Você está na página 1de 493

Fúria de Sangue

J.R. Ward
©
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

2
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

3
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

4
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Glossário de Termos e
Nomes Próprios

Ahstrux Nohtrum (n.) Guarda particular com licença para matar, cujo
posto é concedido a ele ou ela pelo Rei.

Ahvenge (v.) Cometer um ato de retribuição mortal, realizado geralmente


por um homem amado.

Irmandade da Adaga Negra [Black Dagger Brotherhood] (pr. n.)


Guerreiros vampiros altamente treinados que protegem sua espécie contra a
Sociedade Lesser. Como resultado da seleção genética de sua raça, os Irmãos
possuem uma imensa força física e mental, assim como uma rápida capacidade
de se curar. A maior parte deles não são irmãos de sangue, e são introduzidos
na Irmandade por nomeação pelos Irmãos. Agressivos, auto-suficientes e
reservados por natureza, vivem separados do resto dos civis, mantendo pouco
contato com os membros de outras classes, exceto quando precisam se
alimentar. Eles são temas de lendas e objeto de reverência dentro do mundo
dos vampiros. Podem ser mortos apenas pela mais séria das feridas, por
exemplo, um disparo ou punhalada no coração, etc.

Escravo de sangue [blood slave] (n.) Macho ou fêmea vampiro que foi
subjugado para cobrir as necessidades de sangue de outro vampiro. A prática
de manter escravos de sangue foi recentemente declarada ilegal.

As Escolhidas [the Chosen] (pr. n.) Fêmeas vampiras que foram criadas
para servir a Virgem Escriba. São consideradas membros da aristocracia, embora
sejam um tanto mais espiritualmente do que temporalmente focadas. Têm
pouca ou nenhuma interação com os machos, porém podem emparelhar-se
com Irmãos por ordem da Virgem Escriba para propagar sua classe. Algumas
possuem o dom de prever o futuro. No passado, eram usadas para cobrir as
necessidades de sangue dos membros não emparelhados da Irmandade, e essa
prática foi reinstalada pelos Irmãos.

Chrih (n.) Símbolo de morte honrosa na Antiga Língua.

5
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Cohntehst (n.) Conflito entre dois machos competindo pelo direito de ser
o companheiro de uma fêmea.

Dhunhd (pr. n.) Inferno.

Doggen (n.) Membros da classe servente do mundo vampírico. Os


Doggens têm antigas e conservadoras tradições sobre como servir a seus
superiores, segundo a um código formal de vestimenta e comportamento. Eles
são capazes de sair durante o dia, mas envelhecem relativamente rápido. A
expectativa de vida é de aproximadamente quinhentos anos.

Ehros (pr. s.) Uma Escolhida treinada nos assuntos das artes sexuais.

Exhile Dhoble (pr. n.) O gêmeo malvado ou amaldiçoado, aquele nasce em


segundo lugar.

O Fade [the Fade] (n.) Reino atemporal onde os mortos se reúnem com
seus entes queridos e passam a eternidade.

Primeira Família [First Family] (n.) O rei e a rainha dos vampiros, e


quaisquer filhos que possam ter.

Ghardian (n.) Guardião de um indivíduo. Há vários níveis de ghardians,


com o mais poderoso sendo o sehcluded de uma fêmea.

Glymera (n.) O núcleo social da aristocracia, aproximadamente o


equivalente a corte no período da regência na Inglaterra.

Hellren (n.) Vampiro macho que se emparelhou com uma fêmea. Os


machos podem ter mais de uma fêmea como companheira.

Leahdyre (n.) Uma pessoa de poder e influência.

Leelan (n.) Um termo carinhoso livremente traduzido como “querido (a)”.

Sociedade Lesser [Lessening Society] (pr. n.) Ordem de assassinos


reunidos pelo Omega com o propósito de erradicar a espécie dos vampiros.

Lesser (n.) Humanos sem alma que se dedicam a exterminar vampiros,


como membros da Sociedade Lessening. Os Lessers devem ser transpassados
por uma punhalada no peito para serem mortos. Não comem ou bebem e são
impotentes. Com o passar do tempo, seus cabelos, pele e íris perdem a
pigmentação até que se tornam loiros pálidos e com os olhos claros. Cheiram a

6
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

talco de bebê. Introduzidos na Sociedade pelo Ômega, eles retêm um jarro de


cerâmica onde consequentemente seu coração é colocado depois de ser
removido.

Lewlhen (n.) Presente.

Lheage (n.) Um termo de respeito utilizado por um submisso sexual para


se referir a sua dominante.

Lhenihan (pr.n) Uma fera mística famosa por suas proezas sexuais. No
jargão moderno, refere-se ao macho de tamanho sobrenatural e vigor sexual.

Lys (n.) Ferramenta de tortura usada para remover os olhos.

Mahmen (n.) Mãe. Usado tanto como um identificador quanto um termo


de afeição.

Mhis (n.) O disfarce de um dado ambiente físico; a criação de um campo


de ilusão.

Nalla (n., f.) ou Nallum (n., m.) Amada (o).

Período de necessidade [needing period] (n.) Período de fertilidade das


fêmeas vampiras, geralmente com duração de dois dias e acompanhado de um
forte e ardente desejo sexual. Acontece aproximadamente cinco anos após a
transição de uma fêmea e, posteriormente uma vez a cada dez anos. Todos os
machos respondem em algum grau se estiverem perto de uma fêmea em seu
período. Pode ser um momento perigoso com conflitos e brigas surgindo entre
machos competindo, particularmente se a fêmea não é emparelhada.

Newling (n.) Uma virgem.

O Ômega [The Omega] (Pr. n.) Ser místico e malévolo que quer exterminar
a raça vampírica devido ao ressentimento que tem em relação à Virgem Escriba.
Existe em um reino atemporal e possui extensivos poderes, embora não o poder
de criação.

Phearsom (adj.) Termo referente a potencia dos órgãos sexuais do macho.


A tradução literal seria algo como “digno de penetrar uma mulher”.

Princeps (n.) O mais alto nível da aristocracia vampírica, superado apenas


pelos membros da Primeira Família ou pelas Escolhidas da Virgem Escriba. É um
título que se deve ter por nascimento, não pode ser concedido.

7
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Pyrocant (n.) Refere-se a uma fraqueza crítica em um indivíduo. A fraqueza


pode ser interna, como um vício, ou externa, como um amante.

Rahlman (n.) Salvador.

Rythe (n.) Forma ritual de lavar a honra, oferecida pelo ofensor ao


ofendido. Se aceito, o ofendido escolhe uma arma e ataca o ofensor, que se
apresenta perante ele sem se defender do ataque.

A Virgem Escriba [The Virgin Scribe] (pr.n) Força mística que aconselha o
rei como guardiã dos registros vampíricos e concedente de privilégios. Existe em
um reino atemporal e possui grandes poderes. Capaz de um único ato de
criação, que usou para trazer os vampiros à existência.

Sehclusion (n.) Status conferido pelo rei a uma fêmea da aristocracia como
resultado de uma petição pela família da fêmea. Coloca a fêmea debaixo da
autoridade exclusiva de seu ghardian, tipicamente o macho mais velho da
família. Seu ghardian tem então o direito legal de determinar toda sua forma de
vida, restringindo à vontade qualquer e toda interação que ela tenha com o
mundo.

Shellan (n.) Vampira que se emparelhou com um macho. Fêmeas


geralmente não tomam de um companheiro devido à natureza altamente
territorial dos machos vinculados.

Symphath (n.) Subespécie do mundo vampírico caracterizada pela


habilidade e desejo de manipular as emoções dos demais (com o propósito de
uma troca de energia), entre outras peculiaridades. Historicamente, tem sido
descriminados e durante certas épocas, caçados pelos vampiros. Eles estão
próximos à extinção.

A Tumba [the Tomb] (Pr. N.) Cripta sagrada da Irmandade da Adaga Negra.
Utilizada como local cerimonial assim como instalação de armazenamento para
os jarros dos lessers. As cerimônias realizadas ali incluem: iniciações, funerais e
ações disciplinares contra os Irmãos. Ninguém pode entrar, exceto os membros
da Irmandade, a Virgem Escriba ou os candidatos à iniciação.

Trahyner (n.) Palavra usada entre machos de mútuo respeito e afeição.


Traduzido livremente como “querido amigo”.

8
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Transição [Transition] (n.) Momento crítico na vida dos vampiros quando


ele ou ela se transforma em adulto. A partir daí, precisa beber sangue do sexo
oposto para sobreviver e não suporta a luz do sol. Geralmente, ocorre por volta
dos vinte e cinco anos. Alguns vampiros não sobrevivem à transição, machos em
particular. Antes da mudança, os vampiros são fisicamente frágeis, inaptos ou
indiferentes ao sexo e incapazes de se desmaterializar.

Vampiro [vampire] (n.) Membro de uma espécie distinta da Homo sapiens.


Vampiros devem beber o sangue do sexo oposto para sobreviver. O sangue
humano os mantém vivos, embora a força não dure muito tempo. Depois de
suas transições, o que ocorre entre os vinte anos, eles são incapazes de se expor
a luz do sol e devem se alimentar diretamente da veia regularmente. Os
vampiros não podem “converter” humanos através de uma mordida ou
transfusão de sangue, embora em raras ocasiões possam reproduzir-se com
membros de outras espécies. Podem desmaterializar-se à vontade, porém
devem se acalmar e se concentrar para fazê-lo e não podem carregar nada
pesado com eles. São capazes de extrair as lembranças de um humano,
contanto que tais as lembranças sejam de curto prazo. Alguns vampiros são
capazes de ler mentes. A estimativa de vida é superior a mil anos, ou em alguns
casos ainda maior.

Wahlker (n.) Um indivíduo que morreu e voltou à vida do Fade. A eles é


concedido um grande respeito a são reverenciados por suas tribulações.

Whard (n.) Equivalente a padrinho ou madrinha de um indivíduo.

9
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Dedicado à:
Jillian e Benjamin Stein,
que estão vivendo uma história de
amor verdadeiro.

10
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O vampiro aristocrata, Peyton está bem ciente do seu dever em sua


linhagem: acasalar com uma fêmea apropriada de sua classe e continuar as
tradições de sua família. E ele achava que tinha encontrado seu par
perfeito—até se apaixonar por outra pessoa. No entanto, quando sua
decisão de segunda instância em uma batalha contra o inimigo põe em
perigo a vida de outro recruta, Peyton deve enfrentar a idéia de que seu
futuro e seu coração realmente se encontram com outro.

Novo, como uma fêmea no programa de treinamento da Irmandade da


Adaga Negra, parece que ela tem que provar a si mesma a todos—e ela
não tem interesse em se distrair se apaixonando. Mas quando Peyton prova
ser muito mais do que um playboy rico, ela é forçada a enfrentar a tragédia
que quebrou sua alma e a fechou para o amor.

À medida que os dois lidam com o passado de Novo e o presente de


Peyton, outro casal deve lidar com uma conexão erótica que é
incomparável e potencialmente escandalosa. Saxton, que teve seu coração
partido, descobre em si mesmo uma atração profunda para Ruhn, um novo
membro da família. Mas será que o outro homem explorará a conexão? Ou
ele vai fechar sua mente e seu coração para o que poderia ser o verdadeiro
amor ... e custou a Saxton tudo?

11
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Um

Quando você teve tudo no mundo, nunca se deu conta de que havia
chances de perder. Oportunidades que eram apenas temporárias. Sonhos
que não poderiam ser cumpridos.
Quando Peyton, filho de Peythone, escondeu os olhos atrás das
lentes azuis, ele encarou a sala de descanso do centro de treinamento.
Paradise, filha de sangue do Primeiro Conselheiro do Rei, Abalone,
estava deitada em uma cadeira, nada elegante, com as pernas penduradas
sobre um braço enquanto suas costas descansavam contra o outro. Sua
cabeça loira estava jogada para trás, seus olhos revisando notas sobre
DEI.
Dispositivos explosivos improvisados.
Sabia o que estava nessas páginas—a promessa da morte, a realidade
da guerra com a Sociedade Lesser, o perigo que ela tinha colocado-se ao
se juntar ao programa de treinamento da Irmandade da Adaga Negra para
soldados—o fez querer tirar as notas dela e voltar no tempo. Ele queria
voltar às suas velhas vidas, antes de ter vindo aqui para aprender a lutar
... e antes de ter aprendido, ela era muito mais do que uma mulher
aristocrática com uma linhagem estelar e uma beleza clássica.
Sem a guerra, porém, ele duvidava que teriam se aproximado.

12
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Aquela terrível noite em que a Sociedade Lesser atacou as casas da


glymera, abatendo famílias inteiras e legiões de criados, foi o catalisador
para que os dois se mantessem juntos. Ele sempre foi um fútil duro,
correndo com uma multidão rápida de homens ricos e mundanos, que
freqüentavam clubes humanos durante a noite e ficava em casa durante
todo o dia fumando. Mas depois dos ataques? Ambas as famílias se
mudaram para casas seguras, fora de Caldwell, e ele e Paradise tinham
adquirido o hábito de se telefonar quando não conseguiam dormir. O que
havia acontecido na maior parte do tempo.
Eles passavam horas falando ao telefone, falando sobre qualquer
coisa e tudo, desde assuntos sérios até coisas insignificantes e tolas.
Ele lhe havia contado coisas que nunca tinha compartilhado com
ninguém: ele admitiu que estava assustado e que se sentia sozinho e
preocupado com o futuro. Ele havia dito em voz alta, pela primeira vez,
que achava que ele tinha um problema com drogas. Estava preocupado
se ele poderia ou não sair no mundo real, ficar longe do ambiente do
clube.
E ela tinha estado lá para ele.
Ela foi a primeira amiga que ele já teve. Sim, é claro, ele tinha fodido
um monte de fêmeas, mas com Paradise, não tinha sido sobre transar.
Embora ele a quisesse. Claro que sim. Ela era incrível ...
— Admita.
Quando Paradise falou, chamou a atenção dele. Então olhou em
volta. A sala de descanso estava vazia, exceto pelos dois, todos os outros
estavam, na sala de musculação, nos vestiários, ou vagando no corredor
enquanto esperavam para sair para o dia.
Então, sim, ela estava falando com ele. Olhando para ele, também.
— Fale. —Seus olhos eram muito diretos. — Por que você não diz
isso de uma só vez?

13
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele não sabia como responder a isso. E quando o silêncio se esticou


entre eles, ele sentiu como se ele tivesse feito um golpe, seu coração
girando em seu peito em uma velocidade absurda, suas mãos ficaram
suadas, as pálpebras se abaixando em um piscar.
Paradise se ajeitou na cadeira, deslocando as longas pernas e
cruzando-as com exatidão sobre o joelho. Foi um movimento reflexivo,
algo que veio de sua linhagem e sua educação aristocrática: Todas as
mulheres de sua classe sentavam-se adequadamente. Era exatamente o que
se fazia, não importa onde se estivesse ou o que estava vestindo.
Crate & Barrel ou Louis XIV . Lycra ou Lanvin . Regras, querida.
Ele a imaginou com um vestido, coberta com as jóias de sua mahmen
morta, debaixo do candelabro de cristal de um salão de baile, com os
cabelos puxados para trás, o rosto radiante e perfeito, e o corpo dela ...
movendo-se contra o dele.
— Onde está o seu macho, —ele disse com uma voz áspera—que ele
esperava que ela culpasse pelo seu hábito com a maconha.
O sorriso que atingiu seu rosto o fez se sentir velho e bêbado, apesar
de terem a mesma idade e estar sóbrio.
— Ele está apenas se trocando.
— Grandes planos para a noite?
— Não.

Crate & Barrel – Loja que vende artigos de marca.


Louis XIV – Estilo de moveis

Lycra ou Lanvin – Roupas de grif/O estilo exuberante da Lanvin é símbolo da sofisticação parisiense.

14
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sim, é claro. Esse rubor disse-lhe exatamente o que eles iriam fazer—
e quanto ela estava ansiosa por isso.
Levantando os óculos de sol, ele esfregou os olhos. Era difícil
acreditar que ele nunca iria saber o que era isso ... levando-a debaixo dele
enquanto ele a montava, seu corpo nu para explorar, suas coxas se
espalhando para que ele pudesse ...
— E não mude o assunto. —Ela se sentou na cadeira. — Vamos lá.
Diga isso. A verdade irá libertar você, certo?
Como o compressor por trás da máquina de refrigerante chutado, ele
olhou para o balcão de serviço de comida, onde as refeições e lanches
eram oferecidos quando eles estavam usando a sala de aula e ginásio.
Mesmo que os Irmãos deixassem os recrutas entrarem no campo para o
envolvimento com o inimigo, ainda havia um monte de teoria, corpo a
corpo e trabalho com as armas que era regularmente realizada no local.
Pelo menos duas a três noites por semana, eles comiam aqui ...
Uau. Olhe isso. Ele estava tentando se distrair.
Peyton virou seu olhar de volta para ela. Deus, ela era tão linda, tão
loira, com aqueles grandes olhos azuis ... e aqueles lábios. Macio,
naturalmente rosa. Seu corpo tinha ficado um pouco menos curvilíneo,
um pouco mais musculoso, já que ela havia começado a exercitar demais,
e o poder era emocionante.
— Você sabe, —ela murmurou, — houve um tempo em que não
escondiamos nada um do outro.
Na verdade, não, pensou ele. Ele sempre manteve sua atração por ela
oculta.
— As pessoas mudam. —Ele se esticou e estalou suas costas. —
Relacionamentos, também.
— Não o nosso.

15
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Qual é o ponto. —Ele balançou a cabeça. — Nada de bom pode


vir de ...
— Vamos, Peyton. Eu posso sentir você olhando para mim na aula,
no campo. É tão malditamente óbvio. E escuta ... eu sei onde você está
indo. Eu não sou ingênua.
A tensão nela era óbvia por causa de seus ombros tensos e sua boca
apertada. E hey, o que você sabe, ele odiava a posição que ele estava
colocando-os, também. Se ele pudesse pará-lo, ele o faria, mas os
sentimentos eram como animais selvagens. Eles faziam o que eles
queriam e para o inferno com o que eles pisotearam ou pisaram ou chutou
no processo.
— Tanto quanto eu tento ignorá-lo, —ela empurrou o cabelo sobre o
ombro dela, — e, tanto quanto eu tenho certeza que você quer se sentir
de forma diferente, é o que é. Eu acho que nós precisamos falar sobre isso
para que possamos limpar o ar, sabe? Antes de começar a nos afetar ou
os outros em campo.
— Eu não acho que é resolvível. —Não, a menos que você queira seguir
uma dieta de cento e vinte e sete quilos e perder seu companheiro. — E eu não
acho que seja importante.
— Eu não concordo. —Ela levantou as mãos. — Oh vamos lá. Nós
já passamos por tanta coisa juntos. Não há nada que você e eu não
possamos consertar. Lembre-se dessas horas no telefone? Fale comigo.
Quando Peyton se perguntou por que diabos ele não trouxera um
cigarro com ele, ele pôs-se de pé e jogou esconde-esconde com os móveis
do dormitório que havia sido organizado com cuidado e precisão de um
jogo de enigma: os vários assentos, sofás, e as mesas foram colocados por
todo o lado, resultado de diferentes grupos de estudo e algumas apostas
questionáveis sobre flexões, abdominais e queda de braço ter fodido o
arranjo.

16
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando ele finalmente parou, ele se virou. E ambos falaram ao


mesmo tempo.
— T454udo bem, eu estou apaixonado por você ...
— Eu sei que você ainda não aprovou eu ...
Em outra explosão de sincronização, eles se calaram juntos.
— O que você disse? —Ela ofegou.
Arma de fogo. Ele precisava de uma arma. Assim, ele poderia atirar no
próprio pé, na verdade, ao contrário do hipotético.
A porta da sala de descanso se abriu e seu macho, Craeg, entrou
como se ele possuísse o lugar. Grande, fortemente musculoso e um dos
melhores lutadores na classe de recrutamento, ele era o tipo de cara que
poderia usar um prego enferrujado como um palito de dente enquanto ele
suturava suas próprias feridas no meio de um armazém em chamas com
dois lessers chegando nele e um cachorro golden retriever assustado
debaixo do braço.
Craeg parou e olhou para frente e para trás entre eles. — Estou
interrompendo algo?

Novo quase não chegou a lixeira metálica de tamanho industrial a


tempo. Quando ela se curvou pela metade e vomitou, nada além de água
saiu, e quando as ondas do vômito passaram, ela rolou e deixou-se cair
sobre as esteiras. Respirando contra o muro de concreto frio, ela esperou
que o mundo parasse de girar ao redor dela.

golden retriever

17
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O suor caiu como lágrimas pelo rosto, e a garganta dela estava em


chamas—embora isso fosse menos sobre os vômitos do que a inalação de
serragem que tinha estado respirando, enquanto carregava o peso morto,
sem deixá-lo chegar aos pulmões. Ela sentiu como se estivesse tentando
encontrar oxigênio no meio da fumaça quente.
Clank. Clank. Clank ...
Quando ela conseguiu, levantou a cabeça e concentrou-se. Através
da sala de pesos, um macho enorme estava fazendo pesos para as pernas
de uma maneira lenta e controlada, seus antebraços que se projetavam de
onde ele estava agarrando as cavilhas aos quadris, os músculos da coxa
esculpidos em pedra, veias aparecendo por toda parte.
Ele estava olhando para ela. Mas não de forma assustadora.
Mais como okay-é-tempo-de-chamar-um-médico.
— Eu estou bem, —disse ela, olhando para longe dele. Embora com
seus fones de ouvido, não era como se ele pudesse ouvi-la.
Eu estou bem. Eu estou bem. Não, sério, eu estou bem ...
Inclinando-se para o lado, ela agarrou uma toalha branca e limpa de
uma pilha em um dos bancos e enxugou-se. O centro de treinamento da
Irmandade da Adaga Negra era um caso de estado da arte, o melhor do
melhor, grau profissional em tudo: desde este calabouço de ferro de dor
auto-infligida, até o campo de tiro, as salas de aula, a piscina olímpica, a
academia, e, em seguida, a clínica médica, instalações de reabilitação e as
salas de cirurgia, nenhuma despesa havia sido poupada e a manutenção era
igualmente meticulosa e cara.

O som ‘Clank’ significa, tinir, pancada, estrondo ou ruído metálico/som metalico

leg presses pesos ou supinos para as pernas

18
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com um clank final, o macho se inclinou para frente e esfregou o


rosto. Ele tinha cabelos castanhos escuros que haviam sido recentemente
cortados, os lados tão curtos que quase estavam raspados, e o superior
esquerdo longo e solto. Seus olhos eram algum tipo de castanho, e ele
tinha um olhar—todo americano—bem, exceto pelas presas, que eram
como de Bram Stoker , e a verdade era que ele não era mais humano ou
americano do que ela. A camisa branca sem manga que ele estava
vestindo estava esticada tentando abrigar seus enormes peitorais, e sua
pele escura e sem pêlos era igualmente tensas, quase à beira de romper
com seus abdominais e costas.
Ele não tinha tatuagens. Nenhum ar de grandeza. Roupa
despretensiosa. E ele raramente falava—se ele abriu a boca, sempre era
logístico, como, que máquina ela iria usar em seguida, ou era essa a sua
toalha? Ele era infalivelmente educado, distante como um horizonte, e
aparentemente sem saber que ela era uma fêmea.
Em suma, esse estranho era seu novo melhor amigo. Embora não
soubesse o nome dele.
E passaram muito tempo juntos. No final de todas as noites internas
para os formandos, os dois estavam aqui sozinhos, os Irmãos que
trabalham fora durante o dia, os outros recrutas já exaustos de tudo que
estavam fazendo na sala de aula.
No entanto, Novo sempre teve combústivel no tanque.
Foda-se 5 horas de energia ou Xenadrine . E os demônios pessoais
estavam melhores preparados para colocar seu rabo em marcha.

romancista irlandês e escritor, conhecido por seu livro Drácula 1897.

Xenadrine – Suplemento/é um termogênico extremo que é projetado para fornecer energia extrema, a
máxima intensidade e hiper termogênese.

19
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ah, e então, havia outra razão pela qual ela preferiu socar um saco
de areia, em vez de sair com os outros enquanto esperavam o ônibus para
levá-los para baixo da montanha.
— Você está sangrando.
Novo levantou a cabeça. O homem estava parado ao lado dela, e
quando ela franziu a testa ele apontou para as mãos.
— Sangrando.
Levantando uma de suas mãos, ela viu que, sim, ela certamente
estava sangrando. Ela tinha esquecido as luvas, e a barra que ela estava
segurando os duzentos e vinte e seis quilos tinha cortado.
— Qual o seu nome? —Ela perguntou enquanto pressionava a toalha
nos cortes crus.
Homem, isso doeu.
Quando ele não respondeu, ela olhou para cima de novo. E foi nesse
ponto que ele colocou a mão sobre o esterno e se curvou.
— Eu sou Ruhn.
— Você não tem que fazer isso. —Ela dobrou a toalha ao meio e re-
enxugou a testa. — A coisa do arco. Eu não sou um membro da glymera.
— Você é uma fêmea.
— E, o quê? —Quando ele parecia honestamente confuso, ela se
sentiu como uma cadela. — De qualquer forma, eu sou Novo. E eu
apertaria sua mão, mas ...
Enquanto ela mostrava o que ele havia apontado que estava ferida,
ele limpou a garganta. — É bom conhecer você.
Seu sotaque era como o dela, sem as vogais altas e longas da
aristocracia, e ela instantaneamente gostou ainda mais. Como seu pai
sempre havia dito, os ricos podiam conversar devagar porque não tinham
que trabalhar para ganhar a vida.

20
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Que fez aquele grupo de graduados pesos leves realmente difícil de


respeitar ou levar a sério.
— Você está se juntando ao programa? —Perguntou ela.
— Para?
— O programa de treinamento?
— Não. Estou aqui apenas para trabalhar fora.
Ele ofereceu-lhe um sorriso—como se isso incluísse toda a sua
história de vida, bem como todos os seus planos para o futuro—e então
ele foi até a barra de chin-up . As seções que ele fez eram inacreditáveis.
Rápido, mas controlado, uma e outra vez, até perder a contagem. E ainda
assim ele continuou com isso. Quando ele finalmente parou, ele estava
respirando profundamente, mas dificilmente cansando.
— Então, por que não?
— O quê? —Ele disse com surpresa. Como talvez ele tenha esquecido
que ela ainda estava sentada lá.
— O programa de treinamento. Por que você não se junta a nós?
Ele balançou a cabeça bruscamente. — Eu não sou um guerreiro.
— Você deveria ser. Você é realmente forte.
— Eu estou acostumado com o trabalho manual. É daí que ele vem.
—Ele fez uma pausa. — Você está no programa?
— Sim.
— Você luta?

Barra de chin-up

21
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Oh sim. E eu gosto. Gosto de ganhar e gosto de causar dor aos


outros. Particularmente os Lessers . —Quando seus olhos se arregalaram,
ela revirou os olhos. — Sim, as fêmeas podem ser assim. Nós não
precisamos de permissão para ser agressiva ou forte. Ou para matar.
Quando ele se virou, novamente agarrou a barra do chin-up, e
retomou o seu treino, ela amaldiçoou a si mesma.
— Me desculpe, —ela murmurou. — Isso não foi dirigido a você.
— Há mais alguém aqui? —Ele disse entre as repetições.
— Não. —Ela levantou-se e balançou a cabeça. — Como eu disse,
me desculpe.
— Está tudo bem. —Para cima e para baixo. — Mas ... —para cima
e para baixo. — ... por que você não está ... —Para cima e para baixo. —
… com eles?
— Os outros recrutas? —Ela olhou para o relógio na parede. — Eles
estão felizes em relaxar antes do ônibus chegar. Detesto vaguear por aí.
Hora de ir, na verdade. Até mais.
Ela estava na porta quando ele falou. — Você não deveria fazer isso.
Novo olhou por cima do ombro. — Desculpe?
Ruhn assentiu para o lixo. — Você vomita muito quando se exercita.
Não é saudavel. Você empurra demais.
— Você não me conhece.
— Eu não preciso.
Ela abriu a boca para dizer-lhe para manter o complexo de Deus para
si mesmo, mas ele apenas se virou e retomou os chin-ups dele.

Nota: Lessers, também chamado de: menor, assassino ou matador, são muitas das variações nesse livro, onde deixamo-os de acordo
com a condordância no texto.

22
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Oh, certo, pensou. Fodendo bem. Por que eu não vou apenas assistir
Tasty vids no BuzzFeed e tirar selfies em poses de ioga.
#nenhumazonadevómito
Com seu temperamento crescente, ela queria lutar com ele. Mesmo
que ela estivesse cansada até se machucar e ele poderia estar certo sobre
os exercícios ... foda isso. Viva e deixe viver, você sabe?
Ou, viva e deixe-se autodestruir.
Batata, potahto.
Mas de qualquer forma. Não há razão para discutir com um estranho
sobre algo que ela não tinha intenção de fazer de forma diferente.
No corredor, o ar era mais frio—ou talvez fosse apenas um caso de
percepção, a longa rampa de paredes de concreto para a área de
estacionamento, fazendo parecer que havia muito mais ar disponível para
respirar. Obrigando-se a andar para a frente, se dirigiu ao vestiário que ela
e Paradise usavam como únicas duas mulheres no programa. E no
segundo que ela abriu o entrou, fechou os olhos e considerou ir para casa
suada e nojenta.
Filho da puta.
Essa fragrância maldita.
O shampoo de Paradise era como tinta spray nas paredes, carpetes
no chão, ventiladores de teto girando a mil e seiscentos quilômetros por
hora, luzes estroboscópicas e uma bola do disco: Na sala apertada,
ocupava cada centímetro quadrado do espaço.

Tasty vids – Canal de culinária.

Canal de variedades

23
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O que era pior? Não era como se a fêmea fosse odiosa ou


incompetente ou uma boneca Barbie que pudesse ser considerada como
a Taylor Swift em um mundo do Nirvana. Paradise tinha sido a única que
tinha durado mais tempo durante essa orientação infernal, e ela era uma
especialista no campo, com reflexos incrivelmente rápidos e uma pontaria
que você tinha que ver para acreditar.
Mas havia outra coisa em que ela era boa.
E mesmo que Novo não tivesse o direito de se preocupar com nada
e não havia motivo para foder com ninguém, era sublimamente irritante
ver Peyton esgueirar aqueles olhares e permanecer nas portas e apertar os
olhos sempre que a mulher riu.
A única coisa que era ainda mais irritante? Que essa merda estava no
radar de Novo o tempo todo.
Peyton, filho de Peythone, não tinha nada que lhe interessasse.
Afinal, algumas coisas, como não se voluntariar para uma amputação de
membros importantes, eram auto-evidentes.
Além de, olá, história pessoal.
Não com ele especificamente. Mas, ainda assim.
Assim, o fato de que ela tinha notado o vício do cara para essa outra
fêmea era suficiente para fazer Novo querer vencer seu próprio traseiro.
Quando ela se virou para as cabines de banho, ela se viu em um
espelho de corpo inteiro—um acessório que ela tinha muita certeza de
que não estava no vestiário dos machos.
O que realmente era tão malditamente sexista ...
Seus pensamentos deixaram cair o microfone naquele discurso
familiar quando seu reflexo se registrou. Seus olhos se tornaram poços
vazios, e seu estômago, deixado nu entre seu sutiã esportivo e suas
leggings, era côncavo e suas pernas estavam inchados com musculo,
exceto pelos nós ossudos apertados de seus joelhos.

24
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sem quadris, sem seios, sem identificadores femininos ... até os


cabelos compridos estavam presos em uma trança que pendia como se
estivesse recuando para os adeptos poderosos de cada lado da coluna
vertebral.
Novo concordou com a cabeça em aprovação.
Ela não quereria as coisas de forma diferente.
Paradise poderia manter toda essa merda de garota e todos os olhares
maliciosos do mundo. Era muito melhor ser forte do que sensual. Este
último tem-te admirada ...
O primeiro te manteve segura.

Dois

— Não, —disse Peyton. — Não está interrompendo nada.


Quando ele sorriu para Craeg, ele pensou, Yuuuuup, é muito legal. Eu
acabei de dizer a sua garota que eu a amava enquanto ela achava que eu ainda
estava preso em não querer que ela estivesse no programa de treinamento. Então,
sim, em tom de conversa falando, acabamos de enfrentar um duelo, onde
ela tinha uma arma e eu tinha dois clipes de papel e uma elástica. Mas
está tudo bem.

25
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Embora, hey, enquanto estamos no assunto, talvez você queira cortar


minhas bolas e colocá-las em seu bolso traseiro? Porque não vou precisar
mais depois disso.
Chegando à porta, ele não olhou para Paradise. Na verdade, havia
uma boa possibilidade de nunca mais estar olhando para ela. Mas ele foi
cuidadoso em esconder com Craeg quando ele passou pelo macho,
dando-lhe um tapinha no ombro.
— Mal posso esperar para amanhã em campo. —A menos que ele se
enforcasse no banheiro em casa. Nesse caso, ele não-se-apresentaria. —
Bom treino esta noite. Fan-porra-tástico.
Especialmente se você contou o golpe do corpo que ele acabou de
fazer com seu próprio ego. Aquela puta não estava se levantando
novamente. Provavelmente precisava de cirurgia reconstrutiva e uma
prótese.
No corredor, ele parou e amaldiçoou. Ele havia deixado sua maldita
mochila na sala de descanso, mas ele não ia voltar para lá. Não. Não
havia nenhuma razão para se fazer de espectador do beijo de reunião de
Paradise/Craeg #45,896, que seria seguido pelo OMG-adivinha-o-que-
Peyton-acabou-de-me-dizer. A boa notícia? Craeg estava tão no programa,
da liderança da equipe e da luta contra o verdadeiro inimigo, que havia
uma forte possibilidade de que seu macho vinculado não estivesse
chegando a uma adaga neste momento.
Ainda assim, provavelmente era uma boa idéia ir até a área de
estacionamento. Apenas para ganhar algum tempo para a fuga.
Mesmo ele não era estupido o suficiente para enfrentar um macho
vinculado. Especialmente um que foi treinado para matar coisas.
Quando Peyton verificou seu relógio e começou a caminhar para a
porta de aço reforçada na outra extremidade, ele estava fodidamente
grato. Quinze minutos e o ônibus à prova de balas estaria pronto na área
de estacionamento para levá-los de volta ao ponto de coleta. Se Craeg

26
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

estivesse com raiva na viagem para a cidade, certamente alguém ajudaria


o cara. Boone era um atirador perfeito e intercederia, e talvez ...
No mesmo instante, o corpo inteiro de Peyton ficou em alerta
máximo, sua pele corada do calor, o cabelo na parte de trás do pescoço
se levantou, o sangue dele bombeando como se estivesse em uma corrida.
Ele parou de novo e se virou lentamente.
Novo estava saindo do vestiário feminino, seu corpo duro em couros
e uma jaqueta de couro, sua mochila Nike sobre um ombro, seu cabelo
negro penteado para trás e trançado por sua coluna.
— Ei, —ele murmurou quando ela chegou até ele. — Você parece
bem esta noite.
Ela sempre parecia. E não apenas com sua forma de mão-a-mão,
também.
— O que você quer dizer, —ela passou por ele, — é que eu o venci.
— Não é como eu lembro disso.
— Hã. Então, acho que, quando eu coloquei você nas costas causou
um pequeno dano cerebral.
Enquanto uma ereção atingia suas calças, Peyton discretamente
reajustou-se e seguiu seu rastro. Em frente a ele, ela se moveu como o
chefe que ela era, toda atitude e competência, e sim, ele olhou totalmente
para sua bunda ... e queria suas mãos por toda parte.
Sua boca também.
Algo sobre ela atraiu o animal nele, desde a primeira noite que a tinha
visto. Ele não queria fazer amor com ela. Ele nem sequer estava
interessado em sexo com ela. Ele queria fodê-la diretamente, o tipo que
deixava marcas na pele, e quebrou móveis e lâmpadas.
— Eu ganhei no final, —disse ele, arrastando as palavras.

27
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Agora, ela era a única que parou e se virou com aquela longa trança
de cabelos balançando e batendo no quadril. — Porque eu escorreguei
enquanto eu estava batendo em você. Meu pé escorregou. Foi assim que
você conseguiu sua vantagem.
— Mesmo assim, eu imobilizei você no final.
— Eu levei você para baixo.
— E eu ganhei.
Quando o fogo acendeu seus olhos azuis e suas presas desceram, ele
se concentrou em sua boca. Em sua mente, ele a empurrou para trás
contra a parede de concreto duro e ela lutou contra ele e eles se beijaram
como se eles estivessem indo morrer depois que eles acabaram de foder.
Cru. Furioso. Com orgasmos que alteraram a química do cérebro durante
as noites subseqüentes.
— Você não ganhou, —ela apertou os dentes. — Eu escorreguei. E se
a sola do meu pé não tivesse saído debaixo de mim, você ainda estaria
naquele tapete como um tapete.
Peyton se aproximou e baixou a voz. — Desculpas, desculpas.
Com a forma como ela olhou para ele, estava claro que ela queria
bater nele. Quebrar-lhe as pernas. Esfaqueá-lo.
E ele queria tudo isso, também. Era uma punição por ter deixado cair
aquela bomba mais cedo na sala de descanso. Foi um auto-dano feito por
outra pessoa, uma distração vital e dolorosa que tiraria de sua cabeça o
fato de que ele se tornara muito sincero com a pessoa errada, na hora
errada.
Merda, ele realmente havia dito a Paradise que ele estava apaixonado
por ela?
— Então, quando é que vamos foder, —ele disse com uma voz
gutural. — Eu estou pronto para parar de ignorar isso.

28
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Novo estreitou o olhar ainda mais. — Nunca. Como nunca soa para
você?
— Você quer isso.
— Não de você.
— Mentirosa. —Ele se inclinou um pouco mais perto. — Covarde.
Do que você tem medo ...
Sua mão livre se afastou e trancou na sua garganta, a unha do polegar
pressionando em sua jugular e beliscando o fornecimento de sangue. —
Cuide de si mesmo, menino bonito. Ou eu poderia fazer algum dano
estético que eles não vão poder consertar.
Peyton fechou os olhos e balançou. — Eu quero você.
Cobrindo seu aperto com o dele, ele forçou sua unha na pele até que
o sangue brotasse. E quando seus olhos se acenderam, ele tirou a mão e
olhou a mancha vermelha no polegar.
— Você quer um gosto? —Ele disse, trazendo seu sangue para a boca.
— Abra para mim.
Quando sua mandíbula se apertou como se ela estivesse
pressionando os dentes, ele esfregou o polegar no lábio inferior,
esperando que a tentação se tornasse forte demais para ela resistir ...
Sua língua cor-de-rosa lambeu e, em seguida, assumiu, sugando o
dedo profundamente e fazendo uma demonstração de rolar ... até que ele
quase teve um orgasmo em suas calças.
Mas apenas quando as coisas estavam decolando, ela recuou
abruptamente e olhou para longe.
— Tempestade de neve, gente.

29
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ao som de uma voz masculina, Peyton fez algumas repetições da F-


bomba na cabeça dele. E então ele olhou para Axe, que estava saindo do
escritório.
— O que você quer dizer? —Murmurou Peyton.
Seu colega de treinamento estava se aproximando. Axe era neo-gótico,
meio tatuado e um bom cara, uma vez que você superou o fato de que ele
parecia um serial killer. Ele tinha acabado de se vincular com uma
aristocrata, umas das primas de Peyton, então agora ele estava na família
por assim dizer, e Peyton estava feliz. Com tudo do jeito que estava
acontecendo no mundo, pelo menos ele sabia que Elise não era apenas
amada, mas a salvo do inimigo.
— Estamos presos aqui. —Axe flexionou seus braços pesados como
se estivessem doloridos. — Eles não podem nos tirar. O ônibus esta
cancelado.
— Que diabos? —Peyton lembrou de seu estoque de erva em seu
quarto como se fosse um parente há muito perdido. — Eu tenho planos.
— Tome-o com a gerência, meu homem. Não posso ajudá-lo.
O problema era que eles não podiam simplesmente desmaterializar
fora da montanha. O complexo da Fraternidade, que incluiu este
complexo subterrâneo, estava em um local altamente seguro: por um lado,
os recrutas não estavam informados sobre o seu paradeiro, e essa era a
informação que você não queria ter, de qualquer maneira. Quem precisava
saber onde estava a Primeira Família? Tudo o que eles sabiam na lista
curta de alvos de tortura se houvesse uma tentativa de assassinato. Mas,
ainda mais, a propriedade foi coberta com mhis , algo que visualmente
turvava a paisagem e tornou praticamente impossível para alguém que
não conhecia as coordenadas desmaterializar dentro ou fora da área.

Em inglês F-bomb ‘Fuck-bomb’. Usado para descrever o que alguém diz sem usar a palavra "merda".
Mhis (n.) O disfarce de um dado ambiente físico; a criação de um campo de ilusão.

30
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Então, sim, ninguém na classe estava indo para qualquer-merda-de-


lugar.
Merda, ele pensou que a viagem de volta para Caldwell seria ruim?
Este era um maldito pesadelo. Preso aqui, com Paradise e Craeg, até pelo
menos cinco ou seis horas na noite seguinte, quando estivesse escuro o
suficiente para irem de ônibus? Supondo que a tempestade de neve tivesse
diminuido até então?
Peyton olhou para Novo. Ela e Axe estavam falando sobre as coisas
do DEI que Paradise estava estudando, e enquanto observava seus lábios
se moverem ... ele pensou em todos os lugares em que ela poderia colocá-
los em seu corpo.
Bem, agora ficou claro, pelo menos a Irmandade permitia as pessoas
ficarem bêbadas se eles estivessem de folga. E com o tipo certo de
persuasão? Já estava além do tempo para ele e Novo encontrar alguma
privacidade e aproveitar ao máximo—e isso faria uma dupla vantagem
mantendo-o longe dos punhos voadores de uma das partes do casal mais
feliz da porra do planeta.
Esta era uma oportunidade. Não uma crise.

Maldição. Ele tinha um sabor incrível.


Enquanto Novo mantinha uma conversa com Axe, era apenas uma
partida de tênis com frases superficiais com palavras e termos que tinham
aprendido em sala de aula. Debaixo de todas as sílabas convencionais, ela
estava pensando naquele momento que tinha saboreado uma parte de
Peyton ... e ela gostou.

DEI – Dispositivos Explosivos Improvisados.

31
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele ainda estava olhando para ela, seu corpo estava preso como se
estivesse pronto para levá-la ao chão, todos os tipos de calor e intenção
erótica rolando dele em ondas que ela realmente poderia sentir em sua
pele nua.
A agressão e a fome foram uma surpresa considerando sua linhagem
refinada, mas não é surpreendente, dado quem ele era. Para um menino
rico, ele provou ser um lutador astuto e tenaz, forte e estranhamente
destemido. Agora ... a questão parecia ser se ela queria ver que tipo de
amante ele era ...
— ... Aniversário de Paradise, —Axe estava dizendo para ela. —
Elise me disse que vocês iriam se encontrar para ter certeza de que a
merda era secreta.
Novo se reorientou quando Peyton assentiu. — Eu vou ligar para ela
hoje à noite. Eu acho que todos nós vamos em um grupo.
— Quando é isso? —Novo ouviu-se perguntar.
Como data / hora / local foram compartilhadas e não havia mais
nada a ser falado em torno de toda a celebração, ela estava perdida em
pensamentos novamente.
Sim, esse não era o cenário dela. Duzentos ou trezentos membros da
glymera com idade inferior a um século, fazendo uma mistura de Stella
McCartney /Tom Ford abastecidos com licor caro, comida que é pega
com os dedos das bandejas de prata, isso e do privilégio aristocrático?
Apenas atire em mim agora, ela pensou.

designer de moda britânico.


estilista e cineasta americano.

32
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E isso foi antes que você adicionasse ‘um’ Peyton olhando para a
aniversariante como se ela tivesse roubado sua alma e colocado em sua
bolsa Chanel .
— ... você vai, certo?
Quando houve uma pausa, ela olhou para Axe. — O que?
— Você tem que vir, —Ax murmurou. — Eu preciso de alguém com
quem eu possa conversar.
— Por que não pulamos e vamos para o The Keys?
— Esses dias acabaram para mim.
— Ah, está certo. Você tem o seu felizes para sempre, então você é
muito bom para nós putas.
E não, ele não deu uma merda que ela parecia amarga ...
Está bem, talvez ela estivesse arrependida de estar sendo uma puta.
Mas o cara tinha sido uma lenda no infame clube de sexo de Caldwell.
Por que alguém desistiria disso por apenas uma pessoa, ela não conseguia
entender. Era um buffet trocado por um armário cheio da mesma lata de
sopa, década após década. Além dessa coisa de colocar todos os seus ovos-
em-uma-única-cesta? Não era para ela.
Ela só teve que aprender essa lição uma vez.
— Você vai lá regularmente? —Peyton perguntou com uma
expressão remota.
Enquanto ele estreitou seu olhar sobre ela, era tentador apontar para
o Sr. Anacronismo que as fêmeas eram *chocantes* podiam dirigir

O ditado “não coloque todos os ovos em uma única cesta” é bem conhecido, mas às vezes pouco compreendido. Ele quer dizer,
diversificar ou seja, não poderia focar em uma única forma de tráfego, não poderia focar somente em uma rede social, não poderia ter um
só projeto. Ao diversificar, você cria uma situação em que, provavelmente, ganhos e perdas acabam se cancelando e o deixando
exatamente onde começou – no Ponto Zero.
Anacronismo – atitude ou fato que não está de acordo com sua época.

33
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

carros, possuírem imóveis, usar calças. E que a civilização não tinha


afundado e queimado na montanha Tudo Que Era Melhor Antes.
— Eu sou um membro. —Ela cruzou os braços sobre o peito. — Você
tem algum problema com isso.
— Então, quando você está me levando?
Ela escondeu a surpresa dele. — Você não conseguiria lidar com isso.
— Como você sabe?
Novo o olhou de cima a baixo. — Eu não sei, mas você não é
interessante o bastante para eu descobrir.
Axe assobiou em voz baixa. — Ouch.
Peyton ignorou o cara, uma luz fria entrando em seus olhos. —
Desafio aceito. Que noite?
Novo sacudiu a cabeça. — Isso não foi um desafio.
— Eu acho que foi. E embora você não me poupe nenhuma cortesia,
eu vou me levantar acima e abster-me de apontar que você está mentindo.
Assim como você fez um minuto e meio atrás, quando você me disse que
não queria foder comigo. —Ele colocou a mão na boca. — Oh. Whoops.
Isso acabou de sair?
— Vocês dois cortem a merda e consigam um quarto já, —Axe disse,
arrastando as palavras. — Sem ofensa, mas comédias românticas me
deixam doente.
— Isso não é uma comédia romântica, —afirmou Novo. — É um
mistério de assassinato com um final óbvio.
— Eu tenho que concordar com ela sobre isso. —Peyton estendeu a
mão e passou a ponta dos dedos ao longo da clavícula de Novo. — Um
bom orgasmo é conhecido como a pequena morte. E estou mais do que
disposto a morrer por você. Um pouco.

34
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Antes que ela pudesse dar um tapa na mão dele—ou machucá-lo


fisicamente—ele se afastou com um sorriso.
— Onde há algumas bebidas alcoólicas, —ele disse por cima do
ombro. — Preciso de uma bebida se eu vou passar o dia preso aqui com
toda a sua negação.
Novo cruzou os braços sobre o peito. — Ele é um idiota.
— Todo mundo precisa de um hobby. —Axe encolheu os ombros.
— E ele claramente gosta de irritá-la.
— Se você me disser para parar de encorajá-lo, eu vou dar um murro
no queixo.
Axe colocou as palmas para cima. — Não é sobre isso. Além disso,
sua presença por si só é incentivo suficiente. O que você vai fazer, tirar
sua própria pele fora?
— Okay, certo. Paradise é aquela que ele quer, e não lê nenhuma
cadela nisso. Ela é mais do que bem-vinda para manter essa posição
exaltada. E, da mesma forma, se ele quiser continuar batendo contra essa
parede até que ele se desmaie, divirta-se com isso.
Axe a olhou por um longo momento. Em seguida, ele ofereceu a
palma da mão. — Cem que você é a única para ele.
— Eu não aposto.
— Covarde.
Ela puxou a mão para a frente e segurou-o com força. — Que se foda.
Eu aceito.
— Você não pode fazer nada para dissuadi-lo.
— Esse é o meu POP com o bastardo. Não planejo parar de fazer
isso agora.

No jargão, 100 do que quer que seja (dólares, libras, euros, etc.)
Procedimento Operacional Padrão.

35
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não é o que eu quis dizer. —Axe balançou a cabeça. — Isso está


fora do seu controle. E do dele.
— Como se você fosse um especialista.
— Eu sou. —O macho encolheu seus ombros poderosos. — Acabei
de passar por isso sozinho. É assim que eu sei como isso vai acabar.
À medida que o guerreiro se afastava, ele tinha toda a calma de
alguém que podia ver o futuro, e Novo esperava que ele desfrutasse dessa
superioridade—enquanto durasse.
Ela ia gostar de gastar o seu Benji .
Nessa altura, isso foi muito claro.

Três

Enquanto Saxton estava em uma longa janela emoldurada por cortinas


de veludo verde com borlas douradas e faixas bordadas, ele olhou para
uma tempestade de neve e se preparou para ir ao banho de gelo. Ele tinha

Nota de $ 100 dolares com Benjamín Franklin.

borlas para prender cortinas

36
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

sua pasta em uma mão, seu cachecol Gucci na outra—e sua intensa
aversão ao frio ao redor dele.
A mansão da Irmandade da Adaga Negra estava no topo de uma
montanha, e as rajadas de vento nesta altitude mais alta eram como um
exército invasor que descia contra seus grandes muros de pedra. As
explosões vieram em ondas e de diferentes direções, e, enquanto
observava os flocos de neve soprar a sua mercê, lembrou-se de como eram
as unidades populacionais de peixes, indo para um lado e depois o outro
em um caos delineado.
Eu não quero mais fazer isso, pensou ele.
À medida que a convicção atingiu, ele disse a si mesmo que o tédio
era apenas porque eles estavam em janeiro—o que, no estado de Nova
York, era uma estação miserável em si, frio, escuro e perigoso se você
ficasse preso ao ar livre por muito tempo. No entanto, ele temia, que havia
mais do que a zona morta entre dezembro e fevereiro em jogo.
— Você vai tentar ir para casa?
Ele olhou através do arco da sala de bilhar. Wrath, filho de Wrath, o
grande Rei Cego, chegou no vestíbulo, e o macho era tão grande, duro e
aristocrático, um assassino de couro preto—com um belo e gentil golden
retriever ao seu lado.
Saxton limpou a garganta. — Não tenho certeza, meu senhor.
— Você tem um quarto aqui.
— Você é muito generoso. —Saxton ergueu sua pasta apesar do rei
não poder ver. — Mas eu tenho trabalho para fazer.
— Quando foi a última noite ou dia que você tirou um tempo livre?
— Não tenho necessidade.
— Besteira. E eu sei a resposta e não gosto disso.

37
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Na verdade, foi para sempre. O público noturno do rei com os


membros da raça exigiu muito acompanhamento e papelada—e além de
todo esse trabalho válido, também pode haver um pouco de auto-
medicação, uma busca de distração.
Como se fosse um sinal, duas vozes ecoaram no grande espaço aberto
e Saxton respirou fundo. Blay e Qhuinn estavam descendo a grande
escadaria, cada um com um bebê, os dois juntos rindo. Quando eles
chegaram no último degrau, Qhuinn colocou a mão na parte inferior das
costas de Blay e ele olhou para o Irmão, os olhos como se ele pudesse
olhar para aquele rosto bonito para sempre.
O eixo de dor que passou pelo esterno de Saxton era tão familiar
quanto o sentimento se afundando em seu estômago, o único golpe de
Blay, não-e-você-que-eu-quero-e-ele fazendo a idéia de lutar contra o
Nor'easter muito interessante. Afinal, a outra opção era aproveitar o seu
quarto não utilizado e tentar dormir sob o mesmo teto que o par feliz e
seus dois lindos jovens.
Às vezes, nada fez você se sentir mais velho e mais exausto do que a
felicidade dos outros. E sim, isso não era caridoso, mas era por isso que
era bom que os pensamentos internos fossem coisas que se compartilhava
somente com si mesmo.
— Meu Senhor, desfrute da última refeição. —Saxton fixou um
sorriso no rosto, embora, novamente, o Rei Cego não o soubesse. — Eu
acho que eu posso ...
— Junte-se a nós para a última refeição? Fodidamente incrível.
Vamos lá, iremos juntos.
Saxton limpou a garganta e começou a construir um falso
compromisso, um imperativo que não podia ser negado, um princípio
primordial ...

Ciclone em uma escala macro. Eles geralmente são acompanhados por fortes chuvas ou neve.

38
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Estou esperando, —murmurou Wrath. — E você sabe o quanto


eu amo essa merda.
Com uma flexão, Saxton reconheceu que este era um argumento
perdido antes de começar. E ele também estava mais do que ciente de que
a paciência do rei era tão curta quanto seu temperamento.
Depois desse pequeno aviso de advertência atravessando o arco, o
próximo movimento de Wrath poderia muito bem ser brutalmente
executado na neve.
— Mas, claro, meu Senhor. —Saxton curvou-se e começou a
remover seu casaco favorito da Marc Jacobs . — Será um prazer.
Ao lado de seu Rei, ele atravessou o vestíbulo e entrou na vasta sala
de jantar, colocando sua pasta, cachecol e toda essa caxemira fina em
uma cadeira ao lado de um dos aparadores. Com um pouco de sorte, um
dos doggen não "ajudaiar" guardando suas coisas em uma mansão desse
tamanho? Eles poderiam acabar há quilômetro de distância em algum
armário. E com ou sem tempestade, assim que esta refeição acabasse, ele
estava saindo.
Usando sua visão periférica, ele localizou a encantadora família de
quatro e estrategicamente escolheu uma cadeira Queen Anne vazia no
mesmo lado da enorme mesa, mas, na outra extremidade. O resultado era
umas boas quinze pessoas entre eles—ou haveria, quando todos foram
estabelecidos em seus assentos. Nesse meio tempo, ele fez um show de
micromanaging nos talheres já perfeitamente arrumados, em seguida,

Marc Jacobs – Marca do estilista renomado.

Cadeiras Queen Anne, o mobiliário foi chamado por esse nome em honra da Rainha Anne Stuart da Inglaterra.
Micromanaging – Em gestão de negócios, microgerência é o estilo de gestão em que o gerente observa ou controla de perto o
trabalho de seus subordinados ou funcionários.

39
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

tomou uma quantidade ímpia de tempo explicando a um doggen paciente


exatamente quanto cranberry e quanta água gaseificada eu queria beber.
Sem álcool. O álcool o fazia, por falta de uma palavra melhor,
excitado—e isso só o deixaria sexualmente frustrado. Ninguém em casa
esperando por ele. Ninguém que ele realmente queria chamar. Nada a ser
feito sobre isso ...
Eu não quero mais fazer isso.
Quando o pensamento revirou novamente, ele decidiu que talvez o
rei tivesse razão. Talvez ele devesse tirar uma noite de folga, se fosse
assim, então ele conseguiu encontrar uma ou duas liberações com algum
estranho. Nunca seria mais do que isso. Seu coração estava em outro
lugar, para nunca mais voltar, e às vezes, um corpo anônimo usado como
equipamento de ginástica era todo o destino oferecido ...
Diretamente do outro lado da mesa, uma grande figura masculina
puxou uma cadeira e sentou-se. E Saxton encontrou-se sentando um
pouco mais reto.
Era Ruhn. Tio de sangue da filha adotiva de Rhage e Mary, Bitty.
Novo membro da família. Em tudo muito decente, muito ... espetacular
... masculino.
Estranho, como alguém tão grande poderia se mover de maneira tão
controlada e compacta. Era como se ele comandasse não apenas seus
braços e pernas, mas todas as células, até a molécula, em uma série de
chamadas separadas, mas coordenadas, para a ação.
Surpreendente.

O cranberry é rico em proantocianidina, substância apontada por estudos como sendo de 15 a 25 vezes mais potente
do que a vitamina E para inibir a aderência e evitar a translocação (saída do intestino para o trato urinário) de bactérias (em especial a do tipo E.coli)
na mucosa da bexiga, combatendo infecções do trato urinário. A fruta ainda é composta pelas vitaminas C e E, mas tais nutrientes se tornam pouco
significativos dentro de uma dieta que respeite a recomendação diária de ingestão do alimento. O cranberry ainda oferece substâncias
antioxidantes, como os flavonoides e ácidos fenólicos ao organismo.

40
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E sim, suas roupas simples lhe convinha. Nenhum traje da tweed


adaptados com camisas artesanais, uma gravata e sapatos de avestruz que
era a vestimenta de trabalho típico de Saxton. Não, Ruhn estava usando
uma camiseta da Hanes sob um suéter de malha azul marinho sob o
Levi's. O macho tinha puxado as mangas de sua malha em ambos os
lados, e os tendões e veias de seus braços eram um testemunho de sua
força quão forte ele era. Suas mãos calosas estavam limpas, com unhas
polidas e cortadas-rápido, e seu peito era tão largo que o pobre suéter
estava ...
— Olá tio!
Quando Bitty veio pulando em volta da mesa para o macho, Saxton
sacudiu-se de sua avaliação. E, no entanto, seus olhos rapidamente
voltaram para onde eles estavam.
— Olá, Bitty. —A voz de Ruhn era muito agradável, baixa e
ressonante, e o sotaque era de um civil de extração do Sul. — Como você
está?
Nada ruidoso. E quando a garota lhe deu um abraço, aquelas grandes
mãos eram gentis e lentas, o abraço cuidadoso, como se tivesse medo de
que ele pudesse esmagá-la.
E da maneira como ele era construído? Ele absolutamente poderia.
— Eu estou bem! Seu cabelo está molhado.
Na verdade, as ondas castanhas profundas foram penteadas de volta
e já estavam ondulando graças ao ar seco e abafado de inverno.
— Você acabou de treinar? —Perguntou a menina.
— Sim.
— Você está ficando tão grande quanto meu pai.
— Oh, não, nem mesmo perto.

Tecido de lã áspero, quente e resistente, originário da Escócia.

41
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton sorriu um pouco. O macho certamente ganhava peso, no


entanto, muitas horas passando a bombear o ferro no centro de
treinamento, adicionando musculos a seus peitorais, ombros ... aqueles
braços. Mas ele claramente era tão modesto como ele era cuidadoso com
a forma como ele movia seu corpo ao redor.
Quando a menina se sentou e continuou a conversar, Ruhn assentiu
com a cabeça e sorriu um pouco mais e respondeu em poucas palavras
uma verdadeira incursão de inquéritos. Infelizmente, a mesa de 12 metros
foi logo preenchida até a capacidade, e Saxton não conseguiu ouvir mais
nada.
Isso não significava que ele parasse de olhar. Enquanto Marissa
estava sentada em um lado dele, e Tohrment no outro, e a comida foi
servida em pratos de prata e em tigelas de porcelana profunda, Saxton
manteve uma conversa agradável, permitindo que seus olhos
digitalizassem de vez em quando o flanco oposto da mesa.
Ruhn comeu com as sobrancelhas estreitas, como se estivesse se
concentrando em cada fatia de sua faca e em cada dente penetrante de seu
garfo. Se isso fosse porque ele estava morrendo de fome e determinado a
não esfolar sua comida ou porque ele tinha medo de deixar cair alguma
coisa, era difícil dizer, mas Saxton poderia extrapolar que era o último.
Desde que Ruhn entrou na casa, ele tinha sido nada menos do que
educado e calmo, e tinha que se sentir por ele. Era como se estivesse
preocupado que ele fosse convidado a deixar a casa a menor infração,
mas isso estava longe da verdade. Ele era da família agora, porque Bitty
era da família agora—e, de fato, a maneira como o macho se comportou
em relação ao bem-estar de sua sobrinha foi realmente extraordinária.
Com a morte da mãe de Bitty e Ruhn como parente mais próximo da
menina, ele tinha todo direito no mundo de entrar e levá-la para longe de
Rhage e Mary.
Que estavam criando a menina e desesperados para adotá-la.

42
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Mas em vez de ser territorial, Ruhn tinha sido altruísta—e


reconheceu o profundo amor que a pequena família havia encontrado em
juntos. O macho tinha insistido que a adoção continuasse e tinha assinado
todos os seus direitos legais sem quaisquer expectativas para si mesmo.
Se isso não era amor, Saxton não sabia o que era.
E em troca por esse ato compassivo, Ruhn tinha sido abraçado por
toda a casa—não que o ajuste de Caldwell e a mansão ainda não era uma
luta para o macho. Mas ele não tinha nada com que se preocupar quando
se trata de seu futuro sob o teto da Irmandade; durante o tempo que ele
quisesse, ele tinha uma casa aqui.
Saxton tinha o conhecido durante o processo de adoção. Mas depois
que ele ajudou com os papéis de adoção formais de Bitty, ele se certificou
de ficar longe.
Embora os recursos físicos do macho fossem inumeráveis, ele não
havia dado nenhuma indicação de que ele estava sexualmente aberto ou
mesmo consciente de machos—ou de qualquer outra pessoa, para esse
assunto. E conhecendo a forma como o universo funcionava? Ruhn era
completamente heterossexual, e Deus sabia que Saxton estava além de
querer coisas que ele não poderia ter ...
Olhos da cor de um bom bourbon olhavam pela mesa sem aviso
prévio, e o choque de encontrar o olhar calmo e bastante inocente de
Ruhn fez com que Saxton se atrapalhasse com o guardanapo de seu colo.
Que acabou por ser uma bênção, pois deu-lhe uma desculpa para curvar-
se e sair de vista.
Não. Ele definitivamente não estava se hospedando para o dia.
Ele não se importou se ele terminasse preso de cabeça em um banco
de neve porque ele adivinhou uma desmaterialização errada, não havia
nenhuma maneira no inferno que ele ia ficar preso sob este teto com amor
não correspondido num lado, e da atração sexual não correspondida no
outro.

43
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Isso simplesmente não ia acontecer.

Ele deveria ter comido em seu quarto.


Quando Ruhn olhou de volta para baixo de seu lugar, ele tentou
engolir a ansiedade que subia cada vez que uma dessas refeições
acontecia. Tantos garfos e colheres nos lados dos pratos que tinham ouro
por cima deles. Muitas pessoas que estavam tão confortáveis nesta grande
sala de jantar como ele não estava. Tantos servos indo e vindo e velas e
...
— Tio?
No chamado suave de Bitty, ele respirou fundo. — Sim?
— Mais rolos?
— Não, obrigado.
Ele colocou a cesta de prata para baixo não porque ele não estava
com fome. Fato, ele estava morrendo de fome mesmo depois de ter
limpado o prato. Mas ele odiava a forma como suas mãos tremiam e ele
estava preocupado que ele iria deixar cair a cesta e quebrar todos os vidros
na frente dele.
Por favor envie-nos a outra direção, graças a Deus. Rhage estava
levando a coisa de volta e colocá-lo para baixo entre o saleiro de prata e
portas pimentas e os candelabros de ouro.
Ruhn não entendia como todos podiam ficar em volta depois de
terem terminado com o prato principal e conversar ocasionalmente, os
copos de vinho mantiveram a confiança enquanto os pratos estavam
limpos ao redor deles, a sobremesa chegando em mais travessas ...

44
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando ele olhou para cima e pegou o advogado do rei olhando para
ele, ele se encolheu e queria morrer, sim, eu sei que tenho maneiras terríveis,
mas estou fazendo o melhor que posso e a sua catalogação, cada ervilha
escorregadias e molho escorrenfo está piorando.
Em vez disso, ele deixou cair os olhos e perguntou exatamente
quanto tempo ele tinha que ficar aqui antes que fosse mesmo
marginalmente permitido para sair correndo.
Saxton, filho de sem dúvida de um aristocrata muito bem-formado
de nobre linhagem, olhava-o muito. Sempre que Ruhn andava ou
sentava-se ao redor do homem gentil, que felizmente não era frequente,
esses olhos o seguiram em desaprovação e julgamento. Por outro lado, o
advogado estava sempre perfeitamente vestido com ternos que se
encaixavam no seu corpo magro como se tivessem sido cortados nele, e o
macho sempre estava perfeitamente arrumado, o cabelo loiro de um lado
com nada fora de lugar, sua barba tão perfeita que, mesmo no final de
uma longa noite, ele parecia que tinha acabado de sair do chuveiro.
Para um homem assim? Claro que alguém que tinha vindo para a
casa com apenas dois pares de calças jeans, uma media e outra melhor,
uma camisa ruim e um único conjunto de botas de trabalho, seria um
insulto. Adicione a isso o fato de que Ruhn era analfabeto e nem sequer
conseguiu assinar seu nome para os papéis de adoção de Bitty? Vamos, o
desagrado era tão justificável como era óbvio.
Talvez houvesse mais do que isso, no entanto. Talvez Saxton
conhecesse a verdade sobre seu passado.
Ruhn estremeceu ao pensar sobre isso. Ele tinha sido sincero sobre
de onde ele tinha vindo e o que ele tinha feito, e ele tinha que imaginar
que nada fosse mantido do advogado do rei. Mas quem sabia. E pelo
menos todos os outros pareciam aceitá-lo—e quando ele realmente se
aproximou de Saxton, ele tentou se lembrar desse fato. Ainda assim, doía
e preocupava ele.

45
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Enquanto isso, tudo o que Ruhn queria era encontrar uma maneira
de contribuir com a família e ganhar seu sustento. O problema? Havia
doggen em todos os lugares, e tanto quanto ele tentara assumir alguns
deveres de reparação básicos em torno da propriedade ou trabalhar na
cozinha, ele continuou sendo excluído por todos eles.
Então, ele levantou pesos e tentou fingir que estava tudo bem
enquanto gritava dentro da cabeça dele e dizia a si mesmo que conectar-
se com a filha de sua irmã morta fazia tudo valer a pena.
Todas as noites e todos os dias ficavam cada vez mais difíceis.
E tanto quanto ele odiava admitir, ele estava chegando à conclusão
de que ele tinha que sair. Ele simplesmente não suportava ser um peixe
fora da água por mais tempo.
As coisas não estavam funcionando.
— Eu te amo, tio, —disse Bitty. Como se ela pudesse ler sua mente.
Fechando os olhos, ele estendeu a mão e pegou sua mão minúscula
e macia. Deixá-la seria como colocar seu coração em uma câmara fria.
Mas ele já havia feito isso uma vez.
Ele poderia fazê-lo novamente.

46
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quatro

A academia do centro de treinamento era grande o suficiente para


que ele pudesse ser cortado pela metade por uma parede e ainda tem
espaço para duas quadras de basquete de tamanho normal. O teto tinha
quinze metros de altura e tinha luzes enjauladas, e as vigas de bancadas
subiam como asas nos dois lados longos. Havia dois placares que
poderiam ser baixados para jogos, bem como vários anéis e braços de
quadro que também eram retráteis. Finalmente, o chão era da cor do mel,
das tábuas de pinheiro fortemente envernizadas e limpas com o tipo de
coisa que fez ranger seus tênis.
Peyton estava esfriando em uma cadeira dobrável de metal na
entrada, ao lado das portas duplas, uma garrafa de Grey Goose de Vishous
em uma mão, um saco aberto de Combos na outra. O primeiro estava
pela metade, o último foi raspado no fundo, os nuggets de queijo e o
pretzel de cheddar foram processados, glória a sua última refeição.
Ele realmente perdeu o seu bong , mas os Irmãos não gostavam de
drogas—e, além disso, a vodka estava fazendo o trabalho bem o

Combos significa ‘Combinações’ de lanches assados, em tubos de cilíndrico de biscoito, com pretzel ou tortilhas com vários recheios.

Bong, bongo ou water pipe, também conhecido como purificador, é um aparelho utilizado para fumar qualquer
tipo de erva, normalmente cannabis, tabaco e derivados. Seu design faz com que a fumaça entre em contato com a água e se concentre
antes de ser inalada, assim como em um Narguilé.

47
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

suficiente, uma desassociação flutuante que faz sua cabeça se sentir como
um balão em uma corda mal amarrada em sua espinha dorsal.
Ele também estava agora com um tesão da porra.
Boone, Craeg, John Matthew e Novo estavam jogando dois contra
dois, os dribles ecoando como uma banda que não conseguia decidir o
ritmo. Paradise—junto com alguns outros—estava nas arquibancadas,
ainda com essas notas, e era por isso que ele estava aqui sozinho, logo ao
lado da saída: não havia como se pudesse afugentar o coração sem ser óbvio
sobre isso—ela queria falar com ele. Ela continuou olhando para ele,
tentando chamar sua atenção.
Não.
Nas palavras do antigo Dana Carvey , não vai acontecer.
Felizmente, ela tinha Zsadist bem ao lado dela—e a natureza
estudiosa de Paradise não podia deixar de fazer perguntas ao Irmão e
apontar as coisas que escreveu em seu trabalho.
Você tinha que respeitar isso sobre ela. E dado que Peyton queria
evitá-la pelo resto de sua vida natural, sua dedicação estava a seu favor ...
Um grito chamou sua atenção.
Novo tinha a bola e foi correndo em direção à cesta, esquivando
Boone e depois driblando entre as pernas de Craeg. Sua enterrada parecia
de Michael Jordan em meados dos anos noventa, todo no ar, nada-mais-que-
limpo, e o balde ganhou o jogo. Quando John Matthew veio para o high
fives , ela sorriu.
Realmente sorriu.

Ator americano mais conhecido por seu papel como Garth no mundo de Wayne.

Cumprimento com as mãos/as palmas no ar, o famoso ‘toca aqui bro’.

48
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Por um breve momento, ela mostrou sua idade, seus olhos brilhando,
seu rosto suavizado, sua aura brilhando.
Chupa essa, babacas. —Ela disse, enquanto apontava o dedo para
Boone e Craeg. — Chupa bem.
John Matthew e ela caiu no Hammertime , toda a coordenação
precisa de corpos atléticos com seu balanço ao ritmo dos coros #chupa
enquanto os perdedores derrotados levantaram os braços e lamentaram
seu triste destino.
Abruptamente, Peyton esqueceu tudo o resto. Engraçado ... como
você pode notar algo novo sobre alguém que eu já conhecia por algum
tempo. E a revelação sobre Novo?
Ela estava desesperadamente infeliz. Caso contrário, esse breve show
de normalidade não iria oferecer um contraste tão maldito.
Infalivelmente, ela olhou para ele e, instantaneamente, deixou cair a
canção da vitória e dançinha, sua máscara de competição fria e dura
atingindo suas feições. Virando as costas para ele, ela foi até onde
Paradise estava sentada e procurou em sua mochila uma garrafa de água.
Mas ela não bebeu. Ela pegou seu telefone e franziu a testa para a
tela.
Quando John Matthew veio e bateu no ombro dela, ela pulou e se
atrapalhou com o celular.
A Irmandade recentemente melhorou a recepção nas instalações
subterrâneas, então os textos e chamadas agora passaram com maior
confiabilidade. E isso foi uma bênção e uma maldição. Às vezes, era bom
estar sem sinal.

Hammertime é um reality show na A & E Network sobre o MC Hammer e sua família, produzido por 3Ball Productions Inc. O título vem
das letras da música de Hammer "U Can not Touch This" (que se tornou uma frase popular de cultura popular usado em muitos programas de
televisão e filmes), bem como seu apelido.

49
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com um aceno de cabeça para John Matthew, ela retirou-se e se


dirigiu para a sala de equipamentos/TF , desaparecendo atrás das portas
fechadas.
Quando o próximo jogo foi organizado e iniciado, Peyton assistiu
Xhex e Payne ir contra Butch e V. Mas não por muito tempo. Após cerca
de cinco minutos de jogo, ele ficou de pé e começou a andar pelo lado
oposto do ginásio ... seguindo Novo.

Saxton mal conseguiu passar a sobremesa, e logo que os parfaits e as

frutas começaram a ser removidos, ele dobrou o guardanapo e o colocou


ao lado de sua sobremesa intacta. Depois de dizer bom dia para aqueles
de cada lado dele, ele empurrou a cadeira para trás e recuou da mesa junto
com alguns retardatários que também se despediam mais cedo: a
Irmandade geralmente se demorava após a refeição final da noite, relaxando
e falando sobre o café, o vinho ou os aperitivos.
O que sentiria como duas vidas e queimaduras de segundo grau por
todo o corpo neste momento ...
— Você realmente está indo para casa nesta tempestade?
Saxton olhou por cima do ombro e tentou esconder sua verdadeira
reação. Blay tinha vindo atrás dele, com um guardanapo ainda na mão,
como se o macho tivesse se apressado para deixar seu assento.
Bem ... maldição. Era tão difícil não notar o quão lindo ele era, quão
gentil, quão inteligente e amoroso, quão atencioso.

Treinamento físoterapico ‘sala de fisioterapia’.

Parfait é uma sobremesa de origem francêsa, gelada deliciosa e literalmente perfeita que data de 1750.

50
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu vou ficar bem, —disse Sax aproximadamente.


Era difícil colocar alguma fé nisso, porém, especialmente ficando tão
perto da fonte de sua dor. O que ele queria dizer? Eu sinto sua falta. Eu
quero te abraçar. Eu quero me sentir completo novamente, ter um senso de
propósito e ...
— O tempo está realmente ruim lá fora.
Saxton respirou fundo. — Posso voltar rapidamente para o centro.
Blay franziu a testa. — Centro da cidade? Por que você quer ...
desculpe, isso não é da minha conta?
— Eu me mudei cerca de três meses atrás.
— Espere, pensei que você estivesse no seu Frank Lloyd Wright ?
— Não. Eu vendi e comprei a cobertura no Commodore do Rehv.
As sobrancelhas vermelhas levantaram-se. — E o que aconteceu com
sua casa vitoriana?
— Eu o vendi também.
— Você amava aquela casa.
— E eu amo o meu novo lugar.
— Wow. —Blay sorriu depois de um momento. — Bem, você está
subindo no mundo.
— Para alguns andares acima, sem dúvida. —Houve uma pausa. E
então Saxton se sentiu compelido a dizer: — Seus filhos estão indo bem.
Blay olhou para Qhuinn e as duas cadeirinhas de bebês que haviam
sido trazidos da cozinha. — Eles são muito divertidos. É também muito
trabalhoso, mas entre nós quatro o cobrimos. —O homem cruzou os
braços sobre o peito, mas foi de forma relaxada. — Deus, eu sinto como
se eu não falesse com você a um longo tempo.

arquiteto americano, foi um dos principais mestres da arquitetura do século XX.

51
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Nós dois estamos ocupados. —E você está apaixonado por outra


pessoa. —Estou feliz por você. Tudo parece estar funcionando para o
melhor.
Se você fosse Qhuinn, estava.
— Para você também. Você e o rei está fazendo um trabalho incrível
juntos. O que me leva ao meu ponto. Você se importa se eu falar com
você sobre algo? Envolve os vizinhos dos meus pais? Eu realmente
gostaria da sua opinião sobre o que está acontecendo.
Oh, então não era sobre eu ir para casa na nevasca. Era sobre
trabalho.
— Sim, claro, —disse Saxton no que ele esperava fosse um nível de
tom calmo.
Quando Blay começou a apresentar os fatos, Saxton sentiu-se
afastado da realidade, a parte interna dele recuando até que ele estivesse
mergulhado profundamente dentro de sua mente e seu corpo, quilômetros
e quilômetros de distância desta agradável e amplamente descomplicada
discussão sobre imóveis.
A crueldade veio em tantas formas diferentes, não é assim. E Blay
não estava sendo intencionalmente malvado. Em toda a sua falta de
simplicidade e conversa casual e calorosa, ele certamente ficaria chocado
ao descobrir que estava arruinando um buraco na alma do homem triste
e vazio com quem falava.
— Perdoe-me, —interrompeu Saxton. — Eu não quero cortá-lo, mas
talvez você possa resumir isso em um e-mail e eu poderia responder um
pouco mais tarde? Se eu vou sair, eu provavelmente devo fazê-lo agora.
— Oh, Deus, sim, é claro. Eu sinto muito. Sua segurança vem em
primeiro lugar, eu nem deveria ter mencionado isso aqui. —Blay colocou
uma mão no ombro de Saxton. — Tenha cuidado na nevasca.
— Obrigado. —Embora seja muito mais intolerável sob este teto,
Saxton acrescentou para si mesmo.

52
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com um arco reflexivo, ele se despediu de seu antigo amante—e


quando ele se afastou, ficou aliviado ao descobrir que o casaco e a pasta
ainda estavam onde ele os deixara perto do aparador. Vestiu o casaco, e
cruzou o foyer e saiu para o vestíbulo.
Naquele momento, ele parou e deixou cair a cabeça.
Seu coração estava batendo forte e ele se sentiu suado, mesmo no
frio.
Isso realmente não funcionaria. Tudo isso em Caldwell. Ele amava
o que ele fazia pelo rei, mas a rotina de estar perto do que ele havia
perdido e nunca mais o teria acabava com ele.
Blay, e tudo o que tinham compartilhado por aquele breve tempo,
era por isso que ele teve que se mudar para viver em um arranha-céu. A
casa de Frank Lloyd Wright não tinha as melhorias tecnológicas
necessárias, e os dois passaram muito tempo juntos naquela amada casa
vitoriana dele—tinha sido seu ninho de amor quando eles saíram da
mansão da Irmandade em busca de privacidade: eles fizeram amor no
quarto principal. Dormindo lado a lado em frente do fogo. Falando sobre
coisas particulares e comendo. Lendo livros e jornais. Cantando no chuveiro
e rindo na banheira de pé de garra .
Ele tinha sonhado com eles morando lá para sempre, criando uma
família com alguma descrição, aproveitando os altos e duradouros
declínios da vida.
Então, é claro que ele tinha que se mudar para outro lugar. Ele não
queria vislumbrar o macho a noite inteira e se preocupar com o guerreiro
quando ele estava no campo com os Irmãos e lembrar de como fazer sexo
com ele ... e depois ter que ir para casa e ser preso dentro de casa onde o

Banheira pé de garra.

53
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

último naquela lista de lembranças lúgubres tinha acontecido em cada


superfície plana e na maioria dos irregulares.
Era o inferno ...
Algum tipo de ruído rítmico chamou sua atenção e ele franziu a testa.
Inclinando-se uma orelha para a porta exterior do vestíbulo, ele não
conseguiu identificar o som, mas ele tinha certeza de que o que quer que
fosse, estava diretamente lá fora.
Se isso fosse lessers, eles estariam batendo os painéis para baixo, e
certamente não era ruim ou urgente.
Colocando a pasta no chão, ele enrolou o cachecol em volta do
pescoço, enfiou as pontas em seu peito e os ancorou abotoando a frente
do casaco.
E então ele abriu a porta ...
O vento o atingiu no rosto e trouxe consigo uma lama de flocos, sua
visão diminuindo no meio do ataque pungente. Mas a barragem não
durou. Na próxima respiração, a rajada mudou para outra direção, e,
como uma estrela do rock atraindo uma multidão, as correntes seguiram
o líder, deixando um vácuo que lhe deu muita visão.
Schhhht. Puxe. Schhht. Puxe. Schht. Puxe ...
Ruhn estava jogando enormes quantidades de neve por cima do
ombro, os movimentos poderosos e sem sinais de cansaço, o caminho que
ele estava criando na entrada da frente numa profundidade de noventa
centímetros a um metro e vinte na neve—e tinha que se perguntar por que
ele estava incomodado. Ninguém tentaria entrar aqui antes do
amanhecer, e certamente não depois, mesmo com a pesada cobertura de
nuvens ...
Que corpo poderoso ele tinha.
Quando Saxton traçou os movimentos, atirando-se para frente, e
puxando para trás, uma e outra vez, algo se agitou dentro dele ... e foi

54
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

uma surpresa. Desde que Blay passou por sua vida, deixando para trás
uma paisagem frígida e arruinada, Saxton não tinha notado ninguém
mais. Claro que tinha havido sexo, mas ele rapidamente descobriu que
não havia solução para sua dor, e ninguém tinha ressoado com qualquer
profundidade. No entanto, aqui estava ele em uma tempestade de neve,
medindo a largura de um conjunto de ombros largos, e o balanço e torção
de um tronco, e um par de pernas plantadas com tanta força.
Como se Ruhn percebesse a presença atrás dele, o macho se afastou.
— Oh, desculpe-me. Estou no seu caminho.
— De maneira nenhuma.
Uma rajada soprou entre eles, inaugurando um redemoinho de flocos
através da distância que separava seus corpos. Então Ruhn recuou
bruscamente para a neve fresca e descansou o cabo da pá aos seus pés.
Deixando cair a cabeça, ele cruzou as mãos no punho e assumiu o papel
de servo, preparado para aguardar até o sol mortal em ascensão, se fosse
necessário que seu superior social se movesse.
— Por que você está aqui fora? —Perguntou Saxton.
Os olhos de Ruhn se arregalaram de surpresa. — Eu ... é preciso ter
um caminho limpo.
— Fritz tem um snowblower .
— Ele está ocupado lá dentro. —Aqueles olhos foram reorientados
para o chão. — E eu gostaria de ajudar.
— Será que ele sabe que você está fazendo isso?

Um snowblower também chamado de snowthrowe é um veículo removedor de neve. Possui


emprego nos mais variados campos como ferroviário, rodoviário, doméstico e esportivo.

55
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Exceto que foi uma pergunta tola. Independentemente da situação


de Ruhn antes de se mudar, o homem agora era um convidado na casa
da Primeira Família, e, como tal, a idéia de que ele estava trabalhando
manualmente aqui em uma tempestade? O mordomo teria um ataque do
coração.
— Eu não vou contar a ninguém. —Saxton balançou a cabeça,
embora o macho não estava olhando para ele. — Eu prometo.
Aqueles olhos cor de caramelo levantou novamente. — Eu não ... Eu
não desejo causar qualquer problema. Mas a verdade é ...
Outra rajada de vento atingiu eles, e Saxton teve que mudar seu peso
para evitar ser empurrado. Quando as coisas re-acalmou, ele esperou que
Ruhn terminasse.
— Você pode falar comigo, —ele disse enquanto o homem
permaneceu em silêncio. — Eu sou um advogado. Estou acostumado a
guardar as coisas para mim.
Eventualmente, Ruhn balançou a cabeça. — Simplesmente não me
sinto bem comigo.
— O que não?
— Estar aqui e não ... fazer qualquer coisa. —Os olhos do macho
rastrearam o excelente perfil cinza da mansão. — Não está certo.
— Você é um convidado de honra.
— Não, eu não sou. Ou eu não deveria ser. E eu não queria ...
Quando o homem calou de novo, Saxton falou: — O que você não
queria?
— Eu não quero ficar sem um propósito. —O homem franziu a testa.
— Você está realmente saindo neste clima?
— Eu pareço tão frágil?

56
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ruhn fez uma reverência. — Me perdoe. Eu não quis dizer nenhuma


ofensa ...
— Não, não. —Saxton deu um passo à frente com a mão, pensando
que ele poderia tranquilizar o macho. Mas ele se deteve. — Estou apenas
brincando. E ficarei bem. Obrigado por sua preocupação, no entanto.
Houve uma pausa estranha. E de fato, era impossível não notar que
os flocos tinham pousado naquele cabelo escuro e espalharam sobre
aqueles ombros ... e havia um aroma no ar, um perfume inebriante e sexy
de um homem de boa saúde exercendo-se ... e Deus, no meio da
tempestade de neve, esse perfil acidentado era o tipo de coisa que fazia
um desejo de afrouxar o cachecol.
— É melhor eu ir, —disse Saxton bruscamente. — Mas fique aqui
fora, enquanto quiser. Todos devemos deixar isso de alguma forma.
Com essa nota, ele se desmaterializou para a noite minguante.
No meio de sua dispersão de moléculas, ele teve um pensamento
fugaz de que, quando ele voltasse na noite seguinte, todo o topo da
montanha poderia estar livre de neve.
Ruhn certamente parecia ter a força para isso.

57
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Cinco

Na sala de fisioterapia do centro de treinamento, Novo estava em um


debate consigo mesma enquanto segurava seu celular na orelha e pegava
uma explosão de tolices. — Bom falar com você! Oh, meu Deus, se passou
tanto tempo. Quero dizer, depois que você se mudou e ...
À medida que a voz aguda de sua irmã tocava seu ouvido sobre a
conexão, Novo fechou os olhos e pulou em uma das mesas de massagem.
O pro por devolver a ligação era como puxar-um-Band-Aid de um
problema que não iria desaparecer: nenhum buraco no estômago durante
a noite enquanto adiava o inevitável.
Quando Sophy queria algo, ela poderia ser tenaz como uma camada
de tinta fresca.
O contra? Bem, isso era óbvio. A fêmea nunca ligou, a menos que ela
tivesse uma agenda que a beneficiava, e o pré-aquecimento enjoativo
para a pergunta era uma novela barata cobrindo um monte de
narcisismo. Ah, e se você apontou que a fêmea também poderia ignorar
essa merda e chegar ao ponto? Então você gastou um momento chato de
choro de uma hora que foi tão emocionante e autêntica como uma conta
on-line de um fantoche de meia.
Então, sim, tão doloroso como era, era muito mais eficiente deixar
Sophy percorrer o preâmbulo. E Novo pensou nesses anúncios de

58
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

antiácidos em que a pessoa come algo que luta e lhe dá um tapa? Exceto
neste caso, foi seu novo Samsung indo direto ao lado de sua cabeça.
— ... Mamãe e papai estão tão entusiasmados com Oskar e eu. De
qualquer forma, eu quero que você seja minha dama de honra.
Espere ... o queeeeeeee?
Um rubor frio atravessou o corpo de Novo—o que aconteceu quando
sua irmã mais bonita que você ligou para lhe dizer que estava sendo
acasalando com seu ex—e ela se distraiu ficando irritada com a insistência
de Sophy em se referir aos pais por esses títulos humanos. Como,
realmente. Você tem que fingir que é humano apenas porque você acha
que é legal?
E dama de honra? Que porra é essa? Eles estavam fazendo uma
cerimônia humana e não uma vampira adequada?
— Novo? Olá? Você me ouviu?
Ela limpou a garganta. — Sim eu ouvi ...
— Eu sei que isso deve ser um choque para você. —Aquela voz baixou
de Minnie Mouse até Michelle Tanner . — Novo, percebo que isso deve ser
desconfortável. Mas você é minha irmã. Não seria a minha grande noite sem
você.
Tradução: Não seria tão divertido se eu receber o troféu sem você na
cerimônia de premiação.
— Novo?
Por um momento, ela fechou os olhos e imaginou falando do
coração: Eu já sei que você ganhou. Você tem ele e você pode tê-lo. Que tal
eu apenas estipular isso aqui e seguirmos em frente?

Personagem de ficção da comédia Full House, onde a menina é interpretada por Mary Kate e Ashley Olsen.

59
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ah, e isso não foi um choque. Não era nem desconfortável. Na


verdade, esse anúncio "feliz" foi o ponto culminante do que Sophy havia
iniciado há dois anos e meio. A única surpresa moderada foi que demorou
muito para ela chegar ao acasalamento.
— Por favor, Novo. Você tem que estar lá.
Não, ela realmente não sabia. A coisa saudável a fazer era rejeitar
educadamente o maldito convite, deseja tudo de bom para a fêmea, e
fingir que ela não estava indo realmente para ser legalmente relacionadas
com o macho que a tinha deixado pela sua irmã.
Infelizmente, sentiu-se como uma fuga. Um retiro covarde. A maior
parte da maquiagem de Novo, a parte que nunca disse morrer, que se
recusou a ser derrotado, levaria uma amputação física em vez de perder
honra ou orgulho, obrigando-a a ir.
Apenas para provar a si mesma, ela era forte. Inquebrável. Inteira.
Apesar da tragédia que aconteceu depois que Oskar se retirou do
relacionamento.
— Novo?
— Sim. Certo. Eu vou fazer isso.

Sinta as lágrimas felizes. A gratidão. A Revista Cosmo , Insta-


gratuita, emotions do Fakebook: todo o show.
À medida que sua irmã começou a chocar com os deveres da dama
de honra e os detalhes da despedida de solteira—mais uma vez, essa
merda humana? Ela estava se acasalando, não casando. Novo sacudiu a
cabeça.
— Eu tenho que ir.

A Cosmopolitan é uma revista feminina publicada desde 1886 nos Estados Unidos da América. Na Rússia é editada pela empresa da
editoração Independent Media Sanoma Magazines e desde 1980 ao Japão.

60
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Espera o que? Você não pode. Você tem um trabalho a fazer e


precisamos discutir isso. Você precisa organizar minha festa e minha
despedida de solteira, e precisamos escolher vestidos ...
— Despedida de solteira? Festa? Sophy, que porra é essa?
Houve uma pausa. — Por favor, cuide de sua linguagem.
Como se você fosse a porra da Rainha da Inglaterra, pensou Novo.
— E eu nunca imaginei você como prejudicial. —Sophy continuou,
irritada. — Os seres humanos têm tradições que podem ser adaptadas em
torno de nossas cerimônias. Por que não? Eles tornarão a minha noite mais
especial.
Exaaaatamente. Porque, na realidade este não e sobre o macho que você está
acasalamento. É o que você pode postar on-line para as pessoas verem.
— Eu vou fazer o que posso. Mas eu estou trabalhando.
— E você tem uma responsabilidade para mim como sua irmã.
— Estou lutando na guerra, Soph. Você sabe mesmo o que é isso?
É a coisa irritante que tem matado pessoas como você e eu nos últimos
séculos. E você quer que eu pense em uma festa? Vamos lá.
Houve outra pausa. E quanto mais continuasse, mais Novo queria
chutar seu próprio traseiro.
Se você fosse inteligente, você não forneceu um palco para os atores.
Mas ela tinha rolado o tapete vermelho com isso.
— Eu tenho que ir, —Sophy disse através do que soava como soluços.
— Eu só ... este é o meu tempo de alegria, Novo. Eu não posso levar sua
negatividade. Vou tentar novamente com você quando estiver pronto.
Quando Sophy cortou a conexão, Novo soltou o celular da sua
orelha. — Por que ... por que eu não poderia ter sido filha única.

61
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Lidar com sua irmã era como um passeio na montanha-russa ruim:


Você sabia exatamente onde as voltas e loops estavam, as quedas livres e as
alturas muito altas para o conforto, porque você poderia vê-las à frente. E,
entretanto seu cachorro-quente e seu sorvete de cerejeira estavam subindo
na garganta.
Se ela apenas tivesse mantido em silêncio por mais um minuto e
meio, ela poderia ter evitado o que ia acontecer a seguir. Tão perto. Ela
estava tão perto. O problema era que sua irmã não sabia nada de dor real,
verdadeiro sacrifício, a perda real. E isso, juntamente com o narcisismo e
o histriônico ? Foi o suficiente para fazer uma pessoa sã querer colocar a
janela de vidro a sua própria face.
Olhando ao redor da sala ordenada, Novo descobriu que o passado
substituía as banheiras de imersão, os bancos acolchoados e as prateleiras
cheias de envoltórios, aparelhos e garrafas de gel.
Oskar também era loiro. Assim como Peyton. Não tão rico como ele,
no entanto.
E quando Novo conheceu o macho, ela não tinha idéia de quão ruins
as coisas iriam ficar. Se ela tivesse tido uma idéia? Ela teria pisado muitos
bairros para fugir ...
A porta da sala de TF se abriu, e Peyton apareceu entre as ombreiras
com uma garrafa de vodka na mão, uma excitação em suas calças, e o
olhar selvagem nos olhos de alguém sobre a borda. Nesta encarnação
atual, o macho foi tirado fora do catálogo de má ideia.
E você sabe o que ... um macho loiro com um corpo disponível era
exatamente o que ela queria em seu carrinho de compras virtual.

Transtorno de personalidade histriônica (TPH) é definido pela Associação Americana de Psiquiatria como um transtorno de
personalidade caracterizado por um padrão de emocionalidade excessiva e necessidade de chamar atenção para si mesmo, incluindo a
procura de aprovação e comportamento inapropriadamente sedutor, normalmente a partir do início da idade adulta. Tais indivíduos são
vívidos, dramáticos, animados, flertadores e alternam seus estados entre entusiásticos e pessimistas. Podem ser também
inapropriadamente provocativos sexualmente, expressarem emoções de uma forma impressionável e facilmente influenciados por
outros. Entre as principais características relacionadas estão egocentrismo, desorganização egóica, auto-indulgência, anseio contínuo por
admiração, e comportamento persistente e manipulativo para suprir suas próprias necessidades.

62
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Enquanto Peyton estava parado na entrada da sala de TF, ele não notou
nada sobre o espaço clínico em mosaico ... e tudo sobre a fêmea sentada
em uma das mesas acolchoadas.
O poderoso corpo de Novo estava tenso como um fio, com certeza,
como se estivesse prestes a pular ou talvez atacar algo, suas mãos
segurando a borda da superfície acolchoada, as pernas penduradas, os
músculos de seus braços esculpidos em torno dos ossos que apoiava
graças a toda essa pressão que ela estava canalizando em suas mãos.
— Tudo bem? —Ele perguntou com uma voz gutural.
— Dê-me.
Quando ela estendeu a mão, ele se entreteve com a fantasia que ela
estava atravessando a sala por seu pau duro. Mas não, ela estava atrás do
Goose . E quem era ele para negar isso?
Especialmente com aquele olhar encapuzado, que ela estava lhe
dando.
— Diga, por favor, —ele disse.
— Não.
Um pingo de luxúria fundiu-se no seu sexo e ele sorriu. — Cuidado,
você vai me fazer implorar.
— Estou esperando.

Vodka

63
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando ele atravessou a sala, ele não fez absolutamente nada para
esconder o que estava acontecendo com sua ereção, e foda, sim, ela
notou, seus olhos caindo em seus quadris e ficando lá.
— Longe de mim negar uma mulher, —ele murmurou enquanto ele
segurava a garrafa para ela.
Ela bebeu diretamente do gargalo como um chefe, engolindo a vodka
como se fosse Sprite. E quando ela abaixou a garrafa, ela acenou com a
cabeça em seu pau duro.
— Para quem é isso?
— Você. Se você quiser.
Ela tomou outro gole, e ele esperou por ela para lhe dizer, sem uma
pequena quantidade de superioridade, que ela não fez. Quando tudo o
que conseguiu foi o silêncio, o seu sangue correu ainda mais rápido.
— Isso é um 'sim'? —Disse ele enquanto ele se concentrava em seus
lábios.
— Não é um 'não'.
— Eu vou pegar o que eu posso conseguir.
— Oh, está certo. —Novo sorriu com as presas. — Você não pode
ter o que realmente quer e está preso aqui comigo.
— Buscando elogios? Isso não é como você.
— Só afirmando a realidade. —Ela tomou outro gole da vodka. —
Você é minha única opção, também. Então, nós estamos juntos nisso.
— Você me faz corar com os elogios, —ele murmurou. — Não se
detenha. Serio.
— Você não gosta de ser usado? Hmm, talvez esta seja uma lição de
vida para todas aquelas mulheres e fêmeas que você fode nos clubes.

64
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você não está usando alguém se houver prazer envolvido. Mútuo,


isto é.
Novo riu em uma explosão dura. — Esta é a parte em que você me
diz que nunca teve nenhuma queixa sobre o seu desempenho? Porque
essa estatística seria um pouco impressionante se elas tivessem alguma
forma de chegar a você depois.
— Agora, Novo, se você não vai jogar legal, vou levar minha vodka
e meu pau em outro lugar.
— Você está certo. Se continuamos conversando, isso não vai
acontecer.
Com isso, ela estendeu a mão livre, agarrou a frente de sua camisa e
puxou-o para sua boca, segurando-o no lugar enquanto seus lábios se
encontraram.
Eles caíram, era mais parecido com isso.
Não havia nada de romântico ou hesitante ou de conhecê-lo através
do contato. O poder sexual poderoso estourou entre eles, o duelo de suas
línguas, a sensação esmagadora, o instinto que encerrou o pensamento.
Seu sabor era selvagem e Grey Goose, seu cheiro era inebriante como
erva daninha, e merda, ele chegou a tocá-la, algo que ele queria fazer há
muito tempo. Trazendo suas mãos para seu cabelo liso, o pescoço, os
ombros, seu coração batia forte e ele estava pronto para entrar nela
naquele exato momento ...
Teria ele fechado a porta com força?
Quebrando o contato ele ofegou quando ele olhou por cima do
ombro e fez o painel fechar apertado e trancar—e quando ele se virou, ela
colocou o Goose no chão e estava puxando seus shorts de treino de nylon
fora ...
Sem calcinha.
Fooooooda, isso estava se movendo rapidamente.

65
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com essa nota, suas mãos foram para a braguilha de suas calças, suas
finas e soltas calças caíram nos tornozelos. Ele também estava no
comando. Porque aquilo era exatamente a situação em que ele esperava
estar. E o que você sabe, foi um tempo de copos-cheios: a próxima coisa
que ele soube, e que suas coxas estavam abertas, e ela agarrou seus quadris,
suas unhas cavando. Com um puxão, ela o puxou para a frente, e ele se
dirigiu entre eles, pegando o seu pau e pescando...
— Oh ... foda, —ele gemeu quando eles se juntaram.
Ela estava tão apertada e quente, e sentiu a sensação em todo o corpo,
arqueando acima dela enquanto se deitava na mesa de massagem. Com
os pés no chão, ele não podia beijá-la, mas ele poderia começar a
bombear, isso era uma maldita certeza. Colocando as mãos sobre os
quadris, ele rolou nela novamente e novamente, o impulso dobrando e
redobrando com força cada vez maior ...
Era difícil dizer quando ele percebeu que ela estava deitada ali.
Por um lado, seu corpo estava pronto para o sexo, seu sangue
trovejando, a visão de seu eixo liso a penetrar uma e outra vez lutando
com o que restava de sua mente. E, como corolário de tudo isso, ele
também estava obrigado a se concentrar em não gozar—o que era como
tentar extinguir uma fogueira com nada além de seus próprios
pensamentos. No entanto, mesmo em seu frenesi e, e apesar do álcool em
seu sistema, ela notou que suas pálpebras estavam fechadas na máscara
congelada de seu rosto, e sua respiração não era nada especial, enquanto
movia a cabeça para cima e para baixo enquanto a fodia.
Peyton desacelerou. Então ele parou.
Quando ele apenas ficou lá, seus pulmões gritando por ar, o suor
umedecendo sua camisa de seda, ela abriu os olhos. — O que há de

Corolário - substantivo masculino


1. hist teat coroa de folhas de ouro ou de outro metal que, na Roma antiga, era oferecida aos grandes atores, como reconhecimento e
celebração de seu talento artístico.
2. p. metf. lóg proposição que deriva, em um encadeamento dedutivo, de uma asserção precedente, produzindo um acréscimo de
conhecimento por meio da explicitação de aspectos que, no enunciado anterior, se mantinham latentes ou obscuros.

66
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

errado? —Quando ele não disse nada, suas sobrancelhas se ergueram. —


Você já terminou?
Peyton piscou.
E se retirou.
Com uma maldição, ele se abaixou e puxou as calças para cima.
— Sim, —ele murmurou enquanto ele fechava a braguilha da calça.
— Terminei.
— Eu não pensei que você fosse um desertor.
Ele desviou o olhar. Ele olhou para ela. — Você se importa com
quem você está?
Novo se sentou rápido. — Você está tentando envergonhar-me?
Sério? — Porque se isso não é um duplo padrão, eu não sei o que é.
Ele pegou a garrafa do chão e conseguiu pegar um gole quando ele
se endireitou. — Não, só quero que a mulher que estou fodendo faça mais
do que deitar e fazer uma lista de compras na cabeça dela.
— Ohhhh, ceeeeerto, eu não fiz o suficiente para você. —Ela colocou
uma mão sobre seu coração e fingiu como se estivesse morrendo de
arrependimento. — Eu não fui o suficiente para Peyton, filho de
Peythone. —Abruptamente, ela deixou cair o ato e se concentrou nisso.
— Eu pensei que você iria pegar o que você poderia conseguir.
— Acho que não quero mais isso.
— Mentiroso. —Novo pulou da mesa e ele se virou enquanto ela
puxava seu short. — Você é um maldito mentiroso.
— Não. Não neste caso.
— Você não vai chorar sobre mim, você vai? —Ela provocou. —
Olhe para você, toda a cabeça abaixada por aí.
— Eu estava tentando lhe dar privacidade.

67
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Depois de você estar dentro de mim?


Peyton se dirigiu para a porta, levando seu Grey Goose com ele.
— Covarde, —Novo murmurou.
Ele não respondeu quando chegou à saída. E quando ele saiu, ele
odiava admitir a verdade sobre como ele sentia.
Fraco. Tão fraco.
Mas por algum motivo, seus sentimentos foram feridos. O que era
louco. O plano tinha sido para os dois se usarem. Comercio justo. Sem
emoção, apenas fodendo.
Era sua moeda padrão. Então, qual foi o seu maldito problema?

Deixada para seus próprios pensamentos na sala de TF, Novo sentiu


vontade de pegar as mesas de massagem acolchoadas e bancos de
trabalho e jogá-las ao redor da sala até que não existisse nenhum
equipamento ou material médico que não havia sido destruída no nível
molecular. No entanto, houve problemas com essa estratégia. Por um
lado, qualquer coisa com quatro pernas foi aparafusada no chão. Por
outro lado, como eu estava fodida na cabeça, ela não queria destruir
deliberadamente a propriedade de outra pessoa.
— Merda, —ela disse enquanto encarava a porta fechada.
Entre suas pernas, um zumbido quente persistiu, e maldita seja, seu
corpo ainda queria estar onde tinha estado—sob Peyton, seu sexo
enterrado em sua própria carne, aquela poderosa penetração dele
eclipsando os gritos no crânio. Exceto que ele tinha sido uma revelação.
De uma maneira ruim.

68
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O objetivo era limpar Oskar de sua cabeça. Substituí-lo por um


modelo diferente. Faça isso com um homem que não a ama—e nem sabia
que o sexo estava acontecendo—com ciúmes porque estava com outra
pessoa.
Deus, isso parecia louco. E, em qualquer caso, não funcionou,
porque ela se achou desejando o que ela estava obtendo também: sob
aquela compostura com a qual ela havia se trancado, ela estava à beira de
um orgasmo.
Seus corpos foram feitos para se ajustarem assim.
— Seja como for.
Rondando, ela deu a si mesmo tempo para perder o aroma de sua
excitação, e, finalmente, ressurgiu no ginásio propriamente dito com o
que ela esperava que fosse uma quantidade adequada de nada especial
aconteceu aqui. Acabou que ela não precisava se preocupar com uma
galeria de amendoim. O lugar estava vazio.
Enquanto observava as arquibancadas vazias, as redes fixas, a
arquibancada vazia, seu celular começou a vibrar em seu bolso traseiro e
quando ela titou a coisa para fora, ela já sabia quem era. Sim. A mãe dela.
Pronto para se queixar de que ela tinha sido má com Sophy, arruinando
o que era suposto ser um momento alegre para todos.
À distância, um grito assustador vibrou no silêncio como uma
premonição da morte.
Era esse paciente, Assail. Aquele que estava trancado naquela sala.
Ela não conhecia os detalhes, mas podia adivinhar pelo som que ele
sempre fazia, que ele tinha enlouquecido.
Talvez ela fosse a próxima naquela lista.
Eu deixo esse contraste de possibilidade muito real com tudo o que
sua irmã estava querendo, ela pensou em ir para a sala de musculação

69
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

para um segundo treino—quando a data do calendário estalou em sua


mente para nenhuma boa razão.
Ao fechar os olhos, ela sentiu-se cair.
Ela havia ficado grávida há três anos nesta mesma noite.
Quando Oskar, o macho que sua irmã iria acasalar, a serviu na
necessidade dela.
Depois disso, ele a deixou imediatamente por outra coisa, por assim
dizer. Naturalmente, ela nunca havia dito que estava grávida, e então ele
não tinha idéia do que aconteceu onze meses depois.
Quando seu estômago se fechou e ela considerou vomitar, ela
pensou, Deus, todos esses eventos, desde a gravidez até o ... pesadelo ...
que se tornou disso parecia ter acontecido com outra pessoa—e um
estranho, mesmo assim. Ela era diferente agora do que tinha sido. Mais
forte. Mais dura. Mais resistente. Entrando no programa de treinamento
da Irmandade tinha sido prova de quão longe ela havia chegado, e lutar
nas ruas de Caldwell era uma lembrança noturna de que ela não estava
retrocedendo.
Ela iria para aquela cerimônia de acasalamento. E ela ia ser a dama
de qualquer que seja o inferno.
Este seria o seu teste final. Se ela conseguisse sobreviver ao ritual que
os unia ao resto de suas vidas? Então, a idiota que ela havia sido estaria
enterrado—e a perda que quase a matou foi finalmente e para sempre
trancado.
Não há fraqueza. Nenhum quarto dado ou tomado. Nada restou do
que ela era ... e não mais medo de que ela pudesse ser machucada assim
novamente.
Novo olhou para o placar que ainda tinha os resultados do último
jogo. Casa x Recrutas. O time da casa venceu por dez.
Ela estava indo bem, ela resolveu enquanto se dirigia para a saída.

70
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ah, e ela iria absolutamente esquecer que sabia o que Peyton sentia.
Absolu-porra-tamente.

Seis

Na noite seguinte, Saxton se materializou na Casa de Audiência,


tomando sua forma na parte de trás pela garagem isolada de dois andares
da mansão federal. O Doggen tinha vindo durante a tarde e arado a neve
da nevasca, mas ele teve cuidado ao caminhar até a entrada da cozinha.
As solas dos seus mocassins da Gucci eram mais escorregadias em
qualquer coisa suave e fria ... como se estivesse untado e gelada—e dado
o quão perfeitamente Fritz insistiu que as coisas deveriam ser feitas? A
entrada e a área de estacionamento eram como um bolo gelado de Ina
Garten .
Quando digitou código e abriu a porta, ele sabia que era o primeiro
a chegar no trabalho, mas isso não significava que não havia muitas
pessoas dentro e fora durante o dia. Na verdade, quando ele entrou, havia
bolos frescos em bandejas de prata, todos cuidadosamente envoltos em

Gucci

Ina Garden - É apresentadora dos programas Receitas da Ina (Barefoot Contessa) e Receitas da Ina: De Volta ao Básico
(Barefoot Contessa: Back to Basics) no canal Food Network.

71
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

plástico para manter o frescor, uma cafeteira de tamanho industrial pronta


para ser conectada e fazer um cafezinho fresco, e cestas de maçãs e
bananas previsto para ser dispostas na sala de espera.
As primeiras audiências não iriam ser reunidas até as oito horas da
noite, mas Saxton gostava de se certificar de toda a papelada para cada
reunião privada com o rei estivesse em ordem e que tudo iria correr sem
problemas, tanto por causa do Wrath como por assuntos. Com cerca de
vinte questões diferentes por noite, havia muito para acompanhar.
Determinados públicos, como aqueles que procuram uma bênção para
um acasalamento ou o nascimento de um jovem, eram simples e era
relativamente rápido. Outros, como aqueles relativos à disposição de
ativos após uma morte, disputa de linhagem ou incidentes envolvendo
danos corporais, podem ser bastante complicados e exigem muita
surpevisão e monitoramento.
Prosseguindo pelo corredor dos funcionários, ele abriu a primeira
porta à direita e acendeu as luzes. Seu escritório era completamente
desprovido de acessórios elegantes, sem pinturas ou desenhos nas
paredes, nenhum objeto de arte no conjunto de mesas embutidas, nada
mais do que livros de direito nas plataformas lisas. Não havia nem um
tapete. Apenas duas cadeiras de escritório em cada lado da mesa de
trabalho, um monitor que ele poderia conectar seu laptop para não ter
problemas de visão e uma série de armários trancados contendo arquivos
atuais.
Toda sua anotação durante as sessões era feitas à mão, o som mais
simples como de chaves, não importa o quão suave fosse, levava Wrath a
ficar absolutamente insano. Então Saxton tomava notas com um
Montblanc e depois ele transcrevia tudo para o laptop, e houve um
benefício mensurável para o duplo trabalho. Por um lado, ele tinha uma

Montblanc International GmbH é um fabricante alemão de canetas, canetas, relógios, jóias e artigos de couro.
Caneta laqueada que pode ser revestida de platina; Ouro ou prata.

72
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

cópia impressa de tudo no caso de uma falha no computador—não que V


permitiria isso com sua preciosa rede e equipamento anti-Apple—mas,
mais importante, quando Saxton escrevia isso em sua letra cursiva, ele
reforçava tudo na cabeça dele.
Sentando-se, ele tirou o laptop da pasta e ligou-o ao teclado que havia
sido montado em um slide embaixo da mesa, bem como a tela que não
lhe causava dor de cabeça.
E então ele parou.
— Vamos, —ele murmurou para si mesmo.
Ao ligar o Lenovo, ele entrou no Outlook e foi recebido por vinte e
poucos e-mails de trabalho, um folheto do MET , um anúncio para
1stdibs e avisos do departamento de pinturas de Sotheby's e venda de
relógios on-line da Christie's .
Ele ignorou tudo isso.
A linha em negrito que chamou sua atenção e se recusou a deixar ir
foi de Blay Lock, e no assunto lia-se Acompanhar.
Chegou cerca de uma hora depois que Saxton tinha deixado a
mansão na noite anterior, mas ele não conseguiu abrir a coisa em casa.
Apenas a visão do nome fez sua solidão se condensar em uma lança
gelada que o pregava no peito—e de fato, ele preferiria mover a coisa para
o correio eletrônico e fingir que ele nunca havia recebido. Evitar o seu
dever para a lei, no entanto, não era uma opção, nem mesmo com suas
emoções emaranhadas e torcidas com essa dor no coração, ele estava tão
acostumado—e Blay estava claramente buscando uma opinião legal sobre
o que fosse.

Metropolitan Museum of Art de Nova York.


Loja online de produtos de escritório de luxo.
Casa de leilão principalmente de obras de arte e outros objetos de coleção.
Casa de leilão com mais de 80 categorias e mais de 450 vendas anuais.

73
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ao abrir a mensagem, demorou um minuto para se concentrar nas


palavras que foram digitadas, e então a primeira coisa que ele notou foi
que não havia erros ortográficos, nem problemas gramaticais e pontuação
perfeita dentro das frases. Mas era Blay. Ele era um tipo de homem
medido e metódico, que gostava de fazer as coisas de forma adequada e
a sua conclusão. E com certeza, a maneira como ele apresentou os fatos
e fez o pedido foi lógico, respeitoso ...
Saxton franziu a testa enquanto lia os cinco parágrafos curtos
novamente.
E então, mais uma vez.
Evidentemente, os pais de Blay se mudaram alguns meses atrás para
uma casa em um bairro em desenvolvimento humano na extremidade do
subúrbio. Saxton nunca esteve lá, é claro, já que foi depois dele, mas ele
tinha ouvido que Blay diz às pessoas que era lindo, com um lago nas
costas e uma varanda, e muito espaço. Sua mahmen não estava totalmente
apaixonada pelo lugar, porque era muito novo, mas ela estava se
ajustando.
O problema dizia respeito a uma vizinha de seus pais, uma mulher
mais velha que residia no extenso terreno ao lado do bairro. Um grupo de
empresários humanos estavam adquirindo áreas cultivadas na área e
estavam pressionando a mulher a vender sua propriedade para que eles
pudessem continuar a expandir e construir um campo de golfe e um
complexo de clube. Mas ela não queria ir embora. Ela estava morando na
fazenda que ela e seu companheiro tinham construído no final dos anos
de 1800 e era tudo o que tinha deixado dele e suas vidas juntas. De acordo
com Blay, ela não duraria muitos anos, talvez apenas uma década ou
mais, e seu único desejo era ficar onde estava. No entanto, sua neta estava
preocupada com a segurança dela.
Os humanos estavam batendo na porta nas horas de luz do dia,
assediando ela pelo telefone e por correio, enviando-lhes pacotes com
papéis ameaçadores. Isso vinha acontecendo a uns bons seis meses e

74
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

parecia estar aumentando, apesar do fato de que a mulher havia deixado


claro que ela não tinha intenção de vender. O pai de Blay, Rocke, chegou
até a tentar interceder uma noite, perseguindo um carro, mas nada parecia
parar os humanos.
Saxton balançou a cabeça. Não era como se a mulher ou a família
pudessem ir à polícia humana: oi, não existo no seu mundo tecnicamente,
mas eu estou vinculado por suas leis de propriedade e estou tendo
problemas com invasores. Você pode me ajudar?
Ah, e não se importem com minhas presas.
Ele só podia imaginar quão preocupada a família estava. Mulheres
mais velhas, sozinhas, humanos inescrupulosos atormentando-a
enquanto tudo o que estava tentando fazer era passar os últimos anos que
tinha em paz.
E não havia como dizer onde isso iria parar.
Os seres humanos eram uma espécie menor, com certeza. Mas eles
poderiam ser mortais.
Quando Saxton começou a formar um plano em sua cabeça, ele
tentou ignorar o fato de que seu senso de propósito estava contaminado
por um desejo irracional de ser indispensável para Blay; para resolver esse
problema, não só porque era seu trabalho, mas porque poderia
impressionar seu antigo amante.
O que, naturalmente, nesta fantasia hipotética, levaria Blay a romper
seu relacionamento vinculado com Qhuinn, deixando aqueles dois belos
bebês para trás e voluntariando-se para fugir de Caldwell com Saxton.
Sim, tudo isso viria de um e-mail de retorno perfeitamente
modulado.
Bem, isso e com êxito fugir desses bandidos do vizinho dos pais do
macho.
Quando ele revirou os olhos para si mesmo, ele começou a digitar.

75
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Delírios românticos de lado, ele levaria isso para Wrath e veria o que
poderia ser feito. Pelo menos, ele poderia fazer o certo por essa mulher
idosa indefesa, e havia consolo nisso.
Depois que ele bateu em enviar, ele girou e puxou as persianas alto o
suficiente para que ele pudesse ver a paisagem de neve. Tudo tinha uma
camada espessa de pó, o dia que estava frio, de acordo com os relatórios
meteorológicos humano on-line. No brilho das outras casas majestosas, a
paisagem era azul fluorescente.
A solidão era como o inverno, ele decidiu. Frio e penetrante,
atrapalhando você dentro de sua própria cabeça porque o que estava lá
fora era tão inóspito.
Ele nunca mais ia ser quente novamente?

Cerca de três quarteirões de distância, em outra mansão de tamanho e


distinção semelhantes, embora de estilo Tudor, não Federal, Peyton saiu
do banho e alcançou uma toalha com monograma. Quando ele se secou,
o ar em seu banheiro era tão cheio de vapor, era como estar em um banco
de neblina, os espelhos velados de umidade, cada respiração tanto água
quanto oxigênio, sua pele formigando no calor.
Ele tinha acabado de chegar do centro de treinamento, o ônibus tinha
deixado a maioria deles em um shopping center a alguns quilômetros de
distância, e ele tinha uma hora antes de que ele deveria estar no centro da
cidade, em campo com a Irmandade. Ele estava com fome, resfriado e
cansado até o ponto de exaustão—e aquele banho não tinha feito merda
para consertar nada disso.
E então havia seu outro pequeno problema.
— Maldita seja.

76
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com uma série de puxões desagradáveis, ele fez uma bola com a
toalha úmida e atirou-a com a força que conseguiu através da extensão de
mármore. E então ele ficou lá, com a bunda nua, os pés plantados no chão
aquecido, as mãos trancadas nos quadris, para que ele não começasse a
destruir o lugar.
Isso ... o que quer que tenha sido ... no quarto do TF com o Novo se
recusou a ir embora. Toda vez que ele piscava, ele a viu deitada naquela
mesa, com os olhos fechados, o rosto tão composto quanto a porra de um
cadáver. E as imagens não eram o pior de tudo. Aquela voz cínica e dura
dela continuava tocando sua cabeça, zombando dele, chamando-o,
fazendo com que ele se sentisse como um idiota.
Depois que ele a deixou, ele foi para a sala de descanso, tomou o
último gole de vodka e depois dirigiu-se a três portas abaixo para cair em
uma cama vaga para internados do hospital. Ao longo do dia, os gritos
abafados daquele paciente psicótico haviam lutado contra os pesadelos
que envolviam Peyton sendo desnudado e no meio de vespas picantes.
Ambos o mantiveram acordado, e foi um lance para ver qual deles que
foi pior.
Quando finalmente ficou escuro o suficiente para o ônibus poder
partir, ele tinha sentado na frente, na primeira fila de assentos—porque
Novo estava sempre na parte de trás. E durante toda a viagem de volta
para a cidade, ele tinha tido conhecimento de sua presença, com certeza
como se seu corpo fosse um farol. Mas ele não a tinha ouvido dizer uma
palavra.
As boas notícias? Ele estava tão preocupado que ele mal havia dado
um segundo pensamento na bagunça com Paradise.
E agora ele estava aqui, tentando aliviar a cabeça para que ele não se
matasse quando ele saísse para se envolver com o inimigo ...
A batida na porta do seu quarto era discreta, o que lhe dizia quem
era. Fodidamente ótimo. — Sim, —ele retrucou.

77
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O doggen do outro lado falava num tom arrogante e bem modulado.


— Meu Senhor, desculpe-me. Mas seu pai deseja uma audiência antes da
sua partida.
Certo, então, o mordomo não pediu perdão. E dois, isso era uma
ordem direta. Não havia um "desejo" fodido.
Peyton colocou as mãos na bancada da pia e apoiou seu peso em seus
braços. — Ele disse o porquê? —Ele cerrou os dentes. — Eu não tenho
muito tempo.
Isso era verdade e não o ponto. A única coisa garantida para fazer
sua cabeça foder pior do que já estava? Uma convocação real do papai,
cuja agenda era: a bebida de Peyton ou seu uso de drogas. Esses
desempenhos de comando foram uma ocorrência bastante regular ao
longo dos últimos anos, e eles sempre foram tãooooooo bem.
E vamos lá. Ele tinha estado muito melhor desde que ele se juntou
ao programa de treinamento. Bem, pelo menos até o assassinato de sua
prima Allishon. Ele começou bebendo de novo desde então, mas quem
poderia culpá-lo? Ele era aquele que tinha ido ao apartamento dela e viu
todas as manchas de sangue. E sim, claro, o fato de que ele estava suando
a vodka da noite passada no momento não era bom quando ele estava
esperando uma passagem na frente do vício—ou um contra-argumento
pelo menos parcialmente credível.
— Meu Senhor? —Repetiu o mordomo de seu pai.
Ele amaldiçoou. — Diga-lhe que eu tenho que me vestir primeiro.
— Como você quiser.
Oh, ele não queria. Não fodendo nada.
Uma boa meia hora depois, Peyton foi para o primeiro andar, e levou
sua doce porra de tempo parado nas portas fechadas do escritório de seu
pai. A qualquer momento, ele esperava que o mordomo saísse da
despensa como um cronômetro e ...

78
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Ele está te esperando.


Bingo.
Peyton olhou por cima do ombro para o monitor do corredor. O
doggen estava se aproximando como apenas um servente da velha escola
de uma Família Fundadora vestida de uniforme poderia, sua altura média
elevava os padrões de LeBron graças a essa atitude mais-santa-do-que-você.
— Sim, —disse Peyton, — você mencionou isso antes. É por isso que
eu desci.
Cara, se a desaprovação desse doggen fosse mais grosseira, seria
qualificada como uma camada de asfalto.
— Vou deixá-lo saber que você chegou, —o mordomo murmurou
enquanto dava um passo para frente e batia na posta. — Meu Senhor?
— Mande-o entrar, —veio a resposta abafada.
O mordomo abriu os painéis esculpidos, revelando uma grande
extensão de mogno, tapetes orientais, livros encadernados em couro e
lustres de bronze. Longa e alta, a sala tinha uma história superior das
prateleiras acessíveis por um conjunto curvado de degraus de latão e
atendidas por uma passarela com um trilho ornamentado que percorreu
todo o caminho em torno do segundo nível.
Quando Peyton olhou para aquela balaustrada de folhas de ouro,
lembrou-se quando ele tinha sido jovem e convencido de que a coroa de
um rei gigante havia sido importada de algum lugar e instalada na casa
da família. Porque ele e sua linhagem eram tão especiais.
— Peyton. Sente-se.
Ele moveu os olhos para o pai. O macho estava sentado atrás de uma
mesa que era tão grande como uma cama king-size, as costas retas, as
mãos inidas sobre o mata-borrão vermelho-sangue. Peythone estava
vestido com um terno escuro e tinha um laço atado precisamente em sua

Jogador de basquete americano de 2.03mts. NBA Cleveland Cavaliers

79
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

garganta, o botão para baixo e o bolso quadrado branco. Um relógio


Cartier discreto aparecia para fora dos punhos franceses, e as abotoaduras
eram em ouro com rubis birmaneses.
Quando seu pai indicou a cadeira vazia do outro lado da mesa,
Peyton percebeu que ele não tinha se movido.
— Como você está, pai, —ele disse enquanto caminhava para a
frente.
— Eu estou bem. Gentil da sua parte perguntar.
— O que é isso tudo?
— Sente-se.
— Na verdade, estou bem assim. —Enquanto ele estava de pé ao lado
da cadeira, ele cruzou os braços sobre o peito. — O que posso fazer por
você?
— Você pode se sentar. —Seu pai acenou para a cadeira coberta de
seda. — E então podemos conversar.
Peyton olhou em volta e não conseguiu nenhum apoio dos retratos
que pendiam na frente dos livros, a lareira suavemente crepitante, os
arranjos de assentos de poltronas e mesas laterais.
Apertando os molares, ele se moveu e lentamente se abaixou na
cadeira. Do jeito que ele viu, ele poderia muito bem encarar a música,
seja lá o que fosse ...
— Você tem que usar essas roupas em casa.
Peyton olhou para si mesmo. A jaqueta de couro, as calças de
combate pesado e as botas de bico de aço eram padrão no programa de
treinamento.
Se você pudesse ver todas as armas por baixo, ele pensou.
— O que você quer de mim, pai.

80
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Peythone limpou a garganta. — Eu acho que é hora de discutir o seu


futuro.
E qual o futuro é exatamente isso? Ele se perguntou. Como um
recurso de Intervenção?
Quando seu pai não foi mais longe, Peyton deu de ombros. — Estou
no programa de treinamento. Eu sou um lutador ...
— Nós dois sabemos que isso é uma diversão.
— O inferno que é—e você queria que eu entrasse no programa.
— Porque eu esperava que isso o transformasse em ...
— Alguém como você? Sim, por que você é um cara tão durão.
— Observe seu tom, —seu pai mordeu. — E permita-me lembrá-lo
de que sua vida não é sua. Pertence a essa linhagem de sangue da qual
você faz parte e, como tal, incumbe-me dirigi-lo na direção correta.
Peyton inclinou-se para a frente na cadeira. — Eu sou ...
Seu pai falou diretamente sobre ele. — E, como resultado, tenho
alguém que gostaria que você conhecesse. Ela é de uma família adequada,
e antes de se preocupar, ela é amplamente considerada uma grande
beleza. Tenho certeza de que essa parte em tudo isso será do seu agrado.
Se você é inteligente, você a considerará adequadamente, sem levar em
conta qualquer rebelião que você possa se sentir obrigado a prosseguir
como resultado da minha apresentação. Eu tenho seus melhores
interesses aqui no coração, e imploro que você veja isso.
Implorar? Minha bunda isso sim, que você está implorando tudo isso,
pensou Peyton.
— Claro, se você não se comportar de maneira adequada—seu pai
sorriu friamente—eu serei forçado a reduzir seu subsídio.
— Eu tenho um emprego.

81
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Ser um soldado não paga por isso. —Seu pai indicou o escritóeio
de forma tão expansiva, ficou claro que ele estava se referindo a toda a
propriedade. E talvez metade da própria Caldwell. — E de alguma forma,
eu não acredito que você se sairia bem sem esse padrão de vida. Você não
é tão resistente.
Peyton olhou para o lado, para um retrato de um homem vestido
trajes de tribunal do século XIX. Era o pai dele, é claro. Todos os retratos
eram de seu pai, cada estágio da vida de Peythone mostrava como se
estivesse desafiando alguém a discutir sua posição.
— Por que você pensa tão pouco de mim, —murmurou Peyton.
— Por quê? Por ter vivido através da festa e da fome. Guerras tanto
humanas quanto vampíricas. Movi-me pelo grande oceano e estabeleci a
nossa base aqui antes de qualquer outra família fazer. Eu sou o chefe desta
grande linhagem e me conduzi com honra ao longo dos séculos,
permanecendo fiel a sua mahmen e dando você como um presente do meu
coração. Tenho três doutorados de escolas humanas e sou um especialista
certificado nas Velhas Leis. Eu também sou um violinista virtuoso e falo
doze idiomas. Diga-me, o que você fez? De alguma maneira, de alguma
forma, perdi suas enormes conquistas, tendo notado apenas a sua
capacidade de consumir grandes quantidades de álcool e tudo o que você
faz naquele quarto que eu lhe forceci sob meu teto? Hmm?
Peyton deixou tudo isso a ser e considerou levantar-se e sair. Em vez
disso, ele disse suavemente: — Posso te perguntar algo?
Seu pai levantou suas palmas ao teto alto e abobadado. — Mas é
claro. Congratulo-me com qualquer pergunta.
— Por que você queria que eu participasse do programa do centro de
treinamento.
— Já era hora de você trazer alguma honra a esta família. Ao
contrário do fardo.
— Não ... —Peyton sacudiu a cabeça. — Eu não acho que é isso.

82
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eles ensinam você a ler mente lá, então?


Peyton levantou-se. — Eu acho que você me fez ir porque achou que
eu falharia—e você estava ansioso para acrescentar isso à sua lista de
coisas que você poderia dominar sobre mim.
Seu pai fez uma excelente impressão de ofensa. Mas a luz em seus
olhos ... oh, havia uma pequena luz desagradável lá, e era a verdade, não
era.
— Claro que não. Não seja dramático.
— Sim, foi o que eu pensei, —disse Peyton enquanto se afastava.
A cada passo, que ele tomou em direção à porta, sentiu-se pior: Em
sua mente, viu a expressão de Paradise quando ele havia dito a ela que a
amava. Então ele gostava daquele close-up de Novo deitado ali, como se
estivesse resistindo a ele. E o idiota era aquele rosto de seu pai, a aversão
profunda, que ele nunca tinha entendido fervendo logo abaixo da estrutura
óssea do patricio fino, que parecia exatamente com o próprio Peyton.
Quando chegou à porta, ele disse sobre o ombro dele: — Eu vou
encontrar a fêmea. Apenas me diga onde e quando, e eu estarei lá.
Seu pai recuou positivamente de surpresa, mas Peythone se
recuperou o suficiente. — Muito bem, então. Devo ter tudo disposto. E
eu confio que você deve comportar-se com dignidade apropriada—pelos
meus padrões, não os seus.
— Certo. Tudo bem. —Ele saiu fora. — Tanto faz.
Quando ele fechou as portas atrás de si mesmo, ele ficou surpreso
com o que ele concordou. Mas então ele pensou ... porque não tentar o
caminho de seu pai. Ele não gostava do cara, não o respeitava, mas a
merda não estava tão bem com Peyton na cadeira do Capitão Kirk . Tudo

Personagem de ficção de Star Trek (Viagem às Estrelas), capitão da USS Enterprise.

83
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

o que ele conseguiu realizar nos últimos cinco anos foi o dano no fígado,
âncias do THC e amor não correspondido.
Talvez uma outra maneira poderia funcionar melhor.
As coisas certamente não poderiam piorar.
— Meu Senhor, —o mordomo começou com condescendência.
— Cale a boca. —Ele olhou para o doggen enquanto se dirigia para a
porta. — Estou armado e agora sei como atirar—e você não pode escapar
de uma bala, eu lhe garanto.
Quando o servo de seu pai começou a gaguejar como um motor de
carro antigo, Peyton saiu e seguiu em frente.
Por favor, deixe-me encontrar uma luta esta noite, ele pensou. Apenas para
que eu não volte ao amanhecer ainda querendo matar alguém.

Sete

Quando Novo se materializou no terraço de um prédio, sem elevador,


do século XVI e Comércio, ela tinha uma arma no quadril direito, uma
na parte inferior de suas costas, duas adagas na frente do seu peito e um
comprimento de corrente dentro de sua jaqueta de couro. Seus pés

Tetrahidrocannabinol, o principal componente psicoativo da cannabis.

84
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

estavam encaixadados em um conjunto de shitkickers , e seus couros


estavam apertados em suas coxas e bunda. Um par de óculos escuros
estava posto em seu rosto e seu propósito era duplo: manter o vento frio
fora de seus olhos para evitar lacrimejarem, e também escurecer os faróis e
as luzes da rua, o que poderia cegá-la quando eles passassem pela neve
branca ou pular em sua linha de visão enquanto você estava envolvida com
algo.
À medida que uma rajada rondava pela paisagem urbana dos prédios
de apartamentos e pequenas lojas sujas, suas pernas registraram o frio,
mas isso não duraria. Logo que ela se movesse, ela não sentiria nada—e
na nota, onde diabos estava todo mundo? Permitido que seus instintos
vagassem, ela rezou pelo movimento, o cheiro de pó de bebê ... inferno,
mesmo um humano com uma idéia idiota—embora tudo isso fosse
prematuro. Ela não tinha permissão para se envolver com nada até que
os Irmãos e os outros recrutas chegassem.
Quando uma mão deu um tapinha em seu ombro, ela se virou já
tirando uma de suas facas ...
— John Matthew. —Ela abaixou a arma. — Jesus. Eu não ouvi você.
O macho moveu as mãos na linguagem de sinais, e ela franziu a testa
enquanto ela decifrava as palavras. Ainda bem que ele estava seguindo
alguma folga com um novato e indo devagar, letra por letra.
— Eu sei, preciso verificar meu equipamento. Você tem razão.
Ela se curvou para ele, algo que raramente fazia. Mas John Matthew
não era apenas um especialista em todos os tipos de luta, ele também era
um dos poucos homens que já confiava desde o início. Havia apenas uma
qualidade sobre ele, uma calma serena onde ele olhava para você

Botas de combate ‘para chutar traseiros de Lessers’ e de quem se meter a besta com ela.

85
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

diretamente nos olhos e ainda assim você não se sentia ameaçado. Para
ela, isso equivaleu a segurança, algo que ela não estava acostumada.
Ele começou a mexer as mãos novamente, e ela assentiu. — Sim, eu
gostaria de estar emparelhada com você esta noite—espere ... você pode
fazer isso de novo? Oh ... sim, certo, entendi. Sim, tenho clipes extras,
quatro deles. —Ela deu um tapinha na frente da jaqueta. — Aqui e aqui.
—Ela assentiu de novo. — E uma corrente. O que? ... Bem, eu penso nisso
como o único tipo de pulseira que uma fêmea como eu sempre usará.
John Matthew sorriu, exibindo suas presas. E quando ele ergueu o
punho , ela bateu nele.
Um a um, os outros se materializaram na posição, Ax, Boone,
Paradise e Craeg apareceram primeiro, seguido por Phury e Zsadist, e
depois Vishous, Rhage e Payne.
— Onde está o menino de ouro? —Exigiu o Irmão Vishous enquanto
ele acendia um cigarro enrolado à mão. — Peyton não nos honrará com
sua maldita presença hoje à noite?
Para fazer parecer que ela não se importava em uma forma ou de
outra, Novo voltou a correr a mesma verificação de armas e suprimentos
que acabara de fazer para John Matthew ...
A explosão de calor que atravessou seu corpo disse-lhe a fração de
segundo quando Peyton apareceu fora do ar.
Mas era apenas uma estranheza, disse a si mesma. Apenas um
desconforto comum nada especial, com base em hostilidade e
ressentimento com um mínimo de constrangimento—porque, olá, ela se
permitiu ser vulnerável na noite passada.
Mesmo que Peyton não soubesse, ela tinha certeza, como uma
merda.

Outra forma de cumprimento descolado

86
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Em retrospectiva, ela não deveria tê-lo usado assim. Não porque o


tivesse machucado. Inferno, ele realmente não deu uma merda; ela sabia
disso, pelo jeito que ele se comportou com aquelas meninas sem cérebro
nos clubes. Não, tinha sido ruim para ela, em última instância.
Sim, até vinte e quatro horas depois, seu corpo ainda queria o que
tinha sido negado.
Mas de qualquer forma. Não há motivo para pensar nisso mais—e o
que você sabe, sair no campo e tentar não ser morto enquanto ela ataca o
inimigo? Era exatamente o tipo de imperativo que ela precisava para
limpar tudo o resto da sua mente.
Mesmo Sophy e Oskar, também.
Houve uma breve revisão das posições e um lembrete do protocolo
de compromisso e, em seguida, uma oportunidade para as perguntas, que
nenhum dos recrutas tomaram—todos tinham tudo bem claro sobre o que
era esperado porque tinha sido perfurado em suas cabeças na sala de aula.
Felizmente, esta noite eles derrubariam alguns lessers.
Não sobraram muitos assassinos agora, e ela poderia dizer que a
Irmandade estava se concentrando em finalmente terminar a guerra: havia
um estremecimento nos guerreiros, uma consciência sensível que parecia
crescer cada vez de forma mais intensa—e isso, juntamente com algo ouvido
por acaso nas conversas sobre o Ômega, a levaram a acreditar que as coisas
estavam acontecendo.
Como seria o mundo sem a Sociedade Lessening? Era quase
inconcebível ... e isso fez com que ela se perguntasse sobre o papel dos
formandos se não houvesse mais luta. Claro, você tinha que se preocupar
com os seres humanos, mas isso era uma questão de convivência, não
uma batalha direta para a sobrevivência.
Supondo que aqueles ratos sem cauda nunca tenham aprendido sobre
a raça.

87
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Se o fizeram? Isso foi jogado de uma maneira ruim com certeza.


— Vamos fazer isso, —anunciou o irmão Phury.
Em pares, eles se desmaterializaram para seus quadrantes, e assim
que ela e John Matthew retomaram sua forma corpórea, eles começaram
em uma marcha firme na estrada. Graças à tempestade, as calçadas eram
intransitáveis, nada além de pegadas profundas congeladas na neve como
fósseis em pedra velha.
Embora ela e John Matthew tivessem recebido um quadrante de dez
ou quinze quadras para o oeste, o bairro era o mesmo, todos os edifícios
antigos sem elevadores, de quatro e cinco andares estreito e abriam cerca
de oito a dez unidades congeladas sob seus tetos. Os carros estavam
paralelos estacionados com poucas polegadas de pouca distância, e como
resultado da enorme queda de neve da tempestade, a linha de veículos
para pára-choques era como um banco de neve contíguo, apenas os breves
flashes dos puxadores das portas e dicas de pintura corporal mostrando
nos lados. Eliminar a neve teria impactado totalmente; seriam dias de sol
ou horas de pá antes que os proprietários pudessem movê-los.
Quando Novo varreu os olhos ao seu redor, tomou nota das luzes da
rua. A maioria delas estava apagada, às vezes porque uma lâmpada estava
desligada ... outras porque as cabeças de vidro tinham sido quebradas ou
disparadas. A luz que havia era do brilho ocasional de uma janela, quer
porque as cortinas eram frágeis o suficiente para deixar a iluminação
passar ou porque a sombra que tinha sido puxada para baixo tinha
bastantes buracos, que era basicamente como ter persianas interiores.
Não havia nenhum ser humano fora, em qualquer lugar.
E enquanto media a trilha pisada que levava a uma das entradas da
frente, ela tentou imaginar como era para as pessoas passarem à luz do
dia. Estranho, que Caldwell teve essa outra metade, esse alter ego de
atividades que nenhum deles viu de primeira mão. As reflexões dele se
filtraram sob a forma de notícias, e essas trilhas na neve, e esses carros
enterrados, e a vaga evidência de moradores de apartamentos escondidos,

88
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

fechados, atualmente inexistentes. Mas durante as suas incursões


noturnas, eles não conseguiram o verdadeiro sabor disso, porque aqueles
que respeitavam a lei tendiam a procurar refúgio e permanecer ali depois
das dez horas da noite.
Ela e John Matthew pararam ao mesmo tempo.
Em frente a três quarteirões, um par de figuras viraram a esquina.
Um estava um pouco à frente do segundo, e eles eram grandes o suficiente
para que eles tivessem que ser machos. Quem quer que fosse, eles também
estavam andando pelo mesmo caminho—e parou assim que viu que não
estavam sozinhos.
Novo chegou ao seu quadril e espalmou sua arma, mas ela deixou o
braço para baixo com a nove na sua coxa. Em sua visão periférica, ela
observou que John Matthew fez o mesmo.
O vento estava vindo por trás deles, o que era uma desvantagem: Se
aqueles eram lessers, eles iriam reconhecer os aromas, mas ela e JM não
tinha idéia se eles estavam enfrentando criminosos humanos ou assassinos.
De qualquer maneira, a descarga de adrenalina e do aumento do
poder interno que a atravessava fazia com que ela se sentisse viva, sua
mente completamente limpa, suas emoções estáticas como crianças
repreendidas por uma professora.
Seus instintos de luta assumiram o controle, seu corpo tornou-se uma
boa ferramenta em favor da informação que poderia melhorar seu ataque.
Droga, ela queria que o vento mudasse de direção ...
O par de humanos ou assassinos ou o que quer que eles fossem se
virou e caminhou de volta na direção de onde tinham vindo, virando a
esquina.

Pistola 9mm

89
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando John Matthew deu uma cotovelada, ela acenou para ele.
E a caçada estava em andamento.

Quando Saxton concluiu sua apresentação ao rei, ele ficou em


silêncio e esperou com paciência para a resposta.
A Sala de Audiência, que tinha sido sala de jantar formal da mansão,
estava vazia, mas para os dois, a disposição das poltronas perto do fogo,
e assim, também, a formação de assentos extras que poderiam ser trazidos
em um círculo, conforme necessário. Ao lado, a mesa que Saxton usava
estava pronta para a noite, sua linha ordenada de pastas, e várias de suas
canetas, tudo o que ele precisava.
Wrath andou pelo espaço vazio, os passos de suas botas de combate
abafaram-se por um tapete oriental que era grande o suficiente para
queimar um alvo no estacionamento. George, seu cão-guia, não estava
usando o arnês , mas ainda estava em movimento, o golden retriever
seguindo os calcanhares de seu mestre, a cabeça grande e quadrada e as
orelhas triangulares levantadas e inclinadas, como se estivesse pensando
‘se ele precisava intervir no caso em que o curso mudasse’.
— Não podemos simplesmente matar os corretores que estão
precionando essa fêmea, —murmurou Wrath quando ele parou sob um
candelabro de cristal que poderia se assemelhar como uma galáxia. —
Quero dizer, seria fodidamente muito mais eficiente.
Sim, pensou Saxton. Ele tinha assumido que esta seria a primeira
resposta e, de fato, o rei era completamente capaz de chamar um Irmão e

Arnês para cão guia

90
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

enviá-los com uma arma carregada, certo, mesmo que fosse assassinato.
Então, novamente, Wrath não se importou particularmente com os
humanos, mesmo que sua rainha tivesse seu sangue nela. E, na verdade,
as primeiras duas vezes esse tipo de solução conveniente para um
problema de Homo sapiens tinha sido sugerido pelo Rei, Saxton
perguntou se era uma piada. Então ele ficou atordoado por ter que
conversar com o homem para desencorajá-lo.
Agora, isso já era um velho hábito.
— Há mérito para isso, certamente. —Saxton curvou-se apesar do
fato de Wrath não poder vê-lo. — Mas talvez meu Senhor considere, pelo
menos inicialmente, uma abordagem mais comedida. Algo com mais
diplomacia e menos balas.
— Você é um pacificador. —Mas Wrath sorriu. — Minha mahmen e
meu pai teriam aprovado você. Eles também eram pacificadores.
— Neste caso, não é para a paz, mas sim a falta de complicações da
aplicação da lei humana que seria o objetivo.
— Bem. O que você quer fazer?
— Eu pensei que talvez eu fosse sair e conversar com a fêmea para
garantir que seus documentos estejam em ordem em relação à
propriedade no mundo humano. E então depois disso, eu iria interceder
em seu nome com os humanos e tentar levá-los a desistir do assédio.
Como é inverno, eu posso fazer as duas coisas antes que as audiências
começem aqui, pois há muita escuridão.
— Eu não quero você lá sozinho.
— Não temos indícios de que esses humanos sejam realmente
perigosos. E, além disso, vivi muito facilmente sem ...
— Desculpe-me o quê? Você está falando? Estou ouvindo esse ruído
de fundo.

91
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Saxton ficou em silêncio, Wrath assentiu. — Sim, eu não


pensei que você fosse discutir comigo. Você e o Abalone são os únicos
estrangeiros que confio com o que estou fazendo aqui. Então não, eu não
estou rolando os dados com sua vida. Além do fato de que eu realmente
posso ficar em torno de você dez horas por noite, todas as noites—o que
é um maldito milagre—há o detalhe irritante que você sabe o que diabos
você está fazendo.
Saxton curvou-se novamente. — Você é muito elogioso de sua parte.
Porém. Eu respeitosamente discordo com você sobre o perigo que eu
possa enfrentar, e ....
— Você vai fazer o que eu digo. —Wrath aplaudiu uma vez. —
ótimo. Eu adoro quando concordamos assim.
Saxton piscou. E depois limpou a garganta. — Sim, meu senhor.
Claro. —Ele fez uma pausa para escolher suas palavras com cuidado. —
Eu gostaria apenas de apontar, no entanto, que a Irmandade e os recrutas
são melhor utilizados para protegê-lo aqui e estar no campo no centro da
cidade. E se eles não estiverem na rotação, eles estão tomando uma pausa
muito necessária para a recuperação. Em termos de alocação de recursos,
me proteger é de pouca prioridade.
Houve um breve silêncio. — Eu sei quem vai fazer isso. E nós
terminamos com isso, você e eu.
Enquanto o Rei olhava daquela grande altura dele, aquelas
sobrancelhas negras baixas por trás dos óculos envolventes, seu incrível
tamanho superando até mesmo a sala grande, Saxton sabia que, na
verdade, o discurso terminou aqui. Para todo o trabalho colaborativo que
fizeram com os civis, era melhor esquecer que o homem era um assassino
de sangue frio, bem versado primeiro na arte e horror da guerra antes de
se sentar no trono.
— Como quiser, meu Senhor.

92
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Oito

Enquanto Ruhn caminhava ao longo da calçada em frente da casa de


Audiência, as mãos enterradas em sua velha jaqueta de lã. Ele não se
preocupou com luvas quando ele saiu da mansão da Irmandade, e dentro
dos bolsos, suas mãos estavam suadas com os punhos cerrados.
Parando no alto dos degraus que levaram à entrada, ele não pôde
deixar de lembrar a primeira vez que chegou à graciosa casa antiga.
Ele tinha vindo em busca de sua sobrinha, Bitty, depois que ele ouviu
falar de uma publicação no Facebook sobre sua irmã, que tinha morrido.
Naquela época, ele havia ficado diante dessas grandes portas com pouca
esperança, mas muito desespero, sua longa busca de notícias sobre seus
parentes de sangue, apresentando-lhe um novo rumo no que de outra
forma tinha sido uma jornada triste e estéril.
Para que próposito, ele não sabia. Na verdade, no entanto, provou
ser uma benção após a outra, a soma total nada menos que uma corrida
milagrosa de boa fortuna, comunhão e generosidade.
Mas talvez isso já estivesse acabando, e ele estava esperando essa
reversão. Mais cedo ou mais tarde, a ordem natural do equilíbrio tinha
que ser trazida para suportar, e isso significava que tudo isso deve
inevitavelmente mudar de volta, de alguma forma.
Uma convocação oficial para a Casa da Audiência pelo Rei? O que
mais poderia ser além de más notícias?

93
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E, na verdade, ele suspeitava que ele soubesse do que era isso ...
A porta se abriu bem e o irmão Qhuinn ficou de lado. — Ei, olá. Você
precisa de algo?
Ruhn inclinou-se. — Me perdoe. Fui convocado. Isso é sobre o
trabalho com a pá?
— O que?
— A neve?
Enquanto os dois se olhavam um para o outro—como se ambos
estivessem esperando que um tradutor entrasse e esclarecesse a
confusão—Saxton, o advogado do rei, emergiu do auditório junto com
um homem e uma mulher civis. O advogado estava falando com sua
calma habitual e aristocrática.
— ... Você receberá um e-mail de mim detalhando os reparos e
explicando as ramificações quanto à sua causa de ação ...
Saxton parou no segundo que viu Ruhn. E então, seus olhos fizeram
uma rápida avaliação para cima e para baixo, como seria se eles
estivessem avaliando um indesejável.
O homem limpou a garganta. — Saudações. Você esta sendo
aguardado, você pode entrar agora? Vossa Senhoria está esperando por
você, e eu vou me juntar a vocês dois em um momento?
Ruhn olhou para o casal. O irmão Qhuinn. E então deu uma rápida
olhada atrás de si mesmo em tudo e o Absolutamente Ninguém mais atrás
dele.
Tudo bem. Claramente, ele era o único a ser abordado aqui.
Ele se curvou para o advogado. — Mas é claro. Obrigado.

O senhor e outros modos de tratamento - Âmbito Jurídico “Exa. (excelência) está convocado/autorizado” ou
“convocada/autorizada”, depende do sexo da pessoa a quem nos dirigimos: - se a um homem, usamos adjetivos e particípios no masculino:
. Vossa Senhoria foi convocado para depor.

94
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Atravessando a enorme multidão de pessoas no vestíbulo—tudo


bem, bem, havia apenas mais quatro, em um espaço que era grande o
suficiente para estacionar oito carros, mas o inferno sagrado, sentiu como
se não houvesse espaço para respirar—Ruhn entrou na grande sala de
Audiências em silêncio.
O rei sentiu sua presença imediatamente, o grande governante
endireitando-se de uma tigela de água que ele colocava perto da lareira
para o cachorro.
Quando George deu uma sacudida e depois começou a tomar sua
bebida, o Rei olhou diretamente para Ruhn, embora Wrath fosse cego.
— Ei. —O governante de todos os vampiros indicou uma das
poltronas junto a lareira sem virar a cabeça. — Sente-se.
— Sim, meu senhor.
Ruhn curvou-se e depois atravessou o grande tapete padronizado.
Quando ele se abaixou na poltrona, ele tentou não colocar todo seu peso
depressa demais. Ele estava bem ciente de seu tamanho, e a última coisa
que ele queria fazer era quebrar o assento.
— Então, como você esta?
Ruhn se mexeu quando o rei se aproximou. — Eu imploro o seu
perdão?
Wrath sentou-se enquanto a lambida rítmica do cachorro continuava
em segundo plano. — Pergunta bem clara, não é?
— Ah ... Estou bastante bem, meu senhor. Obrigado.
— Bom. Isso é muito bom.
George levantou a cabeça e lambeu suas bochechas de volta em
ordem sobre a bacia, como se ele não quisesse deixar uma trilha de
pingos. Então ele se dirigiu para o mestre dele, curvando-se para ficar
sentado, então Wrath poderia acariciar sua orelha.

95
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Incapaz de suportar o silêncio mais, Ruhn pigarreou. — Meu Senhor,


se eu puder ...
— Sim? —Wrath revirou o ombro, então deixou escapar um estalo
bem alto, que Ruhn teve que estremecer. — Continue.
— Você deseja que eu desocupe suas instalações?
Aquelas sobrancelhas escuras e afiadas caíram atrás de seus óculos
negros. — Eu te pergunto agora. Por que eu gostaria que você fosse
embora?
— A mansão, meu senhor.
— O que?
— Posso remover minhas coisas, se desejar, embora eu gostaria de
ficar em Caldwell para continuar em contato com a Bitty ...
— Que porra você está falando.
Não era uma pergunta. Mais como uma arma apontada para sua
cabeça.
No silêncio que se seguiu, Ruhn olhou para o golden retriever—que
prontamente se deitou como se ele não quisesse ser rude com o
convidado, mas ele tinha que votar com seu mestre e, portanto, teve que
ficar fora das coisas.
— Eu suponho que isso é sobre o trabalho com a pá na noite passada?
—Ruhn disse.
Quando o rei abriu a boca, sua expressão incrédula sugeriu que havia
mais mal-entendidos à frente, em vez de menos. — Deixe-me tentar
novamente. Que porra você está falando?
Saxton entrou e fechou as portas duplas atrás de si mesmo. — De
certa forma, —disse o macho, — é um pouco sobre o trabalho com a pá.
Ruhn limpou a garganta e sentiu-se estúpido. Ele nunca deveria ter
tomado a palavra de um aristocrata como deveria ser. — Eu só estava

96
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

tentando ajudar. Tive o cuidado de modo a não marcar os degraus de


pedra e ...
— Ok, eu não sei sobre o que você está falando e eu não me importo.
—Wrath empurrou o cabelo para trás com uma mão arrasador. — Você
está aqui porque Saxton me disse que você está procurando uma maneira
de ganhar hospedagem e alimentação. Então eu tenho um trabalho para
você.
Ruhn olhou para trás e para frente entre eles. — Eu não tenho que
sair?
— Foda-se, não. Quem diabos lhe deu essa idéia?
Ruhn não se incomodou em manter sua exaltação para si mesmo. —
Oh, meu senhor, obrigado. Tudo o que você precisar de mim, tenha a
certeza de que devo fazê-lo com a melhor das minhas habilidades. Não
consigo viver somente com sua generosidade.
— Ótimo. Eu quero que você o leve para visitar um civil meu que
está tendo problemas com alguns humanos.
Ruhn teve de franzir a testa. — Perdoe-me, meu Senhor, mas eu não
posso ler ou escrever. Como eu poderia ajudar o advogado Real com o
seu trabalho?
Saxton deu um passo à frente, e como ele fez, seu cheiro atingiu o
nariz de Ruhn—o que parecia ser estranho perceber. Então, novamente,
nenhuma dessas visitas parecia normal.
— Nosso Rei, —disse o homem, — gostaria que eu fosse
acompanhado com a finalidade de proteção na minha visita ao civil. Os
Irmãos, os soldados e os recrutas estão de outra forma ocupados no
campo, guardando esta casa, ou descansando, e atribuir uma delas a essa
tarefa seria uma apropriação indevida.
Wrath levantou a palma da mão. — Veja. Eu só quero que você esteja
lá caso algum desses seres humanos venha com um caso terminal de
estupidez. Esta não é uma situação em tempo de guerra, mas também não

97
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

gosto da idéia de Saxton, sem que ninguém olhe suas costas. E a palavra
que tenho é ... que você sabe como lutar—muito bem, de verdade.
Como Ruhn desviou o olhar, sentiu Saxton olhando para ele e havia
uma tentação de negar ou ... Pelo menos diminuir o passado. Claro, ele
não poderia fazer isso sem contradizer o seu rei ou se mentiroso. Além
disso, certamente o advogado havia sido informado sobre ele.
— Mais uma vez, não pretendo que nenhum de vocês esteja em
perigo, —afirmou Wrath, — mas não posso prometer que você não
encontrará um pequeno conflito. Não é nada com o que você não possa
resolver, embora, não com o que você já enfrentou.
Quando uma velha e familiar exaustão se instalou com o peso de
uma montanha em seus ombros, Ruhn deixou sua cabeça cair e ficou em
silêncio.
— Você não precisa ir, —Wrath disse em um tom uniforme. — Esta
não é uma condição para você permanecer na casa.
Depois de um momento, Ruhn olhou para o governante. O grande
Rei cego estava olhando para ele com tanta fixação, você poderia jurar
que ele tinha visão. E então, suas narinas se alargaram como se estivesse
farejando alguma coisa.
De repente, Wrath virou a cabeça na direção de seu advogado. —
Tudo bem, eu vou pegar outra pessoa para ir com você.
— Eu vou fazer isso, —Ruhn disse a grosso modo. E então ele
mudou para a língua antiga. — Já lhe devo uma grande dívida por me
permitir em sua casa abençoada e me permitir residir nela. Para fazer este
serviço para vós é uma honra.
Ruhn forçou seu corpo para fora da cadeira e andou para a frente
para se ajoelhar nas botas do rei.
Mas Wrath não colocou o grande diamante preto para o voto. —
Você está certo sobre isso. Eu não estou forçando as pessoas a fazer

98
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

merda, não são pessoas que eu não quero matar por sobrevivência ou
esporte.
— Tenho certeza.
Essas narinas saltaram novamente. E então o rei assentiu. — Que
assim seja.
Quando o anel foi oferecido, Ruhn beijou a pedra maciça. — Neste e
em tudo, não falharei com você, meu Senhor.
Quando ele se levantou, ele olhou para Saxton. O advogado ainda
estava olhando para ele, uma expressão inescrutável sobre os traços que
eram tão perfeitos, tão intimidadoras—e isso foi antes de você adicionar
todas aquelas palavras inteligentes que ele sempre falava ou seus
maneirismos perfeitos ou suas roupas finas e elegantes.
— Se você nos permitir, meu Senhor, —o macho disse: — Eu
gostaria de levá-lo para fora? E agora seria um bom momento para você
fazer uma pausa e tomar um refresco. Temos mais três horas à nossa
frente.
Ruhn estava vagamente ciente de Wrath dizendo algumas coisas e
Saxton respondendo de volta.
Tudo o que ele podia concentrar era o fato de ele tinha sido puxado
novamente.
A última coisa que ele queria fazer era lutar com alguém ou qualquer
coisa, fosse ofensiva ou defensiva.
Ele havia deixado tudo isso para trás.
Mas ele não podia negar o seu rei. Ou o fato de que sim, ele podia
ver por que alguém iria querer manter esse advogado seguro. O cavalheiro
era tão inteligente e tão essencial para tudo o que o rei fazia aqui. Ruhn
tinha ouvido as histórias ao redor da mesa de jantar na mansão. Saxton
era indispensável.

99
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com sorte, ele disse a si mesmo, ele não teria que matar ninguém
dessa vez. Ele realmente odiava essa parte.
Embora ele fosse muito, muito bom nisso.

Apenas seres humanos.


Quando Novo e John Matthew se materializaram nas sombras do
lado de baixo do vento do inverno, ficou claro que não eram inimigos. O
que não significava que os dois homens não eram uma ameaça potencial
e, portanto, mortal. Mas a devida provocação por parte deles era
necessária e, tanto quanto ela poderia ter sido capaz de projetar a merda,
era um movimento covarde—bem como contra as regras.
Viva e deixe viver, a menos que seja forçado a participar.
— Droga, —ela murmurou.
John Matthew assentiu. Então apontou para onde eles estavam.
— Sim, é melhor ficar no caminho certo.
Vinte minutos depois, eles haviam coberto a primeira etapa de seu
setor e era hora de voltar para trás. E foi tão engraçado—enquanto eles
cortavam um quarteirão, ela lembrou as primeiras noites que ela estava
no campo. Um dos grandes desafios para esse tipo de trabalho foi não se
tornar frustrado de que você não estivesse lutando a cada minuto que
estava aqui fora.
De alguma forma, ela assumiu que estaria lutando o tempo todo.
Sim, nem a metade. A disciplina antes de tudo—e algo em que ela
ainda estava trabalhando—era manter-se alerta sem se desgastar quando
os minutos se transformaram em um quarto de hora e depois em meia

100
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

hora. Você precisava estar tão fria no último segundo da noite como
estava no primeiro, porque você nunca sabia quando você ...
À medida que o novo fone de ouvido ligou, ela ergueu a mão
enluvada e empurrou-a mais para dentro. — Merda.
Tenha cuidado com o que você deseja, pensou quando recuperou a arma
novamente.
John Matthew bateu no ombro e ela assentiu com a cabeça. — Sim,
eu irei para a esquerda.
Segundos depois, eles se desmaterializaram em uma briga com os
lessers. Paradise e Phury estavam se defendendo de um assassino,
empurrando-o de volta para o beco. Mas outros dois apareceram do outro
lado.
Novo fez um cálculo rápido e lançou-se para a frente, indo para o
ataque. Havia uma chance muito grande de danos colaterais se ela usasse
sua arma, então ela correu, enfiou a arma no seu coldre e desembainhou
uma de suas adagas.
Com suas presas descobertas e uma grande raiva em seu coração, ela
bateu o menor à esquerda como um trem, derrubando-o antes dele saber
o que diabos estava acontecendo. Ela o esfaqueou na garganta no pomo de
Adão, e então, com a mão livre, agarrou a frente de sua jaqueta de couro
e começou a dirigir a parte de trás do crânio para um monte de neve
gelada, repetidas vezes e novamente.
O sangue preto salpicou seu rosto, entrando nos olhos e na boca, o
doce gosto doente misturando-se com as inércias frígidas que queimavam
um caminho para o intestino.
Nos cantos sombrios de sua mente, ela sabia que precisava ir para o
outro. Ela precisava dirigir a lâmina do punhal no centro do peito dessa
maldita coisa para que pudesse voltar para o Ômega—e então ela poderia
continuar a ajudar na luta.

101
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Seu braço era como um pistão, porém, e a mancha preta na neve sob
o ponto de impacto cresceu cada vez mais. A fodida parte fantástica? O
matador estava ciente de tudo o que estava acontecendo, a dor que ela
estava causando registrado sua expressão chocada e suas respirações
engasgadas.
Havia apenas uma maneira de "matar" um lesser.
Você tinha que apunhalá-los através do coração inexistente. Então,
ela poderia manter isso por um ano e o pedaço de merda, este assassino
imortal de sua espécie, sentiria nova agonia com cada ataque ...
Uma bala chiou perdo de sua orelha esquerda e ela olhou para cima.
Cerca de 5 metros de distância, outro lesser entrou no beco, pronto para
jogar, e ele tinha um Poodle Shooter na palma da mão.
O que teria sido uma piada, exceto que ele estava apontando a arma
diretamente para ela—mais perto, seria a queima-roupa.
Novo rolou em um circulo, puxando o matador incapacitado em
cima dela como um escudo. No processo, ela perdeu sua adaga, mas ela
tinha outras opções—cavando por seu quadril, ela tirou sua arma, e
empurrou-a através das várias partes do corpo que caíram em seu rosto, e
começou atirar.
Ela pegou o mais novo matador chegando no ombro, o impacto
lançando-o de volta, mas o ferimento não retardou muito a velocidade do
bastardo, então ela continuou atirando até que seu clipe esgotasse. As
boas notícias? Ela derrubou o assassino diretamente a seus pés. A má? No
próximo batimento cardíaco, os mortos-vivos estavam de volta—
trazendo uma segunda arma.
Mãe Fudida—Novo vasculhou o meio-cadáver, cheio de água e
fedorento, mole em cima dela para agarrar seu próprio novo carregador.

"Poodle Shooter" é um termo depreciativo para a família de rifles M-16 e M-4 com a qual o exército dos EUA
está armado.

102
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Muito tarde. Muito descoordenada.


Ela iria ser morta ...
Pelo canto do olho, ela viu um instante de movimento, e não
demorou mais do que um segundo para identificá-lo: Paradise estava se
afastando das sombras agachada, claramente pronta para atacar o atirador.
Graças a Deus. Mas Novo não estava tomando nada por certo. Ela
conseguiu dar um tapa no clipe de recarga na coronha de sua arma e
elevar o focinho, exceto que ela segurou seu gatilho, pois não queria
acertar em Paradise ...
Alguém passou bem na frente da arma de Novo—e diretamente nas
balas que o matador estava descarregando. O flash veio da esquerda e se
moveu tão rápido, que não conseguiu rastrear se era amigo ou inimigo.
Exceto que ela reconheceu exatamente quem era.
Peyton não deu a Paradise a oportunidade de fazer seu trabalho. Ele
entrou dentro dela e bateu-lhe fora do alcance e entrou em um banco de
neve, eliminando a estratégia defensiva projetada para salvar Novo.
O assassino com a arma disparou mais duas rodadas, que através de
nada, mas sorte cega perdidas, aproveitou a oportunidade de escapar,
puxando uma volta e correndo como a merda ...
Ele não chegou muito longe. Zsadist estava com ele, um pop! e um
flash de luz anunciando um rápido despacho.
E com isso, graças a todos os outros backups que surgiram, a ação
acabou tão repentinamente quanto tinha se iniciado.
— O que diabos está errado com você! —O irmão Phury latiu.
Quando ele e John Matthew vieram batendo na neve, ficou muito
claro que o guerreiro silencioso Absolutamente Rasgaria Traseiros como o
Irmão estava.

103
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Novo empurrou o Lesser para o lado e levantou a cabeça para que ela
pudesse mover o traseiro. Também começou a verificar feridas de bala
sobre si mesma.
Enquanto isso, Phury arrancou Peyton de Paradise como se fosse um
involucro e o Irmão quase jogou aquele recruta pela cidade. Quando
Peyton pousou com uma agilidade decepcionante, a merda começou.
Phury marchou através da neve acumulada. — Você quer explicar o
que diabos foi isso? —O Irmão apontou um dedo para Paradise, que
estava de volta a seus pés e escovando a neve de seus couros. — Você
comprometeu nossa equipe, ameaçou a vida de duas pessoas e nos custou
um assassino.
Peyton cruzou os braços sobre o peito e olhou para um ponto sobre
o ombro esquerdo de Phury. Então ele caminhou até ele ficar ao lado de
Novo. — Paradise estava em apuros.
— Com licença? —Disse a mulher. — O que é que foi isso?
Peyton se recusou a olhar para ela. — Ele tinha uma arma. Ele
poderia ter girado e atirado na sua cara.
— Só que no momento em que ele teria me visto, —ela respondeu,
— eu teria tido o controle da arma. Ele estava completamente distraído.
— Você não sabe disso. —Peyton sacudiu a cabeça. — Você
certamente não sabe.
— Sim. Eu sei. —Paradise atravessou o beco, encontrando o homem
de frente. — Eu fiz a avaliação, e eu estava executando. Se eu não tirasse
essa arma, ele poderia ter matado Novo.
— E mais uma vez, eu vou dizer que você não sabia disso.
Novo revirou os olhos. Obrigado por sua preocupação, imbecil. E, ps ,
por que vocês dois estão tendo este discursão diretamente sobre mim?

Uma nota, dados adicionais

104
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Pelo amor do caralho, não havia como se levantar agora, não a menos
que quisesse fazer referência de contato completo.
Paradise levantou as mãos. — Mas eu não tive a chance de descobrir.
Porque você decidiu ser um maldito herói quando não precisava de um.
Pregar, irmã, pensou Novo enquanto empurrava o assassino que mal
se deslocava para longe dela e sentou-se.
— Isso é inaceitável. —Phury pegou seu telefone. — Você está fora
do campo até novo aviso.
— O que! —Feito com essa coisa do olho do ombro, Peyton olhou
diretamente para o Irmão. — Pelo que!
— Não seguindo o protocolo. —Phury levantou a palma da mão. —
Cale a boca. Posso assegurar-te que nada do que você diz vai ajudar ...
A adaga entrou em um círculo gordo do nada, o movimento de
punhalada em uma trajetória diretamente para o centro do peito de Novo.
Um grito explodiu fora dela enquanto ela levantava os braços para
pegar o antebraço: O assassino fortemente ferido havia encontrado sua
lâmina abandonada ... e estava fazendo todo o possível para devolvê-la. E os
mortos-vivos eram extremamente fortes, mesmo com todas as suas feridas.
Especialmente quando seu aperto escorregou por causa de todo
aquele sangue negro que ela tinha derramado ...
A adaga mergulhou em seu coração, penetrando através de seu colete
à prova de balas.
Não havia dor, o que provavelmente não era bom, e quando ela caiu
de volta na neve acumulada, ela foi capaz de levantar a cabeça e olhar
para a visão inexplicável do punho da arma, ainda na mão do assassino,
saindo do esterno.
Curiosamente, ela notou a forma como sua respiração explodiu nela
em uma nuvem branca, a exalação se dissipando na noite como se tivesse
sido comido. Ou talvez essa fosse sua alma deixando seu corpo?

105
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sua última imagem era do Lesser sorrindo para ela, seus olhos loucos
extasiados com o triunfo, a boca aberta vazando sangue negro quando ele
começou a rir.
E então a cabeça explodiu, as balas disparadas de uma direção ou
outra, os ossos ficando pulverizados, uma névoa fina de matéria cerebral
que atomizava o ar noturno amargamente frio.
Isso era tudo para ela.
Ela perdeu a consciência, entrando em um grande vazio negro, o
Grim Reaper inclinado sobre ela, sua túnica era tão espessa e pesada, que
não podia lutar ou negar.
Seu pensamento final era que este era o resultado preciso e inevitável
que ela havia previsto a partir do momento em que ela havia preenchido
a inscrição no centro de treinamento. A única surpresa? Isso tinha
chegado tão fodidamente cedo.
Ela tinha certeza de que duraria pelo menos um ano ou dois.

Ceifador, a morte

106
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Nove

Assim que Peyton viu aquele assassino se sentar, ele sabia que
haveria problemas. E então havia o flash da lâmina da adaga sobre o
ombro do morto-vivo, aquele rosto grotesco e que se esticou em um
sorriso louco de ódio.
Foi um momento para sempre, e um instante, ao mesmo tempo.
Ele não precisava de medidas precisas de arco para extrapolar onde
aquele ponto afiado ia acabar, e não havia como parar o inevitável. A
arma fez o seu dever, empalando Novo no peito, atravessando seu colete
à prova de balas, encontrando sua casa de uma maneira horrível ...
O som de uma arma saindo à queima-roupa tocou alto em seus
ouvidos e ele pulou para trás. Mas não era o inimigo. Era Paradise, de pé
forte e segura, fazendo seu trabalho: ela matou o matador com precisão,
sua bala acertando na parte de trás da cabeça dele, pedaços caíram como
confetes, o sangue negro se tornando uma chuva fina que pousou como
fuligem na neve branca.
Exceto que a porra do Lesser caiu para a frente, em vez de para trás,
colapsando em cima de Novo—e a adaga.
À medida que a lâmina penetrou ainda mais fundo, ela empurrou,
suas mãos flutuando, suas pernas chutando. E então nada sobre ela se
moveu mais.

107
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Ligue para Manny! —Falou Phury quando ele avançou e puxou


o Lesser fora. — Ligue para a porra ...
— Eu tenho isso agora! —Craeg entrou.
Peyton se agitou em suas botas quando viu o punho da adaga no
peito de couro de Novo. A lâmina estava tão profunda, que nenhum aço
mostrava. Ela ia morrer—se ela já não estivesse morta.
E foi tudo culpa dele. Graças a ele, Paradise desabilitou esse inimigo
muito tarde.
À medida que suas pernas saíam debaixo dele, ele estava apenas
ciente da falha estrutural de sua parte inferior do corpo porque seu ponto
de vista mudou de alto para nível do solo. Nada nele registrado—sem
sensações físicas, era isso. Emocionalmente ... Ele estava numa
tempestade de fogo.
Enquanto isso, Zsadist saltou e esfaqueou os restos do Lesser de volta
ao Ômega, e como o pop! E o flash de luz desapareceu, todos os outros se
aproximaram de Novo, agachados, se acomodando em um joelho ou
ambos na neve manchada de sangue. Peyton não podia ver muito dela
agora, com o Paradise e Craeg cada um tomando uma de suas mãos
enquanto Phury verificava um pulso e Boone se acomodou em seus
joelhos.
Oh, Deus, essa adaga. Enterrada no seu peito.
Peyton engoliu através de uma garganta seca. — Novo? Ela está viva?
Uma coisa estúpida para pergunta. Então, novamente, qualquer
coisa dele era um desperdício ...
Passos estrondosos. Vindo por detrás dele. Olhando ao redor, ele
olhou para a fonte do novo ataque. Exceto, não, não havia ninguém lá.
Era seu coração batendo em seu peito, o ritmo em pânico saltando com
pressão em seus ouvidos.

108
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Peyton passou a mão por sua boca e apertou sua jaqueta de couro
com a vaia esperança de aliviar a sufocação em seus pulmões. Onde
estava a fudida unidade cirúrgica?
De pé, ele se inclinou para ver as cabeças dos outros guerreiros ... E
quase desejou que ele não tivesse. Novo estava tão branca como a neve,
os olhos abertos e fixados em algo na distância intermediária acima dela.
Ela estava vendo o Fade?
Volte para nós, ele queria gritar. Olhe para o outro lado ... fique aqui!
E maldita seja, ele odiava o sangue do matador no rosto dela. Ele
queria limpá-lo fora de sua pele muito pálida, limpando-a da guerra, de
seu erro, dessas consequências.
Com uma maldição, ele caminhou ao redor agarrando seu cabelo,
puxando, puxando, puxando para ele. Seu cérebro lhe disse que, se ele
pudesse apenas pensar com clareza, e imaginar exatamente onde ele
estava de pé quando ele fez uma chamada ruim, ele poderia de alguma
forma voltar o tempo mais cedo—e desfazer esse resultado não tentando
proteger Paradise.
E então eles poderiam continuar lutando, ou talvez, tendo vencido
a luta, eles poderiam estar de pé em um frenesi alegre, preparando-se para
enfrentar a próxima batalha.
— Ela está viva, —disse ele bruscamente. — Ela está …
Novo começou a tossir, e o sangue vermelho que saiu o deixou
enjoado e tonto, ele voltou a descer no chão coberto de neve. Abaixando
a cabeça, apoiou as duas mãos na frente de si mesmo e preparou-se para
vomitar. Por mais enjoado que estava, não vomitou.
O estrondo da unidade cirúrgica móvel que virava a esquina era
como um canto de anjos cantando, e para abrir caminho, Peyton
empurrou-se através da neve acumulada até suas costas chegarem à

109
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

parede do prédio mais próximo. Quando o RV parou, Manny Manello


explodiu por detrás do volante, uma mochila na mão, um estetoscópio
em torno de seu pescoço.
— Não a mova, —o humano latiu.
Instantaneamente, todos saíram do caminho, como se não queria ser
a pessoa fazendo merda. E então eles recuaram para dar espaço ao
médico.
Peyton ficou onde ele estava, suas mãos se fechando em ambos os
lados da cabeça para poder segurar o peso morto de seu cranio. Piscar de
vez em quando, era a única maneira de mudar sua posição.
Ele nem estava respirando.
Um minuto depois, Ehlena se materializou no beco com uma
mochila de suprimentos. E então chegou Doc Jane. E mais Irmãos.
De vez em quando, ele podia sentir olhos passando sobre ele, e havia
sussurros que ele sabia eram sobre o que ele havia feito. Ele não se
preocupou com nada disso. Ele só queria saber que Novo iria viver.
Um par de shitkickers marcharam e parou na frente dele.
Quando Peyton levantou os olhos, o irmão Rhage disse: — Você não
quis dizer isso, eu sei.
— Ela ainda está viva? —Puta merda, que nem parecia ser sua voz.
— Por favor ... diga-me.
— Eu não sei. Mas precisamos tirá-lo daqui.
— Eu juro que eu não queria que isso acontecesse. —Ele fechou os
olhos e apertou as mãos sobre eles, com força. — Eu não queria isso.

Veículo recreativo é o termo comumente utilizado para definir todos os veículos equipados com
espaço de convivência e amenidades encontradas em uma residência. Um veículo do gênero normalmente inclui cozinha, banheiro e
acomodações de repouso. Nesse foi acondicionada como uma ambulância.

110
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu sei, filho. Temos que voltar agora, você e eu.


— E sobre ela? —Ele deixou cair as mãos. — O que vai acontecer
com ela?
— Manny, Ehlena e Jane estão fazendo o que podem. Mas queremos
que todos os formandos voltem para a base de casa. O ônibus está aqui.
Merda, ele nem sequer tinha notado isso.
Enquanto lutava para se levantar, a grande mão de Rhage estava lá
para ajudar—e quando ele estava no nível, o Irmão começou a revistá-lo.
— O que você está fazendo? —Perguntou ao seu professor.
— Removendo suas armas.
— Estou preso?
Rhage negou com a cabeça. — Não, você está olhando pra caralho
como suicida.

Peyton não teve idéia de quanto tempo demorou para voltar ao centro
de treinamento. O tempo deixou de ser algo que poderia ser medido em
qualquer tipo de unidade—era mais como a vastidão do espaço, nunca
terminando, incalculável, maior do que ele e qualquer outra pessoa. Ele
também não estava exatamente certo de como ele veio para o subterrâneo
e nas instalações da Irmandade. Ele não tinha lembrança do passeida
viagem de ônibus, ou de entrar na instalação, e ele não se lembrava de
como ele havia acabado na sala de descanso, sentado em uma cadeira.
Deve ter havido alguma atividade envolvida. Era certo como a
merda, ele não se desmaterializou pelo corredor ou foi transportado aqui.
Seu cérebro estava dissolvido ...
Deus, ele não quis usar essa palavra.

111
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Levantando os braços, ele descobriu que havia uma garrafa de bebida


alcoólica em uma de suas mãos—gin, desta vez, Beefeater . E a tampa
estava aberta. E alguém tinha tomado um quarto do que estava lá.
Com a renúncia de um prisioneiro com uma pena de prisão perpétua,
olhou em volta da sala de descanso. Ele estava sozinho, e o relógio lá
disse que um par de horas tinha passado.
Quanto tempo Novo estaria em cirurgia? Ele pensou. Rhage entrou
em um ponto e disse-lhe que tinha sido estabilizada no beco, mas que
precisava de mais tempo na sala de cirurgia aqui na clínica.
Ela estava viva?
A porta da sala de descanso abriu-se, e quando viu quem era, ele se
concentrou na garrafa de gim. Pedindo ao braço para trazer aquela
garrafa de volta para sua boca, ele ficou frustrado quando seu membro se
recusou a obedecer.
Interessante. Parecia que ele estava paralisado.
— Como ... você está? —Perguntou Paradise dentro do quarto.
Como as coisas dificilmente poderiam piorar, ele descobriu, que se
foda, e olhou para ela. Seus olhos estavam vermelhos e inchados de tanto
chorar, o rosto vermelho brilhante dela ter enxugado as lágrimas no frio,
e suas mãos tremiam quando ela fechou e abriu o zíper e voltou a prender
sua jaqueta preta.
— Bem, e você? —Ele murmurou.
— Peyton, vamos lá.

Beefeater Gin é uma marca muito famosa de gim produzido no Reino Unido. Atualmente pertence e é
distribuído pela Pernod Ricard.

112
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— O que você quer que eu diga? Eles retiraram minhas armas porque
achavam que eu ia me matar—e você sabe, acho que a lógica era muito
boa. Isso responde à sua pergunta?
Quando ela apenas olhou para ele, ele amaldiçoou. — Me Desculpe.
Abaixando os olhos, ele virou a garrafa nas mãos até que ele pudesse
inspecionar o pequeno guarda inglês no rótulo. Homem, se houvesse
apenas uma maneira de mudar de lugar com um desenho
bidimensional—ele preferia não ser mais do que uma imagem.
— Alguma palavra sobre ela? —Ele perguntou grosseiramente.
— Ainda não. Nós estamos apenas lá fora, esperando. Ehlena disse
que ainda ia demorar um pouco.
— É por isso que você veio aqui? Para me dizer isso.
— Eu achei que você tinha o direito de saber.
— Eu aprecio isso. —Ele tomou uma tremenda inalação. — Você
sabe, eu realmente deveria ter deixado você fazer seu maldito trabalho.
— Peyton ...
Vagamente, ele se perguntou se ela iria dizer seu nome assim pelo
resto de suas vidas. Como se fosse um soluço com sílabas.
Ela veio para a frente e sentou-se na cadeira em frente a ele. — Isso
foi um erro. Algum tipo de reação instintiva.
— Se ela morrer, eu sou um assassino.
— Você não é.
Peyton apenas balançou a cabeça. Então ele olhou para ela e fez os
olhos ficarem parados.
Os fios de cabelos loiros que haviam escapado de seu baixo rabo de
cavalo brilhavam nas luzes embutidas do teto, dando-lhe um halo—o que
parecia apto. Ela era uma santa, uma fêmea com um coração de ouro.

113
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E então ele pensou naquele tiro crackerjack66 que tinha explodido a


cabeça do Lesser.
Ok, tudo bem, ela tinha um coração de ouro e a pontaria de um
sniper .
Com uma clareza abrupta, ele lembrou-se de sua volta durante a
orientação, ajudando-o a continuar depois de ter comido aqueles hors
d’oeuvres envenenados que o deixaram doente, puxando-o até que
finalmente desabou por exaustão na parte final do teste de resistência
brutal. Depois disso, ela continuou. Ele também tinha tantas imagens
dela na aula, sempre prestando atenção, trabalhando tanto para se
preparar para testes, fazendo boas perguntas. Ela trouxe o mesmo foco e
dedicação a todas as partes do treinamento físico, também, seja combate
corpo-a-corpo, ou puxando ferro na sala de musculação ou corrida de
obstáculos.
Ela estava totalmente qualificada para fazer o trabalho em que ela
estava.
E o que era mais? Ele estava disposto a apostar que nunca teria feito
o que ele tinha feito naquele beco. Ela nunca entraria onde não fosse
necessária.
— Instintivo, —ela tinha chamado sua reação.
Não, não era isso. Ele estava protegendo-a como se ela fosse sua
fêmea. Colocando-se em perigo para salvá-la—quando de fato, ela não
precisava ser salva e não era sua preocupação. Se tivesse sido qualquer
outra pessoa enfrentando esse Lesser? Ele não teria interferido.
Franzindo o cenho, ele percebeu que ela estava mexendo com algo
na garganta. Um pequeno pinjente em uma corrente. Ela nunca usou algo

E uma gíria e significa, habilidoso, excelente.


Atirador de elite
aperitivos

114
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

assim antes, e Deus sabia que a jóia de sua mãe era todas peças de coleção
importantes, não algo tão delicado e simples.
Tinha que ser de Craeg.
Ouro branco, provavelmente, pensou. Nem platina. E, no entanto,
ela sem dúvida pensou que não tinha preço.
Enquanto observava seus dedos esbeltos se preocuparem com o
pingente do seu colar delicado, ele tinha a convicção muito clara de que
ele precisava deixar ir sua fantasia.
— Escute, Peyton, sobre o que você disse na noite passada ...
— Eu não disse nada. Era uma piada. Uma piada estúpida em um
momento ruim. —O silêncio que se seguiu sugeriu que ela tinha feito os
cálculos sobre o seu movimento de defesa lateral Gronk se movendo
para ela naquele beco e sabia que ele estava mentindo. Mas naquele
momento, com certeza, como se a conversa estivesse sendo transmitida
por alto-falantes, a porta se abriu, e sim, é claro, era Craeg.
— Eles estão fechando ela agora, —o homem anunciou com uma
voz dura.
Uau, Peyton pensou enquanto o homem olhava para ele. Esse olhar
poderia fazer tanto dano como uma bala de ponta oca—e ele deveria
saber—porque ele havia sido baleado na cabeça no campo.
— Ela vai ficar bem? —Disse Paradise enquanto se levantava e foi
até seu companheiro. — Ela vai?
— Eu não sei. —O abraço que os dois compartilhavam era sobre o
apoio mútuo—e não fez Peyton se sentir como um estranho.

Robert Gronkowski ‘Gronk’ é um jogador profissional de futebol americano que joga na posição de tight
end pelo New England Patriots da National Football League.

115
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Apropriadamente. — Ela está em estado crítico. Mas eles estão


procurando voluntários que ela pode se alimentar, o que significa que ela
tem uma chance. Ouça, você está bem se eu lhe der a minha veia ...
— Oh, meu Deus, sim. Claro.
Peyton falou. — Ela não vai querer isso comigo.
Aqueles olhos hostis se voltaram para ele. — Ninguém está lhe
perguntando.
Oh, então vai ser assim, pensou Peyton. Mas não era difícil entender a
posição do cara.
Porra.
Antes que Craeg pudesse partir para cima dele, Paradise colocou-se
entre eles e empurrou o menino para trás, as palmas das mãos no peito.
— Relaxe, ok? Não precisamos de mais lesões na equipe.
Ela baixou a voz naquele momento e houve uma troca privada entre
os dois, que todas as palavras rápidas em um volume de shhh. E então,
Craeg socou a porta traseira aberta e saiu.
Paradeise respirou fundo. — Olha ... Eu acho que nós precisamos
conversar.
— Não. Nós não e nós não vamos.
— Peyton. O que aconteceu está noite ...
— Nunca vai acontecer de novo. Muito provavelmente porque eles
vão me jogar para fora do programa, mas, mesmo se não o fizerem, eu
não estou cometendo este erro novamente. Você esta por sua conta.
— Espere um minuto. Com licença? Eu não preciso de você
cuidando de mim. Eu posso cuidar de mim mesmo.
— Eu sei, eu sei. —Ele esfregou o rosto. Tomou outro gole da
garrafa. Queria gritar. — Já acabou, Paradise. OK? Está feito—e pare de
olhar para mim desse jeito.

116
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Como o quê.
— Eu não sei.
Havia um longo silêncio. — Peyton, eu sinto muito.
— Eu fui o único que cometeu um erro, não você. —Para cobrir o
duplo significado, ele balançou a cabeça. — Vou me desculpar com
Craeg, também. Você não precisa me dizer.
A porta se abriu de novo, mas desta vez, o irmão Rhage colocou a
cabeça dentro. — Ok, Novo está fora da cirurgia, e pelo menos ela está
viva. Então, você e eu precisamos fazer um relatório do incidente e, em
seguida, vamos marcar uma consulta para que você consiga uma
avaliação psicológica.
Quando Peyton não respondeu, o irmão acenou para o corredor atrás
dele. Vamos, filho, você tem que me seguir para o escritório.
Quando Peyton levantou-se, ele pensou que era um triste comentário
sobre sua vida quando uma interrupção exigia que você justificasse uma
ação injustificável, foi um passo além de sua outra opção—o que acabou
por ser uma discussão animada sobre o amor não correspondido com o
objeto de seu afeto não recíproco.
Ah, sim, escolhas, escolhas.
No caminho da saída, ele colocou o Beefeater gin sobre uma mesa
lateral e, quando ele chegou a Paradise, ele fez uma pausa.
Estendendo a mão, ele colocou a mão em seu braço e deu-lhe o que
ele esperava que fosse um aperto tranqüilizador. — Eu sinto muito. Por
tudo. Está tudo sobre mim, tudo minha culpa.
Antes que ela pudesse responder, ele soltou e saiu.
No hall de concreto, o resto dos recrutas, juntamente com um
número de irmãos, estavam em torno da área clínica, e todos passaram a
estátuas ao vê-lo, arrastando as botas e silenciaram as palavras
sussuradas.

117
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele não tinha idéia do que dizer a nenhum deles.


Então ele apenas abaixou a cabeça e continuou.

Dez

— Você vai querer virar à direita aqui nessa bifurcação da estrada.


Enquanto Saxton falava, ele apontou para o pára-brisa embora que
os faróis do caminhão já estavam mostrando o caminho. Ao lado dele,
Ruhn estava atrás do volante, uma das grandes mãos do macho
descansando confortavelmente no volante, a outra palma na alavanca da
marcha próximo a sua coxa.
O tio de Bitty era um motorista consumado. Suave e estável, no
controle total da enorme Ford—seja lá o que fosse—embora houvesse
neve gelada o suficiente na estrada para rivalizar com o Alaska.
Era bom sentir-se seguro.
E então, havia o fato de o macho cheirar de forma incrível. Um
perfume limpo e poderoso, que era sabão e shampoo e creme de barbear,
mas nenhum dos tipos extravagantes. Então, novamente, Ruhn?
Palmolive era uma colônia.
— Da próxima vez podemos desmaterializar, —disse ao macho. —
Desculpe-me por não conhecer ainda os prós e contras de Caldwell.

118
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Bem, nós poderíamos ter tido você tomando na minha veia, e você poderia ter
me seguido ...
Saxton fechou esse processo de pensamento diretamente. — O carro
não foi ruim. Na verdade, faz um tempo desde que eu andei em num
veículo motorizado. É bastante agradável, não é.
Ele tinha esquecido como os automovéis podiam ser hipnóticos, o
silêncio do motor, o fluxo constante de ar quente nos pés, a paisagem
suavemente desfocada—que, neste caso, era tudo sobre os campos
agrícolas suaves cobertas de neve intocada.
— Posso te perguntar uma coisa? —Ouviu-se dizer.
— Você está muito quente? —Ruhn olhou para o lado. — Eu posso
diminuir a temperatura?
Quando o macho estendeu a mão para os mostradores, Saxton
sacudiu a cabeça. — A temperatura esta perfeita. Obrigado.
Depois de um momento, Ruhn olhou para o lado novamente. —
Estou indo rápido demais?
— Não, você é um ótimo motorista.
Isso era um rubor atingindo suas bochechas? Perguntou-se Saxton.
— De qualquer forma, eu estava curioso ... —Ele limpou a garganta
e não conseguiu identificar por que isso pareceu estranho. — Eu não sabia
que você tinha um histórico que se envolveu em luta. Estou assumindo
que estava na guerra. Você se envolveu com o inimigo na Carolina do
Sul?
Quando não houve resposta, ele olhou por cima. A mão de Ruhn não
estava mais à vontade no volante, os nódulos mostrando branco—e
aquelas sobrancelhas estavam franzidas.
— Me desculpe, —murmurou Saxton. — Eu ofendi você. Me
desculpe.

119
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não, não é isso.


O homem não continuou, no entanto, e seu próximo desvio chegou
antes de qualquer resposta chegar.
— Aqui, vire para direita, —Saxton murmurou.
Ruhn desacelerou e ligou o pisca-pisca, e executou a mudança
direcional. Então, cerca de duas centenas de metros mais adiante, um
letreiro discretamente iluminado mostrava o Blueberry Farm Estates ao
lado da estrada.
Saxton falou no silêncio espesso. — É onde seus pais moram—quero
dizer, Rocke e Lyric. O pai e a mahmen de Blaylock. Eles foram os que
vieram a mim com a questão, de modo que a fêmea mais velha deve estar
aqui um pouco mais adiante.
— É isso? —Perguntou Ruhn quando eles encontraram uma única
caixa de correio com um número pintado à mão.
— Esse é o endereço, sim.
A entrada de automóveis para a propriedade não foi arada, mas havia
pelo menos um conjunto de faixas marcando a cobertura de neve. Talvez
os humanos que estavam assediando a mulher lhe tivessem feito outra
visita?
— Isso será acidentado, —disse Ruhn. — Segure-se.
Saxton levantou uma mão para segurar na alça da porta enquanto
balaçavam e arrastaram-se para fora da estrada do condado e iam para
uma pista que poderia acomodar um carro no máximo. Árvores e
arbustos estéril caiam na altura dos ombros, como se a Mãe Natureza
desaprovasse a intrusão e procurasse retificar da única maneira que sabia.
Inclinando-se para a frente, ele olhou para cima e imaginou nos
meses quentes que um túnel de folhas formaria em cima.
E lá estava a casa da fazenda.

120
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A mansão era maior do que ele achou que seria. Ele tinha imaginado
em sua cabeça algo do tamanho de uma casa de hobbit com persianas
talvez gastas e uma chaminé que parecia confiável. Em vez disso, a
estrutura era uma casa de tijolos adequada, com quatro janelas de doze
envidraçadas na parte inferior, a porta da frente ampla, e oito janelas de
seis envidraçadas na parte superior. O telhado de ardósia era sólido e
claramente capaz de sobreviver ao apocalipse, e sim, havia persianas, mas
todos elas estavam perfeitamente penduradas e pintadas de preto.
Fumaça enrolada de ambas as chaminés. Que eram retas como
flechas.
Havia também uma árvore.
Ou mais ... Uma árvore.
No centro do anel em frente à casa, uma árvore de bordo graciosa e
de troncos grossos surgiu do chão como se estivesse alcançando os céus,
grandes membros esticando-se para cima, a forma tão perfeitamente
equilibrada, certamente provou que a mão da Providência existia e que o
Criador era de fato um artista.
E, no entanto nem tudo estava bucólico e em repouso tranquilo.
A janela do segundo andar no canto esquerdo faltava um painel de
vidro. Ou, pelo menos, ele assumiu que era o caso, pois parecia haver um
pedaço de madeira compensada em um dos seis quadrados.
Por algum motivo, isso o arrepiou muito mais que o tempo frio não
fez.
Ruhn trouxe o caminhão para uma parada em frente aos passos rasos
que levaram a essa porta brilhante. — Nós somos esperados, sim? —Disse
o macho.
— De fato. Ou melhor, liguei para a neta. Não tenho um número de
contato para a fêmea.

121
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton abriu a porta, o frio do inverno se precipitou como se estivesse


inclinado a conquistar o calor que criaram artificialmente e, ao colocar
seus Merrells na neve, o som estridente e esmagador era um testemunho
de que a temperatura ambiente estava abaixo de zero. Respirando
profundamente, o cheiro de fumaça de madeira formigou em seu peito e
o fez pensar em anúncios para Vermont .
Havia luzes no primeiro andar, e através das cortinas separadas, ele
viu móveis caseiros, cujas linhas falavam com idades anteriores, bem
como paredes cobertas de papel, cujos padrões floridos tinham saído do
estilo nos anos vinte.
Esta não era uma vida em declínio, pensou, tanto quanto os velhos
caminhos preservados.
A porta da frente se abriu quando Ruhn se aproximou por traz da
cabine do caminhão, e a fêmea na entrada era, de fato, como Saxton
esperava: Ligeiramente curvada, com os cabelos brancos cortados em um
prumo e um rosto agradável que estava profundamente alinhado. Mas seus
olhos estavam alertas e o sorriso estava largo e o vestido caseiro estava
pressionado e tinha uma gola de renda fina.
Dada a forma como os vampiros envelheciam, que era
essencialmente de nenhuma maneira até o final de suas vidas, ela teve
uma década, talvez mais. Mas não muito mais do que isso.
— Você deve ser Saxton, —disse ela. — O procurador do rei. Eu sou
Minnie. Isso é uma abreviação para Miniahna, mas por favor me chame
de Minnie.

Merrells
Vermont (também chamado Vermonte, em português europeu) é um dos 50 estados dos Estados Unidos, localizado na região da
Nova Inglaterra. Vermont é o segundo estado menos populoso dos Estados Unidos (apenas o Wyoming possui uma população menor).
Vermont é também o estado mais rural do país. A capital é Montpelier e a maior cidade é Burlington.

122
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Enquanto Saxton avançava pela neve, ele notou que havia marcas de
pegadas pela varanda da frente. — Sim Madame. E este é Ruhn, meu ...
assistente.
Por trás dele, Ruhn murmurou algo e se curvou.
— Por favor, vocês dois não vão entrar?
Quando ela se afastou, Saxton subiu os degraus e Ruhn foi bem atrás
dele, seguindo-o para o interior quente e dourado. Os aromas de canela e
algo doce permeou o ar, fazendo-o perceber que ele tinha esquecido de
ter qualquer coisa para a Primeira Refeição e oh—que era a cera de
abelha?
Tirando a neve fora de seus sapatos no tapete, ele olhou ao redor.
Diretamente à frente, havia uma escada com um corrimão de madeira
esculpida que claramente tinha sido polida regularmente—e isso tinha
que ser onde ele estava apanhando esse cheiro de limão.
— Eu fiz o chá. —Ela indicou o salão da frente. — Vocês podem se
sentar?
— Claro, minha senhora. Eu acredito que devemos remover nossos
sapatos.
— Isso não é necessário.
— Não é mais que um momento. —E o que você sabe, Ruhn já
estava trabalhando nos cordões em suas botas. — Eu odeio molhar tudo.
— Eu aprecio isso, —disse Minnie. E quando Saxton curvou-se
novamente, a fêmea sorriu um pouco mais. — Você tem modos tão
bonitos. Você me lembra o meu Rhysland, que ele seja abençoado no
Fade.
— Que ele seja abençoado, sim.
— Sente-se aqui, enquanto eu trago as bebidas.

123
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Minnie partiu e Saxton escolheu um assento no sofá junto ao fogo.


Os azulejos holandeses em azul e branco haviam sido colocados ao redor
da lareira, e havia um tapete azul e branco antes do velho fender de
bronze. O resto da sala foi decorado em vermelho e azul-marinho
vitoriano.
Olhando por cima do ombro, ele olhou pela janela sobre a paisagem
de neve. Que lugar perfeito para ler um livro, pensou ele—e então ele
percebeu que estava sozinho em se sentir confortável. Ruhn ainda estava
de pé ao lado da porta, as mãos do macho cruzadas diante dele, a cabeça
inclinada, o corpo em repouso como se ele estivesse preparado para ficar
assim por quanto tempo eles estivessem na casa.
— Ruhn? Venha e se sente comigo.
Ruhn balançou a cabeça e não olhou para cima. — Eu preferiria
esperar aqui perto da porta.
— Eu acredito que seria mais estranho se você não se sentasse
conosco.
— Oh. OK.
O macho pareceu mergulhar mais ainda dentro de seu casaco,
embora o frio fosse bem menor, devido ao calor do fogo, e Saxton tinha
o sentido de que Ruhn estava tentando parecer menor. E com certeza, ele
se sentou na outra extremidade do sofá lentamente como se ele não
quisesse seu peso total sobre o móvel.
Por nenhuma boa razão, e provavelmente uma má, era difícil não
perceber o quão perto eles estavam. O confortável sofá era grande para
dois, desde que um deles não fosse tão grande quanto Ruhn ... E suas
coxas estavam quase se enconstando.

Defesa. limitador para lareira

124
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Você está aqui para fazer seu trabalho, ele informou à sua libido. Não
cobiçar seu guarda.
Minnie entrou com uma bandeja, e antes de chegar muito longe,
Ruhn se levantou do sofá e tirou o peso dela.
— Onde posso colocar isso? —Ele perguntou.
— Oh, aqui mesmo. Por favor.
Ruhn colocou a bandeja na mesa de café, quando ele se abaixou, a
luz do fogo pegou os cabelos mais longos no topo da cabeça e fez o flash
com destaques como cobre novo em raios de lua.
Como seria se ele tocasse ...
— Saxton? —Disse Minnie.
Quando ele olhou para ela, e viu que a fêmea o olhava com inquérito,
ele fez uma aposta. — Eu adoraria um pouco de chá. Obrigado.
— É Earl Grey .
— O meu favorito. —Ele se forçou a se concentrar e passou a olhar
para a lareira. — Eu devo elogiá-la sobre os ladrilhos de Delft ao redor
da lareira. Eles são extraordinários.
Minnie sorriu como se ele tivesse acabado de dizer que ela era a
jovem mais brilhante do planeta. — Meu Rhysland, ele os trouxe de nossa
casa do Velho País. Ele os comprou de um mestre humano de lá, e eles
tinham estado em torno de nosso lar desde 1705. Quando ele decidiu que

Earl Grey é o nome dado a qualquer tipo de chá aromatizado com óleo essencial de bergamota. O tipo mais
frequente de Earl Grey é à base de chá preto, mas a designação também se aplica a infusões aromatizadas de chá verde e chá branco.

Ladrilhos de Delft - ladrilhos holandeses de mesmo nome, que propõem uma decoração elegante e repleta de
referências culturais, característica marcante.

125
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

deveríamos atravessar o grande mar para encontrar uma vida melhor


aqui, ele sabia que estava com o coração partido por ter que sair, e ele os
removeu sem o meu conhecimento, embalando-os com cuidado. Nos
levamos cinquenta anos para poder pagar essa terra, e depois mais dez
antes de podermos construir esta casa, mas meu Rhysland ... —Enquanto
seus olhos marejavam, ela tirou um lenço do bolso no vestido. — Ele não
me disse o que ele tinha feito, e ele os instalou aqui como uma surpresa.
Ele me disse que eles eram uma ponte para o nosso futuro, um empate
que trouxe nosso passado conosco.
Enquanto Minnie procurava se compor, Saxton se inclinou para
examinar os azulejos para lhe dar alguma privacidade—e então ele
simplesmente estava cativado. Cada um dos azulejos brancos tinha uma
pequena cena caprichosa no centro feito em azul, as representações de
moinhos de vento e paisagens, barcos de pesca e pessoas em seu trabalho,
executadas em um estilo alegre e o pintor partiram com redemoinhos
decorativos nos cantos. O efeito geral foi espetacular—e valiam uma
pequena fortuna. Estes eram do período dos mestres.
— Você deseja mais um cubo de açúcar, advogado?
Saxton assentiu. — Sim, obrigado, senhora. Apenas um.
Uma xícara de porcelana foi passada para ele, e ele agitou o cubo no
fundo afastado com uma colher de prata pequena. Ruhn recusou o chá,
mas pegou um grande pedaço de bolo de café com canela.
— Isso parece delicioso. —Saxton acenou com a cabeça quando uma
fatia lhe foi oferecida. — Eu pulei a Primeira Refeição.
— Um tem que comer. —Minnie sorriu. — Eu sempre digo a meus
netos isso. Embora estejam bem depois de suas transições e vivendo suas
próprias vidas, cuidei deles quando minha filha morreu tragicamente na
cama de parto. Nunca mais deixei de ser um dos pais—vocês estão
acasalados com jovens?
Saxton tossiu um pouco. — Eu não estou. Não.

126
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— E você? —Minnie perguntou Ruhn.


— Não, minha senhora.
— Bem, —ela anunciou enquanto se sentava em uma cadeira de
balanço com seu próprio chá. — Devemos corrigir isso, não deveríamos.
Você sabe, minha neta não é casada e é bastante amável.
Quando Minnie indicou uma pintura a óleo atrás dela, Saxton
observou obedientemente. A fêmea era bastante adorável, com cabelos
longos e escuros e até as características. Os olhos estavam mostrando
objetivamente, uma inteligência aguda irradiando para fora deles, e o
sorriso sugeria que ela era gentil, mas sem ser boba.
— Ela odiava esse vestido antiquado que eu fiz para ela vestir. —
Minnie sorriu. — Minha neta é da era moderna, e o vestido é um que eu
usava há muito tempo, quando eu tinha a idade dela. Eu fiz isso para
quando eu conheci Rhysland e manteve-o seguro. Acho que eu esperava
que iria ajudá-la a ver o valor em se estabelecer com um bom
companheiro e viver a vida que tenho. Ela tem outros planos, no
entanto—o que não quer dizer que ela não é virtuosa.
Saxton olhou para Ruhn. O macho também examinava o retrato, e
por algum motivo, qualquer opinião que ele estava se formando parecia
terrivelmente importante. Ele a achou atraente? Ele queria conhecê-la? Como
um macho solteiro, com um convite do chefe da família, não seria
inadequado para ele se envolver em uma reunião supervisionada. Ele não
era um aristocrata, e nem era Minnie e seu clã, mas ainda havia regras de
conduta a serem considerados.
— Você menciona que você tem outros netos? —Perguntou Saxton.
— Eu estava ciente apenas de que você tinha uma neta.
Minnie ficou pensativa. — Rhysland e eu também temos um neto.
Mas não temos ficado tão perto dele.
— O que você quer dizer? E me perdoe se eu estou curioso, mas estou
curioso como ele se relaciona com os seus problemas com esta casa.

127
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Houve uma longa pausa. — Não é que eu não ame meu neto. Há, no
entanto, um lado para ele que eu luto para entender e aceitar. Ele parece
preferir o caminho mais fácil, e isso foi algo que o levou a um grande
conflito com seu avô.
— Sinto muito. As relações podem ser complicadas.
— Sim, eu temo que meu neto esteja prestes a descobrir exatamente
como isso é verdade. —Minnie colocou o chá de lado e levantou-se. —
Mas essa é a sua jornada, não a minha, para tomar.
A fêmea mais velha atravessou a sala, inclinou para um abajur fora
do centro e endireitou ... Então moveu um geode de ametista para cima e
de volta em uma mesa lateral ... Depois disso ela endireitou um
travesseiro.
— Por favor, conte-nos o que está acontecendo com sua casa,
Minnie, —disse Saxton suavemente. — Estamos aqui para ajudá-la.
— Isso é o que a minha neta me disse. Mas eu acredito que isso é
muito barulho por nada.
— Tanto a sua neta e seus vizinhos não parecem pensar assim.
— Está se referindo a Rocke e Lyric?
— Sim.
— Oh, eles são tão boas pessoas.
Saxton olhou para aqueles azulejos azuis e brancos ao redor da
lareira. E então reorientado para a fêmea. — Minnie, não vamos deixar
sua propriedade ser tirada de você ilegalmente, seja por humanos ou
vampiros.

Os geodes ou geodos (do grego, geoides, terroso) são formações rochosas que ocorrem em rochas vulcânicas e
ocasionalmente em rochas sedimentares. São essencialmente cavidades que se formam nas rochas, apresentando-se revestidas por
formações cristalinas, muitas vezes apresentando a forma de faixas concêntricas. O exterior dos geodes mais comuns é geralmente
constituído por calcário, enquanto que o interior contém cristais de quartzo e/ou depósitos de calcedónia. Outros geodes apresentam-se
completamente preenchidos com cristais, apresentando-se como uma massa sólida, e tomam o nome de nódulos.

128
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Vocês servem o rei, no entanto.


— E você acha que Wrath, filho de Wrath, não é poderoso o
suficiente para alcançar o mundo humano? Eu lhe asseguro, ele é.
— Meu hellren sempre disse que os seres humanos eram melhor
deixados para seus próprios dispositivos.
— Perdoe-me, minha senhora, —Ruhn colocou o bolo de café
parabaixo, meio comido — mas isso só é verdade se eles estão cumprindo
suas próprias regras.
Ela sorriu e voltou para a cadeira de balanço. — Isso é exatamente o
que Rhysland teria dito.
— Diga-nos, —disse Saxton gentilmente.
Foi um tempo antes que a mulher falasse. E quando o fazia, era como
se ela estivesse relatando os fatos para si mesma—tentando como se para
determinar se a realidade que os outros estavam vendo era de fato o que
estava acontecendo.
— Meu amado hellren foi ao Fade há dois anos. Minha neta, que
mora mais perto da cidade, me disse para vender a casa e ir morar com
ela. Isso seria uma intrusão, e, além disso, essa é a minha casa. Como eu
poderia deixá-lo—quero dizer, isso. A—subdivisão, acho que é o que os
humanos chamam—a porta ao lado foi construída por aí. Eu me lembro
quando eu não conseguia dormir durante os dias, ouvindo o martelar e
todos os caminhões que entravam e saiam na estrada. Eu fui abordada
pela primeira vez sobre vender essa propriedade talvez seis meses depois.
Os seres humanos gostavam do que estavam construindo e as casas
vendiam bem, então eles queriam se expandir.
— Quem veio até você? —Perguntou Saxton.
— Um homem chamado Mr. Romanski. Ou, não ... espera, foi um
advogado ou alguém o representando? Não consigo lembrar. Eles me
enviaram uma carta em primeiro lugar. Então eles ligaram—eu não tenho

129
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

certeza de como eles conseguiram o número. E quando eu não respondi


a ambos, eles voltaram a ligar. Mais cartas. Então as pessoas começaram
a bater na porta durante o dia em que eu estava lá embaixo. Rhysland
tinha instalado uma pequena câmera na entrada da frente, pouco antes de
passar para o Fade e então eu podia ver os homens humanos. Primeiro,
era apenas um. Então eles vieram em pares. Era uma vez a cada duas
semanas. E então, mais freqüentemente.
Saxton sacudiu a cabeça. — Quando foi que ficou pior?
Minnie trouxe a mão para a base de sua garganta. — Eles começaram
a deixar essas mensagens telefônicas que eu estava inadimplente na
minha hipoteca? Nós não temos uma. Como eu disse, meu hellren
construiu esta casa há dois séculos. Então eles disseram que havia algo
tóxico na terra—e foi nesse ponto que as autoridades humanas
começaram a chamar de algo chamado EPA ? Eles queriam entrar na
propriedade. Eu os deixei e eles não encontraram nada. Então, foi um
problema com impostos humanos que não existiam. O lençol freático.
Tem sido ... muito estressante.
A fêmea mais velha olhou para as janelas. — Naturalmente, não
posso sair à luz do dia, então não posso ir ao encontro de nenhuma dessas
agências humanas—e isso fez com que eles ficassem desconfiados. Eu tive
que pedir ao doggen de um amigo fingir ser eu e isso me fez sentir ainda
pior porque eu era imponente. E depois …
— O que aconteceu depois? —Saxton murmurou.
— Alguém tirou fora uma das minhas janelas duas noites atrás. Eu
estava lá embaixo no momento e eu ouvi o som de estalo e depois o vidro
quebrando todo o chão. Foi no que teria sido o quarto principal se eu não
dormisse no subsolo.
Em primeiro lugar, Saxton não tinha idéia de onde o rosnado suave
estava vindo. E então ele olhou através do sofá. Ruhn estava mostrando

Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA, na sigla em inglês)

130
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

suas presas—que tinha descido todo o caminho, seus pontos como os de


facas—e seu corpo já grande pareceu ter aumentado com a agressão,
tornando-se algo enorme e muito mortal.
Como Saxton notou a transformação, seu cérebro se bifurcou,
metade ficando envolvida com Minnie e a história ... E a outra metade?
Tudo o que ele podia pensar era o que seria fazer sexo com isso.
Abruptamente, Ruhn fechou os lábios e apareceu se recuperar.
Corando, ele disse: — Perdoe-me. Mas eu me importo que você seja
tratado como tal em sua própria casa. Não é certo.
Minnie, que ficou ligeiramente alarmada, sorriu mais uma vez. —
Você é um macho jovem e adorável, não é.
— Não, eu não sou, —Ruhn sussurrou enquanto baixava os olhos.
— Mas eu iria mantê-la salva aqui, se eu pudesse.
Saxton teve que se forçar de volta ao tópico em questão. Caso
contrário, ele estava prestes a olhar aquele rosto para a próxima noite e
meia.
Limpando a garganta, ele disse: — Há quanto tempo foi isso de
novo?
— A noite anterior. Eu não disse a minha neta, é claro. Não posso
tê-la ainda mais preocupada. Mas eu liguei para Rocke e ele veio para
consertar o vidro com um pedaço de madeira. Acabei dizendo-lhes tudo,
e agora você veio esta noite.
Saxton pensou no que ele notou na aproximação da casa, que algo
não era-como-os-outros naquela janela no segundo andar.
Isso era muito mais grave do que ele pensava.

131
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Depois que a Sra. Miniahna completou sua história, Ruhn pegou a


bandeja com todos as coisas e o chá de volta para a cozinha. Ele estava
tentando ser educado e também se tornar útil, mas o que ele realmente
queria fazer era inspecionar o nível mais baixo da fazenda. Havia
persianas durante o dia que haviam sido colocadas na parte de trás da
casa, e isso lhe deu alguma garantia—exceto que ele não conseguia
entender por que os frontais permaneceram abertos. Ela deveria ter tudo
bem vedado.
Ao atravessar os quartos simples e espaçosos, ele notou a sala de
jantar ao longo das costas. A biblioteca é para o lado. O banheiro pequeno
debaixo das escadas. Uma despensa e uma série de armários.
Nos recessos de sua mente, ele não podia deixar de notar a madeira
sobre as molduras, os móveis e, especialmente, os painéis e prateleiras na
biblioteca. Seu hellren deve ter sido um escultor mestre da variedade da
velha escola, e por algum motivo, isso fez Ruhn sentir-se ainda mais
protetor da Sra. Miniahna. Então, novamente, esse era o tipo de pessoas,
civis, que trabalhavam para viver e ganharam o caminho com
honestidade. O que não foi para dizer que ele não respeitava os Irmãos.
Como soldados, eles trabalhavam tão duro e em situações perigosas,
mesmo fatais. Não, ele estava pensando na glymera ... Do povo de Saxton
... Embora ele não quis dizer nenhum desrespeito a esse macho
especificamente—certamente o advogado havia se levantado acima da
natureza sem mudanças de tanta classe, pois Ruhn sabia bem quanto
fazia.
Mas sim, os altos níveis de raça.
Na verdade, talvez fosse por isso que Ruhn se sentia tão
desconectado na mansão. Estar rodeado de todas as armadilhas de grande
riqueza, ele achou difícil conciliar quem eram as pessoas com os ativos
da mais alta ordem social de vampiros. Esta casa era seu estilo, no
entanto. Maior do que ele jamais viveria por conta própria, mas tão
amorosamente construída e apreciada.

132
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Esses malditos humanos.


De fato, embora ele tenha feito um voto de não retornar aos seus
modos antigos, ele seria feliz para resolver esta pequena dificuldade. Pela
força, se necessário.
Retrocedendo para a cozinha, ele voltou ao salão. Saxton estava
inclinado para frente em sua almofada no sofá, suas mãos acenando em
ênfase.
— ... pense que precisamos chegar a eles em seu nome.
— Oh, eu não gostaria de incomodar, —dizia a senhora. — Todos
vocês trabalham para o Rei. Você tem assuntos mais sérios do que isso
para resolver.
— Seria um prazer ser útil para você.
— Não, devo insistir em fazer nada. Todos estarão bem—certamente
eles ficarão entediados com isso logo?
Enquanto Saxton roçava uma mão impaciente através de seus
cabelos loiros e espessos, Ruhn notou a forma como as ondas se
reassentavam no lugar, montando um topete que foi para um lado.
Parecia estranho notar uma coisa dessas, e Ruhn teve o cuidado de
redirecionar sua atenção para a senhora.
— Por favor, —ele se ouviu dizer. — Eu não me sentiria bem em
deixar você aqui para combatê-los sozinho.
— Deve ser uma briga, no entanto? —Velhas mãos torciam em seu
colo. — Mais uma vez, talvez eles apenas se cansem de mim.
Saxton falou. — Eles usaram uma arma para ameaçá-la. Você acha
que eles vão desistir ...
— Perdoe-me, —Ruhn interrompeu. — Mas eu percebi quando
estava na sua cozinha que as persianas na parte de trás da casa estavam
fechadas—e ainda os da frente não estão? Por que eles estão abertos?

133
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Miniahna corou. — As janelas são pintadas com tintas depois de


todos esses anos, e a única maneira de fechar as persianas é fazê-lo
manualmente do lado de fora. Eu os abri antes da tempestade para que
eu pudesse desfrutar da luz do luar—e provar que não estava com medo.
Mas, em seguida, a nevasca veio ... E eu tive medo de ir lá sozinha. Eu
juro que fiquei nos quartos na parte de trás da casa, exceto esta noite.
Com você vindo, eu percebi ... Bem, se eu estiver sendo observada, é bom
que eles vejam que há pessoas aqui, é que eu não estou sozinha. Ou estava
errada? Oh, céus, eu os coloquei em perigo ...
Ruhn levantou a palma da mão. — Não pense mais nisso. Você fez
a coisa certa. Mas posso ir e fechá-los para você?
— Você faria? —Miniahna começou a piscar rapidamente. — Isso
seria de muita ajuda.
— Trabalho de um momento.
Ruhn deu a Saxton um aceno de cabeça e foi até a porta da frente
para colocar suas botas novamente. Quando ele se afastou da casa, o ar
frio fez os olhos dele e o interior de seu nariz arder, mas ele ignorou isso
quando ele saiu da varanda e deslizou entre as sebes e a casa. Ao fechar
as persianas uma a uma, ele bloqueou cada conjunto deles no lugar com
travas de gancho.
Um controle rápido nos lados da casa e ao redor da parte de trás o
satisfez que tudo estava em ordem, e então ele voltou para frente.
Ele não voltou para dentro imediatamente. Procurando na grande
árvore, ele pensou nessas trilhas ao longo do caminho.
Em um impulso, ele percorreu a neve profunda para o caminhão e
tirou uma lanterna. Ao acender o feixe, ele direcionou a luz nos ramos
estéril acima dele.
Ele encontrou a câmera remota de um lado, uma piscadinha sutil de
vidro piscando quando a iluminação atingiu a superfície reflexiva da
lente. Mas antes que ele fizesse alguma coisa sobre isso, ele continuou sua

134
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

investigação, fazendo uma excursão de cento e oitenta graus na


propriedade. Ele localizou a segunda câmara na parte traseira.
Desligando a lanterna, ele foi até a entrada da frente, pisoteou a neve
de suas botas no tapete e se deixou entrar.
Depois que ele fechou a porta, ele se inclinou para o salão. —
Senhora? Você disse que tinha uma câmera de segurança—você tem mais
de uma?
— Não por que?
— Sem motivo. Onde sua câmera está localizada de novo?
— Na esquina da casa sob os beirais, ali. —Ela apontou para a
direita. — É assim que eu posso ver quem está na porta. Há algo de
errado?
Ele balançou sua cabeça. — De modo nenhum. Eu volto já. Apenas
verificando todas as janelas.
Lá fora, ele localizou seu dispositivo de monitoramento e depois fez
outra passagem pela propriedade apenas para ter certeza de que não
perdeu nada. Depois disso, ele saiu da vista e desmaterializou-se no
grande bordo. Removendo essa câmera, ele se esgueirou para a
retaguarda e tirou a outro de sua montagem também. Ambos tinham
interruptores de ativação que eram fáceis de operar e ele os desligou—e
as unidades eram pequenas, de modo que o par se encaixava nos bolsos
profundos de sua jaqueta.
Quando voltou a entrar novamente, a Sra. Miniahna levantou os
olhos. — Está tudo bem?
— Sim, minha senhora. Tudo está em ordem.
— Você viu alguém?
— Não, eu não. —Ele olhou para Saxton. — Talvez ela devesse ter
nossa informação de contato?

135
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Sim, na verdade. —Saxton colocou uma mão elegante em sua


jaqueta. — Aqui está o meu cartão—Ruhn, não temos um para você, nós?
— Posso te dizer meu número? —Ele disse à senhora.
— Aqui está uma caneta. —Ela abriu uma pequena gaveta na mesa
lateral ao lado dela. — Você vai me escrever no cartão dele?
Ruhn congelou.
Mas, felizmente, Saxton suavizou a incompreensão ao tomar o que
ela ofereceu. — Ruhn? Qual é seu número?
Engolindo com dificuldade, recitou os dígitos e tentou não se sentir
como um estúpido.
— Aqui está. —Saxton levantou-se e deu à fêmea mais velha o
cartão. — Ligue para qualquer um de nós. Dia ou noite. Vou fazer minha
própria pesquisa de título independente na propriedade, embora eu não
espere encontrar nada digno de nota fora de lugar. E então vou contactar
o Sr. Romanski como seu advogado e ver o que podemos fazer sobre suas
dificuldades.
A Sra. Miniahna levantou-se e apertou o cartão para o coração dela.
— Estou muito agradecida. Na verdade, eu odeio ser uma imposição, mas
eu não sou ... Minha neta provavelmente está certa. Eu não deveria lidar
com isso sozinho.
— Você disse que sua neta não está longe?
— Cerca de trinta e dois quilômetros de distância.
Saxton assentiu com a cabeça. — Há uma boa chance de que as
coisas ficarão um pouco mais confusas antes de melhorarem. Eu não
posso dizer-lhe para desocupar sua propriedade, mas eu aconselharia isso.
— Eu realmente preferiria ficar.
— Nós entendemos. Por favor, considere a opção, no entanto.

136
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Depois que ambos se curvaram, e senhora deu boa noite, Saxton


voltou a colocar os sapatos e eles foram embora e entraram no caminhão.
— Então, eu encontrei algo, —ele disse enaquanto ele saia da estrada
da fazenda e entrava na estrada do condado.
— Conte-me.
— Aqui. —Ele tirou as câmeras do bolso. — Eu só vi dois. Talvez
ainda haja mais.
Saxton segurou ambas nas palmas das mãos. — Onde você
encontrou isso?
— Nas árvores. Eles a estão observando.
Quando Saxton disse algo vil sob sua respiração, Ruhn virou para
fora na estrada e pisou no acelerador.
— Eu não poderia concordar mais, —ele murmurou.
Nos próximos vinte minutos, o advogado do Rei fez alguns
telefonemas, um dos quais era para Vishous, e havia vários outros onde a
pessoa na outra extremidade não era imediatamente aparente.
Depois disso, eles estavam apenas indo juntos seguindo de volta ao
complexo da Irmandade.
— Eu vou com você quando você for falar com os humanos, —Ruhn
anunciou.
— Sim, eu devo estar pronto amanhã à noite ou na próxima. Tenho
uma pesquisa a fazer.
— E eu vou fazer viagens de rotina para fora lá na propriedade. —
Ele sentiu Saxton olhar para ele. — Você pode deixá-la saber—ou optar
por não contar a ela. Tudo o que você achar melhor. Mas eu posso
desmaterializar lá agora que sei onde é, e eu ficarei discreto. Eu não a
quero lá sozinha, no entanto.

137
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Precisamos falar sobre o que acontece se você se encontrar com


algum deles. Particularmente se for antes de terminar a minha
investigação sobre os registros de propriedade.
— Não vou machucá-los. Mas não devo ser gentil quando retiro sua
presença da propriedade da senhora.
De repente, um cheiro estranho atingiu o nariz de Ruhn ... Um
tempero escuro. E foi estranho. O que quer que tenha entrado no nariz e
de alguma forma em todo o seu corpo. Ele nunca sentiu nada tão bom,
na verdade. Isso foi ...
Ruhn franziu a testa enquanto algo em seu corpo se deslocava, um
instinto apressando engrossando seu sangue ... Engrossando em algum
outro lugar dele também.
Quando ele percebeu que ele estava excitado, ele recuou no banco do
motorista, com as mãos segurando o volante com força, suor florescendo
em seu peito e correndo em seu rosto.
Isso era atração sexual, ele percebeu com choque.
Em direção a .... um macho.
— Ruhn?
Ele saltou em seu assento. — Desculpe, o que?
— Você está bem? Você acabou de fazer um barulho estranho.
Ciente de que seu coração começou a bater com pânico, ele engoliu
através de uma garganta apertada. — Eu estou bem. Muito bem.
— Tudo bem. De qualquer forma, Vishous quer olhar as câmeras, e
as levarei para ele. E então eu vou ...
Como o advogado do rei continuou falando, Ruhn tentou
acompanhar a conversa, preenchendo os intervalos de silêncio com o que
esperava que fossem suporte apropriado e afirmando assentimentos e
ham, ham.

138
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Por trás de seus olhos, tudo em seu crânio, no entanto, ele estava
gritando.
A única coisa que definiu em sua vida, de volta ao que ele conseguiu
lembrar, era que ele não pertencia. Nem mesmo com seus pais amorosos
que ele havia crescido, e não com o que aconteceu durante os anos ruins,
não quando ele estava procurando por sua irmã perdida ... E nem mesmo
quando se juntou à Irmandade e morou em sua bela mansão e aceitou
coisas materiais que ele não tinha ganhado.
Ele era alguém que sempre tinah sido á parte e, por mais tempo, ele
assumiu—ou talvez orou—que todo esse isolamento seria aliviado por ele
encontrar, finalmente, o lugar no mundo onde ele pertencia.
Essa atração chocante? Para um macho? Parecia apenas um
lembrente mais indesejável de que ele nunca iria se encaixar. Afinal, esse
tipo de coisa pode ser aceito na glymera, mas nunca na classe civil.
— Ruhn?
Fechando os olhos brevemente, ele disse: — Sim?
— Você não parece bem.
— Eu estou bem. Não se preocupe, estou bem o suficiente para
cumprir o meu dever.
E ele iria completá-lo, independentemente desse momento ... o que
quer que fosse, depois do qual ele iria se despedir da família. Ele iria
encontrar um posto em algum lugar em uma das grandes propriedades
aqui em Caldwell para que ele ainda pudesse ver Bitty, e ele retomaria
seus caminhos de trabalho á mão, reparando e fazendo manutenção
manual.
Até que ele fosse reivindicado pelo Fade.
Uma vida não espetacular, talvez. Mas nem todos foram concedidos
grandes destinos, e quem era ele para pensar que ele era especial o

139
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

suficiente para garantir isso, de qualquer maneira. O que ele tinha certeza?
Ele tinha suficientes segredos que precisava manter.
Uma atração estranha e mal colocada para Saxton não seria
adicionada a essa lista.

Onze

Peyton acabou por não deixar o centro de treinamento para o dia, mas
ninguém fez isso. Todos os estagiários permaneceram—e ele teve o
cuidado de manter-se afastado deles. Após o interrogatório com Rhage,
ele saiu do escritório e considerou juntar-se aos outros para a comida que
ele podia sentir o cheiro na sala de descanso. Uma náusea não específica
e uma dor de cabeça na parte frontal altamente específica o curaram dessa
má idéia. E, além disso, a última coisa que alguém precisava era Craeg
estalando e continuando o ataque.
Embora, com a forma como Peyton se sentia, ele estava obrigado a
se deixar impotente, aceitando um rythe da velha escola.
Pelo menos, Novo ainda estava por aí. Craeg alimentou-a e também
teve Boone, pelo que tinham contado a Peyton. Ele ficou surpreso com o
fato de os Irmãos não terem sido usados, mas pareceu que a equipe

Rythe (n.) Forma ritual de lavar a honra, oferecida pelo ofensor ao ofendido. Se aceito, o ofendido escolhe uma arma e ataca o
ofensor, que se apresenta perante ele sem se defender do ataque.

140
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

médica reconheceu que os recrutas que queriam ser os que ajudavam o


soldado caído, mesmo que a Irmandade certamente tivesse um sangue
mais forte.
Deus ... Ele desejou poder ter lhe dado uma veia. E ela tinha que
estar pelo menos dentro e fora da consciência, caso contrário, ela não
poderia estar se alimentando.
Mas, novamente, ninguém perguntou a ele e ele sabia melhor do que
se voluntariar.
Deixado a sua própria sorte, ele fez o seu caminho para baixo, onde
estavam as salas de aula, e que estava no outro lado da porta número três
funcionou bem o suficiente: ele entrou na sala de aula vazia com mesas,
cadeiras e o quadro negro, onde Tohr ensinou-lhes sobre fabricação de
bombas e detonação, e V tinha feito um curso sobre técnicas de tortura.
Foda-se a álgebra. Eles realmente iriam usar esse tipo de coisas.
Bem, os outros iriam usá-lo. Apesar de Rhage não ter dito nada ainda
sobre chutá-lo para fora, ele tinha que acreditar que estava por vir.
E terapia? Com Mary?
Quem estava mesmo brincando? A última coisa que ele queria era ter
que falar com a shellan de Rhage sobre como ele estava se sentindo sobre o
que aconteceu. Inferno, passando pelos fatos tinha sido bastante difícil—
e, além disso, não era um grande mistério maldito. Culpa,
arrependimento, vergonha.
Vamos lá. Gostar, duh.
Depois de adarar por um tempo, deitou-se na mesa e olhou para o
teto, a parte inferior das costas apontando que não havia colchão debaixo
dele, o braço doendo porque ele o inclinava e usava a coisa como um
travesseiro. À medida que o dia passava, ele se levantava e andava de vez
em quando, arrastando as pontas dos dedos sobre as partes lisas das mesas
em que todos se sentaram enquanto estavam na aula.

141
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele queria voltar para a parte de estudante, quando a aprendizagem


tinha sido teórica. Tinha sido uma grande aventura naquela época.
Ele queria voltar antes que sua prima tivesse morrido. Porque aquilo
pareceu ser o primeiro dos dominós ruins a cair.
Ele queria voltar para aquele beco. Mas ele havia se recriminado o
suficiente sobre o que ele desejava ter feito diferente lá.
Quando a porta se abriu, ele estava deitado de novo e ele não se
preocupou em olhar por cima de sua mesa-cama. Ele sabia pelo cheiro
quem era.
— Ei, Rhage. —Peyton esfregou o rosto. — Você tem uma boa
notícia para mim? Não? Bem, pelo menos estou acostumado com isso—
ah, espere, essa é a parte em que você me expulsa, certo?
— Ela está chamando por você.
Peyton pôs-se em pé antes de estar ciente do movimento. — O que
você disse?
— Você me ouviu. —O Irmão assentiu para o corredor. — Ela está
esperando.
Ok, isso foi um choque. A não ser que Novo quisesse gritar com
ele—e ei, se fosse isso que a motivava a permanecer viva, ele estava feliz
em ser seu saco de pancadas.
No corredor, ele dirigiu-se para a área da clínica, e enquanto ele
caminhava, ele puxou suas calças de combate e arrumou sua camisa
preta.
Mas como ela ia dar uma merda como ele estava vestido?
Na porta de seu quarto do hospital, ele bateu—e quando ouviu uma
resposta abafada, ele abriu caminho para dentro.
Ah, Merda.

142
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Novo estava deitada naquela cama com os trilhos altos, seu corpo
imóvel enrolado em máquinas de beep por quilômetros de fios. Sua pele
era pálida, a matiz amarela fazia pensar em seu fígado—não, espere, isso
era os rins? Ele não conseguiu pensar. E suas pálpebras estavam baixas,
sua boca se separou como se estivesse tentando respirar com o mínimo de
esforço. Ao lado dela, Ehlena estava checando um dos monitores ... E
então a enfermeira colocou algo na linha IV, usando uma seringa.
— Chegue mais perto, —Novo resmungou. — Não vou morder.
A enfermeira olhou por cima do ombro e sorriu. — Estou feliz por
ter encontrado você. Vou deixar vocês dois, mas o Dr. Manello chegará
em breve.
Quando a mulher saiu, Peyton foi ao lado da cama. Abrindo a boca,
ele quis dizer algo apropriado. Não ocorreu nada para ele falar.
Sentindo-se como um tolo, ele foi com: — Ei.
Sim, coisas reais e profundas agora, Deus, por que ele não poderia
ser o único a ser esfaqueado?
Novo ergueu o braço, ou pelo menos tentou—apenas sua mão
levantou os lençóis. — Não vá embora.
— Não até você me dizer que eu precise.
— Não ... o programa. Não vá embora. Eu sei que é ... o que você
está pensando. Eu sei ... você vai tentar ... sair.
Por um momento, pensou em fingir que não estava em sua mente,
oh, como, dois minutos atrás. Mas ela parecia tão cansada e desgastada
que ele não queria que ela desperdiçasse sua energia, mesmo que ele não
conseguisse entender por que ela se importava.
— Nós precisamos ... lutadores, —disse com voz rouca. — Você ...
bom.
— Como você consegue dizer isso? —Ele puxou uma cadeira,
sentou-se e colocou a cabeça entre as mãos. — Como você pode até ...

143
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sua voz se afastou quando lágrimas entraram em seus olhos. Ele


estava tão exausto em ser o fudido, o idiota, o festeiro, o libertino ... ele
era uma pobre desculpa para um homem de valor, e seu pai sabia disso,
assim como todos os que já cruzaram o seu caminho.
E agora essa evidência incontestável de seu julgamento perenemente
pobre.
Essa. Aqui. Deitada na cama do hospital. Apenas fora da sala de
operações, onde tiveram que consertar seu coração.
Ao longe, ele ouviu aquele paciente, aquele que estava perdendo a
cabeça, gritando como se o macho também estivesse preso em algum tipo
de pesadelo.
— Não ... deixe ... —ela disse. — Olhe para mim.
Esfregando o rosto com a palma da mão, ele se concentrou em seus
olhos ... seus olhos bonitos, diretos e inteligentes. E de alguma forma, não
era uma surpresa que, tão fraco quanto seu corpo, seu olhar era, como
sempre, alerta e queimando com propósito.
— Sinto muito, —ele sussurrou. — Pelo que eu fiz.
— Está ... tudo bem ...
— Não, eu estava errado. —Quando sua voz cortou, ele forçou a
força nela. — Eu queria salvar Paradise, e ela não precisa ser salva. Ela
não precisa disso. Ela é uma lutadora tão forte quanto qualquer um de
nós. Não sei o que estava pensando.
— Você ... a ama. —O rosto de Novo apertou. — Não é sua culpa.
As emoções são ... o que são. Confie em mim, eu sei disso.
— Eu não queria machucá-la.
— Eu sei …
Quando seus olhos se fecharam, Peyton entrou em pânico como se
estivesse morrendo na frente dele, e ele se virou para aqueles monitores

144
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

com seus gráficos e seus números e suas luzes piscando. Nenhum deles
mostrava alarmes. Eles estavam funcionando?
Mas Novo não parecia em qualquer tipo de perigo. Sua respiração
ficou rasa, concedido, mas foi mesmo, e seu rosto não mostrou qualquer
tipo de dor.
Ela realmente era bonita, ele pensou. Tão forte e inabalável, mesmo
em seu estado debilitado.
— Você não pode deixar o programa, —ela murmurou. — Tudo se
desmoronará. Irmãos ... cancelarão nós todos ...
— Eu não estou apaixonado por ela, —ele falou. — Eu não estou.
Eu simplesmente não percebi isso até hoje à noite.
Os olhos de Novo voltaram para trás. E então ela balançou a cabeça
um pouco no travesseiro fino. — Não ... importa.
— Você está certo. Não.
— Prometa ... me. Não sair ...
— Veremos ...
— Minha culpa também. —Enquanto ele franziu a testa, ela disse:
— Eu deveria ter ... esfaqueado o Lesser. Deveria ter ... terminado o
trabalho. Eu também me distraí. Parte ... minha culpa.
— Você está errada sobre isso ...
Ela colocou a mão para fora, como se quisesse parar o argumento e
não tinha a energia para falar sobre ele. — Eu cometi erros ... também.
Primeira regra é terminar o trabalho. Eu falhei. Eu fui ... ferida por causa
... de mim, também.
Peyton teve que piscar um par de vezes antes de poder ter certeza de
que ele não choraria. — Deixe-me assumir a responsabilidade. Os Irmãos
podem fazer o que querem comigo.

145
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Vamos lutar novamente ... juntos no campo ... —Ela respirou


fundo e estremeceu. — Logo que eu estiver ... fora da cama ...
Você é uma fêmea de valor, pensou.
E quanto mais ele vivia naquela convicção, mais tudo na sala foi
removido, os monitores, o cheiro antisséptico, as luzes muito brilhantes e
a cadeira muito dura. E então, o efeito retocado estendido ainda mais,
limpando a existência do centro de treinamento, a montanha que eles
estavam em ... Caldwell, o Nordeste ... a porra do próprio planeta.
Novo tornou-se tudo o que sabia, a partir das manchas nos olhos
azul-petróleo para o jeito em que sua trança se curvava e pousou no
ombro à forma como ela colocou a mão para fora como se ela queria que
ele a pegasse.
Estendendo sua própria palma da mão, ele apertou o que ela ofereceu
a ele e sentiu o aperto com uma força surpreendente.
— Vamos lutar juntos novamente, —ela prometeu.

Novo lutou com o arrastão de cinco mil quilos de dor e drogas em seu
corpo e tentou forçar o que ela tinha em Peyton. O programa de
treinamento tem que continuar. Sem ele, ela não tinha nenhum propósito
e nenhuma saída para toda a merda que ela se recusava a sentir e lidar: se
ela não aceitasse sua parte no que aconteceu naquele beco e, se ela não
perdoasse Peyton, a classe iria ser dividida, a Irmandade perderia a confiança
e paciência com eles, e então, ela ficaria presa na porra da cerimônia de
acasalamento meio-humano da sua irmã sem armadura de batalha contra
tudo o que tinha perdido.
Sem este trabalho, essas lutas, sua rotina noturna, não havia nada
para colocá-la na terra. Puxá-la através dela. Continuar.

146
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E sua salvação do esquecimento começou com Peyton.


Seu perdão, aqui e agora em direção a ele, era o tipo de coisa que se
espalharia para todos e re-ligaria o grupo. Os outros estagiários teriam
que seguir o exemplo—e P.S., ela não tinha inventado a merda sobre ela
ser parte do problema. Ela nunca deveria ter deixado o inimigo se deitar
ali e escalá-la da forma que ele fez. Aqueles bastardos assassinos eram
como cascavéis, capazes de mordê-lo, mesmo depois de cortá-los pela
metade. Peyton definitivamente definiu o mau resultado em movimento,
mas ela havia fornecido a inclinação.
Foi um erro que nenhum deles iria fazer de novo.
Supondo que eles teriam a chance.
Com o que restava de sua força, ela tentou manter os olhos focados
no rosto de Peyton, mas ela só poderia ficar no meio da linha de chegada.
Tudo estava borrado, como se houvesse painéis de vidro empoeirado
entre eles.
O que ficou claro? O cheiro de suas lágrimas.
E isso foi um choque. Claro, ela precisava de cirurgia de coração
aberto, mas ele era o brincalhão perpétuo, que balançava em cima de
tudo. Nem mesmo um encontro com a morte poderia fazê-lo cair na real
... ou, pelo menos, ela não teria pensado que poderia ...
Eu não estou apaixonado por ela.
Isso não era totalmente relevante, disse a si mesma.
A porta da sala abriu-se e o Dr. Manello entrou, seu uniforme
hospitalar trocado por equipamento de treino, uma garrafa de água
debaixo do braço e um conjunto de fones de ouvido pendurados na sua
mão.
— E nós estamos acordados. —O ser humano sorriu. — Melhor do
que eu pensei que seria.

147
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Lutador, —ela disse com uma voz que era mais uma lixa do que
a sílaba.
Deus, ela odiava ser fraca.
O Dr. Manello veio e bateu os nódulos com Peyton. Então ele se
inclinou contra a base da cama. — Sim, como soldado, você está
absolutamente na linha certa do trabalho fodão. Você parou duas vezes
na nossa mesa, que, para ser honesto, me irritou. Mas você teve suas
razões. E havia um ponto em que eu estava convencido de que eu iria
perder você para sempre—e você voltou, no entanto. Acho que você
decidiu que não acabou com o seu trabalho aqui na terra—bem, e que seu
coração de seis câmaras continuou trabalhando conosco também. De
alguma forma, você suportou a fazer o que eu precisava para reparar o
buraco.
— Talvez fosse mais porque meu cirurgião—ela tomou um fôlego
profundo—é o talento? Quero dizer, talentoso.
— Não, sou só um mecânico de jaleco em vez de macacões.
Ele estava mentindo, é claro. Assim como ela estava saindo da
anestesia, ela tinha ouvido Vishous dizer que havia apenas dois cirurgiões
que ele sabia de quem poderia salvá-la—Doc Jane e Dr. Manello.
Especialmente porque eles não tinham uma máquina de bypass na
unidade cirúrgica.
Qualquer que seja o inferno que isso significava.
— Então, aqui está o plano. —O Dr. Manello fez a coisa que os
médicos fazem examinando os monitores que estavam ao redor da cama
como se ele estivesse atualizando seu gráfico em sua cabeça. — Você vai

cumprimento

Máquina de bypass – Usada para fazer coração e pulmão funcionar mecanicamente em cirúrgia cardíaca

148
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

ficar aqui para as próximas quarenta e oito horas. E não se transforme em


uma cadela sobre quanto tempo isso é ou quão incríveis são os poderes
regenerativos da sua espécie e como você pode ir para casa ao anoitecer.
—Ele colocou a palma da mão para cima enquanto ela abriu a boca. —
Não, não haverá discussão. Em mais doze horas, eu quero que você ande
pelo corredor. Todo o caminho até a saída e de volta a cada duas ou três
horas ...
— Esperando ... voltar para ... trabalhar em quarenta e oito horas.
O Dr. Manello atirou nela um olhar nem-fodendo-você-está-falando-
sério. — Depois de ter uma cirurgia de coração aberto. Okay, certo.
— Alimentando? Mas eu poderia ... alimentar mais.
— Isso ajudará, com certeza. Mas você sabe o que mais é
iiiiiimportanteeeeee? —Ele levantou a cabeça para o teto e ficou
extasiado. — Ficar na porra da cama.
— Eu curo mais rapidamente ... se eu me alimentar.
— Qual é a pressa? Nenhum de vocês vai voltar ao campo
imediatamente. —De repente, o cirurgião fechou a boca, como se aquela
fosse uma informação que ele não estava autorizado a compartilhar. —
De qualquer forma, tire uma folga, coma pudim de chocolate para aliviar
a garganta que eu intubei, e veremos como você vai.
— Alimentar também.
— Sim, claro, com certeza, tome a porra de tantas veias como quiser.
Mas se você se transforma em Frank Langella ou não, estou apenas
jogando você sozinha quando você estiver muito bem e malditamente
pronta!

Frank Angelo Langella Jr. é um ator norte-americano de teatro e cinema. Protagonizou Dracula em
teatro e em filme em 1977/78.

149
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você sempre amaldiçoa ... seus pacientes?


— Apenas os que eu gosto.
— Sortuda ... eu. —Mas ela sorriu. — Eu ... digo obrigado ... a você
... agora?
— Você vai chorar como uma maricas, se você fizer isso? Por favor,
sem ofensa, sou um chorão simpático, e se eu agora, não tivesse que
entrar na sala de musculação olhando como se alguém como
Mayweather tivesse me atingido na cara.
— Eu nunca choro.
— Bem, você tem um grande coração, eu vou te dizer isso. Eu vi isso
de perto e pessoalmente. —Dr. Manello colocou uma mão em seu pé e
deu-lhe um pequeno aperto. — Você pressiona esse botão de chamada se
precisar de alguma coisa. Ehlena está bem ao lado. Eu estou me
exercitando para a próxima hora ou assim, e então eu vou estar dormindo
no corredor apenas no caso de você ter outra hemoragia. Não que eu
esteja esperando isso.
— Obrigado.
— Você é tão bem-vinda, —disse o cirurgião. — Eu adoro um bom
resultado. E vamos continuar assim durante a recuperação, ok?
— Sim, doutor.
— Boa garota. —Ele sorriu. — Quero dizer, boa senhora chefe
durona.
Quando o cirurgião se dirigiu para a porta, Novo admitiu para si
mesma que ele estava certo. Era muito ambicioso, por sua vez, pensar que
seria capaz de lutar em dois dias. A dor em seu peito era incrível, o tipo

Floyd Mayweather Jr., nascido Floyd Joy Sinclair, é um ex-boxeador norte-americano invicto e
amplamente reconhecido como o melhor pugilista da sua geração e entre os maiores lutadores de todos os tempos.

150
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

de coisa que ela sentia em seus molares e até as unhas dos pés, mesmo
com todas as drogas em que estava. Não havia nenhuma maneira disso
retrocedendo até o próximo anoitecer.
Ela olhou para Peyton. Ele estava sentado naquela cadeira como se
ele estivesse à beira de estourar-se, seu torso inclinado para frente, suas
mãos plantadas nas coxas como se ele estivesse indo para se levantar.
— O quê? —Ela perguntou a ele. — Você parece ... como se quisesse
... ser convocado para a aula.
— Pudim de chocolate.
Novo tentou respirar profundamente e acabou sibilando. — O que
…?
— Ele disse que deveria comer por sua garganta. Eu vou pegar um.
— Não. —Na verdade, quanto mais ela pensava sobre isso, mais ela
queria vomitar. — Ah não. Estômago ... não.
— Eu só quero ajudar de alguma forma.
Ela olhou para ele por um tempo. De todas as maneiras que
importavam, Peyton era a mesma coisa que ela detestava em um macho,
toda essa besteira de glymera envolvida em um pacote que, tanto quanto
tentava negar, até reconheceu como atraente.
Ele era o tipo de sua irmã, de fato.
Bom, Sophy nunca o encontraria. Ou Oskar aprenderia de primeira
mão como se sente quando alguém que você acha que te ama trata você
como se você fosse um iPhone 5 em um mundo X.
Na verdade, não era uma fantasia tentadora ...
Qual foi a pergunta? Deus, seu cérebro estava distorcido. Oh, certo
... Peyton era tudo o que odiava sobre os ricos tipos da alta sociedade que
eram muito bons para todos os outros à sua volta—mas havia uma parte
para tudo o que funcionou para ela.

151
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Seu sangue era susceptível de ser puro, até o ponto de ser medicinal.
— O que posso fazer? —Perguntou ele. — E se for para deixa-la em
paz, eu também posso fazer isso por você.
No fundo de sua mente, um aviso foi ativado, um pequeno anel de
toque soando-soando assinalando que talvez, apenas talvez, talvez fosse
melhor para ela não saber que gosto ele tinha.
Embora, vamos lá, ela já havia aprendido a lição com os machos, e
custou-lhe um pedaço de si mesma.
Literalmente.
Ela não era tão estúpida e ela realmente queria muito sair desta cama.
— Deixe-me ... tomar sua veia.
Enquanto dizia as palavras, os olhos de Peyton iluminaram-se como
se essa fosse a última coisa que ele esperava que ela dissesse.
— Por favor, — ele disse bruscamente enquanto ele estendeu o pulso
para ela.
Exceto que ele imediatamente recolheu o braço e trouxe a sua própria
carne aos lábios. Suas sobrancelhas se apertaram apenas uma fração
enquanto mordia a si mesmo, e, em seguida, ele estendeu as perfurações
até ela.
Sua mandíbula se quebrou quando ela tentou abrir a boca, e as coisas
pareciam dobradas pelos ouvidos, talvez fosse parte de toda a intubação
de emergência. Mas ela se esqueceu de tudo isso quando uma gota de
sangue pousou no lábio inferior.
O cheiro sozinho era como comida em um estômago quando você
estava fraco de fome, tudo acordava com vitalidade—não, foda isso. Era
como um golpe de cocaína. E então ela estava estendendo sua língua seca
e lambendo ...

152
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Vagamente, ela estava ciente de gemer enquanto seus olhos rolavam


de volta na cabeça ... e não porque ela estava morrendo. Oh, não, ela estava
de repente muito viva. Seu gosto. Seu gosto era como um carrinho de
desfibrilação ligado ao seu coração cortado, 0o choque que atravessava
seu peito, colocando todo seu sistema circulatório em uma corrida com
muito mais poder.
— Toma de mim, —disse ele a uma grande distância. — Tome tudo
...
Ao abaixar o braço, ela formou um selo ao redor de sua veia. Seu
primeiro par de lambidas foi superficial e descoordenado—ela corrigiu
isso rápido, no entanto. Em pouco tempo, ela estava tomando o tipo de
puxões longos que poderia ter sido anos, desde que ela havia se
alimentado corretamente.
Santa ... merda ... ela nunca teve esse tipo de sustento antes. Craeg e
Boone tinham oferecido mais cedo, quando ela tinha estado dentro e fora
da consciência. E antes disso? Tinha sido outros civis, assim como ela.
Mas Peyton era uma prova elevada de toda aquela falta de aceleração, até
o ponto em que o caminho de fuga que se abriu em seu intestino
queimava, fazendo-a explodir em um suor—e com certeza, os alarmes
começaram a soar, seu coração trovejando atrás de seu externo serrado—
recetemente aberto.
Ela realmente não se importava se ele a acariciava. Ou se o músculo
cardíaco explodisse em tudo. Ou se a cabeça dela caísse da coluna
vertebral, seus pés crescessem quinze tamanhos maiores, ou ela ficasse
cega, surda e muda.
O instinto, criado em sua espécie, assumiu o controle, a fome possuía
cada parte dela.
E então seus olhos encontraram os de Peyton.
Ela disse a si mesma que isso era sobre se recuperar, triunfar sobre
sua lesão, tornar-se mais forte. Mas quanto mais ela bebia dele, quanto

153
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

mais dele ela levava para dentro de si, estava claro que havia outro
impulso no trabalho.
Ele era uma refeição que ela temia que ela fosse querer novamente.
Mesmo quando sua sobrevivência não estava em jogo.
E ela não precisaria apenas de sangue.

Doze

No corredor, na sala de musculação, Ruhn deitou-se com a parte


superior do corpo em um banco acolchoado, as pernas dobradas, os pés
plantados no chão de esteiras. A barra que ele agarrou com as mãos
pesava vinte e dois quilos ou mais e era feito de ferro. Os discos em cada
uma das extremidades totalizavam cerca de trezentos quilos
Quando ele tirou a carga dos suportes, ele segurou-o acima de seu
peito e respirou profundamente enquanto ele estabilizava todo esse peso.
Então ele trouxe a barra para baixo em seus peitorais, controlando a
descida, um triunfo de força sobre a gravidade. Com a primeira mão
direita e depois à esquerda, ele reestruturou seus apertos um pouco ... E
então ele empurrou para cima, levando a barra alto como ele exalou com
um meerdaaaaaaaa. E depois para baixo. E depois para cima. E, em
seguida, para baixo ...

154
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele continuou indo até que esses peitorais começassem a se apoderar


e seus bíceps e tríceps tremiam e seus cotovelos queimavam ... E ainda ele
continuou, até o ponto em que ele precisa arquear a espinha para pegar a
barra em seu ápice.
O suor pontilhou sua sobrancelha e depois correu até o cabelo e as
orelhas. As suas coxas doíam. Seus pulmões deixaram de funcionar. O
coração dele não batia mais, estava explodindo com cada batida.
E ainda não parou.
A idéia de ter sido atraído por alguém do mesmo sexo era algo que
ele nunca havia confrontado antes. Claro, ele estava ciente de que essas
ligações ocorriam, mas ele sempre assumiu que era apenas algo que a
aristocracia se entregava. De onde ele veio? Como um humilde civil de
um fundo tradicional?
Não, seus pais nunca teriam aprovado isso, especialmente seu pai.
Esse homem tinha sido muito inflexível sobre quais eram os papéis
adequados para ambos os sexos, e eles não incluíam acoplamento
masculino. Ele também tinha sido claro sobre as expectativas para cada
pessoa na família, mahmen, pai, filha, filho.
E você queria que seus anciãos aprovassem você, especialmente
depois de uma juventude onde você era maior do que todos os outros e
tímido como uma corça em situações sociais.
Na verdade, Ruhn quase se matou para viver de acordo com o que
seu pai estipulou para ele, o que a família dele havia exigido. A idéia de
deixá-los para baixo ...
Espere, por que ele estava pensando assim? Como se ele já tivesse
feito sexo com alguém do mesmo ... Bem, sexo, por assim dizer?
Porque você quer beijá-lo. Admita isso.
Quando o pensamento passou por sua cabeça, ele jogou o seu não-eu-
não na barra, empurrando os pesos com o mesmo tipo de poder que ele

155
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

teve quando ele começou. Ele absolutamente não queria nada desse
homem. Em absoluto. Porque se ele fizesse? Bem, ele já passou pelo
pesadelo de descobrir uma parte nova e não reconhecida dele, e essa tinha
sido uma experiência horrível, para dizer o mínimo.
Ele não estava passando por isso de novo.
Não ...
De repente, os braços tremeram sobre ele, os músculos falhando, o
peso em uma queda livre que resultou na barra pousando diretamente no
peito. A dor era instantânea e paralisante, aqueles setecentos e cinquenta
quilos que comprimiam os pulmões tão certo como se um edifício tivesse
caído sobre ele.
Instantaneamente, um rosto apareceu por cima. — Ajude-me a tirar
isso de você—vamos, empurre! Maldito seja, EMPURRE!
Era o cirurgião, Dr. Manello.
Quando Ruhn começou a desmaiar, ele estava vagamente consciente
de um alarme penetrante na sala de musculação—não, era um apito. O
humano estava assobiando através de seus dentes da frente enquanto
tentava aliviar certa pressão pressionando o banco e puxando a barra com
as duas mãos.
Isso ajudou. Ruhn poderia respirar um pouco e sua visão clareou um
pouco.
Mais duas pessoas veio correndo e, em seguida, a carga esmagadora
desapareceu de cima dele. Ele ainda não conseguia respirar direito, no
entanto. Se ele tivesse quebrado toda a sua parte superior do tronco?
O rosto do Dr. Manello voltou, muito perto. — Não estou abrindo
mais uma cavidade torácica esta noite, você me ouve?
E então havia uma máscara sobre o nariz e a boca, um fluxo de
oxigênio que fez suas bochechas soprar e a garganta seca. O ar provava
estranho, como se houvesse aparas de lápis ou manchas de lata—e isso,

156
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

juntamente com a peça de plástico sobre a boca e o nariz, o fez sentir


como se ele estivesse sufocando pior do que tinha sido quando ele foi
deixado sozinho.
Quando ele tentou afastar a máscara, mãos fortes o impediram.
Mas ele era ainda mais forte. Uma onda de pânico puro disparou
contra ele, apesar das pessoas ao seu redor, e ele rasgou a alimentação de
oxigênio livre.
Para dirimir quaisquer argumentos em contrário, ele abriu a boca e
arrastou todo o ar na sala de musculação no fundo. Imediatamente,
houve um estalo horrível, como um ramo de carvalho quebrado ao meio,
e um raio de agonia acompanhou o ruído—ainda assim, suas tonturas
fugindo como um intruso afugentado, seu coração batendo em um ritmo
uniforme.
— Bem, também há essa abordagem, —murmurou o Dr. Manello.
— Está tudo bem se eu examinar você?
Como Ruhn ainda estava tendo que se concentrar para obter a coisa
de inspiração/exalação, ele simplesmente assentiu com a cabeça.
— Você consegue se deitar para mim? —Perguntou o médico.
Ruhn balançou a cabeça. Não, de jeito nenhum. O pânico voltou e
assumiu o controle—e com um arrepio de claustrofobia, ele olhou para a
porta. Graças ao Fade que tinha uma janela no corredor, e ele lembrou a
si mesmo que havia um lugar para escapar ...
Alguém veio para ele com alguma coisa.
Com um rápido reflexo mortal, ele bateu um aperto no pulso e
dobrou o braço em sua articulação tão forte e rápido que qualquer que
seja a pessoa estava presa a ele caiu sobre as esteiras.
— Whoa, fácil ... —O irmão Rhage quebrou a espera e colocou seu
corpo no caminho. — Ei, olhe para mim. Vamos, filho, você se concentra
em mim agora.

157
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ruhn piscou. Piscou novamente. Tentou seguir o comando, mas era


impossível. Rhage estava pulando como água em uma frigideira—oh,
espere. Ruhn estava tremendo. Sim, aqueles pés gigantes do irmão não
estavam se movendo. Ruhn era aquele que se movia como um motor em
funcionamento.
— Onde você está aí? —O irmão murmurou. — Porque preciso que
você volte para cá e que você não machuque o médico, ‘okay’?
Algo estava errado com sua audição. O volume estava indo para
cima e para baixo no mundo, as palavras desaparecendo dentro e fora de
mudo com uma aleatoriedade que exigia que ele preenchesse os espaços
em branco.
Ruhn respirou dentro e para fora um pouco mais, e então ele olhou
para baixo, para onde o Dr. Manello estava examinando seu próprio
antebraço como se estivesse pensando se estava quebrado.
— Sinto muito, —Ruhn sufocou. — Oh, querida Virgem, não era
minha intenção ...
O médico sorriu para ele. — Nah , está tudo bem. Os limites são
bons. Na próxima vez, diga-me para recuar antes que você me abrace
forte, e então, se eu não ouvir, acerte seu AMM na minha bunda. Então
você está pronto para eu ouvir seu coração? Isso não vai te machucar.
O humano segurou um pequeno disco de metal, que parecia estar
preso a um cordão que ... entrou nos ouvidos do médico.
— Você nunca foi examinado antes? —Disse Manello suavemente.
Ruhn balançou a cabeça.
— Ok, isso é um estetoscópio. Eu o coloco aqui, —o macho apontou
para o próprio peito, um pouco fora do centro, — e eu escuto a batida.

Significa, não
Artes Marciais Misturadas, é um híbrido de diferentes estilos, como wrestling, jiu-jitsu etc.

158
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Não é invasivo, o que significa que não machuca ou corta você. Eu


prometo.
Ruhn estremeceu e depois acenou com a cabeça—não porque queria
algo em qualquer lugar perto dele, mas sim porque ele tinha sido
imperdovelmente grosseiro em machucar o homem e queria compensar
isso de alguma forma.
E parecia que submeter-se ao que quer que fosse era a única chance
dele.
— Você pode se sentar mais reto para mim?
Quando ele concordou, empurrando sua coluna mais alta, Rhage
parecia encorajar os outros que tinham entrado para sair—e por isso,
Ruhn estava agradecido. O que ele precisava agora era menos entrada
sensorial, não mais, e como alguém que sofria de timidez, todos aqueles
pares de olhos que o encaravam, mesmo que fosse com compaixão, eram
demais para lidar.
— Está vendo? Nada para se preocupar.
Ruhn olhou para baixo. A extremidade do disco do instrumento
estava em seu peitoral e o médico estava olhando para o lado, como se
estivesse concentrando-se em tudo o que estava sendo transmitido aos
seus ouvidos.
— Dói para respirar? —Perguntou o médico. — Sim? Posso tirar sua
camisa para que eu possa ver o que está acontecendo?
Ruhn assentiu antes que ele pudesse pensar melhor, e Dr. Manello e
Rhage cada um tomou a parte inferior de sua camisa regata e descascou-
a lentamente para cima.
Como um jovem, Ruhn ergueu os braços para eles—antes que ele se
lembrasse de por que sua camisa tinha que continuar.
Ambos engasgaram e congelaram.

159
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E imediatamente, Ruhn queria praguejar. Ele tinha esquecido as


marcas em suas costas.
Droga.

Depois que Novo acabou de alimentar e caiu no sono inquieto dos


feridos e da cura, Peyton tropeçou de volta para a sala de aula com pés
entorpecidos, pernas instáveis e uma orelha interna agitada pela vertigem.
Enquanto ele se fechava, ele se perguntou por que as mesas, as cadeiras,
a mesa e o quadro-negro, tudo parecia completamente desconhecido,
como se ele nunca estivesse estado na sala antes.
Não fazia sentido. Ele tinha deixado uma meia hora no máximo, e
sua memória de curto prazo o informou que tudo era exatamente como
ele havia deixado.
Por outro lado, então, era ele que havia mudado.
Desligando as luzes e rolando na mesa, ele sentiu que não era nada
além de ossos em um saco solto, tudo duro e não bem conectado. Jesus
Cristo, o que acabou de acontecer lá? Seja o que for claro, na superfície,
Novo tinha tomado sua veia, e essa não era a primeira vez que uma fêmea
tinha feito isso com ele. E olá, ela estava em uma cama de hospital, ligada
às máquinas.
A experiência, porém? A sensação de seus lábios sobre a pele de seu
pulso, os sutis puxões, o lamber da língua quando ela terminou?
Foda-se sua dependência de drogas. Dê-lhe isso toda sua vida e ele
nunca mais precisará de outra linha de coca.
Ao fechar os olhos, ele reviviu todas as partes, desde o momento em
que ele se mordeu até a primeira gota que pousou no seu lábio. As

160
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

sensações se espalharam por ele, aquecendo seu sangue, tornando-o ainda


mais duro.
Ele lutou contra a excitação.
E ele perdeu.
Quando ele estava perto de sua cama, ele conseguiu manter as coisas
sob controle, discretamente reorganizando seu pênis e mantendo-se firme
em seus pés. Aqui, sozinho no escuro? Ele se sentiu como um puto
meretriz, mas ele nunca iria conseguir dormir, a não ser que ele cuidasse
das coisas.
Com um forte empurrão, ele colocou a palma da mão na frente de
suas calças de combate e o contato instantâneo o fez explodir em um
orgasmo. As memórias de Novo na aula, em combate, no campo,
passaram por sua mente, mantendo as coisas funcionando. Ele mesmo
voltou para quando ele estava dentro dela, seu sexo nu aceitando suas
penetrações como se ela tivesse sido feita para ele e somente ele.
Ok, essa não era uma ótima imagem, já que ela só tinha ficado lá.
Afastando-se disso, ele pegou as outras memórias enquanto
procurava por mais acesso, rasgando a braguilha com duas mãos brutais,
empurrando a cintura para baixo sobre o traseiro. Com um grunhido, ele
se torceu para o lado, seu torso torcendo enquanto ele segurava seu eixo
e se masturbava ainda mais, a mesa esfriou debaixo de sua bunda quente,
a mão livre curvando-se ao redor da borda e apertando tão forte, o
antebraço quase se dividiu ao meio.
E ainda assim ele continuou vindo.
Quando ele finalmente se drenou, ele fechou os olhos e apenas
respirou por um tempo—até perceber que ele tinha feito uma maldita
bagunça sobre si mesmo, a frente de suas calças e a maldita mesa.
Graças a Deus, era o meio do dia. Com alguma sorte, ele poderia
esgueirar-se para baixo para o vestiário, pegar algumas toalhas e um
conjunto de esfregões, e voltar aqui sem que ninguém o visse.

161
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Então, era hora de se levantar.


Uh-huh.
Agora mesmo.
Em vez disso, ele ficou onde ele estava e se perguntou o que seria
como se alimentar dela e realmente se lembrar ... do seu sangue na parte
de trás de sua garganta, seu corpo embaixo dele enquanto ele a rolava e
foi pela garganta.
Eu precisava ir até lá. E não porque ele foi baleado na cabeça e estava
em uma emergência médica.
No entanto, mesmo quando a convicção passou por sua mente e ele
começou a reconectar as coisas com todos os tipos de objetivos orientados
para os resultados para descobrir suas cartas, ele sabia que isso nunca
aconteceria. Ela deixou claro desde o princípio que ele não era seu tipo—
inferno, mesmo que ela dissesse que queria lutar novamente com ele, ela
nem sequer gostava dele. Mais ao ponto, seus caminhos iriam parar de se
cruzar quando ele saísse do programa.
Seu tempo estava totalmente chegando ao fim: ela continuaria
treinando e fazendo a coisa certa pela espécie, e ele teve sua carreira como
um idiota profissional para retomar.
Ocupado, ocupado, em ambas as partes.
Quando seu telefone tocou, ele ignorou e tentou se motivar por sua
caminhada da vergonha.
Foi uma boa meia hora antes que ele fizesse seu caminho pelo
corredor e voltasse. E depois que ele limpou a si mesmo e todo o resto,
ele deitou-se sobre a mesa novamente e desmaiou.
Em seu descanso inquieto, ele foi perseguido por um amante com
longos cabelos escuros, olhos de fogo ... e uma vontade de aço.

162
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Treze

Quando a noite caiu na noite seguinte, Saxton rolou e olhou para o


outro lado da cama. Tinha havido um macho naqueles lençóis torcidos.
Um corpo que ele tinha usado e que usou o seu próprio em troca.
No outro extremo da cobertura, uma porta se fechou
silenciosamente.
Saxton sentou-se e afastou o cabelo dos olhos dele. As lembranças de
como ele passou o dia fizeram com que ele se sentisse vazio, e não era
aquela ressaca que ele poderia ter dispensado—e então houve a diversão
de uma dor de cabeça lânguida que veio de muito champanhe e não
dormir o suficiente.
Quando ele finalmente conseguiu se concentrar corretamente, ele
olhou em volta para as janelas e as mesas laterais lustrosas, as cadeiras
pretas, o tapete cinzento macio, o padrão de luminárias penduradas
uniformemente espaçadas que eram como estrelas no teto.
Por nenhuma boa razão, ele pensou em como ele enganou Blay.
Ele não havia vendido sua casa vitoriana na cidade. Agora, ele nunca
voltou lá? Absolutamente não. Mas o fato de que ele não poderia estar
nele mais, ainda não podia deixa-lo ir, parecia uma fraqueza mais
adequada para si mesma: era uma triste realidade que ele pagasse impostos
sobre a propriedade de um santuário para um amor que não tinha ido a lugar
nenhum.

163
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Bem, não exatamente a nenhum lugar. Ele tinha estado sofrendo há


algum tempo e certamente sentiu-se como um destino.
Não um bom, é claro.
Com um silêncio sutil, as persianas automáticas em todos os painéis
de vidro começaram a subir, revelando as luzes cintilantes da cidade por
centímetros, as cortinas se afastaram por uma mão invisível. E foi
estranho ... Considerando uma vez mais como o dia tinha ido, ele
percebeu pela primeira vez que Blay não era o motivo desse pequeno
flerte. Normalmente era. No entanto, todas essas digressões foram
causadas por ...
Ele franziu o cenho e esfregou os olhos cansados. Mas não.
Certamente ele deve ter imaginado aquele momento, quando ele e Ruhn
estiveram nesse caminhão, e Ruhn olhou para ele? Poderia ter sido por
qualquer coisa.
Só porque ele achou o macho atraente não quer dizer que esse
sentimento fosse mútuo.
Ainda assim, havia um inegável efeito de gotejamento a roer, uma
energia agitada e inquieta que acabou por levá-lo a sua lista de contatos e
através das entradas de machos e homens humanos de que ele havia
aproveitado de tempos em tempos. A maioria deles era conhecida,
pessoas que conhecia em clubes ou festas, e ele nunca perguntou sobre
seus relacionamentos. Tudo o que ele queria, como eles, era se podiam
foder bem.
Não para dizer o mesmo sem rodeios.
E o fato de ele ter escolhido um com cabelos escuros e um corpo
grande e forte? Ele supôs que ele poderia olhar para isso como um sinal
de melhoria. Pelo menos não tinha sido um ruivo. De alguma forma, era
difícil ser encorajado pelo fato de ele ter mudado um homem que ele não
poderia ter por outro.
— Chega, —disse ele em voz alta.

164
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Deslocando as pernas para fora dos lençóis de cetim, ele se forçou a


ir ao banheiro, as dores sutis e o ranjido para seu quadril era o tipo de
coisas que ele costumava fazer depois de um dia como o que ele teve—e
ele tentou não pensar em Blay e no passado. Antes, quando ele estava
com aquele macho, as conseqüências do sexo tinham sido mais sobre o
calor no centro do peito e o sorriso torto que veio quando ele pensava em
seu amor.
O que ele estava experimentando agora não era mais do que o
resíduo mecânico do exercício desacostumado.
Quando entrou na banheira de mármore, ele manteve as luzes
apagadas sobre a banheira por uma série de razões, sendo a principal
delas que o brilho da paisagem urbana lhe forneceu mais do que suficiente
iluminação. E ele também não queria olhar para si mesmo em todos os
espelhos.
Ele tomou quatro Motrin enquanto esperava que a água quente
saísse do chuveiro.
Entrando no chuveiro com cabeça de multi-funções , lavou-se
completamente e raspou-se usando o espelho anti-embaciamento que ele
tinha montado em um canto. Quando ele terminou, ele não estava mais
revigorado do que ele estava satisfeito pelo jeito que ele passara o dia—e
pela primeira vez ele podia se lembrar, a idéia de ir para o trabalho e
perder-se em suas tarefas noturnas não tinha perspectivas de entusiasmo
ou satisfação.
E então, enquanto ele se afastou, o som de ondulação de tecido de
algodão fez o vazio da cobertura parecer um buraco negro no espaço.

Ibuprofeno, nome que deriva das iniciais do ácido isobutilpropanoicofenólico, é um fármaco do grupo dos anti-
inflamatórios não esteróides utilizado para o tratamento da dor, febre e inflamação.

Cabeças de chuveiro das Multi-Funções na precipitação, na massagem, na névoa e na cachoeira

165
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

No fundo de sua mente, a idéia de deixar Caldwell o tentou


novamente. Certamente, onde quer que ele fosse, ele estaria lá, ele estava
... mas ele tinha que acreditar que uma nova perspectiva viria se ele
vivesse em um lugar diferente e perseguisse um tipo diferente de vida.
Talvez como professor? Havia pessoas que ainda queriam saber sobre as
Leis Antigas, e ele estava tão bem versado nelas agora que poderia
facilmente fazer um currículo ...
Quando seu telefone começou a tocar no quarto, ele deixou quem
quer que fosse entrar no correio de voz. Mas quando a coisa
imediatamente começou a tocar novamente, ele envolveu a toalha em
torno de seus quadris e foi até lá, porque, sim, ele era aquele tipo de
homem que pensava que responder a um telefone enquanto estava nu era
inapropriado, mesmo que FaceTime não estivesse envolvido.
Especialmente, como era provável ser Wrath ou um dos Irmãos ...
Não, não desta vez. Quando ele verificou a tela do telefone, não era
alguém que estava em seus contatos, embora o anúncio de "Número não
identificado" sugerisse que era um membro da casa da Irmandade.
Vishous estava no indetectável.
— Olá? —Ele respondeu.
— Saxton? —A voz de Ruhn foi instantaneamente reconhecível e
uma surpresa. Ele também carregava uma carga erótica, mas, novamente,
isso era apenas de sua parte.
— Sim? Olá? Ruhn? —Havia algum tipo de interferência na
conexão, sopro de vento ou algo assim. — Sinto muito, eu não posso te
ouvir?

Chamada de vídeo para iPhone, iPad, Mac e iPod touch.

166
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu estou fora na Miniahna. —Sussurro. Neve. — Eu acabei de


colocar para correr dois homens para fora de sua propriedade. —Vento
soprando. — Onde você está?
— Eu estou em casa. No centro da cidade.
— Posso ir vê-lo?
— Sim, sim, claro, deixe-me dizer-lhe como chegar aqui. —Depois
que ele forneceu as instruções, ele cortou. — Espere, antes de desligar.
Você matou os intrusos? Preciso ligar para remover os corpos?
Ruídos violentos.
— Ainda não, não faça isso. Mas isso não vai durar.
Assim que a chamada terminou, Saxton entrou no seu armário e
puxou uma calça junto com uma camisa com botão branca, determinado
a ignorar o fato de ele ter feito um pequeno salto alegre em seu passo, ao
caminhar.
Isso é apenas um negócio, ele disse a si mesmo. Por Deus, mantenha-
o profissional.

Através da cidade, no rico código postal onde as mansões se


sentavam como coroas em meio a terrenos bem cuidados e cobertos de
neve, Peyton chegou à grande porta da casa de seu pai, na companhia de
uma banda de exaustão. Com uma maçante dor de cabeça batendo na
seção dos graves, a batida afiada nos pratos na parte inferior das costas,

Refere-se aos pratos de uma bateria

167
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

as cólicas queixosas em seus intestinos semelhantes a uma tuba


manipulada por alguém com pouca habilidade, mas altamente
entusiasmado, com um ótimo conjunto de pulmões.
Ele não podia decidir se ele estava com fome ou com náuseas.
E sua primeira pista de que a noite estava prestes a passar do mal ao
pior—uma vez mais—veio quando ele abriu a porta da frente: Havia um
cheiro doce no ar que era completamente estranho. Perfume? ele pensou.
Sim, era isso. Mas quem poderia usar qualquer ...
O mordomo do seu pai disparou de debaixo das escadas como se o
macho estivesse em patins.
— Você está atrasado. —Os olhos da cor de jornais velhos o varreram
de acima a baixo dele. — E você não está vestido.
A última vez que chequei, com certeza como a merda, eu estava
vestido, pensou Peyton. As partes nobres estavam cobertas.
Ele manteve isso para si mesmo. — Do que você está falando?
— A Primeira Refeição começou há quinze minutos. —O doggen
puxou o punho da camisa e mostrou um relógio como se fosse uma arma
apontada para um assaltante. — Você perdeu as bebidas.
Peyton esfregou a frente de seu crânio com a palma da sua mão. Era
isso ou pegar esse relógio e enfiá-lo no sujeito—através da bunda.
— Olha eu não sei do que você está falando, eu não tenho dormido
bem há dois dias e houve um terrível acidente na noite passada no campo
...
— Aí. Está.Você.

Existem tubas de vários tamanhos: tenor, baixo e contrabaixo. Desde o seu aparecimento, na primeira metade do século
XIX, logo foi incorporado nas orquestras sinfônicas. sua função é dar ritmo e ocupar lugares vagos em escolas.

168
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Fechando os olhos, ele pensou, é claro, seu pai. E esse tom? Isso fez
com que o mordomo pareça um BFF .
Virando-se, ele pegou um brilho como uma frigideira ao lado do
rosto. O que estava dizendo algo considerando que seu pai estava
vestindo um smoking feito por encomenda e não era o tipo de jogar
panelas, muito menos socos.
Mas esse olhar era uma pancada com certeza.
— Olá, pai. —Peyton bateu as palmas juntas. — Bem, boa conversa,
e agora vou para a cama ...
Quando ele se afastou, seu pai pisou na frente dele, bloqueando o
caminho até as escadas. — Sim. Você está indo para o segundo andar
agora, mas é para se trocar—porque você concordou em conhecer
Romina esta noite. A esta hora—na verdade, na última hora, e onde você
esteve.
— Eu não sei nada sobre isso.
— Liguei para você ontem à noite. Duas vezes! Então, levante-se e
coloque o smoking para não me envergonhar ou a essa pobre mulher
mais. —O homem se inclinou para dentro. — Seus pais estão aqui, por
Deus. O que há de errado com você. Você não pode, por uma só noite,
ser o filho, que eu preciso que você seja?
Bem, caramba, pai, quando você coloca assim, que tal eu resolver o
problema por nós dois e ir me enforcar no banheiro?
#problemaresolvido
Peyton olhou por cima do ombro de seu pai na escada e tentou
formar um plano de suicídio. Ele tinha uma abundância de cintos, com
certeza—e uma boa luminária no quarto.

BFF é a sigla para Best Friend Forever, que significa "melhores amigos para sempre".

169
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Exceto que a imagem de Novo se alimentando dele voltou, afiada


como uma faca.
Sim, de jeito nenhum, ele estava saindo. Ainda não, de qualquer
forma.
Mudando seu olhar para o salão, ele começou a formar um some
daqui, foda-se e que foda e essa, combinação que, de alguma forma,
encapsulava o pouco que ele se importava com a besteira social depois de
ter passado as últimas vinte e quatro horas lidando com a realidade de
que ele quase morreu.
Mas tudo isso veio a uma parada.
Através da arcada ornamentada, ele podia ver a sala elegante, os
sofás de seda e as cadeiras dispostas com a lareira de mármore como
ponto focal. Sentada nas almofadas, com as costas para ele, havia uma
mulher morena com cabelos puxados para trás em um coque e um vestido
azul pálido formal que tinha algum tipo de laço ou mangas que cobria
como a asa de um anjo sobre o braço. Sua cabeça estava baixa, e seus
ombros estavam tensos, como se ela estivesse se segurando.
Mas apenas mal.
Ela não queria isso mais do que ele, pensou ele. Ou isso, ou ela estava
se sentindo rejeitada por ele porque ele não havia aparecido.
— Você vai se mexer, —exigiu seu pai.
Peyton olhou para a pobre fêmea um pouco mais e se perguntou onde
ela preferiria estar hoje à noite.
— Me dê dez minutos, —ele disse bruscamente. — Eu vou estar de
volta.
Quando ele deu um passo ao redor de seu pai e subiu as escadas de
dois em dois, ele desprezava sua família, suas tradições e a besteira da
glymera e suas regras estúpidas. Mas o que ele não ia fazer? Deixar algum

170
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

outro idiota como ele para secar, pensando que ela era menos por causa
das coisas que não tinha nada a com ela.
Ele não conhecia a fêmea, mas pela sua aparência, estavam no
mesmo fosso social juntos.
Pelo menos para está refeição.

Quatorze

Quando Ruhn se materializou em um terraço de um arranha-céus que


era maior que a casa de campo onde ele havia vivido, ele tomou um
momento para internalizar onde ele estava. A casa de Saxton. Onde o
homem vivia.
Ele deveria ter esperado uma hora e se encontrar com o advogado na
Casa de Audiência.
O que ele estava pensando ...
Você queria vê-lo, disse uma pequena voz na cabeça dele. Sozinho.
— Não, eu não.
As palavras que ele falou em voz alta foram perdidas no vento frio
que se precipitava às suas costas, as rajadas violentas e frias que pareciam
forçá-lo a entrar. Por um momento, ele lutou contra o vento, apoiando-se

171
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

contra as mãos invisíveis pressionando-o ... mas era muito tarde para
voltar agora. Não sem fazer uma bagunça das coisas.
Além disso, isso não era pessoal. Eles estavam trabalhando em algo
juntos.
— E eu não quero ficar sozinho com ele.
Com isso resolvido, ele tentou descobrir onde ele deveria bater ou
tocar a campainha. Toda a cobertura parecia ser feita de vidro, grandes
painéis alinhados uns aos outros na frente. Dentro, havia poucas luzes
acesas, tudo escuro, as sombras dos móveis ainda uma paisagem a ser
revelada por uma aurora artificial.
Tão luxuoso e elegante, pensou ele. Parecia tudo muito sofisticado,
assim como o homem que morava lá.
Então, novamente, o espaço pessoal de alguém tendia a refletir quem
eram. Vamos pegar ele, por exemplo. Ele era um posseiro sem
perspectivas, sem lar, mas pela bondade dos outros. Isso fazia sentido se
ele não tivesse nenhum futuro e pouco do presente, que ele também não
tinha um telhado e quatro paredes próprias.
Andando e examinando um dos que ele esperava eram controles
deslizantes, ele se perguntou quem morava aqui com o advogado? Ele
nunca tinha visto o macho com uma shellan, nem houve menção de uma.
Mas, então, uma certa distância profissional sempre parecia envolver
Saxton, como ficou claro que ele era respeitado por todos.
Certamente, tinha de haver uma fêmea em algum lugar na foto. E
esse fato não tornou isso ainda mais desconfortável ...
Ele congelou quando Saxton entrou na grande sala aberta, os passos
seguros do macho, seus cabelos loiros brilhavam sob as luzes de teto
apagadas, suas calças impecáveis e sua camisa super branca pronta para
vestir um smoking. Ou, seja lá o que for preciso.
O advogado entrou na área da cozinha, jogando uma mão casual
para acender as luzes que proporcionavam piscinas brilhantes de

172
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

iluminação de cima. Ele começou a fazer algo no balcão, pela pia—ele


estava preparando café e colocando canecas em uma bandeja. Mas Ruhn
notou pouco disso. As coisas que se registraram? A pele de Saxton era
dourada. Seu rosto era lindo. Seu corpo era ágil.
O que é isso pensou Ruhn ... Especialmente quando a excitação
sexual se enrolou em torno de seus quadris, com certeza como se as mãos
o estivessem tocando ...
Saxton olhou sem aviso prévio e parou quando viu que ele estava à
vista do outro.
Momentos se tornaram um minuto completo.
E então, ambos voltaram para a ação ao mesmo tempo, Ruhn tentou
fingir que ele estava apenas procurando de um botão, uma abertura ou
algo quando Saxton se aproximou e resolveu o problema para ele.
— Boa noite, —disse o homem enquanto deslizava um dos painéis
de volta.
— Você me convidou. —Quando Ruhn ouviu as palavras sair de sua
boca, ele fechou os olhos.
— Quero dizer, estou aqui. Quero dizer …
— Sim, eu estava esperando por você.
Quando Ruhn não respondeu, Saxton se afastou. — Entre.
Duas palavras. Duas sílabas. Um simples convite. O tipo de coisa
oferecida e aceita ou rejeitada por humanos e vampiros em todo o mundo.
O problema era que Ruhn não podia evitar a consciência de que era
muito mais para ele—e ele não conseguia lidar com isso. Eu não
conseguia lidar com ... nada disso.
— Eu deveria ir, —ele murmurou. — Na realidade. Sim, desculpe-
me.
— Por quê? —Saxton franziu a testa. — O que está errado?

173
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Eu acho que eu quero você, isso é o que está errado.


Oh, querida Virgem Escriba, isso tinha que passar por sua mente?
— Ruhn, entre. Está frio.
Afaste-se, disse a si mesmo. Apenas vire e vá embora, e diga-lhe que você o
encontrará na Casa de Audiência mais tarde.
— Eu não deveria ter incomodado você em casa. —Ele balançou a
cabeça e rezou para que o forte batimento de seu coração não fosse algo
que Saxton conseguisse ouvir ou sentir. — Peço desculpas.

Do outro lado da cidade, Peyton voltou para o andar de baixo em


exatamente dez minutos, com o cabelo molhado e penteado para trás,
graças ao banho mais rápido no leste, seu smoking colocado e adaptado
... e também um pouco apertado nos ombros, nos braços e nas coxas,
graças a todo o exercício que ele estava fazendo.
Quando ele entrou no salão, ele fez uma verificação rápida de que o
bar estava abastecido e aberto ao público. Yup: Lá no canto, uma série de
mimosas in slender flutes e Bloody Marys em copos altos que tinha sido
arrumado sobre um carrinho de bronze antigo.
Meus amigos não posso esperar para que nos voltemos para se readaptar,
pensou ele.

Mimosas in slender flutes – Bebidas a base de soda, fruta e vodka.

Bloody Marys – Bebidas feita a base de vodka, suco de tomate, limão, pimenta e outros.

174
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Mas as primeiras coisas primeiro.


— Ah, sim, meu filho primogênito, —Peythone disse na Antiga Língua
da poltrona mais próxima do fogo—e olha pontos para o sorriso, meu
velho—parecia quase sincero. — Salone e Idina, posso apresentar Peyton, filho
de Peythone.
O casal estava sentado no sofá de seda em frente ao seu cordeiro de
sacrifício—desculpe, filha—e Peyton avançou para eles e curvou-se, em
primeiro lugar para o macho, que era o tipo padrão de glymera, e então a
fêmea, que estava vestindo um vestido exatamente a mesma cor azul do
que sua filha. O que foi assustador. Ele também não os reconheceu
imediatamente, o que era incomum. A aristocracia era pequena, e quase
todo mundo era primo em primeiro grau de seu próprio tio. Eles devem
ser de fora da cidade, pensou ele. Talvez no Sul?
— É um prazer conhecer você, —disse ele. — Por favor, desculpe o meu
atraso. Eu fui imperdoavelmente rude.
Blá blá blá.
— Você é ainda mais bonito do que eu ouvi, —a mahmen disse, com
os olhos arregalados. — Tão bonito. Ele não é bonito? Um homem tão
bonito, fresco de sua transição.
Você não é MILF , pensou ele. Então pare de me olhar como se eu fosse
carne fresca.
Deus, ele odiava isso.
— Chega disso, Idina, —falou Salone antes de trocar as coisas para o
inglês. — Agora, Peyton, seu pai indicou que você está no programa de
treinamento da Irmandade da Adaga Negra—algo que acabamos de
aprender esta noite. Suponho que possamos dar ao seu atraso um passe
nesta conta.

MILF – Sigla em inglês para "Mother I'd like to Fuck", ou seja: "Mãe com quem eu gostaria de trepar".

175
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Peythone sorriu com satisfação. — Na verdade, Peyton está


contribuindo para a defesa das espécies de forma muito significativa. Mas
não queremos se gabar.
Oh sim. Ceeeeeeeeerto.
Idina colocou as mãos em ambos os lados do decote e inclinou-se
para frente como se estivesse indo para compartilhar um segredo—ou
talvez ela estivesse fazendo para exibir-se. — Você tem que me dizer,
como é a Irmandade? Eles são tão misteriosos, tão impressionantes, tão
assustadores. Só os vi de longe nas reuniões do Conselho. Diga-me, você
tem que fazer isso.
Ok, ele odiava tudo sobre a fêmea. De seus olhos vorazes, para
aqueles grandes diamantes, e aquele sotaque. Deus, o que estava
acontecendo com esse sotaque? Era como noventa por cento certo, mas
havia algo errado com o seu ‘r’. Ela não conseguia juntá-los corretamente.
E então havia o pai. Ao refletir mais de perto, suas características eram
mais grosseiras do que se poderia esperar, e aquele smoking—tinha um
brilho nele, como se tivesse sido esfregado com algo do KFC .
No que estava pensando seu pai, pensou Peyton. De todas as famílias
com as quais eles podem querer associar, por que essas pessoas?
Então, novamente, as Famílias Fundadoras em Caldwell estavam
cientes da reputação de Peyton. Talvez este não fosse tanto a melhor coisa
que seu pai poderia fazer ... como o melhor que o filho poderia fazer.
— Bem? —Idina jogou sua libido. — Conte-me tudo sobre eles.
Foda-se com essa merda.
Peyton virou-se e olhou para a jovem.
Isso fechou todos no quarto, uma desaprovação silenciosa batendo
na porta com toda a barriga social.

Cadeia de fast food.

176
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A filha recuou, mas então ela se recolheu rapidamente, deslocando


seu olhar para baixo como era apropriado, considerando o seu falso
contato social: Eles ainda não tinham sido devidamente apresentados.
Ela era encantadora de uma maneira discreta, sua beleza não era o
tipo que agarrou o olho imediatamente, mas sim algo que foi revelado
quanto mais você a encarou. Seus traços eram uniformes e pequenos, seus
membros longos e elegantes, seu corpo naquele vestido azul suave possuía
todas as curvas que um homem poderia desejar.
Uma ligeira vibração para o lado chamou sua atenção. As mãos dela
... suas mãos tremiam—e como se ela não quisesse que percebesse isso,
ela as juntou no colo.
O que você fez para me merecer, pobre criatura, ele pensou.
— Eu sou Peyton, —ele disse, para o horror de seu pai.
Enquanto falava, os olhos da fêmea se elevavam para os dele, e havia
surpresa neles. Mas imediatamente ela olhou para os pais dela.
Seu pai limpou a garganta com um grunhido de desaprovação—
como se quisesse que isso fosse melhor, mas sabia que ele não tinha o
direito de esperar merda a esse respeito.
E então ele murmurou: — Esta é minha filha, Romina.
Inglês, não o idioma antigo. Um insulto a quem de nós? Peyton
perguntou a si mesmo.
Em qualquer caso, ele se curvou. — É um prazer conhecê-la.
Antes de se endireitar, tentou se comunicar com ela telepaticamente:
Tudo bem. Nós vamos sair disso.
Como se fossem ambos fossem prisioneiros.
Retire o "como se".
E, claramente, estavam no corredor da morte, pelo menos na opinião
da mulher. A menina estava completamente aterrorizada.

177
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quinze

Enquanto Saxton estava ao lado da porta deslizante aberta de sua


cobertura, ele não sentiu o frio gelado, ou os sopros das rajadas de vento
ou a fome que tinha sido agitanda em sua barriga. O homem ante ele
levou tudo isso embora, o grande corpo de Ruhn tenso, como se estivesse
pronto para fugir do topo do Commodore, seus cabelos brilhando, seus
olhos muito brilhantes e muito cautelosos. Mas esse cheiro ... esse cheiro.
Especiarias escuras. Excitação.
Necessidade sexual.
Que fantasia é essa? Saxton perguntou. Ele estava dormindo e sonhando?
— Não vá, —ele disse com uma voz áspera. Exceto que ele se pegou
e tentou se afastar de um tom que estava muito perto de implorar. —
Quero dizer, entre e me conte o que aconteceu. Na Minnie. Por favor.
O olhar de Ruhn mudou de modo que ele parecia se concentrar no
interior.
— Não há ninguém além de mim. —Saxton recuou ainda mais. —
Estamos sozinhos.
Querido Deus, por que isso soou como um convite?
Porque isso foi.
— Pare com isso ... —Ao perceber que ele falava em voz alta, ele
fechou os olhos e tentou se juntar. — Desculpe. Por favor, está frio.

178
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ou talvez estivesse sufocante. Quem diabos sabia.


— Tudo bem, —disse Ruhn em voz baixa.
Quando o macho grande virou de lado e entrou, Saxton não pode
deixar de fechar os olhos e inalar. Ele nunca tinha cheirado nada tão
sensual em sua vida. Nunca.
Com as mãos trêmulas, ele as fechou juntas puxando o copo de volta
no lugar. — Eu estava ... bem, eu ia fazer—você gostaria de tomar um
café?
Ruhn olhou em volta e cruzou os braços sobre o peito. — Estou bem.
Obrigado.
— Você não vai se sentar?
— Isso não deve demorar muito.
E, no entanto, o homem não começou a falar. Ele ficou ali mesmo
junto à saída, suas botas plantadas no tapete cinza pálido, sua jaqueta de
couro preto e jeans azuis fazendo uma zombaria de todo o minimalismo
cuidadosamente construído ao seu redor, um gigante em uma casa de
bonecas.
— Diga-me o que aconteceu? —Saxton atravessou a sala e sentou-se
em seu sofá. — Alguma coisa errada?
Ruhn parecia respirar profundamente, seu peito se expandindo tanto
que a jaqueta rangeu. — Eu fui lá, para a fazenda, para garantir que a Sra.
Miniahna estivesse bem. Havia um caminhão estacionado na entrada,
logo antes da rotatória em frente à casa. Preto, com janelas tingidas.
Esperei, e depois de um momento, dois machos humanos saíram e
olharam para as árvores. Um tinha um sensor na mão.
— Eles sabem que nós removemos as câmeras.
— Sim. —Ruhn colocou as mãos nos bolsos de sua jaqueta de couro.
— Eles sabem.

179
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— E?
— Bem, eu não poderia simplesmente deixar ela com eles lá.
Aqui vamos nós, pensou Saxton.
— O que você fez?
— Desmaterializei-me para as costas e me aproximei deles como se
eu estivesse vindo pela casa. Os homens ficaram surpresos. Eu disse a eles
que eu estava ficando com minha tia e estava cortando madeira quando
os ouvi subir pela pista. Perguntei-lhes o que estavam fazendo na
propriedade. Um deles disse que ele e seu amigo estavam preocupados
com ela, o que, como ela, estava sozinha. Quando eu indiquei que ela não
estava sozinha, que eu estava lá, eles disseram que sabiam que ela vivia
sozinha. Então, eles continuaram sobre como o bairro estava realmente
mudando e que ela deveria considerar vender. Eu disse a eles que não
havia mais motivos para se preocupar com ela, pois eu ia cuidar das coisas
na casa e que eu iria lidar com qualquer intruso. Então eu perguntei quais
eram seus nomes e por que eles estavam na propriedade, e foi quando as
coisas ficaram interessantes.
— Eles também o ameaçaram?
— Eles me deram isso. —Ele tirou alguns papéis que foram dobrados
em quatro. — E me disse que eram para a Senhora Miniahna. Eles
tentaram a porta da frente durante o dia várias vezes, eles disseram.
Saxton sentou-se para frente e estendeu a mão. — Você mostrou isso
a ela?
— Eu não sei ler. —Ruhn avançou apenas o suficiente para dar tudo
o que ele acabou de tirar do bolso e então ele imediatamente recuou. —
Como eu não sabia o que era, eu não queria mostrar a ela algo que a
perturbaria por nenhuma boa razão. Eu não tinha certeza do que fazer
para o melhor. É por isso que eu liguei para você.

180
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton desdobrou as coisas, e uma verificação rápida o fez sair das


almofadas e vir para seus pés. Então ele caminhou enquanto ele fazia uma
leitura mais cuidadosa.
— O que é? —Ruhn perguntou.
Saxton parou e olhou para o macho. — Eles estão acusando-a de ser
um posseiro.
— Como? É sua propriedade.
— É, mas ela e seu hellren cometeram um erro com os registros de
propriedade. Descobri isso tarde na noite passada. Eles não apresentaram
contratos de propriedade real redundantes ao longo do tempo.
— O que é isso?
— É uma estratégia para os vampiros que possuem imóveis no
mundo humano. A cada vinte anos ou mais, em geral, você fingi que você
vendeu sua casa ou seu terreno para o que parece ser um membro da
família do companheiro. Caso contrário, você tem o que Miniahna vai ter
que lidar aqui—o que é que os registros mostram um único proprietário
desde 1821. É escusado será dizer que isso é impossível para um humano,
e, claramente, o desenvolvedor descobriu o problema, mesmo que não
consiga adivinhar a verdade sobre nossas espécies. De qualquer forma,
me diga—você esperou por eles sair? Os humanos?
— Sim. Eles foram logo depois que eles me deram o documento. —
Ruhn franziu a testa. — Você pode fazer alguma coisa para ajudá-la?
Saxton entrou na área da cozinha e foi direto para a máquina de café.
Enquanto ele se servia de Starbucks Breakfast Blend , sua mente estava
correndo.

Grãos de café nobre.

181
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Documentos desatualizados. Sim, eu teria que criar uma


documentação falsa ...
Quando ele se virou, pegou Ruhn fazendo uma careta quando o
macho pegou a parte inferior do braço e pareceu esticar seu tronco.
— Você está bem? —Perguntou Saxton.
— Bem.
— Então, por que você está olhando como se estivesse sofrendo.
— Não importa.
— Isso importa para mim.
Ruhn abriu a boca. Fechou. Abriu novamente.
Saxton balançou a cabeça com tristeza. De repente, ele estava
cansado, excitado e totalmente confuso pelo homem—oh, e ele estava
realmente chateado com a raça humana e suas formas de intromissão.
Então, na verdade, ele acabou por ser socialmente apropriado e educado.
— Olhe, —ele murmurou, — seja o que for, basta dizer isso. Estamos
trabalhando juntos, certo? E não quero que você esteja envolvido em tudo
isso se você estiver comprometido.
Houve um longo silêncio. E então Ruhn cruzou os braços sobre o
peito com a maior parte sem grimace. — Eu sempre soube que você não
me aprovava.
Saxton recuou. — Eu imploro o seu perdão?

— Eu não vejo qual é o problema.


Quando Novo falou, ela tentou parecer tão forte e poderosa quanto
podia. Ok, tudo bem, então ela ainda estava na cama do hospital com fios

182
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

e tubos em lugares onde ela preferiria estar sem fio e sem tubo, e ela
estava, de fato, vestindo um johnny que tinha pequenos buquês de flores
rosa sobre todo ele, mas porra, ela estava perfeitamente bem.
E ela tinha todo o direito de ...
— Você não está deixando isso com facilidade. —Dr. Manello estava
sobre ela e sorriu como se ele tivesse todas as cartas. — Eu sinto muito.
Para evitar agarrar sua garganta—socando o humano, ela olhou para
si mesma ... E culpou aqueles botões de rosas que estavam por cima de
seu johnny. Porque as batas hospitalares não poderiam ter impressões
como, a máscara de Deadpool ? Facas. Bombas com os pavios acesos.
Frascos de veneno.
— Não, você não está arrependido, —ela murmurou.
— Você está certo, eu não me importo que você esteja chateada
comigo. O que me interessa é o seu coração. Agora, eu poupar-te-ei do
discurso de seja-uma-boa-menina, porque não quero ser castrado—mas
faça-me um favor e não foda todos os meus lindos pontos, e fique onde
você está, 'okay'.
— Eu me sinto bem.
— Você desmaiou indo ao banheiro.
— Eu fiquei tonta, era tudo.
— Eu encontrei você no chão, em uma pilha.

Johnny – um vestido curto preso nas costas, usado pelos pacientes hospitalares.

Deadpool - o icônico personagem da Marvel.

183
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu tinha o meu IV ainda dentro.


— Mas não o seu cateter, que você mesma tirou. —Ele colocou a
palma da mão para impedir que ela discutasse. — Eu vou te dizer uma
coisa, eu vou lhe conceder o troféu Paciente da Noite por todos os seus
esforços. Parabéns, seu prêmio é um donut de geléia e um monte de não-
vá-absolutamente-a-lugar-nenhum-sozinha.
Novo grunhiu e tentou dobrar os braços sobre o peito—quando isso
causou uma arritmia que soou um alarme, ela teve que deixá-los mexer
de volta para ambos os lados do corpo.
— Estou bem.
— Não, você vai ficar bem. —O Dr. Manello foi ao redor e redifiniu
qualquer monitor que tivesse começado a apitar. — Em outra noite ou
duas. Desde que você permaneça quieta.
— PSI , estou dando a este estabelecimento uma crítica muito ruim
no Yelp .
— Eu ficaria honrado. —O médico pôs a mão em seu coração e se
curvou. — Obrigado—oh, e sua mãe ligou.
Novo foi se sentar e assobiou antes de desabar de volta para trás. —
Minha mãe?
— Sim, ela estava tentando chegar até você? Ela estava com medo
que você estivesse morta. Desnecessário será dizer, que eu disse a ela que
você estava respirando—não mencionei que eu sabia disso por causa de
um sensor de oxigênio preso ao seu dedo, mas pelo menos eu estava
confiante de que eu estava dando a ela informações precisas.
Novo tentou parecer que não se importava. Mas aquele fodido
alarme, aquele ligado ao seu maldito coração, começou a ‘gritar’ de novo.

PSI é uma sigla para 'Para Sua Informação'. É a versão portuguesa da sigla FYI comumente usada na língua inglesa. Alguns também
usam comumente a sigla PSC.
Yelp é uma empresa multinacional baseada e com sede em São Francisco, Califórnia. A empresa conta com seu site e aplicativos
voltados à avaliação de estabelecimentos comerciais.

184
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— O que ela disse? Quero dizer, o que você disse a ela? —Ela fechou
suas pálpebras. — Não que eu me feri certo?
— Eu não estou autorizado a relatar a condição de meus pacientes.
—Ele se inclinou para o que quer que fosse, beep-beep-beep e silenciou as
coisas novamente. — Eu informei que você estava na aula pelo resto da
noite. Mas você pode querer ligar quando estiver com vontade.
Como nunca, que tal isso? — Você pode me dar um atestado médico
que diz que eu não preciso.
— Você promete ficar na cama?
— Claro, mas tenho certeza de que é algo que eu vou quebrar.
— Justo. Pergunta rápida. Se você não quiser saltar sobre o drama
com a versão de sua família de Carol Brady , não estou seguro de que ela
conseguindo um atestado de seu cirurgião vai acalmar tudo o que está
acontecendo, estou certo?
— Olhe, Doc, se você continuar a ser lógico e razoável, eu vou ter
que pedir que você transfira meu caso para uma pessoa louca.
— Certo, por que ser difícil quando você pode ser perfeitamente
irracional.
— Exatamente.
O Dr. Manello sorriu e então se dirigiu para a porta. Antes de abrir a
porta, ele hesitou. — Está tudo bem em sua família? —Ele ergueu a palma

Personagem principal da fámilia The Brady Bunch (A Família Sol-Lá-Si-Dó (título no Brasil) foi
uma sitcom estadunidense criada por Sherwood Schwartz e exibida originalmente entre 26 de Setembro de 1969 e 8 de Março de 1974
pela ABC. A história girava em torno de uma grande família com seis filhos.

185
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

da mão novamente. — Você não precisa entrar em detalhes se não quiser.


É só ... ela estava nervosa, e está muito claro que você a está evitando.
— Minha mãe sempre está preocupada com alguma coisa—e,
geralmente é minha irmã. Que está se acasalando. Como sua dama de
honra ... desculpe, acho que sou a empregada de honra, ou algo assim?
— Eu deveria planejar coisas, não fazer meu trabalho para proteger a
espécie. Sim, realmente, escolher vestidos e organizar uma maldita noite
de despedida de solteira é mais importante do que lutar contra os Lesser’s.
— Eu não sabia que os vampiros faziam esse tipo de merda. Festa de
despedida de solteira e outras coisas.
— Nós não. Minha irmã precisa de toda a atenção no mundo, no
entanto, então as tradições de uma espécie não são suficientes para ela.
Ela precisa de dois.
— Que encantador. —O cirurgião sorriu ainda mais, seu rosto bonito
enrugando os olhos e ao redor de sua boca. — E posso dizer, de maneira
totalmente não assustadora, que você ficará fantástica em laços e fitas.
Especialmente se eles são da cor de chiclete.
Novo fechou os olhos com um gemido. — Você pode me bater?
— Nah, eu tenho medo se eu bater em você na cara, o resto de seus
colegas de classe vão chutar a minha bunda.
— Eu estava falando de drogas.
— Ah, onde está a diversão nisso. —O homem ficou sério. — Você
descansa. Se você estiver estável antes que a noite acabe, eu considerarei
deixar você ir para casa, 'okay'? —Quando Novo abriu as pálpebras de
volta, ele olhou para ela. — Mas você tem que se alimentar. Eu não me
importo com quem, e isso é obrigatório.
Depois que o médico saiu, Novo pensou sobre a noite de noiva, ou o
que quer que isso fosse chamado, e decidiu que deveria levar todas
aquelas fêmeas para The Keys.

186
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sim, surpresa! É um clube sexual! Agora, pegue seus clipes de mamilo lá,
jovens senhoras, e vão procurar um glory hole .
Enquanto imaginava que sua irmã tentava passar por apenas a linha
de espera, ela teve que rir—e um flash de dor que veio em resposta fez
com que ela se preocupasse que ela tivesse um vazamento.
Não há alarmes, no entanto. Apenas o sinal sonoro normal que
parecia sugerir que algum tipo de circulação estava acontecendo
regularmente ...
De repente, ela estava de volta naquela casa vazia e fria, no chão do
banheiro, sangrando entre as pernas. A dor, diferente de agora, estava no
fundo da barriga, torcendo-a como um pano até pensar que ela iria se
dividir em dois.
Sem ajuda médica, então. Nenhum bom médico com sabedoria e
olhos gentis, sem equipamento médico, sem drogas. Não havia uma
compreensão clara do que estava acontecendo com ela até que algo
tivesse saído dela.
Seu bebê. Não vivo, embora perfeitamente formado.
Havia tanto sangue. Ela tinha certeza de que ia morrer.
O destino tinha tido outros planos para ela. Na verdade, ela tinha
vivido. Descobriu-se que, só porque você queria ganhar a entrada para o
Fade, não significava que você recebeu o que pediu. Não, ela havia
sobrevivido, mas nunca mais tinha sido completa de novo.
Espere ... Estava errado. Ela não tinha sido completa mesmo antes
do aborto ter acontecido, então o que? Como não poderia culpar-se pela
perda. Seu corpo tinha falhado com seu bebê, tinha deixado aquela
criança ‘inocente’ morrer ...

Glory hole, literalmente traduzido como "buraco de glória", é um buraco em uma parede, ou outra divisão, (muitas vezes entre os
boxes de banheiros publicos, vestiários, cabines de vídeos adultos, etc) para as pessoas exercerem atividade sexual ou observar a pessoa,
ou pessoas, do outro lado. Uma ou ambas as partes podem se masturbar, inserir dedos, lingua ou o pênis neste furo.

187
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Não, não seu corpo. Sua mente, o caráter dela. Ela estava tão
perturbada por Oskar deixando-a por Sophy que sua crise emocional
causou o aborto espontâneo: Ela não tinha sido suficientemente forte para
o bebê dela, dura o suficientemente, suficientemente resistente. Ela tinha
falhado.
— Pare com isso, — ela retrucou. — Apenas ... porra, pare.
Para tirar a cabeça do passado, ela se concentrou em sair da clínica.
Alimentando, pensou. Ela precisava arrumar a coisa da alimentação.
Com um grunhido—o que sugeria que o Doc tivesse um ponto sobre
a coisa de não-sair-ainda—ela estendeu a mão para a mesa rolante mais
próxima dela. Batendo na lata de ginger ale , a comadre cor de rosa de
plástico, a caixa de Kleenex, e o controle remoto para a TV que ela ainda
tinha que ligar, ela finalmente pegou seu telefone.
Sua campainha tinha sido desligada quando ela estava no campo, e
o que era uma boa escolha alguém tinha feito em não ligar isso
novamente. Quando ela desbloqueou a tela, houve uma série de textos.
Muitos eram de seus colegas estagiários ... Havia um de John Matthew
... E um casal de irmãos. Também um de Rhage olhando para ver quando
ela estaria bem o suficiente para dar uma declaração sobre o que
aconteceu no beco.
E então sobre ... Oh, setecentos e cinquenta de sua irmã.
Além de algumas mensagens de voz da fêmea. E de sua mahmen.
Novo fechou os olhos quando sentiu vontade de gritar. Então ela se
reorientou. Alimentação. Ela precisava se alimentar.

Ginger Ale é um refrigerante comum nos Estados Unidos, Canadá, Japão e Inglaterra feito à base de gengibre.

188
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E sobre esse assunto, agora seria um ótimo momento para fazer boas
escolhas, ela disse a si mesma. Ela precisava ligar para Craeg, Axe ou
Boone e pedir um deles se poderiam ajudá-la.
Sim. Ela iria enviar uma mensagem de texto a um desses caras, e ela
sabia que eles viriam assim que pudessem organizar o transporte. E então,
ela estaria um passo mais perto de ter tudo isso por trás dela—e um passo
além das complicações que ela poderia fazer sem.
Leia: Peyton e sua safra de sangue azulado.
Sim, ela iria ligar para Craeg ...
Ou Axe ...
Ou ... Boone.
Eles estavam indo fazer tudo muito bem, ela disse a si mesma quando
ela fez logon no seu telefone. Tudo fino e elegante.

Dezesseis

Depois que Ruhn falou, ele ficou em silêncio e realmente desejou que
ele não tivesse dito nada. Na verdade, espere, o que ele preferiria não era
ter vindo aqui. Porque se o último tivesse sido verdade, então o primeiro
nunca teria sido um problema.
Eu sempre soube que você não me aprovava.

189
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele realmente disse isso?


— Não importa, não é relevante.
— O que lhe deu a ideia que eu desaprovava você?
— Eu não deveria ter trazido isso.
— Não, eu estou feliz que você fez. —Saxton sacudiu a cabeça. —
Precisamos conversar sobre isso. Estou tentando ver como eu poderia ter
lhe dado essa impressão.
Por um momento, Ruhn ficou muito ocupado, caindo naqueles olhos
cinzentos, aqueles grandes e lindos olhos cinza-pérola. Adorava a
maneira como olhavam para ele, os espessos cílios enquadram aquele
olhar, as sobrancelhas se arqueavam perfeitamente, a cabeça inclinada em
inquérito educado ...
A boca sempre se separou um tanto como se o macho ainda estivesse
surpreso.
— Por que você acha isso? —Perguntou Saxton.
— Eu não sei ler.
— E isso importa como? Ler é uma medida de algo que pode ser
ensinada, não a inteligência, e certamente não é merecimento. Ruhn,
você desistiu de Bitty para os pais que a amavam por seu próprio bem.
Você deixou sua linhagem ir para o seu benefício e de outros. Como não
posso apreciar um homem que poderia fazer um ato tão altruísta e
amoroso?
— Não consegui assinar os documentos.
— Você deu a sua marca ... lindamente. —A voz de Saxton cresceu
forte. — Não se preocupe, Ruhn, por minha opinião. Eu não poderia te
respeitar mais. Na verdade, sempre fui—esses olhos se afastaram —
atingido por você.

190
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Uma sensação estranha florescendo aqueceu o peito de Ruhn,


aliviando a dor lá—e, ao mesmo tempo, as paredes da elegante cobertura
pareciam encolher em ambos, atraindo-os mais próximos, embora
nenhum deles tenha se movido.
O coração de Ruhn começou a bater mais forte, e ele tossiu um
pouco.
— Eu fiz você se sentir desconfortável? —Saxton cruzou seus braços.
— Peço desculpas. Eu asseguro-lhe, eu ofereço isso apenas no espírito de
amizade.
— Claro.
— Independentemente da minha orientação.
— Orientação?
— Eu sou gay. —Enquanto Ruhn recuou, o rosto de Saxton se
apertou e sua voz baixou. — Isso vai ser um problema para você?
Mais como uma solução, Ruhn pensou—antes que ele se contesse.
Tossindo novamente, ele disse: — Não. Não, não vai.
— Você tem certeza sobre isso?
Quando Ruhn não respondeu, Saxton desviou o olhar. — Bem. Em
qualquer caso, obrigado por me atualizar sobre Miniahna e eu vou levá-
lo daqui. Seus serviços não são mais necessários ...
— Eu sinto muito?
— Você me ouviu ...
— Espere, você está me demitindo?
— Apenas para que você e eu estarmos claros, fui espancado por ser
o que sou. —Saxton foi e abriu a porta deslizante. — Eu fui rejeitado por
minha linhagem porque meu pai me considera um embaraço e uma
desgraça agora que meu pai e mahmen se foram. Então posso assegurar-

191
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

lhe que eu sobrevivi a uma alienação muito pior do que a sua


desaprovação, e não vou me desculpar por algo sobre mim que não tenho
vergonha—simplesmente porque isso faz com que você ou qualquer outra
pessoa se sintam desconfortáveis.
Ruhn respirou fundo.
Depois do que pareceu uma hora, ele caminhou até a porta aberta e
o macho de pé com firmeza e com dignidade saiu. Enquanto o ar
congelado se arrastava para a cobertura, ele bagunçou o cabelo de Ruhn
e ele se perguntou o que seria ter os dedos de Saxton fazendo isso.
— Perdoe-me, —disse Ruhn calmamente. — Não quero te ofender.
Eu honestamente não. Eu tenho ... problemas para me expressar,
especialmente em torno de pessoas como você.
— Gays. Você pode dizer a palavra, você sabe. E não é como se você
possa pegar a homossexualidade como um resfriado.
— Eu sei.
— Você sabe disso. —Saxton puxou seus punhos, e como ele fez,
havia um flash de rubis vermelhos. — Não tenho certeza de que isso seja
verdade, e, aliás, uma preferência sexual não deve ser ameaçadora. Não
vou pular em você ou nada. As pessoas são tão fundamentadas ou sem
princípios como estão. Com quem escolho dormir, não afeta minha
capacidade de reconhecer fronteiras mais do que um homem
heterossexual não atacaria todas as mulheres que ele conhecia.
— Não é isso.
— Então você acredita que estou moralmente errado. Ah, certo. É
isso, então.
— Não ...
Saxton estendeu a mão dele. — Na verdade, não tenho vontade de
discutir com você. Suas razões são suas. Está frio e eu gostaria de fechar
essa porta. Obrigado.

192
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Mais tarde, Ruhn se perguntaria de onde veio à coragem. Onde ele


fez isso com honestidade. A resposta para isso, quando ocorreu a ele, era
simples e profunda: O amor tinha asas que exigiam vôo.
— Estou atraído por você e não sei o que fazer sobre isso.
Os olhos de Saxton se arregalaram, sua surpresa alterando tudo sobre
ele.
— Eu espero não te ofender. —Ruhn inclinou-se ligeiramente. — Eu
não espero que você me elogie por isso, nem você precisa se preocupar
com a vergonha. Eu simplesmente não esperava encontrar um homem
atraente, e ... —Ele desviou o olhar. — A única razão pela qual eu digo
isso é porque eu não suporto a idéia de você pensando que eu tenho
vergonha de você ou de qualquer outra pessoa dessa maneira. Então,
desculpe-me.
Houve um momento tenso de silêncio.
E então Saxton estendeu a mão ... E lentamente deslizou a porta
novamente no lugar.

O banheiro masculino do térreo na mansão da família de Peyton era


um espaço pequeno, mas dramático, escondido sob as grandes escadas
formais. Os pisos, as paredes e o teto da sala assimétrica e inclinada do
telhado eram de azulejos com lajes de ágata dourada, e os acessórios e a
pia eram de ouro. Conjuntos de latão de cada lado de um espelho
folheado a ouro jogava iluminação alaranjada que sempre lhe lembrava
do fim de um charuto aceso, e o tapete de agulha debaixo dos pés tinha a
crista da família tecida nele .
Não havia um imperativo da bexiga para ter vindo aqui. Ele só
precisava de uma pausa de toda a conversa polida no meio da conversa,

193
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

e para ganhar algum tempo, ele tirou o telefone para ver se alguém,
qualquer um, tinha enviado mensagens de texto ou e-mail para ele.
Foi a primeira vez que ele tinha orado por ‘spam’. Ele não dava à
mínima se fosse Viagra do exterior, ou uma farsa no webcam dizendo-lhe
para enviar ‘ME CHUPE’ para algum número ... Ou o presidente da
Nigéria precisando esconder dinheiro: Ele estava dentro. Qualquer coisa,
mas menos voltar a essa mesa, onde seu pai e Salone estavam tentando
dizer um ao outro quem eles conheciam, e a mahmen estava se
embebedando e olhando para ele do outro lado da mesa, e que ‘Emily
Dickinson ’, a pária , estava empurrando sua comida sem comer nada.
— Eu abandonei trabalhos melhores do que isso, —ele murmurou
quando ele verificou a tela do telefone.
Sobre a nota de Annie Potts , talvez ele devesse apenas colocar o OG
Ghostbusters e assistir de debaixo de seu guardanapo ...
Quatro mensagens. Três dos quais eram do conjuto do clube. E
aquele que fez seu coração bater como se tivesse sido ligado a uma bateria
de carro.
Quando ele foi digitar uma resposta a essa última, ele parou no meio
do caminho—e ligou em vez disso.
Um toque. Dois toques ...

Emilly Elizabeth Dickinson – foi uma poetisa americana, considerada moderna em vários aspectos da sua
obra. Proveniente de uma família abastada, Emily teve formação escolar irrepreensível, chegando a cursar durante um ano o South Hadley
Female Seminary. Abandonou o seminário após se recusar, publicamente, a declarar sua fé. Em torno de Emily, construiu-se o mito acerca
de sua personalidade solitária. Tanto que a denominavam de a “Grande Reclusa”.
Pária - Pessoa mantida à margem da sociedade ou excluída do convívio social.

Annie Potts é uma dubladora e atriz estadunidense de televisão e cinema. Seu papel mais conhecido foi
como Janine Melnitz no filme Ghostbusters.
Abreviação do original, usado para nomear um ótimo nome nas redes sociais

194
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Três ...
Merda ia ao correio de voz. Ele desliga ou ...
— Então, isso é um sim? —Disse Novo com uma voz rouca.
Ereção instantânea. O tipo de coisa que testou a força de tração do
zíper de sua calça do smoking e sugeriu que não havia como ele saísse do
banheiro sem se dar um trabalho de mão.
— Sim, —ele respondeu. — Isto é.
— Quando você pode vir aqui?
Agora! Porra agora mesmo! Seu pau disse. Você pega aquele ônibus e você
vai até ela agora mesmo!
Escute pequeno Pey-pey, você precisa relaxar ...
— Desculpe-me?
Peyton fechou os olhos e inclinou-se na bancada de ágata. — Ah, sim,
desculpe ...
— Pequeno Pey-pey? Eu não sabia que você tinha um irmão mais
novo.
Era mais como viver com um garoto de fraternidade que nunca
levantou um dedo até que ele teve uma idéia brilhante que poderia
queimar a casa.
— É ... nada. —Na verdade, foi mais como vinte centímetros e meio.
Duro. — E eu tenho um ... Estou preso em uma coisa familiar, mas é apenas
uma refeição. Assim que terminar, eu estarei indo.
— "Quanto tempo? Eles disseram que eu tinha que me alimentar
antes que eu pudesse ir embora.
— Não muito. Uma hora. O curso de queijo e frutas está prestes a ser
servido, e depois disso, haverá sorvete. —Graças a Deus não era a última

195
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

refeição ou haveria mais duas horas à frente deles. — Vou providenciar o


transporte e dizer ao meu pai que eu tenho que ir.
— Então, você é confiável.
— Quando devidamente motivado.
— E altruísta, também. Ou você ainda sente que me deve?
Peyton olhou para si mesmo naquele espelho sobre a pia dourada.
Seus olhos estavam extasiados e famintos, uma alta cor de excitação em
suas bochechas. No brilho dourado, ele era todo tigre em uma gaiola
dourada.
— Você não quer que eu responda isso, —ele se ouviu dizer com uma
voz gutural.
— Não me faça nenhum favor.
— Bem. Eu quero que você tome de mim. Eu quero sua boca em mim em
qualquer lugar, que eu possa consegui-lo. E eu sei melhor do que pensar que
você vai me deixar fodê-la, mas só assim ficamos claros, o tempo todo, eu
voltarei entre suas pernas em minha mente. Isso é honesto o suficiente para
você? Ainda quer que eu vá ... para você.
Ele deliberadamente entendeu duas vezes o último porque ele era um
canalha. E ele a queria tanto que ele estava perdendo a cabeça dele.
Quando Novo não disse nada, ele deixou sua cabeça cair e decidiu
chutar sua própria bunda. Maneira de ser solidária ...
— Sim, —ela disse grosseiramente. — Eu ainda quero que você
venha.
Pressão sanguínea subindo, santo Batman.
— Desta vez ... —Ele descobriu suas presas descendo, seu lábio
superior se contorcendo. — Eu quero suas presas em mim, eu quero a dor e
a corrida. E eu quero você na minha garganta.

196
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Algo mais?
Certo, essas duas palavras, naquele traço erótico, eram mais sexy do
que todo o sexo atual que ele tinha tido no último ano.
— Deixe-me dentro de você, Novo. Você não precisa explicar nada ou
repeti-lo, mas eu só preciso saber o que é terminar em você.
— Você está admitindo fraqueza.
— Eu estou dizendo a verdade.
— Por que começar agora.
Ele balançou sua cabeça. — Quando eu menti para você?
Houve uma pausa. — Quando se trata de Paradise, você está
mentindo para si mesmo.
Oh, não, ele pensou. Isso é um erro, desligue uma estrada que ele
queria continuar, dirigindo-se a um conjunto de arvoredos que ele poderia
realmente se livrar.
— Eu não estou apaixonado por ela.
— Você está apenas provando o meu ponto sobre a mentira.
Lembre-se ontem à noite naquele beco? Não finja que não estava
sendo um macho vinculado com ela, colocando a si mesmo e os
melhores interesses de todos de lado para proteger o que você pensa
como sua mulher.
— Por que estamos falando sobre isso?
— Eu realmente não sei.
Houve um momento de silêncio, e antes que ela pudesse mudar sua
mente, ele saltou da quietude. — Eu estarei aí assim que eu puder. Eu só
preciso passar por esse jantar com meu pai. Se eu pudesse sair, eu o faria, mas
com ele, tudo é um maldito problema.

197
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Uma risada suave veio sobre a conexão. — Esse tom exasperado em


sua voz é provavelmente a única coisa que sempre teremos em
comum.
— Problemas familiares também?
— Você não tem ideia.
— Conte-me.
Houve uma longa pausa. — Eu pensei que você estava jantando
com seu pai. Por que você está neste telefone comigo?
— Eu estou escondido no banheiro. Você está me dando uma desculpa
para ficar um pouco mais.
Desta vez, quando Novo riu, era chocantemente natural—e ele
percebeu que nunca a tinha ouvido assim.
Ao levantar a mão, ele se encontrou esfregando uma dor inesperada
no peito.
— Vamos lá, —disse ele. — Derrame. Será o seu gesto humanitário para
a noite. Mantenha-me aqui um pouco mais.
A expiração foi longa e lenta. — Venha quando puder. Sem pressa.
Tchau.
Quando a conexão foi cortada, Peyton voltou a se concentrar no
rosto no espelho. Embora ele soubesse o endereço da casa em que ele
estava o código postal e a rua e o número ... apesar de ter estado na
maioria dos quartos da mansão, durante toda a vida ... ele estava
completamente perdido.
E ele já estava fazia anos.
Ao fechar os olhos, imaginou Paradise, com os cabelos loiros e o
rosto encantador e o sorriso rápido. Ele lembrou-se de sua risada vindo

198
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

do telefone, sua tristeza e sua dor também. Ele ouviu sua voz e seu
sotaque, suas consoantes e suas vogais.
Todos esses telefonemas, todo esse tempo, dia após dia, enquanto os
ataques forçavam-nos a ficarem dentro de suas casas seguras longe de
Caldwell.
O que ele se apaixonou foi a sua constância. Sua confiabilidade. Ela
sempre lá, e sua bondade ... e ainda mais do que tudo isso, o fato de que
nunca o julgou, nunca. Ele havia contado as coisas que o faziam sentir-se
patético e coisas que o tinham assustado. Ele falou sobre pesadelos e os
demônios em sua própria mente. Ele havia relatado o ódio de seu pai
contra ele, e a demissão ausente de sua mahmen, suas drogas e seu
consumo, suas fêmeas e suas mulheres.
E ainda assim, ela ficou junto a ele. Como se essa feiúra não a fizesse
pensar menos dele.
Fale sobre questões familiares. Ele nunca teve esse apoio da linhagem
ou da glymera. Ele tinha mantido seus segredos para si mesmo, não porque
eles eram particularmente incomuns ou chocantes ou perversos, mas
porque não havia ninguém em quem confiar. Ninguém que se
preocupasse. Ninguém para aceitá-lo como era e perdoá-lo por não ser
perfeito.
Era por isso que a amava.
Mas isso era menos sobre ela, não era.
E mais sobre o que ele precisava.
Paradise tinha sido por um tempo, a pintura em sua tela, a bússola
no bolso, o interruptor de luz que poderia virar quando ele precisava de
iluminação no escuro assustador. Sua boa natureza lhe ofereceu essas
salvações, embora da mesma forma não fosse sobre ele, ela teria feito isso
por qualquer um, porque era assim que ela era.
Ele nunca esteve sexualmente obcecado com ela.

199
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ela nunca foi como Novo para ele. Novo era uma fogueira na qual
queria entrar. Vestindo um terno de fogos de artifício e carregando um
tanque de gás em suas costas.
Não, ele olhou para Paradise porque ele lamentou a perda dessa
conexão apertada, sua ausência o empurrou de volta para este mundo de
molduras douradas e sorrisos de plástico e sem fundamentos.
Às vezes, a gratidão poderia ser confundida com o amor. Ambos
eram sentimentos quentes que sofriam. Mas o primeiro era sobre amizade
... o último era completamente diferente.
E por algum motivo, ele sentiu uma necessidade de condução para
explicar tudo isso a Novo.
Virando-se, ele estendeu a mão para a porta. Ele ia deixar isso aqui
no segundo que pudesse ...
Peyton saltou para trás. — Uau!
— Perdoe-me, —disse Romina suavemente.
A jovem fêmea estava pálida e instável enquanto estava diante dele,
e ela olhou sobre o ombro com a paranóia de um rato de campo no
caminho de um gato.
— Eu devo falar com você sozinho. —Seus olhos se agarraram ao
dele. — Há pouco tempo.

200
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Dezessete

Quando Saxton deslizou a porta de volta ao lugar, a resistência do


painel que encontrou seu batente era o tipo de coisa que ressoava atráves
de sua mão e levantou o braço.
Oh, você macho bonito, ele pensou quando notou o rubor de Ruhn
e baixou os olhos. Por todo o poder nesse corpo, havia uma
vulnerabilidade que fazia querer oferecer ao macho um abrigo seguro. Por
outro lado, Saxton sempre teve um ponto fraco para os desamparados.
— Perdoe-me, —Ruhn murmurou.
— Pelo quê? —Saxton inalou e manteve mais desse delicioso aroma
em seus pulmões. — Por que você se desculpa?
— Eu não sei.
— Não é uma imposição que você seja atraído por mim. Em
absoluto. Olhe para mim. Vamos, agora ... levante seus olhos.
Uma eternidade passou antes desse olhar brilhante se levantar para
encontrar o seu.
— Eu não sei o que fazer, —Ruhn sussurrou. Exceto que o macho se
concentrou na boca de Saxton.
Oh, sim, você sabe, ele pensou. Você sabe perfeitamente o que fazer.
Mas não era da natureza do macho assumir o controle. Felizmente,
Saxton teve um remédio para isso.

201
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você quer que eu o beije, —ele falou suavemente. — Apenas para


saber como é. Apenas para que você não precise se perguntar.
Nada disso estava em questão. As respostas estavam na carga sexual
que surgiu entre eles, uma parede de fogo que prometeu derreter seus
corpos ... e talvez suas almas.
Exceto que Ruhn olhou para fora.
Saxton suspirou. — Ninguém vai saber. Eu prometo.
Foi triste ter que tranquilizar o macho disso, como se isso fosse um
negócio sujo, o tipo de coisa que fazia os outros mudar suas opiniões
sobre você e fazer você se sentir menos por você mesmo—mas não havia
razão para ser ingênuo. A maioria dos civis, como Ruhn, tinha uma visão
muito mais conservadora dessas coisas do que os aristocratas. Na glymera,
havia um tipo de tolerância de aparência diferente, desde que você
estivesse disposto a se acasalar adequadamente a uma fêmea, a produzir
um herdeiro, perder tempo e nunca, nunca sair do armário.
Nada que Saxton quisesse fazer pelo benefício de seu pai e sua
linhagem. Qual foi uma das razões pelas quais ele e seu pai estavam
separados.
Ao longo dessa nota de intimidade, ele se inclinou para um lado e
ativou as cortinas interiores, as grandes tiras de tecido escurecendo no
lugar, fechando o mundo, criando uma abóbada de privacidade.
— Ninguém saberá, —disse ele, apesar do desapontamento em seu
peito.
Em resposta, Ruhn estendeu a mão de um trabalhador trêmulo ...
Apenas para tocar na boca de Saxton.
— É o que você quer, —respirou Saxton.
Ruhn abaixou o braço. — Sim.
Saxton aproximou-se, mas não muito perto, mantendo uma distância
entre os peitos. Então ele pegou o rosto de Ruhn nas palmas das mãos.

202
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O corpo inteiro do macho estremeceu todos aqueles músculos e ossos


pesados prestes a pular, mas se ele fosse para ele ou para fugir, ele não
sabia.
— Eu não vou machucá-lo, —prometeu Saxton. — Eu prometo.
E então, ele puxou o macho mais alto para baixo lentamente, a
pressão sutil de Ruhn cedeu prontamente.
Inclinando a cabeça para um lado, Saxton pressionou seus lábios
para o de Ruhn—e o suspiro abafado que veio do outro homem era o de
um amante surpreso.
Saxton sentiu o choque, também, e ele teria dito alguma coisa.
Mas ele não queria parar para falar.
Suavemente, suavemente ... Ele escovou essa boca novamente e
novamente. No início, não houve resposta, os lábios contra o seu próprio
congelado. Mas então eles se separaram, e acariciaram-se de volta, com
uma pequena hesitação.
O corpo de Saxton rugiu, sua ereção se esforçou para sair e ser
acariciada e sugada. E, em troca, ele queria aprender cada centímetro
quadrado do macho fodidamente agora. No entanto, a paciência era uma
virtude mais susceptível de ser recompensada do que a ganância.
Saxton recuou e olhou para o rosto de Ruhn. — Como foi isso?
— Mais, —veio um gemido de resposta.
Um som ronronante saiu de Saxton enquanto ele se colocava contra
o corpo de Ruhn. Empurrando um braço para cima sobre os ombros
grandes, ele insistiu para que a doce boca de volta a dele enquanto ele
deslizava seu outro braço em torno de uma cintura que era apertada e lisa
como pedra polida.
Os tremores no tronco de Ruhn eram eróticos. O que foi ainda
melhor? Nesses quadris, uma ereção na proporção total desse tremente
corpo era um mastro duro, pronto para ser lançado. Saxton sabia não

203
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

apressar as coisas, porém—porque ele não queria seduzir o macho contra


as hesitações de Ruhn. Em vez disso, ele queria que o macho se
aproximasse voluntariamente sobre o que certamente seria um passeio
sexual incrível ...
Quando o telefone de Saxton começou a tocar na cozinha, ambos
saltaram.
— Você não deveria atender isso? —Ruhn perguntou com uma voz
rouca.
Talvez, sim, pensou Saxton. Mas só para jogar a maldita coisa no vaso
sanitário, ou talvez bater com um martelo. Exceto …
— Pode ser o Rei. —Saxton recuou. — Espere um momento.
Com passos rápidos, ele correu para o balcão de granito preto onde
ele tinha deixado seu celular perto da cafeteira. — Olá—oh, sim, mas é
claro, meu Senhor. Conte-me? Uh-huh. Sim. Certo…
Saxton fechou os olhos. Ele não podia ser rude ou esquivar seus
deveres, mas ele precisava tirar Wrath do telefone para que ele pudesse
pegar onde ele havia deixado as coisas—e espero que consiga mais alguns
beijos.
— Sim, meu senhor. Eu prepararei a documentação apropriada e
servirei a outra parte amanhã à noite—quando? Agora? —Saxton falou
uma palavra em silêncio que não era apropriada. — Sim, eu irei para a
Casa de Audiência agora e trarei ... o que? Sim, isso também.
Obrigado, meu Senhor. O prazer é meu.
Quando ele desligou, ele pensou, na verdade, seu prazer realmente
estava de pé ...
— Droga, —ele murmurou quando ele se virou.
Ruhn tinha desaparecido através da porta de vidro deslizante,
deixando senão as sutis ondulações dessas cortinas em seu rastro, o frio

204
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

do ar da noite arruinando o tecido enquanto soprava o aroma persistente


do despertar sexual.
Ele teve o instinto de seguí-lo, mas ele deixou ir. Ruhn fez sua
escolha, pelo menos por enquanto.
Ele não sabia se ele voltaria.
Saxton tocou sua boca. — Mas espero que você faça, —ele sussurrou
para a cobertura vazia.

O ônibus entrou no centro de treinamento a um ritmo que parecia um


pouco mais lento que o da água evaporando de um copo. Na geladeira.
Durante o período de cento e cinquenta anos de puta-mãe.
Enquanto Peyton se sentava no lado esquerdo do corredor, em frente
à janela, ele se concentrou no vidro preto enquanto tentava ignorar seu
próprio reflexo. Não havia mais ninguém com ele, e não podia decidir se
era bom ou ruim. Uma distração poderia ter sido boa ... mas, novamente,
conversas vazias o irritaria, e não, obrigado, por ter que responder a
qualquer coisa ou a qualquer um.
O alívio ocorreu quando o veículo desacelerou. E retomou. E então
um pouco mais adiante ... desacelerou novamente.
Finalmente, eles estavam chegando à sequência dos portões. Como
todos os outros estagiários, ele nunca viu o que eles pareciam, e ele não
poderia ter contado nem a própria Virgem Scriba como entrar na estrada
que conduziu ao centro de treinamento. Mas ele estava bem familiarizado
com este pare-e-ande quando eles entraram na propriedade da Irmandade
e desceram no subterrâneo para a instalação.
Devo falar com você sozinho. Há pouco tempo.

205
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A imagem de Romina de pé fora do banheiro, seu vestido azul


reunido em suas mãos, os olhos arregalados, o rosto pálido desenhado em
linhas assombradas e caçadas, o fizeram balançar a cabeça e esfregar a
ponta do nariz.
Romina precisava de um amigo, muito mal. Ela também precisava
de Peyton.
Receio que a você esteja sendo vendido uma nota de bens ruim. Declare hoje
a noite que não sou à sua aprovação, e então você será poupado.
Quando ele exigiu saber o que diabos ela estava falando, ela lhe
contou uma história terrível, uma tão horrível, que não podia suportar
pensar nisso.
E no final, ela não tinha mentido. Ela foi de fato estragada nos olhos
da glymera—e não tão privilegiada e mimada. De acordo com todos os
padrões, Romina não era elegível para acasalar, embora não por sua
própria culpa—assumindo que ela estava falando a verdade e realmente,
considerando o que aconteceu com ela? Por que você admite isso a um
estranho de outra forma?
Ele admirava sua honestidade. E ele também se sentiu partido,
incompatível por muitos motivos, então eles compartilhavam isso.
Eu sei que você fará a coisa certa para si mesmo. Eu simplesmente não queria
que mais alguém se machucasse.
Com isso, ela voltou à mesa. E ele tentou seguir seus passos—apenas
para falhar na linha de chegada. Em vez de voltar para a sala de jantar,
ele continuou saindo pela porta da frente. O pai dele gritou depois dele,
mas não, Peyton estava pronto. Ele se desmaterializou para o local de
recolhimento, enviou uma mensagem à sua chegada e esperou vinte e
cinco minutos no frio sem um casaco de inverno para o ônibus chegar.
Quando ele entrou no transporte, seus dedos se congelaram em
garras nos bolsos e a mandíbula fechou em seus molares. O aquecimento

206
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

de todas as suas mercadorias corporais tinha sido um exercício de dor


ardente, mas ele mal notou.
Foi uma triste história de onde ele e Romina vieram, que ambos eram
nada além de peões em um jogo de xadrez social para suas famílias.
Deus, essa pobre fêmea.
E ele não tinha idéia do que ele ia fazer sobre isso.
O que ficou claro? Sua ausência durante esse curso de queijo e fruta
foi devidamente observada. Seu telefone tinha tocado três vezes, e seu pai
lhe havia deixado mensagens de voz. Peyton não os escutou. Porque se
importar? Ele sabia o que diziam, ele poderia dublar as palavras e o tom
muito bem ...
— Chegamos senhor.
Peyton saltou em seu assento. Fritz, o leal mestre de doggen que serviu
de motorista de ônibus a maioria das noites, estava preocupado e
sorridente, seu rosto enrugado se afastou como um conjunto de cortinas
em uma casa amigável.
— Senhor? Você está bem? Posso te dar alguma coisa?
— Desculpe. —Peyton levantou-se. — Desculpe, estou bem.
Obrigado.
Besteira, ele não estava bem. De fato, ele estava tão longe do tudo
bem, que ele não podia ver a maldita bem-landia de onde ele estava.
Quando ele saiu do ônibus, o mordomo o escoltou até a porta de aço
reforçada, seus passos ecoando em toda a área de estacionamento de
concreto multi-camadas. E então eles estavam dentro, seguindo o longo
e largo corredor. Quando Peyton parou em frente à porta fechada do
quarto do hospital de Novo, Fritz curvou-se e foi para o seu próximo
dever.
Antes que Peyton batesse, ele ajeitou os cabelos com os dedos.
Certifique-se de que os punhos estavam para baixo. Verificando seu ...

207
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você pode entrar.


Ao som seco da voz de Novo, Peyton endireitou a espinha e
empurrou para dentro do quarto do hospital.
Ok ... Uau.
Ela parecia muito melhor. Ela estava sentada, alguns dos monitores
tinham desaparecido, e havia uma bandeja com os restos de comida sobre
ele: Fresco dinamarquês , uma tigela de frutas meio comida, pontos de
torradas, e um pequeno pote de geléia de morango. Ela obviamente havia
comido os ovos mexidos.
A comida hospitalar aqui não era "hospitalar".
— Tão formal, —ela murmurou. — Você não tinha que se vestir para
a ocasião.
Ele olhou para si mesmo. — Estou vestindo meu smoking.
— Você soa surpreso. O que você achou que foi?
Quando ele olhou para ela, Novo se sentou um pouco mais alto na
pilha de travesseiros que a seguravam na vertical—e o grunhido e a careta
que ela tentava esconder lhe diziam tanto como ela poderia parecer mais
forte, ela não estava indo para casa no final da noite.
Alimentação ou não.
— Você está bem? —Perguntou ela.
Ele considerou lançar uma piada engraçada de volta, mas depois
pensou em Romina. — Não, eu realmente não estou.
— O amor não correspondido o deprimiu? Você quer que eu consiga
um cartão ou algo assim. Um ursinho de pelúcia para abraçar. Não,
espere ... chocolate e um copo de vinho?

Pão de centeio dinamarquês

208
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Peyton ignorou tudo e foi até o canto mais distante, suas pernas se
soltando bem na hora que ele caiu na cadeira. Colocando a cabeça entre
as mãos, ele apenas olhou para o chão. Ele queria Novo como todos os
que saíram. Mas ele não conseguiu afastar da cabeça o que lhe dissera
essa outra fêmea. Onde ele estava com sua própria família. Quão ruim
poderia conseguir quando você tinha dinheiro, mas nada mais, para
apoiá-lo no mundo.
— Jesus, —murmurou Novo, — parece que você está tendo um
colapso nervoso.
— Conte-me sobre sua família, —ele se ouviu dizer. — Como eles
são? O que eles fizeram para te machucar?
Novo desviou o olhar. — Nós não precisamos entrar nisso.
Quando o desapontamento surgiu, ele disse a si mesmo que não
deveria tentar recriar a amizade que ele tinha com Paradise com outra
pessoa. Esse tinha sido um período de tempo limitado em sua vida, algo
que passou agora que ela seguiu e ele ainda estava onde ele sempre esteve.
Deus, ele queria fumar um cigarro.
Batendo no bolso interno do paletó, ele sentiu em torno—oh,
obrigado, filho da puta, ele pensou enquanto descobriu alguns cigarros
antigos lá.
Tirou um e agarrou o isqueiro de ouro que ele manteve nas calças.
— Você não pode fumar aqui.
Peyton olhou para a cama do hospital. — Você não gosta do cheiro?
— Eu não me importo. Mas há um tanque de oxigênio por aí, e tenho
certeza de que os docentes não irão apreciá-lo, mesmo que não nos
exploda ao céu alto.
Com um gemido, ele se levantou e foi para o cilindro de metal. Havia
uma válvula no topo e ele pensou, fechado á direita. Os Irmãos lhe
ensinaram isso. E sim, a coisa foi fechada.

209
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele abriu o isqueiro no caminho de volta para a cadeira e tomou sua


primeira tragada enquanto ela se sentava. Segurando a fumaça
profundamente, ele esperou com impaciência o zumbido para chegar e
levantar o lobo frontal até que a merda se acalmasse.
— Por favor, —ele disse enquanto exalava. — Apenas ... me diga
algo, qualquer coisa, eu preciso conversar.

Dezoito

Talvez fossem as drogas, pensou Novo. Talvez fosse a lembrança na


noite anterior que ela foi quase morta. Talvez fossem todas as mensagens
de texto e mensagens de voz que vieram sobre sua irmã de sua mãe, sua
irmã, os amigos de sua irmã. Talvez fosse o fato de que Peyton não
parecia como o de costume dele, o James Spader , em Pretty in Pink .

James Todd Spader (Boston, 7 de fevereiro de 1960) é um ator americano. Vencedor do Emmy do Primetime
de melhor ator em série dramática[2] e do Globo de Ouro[2], mais conhecido por seus papéis excêntricos em filmes como Sex, Lies, and
Videotape (pelo qual recebeu o Prémio de interpretação masculina no Festival de Cannes) Stargate e Secretary, assim como no papel
principal da série de televisão Boston Legal.

Filme 1986 com Molly Ringwald, onde James Spader é o vilão.

210
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Mas algo a fez abrir a boca.


— Minha irmã não é como eu, —ela desabafou no silêncio. — Em
absoluto.
— Então ela é burra? —Peyton exalou mais fumaça e afrouxou sua
gravata preta. — Feia? Descoordenada? Espere, ela joga uma bola de
beisebol como ...
— Pare. —Ela balançou a cabeça para ele. — Eu não posso ser real
com você se você for fazer o show Dog-and-Pony de Peyton.
Ele colocou o punho entre os dentes e encolheu os ombros para tirar
sua jaqueta de smoking. Então desabotoou o quarto superior da sua
camisa de vestir. Quando ele se sentou, ele exalou novamente e falou
através da fumaça.
— Estou falando sério sobre tudo isso. Eu acho você inteligente,
linda e uma grande lutadora.
Não havia nenhum brilho em seus olhos. Sem levantar os lábios. Não
há har-har-har em seu tom. E então ele apenas olhou para ela como se
estivesse desafiando-a a refutar sua opinião.
Bem, merda, ela pensou. Ele era perigoso assim ... todo sexy quando
ele se esticou naquela cadeira, seus braços esticados pelos lados, suas
pernas agora cruzadas no joelho. Naquela pose, com aquela gravata solta
e o V de pele dourada na garganta, parecia que ele poderia agradar a uma
mulher de qualquer maneira que ele gostava—e a impressão
provavelmente estava correta.
Ele certamente tinha a anatomia para isso. Ela sabia disso em
primeira mão.

"Dog and pony show" é um termo coloquial que passou a significar uma performance, apresentação ou evento altamente
promovido, muitas vezes em excesso, projetado para influenciar ou convencer a opinião para fins políticos, ou menos freqüentemente
comerciais. Normalmente, o termo é usado em um sentido pejorativo para conter desdém, falta de apreciação jocosa ou desconfiança da
mensagem que está sendo apresentada ou dos esforços realizados para apresentá-la.

211
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Mas mais do que todo esse material físico? Ele estava focado nela
como se o que ela pudesse dizer a ele, fosse o que fosse, era a única coisa
que ele gostaria de ouvir em todo o mundo. Ele parecia realmente vê-la,
sem distrações, sem olhares laterais em outro lugar, sem tocar os pés nem
bater os dedos.
Para uma mulher que tinha sido sempre o segundo violino para um
pesadelo alto e rosa com rendas-e-fitas e cheiro de gardênia? Era tão
viciante quanto o gosto de seu sangue.
Embora não conseguisse ir tão longe.
Ela não contou a ninguém, nem mesmo a Irmandade durante sua
avaliação psicológica, o que aconteceu com ela. O primeiro era
verdadeiro porque odiava a compaixão. O segundo? Bem, duh, ela não
queria ser expulsa do programa porque estava mentalmente instável.
O que ela não era.
Mas eles poderiam pensar que ela tinha motivos para ser.
— Então me conte sobre os problemas da sua família, —ele pediu.
— Não é nada, realmente, —ela murmurou. — Uma coisa de irmãos,
você sabe.
Enquanto sua mão se movia para descansar em seu estômago, ela se
segurou, mesmo que ele não conseguisse adivinhar por que ela se sentiria
protetora.
— Vamos lá. —Ele tomou outra inalação. — Você tem que fazer
melhor que isso.
Como uma sugestão, o telefone tocou na mesa que ela tinha puxado
sobre os joelhos. Inclinando o celular, ela amaldiçoou quando viu quem
era.
— E aqui está. —Ela revirou os olhos. — Minha irmã, novamente.
Ela está se acasalando, e ela me escolheu para ser sua puta através de tudo
Estou tããão tocada, você não pode imaginar.

212
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Quando é a cerimônia?
— Casamento, —ela corrigiu. — E muito em breve.
— E quanto a você estar ferida.
Ela balançou a cabeça quando o telefone ficou em silêncio. Mas não
ficou quieto por muito tempo. A mensagem era de Sophy também.
Novo leu o texto em voz alta, porque diabos não. — Bem. Eu acho que
vou ter que cuidar da minha festa de despedida de solteira. Miss Emily não
tem uma reserva para nós na sexta-feira. Claramente, você nunca ligou para
ela. Muito obrigado por toda a sua ajuda.
Deixando o celular cair de volta para a bandeja, ela respirou fundo—
e poderia jurar que ela estava pegando um trago bem profundo da erva
dele.
— Você está em uma cama de hospital, —disse Peyton.
— Realmente? —Ela olhou para si mesma. — E aqui eu pensei que
esta era uma banheira de hidromassagem.
— Seja sério.
— Isso vindo de você?
Ele cortou a mão pelo ar. — Você está se recuperando. Por que eles
estão incomodando você com alguma coisa?
Ela fez um show de dobrar o topo do cobertor e alisando-o em seu
peito. — Bem, para ser justo, eles não sabem que eu me feri.
Quando houve apenas um silêncio, ela olhou para ele. E como se
estivesse esperando o contato visual, ele balançou a cabeça.
— Isso é exatamente como eu estou com meu pai. Eu também não
falo nada com o macho. —Ele franziu a testa. — O que eles teriam feito
se você ...

213
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Morresse lá fora? Ou na mesa? —Ela encolheu os ombros. —


Provavelmente, colocariam nossa prima primogênita como a dama de
honra e eles continuariam com tudo.
— Espera, dama de honra? Que diabos?
— Oh sim. Ela está adotando a rotina humana completa e esperando
que meus pais paguem por isso, eu acompanharei isso, e todos os amigos
para carregá-lo no Insta . Eu acho que ela acredita que ela irá definir
uma tendência, e quem sabe. Talvez ela vá.
— Quem está se acasalando com ela?
Novo limpou a garganta. — Ninguém especial. Apenas outro civil—
bem, ele vem de uma família com um pouco mais de dinheiro do que a
gente, então é um passo para ela. E ouça, meus problemas de lado, Sophy
é linda, então é uma boa troca no mercado de acasalamento. Eu tenho
certeza que eles vão ser muito felizes juntos, ele comprando as coisas que
ela quer, ela dando a ele um bebê ...
Novo não poderia continuar.
Era como se ela estivesse caminhando por uma estrada, caminhando
a um ritmo razoável enquanto não prestava muita atenção à paisagem ou
às condições climáticas. E então, BAM! Gelo preto, derrapagem,
segurando a roda ... e batendo de cabeça em uma parede de pedra.
— Então, sim. —Ela tomou algumas respirações profundas. — Você
sabe, que essa erva é forte.
— Isto é.
— Só o melhor para você, hein.
— Algo assim. —Ele olhou para a ponta brilhante da erva. — Ela vai
fazer você vestir um vestido horrível?

Instagram

214
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Desculpe? Oh, Sophy, você quer dizer na cerimônia? Se ela não


me expulsar primeiro.
— Quando é o acasalamento—ou ela está chamando de casamento?
— Vamos chamá-lo de circo, entre você e eu. —Enquanto ele sorriu
um pouco, ela disse: — Por que você está sorrindo?
Seus olhos perfuraram os dela. — Eu gosto da idéia de você e eu ter
um segredo.
E então ele ficou sério. Rápido.
Levantando-se, Peyton foi para o banheiro para jogar fora o resto do
cigarro e ao longo do caminho, ele não fez absolutamente nada para
camuflar a ereção que ele estava ostentando.
Era tão grosso, tão duro, que podia ver o contorno da cabeça sob as
calças do smoking.
Quando uma onda de luxúria bateu em Novo, ela teve que fechar os
olhos. Também teve que lamber os lábios—o que fez com que ela ficasse
feliz que ele estava no pequeno banheiro.
Por trás da porta parcialmente fechada, havia um fio de água, e ela
imaginou-o inclinado sobre a pia, apagando o cigarro. Em seguida, ele
estava de pé entre o batente da porta, seu belo rosto grave.
Com os olhos presos na dela, ele enfiou uma de suas mãos na frente
de suas calças e ele ajeito seu pau, de modo que o efeito de tenda
desapareceu.
Depois ele apenas continuou a olhar para ela.
Ela sabia exatamente o que ele estava esperando. E o interessante era
...
Ela teve a sensação de que ele estava contente de ficar assim durante
a próxima hora. Ou doze.
Era outra coisa que era totalmente diferente dele.

215
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Venha aqui, —disse ela em voz baixa.


Peyton fez exatamente o que lhe disseram, ele foi ate a cabeceira e
ficou de pé sobre ela. Seu perfume era incrível, e por uma vez, o cheiro
da maconha, que geralmente não era assim, não a incomodava no
mínimo.
Com uma mão elegante, ele enrolou elegantemente uma das mangas
dele. E depois o outro. Seus antebraços estavam fortemente musculosos e
com veias dos treinos, seu corpo adaptado ao exercício rigoroso tornando-
se mais forte.
Ela se concentrou em sua garganta.
Como se soubesse o que estava olhando, ele soltou um grunhido. —
Deixe-me deitar ao seu lado.
Se ele fizesse isso, eles provavelmente iriam fazer sexo, ela pensou.
Retire o "provavelmente."
A porta foi aberta e, cara, o Dr. Manello não era uma pessoa feliz, o
rosto do cirurgião no modo de olhar ameaçador completo.
Ele apontou um dedo para Peyton. — Essa merda no beco pode não
ter te jogado fora do programa, mas eu garanto a você que fumar
maconha em uma das minhas enfermarias vai. —Ele olhou em volta
como se estivesse procurando um bong, uma tigela ou um cachimbo. — E
claramente, vocês dois devem ter percebido isso e parado, estou certo.
Você descarregou no vaso sanitário porque você pensou, uau, em uma
sala com um tanque de oxigênio, em torno de um paciente em um regime
de medicamentos complexos, usando a maconha seria uma idéia
realmente estúpida pra caralho. Estou certo?
Ambos assentiram.
— E eu também estou correto em assumir que este é um erro que
nunca mais acontecerá, porque vocês dois idiotas reconhecem que, nesse
ponto, eu não teria outra opção senão entregá-lo para os Irmãos te darem

216
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

uma surra? —Eles assentiram de novo. — Bom. Seu castigo ... —ele
apontou esse dedo para Novo, — você ficará aqui durante o dia todo
amanhã.
No momento em que ela abriu a boca, ele falou sobre ela. — E, graças
a Deus, você é muito inteligente para discutir comigo no momento,
porque meu mau humor acabou de ser nuclear por causa do cheiro nesse
corredor.
Com isso, o cirurgião saiu e fechou a porta atrás dele.
Em seguida, ele voltou com a cabeça. — Você tem algum?
As sobrancelhas de Peyton dispararam. — Sinto muito, o quê?
— Maconha, seu idiota.
— Ah sim. É velho, no entanto. Eu não uso este smoking mais de
quatro ou cinco vezes por ano e eu encontrei-os no meu bolso.
O cirurgião estendeu a mão. — Dê-me. E em vez de pagamento, vou
colocar uma placa na porta que diz PACIENTE DORMINDO, NÃO
PERTURBE.
Novo falou. — Não estamos fazendo nada aqui.
— Oh. Certo. Você vai só segurar a mão dele enquanto se alimenta.
É por isso que vou colocar o AVISO e você trancará a porta por dentro.
—Ele levantou a palma da mão. — Por que não estou segurando
nenhuma maconha neste momento?
Peyton tirou os dois baseados restantes e os entregou a ele. — Você
precisa de um isqueiro?
— Sim, eu preciso porra. E eu vou devolver a você. Porque eu nunca
fumo. E, especialmente, não maconha.
— Okaaaaaay, há alguns dados empíricos que aconteceram no
momento para sugerir o contrário, mas esse é seu problema, não o meu.
Eu tenho que perguntar, porém, o que há de errado? Podemos ajudar?

217
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você não tem tempo suficiente para ouvir tudo. Mas no topo da
lista está uma empresa farmacêutica, a UPS está no meio, e no fundo
eu comi um burrito no Taco Hell por volta das cinco da tarde quando
eu estava tentando conseguir mais Cipro no mercado negro—e eu, estou
cagando líquido desde então.
O isqueiro de ouro de Peyton mudou de mãos. — Você merece isso?
— Não, merda. —Dr. Manello revirou os olhos. — E, PSI, odeio
essa palavra neste momento, eu realmente odeio.
O cirurgião saiu com essa observação, e Peyton olhou para ela.
Era difícil dizer quem se quebrou primeiro. Talvez fosse ele, ela não
tinha certeza. Mas uma fração de segundo depois, os dois estavam
limpando os olhos e tentando respirar e rir com tanta força, eles estavam
soluçando.
E, em seguida, eles ouviram um barulho na porta.
Peyton aproximou-se e abriu a porta. — Bom trabalho, Doc, —ele
murmurou enquanto os fechava novamente.
E então sua mão pairava acima do mecanismo do bloqueio.
Ele poderia ter fechado mentalmente. Mas, obviamente, eu estava
lhe dando uma escolha—e controle.
Por algum motivo, ela pensou no momento em que aquele assassino
tinha mergulhado sua própria adaga no peito dela. "Surreal" não começou
a definir o que tinha sido saber que ela iria morrer.
Engraçado ... ela não pensou nisso até agora.
Ela se concentrou em Peyton. — Eu sinto muito.

Companhia de transporte de pacotes.


Taco Bell é uma cadeia estadunidense de restaurantes de fast-food, inspirada pela culinária mexicana e fundada por Glen Bell, após
uma visita a uma franquia do McDonald´s, em 1954. Mas aqui para o ilustre Doutor e Taco ‘inferno’
Ciprofloxacina, antibiótico com efeito antibacteriano.

218
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Enquanto seus olhos se fechavam, ele parecia resignado. — Está tudo


bem. Eu vou ...
— Pelo jeito que eu atuei na sala de TF . Eu estava ... minha cabeça
era uma bagunça e, honestamente, eu estava tentando entrar no sexo com
você. Meu cérebro estava todo fodido, porém, e então tirei isso com você.
Não foi justo. Peço desculpas.
Ele piscou. — Você é ... sempre uma surpresa.
— Eu sou?
— Sim.
Ela voltou a mexer com o cobertor dela, re-alisando-o. — As coisas
não melhoraram muito. Na minha cabeça. Quero dizer, com tudo que ...
você sabe, me trouxe aqui.
— Eu não quero me forçar a você.
— Eu não deixaria você fazer isso.
— Eu sei. Mas eu queria dizer isso. —Houve uma pausa. — Novo?
— Hm?
— Olhe para mim. —Ele esperou até que ela fizesse. — Eu vou ser
lento, ok? Eu serei ... gentil. E se não estiver certo, vou parar, não importa
o quão longe as coisas foram.
Ela balançou a cabeça. — Vamos, Peyton. Estou tão longe de ser
virgem como você é. Não preciso ser tratada como uma flor frágil ...
— Você pode confiar em mim, Novo. Eu não vou te machucar. Eu
prometo.
Sem uma boa razão maldita, seus olhos se encheram de lágrimas. Ela
sabia o porquê disso. Ela tinha sido forte por si mesma há tanto tempo ...

Tratamento de fisioterapia

219
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

que ela tinha esquecido o que era ter alguém ajudando a carregar seu
fardo.
Ela nunca se chamaria sozinha ou se identificava como solitária.
Mas o apoio espontâneo, inesperado e totalmente injustificado de
Peyton a ela—particularmente em torno do sexo—fazia sentir a distância
entre ela e todos a sua volta com uma sensibilidade aguda.
— Eu não sou grande em confiança, Peyton, —ela disse
grosseiramente. — Nunca provou ser um valor acrescentado na minha
vida.
— Isso não muda o que eu disse. Nem uma única palavra.
— Por quê? —Ela sussurrou. — Por que você está agindo assim?
— A verdade?
— Foda-se é o melhor ser.
— Eu realmente não sei. Essa é a verdade. A única coisa com a qual
tenho certeza ... é que não quero ver você machucada por ninguém ou
por qualquer coisa nunca mais.
Não acredite nele, disse a si mesma. Não caia por um segundo nesta
besteira. Ele quer fodê-la, e é por isso que ele está dizendo isso. Você passou pelas
palavras doces antes, e lembre-se do que conseguiu?
Grávida e sozinha.
Abortando sozinha.
Sozinha para sempre.
E, mesmo assim, ela se forçou a lembrar o que aconteceu naquela
casa fria há uma vida? Mesmo enquanto se dizia, que era mais seguro
pensar que ele estava apenas brincando?
Ela olhou para os olhos fixos e sérios de Peyton e achou difícil não o
levar ao valor da face.

220
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu vou parar a qualquer momento. Apenas diga a palavra, —ele


repetiu suavemente.
Um pânico nervoso vibrou através dela, fazendo com que seus
próprios ossos não fossem confiáveis. Ela tinha tido muito sexo desde
Oskar, desde que perdeu seu bebê. Muitas partes do corpo encontram as
partes do corpo de outros. Mas nunca se tinha sido relamente íntima com
alguém.
O que era um bônus por não contar sua história para uma única alma.
Enquanto a outra pessoa não soubesse, ela poderia fingir que não
aconteceu, independentemente de quanto tempo durou a conexão.
Esta noite, porém—provavelmente porque era apenas vinte e quatro
horas depois de ter morrido um par de vezes—o véu do tempo entre a
tragédia e a quem e onde ela estava agora parecia ter diminuído ao longo
de dois anos ... uma questão de minutos.
Tudo o que ela manteve separada estava em perigo de se fudir.
Peyton, no entanto, parecia igualmente vulnerável. E embora ela não
sabia os detalhes, isso o fez justo, não é.
— Feche a porta, —disse ela.

221
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Dezenove

Peyton manteve os olhos em Novo enquanto seguia suas instruções e


trancava a porta. Ele estava bastante confiante de que a equipe médica
tinha uma chave para as coisas. Mas com esse sinal na porta, e o fato de
que o centro de treinamento estava vazio porque Wrath havia ordenado
a todos fora de rotação, à privacidade era uma boa aposta.
Antes de ir até ela, ele apagou as luzes, então não havia mais nada
que um brilho proveniente do pequeno banheiro. De certa forma, ele
odiava a escuridão, porque quanto menor a iluminação, mais brilhantes
as leituras nos monitores em torno da cabeça da cama do hospital.
Ela ainda tinha dois IVs nela.
Mas ela estava bem o suficiente para tomar banho, seus cabelos
úmidos mais uma vez trançados, o fim enrolado e preso. E ela tinha
comido um pouco daquela refeição.
Quando ele se aproximou, baixou a metade superior da cama até
ficar toda plana, e seu coração batia mais rápido quando percebeu que ele
realmente iria deitar-se ao lado dela.
— Deixe-me apenas me mexer ... —Ela tentou reorganizar o tubo
que alimentava seu braço. — Porra, isso é ridículo. Vamos simplesmente
retirá-lo...
— Sim, não vai acontecer. Aqui, deixe-me ajudá-la.

222
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele correu as linhas de plástico desobstruídas pelo travesseiro para


que não estivessem apertadas. E então ele abaixou o trilho e sentou-se na
extremidade do colchão.
Quando ele pegou sua mão, sua pele era mais suave do que
imaginava. Uma guerreira como ela? Sua palma deveria ser cheia de
calos. Ainda assim, ele podia reconhecer a força de tração nela e sentir os
calos das barras de peso e remo e luta.
Quando ela o puxou para baixo, ele foi mais do que voluntariamente,
estendendo-se em cima das mantas que a cobriam.
— Então você vai me beijar ou o que? —Ela exigiu.
— Sim eu vou.
Ele encontrou sua boca e oh, porra do inferno—seu cérebro entrou
em curto, todo raciocínio e pensamento racional, apenas empacotando
suas malas e se mudou para o crânio de outra pessoa. Seus lábios estavam
deliciosos e sua língua era um impulso de agressão na boca e seu aroma
o fazia sentir mais alto que a maconha. E a sagacidade sagrada fez as
coisas se moverem rapidamente, especialmente ao sul de sua cintura. Ele
a queria tanto, que já estava ofegante e fora de controle.
A única coisa que ele teve cuidado? Ele se certificou de não colocar
muito de seu peso em seu peito ferido. Além disso, era uma sensação
única, seus quadris estavam rolando em direção a sua coxa, o tronco
arqueando debaixo dele, as mãos agarrando suas costas ...
— Tire sua camisa, —gemeu.
— Sim, senhora.
Ele se afastou dela lentamente e sentou-se de volta nos calcanhares.
Os botões eram teimosos, os dedos estavam dormentes, sua respiração
era muito difícil—mas ela não parecia importar-se. Novo apenas olhou
para ele com olhos vorazes, a língua traçando o lábio superior, as pontas
de suas presas descendo brilhando de branco.

223
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Estou com fome, —ela resmungou.


— Pegue tudo.
— Seja cuidadoso. Eu posso matar você.
— Então, deixe-me morrer em seus braços.
Peyton jogou a camisa branca no chão, com a gravata borboleta solta
indo com ele, e depois se recostou. Enquanto eles inclinavam seus corpos
juntos, porém, ele pegou alguns de seus fios, e um realinhamento estranho
teve que acontecer—o que era algo que ele tentava não se concentrar. Eles
deveriam estar se conectando assim?
Foda sim, o pau dele anunciou. Cala sua puta boca com isso.
Pare com isso ...
— O que? —ela disse.
— Nada. Deixe-me continuar te beijando antes que eu venha nas
minhas calças.
— Essa não é uma ameaça muito ameaçadora. —Suas pálpebras
baixaram sobre seus olhos ardentes. — Porque é isso que eu quero que
você faça.
Quando ele sibilou, ela acariciou seu peito e desceu sobre seu
estômago duro. Quando ela parou na cintura, ele cerrou os dentes. —
Porra ...
— Esse é o plano. Ajude-me a tirar isso.
Na primeira, ele não estava seguro de ter ouvido isso direito. Mas
então ela estava puxando seu cinto com a mão livre—e olá, ele estava
mais do que disposto a ser um bom samaritano por essa causa. Com uma
série de rebocadores, ele pegou a tira de couro preto liso através da fivela
de ouro branco e então ele estava se atrapalhado com o botão e o zíper.

224
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sua mão deslizou para dentro, logo que ela teve acesso e no instante
em que o tocou, ele levantou a frente com tal força, que quase quebrou a
espinha.
— Olhe para mim, —ela ordenou.
Ele gemeu e olhou para baixo, vendo a palma da mão círcular seu
grosso eixo—e então ela o acariciou, de cima a baixo, as sensações
criando uma corrida louca de calor e pesado em todo o corpo. Então ela
estava beijando-o, sua boca se apoderou, sua trança escorregando de seu
ombro e pousando com um baque pesado em seu braço.
— Foda-se, desacelere, eu vou vir ...
— O que eu disse.
Assim que o prazer estava crescendo, ela foi para sua garganta, essas
presas afiadas raspando sua pele, encontrando o lugar certo em sua
jugular. Ela perfurou ele no início de seu orgasmo e ele gritou seu nome,
a dor e o prazer se misturando, a alquimia aumentando tudo até pensar
que ele iria desabafar.
Segurando a parte de trás de sua cabeça, ele a empurrou enquanto
ela começava a puxar de sua veia, sua cabeça perto da sua, seu perfume
o único em seu nariz, seu pau duro agitando com fome por mais,
enquanto o bombeava.
Ela era dono dele.
Por completo.
Seja qual for a vulnerabilidade que ele sentiu—não entendida, mas
certamente aceita—agora desapareceu, enquanto ela governava tudo
sobre ele.
Ele nunca foi subjugado por um dominante. Isso nunca tinha lhe
interessado também. Depois disto? Ele se perguntou até onde poderia ir
... e quanto poderia tirar dela.
E ele queria descobrir.

225
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Novo sugou a garganta de Peyton e sentiu sua excitação, ela


o queria em seu sexo. Mas a alimentação teve que vir primeiro—e tudo
bem, talvez ela estivesse nervosa um pouco, fugindo temporariamente até
que ela pudesse confiar em si mesma para ficar separada.
Mas foi bom, tudo. Esse gosto dele na parte de trás da garganta, a
sensação de sua ereção, tanto de veludo quanto de dureza, a sensação de
controle, de domínio, não apenas sobre ele, mas suas próprias emoções.
E do seu lado? Peyton era definitivamente tudo sobre orgasmos, seu corpo
masculino bonito surfando nas ondas que ela chamou dele, seus quadris
se movendo com ela, o ritmo cada vez mais rápido e mais difícil, com
mais lançamentos que ela lhe deu. Ele era espetacular em seu aperto,
aqueles músculos pesados flexionados e relaxados, seu pênis era o tipo de
coisa para a qual as fantasias eram justificadas.
E depois havia a poderosa descarga de seu sangue. Ele era tão puro
que fez a sua cabeça zumbir e seu coração bater, a força que ele lhe dava
de forma voluntária, fazendo com que ela se sentisse em férias
rejuvenescedoras e, ao mesmo tempo em Vegas e ganhando um milhão
de dólares nas máquinas de slots .
Ela poderia fazer isso para sempre.
No entanto, o ponto de viragem veio quando uma campainha de
alarme começou a tocar. No começo, ela passou os olhos para os
monitores. Não, não era uma máquina informando que ela empurrou seu
músculo cardíaco reparado muito longe.

Slot machine – máquina de jogos caça-níqueis.

226
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Não ... era um instinto em sua própria cabeça que lhe dizia que estava
prestes a tomar demais.
Tirar-se de seu pescoço levou algum discernimento interior, mas
então ela forçou seus lábios a quebrarem o selo e fiz sua língua lamber
para fechar as feridas de punção ...
Ok, uau. Ela o tinha mordido, várias marcas de mordida estragando
sua carne, os arranhões vermelhos crus de suas presas que faziam parecer
que o Wolverine o atingira com suas garras. Deus, ela nem tinha
percebido que tinha mordido ele mais de uma vez. Claramente, porém,
ela o havia mordido muitas, e muitas vezes.
Há quanto tempo eles estiveram nisso?
Nenhum palpite.
E ela realmente teve que parar. Estendendo a língua, ela lambeu o
lado de sua garganta uma e outra vez, selando tudo. Com esse trabalho
feito, ela se afastou e continuou acariciando-o—antes de deliberadamente
passar o polegar sobre a cabeça lisa de sua ereção. Sua resposta foi
violenta, seu corpo tremendo como um fantoche no final das cordas, seu
torso arqueando-se e depois seus quadris apertando. Seus olhos, vidrados,
sem foco, enlouquecidos, encontraram-se com ele enquanto mordeu no
lábio inferior e sugava uma respiração através de seus dentes.
O cabelo loiro estava bagunçado no travesseiro. A cor naquele rosto
bonito era alta. Um suor delicioso fez brilhar sua pele nua.
Ele era ... incrivelmente lindo.
Injusto. Totalmente injusto.
E ela ainda estava com fome.
Felizmente para ambos, ele tinha outro tipo de sustento para dar a
ela.
Novo moveu-se para baixo em seus quadris, abriu a boca e levou seu
sexo profundamente. Em resposta, Peyton teve outro espasmo em todo o

227
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

corpo, sua expressão chocada como se ele esperasse que as coisas


estivessem acabando.
Quando ela tinha certeza de que ele estava olhando para ela, ela o
sugou dentro e fora de seus lábios, sua circunferência tão larga, ela sentiu
o estiramento nos cantos de sua boca. E então ela parou no topo e entrou
em um redemoinho.
Com certeza, ele começou a gozar novamente.
Ela pegou tudo em sua boca e engoliu o que ele deu a ela.
E ele continuou vindo.

Vinte

Para Saxton, o fim da noite de trabalho chegou com um gemido, não


um estrondo, uma série de bênçãos de acasalamento descomplicadas e
uma disputa de propriedade que foi facilmente julgada pelo Rei, fechando
às oito horas do mesmo. Quando ele entrou em seu escritório na sala dos
professores e colocou suas pastas e seu bloco amarelo mais usado em cima
da mesa de seu companheiro, ele olhou para o laptop dele, tudo
arrumado, suas canetas em seu pequeno suporte.
Esfregando os olhos, ele tentou compilar mentalmente uma lista do
que ele tinha que colocar em ordem antes de poder ir para casa.

228
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E quase falhou nesta tarefa.


Sua cabeça funcionou bastante bem quando ele estava envolvido com
o Rei e os cidadãos. Agora que não havia um imperativo primordial para
se concentrar, ele não conseguia reunir as rédeas cognitivas, seus
pensamentos passando de uma coisa para outra.
Na verdade, isso não era inteiramente verdade.
Ruhn era o tema predominante. E os detalhes eram se Saxton estava
se lembrando de seu beijo ... ou as manchas de chocolate naqueles olhos
castanhos pálidos ... ou a sensação desses ombros fortes. Ou o fato de ele
apenas querer fazê-lo novamente.
Infelizmente, o que ele realmente precisava era treinar seu cérebro
sobre o fato de o homem ter saído sem dizer nada. O que dificilmente era
um voluntário para uma repetição.
Na mesma nota, ele enfiou a mão no bolso interno do paletó e pegou
seu telefone. Não. Sem textos, sem chamadas.
Tudo bem, não haveria chamadas, dado que Ruhn não seria capaz
de enviar um texto.
E, com honestidade, o fato de que Saxton estava tão decepcionado
como ele parecia ridículo. Ele não conhecia aquele homem, mas como
um mero conhecido, e ele, sem dúvida, tinha relações sexuais com
pessoas que tinham deixado ou mesmo nunca visto novamente e isso
estava bem. Ele também estava consciente de si mesmo para perceber que,
com a retirada de Ruhn, ele havia sido lembrado de outra partida, uma
coisa muito mais séria e conseqüente.
É claro que, no final, todos os caminhos levavam para Blay.
— Perdoe-me por me intrometer, senhor?
No inquérito suave, ele se virou para a porta aberta. Um dos doggen
que servia a casa estava de pé com o casaco de lã, o chapéu e o lenço nas
mãos.

229
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Oh, não se preocupe, Meliz. —Ele se certificou de sorrir para ela,


de modo a não confundir seu humor com um comentário insatisfeito
sobre seus esforços. — Você está saindo agora?
Ela curvou-se. — Sim senhor. Vou reabastecer a despensa depois de
ajudar os outros na Última Refeição de volta para a casa grande. Todos
os outros partiram para o dia e eu tenho certeza que as lareiras estão
apagadas, os tubos de escape estão fechados e as portas estão trancadas.
— Muito bem, então. Obrigado. Vou vê-la no dia seguinte.
A doggen inclinou-se ainda mais. — É um prazer ser útil.
Ela despediu-se, e um momento depois, ouviu o sinal do alarme, que
havia uma porta que se abriu e fechou.
Certo. Ele precisava organizar as coisas aqui. E depois …
Bem, em casa, ele supôs. Eram quatro e quarenta e, embora houvesse
ainda duas horas de escuridão, ele não gostou de uma viagem para a vida
noturna da cidade. E não, ele não estava interessado em preencher o dia
com outro-equipamento-de-sexo-como-ginástica, tampouco.
De alguma forma, porém, a idéia de que ele estaria preso naquela
caixa de vidro no céu, todas as cortinas contra o sol anêmico do inverno,
o faziam querer gritar ...
Alguém estava lá fora.
Em pé na neve. Observando-o.
Saxton virou-se para as vidraças e imediatamente reconheceu o corpo
enorme, a posição tensa, o cabelo escuro que foi provocado pelo vento
frio.
Não sabendo o que mais fazer, ele apontou para a direita, na direção
da cozinha e da porta de trás.
Em resposta, Ruhn assentiu e partiu para a parte de trás da casa
através da neve.

230
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Com os pés rápidos e um coração mais rápido, Saxton fez o seu


caminho pelo corredor de serviço, passando pelas despensas, e indo para
a grande cozinha. Ele abriu a porta de volta imediatamente, o sinal saindo
mais uma vez, e ele ouviu quando os passos pesados rangeram e triturou
através da neve acumulada.
E lá estava ele, maior do que nunca, mais reservado do que o
habitual.
Ah sim. A conversa de reenquadramento. — Entre, —disse Saxton
remotamente.
Enquanto o homem entrou, Saxton fechou as coisas novamente e
depois desejou que Ruhn fosse alfabetizado—porque então isso poderia
ter sido feito em texto: Isso foi um erro. Não é você, sou eu. Não sei o que
estava pensando. Por favor, não conte a ninguém.
— Não se preocupe, ninguém mais está aqui, —murmurou Saxton
quando notou que a lata de açucar estava ligeiramente fora do lugar perto
do fogão. — Então, o que quer que você queira dizer, você pode dizer isso
sem o risco de alguém ouvir.
Ele atravessou e endireitou no canto a caixa de metal. Então ele
mexeu com o recipiente de farinha, que era ainda maior. Também se
deslizou sobre o menor dos três, aquele que tinha sal.
Quando ele se virou, ele estava doente e cansado de esperar pelo
outro homem para falar.
Tentando manter sua frustração fora do território nuclear, bateu as
mãos juntas e pegou o programa. — Olha, eu só vou dublar nas palavras,
ok? Eu tive uma longa noite, estou cansado e, tanto quanto respeito a sua
jornada ou a sua exploração ou o que quer que seja chamado, acho que
podemos nos salvar tempo e agravamento, estipulando que você tentou,
você não estava nisso, e você precisa de alguma garantia de que eu quis
dizer o que eu disse sobre manter as coisas privadas.
— Não foi por isso que eu vim.

231
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Trabalho, então. É claro. — O que de Minnie agora?


Em vez de uma resposta, Ruhn andou para a frente ... e era sobre
quando ele estava a meio caminho da distância que os separava que
Saxton percebeu ...
O homem estava desperto.
Muito excitado.
Ruhn não tinha vindo aqui para um nunca novamente, mas sim para
mais.
O corpo de Saxton respondeu instantaneamente, seu sangue
apressado, seu pau endurecido, seu aborrecimento, frustração e exaustão
evaporando instantaneamente.
Quando o outro homem parou com apenas centímetros entre os
rostos, Saxton teve que sorrir um pouco. — Eu acho que eu li isso errado,
hein.
— Sim, —veio o grunhido. — Você fez.
A partir do nada.
Ruhn segurou Saxton por cada lado da garganta e puxou-o para
frente, o beijo do macho nada hesitante ou tímido, nada experimental.
Estava cheio, a língua empurrando para dentro, aquele corpo grande
empurrando os quadris e uma ereção do tamanho de um bastão de
beisebol em Saxton e forçando-o contra a bancada.
Meu Deus. Era um caso de espera para a vida querida quando ele foi
devorado, o poder e a fome em Ruhn era o tipo de coisa tão chocante
quanto inesperado e inegável ...
E então, Saxton foi girado e dobrado, uma mão áspera forçando-o a
inclinar-se no balcão.
Quando Ruhn colocou seu pau na bunda de Saxton, o macho disse
com uma voz gutural: — Diga não agora. Se você vai, diga isso agora.

232
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton virou a cabeça para o lado, sua bochecha raspando sobre o


granito. Abrindo a boca, ele começou a ofegar.
— Não pare. Oh Deus ... faça isso.
De uma só vez, as luzes da cozinha desapareceram, o espaço
mergulhou na escuridão enquanto Ruhn claramente o fazia assim. As
mãos que foram para o ziper de Saxton eram ásperas, com impaciência—
e então suas calças finas e suaves estavam batendo no chão. Uma cabeça
contundente sondou e, em seguida, Ruhn cuspiu em sua própria palma ...
A posse era dura e muito profunda.
A viagem foi um golpe ao ponto de violência.
O orgasmo que se espalhava nele estava destruindo a alma de ambos.
E Ruhn não parou. Ele empurrou uma mão sob o peito de Saxton e
segurou a frente de seu ombro oposto. Então, o macho firmou sua posição
e ele bateu, seus corpos inferiores batendo juntos, a cabeça de Saxton
batendo naquelas latas de metal, algo rasgando seu paletó. Tirando uma
das mãos, ele colocou a palma contra a parede debaixo dos armários
apenas para que ele não acabasse com uma concussão—e então ele
procurou um aperto com a outra mão.
Ele não achou, seu braço batendo ao redor.
Graças a Deus, ele tinha algo embaixo do seu tronco ou das pernas,
que agora estavam soltas como fitas de cetim, ou terian saído dele.
Exceto que ele localizou algo para segurar. Alcançando entre suas
coxas, ele agarrou sua ereção e veio instantaneamente, seus golpes
seguros jogando-o sobre a borda. Ele não se preocupou em que ele estava
ejaculando ou a quantidade de limpeza que seria necessária.
Quando você estava tendo o sexo de sua vida, o rescaldo não era com
o que você se preocupava.

233
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ruhn finalmente desabou no traseiro de Saxton, depois que Deus só


sabia quantos orgasmos. E mesmo que ele se acalmasse, não havia
silêncio. Ele estava ofegante tanto que seus dentes da frente estavam
assobiando, e abaixo dele, Saxton não era nada além de inércias ásperas
também. O perfume do sexo era grosso no ar, e seu pênis, que ainda era
duro como uma rocha enquanto se afastava do macho, parecia sugerir
que era uma pausa, e não um tudo-acabado.
Com um gemido, ele abriu os olhos. Ao longo do caminho, a mesa
de carvalho com sua linha ordenada de cadeiras pressionadas em seus
flancos foi uma surpresa.
Onde estavam eles? Ah, certo. A cozinha. Na Casa da Audiência.
Ele tinha chegado pela parte de trás. Assim, ele poderia vir ... na parte
de trás.
Ok, isso foi a pior piada que ele já pensou. E, a propósito ... querida
Virgem Escriba. O que ele fez aqui?
Colocando as mãos na bancada de granito em ambos os lados dos
ombros de Saxton, ele pretendia empurrar-se para cima e para fora, mas
isso não foi em nada rápido. Ele estava muito cansado, e parecia bom
demais para sair.
O macho sentiu bom demais para sair.
Quando ele tentou encontrar a energia—e a vontade—para se
desprender, ele pensou nas outras vezes que ele tinha feito sexo. Eles
tinham sido exclusivamente com mulheres, e apenas durante sua vida
anterior. Os encontros foram porque ele tinha sido procurado por aqueles
que queriam estar com um animal, e ele tinha sido fornecido para eles
para esse serviço específico. Seu corpo tinha funcionado por causa do

234
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

tempo de tudo e porque eles estavam nus e sobre ele e seu pau subiu para
a ocasião.
Mas ele nunca os escolheu.
Saxton ... ele havia escolhido.
— Desculpe-me, —ele disse grosseiramente quando ele convocou o
movimento para seus braços. — Sinto muito.
Com um leve toque, Saxton olhou para ele. — Por que no mundo
você se desculparia por isso?
Ruhn sentiu um rubor queimando seu rosto, e então ele estava
esquivando esse olhar direto e se retraindo. O ar estava frio em sua
excitação, e quando ele olhou para baixo, ele ficou impressionado com
uma necessidade irresistível de fazer tudo de novo. Ele havia deixado uma
bagunça lisa atrás, mas foi ... a coisa mais erótica que ele já havia visto
em sua vida.
No entanto, o que ele estava fazendo agora? Ele se perguntou
enquanto pegava seu jeans. Aquele impulso inicial estava saciado, ele
agora não podia acreditar que ele tinha tido a coragem de ser tão
agressivo, tão insensível, tão ...
Saxton endireitou-se e se virou.
Destino, esse rosto, aqueles olhos, aquele cabelo ... essa ereção, que
parecia uma anatomia estranha e familiar. Ruhn nunca viu um homem
excitado de perto antes—e ele ficou impressionado com a insaciável
necessidade de explorar com seu toque e gosto.
Na verdade, esse homem era a resposta para o "porquê".
— Eu rasguei seu terno, —Ruhn disse enquanto se concentrava no
tecido de seu ombro rasgado. — Eu sinto muitíssimo. Eu pagarei ...
Saxton alcançou, agarrou a parte inferior da manga e arrancou-o.
Quando ele deixou cair o pano no chão, ele sorriu. — Você gostaria de
trabalhar do outro lado?

235
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ruhn riu. Ele não podia evitar isso—e então ele cobriu os dentes da
frente com a mão por timidez. Quando Saxton sorriu para ele, ele teve
que desviar o olhar. Era apenas muita beleza, muita excitação ... muito
de tudo.
— Você comeu? —Perguntou o advogado enquanto ele se inclinava
e puxava suas calças novamente no lugar.
— Não, eu não comi.
— Deixe-me fazer-nos a Última Refeição. —Saxton passou uma mão
ao redor da cozinha. — Estamos bem abastecidos aqui. Apenas, me de
licença por um momento no andar de cima.
Como Ruhn hesitou, Saxton tomou seu rosto em suas mãos, e puxou
para baixo a boca do macho. O beijo foi tão doce como o sexo tinha sido
possessivo.
— Eu tenho que ir à casa da Sra. Miniahna, —Ruhn se ouviu dizer.
— Verificá-la antes do amanhecer chegar.
— Tudo bem, eu entendo. —Saxton deu um passo para trás, uma
reserva apertando suas características. — Eu vou te ver no anoitecer,
então. Precisamos visitar esses corretores imobiliários.
— Bom.
Houve um silêncio constrangedor. Então, Ruhn disse, — Quando?
Saxton exalou como se ele estivesse mudando faixas na cabeça com
esforço. — Ah, digamos cinco e quarenta e cinco. Fim dos negócios para
eles, suficientemente escuro para nós. Precisamos ir no seu caminhão ...
— Eu quero dizer nós. Quando podemos fazer isso novamente?
O sorriso de Saxton foi rápido e sustentável. — Quando quiser.
Ruhn ergueu a mão e escovou o rosto do macho com os nódulos ...
antes de passar o dedo indicador por aquele lábio inferior. Os flashes do

236
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

que acabavam de fazer foram reproduzidos com uma trilha sonora de seus
gemidos e suspiros.
— Obrigado, —disse ele.
Saxton balançou a cabeça. — Eu prefiro pensar que eu sou o que
deveria dizer isso.
Não, pensou Ruhn. De modo nenhum.
Ele se inclinou e beijou o macho. Quando seu sangue começou a
ferver, ele sabia que ele tinha que ir—ou ele seria obrigado a nunca, nunca
mais sair.
— Eu sou o único que te agradeço, —ele sussurrou contra esses
lábios.

Vinte e Um

— Quem é Oskar?
Quando a pergunta foi sussurrada em seu ouvido, Novo ficou
completamente acordada. Em primeiro lugar, ela não tinha idéia de quem
era o peito, que estava deitada, toda esticada e quente, mas uma
inspiração rápida resolveu esse problema. Peyton. Ela e Peyton estavam
...

237
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sim, o quarto do hospital. Ela estava na clínica, ainda se recuperando


da cirurgia.
Levantando a cabeça, ela olhou para o macho que ela transformou
em um travesseiro. Peyton parecia perfeitamente feliz de ser usado de tal
forma, seu corpo nu relaxado, os olhos fortemente cerrados, a bagunça
em sua garganta já começando a se curar. No chão, seu smoking estava
como um-soldado-caído-no-campo-de-batalha, espalhado em pedaços onde
ele havia sido jogado de lado.
Seu pênis era quase o mesmo, descansando flácido e exausto em uma
das coxas dela.
Ela tinha a sensação de que ele estaria em boas condições de
funcionamento a qualquer momento.
— Um amante? —Ele sugeriu.
— Quem?
— Oskar. Você disse seu nome enquanto dormia agora.
— Oh, não é ninguém.
— Mesmo? Você parecia chateada—ou a sua voz que estava.
— Deve ter sido um pesadelo sem uma boa razão.
— Sim. —Ele tirou um pedaço de cabelo de sua bochecha. — Posso
te perguntar uma coisa?
— Claro.
— Você quer ir a um encontro comigo algum dia?
Novo arqueou uma sobrancelha para ele. — Um encontro.
— Sim. Jantar. Dançar. Esse tipo de coisa.
— Você está pensando que haverá sexo envolvido?
— Esperando, com certeza.

238
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Talvez.
Seu sorriso foi direto para o centro do seu peito, tão preciso quanto
sua adaga: lento, confiante, sexy. — Eu adoro um desafio.
— Eu não sou um desafio, no entanto.
— Você está tão longe de ser fácil como qualquer um que eu já
conheci.
— Você nunca pode me vencer. É por isso que eu não sou.
— Não é essa a própria definição de um desafio?
— Não, ele é chamado de uma parede de tijolos. Ainda assim, você
é bem-vindo para me tentar.
— De alguma forma, algum dia, —ele segurou o dedo indicador no
alto, — eu vou chegar até você.
— Pergunte a si mesmo porque você está incomodando a tentar.
Você obterá muito mais desse esforço, eu lhe asseguro ...
— Ela é tãoooooooooooo acimaaaaaaaaa, muito acima de mim ...
Novo recuou e teve que falar sobre a sua falta de sintonia. — Por que
você está cantando?
— ... ela é tãooooooooo gaaaaaaaaaaata ...
Novo teve que rir. — Você é uma aberração total, você sabe disso ...
— ... como Cleeeopatraaaa, Joooooooannna d’Arrrrccc ...
— Oh, meu Deus, você é um tom surdo.
Quando ela cobriu os ouvidos, ele realmente aumentou o volume. —
... ou Afroooooodiiiiiteeeeeee ...
Os braços dele a rodearam e ele a beijou e a beijou de novo. Mas não
era sobre sexo. Ele parecia gostar do fato de que ela estava rindo, e a boca-
a-boca era a sua maneira de dizer isso a ela.

239
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Por que você é tão maluco? —Ela disse contra seus lábios.
— Porque eu vou fazer qualquer coisa para ver o seu sorriso.
— Por quê você se importa?
— Como eu não posso?
Novo revirou os olhos. — Ouça, você precisa parar.
— Eu já fiz. Eu não estou cantando mais. Mas se você quiser que eu
vá pelo meu repertório de Wham! Eu tenho essa merda coberta agora
mesmo para você. Eu também faço uma media de Flock of Seagulls , que
tal.
— Estou falando de ser encantador. Eu odeio isso. Seja você mesmo.
— E se eu estiver sendo eu mesmo.
— Cantor de lounge frustrado?
— Alguém tem quer fazer você sorrir.
Ela se afastou dele e sentou-se, pelo menos até que suas linhas IV a
parassem. — Eu acho que você precisa ir.
Peyton apenas colocou as mãos atrás da cabeça e continuou a ficar
lá deitado como um leão tomando sol. Exceto que ele não era rei da selva
e, oláaaaaaa, a fonte de luz era fluorescente e vinha do banheiro.
Maldito seja aquele cabelo loiro roubado e aqueles olhos azuis
sonolentos também eram muito atraentes. Especialmente considerando
que eles eram a cereja em cima de um inferno de um sundae nu.
— Eu não posso, —ele disse.
Espere, do que eles estavam falando? Oh, certo. O charme de Peyton.
— Com certeza, você pode cortar a merda.

Duo pop britânico dos anos 80.


A Flock of Seagulls é uma banda de new wave britânica formada em Liverpool, Inglaterra, em 1980 por Mike Score, o seu irmão Ali
Score e os amigos Frank Maudsley e Paul Reynolds.

240
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Por sinal, são duas da tarde. —Ele acenou para o relógio na


parede. — A luz do dia é um verdadeiro desmancha-prazeres, portanto, você
não pode me dizer para ir. Tão irritante como você me achou, tenho
certeza de que não quer a minha morte em sua consciência.
— Não subestime o quanto você pode irritar. —Novo apontou para
a porta. — E não importa a que hora do dia ou da noite, você sempre
pode sair deste quarto.
— Me faça.
Ela piscou. — O que …?
— Você me ouviu, osso duro de roer. Desconecte-se, me pegue, e me
jogue lá fora como lixo. Caso contrário, eu estou muito confortável aqui.
Quero dizer, este travesseiro de cinco centímetros—basicamente como
colocar minha cabeça em um Mini-Wheat gelado—é diiiiivino. E não
me faça começar com esses lençóis. Quero dizer, olá, estou jogando meu
Porthault assim que chegar em casa e substituí-lo por esta lixa. Minha
bunda está ficando polida com um alto brilho comigo apenas respirando.
Novo manteve a risada para si mesma. Principalmente. — Pare.
Você não é engraçado.
— Não? Nem mesmo um pouco? —Ele piscou para ela. — Que tal
eu faço minha melhor piada.
Ela cruzou os braços sobre o peito, e depois abruptamente congelou.
Quando ela olhou para si mesma, ela engasgou.
Instantaneamente, Peyton tornou-se sério e sentou-se. — O que há
de errado? Vou chamar o médico ...

Tipo de cereal com crosta gelada.

Lençóis D. Porthault – Especializada em roupas de cama, mesa e banho, a maison fundada em 1920 em Paris.
Lençóis de alta costura, bordados de alta qualidade.

241
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não, eu estou bem.


Com as mãos trêmulas, ele alcançou os laços da bata de hospital.
Afrouxando o topo, ela separou gentilmente as duas metades ... e olhou
para baixo.
Com uma voz quase audível, ela sussurrou: — Ele se foi. A cicatriz
... se foi. Está curado. Meu coração... está curado. Não há dor.
Peyton inclinou-se para dentro. E então ele estendeu a mão e esticou
o dedo na pele perfeitamente regenerada. Não havia nem uma marca.
— Eu não queria morrer. —Ela limpou a garganta, mas ainda estava
rouca. — Lá fora. Quando aconteceu ... eu não queria morrer.
— Você parece surpreendida.
Novo fechou os olhos. — Eu estou.
— Eu sinto muito.
Tentando sair dela, ela fechou a simpatia. — Você já se desculpou
pelo erro.
— Não. —Ele balançou a cabeça. — Desculpe, houve um tempo em
que você queria morrer.
— Eu nunca disse isso.
— Você não precisa.
Antes que ela pudesse tentar fechar essa porta, ele fez a coisa mais
estranha.
Peyton tirou suas mãos, afastou-os dos laços e depois as virou.
Abaixando a cabeça, ele beijou em ambos os pulsos, seus lábios os mais
suaves, acariciando. E então, ele pegou os laços que ela tinha segurado ...
e executou um nó perfeito, os dois laços exatamente o mesmo, o par de
extremidades de igual comprimento, a bata agora fechada.
Colocando sua mão sobre seu coração, ele sussurrou: — Estou tão
feliz que você esteja bem.

242
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sem outra palavra, ele envolveu seus braços ao redor dela e a puxou
para o peito dele.
Ela resistiu. Um pouquinho.
Mas então ela parou de lutar.

A medida que as horas de luz do dia passavam, Peyton não dormia.


Ele apenas acariciou as costas de Novo com uma mão lenta, os contornos
de sua espinha e músculos uma paisagem que ele aprendeu melhor com
cada passagem.
Muitas vezes, ele havia reconhecido sua força. Como ele não
poderia? Havia muita dor por baixo de tudo isso—e ele ficou
impressionado com a necessidade de descobrir seus segredos, entrar e
ajudá-la a conquistar esses demônios. Mas vamos lá, o que ele realmente
poderia fazer por ela? Ele era mais um barco-com-um-buraco-no-casco do que
um-competente-salvador-no-alto-mar.
Em algum momento ele deve ter adormecido, porque o lamento
daquele paciente com aquela crise mental o acordou. Ouvindo o uivo, ele
se perguntou quanto tempo mais alguém poderia durar nessa condição.
Uma rápida verificação do relógio na parede e ele amaldiçoou. Cinco
horas.
Droga, ele não queria deixá-la e ele certamente não queria ir para
onde ele era esperado às cinco e meia. Mas ele estava acostumado a fazer
merda com o qual ele não se interessava.
Com movimentos lentos e cuidadosos, ele reposicionou Novo—e
rezou para que ela permanecesse adormecida. Parecia que ela estava
realmente descansando, o que com aquela cicatriz já cicatrizando e suas
sobrancelhas relaxadas agora, não franzidas de dor. Quando ele estava de

243
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

pé sobre seus próprios pés e ela se enrolou para seu lado, ele arrumou os
cobertores no lugar e percebeu que eles nunca tinham ficado pele a pele.
Ela não tirou a bata, e ele nem sequer entrou sob as cobertas.
Parecia uma metáfora de todas as coisas que ela mantinha para si
mesma.
Quando ele colocou suas calças de smoking, ele tinha a noção de que
deveria deixar as coisas como estavam. A atração sexual não faz nenhum
relacionamento, nem justifica as demandas de conexão emocional. E
inferno, ele sabia de primeira mão a partir daquelas horas no telefone com
Paradise que as pessoas conversavam sobre si mesmas em sua própria
linha do tempo e de mais ninguém.
Apenas deixe-a em paz, disse a si mesmo. Essas defesas estavam no
lugar por algum motivo.
Sua camisa de smoking era uma bagunça amassada e ele odiava isso
quanto ele a colocou, mas não era como se o assunto permanecesse nele
mais do que a caminhada até o vestiário masculino. Ele tomaria seu
banho lá e colocaria um conjunto de reserva.
Na porta, ele olhou de volta para Novo dormindo na cama do
hospital. Ela estava na posição de uma criança, os joelhos dobrados
aperados para cima, os braços dela também, as mãos dela que eram tão
boas com as armas, enroladas inocentemente sob o queixo. Os cílios
pretos descansavam nas bochechas que já não eram tão pálidas, e aquela
trança preta pesada era como uma corda deitado ao longo do arco de suas
costas.
Ele tinha um pensamento que nunca mais iria vê-la assim
novamente.
Este momento, aqui mesmo, foi um momento único, um instante
construído artificialmente limitado à fase final de sua recuperação. Na
próxima vez que a visse, ela se levantaria e olharia para ele e para todos
os outros, todo seu corpo funcionando plenamente, sua mente afiada,

244
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

suas faculdades não mais esmaecidas, mas disparando em todos os


cilindros.
Eles lhe deram um presente. Não para ela, no entanto. Ela nunca ia
querer que alguém a visse assim.
Quando ele saiu do quarto, ele tirou o papel que estava preso à porta
e dobrou-o algumas vezes para que a caligrafia de merda do Dr. Manello
não fosse mais visível. Então ele colocou a coisa no bolso e se dirigiu até
o vestiário.
Um banho rápido, fazer a barba e uma troca de roupa, e ele estava
pronto para o que estava por vir, outro obstáculo a ser saltado, um aro
para atravessar, um "t" para cruzar, um "i" para pontilhar—e então as
coisas estavam terminadas aqui. Ele deixou seu smoking em um dos
armários e ficou com seus sapatos de couro formais, os pequenos arcos
de grosgrain e as pontas brilhantes parecendo absolutamente ridículo,
saindo de debaixo das bainhas das calças.
De volta ao corredor, ele parou perto do quarto de Novo. Em
seguida, continuou caminhando. Ninguém estava lá fora. O Dr. Manello
provavelmente estava se levantando com uma grande ereção, e Doc. Jane
e Ehlena estavam sem dúvida preparando-se para a Primeira Refeição no
que eles chamavam de "A Casa Grande". Não havia Irmãos lá fora, e
certamente não havia recrutas.
No entanto, em breve haveria o suficiente.
Eles deveriam ter uma reunião às oito. É por isso que essa nomeação
particular teve que acontecer tão cedo.
Peyton parou na porta de vidro do escritório. Olhando para dentro,
ele quase esperava que não houvesse ninguém naquela mesa. Mas é claro,
isso não aconteceu.

Grosgrain – Tecido robusto e um pouco rígido, usado em decorações.

245
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A shellan do irmão Rhage, Mary, estava sentada em frente ao


computador, com a cabeça baixa e os olhos concentrados na tela. Como
se estivesse sentindo sua presença, ela olhou para cima e acenou para que
ele entrar.
Corra Forrest, corra! Era tudo o que ele podia pensar quando ele abriu
caminho para dentro.
— Ei. —Ela ficou em pé. — Como você está?
— Eu estou ótimo. Obrigado.
— Bom. Você está pronto para conversar um pouco?
Tanto quanto ele sabia, Mary era um humano—ou tinha sido um—
até que a Virgem Escriba tenha intercedido e, por algum motivo, tirou a
fêmea do continuo do tempo. Ele não sabia muito mais sobre isso, mas
ela certamente parecia tão serena quanto um anjo ou uma deidade ou o
que quer que fosse. E ela era muito diferente de Rhage. Ela era pequena,
especialmente em comparação com o seu hellren, e ela tinha uma beleza
despretensiosa, seu cabelo castanho cortado quase sempre, seu rosto livre
de maquiagem, suas roupas simples e funcionais. As únicas jóias que ele
tinha notado nela—não que ele prestou muita atenção—era um enorme
Rolex dourado, que deveria pertencer ao seu companheiro, e talvez um
par de brincos de pérola.
Ela estava usando ambos esta noite.
No fundo, ela era exatamente o que você pensaria que um psicologo
seria: calma, afiada como uma tacha, e um benefício para ele, ela não parecia
julgadora no mínimo.
— Vamos acabar com isso, —ele murmurou enquanto ele estava
sentando na cadeira em frente a ela.
— Oh, não aqui.
Ele olhou em volta para o escritório. — Por que não?
— Não é privado.

246
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu não tenho nada a esconder, —ele disse secamente. — Se fosse


esse o caso, eu teria deixado de aparecer em concertos humanos anos
atrás.
— Não, venha comigo.
— Onde?
Mary caminhou ao redor da mesa. — Há um antigo quarto de
interrogatório no corredor—não, isso não está sendo filmado, e antes de
perguntar, não divulgarei a ninguém o que você diz. É só que, se estamos
lá, ninguém nos interromperá.
— Espere, se você não contará a ninguém, por que estamos fazendo
isso?
— Eu vou fazer uma avaliação. Mas não vou estar compartilhando
detalhes específicos.
— Sobre se eu estou ou não sã?
— Vamos por aqui.
Enquanto ela estava sorrindo, fiquei calmo, mas tinha a sensação de
que não iria entrar em mais detalhes.
Seja o que for, pensou. Tudo isso era apenas uma formalidade antes
de expulsá-lo.
Quando Peyton a seguiu para o corredor, ele deu de ombros. — PSI,
você pode dizer ao mundo, tanto quanto eu estou preocupado. Eu fiz um
movimento ruim no beco e eu sei que estou deixando o programa. Então,
podemos economizar muito tempo e simplesmente marcar essa caixa no
formulário.
Ela parou e olhou para ele. — Ninguém fez essa determinação ainda.
— Você quer dizer me dizendo para sair? Vamos, nós dois sabemos
que é onde estamos. E está tudo bem.
— Você não gosta do que está fazendo aqui?

247
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A questão não foi formulada de forma ofensiva, como se ela estivesse


criticando ele por sua falta de compromisso ou algo assim. Foi mais um
convite para conversar.
Ele deveria estar preparado para muito desse tom dela, pensou ele.
— Não, está tudo bem. O que tiver que acontecer, acontecerá.
Depois que ela fez algum tipo de som de mmm-hmm, eles começaram
a caminhar lado a lado. Enquanto passaram, apenas um conjunto de
passos, o dele, ecoou mais. Mary olhou para seus pés.
— Esses sapatos parecem terrivelmente elegantes, —ela disse com
um sorriso.
— Eu queria te impressionar.
— Esse não é o seu trabalho ou o meu. —Mais com esse sorriso. —
Mas eles são um bom par de sapatos de smoking. Aprendi tudo sobre a
moda masculina com o Butch.
— Ele e eu usamos o mesmo alfaiate agora.
— Eu acredito.
Quando chegaram a uma porta de aço não marcada com nenhuma
janela nela, ela bateu, esperou um momento, e abriu o caminho para uma
sala anônima com paredes cinzentas, uma mesa no centro, e apenas duas
cadeiras.
— Desculpe-me, isso é tão despojado, —ela murmurou quando eles
entraram e ela os trancou juntos.
Enquanto se sentava, percebeu que ela trouxera um bloco amarelo e
uma caneta com ela. Hã. Ele nem sequer percebeu que tirara algo da
mesa.
— Junte-se a mim, —ela disse enquanto ela fez um gesto para uma
cadeira.

248
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Isso não demorará muito, —ele murmurou enquanto se sentava.


— Não por muito tempo.

Vinte e Dois

Quando Ruhn estacionou o caminhão em frente à impressionante


frente do Commodore, ele estava pensando em colônia—algo que não
estava em sua lista normal de pensamentos. Qual foi o ponto.
Inclinando-se para que ele pudesse considerar a imponente fachada
de aço e vidro do arranha-céu, ele finalmente descobriu por que as pessoas
usavam as coisas. Anteriormente, com ninguém para impressionar, a
idéia de que você deliberadamente se perfumar com algo formulado por
um grupo de seres humanos e comercializado para grandes despesas
parecia um exercício ridículo em salários perdidos.
Agora? Com a perspectiva de Saxton juntar-se a ele nessa cabine?
Ele desejou que ele tivesse a sofisticação para saber qual era a colônia
certa e o dinheiro para comprá-lo ...
Um lado das portas duplas se abriu e Saxton saiu no frio, a respiração
do macho saindo em um sopro de branco que vagava sobre seu ombro.
Ele tinha aquele casaco marrom pálido e um lenço vermelho amarrado e
enfiado na garganta. Suas calças eram azul marinho ou talvez preto. Seu

249
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

cabelo era espesso e brilhante, penteado para trás de seu belo rosto. Ele
tinha uma mala marrom em uma de suas mãos enluvadas.
Antes que Ruhn pudesse se deter, ele colocou o caminhão no
estacionamento e saiu indo ao redor para abrir a porta do passageiro.
— Você é tão gentil, —Saxton disse com um sorriso enquanto ele se
aproximava.
Ruhn teve que se deter para não se inclinar para um beijo. E como se
Saxton reconhecesse isso, ele roçou o braço de Ruhn enquanto entrava.
Ao fechar a porta, Ruhn procedeu a retomar sua posição ao volante.
— Está quente o suficiente aqui para você?
— É perfeito. —O macho olhou para cima. — Como você está?
Uma pergunta bastante fácil, mas esses olhos cinzentos estavam
apontados sem ser exigentes. Mais estava sendo perguntado, não era.
Ruhn limpou a garganta e depois se concentrou na boca do macho.
De repente, o ar ficou grosso e carregado.
Numa voz muito baixa e profunda, Ruhn respondeu com a verdade:
— Eu estou com fome.
Durante as horas do dia, ele não pensou em nada além de seu tempo
juntos, reproduzindo essa cena erótica naquela cozinha uma e outra
vez—até que ele tivesse que se aliviar. Cerca de cem vezes.
Ser atraído por alguém do mesmo sexo ainda parecia estranho.
O sexo que eles tinham compartilhado foi o mais natural que ele já
havia feito.
— Bem, —murmurou Saxton. — Depois que nosso trabalho estiver
pronto, teremos que ver se podemos cuidar disso por você. Um homem
deve comer, não ele?
— Sim.

250
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

À medida que a promessa de orgasmos e prazer e exploração se


espalhavam entre eles, Ruhn colocava o motor em marcha—e rezou para
que este encontro com os corretores humanos não demorasse muito.
— Eu sei para onde vamos, —disse ele.
— Como eu, —Saxton riu.
Ruhn corou quando olhou por cima. — Eu quero dizer na cidade.
— Eu, também. —Saxton estendeu a mão e apertou a sua. — Eu não
deveria provocar você. É só esse rubor. Você sabe.
— Não é viril.
Saxton franziu a testa. — Que maneira estranha de colocar isso.
— Eu não sei o que estou dizendo. Não sou bom com as palavras.
— Você faz muito bem. —Saxton apertou novamente e o soltou. —
Você precisa parar de se desculpar por si mesmo. Você não é inferior a
ninguem. As pessoas são apenas diferentes.
Dado que Ruhn não tinha certeza do que dizer—como de
costume—ele fez um barulho que ele esperava parecer solidário.
Agradável. Algo parecido.
Destino, ele estava sobre sua cabeça aqui.
— Então, —o advogado disse rapidamente: — Eu tenho tudo
arranjado. Contratos retroativos, que já estão em processo de
arquivamento com os seres humanos, uma carta de cessar-e-desistir de
ameaçar o desenvolvedor, e uma perdiz em uma pereira .

"The Twelve Days of Christmas" (em português: "Os Doze Dias do Natal") é uma cantiga de Natal inglesa que enumera na forma de
uma canção acumulativa uma série de presentes cada vez maiores dados em cada um dos doze dias de Natal (correspondidos entre o dia
de Natal e a Epifania do Senhor (6 de janeiro, ou no dia de Reis). A Noite de Reis é definida pelo Oxford English Dictionary como "a noite
de 5 de janeiro, anterior a Noite de Reis, na véspera da Epifania, oficialmente o último dia das festas de Natal e é observado como um
tempo de folia. As origens exatas e o significado da canção são desconhecidas, mas é altamente provável que se originou a partir de um
jogo da memória infantil.
No primeiro dia do Natal meu verdadeiro amor me deu ... uma perdiz em uma pereira.
No segundo dia do Natal meu verdadeiro amor me deu ... duas pombas-rola e uma perdiz em uma pereira.
No terceiro dia do Natal meu verdadeiro amor me deu ... três galinhas francesas, duas pombas-rola e uma perdiz em uma pereira ...

251
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Nós estamos levando-lhes um pássaro?


Saxton riu. — É um ditado.
— Ah.
Ruhn ligou a seta e dirigiu-se para o rio. No final do declínio, ele
acenou com a cabeça em direção à rampa que levaria à rodovia.
— Está bem esse caminho?
— Se você quiser ir. Eu confio em você.
Com um aceno de cabeça e um sentimento de orgulho por esse voto
de confiança, Ruhn levou-os para um trecho congestionado da Northway.
— Muito tráfego.
— Mmm-hmm, —disse Saxton. — Diga-me, Minnie estava bem?
Quando você foi vê-la antes do amanhecer?
— Oh, sim, sim, ela estava. Nada fora de ordem. Quando eu bati na
porta da frente, eu disse a ela que eu estava apenas verificando ela. Ela
disse que tudo estava bem—oh, e eu arrumei seu banheiro de debaixo da
escada para ela. Tinha um vazando.
— Isso foi amável de sua parte.
— A pia do banheiro também estava vazando. E a caldeira estava
fazendo um ruído metálico quando ele era ligado. Posso investigar tudo
o resto mais tarde.
— Eu posso entender por que ela não quer sair dessa casa.
— Mas é demais para ela cuidar. Realmente é.
— Concordo.
De alguma forma, o acordo entre eles parecia muito mais profundo
do que apenas um encontro das mentes sobre o assunto da Sra. Miniahna.
Mas talvez ele estivesse simplesmente romantizando.

252
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

De volta à sala de interrogatório do centro de treinamento, Peyton


estava tendo dificuldade em seguir a linha de interrogatório de Mary.
Eventualmente, ele chegou ao seu ponto de não-mais.
— Desculpe-me, —ele disse interrompendo-a. — Eu não quero cortá-
lo, mas eu pensei que isso deveria ser sobre o trabalho? Não entendo por
que você está perguntando sobre minha família.
— Somente para ter um plano de fundo adicional.
— Eu já disse isso logo após a orientação do irmão Butch. Quero
dizer, está tudo no meu arquivo.
— Eu gosto de coletar minha própria história. —A mulher sorriu. —
Existe alguma razão pela qual você está desconfortável falando sobre sua
família?
— Não, não é nada. —Ele encolheu os ombros e relaxou na cadeira
dura. — Não me incomoda. É apenas uma perda de tempo.
— E por que é isso?
— Olhe, eu lhe disse. Nós dois sabemos o que vai acontecer com tudo
isso.
— Tudo isso, o que.
Ele fez um gesto entre eles. — Esta conversa. A declaração que eu
dei ao seu companheiro sobre o que eu fiz. Seria mais eficiente me
expulsar do programa agora, ao invés de desperdiçar toda essa papelada.
Não é como se eu estivesse processando vocês, por demissão injusta ou
qualquer outra merda—desculpe, coisas.
— Você faz parecer que você é muito dispensável.

253
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— O que você quer dizer?


— Bem, você está dando por certo que você vai ser demitido.
— Mas eu vou. Por que eu não seria?
Mary entrelaçou os dedos e sentou-se para frente, apoiando um
cotovelo no seu bloco. — Você faz parte da equipe.
— Não é essa a música dos Minions?
— Eu sinto muito?
Ele balançou sua cabeça. — Eu só estou sendo um espertinho.
— Eu sei. É um dos seus mecanismos de defesa, mas o seu desvio
através do humor é um tópico para outro momento. —Novamente com
o sorriso. — Então por que você acha que você não importa para todos
os outros no programa?
Ele se concentrou na pequena pérola em sua orelha esquerda. — Se
eu importo ou não, não é o problema.
— Então, é-um-erro-e-você-está-fora na sua opinião?
— Desculpe-me, e não estou sendo um espertinho desta vez, não é
como se eu tivesse um problema de matemática errado.
— Você ainda está desviando. Se Paradise tivesse atuado como você
fez naquele beco, você pediria que ela deixasse o programa?
— Não, mas ela não sou eu.
— Por que você é diferente?
Do nada, sua cabeça começou a doer e ele fechou os olhos. — Eu
não sei. E não sou a pessoa responsável—por uma boa razão. Podemos
terminar?
— Por que você não poderia estar no comando?
— Por que eu sabia que você ia dizer isso, —ele murmurou enquanto
ele se sentou para frente e colocou as mãos sobre a mesa de tampo de

254
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

metal. — Eu não sei. Eu não tenho respostas para estas perguntas. Assim
como sobre você me expulsar por causa disso?
— Você gostaria de saber por que eles me pediram para falar com
você?
— Coloquei Novo em uma cama de hospital.
Mary balançou a cabeça. — Não, você não fez. Você tomou uma
decisão infeliz que, francamente, era mais um indicador de que havia uma
falha no treinamento do que um em você. Os Irmãos me pediram para
falar com você porque eles querem minha opinião sobre se você está
levando isso a sério ou não. A responsabilidade, isto é. Todos que tem
trabalhado com você reconhece suas habilidades. Você é um lutador
muito bom, você é inteligente, você é rápido. Mas você é um desistente.
Quando as coisas ficam difíceis, você sai. Eles viram isso durante a
orientação, quando Paradise o levou essencialmente ao ginásio e ao
desafio da piscina. Eles notaram isso durante os exercícios. E, para ser
honesto, isso é apenas um "me-chute-estou-fora", já é parte dessa
característica sua.
— Eu não sou um desistente.
— Então prove.
— O que?
— Fique.
Peyton balançou a cabeça. — Não cabe a mim.
— É aí que você está errado. —A voz de Mary era grave. — Isso
depende inteiramente de você.
Quando Peyton ficou calado, ele notou que o topo da mesa era
reflexivo ... e se ele olhasse para a superfície, ele podia ver a si mesmo.
Ele nunca pensou nisso assim, mas todas aquelas fêmeas e mulheres
que ele fodeu e largou? As escolas de que ele havia sido suspenso a meio

255
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

caminho? As coisas que ele tinha abandonado, os compromissos que ele


fez e não conseguiu acompanhar, através de ...?
Inferno, o relacionamento mais próximo que ele já teve tinha sido
através do telefone.
E Mary estava certa. Esta coisa toda começada? Ele estava
praticamente implorando para esse resultado.
Foi o que seu pai sempre achou tão frustrante sobre ele? Essa coisa
de flutuar acima, nunca se comprometer? Seu pai ainda era uma merda
de apoio, mas Peyton tinha que se perguntar se ele próprio não havia dado
deliberadamente a munição ao macho às suas armas, por assim dizer. E
o que diz respeito aos imbecis do clube que eram o conjunto de "amigos"
mais próximos de Peyton? Eles eram exatamente como ele, vivendo do
dinheiro da família, sendo idiotas, e desenvolvendo hábitos para drogas
em vez de seu próprio caráter.
Ele era da terra das etiquetas. O que não era precisamente de
qualidade, não era isso.
Quem você quer ser? Ele perguntou a si mesmo. Quem é você realmente?
A lembrança de Novo dormindo no seu peito, de seu peso quente e
de sua respiração, de suas sutis sacudidas enquanto sonhava, voltou tão
seguramente como se estivesse lá com ele naquele momento.
Às vezes, a vida leva você para os cantos que você viu chegando,
grandes mudanças alterando sua direção e foco graças a um determinado
evento, como um acasalamento ou o nascimento de um bebê. Outras
vezes, porém, as mudanças glaciais vieram sem aviso, saindo do nada.
Ele nunca esperava passar por essa parede de tijolos de auto-reflexão
esta noite. Enquanto estava em pijamas cirurgicos. E sapatos de smoking.
Pelo menos os sapatos podem ser previsíveis. Talvez o pijama. O
resto disso? Inferno, era a merda na qual ele deliberadamente não queria
pensar.

256
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— O que você vai fazer Peyton?


— Eu quero ficar, —ele disse grosseiramente. — Eu quero continuar
no programa. Se eles querem me manter.
— Bom. —Enquanto ele olhava para ela, Mary assentiu. — Isso é
tudo o que queríamos ouvir.

Vinte e Três

— Perdoe-me por ser franco, —observou Saxton secamente. — Mas


este lugar é um lixo. —Mais como um laboratório de metanfetamina do
que qualquer lugar que você gostaria de construir casas, ele acrescentou
para si mesmo.
Quando Ruhn estacionou no estacionamento de um prédio de
concreto baixo que tinha sido pintado com a cor de vômito, Saxton não
tinha certeza do que ele esperava—mas, certamente, não esse túmulo sem
janela, com uma única porta e, em uma parte da cidade geralmente
reservada para empresas que tinham uma parte oculta neles.
Estes não eram apenas corretores com os quais estavam lidando.
E, claro, não havia nenhuma sinalização identificando o negócio em
funcionamento, nada com um nome nele ou propaganda—e o lugar tinha
sido difícil de localizar. Havia apenas um código postal escrito no papel

257
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

timbrado que tinha sido enviado para Minnie, e Vishous teve que fazer
alguma escavação para encontrar este endereço.
Esses seres humanos queriam ser encontrados apenas em seus
próprios termos.
— É esse o caminhão que você viu na Minnie? —Ele perguntou,
apontando em frente ao estacionamento.
— Sim. —Ruhn desligou o motor. — E esse.
— Ok, vamos fazer isso?
— Sim.
Não foi difícil notar a mudança no outro homem. Ruhn estava
examinando os ambientes vazios como se estivesse procurando por
agressores, suas mãos apertadas em punhos—e eles ainda não tinham
saído do Ford ainda.
Agarrando a bolsa de couro, Saxton abriu a porta e, antes mesmo de
colocar um pé no chão, aquela única entrada se abriu, um grande humano
encheu os batentes—com uma mão enfiada na jaqueta.
— Posso ajudá-lo, —exigiu o homem.
Saxton sorriu e deu a volta por trás da caçamba do caminhão.
Quando ele alcançou Ruhn, um segundo humano veio ficar atrás daquele
que estava na entrada. Ambos tinham cabelos escuros, ambos eram fortes,
narizes tortos e olhos tão quentes e acolhedores como pistolas.
Um conjunto de cães de guarda, treinados para morder invasores.
O número dois também tinha uma mão dentro do casaco.
— Que bom ver você novamente, —disse Saxton enquanto ele parou
na frente do homem grande e maior. — Eu acredito que você se lembra
do meu sócio da outra noite.
— O que você está fazendo aqui.

258
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Bem, você foi gentil o suficiente para oferecer uma visão sobre a
posse de Minnie Rowe sobre os documentos dela, e graças a você,
conseguimos resolver tudo. Eu os tenho aqui, —ele levantou sua bolsa de
couro, — cópias dos documentos que deveriam ter sido arquivados com
as agências apropriadas, mas que, por razões além de seu controle, não
foram de fato submetidos corretamente. Estou feliz em lhe fornecer cópias
de ...
Quando ele abriu a aba, ambos os homens apontaram suas armas.
— Isso é o suficiente, —disse o primeiro.
— Agora, senhores, —Saxton fingiu um choque — por que você
precisa defender-se como tal? Meu colega e eu viemos aqui em uma
questão de propriedade de rotina, que na verdade não pertence a você ou
ao homem para quem trabalha—como nem você nem ele estão em
posição de propriedade em relação à ...
— Cale a boca. —O homem acenou com a cabeça para o caminhão.
— Volte para essa coisa e vá embora.
Saxton inclinou a cabeça. — Por quê? Você não gosta de pessoas
aparecendo em sua propriedade sem aviso prévio após o anoitecer?
Esse homem da frente levantou sua arma e colocou o cabo na cabeça
de Saxton. — Você não sabe com quem você está lidando.
Saxton riu sua respiração se condensando em um sopro branco. —
Meu Deus. Eu sinto que estou em um filme Steven Seagal de 1989. Você
usa estas linhas e eles realmente funcionam? Incrível.
— Eles não encontrarão o corpo.
O rosnado sutil que se infiltrou no ar frio foi uma má notícia. Foi
tudo bom para Ruhn e ele jogar de empurrar e puxar com humanos como

Steven Frederic Seagal é um ator de filme de ação, produtor cinematográfico, escritor,


diretor e mestre de artes marciais americano.

259
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

este—embora toda a postura fosse tão aborrecida—mas o que


absolutamente não poderia acontecer era nada de vampiro—entrar no
cenário.
Saxton olhou por cima do ombro e chamou Ruhn. Mas o macho não
mostrou nenhum sinal de perceber ou sair, e seu lábio superior estava
começando a se contrair.
Droga.
Refocalizando no par de humanos e seu show de metal, ele dominou
Ruhn e ficou aliviado quando o ruído parou.
— Deixe a Sra. Rowe em paz, —disse Saxton. — Porque você
também não tem idéia de com quem você está lidando.
— Isso é uma ameaça?
Saxton olhou para o céu. — Vocês senhores devem ter um melhor
roteiro que funcione. Eu sugiro Taken com Liam Neeson . Pelo menos,
isso é neste século. Você está obsoleto. Reaaaalllmeeente obsoleto.
— Foda-se.
— Você não faz o meu tipo. Eu sinto muito.
Quando ele se afastou, agarrou Ruhn e puxou-o para perto dele.
Uma vez que estavam de volta ao caminhão, Saxton olhou para o
par de guardas, memorizando suas características. Ele estava certo de que
ele e Ruhn tinham sido fotografados como se estivessem no tapete
vermelho. Tinha que haver câmeras em todo o lugar.

Busca Implacável (Taken) é um filme de suspense e ação francês, falado em língua inglesa, de 2008.

Liam John Neeson é um ator norte-irlandês. Ficou bastante conhecido principalmente por atuar como Oskar
Schindler no filme Schindler's List, ao lado do diretor Steven Spielberg.

260
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Nós precisamos tirar Minnie daquela casa até que isso seja
terminado, —ele murmurou quando Ruhn deu ré e se dirigiu para a
estrada além. — As coisas vão aumentar ainda mais, eu temo.
— Se ela sair, eu poderia ficar na casa. Assim não ficaria
abandonada.
— Essa não é uma má idéia. —Saxton olhou para o banco. Deixe-
me chamar sua neta primeiro e vamos ver se podemos ganhar tempo—e
depois falaremos com Minnie. Talvez por ser apenas uma coisa de curto
prazo, ela estará mais aberta para isso. — Você é esperto.
O pequeno sorriso de Ruhn era o tipo de coisa que ele queria lembrar
para sempre. E então o macho surgiu com outro brilho.
— Você gostaria de comer algo? —Perguntou Ruhn. — Enquanto
estamos fora?

Quando Ruhn os levou para longe, ele esperou a resposta de Saxton.


Ele tinha se sentido um pouco ousado para fazer esse convite, mas ele
estava de fato com fome—e a idéia de compartilhar uma refeição e
prolongar seu tempo juntos?
— Eu adoraria isso, —disse o advogado. — Existe algum lugar em
particular que você gostaria ir?
— Eu não sei.
— Que tipo de comida você gosta?
— Eu não tenho uma preferência.

261
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Há um bistro francês maravilhoso que eu simplesmente adoro. É


um pouco longe, mas, novamente, nesse bairro? Teríamos que viajar para
chegar a um 7-Eleven .
No fundo de sua mente, Ruhn contava quanto dinheiro ele tinha em
sua carteira. Era cerca de sessenta e sete dólares. Mas ele tinha seu cartão
de débito e sua conta bancária tinha pouco menos de mil dólares—o que
era o seu patrimônio líquido inteiro.
Sua falta de status financeiro fez com que ele esperasse que seu antigo
fazendeiro faria o que prometeu e o ajudasse a encontrar um emprego em
Caldwell. A conversa por telefone na noite anterior certamente parecia
promissora, embora não houvesse informações sobre o que estava
disponível para o trabalho aqui. Ainda assim, os aristocratas como com o
qual ele havia trabalhado há tanto tempo tendiam a estar bem conectados.
Ele tinha que acreditar que algo iria aparecer—e fornecer-lhe o
propósito e um salário digno.
— Isso ficaria bem para você? —Perguntou Saxton.
— Sinto muito, sim. Por favor. Para onde vamos?
— Pegue a direita aqui e direcionarei você.
Cerca de quinze minutos depois, eles estavam em uma parte muito
melhor da cidade, as pequenas lojas e os estabelecimentos culinários
pitorescos alinhadas ponta a ponta como a imagem perfeita de qualquer
rua da cidade poderia ser A neve tinha sido bem empurrada e ele
imaginou pedestres humanos vagando pelas calçadas durante a luz do
dia, alegres, mesmo apesar de frio. E nos meses mais quentes? Era sem
dúvida muito ocupada nos fins de semana e povoado por pessoas como
Saxton: sofisticados urbanos com bons modos e gostos elevados.
— Aqui está, —o macho disse quando ele apontou para frente. —
Premier. Há um estacionamento atrás. Apenas vá para o beco aqui.

Cadeia multinacional de lojas de varejo, farmácia, refrigerantes e produtos de sua própria marca.

262
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ruhn levou-os de volta a um trecho de asfalto quadrangular


apertado, tornado ainda menor pelas bordas de neve empurradas.
Felizmente, havia apenas um outro carro, então ele conseguiu espremer
o caminhão no canto mais distante, e então ele e Saxton estavam
caminhando no gelo compacto em direção à porta dos fundos.
Ele deu um passo à frente e segurou a porta, e quando Saxton passou,
Ruhn rastreou com os olhos os cabelos e os ombros do macho, a cintura
apertada, as calças finas e os sapatos pontudos.
No interior, o cheiro da cozinha era fantástico. Ele não tinha idéia de
quais eram os aromas, mas afrouxou sua espinha com cada respiração
que dava. Cebolas ... cogumelos ... temperos suaves.
— Ah! Você está de volta.
Um homem humano com um terno preto e uma gravata azul desceu
por um corredor fino com os dois braços para fora. Ele e Saxton se
beijaram nas bochechas do outro, uma vez em cada lado, e eles entraram
em uma língua que Ruhn não reconheceu.
De repente, o ser humano voltou para o inglês. — Mas, claro, sempre
temos a mesa para você e seu convidado. Por aqui, venha. Venha.
Não foram muito longe antes da coisa abrir no restaurante
propriamente dito. Tal como aconteceu com o estacionamento, havia
poucos lugares para se sentar, e um casal estava de pé para sair.
Provavelmente os proprietários desse outro veículo na parte de trás.
— Bem na frente da casa, —disse o humano orgulhosamente.
— Merci mille fois.
O homem se curvou. — O habitual?
Saxton olhou para Ruhn. — Seria bom se o chef usasse seu critério?
Ruhn assentiu. — O que for mais fácil.

Obrigado milhares de vezes, em francês

263
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O homem humano recuou. — Não é fácil. É nossa honra.


Saxton ergueu a mão. — Estamos ansiosos para o que Lisette
preparar. Será uma obra-prima.
— Você pode ter certeza.
Quando o homem saiu com um pequeno bufo, Ruhn apertou-se
numa cadeira que teria servido bem ao tigre de brinquedo de Bitty,
Mastimon. Na verdade, todo o lugar o fazia sentir-se grande como um
elefante e tão coordenado como um pedregulho que cai.
— Eu acho que eu ofendi ele. —Ele sentou-se para trás—e depois
seguiu com o programa como Saxton colocando um guardanapo no colo.
Na sequência do processo, ele murmurou: — Essa não era minha
intenção.
— Você vai adorar a comida de Lisette. Isso é tudo o que eles vão se
preocupar no final.
O vinho apareceu. Branco. Ruhn tomou um gole e ficou
surpreendido. — O que é isso?
— Chateau Haut Brion Blanc . É de Pessac-Leognan .
— Eu amo isto.
— Estou feliz.
Quando Saxton sorriu, Ruhn esqueceu tudo sobre o vinho. E ele
ainda estava distraído quando o homem começou a falar sobre o que ele
havia feito durante o dia para Minnie e alguns dos outros casos em que

Chateau Haut Brion Blanc

Léognan é uma comuna francesa na região administrativa da Nova Aquitânia, no departamento da Gironda.
Estende-se por uma área de 41,49 km². Em 2010 a comuna tinha 9.309 habitantes.

264
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

ele estava trabalhando para o Rei. Era tudo tão interessante, mas mais do
que isso, mas os altos e baixos da voz do advogado eram hipnóticos.
A comida foi servida, pequenas porções coloridas chegando em
minúsculos, pratos quadrados brancos. Mais vinho. Mais da conversa de
Saxton.
Era tudo tão ... tão pacífico. Mesmo com a tendência subjacente da
necessidade sexual, e apesar do restaurante minimizar tudo, Ruhn sentiu
um conforto desconhecido. E a comida era, de fato, absolutamente
incrível, cada curso construindo sobre o anterior, a total saciedade de sua
fome de uma maneira que era sutil, mas poderosa.
Quando finalmente terminaram, quase duas horas depois, era bem
passado da meia-noite—e ele sentiu que eles estavam lá há cinco minutos.
Inclinando-se para trás, colocou a mão sobre o estômago.
— Essa foi a refeição mais incrível que já tive.
— Estou tão feliz. —Saxton fez sinal para o homem humano que lhes
tinha recebido. — Marc, me faça o favor?
O homem veio imediatamente. — Monsieur?
— Diga a ele, Ruhn.
Encorajado pelo vinho e um estômago cheio, Ruhn encontrou os
olhos do humano sem pensar duas vezes. — Isso foi incrível.
Surpreendente. Eu nunca tive uma refeição como essa na minha vida e
nunca mais vou ter.
Ok, aparentemente, ele havia dito todas as coisas certas. O homem
entrou em uma queda positiva de felicidade—e prontamente
recompensou-os com um prato de fatias de pera e chocolate, algo cortado
ou outro.
— Vou pegar a conta esta noite, —disse Saxton enquanto tirava a
carteira e deslizou um cartão preto. — Este é o meu deleite, pois foi a
minha escolha. Da próxima vez, você escolhe e você paga.

265
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ruhn corou. Sim, ele tentou adivinhar em sua cabeça o que isso
poderia custar—apesar de tudo isso ter sido apenas em teoria, pois eles
não tinham menus e nenhum montante em dólares tinha sido discutido—
e ele só podia imaginar que era incrivelmente caro. E ele agradeceu o
gesto de Saxton ao fato de que ele queria contribuir.
Depois que a conta chegou e o cartão foi trazido, Saxton então
assinou as coisas apenas fora da vista, e os dois levantaram-se e deram
mais elogios ao humano—ao ponto, que uma mulher numa roupa de
cozinheiro branco surgiu e houve mais elogios para ela como a pessoa
que lhes forneceu uma refeição tão gloriosa.
Quando finalmente foram para fora, Ruhn descobriu que ele poderia
se lembrar pouco em termos de detalhes: se perguntado o que
precisamente ele tinha comido ou bebido, o que havia dito, onde eles
estavam sentados, ele não poderia ter apontado para muitos detalhes.
E, no entanto, o todo foi inesquecível.
— Eles não são maravilhosos? —Disse Saxton enquanto
caminhavam até o caminhão. — Um excelente casal. Eles vivem acima
do restaurante. É verdadeiramente a vida deles.
Como se houvesse uma sugestão, uma luz acendia uma janela no
nível superior, uma sombra passando por cortinas que eram puxadas.
— Obrigado, —Ruhn murmurou enquanto olhava para Saxton. —
Isso foi incrível.
— Estou feliz. Eu queria mostrar-lhe algo especial.
Mudando os olhos para baixo, Ruhn lembrou o gosto e a sensação
do beijo do macho—e oh, como ele queria que eles estivessem no horário
humano. Teria sido maravilhoso achar isso no fim do dia em vez do início
da noite, os dois se espalhando juntos na elegante cobertura de Saxton,
entrelaçando-se, pernas sobre pernas, braços sobre braços, em uma cama,
com nada além de horas de prazer à frente.

266
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Havia muito a explorar.


Tantas coisas que ele queria provar e tocar.
— Se você continuar me olhando desse jeito, —gemeu Saxton, — eu
vou perder meu emprego por não aparecer.
— Eu sinto muito. —Ele não estava. — Eu vou parar. —Ele não o
fez.
Estava frio e o vento estava soprando, mas poderia ter sido uma noite
de agosto por tudo o que ele estava com pressa para chegar ao abrigo no
caminhão. Ele poderia ter ficado exatamente onde eles estavam para
sempre, suspenso entre uma boa refeição e o adeus que teria que vir por
causa das responsabilidades de Saxton.
— Posso visitá-lo no final da noite? —Ruhn perguntou.
— Se você passar o dia comigo, sim. —O sorriso de Saxton foi lento
e cheio de promessas. — Eu vou precisar de mais de uma hora e meia
antes da luz feia do amanhecer.
— Isso é ...
Mais tarde, ele se perguntaria exatamente o que foi que quebrou o
momento e aproximou sua cabeça, mas ele ficaria eternamente grato por
qualquer instinto que tivesse suas costas—porque eles não estavam mais
sozinhos.
Duas figuras estavam nas sombras a cerca de quinze metros de
distância, ficando fora da vista atrás da varanda de uma loja.
Ele sabia quem eles eram sem confirmação de seus aromas.
— Entre no caminhão, —ele ordenou a Saxton.
— O que?
Ruhn agarrou o braço do macho com firmeza e começou a marchar
para a cabine. — O caminhão. Entre lá e tranque as portas.
— Ruhn, por que você está ...

267
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Os homens que estavam nesse pequeno escritório se aproximaram,


silenciando aquela linha de interrogatório. E uma triangulação rápida
para a porta do lado do passageiro do caminhão tornou Ruhn nervoso.
Tudo dependia da rapidez com que esses seres humanos se moviam.
— Deixe-me chamar os Irmãos, —disse Saxton enquanto colocava a
mão dentro do casaco, claramente indo para o telefone.
Mantendo sua voz baixa e seus olhos na aproximação, Ruhn
balançou a cabeça. — Eu tenho isso.
— Eles podem estar armados. Eles provavelmente estão. Deixe-me
...
— É por isso que estou aqui. Entre no veículo.
Ele destrancou as coisas remotamente e depois pulou para frente,
abriu a porta e apertou as chaves na palma de Saxton. — Trancar-se. Se
as coisas correrem mal, vá embora.
— Eu nunca te deixarei.
Com um empurrão brusco, Ruhn levantou o outro homem para cima
e para o ar, e então fechou a porta e olhou para o advogado.
As travas se escutaram se fechando.
Ruhn caminhou e ficou de pé na parte de trás do caminhão. Os
humanos não estavam com pressa na abordagem, mas isso não
significava nada. A agressão era a melhor jogada como um segundo
cartão, e talvez eles soubessem disso ...
Como se fosse certo, os dois homens correram para o ataque. Um
tinha uma faca. O outro estava com as mãos vazias—se houvesse armas,
estavam no coldre, provavelmente porque, embora fosse tarde, ainda
havia seres humanos em pequenos edifícios de apartamentos ou sobre
seus negócios, como os proprietários do restaurante.
Colocando-se em sua posição de luta, Ruhn voltou a sua vida
anterior entre um batimento cardíaco e o seguinte, seu cérebro mudando

268
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

para uma engrenagem diferente que estava enferrujada apenas em uma


fração de segundo. Então, tudo, para melhor ou pior, voltou para ele.
E ele começou a lutar.

Vinte e Quatro

— Uma cadeira de rodas. Você quer que eu vá pelo corredor ... em uma
cadeira de rodas.
Enquanto Novo olhava por um buraco na parte de trás da cabeça do
seu cirurgião, o Dr. Manello parecia ignorante que seu crânio tinha um
vazamento e ela era a única responsável por seu cérebro escorrendo por
todo o lugar. Na verdade, o homem parecia indiferente e totalmente
despreocupado com seus ‘Olhos de Laser de Dominação Total’.
O que era pra caralho frustrante. Especialmente quando foi agravada
pelo fato de que ela ainda estava relegada a cama de hospital. Ainda em
uma bata com flores sobre ele. Ainda ligado às coisas que emitiam um
sinal sonoro.
— Venha. —Ele deu um tapinha no banco da cadeira. — Você não
quer chegar atrasada para a grande reunião.
— Estou perfeitamente bem caminhando sozinha, muito obrigado.
Eu não sou um aleijado maldito.

269
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Okay, isso conta como uma micro-agressão. Ou alguma coisa.


Ou, como, desrespeitoso para os deficientes físicos.
— O que você é, a polícia de pensamento, também?
— Não-negociável. —Seu sorriso era tão encantador como uma
infecção no dedo do pé. — Então, vamos fazer isso.
— Eu não estou sentando nessa coisa. —Ela cruzou os braços—pelo
menos até que sua linha IV estivesse esticada e ela teve que baixá-los
novamente. — E quando posso me livrar desta bolsa.
— Estou tão aliviado.
— Desculpe-me?
— Quanto mais maus são meus pacientes, mais eles melhoram. ——
Ele deu um soco como Rocky. Woo-hoo!
— Eu vou te bater com minha bolsa.
— Eu não sabia que as fêmeas como você tivessem bolsas. Eu pensei
que você espancava sua merda como um menino.
Novo explodiu rindo e apontou um dedo para ele. — Isso não é
engraçado.
— Então, por que você ...
— Tudo bem, traga essa coisa, mas eu estou dirigindo.
— Oh, claro, Danica . Aaaaaabsolutamente.
O fato de ela grunhir quando ela se sentou e balançou as pernas dele
provavelmente provou seu ponto, mas ele teve o bom senso de não
levantar isso.
A cadeira de rodas não estava a mais de três metros do colchão—e
foi um choque achar que, mesmo dentro da curta distância, ela estava

piloto americano competindo na Série Copa NASCAR.

270
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

pronta para tirar uma carga no momento em que ela se virou e posicionou
o traseiro sobre o assento.
Ela pensou em Peyton.
Seu sangue era o único responsável pela recuperação que ela tinha
tido. Depois das duas vezes que ela havia se alimentado dele, ela tomou
grandes saltos em seu progresso para frente. Sem ele? Ela duvidava que
ela estivesse firme, e ainda assim ela estava frustrada.
— Vamos prepará-la aqui. —O Dr. Manello transferiu o saco IV para
um suporte na parte de trás da cadeira. — Ok, acerte.
Ele pulou em frente e segurou a porta aberta. Levou um minuto para
conseguir um jeito da coisa andasse. Suas mãos estavam desleixadas e
seus braços eram fracos. Mas então ela estava rolando.
— Se você me cumprimentar, eu vou ...
O Dr. Manello chamou a atenção, todo Benny Hill com a palma
da mão.
— Realmente? —Ela começou a rir novamente e teve que segurar sob
sua caixa torácica. — Ow.
— Vamos lá, garota durona, —disse ele. — Deixe-me ajudá-la.
Antes que ela pudesse dizer a ele para se foder, ele assumiu o controle
da cadeira, e foi um pouco difícil argumentar que ela não precisava da
ajuda enquanto respirava pelos dentes.
O que parecia piorar. Até o ponto em que ela teve que falar.
— Estou tendo um ataque cardíaco? —Perguntou enquanto
massageava debaixo do braço esquerdo. — EU …

Alfred Hawthorn Hill, mais conhecido como Benny Hill, foi um prolífico cómico, ator e cantor britânico nascido
na Inglaterra. Tornou-se muito conhecido através do seu programa de televisão, The Benny Hill Show

271
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O pânico a fez sentir como se estivesse sufocando, e o bom doutor


estava certo sobre ela, puxando um estetoscópio para fora de seu casaco
branco e colocando-o no peito dela. Ele ouviu as coisas por um momento.
Ele pediu que ela se inclinasse para a frente. Ouvindo um pouco mais da
parte de trás.
Então ele desconectou a coisa de seus ouvidos e se afastou,
observando-a. — Eu acho que você está bem, —disse ele. — O coração é
regular como um metrônomo . Sua cor é excelente. Seus olhos estão bem.
— Eu sinto que não posso ...
Uma súbita explosão abafada a fez franzir a testa. — Eles estão no
ginásio? —Perguntou ela.
— Sim.
— Por que não estamos em uma sala de aula? —Normalmente, se
houvesse uma reunião, eram apenas os seis estagiários, e um ou dois
Irmãos, no máximo. — Quero dizer, nós não precisamos de todo esse
espaço.
— Você já teve ataques de pânico?
— Não, nunca, —ela mentiu.
— Okay. Bem, você pode ter alguns pontos de ansiedade nos
próximos dias. Não é incomum. Você passou por muita coisa—e não
seria incomum que você estivesse nervosa como o inferno.
— Isso é um termo médico especializado?
— Esta noite é, sim. —Ele se agachou na sua frente e ficou sério. —
O complicado é reconhecer que a falta de ar é mais provável a ansiedade,
e não seu coração explodindo no peito, okay? Se você pode acreditar

O metrônomo é um aparelho que através de pulsos de duração regular, indica um andamento musical. Ele pode ser
utilizado para fins de estudo ou interpretação musical.

272
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

nisso, você vai fazer melhor. Você esta quase que completamente
saudável. Eu prometo a você ou nós não estaríamos aqui nesta sala.
— Certo. OK.
— Você conseguiu isso.
— Normalmente não sou tão ... estranha.
— Quando foi a última vez que você foi esfaqueada no coração?
Ela fez um gesto com a mão. — Seja como for, cara. Quero dizer, foi
pelo menos uma semana. Talvez duas. Acho que estou fora de prática.
— Essa é minha garota. —Ele colocou uma mão em seu ombro e
apertou. — Vamos fazer isso. E eu vou ficar bem perto de você.
— Eu pensei que você disse que eu estou clinicamente saudável?
O Dr. Manello começou a empurrá-la pelo corredor de concreto
novamente. — Cinto e suspensórios , minha amiga. Cinto e suspensórios.
Eles saíram a um ritmo que era lento e constante, e com eles rolando
através da sala de musculação, ela se perguntou se iria treinar novamente.
Quanto mais perto eles chegaram do ginásio, mais altas as vozes se
tornaram e ela pegou sua longa trança, segurando-a no centro do peito
como se oferecesse algum tipo de proteção—embora ela não soubesse
contra o que.
Um dos conjuntos de portas abriu antes que eles estivessem no
alcance, e quando Vishous saiu, ela se perguntou se eles tinham sido
percebidos pelo Irmão.
Esse olhar de diamante se estreitava sobre ela, as tatuagens em seu
templo distorcendo-se. — Como você está?
— Pronta para lutar.

Frase que é usado para implicar que nenhum risco será levado.

273
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Isso é certo. —Ele ofereceu os nódulos para ser batido. — Me dê


um pouco.
Algo sobre bater seu punho contra ele deu-lhe alguma força
adicional, e porcaria sagrada, descobriu que ela precisava disso. Quando
o Dr. Manello a empurrou para o ginásio, ficou atônita com o número de
pessoas que haviam se alinhado nas arquibancadas. Era toda a Irmandade
da Adaga Negra, todos os lutadores e seus colegas formandos.
Todo mundo ficou em silêncio.
Pelo menos até que começaram a bater palmas. Aqueles que estavam
sentados levantaram-se, e as pessoas assobiaram e aplaudiram também—
ao ponto em que ela estava tentada a verificar e ver se alguém, alguém
que era importante ou que realmente havia feito algo significativo, estava
atrás dela.
— Oh, Deus, por favor, pare, —ela murmurou no barulho.
O que ela deveria fazer? Puxar uma rainha Elizabeth e fazer um
ondear de mão de luva branca?
Um por um, os Irmãos e os lutadores chegaram a ela, todos de Rhage
a Butch a Tohrment, John Matthew a Blay e Qhuinn, dando-lhe o ombro
ou um aperto de mão—ou no caso de Zsadist, oferecendo um breve
aceno. O que realmente a salvou foi que não havia nenhuma compaixão
ou simpatia. Não ... era como se estivessem recebendo ela em um clube
que eles próprios faziam parte por algum tempo.
Era um clube de sobreviventes.
Claro, pensou enquanto começava a relaxar. Os Irmãos foram todos
gravemente feridos no campo em um ponto ou outro em suas longas
carreiras, provavelmente, várias vezes.
Ela tinha cortado os dentes a esse respeito.
Phury foi o último Irmão a chegar a ela, e a sua coxa quase não
perceptível graças à sua fantástica prótese na perna.

274
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não deixe entrar em sua cabeça, —ele disse enquanto se abaixava.


— Seu corpo vai se curar mais rapidamente do que sua mente. Seu
trabalho é colocar isso em uma perspectiva que permite que você continue
sendo eficaz lá fora. A perda de confiança é pior do que entrar no campo
desarmado. Fale com Mary se precisar de ajuda, okay?
Seus olhos amarelos eram quentes e gentis, sua cabeça de cabelo
multicolor lembrando-a de uma juba de leão.
E quando ele foi embora, ela quase o chamou de volta para que ele
pudesse dizer isso a ela novamente.
Mas ela lembraria.
Ela precisava, pensou enquanto colocava a mão no esterno e
esfregou. Não fazia sentido se matar ... só porque ela conseguiu viver.
Os formandos vieram depois, Axe deu-lhe um grande choque de
cinco que era mais como uma metade para talvez um baixo quatro e
quarto. E então Boone a abraçou e Craeg e Paradise estavam oferecendo
palavras de encorajamento.
Peyton foi o único que não fez uma abordagem. Ele permaneceu nas
arquibancadas, algumas filas do fundo, vestindo um pijama e os sapatos
de smoking. Seu cabelo estava puxado para trás como se ele tivesse
passado as mãos por ele.
Ela ficou feliz por ele ter ficado onde estava. A última coisa que
queria era que algum dos reunidos soubesse que eles haviam passado o
dia inteiro juntos. Isso não aconteceria novamente, por um lado. E
mesmo que isso acontecesse—e certamente não iria—esse era o seu
negócio e de ninguém mais.

cinco significa o high-five, uma forma de se cumprimentar


com as mãos, ou bater com os nódulos (colidir com o punho)

275
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele nem estava olhando para ela, com os olhos fixos no banco de
madeira em frente a ele ... como se a Guerra e a Paz estivessem inscritas lá
e ele estava lendo palavra por palavra.
Ela não tinha idéia de quando ele tinha deixado o quarto dela.
Embora ela tivesse acordado e tentou alcança-lo—e disse a si mesma que
estava aliviada quando descobriu que ele não estava lá.
Me fale sobre sua familia. Como são eles? O que eles fizeram para magoar
você?
Alguém estava conversando com todo o grupo agora, mas Novo não
podia seguir a voz ou as palavras. Ela odiava que ela estivesse contente
que seu cirurgião estava perto dela, o equivalente a uma manta de
conforto que tinha um diploma de medicina e mãos mágicas com um
bisturi.
Seus olhos queriam se concentrar em Peyton—por razões que ela
sabia que eram uma má idéia para ceder. Ela precisava não olhar para ele
por estabilidade, segurança, força. Oskar ensinou-lhe todas as razões
pelas quais essa não era uma boa idéia.
Na verdade, o maior problema que Peyton representou não era
sexual, mas algo muito mais perigoso para seu bem-estar.
Se ele entrar em seu coração? Ele iria fazer mais mal do que aquele
lesser com a adaga tinha, com certeza.

Novo não queria que ele fosse até ela. Não. De jeito nenhum.
Quando Peyton ficou nas arquibancadas e tentou se sentir
confortável com outro homem empurrando-a naquela cadeira de rodas—
mesmo que esse cara tivesse, bem, tudo bem, ele tinha sido o único que

276
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

reconstruiu seu coração—seu único consolo era que a distância era o que
ela precisava.
Ele nunca conheceu alguém mais determinado a estar sozinha.
Onde ela morava? Ela estava segura lá durante o dia?
Essas coisas interessavam-lhe muito mais do que o que os Irmãos
estavam falando, mas quando pensou no que Mary lhe havia dito, ele se
forçou a sintonizar.
— ... é necessário mais treinamento, —afirmou o Irmão Phury, —
apenas para tornar mais claro quais são os procedimentos e princípios
operacionais corretos. Então, depois de conversarmos sobre isso—ele
indicou seus colegas Irmãos—decidimos recorrer a mais treinamento na
sala de aula e levá-los ao campo em pares, em vez de fazê-lo em um grupo
completo. Este novo paradigma funcionará por algum tempo. Ficamos
tão impressionados com o desenvolvimento de suas habilidades que nos
apressamos. Estamos todos aprendendo aqui, e vamos avaliar e re-avaliar
constantemente como as coisas estão funcionando—mas, queremos que
você saiba que estamos totalmente comprometidos com este programa—
e com todos e cada um de vocês, estagiários.
Com isso, o Irmão olhou diretamente para Peyton.
— Alguma pergunta?
Paradise levantou a mão. — Como será o cronograma? Para os
tempos que estaremos no campo. Quero dizer, com que frequência
seremos capazes de ir?
Quando essa pergunta foi respondida, Peyton pensou em sua
conversa com Mary ... e então ele olhou para Novo.
O programa de treinamento não era a única coisa que ele não queria
desistir. Era um bom palpite que Novo tentasse se afastar dele. Ele a viu
em seu estado de cura e ela iria querer se separar disso, mantendo-se longe
dele. Mas ele queria estar com ela novamente—se deitar com ela em

277
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

alguma cama, em algum lugar, com a cabeça em seu peito, e o braço ao


redor dela enquanto ela dormia.
— Ok, então vamos deixá-lo por esta noite, —anunciou Phury. —
Esta classe vem trabalhado diretamente desde que começou e agora é uma
boa oportunidade para todos reagrupar suas cabeças e começar no
sábado.
Foi só depois que as pessoas começaram a dispersar que Peyton
percebeu que ele estava em um espaço fechado com Paradise e não lhe
tinha dado qualquer pensamento em tudo.
Na parte de trás da cabeça, as noções de se orgulhar de si mesmo
guerreavam com a idéia de que talvez ele tivesse apenas trocado um vício
em uma forma feminina para outra. Agora ele era tudo sobre Novo.
E, no entanto, a merda com ela sentiu muito, muito diferente.
Quando ele desceu os amplos degraus para o chão, ele não ficou
surpreso ao descobrir que a cabeça dele estava latejando, e ele
perambulou pelo canto quando os Irmãos saíram e os estagiários foram
com eles—com Novo naquela cadeira no meio de todos eles. Como se ela
estivesse usando os outros como um escudo.
— O ônibus está saindo em dez minutos, —gritou Rhage. — Nós
vamos bater a merda fora de vocês a meia-noite de sábado, então durmam
bem, crianças!
No corredor, Peyton olhou para o escritório e se perguntou se ele
poderia encontrar seu endereço em um arquivo ou algo assim—mas isso
era um não-vá. Por um lado, foi a demissão automática sob todo o acordo
de privacidade. Por outro lado, colocou-o diretamente no território de
perseguidor.
O que ele não era.
Enquanto ele seguia atrás dela.
Perguntando sobre como tê-la sozinha.

278
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Sim, ele estava tão longe do território da ordem de proteção de


emergência .
Além disso, ela não estava tendo alta hoje à noite. De jeito nenhum.
No final, ele a deixou em paz, enquanto o cirurgião a levava de volta
ao quarto. E Deus, quando aquela porta se fechou atrás dela, parecia
impossível que passassem horas juntas, ele nu, ela tão suave quanto ele a
tinha visto.
Peyton estava no final do corredor, prestes a atravessar a porta de
aço para o ônibus, quando percebeu que ele deixara seu smoking enfiado
em um dos armários. Tanto faz. Ele tinha mais dois em casa.
Quando ele abriu caminho para a garagem, ele decidiu ...
Craeg estava de pé junto ao ônibus. Como se ele estivesse
esperando.
Na abordagem, Peyton fez uma rápida revisão da postura do
macho. O peso estava em suas pernas. As mãos estavam fechadas em
punhos ao seu lado. O maxilar apertado e preparado.
Merda. Mesmo? Eles deveriam realmente fazer isso?
Em pé ao lado de seu macho, Paradise estava nervosa. — Craeg.
Vamos. Suba no ônibus. —E então ela se colocou na frente do cara. —
Craeg. Não seja estúpido.
Peyton foi quem se dirigiu a ela. — Dê-nos um minuto, Paradise.
— Não lhe diga o que fazer, porra. —Os peitorais de Craeg
incharam quando ele tomou em uma inspiração profunda. — Ela não é a
porra do seu negócio.
A fêmea estendeu a mão e tocou no ombro de seu macho. —
Vamos. Vamos entrar no ônibus.

Programa do departamento de justiça que ordena que uma pessoa pare de machucar ou ameaçar alguém ou seus familiares.

279
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não, Craeg disse sem olhar para ela. — Me dê um minuto.


Paradise olhou de um para o outro, como se esperasse que um deles
recuperasse a consciência. Mas não.
— Tudo bem, consigam que vocês sejam expulsos, —disse ela. —
Vocês são um par de animais irritados.
Depois que ela desapareceu no transporte, Peyton fechou a
distância e disse em voz baixa: — Faça isso.
— Faça o quê, —grunhiu Craeg.
Peyton mostrou suas mãos ... então deliberadamente colocou-as
atrás das suas costas e falou na Antiga Língua. — Para isso eu lhe oferecço
um rythe. Eu faço isso em reconhecimento do meu desrespeito e desconsideração de
seu status como um macho vinculado com Paradise sua fêmea, com quem você se
acasalou. Não é minha intenção justificar esse comportamento de forma alguma e
quero compensar meu lapso de julgamento de acordo com as Antigas Maneiras.
O rosto de Craeg se tornou remoto, sua raiva plana.
Voltando ao português, Peyton disse: — Faça o golpe e vamos
colocar isso atrás de nós. Não estou atacando sua mulher. Eu reconheço
que ela é sua e você é dela. Eu tive uma reação instintiva que veio de uma
situação de amizade, não romântica, e estou disposto a jurar sobre essa
merda. Mas, enquanto isso, vamos lá cara, apenas faça.
Houve um período de silêncio, apenas o zumbido do motor diesel
do ônibus preenchia o silêncio. Vagamente, Peyton estava ciente de que
Axe e Boone se amontoado na porta aberta do ônibus, os dois recrutas
olhando para lá.
Boone parecia preocupado. Axe estava sorrindo como se estivesse
filmando isso para a conta no Insta do Barstool Sports .
— Então, assim seja, —disse Craeg.

Barstool Sports é um satirical - blog de esportes e estilo de vida masculino criado por Dave Portnoy em Milton, Massachusetts. O
site está sediada em NoMad, Nova York.

280
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Peyton não se incomodou em se preparar. Ele ficou parado e deixou


que o enorme punho chegasse ao seu rosto.
O impacto foi como a explosão de uma bomba em sua bochecha, e
ele girou como um pião, fazendo um Three Stooges fazendo uma volta
de trezentos e sessenta graus em um pé, enquanto o crack ecoava em torno
de todas as camadas dos pisos de concreto da área de estacionamento.
Saco. De. Areia.
Ele desceu—ou talvez o chão se aproximasse dele—como um peso
morto, seus ossos saltando fora de sua carne, como um jogo de
Tiddlywinks . Demorou um minuto ou mais antes de sua respiração
voltar para ele, e mesmo depois disso, ele ficou deitado lá, porque o frio
passou a ser bem debaixo exatamente onde ele tinha sido atingido.
Um par de botas de combate entrou em sua linha de visão, e ele teve
o pensamento aleatório de que eles pareciam muito estáveis, o tipo de
coisa que construiu uma base sólida sobre a qual suportar. E chutar os
destros e idiotas.
— Você precisa de um médico? —Craeg perguntou.
— KBgfaod jkfdoo lkd.
— Que?
Peyton tentou engolir e, ao fazê-lo, provou o cobre batido de seu
sangue. Mas nenhum de seus dentes parecia solto.
#bônus
— Imparcial.

Tiddlywinks ou A pulga ou pulga de pulga (em espanhol) é um jogo infantil que consiste em introduzir algumas
fichas em um copo, fazendo-as saltar sob a pressão de outra carta maior..

281
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Mais uma vez?


— OK. Eu estou bem. Me ajude.
— Isso é melhor. —Uma enorme palma veio de cima como se o
próprio Criador foi ressuscita-lo. — Te tenho.
Peyton agarrou o que foi oferecido e encontrou-se içado para cima
do asfalto como se fosse um navio afundado sendo trazido de volta para
a superfície do oceano. E você quer falar sobre ondas? Sua cabeça foi em
um balanço que se traduziu todo o caminho através dele até os tornozelos.
O aperto constante de Craeg em seu bíceps era a única coisa que o
mantinha em pé.
— Isso fez você se sentir bem? —Peyton murmurou. Então ele
apontou para seu próprio peito. — Sem odeio. Eu juro.
— Sim, na verdade, ele fez. —Craeg colocou o braço em volta dos
ombros de Peyton. — Eu me sinto muito bem.
— Bom.
Eles subiram os degraus rasos que os levaram para cima do ônibus,
e oh, homem, Paradise estava chateada—e claramente não estava
preparada para ficar quieta sobre isso.
— Vocês dois são bons amigos malditos agora, —ela disse enquanto
ela cruzou os braços sobre o peito, — vocês podem se sentar juntos então.
—Ela levantou a palma da mão para Craeg. — Nem sequer fale comigo.
— Se você precisar de algum lugar para ficar, —Peyton disse com
seu novo ceceio , — eu tenho muito espaço.
— Possivelmente eu aceite, —murmurou Craeg enquanto
deslizavam para um assento lado a lado, como duas crianças de doze anos
que estavam com problemas na escola.

O ceceio (em espanhol: ceceo) é um fenómeno linguístico da língua espanhola pelo qual os fonemas representados pelas grafias
"c", "z" e "s" tornam-se equivalentes, assimilando-se à consoante fricativa dental surda [θ]. Este fenómeno está presente em algumas
regiões da Andaluzia.

282
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Peyton caiu e começou a deslizar para o corredor, Craeg


apoiou-o.
— Você sabe, —o cara comentou: — Eu meio que sinto que sou seu
assento de segurança de carro, amigo.
— Se esta coisa de soldado não funcionar? Eu acho que você faria
um excelente boxeador. Sério.
— Obrigado, cara. Isso significa muito. Você ainda está disposto a
ajudar com o aniversário de Paradise? E com isso quero dizer fazer tudo
o que é suposto ser elegante?
— Inferno, sim.
— Bom.
Rapaz, quem pensou que o Rythe seria a coisa certa. Com um duro
golpe, o ar foi limpo e tudo estava acabado.
Bem, exceto para Paradise.
Craeg estaria dormindo no sofá por muitos dias, isso era certo.
Com uma aceleração suave e sutil, eles partiram para o mundo
exterior. E Peyton não estava ansioso para o que estava cozinhando na
casa de seu pai. Dada a forma como ele havia deixado a Primeira
Refeição com Romina e seus pais, ele teria problemas com seu pai.
No entanto, qual era o ditado?
A mesma merda. Dia diferente.
Tanto faz.

283
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Vinte e Cinco

Saxton virou para que ele pudesse ver a parte de trás da cabine do
caminhão. Enquanto os dois homens humanos se aproximando de Ruhn,
eles estavam caminhando—até que de repente eles não estavam, seus
corpos correndo para frente em um ataque coordenado.
— O inferno que eu não estou chamando, —Saxton murmurou
enquanto ele procurava seu telefone.
Assim que ele enviou o texto, ele virou os olhos para cima só para ter
certeza que Ruhn ainda estava vivo—e pegou a visão bastante alarmante
de um dos homens voando pelo ar, a bunda empinada pra cima como
uma chaleira. O cara caiu em uma pilha de cabeça, pesadamente como
um saco de batatas solta.
Ruhn agarrou o outro e bateu no rosto dele—primeiro ao lado do
caminhão. Depois vieram as sucessões: no intestino, na mandíbula em um
uppercut , e na virilha. Os punhos de Ruhn foram controlados, armas
cruéis e ele os usavam como se ele tivesse um repertório de movimentos
ofensivos e defensivos tão vastos, que isso era apenas um jogo de criança.
O saco de batatas se recuperou e levantou-se com as pernas bambas,
como se fosse um bêbado—ziguezagueando caminhou de volta para à

Uppercut é um soco utilizado em várias artes marciais como no boxe, kickboxing e muay thai. Este golpe é
lançado para cima, com qualquer uma das mãos (apesar de ser mais frequentemente empregue um uppercut da mão de trás)

284
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

briga, sugerindo que ele poderia seguir em frente na direção oposta. O que
não era uma piada? E uma faca na mão.
Saxton bateu na janela traseira e, em seguida, foi para a porta do
motorista, abrindo-a e saltando para fora.
Ruhn já estava nisso. Ele olhou para trás dele para o humano e depois
voltou a se concentrar no que ele estava trabalhando, dobrando o braço
do homem com um ângulo estranho— e empurrando o fundo para a
extremidade alta e dura da traseira do caminhão. Os ossos quebraram
instantaneamente e Ruhn foi inteligente o suficiente para colocar uma
mão na boca que se abriu, para abafar o grito.
Jogando o homem de lado como lixo, Ruhn virou-se. Ele nem estava
respirando com dificuldade.
E ele não era o homem com quem Saxton acabava de jantar, com
certeza. Seus olhos estavam frios e curiosamente planos, como se sua
gentileza calorosa e tímida tivesse dado seu leme a um serial killer. De
fato, seu rosto não mostrava nenhuma expressão. Era uma máscara
congelada das características que Saxton adorou contemplar no
restaurante francês e a luz das velas.
O humano com a faca cambaleou, uma trilha de sangue vermelho
brilhante caiu atrás dele na neve. Claramente mais agressivo e irritado do
que seu companheiro, tinha a sensação de que isso não iria acabar bem
para ele.
E isso não aconteceu.
Ruhn o dominou instantaneamente, agarrando o pulso que
controlava a faca, e girando o humano ao redor, de modo que ele também
bateu de cabeça no lado do caminhão e instantaneamente, a faca caiu na
neve.
O humano não estava muito atrás. Ruhn forçou o homem ao chão,
montou as costas e agarrou os lados da cabeça do homem.
Ele ia torcer até o pescoço quebrar. Saxton viu isso claro como o dia.

285
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não! —Ele saltou para frente. — Ruhn, pare!


Ao som da voz de Saxton, Ruhn ficou como estátua, nada sobre ele
se movendo, mesmo quando ele estava preparado para torcer aquele
crânio.
— Deixe ele ir. Não precisamos da polícia envolvida—e poderia
haver um monte de olhos sobre este assunto. —Saxton olhou para o
apartamento em cima do restaurante. — Vamos, precisamos ir.
Todas as janelas no segundo andar ainda tinham sombras e os pisos
superiores de cada lado do Premier estavam escuros. Mas tudo o que seria
necessário era um único par de olhos curiosos, atraídos por um som
incomum, e haveria complicações em todos os lugares.
Saxton ergueu a mão e tocou o ombro de Ruhn. — Venha comigo.
Deus, o macho nem sequer respirou com dificuldade. Mesmo
quando aqueles humanos estavam ofegantes do esforço e dor, grandes
golfadas saindo da boca como vapor de trens antigos, Ruhn era um robô,
algo mecânico que não precisava se preocupar com o oxigênio.
— Ruhn, olhe para mim.
Debaixo do macho, o humano estava se esforçando, grunhindo,
suplicando, seu rosto vermelho áspero como um sinal de néon.
— Ruhn.
A cabeça de Ruhn virou e aqueles olhos sombrios se concentraram
por um momento—e esfriaram Saxton até os ossos. Quem poderia ter
adivinhado que havia um demônio por trás desse exterior calmo e tímido?
Esta era completamente outra personalidade.
A partir do ar, Rhage e V chegaram à cena, os Irmãos vestiram-se
para lutar em couro preto e casacos pretos que possuíam arsenais de
armas. A surpresa em seus rostos? Ele entendeu totalmente.
Rhage deu um passo à frente e dirigiu-se a Ruhn. — Ei, filho, o que
estamos fazendo aqui?

286
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O ser humano embaixo dele estava lutando para respirar, cuspindo e


o sangue escorrendo entre seus dentes torcidos, mas não era como se
Ruhn parecesse notar ou se importar.
Rhage ficou de cócoras e começou a falar em voz baixa com o
macho. Enquanto isso, V se aproximou por trás.
— Você precisa sair, Hollywood, —disse o Irmão. — Nós
terminamos com o bate-papo.
Depois de um momento, Rhage assentiu, e V entrou em ação, indo
atrás de Ruhn, agarrando-o sob cada um dos braços e o puxando para
cima para que o aperto quebrasse. À medida que o rosto do homem
pousou na neve com um salto que lembrou a Saxton de um prato no chão
da cozinha, Ruhn foi arrastado pela sua bunda.
Agora, eu estou respirando.
Como se um feitiço que tinha sido quebrado, Ruhn começou a inalar
e exalar em grandes quantidades, as mãos levantadas para segurar a
cabeça, um som estrangulado como um gemido deixando sua boca.
Saxton deu um passo atrás quando os Irmãos içaram os humanos, os
dois homens lutando pelo caminhão que eles tinham estacionado ao virar
da esquina. Havia uma boa chance de que as memórias de curto prazo
estivessem sendo apagadas, e Saxton não queria isso. Ele queria que eles
tivessem medo se eles não deixassem a Minnie sozinha.
Mas ele tinha outras coisas para se preocupar.
Com os olhos que agora estavam atordoados, Ruhn olhou para ele.
— Eu não queria que você visse essa parte de mim, —ele sussurrou.
Olhando para o macho ... Saxton não tinha idéia do que dizer.

287
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton deixou a cena cerca de vinte minutos depois,

desmaterializando para ... espere, para onde ele estava indo?


Quando ele se reformou em um suporte de pinheiros, ele olhou em
volta e ficou impressionado com o fato de que ele conseguiu retirar o
truque do desaparecendo. Ah sim. Fazenda de Minnie. Isso estava certo.
Atravessando a neve para a porta da frente, ele reconheceu que ele
estava arruinando seus mocassins, mas ele não se importava. E foi um
alívio que as coisas foram abertas para ele antes mesmo que subisse os
degraus.
A fêmea que estava na porta era a do retrato na sala de estar, a versão
mais nova de Minnie, apenas mais alta e sem linhas de expressão. Com
cabelos escuros que eram longos e retos, e um corpo magro em jeans e
um moleton da Siracusa , ela era casual—até encontrar seus olhos pálidos.
Esta era uma mulher muito forte e muito protetora. E ele gostou dela
instantaneamente.
— Oi, —disse ela. — Bem-vindo. Sou a neta de Minnie, também me
chamo Miniahna, mas, eu vou por Ahna.
Quando ele se aproximou dela, ele tentou se reconectar com seu
propósito aqui, seu trabalho, sua realidade. Era tão difícil. Ele ainda
continuou vendo o rosto de Ruhn como uma máscara, com essa imagem
em sua mente, era difícil se concentrar em qualquer outra coisa—
impossível de não tentar obstinadamente conciliar a violência que ele
testemunhara em primeira mão com o resto do que ele sabia e gostava,
sobre o macho.

288
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu sou Saxton, —ele disse enquanto andava em direção à entrada


e fez uma profunda reverência. — É um prazer ser útil para você e sua
granhmen.
— Muito obrigado por toda a sua ajuda. —A fêmea baixou a voz. —
Este tem sido um pesadelo que você não pode acreditar.
— Nós vamos cuidar disso, —ele disse com o mesmo tom baixo. —
Ah, você está aí, Minnie.
Ele sorriu para a fêmea mais velha quando entrou na sala. — Como
você está?
— Estou bem, obrigado. —Minnie olhou para Ahna da sua poltrona.
— Mas eu não vejo porque eu tenho que sair. O que aconteceu? O que
mudou?
Saxton aproximou-se e sentou-se ao lado dela no sofá. — Como
discutimos, fui e falei com os humanos. Eu não quero alarmá-la, mas
houve, digamos, um pouco de uma briga.
Leia: Ruhn quase decapitou um deles. Com as mãos nuas.
— E à luz disso, sentimos que você deveria ficar com sua neta por
algumas noites.
— Não posso deixar a casa sem vigilância. —A fêmea sacudiu a
cabeça, com os olhos preocupados e tristes. — Isto é tudo o que tenho no
mundo. O que acontece se eles ...
— Eu poderia ficar aqui, —ele ofereceu. — Se você está preocupada
com a propriedade, seria um prazer ficar em um quarto de hóspedes, ou
até mesmo dormir aqui neste sofá, para que você tenha certeza de que
tudo está bem na sua ausência.
Minnie olhou para Ahna, e a neta já estava nisso. — Granhmen seja
sensata. Venha para o centro da cidade comigo. É uma oferta muito
generosa de Saxton. Mais que generosa.

289
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Miniahna voltou a se concentrar em Saxton. — Não posso pedir que


você faça isso.
— Senhora, você não faz. E se isso lhe dará tranquilidade, isso é todo
o reembolso que vou precisar.
Além disso, não era como se ele estivesse saindo de sua própria casa.
Mais como uma suite de hotel com uma elevação.
Ahna se aproximou e caiu de joelhos ao lado de sua granhmen. — Por
favor. Isso já foi muito longe. Estou tão cansada de perder o sono e com
tudo o que está acontecendo nas próximas semanas, por favor. Eu te
imploro.
Os ombros caídos de Minnie foram a resposta suficiente. — Tudo
bem. Se é preciso.
— Muito bem. —Saxton levantou-se. — Agora, talvez haja algumas
coisas que você gostaria de reunir? Se há muito a ser transportado, eu vou
chamar um carro.
Fritz poderia ter as mãos cheias de correr na vida da Irmandade, mas
não havia nada que o doggen gostasse melhor do que um problema a
resolver.
— Venha, Granhmen, vamos arrumar as coisas.
— Mas eu poderia voltar. Tomar banho e sair a cada noite e ...
— Granhmen.
Minnie levantou-se do sofá e olhou em volta. Com seus cabelos
brancos e outra versão do mesmo vestido solto que ela tinha na outra
noite, ela mostrava todos os anos, não só da idade, mas desgastada e
desanimada.
— Estou preocupada que, se eu sair ... nunca mais voltarei.
— Isso não é verdade, —disse Ahna. — Esta será sempre a sua casa.
— Você quer que eu vá morar com você.

290
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Claro que eu quero. Mas não vou fazer você sair daqui para
sempre. Isso é sobre segurança, não porque você é frágil e não pode viver
de forma independente. Você definitivamente voltará se for isso que você
quer.
Demorou um pouco mais de persuasão, mas, em seguida, as fêmeas
foram indo para o segundo andar. Na sua ausência, ele tirou seu telefone
para ligar para o mordomo para enviar um carro. E então ele amaldiçoou.
Ele tinha que trabalhar durante toda a noite, mas ele tinha prometido que
iria tomar conta da casa.
Como se fosse um sinal, o telefone tocou e ele atendeu sem verificar
para ver quem era. — Olá?
Houve uma pausa. E então Ruhn disse: — Eu sinto muito.
Saxton fechou os olhos. — Você está bem?
— Sim. Eu não estou ferido.
Você é quem eu pensei que fosse, Saxton falou em sua própria cabeça.
— Onde você está? —Ele perguntou.
— Estou no caminhão, voltando ao complexo da Irmandade.
— Desculpe-me por ter saído sem dizer nada, mas eu estava
preocupado com uma retaliação contra Minnie—eu estou em sua casa
agora. Ela vai embora com sua neta assim que ela tiver algumas coisas
reunidas.
— Boa. Isso é bom.
Houve uma pausa. E justamente enquanto Saxton estava tentando
re-formular a coisa de ... “você está bem”? Ruhn falou.
— Ouça ... quero explicar as coisas para você. Eu sei que você está
chocado, e eu só ... Eu não sou essa pessoa. Quero dizer, uma parte de mim é.
Mas ... —O macho respirou fundo. — Eu sou muito bom em algo que eu

291
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

odeio, e usei essa habilidade por vários anos para minha família. Esse não sou
eu mais, no entanto, e eu não quero que ele seja. Esse é o meu passado. Ele
permanece ... no passado.
Saxton pensou sobre o macho que se sentara em frente a ele naquela
mesinha. Aquele que tinha tido tanto cuidado quanto tinha comido coisas
que não conseguia pronunciar, mas tinha amado. Aquele que
tímidamente tentou pegar os escargots à la Bourguignonne e acabou
jogando-os no chão. Aquele que tomou um vinho branco e segurou seu
copo delicado como se tivesse medo de que ele quebrasse a taça.
Então ele pensou no amante que tinha o dobrado na cozinha.
Paixão. Mas não raiva.
Isso poderia ser uma linha fina para andar, no entanto.
No final, ele teve que seguir seu instinto. — Você poderia me fazer
um favor?
— Qualquer coisa.
— Você pode vir aqui na Minnie? Precisamos transportar suas
coisas para o centro da cidade. Ela e sua neta podem se desmaterializar
para o endereço, mas se você puder levar suas coisas para elas, isso
seria ótimo.
— Estou a caminho.
— Vejo você daqui a pouco.
— Obrigado. Sim.

Nem todas as espécies de caracóis são comestíveis. Mesmo entre as espécies comestíveis, o sabor da
carne varia de espécies para espécies. Na França, a espécie Helix pomatia, conhecida como escargot de Bourgogne (caracol de Borgonha),
é a que é mais frequentemente consumida e mais apreciada. Escargot (IPA: [ɛskaʁɡo]), é o francês para a palavra caracol. É também um
prato de caracóis de terra cozida, que geralmente são servidos como entrada na França e em restaurantes franceses.

292
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando a chamada terminou, Saxton tirou o telefone da orelha e


olhou para ele.
— Está tudo bem? —Ahna perguntou enquanto descia as escadas.
— Sim, na verdade. Essa é a única mala de viagem?
— Ela tem outra mala, artigos de higiene pessoal e algumas fotos do
meu avô que ela gostaria de levar.
— Perfeito.
Ele se levantou e caminhou ao redor da pequena sala, parando na
frente da lareira com seus azulejos azuis e brancos. Ao pensar no amor
que trouxe as peças de arte através de um oceano vasto e perigoso, ele
queria essa força de graça, calor e estabilidade em sua própria vida.
Mas foi difícil encontrar a coragem de abrir-se novamente. Havia
tanto risco envolvido, e embora a recompensa fosse ótima, as chances
eram escassas.
Engraçado ... que isso estava ocorrendo a ele enquanto ele
considerava Ruhn.
Limpando a garganta, ele disse: — Você pode me dizer como operar
o alarme de segurança? Eu trabalho as noites, mas se ele disparar, eu
posso estar aqui, com reforços, em um instante.
— Mas é claro. Há um bloco de notas aqui na cozinha.
Enquanto eles entraram, e ela escreveu vários códigos e números de
telefone celular e seu endereço, ele olhou em volta e percebeu que havia
uma luz nos acessórios embutidos no teto. E a torneira pingava em cima
da pia. Um assobio pela porta de trás sobre o que ele assumiu era um
alpendre sugeriu que algum tipo de vedação teria que ser substituído.
Passaram-se dois anos desde que o hellren de Minnie foi ao Fade, se
ele se lembrava corretamente.
Se ele fosse útil com essas coisas, ele a ajudaria.

293
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Deixe-me ir verificar se tudo está em ordem no andar de baixo nos


quartos de hóspedes. —Ahna dirigiu-se para o que tinha que ser a porta
do porão. — Ela vai precisar ter certeza de que tudo está em ordem, pois
quer que você se sinta como o convidado de honra que você é. Mas eu
não quero perder tempo ou voltar.
— Eu estarei bem.
— Eu volto já.
Depois de um minuto, Minnie veio virando a esquina, puxando um
casaco da cor do vinho de amoreira. Quando viu a porta do porão aberta,
ficou nervosa. — Oh, eu tenho que descer e ...
Ahna apareceu na cabeceira da escada. — Tudo está em ordem,
Granhmen. Venha agora, vamos, vamos.
Minnie olhou em volta como se estivesse dizendo um adeus que
rasgou seu coração. — Eu, ah ... —Ela olhou para Saxton. — Seu amigo
é mais do que bem-vindo para ficar aqui também.
Saxton cobriu sua própria estranheza enquanto se curvava. — Você
é muito amável.
Demorou mais dez minutos para tirar a mulher mais velha da casa,
mas então ela e sua neta deixaram suas coisas pela porta da frente e se
desmaterializaram da garagem fechada. Deixado sozinho, Saxton voltou
para a cozinha, tirou o casaco e ligou a máquina Mr. Coffee. Enquanto a
unidade erguia e sibilava, ele pegou uma caneca. Adicionou uma
segunda. E então se sentou na mesa circular na sala de estar.
Engraçado, como cada casa tinha seu próprio cheiro, seua próprioa
rangidos e gemidos, sua impressão singular. E, enquanto olhava ao redor,
viu as Forças Antigas preservadas ... e o antigo amor consagrado. Foi
uma triste observação de que o implacável progresso da vida tornou
evidente a deterioração e o envelhecimento, uma metade do casal feliz
tentando desesperadamente sustentar o que tinha sido uma bagagem para
os dois.

294
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele pensou em Blay e seu tempo com o macho.


E ele ainda estava trancado em suas memórias quando ouviu um
caminhão parar na frente da casa.
Ruhn, ele pensou, enquanto se levantava e se dirigia para a porta da
frente.
Ou talvez o corretor sombrio tivesse enviado reforços.
Seu coração batia igualmente descontrolado sobre qualquer um.

Vinte e Seis

Ruhn se aproximou da porta da frente da casa da fazenda e encontrou-


se alisando o casaco de lã. Havia sangue nele. Seus nódulos dos dedos
estavam feridos. E ele tinha sido atingido um par de vezes no rosto,
embora a dor tivesse sido silenciada por causa do frio.
Ele estava uma bagunça do caralho.
Depois que Saxton se desmaterializou para fora da cena por trás do
restaurante francês, Ruhn tinha falado com os Irmãos por um tempo. Eles
não pareciam particularmente incomodados por qualquer parte da
violência ou o fato de que ele quase matou o humano. Mas sua opinião
não era o que importava para ele.

295
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele bateu na porta e deu um passo para trás, batendo as botas em


preparação para entrar. E então as coisas foram abertas. Saxton estava do
outro lado, o casaco tinha sido removido, seu cabelo loiro caindo fora de
seu penteado como se ele tivesse arrastando as mãos inquietas através
dele.
Seu olhar fixo no olho esquerdo de Ruhn, aquele que tinha seu
próprio batimento cardiíaco devido ao inchaço.
Ruhn levantou a mão e cobriu tudo o que estava acontecendo lá em
cima. Mas isso era estúpido. — Posso entrar?
Saxton pareceu agitar-se. — Sim, por favor. Está frio. Eu estou
fazendo café!
Quando o macho indicou o caminho, Ruhn seguiu a direção e logo
ficou ali na pequena área de entrada na base da escada. Os olhos de
Saxton viajou ao redor, mas sempre voltavam para o rosto de Ruhn.
Talvez suas lesões tenham sido piores do que ele pensou? Ele não
sentia muito. Mas, com sua alta tolerância à dor, eles nunca tinham feito.
— Está tudo bem, —ele disse enquanto tocava seu rosto. — Seja lá o
que for.
Saxton limpou a garganta. — Sim. Claro. Ah, café?
Ruhn balançou a cabeça e prosseguiu seguindo o advogado na parte
de trás da casa. Com certeza, havia um par de canecas no balcão e o
cheiro da infusão fresca no ar.
— Você gosta de algo na sua? —Saxton foi para o pote e puxou-o
para fora de sua base. — Eu gosto apenas com um pouco de açúcar ...
— Eu fui recrutado em um ringue de luta. Por uma década.
Saxton virou-se lentamente com o café na mão. — Desculpe-me?
Ruhn andava ao redor e tentou não se perder em quanto odiava falar
sobre o passado. — Foi um ringue de luta contratado, executado na

296
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Carolina do Sul. Os humanos os fazem para cães e pássaros. Vampiros


fazem isso para nossa própria espécie. Passei dez anos entrando no ringue
com outros machos para que as pessoas pudessem apostar no resultado.
Eu era muito bom nisso e eu odiava. A cada segundo.
Quando Saxton não disse nada, ele parou e olhou através da cozinha
caseira para o outro macho. Tão surpreso. Esse choque atordoado.
Destino, ele queria vomitar.
— Desculpe, —ele falou. Mesmo que ele não estivesse seguro
exatamente pelo que pedia desculpas.
Não, espere, ele sabia. Era o fato de algo como isso ter sido falado a
um homem tão bom e justo—e também agora que ele falara sobre o
passado, Ruhn estava se afogando nele mais uma vez.
Lembrou-se do mau cheiro dos estábulos, onde os machos lutando
foram mantidos. A comida estragada. A realidade de matar ou ser morto
que tinha significava que ele tinha sido no ringue mesmo com aqueles
recém-saído de suas transições. Ele teve que lutar para vencer os outros
que estavam mais fracos do que ele e ser espancado por aqueles mais perto
de seu nível. E todo o tempo, os mestres do ringue de luta se beneficiaram
dos corpos mutilados, aleijados ... destruídos.
Os jovens eram os que mais o assombrava: todos aqueles olhos
suplicantes injetados com sangue e bocas suplicantes, e com o peito pesado
com dor e esforço. Ele havia chorado sempre no final. Quando o
momento inevitavelmente chegou, suas lágrimas escorriam pela sujeira,
suor e sangue pelo rosto.
Mas se ele não fizesse o trabalho, sua família pagaria o preço.
E então eu aprendi que, na verdade, você poderia morrer mesmo
enquanto vivia.
— Desculpe, —ele resmungou novamente.

297
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton piscou. E depois colocou o café na máquina sem derramar


nada. — Eu não sou ... ah, eu não acho que eu sabia sobre tal coisa no
Novo Mundo. Eu já ouvi histórias sobre o jogo, em homens no combate
no Velho País, no entanto. Como você ... se você não se importar que eu
vou perguntar, como você veio fazer parte da prática? 'Conscrita' significa
em servidão. Você estava ... como isso aconteceu?
Ruhn cruzou os braços sobre o peito e deixou cair a cabeça. — Eu
amava meu pai. Ele era um homem que forneceu uma vida boa para
minha mahmen e sua família. Nunca fomos ricos, mas nunca faltou nada.
—Imagens do macho cortando madeira, construindo coisas e reparando
carros, substituíram a feiúra do ringue de luta. — Ele tinha uma fraqueza,
no entanto. Todos nós temos, e aqueles de nós que pensam que eles não
têm, não estão sendo honestos. Ele teve um problema com jogo. Ele
apostou em lutas por algum tempo e, eventualmente, acumulou tantas
dívidas que não só ele perderia nossa casa—mas minha irmã e minha
mahmen ... bem, elas estavam em perigo. Elas seriam recrutadas para ...
atividades de outro tipo. Você entende o que estou dizendo? —Enquanto
Saxton empalideceu e assentiu, Ruhn continuou: — Eu tinha que fazer
algo para cobrir o que ele devia. Quero dizer, eu não iria ficar lá e deixar
as duas mulheres inocentes pagar ... Destino, ainda posso ouvir o som do
meu pai implorando ao chefe, chorando por mais algum tempo para
tentar pagar.
Quando sua voz quebrou, ele tossiu um pouco. — Você sabe, acho
que vou tomar um café, se você não se importar.
— Deixe-me pegar para você ...
Ruhn levantou a mão. — Não. Eu farei.
Ele precisava de algo para o ocupar por um momento. Caso
contrário, ele era responsável por quebrar. As lembranças eram muito
claras, como as lâmpadas queimavam por ele. Ele ainda podia lembrar
das batidas na porta quando o chefe apareceu e ameaçou levar sua irmã e
usá-la para resolver as dívidas.

298
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O homem havia dito que se sua mahmen viesse, também, seria mais
rápido. Cinco anos em vez de dez. Eles tinham até o amanhecer para
resolver isso.
Em vez disso, Ruhn partiu antes que o sol tivesse subido e ele viajou
mais para o sul, até os bosques profundos que haviam escondido neles
uma operação extensiva de lutas, jogos ilegais e prostituição. Eles o
testaram nos escritórios, enviando um homem que tinha metade da sua
altura e duas vezes seu peso. Ruhn tinha recebido uma surra brutal, mas
ele continuava a se levantar, uma e outra vez, mesmo quando ele estava
sangrando na boca e tinha cortes e hematomas em todo o corpo.
Depois de aceitá-lo, ele havia deixado sua marca em algum tipo de
documento que ele não tinha sido capaz de ler, e foi isso.
Voltando ao presente, Ruhn olhou para baixo e encontrou uma
caneca cheia na mão. Ele suspeitava que ele tinha servido o café.
Com um sorvo de teste, ele descobriu que o sabor era perfeito—mas
uma picada sugeria que seu lábio inferior estava dividido. — Como eu
disse, eu precisava ser aquele que o corrigia. Meu pai era muito velho para
lutar, e eu estava fora da minha transição por cerca de vinte anos naquela
época. Sempre fui grande e muito forte. Às vezes, o que fazemos para
sobreviver ... é mais difícil do que o que fazemos quando morremos. —
Ele encolheu os ombros. — Mas meus pais foram capazes de reconstruir
suas vidas. Minha irmã ... bem, essa era outra história. —Ele olhou para
o advogado. — Por favor, entenda que não era algo que eu teria escolhido
livremente. Não é da minha natureza ser violento, mas aprendi que farei
qualquer coisa para cuidar daqueles que amo. Eu também aprendi que se
alguém está tentando me machucar ... Eu vou me defender, até a morte.
Ele balançou sua cabeça. — Meu pai ... ele nunca superou o que
aconteceu. Ele nunca apostou um único centavo depois que eu parti, e
quando eu saí, ambos estavam trabalhando e com boa saúde. Claro, eu
não podia vê-los enquanto lutava. Você não tinha permissão para sair dos
estábulos.

299
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Estábulos? —Disse Saxton com horror.


— Eles nos mantiveram em baias no subterrâneas, como você faria
com cavalos. Os espaços eram de um metro e oitenta e três por um metro
e oitenta e três. Nós eramos autorizados a sair apenas para lutar, e não
tinhamos visitantes, exceto para as fêmeas que nos deram para se
alimentar. Para isso, eles queriam usar a minha irmã e minha mahmen. —
Através de uma garganta apertada, ele acrescentou: E às vezes nós
tinhamos que atender ... bem. De qualquer forma.
Saxton pareceu limpar os olhos. — Não consigo imaginar o que era
isso.
— Foi ... —Ruhn tocou o lado de sua cabeça. — Fez alguma coisa
aqui. Isso me reconfigurou, e eu não tinha certeza se era permanente ...
Até que esta noite, eu não estava em uma posição em que eu estava
lutando de novo. Ele voltou, no entanto. Tudo isso.
Ele tomou outro gole na caneca, não porque ele estava com muita
sede, mas porque ele parou com a conversa. Os fatos foram
compartilhados, e ele tentou ser honesto sem falar demais sobre o quanto
isso era feio.
Quão feio ele tinha sido quando ele estava lá.
Enquanto o silêncio esticava, ele arriscou um olhar para Saxton ...
Sua respiração prendeu. Os olhos do macho estavam cheios de
compaixão, não desgosto ou medo.
— Venha se sentar, —disse Saxton suavemente. — Você está
sangrando e eu quero limpá-lo. Sente-se.

300
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Ruhn continuou ali parado, Saxton se aproximou, pegou a


mão do macho, e o empurrou para a mesa. Quando Ruhn sentou-se, o
café em sua caneca estava balançando porque suas mãos tremiam.
Isso fez com que dois deles em frente tremendo, Saxton pensou
enquanto caminhava até a pia e começou a aquecer a água. Pegou um par
de toalhas de papel a partir de um rolo montado em um passador, ele
tentou compreender o que Ruhn havia passado.
Não era de admirar que o aspecto do macho tivesse mudado como
aconteceu durante a briga atrás do restaurante, esse olhar vazio tinha sido
mais perturbador do que a violência em si. Na verdade, depois de viver
com a Irmandade por tanto tempo e ouvir suas histórias de estar em
campo? Saxton estava mais do que bem versado na violência. Não, a
coisa perturbadora tinha sido o fato de que Ruhn havia desaparecido em
alguma outra parte de si mesmo e se tornou um predador em sua presa.
Um animal selvagem desencadeou.
Saxton testou a teperatura da água com o indicador. Estava quente o
suficiente. Bombeando sabão do dispensador mais próximo, colocou-o
sobre a toalha molhada e voltou a girar. Ruhn estava olhando para a
caneca, com as sobrancelhas franzidas, os ombros apertados.
Não era preciso adivinhar onde o macho tinha ido em sua mente.
Ter que salvar sua irmã e mahmen de serem usadas como veias e sem
dúvida usadas sexualmente pelos lutadores? Mantido em um estábulo?
Tudo por causa dos erros do pai?
Por dez anos, trancado como um tigre, sem saber em nenhum
momento, se ele iria ser enviado de volta ao ringue para ser espancado ou
morto. E ao longo do caminho, ele foi muito ferido e aprendeu a viver
com a solidão e dor.
Era muito triste para mesmo contemplar.

301
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando ele se aproximou, ele esperava que Ruhn olhasse para cima.
Quando ele não fez, Saxton colocou a mão levemente no ombro do
macho.
Ruhn saltou e derrubou a caneca. — Oh! Eu sinto muito ...
— Eu tenho isso. —Saxton voltou e agarrou o rolo de papel toalha.
— Aqui. Eu tenho isso.
Desenrolando um monte generoso de toalha ou o que quer que fosse,
ele jogou o material e deixou sua absorção fazer sua magia.
— Olhe para mim. —Ele enganchou o dedo indicador sob o queixo
de Ruhn e levantou o rosto do macho. — É isso aí.
Ruhn se encolheu quando fez contato, mas Saxton tinha certeza de
que era mais porque, para ele, a realidade era uma bagunça confusa no
momento.
— Isso é um grande corte, —murmurou Saxton enquanto trabalhava
em uma laceração sobre a testa de Ruhn. — E está ficando cada vez mais
inchado no momento. Talvez devêssemos levar você para que Doc Jane
ou o Dr. Manello vejam isso.
— Eu já tive piores.
Saxton fez uma pausa. — Sim. Tenho certeza de que você já teve.
Quando ele retomou a limpeza do sangue seco, ele desejou poder
dizer o correto, o bom ... qualquer coisa que pudesse aliviar parte daquela
década. No entanto, não houve palavras.
Mas havia um remédio.
— A operação de combate ainda está em andamento? —ele
perguntou firme.
Ruhn balançou a cabeça. — Houve uma revolta dos lutadores cerca
de um ano depois que eu saí. Eles se libertaram, mataram os guardas e os
carrascos e mataram o chefe. O complexo está coberto de ervas daninhas

302
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

agora. —Ele limpou a garganta. — Eu voltei, você vê. Não uma, mas
algumas vezes. Eu estava tentando ... dar sentido a tudo. Em suma, eu
falhei.
— Eu não sei como você poderia.
— Como eu disse, eu fiz isso para minha família. Essa é a única paz
que eu já encontrei. —Ruhn exalou longa e lento. — Mas você sabe, eu
também me arrependo de deixar minha irmã cair. Talvez se eu estivesse
em casa, ela não teria saído com aquele homem violento. Talvez eu
pudesse ter feito algo antes que ele a levasse tão longe, aqui em Caldwell.
Depois que saí, tentei encontrá-la, mas ela não tinha deixado nenhum
vestígio. Meus pais sabiam que ele era perigoso—acho que ele deveria ter
mudado sua posição como uma forma de controle. Odeio que ela tenha
morrido sem mim lá para salvá-la.
— Você fez o que podia, —disse Saxton com tristeza. — No final da
noite, é tudo o que qualquer um pode fazer.
Ele voltou para a pia com o que restava do rolo e o molhou um pouco
com nada além de água. Mais uma vez, em Ruhn, ele se certificou de que
ele limpou todo o sabão. O resto do que estava no rosto do macho era
hematoma, e você não conseguia limpar isso.
— Você diz que eu fiz uma coisa altruísta com Bitty, —Ruhn disse
bruscamente. — Eu não fiz. Eu a salvei de mim. O que eu fiz com esses
homens naquele estacionamento? Eu tenho um lado ruim, e no final, eu
sabia que ela estava mais segura com Rhage e Mary. Além disso ... e se
ela descobrisse? Ela não poderia ter um pai como eu.
— O que você pensa que Rhage faz pela a raça?
— Isso é diferente. Eu não estava salvando ninguém.
— Além de sua irmã e mahmen.
— Eu não sei.
Saxton secou a área. — Isso parece ruim.

303
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Tudo vai ficar bem. —Ruhn olhou para cima. — Você é muito
gentil comigo.
Saxton passou a ponta do dedo sobre a mandíbula do macho. E então
ele acariciou os cabelos grossos e tocou o lábio inferior de Ruhn.
— Você também está cortado aqui, —ele sussurrou.
Inclinando-se, ele gentilmente beijou o lugar que tinha sido rasgado
pelo punho de um humano. E quando ele se endireitou, um aviso
começou a sair na base do seu cérebro.
Por mais que ele estivesse atraído por Ruhn, e queria estar com o
macho, ferir pessoas ... machucar pessoas.
Sim, sim, ele era o tipo de coisa que você poderia ver com uma
imagem sentimental como um meme no Facebook, um pouco de
construção banal de quatro palavras que parecia adequada à sensibilidade
depressiva perpétua, da geração floco de neve. Mas, como um salvador,
era inteiramente para ele, se relacionar com uma pessoa que tinha sido
abusada. Embora, como ele poderia saber se o passado de Ruhn estava
realmente acabado?
Ele pensou naquele olhar nos olhos do macho—ou melhor, na
ausência de expressão—durante aquela luta, especialmente quando Ruhn
estava prestes a arrancar o pescoço do humano.
— Está tudo bem, —Ruhn disse bruscamente quando ele empurrou
a cadeira para trás e ficou em pé.
— O que é?
O outro homem deu um passo para trás. E depois outro. — Eu
entendo.
— Entende o quê? —Perguntou Saxton.
— Eu não confio em mim, também.
— Do que você está falando?

304
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu posso ver em seus olhos. —Ruhn assentiu. — E eu entendo.


Você está tentando conciliar o que viu com o que deseja que eu seja. Eu
vivo com isso o tempo todo. Todos os dias quando fecho os olhos,
lembro-me das coisas que fiz. E se eu esquecer, eu só tenho que olhar no
espelho.
— Ruhn, não tome uma decisão por mim.
Com as mãos ásperas, o homem pegou o casaco. Então ele se virou
e puxou sua camisa até seus ombros.
Saxton ofegou. Aquelas costas largas estavam cobertas com um
padrão de vergões, exceto que não, que não era isso. Não foram marcas
feitas por um chicote. Os cortes de dez centímetros de comprimento eram
muito regulares, muito cirúrgicos—e havia pelo menos trinta deles,
aparecendo na sua coluna. Eles tinham que ter sido salgados no lugar, o
sal sendo derramado sobre as feridas abertas quando eles foram feitos para
garantir que as coisas não se fechassem e desaparecerem à medida que a
pele se regenerava.
— Trinta e sete, —Ruhn disse sem rodeios. — Eu matei trinta e sete
machos com as minhas próprias mãos. E toda vez que eu fiz, eles pegaram
uma faca e adicionaram a minha contagem. Foi feito para a multidão,
para eles apostarem mais dinheiro. Foi para o show.
Saxton cobriu a boca com a palma da mão, lágrimas vieram a seus
olhos.
Quando Ruhn virou de volta, tudo o que Saxton queria fazer era
jogar seus braços em torno do macho e segurá-lo até que as memórias não
doessem tão forte.
Mas era óbvio que era um não-vá.
Ruhn puxou a camisa de volta no lugar e colocou o casaco
novamente. — Eu vou agora. Mas você precisa me dizer onde deixar as
coisas da Sra. Miniahna. —Com uma voz morta, o macho acrescentou.

305
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— E não se preocupe. Não vou interagir com as fêmeas. Vou deixar as


coisas em um lugar seguro e ficar longe delas.
— Ruhn, por favor, não ...
— Então, onde eu vou?
— Você não é um assassino, Ruhn.
— Oh, eu sou pior. Eu sou um assassino direto. Nenhum desses
homens queria estar lá mais do que eu. Todos foram recrutados, também,
trabalhando por dívidas. Eles não eram assassinos, não mais do que eu,
pelo menos não quando eu cheguei lá. Mas eu sou um troféu andante do
que eu me tornei. Tenho sangue em minhas mãos, Saxton. Eu sou um
assassino.
O homem caminhou até o arco. — Então me diga, onde eu estou
deixando o ...
— Você não é um assassino.
Ruhn baixou a cabeça em derrota. — Essa é uma declaração
emocional, não legal, e você sabe disso.
— Ruhn, você ...
— Olha, eu não gosto de falar sobre tudo isso. —Os olhos de Ruhn
pulavam pela cozinha. — Eu varro-o para debaixo do tapete durante as
horas de vigília e rezo durante o meu sono que não vou me lembrar dos
meus sonhos. A única vez que eu discuti sobre isso foi quando os Irmãos
olharam para o meu passado por causa de Bitty—e mesmo assim, eu não
... bem, não importa. Eu acho que eu estou dizendo tudo isso porque eu
sinto que você merece honestidade. Havia algo acontecendo entre nós, e
era de ambos os lados. Mas veja, eu sei quem você é, e você não ... bem,
a menos que você conheça a verdade, você realmente não me conhece. E
esse olhar nos seus olhos? A cautela, a suspeita, diz-me que fiz o que é
certo.
— Eu posso confiar em você.

306
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você não precisa. —Ruhn tocou seu coração. — Uma coisa que
eu aprendi depois de todos esses anos trabalhando para a glymera é que os
pobres têm apenas sua dignidade e orgulho para oferecer ao mundo. Meu
pai me ensinou isso. E não posso ter minha dignidade se eu minto para
alguém que eu estou me apaixonando.
A respiração de Saxton ficou presa no peito dele.
Mas antes que ele pudesse responder, Ruhn balançou a cabeça e se
virou. — Você sabe, eu acho que é melhor que outra pessoa faça essa
viagem para a cidade. Eu tenho que ir.
— Ruhn ...
O macho parou, e não olhou para trás. — Por favor, deixe-me ir. Só
... deixe-me ir.
Todo instinto no corpo de Saxton disse-lhe para impedir que Ruhn
saísse.
Mas ele não conseguiu se mecher.
Um momento depois, a porta da frente da fazenda fechou-se
silenciosamente, e Saxton caiu na cadeira em que Ruhn estava sentado.
O café ainda estava quente na caneca.
Isso não durou, no entanto.

307
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Vinte e Sete

— Eu sei que você quer me foder.


Peyton ergueu os olhos quando a mulher humana se dirigiu a ele, e
demorou alguns segundos para concentrar-se nela, e novamente, o Ice
Blue, o clube que ele freqüentemente freqüentava, era animado, e ele
havia dado uma dúzia de tragadas no bong antes de começar a beber.
Oh, e então você tinha os lasers azuis lançando através do ar
esfumaçado e o fato de que ele não tinha dormido bem por um dia ou
dois.
— Você ouviu o que eu disse? —Ela ronronou.
Ela estava vestida com um vestido de látex branco e cintilante que
era cortado baixo para mostrar seus seios espetaculares e a saia curta o
suficiente para mostrar suas pernas. Os sapatos eram de tiras e seus pés
delicados estavam tão inclinados, que era como se estivesse na ponta dos
pés, e seus cabelos era escuro e fluindo em cachos ao redor de seus ombros
e costas.
Na área VIP, ele era sem dúvida, o troféu da noite, o mais erótico, o
belo que havia, e ela o queria. Por quê? Não era sua conversa brilhante—
eles não haviam dito nada mais do que um rápido oi-como vai. Inferno, ele
nem sequer sabia seu próprio nome ...
O nome dela. Ele não sabia o nome dela.

308
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Não, era seu terno e gravata. Seus sapatos de avestruz. O fato de que
ele e sua equipe terem vindo pela parte de trás, onde eles não tinham que
se preocupar em ter os sapatos estragados pela neve ou serem
incomodados pela fila de espera. Foi também o serviço de garrafas aqui
neste banquete privado, e a forma como a segurança se deferiu para ele,
e os cem dólares que ele brilhou quando as bebidas foram trazidas. Ele
era um gastador de ponta e ela estava preparada para usar seus ativos
físicos para entrar no trem de dinheiro.
E ei, ele estava vestindo branco, também, por isso foi, assim,
totalmente, predestinado.
— Vamos tirar uma selfie, —ela disse enquanto ela se escarranchava
em suas pernas e tirou o telefone de uma bolsa que era grande o suficiente
apenas para um iPhone. O menor, não a grande variedade, como um Pop-
Tart .
— Não. — Ele colocou a palma da mão para fora. — Sem imagens.
Ela deu uma risadinha e afastou o telefone. — Você está me dizendo
que você é famoso? Eu não te reconheço.
Com facilidade praticada, ela pegou sua mão e guiou-a até o quadril.
— Eu sou de Manhattan. Eu estou fazendo uma sessão de fotos ao lado
do rio amanhã. Eu odeio o frio. Eu queria estar em Miami.
Com isso, ela empurrou o cabelo para fora do caminho de uma forma
muito calculada, oh, eu estou tãoooo insatisfeita com o meu destino glamouroso
na vida—e, alias, meu cabelo é tão pesaaaaaaaaaado.
Era o chamado de acasalamento do rato no clube feminino.
E, geralmente, ele ia começar a elaboração de estratégias sobre cantos
escuros e boquetes neste momento. Por algum motivo, no entanto, tudo
o que ele poderia pensar era ... se preferisse estar em Miami, suba em um avião

Pop-Tarts é um biscoito pré-cozido recheado produzido pela Kellogg.

309
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

e pague por essas malditas extensões. Se você não quer a merda cobrindo seus
peitos, puxe-o de volta em uma faixa de borracha, pelo amor de Deus.
Quando ela começou a falar com ele novamente, ele estava muito
consciente de que essa coisa fora do clube não estava seguindo sua
cartilha. Olhando para os seus meninos, ele viu três outros vampiros
vestidos da mesma seção masculina de Neiman Marcus , o trio como um
conjunto de montanhas-russas de coquetel: os ternos tinham diferentes
tons de azul ou cinza, mas o corte era o mesmo com pernas magras e lapelas
finas, e as camisas sob aqueles casacos ajustados estavam sutilmente
padronizadas em modas semelhantes. Os relógios não eram Rolex , não,
muito barato. Eles eram Audemars Piguet ou Hublot . E em seus bolsos
de peito, havia pacotes de cocaína e cristal. Oh, e havia um motorista
esperando no beco traseiro quando eles terminarem de ficar bem
enquanto eles se drogavam. Sem Uber. Nunca.
E esta pequena hors d'oeuvre envolvida de branco saberia tudo isso.
Ela também veio com sua própria tripulação, suas três amigas as
salteadoras eram os moinhos de pimenta de seus amigos.
Então, sim, todos receberam o memorando.
Sem qualquer interesse real, ele apertou sua cintura para testar se era
uma cinta ou uma dieta que deixará aquela curva tão firme—e ambos
estavam indo pela armação do corset que ela estava usando. Ela era muito
magra, ele decidiu.

Roupas de Neiman Marcus – Ela é uma loja de departamentos de luxo, que vende os mais variados tipos de produtos.

Rolex – Relógio Suíço unisex de luxo. Conhecida por seu desempenho e sua confiabilidade.

Audemars Piguet – Relógio masculino Suíço super-luxo.

Hublot – Relógio unisex super-luxo.

Um aperitivo ou entrada de hors d'oeuvre é um pequeno prato servido antes de uma refeição.

310
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele gostava mais da construção de Novo. Era o poder. Força.


Solidez.
Cara, isso não estava acontecendo com ele. Ele era o plugue de saída,
a sua preguiça espalhada pela primeira vez por causa do tédio, em vez da
chamada languidez.
Com uma ligeira mudança, a menina levantou-se, estendeu os braços
sobre a cabeça e fez uma curva lenta que lhe apresentava sua bunda.
Olhando por cima do ombro, seus lábios cheios continuavam mexendo,
como se ela estivesse dizendo alguma coisa, mas ela também poderia ter
lido uma palestra sobre a astrofísica.
Um de seus amigos se inclinou para ele. — Você sempre consegue as
melhores. Mas estou chegando bem apertado logo atrás de você.
Como para provar o ponto, o macho virou a garota que estava se
dirigindo para ele como se estivesse estacionando um R8 ao lado de
um 911 e comparando os dois spoilers traseiros dos dois carros
esportivos.
Peyton desviou o olhar—apenas para conseguir um daqueles lances
azuis no globo ocular.
Por alguma razão, provavelmente porque o flash de luz deu-lhe uma
dor de cabeça, ele pensou em seu pai. Seu pai tinha jogado um ataque
espetacular no minuto em que Peyton tinha entrado na mansão, completo
com todos os tipos de fogos de artifício de você-é-uma-desgraça. E, como
com essa cena do clube, ele simplesmente se inclinou para trás e retirou-
se do show, mesmo quando seu corpo estava certo.

Audi R8

Porche

311
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele jogou um par de ossos no macho para apaziguá-lo, e então ele foi
para o andar de cima para tomar banho e se vestir. Três telefonemas
depois o trouxeram aqui.
Ele tinha feito isso quantas noites?
Demais para contar ...
Sua amiga baixou aquela bunda diretamente em seu cinto Gucci—
não havia um rap sobre isso?—e começou a se mover.
Ela estava muito excitada. Eu poderia dizer pelo seu cheiro.
Colocando as mãos nos quadris, ele fechou os olhos e tentou chegar
a ela.

Saxton estava sentado na cozinha de Minnie com esse café por um


tempo, ouvindo o apito da porta da varanda do seu desprendimento de
tempo solto. O que ele realmente queria fazer era conversar com alguém,
mas a única pessoa que veio à mente era Blay, e isso pareceria muito
como se ele estivesse tentando provar um ponto sobre seguir em frente ou
algo assim.
A coisa estranha sobre a atração sexual era sua força e poder poderia
criar uma ilusão de proximidade entre duas pessoas: quando o corpo era
atraído para o de outra pessoa, e desesperado e com fome de uma
expressão física, era como se o cérebro sentisse que precisava se recuperar
através da fabricação de uma conexão intelectual ou emocional.
A compatibilidade da superfície está sendo atribuída ao significado
conectivo mais profundo.

312
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Mas na verdade, você não conhece alguém até que você o


conhecesse. O que foi isso? A menos que você tenha viajado com alguém,
você não tinha idéia de quem eles realmente eram ...
Conhecê-los durante uma década era ainda melhor.
A verdade era que Ruhn não o conhecia melhor, também. O macho
não tinha conhecimento de seu relacionamento com Blay, seus problemas
com seu pai, sua formação e luta. E essas coisas sobre o passado de Ruhn?
Era absolutamente horrível, e ele odiava que o macho tenha passado por
isso. Mas ele teve que reconhecer que ele preferia gostar da idéia de
proteger uma alma tímida, silenciosa e sensível do mundo, sendo a
guarda e intérprete de experiências novas e diferentes.
Durante o jantar, por exemplo, ele tinha planejado em sua cabeça
todos os tipos de outros lugares que ele poderia levar Ruhn para comer,
vietnamita, tailandês, italiano. E, apesar do que ele tinha prometido,
todos os restaurantes teria sido muito fora da faixa de preço de Ruhn para
pagar.
Em sua mente, ele esperava fornecer todos esses novos gostos
exclusivos e guloseimas tentadoras.
Havia controle em trazer outro fora de sua concha, não estava lá.
Segurança, porque eles dependiam de você em sua falta de familiaridade
e desconforto inevitável.
Agora, depois do que ele testemunhou naquela luta, tudo o que era
fantástica obrigação nobre da por parte dele teve que ser reformulada. O
gentil gigante passou por tortura, e qualquer pessoa que pudesse
sobreviver a algo assim não precisava da proteção de ninguém.
Abaixando a cabeça nas mãos, ele pensou uau, era bom que as
pessoas não compartilhassem suas reflexões internas com mais ninguém.
Porque esse tipo de honestidade era melhor guardado a sete chaves:
ele era um idiota absoluto para se preocupar com seus pequenos dramas

313
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

psicológicos em comparação com o que esse macho havia vivido. Dez anos,
em uma gaiola? Matar machos ou ser morto? Ser marcado?
Saxton nunca passou por nada assim, e a idéia de que o passado de
Ruhn estava de repente fazendo essa coisa de romance entre eles muito
feio para contemplar.
Não posso ter minha dignidade se eu minto para alguém com quem eu estou
me apaixonando.
Falando de coragem. Diga isso e diga isso sério?
Com uma maldição, Saxton levantou-se. Ele não conseguia se
lembrar de quando ele tirou o casaco, mas ele encontrou-o em uma
cadeira em uma cadeira ao lado de onde ele tinha estado olhando para o
espaço.
Quando ele puxou o casaco, ele entrou na sala e olhou para a lareira,
para aqueles ladrilhos que alinhavam a lareira. Ele tentou imaginar
Minnie e seu hellren viajando pelo oceano até uma terra desconhecida,
com o fantasma do sol que se aproximava todos os dias, pouco dinheiro
para o nome deles, e nada além de amor para protegê-los.
Isso era coragem.
Balançando a cabeça, ele voltou para a cozinha, para ligar o alarme
no painel do lado da porta da garagem, então ele fechou os olhos e tentou
se concentrar. Eventualmente, ele conseguia desmaterializar e deixar em
uma dispersão de moléculas através da costura minúscula naquele sulco
climático.
Ele tomou forma novamente no outro extremo da cidade, a
quilômetros de distância, na varanda dos fundos da Casa de Audiência.
Quando ele entrou pela porta da cozinha, seu cérebro estava
completamente plano. Havia algum doggen, por aí fazendo ... Deus só
sabe o que ... e ele tinha algum tipo de interação com eles. Perguntas feitas
e respondidas, esse tipo de coisa.

314
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E então ele estava em seu escritório. O Rei estava tirando a noite de


folga, mas ainda havia coisas a serem arquivadas e documentação a ser
feita ... também as coisas sobre as quais Wrath havia chamado ...
Ou tinha sido uma noite diferente? Outro momento?
Algum outro …
Sentando-se, ele colocou a cabeça nas mãos e tentou lembrar o que,
como e quando as coisas tinham sido ditas. Mas não havia nada para
amarrar os pensamentos, nenhum mapa cognitivo que se materializasse
na sopa de confusão para ajudá-lo a caminhar em seu caminho de volta a
um ponto equitativo de funcionamento simbólico.
Uma batida no batente da porta o fez levantar a cabeça. — Oh. Olá.
À medida que o Irmão Rhage entrou, ele encheu todo o escritório
com sua beleza sobrenatural e incrível tamanho e carisma. Era como Ryan
Reynolds , o gigante verde alegre desses anúncios de vegetais congelados
e os doze líderes mundiais, se reunissem em um único ser e vieram para
um pequeno bate-papo.
— Você parece uma merda, —disse o irmão enquanto se sentava do
outro lado da mesa do parceiro. — O que está acontecendo?
— Oh nada. Você precisa de algo?
— Na verdade não. Eu vim para deixar mais coisas para limpar os
dentes de George. Não diga a Fritz. Ele vai ficar louco—mas eu estava
indo no Petco —o que diabos está errado com você? Estou falando sério.
Você continua com uma máscara de morte.

Ator canadense, intérprete do personagem do Lanterna Verde e Deadpool.

Umas das maiores empresas varejistas no módulo de pet shop.

315
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Saxton tentou encontrar um ponto de partida, um fio no


emaranhado para começar a destravá-lo, Rhage puxou um pirulito da
Tootsie Pop de cereja de sua jaqueta de couro e tirou o invólucro.
— Olá? Você se machucou lá? —Os dentes de Rhage eram brancos e
brilhantes quando ele abriu a boca para encaixar o pirulito entre suas
presas afiadas. — Você quer que eu te chame um médico?
— Na verdade, o que eu preciso é ... —Saxton pigarreou. — Eu não
tenho certeza se eu deveria falar com você sobre isso.
Ele não queria fazer nada para pôr em perigo Bitty e o
relacionamento de seus pais adotivos com Ruhn. Mas para quem mais
poderia ir?
— E eu não quero que isso mude nada, —ele falou.
Rhage encolheu os ombros. — Bem, considerando que não sei o que
você está prestes a dizer, não tenho certeza de poder prometer nada. Mas
eu sou bom em coisas abertas. Quero dizer, merda, eu aguento as coisas
do Lassiter quase melhor do que qualquer outra pessoa. OK. Tudo bem,
melhor do que Vishous. Espere isso provavelmente não está dizendo
muito. Qual é a pergunta?
— É sobre Ruhn.
Rhage abandonou a frivolidade. — O que tem ele?
— Seu passado. Especificamente.
Instantaneamente, o Irmão mudou, seu grande corpo pesado, seus
olhos se estreitando, o Tootsie Pop recebendo uma dura mordida de
alguns molares tensos.
— O que sobre isso?

316
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton tirou uma caneta do seu suporte e brincou com a coisa,


torcendo sua tampa em círculos. Estalando a tampa. A colocando de
volta.
— Eu sei que Phury e Vishous foram até lá. —Saxton levantou os
olhos. — À antiga fazenda do mestre. Eles descobriram sobre o seu
passado.
— Eles fizeram.
— E então você sabe o que aconteceu com ele.
Houve uma pausa. — Sim. O ringue de luta. Mas como você ouviu
sobre isso? Nós mantivemos segredo sobre isso por respeito a ele.
— Ele me disse. —Saxton balançou a cabeça. — Eu não sei como
alguém pode viver algo assim.
Rhage sentou-se para trás e olhou para a mesa, os olhos azuis de
Bahamas tão brilhantes que quase lançaram sombras. — Posso te
perguntar uma coisa pessoal?
— Claro.
— Você está pensando em sair com ele ou algo assim? —Quando
Saxton endureceu, o irmão deu de ombros. — É legal se você estiver.
Quero dizer, eu sei que ele não tinha uma fêmea ou nada em sua casa, e
ele nunca foi casado.
— Não sei como responder a isso.
— Então é um sim. E ei, eu só pergunto por que tenho curiosidade.
Não consigo pensar em qualquer outra razão pela qual você mencionaria
isso. Se eu fosse apenas um guarda-costas para você, acho que você ficaria
feliz por eu ter esse tido de experiência, mesmo que a forma que tenha
conseguido isso foi extrema.
— Eu não quero colocar você em uma posição desconfortável.

317
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Mas você quer saber se ele vai matá-lo enquanto você dorme,
certo? —Enquanto Saxton balbuciava, Rhage levantou uma mão. —
Mary fez um teste psicológico com ele. Quero dizer, Bitty o convidou
para viver conosco e nós estávamos mais do que dispostos ... porque olá,
ele é o parente mais próximo do sangue de nossa filha. Mas com Wrath,
Beth e Little Wrath na casa, não podíamos arriscar. Mary lhe deu os
exames oralmente, uma vez que ele naturalmente não consegue lê-los. Ele
passou por todas as exibições. É uma influência de pântano, não-
psicótico. Ela disse que ele tem uma carga de PTSD—transtorno de estresse
pós-traumático—é claro. Quero dizer, depois do que ele passou, como você
não poderia tê-lo. E eu não sei ... depois desta noite? Com ele atacando
aqueles humanos? Talvez essa coisa para proteger você, não seja um bom
lugar para ele estar.
— Na verdade.
— Ele é um bom macho, no entanto. Eu confio nele. E eu sei que
você geralmente não está perto quando está com Bitty, mas você deve vê-
los juntos. Todos os dias, antes de ir para a cama, os dois sobem as
escadas. Há esta mesa de quebra-cabeças que montamos em seu quarto,
você sabe? Ambos se sentam lá e trabalham com esses quebra-cabeças—
francamente, essa merda me deixa louco. Quero dizer, você quer falar de
psicótico. Olá. Sentado com oito milhões de pequenas peças que você não
consegue pegar com os dedos, tentando combinar as cores—mas eu
divagando. —Ele esmagou o Tootsie Pop e começou a mastigar. — Eles
amam isso. E o tempo todo? Com essa voz calma, ele conta suas histórias
de sua mahmen e seus avós. O que era crescer—soou como uma ótima
vida. No campo, jogando lá fora, cavalos e ovelhas, uma mahmen e um
pai que amaram tanto a Ruhn e a sua irmã. E Bitty, ela devora isso. Ele
lhe deu o lado da família que a ajuda a sentir que a mahmen dela ainda
está com ela. Não tem preço. De verdade. —Rhage riu um pouco. — E
agora que eu penso sobre isso, é a única vez que o ouço falar.
Saxton assentiu com a cabeça. — Estou tão feliz que eles tenham essa
conexão. E sim, pelo que eu vi, eles estão muito próximos.

318
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Ruhn é como um filho para mim. De verdade.


— Eu nunca esperei ... bem, não esperava por tudo o que aconteceu
com ele.
— Quem faria? —Rhage jogou o palito branco com sua mancha rosa
em uma extremidade no lixo. — E ouça, já falei com Mary sobre o que
aconteceu esta noite. Ela vai fazer uma pequena visita a Ruhn. Vai ver se
ele precisa de um ajuste, por assim dizer. Ela ajudou Z muito com sua
merda, tão trágica, que ela tem alguma experiência em lidar com trauma.
— Eu não o julgo. —Enquanto Saxton falava, ele percebeu que ele
estava tentando as palavras, vendo se elas eram verdadeiras—e isso o
fazia sentir uma pessoa ruim.
— Bom. Porque você não deveria. E você também não deveria ter
medo dele. Todo mundo merece uma segunda chance. Eu sou a prova
viva disso.
— Você está certo. E o que aconteceu com ele não foi nada para o
qual ele se ofereceu.
— Muito certo.
— Sinto que estou de luto por ele.
— Qualquer um que ouvisse a história sente o mesmo.
Será que meu coração estará seguro com ele? Saxton perguntou a si
mesmo.
E para ser justo, essa era uma pergunta que ele poderia perguntar,
sem importar quem ele estivesse pensando para um relacionamento.
— Eu gostaria de poder ver o futuro, —ele murmurou.
— Há certos cantos na vida em que isso seria um bom bônus. Eu
gostaria de poder ajudá-lo mais.
— Obrigado. —Saxton sorriu. — Você é um cavalheiro debaixo de
todas as suas bravatas.

319
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Agora não vamos ficar à frente de nós mesmos.


Depois de um momento, o Irmão levantou-se e saiu, deixando
Saxton com seus próprios pensamentos.
Depois de um tempo, ele foi para suas gavetas de arquivo.
Abaixando-se sobre os calcanhares no canto distante, pressionou o
polegar para um sensor e abriu o bloqueio. Documentos relativos à
Irmandade da Adaga Negra e suas famílias foram mantidos lá e ele
facilmente localizou os papéis da adoção de Bitty.
Tirando o arquivo, ele o abriu e folheou a última página, onde Ruhn
havia "assinado" seu nome.
O homem desenhou um auto-retrato de si mesmo na linha onde a
assinatura deveria ir.
Foi uma representação impressionante, e tão realista que Saxton
deslizou o dedo pelos contornos da bochecha e podia jurar que ele sentiu
o calor do próprio macho.
Por algum motivo, ele pensou em Blay e Qhuinn. Pelo que ele tinha
entendido, Blay tinha sempre cuidado de seu companheiro, ele cuidava
dele, certificou-se de que ele fosse tão estável como poderia ser. Tinha
sido uma expressão de amor antes que essa palavra tivesse sido
compartilhada entre eles.
Quanto mais tempo Saxton olhou para aquele desenho, mais ele
percebeu por que tudo isso com Ruhn estava afetando ele assim.
Ele tinha a capacidade de se apaixonar pelo macho.
E isso significava que as apostas eram muito altas. Ele sabia muito
bem o que o amor não correspondido parecia. Tudo isso com Ruhn? Ele
tinha um poder com potencial ainda maior de destruição.

320
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Vinte e Oito

Novo viu a bengala como uma grande melhoria. Vamos, sobre a


cadeira de rodas? Isso também significava que ela havia pulado a fase de
andador.
Superar as expectativas era bom, especialmente quando você estava
no equivalente de vampira da reabilitação cardíaca.
Enquanto ela se arrastava pelo corredor do centro de treinamento,
ela estava mantendo o ritmo de uma velha anciã, seus pés em seus
chinelos de chuveiro edição-de-hospital, arrastando-os com um mínimo
de elevação do chão do concreto. Tudo estava calmo, os Irmãos em
outros lugares, os recrutas foram para casa, a clínica vazia de pacientes,
exceto por ...
O uivo desencarnado que saiu do cara louco era como um rascunho
no ar, invisível e arrepiante.
Ela continuou. Tinha feito essa viagem dez vezes ou mais, embora
ela tivesse certeza de que o Dr. Manello só havia dito uma vez por hora.
Mas na verdade, ela manteve isso e ela atingiu essa média—enquanto ela
fosse contra um cronograma de duas semanas.
Ele só precisava ser mais específico.
Ao se aproximar das portas duplas do ginásio, ela olhou através do
vidro. Ela não podia esperar para começar a treinar novamente.

321
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Continuando, ela dependia da pengala para manter o equilíbrio, o


sentimento de instabilidade era mais um problema na orelha interna do
que qualquer coisa que tivesse a ver com o mau funcionamento do
coração. Eles até tiraram sua IV, embora ela estivesse usando um monitor
Holter para se certificar de que sua função cardíaca era ótima.
Olhando para trás, seu quarto parecia a quilômetros de distância.
Mas foda-se isso. Ela foi mais adiante. Eventualmente, cento e cinquenta
anos depois, ela chegou às portas da piscina.
Havia alguém lá dentro.
A necessidade de companhia era tão desconhecida quanto essa
fraqueza física que ela estava balançando, e certamente essa última
parecia fazer com que o antigo tivesse mais de uma coisa: antes que ela
soubesse melhor, ela estava caminhando para a ante-sala e fazendo sua
dança de velha anciã sobre os azulejos.
O cheiro de cloro formigou no nariz e o calor e a umidade a fizeram
pensar nas noites de verão ...
Salpicos. E vozes.
Quando ela percebeu que havia mais de uma pessoa na água, ela
quase se virou. Exceto que ela viu que Ehlena estava na borda, a
enfermeira curvando-se e encorajando alguém que estava tentando nadar.
— Oh, olá, Novo! —A fêmea gritou com um aceno de mão. —
Venha conversar com a gente!
Novo se certificou de que a situação dupla da bata que ela tinha
criado estava cobrindo suas partes nobres por trás dele, e então seguiu seu
caminho para a frente. O círculo de azulejos ao redor da piscina de

Monitor Holter é um dispositivo portátil que monitora continuamente a atividade elétrica cardíaca de pacientes por
24 horas ou mais. Funciona com baterias e é transportado em bolso ou em saco. É usado para dizer, em condições satisfatórias, muito
bom, muito bom.

322
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

tamanho olímpico estava seco, então ela não se preocupou em escorregar,


e que o calor e a umidade ajudaram a aliviar as dores que ela ainda tinha
nas costelas.
— Oi, Luchas, —disse ela ao macho pendurado na borda da piscina.
— Saudações, —veio a resposta grosseira.
Suas mãos magras e deformadas, com os dedos que faltavam, eram
como garras sobre o meio-fio, seu corpo frágil flutuando atrás dele, a
perna restante lentamente agitando a água.
Ele estava tão pálido, que ela teve que desviar o olhar do duro corte
de suas omoplatas sob a pele fina.
— Eu queria poder me juntar a você, —ela disse enquanto se apoiava
sobre a bengala e se abaixava para sentar.
— Não com esse monitor, eu tenho medo. —Ehlena sorriu. — Mas
você está quase fora de perigo. Você deve estar pronto para sair amanhã.
— Eu não posso esperar. —Novo tirou os chinelos e pôs um pé ... e
depois o outro dentro. — Oh, isso é bom.
O treino de Luchas criou ondas na água e ela fechou os olhos para
que ela pudesse se concentrar nas sensações de amortecimento contra
suas panturrilhas e nas solas dos seus pés.
Ela também não queria que o macho sentisse como se ela estivesse
olhando para ele.
Pelo que entendeu, o irmão de Qhuinn foi seqüestrado durante os
ataques, e assumiu-se que ele havia sido morto junto com o resto da sua
linhagem. A verdade tinha sido mais horrível. O macho tinha sido
encontrado mergulhado em um barril de óleo, cercado pelo sangue do
Ômega. Ele tinha sido quase morto, e ele tinha tido tantos ossos
quebrados e partes faltando, ele tinha sido praticamente derramado numa
maca.

323
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Embora ele tivesse sido resgatado algum tempo atrás, ele estava
morando na clínica desde então, não estava morto, mas não
particularmente vivo, também. Qhuinn sempre o visitava, mas não havia
alegria, nem risadas, nem parecia ter perspectivas. E para um jovem
macho que já teve uma vida de privilégios, era uma realidade triste.
— Bom trabalho, —disse Ehlena a ele. — Agora que você está
aquecido, vamos trabalhar com seus braços.
— Okay.
Houve alguns salpicos, e então a enfermeira treinou o macho através
de vários trechos e, em seguida, algumas braçadas de peito que
atravessavam a parte rasa da piscina.
A concentração de Luchas estava completa, como se sua vida
dependesse de sua capacidade de seguir as instruções e executar os
movimentos—e certamente, se ele parasse de nadar, ele, de fato,
afundaria. Não havia uma gordura nele.
Embora o tivesse visto ao redor do centro de treinamento, ela nunca
esperava ter nada em comum com ele. Mas aqui estavam os dois—exceto
que ela iria melhorar, e havia a possibilidade de que ele estaria para
sempre neste mundo subterrâneo, nem saudável nem morrendo: amanhã
à noite, ela iria andar normalmente e em mais vinte e quatro horas, depois
disso, ela estaria na sala de musculação, maldita seja. Luchas, por outro
lado? Era difícil imaginá-lo diferente do que era agora.
— Eu acho que é melhor eu voltar, —Novo disse enquanto pegava a
bengala e se levantava.
— Estou feliz que você parou para nos ver. —Ehlena ergueu a mão.
— Deixe-me saber se você precisar de alguma coisa.
— Obrigado—e eu vou falar com você mais tarde, Luchas. —Novo
ofereceu um pequeno aceno. — Cuide-se.
— Você também, —veio a resposta ríspida.

324
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O macho não olhou para cima, e ela ficou feliz em sair. Era difícil
estar em torno de alguém tão fraco como aquele quando você mesmo
estava instável. Isso fez você se perguntar por que você foi o único que foi
pego para ficar bem enquanto eles estavam na lista de deixar para trás.
Considerando o quanto isso era importante, a aleatoriedade de tal
sorte era o tipo de coisa que torcia seu cérebro.
Quando ela voltou para o corredor, ela estremeceu com o frio
relativo, e quando ela chegou ao seu quarto de hospital, tudo estava
acabado. Como se eu tivesse terminado de fazer uma maratona.
De volta a sua cama, ela pendurou a bengala e deslizou sobre o
colchão. Quando a solidão se instalou sobre ela como uma nuvem tóxica,
estava cansada demais para lutar contra ela ...
Seu celular tocou na mesa rolante que ela comia suas refeições e ela
virou a cabeça para o som. A coisa estava de barriga para baixo, e ela não
tinha absolutamente nenhum interesse em verificar para ver quem era.
Ela já sabia. Sua mahmen e sua irmã estavam lívidas com a festa de
despedida de solteira, ou seja o que for que fosse o inferno chamado,
estava acontecendo na noite seguinte e Novo não tinha feito merda
nenhuma com os preparativos.
Mas vamos lá. Graças a Sophy, eles tinham uma reserva nesse local.
O que mais eles precisavam—oh, ceeeeeeerto, a maldita faixa, uma coroa
e um cetro, e boas penas.
A típica merda Instagram.
Sim, porque você não está realmente vivendo a vida, a menos que
você possa criar "momentos" para provar o quão brilhante é sua
existência.
Levantando uma mão, agarrou o telefone e colocou-o virado para
cima ...

325
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Novo se sentou quando aceitou a chamada. — Você novamente. —


No entanto, seu tom era longe de ser hostil. Na verdade, havia um timbre
lamentável para o qual ela realmente precisava chutar sua bunda.
A voz de Peyton estava abafada. — Oi.
No fundo, havia todos os tipos de ruído. Ele estava em um clube.
Claro.
Exceto que ele estava ligando para ela. — O que você está fazendo,
grande gastador? —Ela disse arrastando as palavras.
Melhor, ela pensou. Sim, era assim que ela queria soar. Mais como
seu velho eu, seu eu original, ela corrigiu.
— Oh, você sabe, na mesma noite, o mesmo exercício.
— Então, por que você não está fodendo alguém aleatório na sala
dos fundos?
— Eu tive a opção.
— E você passou? Você não está se sentindo bem, não é?
— O que você está fazendo?
— Vá para cima e para baixo no corredor. Então eu vou brincar
com física de partículas, levantar um Prius ou dois, e ler as obras
coletivas de Shakespeare. Então, sim, noite ocupada para mim.
Sua risada parecia boa, tão boa. — Você está para um visitante?
— Depende.
— De que?

Marca automóvel Toyota

326
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ela olhou ao redor da sala mais estéril. — Eu não sei, —ela disse
suavemente.
— Estou solitário.
— Você está fora com esses caras certo? O conjunto combinado de
douche canoe.
Ele riu. — Sim.
Ela moveu o telefone para a outra orelha. — E você está cercado por
mulheres humanas, certo? Os quentes que têm músculos de garganta
que ficam flexiveis no comando e bastante silicone implantado neles
que eles poderiam se qualificar como uma molécula inerte?
— Mais ou menos.
— Então, por que você está no telefone comigo?
— Porque eu prefiro estar com você.
Novo fechou os olhos. — Essa luta com seu pai realmente deve
correr profundamente, hein.
— Isso não é por causa dele.
— Você tem certeza disso? Porque eu não.
— Então o que você diz. E não se trata de sexo.
— Bom. Porque estou caminhando com uma bengala e me sinto
tão sexy quanto uma torradeira.
— Ok, uma nota rápida sobre isso. As torradeiras são quentes. Quero
dizer, esse é o propósito deles. É assim que você aquece pizza e onde os Hot
Pockets recebem seu nome. Sem torradeiras, eles seriam "bolsas à
temperatura ambiente", e quem precisaria disso.

Empanados para fornos que geralmente contêm um ou mais tipos de queijo, carne ou vegetais.

327
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Novo começou a rir. — Você é uma aberração.


— Meu ponto é, se você está tentando dizer que você não está se sentindo
sexy, vá com uma metáfora diferente. Como ... Eu me sinto tão sexy quanto
uma garrafa de Tums . Agora, eles tiram azia, então ...
— Feche a porra da boca e ligue para o ônibus.
Enquanto estava desligando, ela estava sorrindo. E então, por
absolutamente, positivamente, sem qualquer razão ... ela entrou no
banheiro, escovou os dentes, lavou o rosto, e trançou de novo seu cabelo.

Levou a Peyton uma boa hora para chegar ao centro de treinamento e,


quando ele finalmente saiu do transporte, ele encontrou-se quase
correndo até o quarto de Novo. Quando ele chegou até sua porta, ele
alisou seus cabelos e certificou-se de que seu terno estava devidamente
abotoado.
Abrindo a porta, ele parou.
Ela estava profundamente adormecida, a cabeça inclinada para um
lado, como se estivesse tentando ficar acordada por ele. O IV estava fora
do braço dela, ele notou, e a ausência de alguns fios no peito que estavam
ligados a um pequeno receptor, todos os equipamentos de monitoração
haviam desaparecido.
Ele deixou a porta fechar silenciosamente por conta própria e tirou
os mocassins, ficando em suas meias para não fazer nenhum som. No

Tums é um antiácido feito de sacarose (açúcar) e carbonato de cálcio (CaCO 3) fabricado pela GlaxoSmithKline em St.
Louis, Missouri, EUA. Eles também estão disponíveis em uma versão sem açúcar. É uma droga de venda livre, disponível em muitas lojas
de varejo, incluindo farmácias, supermercados e comerciantes de massa. Ele fornece alívio da indigestão ácida, azia e indigestão
("estômago azedo").

328
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

meio do caminho da cama, ele tirou o casaco. Ao lado dela, ele tirou o
cinto, desabotoou a blusa e bateu para fora ambas as abotoaduras.
— Sou eu, —ele disse enquanto cuidadosamente se deitava com ela.
Novo murmurou algo em seu sono. Então ela se virou para ele e se
aconchegou perto, seu corpo se encaixou perfeitamente com o dele, seu
cheiro inundando o nariz, sentindo uma grande sensação de paz. Ele
desejou que as luzes se apagassem e fechou os olhos.
O tom silencioso do sistema de aquecimento em cima era o ruído
brando mais perfeito do planeta. E o profundo suspiro de relaxamento
que Novo soltou fez o se sentir com cem metros de altura e forte como
um boi.
— Você veio, —ela disse em seu peito.
— Você está acordada.
Novo levantou a cabeça. Os olhos dela eram tão lânguidos e
sonolentos, seus grossos cílios quase em suas maçãs do rosto. E o rubor
de suas bochechas era porque ela estava quente de dormir.
— Sim, eu vim. —Ele escovou um fio de cabelo de volta. — Você
está maravilhosa.
— Você está brincando comigo.
— Não. Nunca.
Mais tarde, ele teria que se perguntar quem beijou quem primeiro.
Era ele, pressionando a boca dela? Era ela, deixando seus lábios nos dele?
Talvez eles tenham se encontrado no meio.
Provavelmente seria isso.
Lento, muito lento. Suave. Gentil.
— Vem debaixo das cobertas comigo, —ela sussurrou.
— Com ou sem minhas roupas, —ele perguntou.

329
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Houve uma pausa. — Sem.


Seu coração começou a bater enquanto ele se sentava, e antes que as
coisas avançassem, ele queria a fechadura da porta no lugar. Então ele
puxou a camisa sobre a cabeça e deixou cair onde estava. Retirou suas
meias. Ele pulou da cama, libertou o cós da calça e abriu o zíper. Seu
pênis estava totalmente ereto, e ele colocou-o na parte inferior do
abdômen e segurou-o no lugar enquanto se voltava.
Novo estava deixando a bata do hospital cair no chão.
Por um momento, tudo o que podia fazer era olhar para ela. Ela era
incrível, sua pele dourada brilhava contra os lençois e cobertores brancos,
os seios tensos e apertados, a curva de sua cintura e estômago.
— Você vai me ajudar a tirar isso?
— Tirar o quê? —Ele se perguntou. — Oh, os fios. Desculpa.
— Apenas desconecte essas coisas das almofadas.
Ele observou os sensores que forneceram o feed de dados ao monitor
cardíaco. — Você tem certeza de que devemos?
— Eu posso tirá-los quando eu tomo banho. Está bem. E Dr. Manello
disse isso está fora de uma abundância de cautela de qualquer maneira.
Entre na cama você primeiro.
Com um tremor que ele não conseguiu esconder, Peyton deslizou
para o local quente que seu corpo criou. E ele fez o que pôde para manter
seus quadris para trás, mesmo que não houvesse muito espaço—pareceu
grosseiro estar esfregando tudo sobre ela enquanto ela estava soltando o
...
Seus mamilos eram pequenos e rosa e muito perfeitos.
E, embora ele quisesse ajudá-la com os fios, em vez disso, a ponta
dos dedos procurou um de seus seios, a caminho da sua pele lisa. Ela
ofegou quando ele tocava a ponta.

330
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu tenho que provar você, —ele disse com voz rouca.


Em resposta, Novo arqueou, oferecendo-lhe exatamente o que ele
queria e oh, Deus ... ele cobriu essa dica com a boca, sugando, lambendo.
Seus dedos cavaram em seus cabelos e pediram que continuasse—e
aquele aroma. A excitação dela deu um curto-circuito na sua cabeça.
No entanto, ele se reteve.
Impaciente e com fome, ele permaneceu controlado mesmo assim.
E quando sua mão acariciadora ficou emaranhada em um fio, ela
empurrou os ombros para trás. — Deixe-me ... espere, há um restante.
Novo acabou com o último fio, e então ela sorriu de lado. — Tente
ignorar as almofadas.
Ele olhou nos olhos dela. — Eu só vejo você. Confie em mim.
Abaixando a cabeça novamente, ele a acariciou com o nariz
cruzando o esterno e parou para se beijar onde seu coração estava. Depois
de uma oração silenciosa de agradecimento, ele seguiu para o outro
mamilo, movendo a língua em torno dele antes de tomá-lo em sua boca.
Debaixo das cobertas, sua mão roçou seu quadril e acariciou sua
coxa. Ela era músculosa e magra, tão forte, tão poderosa, e puta merda,
estava fodidamente quente. E mesmo que ele quisesse seu pênis nela, ele
tomou seu tempo, acariciando-a, fazendo-a se sentir cada vez mais
quente, até que ela moveu as pernas no colchão, sua respiração estava
chegando em uma batida urgente, e sua espinha ondulando quando sua
pelve rolou com frustração.
Foi só então que ele lambeu e mordiscou o caminho até a clavícula,
a garganta ... os lábios dela. Aproximando-se de sua boca, ele varreu a
mão para dentro de sua perna, indo para o seu calor.
— Sim, —ela disse em seu beijo. — Oh, Deus ... sim.
Seu sexo escorregadio, tão aberto e pronto, quase o fez ter um
orgasmo. Mas isso era para ela. Contendo-se mais uma vez, ele a penetrou

331
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

e encontrou um ritmo, ajudando-a juntamente com o polegar. Quando


ela encontrou sua libertação, ele engoliu seus gemidos.
— Eu quero você em mim, —ela exigiu.
Quando sua mão encontrou sua ereção, ela não precisava pedir duas
vezes. Ele rolou em cima dela, encontrando uma casa enquanto ela abriu
as coxas para abrir espaço para ele. E então ele retraiu seus quadris,
angulou sua excitação ...
— Oh, foda. —Ele gemeu quando a cabeça entrou nela.
Ele deslizou profundamente, tão fodidamente profundo. E ela era
apertada, como um punho. E ela estava quente, como fogo cru. Era como
ele sabia que tinha sido antes, exceto que era muito melhor agora. Porque
ela estava com ele agora, com fome como ele estava.
Ele retirou-se todo o caminho para trás, e deslizou para dentro. E de
volta. E se retirou.
A parte inferior do corpo queria bombear como um pistão, mas
manteve as penetrações lentas e estáveis. Debaixo dele, ela era um cabo
vivo de impaciência, e até mesmo cavou suas unhas em sua bunda para
fazer com que fosse mais rápido.
Ele recusou.
E ele estava feliz por ter feito isso.
Porque quando ela veio, ele conseguiu acompanhar cada pulso, as
contrações trabalhando no pau dele ...
O orgasmo atacou-o por trás, batendo nele e sua vontade como uma
tonelada de tijolos, levando-o a uma toca de prazer do qual ele não
conseguiu escapar.
Ele queria durar mais tempo. Mas quando ele a encheu e deixou cair
a cabeça no ninho perfumado de sua garganta, ele não podia dizer que se
arrependeu de nada.

332
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Como poderia.
Ele nunca teve nada ou ninguém tão bom antes.

Vinte e Nove

Quando Ruhn voltou para o quarto de hóspedes na mansão da


Irmandade, ele se fechou e olhou em volta para a decoração fina. Tudo
era tão bonito, do papel de parede, que certamente parecia seda, para os
armários antigos e mesas, para a cama de dossel que estava coberta pelo
mesmo tipo de tecido pesado que as paredes pareciam estar cobertas.
Ele sempre pensou que parecia bom para o Rei.
Ele nunca se sentiu confortável sob aquele dossel com todos aqueles
travesseiros elegantes e a colcha com monograma—e ele até pensou em
dormir no tapete com um cobertor sobre ele. Ele estava preocupado,
porém, que as criadas que arrumavam todas as noites falassem sobre isso
e seus anfitriões se ofenderiam.
Atravessando o closet, ele teve outra sacudida de não pertencer—
enquanto abriu as portas duplas e confrontou as fileiras cabides estéril em
filas e prateleiras de sapato. Suas duas ou três camisetas, dois pares de
jeans e botas de trabalho não ocuparam espaço na parte a direita. As
blusas e calças que Bitty, Rhage e Mary lhe haviam dado quando a
mansão celebrou as festas de natal humano, o Natal, parecia muito

333
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

quando ele estava desembrulhando-os. Neste vasto espaço de contenção


de guarda-roupa, eles não fizeram nada.
Ele tirou a roupa e colocou tudo no cesto.
Ele tinha que se acostumar com a roupa lavada para ele. No início,
ele havia lutado com unhas e dentes para que Fritz e a equipe deixassem
suas coisas sozinhas para que ele pudesse cuidar deles, mas no final, ele
cedeu.
Aquele rosto deprimido que o mordomo assumia quando lhe era
negado o trabalho era mais do que o que Ruhn poderia suportar.
Andando nu para o banheiro, ele estava tentado a deixar as luzes
apagadas, mas precisava ver a verdade de quão mal havia sofrido ...
— Oh.
Indo para o trecho de espelho acima as duas pias de mármore, ele
sacudiu a cabeça. — Oh céus.
Seu rosto parecia ruim. Muito ruim. Um lado inteiro estava inchado
e distorcido, e ele se inclinou para mais perto do vidro e cutucou o
ferimento cuidadosamente com o dedo. A dor de resposta sugeriu que
Saxton poderia estar certo. Essa bochecha poderia muito bem estar
quebrada e talvez ele precisasse de um curador.
E então lá estava seu lábio cortado.
— Talvez um banho ajude.
Ele não tinha idéia de com quem ele estava falando.
Movendo-se para o compartimento de vidro, ele abriu a porta
transparente e ligou a água. O fato de que havia seis cabeças de chuveiro
diferentes sempre lhe pareceu um luxo ridículo—mas ele nunca se
queixou quando ele estava embaixo.
Ele certamente não faria isso esta noite.

334
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Seu corpo estava doendo em alguns lugares, e ele sibilou quando os


cortes abertos nos nódulos dos dedos entraram em contato com a água.
Seu braço esquerdo estava dolorido, mas ele não se absteve do por quê
disso. Isso exigiria que ele reproduzisse a luta em sua mente e ele queria
fingir que nada aconteceu.
Depois que ele se ensaboou e lavou com shampoo, ele não passou
condicionador, ele não entendia por que as pessoas limpavam os cabelos
apenas para colocar porcaria de volta nele—ele saiu, se secou com uma
toalha e tentou ganhar um argumento com ele mesmo sobre não ir à
clínica.
Bitty decidiu por ele, no entanto.
Se ela o visse assim, todo arrembentado? Ou se as coisas se curassem
errado e esse lado do rosto acabaria torto permanentemente? Ela poderia
pensar que ele era o monstro que ele tinha sido.
Ele não podia suportar isso.
De volta ao armário, ele puxou jeans novos, uma camiseta limpa da
Hanes e aquele suéter azul que Bitty lhe dera.
Ele usou o suéter para ter sorte. Para ter força. Para ...
A batida em sua porta era suave e não era uma boa notícia. Talvez
fosse sua sobrinha, tendo visto seu caminhão estacionado no pátio com
os outros veículos.
— Quem é? —Ele disse.
Houve uma pausa. — Eu.
Quando a voz de Saxton se registrou, Ruhn ficou tão chocado que
não conseguiu se mexer. Mas então ele entrou em ação e foi até a porta.
Abrindo, ele se viu agarrando a maçaneta com tanta força, que seu
antebraço doeu. — Olá.
— Posso ter um momento do seu tempo? Em particular?

335
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Novo sentiu que Peyton ainda estava em cima dela, ela
congelou. Isso não deveria acontecer—não tanto por causa do sexo,
embora ela tivesse se surpreendido com o desejo mesmo que ela ainda
estivesse destruída. Não, o que ela não queria era o tipo de sexo que
tinham tido.
Porra. Ela só queria um sexo furioso, do tipo que chacoalhava os
dentes e quebrava as camas, de que você estava ferida da noite que teve,
e fez você se sentir como você estivesse em um acidente de carro.
Não essa coisa suave e gentil.
O primeiro era atlético e agressivo, e por isso era mais fácil manter
uma guarda. O que ela e Peyton acabaram de fazer? Estava muito perto.
Para ... íntimo.
— O que há de errado? —Ele perguntou a ela.
Quando ele puxou para trás, ela não conseguiu encontrar seus olhos.
— Nada. Está tudo bem.
Depois de um momento, ele se retirou—e ela odiava que seu corpo
sentia falta dele imediatamente. Isso também era algo que ela não
precisava.
— Você sabe, —ele disse calmamente, — mais cedo ou mais tarde,
você terá que decidir se você gosta de mim ou não.
Uma pontada de consciência a fez mais honesta do que ela
normalmente teria sido. — Não é você. Realmente.
— Oh, meu Deus, que linha. —Seu sorriso era mordaz quando ele
virou as pernas e sentou-se na beira da cama. — E você sabe, eu usei-o
também. É sempre uma mentira.

336
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Nem sempre.
— Bem. Na maioria das vezes.
Houve um longo período de silêncio e tentou não rastrear seus
ombros e a parte superior do corpo com os olhos. O músculo extra lhe
convinha. E não era o único lugar onde ele era grande.
Ela fechou as pálpebras quando uma explosão de calor erótico puro
a atravessou como um alargamento solar.
— Eu gosto de você, —ela se ouviu dizer. — Eu não sou ... boa em
toda a coisa de relacionamento.
Ele olhou por cima do ombro para ela. — Eeeeeeeee eu também usei
essa linha! Ei, me devolva meu livro didático.
— É verdade.
Peyton pareceu se concentrar no chão enquanto sacudia a cabeça. —
Não, francamente, é besteira. Porque quem é bom em relacionamentos?
E é isso que você nos viu? Aguarde, não responda isso—porque está no
passado agora, claramente.
Novo se sentou. — Peyton. Estou falando sério.
— Meu nome. Eu acho que você está. —Ele deslizou da cama alta e
puxou suas calças. — E isso é legal. É o que quer seja, você sabe. Eu não
vou empurrá-la.
— Eu não estou interessado em nada.
— Evidentemente. Embora eu ache que devo ser elogiado pelo fato
de você estar se sentindo ameaçada por mim. É um ataque indireto, para
ter certeza. Mas você provavelmente só dá esse discurso de linha dura às
pessoas que você acha que, possivelmente, possam passar através de sua
carapaça de durona. Então, ei, me inscreva para esse emblema de mérito,
okay? Provavelmente um dedo médio contra um fundo de emancipação
feminina, mas eu tenho certeza que eu posso encontrar uma jaqueta para
colocar isso.

337
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ao olhar para ele, as palavras vieram até ela, mas apenas em sua
mente: eu perdi um bebê. Depois que o macho me deixou para ficar com a minha
irmã—e Sophy só veio para ele para provar que poderia ganhar ok? Eu abortei
sozinha, numa casa fria, e eu prometi a mim mesmo que nunca mais iria me
envolver emocionalmente com ninguém.
E então você vem, e por um tempo, eu tive que descartar você como um idiota
rico ... até que você me prometeu que você nunca me machucaria e então você fez
amor comigo em vez de me foder.
Agora eu quero fugir de você porque eu não quero aprender essa lição duas
vezes.
Ok, tudo bem, tudo seria muito melhor falado em vez de
simplesmente pensar e manter para si mesma. Mas ela não conseguiu dar
esse salto. Ela não conseguiu abrir a boca e contar-lhe sobre todas as
razões pelas quais ninguém, não só ele, foi autorizado a chegar até ela.
— Eu estou indo, —disse ele, — antes que você tenha que jogar outra
linha minha de volta para mim. O que, eu estou disposto a apostar, vai
ser o todo, sinto muito, mas tenho que sair agora porque tenho que trabalhar—
o que, pelo menos para mim, foi realmente uma mentira flagrante até eu
entrar no programa. Mas, você tem isso.
Inclinando-se, pegou suas meias e enfiou-as nos bolsos das calças.
Pegou a camisa e colocou-a. A jaqueta também. Seus mocasines—eram
de pele de avestruz? —ele colocou o esquerdo e depois o direito. Ele penteou
o cabelo com os dedos. Pegou suas abotoaduras.
À medida que ele adicionava mais e mais roupas ao seu corpo
anteriormente nu, ele se movia cada vez mais rápido, como se sua partida
fosse um trem acelerando.
— Então eu vou te ver quando te ver. —Peyton parou na porta. — E
a mensagem foi recebida, ok? Vou deixá-la em paz, especialmente agora
que você está de volta aos seus pés.

338
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele deu-lhe um sorriso que veio diretamente de uma revista de moda,


todo arrogante e cheios de dentes brancos perfeitos. — Cuide-se.
Ele bateu no batente como um juiz colocando o martelo sobre uma
base, e então ele se foi como se nunca estivesse estado ali.
No silêncio, ela disse a si mesma que era o melhor. Ele se sentia
muito bem. Ele passou por suas defesas muitas vezes. Ele era o tipo de
surpresa que ela não precisava em sua vida.
E sua partida não poderia ser melhor. Na próxima vez que o visse ao
lado dela—e seria sábado à noite—ele seria re-classificado novamente de
forma adequada e tudo ficaria bem.
Ela não iria tê-lo de outra maneira.

Trinta

Equanto Saxton estava parado na porta do quarto aberto de Ruhn,


esperando por sua resposta, ele respirou profundamente e sentiu aquela
maravilhosa combinação de sabão e shampoo que o macho usava.
— Por favor, —disse Ruhn enquanto ele recuou. — Entre.
Saxton entrou e pensou imediatamente que a decoração não se
adequava ao macho. Não que o quarto era feio ou mesmo mal feito. Na
verdade, foi um exemplo muito elegante do que ele gostava de pensar

339
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

como neo-monarquia, tudo damasco e seda e dourado o yin-yang. O azul


escuro estava bem, e funcionou bem com as pinturas dos Antigos Mestres
e toda a folha de ouro, mas será que Ruhn se sentiria confortável? Era
muito espalhafatoso e sofisticado.
Essa fazenda de Minnie era melhor, toda feito à mão e prática,
simples e polida durante anos, contra todos os tipos de capas de verniz.
— Você prefere que eu deixe a porta aberta? —Ruhn perguntou.
Saxton olhou por cima do ombro. — Não. Por favor, feche, obrigado.
Houve um clique suave e, em seguida, Ruhn ficou de pé de um lado,
as mãos cruzadas na frente dele, os ombros caídos e inclinados para
frente.
Lembrou a Saxton da primeira vez que se sentaram juntos no sofá de
Minnie, quando o macho tentou se tornar mais pequeno do que realmente
era.
— Eu só queria te dizer que ... —Saxton riu bruscamente quando ele
fez uma pausa. — Você sabe, para um advogado que lida com palavras o
dia todo, eu me encontro curiosamente com a língua presa.
— Eu vou esperar, —disse Ruhn. — Pelo tempo que você precisar.
Quando Saxton se encontrou ao lado da cama, ele parou e ficou
surpreso ao perceber que ele estava andando de um lado a outro. Virando-
se, ele falou claramente. — Sinto muito se fiquei muito impressionado
com tudo. Peço desculpas por lhe causar qualquer má impressão, se foi
por isso que você saiu, que minha opinião sobre você mudou de alguma
forma. E também quero dizer que sou um covarde.
As sobrancelhas do macho se levantaram. — Eu ... não entendo.
Saxton moveu-se para a borda da cama. — Posso me sentar aqui?
— Sim. Claro. Esta é mais sua casa do que a minha.

340
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Isso não é exatamente verdade, mas não precisamos discutir sobre


isso.
Saxton olhou para o dossel e depois olhou para as cortinas que
estavam nos quatro pés. Deus era como se Tallulah Bankhead tivesse
deixado seus vestidos dos anos quarenta.
Ele voltou os olhos para o macho. — Eu sou um covarde comparado
a você.
— Porque ficou no caminhão quando aqueles humanos vieram atrás
de nós?
— Não, por que ... —Ele respirou fundo. — Eu estava apaixonado
por alguém. Eu disse 'eu estava' porque a profundidade dos meus
sentimentos não era correspondida e eu tive que viver com essa realidade
por todo esse tempo. Foi uma situação muito desconfortável para mim.
Ruhn piscou. — Eu ... eu sinto muito. Isso deve ter sido muito difícil.
— Sim, —disse Saxton suavemente. — Tem sido difícil lembrar
regularmente do que eu desejava, e é difícil não se sentir menor mesmo
quando se está bem ciente de que não é uma questão de fracasso—o
coração quer o que quer. —Ele encolheu os ombros. — E você sabe, eu
também não sou o primeiro nem o último a lidar com tal coisa.
Ruhn cruzou os braços sobre o peito e olhou para o chão. — Foi
alguém desta casa?
— Sim.
— Quem?

Tallulah Brockman Bankhead, conhecida pelo nome artístico de Tallulah Bankhead, foi uma atriz norte-
americana nascida no Alabama, conhecida por sua voz rouca, personalidade vibrante e sagacidade devastadora.

341
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Saxton hesitou. — Blaylock, filho de Rocke. —Quando não houve


resposta, ele suspirou. — Blay é o único. Era ele.
Ruhn ficou calado por um tempo. — Eu me sinto bastante ciumento
do macho no momento.
— Você é tão sincero. —Saxton balançou a cabeça com admiração.
— Estou impressionado com o quão transparente você pode ser.
— Isso é bom ou ruim?
— Eu amo isso. É quase tão atraente quanto o seu sorriso.
O macho olhou para cima. Corou. Desviou o olhar. — Blaylock é
um macho muito bonito. Ele é gentil também.
— Ele também é um lutador. Assim como você está noite.
Ruhn franziu a testa. — Você está tentando me fazer sentir menos
culpado pelo meu passado?
— Sim, eu não posso evitar. Eu não pensei em mais nada desde que
nos separamos. Eu odeio que você se sinta mal pela tortura que eles te
submeteram. Você foi uma vítima.
O homem cruzou os braços como se estivesse se segurando. — Eu
não quero mais falar sobre isso.
— Nós não temos que fazer isso. Mas eu acho ... você foi sincero
comigo e eu quero ser sincero com você. Eu consegui que meu coração
fosse quebrado, e nunca pensei que alguém além de Blay chegaria a essa
parte de mim. Eu acho que acreditei que ele quebrou algo fundamental
em mim. Que fui mudado para sempre. E então eu conheci você.
A cabeça de Ruhn levantou seus olhos arregalados.
— Lembro-me do momento em que te vi pela primeira vez. —Saxton
sorriu. — Eu estava na reunião com você, Rhage e Mary relacionado a
adoção de Bitty. Eu não conseguia parar de olhar para você.

342
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Mas eu pensei que era porque você não confiava em mim ou me


reprovava. Eu sempre—sempre que você olhava para mim, achei que era
...
— Você é um macho muito fascinante. Mas eu assumi que você era
hetero.
— Bem, eu nunca pensei em termos de hetero ou gay antes. Eu
sempre acreditei que as fêmeas eram as únicas ... você sabe—opção. Até
te conhecer.
Saxton sorriu novamente. — Só para que você saiba ... eu acho que
eu também poderia me apaixonar por você. E eu não posso imaginar que
eu diria isso sobre alguém mais, ou para ninguém, nunca mais. A verdade
é que, no entanto, quero ver onde essa conexão está nos levando. Se é
algo que você está interessado. Você foi corajoso dizendo o que fez ... e
eu quero ser corajoso também.
O rubor que atingiu o rosto de Ruhn era um para recordar—e sua
tímida felicidade fez Saxton sentir como se estivesse fazendo a coisa certa.
Você não pode voar se você não pular.
Ninguém sabia qual seria o resultado disso. Mas ele queria viajar. Ele
queria sair de Caldwell e sair dessa rotina em que ele havia caído.
Havia uma jornada a ser realizada com Ruhn.
— Sim, —disse o macho. — Eu gostaria de saber também.
— Posso te beijar agora? —Perguntou Saxton.

Ruhn atravessou a sala e se sentiu transformado. Parecia impossível


percorrer uma distância emocional tão vasta quando era apenas uma

343
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

questão de pés, mas, quando ele ficou em frente à Saxton, ele se sentia
renovado.
Era extraordinário. O mundo que uma vez parecia cinza e fechado
agora tinha um horizonte com uma noite gloriosa cheia de estrelas. E todo
esse universo estava contido no rosto bonito que o olhava da beirada da
cama em que ele dormia.
— Sim, —ele disse enquanto tocava o cabelo loiro de Saxton. —
Você sempre pode me beijar.
Exceto que ele foi quem se inclinou e era a sua boca que encontrou a
do outro macho. Tão doce tão suave ... e ele se endureceu
instantaneamente no lugar que mais contava.
— Trancou a porta? —Disse Saxton contra sua boca.
— Sim.
Um deles cuidou disso. Ele realmente não rastreou qual. E então ele
afundou de joelhos entre as coxas do macho. Como ele era alto, ele
conseguiu manter o contato em suas bocas, pois suas mãos encontraram
todo o tipo de coisas que tinham que ir: jaqueta, camisa ...
Ele fez uma pausa quando chegou ao botão do macho e voou.
Saxton também estava duro, sua excitação era um eixo espesso sob
o tecido fino.
Olhando para cima, Ruhn bebeu à vista do peito, dos ombros, da
clavícula. — Eu não sei como fazer isso?
— Oh, Deus ... você sabe, você sabe.
— Você gostaria que eu ...
— Estou prestes a gozar apenas de olhar para você entre minhas
pernas. Faça o que quiser comigo.
Ruhn sorriu e, em seguida, se atrapalhou com as calças. Ele não
queria rasgá-los—bem, na verdade, ele queria arrancá-los do macho, mas

344
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

ele não queria danificar as coisas. As calças eram elegantes, eles abriram
revelando uma boxer preta ... e essa ereção.
Saxton se levantou. — Permita-me.
E então o macho estava nu.
Magnífico, era tudo o que Ruhn conseguia pensar quando acariciava
as coxas lisas até o estômago plano e os graciosos ossos do quadril.
A ereção foi ainda melhor. Dura, orgulhosa, implorando por
atenção.
Ruhn o agarrou. Quente e duro. E Saxton gemeu, a cabeça do macho
caindo para trás, então ele só pode ver a ponta do queixo dele.
Inclinando-se, Ruhn abriu a boca. Ele pensou que poderia ser
estranho. Em vez disso, era como o sexo naquela cozinha tinha sido ... o
mais natural, sugar aquele pau, acariciando e provocando com a língua
em sua cabeça.
Quando Saxton desabou para trás na cama, Ruhn foi com ele. E ele
viu o advogado venerado e educado do Rei arqueando-se com
desamparo, especialmente quando sua libertação chegou.
O que a Ruhn estava mais do que feliz em atender.
Mais de uma vez.
E então, Saxton começou a devolver o favor: Ruhn rolou e observou
com admiração, enquanto ele próprio estava despojado. Aquela cabeça
loira se enclinou e a sensação de sucção úmida o fez amaldiçoar e
segurasse o edredom. Concentrando-se no dossel acima dele, ele lutou até
o suor irromper por todo ele.
Ele não podia olhar. Não porque ele estivesse envergonhado ou era
feio.
O olhar que ele recebeu era muito quente, muito erótico, o belo rosto
de Saxton e os lábios esticados com algo grande demais para lidar.

345
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele veio na boca do macho.


E ele gritou o nome de Saxton até ficar rouco.

Trinta e Um

Na noite de sexta-feira, Novo puxou seus couros pretos no lugar,


abotoou o zíper e virou-se para o espelho da pia do banheiro. Seu top
preto estava mais do que disposto a entrar e ficar em seu lugar. O cabelo
estava trançado nas costas. E em outro minuto e meio, ela teria colocado
suas botas de combate.
Era tão bom pra caralho estar em sua própria pele novamente. Para
ter sua energia recuperada. Para parar de se perguntar, a cada segundo,
se o coração dela iria entrar em uma arritmia fatal.
Pena que esse não era seu primeiro tiro no campo.
Não, não. Era hora da festa de despedida de solteira. Hurra .
Não, realmente não. Hurra.
Mas hey, pelo menos, ela não tinha acabado de sair da cirurgia, e
fazer xixi em uma bolsa. A comparação foi ... bem, pelo menos uma
melhoria moderada em termos de tortura.

Hurra e uma expressão de triunfo, aprovação ou encorajamento.

346
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ok, tudo bem, os dois estavam muito equilibrados.


Neste ponto, no entanto, ela só teve que suportar uma ou duas horas
antes de retornar à sua vida real. Com o esfaqueamento e a operação, ela
teve que morrer um par de vezes e deixar o buraco sozinha durante
aqueles dias e noites.
Caminhando para a sala principal, ela foi até onde ela guardava suas
armas em um cofre contra incêndio trancado do tamanho de um pequeno
frigorífico. O cofre foi a coisa mais cara que possuía no quarto que ela
vivia, mas assim que ela tinha entrado no programa de treinamento e
recebeu seu primeiro salário, ela tinha investido na besta. A última coisa
que ela precisava era de um ser humano invandindo e quebrando e
ficando com um monte de armas sem números de série, facas feitas por
um mestre ferreiro que era um vampiro e explosivos.
E vamos encarar isso. Este não era o melhor dos bairros.
A caixa de sapatos de trinta-por-trinta metros que ela alugava fazia
parte do porão de um prédio sem elevador e que não tinha janelas, mas
significava que as coisas cheiravam um pouco a bolor mesmo no inverno.
O prédio era propriedade de um vampiro, no entanto, o que facilitou tudo
e a melhor coisa? Era dela.
Sua família nem tinha o endereço.
Puxando o cobertor cobrindo o cofre—sim, porque, oh, aquilo era
uma camuflagem inteligente—ela colocou o código, abriu a porta e tirou
seus nove e um punhal de lâmina curta. Pensando bem ... não, apenas
um nove. Um pouco mais de poder de fogo e ela ficaria tentada a
transformar sua irmã em queijo suíço.
Oh espere. Isso iria acontecer de qualquer maneira.

pistola 9 milímetros

347
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ela enfiou a faca e a arma no quadril de tal forma que eles pareciam
nada mais do que um telefone celular de um lado e um walkie-talkie no
outro. Então ela pegou sua carteira e seu celular, jogou seu casaco, e saiu
para um corredor apertado e frio. No final, havia uma porta e um pequeno
lance de escadas de concreto até o nível da rua.
Do lado de fora, o vento estava com o mesmo humor que ela,
agressivo e desagradável, e enquanto ele girava ao redor de seu corpo, era
como estar no metrô e ter pessoas esbarrando em você enquanto estava
em pé.
Seu último pensamento, antes de se desmaterializar para o inferno,
era que Peyton não tinha entrado em contato com ela.
Tinha sido o plano, e o que ela pediu para ele fazer. Mas ele ainda a
surpreendeu. E era embaraçoso, na verdade, com que frequência ela tinha
verificado seu telefone em busca de mensagens de texto ou ligações.
Graças a Deus, ela morava sozinha.
O que realmente estava irritando ela? Como ela ficava frustrada toda
vez que não era ele—o que acontecia toda vez que ela pegava o telefone.
Ela tinha recebido uma série de mensagens: Paradise, pedindo que ela
viesse a uma festa de aniversário. Boone, querendo saber se ela gostaria de
ler algum de seus livros. Axe, para ver se ela queria se exercitar. Nenhum de
Peyton.
E sua mãe e irmã a atormentaram com o tópico noiva-mageddon ,é
claro.
OMG, pessoal, estou me sentindo muito melhor. Sim, isso foi por um triz,
toda aquela coisa de quase-morte. Mas eu estou bem e você foi muuuuuuuito útil
durante a minha recuperação. Obrigado! *coração feito de dois dedos / dois
polegares sobre o peito * Amo vocês!

Trocadilho sobre noiva e armagedon (o fim do mundo)

348
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Jesus Cristo, esta noite ia fazer o seu esfaqueamento parecer uma


moleza.
Movendo-se para o canto do edifício, ela encontrou uma sombra
densa e se desmaterializou através da cidade para ...
Santa. Maria. Mãe de tudo o que era estrogênio.
Como um nadador no oceano cercado por seus camaradas, ela olhou
para a esquerda e para a direita, não porque não pudesse reconhecer que
havia um grande branco com mau trabalho dentário indo direto para as
pernas bambas, mas sim porque ela estava procurando, rezando, por um
bote salva-vidas de qualquer tipo no horizonte.
Não. Ninguém estava chegando e mais tubarões estavam a caminho.
O lugar era rosa e iluminado por luzes roxas. Dentro, através das
janelas de vidro, viu cortinas de renda e cartazes emoldurados de Paris.
Muitas mesas redondas e cadeiras incompativeis e alegremente pintadas.
Flores. Xícaras de chá. Torres de sanduíches para o chá, mesmo que
fossem oito horas da noite.
Imagine My Little Pony conhecendo KUWTK e eles servem
comida livre de glúten.
A única coisa que foi uma surpresa foi o quão grande era lá dentro.
Quando ela entrou, o ar estava cheio de açúcar em pó e manteiga
derretida, mas descobriu que a sala de chá era apenas o começo das
coisas. Por trás daquela seção, havia um restaurante francês adequado

Serie de desenho animado da televisão: My Little Pony: A Amizade é Mágica

Keeping Up with the Kardashians é uma série de reality show americano que vai ao ar no canal pago E!. O programa
foca nas vidas profissionais e pessoais da família Kardashian.

349
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

que tinha um único Cosmo-bar e uma área de dança que certamente


nunca teve um mosh pit em qualquer lugar perto dele.
As coisas ficaram mais fracas a medida que ela avançava, mas a
decoração nunca perdeu sua paleta de menina de sete anos de idade, rosa
e roxa. E os garçons ficaram um pouco mais intensos, embora fosse mais
como se você tivesse adicionado corantes de tintas vermelhas extras para
a cobertura: na parte da frente, você tinha mulheres humanas em vestidos
rosa da década de 1940 e aventais brancos. Na área do restaurante, havia
homens e mulheres com o estilo roupas de maquina de refrigerante; e, por
fim, ao redor da pista de dança, a segurança consistia em homens de 57
quilos com camisetas de conscientização sobre a mudança climática e pêlos
faciais que saíam do livro didático de Paul Bunyan .
Então, novamente, era improvável que esses garotos tivessem que
pedir a alguém para sair, muito menos para tirar alguém. Os clientes eram
tão a cara de Sophy, oitenta por cento deles eram mulheres com grande
eloqüência e gestos com as mãos que até mesmo um boxeador
profissional não podia seguir por muito tempo.
Novo sentiu como uma mosca em uma tigela de vichyssoise — e
quando ele entrou no que era o restaurante propriamente dito, ela recebeu
todos os tipos de atenção. Todas as garotas bonitas com suas lindas
roupas olhavam para ela, suas expressões que variavam de quem-deixou-
isso-entrar para abençoe-seu-coração, dependendo de onde elas estavam no
espectro de Meninas Malvadas.
Ela encontrou sua irmã presidindo sua corte de intelectuais de
mentalidade semelhante em uma formação especial de mesas ao lado da
pista de dança. Havia um bom número deles, bem mais de uma dúzia, e

O mosh, também conhecido como mosh pit, roda-punk ou ciranda-punk (ou apenas roda) no Brasil, consiste numa forma de dança
associada à gêneros musicais mais agressivos como o punk rock e o heavy metal.

Lenhador gigante lendário que aparece em contos tradicionais do folclore americano.


A vichyssoise é uma sopa tradicional da culinária de França, outrora servida em todas as estações termais. É feita à base de alho-
porro, cebola, batata, nata ou crème fraîche e caldo de galinha, aromatizada com bouquet garni.

350
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

isso não foi uma surpresa. Uma rainha precisava de suas damas de
companhia.
O segundo em que Sophy a viu, a fêmea olhou para o lugar dela.
Então ela olhou para a mão direita como se estivesse buscando por força.
Quando a outra mulher, que se parecia muito com a velha Lynda Carter ,
assentiu e apertou o ombro, Sophy pôs o guardanapo sobre a mesa e se
levantou.
Esse sorriso era tão brilhante e falso quanto um par de próteses
dentárias.
— Novo, estou tãaao feliz por você estar aqui.
Era como ser abraçada por uma esponja de pó e quando Novo
recuou, o perfume de um buquê de primavera da fêmea estava
impregnado em sua jaqueta de couro como se alguém a golpeasse com
um lírio da Páscoa.
— Eu guardei um lugar para você. Bem ali.
Novo olhou para o outro lado, no final da mesa. Havia algumas
cadeiras vazias, e ela estava disposta a apostar que foi de propósito.
— Obrigado.
Muito engraçado de sua parte Sophy, ela pensou, enquanto caminhava
calmamente ao seu assento de burro .
Esta foi a melhor coisa que aconteceu com ela durante toda a noite:
se você tomou o modelo de doença infecciosa, não haveria inoculação que

Lynda Carter é uma atriz norte-americana. Tornou-se famosa no papel-título da amazona na série de TV de
aventura e fantasia Mulher Maravilha, exibida originalmente de 1976 a 1979.

o chapéu de burro tem sido um símbolo visual de idiotice e punição, aqui neste caso se refere ao ‘assento de burro’.

351
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

pudesse funcionar contra o patógeno de Pollyanna , então o isolamento


era melhor.

— Então, o que você acha?


Enquanto Saxton fez a pergunta, ele olhou através da mesa do
restaurante. Ruhn estava mastigando lentamente e parecendo como se
estivesse tentando entender o dialeto de uma língua com a qual ele estava
apenas se familiarizando.
— É delicioso, —ele anunciou depois que ele engoliu. — Como é
chamado novamente?
— Frango tikka masala .
— E isto?
— Garlic naan .
O garçom aproximou-se da mesa e falou com um acento bonito e
fluido. — Está tudo ao seu gosto?
— Oh, sim, —disse Ruhn. — Posso ter outro prato disso? E mais do
arroz?

Se você é ainda menina-moça – ou mesmo que, ao contrário, seja um distinto e provecto cavalheiro – já leu ou deve ter ouvido as
estórias de Poliana. Poliana é personagem de uma obra da literatura universal, que a norte-americana Eleanor Porter escreveu em 1913.
Conta a história de uma garota que vê tudo “cor de rosa”, sem maldades, sempre acreditando no melhor das pessoas e da vida, sendo
incapaz de fazer algum mal a alguém. Ela é toda amor e bondade.

Frango tikka masala – é um prato de pedaços de frango assado marinado em um molho curry temperado. O
molho é geralmente cremoso e de cor alaranjada.

Garlic naan – Pão feito a base de alho, temperos e especiarias.

352
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O homem humano curvou-se. — Imediatamente senhor.


Saxton sorriu para si mesmo. E ainda estava sorrindo quando a
segunda rodada chegou vinte e cinco minutos mais tarde. Ruhn acabou
tendo uma terceira rodada também.
Ele era um comedor preciso, não era descuidado ou preguiçoso com
garfos ou mãos e limpava a boca constantemente. Ele também fez boas
perguntas.
— E então, o que o senhor fez? —Ele perguntou.
Ele também era muito bonito à luz da pequena vela que estava entre
eles, iluminando seus olhos, o rosto acentuado pelas sombras da chama
movendo-se em seu pavio. Enquanto Saxton olhava para aqueles lábios,
lembrou-se de como haviam passado o dia lá embaixo na fazenda de
Miniahna, entrelaçados naquela velha cama bamba, o calor de seus
corpos provendo todo o calor de que precisavam, sua paixão acumulada,
não extinguido.
Ruhn estava provando ser o tipo de amante que Saxton estava
procurando por toda a vida. Havia uma grande fome e um forte domínio,
mas tudo isso era mediado por uma fonte de consideração e cuidado. Era
o yin e o yang do sexo, o agarrar e o acariciar, o morder e o beijo, o
empurrar para baixo e o embalar.
— Saxton?
— Desculpe-me, eu estava apenas admirando a vista—e lembrando
do dia. —Na sugestão, esse rubor era encantador—e foi tentado a
continuar com o tema de fazer amor. Mas ele deixou isso por agora. —
De qualquer forma, o pai cedeu. Ela poderá se acasalar com o macho que
ela escolher. No final, o amor venceu.
— Eu gosto desse resultado.
— Eu também. —Saxton se inclinou para frente quando o macho
pareceu se retrair em seus pensamentos. — O que você está pensando?

353
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu gostaria de acreditar que eu deixaria Bitty escolher. Quero


dizer, não que eu seja seu pai ou qualquer coisa. Mas eu espero que eu
faça isso por ela desde que o macho não seja um cara ruim ou perigoso.
— Você irá. Você não é um pai ruim.
— Rhage é o pai dela. —Ruhn sacudiu a cabeça. — E eu estou bem
com isso. É difícil ser pai, estou intimidado pelo papel. Meu pai ... ele era
meu tudo, meu herói. Ele era forte e ele honrou minha mahmen. Ele
trabalhou duro e nos proveu bem. Tudo o que sempre quis fazer era ser
como ele e viver de acordo com seus padrões. Eu nunca senti como se
tivesse feito as coisas direito.
— As relações familiares são complicadas.
E deve ter sido muito difícil perceber que o macho não era perfeito,
pensou Saxton. Que ele havia posto em perigo sua família através do jogo.
Que Ruhn tinha tido que pagar as dívidas de seu herói.
Entretanto, essas palavras ficaram suspensas. Parecia cruel lembrar o
macho do que ele havia vivido. Ruhn sabia muito bem o preço que teve
que ser pago.
— Meu pai era o oposto. —Saxton incliou-se para trás enquanto seus
pratos estavam limpos. — Eu nunca quis ser como ele. Eu ainda não
quero.
— Ele não podia ... aceitar você?
— Simplesmente não me aceitar teria sido uma benção. Ele me odeia
por quem e o que eu sou. Ele preferiria que eu estivesse morto. Não
costumava ser assim. Mas, uma vez que minha mahmen morreu. Tudo
mudou. Eu sinto como se ele fosse mal.
— Eu sinto muitíssimo. Mas ... me perdoe, pensei que a aristocracia
era mais ... eu não sei qual é a palavra ...
Quando Ruhn parou, Saxton assentiu. — Oh, é permitido desde que
seja não seja visto nem ouvido. Quando me recusei a acasalar uma fêmea

354
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

de uma linhagem adequada, meu pai me expulsou da família, da casa e


do testamento. Eu deveria me colocar no lugar dele, afinal de contas.
Sendo um advogado, cuidando de heranças e finanças. Procriar para
produzir a próxima geração da glymera que nega o que eles realmente
são—mas veja, meu pai é gay. Mas, em sua opinião, que é a única que
importa em seu mundo, ele escolheu o caminho certo para realizar sua
preferência—ou seja, traindo minha mahmen por todo o seu
acasalamento. Claro, ela era tolerante com o arranjo. Nada dessas coisas
sexuais estranhas. A esse respeito, eles eram perfeitamente compatíveis.
— Estou feliz que você não tenha acasalado com uma fêmea que
você não quisesse.
— Eu também. O que me custou em termos de minha família, foi
mais que compensado por eu ser quem sou sem desculpas.
— Você acha que em algum momento você gostaria de ter um filho?
Saxton tomou um gole de água para tentar esconder uma súbita onda
de emoção. — É possível que sim. Você sabe ... é possível que sim.
— Eu nunca pensei sobre isso até começar a passar meu tempo com
Bitty. Eu gosto de contar-lhe as histórias de sua mahmen e eu, sobre as
tradições da família que tivemos e as refeições que seus granhmen fizeram.
Os brinquedos que seu avô fez. Eles são tudo que tenho para dar a ela, e
ela parece querer ouvir as histórias. Isso me faz sentir como se eu estivesse
mantendo meus pais vivos e ela sua mahmen. Eu amava muito a minha
família. Ainda mais agora que estou na vida de Bitty.
— Você é uma pessoa muito boa, Ruhn. E eu gostaria de ter crescido
do jeito que você fez. Nós tínhamos todos os tipos de coisas materiais,
mas sem laços emocionais com as pessoas que viviam sob aquele grande
teto.
— Quando você é pobre, tudo o que você tem são as pessoas em sua
vida. Quem são eles e o que eles representam para você. Essa é a maior
riqueza que você pode ter no mundo. É o que você vai passar para a

355
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

próxima geração. É o que estou dando a Bitty, e estou tão agradecido que
seus novos pais compreendam e me aceitam na vida dela.
Quando a conta chegou, Ruhn pegou. — Eu tenho um pouco de
dinheiro. A três noites atrás, Wrath me colocou na folha de pagamento e
eu sinto como se eu ganhasse.
— Bem, vou ter que agradecer pelo jantar mais tarde está noite.
Deixei-o corar. Oh, sim ... aquele rubor adorável.
Depois que Ruhn tirou algumas notas e colocou-as na pequena
bandeja de plástico com a conta, ambos se levantaram e atravessaram o
labirinto de mesas e outros clientes.
Sentia-se bem em ser parte do mundo, estar com um amante que ele
gostava profundamente, estar comendo e bebendo, conversando e
andando, indo trabalhar e ansioso para voltar para casa. As coisas
pareciam mais vivas, os cheiros da comida, os sons da conversa humana
... a sensação de Ruhn quando ele estava atrás dele e Saxton pegou a mão
que ele ofereceu, carne com carne, um calor magnífico.
Lá fora, o frio era como um beijo de boas-vindas no rosto em vez de
algo para se preparar, o chão tão escorregadio, parcialmente coberto de
sal, era uma desculpa divertida para se apoiar no braço de Ruhn quando
viraram a esquina do beco que os levava na parte de trás do restaurante.
Lá, nas sombras, eles se beijaram por um longo tempo, corpos
reclamando por contato através de roupas de inverno, cachecóis, luvas,
as horas em que iam estar separados, como uma pista de obstáculos a
serem superadas.
— Eu tenho que ir verificar a casa da Sra. Miniahna, —Ruhn disse,
quando eles finalmente se separaram.
— Eu devo voltar lá assim que Wrath e eu terminarmos.
— Bom. Então, eu vejo você mais tarde.
— Eu não posso esperar.

356
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Saxton fechou os olhos para se desmaterializar, uma rajada


de vento atravessou o restaurante e a loja de cartões ao lado. Mas também
poderia ter sido uma brisa leve e tropical.
Na verdade, o calor rejuvenescedor do novo amor trouxe a primavera
ao mundo inteiro, independentemente da época do calendário.

Trinta e Dois

Duas horas de comer e beber mais tarde, e Novo estava pronta para
mastigar sua própria perna para sair do Café Estrogênio. Não que ela
comeu. Ou bebeu.
Não, era como estar em um zoológico para os compradores de
Victoria's Secret: enquanto ela permanecia no final da mesa, ela observava as
fêmeas brincarem com seus cabelos e entrar em debates sobre se o
ceviche deve ter uma coisa ou outra, na-porra-de-rolos-de-couve-
orgânicos.

Ceviche, cebiche ou seviche, é um prato da culinária peruana baseado em peixe cru marinado em suco
de limão ou lima ou outro cítrico.

357
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Embora ela tinha que dar crédito a sua irmã, no entanto. Sophy
estava em seu elemento, tão solícita com os outros, inclinando-se para
frente, com uma mão cuidadosa, para tocar um antebraço magro,
perguntando: — Esse frango está bem? Você precisa que ele seja feito outra
maneira?
Ou algo nesse sentido. E as fêmeas eram tão recatadas, todas, — Oh,
nãaaao, é fabuloso. Realmente ... mesmo que seja mal passado.
Ao que Sophy diria: — vou chamar o garçom. Quero que esta noite seja
perfeita para você.
— Mas você é a noiva!
— Você é minha melhor amiga! Estou tãaao feliz que você esta aqui ...
Blá blá blá.
Era a arte performática no seu melhor, e Novo conhecia o outro lado
deste brilhante dólar de prata brilhando: em casa, Sophy desconstruíria
tudo o que as outras fêmeas estavam vestindo, o que tinham comido, o
quanto pesavam, se os cabelos estavam fleek.
E fleek ? O que diabos isso significa?
Uma definição de trabalho parecia envolver extensões de cabelo,
quatro tons diferentes de loiro "natural" e spray de cabelo suficiente para
transformá-los em uma potencial vela romana. Além disso? Ela estava
trabalhando no escuro nessa.
Pelo menos, isso deveria estar quase acabado ...
Quatro machos vampiros se aproximaram por trás dela não se
registraram normalmente. Um deles, no entanto, carregava um perfume
que ela lembrava muito bem.
Seu primeiro instinto foi se virar e ver se ela estava certa, mas ... mas
os olhos de Sophy se iluminaram e então ela ficou de pé sobre os saltos

On fleek " é uma gíria usada para descrever que algo é, está ou ficou perfeito, muito bom,"top", bonito; que foi perfeitamente feito,
etc.

358
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

agulha e juntou as mãos como se tivesse ganhado a versão Powerball da


Sephora .
Claro, que Oskar apareceria.
Novo deveria ter visto isso chegando.
Mantendo os olhos fixos no prato vazio, ela confiava em sua visão
periférica. Ele ainda tinha a mesma altura, ele ainda usava a mesma
colônia—mas suas roupas eram diferentes, jeans apertados e um casaco
preto de três quartos moderno em vez da calça cáqui e da jaqueta North
Face que ele teria usado na época de Novo. O cabelo estava mais
comprido e puxado para trás em um coque-de-homem.
E ele deixou crescer uma barba.
E ele usava óculos pesados de armação preta.
Dólares para donuts, ela poderia adivinhar quem era o responsável
por esse novo "look".
Os três que estavam com ele eram variações do macho evoluído, o
da sua esquerda estava tão longe que usava uma camiseta TODAS NÓS
SOMOS FEMINISTAS sobre sua gola alta.
Não que ser feminista fosse uma má idéia. De modo nenhum. Era
apenas que Novo supunha que ter um par de ovários provavelmente
significava que você tinha um pouco mais de pele nesse jogo. Mas de
qualquer forma.

Linha francesa de cosméticos.

casaco 3/4
Cadeia de lojas famosas pelo seu vestuário, vestuário e equipamentos esportivos.

359
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

No momento oportuno, a mesa entrou em ebulição feminina em


direção aos recém-chegados, todos rindo sorrateiramente, o riso
explodindo como bombas de glitter, um estouro de alegria, quando os
machos saíam e cumprimentavam suas namoradas ou casais.
De sua distância longe do centro, Novo decidiu estragar tudo e se
concentrar em seu antigo amor. Seu rosto estava rígido, pensou ela—mas
talvez ela estivesse lendo isso. E ele parecia entediado, embora, mais uma
vez, suas próprias predileções poderiam atribuir isso a ele ...
Oskar deu um passo para trás e foi quando se virou—e olhou para
ela duas vezes.
Sophy percebeu imediatamente e ela encobriu a raiva em seus olhos
com a mesma rapidez. Com o sorriso mais largo ainda, ela fez um gesto
para ele, claramente dizendo-lhe para que fosse cumprimentar sua
querida e amada irmã.
Oskar enfiou as mãos no casaco e caminhou de cabeça baixa—um
cachorro que havia sido espancado com um jornal em sua bunda por
rasgar algo em pedaços. Quando ele chegou até Novo, ele limpou a
garganta.
— Hey, e aí. —Sua voz ainda era a mesma coisa. Suave, um pouco
ronco. — Estou feliz em te ver, Novo.
Ela se perguntou por um longo tempo como isso iria acontecer.
Como seria vê-lo, cheirar ele, ouvi-lo falar. Ela sempre assumiu que ela
ficaria aleijada de dor e que as lágrimas, aqueles sinais de fraqueza
externos odiados, escapariam de seus olhos e escorreria pelas suas
bochechas. Seu coração trovejaria, suas palmas suariam, ela ...
Estou olhando para um garoto, pensou.
Este não era um macho crescido diante dela, e as chances eram boas,
independentemente da idade dela, ele sempre seria assim. Ele era alguém
que precisava de uma Sophy, alguém para lhe dar as orientações gerais

360
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

de sua vida, que lhe dizesse como seria o seu guarda-roupa, dizer-lhe
como entrar em algumas situações e como sair dos outros.
Novo tinha atribuído muito, em sua ingenuidade.
A maturidade através da dura experiência apagou isso.
— É bom ver você também, —ela murmurou.
Seus olhos vagavam pela multidão humana. — Ouvi dizer que você
está no programa de treinamento da Irmandade.
— Eu estou.
— Muito impressionante. Fiquei surpreso quando Sophy me contou
sobre isso. Como está indo?
— É um monte de trabalho. Mas é bom. Estou feliz com isso.
Ela parou por dois motivos: um, ela não achou que era da sua conta e,
dois, ela não queria parecer defensiva.
— Eu sempre soube que você faria algo grandioso. —Agora seus
olhos se deslocaram para os dela e ficaram parados. — Quero dizer, desde
que te conheci ... você era diferente.
— Sophy tem suas próprias características particulares. —Ela
encolheu os ombros. — Para cada um deles.
— Sim. Para cada um …
Quando ele deixou a frase cair, ela esperava que ele dissesse uma
despedida rápida e embaraçosa e voltasse para a Mamãe, por assim dizer.
Mas ele não fez isso. Ele apenas olhou para ela.
Novo foi quem quebrou o contato visual. E sim, adivinhe quem teve
o suficiente daquela fodida reunião?
Sophy aproximou-se do macho e ligou o braço dele ao dela. — Dança
comigo, Oskar. Vamos.
Novo ficou de pé. — Estou saindo, Soph.

361
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Oh, você não deve! É hora de dançar—fique um pouco mais. —


Aqueles olhos se estreitaram. — É o mínimo que você pode fazer,
considerando que Sheri teve que fazer todo o trabalho para esta noite e
para a cerimônia de casamento.
Com isso, a fêmea fez uma pirueta e levou seu peso morto com ela—
então ela tirou seu casaco e deixou-o sobre a mesa.
Novo se deixou cair em sua cadeira. Do jeito que ele olhou para ela,
ela poderia passar mais trinta minutos para cá, ou acabar com o dobro em
seu telefone mais tarde à noite e amanhã. Pelo menos sentada à mesa, ela
não tinha que falar com ninguém.
O cabelo loiro de Sophy brilhava sob as luzes da pista de dança, e seu
corpo esbelto, em seu vestido solto, fazia Oskar parecer ainda maior e
mais forte. O par deles era uma imagem, um romance jovem capturado
na borda do resto de suas vidas.
Desde que você não olhasse muito de perto.
Enquanto Oskar segurava sua fêmea em seus braços, ele estava
olhando sobre sua cabeça, com uma expressão suave. Enquanto isso,
Sophy estava falando com ele com uma urgência que estava encobrindo
aquele sorriso Proactiv , onde ela estava tão feliz e focada na vida.
Claramente, havia problemas no paraíso. Por outro lado, não era
incomum que os casais tivessem problemas quando se aproximavam de
uma cerimônia de acasalamento. Muito estresse, especialmente se você
insistisse em abranger tradições e ser a Rainha por uma noite ...
— Fantástico te encontrar aqui.
Novo saltou de sua cadeira e se virou. — Peyton?
Com certeza, o inferno era. O lutador estava de pé bem atrás dela, e
ele estava vestido como se ele estivesse a caminho de um dos seus clubes,
seu terno liso e camisa de colarinho aberto, o tipo de coisa que você

Linha de produtos de beleza.

362
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

poderia fugir em Caldwell nesta época do ano apenas se você tivesse um


motorista.
— O que você está fazendo aqui? —Perguntou ela.
Ele olhou ao redor. — Só pensei em comprar alguma comida pseudo-
francesa superfaturada e mal preparada na companhia de humanos e
vampiros presunçosos—e oh, hey, 'surpresa’, eu acho você aqui. Não é o
seu trabalho habitual, é?
— Nem mesmo perto. E você realmente se deixou cair por aqui?
— Sim. Totalmente. Uma sorte absolutamente estúpida.
— E, assim como nada, porque eu mencionei para você quando e
onde esse fiasco aconteceria?
Peyton fez uma careta totalmente elaborada e depois fez uma
imitação do bolo do noivo da Steel Magnolias : —
Cuullpaaaaadooooooooo.
Novo tentou engolir sua risada, ela realmente fez. Mas porra, ela
estava feliz em vê-lo, mesmo que ela não deveria estar.
Exceto que ele ficou sério. — Na realidade, eu tinha algo para te
perguntar. É o tipo de coisa que ... bem, eu não queria fazer isso pelo
telefone e, além disso, não tinha certeza se eu ligasse você atenderia.
Ela ficou longe desse último, porque ela nem queria pensar em todos
aqueles telefonemas—que ninguém precisava saber sobre isso.
— O que você queria me perguntar?
Seus olhos incríveis olharam para o chão e ele limpou a garganta.
Depois de um momento, ele pareceu se recuperar e olhou para ela.

Steel Magnolias é um filme americano de drama e comédia de 1989 dirigido por Herbert Ross. É uma
adaptação cinematográfica da peça de Robert Harling, de 1987, com o mesmo nome. A peça e o filme são sobre o vínculo que um grupo
de mulheres compartilha em uma comunidade sulista de cidade pequena e como eles lidam com a morte de um deles.

363
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— O que diabos é um douche canoe?


Novo soltou uma gargalhada tão alta, que ela virou as cabeças dos
humanos sentados em toda a sala, mesmo que a música estivesse tocando.
No entanto, nada aconteceu com as fêmeas na mesa. Porque já estavam
olhando para ela.
E céus, não pude decidir se todo o susto era porque um macho se
dirigia a ela. Ou porque Peyton parecia exatamente o que ele era: Um filho
privilegiado da glymera.
— Bem? —Ele perguntou. — Eu estava esperando conseguir uma
definição prática.
— Não é um elogio, —disse ela. — E é pior que um imbecil.
— Maior carga útil, hein, —ele murmurou com um sorriso lento.
— Sim. Bastante. Você pode colocar um número infinito de imbecis
sem cérebro em uma canoa que um saco.
— Ei, esta cadeira ao seu lado está ocupada? Eu tive que andar todo
o caminho até aqui e eu consegui uma bolha.
— Realmente, —ela disse. — Você está indo com isso?
Peyton se inclinou. — Vai funcionar?
Ela desviou o olhar. Olhou para trás. Deus, ela realmente desejava
que ela deixasse de sorrir. — Eu não sei.
— Eu tomarei isso como um sim, —ele disse enquanto se sentava ao
lado de sua cadeira. — E só posso dizer ... aleluia.

Peyton sabia que ele estava fazendo um grande jogo aparecendo nas
bodas dessa noiva ou qualquer coisa que os humanos chamassem. Ele fez

364
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

aquele voto de não incomodar Novo honestamente—e ele tinha toda a


intenção de cumpri-lo ... pelo menos durante as primeiras vinte e quatro
horas ou assim. Infelizmente, não ver ou falar com ela provou ser mais
difícil do que ele esperava—e no final, ele pensou, que diabos. Negação
plausível. Ele era um recruta livre para ir a Caldwell, e ei, se ele aparecesse
no mesmo lugar que ela provavelmente poderia ter mencionado como e
onde ela poderia teoricamente estar em uma noite de sexta-feira?
Bem, esses foram apenas as opções.
Desculpa.
Eu não sento isso, de verdade.
E ali estava ela, parecendo melhor do que qualquer mulher ou fêmea
no lugar com seus couros pretos e sua regata, os ombros e os braços fortes
dela, e seu corpo novamente como ele sempre foi.
Poderoso. Sexy.
Oh, Deus, ele só queria estar dentro dela novamente. Ele não se
importava com os termos ou os porquês. Só com mais uma vez.
— Você quer algo para comer? —Ela perguntou a ele. — Ou seus
meninos estão esperando por você no carro?
— O douche-móvel está vazio no momento. —Ele sorriu. — E eu ...
— Você não vai nos apresentar?
Ao som da voz feminina mais aguda, ele olhou para o que tinha
vindo até eles: uma loira caramelo com grandes dentes brancos, com uma
falsa imitação de um vestido de renda de Valentino e olhos que estavam
muito próximos uns dos outros. Ah, e olha, ela tinha um acessório. O macho
que estava no seu rastro podia usar uma coleira presa a um colarinho
proverbial, com a expressão de um cãozinho de colo e a vibração moderna
sob a superfície, o tipo de coisa que te fazia pensar se ele tinha bolas ou não.
Provavelmente, Peyton decidiu. Mas elas estavam na bolsa da fêmea.

365
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Novo? —Incito a fêmea. — Não vamos ser rudes com o seu


convidado.
Ok, esse sorriso era para a porcelana fina do que Dixie era para os
pratos.
— Este é Peyton, filho de Peythone, —murmurou Novo. — Ele está
no programa de treinamento comigo.
Houve uma pausa. E então, a Pomeranian deu uma olhada para
Novo e colocou a mão para fora. — Bem. Que adorável. E permita-me
apresentar-me desde que minha irmã, Novalina, parece não estar certa de
fazê-lo. Sou Sophya.
Aqueles olhos saltaram para cima e para baixo, de seus sapatos para
o terno, para suas abotoaduras, e ele poderia jurar que ouviu o estrondo
de uma máquina somadora no fundo quando atribuiu um valor
monetário a tudo.
Fale sobre antipatia instantânea. Ele realmente não ficou
impressionado.
Então, sim, ele deliberadamente permaneceu sentado e cruzou os
braços sobre o peito. — Ei.
— Você está, ah, você está se juntando a nós para dançar? —Ela
sorriu rigidamente enquanto abaixava a mão. — Porque todos têm que
dançar com a futura noiva, você sabe.
Ele ignorou isso e se concentrou no macho em pé atrás dela.
Engraçado, para alguém que, aparentemente, estava se acasalando em
breve, ele não parecia muito interessado na mulher com quem estava
passando a cerimônia.

Marca de pratos descartáveis

Pomeranian – um pequeno cão de uma raça com pelos longos e sedosos, um focinho pontiagudo e orelhas
pontudas.

366
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Não. Ele estava olhando para Novo.


Por um lado, Peyton podia entender. Novo estava quente pra
caralho, uma Bugatti em um estacionamento cheio de minivans. Por
outro lado ... ele realmente queria apenas castrar o filho da puta e
alimentar ele com seu próprio pau.
Em seguida, coloca-lo no meio da pista de dança.
Talvez cortá-lo em pedaços com uma serra, enquanto os humanos
gritavam e corriam para a saída.
Em seguida, atear fogo ao cadáver.
Sim, por que você realmente deveria limpar suas bagunças.
— ... claro, eu sempre tive um toque especial para o estilo. —A irmã
de Novo fez uma pausa para tomar fôlego. — Quer dizer, o casamento
vai ter que ser certo para ...
— Este deve ser o-seu-futuro hellren, —disse ele, cortando-a.
— Ai sim! Sim, eu sinto muito. —Ela deu um passo para o lado e fez
um gesto como Vanna White . — Peyton, este é o Oskar.
Oskar.
O nome que Novo tinha chamado em seu sono.
Enquanto um balde de água fria caia sobre sua cabeça, Peyton
levantou-se. — Nomeado após um cachorro-quente . —Ele se aproximou
e estendeu a mão. — Que reduto de honra você tem aí, irmão. Ou você
prefere salsicha?

Marca italiana-francesa de carros de luxo e competição


Vanna White (nascido Vanna Marie Rosich; 18 de fevereiro de 1957) é uma personalidade americana de televisão e atriz de cinema
mais conhecido como a hostess da Roda da Fortuna desde 1982.
Refere-se a salsichas Oscar Mayer. A Oscar Mayer Company é uma empresa americana de produção de carnes e embutidos, de
propriedade da empresa americana de alimentos Kraft Heinz. É conhecida por seus cachorros-quentes, mortadelas, bacon, presunto e
produtos Lunchables.

367
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Todo mundo congelou.


E então Novo começou a rir tanto que quase caiu.

Trinta e Três

Era rude rir. Novo sabia disso. Ela honestamente sabia disso. Mas a
noite, que tinha começado com uma nota baixa e depois afundou nos
níveis subterrâneos, de repente se transformou em um romance—e
parecia mais como uma aventura do que uma prova de resistência.
— Desculpe cara. —Peyton deu um tapinha no ombro de Oskar. —
Só brincando.
Sophy se recuperou rapidamente e interpôs-se entre os dois machos.
Sim. De fato. Bem, ah, Peyton ... você deve me contar tudo sobre você.
Venha, vamos nos sentar juntos. Garçom! —Sophy gritou. — Garçom,
um menu para o meu convidado! —Ela realmente estalou os dedos. E
então puxou uma cadeira para ela e outra para Peyton. — Eu quero ouvir
tudo sobre como a Irmandade é. Você deve ter algumas histórias incríveis.
E lá estava. O charme. Os olhos batendo. O toque no antebraço do
macho.
Em resposta, Peyton olhou para trás e para frente entre Sophy e
Oskar—mas Novo não pôde dizer se ele foi pego por sua irmã ou não. E

368
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Deus, isso seria ... realmente desagradável. Embora ela não tivesse
nenhuma reivindicação sobre ele.
Um poço formou em seu estômago—exceto quase que
instantaneamente, ela pensou, não. Se sua irmã quisesse puxar outro
Oskar aqui, o tiro de Sophy sairia pela culatra. De jeito nenhum Peyton
ia se acasalar com um civil: apesar de Sophy ser bonita e certamente ter
agressividade social para tentar dar um passo à frente, não havia outro lugar
para ela ir naquela escada.
Paradise era muito mais seu estilo como a filha do Primeiro
Conselheiro do Rei.
— Peyton? —Sophy solicitado. — Então? Você vai se sentar comigo?
Okaaaaaaay, além da referência de salsicha, a noite mais uma vez
enviava um torpedo contra o capacete, e Novo olhou por cima do ombro
em direção à saída. Hora de ir. Ei, se Peyton quisesse conhecer melhor a
sua irmã—inferno, se ele quissesse fodê-la apenas só porque ele podia?
Mais poder para el ...
— Não, nós não vamos ficar.
Arqueando as sobrancelhas, ela virou a cabeça para trás ... para ver
Peyton pegando sua jaqueta de couro nas costas da cadeira.
— Vamos Novo, —disse ele. — Eu estou levando você a cidade.
— Você não pode sair, —protestou Sophy. — Espere, você não pode.
Peyton se inclinou e olhou diretamente para a fêmea nos olhos. —
Eu posso fazer qualquer coisa fodida que eu quiser, querida. E o que eu
não vou fazer é ser um brinquedo de corda para você enquanto você
ignora o pobre FDP que você está acasalando e desrespeitando sua
irmã. Eu diria que foi um prazer conhecê-la, mas desisti de mentir
algumas noites atrás, então é um não-vou. E eu gostaria de desejar a você
uma vida feliz, mas não é para isso que você está indo. —Ele pegou Oskar

Filho da puta

369
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

com um olhar duro. — E você também não é meu amigo. Se você tiver
algum cérebro sobrando, você vai deixá-la ou explodi-la. Boa sorte.
Novo ficou tão atordoada, que ela se deixou ser levada para fora.
Mas vamos lá.
Vamos.
Os dois passaram pelos outros humanos comendo refeições
completas e entraram na seção do salão de chá do local. E então eles
estavam fora no frio.
Ela começou a rir assim que ela atingiu o ar da noite.
Colocando o punho na boca dela, ela gemeu: — Isso foi incrível. Isso
foi fodido demais.
Peyton indicou o caminho a seguir. — Meu carro está por aqui.
Tomando seu cotovelo, ele a levou até um—oh, uau, um elegante
Range Rover e abriu a porta para que ela pudesse deslizar atrás.
— Oh, meu Deus, você fez isso. —Ela ainda estava rindo e
conversando com ele mesmo quando ele fechou a porta e deu a volta. —
Você fodidamente fez isso.
Havia um doggen atrás do volante, um jovem, e ele se virou em seu
assento. — Eu sinto muito, senhora? O que eu fiz?
Ela bateu a mão pelo ar quente, no-carro-com-cheiro de novo. — Nada.
Eu estava apenas—eu estava falando com ele.
Peyton entrou e ordenou: — Dirija.
— Onde posso levá-lo, senhor?
— Em qualquer lugar, eu não me importo.

Range Rover

370
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando se afastaram do meio-fio, ficou claro que Peyton não estava


rindo.
— O que há de errado? —Perguntou ela.
— Quem é Oskar para você?
Bem, isso deu um duplo-toque em sua feliz-feliz, alegria-alegria. E
agora ela se tornou igual a ele, séria como o inferno.
Quando ela olhou para o motorista, Peyton disse: — Ele é discreto.
— Só porque seu servo não vai falar com mais ninguém, não significa
que eu esteja discutindo meus assuntos pessoais em torno dele—ou com
você.
— Então você admite que você e Oskar estavam juntos.
— Com cíumes?
— Sim. Especialmente porque ele estava olhando para você o tempo
todo. Ele está se acasalado com aquele pesadelo de fêmea em quantas
noites? E ele só tem olhos para você. O que você fez, dispensou ele
quando você ficou entediada e ele namorou com ela porque isso era o
mais perto que ele poderia chegar a você?
— Tente o contrário, —disse ela em voz baixa.
— O que?
Ela virou-se para a janela e olhou para fora. Eles estavam passando
por outros restaurantes que eram de propriedade e gestão local. Neste
bairro, não havia nenhuma das cadeias comerciais que estavam mais
próximas das saídas da Northway ou dos arranha-céus do centro da
cidade. E através das fachadas de vidro embaçadas dos restaurantes, viu
seres humanos nas mesas, as famílias reunidas, os garçons e as garçonetes
carregando comida e bebida nas bandejas.
— Ele me deixou por ela, —ela se ouviu dizer.
Ok, ela precisava parar ...

371
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Que porra ele estava pensando?


Novo disse a si mesmo para não se sentir elogiada. Inferno, Peyton
tinha que dizer isso só porque esperava conseguir alguma coisa mais
tarde.
— Quero dizer, sua irmã é falsa, —ele continuou. — Desculpe, eu
sei que ela é seu sangue, mas essa é uma das fêmeas mais transparentes
que já conheci na minha vida—e eu estou na glymera, por Deus. Nós
inventamos esse tipo de horror.
Novo se virou para ele. Ela não pôde evitar.
Peyton estava sentado em seu assento, mas ele não estava olhando
para ela. Ele estava olhando para frente, seus olhos desfocados como se
estivesse revivendo toda a cena.
— Ela não tem qualquer respeito por ele, —disse ele. — Esse é o seu
futuro hellren. Ela deveria estar preocupada com ele sobre qualquer outra
pessoa, especialmente um idiota como eu que ela não conhece. Mas ela
avaliou minhas roupas e decidiu ... bem, de qualquer maneira. E Oskar
merece o que ele está recebendo se ele escolheu algo assim sobre uma
mulher como você. Quero dizer ... você é tão forte, bonita e inteligente.
Você é uma pessoa real.
Novo piscou uma vez. Duas vezes.
E decidiu que realmente queria foder com Peyton. Como, agora
mesmo.
Ela se inclinou para o motorista. — Leve-nos para The Keys. Você
sabe a onde fica?
O doggen balançou a cabeça. — Não senhora. Desculpe-me, eu não
sei.
— Vire a esquerda aqui. Eu vou te dizer para onde ir.

372
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O sangue de Peyton engrossou e seu pênis ficou duro no instante em


que Novo disse a palavra "Keys" e quase não achou que tivesse ouvido
corretamente. Mas então suas instruções eficientes os levaram à modesta
entrada do clube sexual mais famoso de Caldwell.
Inferno, pelo que ele entendeu, o lugar era bem conhecido mesmo na
cidade de Nova York.
— Estou vestido adequadamente? —Ele perguntou quanto o Range
Rover parou.
— Nós vamos ter uma máscara do Pessoal .
Novo saiu pela porta e ele fez o mesmo ao seu lado. Inclinando-se de
volta, ele disse ao motorista para estacionar e esperar.
Ele não tinha idéia de quanto tempo eles estariam lá. Ou o que
aconteceria depois.
Antes de se endireitar, ele escondeu a ereção de modo que ficasse
deitado na parte inferior do abdômen e fechou o paletó. Enquanto isso,
Novo deixou sua jaqueta para trás, então ela estava naquela regata e
aquelas calças de couro, que—oh, Deus, ele a queria tão malditamente
ruim.
Especialmente quando ela avançou seus passos largos a levaram para
o inicio de uma fila de espera que tinha pelo menos cinquenta pessoas.
Havia dois caras de pé em uma porta sem identificação, e quando ela
mostrou uma chave, eles a deixaram entrar imediatamente—e eles o
saudaram claramente porque ele estava com ela. Lá dentro, ele podia

Pessoal – e como são chamados a equipe que trabalha no clube The Keys

373
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

sentir o cheiro do sexo e ouvir música, mas não conseguia enxergar além
das pesadas cortinas que delineavam uma espécie de ante-sala.
Olá, senhora nua.
Das sombras, uma mulher com os dois seios pintados de vermelho e
nada em sua metade inferior emergiu para oferecer-lhes máscaras que
eram negras e o lembraram de O Fantasma da Ópera. Uma vez que elas
estavam no lugar, Novo puxou a cortina para trás e caminhou para frente.
E mais uma vez, Peyton seguido ... só para parar apenas dentro da
barreira.
Hieronymus Bosch ele pensou enquanto retomava o caminho para o
vasto e mal iluminado espaço. Essa foi a única coisa que lhe veio à mente.
Enquanto a música bombeava pelos alto-falantes, ele não conseguia
enxergar, seus olhos estavam sobrecarregados de imagens de corpos nus
e contorcidos. Alguns estavam espalhados em bancos e sofás. Outros
estavam em caixas de metacrilato. Havia poços afundados onde as formas
torcidas giravam e se transformavam em punhos humanos e filas de
mulheres e homens de cabeça para baixo ou para cima em mesas com
todos os tipos de pessoas cobrindo-os.
Este poderia muito bem ter sido o cenário para ele há alguns anos
atrás.
Inferno, ele estava vivendo em uma escala menor há apenas uma
semana ou duas.

Jeroen van Aeken, cujo pseudônimo é Hieronymus Bosch, e também conhecido como Jeroen Bosch
Hertogenbosch, c. 1450 + 9 de Agosto de 1516), foi um pintor e gravador holandês dos séculos XV e XVI. Muitos dos seus trabalhos retratam
cenas de pecado e tentação, recorrendo à utilização de figuras simbólicas ... essa imagem chama-se ‘O jardim das delícias terrenas’

374
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E não era que não o interessasse. Ele estava curioso sobre como tudo
funcionava, embora isso fosse mais como um hey, do que qualquer tipo
de impulso erótico.
Havia apenas uma pessoa que ele queria foder, e ela o estava levando
cada vez mais fundo no clube.
— Isso te excita? —Perguntou Novo enquanto olhava para ele.
Chega, ele pensou.
Pegando o braço dela, ele a virou e bateu seu corpo diretamente no
dele.
— Você me excita, —ele resmungou.
Com um movimento de seus quadris, ele foi imobilizado contra ela
e foi quando seus olhos ficaram quentes por trás daquela máscara. E ele
não podia não responder a isso. Ele a agarrou-a na bunda—com força—
e a empurrou contra uma parede. Segurando uma mão na frente de sua
garganta, ele apertou o suficiente para forçá-la a respirar.
— Isso é o que você quer? —Ele disse com dureza. — Você quer duro
e onde as pessoas possam ver?
— Foda-se você. —Ela mostrou suas presas e sibilou para ele. E sim,
eu quero.
Sua mão empurrou-se entre eles para encontrar seu pênis, e ela não
o acariciou tão devagar—e ele adorou.
Deslizando a mão para a frente de sua camisa apertada, ele abaixou-
a para que seus braços ficassem presos. Sem sutiã. Foda-se, sim ... sem
sutiã. Ele segurou-a no lugar pela garganta e foi pelo seu mamilo,
mordendo-o com suas presas para que ele pudesse sugar seu sangue
enquanto chupava. Em resposta, seus dedos se atrapalharam em seu
cabelo e uma de suas pernas se levantou e envolveu seu traseiro.
Por que diabos ela não estava usando uma saia?

375
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Imerso nos preâmbulos, ambos ofegavam por isso. Então ele virou
para encarar a parede, empurrou seus quadris para fora, e tirou a faca que
sempre carregava no bolso do peito.
— Não se mova.
Quando ela olhou para ele, ele deixou cair a lâmina e esperou até que
ela concordasse. Então ele deslizou a mão livre para cima e para baixo
em sua fenda, esfregando o couro, acariciando seu sexo através de suas
calças. Isso não durou muito tempo. Pegando a lâmina afiada, ele cortou
a costura que foi diretamente para o centro dela, guardou a faca e deslizou
quatro dedos, dois de cada lado, no buraco que ele havia feito.
Foi um empurrão limpo.
E abaixo, seu sexo nu e sem pêlo estava aberto, pronto, molhado para
ele.
Ele libertou de seu pênis tão rápido, que ele rasgou sua própria calça.
E então ele entrou nela em um único golpe, poderoso que a levou de cara
na parede. Ela gritou alguma coisa, talvez fosse o seu nome ... com o som
da música, eu não tinha idéia ... e agarrou seus braços com força enquanto
ela abria mais as pernas.
Peyton a montou como um animal.
Foda-se suas roupas elegantes. E foda-se as pessoas que estavam
assistindo eles, também. Ele não se importou com nada além de entrar
dentro dela. Enchendo-a. Fazendo isso uma e outra vez até que ele saiu e
correu em rios dentro dela.
No meio do caminho, ele percebeu que estava marcando ela.
De alguma forma, ao longo do caminho, ele havia se vinculado a ela.

376
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Trinta e Quatro

Saxton não podia esperar para deixar a Casa de Audiências. Seu senso
de responsabilidade e dever para Wrath garantiu que ele fizesse todo o
seu trabalho, mas no instante em que ele pode, ele estava fora pela porta
dos fundos e desmaterializando-se em direção a Minnie.
Ele entrou através da costura no tempo descascando, mas, como ele,
ele estava ciente de uma grande resistência. E assim que ele foi
completamente reformado, ele entendeu o porquê.
A explicação estava deitada no chão, a cabeça debaixo da pia de
Minnie longa pernas esticadas, os braços armados e trabalhando em
alguma coisa lá dentro.
— Tudo bem, essa é uma fantasia minha, —disse Saxton. — Quem
sabia que eu queria que você fosse um cosplay de um encanador?
Houve um ruído metálico e depois uma maldição. E então, seu
operário quente estava sentado e enxugando a testa no braço dele. Uau.
Camisa da Hanes e jeans azul. Músculos sob as roupas. Macho em tudo,
em todo lugar.
Ainda e meu coração, pensou Saxton.
— Você voltou, —Ruhn disse com um sorriso.
Saxton colocou a bolsa no balcão e tirou o casaco de caxemira. —
Eu estou de fato. E você está sujo e suado.

377
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Vou tomar um banho ...


— Não se atreva.
Saxton se aproximou e se ajoelhou entre as pernas de Ruhn.
Correndo as mãos sobre as coxas apertadas, ele fez um rápido trabalho
em abrir o botão—e então levou à boca o que estava sonhando a noite
toda.
A explosão da respiração de Ruhn foi seguida por uma série de golpes
pesados.
Então o macho soltou sua chave inglesa.
Quemaravilhoso.
— Saxton ... —Houve outro suspiro. — Oh, Deus, sim ...
Saxton olhou para cima. Ruhn estava esfregando a cabeça como se
tivesse batido contra a borda do balcão—mas o macho não parecia
preocupado com o impacto em sua têmpora. Não, seus olhos estavam
cheios de admiração e calor. Na verdade, sempre houve um grau de
surpresa por trás da paixão erótica de Ruhn, como se ele não acreditasse
que seu corpo fosse capaz de se sentir como era. E Saxton adorou isso. A
surpresa e a alegria, o poderoso instinto e urgência—todos ancorados por
uma sensação de que era a primeira vez, sempre.
Saxton voltou ao trabalho, sugando e lambendo, e ele podia dizer,
pelo jeito que os quadris de Ruhn começaram a virar para cima e para
baixo que ele estava se aproximando ...
— Olá! —Veio uma voz alegre.
Afastando a cabeça, Saxton olhou em pânico para frente da casa.
Então ele se afastou enquanto Ruhn correu para o botão aberto voltar
para o seu lugar.
Com um impulso rápido, Saxton se inclinou sobre Ruhn e bateu o
sabonete na pia, sabendo que a fragrância floral cobriria o cheiro da
excitação masculina. Abrindo a torneira, ele começou a lavar sua ...

378
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não ligue a água!


Um dilúvio saiu pela pia, mergulhando as costas de Ruhn e o chão,
assim que Minnie entrou na cozinha. A fêmea veio a uma parada seca.
— Olá! —Disse Saxton quando ele desligou a torneira com o
cotovelo. — Como você está?
E então ele ficou de pé com as mãos ensaboadas pingando espuma
na pia—enquanto Ruhn olhou ao redor dele, encharcado da cabeça aos
ombros.
Minnie começou a rir. — Vocês me lembram de Rhysland e de mim.
Eu não posso dizer-lhe quantas vezes ele se colocou debaixo dessa pia e
tentou consertar esse cano. E ele sempre me pedia para ligar a água.
Ruhn levantou-se com um rubor tão vibrante como se estivesse
usando vermelho. Alcançando as toalhas de papel, ele passou um para
Saxton e usou vários para secar as mãos e a parte de trás do pescoço. —
Isso já se soltou antes?
— Oh, sim. —A fêmea mais velha veio para frente com uma sacola
de lona. — Eu fiz um pouco de pão. E há conservas aqui. Morangos Eu
tive que comprá-los. Os morangos, mesmo os de Whole Foods , parecem
muito duros para mim—oh, as luzes! Você substituiu as luzes que estavam
no teto!
— Sim, senhora. —Ruhn fez uma reverência. — Mesmo aquele que
ficou preso no soquete.
— Aquele ali? —Quando ela apontou para a cozinha, e ele assentiu,
ela sorriu de novo. — Ele sempre faz isso também. Você usou uma batata
para tirá-lo?
Agora Ruhn sorriu. — Eu fiz, sim. Meu pai me ensinou isso. Assim
como ele foi o único que me mostrou como trabalhar em canos. Além

Whole Foods Market, Inc. é uma cadeia de supermercados americana.

379
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

disso, você sabia que há um vaso sanitário com vazamento no andar de


cima?
— Não, eu não percebi.
— Eu preciso ir para o Home Depot e comprar outro conjunto de
canos para isso. Mas eu posso fazer isso no primeiro horário amanhã à
noite.
— Vou dar-lhe algum dinheiro.
— Não, —Saxton cortou. — Você não precisa.
Quando ela olhou para trás e para frente entre os dois, sua alegria se
dissolveu em uma emoção enevoada, o tipo de coisa que puxa seu
coração. E enquanto seus olhos lacrimejaram, ela se atrapalhou em seu
casaco para pegar um lenço de papel para enxugar as lágrimas.
— Esta é uma casa tão grande, —disse ela. — E isso precisa de tanto
... de tudo. Eu tento manter isso, eu realmente faço. Mas é só que eu e
não sou tão forte quanto eu costumava ser.
Ruhn se moveu como se quisesse abraçar a mulher. Mas ele não
conseguiu fazê-lo, sua timidez parecia congelá-lo no lugar. — Vamos
cuidar de tudo por você. E quando você voltar, sempre que algo der
errado e você precisa de uma ajuda, você pode me ligar. Eu virei consertá-
lo.
Com uma determinada fungada, Minnie caminhou até o macho e
jogou os braços ao redor dele. Por um momento, Ruhn ficou de pé,
parecendo que ele entraria em pânico. Mas então ele aliviou seus enormes
braços ao redor da frágil fêmea mais velha e deu-lhe o mais amável de
abraços. E então, Minnie aproximou-se de Saxton.
Ele concordou com o abraço, e quando eles se separaram, ele levou
o lenço do bolso da calça. — Aqui, senhora.

Home Depot – Casa de Material de Construção

380
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Minnie fungou e acariciou seu rosto um pouco mais. — Eu não sabia


o quanto o declínio estava me incomodando aqui, até que uma solução
fosse apresentada. Eu não sabia ... o que eu carregava. Eu senti como se
... eu senti como se estivesse decepcionando Rhysland.
— Bem, nós temos uma solução, —disse Saxton enquanto olhava
para Ruhn. — E nós vamos ter certeza de que você nunca se preocupe
com sua casa novamente, não com a gente.
Quando Ruhn olhou e assentiu com a cabeça, Saxton sentiu um
brilho quente no centro do peito.
— Vocês dois estão apaixonados, não estão? —Minnie disse
abruptamente.
Imediatamente, Saxton limpou a garganta, sem saber se isso seria um
problema. — Senhora, nós somos...
Somente amigos? Era uma mentira que ele não falaria. Mas Ruhn
cruzou os braços sobre o peito e parecia que queria que o chão se abrisse
e engolisse-o inteiro.
— Apaixonados, —Minnie ecoou quando pegou uma mão de cada
um. — Você sabe, o amor é o maior presente que a Virgem Escriba
concedeu às suas espécies. Estou feliz em vê-lo nesta casa novamente.
Rhysland e eu tínhamos muito disso aqui juntos.
A exalação de Ruhn foi acompanhada pelo relaxamento de seus
braços. E então ele começou a sorrir.
Eu lembrarei disso para o resto da minha vida, pensou Saxton. Esta
cozinha com o armário embaixo da pia aberto, os cabelos e a camisa molhada,
Minnie radiante como se fosse uma noite festiva.
Foi o momento em que ele realmente se deixou ir.

381
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O pequeno menino rico acabou por ser um exibicionista destemido e


excitado.
Quando Novo dançava contra uma fêmea alta em látex, ela só tinha
olhos para Peyton: ele estava de pé ao lado, observando as mãos dela
enquanto deslizavam pelo corpo e os quadris da mulher, enquanto ela se
movia, e sua bunda quando ela se virou.
Ele estava faminto por ela. Mesmo depois de todo o sexo que
tiveram, ele estava pronto para ir de novo ... mas apenas com ela.
Outras mulheres—e homens—se aproximaram dele, dançaram na
frente dele, ofereceram-lhe todo o tipo de coisas, mas ele as dispensou
com impaciência. E alguns deles eram incrivelmente bonitos.
Peyton não deu a mínima. Ele só via a ela.
Para uma mulher que havia sido deixada por outra, isso foi uma
revelação. Na verdade, ela não sabia que precisava se sentir tão desejada,
mas estava bem ciente de que a merda era uma ladeira escorregadia para
descer. Você nunca quer ser centrado em outra coisa: porque quando eles
partirem, e eles eventualmente vão, e eles pegam aquela parte de você que
eles encheram com eles e você estará vazio uma vez mais.
Mas, para esta noite? Por esta noite?
Ela estava completa, de uma maneira que ela achava que nunca
estaria novamente.
E, evidentemente, Peyton tinha tido o suficiente com ela nos braços
de outra pessoa. Ele andou a passos largos e praticamente empurrou a
mulher para fora do caminho. Então ele estava beijando Novo, sua boca
cheia de demanda, seu corpo duro novamente, suas mãos ásperas e
gananciosas.
Na próxima coisa que ela sabia, ela estava inclinada sobre algo—ela
não sabia o que e não se importava. E ele estava dentro dela mais uma

382
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

vez, bombeando, puxando sua trança como se fosse as rédeas de um freio,


sua espinha sob pressão. Seu orgasmo era tão intenso, ela juntou seus
molares e sentiu a picada no topo da cabeça.
Fechando os olhos, ela se abriu para todas as sensações: a fraqueza
nos músculos de suas coxas, o material áspero sob sua bochecha, a
compressão de seus seios e as batidas que seu seu sexo estava tomado.
Lágrimas vieram aos olhos dela por baixo da máscara.
Desesperadamente, tento pegar o rabo da emoção e arrastá-lo de
volta para sua gaiola, mas não poderia ter uma vantagem.
Era como se a liberação abrisse o caixão com tudo o que ela tinha
mantido dentro, a velha dor se estendendo como um cadáver, o cheiro
dele, a visão disso, muito grande para ser ignorado.
Ela soluçou na escuridão, dentro da máscara, no sexo de estranhos e
música alta.
Abrindo a boca, ela gritou a dor por si mesma, lançou o passado no
anonimato indecente do clube, usou a foda com Peyton como uma rampa
de saída.
E ninguém sabia.
Era completamente privado.
Eventualmente, Peyton caiu sobre suas costas, seu grande peso, um
belo patamar que a trouxe de volta à terra, sua respiração ofegante em seu
ouvido a confirmação de que ele estava lá enquanto ela passava pela terra
fantasma, ela não estava sozinha, mesmo que ele não tivesse idéia do que
ele a estava ajudando.
Movendo o braço dela, ela procurou por sua mão. Quando ela
encontrou, ela puxou a palma da mão para a frente ... e beijou sua linha
de vida.
Era o mais próximo que ela poderia agradecer-lhe por um presente
que ele nunca saberia que lhe dera.

383
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A cura finalmente começara.

Trinta e Cinco

— Venha para casa comigo.


Quando Peyton abriu a porta de saída do clube para Novo, ele rezou
para ela dissesse que sim. Ele não queria que a noite terminasse. Ele não
queria passar o dia em nenhum outro lugar, que não fosse ao lado dela.
Ele não queria acordar sozinho, sem ela.
— O que o seu motorista vai pensar de nós? —Ela disse.
— Eu o mandei embora á duas horas atrás. Volta comigo.
Quando ela parou e olhou para o céu, ele fez o mesmo. Uma grossa
cobertura de nuvens havia entrado, e havia uma umidade de inverno no
ar. Mais neve estava chegando.
Quem dá uma merda sobre o tempo.
— Meu pai está viajando a negócios, —disse ele. — Nós teremos o
lugar somente para nós. Ele levou seu mordomo com ele, e os outros
criados ficaram felizes por ter uma noite de folga. E está tudo bem, tudo
bem, então eu disse ao motorista para limpar a casa ou ele seria demitido.
Novo girou ao redor. — Onde você mora.

384
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Isso é um sim?
— Não, é uma pergunta sobre onde você mora.
Ele sorriu. — Você nunca dá um centímetro, não é? Meu sangue está
em você. Siga o caminho. Depois de foder você na banheira, eu vou fazer
a Última Refeição na cozinha para nós.
Houve um longo silêncio. Ao longe, uma sirene soou. Uma buzina
buzinou. Três pessoas saíram do clube, os humanos embrulhados nos
braços um do outro, rindo.
— Tudo bem, —disse ela.
Peyton pegou sua mão e deu-lhe um aperto. — Obrigado.
Quando ela se afastou, ele a deixou ir. E então ele fechou os olhos e
se desmaterializou. Quando ele se re-formou no gramado da frente da
mansão do pai, ele não tinha ideia se ela realmente ia aparecer ou não.
Ela era assim. Quente e fria.
Seu coração batia forte enquanto ele estava na neve, o vento girava
em torno dele e assobiava através das plantas sempre-vivas na borda da
propriedade.
As luzes estavam acesas por dentro e, por um momento, ele olhou
para a mansão como se a visse através dos olhos de Novo. Será que ela
gostaria do velho lugar?
De alguma forma, isso não importava e não porque ele não se
importasse com a opinião dela. Era só que, pela primeira vez em sua vida,
o fato de que nada disso o afetava. A vida de seu pai, as expectativas de

A planta sempre-viva, como o nome já diz, parece estar sempre viva, quando exposta ao sol com
frequência, mesmo no inverno. Elas se parecem com pequenas rosetas pontiagudas que surgem sobre pedras e fendas; elas têm
literalmente milhares de cores diferentes e estão disponíveis em diferentes variedades – estima-se que hajam 50 espécies diferentes com
três mil cultivares partindo daí. Essas plantinhas requerem sol direto, pouca água, ótima drenagem e retirada de partes mortas. Elas não
requerem muito mais do que isso. As folhas são estreitas, de textura suave, acuminadas e em tom verde escuro.

385
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

sua linhagem, as exigências de sua esfera social ... ele não era obrigado a
aceitar nada disso e talvez seus vícios tenham representado sua luta para
alcançar essa realidade.
Naquele exato instante, Novo apareceu ao lado dele.
— Bem-vindo à minha humilde morada, —ele murmurou enquanto
ele varria a mão para a grande extensão da casa.
— Você sabe, eu pensei que seria maior. —Enquanto ele recuou, ela
deu-lhe um bom soco no braço. — Peguei você. Este lugar é como um
maldito castelo, você está brincando comigo.
Puxando-a para ele, ele a beijou no alto da cabeça—e ficou surpreso
quando ela o deixou. E então ele a levou para a entrada principal. Quando
abriu a porta pesada, ele ficou surpreso ao ver como estava tenso.
Ela entrou com suas roupas de couro e seu corpo atlético se movendo
com força e sua cabeça erguida enquanto ela olhava em volta.
Seus olhos pareciam não perder nada das antiguidades e grandeza,
os lustres de cristal, do relógio e as tapeçarias.
Virando-se para ele, ela disse secamente: — Você nunca mencionou
que você morava no museu Smithsonia .
— Eu odeio me exibir, você sabe. —Ele fechou a porta com um
chute, o som da coisa tocando em casa ecoando até o teto alto. — É
fodidamente antiquado. Venha. Eu quero te apresentar à minha banheira.
Quando subiram as escadas, ela lhe perguntou quantos quartos
havia, ele hesitou.

Instituto Smithsoniano (em inglês: Smithsonian Institution) é uma instituição educacional e


de pesquisa associada a um complexo de museus, fundada e administrada pelo governo dos Estados Unidos. Com grande parte de seus
prédios localizados em Washington, D.C., o instituto compreende 19 museus e sete centros de pesquisa, e tem 142 milhões de itens em
suas coleções.

386
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Vamos, —ela repreendeu. — Não pode contar por alto?


— Eu não sou bom com matemática, é verdade. —Ele a levou para
a esquerda no final das escadas, pelo corredor que tinha tantas portas.
Vou adivinhar cinquenta ou sessenta. Talvez mais. Há partes neste lugar
que eu nunca me incomodei em entrar.
— Eu moro em um quarto individual. Não, eu tenho dois quartos,
um banheiro e é isso.
— Você terá que me mostrar algum dia.
— Não lhe interessaria mais do que uma caixa de lenços de papel.
Ele parou na frente de sua suíte. — É seu. Então estou muito
interessado.
Novo fez um esforço com a maçaneta, provavelmente como uma
forma de contornar a intensidade que ele estava puxando. Essa era outra
coisa que ele estava aprendendo sobre ela—ela era muito engraçada, e
isso não foi nenhuma surpresa. A fêmea evitou a proximidade em todos
os momentos, fazendo-o pensar em pássaros pousando e decolando à
menor provocação.
No entanto, parecia que ela ainda estava voltando para a palma de
suas mãos.
Deus, era tão diferente. Inesperado Fascinante.
Com um assobio baixo, Novo entrou no quarto enorme, verificando
a cama, a TV do tamanho de cinema, seus sofás e o banheiro além.
— É muito aconchegante, certo?
Ela riu. — Se você está comparando este lugar com um lobby do
hotel, com certeza.
Ele caminhou até o guarda-roupa, as portas se abriram sozinhas
graças aos sensores de movimento. Lá dentro, ele se despiu e deixou as
roupas no cesto para a limpeza a seco.

387
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando ele voltou, ele estava nu. — Você tem roupas demais.
— E você já não tem esse problema.
Os olhos dela brilharam quando ela tirou as botas de combate,
desarmou-se, e tirou a regata apertada e aqueles couros arruinados. Então
ela estava diante dele nua em pele. Seu corpo era ... tão incrível. Magro,
musculoso... incrivelmente sexy.
— Foda-se, —ele se ouviu dizer. — Você é a mulher mais linda que
eu já vi.
— PSI, sou uma coisa certa esta noite. Você não precisa me elogiar
...
— Cale a boca. —Ele deu um passo à frente e pegou a mão dela. —
Até você sair desta casa ao anoitecer, deixe-me dizer o que eu quero e ser
quem eu sou com você, ok? Eu não estou pedindo para você fingir ser
uma daquelas fêmeas capacho em um vestido, com seus dedinhos no ar
sobre uma xícara de chá. Mas para as próximas horas, deixe-me em paz
com as correções, ok?
Ela desviou o olhar. Olhou para trás. — Justo.
Uma vez resolvido, ele a levou para a banheira e começou a enchê-
la de água. E nos espelhos, ele observou enquanto ela vagava e
investigava pias e toalhas, roupões de banho e janelas. Ela era tão
incrivelmente sexy, quase quase deixou a água transbordar pelo chão.
— Isso é uma piscina, —anunciou. — Não é uma banheira.
— Espere, —disse ele enquanto ela levantava uma perna para entrar.
— Seu cabelo.
Com um toque gracioso, ela se virou para ele. — O que há com isso?
Peyton avançou lentamente e pegou a ponta da longa corda onde ele
estava preso. — Solte.

388
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Antes que ela pudesse balançar a cabeça, ele sussurrou: — Por favor.
Eu só quero ver você com ele solto. Uma vez.
Quando um olhar assombrado apareceu em seus olhos, ele se
preparou para um não.
Em vez disso, ela tirou a coisa dos dedos dele. — Deixe-me fazer
isso.
De costas para ele, ela trouxe o comprimento ao redor e houve algum
estalo quando ela desfez o amarre ... então ela estava trabalhando na
trança, desencadeando acres de cabelo preto lindo.
Quando ela terminou, ela girou para ele e empurrou-a sobre seus
ombros para que ele só pudesse ver a parte dela onde o recuo da cintura
era. Com seus olhos baixos e corpo tenso, era como se ela estivesse se
preparando para ser golpeada.
Estendendo a mão, Peyton colocou seu cabelo de volta no lugar.
— Você me tira o fôlego, —ele disse suavemente enquanto olhava as
ondas caindo em cascata sob seus seios, quase até a fenda de seu sexo.
Agora ... e para sempre mais.

Era apenas a porra de um cabelo, por Deus, pensou Novo.


Mas a verdade era que ninguém a tinha visto com as coisas soltas
desde Oskar. E no final, a única maneira que ela poderia manter isso era
lembrando-se, uma e outra vez, que isso era só por hoje. Assim que o sol
chegasse na extremidade mais distante do horizonte, ela iria amarrá-lo
novamente e colocar tudo em seu lugar mais uma vez, preso, trançado e
amarrado, suas emoções impenetráveis mais uma vez.

389
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Peyton começou a falar com ela, ela ouviu o tom mais do
que as palavras, e sim, ele estava lhe dizendo coisas que seu coração
solitário e maltratado estava com fome de ouvir e acreditar, mas que seu
senso de autopreservação o silenciou.
No entanto, ela não podia ignorar a maneira como ele olhava para
ela.
Ou o fato de que ele se ajoelhou.
Suas mãos eram como uma brisa de verão viajando por suas coxas,
seus quadris ... seus seios. E seus lábios eram aveludados enquanto
roçavam a parte inferior de sua barriga. Quando ele enganchou um braço
sob sua perna e o moveu por cima do ombro dela, ela foi com ele,
permitindo-lhe o acesso que ele queria. A boca em seu sexo era tão boa,
muito boa, escorregadia na umidade, calor contra o calor.
Olhando além das pontas duras de seus seios, ela o viu trabalhando
nela, sua língua a lambendo livre enquanto ele a observava. Seus olhos
ardiam, transmitindo com sua expressão a adoração sexual em seu
sangue.
Ela veio uma vez. Duas vezes.
Então ela estava no tapete macio no chão e ele estava montando ela,
seu pau duro saindo de seus quadris enquanto se inclinava sobre ela.
Ela fechou os olhos para que não pudesse vê-lo, para que ela pudesse
fingir que era outro macho, qualquer outro macho. A distância e o
isolamento que ofereciam pareciam essenciais.
Só que seu corpo sabia que era ele.
E oh, Deus ...
... assim como sua alma.

390
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Trinta e Seis

Várias noites depois, quando Saxton se sentou ao lado de Ruhn no


caminhão, ele não tinha certeza se haviam passado horas, décadas ou
séculos desde que Minnie havia interrompido eles embaixo da pia ... de
fato, o tempo se tornou uma faixa de elástico que se estendia e liberava
entre extremos, momentos e eras parecendo ser a mesma coisa.
— Está aqui em cima, —disse ele. — A direita. Número dois-um-
zero-oh-cinco.
— Este?
— Sim ... esse aqui. O vitoriano.
Saxton estava muito consciente de uma agitação em seu estômago
enquanto se preparava para virar a cabeça e olhar para a sua antiga casa.
E na verdade, ele ficou absolutamente enjoado quando seus olhos se
deslocaram para rever o trabalho de pintura verde escuro, cinza e preto, e
as cúpulas, as varandas e as janelas fechadas e os painéis compridos. Na
paisagem coberta de neve do inverno, era como se fosse um cartão postal
de Natal da Nova Inglaterra, pitoresco, perfeito e bonito como qualquer
pintura.
— É lindo, —disse Ruhn enquanto estacionava o carro e desligava
as coisas. — Quem mora aqui?
— Eu mesmo. Quero dizer, eu costumava. —Ele abriu a porta. —
Venha comigo.

391
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Juntos, eles saíram e caminharam pelo caminho desviado para a


varanda da frente. Tirando uma chave de cobre, Saxton destrancou o
fecho e depois ele empurrou a grande porta larga, um rangido sutil se
desprendeu das dobradiças.
Ruhn teve o cuidado de bater a neve fora das solas de suas botas e
Saxton seguiu o exemplo, batendo seus Merrells antes de passar pelo
limiar. No interior, era mais quente do que o exterior, mas não era
agradável por qualquer meio. Ele tinha deixado os termostatos aos
sessenta e dois e dois graus no fim de semana do Dia da Descoberta da
América em outubro, quando ele veio para se certificar de que o forno
estava funcionando. Mas, além disso, ninguém havia entrado lá.
Ainda cheirava o mesmo. Uma casa antiga e doce. Mas não era mais
seu lar. Ele os fechou e olhou em volta.
Como algo fora de um filme de Vincent Price , todo o mobiliário,
que era de época, estava coberto de lençóis e ele foi aleatoriamente para
a sala da frente e ergueu o canto de uma peça de mobília king-size. Por
baixo, o sofá que era o clássico vitoriano, todo o mogno pesado e folheado
pesado, o tecido era uma cor de vinho profundo.
Ruhn entrou atrás dele. — Quanto tempo você morou aqui?
— Muito tempo, na verdade. Eu amei esta casa.
— Por que você parou de gostar?
Saxton deixou o lençol cair de volta no lugar. — Este é o lugar onde
... bem, Blay e eu vinhamos aqui algumas vezes.
— Ah.

Vincent Leonard Price Jr. foi um ator norte-americano. Nascido no Missouri, Price veio de uma família
rica, cercada por um ambiente cultural acima dos padrões e envolta em tradições antigas à moda europeia.

392
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Depois que terminamos, não suportava estar nesses quartos. —


Ele caminhou mais adiante, entrando na biblioteca. — Muitas
lembranças.
Atrás dele, Ruhn o seguiu, e quando ele se virou, a expressão do
macho era remota.
— É por isso que eu queria trazer você aqui está noite ... —Ao som
da batida da porta, Saxton se concentrou no ombro do macho. — Espere
aqui, eu já volto.
Saxton foi até o saguão e demorou um pouco para abrir a porta.
Então ele inspirou lenta e profundamente e fez o que tinha que fazer.
Do outro lado, uma fêmea vampira arrumada, com uma pasta e o
cabelo que parecia ter sido cortado na forma de um guarda-chuva aberto
sobre a cabeça, estava em pé na porta.
— Saxton, querido, eu estou tão feliz que você me ligou.
Beijo, beijo nas duas bochechas. Tapinha, tapinha em seu antebraço.
— Fiquei surpresa, mas muito satisfeita por ter notícias de você, —
disse ela quando entrou. — Estou feliz que ... oh, quem é esse?
Saxton fechou á porta. — Este é o meu ... esse é Ruhn.
— Bem. —Ela se aproximou e colocou a mão dela. — É um prazer,
Ruhn. Saxton tem um gosto impecável, e posso dizer que ele se
aproveitou disso mais uma vez. Eu sou Carmichael.
Ruhn piscou e entrou em pânico, como se um pássaro exótico que
não havia sido treinado tivesse entrado na casa e pousado em seu ombro.
— Você mencionou que você tem um comprador para este lugar? —
Saxton perguntou suavemente.
A distração funcionou perfeitamente. Carmichael foi reorientada
instantaneamente.

393
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu lhe disse há meses que eu tenho isso. Quando você comprou


essa cobertura sem mim. Tsk, tsk . Isso foi bastante rude de você, mas
você está perdoado se você me der essa venda.
— Você está vendendo? —Ruhn perguntou suavemente.
— Sim. —Saxton olhou nos olhos do macho. — Eu percebi que estou
pronto para deixar ir.
— Bem. — Carmichael quase começou a dançar. Estas são notícias
esplêndidas. Eu tenho um formulário de venda para você assinar aqui.
Com uma eficiência admirável, ela de alguma forma conseguiu
retirar uma folha e uma caneta da maleta sem ter que colocar a coisa no
chão: equilíbrando em um joelho, abriu as fechaduras, tirou o papel e uma
Bic.
— Aqui. Vamos fazer isso e eu vou trazê-los em uma hora.
Com um coração batendo, Saxton pegou o formulário de venda e a
caneta barata.
— Enquanto você assina isso, eu só preciso confirmar algumas
dimensões. —Para isso, ela colocou a maleta para baixo, tirou uma fita
métrica e seu iPhone, e se dirigiu para dentro. — Você é um advogado.
Você sabe onde colocar seu John Hancock.
Quando seus passos acelerados soaram na direção da cozinha,
Saxton olhou para Ruhn.
O macho estava de pé, suas mãos vagamente cruzadas, seus olhos
calmos, mas preocupados. — Você não parece que está com vontade de
fazer isso.

Expressão que é usada quando você está irritado, aborrecido ou acha algo / alguém irritante ou não muito engraçado.

John Hancock (Braintree, 23 de janeiro de 1737 – Boston, 8 de outubro de 1793) foi um mercador, estadista e político
norte-americano. Ele serviu como presidente do Segundo Congresso Continental e foi o primeiro e terceiro Governador de Massachusetts.
Ele é mais lembrado por sua grande e distinta assinatura na Declaração de Independência dos Estados Unidos, a ponto de o termo "John
Hancock" ter se tornando, nos EUA, um sinônimo de assinatura.

394
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

E foi quando aconteceu. Um sentimento de paz total veio sobre ele,


tão inesperado como uma benção que tinha sido orada por um
agnóstico . E foi com base no marrom pálido dos olhos de Ruhn.
— Eu amo você, —disse Saxton abruptamente.
Aquele lindo olhar se iluminou tanto que os brancos ao redor de suas
pupilas brilhavam como o luar.
Saxton acenou o papel. — Esta casa, este ... santuário? Eu estava
mantendo isso como um testemunho de algo que pensei que nunca mais
encontraria novamente. E percebi que eu não preciso mais manter isso.
Eu vou deixá-lo assim como eu deixei o Blay ir, e é tudo graças a você.
—Ele levantou a mão livre. — O que não quer dizer que você deve
retribuir. Eu trouxe você aqui porque eu simplesmente ...
Ruhn rapidamente silenciou as palavras dele: — Eu também te amo.
Saxton começou a sorrir.
E ele não parou. Mesmo enquanto ele usava as costas largas de Ruhn
para colocar sua assinatura na linha.
Para seguir em frente, você precisava deixar o passado—e às vezes
isso significava que as mudanças mentais aconteciam no interior ...
enquanto que com as outras, ocorriam no mundo físico.
Muitas vezes, os dois estavam inter-relacionados.
Com Ruhn agora em sua vida, ele estava infinitamente mais
interessado no futuro do que no passado.
É o que deveria ser, pensou ele quando colocou a tampa no Bic. A
vida, afinal, era muito mais do que nostalgia e arrependimentos.
Graças a Deus.

Agnosticismo é a visão filosófica de que a veracidade de certas reivindicações é desconhecida ou incognoscível. A palavra
"agnóstico" vem do grego: a-gnostos, ou seja, não-conhecimento, aquele que não conhece.

395
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Em pé no ginásio do centro de treinamento, Novo apontou para


Peyton. — Ele. Eu quero ele.
O irmão Rhage bateu as mãos juntas. — Justo. Então serão vocês
dois—depois Craeg e Boone juntos—e Paradise vai lutar com Payne. Vou
ficar com Axe. Vamos começar, pessoal.
Novo manteve o sorriso para si mesma enquanto assumia sua
postura de ataque, as pernas dobradas, as mãos erguidas e os ombros
tensos enquanto se preparava para atacar. Peyton, por outro lado, não se
incomodou em ser discreto. Ele estava sorrindo como um filho da puta
enquanto adotava a mesma postura.
— Na minha conta de três, —Rhage latiu. — Um ... dois ... três.
Quando o apito soou, Novo desceu para os tapetes, balançou as duas
pernas em um círculo amplo, e pegou Peyton direito na altura dos
tornozelos. O macho era como uma árvore na floresta, todo o peso
desabando em uma queda livre que o deixou saltando em seu rosto. Sem
tempo, sem oportunidade, depois daquele pouso forçado, ela não lhe deu
nem mesmo um segundo para recuperar seu juízo.
Ela pulou de costas, pegou-o pela garganta na dobra de seu braço, e
depois o enrolou, dividiu as pernas ao redor da bunda e imobilizou-o com
todas as suas forças. Peyton grunhiu e se esforçou, girando enquanto
tentava se virar para ela ou libertar-se de seu aperto de suas vias
respiratórias. Espremendo, apertando ... ela começou a suar, a
queimadura em seus braços, ombros e coxas fazendo sentir como se seus
ossos estivessem em chamas.

396
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Toda vez que ele se moveu de um jeito, ela jogou uma perna para
fora. E então, quando ele foi para o outro lado, ela mudou para o lado
oposto. Então ela agarrou seu próprio pulso e puxou, puxou ...
Peyton começou a desacelerar.
Mais devagar.
Desleixado.
E então ele estendeu o braço e bateu a palma da mão uma vez ...
Duas vezes ...
Na terceira batida, ela soltou tudo e caiu sobre suas próprias costas.
Ela estava respirando com tanta força que viu estrelas, seus pulmões
como um par de vulcões gêmeos em seu peito ...
Ela começou a rir. E ela deixou o som feminino ir porque, foda-se,
ela acabou de ganhar de um macho quase o dobro do seu tamanho.
Peyton virou-se e engasgou algumas vezes, com a cabeça pendurada,
os braços arqueados.
E então ele também estava de costas e rindo.
Enquanto se olhavam através dos tapetes azuis, eles riram ainda mais
alto. Não foi até que Novo se sentou que ela percebeu ... oh ... bem. Todos
na turma pararam o que estavam fazendo e ficaram olhando para eles.
Desde a noite da despedida de solteira, eles passaram os dias juntos
em sua casa—e sua parte subversiva adorava usar as escadas da equipe de
funcionários, evitando seu pai e os criados: ela gostava da idéia de foder
com Peyton sob o teto de um macho que nunca, nunca aprovaria ninguém
como ela.
E houve outro benefício, que talvez fosse esperado. Cortesia do chá
de panela/fiasco da despedida de solteira, ela foi expulsa do
casamento/festa, sua irmã revogou o título de dama de honra e seus
deveres. Que foi bom. Ela, no entanto, ainda estava na lista de
convidados.

397
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Acho que ela teria que ver quanto tempo isso duraria. E também se
ela decidisse ir em tudo.
Deitada ao lado de Peyton durante os dias, ela começou a se
perguntar por que ela tinha que participar de um evento como o
acasalamento de Sophy e Oskar. Claro, era família, blá, blá, blá. Mas ela
não foi tratada como família. Ela era um constrangimento para seus pais
por não ser feminina o suficiente e um saco de pancadas para que sua
irmã usasse para se sentir melhor sobre si mesma.
Quem precisava disso?
Na verdade, quanto mais ela pensava sobre isso, mais ela se
perguntava por que os parentes de sangue receberam tanta importância
na vida das pessoas A loteria genética, que ninguém se ofereceu para
jogar, cuspiu você onde quer que fosse, sem considerar a compatibilidade,
e, de qualquer forma, você deveria imbuir aquele acidente de procriação
com todos os tipos de peso emocional e significado—simplesmente
porque seus pais conseguiram ajudá-la a permanecer viva até que você
possa dar o fora da porra de sua casa.
Então, na verdade, não, ela não achava que ela estava indo.
E de repente, ela realmente não se importava com o fato de que todos
os recrutas e dois professores estivessem agora cientes de que ela e Peyton
estavam estudando anatomia juntos.
— Dê-me esses cinco . —ela disse a ele enquanto ela estendeu a
palma da mão. — Você vai ganhar na próxima vez.
Quando ela bateu a mão com o dele, ele encolheu os ombros. — E
mesmo que eu não faça, eu sempre aproveitarei a viagem.
A piscadela descarada era totalmente dele. E também a maneira
como ele se levantou e ajudou-a a levantar-se.

High-five – toca aqui com a palma aberta

398
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele sempre foi um cavalheiro. Mesmo em sua finesse mais obscena,


nunca abandonou sua educação aristocrática—e de alguma forma, na
realidade, isso não a incomodou mais.
Era apenas outro lado dele.
— Vamos encerrar á noite, —anunciou Rhage. — Vão para os
chuveiros. O ônibus está saindo em vinte. Amanhã, estaremos na sala de
musculação, para a primeira parte. Para o segundo, segmento em tiro ao
alvo e uma atualização sobre venenos.
Houve todos os tipos de conversa no caminho para os vestiários, os
machos saíam antes que ela e Paradise entrassem na instalação e fossem
para seus cubículos de chuveiro individuais. Remover as roupas suadas
pareceu libertador, e então ela se libertou de sua trança. Foi puro paraíso.
Água quente. YAY. Exceto …
— Ei, —ela disse sobre o barulho da água correndo, — pode me
emprestar seu shampoo? Estou fora e esqueci de trazer mais.
Quando ela se debruçou através de sua cortina, Paradise olhou ao
redor dela. — Eu pensei que você sempre odiou o meu cheiro.
Novo deu de ombros. — Não é tão ruim.
— Bem, claro. Tudo o que tenho é seu.
— Obrigado.
Com eficiência, o frasco de shampoo foi passado entre elas, e Novo
estava de volta sob o pulverizador e se ensaboado.
— Você precisa disso de volta? —Perguntou ela.
— Não. Estou passando o condicionador, você quer? Passarei por
debaixo da cortina.
— Você é a melhor.
— Então ... —Houve uma pausa ao lado. — Parece que você e
Peyton estão se dando bem.

399
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Enquanto Novo se arqueava no jato e começava o processo de dez


minutos para deixar os cabelos limpos de espuma, seu estômago se
apertou.
— Eu o vi sorrindo para você lá atrás, —Paradise disse sobre os jatos
de água.
Ela estava com ciúmes? Novo se perguntou. Deus não vamos ficar
estranhas aqui.
— Ele é um cara muito legal, —ela murmurou.
Na parte móvel da cortina, o condicionador deslizou para a vista, e
Novo o pegou mesmo que ela não estivesse completamente pronta. Ela
ainda estava enxaguando quando a outra fêmea desligou a água, e
quando Novo surgiu em sua toalha, Paradise estava vestida e nos espelhos
ao lado da pia, usando um secador de cabelo rosa.
Dirigindo-se ao redor dos armários, Novo se secou e vestiu um novo
conjunto de couros e uma camisa regata. Ela estava apenas começando a
pentear o cabelo, preparando-se para trançar quando Paradise colocou a
cabeça na esquina.
— Ok, eu estou morrendo aqui.
Novo levantou as sobrancelhas. — Mesmo? Porque sua coloração
parece bem e você não parece estar em dificuldades respiratórias.
— O que está acontecendo com vocês dois?
— Por que você não pergunta a ele?
— Eu poderia fazer isso. Eu poderia.
Quando a outra fêmea ficou parada ali, parecendo uma página da
Vogue com sua beleza loira aristocrática e sua elegante, cara, tipo eu-sou-
rica-como-a-roupa-dele, Novo começou a trançar seus cabelos. E enquanto
ela estava fazendo isso, ela estudou a outra fêmea. Não havia raiva ou
possessividade. Apenas uma curiosidade aberta, ligeiramente surpresa.

400
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Novo não disse nada até que chegou a hora de prender o elástico nas
extremidades. — Você realmente é apenas amiga dele, não é.
Paradise assentiu. — Somente e sempre apenas amigos. —A fêmea
sorriu. — Ele é um bom macho, no entanto. E eu amo o jeito que ele olha
para você. É o que eu sempre esperei que ele encontrasse.
— Não estamos juntos nem nada. Quero dizer. Você sabe. Não é
como em um relacionamento ou qualquer coisa.
Merda, ela parecia na defensiva. Então, novamente, ela nunca
poderia ter imaginado ter esse tipo de conversa—por um monte de razões.
Paradise sorriu. — Às vezes as relações se aproximam de você
furtivamente. Sentimentos e emoções podem ser como ninjas, todos
furtivos e ...
— Mortal. Eles são mortais.
Paradise franziu a testa. — Não, eu ia dizer que eles vêm do nada.
— Bem ... olha, eu não tenho muito a dizer sobre isso.
— Sinto muito. —As sobrancelhas perfeitamente arqueadas de
Paradise se inclinaram nos cantos em preocupação. — Eu não deveria ter
mencionado isso. Não é da minha conta.
— Não, está tudo bem. Nós estamos bem.
Como a fêmea parecia estar sinceramente aliviada, Novo teve uma
vontade totalmente inesperada de abraçá-la—mas ela rapidamente bateu
forte e a afastou.
Ela estava derretendo ou algo assim? Que diabos?
— Eu vou te ver no ônibus, —disse Paradise enquanto carregava sua
bolsa no ombro. —E eu não direi nada a ninguém, nem mesmo a Craeg.
— Tudo bem. —E, curiosamente, essa era a verdade. — Eu não
tenho nada a esconder, porque não há nada emocional acontecendo.

401
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Depois que Paradise saiu do vestiário, ela demorou um momento


para ficar surpresa. Normalmente, uma conversa como essa teria
sacudido ela. Não mais. Ou … pelo menos não esta noite.
Estranho.
Reunindo suas coisas e colocando-as em sua própria mochila, ela
checou o telefone apenas por hábito ...
Toda essa calma e despreocupação, essa merda de Bobby McFerrin
saiu pela janela quando viu quem lhe enviara uma mensagem de texto.
Abrindo a mensagem, ela teve que ler duas vezes. Em seguida, ela
colocou guardou o telefone e saiu para o corredor.
Ela estava a meio caminho da área de estacionamento quando uma
voz em seu ouvido falou: — Podemos ter uma revanche, só que pelados?
Novo deu um pulo e se virou para Peyton. — Oh! Sim, desculpe,
absolutamente, para onde você está indo?
— Casa. E eu estava esperando ver você.
— Sim Eu tenho que começar a lavar roupas e outras coisas. Eu vou
te ver em uma hora?
— Hey. —Ele colocou a mão no braço dela. — Você está bem?
— Totalmente. —Ela encolheu os ombros por baixo de seu toque. —
Meu ombro está doendo e minha casa está uma bagunça. Só preciso
arrumar as coisas em casa e depois te encontrarei.
— Roger é isso. —Seus olhos se tornaram remotos. — E escute, se
você precisar de algum tempo livre, eu entendo totalmente.

Bobby McFerrin, é um cantor estadunidense com forte influência de jazz. Gravou vários clássicos do jazz e
da música erudita, além de outros géneros. Fez grande sucesso sua canção "Don't Worry, Be Happy", de 1988, ano em que venceu um
Grammy.
Roger – significa: sua mensagem foi recebida e compreendida (usada na comunicação via rádio (Walkie-talkie).

402
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não. Eu estou bem. —Quando ela balançou a cabeça, ela foi


atingida por um impulso surpreendente para lhe dar um beijo rápido.
Como se ele sentisse isso, ele sorriu devagar e de um lado. — Não
tenha pressa. Eu sempre vou esperar por você.
Juntos, eles caminharam pelo corredor e entraram no ônibus,
sentados do outro lado do corredor, de frente um para o outro, as pernas
esticadas e os tênis se tocando. Quando o ônibus começou a se mover,
Boone começou a ouvir o antigo U2 e ela conseguiu acompanhar o álbum
Joshua Tree pelo ritmo dos assovios de seus fones de ouvido. Craeg e
Paradise estavam nos fundos, nos braços um do outro, despreocupados,
apenas relaxando. E Axe começou a roncar.
Quando chegaram ao local de desembarque designado, todos
desembarcaram e Peyton levantou a mão para ela antes de desaparecer.
Novo vagueou enquanto todos se desmaterializavam. Então ela se
espalhou no ar da noite ... em uma direção longe de onde ela morava.
Quando ela se re-formou, estava na frente de um bar irlandês
chamado Paddy's em uma parte da cidade que ela havia evitado por mais
de dois anos.
Ela respirou fundo enquanto se dirigia ao pub. Estava quase vazio,
mas havia um vampiro sentado nos fundos, em uma cabine.
Ele levantou-se assim que ela entrou. E depois de um momento, ela
caminhou em direção a ele.
— Olá, Oskar, —ela disse quando parou na frente dele. — Isso é uma
surpresa.

The Joshua Tree é o quinto álbum de estúdio da banda de rock irlandesa U2. Foi produzido por
Daniel Lanois e Brian Eno, e foi lançado em 9 de março de 1987 pela Island Records.

403
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Trinta e Sete

Depois de Novo falar, houve um momento estranho, e ela fez bom uso
disso, sentando-se e arrumando sua mochila—para que não houvesse
chance de um abraço ou qualquer coisa.
Oskar limpou a garganta e depois voltou a se sentar na cabine. —
Você gostaria de algo para beber?
Talvez uma cerveja, ela pensou. Normalmente, ela gostava de um
bom uísque, mas essa não era uma situação comum.
— Sim, cerveja. —Então ela continuou. — Light.
Ele levantou a mão e quando o barman se aproximou, ele disse: —
Duas Coors Light .
— Nós fechamos em meia hora.
— OK. Obrigado.
O homem humano resmungou e voltou imediatamente com um par
de longnecks. — Você quer pagar por eles?
Oskar assentiu e se moveu para poder tirar a carteira do bolso. —
Fique com o troco.

A Coors Light é uma cerveja de baixo teor alcoólico produzida pela Coors Brewing Company. Essa cerveja foi
produzida pela primeira vez em 1978. O seu teor alcoólico é de 4.2%. A cerveja tem uma marca d'água em sua garrafa, na cor branca.

404
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— OK. Obrigado, mas ainda estamos fechando em trinta.


O cara ainda estava resmungando enquanto voltava a lavar os copos
do outro lado do balcão.
— Estou feliz que você veio, —disse Oskar suavemente.
Enquanto ela pegava o rótulo de sua garrafa, ela podia sentir seus
olhos procurando em seu rosto, seu cabelo, seu corpo.
— Você parece diferente, —ele murmurou. — Mais dura. Mais forte.
— É o treinamento.
— Não é tudo físico ...
— Olha, Oskar, eu não sei o que você está esperando para sair disso,
mas eu não estou interessada em repetir o passado, ok? Eu passei por isso
e está feito. Você seguiu em frente com Sophy e eu também.
— Eu só queria ver você.
— Logo antes de se acasalar—desculpe, se casar—com minha irmã.
Mesmo? Vamos. Que tipo de jogo você está jogando aqui?
— Eu sabia que você estava grávida.
As palavras eram silenciosas, mas a atingiram como uma bomba,
parando seu coração e sua respiração. — Você sabia?
— Sim. —Ele assentiu e olhou para sua própria garrafa. — Quero
dizer … eu me perguntei. Você estava ficando doente a primeira hora da
noite o tempo todo. Ou pelo menos é o que Sophy disse. Ela pensou que
fosse gripe. Ela não queria pegá-lo.
Claro que ela não queria.
E agora Novo estava estudando ele. Ele estava mais magro. Havia
bolsas sob seus olhos. Aquela barba era como uma cerca aparada de
jardim no rosto e os óculos? As lentes neles eram sem receita médica. Eles
eram apenas mais um adereço na roupa.

405
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando você olhava apenas para o superficial, ela pensou, os


padrões eram facilmente encontrados—e alterados.
— O que aconteceu com o bebê? —Ele perguntou asperamente. —
Quero dizer, onde você foi para fazer o aborto?
Quando seu estômago revirou, Novo empurrou a cerveja para o lado.
— O que faz você pensar que eu fiz um aborto?
— Eu vi você, tipo, dez meses depois. Você não estava mais grávida.
Oh, ceeeeeerto. Ela se lembrou daquela pequena e feliz reunião. Ela
tinha ido jantar com os pais, tendo sido convidada pela sua mahmen.
Tinha sido depois que ela se mudou e ela estava se sentindo culpada por
não ter voltado. Então, sim, claro, mãe, eu vou sorrir e aguentar uma refeição.
E naturalmente, tinha sido tudo sobre Sophy trazendo seu novo
namorado para casa para "conhecer" a família. Evidentemente, a irmã
dela escolhera aquela refeição para dizer a todos ‘que houve um pequeno
switcheroo no cenário de namoro’—e ela até havia sustentado que era
importante que Novo estivesse lá para que todos pudessem se sentir bem
com a maneira como as coisas tinham acontecido. Acabou.
Novo foi para casa e não pôde comer por três noites.
Sophy, por outro lado, se deliciava com o brilho do eu-ganhei-o-jogo
por semanas depois.
— Quero dizer, foi sua decisão, —disse ele. — Eu não teria parado
você. Nós não estávamos prontos para ter um bebê naquele momento.
— Sim, porque você estava fodendo minha irmã. Detalhes, detalhes.
Ele estremeceu com isso. — Eu sinto muito. —Ele esfregou o rosto.
— Eu só ... eu não sabia o que fazer.

Quando você faz sexo em um quarto escuro e outra pessoa ocupa o lugar sem que o casal perceba.
(Gíria) súbita mudança de atitude, súbita mudança de posição ou ação

406
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Estava na ponta da língua para sugerir que, mais uma vez,


provavelmente não transar com a irmã era um bom lugar para começar.
Mas então ela olhou para o rosto dele novamente. Os primeiros amores
eram, por definição, paixão com rodinhas. Às vezes você teve sorte e o
futuro foi longo e cheio de autodescoberta em ambos os lados que apenas
o aproximaram. Mas, na maioria das vezes, você tinha muito a aprender
sobre si mesmo.
Ele tinha sido o primeiro dela. Em todos os níveis que contaram.
Mas comparado a um certo aristocrata loiro? Quem era um
espertinho e deu zero foda-se a quase tudo?
Não houve comparação, na verdade.
E pensando nisso, o fato de Sophy ter entrado em cena e
interrompido a devolução natural das coisas realmente foi uma nem-aqui-
nem-lá. A verdadeira tragédia não foi sobre perder Oskar. Tinha sido mais
sobre o bebê e a traição por sua própria linhagem.
— Eu estou bem, —ela desabafou. — Está tudo bem.
O que era uma verdade chocante.
— Estou feliz, —respondeu ele.
— Eu não disse essas palavras para você. —Ela tocou seu próprio
coração. — Eu os disse para mim. Eu estou bem.
Pelo menos sobre perdê-lo. O bebê? Bem, essa era uma história
diferente—e nenhum de seus malditos negócios. Se o macho soubesse que
ela estava grávida e fosse embora de qualquer maneira? Ele não merecia
seus segredos.
A verdade, como a confiança, tinha que ser conquistada.
Oskar pigarreou e passou as unhas sobre a barba como se a coisa
estivesse coçando. Então ele tirou os óculos grossos de aro preto.
Colocando-os na mesa, ele esfregou os olhos como se doessem.

407
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando o silêncio se estendeu, Novo sacudiu a cabeça. — Você


decidiu que está cometendo um enorme erro ao acasalar com Sophy e não
sabe o que fazer.
Ele deixou as mãos caírem na mesa. — Ela está me deixando louco.
— Eu não posso ajudá-lo com isso. Desculpe.
— Ela é totalmente exigente. Quer dizer, eu nunca na verdade pedi
a ela para se acasalar comigo. Ela me levou a essa joalheria, e a próxima
coisa que sei é que ela estava experimentando anéis e eu comprando o
que ela queria. É esse diamante. Com uma auréola ou algo ao redor. Seja
o que for. —Oskar voltou a esfregar a barba, como se estivesse tentando
apagar a vida esfregando o que Sophy, sem dúvida, o fez crescer. — Ela
nos conseguiu este apartamento. Eu não posso pagar isso. Ela diz que não
pode trabalhar por causa da cerimônia—casamento, quero dizer. Há
porcaria em todos os lugares—lembranças de festas, porta-guardanapos,
peças centrais. Ela começa uma coisa, pára, grita comigo, tenta fazer as
amigas dela intervir. É um pesadelo, mas o que é pior ...
Novo levantou a mão. — Pare. Simplesmente ... pare.
Quando ele olhou para ela, ela deslizou para fora da cabine com sua
mochila. — Isso não é da minha conta. E realmente, não é legal você me
pedir para vir aqui só para que você possa reclamar da minha irmã.
Acasalar com ela ou não. Trabalhe no relacionamento ou não. Esta é sua
merda para lidar, não minha.
— Eu sei. Sinto muito. Eu só não sei mais o que fazer.
Naquele momento, sua fraqueza era tão óbvia, ela se perguntou
como diabos ela já o achou atraente. E ela sabia exatamente o que ia
acontecer. Ele ia caminhar em direção ao altar, ou o que quer que os
humanos chamassem, e ele ia acasalar com Sophy, e eles teriam um filho,
talvez dois. E depois disso, ele passaria toda a sua vida se perguntando
como tinha acontecido que ele acabara com uma shellan que não
suportava, crianças de quem não gostava e uma casa que ele não podia

408
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

pagar. Seria um mistério que nunca seria resolvido, mesmo quando ele
entrasse em seu túmulo em um caminho que ele próprio se colocara.
— Você sabe, Oskar, ninguém tem uma arma na sua cabeça.
— O que?
— Você está escolhendo isso. Você está pegando tudo isso—e isso
significa que, se não parece certo, você não precisa fazer isso. —Ela
balançou a cabeça para ele. — Mas isso é com você. Tudo isso ... está em
você.
— Não me odeie. Por favor.
— Você sabe ... eu não sei. Eu não te odeio de jeito nenhum ... Eu
sinto pena de você. —Ela deu-lhe um aceno de cabeça. — Adeus, Oskar.
E boa sorte. Eu realmente quero dizer isso.
Quando ela estava saindo do pub, o barman gritou: — Volte e nos
veja algum dia.
Por cima do ombro, ela disse: — Obrigado. Ele vai definitivamente
voltar. Estou falando sério é muito.

Peyton estava fora do chuveiro e colocando um roupão com

monograma quando o telefone tocou. Como ele respondeu, ele não se


incomodou em ver quem era porque estava paranóico que Novo pudesse
estar cancelando.
— Sim?
— Peyton?

409
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ao reconhecer a voz feminina, fechou os olhos por um momento.


Então ele se aproximou e sentou na beira da banheira. — Romina. Tudo
bem?
Houve uma pausa. — Escute, eu não sei se você está ciente disso, mas
nossos pais estão marcando um compromisso na Casa de Audiências. Para
ver o Rei.
Ele voltou a ficar de pé. — O que? Por quê?
— Eu acho que um pagamento tenha sido definido e as coisas estão ...
progredindo.
— Não. Absolutamente não. —Ao perceber que aquilo era um
insulto colossal, ele rapidamente disse: — Ouça, não é sobre você ...
— Claro que é. E eu não culpo você.
— Não, eu sou ... —Apaixonado por outra pessoa. — Estou vendo
alguém.
Parecia estranho e maravilhoso dizer isso. E também como se ele
estivesse tentando o destino. Ele tinha a sensação de que as coisas
estavam realmente descongelando com Novo nas últimas noites, mas ele
não era um idiota. Ela ainda estava por um fio de cabelo por confiança, e
vamos lá. Eles não estavam juntos há tanto tempo.
Eles não estavam tecnicamente juntos.
— Estou feliz por você, —disse Romina. — E nesse caso, nós realmente
temos que fazer algo para impedir isso.
— Eles não podem nos forçar a consentir.
— Se seu pai aceita o pagamento, o meu vai esperar que você siga adiante.
Ele franziu a testa. — Sinto muito—o que?

410
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Seu pai estabeleceu um preço e se o que eu entendi é verdade, meu pai


concordou em pagá-lo. Então, se o dinheiro muda de mãos, a ação é feita. É a
maneira antiga.
Então, ele estava sendo vendido? Como uma cabeça de gado?
Arrastando a mão pelo cabelo molhado, ele estava tão atordoado que
não conseguia pensar. — Porra, agora eu sei como as fêmeas se sentem,
—ele murmurou.
— Eu sinto muito. E eu tive a sensação de que você não sabia. Eu acho
que eles podem estar tentando fazer o rei assinar, mesmo sem uma cerimônia.
Nesse caso, não acredito que possamos ignorar nada. A palavra de Wrath,
filho de Wrath, é lei. Nós estaríamos acasalados então e lá.
— Filho da puta ...
Houve um farfalhar na conexão e então a voz de Romina caiu. — Eu
tenho que ir. Você tem que parar isso. Você trabalha para a Irmandade. De
alguma forma, você deve ser capaz de chegar ao Rei. Eu não quero isso para
você.
— Ou você mesma.
— Eu não estou preocupada comigo.
Quando o telefonema acabou, ele passou a conversa em sua cabeça—
e se perguntou se havia alguma coisa acontecendo que ele não soubesse.
Financeiramente para sua família, era isso. Exceto não. Havia muitos
funcionários por perto e seu pai não parecia preocupado. Não havia
dúvida de que o preço acordado era uma maneira de recuperar um
investimento fracassado no primeiro filho de sangue.
— Peyton?
Ao som da voz de Novo em seu quarto, ele se virou. Merda, ele
precisava cuidar disso. Imediatamente. E também tinha que dizer a sua
fêmea o que estava acontecendo.

411
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Aqui, —disse ele. — Escute, eu tenho que sair para um ...


Quando ela entrou pela porta do banheiro, ele percebeu
instantaneamente que algo estava realmente errado. Então foi quando ele
viu as lágrimas em seus olhos.
— Novo? O que está acontecendo?
Ele correu e colocou os braços em volta dela. Os soluços que saíram
dela eram tão violentos, o corpo dela tremia contra o dele e ele a puxou
mais para dentro do banheiro e fechou a porta para que ninguém a ouvisse
por causa de sua privacidade.
— Novo ... —Ele segurou a cabeça dela e acariciou suas costas. —
Novo, amor … O que aconteceu …?
Eventualmente, ela respirou fundo e afastou-se dele.
Enquanto andava de um lado para o outro, seus braços estavam
trancados em seu tronco e ela estava curvada como se em agonia.
Quando ela parou, ela olhou para ele com olhos tão cheios de dor
que ele mal conseguia olhar para eles.
— Eu perdi meu bebê ... —Enquanto ela falava, a emoção surgiu
novamente, os soluços sacudindo-a. — Era uma menininha. Segurei-a na
palma da minha mão ... depois a perdi ...

412
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Trinta e Oito

Novo pensara que ela era forte. Que ficar longe daquele pub, Oskar e
toda aquela última merda estava perfeitamente certo em sua cabeça. E a
essa altura, ela se desmaterializou sem problemas, se re-formando atrás
da garagem da mansão da família de Peyton, deslizando através da porta
da biblioteca usando o código que Peyton lhe dera.
Ela até riu um pouco enquanto se esquivava do mordomo, o que
Peyton odiava muito.
Mas em algum momento, pelo longo corredor para o quarto dele, ela
começou a desmoronar, alguns fios de seu tecido interior ficaram presos
sob seu calcanhar enquanto andava, até que ela estava nua quando ela
alcançou as portas abertas do seu banheiro.
E então ele olhou para ela e ela respirou o cheiro dele ... e a represa
quebrou completamente—de tal forma que ela tinha dito a verdade para
ele, tinha compartilhado seu segredo, tinha dito a ele aquilo que ela não
havia contado a mais ninguém.
Seu choque e horror, enquanto a observava a fez querer correr.
— Eu sinto muito, —ela gaguejou. — Eu não deveria ter vindo.
Em pânico, ela tentou correr, mas ele pulou e bloqueou-a com seu
corpo.
— Diga-me, —ele disse. — Diga-me o que aconteceu, oh, Deus...
Novo ... eu não sabia.

413
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ela balançou a cabeça para trás e para a frente por mais tempo, suas
lágrimas caindo por seu corpo, aterrissando em um semicírculo a seus
pés.
— Ninguém sabe. Ninguém sabia … —Ela fungou e estremeceu
quando as imagens retornaram—e querido Senhor, as memórias daquela
casa velha, úmida e fria. — Eu não contei a ninguém.
— Oskar, —disse Peyton em uma voz morta. — Foi Oskar.
Ela assentiu. — Ele me deixou logo depois de eu passar pela minha
necessidade. Eu pensei que tínhamos sido cuidadosos, mas obviamente
... foi cerca de três semanas depois, quando eu não sangrei e então eu
soube. Eu mantive isso em segredo. Eu saí da casa da minha família,
dizendo aos meus pais que era porque eu precisava de espaço—eles não
sabiam até mais tarde o que Sophy tinha feito. Que Oskar foi com ela.
— Aqui. Pegue isso.
Ela olhou para o que ele estava segurando, sem entender o que era—
oh, uma caixa de lenços de papel. Ela tirou alguns lenços e colocou o resto
debaixo do braço.
Seu nariz soou como uma sirene de nevoeiro quando ela soprou.
— Eu estava com oito meses quando as dores começaram. Cerca de
duas semanas depois, eu estava nesta casa que eu aluguei … comecei a
sangrar e … —Ela assoou o nariz novamente e pressionou o lenço de
papel nos olhos quando a dor voltou. — Eu perdi o bebê. Ela saiu de mim
... E ela era tão pequena, tão perfeita. Minha filha …
A imagem do bebê foi esculpida em seu cérebro, profunda como uma
ravina, para nunca perder seus contornos, não importa quantas vezes ela
se lembrasse disso ou quantos anos se passaram.
De repente, ela sentiu um calor ao redor dela, um corpo contra o
dela.
Peyton.

414
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Os soluços voltaram e ela se entregou a ele, agarrando o robe grosso


que ele vestia, pendurada enquanto as pernas dela saíam debaixo dela.
— Eu tenho você ... —Ele disse. — Eu tenho você.
— Eu nunca disse a ele. Ele tinha adivinhado que eu estava grávida
... mas eu nunca disse a ele o que aconteceu ... —Abruptamente, ela olhou
para cima. — Ele me ligou esta noite e me pediu para vir vê-lo. Ele queria
... Desabafar sobre Sophy. Ele achou que eu tivesse feito um aborto.
As sobrancelhas de Peyton se apertaram. — Espere um minuto …
Ele sabia? Que você estava grávida de seu filho? E ele foi com sua irmã?
— Quando ele estava falando está noite ... —Ela se afastou e depois
teve que andar de um lado para o outro. — Ele me perguntou onde eu fiz
o aborto. Eu não disse a ele que eu abordei espontaneamente. —Ela olhou
para sua barriga lisa. — Eu enterrei o bebê sozinha. Lá fora, no campo
atrás da casa. Enquanto eu ainda estava sangrando. Eu ... eu cobri o
túmulo com pedras e plantei um arbusto idiota porque não queria que ela
não tivesse uma lápide ou qualquer marca. —Ela balançou a cabeça. —
Ele não merece saber o que aconteceu. Essa é a minha vida, minha dor
pessoal. Ele não queria ela e ele não me queria. E eu não acho que ele
mereça ... ele não merece nenhum de nós.
Novo fechou os olhos. — Ela ainda está comigo, você vê. Ela morreu
antes de conhecer qualquer coisa do mundo, mas eu a mantenho aqui. —
Ela tocou seu coração. — Ela está aqui comigo. Sempre.
De repente, ela olhou para ele. — E você é o único que sabe.

Havia muitas maneiras diferentes de dizer "eu te amo".


Quando Peyton abraçou Novo e a atraiu contra ele mais uma vez,
ele refletiu que aquelas duas palavras eram certamente as mais comuns

415
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

para transmitir a emoção sagrada entre duas almas. Mas havia outras
maneiras. Gestos, presentes, a reconstrução de um celeiro depois de um
incêndio, a escavação de uma passagem, até mesmo algo tão simples
como transportar mantimentos do carro.
Novo estava lhe dizendo que o amava, compartilhando essa terrível
verdade, uma perda tão grande que ele não conseguia entender como ela
tinha conseguido sobreviver à tragédia ou por que ela havia seguido
depois: ao convidá-lo para testemunhar sua história, sua dor, abrindo-se
para ele dessa maneira, como ela não tinha feito com nenhum outro, ela
estava proclamando seu amor por ele.
— Eu estava sofrendo por tanto tempo, —disse ela quando se
acalmou um pouco. — Guardei isso por tanto tempo.
Imaginou-a em algum lugar sozinha, em uma emergência médica,
sem ninguém para segurar a mão dela ou aliviá-la de qualquer maneira.
E então ela enterrou o bebê ...
Ele apertou os olhos enquanto imaginava o que lhe custara.
— Venha comigo, —disse ele quando ele pegou a mão dela e levou-
a para o quarto. — Deite-se. Deixe eu te abraçar.
Ela se arrastou em seu edredon decorado com monogramas como se
doesse tudo. E quando ele se juntou a ela, ele colocou o braço ao redor
dela e correu para os cantos da caixa de lenços de papel, que ela agarrou
como uma criança faz com um brinquedo para o conforto. Quando ela
estremeceu, ele se aproximou dela.
— Qual era o nome dela? —Ele se ouviu dizer.
Novo empurrou contra ele quando ela olhou para cima. — Eu ... eu
não lhe dei um nome.
Ele acariciou o cabelo dela para trás de seu rosto vermelho e quente.
— Você deveria dar-lhe um nome. E você deve voltar e colocar uma
lápide adequada. Ela morou dentro de você. Ela existiu.

416
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu pensei que talvez ...


— O que você pensou? —Ele sussurrou enquanto afastava o cabelo
dela. — Conte-me.
— Eu me perguntei se eu deveria dar-lhe um nome. Mas eu não tinha
certeza ... eu sinto que não mereço. As mahmens dão nomes aos seus
bebês. Eu não consegui manter o meu ... eu a deixei, a matei—então eu
não sou a mahmen de ninguém para dar nomes.
— Pare, —ele resmungou. — Você não fez nada de errado. —Com
uma onda de hostilidade, ele acrescentou: — Isso é mais do que posso
dizer sobre os outros. E você deveria dar-lhe um nome. Você a mantém
em seu coração, você é uma mahmen—e essa alma inocente está no Fade,
cuidando de você. Sua filha é um anjo, e você deve nomeá-la, apenas para
que possa dizer o nome dela quando estiver falando com ela em sua
cabeça.
— Como você sabia? —Perguntou Novo bruscamente. — Que eu
falo com ela?
Ele traçou o rosto dela com os olhos e desejou poder conter toda sua
dor por ela, tirar o peso dos seus braços cansados e carregá-lo pelo resto
de suas vidas.
— Como você não pode fazer isso? Ela é sua filha.
Lágrimas frescas brotaram e ele tirou um lenço de papel da caixa e
secou-os um a um. Quando pararam, ela sussurrou: — Estou tão cansada
de toda essa situação.
Ele correu os dedos pela bochecha dela. — Durma. Eu vou cuidar de
você. Você não terá nenhum pesadelo esta noite.
— Você promete? —Ela disse.
— Eu prometo. —Ele fechou suas pálpebras. — Eu não vou deixar
você. E sem pesadelos. Apenas descanse.

417
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O corpo forte de Novo liberou sua tensão com um estremecimento.


E então ela se aconchegou contra ele.
— Se eu pudesse cantar, eu cantaria uma canção de ninar, —ele disse
suavemente. — Sobre um lugar onde não há dor nem perda. Sem
preocupações. Mas eu não posso cantar uma música.
— Eu acho que isso conta, —ela murmurou.
Não muito tempo depois, sua respiração ficou lenta e constante,
pequenas contrações de uma mão ou de um pé sinalizando que ela estava
profunda, profunda e profundamente em repouso.
Olhando para ela em seus braços, ele sabia que daria a vida por ela
sem arrependimento. Ele mataria dragões e moveria montanhas para ela.
Ele conquistaria mundos inteiros sob seu comando e morreria de fome
até ficar em pele e osso só para garantir que ela tivesse comida. Ela não
era seu sol ou lua, mas sua galáxia.
— Eu também te amo, —ele disse ao ouvido dela. — Para sempre e
depois.

Trinta e Nove

Novo acordou dez horas depois. Ela sabia disso pelo relógio na mesa
de cabeceira, que, naturalmente, não era um digital que você poderia

418
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

comprar da Amazon, mas uma coisa antiga da Cartier que parecia ser
feita de mármore e tinha as mãos com diamantes nelas.
Ela se afastou de Peyton enquanto dormia, mas eles estavam longe
de estar separados. Ele estava enfiado nas costas dela, ainda vestindo o
roupão, ambos estavam em cima do edredom, em vez dos lençóis
incrivelmente macios.
Cara, ela tinha que fazer xixi.
Ok, isso não era a coisa mais importante em sua mente,
comparativamente falando, mas em termos de urgência? E o fato de que
era uma caminhada fácil para o banheiro para fazê-lo?
#metas
Enquanto se movia cuidadosamente para fora dos braços de Peyton,
ele brevemente acordou de seu descanso e murmurou algo que soava
como: — onde você vai?
— Banheiro, —ela disse baixinho. — Você volte a dormir.
Ele assentiu contra o travesseiro e soltou um murmúrio de afirmação.
De pé sobre ele, ela queria alisar o cabelo loiro despenteado e apagar
os círculos negros sob os olhos fechados dele. Ela estava disposta a
apostar que ele tinha ficado acordado a maior parte do dia para cuidar
dela, e ela odiava a posição em que o colocara.
Mas eu também estava feliz. Eu estava ... aliviada, do jeito que você
estaria depois que você remove uma infecção. Doeu como o inferno para
tirá-lo, mas depois? Estava limpo como um sol radiante no que outrora
fora um dia sombrio ou um lugar úmido.
— Você é muito mais do que eu pensei que você fosse.
E isso era verdade não só porque ela o subestimara desde o começo.
Era porque ele tinha esse jeito de ficar com ela, de vê-la, de apoiá-la sem
sufocá-la.

419
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Foi um exemplo incrível de quem ele era para ela ... quando o macho
que ela havia concebido seu bebê não era o que tinha ido com a dor
daquela morte. Não, tinha sido Peyton.
Peyton era a única pessoa que ela queria. Em quem tinha confiado.
Que precisava.
Ela havia se apaixonado por ele.
E admitir que não estava realmente com medo, foi um choque.
— Vou dar-lhe um nome e vou voltar para lá, —ela disse suavemente.
— E talvez você venha comigo algum dia para que eu possa apresentá-
los.
Ao aceitá-lo em sua vida, ela queria que ele fosse com ela lá algum
dia. Não era apenas uma parte dela, mas tinha sido o termo definidor para
o que parecia ter sido o mais longo inferno.
Ele foi na ponta dos pés até o banheiro, trancou-se no banheiro,
ocupou-se de seus assuntos, depois lavou as mãos e enxugou-as. Quando
ela olhou para seu reflexo no espelho, ficou surpresa por parecer
exatamente a mesma. Alguém poderia pensar que sua transformação
interna poderia ter resultado em olhos de diferentes cores ou cabelos de
outro estilo.
Mas não, ainda era ela.
E esse foi o ponto, certo? Desde o aborto, havia esses dois lados dela:
o que havia acontecido, a dor, a perda e o pesar que a acompanhavam—e
depois todo o resto. Este último foi responsável por existir e navegar pelo
mundo em geral. O primeiro tinha sido essa entidade sombria que a
assombrava. E ela protegeu ambos com uma casca dura.
Porque ou ela mantinha todas as contradições juntas firmemente ou
ela não teria sido capaz de funcionar a partir da separação, e o
desmoronamento.

420
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Depois de contar a história para Peyton e chorar, as duas metades


pareciam estar se integrando um pouco. Ela não sabia como explicar isso.
Quem diabos sabia?
— Eu vou te ver na aula, —disse a Peyton quando voltou e colocava
suas botas.
Ele murmurou novamente em seu sono e, em seguida, levantou bem
o suficiente para se concentrar corretamente nela. — Aula? Vejo você na
aula?
— Sim. Na aula.
Quando ela se inclinou e o beijou, ela teve o desejo de dizer: "Eu te
amo". E o impulso foi tão forte que ela quase pronunciou as duas palavras
em voz alta.
No final, ela se contentou com, — eu não posso esperar.
— Eu também.
— Volte a dormir. Você tem pelo menos uma hora, talvez um pouco
mais, antes de ter que se levantar.
— Gostaria que você não tivesse que ir.
— Eu também, —ela repetiu.
Na porta, ela deu uma última olhada nele. Suas pálpebras voltaram
para baixo e ele soltou um longo e lento suspiro como se tudo estivesse
bem em seu mundo.
Ela sentia o mesmo.
No corredor, ela se dirigiu para as escadas, caminhando ao longo de
sua cabeça, confusa e estranhamente clara. Havia tantas coisas que ela
não esperava, dele e de si mesma ...
Foi quando ela chegou à escada que percebeu que havia cometido
um erro. Em sua distração, ela foi para a direita em vez de para a esquerda

421
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

e acabou não na frente da escada dos funcionários, mas sim na principal,


a grande escadaria.
— E quem, posso perguntar, é você.
Ela se virou. O homem que havia falado estava vestido com um terno
de três peças que era escuro como uma sombra. Ele tinha cabelos ralos da
mesma cor e traços autocráticos como os de Peyton, podiam ser
considerados atraentes, mas sua expressão era de total desdém.
— Bem? —Ele exigiu enquanto se aproximava dela — Uma resposta,
se você quiser.
Quando ele se aproximou mais, ela pensou ... não, o pai de Peyton
não era tão bonito quanto ele parecia ser à essa distância.
— Eu sou amiga do seu filho.
— Uma amiga. Do meu filho. Bem. Ele pagou por seus serviços, ou
você está procurando roubar os talheres?
— Desculpe-me?
— Você me ouviu.
— Eu não sou uma prostituta, —ela retrucou.
— Oh. Perdoe-me, —ele falou lentamente. — Então você acabou de
passar o dia com ele de graça? Isso deve significar que você está esperando
se tornar sua shellan—mas permita-me reduzir suas aspirações. Ele deve
estar acasalado com uma fêmea de linhagem apropriada esta semana,
então eu sinto muito, minha querida, mas não há futuro para você com
ele.
— Acasalado? —Ela sussurrou. — O que você ...
— Ele deu o seu consentimento e ele a conheceu. E para que você
não pense que haverá um papel para você do lado, devo desiludi-la dessa
noção. Vá dobrar suas mercadorias em outro lugar. Agora você pode ir.
Boa noite.

422
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ela cambaleou para trás, as palavras não se traduziam em qualquer


significado compreensível.
— Não por esse caminho, —o macho latiu. — Você não é material
para a porta principal. Você deve usar as escadas dos fundos ...
Novo se virou e desceu correndo a grande extensão acarpetada
vermelha e dourado, seus pés voando sobre os degraus enquanto o pai de
Peyton continuava a gritar atrás dela. Na porta da frente, ela se atrapalhou
com o mecanismo de bloqueio, libertando-se assim que um criado veio
correndo de algum outro lugar da casa.
Saindo correndo no frio, ela escorregou e caiu na neve. Levantou-se
continuou a correr pelo gramado, deixando uma trilha confusa na neve
imaculada.
Seu coração estava batendo e sua cabeça estava nadando.
Principalmente, ela estava ciente de estar sofrendo mais uma vez; a pausa
que ela tivera, a cabeça emergindo de um oceano proverbial e agitado por
uma lufada de ar, não durou muito tempo.
Ela não chorou, no entanto.
Foi o frio em seu rosto que provocou lágrimas de seus olhos. Apenas
o frio.

423
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quarenta

Saxton estava atrasado para o trabalho. Quando ele subiu as escadas


do porão da casa da fazenda, ele estava puxando o paletó ao mesmo
tempo em que tentava apertar os botões de sua camisa. As coisas não
correram bem, quaisquer eficiências perdidas em face de tentar fazer dois
trabalhos ao mesmo tempo.
— Eu tenho sua torrada! —Ruhn gritou ao lado da pia. — E eu
coloquei o seu café na sua caneca!
Saxton derrapou até parar. O macho estava espetacularmente nu, e
tudo o que Saxton conseguia pensar era como ele havia cavalgado
naquela ... região posterior ... para sua enorme alegria duas vezes durante
o dia. Não, três vezes, incluindo o que acabaram de fazer no banho juntos.
O qual foi o motivo do seu atraso.
— Como é que eu vou sair de casa com você assim?
Ruhn, sempre com uma honesta regra, não tinha tempo para flertar.
— Venha, você vai se atrasar! Eu não quero que seja minha culpa.
Saxton teria brincado sobre isso, mas seu amor era tão sério que tal
leveza era susceptível de ser de mau gosto, não importando a intenção.
— Prometa-me, quando eu voltar, que você estará vestido
exatamente assim?
— Saxton, coma.

424
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Como um prato foi empurrado para ele e sua caneca de viagem


acenou em seu rosto, ele apenas ficou lá, camisa meio abotoada, paletó
torto.
E p.s., que palavra maravilhosa ... "torto". Soava exatamente como
a desordem descrita.
— Saxton ...
— Prometa.
— Bem! Eu vou estar nu como você quer!
— Obrigado. —Ele se curvou um pouco e rapidamente corrigiu tudo
o que havia de errado consigo mesmo. — Eu estarei esperando por nosso
encontro com uma respiração contida.
— Eu estarei aqui. —Ruhn sorriu. — Estou trabalhando no porão
hoje.
— Você vai ter esse lugar como novo no momento em que sairmos.
— Esse é o plano.
Saxton fez uma pausa. — Eu te amo.
O beijo que Ruhn lhe deu foi como sua respiração, fácil e necessário.
— Eu também te amo, —disse o homem. — Agora vá—espere, o seu
casaco está ali na mesa!
— Eu não preciso disso. Eu tenho você para me manter aquecido.
Minutos depois, Saxton se desmaterializou ... e se re-formou na
entrada dos fundos da Casa de Audiência. Imediatamente, assim que ele
entrou na cozinha, ele sabia que estava fora de sincronia. O doggen já
havia retirado as bandejas com o dinamarquês e ligado a cafeteira do
tamanho de um restaurante, e havia vozes na frente, civis já haviam
chegado para seus compromissos.
— Merda, —ele disse enquanto passava pela porta de vaivém do
corredor do pessoal e pulou em seu escritório como uma piscina.

425
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

A caneca de café caiu na mesa do seu parceiro e foi só então que ele
percebeu que tinha levado o pedaço de torrada e o prato com ele. Ele
também colocou o prato na mesa e jogou a torrada na boca, pegou as
pastas, que—graças a Deus—ele deixou organizado antes de sair para ir
para casa ...
— Wrath vai se atrasar.
Saxton se virou. Blay estava de pé na porta e se vestia para o serviço
de guarda, suas roupas casuais, seu velo solto e zip-up, escondendo todos
os tipos de armas. Seus cabelos ruivos ainda estavam úmidos, como se ele
também tivesse acabado de chegar de casa, e o dinamarquês cereja201 levou
Saxton de volta às tardes de domingo, quando eles acabaram de acordar.
Mas foi extraordinário.
A aparência do homem, a lembrança de seu passado, não trouxe dor.
Nem mesmo nostalgia, na verdade. Era mais como parte da lista de
compras de eventos prosaicos que Saxton viveu, como quando ele
comprou um terno novo de seu alfaiate, ou a última vez que ele mesmo
teve um dinamarquês aqui na Casa da Audiência ... ou até mesmo o fato
de que sim, de fato, seu próprio cabelo também estava um pouco
molhado.
A ausência de complicações fez com que ele se sentisse em paz e
gostou.
Saxton pegou o pedaço de torrada da boca. — Eu estou tão feliz.
Estou atrasado também. Eu simplesmente não consegui sair de ... —Ele
parou lá. — De qualquer forma. Nós temos uma agenda completa. Qual
é a hora de sua chegada?
Blay deu de ombros e terminou sua última mordida. — Eu não tenho
certeza. Todo mundo que está aqui para vê-lo está sendo compreensivo.

Pão de centeio dinamarquês com cereja

426
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Eu acho que George vomitou seu café da manhã, então Wrath está
chamando um veterinário para se certificar de que o pobre rapaz não tem
nada grave.
— Oh, não. —Saxton deu um tapinha em torno de seu telefone. —
Eu deveria ligar para a casa—não, espere. Eu não quero interromper.
Nada pode acontecer com esse cachorro ...
— Nada pode acontecer com esse cachorro.
Ambos riram. E então Blay ficou sério.
— Escute, meus pais são muito gratos pelo que você e ... Ruhn ...
Fizeram pela Minnie. Eu acho que você cuidou desses desenvolvedores?
Minnie é uma mulher maravilhosa e essa situação realmente incomodou
a mahmen e papai. Você sabe como minha mahmen é. Ela estava
preocupada.
Saxton deu a volta e sentou-se. — Você tem os dois melhores pais
que eu já conheci.
— Eles te amam.
— E eu os amo.
Houve um momento de silêncio.
— A propósito, estou muito feliz por você e por Ruhn, —disse Blay
suavemente. — E eu espero que isso não soe estranho. Não é para ser, eu
juro.
— Eu, ah, eu não sabia que mais alguém estava ciente de nós. Não
que eu estivesse deliberadamente mantendo segredo ou algo assim.
— Minnie disse aos meus pais.
Saxton respirou fundo. E então ele pegou sua caneca de viagem,
deslizou a tampa e tomou um gole. O café era do jeito que ele gostava,
doce e não muito amargo.

427
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

De alguma forma, o fato de que Ruhn ter feito parecia colocar o


macho aqui nesta sala.
— Posso ser honesto? —Saxton disse.
— Sempre. Por favor.
Ele olhou para seu antigo amante. — Estou feliz por mim também.
Tem sido difícil.
Blay veio um pouco mais para dentro da sala. — Eu sei que tem sido.
Eu não sabia como ajudar, o que fazer. Eu odiava ver você sofrendo
assim. Isso estava me matando.
— Eu tentei não mostrar muito. Eu pensei que fiz um bom trabalho
nisso.
— Mas eu conheço você.
— Sim, você faz. —Saxton correu o dedo para cima e para baixo do
frasco de metal da caneca. — Eu não estava esperando por ele. Ruhn, isto
é. Em absoluto. Eu achava que eu jamais me sentiria assim novamente, e
isso muda tudo. Ele é—okay, tudo bem, isso soa piegas, mas ele é minha
outra metade. Aconteceu tão rápido que minha cabeça está girando e é
aterrorizante às vezes também—mas acima de tudo, me trouxe muita
alegria e felicidade.
— Leva apenas um instante, —murmurou Blay. — Quando é real, é
como ligar um interruptor de luz. Ele clica e, então há iluminação em
todo lugar.
— Sim. É isso. Saxton se viu sorrindo para o homem. — Estou em
paz. Eu estava pensando em ir, você sabe.
— Você estava? De Caldwell?
— Eu não tinha muito no meu futuro. Quero dizer, além de tudo
isso—ele apontou para o escritório—isso foi uma grande distração. Mas
quando começou a funcionar bem e foi menos exigente, comecei a
derivar. No entanto, a porta parece ter surgido mais uma vez.

428
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Ele é um bom macho. Eu não sabia que ele era gay?


— Ele também não.
Blay riu um pouco. — Você pode ser irresistível. Eu sei disso em
primeira mão.
— Sinto-me satisfeito por seu elogio, senhor. —Saxton colocou a
mão sobre o coração. — Completamente.
Os dois riram—mas depois um par de doggen passou apressado pelo
corredor, carregando em conjunto um Shop-Vac, cuja mangueira saltava
pelo chão.
— Oh, Deus, não, —murmurou Saxton quando ele se levantou e foi
para a porta do escritório. — É melhor esse banheiro não ter vazado
novamente. —Ele enfiou a cabeça para fora no corredor. — O que está
errado?
Os dois criados pararam e curvaram-se, e o da esquerda disse: — O
banheiro no andar de cima.
— Nós consertamos, —confirmou o outro. — Mas há água no chão.
— Eu vou ter isso substituído. Obrigado. Continue.
O par de doggen afastou-se corado e feliz enquanto Saxton se virou
novamente. Olhando nos olhos de Blay, ele sorriu.
— Tudo está bem.
— Tudo está bem, na verdade, —o macho disse ao estender a mão e
apertar o ombro de Saxton. — Muito bem ...
— Oh, com licença. Eu não queria interromper.
Saxton olhou para o lado. Um dos recrutas, Peyton, filho de
Peythone, estava em pé nos batentes abertos com uma expressão de
urgência, seu peso se deslocando para trás e para frente em suas botas de
combate, como se apenas a metade superior dele soubesse que ele
chegaria a uma parada.

429
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não há problema. —Saxton recuou. — Entre. Você precisa de


algo?
— Eu tenho um problema.
Blay bateu as palmas com o recruta e depois olhou para o outro lado.
— Eu vou deixar você saber assim que Wrath chegar aqui.
— E também sobre George.
— Absolutamente.
Saxton acenou e Blay também, e então ele levou um momento para
medir seu novo lugar na vida, seu novo endereço proverbial, que foi uma
melhoria sobre sua morada anterior.
Tudo realmente estava bem quando terminou bem.
Então ele voltou a se concentrar e voltou para o seu lugar. — Diga-
me o que está acontecendo e como posso ajudar?

Peyton tinha acordado sozinho, mas ele se lembrou de Novo dizendo


adeus para ele—e então ele teve que entrar em ação porque ele tinha
dormido através do alarme em seu telefone. Ele nem se incomodou em
fazer a barba. Ele apenas tomou banho, vestiu as roupas e abriu uma
janela, desmaterializando-se para a Casa de Audiência.
Mesmo que ele fosse se atrasar para a pickup, e provavelmente
perderia o ônibus para o centro de treinamento, ele tinha que cuidar disso
primeiro.
— Posso fechar esta porta? —Ele disse.
Saxton, o advogado do rei, assentiu. — Claro.

430
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Depois que eles foram fechados juntos, Peyton andava de um lado


para o outro na estreita área entre os armários de arquivo e as prateleiras
embutidas.
— Meu pai quer me acasalar com uma fêmea e nem ela nem eu
consentimos. Nós conversamos sobre as coisas. Eu estou apaixonado por
outra pessoa, e ela é ... —Ele não achava apropriado compartilhar a
história da Romina. — Ela deseja permanecer solteira. O problema é que
… nossos pais chegaram a algum tipo de acordo financeiro e estamos
preocupados que eles o executem e ficaremos presos.
— Então, seu pai está pagando um dote, então.
— Não, ele está sendo pago.
Saxton mostrou surpresa. — Mesmo. Okay.
— Meu pai tem tentado se livrar de mim há anos, —disse Peyton
secamente. — É como uma venda de garagem. Exceto que eu sei que meu
preço é consideravelmente maior do que cinco dólares.
— E só para ficar claro, você e a fêmea não consentem. Ela é firme
nisso também.
— Sim. Mas pelo que ela me disse ontem à noite, nossos pais
marcaram uma reunião com o Rei. Eles estão vindo para cá. Eu não sei
quando, exceto que deve ser em breve. Meu pai foi para a Carolina do
Sul, onde a outra família mora, várias vezes.
— Peythone é o nome do seu pai?
— Sim.
Saxton entrou em um laptop e, depois de alguma digitação, sentou-
se.
— Eles têm um compromisso.
— Quando?

431
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu não posso te dizer. —Quando Peyton começou a protestar,


Saxton levantou a mão. — Ética, tenho que ter cuidado para não violar
qualquer confidencialidade. Mas isso não significa que eu não possa te
ajudar.
— Podemos parar isso?
— Estou assumindo que a fêmea passou pela transição. —Quando
Peyton assentiu, Saxton disse: — Então vocês dois são legalmente
maiores de idade. Meu primeiro pensamento é que eles nem sequer são
terceirizados para tal contrato. Dois adultos que têm um encontro mental
podem ligar-se mutuamente a um acordo, mas tal acordo não pode onerar
ninguém que não tenha interesse ou consideração em seus termos.
Peyton esfregou os olhos. — Eu não estou seguindo?
— Seus pais podem concordar com o que quiserem entre os dois.
Mas esse acordo não pode ser usado para obrigar você ou a mulher a
ações que você não assumiria voluntariamente sozinho. A menos que
você ou a fêmea estejam aceitando parte desse pagamento?
— Não. Quero dizer, não que estejamos conscientes disso. Eu não vi
o contrato e ela também não—mas nossos pais não costumam procurar
nossos interesses, se você sabe o que quero dizer.
— A única parte espinhosa disso são as Leis Antigas e como elas se
relacionam com a consideração financeira às vezes paga em relação aos
acasalamentos. Preciso passar por isso. Mas não se preocupe. Eu vou
cuidar disso.
Peyton caiu. — Obrigado, oh, Deus, obrigado. E escute, do meu lado,
não é que a outra mulher seja uma pessoa ruim ou algo assim. É apenas

— Você ama outra pessoa. —O sorriso do advogado parecia antigo
e muito, muito sábio. — Eu entendo completamente. O coração quer o
que quer.

432
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Exatamente. E mais uma vez, obrigado, você é um verdadeiro


salva-vidas.
— Eu ainda não te salvei. Mas eu vou. Você pode confiar em mim.
— Eu já me sinto melhor sobre isso. Eu tenho que ir para a aula
agora.
— Esteja seguro, —Saxton ofereceu.
— Prometo.
Fora pela área de recepção, Peyton chamou o ônibus, e amaldiçoou
quando foi dito que ia ser mais uma hora. Mas o que ele poderia fazer ...
— Ei, —disse Blay, — você quer ir para a aula? Nós temos uma van
aqui e um dos nossos doggen pode levá-lo?
Duas vezes em uma noite, ele pensou. Cara, as coisas estavam indo
do jeito dele. Finalmente.
— Isso seria incrível, —disse ele ao lutador. — Simplesmente
incrível.
Porque a verdade era que, tanto quanto ele queria cumprir suas
obrigações de sala de aula, o que ele realmente queria era ver Novo
novamente. O mais cedo possível.
E nunca, nunca sair do seu lado.

433
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quarenta e Um

Quando Novo se sentou em seu futon e olhou para frente, não havia
nada particularmente em sua mente, e isso era uma bênção, ela supôs. O
que ela estava ciente, no entanto, era que o grande peso estava de volta e
mais pesado do que nunca, aquele naufrágio familiar no centro de seu
peito tornando-se difícil para respirar e difícil de se mover.
Acima, ela podia ouvir as pessoas andando por aí, os humanos se
acomodando durante a noite. Um olhar para o relógio lhe disse que era
pouco depois das dez da noite, e era impossível não pensar no tempo em
relação às aulas e no que, em circunstâncias normais, ela estaria
fazendo—se não tivesse ficado doente.
Eles estavam destinados a estar na sala de musculação no início da
noite. E então eles estavam indo para a aula, e eles deveriam receber suas
novas atribuições de campo.
Ela ia ter que fazer um pedido para não ser emparelhada com ...
Ela precisaria sair apenas com Paradise, Craeg, Axe ou Boone.
Levantando as pernas, ela colocou os braços ao redor dos joelhos e
descansou o queixo no pulso. Deus, como ela poderia ter sido tão
estúpida ...
Não, ela decidiu. Ela tinha acabado de se auto-culpar. Ela
absolutamente não ia bater-se sobre o fato de que algum macho acabou
por ser uma merda. E ‘além disso’ ela já passou por um tipo de reabilitação

434
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

cardíaca. Ela só precisava ver isso como outra variação do tema. Coração
estava quebrado. Costure isso. Fique forte novamente.
Tão simples.
Enquanto ela refletia sobre o imperativo por um tempo, ela estava
ciente de que estava tentando se convencer de uma verdade que ela não
tinha certeza se acreditava, mas o que fosse. Era sua única maneira de
realinhar tudo: amanhã, ao cair da noite, ela estava voltando para o
programa, e ela ia encarar o jogo. Não havia como ela desistir só porque
um romance que ela nunca deveria ter começado tinha explodido em seu
rosto.
Isso foi um movimento de menina. E ela era uma mulher, não uma
menina.
Ela era uma lutadora
A batida em sua porta fez com que ela levantasse a cabeça. Não era
o primeiro dia do mês, então não poderia ser o senhorio. E não era
Peyton, ela podia sentir isso.
— Sim, —ela gritou.
— É o Dr. Manello.
Com uma careta, ela se levantou e atravessou seu quarto. Abrindo a
porta, ela disse: — Ei, o que você está fazendo aqui?
— Chamada à domicílio. —O ser humano passou por ela. — Como
você está?
Por nenhuma boa razão, ela olhou para o corredor para ver se ele
havia trazido reforços. Não.
Fechando-os, ela colocou a trança por cima do ombro. — Eu não
entendo?
Enquanto seu cirurgião colocava a pequena maleta de médico preta
na mesa para dois, em que ela se sentou em uma cadeira, notou que a

435
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

metade inferior dele estava em pijamas cirúrgicos e a metade superior


estava em uma jaqueta. Ele tinha um boné de beisebol do Mets e, sim,
wow, tênis amarelo e azul de néon.
— Você falou que estava doente, —ele disse, — com uma queixa de
que estava enjoada. Então eu vim para verificar você.
Engolindo sua frustração, ela balançou a cabeça. — Ouça, por mais
que eu aprecie a preocupação, mas não é grande coisa. Eu simplesmente
não sinto ...
— Você teve uma lesão cardíaca significativa.
— Isso foi a muito tempo.
— Tente dias.
Jesus. Pareceu uma outra vida. — Mas eu estou bem.
— Bem, então, vamos acabar com isso rapidamente, certo? —Ele
puxou uma de suas cadeiras incompatíveis e girou ao redor. Quando ele
deu um tapinha no assento duro, ele disse: — se você está bem, isso não
levará mais que um momento.
Ela cruzou os braços sobre o peito. — Estou bem.
— Quando foi que você foi para a faculdade de medicina? —Ele
revirou os olhos. — E a propósito, você tem alguma idéia de quantas
vezes eu me encontro dizendo isso para as pessoas por aqui.
Enquanto o humano apenas olhava para ela, como se estivesse
preparado para ficar parado até que qualquer um deles caísse morto por
causas naturais, ela amaldiçoou e marchou.
— Isso é totalmente desnecessário, —ela murmurou enquanto se
sentava.
— Espero que sim. Qualquer vômito?
— Não.

436
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Febre, calafrios?
— Não.
— Dor abdominal ou dor que irradia de seus braços?
— Não.
— Sentindo-se fraca ou com sensação de desmaio?
— Não.
Bem, pelo menos não desde que o pai de Peyton tinha jogado o
martelo nela naquele corredor. Desde então? Moleza; fácil; baba.
Dando a volta para ficar na frente dela, o médico tirou um
estetoscópio da bolsa e colocou-o nos ouvidos. — Você vai ter que abaixar
os braços se eu vou ouvir seu coração.
Sem graça, ela descruzou as coisas e deixou seus braços caírem—ele
começou a fazer o pequeno disco viajar pela área do peito. Quando ele
fez vários sons de mmm-hmm, ela entendeu que ele tinha achando
exatamente o que ela pensava.
Que absolutamente nada estava errado. Fisicamente, pelo menos.
— Pressão arterial estável, —ele disse alegremente. — Seu coração
parece perfeito.
— Eu sei.
Sua cabeça apareceu na frente dela. — Você tem modos terríveis,
sabia?
— Esse é o seu problema?
— Touché.
Enquanto o médico a examinava, ela retomou o olhar para frente,
sua mente recuando mais uma vez para aquele lugar onde havia, pelo
menos ostensivamente, nada nele. Na realidade, ela suspeitava que seu
subconsciente estava tramando contra ela, planejando todos os tipos de

437
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

merda de gritos de despertar, agendando pesadelos como se estivesse na


cadeira de um dentista.
— Novo? Olá?
Ela estalou bruscamente. — Desculpa o que?
O Dr. Manello olhou para ela por um momento. Então ele afundou
em seus calcanhares. — Você quer me dizer o que realmente está
acontecendo aqui?
— Como eu disse, nada. Eu acabei de comer algo engraçado.
— O que foi isso?
— Eu não me lembro. —Quando a expressão dele mudou para um
território muito claro, ela se levantou e deu a volta. — Honestamente, eu
vou estar bem amanhã à noite.
— Você sabe, se você precisa falar com alguém.
— Definitivamente eu não preciso falar com ninguém.
— Ok. —Ele colocou as mãos para fora. — Eu me retiro.
O Dr. Manello recarregou sua pequena bolsa preta e depois voltou
para a porta dela. — Ligue para mim, no entanto, se você começar a ter
febre ou realmente vomitar?
— Isso não vai ser necessário. —Ela foi para acompanhá-lo até a
porta. — Obrigado por vir ...
— Estou preocupado com você. E não do ponto de vista médico.
Por algum motivo, ela pensou naquele paciente na clínica, aquele que
gritava o tempo todo. Pelo menos se ela perdesse a cabeça, ela pensou,
eles tinham alguma experiência em lidar com pessoas loucas.
Mas isso não aconteceria com ela. Isso só não aconteceria com ela.
— Eu não sou, —ela disse a si mesma. — Eu não estou preocupada
comigo em tudo.

438
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Se ela pudesse viver como antes? Superando a realidade de que


Peyton era exatamente quem ela pensava que ele era não seria um
problema. Ela já havia treinado para isso.

Onde diabos ela estava?


Quando Peyton entrou na sala de musculação do centro de
treinamento quarenta minutos depois, ele viu os vários corpos nas
máquinas e nas esteiras ... e veio com um sonoro nada de-Novo.
Com uma careta, ele foi até o irmão Qhuinn. — Ei, você viu Novo?
— Ela ficou doente. Disse que não estava se sentindo bem.
O primeiro instinto de Peyton foi pegar uma motocicleta e correr pela
cidade. O problema com isso? Ele não tinha motocicleta, e ele não sabia
o endereço dela—mas, espere, ele tinha se alimentado dela, certo.
— Ela disse o que estava errado?
— Não. Só que ela estava mal do estômago e ia ficar em casa. Ela
parecia enjoada, mas não as portas da morte.
— Poderia ser algo com o coração dela? Um problema de ...
— Eu disse a Manny, então ele foi lá e checou ela. Ele disse que era
intoxicação alimentar de comida vegetariana ou algo assim. Não é um
problema. — Os olhos azuis e verdes do Irmão se fixaram nele. — Você
pode pensar em qualquer outro problema que possa estar incomodando
ela?
— Quando ela me deixou ao cair da noite, eu ... —Ele se forçou a
fechar a boca. — Não, eu não posso.

439
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Talvez ela apreciasse uma mensagem de texto ou uma ligação de


um colega? Ou uma visita depois da aula?
— Sim. Isso é verdade—posso ser dispensado?
— Sim. Depois você tem que trabalhar.
— Sem problemas.
Peyton correu até o vestiário e foi até onde ele jogou a mochila no
chão, sem sequer se importar em colocá-la em um armário. Vasculhando
suas roupas e armas, ele encontrou seu telefone. Nada dela.
Sua primeira ligação foi parar no correio de voz. O segundo ... sim,
foi também.
Ele manteve o texto curto e doce: Você está bem? Posso te levar
alguma coisa?
Peyton esperou cinco minutos. E então ele teve que voltar para a
aula.
Uma hora e meia depois, no intervalo entre a sala de musculação e o
tiro ao alvo, ele checou seu telefone novamente. Nada. Então ele ligou.
Uma memsagem de texto mais uma vez.
E então ele fez a mesma coisa outros noventa minutos depois,
quando eles fizeram a transição para o trabalho em sala de aula. Nada.
Nem mesmo depois que ele ligou novamente. Mais mensagem de texto.
E se ela tivesse desmaiado ...
Ele estava a ponto de sair da porra aula e ligar para o ônibus quando
o telefone dele tocou. A mensagem de texto era dela: Ótima. Vejo todo
mundo amanhã.
Foi isso.
Seus dedos foram voando pela superfície do seu telefone, digitando
todos os tipos de coisa, vou levar sopa, compressas quentes, etc. etc. etc.
Nada voltou para ele.

440
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Você está bem? —Craeg perguntou na porta para o corredor. —


Tudo bem com a Novo?
Peyton limpou a garganta. — Ah, sim, tudo bem. Está ótima. Ela
estará aqui amanhã à noite.
Mesmo que os telefones não fossem permitidos fora do vestiário, ele
colocou o celular no bolso.
O que diabos estava acontecendo?
Sentado na sala de aula foi um exercício de tortura, mas ele ficou
aliviado que pelo menos ele e Novo estavam emparelhados com Blay e
Qhuinn na noite seguinte. Eles seriam o primeiro esquadrão a voltar para
o campo—como a Irmandade queria fazer um CTRL/ALT/DEL sobre
o incidente naquele beco e começar a nova ordem mundial com uma boa
nota.
Na velocidade em que as coisas estavam indo, seria a primeira
chance de ele vê-la.
Quando o fim da noite finalmente chegou, Peyton praticamente
atropelou as pessoas para entrar no ônibus—o que era estúpido. Não era
como se isso fosse tirá-lo da propriedade mais rápido. E Cristo, poderia o
mordomo dirigir mais devagar pela montanha?
Ele não acompanhava nenhuma das conversas que aconteciam ao
seu redor, e as pessoas pareciam reconhecer que ele estava em uma
situação extrema, então o deixaram em paz.
No momento em que o ônibus parou, ele já estava na porta, mas,
enquanto passava a noite, percebeu que não sabia para onde estava indo.
Fechando os olhos, ele enviou seus instintos para frente enquanto seus
colegas estagiários decolavam um por um.
Ele localizou o sinal do seu sangue para o oeste. E não muito longe.

Para reinicializar ou bloquear o PC, esta combinação é usada, em alguns teclados é CTRL + ALT + DEL (delete).

441
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Viajando em uma dispersão de moléculas, ele se re-formou em frente


a um prédio de quatro andares em algum ponto da cidade. Não era um
lixo, mas certamente não era um candidato para a Architectural Digest .
O porão ... ele podia sentir ela no porão. Mas como entrar?
Como se fosse uma sugestão, um humano abriu a porta externa do
seu vestíbulo, e Peyton deu os sete passos de três em três. — Ei! Você
pode deixar aberta ...
— Sem problemas. —O cara se inclinou para trás e manteve a porta
interna aberta. — Você esquece sua chave?
— Minha namorada.
— Já estive lá. Até mais tarde.
— Obrigado.
Peyton entrou e olhou em volta. Tinha que haver uma maneira de
chegar ao nível mais baixo—lá. No canto mais distante.
Ninguém mais estava por perto, e então ele poderia apenas
destrancá-lo—merda, por que ele não pensou sobre isso do lado de fora?
Bem, porque seu cérebro estava fodido, muito obrigado.
Indo adiante, ele tentou esse truque mental—mas não funcionou no
que provou ser uma trava de cobre. Então, claramente, havia vampiros
vivendo entre esses humanos.
Ele pensou em ligar para ela, mas as coisas eram tão estranhas, ele
tinha a sensação de que Novo não iria deixá-lo entrar. Talvez isso fosse
paranoia dele, no entanto. Quem diabos sabia ...
A porta se abriu e ele pulou para trás. Ao ver quem era, ele quase a
abraçou. — Novo! É você!

Architectural Digest - é a autoridade de design internacional, apresentando o trabalho dos principais arquitetos e
designers, bem como o melhor em estilo, cultura, viagens e compras.

442
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— O que você está fazendo aqui.


O tom de sua voz era tão sem vida quanto a aproximação de um
computador, e ela estava pálida como um fantasma, com os olhos mortos.
— Você está bem? —Ele perguntou, estendendo a mão.
Ela deu um passo atrás. — Estou bem. O que você está fazendo aqui.
— O que está errado? O que … eu não entendo o que está
acontecendo?
— Eu não estava me sentindo bem. Estou melhor agora. Voltarei às
aulas amanhã. Eu te disse.
O cabelo dela estava trançado e por cima do ombro, o jeans e o
moletom eram nada incomuns, os pés em sapatos Adidas com meias
grossas—como se ela estivesse em uma noite aconchegante em casa. Seus
olhos, no entanto. Eles eram tão foscos quanto as velhas pedras do rio.
— Onde você está? —Ele desabafou. — O que ...
Suas mãos subiram. — Ok, eu terminei. Eu quero que você saia. Eu
não convidei você aqui, e me ressinto do fato de que você usou minha
alimentação de você como uma maneira de me caçar.
— Caçar você? Com licença?
— Você ouviu bem. Eu não quero que você venha aqui novamente.
Peyton rangeu os dentes algumas vezes. — Ok, vamos voltar aqui.
Até onde eu sabia, quando você saía da minha cama ao anoitecer, tudo
estava bem entre nós. E agora você está agindo como se eu fosse algum
tipo de perseguidor. Eu acho que você me deve uma explicação ...
Sua risada foi dura. — Oh, eu te devo, huh. Ceeeeeeeerto. Porque
tudo tem que ser sobre você.
— Do que você está falando? —Ele podia sentir sua voz ficando alta,
mas ele não conseguia parar. — O que há de errado com você?

443
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Eu? Nada está errado comigo. E nada está errado com você
também. Você está se acasalando em breve com uma boa fêmea de uma
boa família, então tudo está certo em seu mundo. Parabéns—ei, talvez
vocês dois, minha irmã e Oskar possam ter um encontro duplo como
recém-casados. —Ela aplaudiu. — Yay! Hora da selfie!
Antes que ele pudesse abrir a boca, ela se inclinou para frente. — E
não finja que você está surpreso. Você sabia exatamente o que estava
fazendo o tempo todo que você e eu estávamos transando. Você sabia que
estava se acasalando com outra pessoa, mas continuou jogando como se
... —Ela se forçou a parar. — Enfim, me faça um favor e não me convide
para a cerimônia, ok? Tenho certeza que seria desconfortável para a
futura shellan, e considerando que o seu tipo é perfeitamente feliz por ser
cruel, nós não queremos ser vulgares. Sim, porque isso é errado.
Um par de humanos, um homem e uma mulher, desceu as escadas
do lado esquerda, e o fato de estarem rindo e de mãos dadas foi um
verdadeiro chute nas bolas.
Peyton se afastou para deixá-los passar e esperou até atravessarem o
corredor inteiro para falar.
— Não é o que você pensa.
Novo riu novamente. — Mesmo? Quantas maneiras você acredita
que esse cenário está aberto a interpretações—ou você acha que, por ser
apenas um civil de merda, eu ficaria grata a ser sua peça rara e quente
para o resto da minha vida.
Peyton deu outro passo para trás. E então um terceiro. — Então você
tomou a sua decisão. Você decidiu tudo, huh.
— A matemática não é tão difícil. E eu sou uma mulher muito
inteligente.
— PSI, você não me deixou dizer uma palavra sobre nada disso.

444
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Por que eu deveria. Sua versão não vai importar para mim em
tudo. É só ar, sem substância. Assim como você.
Peyton sentiu que algo passava direto pelo meio do peito. E no
rescaldo, ele olhou para o chão. Vagamente, ele notou que o carpete
estava úmido, o resultado de pessoas vindo do frio com neve em suas
botas e sapatos.
Ele pensou em como ela o deixara segurá-la durante a noite.
Ele estava tão convencido de que finalmente estava em seu coração.
Mas ele deveria ter conhecido melhor.
Talvez em outro momento de sua vida eles pudessem ter uma chance
melhor. Um relacionamento com ela, porém, seria como correr uma
maratona em um pé quebrado. Havia arranjos que poderiam ser feitas,
conversas para gerar confiança novamente, garantias e reexames para ter
certeza de que ela estava confortável, mas com o tempo, a principal
fraqueza seria que ela nunca realmente confiaria nele e isso iria quebrar o
esforço geral.
— Eu não posso consertar você, —ele murmurou.
— O que foi isso? —Ela retrucou. — O que diabos você disse para
mim?
Ele voltou os olhos para ela. — Sinto muito que você tenha se
machucado. Eu realmente ...
— Isso não é sobre Oskar! Não se atreva a tentar desviar ...
— Na verdade, é sim. Talvez você descubra isso em algum momento,
talvez você não. Mas de qualquer forma, isso não é da minha conta,
porque me recuso a continuar pagando pelos pecados de outro. Boa sorte
para você. Espero que você encontre paz em algum lugar, de alguma
forma.

445
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ele se virou e foi para as portas duplas—e quando ele veio até eles,
ele pegou um flash de seu reflexo no vidro. Ela estava olhando para ele,
queixo para cima, olhos brilhantes, braços cruzados sobre o peito.
Sobre seu coração.
Se essa não era uma metáfora perfeita de quem ela era como pessoa,
ele não sabia o que era.
Ao sair, ele desceu os sete degraus cobertos de neve, um a um, e
olhou para a esquerda. Então certo.
Ele escolheu uma direção aleatoriamente e caminhou, colocando as
mãos nos bolsos de sua calça de lã. Ele não se deu ao trabalho de colocar
uma parka, e ele deixou sua mochila no vestiário do centro de
treinamento por engano. O frio não o incomodou.
Por alguma razão, enquanto caminhava, ele pensou em um animal
ferido que mordia a mão daquele que estava tentando salvar sua vida.
É tudo parte de uma tragédia, não é?

Quarenta e Dois

— Não, foda-se com essa merda. Esse par de idiotas pode foder com
o pé direito.

446
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Quando Wrath fez sua proclamação, ele estava sentado na cadeira à


esquerda na Casa de Audiência, em frente a uma lareira ardendo. George
estava enrolado em seu colo, a mão do rei acariciando a cabeça quadrada
e loira, o cão se sentindo bem melhor depois que ele aparentemente tentou
ingerir a penugem amarela de uma bola de tênis.
As coisas estavam a caminho. Não que Saxton tivesse pedido uma
contabilidade detalhada do que significava “coisas” ou “trabalho” ou
“por meio”.
Pode-se adivinhar, no entanto.
— Você tem uma maneira de colocar as coisas, meu Senhor, —disse
ele com um sorriso quando ele olhou para o antigo livro que ele tinha
aberto com cuidado e consultou com muita deliberação. — E neste caso,
eu concordo totalmente. Peyton e Romina têm todo o direito de
determinar o curso de suas vidas e, revisando a linguagem desta passagem
antiquada, podemos assegurar que os dotes não consentidos não são um
problema daqui para frente para ambos os sexos.
— Você quer cancelar esse compromisso? —Wrath levantou a
cabeça, aqueles círculos negros fazendo parecer que ele estava preparado
para atirar no par de pais. — Porque se eles vierem aqui, eles podem não
apreciar minha delicada disposição. Vendendo a porra de seu próprio
filho. Você está brincando comigo.
— Sim, meu senhor. —Saxton fez uma anotação em sua agenda. —
Eu acho que seria melhor se eu explicasse a eles por telefone que não
haveria nenhum caminho legal para eles atingirem seus objetivos. Caso
contrário, teremos de ligar para o Stainmaster , certo?
Wrath riu baixinho. — Somos um bom par, você e eu.
— Estou muito feliz com o seu elogio e concordo de todo coração.
Saxton fez uma reverência. — Vou elaborar uma revisão das Leis Antigas

Empresa de tapetes e carpetes

447
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

e vou inseri-las no meu banco de dados online para que seja válida a partir
desta noite. Tudo ficará bem.
— Essa é a última coisa em nossa agenda, certo?
— Sim, meu senhor. —Ele olhou para o cachorro. — Embora,
George, não coma mais as bolas de tênis, ok?
— Sim, não estamos mais fazendo isso, certo, grande homem?
Quando o golden soltou um gemido, Saxton reuniu seus papéis,
levantou-se da mesa e disse adeus. Na saída, ele acenou para Blay, que
estava em guarda ao lado da porta.
— Eu acho que ambos estão mais do que prontos para ir para casa,
—ele sussurrou. — Wrath está esgotado de se preocupar com seu segundo
filho.
— E acho que estamos todos com medo de que algo aconteça a ...
— ... Esse cachorro.
— ... Esse cachorro.
Eles assentiram e então Blay entrou na Sala da Audiência para
providenciar transporte e Saxton voltou para seu escritório. A tentação de
ir para casa imediatamente foi quase esmagadora, mas no final, ele teve
que seguir seu procedimento. Foi uma boa hora antes que ele pudesse sair
e, quando finalmente terminou, quase atropelou dois doggen a caminho
da porta dos fundos.
Desmaterializando-se na varanda da frente da fazenda, ele fez uma
pausa para soltar os cadarços em seu Merrells, e ele estava assobiando
quando ele entrou no ...
O cheiro de sangue era espesso no ar.

golden retriever

448
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Ruhn? —Ele deixou cair a maleta e a caneca de viagem no chão.


— Ruhn!
Como pânico absoluto inundou todas as terminações nervosas que
ele tinha, ele correu para a sala de estar. Móveis foram derrubados, uma
lâmpada foi quebrada ... tapetes estavam fora do lugar, amassados em um
canto.
— Ruhn! —Ele gritou.
Nenhu som. Nenhum gemido. Nenhum murmurio.
Mas o sangue não era humano.
Virando-se, ele correu para a cozinha e ...
A poça de sangue terminou perto da mesa e Saxton quase tropeçou
em sua pressa para chegar lá ...
— Oh, Deus, não …!
Ruhn estava esparramado no chão de barriga para baixo, com sangue
... em todo lugar ...
— Ruhn! Meu amor!
Saxton caiu de joelhos ao lado do corpo, seu estômago revirou ao
ponto de vomitar, mas ele se recusou a ceder ao impulso quando estendeu
a mão para tocar o ombro e as costas.
— Ruhn …? Meu amor. Deus, por favor, que não esteja morto ...
Com os braços fracos e as mãos tremendo, ele cuidadosamente rolou
o macho sobre suas costas. O que ele viu foi um pesadelo: a garganta de
Ruhn estava cortada, os olhos fixos e sem piscar. Ele não parecia estar
respirando.
Saxton gritou para a casa vazia. E então ele gritou com mais dor
quando percebeu no que Ruhn estava deitado.

449
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

O macho moribundo tinha puxado casaco de cashmere de Saxton da


parte de trás da cadeira que tinha estado ... e tinha se segurado a ele
enquanto sangrava ate a morte como se estivesse se consolando no amor
que tinham compartilhado.
— Por favor, não esteja morto ... acorde ... acorde ...

Quarenta e Três

De alguma forma, Saxton conseguiu pegar o celular e ligar ... alguém.


Ele não sabia quem era. Mas, de repente, ele não estava sozinho. Ele
estava cercado de pessoas ... e alguém o estava afrouxando para que outra
pessoa pudesse olhar para Ruhn—Blay. Os braços de Blay estavam em
volta do peito dele.
Ambos estavam ajoelhados no sangue de Ruhn.
— Eu não posso ouvir nada, —Saxton desabafou. — Alguém está
dizendo alguma coisa?
— Shh, —veio a voz suave de Blay. — Está tudo bem. Eles estão
apenas olhando para ele ...
— Eu não posso ... o que há de errado com meus ouvidos. —Ele
bateu-se no lado da cabeça um par de vezes. — Eu não posso ... eles não
estão funcionando ...

450
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Blay capturou sua mão e o acalmou. — Precisamos descobrir se há


...
— Ele está morto?
Nesse ponto, as comportas ameaçaram abrir, mas ele não teve tempo
para a cegueira que veio com lágrimas ou qualquer falta de audição. Ele
simplesmente soluçou sem chorar e tentou se concentrar em sua tristeza
miserável.
Quando ele teve que se virar para o lado para tentar vomitar, Blay
segurou a cabeça enquanto ele secava, e ele podia reconhecer vagamente
a voz do macho falando com ele novamente. Mas Deus, ele não
conseguia pensar.
E então Qhuinn estava agachado para ele. Os lábios do irmão
estavam se movendo e seu olhar incompatível era sério, preocupado,
compassivo.
— Eu não posso ... —Saxton bateu em sua orelha novamente. — Eu
não posso ouvir o que você está dizendo ...
Qhuinn assentiu e apertou o ombro de Saxton. Então o macho olhou
para Manny e Doc Jane, que estavam debruçados sobre Ruhn.
Escolhida—uma Escolhida estava aqui, percebeu Saxton.
Espere, eles não a teriam trazido se ele estivesse morto? Certo?
— Alguém fale comigo! —Saxton gritou.
Todo mundo congelou e olhou para ele. E então Rhage estava
bloqueando o caminho e apontando para outra sala.
— Não. —Saxton balançou a cabeça. — Não, eu não vou, não me
leve para longe dele—eu não vou ...
O rosto de Rhage ficou bem na frente dele. — Ele tem pulso. Eles
vão alimentá-lo e eles vão fechar o ferimento de faca. Vou levá-lo para a
sala de estar e vamos deixá-los fazer o seu trabalho ...

451
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

— Não! Não, não me faça deixá-lo ...


— Você quer que eles se distraiam com você ou trabalham em Ruhn.
Saxton piscou. Colocado assim, a lógica foi o suficiente para acalmá-
lo por enquanto.
Quando ele tentou se levantar, suas pernas cederam e ele se pegou,
estendendo a mão para fora. Blay e Qhuinn acabaram colocando-o de pé
e levando-o para a sala de estar. E quando ele caiu no sofá, ele olhou para
as palmas das mãos. Os joelhos dele. A camisa dele.
Havia sangue nele.
Ele olhou para a porta. E ouviu-se dizer: — Há uma câmera.
Montado no canto do beiral.
O irmão Vishous se adiantou de Deus só sabia onde. — Você sabe
onde ele armazena?
Saxton limpou a garganta e falou em voz rouca. — Lá embaixo há
um laptop. A senha é Minnie. Está lá.
— Eu estou trabalhando nisso.
Quando o Irmão saiu da sala, como se estivesse em uma missão
pessoal, Saxton abaixou a cabeça ... e chorou.
Como eles poderiam ter tirado seu amor tão cedo?

Do outro lado da cidade, Novo passeava no apartamento dela. O que


não dizia muito: foram necessários cerca de quatro passos para cobrir a
distância até o banheiro. Quatro passos de volta ao futon.
Enxague e repita, por assim dizer.

452
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Havia uma intensa inquietação nela, como se o universo estivesse se


despedaçando em algum lugar em Caldwell, algum tipo de realinhamento
cósmico acontecendo que ressoou em seu mundo. Então, novamente,
talvez ela estivesse simplesmente alucinando por não ter comido em
quase vinte e quatro horas.
Ela estava muito melhor antes que Peyton aparecesse.
Não eram notícias realmente novas.
Tinha sido um choque sentir o eco de seu sangue acima de seu porão
imundo, mas considerando todas as coisas, ela não podia realmente se
surpreender que ele tivesse vindo. E ela ficara tentada a ignorar a presença
dele, exceto que, mais cedo ou mais tarde, ele teria descoberto um
caminho até o nível dela—e, na verdade, quem precisava esperar que o
outro sapato caísse.
Segurando o touro pelos chifres, ela foi até lá e deu a ele suas razões.
Assim foi feito. E ele era o idiota e ela foi a vítima que se recusou a
ser uma vítima.
Yada, yada, yada.
O problema era que algo não estava certo. Eu me recuso a continuar
pagando pelos pecados de outro.
— Apenas palavras, apenas malditas palavras, —ela murmurou
enquanto fazia outra viagem.
Uma rápida checagem do relógio digital com seus travesseiros e ela
acrescentou quantas horas antes do amanhecer: duas. Ela tinha cerca de
cento e vinte minutos antes de ficar presa aqui o dia todo.
Havia apenas um lugar que ela poderia pensar em ir. E infelizmente,
foi o último lugar no mundo que ela queria estar.

Yada yada yada é uma expressão que significa uma conversa vazia, apenas repetindo coisas já entendidas. Funciona de forma
semelhante ao "blá, blá, blá".

453
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

No entanto, isso não a manteria dentro.


Como um pássaro em busca de liberdade, ela se apressou em ir
embora, como se tivesse medo de que a mão do destino fechasse a porta
de sua liberdade de escolha e a bloqueasse para sempre.
Na rua, ela caminhou rapidamente, seguindo os passos de
incontáveis seres humanos, e alguns vampiros, que tinha pisado sobre a
neve acumulada na calçada. Ela foi muito mais longe do que precisou
para encontrar um lugar para se desmaterializar, mas queria ter a
oportunidade de mudar de ideia o máximo que pudesse.
O chamado não seria negado, no entanto.
Eventualmente, ela se escondeu em uma porta que não tinha luz
acima dela ...e depois de mais algumas tentativas, ela viajou para fora e
para longe do centro da cidade, passando pelo anel muito externo dos
subúrbios, para uma floresta de árvores e pântanos.
Quando ela se materializou, ela se viu em uma paisagem familiar
desconhecida.
A casa que ele alugou uma vez estava agora abandonada, as janelas
quebradas, um buraco no telhado, o quintal um emaranhado de videiras,
arbustos e plantas fora de controle que em breve seriam árvores. Na
verdade, toda a propriedade parecia ter sido devolvida à natureza, com
seis ou sete acres cobertos de vegetação, de modo que as outras casas da
área não pudessem ser vistas.
A cobertura de neve, imperturbável com exceção de algumas
impressões de cervos, parecia ser a coroa de glória na morte da casa. Ou
mais como a sujeira em sua tampa do caixão.
Ela deve ter sido a última pessoa a habitar o lugar.
Talvez sua tragédia tenha amaldiçoado a terra e a casa pequena.
Ou … talvez seu dono simplesmente tenha perdido a hipoteca e o
banco tenha recuperado a propriedade e não tenha sido capaz de transferi-

454
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

la para outra pessoa … e então uma temporada passou e um inverno


chegou e canos quebraram … e depois de mais mesmo, aí você tinha isso.
O equivalente imobiliário de câncer com metástase.
Ele andou para a frente, sem pressa para chegar aos fundos ... mas,
como em todas as viagens, grandes e pequenas, o fim veio quando ele fez.
E então ela estava olhando para os pântanos que pareciam durar para
sempre. Na realidade, havia vários quilômetros deles e, ao longe, havia
colinas que se tornaram as montanhas que, em última análise, cobriam o
Lago Schroon do outro lado.
Mesmo com tudo tão desleixado, ela sabia exatamente o local onde
havia enterrado o bebê. Estava ali. Sob aquele pequeno arbusto que ela
havia plantado, que agora era muito maior e a pilha de pedras que ela
havia feito que permaneceu na mesma altura.
Ainda havia um pequeno monte sob o manto de neve.
A cada passo que dava, o peso em seu coração aumentava ... até que
ela não conseguia mais respirar. E então ela estava agachada e estava
colocando a mão nua na neve.
Virando a palma da mão, ela se lembrou das bolhas.
Tinha sido tão frio como era agora a noite em que aconteceu. Mas
ela estava determinada a cavar. Ela usara uma faca de cozinha para
esfaquear a terra dura e congelada e depois arrancara a terra solta com as
mãos nuas. Um metro para baixo, e então ela não poderia ir mais longe
porque suas mãos estavam muito rasgadas.

Schroon ( / s k r u n / SKROON ) é uma cidade no Parque Adirondack, no Condado de Essex, New York,
Estados Unidos. A maior comunidade da cidade é a aldeia de Schroon Lake, localizada no extremo norte do lago de mesmo nome. A cidade
de Schroon é na parte sul do condado de Essex e fica ao norte de Albany. A cidade contém dois lagos: os dois terços do norte de Schroon
Lake, com 14 quilômetros de extensão, e o Paradox Lake, com 8 km de extensão. Os dois lagos estão ligados pelo rio Schroon, um afluente
que corre ao sul do rio Hudson.

455
Blood Fury
Black Dagger Legacy – Livro 3

Ela tinha ido de volta para a casa, então.


O bebê que ela embrulhou em um pano de prato—um limpo que não
tinha buracos.
De volta ao túmulo, ela se inclinou e colocou o pacote minúsculo na
terra. Suas lágrimas foram a primeira coisa que encheu o que ela havia
cavado. E então aquela sujeira, caindo em pedaços que ela teve que
apertar, seu sangue se misturando com o solo argiloso.
Preocupada com a possibilidade de os predadores encontrarem o
local, ela voltou para a casa. Pedras postas de lado para algum tipo de
projeto de terraço que não se concretizaram foram empilhadas perto da
porta dos fundos. Um por um, ela