcounter, seja as que se
utilizam das portas Pcounter ou qualquer outra porta TCP/IP.

O Pcounter pode ser configurado para enviar email de alertas indicando condições de erros e vários outros
avisos (warnings), tais como impressora sem papel e baixo nível de toner.
As mensagens de alerta também podem conter links para acesso direto ao servidor web das impressoras e
uma URL no Pcounter server onde se pode visualizar o status atualizado.
Alguns clientes de email (como o Outlook) consideram as URLs como um endereço de IP que oferece
possíveis riscos de acesso. O propósito da opção “Resolve names of printer IP addresses for display” é
tornar estas URLs amigáveis para esses aplicativos.
Entretanto, se o endereço de IP dessas impressoras não puder ter seus nomes resolvidos, a ativação deste
recursos poderá comprometer a performance do sistema.

Para desabilitar esta função, estabeleça 0 (zero) como valor no campo “Poll Interval”.

Accounting - Contabilização de impressões

Saldo da cota de impressão do usuário


Caso não seja necessária a utilização de cotas de impressão os usuários, por favor desconsidere esta
seção. Nesse caso, assegure-se de que as configurações da impressora Pcounter estejam definidas como
Log File only.

Os saldos das cotas de impressão de usuários são armazenados em um banco de dados no diretório
\\DataServer\Pcounter\Data do computador designado como Data Server através da tab Global Settings.
Não é necessário que todos os usuários se loguem nesse computador, ele é somente o local onde a
informação é armazenada.

Numerical formats - Formatos Numéricos

• Pages - (Páginas)
A unidade de contabilização de custo = Uma página. Utilize essa opção, caso defina as cotas de impressão
em número de páginas.

• Currency - (Moeda)
As cotas de impressão são baseadas em valores da moeda local. As configurações da moeda local são
definidas através das configurações regionais do Windows (Painel de Controle).

Account balances and Low balance limits - Saldos e Limites mínimos de cota

Cada usuário recebe um saldo e um limite mínimo de cota. O limite mínimo é o menor valor (saldo) permitido
antes do acesso à impressão ser negado. Tipicamente, o limite mínimo deve ser zero. Um crédito ilimitado
poderá ser concedido a usuários especiais.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 25


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Cota extra (Free Quota)
Os usuários também poderão receber uma cota extra de impressão, que poderá ser atualizada
periodicamente sem afetar o valor da cota de impressão tradicionalmente atribuída. A cota extra somente
será utilizada nas impressoras que tenham habilitada em suas configurações a opção “Allow use of free
quota” (Permite a utilização de cota extra).

Use o Pcounter Administrator (PAdmin) para modificar os saldos das cotas de usuários, grupos e os limites
mínimos.

O custo por página de cada job de impressão é definido na configuração da impressora. Se as cotas de
impressão tiverem sido determinadas “em dinheiro” e o custo de cada impressão estiver sendo deduzido do
saldo da cota do usuário, então utilize valores positivos para o custo por página. Utilize valores negativos
caso queira registrar o valor das impressões dos usuários em saldos totais (nesse caso devedores).
Caso tenha sido definida na configuração da impressora a opção Accounting = User account balances
and log file, então o Pcounter irá considerar o saldo da cota de cada usuário para proceder com as
impressões. Para cada job de impressão o saldo será debitado (número de páginas impressas) x (valor por
tamanho de papel). Se a opção que define o limite mínimo foi configurada, então o saldo da cota de usuário
não pode exceder o limite mínimo do saldo, caso contrário a impressão será negada.

Se o custo por tamanho então o Pcounter e o limite mínimo deve ser:


de papel for
maior do que 0 debita do saldo menor que o saldo
menor que 0 soma ao saldo maior que o saldo

Caso usuários Windows estejam se logando normalmente, não há nenhuma necessidade de criar contas
especiais de impressão para eles. Contudo, caso não exista entrada para um usuário no account balance,
então o saldo de cota, assim como o limite mínimo, para aquele usuário são assumidos como sendo zero.
No entanto, saldos padrão e limites mínimos podem ser automaticamente definidos no Padmin (para novos
usuários e usuários que ainda não tiveram atividade de impressão). Basta selecionar Preferences,
Automatically initialize balances to default values on startup/refresh. A próxima vez que o PAdmin for
iniciado, ou manualmente atualizado, ou outro domínio for selecionado, os valores padrão (default) serão
aplicados a essas cotas de impressão.
Caso a contabilização de impressão com logon compartilhado esteja sendo utilizada em um ambiente onde
os usuários não tenham contas próprias, recomendamos a leitura do tópico Logon Compartilhado, no
capítulo Popup.

O arquivo de log: PCOUNTER.LOG

O Pcounter mantém um arquivo de log de toda a atividade de impressão em


\\DataServer\Pcounter\Data\PCOUNTER.LOG. Usuários que utilizam o Padmin devem ter privilégios de
Leitura/Escrita para esse diretório.

O PCOUNTER.LOG é gravado no formato ASCII delimitado. O PAdmin gera relatórios e históricos de


impressão baseados no conteúdo deste arquivo - ele pode ainda ser importado para uma planilha ou um
banco de dados, possibilitando uma análise mais detalhada das informações.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 26


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Nome dos campos no ASCII delimitado :

• Nome do Domínio\Nome do Usuário


• Nome do documento (Pcounter) ou Operação de contabilização (PAdmin)
• Nome da impressora (Pcounter) ou Transação realizada pelo usuário (PAdmin)
• Data
• Hora
• Computador do qual a impressão ou transação de contabilização foi originada
• Centro de custo (Client code)
• Subcode
• Tamanho do papel (paper size)
• Características (Duplex e Número de cópias)
• Tamanho em bytes (Size in bytes)
• Contador de página (Page count)
• Custo (Cost)
• Saldo de cota (Account Balance)

Entradas do campo Features:

/Ts Registro de tempo


/D Duplex
/Cp Número de cópias do job
/C Colorido
/Cg Páginas coloridas
/Jt Tipo de Job (para uso interno)
/Mt Typo de mídia
/NB Job não cobrado
/Nup Páginas por folha

Pcounter Administrator (PAdmin)


O PAdmin é um utilitário Win32 para: gerenciamento das cotas de impressão de usuários, visualização de
históricos de impressão e geração de relatórios de impressão. O PAdmin pode ser executado em qualquer
versão do Windows.

• O Padmin pode navegar pela lista de usuários do Active Directory, de domínios compatíveis com o NT4 e
ainda, de contas locais em servidores e estações de trabalho.

• Todas as funções são de fácil acesso. Somente usuários que têm permissão de Leitura/Escrita no diretório
\\DataServer\Pcounter\Data podem modificar os saldo de cota de usuário e o arquivo PCOUNTER.LOG.

• Informações locais são mantidas no registro. Funções podem ser atribuídas ao duplo-clique em usuários e
grupos, bem como a definição de opções de classificação e a seleção de quais campos serão
visualizados/impressos no histórico de impressão.

• Múltiplos usuários podem ser selecionados para executar várias operações, porém grupos serão
ignorados caso sejam feitas seleções múltiplas. Operações em grupos devem ser feitas individualmente.

• A exibição do saldo é atualizada somente quando os usuários são selecionados.

• O PAdmin pode ser executado pelo duplo-clique no ícone do programa ou pelo clique direito do mouse
sobre o servidor ou domínio na interface Pcontrol e selecionado-se, em seguida, “Pcounter” e “Accounting”.
Múltiplas instâncias do PAdmin podem estar rodando para múltiplos domínios.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 27


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• O Clique direito do mouse em um objeto fornece um rápido menu de opções.

Terminologia

- Deposit (Depósito): Adiciona créditos à cota de impressão


- Charge (Débito): Efetua débitos na cota de impressão
- Low balance limit (Limite mínimo): Saldo mínimo permitido
- Print history (Histórico de impressão): Resumo abrangente das atividades de impressão

Gerando históricos e relatórios de impressão

Após clicar com o botão direito do mouse sobre um usuário, basta selecionar o item Report ou Print History
para ser exibido o total de impressão para várias categorias. O PAdmin pode ler o arquivo de log atual -
PCOUNTER.LOG - ou qualquer combinação de arquivos de log. Os relatórios podem ser salvos em HTML,
Comma delimited text (CSV) ou arquivos texto. Tais relatórios podem ainda ser enviados via e-mail,
utilizando um programa MAPI como o Eudora, Netscape Communicator, Outlook ou Outlook Express.
Funções do Banco de Dados
Remove deleted records - recupera espaço não aproveitado no banco de dados.
Reindex - irá criar um novo arquivo de índice para o banco de dados.
Import - por favor verifique essa opção na seção apropriada - Popup.

Pcounter Pro

A interface PAdmin também pode gerenciar códigos ID e PIN utilizados com alguns terminais de copiadoras
(via entrada alfanumérica ou tarja magnética de cartões). Os códigos ID são mapeados para as contas de
usuários na rede, permitindo que esses usuários possam se identificar apropriadamente para efetuar seus
acessos.

É possível restringir os tipos de entradas a serem efetuadas com códigos ID:


• Edite \\DataServer\Pcounter\Pcounter.ini, e crie a seção [PAdmin], caso a mesma não exista.
• Crie uma nova chave, ProIDRestrictions=X, onde X deve ser um dos valores abaixo:
a. 1 Somente entradas numéricas são permitidas
b. 2 Converte texto para maiúsculo
c. 3 Converte texto para minúsculo

Definindo automaticamente saldos das cotas de impressão dos usuários

Qualquer transação (Deposit, Set Balance, Charge) pode ser automatizada no PAdmin através da seleção
do dia e hora na qual a mesma deverá ocorrer. Todas as transações automatizadas ocorrerão no Data
Server e o serviço ‘Agendador de Tarefas’, nativo Windows, deve estar ativo.

O ACCOUNT.EXE é um aplicativo utilizado para efetuar as transações. Se uma transação é agendada


através da execução do PAdmin no Data Server, então ele assume que o ACCOUNT.EXE está localizado
na mesma pasta do PADMIN.EXE. Se a transação é agendada executando o PADMIN em um computador
remoto, então ele lê a chave InstallDirectory do \\DataServer\PCOUNTER\PCOUNTER.INI e determina o
local relativo ao ACCOUNT.EXE.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 28


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Opção de Agendamento (Scheduling) Resultado
Now (Agora) Nenhuma automatização - a transação ocorrerá no ato.
Every month (Mensal) A transação ocorrerá em dia e hora específicos do mês.
Every day (Diário) A transação ocorrerá todos os dias no horário definido.
Every “day of week” (A cada dia da semana) A transação ocorrerá em dia da semana/hora específicos.

Por exemplo, para redefinir o saldo de cota de todos os usuários de um grupo para um certo valor no
primeiro dia de todos meses, selecione o grupo, clique o direito do mouse e, em seguida, Set Balance.
Informe o valor e defina “Schedule = Every mounth, Day = 1 e Time = 12:00 AM”.

Uma lista das transações agendadas poderá ser encontrada e gerenciada pelo Padmin, pressionando o
botão “Automation” na barra de tarefas.

ACCOUNT.EXE
O ACCOUNT.EXE é um utilitário de linha de comando Win32 que pode ser utilizado para inserir comandos
ou para automatizar um lote de operações de contabilização, como por exemplo, via arquivo batch.

Digite ACCOUNT para listar as opções de linha de comando.

O ACCOUNT.EXE utiliza as definições globais armazenadas no PCOUNTER.INI em um servidor Pcounter.

Utilizando o ACCOUNT.EXE como uma aplicação web CGI


O ACCOUNT.EXE poderá ser configurado para executar como uma aplicação CGI baseada em HTTP para
efetuar o gerenciamento das cotas de impressão em qualquer servidor web para Windows. Essa opção é útil
para usuários que necessitam gerenciar suas cotas de impressão de forma simplificada, sem depender das
outras funcionalidades do PAdmin.

O ACCOUNT.EXE foi testado sobre o IIS e o Apache. Outros servidores web deverão funcionar
normalmente.

Localização do web server

• O servidor web deve rodar no servidor que hospeda o Pcounter Data Server.
• Apache e outros servidores web que executam como serviço utilizando a conta SISTEMA, devem rodar no
servidor que hospeda o Pcounter Data Server.
• Apache e outros servidores web que executam em modo usuário ou como serviço, utilizando uma conta
de usuário, podem rodar em qualquer servidor.

Instalação no Internet Information Server

• Copie o ACCOUNT.EXE para um diretório executável como, por exemplo, /pcounterWeb.


• Digite ACCOUNT CONFIG na linha de comando do servidor web para definir corretamente os
parâmetros.
• Digite ACCOUNT IISCFG para automatizar a configuração do IIS.
Contudo, caso deseje a instalação manual ou necessite checar as configurações, siga os passos descritos
abaixo.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 29


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Configuração manual do IIS

• Caso um diretório executável ainda não exista, crie um novo diretório (Exemplo:
C:\Inetpub\wwwroot\Pcounter) sob o web site e copie para o mesmo o arquivo ACCOUNT.EXE.
• Selecione o diretório criado através do Console de Gerenciamento Microsoft (Ferramentas
Administrativas => Gerenciador do Internet Services) e acesse as Propriedades do diretório.
• Nesse diretório, selecione a tab Pasta => Permissões de execução e defina como: Leitura + Scripts e
Executáveis.
• Selecionado no diretório ou arquivo Account.exe a tab Segurança, defina as restrições de endereços IP
e as permissões de autenticação (Na pasta Método de Autenticação mantenha selecionada a opção
Autenticação Básica). Outros navegadores, que não o Internet Explorer, podem ter problemas com
métodos de autenticação diferentes do fornecido pela autenticação Básica. Caso a autenticação Básica
seja permitida, pode ser necessário especificar o domínio padrão (defaultdomain).
• As credenciais de usuários são utilizadas para o acesso às permissões do compartilhamento Pcounter
para as transações de contabilização. Os usuários que não possuem permissão de escrita em
\\Dataserver\PCOUNTER\DATA serão capazes de visualizar essa página, mas não serão capazes de
modificar ou visualizar as cotas de impressão.
• Digite ACCOUNT CONFIG na linha de comando do servidor web para definir corretamente os
parâmetros.

Informações adicionais de configuração manual para o IIS 6


As aplicações CGI estão desabilitadas por default. É necessário configurar o ACCOUNT.EXE como uma
aplicação CGI para sua devida execução.

• No console de gerenciamento ‘Application Server’, localize a máquina que hospeda o servidor web,
selecionando a opção ‘Web Service Extensions’.
• Através do menu ‘Action’ (ou com o clique direito do mouse), selecione ‘Add a new Web service extension’.
• Configure o nome da extensão para ACCOUNT.EXE ou outra descrição.
• Adicione o caminho completo para ACCOUNT.EXE na lista de arquivos Requeridos.
• Assegure-se que o status da extensão esteja habilitado como ‘Allowed’ (Permitido).

Informações adicionais de configuração manual para o IIS 7 e posteriores

As seguintes funções de servico servidor são necessárias:

• CGI.
• Compatibilidade Metabase do IIS 6 (apenas se estiver em execução o script de configuração).
• Ferramentas de Scripting do IIS 6 (apenas se estiver em execução o script de configuração).

Instalação no Apache Server e outros

• Copie o ACCOUNT.EXE para um diretório executável como, por exemplo, o cgi-bin.


• Uma senha de proteção deverá ser usada.
• As credenciais dos processos do servidor web (tal como SISTEMA para um serviço) são utilizadas no
acesso às permissões do compartilhamento Pcounter para as transações de contabilização. Já que todos os
usuários que acessam essa página poderão modificar ou visualizar as cotas de impressão, é importante
mantê-la segura.
• Digite ACCOUNT CONFIG na linha de comando do servidor web para definir corretamente os parâmetros.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 30


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
WBALANCE

O WBALANCE é um pequeno utilitário Windows que fornece aos usuários uma rápida visualização de seus
saldos.

O WBALANCE pode ser incluído na pasta Iniciar do Windows ou em qualquer script de login. Ele irá
atualizar a exibição do saldo, caso seja executado ininterruptamente. Ele também exibe o saldo quando está
minimizado.

O WBALANCE pode ser exibido em Português, Inglês, Espanhol, Francês, Alemão, Italiano, Finlandês,
Holandês, Sueco, Tcheco, Dinamarquês, Polonês e Norueguês.

O WBALANCE não acessa diretamente a base de dados de contabilização do servidor; ele obtém a
informação do saldo através de comunicação com o Pcounter Data Server. Esta conexão pode ser
configurada, antecipadamente, criando o PCOUNTER.INI no mesmo diretório onde o WBALANCE.EXE está
armazenado. Utilize o seguinte formato :

[Preferences]
DataServer=\\ANDYTRON

onde \\ANDYTRON é o nome do servidor que executa o serviço Pcounter Data Server. A dupla barra
invertida antes do nome do servidor é requerida. Caso contrário, será solicitado ao usuário escolher o
servidor através de uma lista de computadores.
Você poderá impedir que os usuários selecionem algum outro servidor, adicionando a seguinte linha na
seção “Preferences” do PCOUNTER.INI : DisableSelectServer=1
Mensagens via Broadcast

Caso o serviço Mensageiro esteja desabilitado, o utilitário Wbalance receberá automaticamente as


mensagens de broadcast enviadas pelo servidor Pcounter para as estações - apenas se a opção Computer
name estiver selecionada na tab Transport.
O WBALANCE é automaticamente executado (minimizado) no system tray.

• Basta arrastar o ponteiro do mouse sobre o ícone $ (símbolo configurável) e o saldo será exibido.
• Um duplo-clique sobre o ícone exibe o saldo.
• Ο clique direito do mouse sobre o ícone exibe as opções do menu.

Outras opções de entrada para o WBALANCE podem ser disponibilizadas na seção [Preferences] do
PCOUNTER.INI: (Em geral, os usuários tem apenas permissão de leitura para o arquivo PCOUNTER.INI.)

DisableSelectServer=1 - Evita que usuários selecionem outro data server.

DisableFreeQuotaDisplay=1 - Desabilita a exibição da cota extra (free quota).

DisableMSG=1 - Desabilita a recepção de mensagens broadcast ‘NET SEND’ do ícone no system tray.

RunNormal=1 - Executa o WBALANCE em janela normal ao invés do ícone no system tray.

Utilizando o BALANCE.EXE como uma aplicação web CGI


O BALANCE.EXE poderá ser configurado para executar como uma aplicação CGI baseada em HTTP para
que usuários possam verificar os saldos das cotas de impressão em qualquer servidor web para Windows.

O BALANCE.EXE foi testado sobre o IIS e o Apache. Outros servidores web deverão funcionar
normalmente.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 31


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
O BALANCE.EXE pode executar sobre o Pcounter data server, mas também pode estar alocado em
qualquer servidor web.

Instalação no Internet Information Server

• Copie o BALANCE.EXE para um novo diretório executável como, por exemplo, /pcounterWeb.
• Digite balance.exe /iiscfg para automatizar a configuração do IIS.
Contudo, caso deseje a instalação manual ou necessite checar as configurações, siga os passos descritos
abaixo.

Configuração manual do IIS

• Caso um diretório executável ainda não exista, crie um novo diretório (Exemplo:
C:\Inetpub\wwwroot\Pcounter) no web site e copie para o mesmo o arquivo BALANCE.EXE.
• Selecione o diretório criado através do Console de Gerenciamento Microsoft (Ferramentas
Administrativas => Gerenciador do Internet Services) e acesse as Propriedades do diretório.
• Nesse diretório, selecione a tab Pasta => Permissões de execução e defina como: Leitura + Scripts e
Executáveis.
• Selecionando no diretório ou no arquivo Balance.exe a tab Segurança, defina as restrições de
endereços IP e as permissões de autenticação (Na pasta Método de Autenticação mantenha selecionada
a opção Autenticação Básica). Outros navegadores, que não o Internet Explorer, podem ter problemas
com métodos de autenticação diferentes do fornecido pela autenticação Básica. Caso a autenticação
Básica seja permitida, pode ser necessário especificar o domínio padrão (defaultdomain).
• O logon de usuário bem sucedido exibirá uma página web com as informações do saldo de sua conta.

Informações adicionais de configuração manual para o IIS 6


As aplicações CGI estão desabilitadas por default. É necessário configurar o BALANCE.EXE como uma
aplicação CGI para sua devida execução.

• No console de gerenciamento ‘Application Server’, localize a máquina que hospeda o servidor web,
selecionando a opção ‘Web Service Extensions’.
• Através do menu ‘Action’ (ou com o clique direito do mouse), selecione ‘Add a new Web service extension’.
• Configure o nome da extensão para BALANCE.EXE ou outra descrição.
• Adicione o caminho completo para BALANCE.EXE na lista de arquivos Requeridos.
• Assegure-se o status da extensão esteja habilitada como ‘Allowed’ (Permitido).

Informações adicionais de configuração manual para o IIS 7 e posteriores

As seguintes funções de servico servidor são necessárias:

• CGI.
• Compatibilidade Metabase do IIS 6 (apenas se estiver em execução o script de configuração).
• Ferramentas de Scripting do IIS 6 (apenas se estiver em execução o script de configuração).

Instalação no Apache Server e outros

• Copie o BALANCE.EXE para um diretório executável como, por exemplo o cgi-bin.


• Uma senha de proteção deverá ser implementada através de um LDAP ou outro pacote de segurança NT.
• O logon de usuário bem sucedido exibirá uma página web com as informações do saldo da conta de
impressão

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 32


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Segurança da base de dados

• O BALANCE.EXE não acessa diretamente a base de dados de contabilização do servidor; ele obtém a
informação do saldo através da comunicação com o Pcounter Data Server. Esta conexão pode ser
configurada, antecipadamente, criando o Balance.INI no mesmo diretório onde o BALANCE.EXE está
armazenado. Utilize o seguinte formato :

[Preferences]
DataServer=\\Servidor que executa o serviço Pcounter Data Server

Caso não exista o arquivo BALANCE.INI, o BALANCE.EXE assumirá que o servidor web é o Pcounter Data
Server.

URL de acesso:
• (Normal) http://servidorweb/pcounterweb/balance.exe
• (Janela Pequena) <a href=”javascript:window.open
(‘http://servidorweb/pcounterweb/balance.exe’,”,’width=400,height=165,toolbar=no,resizable=no’);
void(“);”onMouseOver=”(window.status=’Verifique sua cota de impressão’); return true”
onMouseOut=”(window.status=”); return true”>Verifique sua cota de impressão</a><br>

Utilizando uma página web customizada

• Crie o arquivo balance.html no mesmo diretório do arquivo BALANCE.EXE


• Mantenha um refresh automático, como <META HTTP-EQUIV="Refresh" CONTENT="60">.
• Use as seguintes strings para aplicar valores na página:

%U - Nome do usuário %B - Saldo da cota de impressão %F – Cota extra

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 33


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Opções de configuração da Impressora:

Aba Settings - (Configurações de impressão)

Accounting - Contabilização da impressão

- None (Nenhuma): Nenhuma contabilização de página/custo para a impressora

- Log file only (Somente log de impressão): Contabiliza páginas, mantém arquivo de log, mas não atribui
cota de impressão por usuário.

- User account balances and Log File (Contabilização e log das impressões): Contabiliza páginas, mantém
o arquivo de log e contabiliza os custos de impressão por usuário, associados à sua cota de impressão.

Ações possíveis caso a cota de impressão seja insuficiente


Caso um job de impressão seja submetido por um usuário que não possua saldo suficiente em sua cota de
impressão, o Pcounter poderá:

• Print job anyway - Imprimir o job, independente da cota de impressão disponível


• Delete job - Excluir o job
• Pause job - Reter o job na fila de impressão - controle via operador

Permitir o uso da cota extra (free quota)

Ao selecionarmos “Accounting = User account balances and Log File”, temos a opção de liberar uma cota
extra, para os usuários que assim a dispuserem, que complementa o saldo da cota de impressão
tradicionalmente a eles estipulada. Esta cota extra é debitada antes da utilização cota de impressão do
usuário.

• Neste caso, qualquer valor atribuído para a cota extra será utilizado em forma de crédito para a impressão
de jobs.
• Caso o valor da cota extra seja inferior ao custo do job de impressão, o Pcounter se utiliza totalmente deste
valor e complementa o restante do valor do saldo de impressão do usuário (se disponível), para a impressão
do job.

Caso o valor somado da cota extra e do saldo de impressão do usuário seja inferior ao custo da impressão
de um job, o Pcounter levará em consideração a ação definida na opção “Action if below low balance limit”.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 34


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Modelos de Banner (folha de rosto)
O Pcounter pode, opcionalmente, incluir uma folha de rosto antes do job de impressão.

Você pode selecionar um dos seguintes modelos ou ainda, definir uma folha de rosto customizada:

• None (Nenhum): Nenhuma folha de rosto será impressa


• PCL4 (Letter): HP LaserJet Series II ou equivalente - papel tamanho carta
• PCL5 (Letter): HP LaserJet III ou equivalente - papel tamanho carta
• PCL5/PJL (Letter): HP LaserJet 4 ou equivalente - papel tamanho carta
• Postscript (Letter): Qualquer impressora Postscript - papel tamanho carta
• PCL4 (A4): HP LaserJet Series II ou equivalente - papel tamanho A4
• PCL5 (A4): HP LaserJet III ou equivalente - papel tamanho A4
• PCL5/PJL (A4): HP LaserJet 4 ou equivalente - papel tamanho A4
• Postscript (A4): Qualquer impressora Postscript - papel tamanho A4

Como customizar banners:


Você poderá fazer com que o Pcounter insira informações específicas no job de impressão, aplicando ao
modelo as seguintes variáveis (conforme aparecem entre os sinais <..> ):

<USERNAME> - Nome do usuário


<MACHINE_NAME> - Nome da máquina
<FULLNAME> - Nome completo
<PAGES> - Número de páginas impressas
<COST> - Custo da impressão
<DOCUMENT> - Nome do Documento
<PRINTER> - Nome da impressora
<DATE> - Data da impressão
<BALANCE> - Saldo da cota de impressão
<CLIENT_CODE> - Código de Cliente definido no Padmin – apenas se informado via janela de Popup.
• Crie o modelo da folha de rosto imprimindo para um arquivo, utilizando um driver Postscript ou PCL.
• Utilizando as fontes internas da impressora, qualquer fonte utilizada deve ser impressa como caracteres
(não bitmaps).
• Certifique-se que os comandos de linguagem da impressora não estão inseridos entre os caracteres. Caso
isso ocorra, o Pcounter não será capaz de reconhecer as informações dos campos acima e nem colocará
nenhuma informação na folha de rosto.
• Mantenha o arquivo do modelo de banner (folha de rosto) o menor possível - obviamente arquivos
grandes levam mais tempo para imprimir.

Para obter outro procedimento, prático e fácil, para criação de modelos de banner, acesse nossas
FAQs.

Incluindo a folha de rosto na contabilização de impressões


Após ter sido selecionado um modelo de banner (folha de rosto) para a impressora, a opção “Include banner
in pagecount” será habilitada, permitindo definir se o Pcounter contabilizará ou não a folha de rosto no total
de páginas impressas.

Impressão em modo Duplex


Quando páginas são contabilizadas em impressoras duplex (dois lados), o contador de páginas passa a
calcular o número de lados impressos do job, ao invés do número de folhas impressas.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 35


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• Ignore: O Pcounter não interfere na contagem das páginas impressas.

• Divide page count in half: O Pcounter irá verificar o número de jobs no formato duplex e dividir o total de
páginas contadas por 2.

O Pcounter somente detecta a impressão em modo duplex através das informações contidas no job de
impressão. Caso a impressora esteja configurada para imprimir em modo duplex (por default) e um job de
impressão (como um job de texto ASCII puro) não contenha tal informação, o Pcounter não identificará essa
impressão como duplex. A configuração padrão da impressora deverá ser ajustada para imprimir de um só
lado - a partir daí, os usuários deverão especificar o modo duplex utilizando o driver da impressora.

Delete Paused jobs after X minutes - (Remover Jobs Pausados após X minutos)

Similar a função aplicada nas configurações globais que se referem a todas as impressoras na exclusão de
jobs pausados por mais de ‘X ‘minutos, essa opção é aplicada individualmente para dada impressora.

Auto client code

É possível aplicar ‘auto client codes’ para todos os jobs oriundos de filas de impressão específicas. A seguir
são indicadas as prioridades para que estes registros ocorram:
1. Client codes informados via janela de popup ou quando liberados do módulo Pcounter embedded,
2. Auto client code atribuído a uma impressora,
3. Auto client code atibuído a um usuário.

Pause all jobs - (Pausar todos os jobs)

O Pcounter pode reter todos os jobs na fila de impressão automaticamente. Os usuários (ou o
administrador/operador) terão que liberar cada job para sua efetiva impressão - isto pode ser feito através da
interface Pcontrol.

• Standard pause: O Pcounter pausa o job de maneira usual.

• Super pause: O Pcounter altera as propriedades do job para que usuários normais não possam acessá-
lo. O Super pause é utilizado automaticamente, caso a opção “Enable popup window” esteja selecionada.

Utilizando a opção “Standard pause”, os usuários podem ser impedidos de reiniciar seus próprios jobs de
impressão, pausados pelo Pcounter através de certos atributos de segurança da impressora. O objeto
CREATOR/OWNER (criador/proprietário), usuários e qualquer grupo em questão devem ter somente
permissão de impressão. Qualquer usuário com permissão somente de impressão não poderá excluir,
pausar ou retomar a impressão de nenhum job. No entanto, todos os nomes de documento provavelmente
se chamarão “Remote downlevel document”, o que não é muito descritível. Isso é uma limitação do
Windows. Além disso, em algumas circunstâncias os jobs não são removidos da fila de impressão depois de
impressos - e precisam ser removidos manualmente.
Dessa forma, é melhor utilizar o Super pause e conceder a permissão CREATOR/OWNER para o
gerenciamento de documentos. Assim, o nome do caminho será exibido como deve e os usuários não serão
capazes de retomar, sem a intervenção do administrador, a impressão de seus jobs.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 36


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Enable popup, print release, etc. - (Habilitar janela Popup)

Caso o aplicativo PPOPUP esteja sendo executado em uma estação de trabalho, uma janela Popup será
exibida após a submissão de cada job de impressão, permitindo que usuários entrem com informações
adicionais do job no log, como centro de custo (client code), código de job ou um login compartilhado. Os
Jobs permanecerão automaticamente pausados no modo “Super paused”. Também utilizado no caso de se
utilizar o Pcounter Station ou Pcounter Pro para liberar jobs da fila de impressão.

Count jobs in advance for display - (Exibindo previamente os custos de impressão)

Quando os jobs são contabilizados no modo advance (antecipado), as informações de número de páginas
impressas e custo podem ser exibidos na interface Pcontrol - útil quando se mantém em pausa os jobs de
uma impressora. Esta característica é requerida caso a opção “Information Message type” da pasta POPUP
contenha as strings (%C e %P) que informam, respectivamente, o custo e o número de páginas envolvidas
na impressão.
O Spooler do Windows pode exibir as informações de número de páginas impressas sem que esta opção
esteja habilitada, porém somente quando os jobs são submetidos a partir de clientes Windows. Entretanto,
este contador de páginas nem sempre é preciso.

Disable delegate print release - (Desabilitar liberação de jobs delegados)

Utilizado com os recursos ‘print release’ e ‘pull printing’ nos produtos embarcados (Pcounter embedded
products).Usuários de grupos de AD comuns são capazes de liberar jobs de outros usuários quando em
modo delegação está ativo. Esta opção, faz com que os jobs sejam liberados para impressão apenas pelos
usuários que os submeteram.

Keep job paused after popup - (Manter o job pausado após popup)

Normalmente, o job é liberado da pausa (na interface do Pcontrol), após o usuário concluir corretamente o
processamento da janela de Popup exibida na estação. Entretanto, se essa opção estiver habilitada, o job
poderá ainda assim ser mantido em pausa até que um administrador o libere manualmente.

Skip popup on jobs less than ? pages - (Omitir popup em jobs com menos de ?
páginas)
Esta configuração permite a impressão direta dos jobs sem a necessidade da janela Popup na estação, caso
o número de páginas do job seja menor que o número especificado (?). O menor valor permitido para esse
ajuste é 2. Esta característica requer a habilitação da opção “Count jobs in advance” na configuração da
impressora Pcounter.

Skip popup on jobs less than ? copies - (Omitir popup em jobs com menos de ?
cópias)
Esta configuração permite a impressão direta dos jobs sem a necessidade da janela Popup na estação, caso
o número de cópias do job seja menor que o número especificado (?). O menor valor permitido para esse
ajuste é 2. Esta característica requer a habilitação da opção “Count jobs in advance” na configuração da
impressora Pcounter.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 37


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Skip popup if job is not color - (Omitir popup para jobs não coloridos)

Esta configuração permite a impressão direta dos jobs sem a necessidade da janela Popup na estação, caso
o job não seja colorido. Esta característica requer a habilitação da opção “Count jobs in advance” na
configuração da impressora Pcounter.

Information message - (Mensagem pós-impressão)


A janela PPOPUP pode exibir uma mensagem customizada para cada impressora (também é possível
enviar uma única mensagem global para todas as impressoras). Isso é útil em situações onde são
necessárias instruções específicas para cada impressora, com, por exemplo “Retire as impressões do
escaninho” ou “Cada impressão custa R$ 0,25”.

As mensagens podem incluir strings de informações, como o nome do usuário (%U), nome do documento
(%D), número de páginas (%P), custo (%C), saldo (%B) e cota extra (%F), e nome da impressora (%X). As
informações sobre número de páginas e custo requerem a seleção da opção “Count jobs in advance” na
configuração de impressora Pcounter.

Move job after count/popup to (Mover jobs após contabilizar/popup para)

Em um cenário de ‘pull printing’, onde exista um evento que mova jobs para um pull de impressoras não
compartilhado e onde os jobs submetidos por todos os usuários não podem ser vistos pelos usuários nos
utilitários nativos de impressão.
Utilize “Move job after after popup” caso o PPopup ou PcounterClients sejam utilizados nas estações. Já a a
opção “Move job after count” moverá os jobs diretamente para a fila privativa (não compartilhada).

Hide document name while processing (Oculta nome do job no processamento)

Se utilizada a opção Move job after count em um cenário de ‘pull printing’, o Pcounter ocultará os nomes
dos jobs de impressão durante o processo de contabilização, para que os usuários não os visualize nas filas.

Delete duplicate jobs - (Excluir jobs duplicados)

Habilitar essa opção causará a exclusão de todos os jobs pendentes que tenham o mesmo nome e tamanho
e sejam provenientes do mesmo usuário. O job sendo impresso (primeiro enviado) não será excluído.

Disable print notification - (Desabilitar notificação de impressão)

Caso esta opção seja selecionada, o Pcounter não exibirá ao usuário as notificações enviadas pelo
Windows, mesmo quando selecionadas através do Iniciar | Configurações | Impressoras (e aparelhos de fax)
| Arquivo | Propriedades do Servidor | Tab Avançado.

Print smallest job (in bytes) next - (Priorizar jobs menores na fila de impressão)

Essa opção permitirá que o menor job, em tamanho de bytes, presente na fila seja o próximo a ser enviado
ao dispositivo de impressão, logo após a impressão do job atual.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 38


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Delete unknown job types - (Excluir tipos de jobs desconhecidos)

Este item de configuração evita que usuários submetam jobs com linguagem de impressão diferente da
suportada pela impressora, o que gera a impressão de vários caracteres espúrios como resultado da
impressão. Desta forma, qualquer informação (dados) não reconhecida pela linguagem de impressão
daquele dispositivo será considerada um tipo de job desconhecido. Contudo, utilize essa função com
cuidado.

NOTA: Não selecione essa opção caso as impressoras envolvidas utilizem linguagem de impressão GDI ou
host-based.

Quando um job de impressão excluídos por essa funcionalidade, uma mensagem (via broadcast) será
enviada ao usuário que o submeteu.

Allow unknown users to print - (Permitir que usuários desconhecidos imprimam)

Caso o servidor esteja gerenciando jobs de impressão de outras plataformas (como Macintosh ou Unix),
onde usuários não necessitam se “logar” no servidor para imprimir, é possível que o nome do proprietário
deste job não possa ser encontrado entre as contas cadastradas no Windows. Para que o Pcounter exclua
esse tipo de impressão, mantenha essa caixa desmarcada.

Caso o Pcounter esteja configurado para excluir jobs de usuários desconhecidos, uma mensagem do tipo
“Error getting user information” será gravada no log de eventos (Aplicativo) do Windows NT/2000. Caso
contrário, o job será registrado no arquivo PCOUNTER.LOG como membro de um domínio Desconhecido.

Always keep print queue paused (Sempre mantem a fila de impressão pausada)

Opção utilizada caso uma fila de impressão é utilizada como uma fila ‘pull’ para ‘pull printing’. Exemplo: jobs
pausados na fila, mas que são movidos para outras filas para que sejam impressos. Neste caso, a fila ‘pull’
pode ser sempre mantida em pausa para que os jobs na fila nunca entrem no status de impressão antes de
serem efetivamente movidos.

Aba Prices - (Definição dos custos de impressão)


Cada impressora possui múltiplos custos por página, relacionados aos formatos de papel mais utilizados.
Cada formato de papel (tamanho) possui uma caixa de seleção (que habilita tal formato) e os campos para
os custos mono e color.

Para permitir impressões que utilizem um determinado formato de papel, marque a opção correspondente, e
opcionalmente, informe seu custo por página impressa. Para rastrear páginas impressas sem atribuição do
custo total, o valor (preço) informado deve ser zero.
Caso o valor atribuído seja negativo e seja habilitado o gerenciamento das cotas de impressão, o Pcounter
adicionará o número de páginas de cada job de impressão (multiplicado pelo custo por página) no saldo da
cota do usuário - isso para os casos em que se atribua cota zero para os usuários. Caso contrário, o
Pcounter debitará o número de páginas de cada job de impressão (multiplicado pelo custo por página) do
saldo da cota do usuário - para usuários com saldo positivo.
Qualquer job de impressão que utilize um formato de papel não selecionado nesta janela será excluído e
uma mensagem, explicando o motivo, será enviada para o usuário que submeteu tal job. Isso evita que
usuários imprimam em um formato de papel não suportado/disponível por uma impressora específica, como
por exemplo, um job no formato A4 em uma impressora com papel Carta - o que acarretaria a paralisação da
impressora e a necessidade de interação manual.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 39


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Detecção de Cor

Se habilitado o SNMP, nas portas Pcounter, para a obtenção do número de páginas coloridas, então a
detecção de páginas coloridas será automática e o número de páginas coloridas será obtido diretamente
através da própria impressora.

Caso contrário, será necessário que os usuários especifiquem, nas configurações do driver da impressora,
se o job deve ser impresso como colorido, monocromático ou escalas de cinza. O Pcounter não “renderiza”
os dados de impressão ao nível de pixel. Desta forma, caso a característica cor seja definida nas
configurações do driver da impressora para um job que contenha apenas informações de impressão
monocromática ou escalas de cinza, o Pcounter provavelmente os detectará como impressão colorida. Caso
o Pcounter detecte cor nos jobs de impressão, todas as páginas destes jobs serão interpretadas e,
conseqüentemente, contabilizadas como coloridas.

Contabilização de Plotter

Por Área: Este parâmetro anula todos os valores atribuídos aos variados formatos de papel e atribui um
custo baseado na área da imagem. A contabilização por área é suportada nos plotters PostScript, PCL,
Epson e HPGL/2. Caso a largura default do plotter seja especificada, esta será aplicada a todos os jobs.
Essa largura também deve ser definida caso a aplicação ou o driver (como a Epson) não especifique uma
largura de imagem. Caso contrário, se a largura padrão do plotter for zero, será utilizada a largura definida
no job.

Linear: Similar à contabilização por área, mas aqui o custo será cobrado com base no comprimento do job.

Definição de Custos para Impressão - Multiplicadores

- Colorida: O fator multiplicador é utilizado para jobs de plotters e também como um guia configurar os
custos dos diversos formatos de jobs. Esta função não será utilizada na definição de jobs coloridos, caso
esses custos já tenham sido previamente definidos.

- Duplex: Essa característica permite distinguir os custos referentes às impressões duplex nos jobs de
impressão. Quando a característica duplex é detectada no job de impressão, o custo deste job será
multiplicado por um fator determinado no campo “Price Multiplier”, para ‘duplex’.

Nota: Os custos de jobs Duplex também são afetados pelo parâmetro de configuração Impressão em modo
Duplex - Duplex Handling, que opcionalmente pode dividir o custo unitário da página por dois.

Default Size/Price - Tamanho/Custo de referência

Nos casos onde o formato (tamanho) de papel não possa ser determinado, como jobs em texto puro ou
drivers de impressora que executam uma formação mínima de página, esse parâmetro (necessário)
informará ao Pcounter qual formato/custo deverá ser tomado como referência.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 40


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Aba Rules - (Regras e Filtros nas filas de impressão)
As políticas de impressão do Pcounter possibilitam a aplicação de regras e ações baseadas em atributos
dos jobs de impressão.

Rules - Regras a serem aplicadas:

• if byte size is greater/less than.. (se o tamanho do job em bytes for superior/inferior a...)
• if page count is greater/less than.. (se o número de páginas for superior/inferior a...)
• if number of copies is greater than.. (se o número de cópias for superior a...)
• Jobs can be unconditionally moved to a different printer.. (o job será movido para outra impressora...)
• If a job is colour (or NOT colour)... (se o job for colorido (ou não for colorido) ...)
• If the job cost is greater than a specified amount... (se o custo do job for superior a...)
• If a plot dimension is greater than a specified amount..(se o tamanho do job plotado for superior a...)
• If the print job document name pattern matching.. (se o nome do documento contiver o texto...)

Actions - Ações tomadas pelo Pcounter:

• Delete job (excluir job)


• Pause job (pausar o job na fila)
• Move job to end of queue (mover o job para o final da fila): para que jobs menores tenham
prioridade de impressão, o Pcounter pode mover os jobs maiores para o final da fila de impressão.
Note que os jobs serão movidos uma única vez para o final da fila.
• Move job to another printer (mover o job para outra impressora - com driver compatível)
• Reschedule job (re-agendar a impressão do job): os jobs podem ser re-agendados para imprimir
em uma hora específica do dia.
• Do not charge (a impressão não terá custo): nenhum débito será efetuado no saldo de cota do
usuário (impressão sem custo) e o valor zero será informado no histórico de impressão,
independente do registro do número de páginas.

Ordem de processamento das regras

• Unconditional move - desvio incodicional do job (Ex: impressora off-line)


• Document name pattern matches – nome do documento contenha um texto específico
• Byte size rules - regras com base no tamanho do job
• Page count rules - regras com base no número de páginas
• Job copies rule - regra com base no número de cópias do job
• Color rule - regra com base no fato do job ser ou não colorido
• Job cost rule - regra com base no custo do job
• Plot dimension rule - regra com base nas dimensões do job

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 41


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Quando jobs são movidos para outra impressora

• Caso os jobs sejam impressos utilizando o datatype RAW, assegure-se que os drivers das impressoras
envolvidas sejam compatíveis.
• Os jobs podem ser movidos somente duas vezes durante a aplicação de regras. Isso evita mover jobs
indefinidamente entre impressoras.

Mensagens via Broadcast

O Pcounter pode enviar uma mensagem via broadcast para os usuários que submeteram seus jobs no caso
de aplicação de regras, de forma que eles sejam informados sobre o status de seus jobs de impressão.

Se uma regra é aplicada, então duas opções de mensagens são combinadas em uma única mensagem -
uma da própria regra e uma para a ação que foi tomada. Por exemplo, caso a ação a ser tomada quando o
tamanho do job exceder o tamanho limite é excluir o job, a mensagem configurada como “Above byte size =
Seu job de impressão excedeu o limite máximo de tamanho em bytes permitidos.” e a mensagem
configurada como “Job deleted = O job foi removido.”, então a mensagem enviada para o usuário será:

Seu job de impressão excedeu o limite máximo de tamanho em bytes permitidos.


O job foi removido.

Policies (Políticas nas filas de impressão)

É possível forçar que os jobs sejam impressos em modo duplex e também em escalas de cinza. Essas
políticas poderão ser aplicadas tanto para jobs de usuários específicos ou para grupos de usuários. Essa
política também é valida para os nomes de documentos que contenham uma substring (case-insensitive) em
particular.

Essa política também poderá ser aplicada a todos os jobs ao se especificar o campo “user name” como *.

Também é possível aplicar políticas globais a todas as impressoras ao se especificar tais políticas no
template de configuração padrão de impressora do servidor Pcounter.

A política que força a conversão de jobs coloridas para escalas de cinza traz melhores resultados com
drivers PCL.

Uma política adicional pode ser aplicada para decliner acesso a todos os usuários ou grupos de usuários.

Utilizando o Popup
Submissão de jobs através de códigos de cliente e senha de segurança.

Considerações sobre o Popup

Qualquer estação Windows da rede pode ser configurada para exibir uma janela popup após cada
submissão do job de impressão, forçando os usuários de impressão a fornecerem entradas necessárias para

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 42


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
a efetiva impressão e registro no log de impressão. Para isso é necessário executar o aplicativo PPopup.exe
ou PcounterClient.exe (instalado localmente ou via atalho) em cada estação onde este recurso é necessário.

O PcounterClient.dmg é um pacote de instalação para o sistema Mac OS X. As instruções para a


configuração deste cliente estão disponíveis em http://www.pcounter.com.br/pdf/macintosh_popup_client.pdf

Diferenças entre os aplicativos PPopup.exe o PcounterClient.exe

- Características e Funcionalidades
Ambos aplicativos possuem caracteríscas e funcionalidades idênticas.

- Comunicação com o Servidor


O PPopup utiliza acesso à rede via SMB (Server Message Block) e não necessita de qualquer tipo de
roteamento específico ou configuração de firewall. Já o PcounterClient requer uma porta IP específica para a
comunicação cliente/servidor.

- Mensagens
O PPopup pode não receber mensagens através de sub-redes. O PcounterClient deverá receber essas
mensagens independente da localização.

- Computadores fora do Domínio


O PcounterClient é recomendado para uso em computadores fora do domínio.

- Sessões de terminal
O PPopup é recomendado para uso em sessões de terminal. Cada sessão deverá ter um logon com nome
de usuário único, senão outros popups ocorrerão em múltiplas sessões simultanemanete.

NOTA: Todas as referências listadas abaixo para o PPopup também se aplicam ao PcounterClient, a menos
que notificadas.

A exibição das janelas PPOPUP é habilitada para cada impressora selecionando-se a opção “Enable popup
window” na configuração da impressora Pcounter. O Pcounter utiliza automaticamente a opção “Super
Pause” no campo Pause all jobs quando o PPOPUP está ativo.

Quando um job de impressão é submetido por um cliente, o Pcounter mantém o job em pausa
até que o usuário entre com a informação solicitada. Satisfeitas as condições, o job é liberado para
impressão.

Não é necessário executar o SETUP de instalação do Pcounter em cada computador onde o PPOPUP for
necessário. A melhor estratégia de distribuição poderá ser a cópia da versão mais recente do arquivo \Pasta
de instalação do Pcounter\NT\PPOPUP.EXE para uma pasta compartilhada da rede e assim obter acesso
a este aplicativo na máquina local através via script de login ou na incialização do Windows. As opções de
configuração podem ser especificadas via linhas de commando ou através do arquivo PcounterClient.ini.

Para executar o PPOPUP automaticamente a cada logon de usuário, adicione um atalho para o
PPOPUP.EXE em Iniciar  Programas  Inicializar do Windows ou inclua o PPOPUP.EXE em um script de
login. Caso o PPOPUP seja executado a partir de um script, utilize a seguinte sintaxe:

START DRIVE:PATH\PPOPUP [/opções]

O PPOPUP poderá ser exibido em Português, Inglês, Francês, Francês Canadense, Alemão, Espanhol,
Italiano, Finlandês, Holandês, Sueco, Tcheco, Dinamarquês, Polonês, Norueguês e Chinês simplificado.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 43


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Mensagens via Broadcast (somente Ppopup.exe)

Caso o serviço Mensageiro esteja desabilitado, o utilitário PPOPUP receberá automaticamente as


mensagens de broadcast enviadas do servidor Pcounter para as estações - apenas se a opção Computer
name estiver selecionada na tab Transport. Veja abaixo a opção de linha de commando /msgonly.

Configurações de porta HTTPS (somente para PcounterClient.exe e clientes OS X)


A porta aqui designada deverá ser a mesma porta definida para o serviço Pcounter Printer Control.

Opções de configurações no arquivo PcounterClient.ini :

O arquivo PcounterClient.ini deve ser mantido no mesmo diretório do aplicativo PPopup.exe. Caso o
PPopup.exe seja copiado de um servidor para as estações como parte de um login script, então além de se
manter uma cópia do PcounterClient.ini neste servidor, o mesmo deve ser copiado para as outras máquinas
também como parte do login script.

Seção [Preferences]

PollTime=X O tempo de pool do servidor será de X segundos (O default é de 3 segundos).


Bounce=X O PPOPUP será reiniciado a cada X minutos. (O default é 0, desabilitado).
HTTPSPort=X Porta sobre o qual o servidor popup escuta (Apenas o PcounterClient.exe. O default é 443).
ProcessMultipleJobs=1 Habilita a configuração local ‘Process multiple jobs’. (O default é 0).
MatchUserName=1 Habilita a configuração local ‘Match Username on job’. (O default é 0).
HideIcon=1 O PPOPUP executa em modo oculto na bandeja de sistema, sem o ícone. (O default é 0).
NoExit=1 O PPOPUP executará com a opção Exit desabilitada no menu. (O default é 0).
Center=1 A janela de PPOPUP será exibida no centro da tela. (O default é 0).
MsgBoxNotify=1 As notificações são exibidas em caixa de mensagem ao invés do ícone no system tray.
Delay=X O PPOPUP retardará sua carga por X segundos. Isso é útil caso o sistema ainda não esteja
completamente inicializado quando o PPOPUP for executado. (O default é 0).
ClearUserName=1 Se o tipo da janela popup utilizado é ‘ID and Password’, o campo de entrada para o
nome do usuário é limpo a cada exibição. (O default é 0).
BroadcastOnly=1 O PPOPUP é utilizado apenas para receber mensagens broadcast, permanecendo
indisponível como janela de impressão. (O default é 0).
ShowPopupOnSingleCode=1 Se utilizada a função ‘client code associations’ e o usuário possuir apenas
código a ele associado, a janela de popup será exibida. (O default é 0)
MaxAutoReply=X Estabelece o limite máximo em minutos (X minutos) para os usuários definirem a opção
‘auto respond’ nas janelas de popup.
NDSID=1 O PPopup define como proprietário de todos os jobs de impressão do popup o usuário logado
localmente no NDS/eDirectory. Para isso, necessita do cliente Novell. (O default é 0).
AutoNDS=1 Similar ao NDSID acima descrito, exceto que o proprietário dos jobs de impressão é
automaticamente alterado para o usuário logado localmente no NDS sem a exibição da janela.
Session=1 Solicitará nome/senha, mantendo-os durante a sessão cliente. Útil com as janelas ‘Client code
list’ e ‘Entry form’.
DisableMessaging=1 Desabilita o recebimento de mensagens broadcast. (O default é 0).
ConfigProfile= Nome do perfil
O PPOPUP utiliza o perfil de configuração especificado pelo nome do perfil. Essa opção não é necessária
caso sejam utilizadas as configurações do perfil padrão (default).
IdleCancel=X A janela de PPOPUP cancela o job após X segundos, caso não ocorra nenhuma entrada
durante o tempo configurado. (O default é de 300 segundos).
Preload=Nome do Servidor O PPOPUP lê sua configuração a partir do Servidor e, se necessário, carrega
o banco de dados do client code. Normalmente, essas operações não são executadas até a impressão do
primeiro job e pode haver um certo retardo (após o primeiro job) causado pelo tempo de leitura desta base
de dados. Essa opção pode reduzir o tempo de carga de grandes bancos de dados, tornando mais rápida a
resposta do popup no primeiro job de impressão.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 44


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
InputLength=X Se o tipo da janela popup utilizado é ‘ID and Password’, esse parâmetro especifica o
tamanho mínimo requerido para entrada de cada campo. (O default é 0, desabilitado).
CustomDLL=path Caso utilize uma DLL customizada, informe aqui o seu caminho.
DocNameJobID=1 Se o tipo da janela popup utilizado é ‘ID and Password’juntamente com a opção ‘Job ID’,
quando se deseja escurecer o nome dos documentos durante a sua liberação na estação console, essa
opção definirá o nome do documento como o ID do job. (O default é 0, desabilitado).
LockUserName=1 Se o tipo da janela popup utilizado é ‘ID and Password’juntamente com a opção ‘Job
ID’configurada como ‘Use Computer Name as ID’, o campo ‘username’ será definido como o nome da
estação, estando permanentemente bloqueado para que não possa ser alterado, mantendo o foco no campo
‘password’. Logo, não é necessário se utilizar a opção "Display computer names instead of user names" no
Pcounter Station, já que o campo referente ao nome do usuário exibirá o nome da estação, possibilitando
ainda a utilização das passwords para a liberação dos jobs de impressão. (O default é 0, desabilitado).
Session=1 O cliente solicitará username/password, utilizando-os para definer o proprietário dos jobs
subseqüentes com estas credenciais. Essa opção será mantida até o usuário efetuar logout ou o software
cliente ser reiniciado. Útil quando as credenciais de logon do usuários sejam necessárias, por exemplo, com
o client code list.

Seção [Servers]

Em geral, o PPOPUP deverá detectar automaticamente qualquer ‘servidor de impressão’ para o qual a
estação esteja conectada, incluindo-o no ciclo de job-checking. Entretanto, o também processo pode incluir
outros servidores (que não disponham do Pcounter instalado) e até mesmo impressoras do tipo ‘NetBIOS-
aware’ que posuem um compartilhamento Windows embutido. Múltiplas entradas pode ser
adicionadas/removidas para esta seção, afim de podermos lidar de forma apropriada com servidores de
impressão desejados.

Adding NomedoServidor=1 - o PPopup checará este servidor para a impressão de jobs.


Adding NomedoServidor =0 - o PPopup ignora este servidor para a impressão de jobs.

Opções de linha de comando :

/profile=Nome do perfil - O PPOPUP utiliza o perfil de configuração especificado pelo nome do perfil. Essa
opção não é necessária caso sejam utilizadas as configurações do perfil padrão (default).
/hideicon - o PPOPUP executa em modo oculto na bandeja de sistema, sem o ícone.
/noexit - o PPOPUP executará com a opção Exit desabilitada no menu.
/preload=Nome do Servidor - o PPOPUP lê sua configuração a partir do Servidor e, se necessário, carrega
o banco de dados do client code. Normalmente, essas operações não são executadas até a impressão do
primeiro job e pode haver um certo retardo (após o primeiro job) causado pelo tempo de leitura desta base
de dados. Essa opção pode reduzir o tempo de carga de grandes bancos de dados, tornando mais rápida a
resposta do popup no primeiro job de impressão.
/pmj - A configuração local Process multiple jobs é habilitada.
/matchuser - A opção local “Match Username” no job é habilitada.
/httpsPort=X Porta sobre o qual o servidor popup escuta (Apenas o PcounterClient.exe. O default é 443).
/poll=X - A configuração local Poll servers é definida para X segundos.
/server=Nome do Servidor - O PPOPUP adiciona o Servidor em sua lista de servidores. Isso é útil nos
raros casos em que o PPOPUP não detecta automaticamente um servidor.
/delay=X - O PPOPUP retardará sua carga por X segundos. Isso é útil caso o sistema ainda não esteja
completamente inicializado quando o PPOPUP for executado.
/msgonly - O PPOPUP é utilizado apenas para receber mensagens broadcast, permanecendo indisponível
como janela de impressão.
/session=1 Solicitará nome/senha, mantendo-os durante a sessão cliente. Útil com as janelas ‘Client code
list’ e ‘Entry form’.
/disablemsg - Desabilita o recebimento de mensagens broadcast.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 45


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
/idleCancel=X - A janela de PPOPUP cancela o job após X segundos, caso não ocorra nenhuma entrada
durante o tempo configurado. (O default é de 300 segundos).
/center A janela de PPOPUP será exibida no centro da tela.
/MsgBoxNotify: Exibe uma caixa de mensagem broadcast na tela e não mais no ícone do system tray.
/session O cliente solicitará username/password, utilizando-os para definer o proprietário dos jobs
subseqüentes com estas credenciais. Essa opção será mantida até o usuário efetuar logout ou o software
cliente ser reiniciado. Útil quando as credenciais de logon do usuários sejam necessárias, por exemplo, com
o client code list.
/term - Encerra o PPOPUP.

Seleção de ícone na janela de Popup

É possível substituir o ícone padrão da janela de Popup durante a sua exibição (pirâmide verde). Basta
fornecer o novo ícone, renomeando-o para PPOPUP.ICO e mantendo-o dentro do mesmo diretório do
aplicativo PPOPUP.EXE.

Executando o PPOPUP na inicialização do Windows

O aplicativo PPOPUP.EXE pode ser executado durante a incialização do Windows, seja através de um script
de login ou via menu Iniciar>Arquivos de Programas>Iniciar (Start Menu > Program Files > Startup). A
recomendação é que o aplicativo PPOPUP.EXE esteja sendo executado localmente na estação. Uma boa
estratégia de distribuição deste aplicativo seria a utilização de um script de login que copie o arquivo
PPOPUP.EXE de um compartilhamento na rede para as estações cliente.
Desta forma, as futuras versões do PPOPUP.EXE podem ser facilmente atualizadas para a distribuição em
massa desse aplicativo nas estações.

Configurações locais do PPOPUP

Quando o menu Preferences do PPOPUP é selecionado, o usuário terá acesso à lista de servidores nas
quais as conexões (impressoras) foram realizadas. O PPOPUP realizará a checagem de jobs popup em
cada um desses servidores a cada intervalo especificado (em segundos). Cada checagem (poll) consiste em
uma única requisição RPC. Para reduzir o tráfego na rede, poderão ser desmarcados os servidores que não
esteja executando o Pcounter ou aqueles que estejam hospedando filas de impressão onde os popups não
sejam obrigatórios.

Process multiple jobs - (Processando múltiplos jobs): Selecionando esta opção no menu do PPOPUP, o
Pcounter permitirá que múltiplos jobs de impressão de uma mesma estação cliente sejam registrados com
os mesmos dados (a partir de uma única resposta de PPOPUP). Isso é útil para aplicativos que geram
muitos jobs de impressão simultaneamente como, por exemplo, catálogos de imagem e mala direta.

Utilizando os perfis de configuração das janelas de Popup

Os perfis de configuração das janelas de Popup (Ppopup.exe) são úteis em situações onde diferentes
configurações de PPopup são necessárias para vários tipos de usuários, locais de acesso, etc. Por exemplo,
uma instituição de ensino pode requer que os alunos utilizem as janelas de popup como confirmação de
suas impressões, enquanto os professores e funcionários entrem com seus respectivos departamentos
(client code).

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 46


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
As configurações de perfil são especificadas através de linhas de comando no aplicativo PPOPUP:

d:\path\PPopup.exe /profile=profileName

Caso o perfil informado não esteja especificado na linha de comando, então o perfil padrão (default profile)
será utilizado.

Abaixo você poderá visualizar um simples exemplo de VBScript que checa se o usuário logado é membro de
algum grupo do Active Directory, disparando o PPOPUP com o seu respectivo perfil.
Por favor, note que esse script não detecta membros de grupos protegidos (primário), como, por exemplo,
grupo “Usuários de Domínio”.

Set adsInfo = CreateObject("ADSystemInfo")


Set objShell = CreateObject("Wscript.shell")

Set testGroup = GetObject("LDAP://CN=Domain Admins,CN=Users,DC=pcounter,DC=com")


If (testGroup.IsMember("LDAP://" & adsInfo.UserName) = True) Then
objShell.Exec("d:\path\ppopup.exe /profile=Admins")
WScript.quit
End If

Set testGroup = GetObject("LDAP://CN=AllStaff,OU=Staff,DC=pcounter,DC=com")


If (testGroup.IsMember("LDAP://" & adsInfo.UserName) = True) Then
objShell.Exec("d:\path\ppopup.exe /profile=Staff")
WScript.quit
End If

'Use o perfil padrão!


objShell.Exec("d:\path\ppopup.exe")

Criando um executável PPopup/PcounterClient

É possível criar um cliente com o arquivo PcounterClient.ini embutido em um arquivo executável. Essa
opção é útil quando um simples arquivo EXE file distribui o Pcounter Client; por exemplo, fazendo o
download de um site e executando e/ou copiando o arquivo diretamente para a pasta ‘Inicializar’ dos
usuários.

Armazene o PcounterClient.ini com as configurações desejadas no diretório que se localizam os Pcounter


Clients.
Através de uma prompt de commando, Execute “PcounterClient ou PPopup com /IntegrateINI=Keyword na
linha de comando.
Um novo arquivo executável sera criado utilizando o commando especificado acima especificado.

Exemplo:

Digite: ppopup /IntegrateINI=Library


Um novo executável sera criado com o nome PPOPUP_Library.exe.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 47


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Tipos de Janela Popup

- Client code list - (Lista de códigos de clientes)

Os usuários poderão selecionar o client code a partir de uma lista pré-configurada. Cada client code poderá
incluir uma descrição, que também é exibida. Os client codes podem ser utilizados para representar centros
de custos, clientes, projetos e departamentos. As informações referentes ao client codes são armazenadas
em \\DataServer\Pcounter\PPOPUP.DBF e são gerenciadas através da interface Pcounter Administrator -
PAdmin. Os usuários devem ter permissão de leitura nessa pasta. Quando a janela que exibe a lista de
cliente code for exibida, os usuários devem selecionar, através de um duplo-clique, o client code adequado.
Os usuários poderão fazer buscas nas descrições dos client codes para encontrar a entrada necessária.

O campo client code deve ter como limite máximo, 49 caracteres.

Information message type - (Tipo de mensagem)


O Pcounter pode incluir uma mensagem customizada na janela popup.

- All printers: O PPOPUP exibe uma mensagem única para todas as impressoras Pcounter. Esta
mensagem é definida na própria janela configuração Popup do servidor (Edit information message).

- Individual printers: O PPOPUP exibe uma mensagem específica para cada impressora. Configure essas
mensagens na configuração da impressora, pasta Settings (Edit information message).

As mensagens podem incluir strings para nome do usuário (%U), nome do documento (%D), número de
páginas (%P), custo (%C), saldo (%B) e cota extra (%F). As strings de custo e saldo requerem que o atributo
“Count jobs in advance” esteja habilitado na configuração da impressora Pcounter.

Client code only from list


Com esta opção marcada, os usuários são forçados a selecionar o client code a partir da lista. Caso
contrário, será permitido que os usuários digitem um código manualmente.

Associate client codes with network user and group names


Esta opção permite que diferentes listas de client codes sejam exibidas para diferentes grupos e/ou
usuários. Os usuários terão acesso somente a listas de client codes associadas aos grupos de rede a que
eles pertencem ou àqueles que estejam associados com suas contas de logon.

• Um banco de dados separado é mantido para esse propósito, chamado PASSOC.DBF


• Na interface PAdmin, acesse a tab Client code associations, localizada na parte inferior.
• Uma lista de usuários e grupos é exibida na parte esquerda da janela e os client codes associados na
parte direita.
• Clique com o botão direito do mouse em qualquer objeto dessa para exibir um menu popup.
• É possível associar múltiplos client codes a múltiplos usuários/grupos em uma única operação ou cortar,
copiar e colar associações de um usuário/grupo para outro.
• Os Client codes também podem ser copiados da tab Client codes no PAdmin e colados dentro de uma
lista de associações.
• Se existe apenas uma única associação de client code para um usuário e a opção ‘Client code only from
list’ é selecionada, esse client code é aplicado automaticamente para cada job de impressão sem qualquer
ação do usuário.

Remember previous selections


A janela de PPOPUP pode manter as escolhas anteriores para a conveniência do usuário. Entretanto, caso
seja requerido que os usuários informem um novo client code para cada job de impressão, então o PPOPUP
removerá as entradas do campo a cada nova submissão de job.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 48


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Allow non-chargeable jobs
Caso alguns jobs requeiram a demarcação de client codes, mas sem contabilizar seu custo de impressão, os
usuários poderão especificar jobs dessa forma. Se a caixa “Billable” for desmarcada, o campo Cost (custo),
no PCOUNTER.LOG, será definido com zero para o job. No entanto, o campo Features irá conter a entrada
/NB=x, onde x = custo real do job.

Allow subcode form


Quando essa opção está habilitada, o campo subcode fica disponível para que os usuários digitem qualquer
nota/informação que julguem necessárias.

Allow auto-respond
Essa função permite aos usuários manter a entrada mais recente informada na janela PPOPUP por um
determinado período de tempo, período este em que os jobs serão enviados automaticamente sem a
necessidade de novas exibições desta janela. Caso o usuário deseje cancelar essa funcionalidade, basta
desabilitá-la nas preferências do executável PPOPUP.

- Entry form

O PPOPUP exibe um formulário genérico onde usuários podem entrar com um client code.

Information message type - (Tipo de mensagem)


O Pcounter pode incluir uma mensagem customizada na janela popup.

- All printers: O PPOPUP exibe uma mensagem única para todas as impressoras Pcounter. Esta
mensagem é definida na própria janela configuração Popup do servidor (Edit information message).

- Individual printers: O PPOPUP exibe uma mensagem específica para cada impressora. Configure essas
mensagens na configuração da impressora, pasta Settings (Edit information message).

As mensagens podem incluir strings para nome do usuário (%U), nome do documento (%D), número de
páginas (%P), custo (%C), saldo (%B) e cota extra (%F). As strings de custo e saldo requerem que o atributo
“Count jobs in advance” esteja habilitado na configuração da impressora Pcounter.

Verify entry in client code database (Verificação da entrada na base de dados de Client Codes)
No: os usuários podem digitar qualquer informação.
Normal: força aos usuários a validarem o client code através do PPOPUP.DBF
Display as password: o mesmo que Normal, mas é exibido de modo oculto, como uma senha.

Remember previous selections


A janela de PPOPUP pode manter as escolhas anteriores para a conveniência do usuário. Entretanto, caso
seja requerido que os usuários informem um novo client code para cada job de impressão, então o PPOPUP
removerá as entradas do campo a cada nova submissão de job.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 49


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Allow non-chargeable jobs
Caso alguns jobs requeiram a demarcação de client codes, mas sem contabilizar seu custo de impressão, os
usuários poderão especificar jobs dessa forma. Se a caixa “Billable” for desmarcada, o campo Cost (custo),
no PCOUNTER.LOG, será definido com zero para o job. No entanto, o campo Features irá conter a entrada
/NB=x, onde x = custo real do job.

Allow subcode form


Quando essa opção está habilitada, o campo subcode fica disponível para que os usuários digitem qualquer
nota/informação que julguem necessárias.

- ID and password (logon compartilhado)

Essa opção é útil para fornecer segurança de impressão, já que os usuários precisam entrar com o ID e
senha de login da rede. Se tais entradas forem inválidas, o job de impressão é removido da fila de
impressão. Também pode ser usado para a contabilização em casos de logon compartilhado.

Caso os usuários utilizem contas de logon compartilhadas, como por exemplo, GUEST (convidado) ou
STUDENT, ou se cada workstation tiver um logon próprio que esteja sendo compartilhado por usuários,
como por exemplo, Estação1 e Estação 2), o PPOPUP pode, então, forçar os usuários a entrar com IDs e
senhas privadas para identificar os jobs de impressão.

Information message type - (Tipo de mensagem)


O Pcounter pode incluir uma mensagem customizada na janela popup.

- All printers: O PPOPUP exibe uma mensagem única para todas as impressoras Pcounter. Esta
mensagem é definida na própria janela configuração Popup do servidor (Edit information message).

- Individual printers: O PPOPUP exibe uma mensagem específica para cada impressora. Configure essas
mensagens na configuração da impressora, pasta Settings (Edit information message).

As mensagens podem incluir strings para nome do usuário (%U), nome do documento (%D), número de
páginas (%P), custo (%C), saldo (%B) e cota extra (%F). As strings de custo e saldo requerem que o atributo
“Count jobs in advance” esteja habilitado na configuração da impressora Pcounter.

Password authentication (Autenticação de Senha)

• Pcounter Users only - As senhas serão verificadas somente no banco de dados de logon compartilhado
PrinterPopupUsers. Os jobs serão excluídos após 3 tentativas incorretas de entrada.
O nome do proprietário do job de impressão será exibido como *nome_do_usuário após a realização do
logon na janela PPopup. Isso permite ao Pcounter determinar que o proprietário deste job não é um usuário
padrão do domínio, mas sim um membro do grupo de usuários cadastrados na base de dados
PrinterPopupUser.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 50


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• Pcounter Users and domain passwords - As senhas serão verificadas no domínio e no banco de dados
de logon compartilhado PrinterPopupUsers. Os jobs serão excluídos após 3 tentativas incorretas de entrada.
• Job ID - No job password – Opção relacionada ao módulo Pcounter Station.
• Job ID - Job password optional- Opção relacionada ao módulo Pcounter Station.
• Job ID - Job password required - Opção relacionada ao módulo Pcounter Station.

Show confirmation after login


Essa característica faz com que seja exibida uma segunda janela após a autenticação ser aceita (na
primeira janela). Essa nova janela exibe uma mensagem solicitando a confirmação por parte do usuário,
tomando como base as informações de cota de impressão, cota livre e o custo desta impressão.
(Essa segunda janela, que fornece os valores pertinentes à impressão, é interessante para usuários que se
autenticarão com um usuário diferente do atualmente logado em suas estações).

Allow client code form


Quando habilitada, permite aos usuários inserir manualmente um texto a ser armazenado como o campo
Client Code no arquivo PCOUNTER.LOG. Nenhuma validação ocorrerá na base de dados PPOPUP.DBF e
não existe restrição sobre as informações digitadas.

Local login username only


Caso selecionada, somente a senha (password) do usuário logado na estação será aceita.

Manutenção das cotas de usuários com logon compartilhado!


Na configuração da impressora, se a opção “Accounting=User account balances and Log File”, os saldos da
cota de usuário serão mantidos pelo Pcounter em Pcounter Users (PrinterPopupUsers database) nos
mesmos padrões das contas de usuários do Windows.

Acesse a interface PAdmin (selecione Pcounter Users) para manter o banco de dados de logon
compartilhado de usuários. Essa pasta permite adicionar, excluir e alterar entradas na lista, bem como os
procedimentos de contabilização; depósito, débito, definição da cota e ainda, a geração de históricos de
impressão e demais relatórios.

Utilizando o PPopup/Pcounter Users com o LDAP

A funcionalidade Pcounter Users pode ser aprimorada através da autenticação LDAP (opcional) via DLL
disponível em http://www.pcounter.com.br/pcounter/dll_pcounter.html. Essa DLL é útil em situações onde
não exista domínio local e as contas de usuários já estejam definidas em um servidor LDAP externo.

Importando usuários
Acesse a interface PAdmin, selecione na tab Cliente Code, o item de menu Database e, em seguida,
Import. Arquivos CSV podem ser importados para o banco de dados de logon compartilhado de usuários.
Cada registro ocupa uma linha no arquivo. O formato de cada linha deve ser :

Username,Fullname,Password

Somente o campo Username é obrigatório - os outros podem ser deixados em branco. Os registros com
duplicidade (Username) não serão sobrescritos.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 51


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
- Matter number list
Esta opção é similar à da lista de códigos de cliente (client code list) - exceto que o banco de dados é bi-
dimensional. Cada client code pode ter uma lista associada de subcodes (sub-códigos para cada código).
Quando os usuários selecionam um client code, os subcodes relacionados são exibidos.
Os usuários poderão selecionar o client code e os subcodes de uma lista pré-configurada. Cada client code
e subcode poderão dispor de uma descrição, que também é exibida. Tais códigos poderão ser utilizados
para representar centros de custo, clientes, projetos, departamentos etc. As informações referentes aos
client codes são armazenadas em \\DataServer\Pcounter\PPOPUP.DBF e são gerenciadas através da
interface Pcounter Administrator - PAdmin. Os usuários devem ter permissão de leitura nessa pasta. Quando
a listagem de client codes for exibida, os usuários devem selecionar, através de um duplo-clique, os códigos
adequados. Quando a janela que exibe a lista de cliente code for exibida, os usuários devem selecionar,
através de um duplo-clique, o client code adequado. Os usuários poderão fazer buscas nas descrições dos
client codes para encontrar a entrada necessária.
Os campos client code e subcode devem ter como limite máximo, 49 caracteres.

Client code only from list


Com esta opção marcada, os usuários são forçados a selecionar o client code a partir da lista. Caso
contrário, será permitido que os usuários digitem um código manualmente.

Subcode only from list


Com esta opção marcada, os usuários são forçados a selecionar o subcode a partir da lista. Caso contrário,
será permitido que os usuários digitem um código manualmente.

Associate client codes with network user and group names


Esta opção permite que diferentes listas de client codes sejam exibidas para diferentes grupos e/ou
usuários. Os usuários terão acesso somente a listas de client codes associadas aos grupos de rede a que
eles pertencem ou àqueles que estejam associados com suas contas de logon.

• Um banco de dados separado é mantido para esse propósito, chamado PASSOC.DBF


• Na interface PAdmin, acesse a tab Client code associations, localizada na parte inferior.
• Uma lista de usuários e grupos é exibida na parte esquerda da janela e os client codes associados na
parte direita.
• Clique com o botão direito do mouse em qualquer objeto dessa para exibir um menu popup.
• É possível associar múltiplos client codes a múltiplos usuários/grupos em uma única operação ou cortar,
copiar e colar associações de um usuário/grupo para outro.
• Os Client codes também podem ser copiados da tab Client codes no PAdmin e colados dentro de uma
lista de associações.

Remember previous selections


A janela de PPOPUP pode manter as escolhas anteriores para a conveniência do usuário. Entretanto, caso
seja requerido que os usuários informem um novo client code para cada job de impressão, então o PPOPUP
removerá as entradas do campo a cada nova submissão de job.

Allow non-chargeable jobs


Caso alguns jobs requeiram a demarcação de client codes, mas sem contabilizar seu custo de impressão, os
usuários poderão especificar jobs dessa forma. Se a caixa “Billable” for desmarcada, o campo Cost (custo),
no PCOUNTER.LOG, será definido com zero para o job. No entanto, o campo Features irá conter a entrada
/NB=x, onde x = custo real do job.

Allow auto-respond
Essa função permite aos usuários manter a entrada mais recente informada na janela PPOPUP por um
determinado período de tempo, período este em que os jobs serão enviados automaticamente sem a
necessidade de novas exibições desta janela. Caso o usuário deseje cancelar essa funcionalidade, basta
desabilitá-la nas preferências do executável PPOPUP.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 52


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
- Confirmation

O tipo de janela “Confirmation” solicita apenas a confirmação da impressão através do botão “Print it”. Isso é
útil quando os usuários necessitam ser lembrados de seus saldos e/ou do custo do job antes de sua efetiva
submissão.

Information message type - (Tipo de mensagem)


O Pcounter pode incluir uma mensagem customizada na janela popup.

- All printers: O PPOPUP exibe uma mensagem única para todas as impressoras Pcounter. Esta
mensagem é definida na própria janela configuração Popup do servidor (Edit information message).

- Individual printers: O PPOPUP exibe uma mensagem específica para cada impressora. Configure essas
mensagens na configuração da impressora, pasta Settings (Edit information message).

As mensagens podem incluir strings para nome do usuário (%U), nome do documento (%D), número de
páginas (%P), custo (%C), saldo (%B) e cota extra (%F). As strings de custo e saldo requerem que o atributo
“Count jobs in advance” esteja habilitado na configuração da impressora Pcounter.

Allow rules to be ignored - (Permite que as regras sejam ignoradas)

Habilitando esta opção, a janela de Popup exibirá os botões “Yes”, “No” e “Cancel”. O botão Yes faz com
que as regras (Rules) sejam normalmente processadas. Já o botão No ignora as regras configuradas,
enquanto o botão Cancel remove o job da fila de impressão.

O objetivo desta função é, por exemplo, permitir que jobs com muitos bytes (jobs grandes) sejam impressos
na impressora definida pelo usuário e não na impressora de desvio configurada na tab Rules do Pcounter.

Users exempt from popup - (Usuários isentos da janela popup)

Quando uma fila é configurada para suportar as janelas popups, todos os jobs serão automaticamente
colocados em espera até que as condições de entrada do popup sejam satisfeitas. Porém, podem existir
situações especiais para que jobs de determinado usuário não sejam pausados como, por exemplo, uma
impressão de um servidor de fax. Caso o software do servidor de fax esteja se logando na rede através de
uma conta de usuário específica, então a adicione nessa lista. O Pcounter não pausará o job, de forma que
possa ser impresso diretamente, sem a intervenção do usuário. O Pcounter ainda assim monitorará o job de
impressão, porém os campos client code e subcode estarão vazios no arquivo PCOUNTER.LOG

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 53


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Manutenção do arquivo banco de dados

Acesse a interface PAdmin para adicionar e remover entradas no PPOPUP.DBF.


• Para visualizar a lista de client codes, acesse a tab Client Codes (pirâmide) na barra de ferramentas.
• Pressione a tecla Ins para adicionar novas entradas e a tecla Del para excluir.
• Caso algum client code seja removido, então todas as associações de subcodes também serão.
• Selecione Print History para visualizar o histórico de impressão de todos os jobs de um client code em
particular.
• Selecione Reports para obter os totais de jobs impressos para todos os client codes.
• Todos os banco de dados são indexados em um formato compatível com o FoxPro.

Funções do menu Database

Remove deleted records (remover registros excluídos)- quando algum client code é excluído, o espaço
deixado na base de dados não é recuperado no arquivo. Essa função otimiza o arquivo, eliminando espaços
deixados por registros excluídos e, com isso, aumenta a velocidade de carga, além de reindexar o arquivo.
• Reindex (re-indexação)- Atualiza (refresh) a tabela de índices do banco de dados. A re-indexação é
recomendável principalmente após a importação de um grande número de entradas.
• Importing data (importando dados)- Caso as listas de client code já estejam em arquivos, elas podem
ser facilmente importadas para o PPOPUP.DBF. No processo de importação, caso um registro já exista, ele
não será modificado ou sobrescrito.

Importando arquivos CSV

Cada registro ocupa uma linha no arquivo. O formato de cada linha deve ser :

ClientCode,Subcode,Descrição

• O campo descrição é opcional e pode ser deixado em branco.


• Se um subcode for importado sem a importação de seu client code associado, então os registros serão
aparentemente importados de forma correta. No entanto, nenhum subcode será visualizado.
• Não importe um subcode a menos que seu client code associado já exista.
• É recomendável a reindexação após a importação de vários registros.

Exemplo 1 : Importando somente client codes sem descrições


(Importação de 3 client codes)

Client1
Client2
Client3

Exemplo 2: Importando client codes, subcodes e descrições


(Importação de 2 client codes, cada um com 3 subcodes associados)
(Observe que o client code deve ser importado primeiro)

RAZZL,,Razzle Gadgets
RAZZL,ENG,Engineering
RAZZL,MKT,Marketing
RAZZL,ACC,Accounting
CTHOS,,City Hospital
CTHOS,RAD,Radiology
CTHOS,PHA,Pharmacy
CTHOS,CAF,Cafeteria

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 54


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Importando um arquivo EQT do Equitrac - Client number
Caso o aplicativo Equitrac esteja sendo utilizado para controlar custos de copiadoras, os mesmos dados do
terminal copiador poderão ser usados. Um arquivo EQT é similar em formato ao arquivo INI do Windows.

ClientCode1=Descrição1
RAZZL=Razzle Gadgets
CTHOS=City Hospital

Quando um arquivo Client number EQT é importado, somente registros de client code serão criados no
PPOPUP.DBF.

Importando um arquivo EQT do Equitrac - Matter number


Assegure-se que os registros de client code foram importados antes de executar essa operação.
O arquivo Matter number EQT é similar ao arquivo Client number EQT, exceto pelo fato de que ambos os
valores, “Client” e “Matter numbers”, estão inclusos.

ClientCode1MatterNumber1=Descrição1

RAZZLENG=Engineering
RAZZLMKT=Marketing
RAZZLACC=Accounting
CTHOSRAD=Radiology
CTHOSPHA=Pharmacy
CTHOSCAF=Cafeteria

É necessário informar ao PAdmin quantos caracteres compõem o client code antes de importá-los, de forma
que ele possa separar o client code do subcode (matter number) no arquivo EQT e possa localizar uma
ocorrência de registro client code no PPOPUP.DBF. No exemplo acima, o PAdmin irá separar os Client
Codes com base em 5 caracteres.

Quando um arquivo Matter number EQT é importado, somente subcodes serão criados no PPOPUP.DBF.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 55


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Utilizando Auto Client Codes
O Auto client code pode ser atribuído aos usuários (através da interface Pcounter Administrator) e
automaticamente armazenado no arquivo PCOUNTER.LOG. Esta é uma alternativa útil se comparada à
janela popup, que solicita aos usuários a entrada de um client code a cada submissão de job. Por exemplo,
é possível atribuir departamentos, grupos, centro de custos ou números de projetos a cada job de impressão
de usuário e tê-los registrados nos relatórios de impressão sem qualquer intervenção de usuário.

Nota : Caso um client code seja selecionado,através da janela PPOPUP para um job de impressão, isso irá
sobrepor o Auto client code do usuário para aquele job.

Os Auto client codes são armazenados em \\DataServer\Pcounter\Data\DomainName_Autocodes.dbf.

Pode haver situações em que seja vantajoso para os usuários trocar periodicamente seus próprios Auto
client codes. É possível que os usuários alterem seus próprios Auto client codes utilizando o PPOPUP com a
opção de linha de comando /autocode = \\NomedoServidor. O PPOPUP lê sua configuração do
NomedoServidor e, caso necessário, carrega o banco de dados de client codes. Ao utilizar o PPOPUP com
essa opção, os usuários poderão definir seus Auto client codes e nenhuma janela pop irá surgir para
qualquer job de impressão. Os usuários podem dar um duplo-clique no ícone do PPOPUP para definir seu
Auto client code.

A janela popup exibida com a opção /autocode deve ser definida através da interface Pcontrol (na
configuração do servidor Pcounter) e está sujeita as mesmas características e restrições como se estivesse
sendo exibida a cada job de impressão.

Por default, usuários comuns não têm permissão de leitura ou gravação em \\DataServer\Pcounter\Data,
caso o Pcontrol tenha sido utilizado para criar o compartilhamento PCOUNTER. Tais usuários necessitarão
ter permissão de leitura/escrita nos arquivos DomainName_Autocodes.dbf e
DomainName_Autocodes.cdx para poder modificar seus Auto client codes.

Atenção!!!
Por favor, não conceda a usuários normais, permissões de leitura/escrita em todo o diretório ou eles
terão acesso ao banco de dados de saldos e arquivos de logs.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 56


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Pcounter Plot Manager

O Pcounter Plot Manager é uma ferramenta para submissão em lote de arquivos Plot que inclui o suporte a
client codes e agendamento (scheduling) de jobs. Assume-se que os arquivos Plot estejam prontos para a
impressora (por exemplo, no formato HPGL/2 e Postscript) e são enviados diretamente para filas de
impressão sem qualquer processamento pelo driver.

• Os arquivos Plot podem ser adicionados à lista de impressão via menu, barra de ferramentas, arrastar e
soltar ou copiar e colar do Windows Explorer.

• Múltiplos arquivos Plot podem também ser adicionados, selecionando-se o menu Batch, Add files. Aqui,
uma lista de arquivos plot pode ser lida de um arquivo texto. O arquivo texto deve conter um arquivo plot por
linha - por exemplo :

c:\plotfiles\project101a.plt
c:\plotfiles\project157c.plt
c:\plotfiles\project222d.plt

• Caso client codes estejam especificados, o PPOPUP não será necessário e os jobs serão impressos sem
pausa.

• Limitações do spool do Windows permitem o agendamento (scheduling) de jobs baseado somente em


horas (não datas).

• Múltiplas cópias podem ser especificadas na janela de diálogo de impressão (Print), o que resultará em
múltiplos jobs de impressão.

• A ordem de impressão dos arquivos na fila pode ser alterada com um clique do mouse sobre o cabeçalho
da coluna de arquivos. Os arquivos também podem ser arrastados manualmente para a posição desejada.

Web reports – Relatórios do Pcounter via web

O PcounterReporting.exe é uma aplicação CGI baseada em HTTP que executa sobre o IIS.
Este aplicativo deve ser instalado sobre o Pcounter data server.

Passos para a instalação:

• Copie o arquivo PcounterReporting.EXE para um novo diretório como, por exemplo, /pcounterWeb.
• Execute o arquivo PcounterReporting.exe através do prompt de commando ou via Windows Explorer para
rodar o script de instalação. Esse script criará um diretório virtual no qual a URL é definida.
• O acesso ‘Anonymous’ não é permitido. Selecione um dos tipos de autenticação entes de executar o
script.

Informações adicionais para a configuração deste acesso com o IIS 7


Os seguintes serviços de função (role services) são necessários:
• CGI
• IIS 6 Metabase Compatibility
• IIS 6 Scripting Tools

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 57


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
O Cliente Web do Pcounter

O Cliente Web do Pcounter é uma aplicação CGI HTTP que pode ser executada em qualquer servidor web
de Windows. Ele estende a funcionalidade do Ppopup a qualquer navegador web (browser) sob qualquer
plataforma, incluindo Macintosh, Linux, UNIX e, obviamente, o próprio Windows. O Cliente Web do Pcounter
foi testado sobre o IIS 4.0-6.0 e o apache 2.0.43 mas deverá funcionar normalmente em outros servidores
web.

O propósito deste cliente web é permitir a qualquer usuário autorizar, autenticar e/ou entrar com centros de
custo (client codes) para efetivar a impressão de jobs sem a necessidade de instalar qualquer software
cliente adicional. Os usuários visualizam todos os jobs pendentes de autorização, que serão liberados após
o simples clique de um botão.

Instalação no Internet Information Server

• Copie o WebClient.EXE para um novo diretório executável como, por exemplo, /pcounterWeb.
• Digite WebClient CONFIG em uma janela de linha de comando no servidor web para definir os
parâmetros de configuração.
• Pressione o botão Run IIS configuration script para automatizar a configuração do IIS.
Contudo, caso deseje a instalação manual ou necessite checar as configurações, siga os passos descritos
abaixo.

Configuração manual do IIS

• Caso um diretório executável ainda não exista, crie um novo diretório (Exemplo:
C:\Inetpub\wwwroot\Pcounter) e copie para o mesmo o arquivo WebClient.EXE.
• Selecione o diretório criado através do Console de Gerenciamento Microsoft (Ferramentas
Adminstrativas => Gerenciador do Internet Services) e acesse as Propriedades do diretório.
• Nesse diretório, selecione a tab Pasta => Permissões de execução e defina como: Leitura + Scripts e
Executáveis.
• Selecionando no diretório ou no arquivo WebClient.exe a tab Segurança, defina as restrições de
endereços IP e as permissões de autenticação (Na pasta Método de Autenticação mantenha selecionada
a opção Autenticação Básica). Outros navegadores, que não o Windows Internet Explorer, podem ter
problemas com métodos de autenticação diferentes do fornecido pela autenticação Básica. Caso a
autenticação Básica seja permitida, pode ser necessário especificar o domínio padrão (defaultdomain).
• Caso seja permitido o acesso Anônimo, a conta utilizada para este acesso deverá ter ao menos
Permissão de impressão nas impressoras monitoradas pelo Pcounter. Caso contrário nenhum job será
exibido.
• Digite WebClient CONFIG em uma janela de linha de comando no servidor web para definir os
parâmetros de configuração.

Informações adicionais de configuração manual para o IIS 6


As aplicações CGI estão desabilitadas por default. É necessário configurar o WebClient.EXE como uma
aplicação CGI para sua devida execução.

• No console de gerenciamento ‘Application Server’, localize a máquina que hospeda o servidor web,
selecionando a opção ‘Web Service Extensions’.
• Através do menu ‘Action’ (ou com o clique direito do mouse), selecione ‘Add a new Web service extension’.
• Configure o nome da extensão para WebClient.EXE ou outra descrição.
• Adicione o caminho completo para WebClient.EXE na lista de arquivos Requeridos.
• Assegure-se o status da extensão esteja habilitada como ‘Allowed’ (Permitido).
• Maiores informações sobre SelfSSL e IIS Resource Kit, acesse:http://support.microsoft.com/kb/840671

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 58


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Informações adicionais de configuração manual para o IIS 7
As seguintes funções de servico servidor são necessárias:
• CGI
• Compatibilidade Metabase do IIS 6 (apenas se estiver em execução o script de configuração).
• Ferramentas de Scripting do IIS 6 (apenas se estiver em execução o script de configuração).

Instalação no Apache Server e outros

• Copie o arquivo WebClient.EXE para um diretório executável como, por exemplo, o cgi-bin.
• Uma senha de proteção deverá ser utilizada.
• Digite WebClient CONFIG na linha de comando do servidor web para definir os parâmetros de
configuração.

Considerações sobre a Configuração Geral

• O servidor web deverá ser executado no servidor de impressão Pcounter.


• É possível manter múltiplas URLs para o Cliente Web do Pcounter, cada uma servindo uma lista de
impressoras em separado e/ou com diferentes configurações. Cópias renomeadas do aplicativo
WebClient.EXE poderão ser mantidas no mesmo diretório criado (/pcounterWeb), sem conflito, ou então
várias cópias deste poderão estar hospedadas em vários diretórios distintos. As opções de configuração
para cada URL são mantidas em um arquivo INI com o mesmo nome da .EXE associada. Por exemplo;
WebClient.EXE utiliza WebClient.INI, WebClient2.EXE utiliza WebClient2.INI, etc.
• As impressoras do Cliente Web do Pcounter devem estar configuradas exatamente como se fossem para
o Pcounter Popup. Na configuração da janela “Pcounter printer configuration”, a opção Enable Popup
Window deve estar habilitada, e os jobs serão automaticamente interrompidos em Super Pause. Caso a
opção Count jobs in advance esteja selecionada, então o número de páginas e o custo do job de
impressão também serão exibidos na janela do Cliente Web do Pcounter.
• É possível que usuários Windows utilizem o utilitário PPopup, enquanto usuários de outras plataformas
utilizem o Cliente Web do Pcounter para as mesmas impressoras e ao mesmo tempo.
• É recomendado que clientes de impressão não-Windows imprimam para o servidor Windows via
LPR, ainda que a impressão via Samba/SMB funcione normalmente.
• A impressão Appletalk e os Serviços para clientes Macintosh não são suportados.
• Deve ser utilizado o serviço LPD nativo do Pcounter. O serviço LPD da Microsoft (LPDSVC) assim
como outros LPDs empacotados em soluções de terceiros devem ser evitados, já que não costumam
preservar as informações do endereço IP cliente no job de impressão.

URL de acesso
• http://servidorweb/ pcounterweb /WebClient.exe

Window Title (Título da Janela)


O texto digitado neste campo será exibido na barra de título da janela do browser.

Window Type (Tipo de Janela)


Geralmente os tipos de janela aqui presentes são equivalentes aos configurados na pasta Popup da
interface Pcontrol. Todos os tipos de janelas, exceto para Embedded Logon, requerem a autenticação da
URL para clientes LPR afim de serem identificados corretamente.

• Client Code List – Os usuários podem selecionar de uma lista pré-configurada, seus códigos de clientes
(client codes).

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 59


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
• Entry Form - Os usuários fornecem seus centros de custo (client codes) em um formulário, com validação
opcional.
• Job Validation - Os usuários do domínio simplesmente confirmam, ou não, a impressão dos jobs. (Similar
ao tipo de janela “Confirmation”)
• Matter Number List - Os usuários podem selecionar, de uma lista pré-configurada, seus centros de custo
- códigos e sub-códigos de clientes (client codes).
• Embedded Logon - Similar ao “Job Validation”, exceto pelo fato de aqui o usuário também deverá
informar um ID e password de usuário do domínio ou de usuário da base de dados PrinterPopupUsers. A
autenticação no web server para acesso à página não é necessária ou mesmo requerida. Assumindo que a
conexão é realizada como ‘anonymous’, não é possível exibir as informações de Username ou Saldo da
Cota de impressão nas mensagens. Diferente das páginas que requerem autenticação, aqui os usuários
devem fornecer o ID e senha a cada acesso.
• Job ID – Altera o nome do proprietário do arquivo de impressão somente para identificação visual. Está
relacionada ao módulo Pcounter Station.
• Automatic Validation – Requer autenticação. O nome de usuário logado no web user é automaticamente
aplicado ao job de impressão sem a interação do usuário. Os jobs são selecionados a cada refresh da
página.

Language (Idioma)
O Cliente Web do Pcounter suporta as mesmas linguagens disponíveis na pasta Popup da interface
Pcontrol.

Data Server URL (URL de acesso ao Data Server)


(Somente para as opções Client Code List e Matter Number List).
Caso o computador que executa o serviço Pcounter Data Server não seja um servidor de impressão
(Pcounter), então o Pcounter Data Server deverá ter um servidor web próprio para prover a URL de acesso
ao Cliente Web do Pcounter. Essa é a única maneira de garantir a exibição dos códigos e sub-códigos de
clientes (client codes).

Windows clients (Configurações do cliente Windows)


Essa configuração define como os jobs de impressão são localizados e exibidos a partir de clientes
Windows.

• Match by workstation (Identificação pelo nome da estação) – Em alguns casos, o endereço IP de um


cliente Windows precisa ser resolvido para um nome de máquina NetBIOS via DNS ou WINS.
• Match by username (Identificação pelo nome do usuário) - Requer autenticação. Todos os jobs de
impressão de um usuário autenticado são exibidos, mesmo que tenham sido submetidos de diferentes
estações clientes. Para preservar os relacionamentos estação/job, os logons dessas estações deverão ser
únicos e não compartilhados.

• Terminal services clients – Utilizará automaticamente a opção Match by username, mesmo que tenha
sido selecionada a opção Match by workstation. O logon das sessões de Terminal deverão ser únicos e
não compartilhados.

Message Text (Mensagem customizada)


Esta janela poderá exibir (opcionalmente) uma mensagem customizada para cada job de impressão. As
mensagens podem incluir strings de informações, como o nome do usuário (%U), saldo (%B) e cota extra
(%F) para todos os tipos de janela, exceto para PrinterPopupUsers e JobID. Tags HTML podem ser
inseridas. A configuração do Cliente Web do Pcounter converterá automaticamente LF (line feed) para tags
<BR>.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 60


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Printer list for URL (Lista de Impressoras)
A inclusão de impressoras específicas nesta lista pode reduzir o overhead de servidores ocupados. Caso a
lista esteja vazia, todas as impressoras monitoradas pelo Pcounter serão verificadas.

Options (Opções de Client Code)


Para maiores detalhes, favor consultar o item Tipos de Janelas Popup, no capítulo Utilizando o Popup.

• Client code only from list - os usuários devem selecionar o centro de custo (client code) a partir da lista.
Caso contrário, será permitido que os usuários digitem um código manualmente.
• Subcode only from list - os usuários devem selecionar o sub-centro de custo (subcode) a partir da lista.
Caso contrário, será permitido que os usuários digitem um código manualmente.
• Remember previous selection - requer a habilitação de cookies. Caso não esteja selecionado, todas as
entradas anteriores serão removidas a cada nova submissão de job.
• Allow subcode form - o campo subcode fica disponível para que os usuários digitem qualquer
nota/informação que julguem necessárias
• Allow non-billable jobs - os usuários poderão especificar jobs que não serão deduzidos da cota de
impressão.
• Prompt – Solicitando uma entrada ao usuário, tal como: “Digite o código do Cliente:”.
• Client code/subcode name - termos utilizados para descrever os códigos (ex: “Código do Projeto”)
• Client code/subcode length - limite máximo de caracteres para o campo client codes.
• Code validation (Validação na base de dados) - Entry Form
◊ No - os usuários podem digitar qualquer informação.
◊ Normal - força os usuários a validar um client code através do PPOPUP.DBF
◊ Display as password - o mesmo que Normal, mas os caracteres são ocultados, como em uma senha.

Opções de Embedded Logon

• Pcounter Users – Os usuários serão autenticados a partir da base de dados do PrinterPopupUsers.


• Domain users - Os usuários serão autenticados a partir do domínio. É necessário que o servidor de
impressão seja um membro do domínio para utilizar esta opção.

Opções de Job ID (Autenticação da senha)

• No job password – Altera o nome do proprietário do arquivo de impressão somente para identificação
visual. Opção relacionada ao módulo Pcounter Station.
• Job password optional
• Job password required – Opção relacionada ao módulo Pcounter Station.

Opções de Automatic Validation

• Authentication is required – O nome de usuário logado deve ver previamente conhecido antes dos jobs
serem selecionados.

• HTML can be customized – Crie o arquivo webClient.html no mesmo diretório do arquivo webClient.exe.
• Mantenha um refresh automático, como <META HTTP-EQUIV="Refresh" CONTENT="15">.
• Use as seguintes strings para aplicar valores na página:

%U - Nome do usuário
%B - Saldo da cota de impressão
%F - Cota extra

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 61


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Executando URLs ao inicializar em estações clientes

• Windows
Crie um arquivo texto de nome Webclient.url:

[Atalho de Internet]
URL=http://servidorweb/pcounterweb/WebClient.exe

Salve o atalho Webclient.url em C:\Documents and Settings\All Users\Start Menu\Programs\Startup (para


Todos os usuários), ou salve o atalho Webclient.url em C:\Documents and Settings\UserXXX\Start
Menu\Programs\Startup (para um usuário específico).

• OS X
Crie um arquivo texto de nome Webclient.url:

[Atalho de Internet]
URL=http://servidorweb/pcounterweb/WebClient.exe

Salve o atalho Webclient.url em uma pasta acessível ao usuário


Acesse Open System Preferences e Accounts
Adicione o atalho Webclient.url para os itens de Login

• Linux
Edite ou crie o arquivo .xinitrc nos diretórios home dos usuários. Adicione a linha:
/usr/bin/firefox http://servidorweb//pcounterweb/WebClient.exe &
(ou substitua o caminho apontando para o executável do web browser desejado)

Opções de configuração extras


Adicione as seguintes opções a seção [Settings] no arquivo Webclient.ini:
(Valores default = 0)

DisplayAllJobs=1
Todos os jobs disponíveis serão exibidos, sem considerar o username e/ou endereço IP.

JobSelectNone=1
Todas as caixas de seleção de jobs permanecem desmarcadas.

DisableCost=1
A coluna custo não é exibida.

Debug=1
Exibe informações de status para auxiliar na identificação de problemas (troubleshooting).

Troubleshooting (Identificando Problemas)

• Adicione a linha Debug=1 na seção [Settings] do arquivo Webclient.ini, localizado no mesmo diretório do
arquivo Webclient.exe. As mensagens de status serão exibidas na parte superior da área de mensagens ou
em uma janela Javascript popup. Remova essa linha quando finalizar a depuração do problema.
• Caso seja exibida a condição “Error 5”, isso significa que o acesso foi negado (Access Denied). Caso o IIS
esteja sendo utilizado com a permissão de acesso para usuário “anonymous” (sem autenticação), isso
significa que a conta utilizada para acesso “anônimo” requer, no mínimo, permissão para Imprimir (Print)
para as impressoras monitoradas pelo Pcounter.
• Caso nenhuma impressora específica seja configurada (o que significa que todas as impressoras Pcounter
serão verificadas), quaisquer impressoras não exibidas nas mensagens de debug necessitarão, no mínimo,
de permissão para Imprimir (Print) para o acesso da conta “anonymous” (conforme explicado acima).

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 62


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Integração NetWare/OES (Open Enterprise Server)

Introdução

O Pcounter para Windows pode ser integrado aos ambientes Novell NetWare/OES através do Novell
Directory Services (NDS). As seguintes melhorias foram implementadas:

• Adicionado o serviço Pcounter NetWare Helper.


• Os serviços Pcounter são capazes de reconhecer usuários NDS, utilizar cotas de impressão do NDS e
também auto client codes.
• O PAdmin (Pcounter Administrator) é capaz de navegar nas árvores NDS e gerenciar as cotas de
impressão desses usuários.
• O Popup é capaz de validar senhas NDS, além de poder repassar nomes de usuários NDS para
identificação dos jobs de impressão.
• O Wbalance é capaz de informar os saldos das cotas de impressão do NDS.

Requisitos
O suporte aos ambientes NetWare/OES requer a execução do cliente Novell nos servidores Pcounter. O
cliente Novell também é necessário nas estações de trabalho para agregar o suporte NDS aos aplicativos
PPopup e/ou Wbalance.

Serviço Pcounter NetWare Helper


Caso o serviço Pcounter NetWare Helper seja instalado, os serviços Pcounter Printer Control e Data Server
serão automaticamente integrados ao NDS. O serviço Pcounter NetWare Helper deverá rodar em todos os
servidores que executem os serviços Printer Control e Data Server.

Uma vez instalado o cliente Novell no servidor, será exibido um link para acesso ao console de configuração
NetWare/OES na interface Pcontrol – tab Global Settings.

Service Login Account: Informa a conta de usuário que o serviço utilizará para ter acesso ao NDS. O cliente
Novell permite que todos os serviços Windows compartilhem uma credencial NDS separada do desktop
Windows. No entanto, caso outro serviço de gerenciamento NetWare-aware, tal como o ZENworks, esteja
instalado, então o log de serviço exibirá a mensagem de erro ErrorCode: 8890 [34960]. Isso ocorre porque
não podem ser utilizadas múltiplas credenciais para serviços. Nesse caso, será necessário remover o
ZENworks do servidor de impressão Pcounter para que serviço Pcounter NetWare Helper possa ser
utilizado.

Default server: Se possível, deverá indicar o servidor que hospeda as contas de login dos usuários. O
Pcounter pode utilizar esse servidor para resolver clientes Windows para suas contas NDS associadas.

Top level user container: Especifica a raiz [Root] ou a mais alta Organização ou ainda, a OU onde estão
localizados os usuários Pcounter. A utilização de containers mais baixos pode otimizar chamadas (queries)
NDS na maioria das configurações.

Schema extensions: Os Auto Client Codes no NDS são armazenados em atributos customizados no
diretório. Se desejar utilizá-los, será necessário estender o esquema NDS para se criar o atributo.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 63


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Cotas de impressão (Account Balances)

Caso o serviço Pcounter NetWare Helper seja instalado, os serviços Pcounter Printer Control e Data Server
utilizarão as cotas de impressão do NDS em substituição aos arquivos de base de dados normalmente
utilizados no Pcounter Windows.

Job logging

O arquivo de log do Pcounter é geralmente armazenado na pasta DATA do compartilhamento Pcounter. A


sintaxe usual para o primeiro campo deste log é domain/username (domínio/nome de usuário). No modo
NetWare/OES, o campo domain/username é armazenado como NDS_EDIR/username.org.ou.etc.

Utilizando o PPopup com prompts de usuário

Caso a opção de linha de comando PPopup NDSID seja utilizada (ex.: d:\path\ppopup.exe /ndsid), o sistema
poderá ser utilizado de duas formas:

Se a janela de Popup for configurada como “ID and Password”, a senha será então validada no NDS e o
proprietário do job de impressão será relacionado ao nome NDS que foi validado com sucesso.

Se a janela de Popup não for definida como “ID and Password”, então o proprietário do job de impressão
será relacionado ao nome NDS atualmente logado na estação. Outras informações, tais como “client codes”
serão armazenados de forma usual.

A opção NDSID pode ser utilizada com outras opções de linha de comando, tais como /server=, /pmj, etc.
Esta opção também permite que as associações de client codes sejam lidas de um membro do grupo NDS.

Certifique-se de que a opção Enable Popup Window esteja habilitada nas configurações da impressora
Pcounter.

Utilizando o PPopup para informar automaticamente nomes de usuários NDS

Caso a opção de linha de comando PPopup AUTONDS seja utilizada (ex.: d:\path\ppopup.exe /autonds), o
usuário não é avisado e o PPopup automaticamente replica popups ativos e relaciona o proprietário do job
de impressão ao nome de usuário NDS atualmente logado na estação.

Certifique-se que a opção Enable Popup Window esteja habilitada nas configurações da impressora
Pcounter.

Utilizando o servidor para informar automaticamente nomes de usuários NDS sem


Ppopup

Caso a opção Enable Popup Window não esteja configurada nas impressoras quando se está utilizando o
modo NetWare/OES, então o servidor Pcounter tentará identificar o nome de usuário NDS associado com
base nos seguintes critérios:

• Endereço IP correlacionado na tabela de conexão do servidor padrão (default server).


• Busca do Endereço de Rede no NDS.
• Busca do nome no NDS.

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 64


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br
Utilizando uma função adicional para liberar jobs de impressão

Caso o Pcounter Station ou Pcounter Pro estejam sendo utilizados como mecanismo adicional para liberar
jobs de impressão, então será necessário utilizar o PPopup como método de autenticação, para que o
usuário NDS possa ser definido enquanto job é mantido na fila de impressão.

Assegure-se de habilitar a opção “Keep Job Paused After Popup” nas configurações da impressora
Pcounter.

Utilizando o Wbalance com NDS

O Wbalance pode ser configurado para reconhecer o nome de usuário logado no NDS local bem como a
cota de impressão NDS. Para isso, basta editar o arquivo Pcounter.ini localizado no mesmo diretório onde
encontra-se o Wbalance.exe:

[Preferences]
UseNDSID=1

WIsoft Brazil Consultores Ltda. 65


Av. Graça Aranha, 57 Grupo 301 - CEP: 20030-002 - Centro - Rio de Janeiro-RJ Tel: 21 2510-5300 e-mail: info@wisoft.com.br